YAMAHA
PSR - D1
DJX
Manual do Proprietário
Precauções
Favor ler atentamente antes de prosseguir
Mantenha este manual em lugar seguro para futuras referencias .
Aviso
Siga sempre as precauções básicas listadas abaixo para evitar acidentes
sérios e até a morte causada por choques elétricos, curto circuitos, fogo
ou outras conseqüências, como demonstradas a seguir:
• Não abra o instrumento nem tente modificar componentes internos. Este
instrumentos não contém peças que podem ser reparadas por pessoas não
autorizadas, se perceber algum tipo de mal funcionamento, procure o serviço
técnico YAMAHA.
• Não exponha o instrumento à chuva ou umidade ou em lugares que contém
líquidos que podem ser derramados em seu interior.
• Se o fio do adaptador estiver danificado, ou o som do instrumento for
subitamente interrompido, ou qualquer sinal de fumaça ou cheiro de queimado
aparecer, desligue imediatamente da tomada e leve o instrumento a uma rede
de serviços autorizada YAMAHA .
• Utilize o adaptador correto, (PA5B, PA5C ou equivalente recomendados pela
YAMAHA). Usando outros adaptadores podem causar danos ao instrumento
ou super aquecimento.
• Antes de limpar o instrumento, remova-o da tomada, e nunca ligue os plugues
com as mãos molhadas.
• Verifique periodicamente os plugues e limpe-os removendo a sujeira e poeira
acumuladas.
Cuidados
Siga sempre as precauções básicas listadas abaixo para evitar possíveis
danos ao equipamento ou ferimentos. Estas precauções incluem, mas não
estão limitadas, como a seguir:
Não abra o instrumento nem tente desarmar ou modificar nenhuma forma dos
componentes internos.
O instrumento possui componentes que não podem ser reparados pelo usuário. No caso
de anormalidades no funcionamento, deixe de usá-lo e chame um técnico do serviço
Yamaha.
Não exponha o instrumento a lugares sujeitos a altas temperaturas ou a umidade.
Não coloque recipientes com líquido em cima para que não derrube e penetre dentro do
instrumento.
Se o fio de corrente quebrar ou se danificar, ou o som do instrumento parar de repente,
desligue o instrumento e leve-o até a assistência técnica Yamaha.
Utilize a corrente elétrica correta para seu instrumento .
Antes de limpá-lo desencaixe-o da força elétrica.
Não coloque objetos pesados sobre o teclado
Não exponha as pilhas usados no fogo
Sempre reponha as baterias ao mesmo tempo, não mistura pilhas novas com usadas.
Não exponha o instrumento a excessivas vibrações ou poeira
Não utilize o teclado muito próximo a outros equipamentos como rádios, televisões ou
caixas acústicas, pois podem causar interferências em seu funcionamento.
Sempre desligue o instrumento quando o mesmo não estiver em uso
Assegure-se de jogar fora as pilhas usadas em local permitido pela legislação
Salvando os dados do usuário - Salve todos os dados em um equipamento externo como
um MDF-3, para prevenir perdas de dados importantes, mal funcionamento ou utilização
errada.
A YAMAHA não se responsabiliza por danos decorrentes de uso indevido ou
modificações do produto, bem como dados perdidos ou destruídos
Desligue sempre a alimentação quando o instrumento não estiver em uso
Assegure-se sempre de jogar as pilhas usadas de acordo com a regulamentação local
As ilustrações do LCD neste manual tem propósitos ilustrativos para aprendizado, e
podem diferir ligeiramente do instrumento real
Congratulações por ter adquirido o YAMAHA DJX
Você agora é proprietário de um teclado eletrônico portátil que combina funções
avançadas, grande sonoridade e excepcionalmente fácil de usar em um pacote
compacto. Suas características o tornam um instrumento extremamente versátil.
Leia atentamente este manual para tocar seu novo DJX e obter todas as
vantagens de suas variadas características.
Conteúdo
Painel de controle e
terminal .................................................................................6
• Painel frontal..........................................................................................................6
• Painel traseiro .......................................................................................................7
Iniciando ................................................................................................................
...8
• Capacidade ..........................................................................................................8
• De volta ao início ...................................................................................................8
• Acessórios ............................................................................................................9
Guia
Rápido ............................................................................................................10
Passo 1 - O DJX - Conhecendo o equipamento .......................................................10
Passo 2 - Usando o teclado .....................................................................................12
Passo 3 - Som DEMO / Voz / Estilo ..........................................................................14
Passo 4 - digital sampling .........................................................................................16
Passo 5 - Função parameters ...................................................................................18
Passo 6 - Cancelando variações de controles para o botão ASSIGN , RIBBON
controller e footswitch .............................................................................................20
Indicadores de display do
painel .......................................................................22
Tocando as vozes - O modo
VOICE ...................................................................24
Tocando uma voz Voz principal ...................................................................25
• Sobre o painel de vozes e vozes GM .....................................................26
• Tabela do kit de vozes de baterias (vozes 141 - 155) ..........................26
Função de parâmetros - Voz principal .....................................................................27
Transposição e melodia .......................................................................................28
Transposição ...............................................................................................28
Melodia .......................................................................................................29
Tocando duas vozes - Voz Dual ..........................................................................29
Função parâmetros - Voz Dual ...................................................................30
Tocando duas vozes - Voz Split...........................................................................31
Função parâmetros - Voz Split....................................................................32
Adicionando funções das vozes - Início da voz, sensibilidade ao toque, e
PITCH BEND .....................................................................................................33
Efeitos ...................................................................................................................
..34
Reverb ........................................................................................................................34
Chorus ........................................................................................................................35
DSP ..............................................................................................................................36
Arpeggiator .................................................................................................................37
Função parâmetros - Efeitos ....................................................................................37
• Tipos de Efeitos................................................................................................38
Som Playback - som
modelo ..............................................................................40
Seleção e início de som ............................................................................................40
Começo do tempo ......................................................................................................41
Sobre o display de compasso....................................................................................42
Ajustando o volume ....................................................................................................43
Padrões - O Modo de Estilo.................................................................................
44
Selecionando os estilos e os padrões.......................................................................44
Controle de padrões ...................................................................................................47
Seções de padrão (Modo a, modo B e outros)..........................................................48
Chamando o BPM (tempo) .........................................................................................48
Ajustando o volume padrão .......................................................................................49
Tocando...................................................................................................................... 50
Som reverso ............................................................................................................... 52
ON / OFF ..................................................................................................................... 52
Fixando o padrão no ponto SPLIT ............................................................................ 54
Função parameter - Padrão do ponto SPLIT........................................................55
Performance .........................................................................................................
.56
Performance setup - Uso ...........................................................................................56
Gravando a performance do usuário
.................................................................56
Chamando a performance do usuário ..................................................................57
Selecionando Bank do usuário..................................................................................57
Performance Setup - programa .................................................................................58
Selecionando o setup do programa de performance ................................................58
Os
KNOBS...... ........................................................................................................59
Usando os botões...... ................................................................................................59
Sobre CUTOFF e RESSONÂNCIA ..........................................................................62
Sobre GROOVE ......................................................................................................62
Transferindo Knobs...... ..............................................................................................63
Transferindo parâmetros de Knobs..........................................................................64
Controle
RIBBON ..................................................................................................66
Usando o controle Ribbon ........................................................................................66
Controle de parâmetros Ribbon..............................................................................67
Como os controles de Ribbon trabalham...............................................................68
Sampling
Digital ....................................................................................................69
Sobre o Sampling digital ..........................................................................................69
Gravando.... ..............................................................................................................70
Guias para sampling................................................... ...........................................71
Nível de Trigger Level .............................................................................................71
Capacidade de memória de Sampling ....................................................................73
Apagando uma faixa .............................................................................................74
Editando faixas .......................................................................................................75
Começando pelo ponto final ..................................................................................75
Criando loops ........................................................................................................78
Gravando
sons ......................................................................................................80
Gravando canção do usuário - tempo real de gravação......................................81
Operações adicionais ...........................................................................................84
Gravando canção do usuário - gravação passo a passo .....................................85
Gravando notas ...................................................................................................86
Operações adicionais ...........................................................................................88
Substituindo uma nota ou repouso ......................................................................89
Inserindo a velocidade da curva ...........................................................................90
Gráfico de Velocidade de curva.............................................................................90
Limpando o som .....................................................................................................91
Funções
MIDI .........................................................................................................92
O que é MIDI ? .......................................................................................................92
Canal de mensagens ...........................................................................................93
Sistema de mensagens ........................................................................................93
Conectando a um computador PC .......................................................................94
Terminais MIDI ....................................................................................................94
Função parameters - MIDI .....................................................................................95
Usando BULK DUMP SEND/SAMPLING SEND TO SAVE DATA .........................97
Salvando BULK DATA/SAMPLING DATA ...........................................................97
Armazenando BULK DATA/SAMPLING DATA ...................................................99
Usando SETUP inicial e seqüência ....................................................................100
Iniciando Setup data ............................................................................................100
Solução de Problemas........................................................................................102
DATA BACKUP & INICIALIZAÇÃO .......................................................................103
INDEX ...................................................................................................................104
ESPECIFICAÇÕES ...............................................................................................105
LISTA DE VOZES .................................................................................................106
LISTA DO KIT DE BATERIA .................................................................................110
LISTA DE ESTILOS ..............................................................................................113
TABELA DE IMPLEMENTAÇÃO MIDI .................................................................114
PAINEL DE CONTROLES E TERMINAIS
PAINEL FRONTAL
1- MASTER VOLUME dial
Isto determina o volume máximo do DJX
2- Botões OVERALL, DEMO START (^, V, +, - )
Estes botões selecionam várias funções dando seus respectivos valores. Eles
também são utilizados para sons DEMO. Na função digital Sampling, eles são
utilizados para selecionar e editar parâmetros.
3- Botão FUNCTION
Seleciona o modo FUNCTION.
4- Botão SONG
Seleciona o som (SONG).
5- Botão STYLE
Seleciona o estilo (STYLE).
6- Botão VOICE
Seleciona a voz (VOICE).
7- Teclado numéricos e botões + / -
Estes botões selecionam sons, vozes e estilos. São utilizados para seleção
de vários tipos, como:
• Seleção e chamada da função de parâmetros
• Mostra valores e outros locais para a função de gravação passo a passo.
8- SAMPLING Digital - botão (RECORD) e INPUT LEVEL
Estes dois controles são usados para funções do digital Sampling.
9- Knobs - CUTOFF, RESONANCE, GROOVE, ASSIGN, BASS BOOST
Estes controles permitem que você torne expressivo, dinâmico e em tempo
real mudando vários aspectos de vozes e estilos.
10- RIBBON CONTROLLER
Estes controles transferem e permitem que você torne as mudanças
expressivas, dinâmicas e em tempo real mudando vários aspectos de vozes e
estilos.
11- Botão PART CONTROL
Este botão transforma o Part Control em função de On e OFF
12- Botão PATTERN CONTROL
Quando o modo estilo é selecionado, esta alternativa permite ou não que o
teclado tenha controle sobre os acordes.
13- Botão SYNC-START
Este botão transforma a função Sync-start em ON e OFF.
14- Botões START/STOP
Quando o modo estilo é selecionado, estes botões permitem a escolha da
alternativa de começar ou parar o modelo. No modo som, estes botões permitem
a escolha da alternativa de começar ou parar o som do playback.
15- Botões LEAD IN/ LEAD OUT
Quando o modo estilo é selecionado, este botão é utilizado para controlar as
funções Lead in e Lead out.
16- Botões BEAT A/B (BREAK OUT)
Quando o modo estilo é selecionado, este botões são utilizados para mudar
as seções de modelo e controlar a função Break out.
17- Botão RECORD
Este botão é utilizado para selecionar e permitir a gravação das funções:
Som e performance.
18- Botões PERFORMANCE SETUP / SONG MEMORY
Quando o modo estilo é selecionado, estes botões são utilizados para
selecionar os registros do Setup Performance. Quando o modo som está
selecionado, este botões são utilizados para selecionar trilhas específicas.
19- Botão ARPEGGIATOR
Este botão liga e desliga os efeitos do Arpegiador.
20-Botão REVERB
Este botão liga e desliga o Reverb.
21- Botão DUAL
Este botão liga e desliga o DUAL .
22- Roda PITCH BEND
Este é utilizado para levantar ou abaixar o campo de vozes. Isto afeta
somente as vozes que estão na seção de PERFORMANCE do teclado. O
campo de alcance da roda pode também ser programadas
23- Interruptor STAND BY/ON
Painel traseiro
1- Tomada DC IN 10-12V
Esta tomada é utilizada para a conexão de um adaptador PA-5B/5C AC
power
2- Tomada PHONES / AUX OUT
Esta tomada é utilizada para a conexão de um set de fones estéreo ou para
um amplificador externo/sistema alto falantes.
3- Tomada FOOT SWITCH
Esta tomada é utilizada para conexão de um opcional FC4 ou FC5
Footswitch. O footswitch é geralmente usado para controle de sustain, mas pode
ser convenientemente utilizado para controlar uma ou várias outras funções .
4- Terminais MIDI IN, OUT
Estes são utilizados para a conexão com outros instrumentos MIDI e
dispositivos.
5- Tomada LINE IN
Esta tomada é utilizada com a função Sampling digital, e para a conexão e
gravação de uma fonte de audio externa, semelhante a um CD player ou toca
fita.
6- MIC
É utilizado com a função sampling digital e para a conexão de microfones
para gravação de audio e som acústico.
Página 08
INÍCIO
Esta seção contém informações sobre seu DJX. Tenha cuidado para ler
esta seção cuidadosamente antes de usar o instrumento.
CAPACIDADE
Embora o DJX possa funcionar com um adaptador de AC opcional ou baterias, a
Yamaha recomenda o uso de um adaptador de AC seguro. Siga as instruções
abaixo de acordo com a fonte de que você pretende usar.
CUIDADO: Nunca remova baterias ou adaptadores enquanto o DJX estiver
operando.
Usando um adaptador AC
Para conectar seu DJX em uma tomada, você deve ter um adaptador opcional
PA-5B/5C. Outros adaptadores podem prejudicar o instrumento, assegure-se em
usar o tipo correto. Conecte uma das pontas no painel traseiro do DJX e a outra
extremidade na tomada.
AVISO: Outros adaptadores podem prejudicar o instrumento, assegure-se em
usar o tipo correto.
Usando Pilhas
Inserindo as Pilhas
Vire o instrumento de cabeça para baixo e remova a tampa do compartimento de
pilhas. Coloque 6 pilhas tamanho “D” ou equivalente. Assegure-se de que os
pólos negativos e positivos estão colocados corretamente e então reponha a
tampa.
Quando acabarem as pilhas
Quando as pilhas estão fracas e a voltagem cai abaixo de certo nível, o som do
DJX ou suas funções não funcionarão corretamente. Troque as baterias por um
novo jogo o mais rápido possível.
Cuidado:
• Nunca misture pilhas novas e usadas e nem de tipos diferentes
• Para prevenir possíveis vazamentos de pilhas, retire-as do compartimento
quando não for utilizar o equipamento por um longo período de tempo.
Ligando o equipamento
Quando o adaptador AC é conectado ou as pilhas estão instaladas,
simplesmente pressione o botão ON até travá-lo nesta posição. Quando o
instrumento não estiver em uso, desligue o botão simplesmente pressionando-o
novamente.
Cuidado:
Mesmo quando a chave está na posição STAND BY, a eletricidade continua
correndo pelo instrumento no nível mínimo. Quando não for usar o DJX por um
longo período de tempo, assegure-se de desconectar o adaptador AC da tomada
ou retirar as pilhas do instrumento.
Página 09
Entradas Acessórias
Usando Fones de Ouvido
Para praticar com privacidade ou não incomodar os outros, conecte um fone de
ouvido estéreo no painel traseiro no jack PHONE/ AUX OUT. O som dos alto
falantes cessa imediatamente quando o fone é conectado.
Conectando a um amplificador de teclados ou a sistema estéreo
Apesar do DJX possuir amplificação interna, você poderá ligá-lo a um sistema de
amplificação externa. Primeiro assegure-se que o DJX e o amplificador externo
estão desligados, então conecte uma extremidade do cabo estéreo no jack LINE
IN ou AUX IN do outro equipamento e a outra ponta do cabo no painel traseiro
do DJX no jack PHONES / AUX OUT.
Cuidado:
Para prevenir danos aos falantes, coloque o volume do equipamento externo no
volume mínimo antes de conectá-los.
Usando um Footswitch
Esta função permite a utilização de um pedal de controle externo (Yamaha FC4
ou FC5) para controlar várias funções. (Veja página 21.)
Nota: Assegure-se que o pedal está corretamente conectado no jack FOOT
SWITCH antes de ligar o equipamento.
Não pressione o pedal enquanto liga o instrumento, se isto acontecer, resultará
num funcionamento invertido das funções do pedal.
Usando os terminais MIDI
O DJX possui também terminais MIDI, permitindo a conexão com outros
equipamentos MIDI externos. (Veja maiores informações na página 94)
Usando as entradas MIC e LINE IN
São usadas para gravar uma fonte de sinal externo na função DIGITAL
SAMPLING. O jack MIC é usada para um microfone para gravar voz ou
instrumentos acústicos. O jack LINE IN é usado para conectar e gravar um sinal
externo como um toca CD ou fita cassete.
Cuidado
Nunca conecte um sinal de nível de linha no jack MIC. Isto pode danificar a
função de gravação estéreo digital do DJX.
Página 10
GUIA RÁPIDO
A menos que você aprecie a leitura de manuais, provavelmente você já
está a fim de tocar seu novo DJX agora mesmo. Caso esteja, esta seção é
para você!
De certo, o DJX está pronto para tocar assim que é tirado da caixa - mas
esperamos que você perca um pequeno período de tempo lendo esta seção. Se
você nunca tocou em teclado eletrônico antes, simplesmente siga os passos
desta seção e será grande conhecedor do DJX muito rápido. Além disso, isto lhe
dará ferramentas para explorar funções avançadas em suas músicas.
PASSO 1 - O DJX - Dando uma geral
Não pode esperar para começar? Aqui estará tudo que precisa para iniciar a
tocar seu DJX! Simplesmente siga os números...
1- Plugue o adaptador e ligue o equipamento.
2- Inicie. Inicie os Patterns pressionando o botão START STOP. Você pode
também iniciar apertando qualquer tecla na seção de PATTERN do teclado.
3- Trabalhe nos Knobs. Estes três botões lhe dão controles em tempo real e a
dinâmica para controlar seus patterns.
4- Passe seus dedos pelo controle RIBBON e veja o que acontece com os sons.
5- Mixe as batidas! Pressione os botões BEAT A e B e entre no ritmo.
6- A tecla especial de reverter as batidas, quebra o ritmo e a insere no último
compasso. Pressione repetidamente e veja os novos ritmos.
Página 11
7- Com as teclas PART ON / OFF, você é o maestro instantâneo dos ritmos.
Cheque o nome da parte (instrumento) sobre cada tecla, então pressione a
tecla para ligar ou desligá-los. As partes que foram desligadas são mostradas
como teclas escuras no display.
8- Arpegiador mágico - Primeiro pressione o botão ARPEGGIATOR para ligar
esta função. Então, pressione segure duas ou três teclas na seção
PERFORMANCE e deixe o arpegiador trabalhar como mágica.
9- Gire os botões relativos a vozes para conseguir efeitos fantásticos, enquanto
você toca na seção PERFORMANCE do teclado.
10- Você pode selecionar partes diferentes para serem controladas pelos knobs.
Pressionando uma das teclas PART SELECT.
11- Uma das mais expressivas ferramentas é o PITCH BEND. Toque o teclado e
com o dedão movimente o roda, para cima aumenta o tom e para baixo
diminui o tom, deixe-a no centro e o tom volta ao normal.
Página 12
Passo 2 - Usando o teclado
Utilizando as multi funções do teclado do DJX
Cada vez que você liga o DJX, o teclado é separado nas seguintes funções:
PART SELECT - Estas teclas separam partes específicas para serem
controladas
pelos knobs e pelo RIBBON CONTROLLER.
PART ON / OFF - Estas teclas silenciam partes específicas de uma faixa de
pattern antes ou durante o playback.
PATTERN - Estas teclas permitem a troca instantânea dos acordes do pattern.
PERFORMANCE - Estas teclas são para o modo normal de tocar da voz
selecionada.
VOZ DE DEMONTRAÇÃO ESPECIAL DO DJX
A voz #000 é automaticamente selecionada cada vez que você liga o DJX.
Esta voz possui uma variedade enorme de sons, e cada tecla toca um som
diferente - percussão, loops de bateria, scratch, efeitos especiais, vozes
humanas e muitas outras. Para ouvir a voz DEMO através de todo o
teclado, assegure-se que o PART CONTROL, PATTERN, e SYNC START
estão desligadas.
Página 13
Mais programas de teclados
Outros programas de teclados estão disponíveis dependendo dos programas de
PART CONTROL e PATTERN estarem ligados ou desligados.
Quando o PART CONTROL está desligado
Desligue esta função pressionando o botão PART CONTROL
Quando o PATTERN CONTROL está desligado
Desligue esta função pressionando o botão PATTERN CONTROL
Quando o PATTERN CONTROL e PART CONTROL estão desligados
Desligue esta função pressionando o botão PATTERN CONTROL e PART
CONTROL. Nesta condição, você pode tocar em todo o teclado normalmente.
Página 14
PASSO 3 - CANÇÃO DE DEMONSTRAÇÃO / VOZ / ESTILO
Reproduzindo as três canções.
1. Pressione simultaneamente os dois botões OVERALL
2. Pare a reprodução.
Selecionando as vozes
1. Entre no modo voz
2. Selecione a voz
3. Toque o teclado
Página 15
Selecionando Estilo
O teclado possui 100 estilos diferentes em vários gêneros musicais. Na
função PERFORMANCE, você pode chamar vozes e outros programas que
mais combinam com o estilo selecionado. Cada estilo pode ser
programado com dois programas de PERFORMANCE.
1. Entre no modo STYLE
2. Selecione um estilo
3. Pressione um dos botões de performance: Programa A e B.
4. Inicie o Pattern e toque o teclado.
(Veja lista de vozes e estilos nas páginas 14 e 15 do manual)
Página 16
PASSO 4 - GRAVAÇÃO (SAMPLING) DIGITAL
1. Programe o DJX para gravação
Utilize um dos dois modos de gravação mostrados abaixo
(Figura 1 da página 16 do manual)
2. Entre no modo SAMPLING - Pressione o botão RECORD na seção DIGITAL
SAMPLING.
3. Programe o nível de gravação - Gire o botão INPUT LEVEL (enquanto canta
no microfone ou toca o CD).
4. Pressione uma tecla no teclado - Pressione a tecla do meio C (C3) neste
exemplo. O som a ser gravado será enviado a esta tecla.
5. Programe o SAMPLING para STAND BY - Pressione o botão START/STOP.
Página 17
6. Inicie a gravação - Cante no microfone ou toque o CD. A gravação começa
automaticamente quando o DJX recebe o sinal. A gravação acaba
automaticamente após três segundos aproximadamente.
7. Toque a gravação pelo teclado - Pressione e segure várias teclas do teclado
para experimentar seus novos sons.
8. Saia do modo SAMPLING - Pressione o botão RECORD novamente. A voz
#284 (SAMPLED) é automaticamente selecionada para tocar.
Página 18
PASSO 5 - FUNÇÃO PARAMETERS
1. Pressione o botão FUNCTION
2. Selecione o número da função - Para lista de funções veja página 19. O
número de função pode ser selecionado enquanto FUNCTION pisca no
display. Entre com o número da função no teclado numérico. Pressione o
botão FUNCTION; cada pressionamento avança sobre os números. Segure o
botão para avanço contínuo.
Importante: Uma vez que o indicador FUNCTION pisca por apenas dois
segundos, assegure-se de selecionar o parâmetros rapidamente após o passo
de número um descrito acima.
3. Após FUNCTION parar de piscar no display, mude os valores dos
programas - Após FUNCTION parar de piscar, muda automaticamente para
troca de valores de parâmetros.
4. Use o teclado numérico para trocar os valores dos programas. Para ligar
/ desligar os programas, use os botões + / - . Para restaurar os valores
iniciais pressione + / - simultaneamente. Para entrar com valores negativos,
segure o botão - enquanto digita o número desejado.
5. Saia do modo FUNCTION - Uma vez ajustados todos os programas
desejados, pressione um dos outros botões de modo (SONG / STYLE /
VOICE).
Página 19
(Veja lista de parâmetros de funções na página 19 do manual)
Página 20
PASSO 6 - ENVIANDO VÁRIOS CONTROLES AO BOTÃO ASSIGN
BOTÃO ASSIGN E RIBBON CONTROLLER - Mudando os envios
1. Pressione os botões OVERALL repetidamente até que uma barra escura
no lado direito do display mostre KNOB ASSIGN ou RIBBON
CONTROLLER ASSIGN.
2. Mude os programas de envio para os controles selecionados usando os
botões OVERALL +/Lista de funções de ASSIGN / RIBBON CONTROLLER
Nome da
função
Cutoff
Frequency
Resonance
Rever
Level
Send
Nome do
display
CUTOFF
RESONANC
REV LEVEL
Descrição
Mesmo parâmetro controlado pelo botão CUTOFF (Pg
61)
Mesmo
parâmetro
controlado
pelo
botão
RESSONANCE (Pg 61)
Determina a profundidade do reverber (Pg34)
Chorus Send
Level
DSP
Send
Level
Modulation
Attack Time
CHOLEVEL
Determina a profundidade de CHORUS(Pg35)
DSPLEVEL
Determina a profundidade do efeito DSP (Pg36)
MOD
ATTACK
Release Time
RELEASE
Pan
Volume
Groove
Dynamics
PAN
VOLUME
GROOVE
DYNAMICS
Dynamic
Strength
Turntable
Arpegitor
Speed
STRENGTH
Cria o efeito de ondas vibratórias
Cria o ataque do som, ou seja, quanto tempo o som
demora para atingir o volume máximo
Determina por quanto tempo o som se manterá após
tocada a nota
Determina a posição do som numa imagem estéreo
Determina o nível do som
É o mesmo parâmetro controlado pelo botão GROOVE
Cria súbita e dramática mudança nos patterns
alterando o nível individual das notas. Altera todo o
Pattern
Determina o total do nível de mudança no parâmetro
dinâmico
Determina a mudança de tempo e tom de todo o DJX.
Determina a velocidade da função de arpegio
TURNTBL
ARPSPEED
Página 21
Controle FOOTSWITCH - Trocando as programações
Os programas de FOOTSWITCH podem ser feitos na seção
Função 371. O programa original de FOOTSWITCH é #13TAP.
parâmetros de
Lista de funções de FOOTSWITCH
Nome da
Função
Sustain
Nome do
Display
SUSTAIN
Descrição
Arpeggiator
Hold
ARPGHOLD
Quando este efeito está ligado, permite que se faça um ciclo de
arpegios, mesmo que se tire as ma mãos do teclado ou toque
diferentes notas. Pressione e segure o FOOTSWITCH pelo
tempo que desejar o efeito de arpegio
Start / Stop
STARTSTP
Quando os modos SONG ou STYLE estão
ativados, possui a mesma função do botão
START/STOP.
Lead
in/Lead out
LD INOUT
Quando o modo STYLE é ativado, possui a mesma
função do botão LEAD IN/OUT. Pressione o pedal duas
vezes enquanto a reprodução está em curso e a seção
LEAD OUT gradualmente desaparecerá
Beat A
BEAT A
Beat B
BEAT B
Quando o modo STYLE é ativado, possui a mesma
função do botão BEAT A
Quando o modo STYLE é ativado, possui a mesma
Pressionando-se o pedal aplica-se um sustain
natural a voz tocada
Arpegiador
ON/OFF
Dual
ON/OFF
SPLIT
ON/OFF
Reverb
ON/OFF
Chorus
ON/OFF
DSP
ON/OFF
Tap
ARPGATOR
DUAL
SPLIT
função do botão BEAT B
Quando o modo STYLE é ativado, Isto tem a
mesma função do botão ARPEGGIATTOR
Tem a mesma função do botão DUAL
REVERB
Tem a mesma função do botão de parâmetros
SPLIT ON/OFF
Tem a mesma função do botão REVERBER
CHORUS
Tem a mesma função do botão CHORUS
DSP
Tem a mesma função do botão DSP
TAP
Esta função é útil porque permite a você parar o
BPM(tempo) e automaticamente iniciar a canção
selecionada na mesma velocidade do pattern que
foi parado. O BPM também pode ser trocado
durante uma reprodução pressionando o footswitch
duas vezes até o tempo desejado.
Página 22
Indicações do display do painel
O DJX possui um display multi funcional que mostra todos os programas
importantes para o instrumento. A seção abaixo explicará rapidamente os
vários ícones e indicadores do display.
1. Indicadores de modo - Indica o modo atualmente selecionado, Voz, Estilo,
Song ou Função - e cada modo é circundado com um retângulo. Quando
aparecem STYLE ou SONG sem o retângulo, o modo correspondente é
ativado ao fundo. No primeiro exemplo, o modo STYLE é selecionado. No
segundo exemplo, o modo VOICE foi selecionado, mas o modo STYLE está
ativado ao fundo.
2. Indicadores de barras da função OVERALL - O DJX possui cinco funções
ou controles de OVERALL. A função atualmente selecionada é indicada por
uma barra negra ao lado do nome (impresso no painel)
3. Teclado - Quando o PART CONTROL é acionado, indica o status das teclas
PART SELECT e PART ON/OFF. A oitava de baixo do display corresponde as
teclas PART SELECT. A oitava de cima no display corresponde a PART
ON/OFF, teclas negras indicam que PART está acionada.
4. Compasso e BPM (Tempo) - Mostra o compasso atual durante a reprodução
de canção ou estilo juntamente com os valores de tempo.
Página 23
5. Indicadores de batidas - As barras escuras(uma grande e três pequenas)
piscam na seqüência do tempo para cada canção ou estilo. As barras grandes
indicam a primeira batida do compasso. (Veja página 42)
6. Acordes - Quando uma canção do usuário (com acordes) está sendo
reproduzida, ele indica a nota principal do acorde e o tipo. Também indica o
acorde que está sendo tocado na seção PATTERN do teclado quando o modo
STYLE e PATTERN CONTROL estão ativados.
7. Nome e número de SONG / VOICE / STYLE - Além do nome e número
mostra também os valores dos programas da função OVERALL e função de
parâmetros, como também outras mensagens de operações importantes.
8. Janela do ícone - Dependendo do modo ou da função selecionada, isso
mostra vários símbolos (ícones) e outras mensagens que proporcionam de
relance uma conveniente visão total de todas as operações do DJX.
9. Indicadores de faixas de canção - Numa gravação ou reprodução, indica o
status de cada faixa (Veja páginas 82 e 86)
10. Ícone GM - Aparece quando uma voz de General MIDI é selecionada (Veja
página 26).
General MIDI nível 1
è uma adição ao sistema GM original, que torna o teclado compatível com
qualquer outro equipamento GM independente do fabricante. A marca GM é
afixada no painel destes instrumentos para clara indicação. O DJX é compatível
com este sistema.
Página 24
TOCANDO VOZES - O MODO VOICE
Este modo possui 270 vozes autênticas (incluindo 128 de GM), mais 15 kits
especiais de bateria - todos criados pelo sofisticado AWM, sistema de
geração de sons Yamaha.
As vozes estão divididas em várias categorias de instrumentos, todos eles
impressos no painel. Para uma lista completa, veja página 106. O modo VOICE
na verdade é dividido em 3 modos separados: MAIN (Principal), DUAL (Duplo) e
SPLIT (Dividido). No modo MAIN VOICE, você pode tocar uma única voz em
todo o teclado. No modo DUAL VOICE, permite a você escolher duas vozes
juntas, para um som rico e complexo. No modo SPLIT VOICE lhe permite tocar
duas vozes diferentes em cada seção do teclado. O DJX inclui vozes de bateria #141 a #145, que lhe permitem tocar no teclado vários sons de percussão. Os
símbolos estão impressos acima das teclas para conveniente indicação de qual
som está sendo tocado em cada tecla. O DJX possui também SAMPLER (voz
#284)para gravar sons personalizados.
Dica:
1. Selecione o modo VOICE. (Pressione o botão VOICE)
2. Selecione a voz. (Com o teclado numérico)
Você pode também selecionar o DUAL VOICE ou SPLIT VOICE;
DUAL VOICE
1. Ligue o DUAL VOICE (Pressione o botão DUAL)
2. Selecione a voz DUAL (Através do modo FUNCTION)
SPLIT VOICE
1. Ligue o SPLIT VOICE (Através do modo FUNCTION)
2. Selecione a voz SPLIT (Através do modo FUNCTION)
Página 25
TOCANDO UMA VOZ - VOZ PRINCIPAL
1. Selecione o modo VOICE - Pressione o botão VOICE
2. Selecione o número de voz desejada - Use o teclado numérico. As
categorias básicas de vozes e seus números são mostradas no lado direito do
painel. Para uma lista completa das vozes disponíveis veja página 106.
Usando o teclado numérico
Digite o número da voz indicada no painel.
Usando as teclas +/Use a tecla + para selecionar a próxima voz do painel e a tecla menos para
selecionar a anterior. Pressione e segure para aumentar / diminuir
continuamente o número das vozes.
Página 26
Usando o botão VOICE - Pressione este botão para selecionar o próximo
número de voz.
3. Toque a voz selecionada - Para trocar de voz, repita o passo 2 acima.
Dica quente: Quando selecionar uma voz, o DJX irá chamar automaticamente
os programas apropriados a voz selecionada.
Sobre as vozes do painel e vozes GM
Lembre-se que o DJX possui dois programas de vozes separados: Vozes do
painel e Vozes GM. Essas vozes podem também ser usadas para uma ótima
reprodução de dados de canções compatíveis com GM. Isto significa que
qualquer dados de canção GM (tocado de um sequencer ou outro equipamento
MIDI), irá tocar exatamente igual ao que o compositor ou programador a fizeram.
Tabela de Vozes do Kit de Bateria
Quando uma das 15 vozes do Kit de Bateria do painel é selecionada, você pode
tocar diferentes instrumentos de percussão e bateria no teclado.
(Veja Tabela de vozes na página 26 do manual)
Página 27
Função de Parâmetros - Voz Principal
Esta função proporciona programas adicionais para a voz principal. Estes
programas são especialmente úteis quando se usa uma segunda voz no modo
DUAL ou SPLIT, desde que você tenha escolhido uma voz diferente da voz
principal para o DUAL ou SPLIT. Estes programas incluem:
• Volume
• Oitava
• Pan
• Nível de envio de Reverber
• Nível de envio de Chorus
• Nível de envio de efeitos DSP
Nota: Estes programas não são salvos na memória quando você desliga o
teclado. Se você os deseja salvar, guarde-os no USER BANK (Banco do
usuário) no setup PERFORMANCE.
Selecionando e mudando a função de Parâmetros:
Pressione o botão FUNCTION, então use o teclado numérico para selecionar o
número de parâmetros. Após FUNCTION para de piscar, use o teclado numérico
ou os botões +/- para trocar os programas. (Veja página 27 para maiores
detalhes)
Função de Parâmetros
No.
Nome do
Parâmetro
Nome do
Display
Programa/
Oitava
F01
Volume de
Voz Principal
M. Volume
0 - 127
F02
Oitava da
voz Principal
M. Octave
-2
(oitavas)
F03
Pan da Voz
Principal
M.Pan
F04
Nível de
M.RevLvl
-7
(esquerda)
0 (centro)
7 (direita)
0 - 127
2
Descrição
Determina o volume da voz principal,
permitindo criar um ótimo mix para os
modos DUAL ou SPLIT
Determina a faixa de oitava para a voz
principal. Determina a oitava mais
adequada para a voz principal quando se
usa o modo SPLIT ou usar uma oitava
diferente para o modo DUAL.
Determina a posição da voz principal em
uma imagem estéreo
Determina o quanto da voz principal está
F05
F06
envio de
reverber da
voz principal
Nível de
envio de
Chorus da
voz principal
Nível de
envio de
efeito DSP
na voz
principal
sendo enviada ao efeito reverber. Valores
altos resultam em mais efeito de Reverber
M.CholLvl
0 - 127
Determina o quanto da voz principal está
sendo enviada ao efeito Chorus. Valores
altos resultam em mais efeito de Chorus
M.DspLvl
0 - 127
Determina o quanto da voz principal está
sendo enviada ao efeito DSP. Valores
altos resultam em mais efeito de DSP
Página 28
Afinação e Transposição
Você pode ajustar a afinação e transposição de todo o som do DJX.
Transposição
Transposição determina a tecla da voz principal e do pattern do estilo
selecionado. Determina também o tom da canção. Isto permite a você adaptar o
tom do DJX a qualquer outro instrumento ou cantor, ou tocar tons diferentes
sem mover o dedo da tecla. O programa de transposição pode ser ajustado em
uma faixa de 12 semi - tons. (+/- 1 oitava).
1. Selecione a função TRANSPOSE no menu OVERALL
Pressione o botão OVERALL, repetidamente se necessário, até que
TRANSPOSE apareça no display.
2. Mude os valores - Use os botões OVERALL para aumentar ou diminuir os
valores. Aperte e segure os botões para aumentar / diminuir os valores
continuamente.
Dica Quente - Restaurando os valores de transposição originais. Se você
trocou os programas de transposição, simplesmente pressione os dois botões
OVERALL simultaneamente. (Quando a função TRANSPOSE está selecionada
no menu OVERALL.)
Afinação
Determina a afinação tanto da voz principal quanto do pattern do estilo
selecionado. Determina também o tom das canções. Isto permite a você adaptar
o tom do DJX a qualquer outro instrumento ou cantor. O programa de
TUNNING pode ser ajustado em uma faixa de +/- 100. (+/- 1 semi - tom).
1. Selecione a função TUNNING no menu OVERALL
Pressione o botão OVERALL, repetidamente se necessário, até que
TUNNING apareça no display.
2. Mude os valores - Use os botões OVERALL para aumentar ou diminuir os
valores. Aperte e segure os botões para aumentar / diminuir os valores
continuamente.
Dica Quente - Restaurando os valores de transposição originais. Se você
trocou os programas de transposição, simplesmente pressione os dois botões
OVERALL simultaneamente. (Quando a função TUNNING está selecionada no
menu OVERALL.)
Tocando duas Vozes - DUAL VOICE
Isto lhe permite criar um som rico e com diferentes texturas, tocando duas vozes
juntas - a voz principal que será selecionada de modo normal (página 25), e a
outra será selecionada como descrita abaixo.
1. Acione o modo DUAL VOICE - Pressione o botão DUAL. Quando você toca
o teclado, a voz principal e a voz DUAL serão ouvidas. Para desligar este
modo, pressione o botão DUAL novamente.
Dica Quente - O modo DUAL pode também ser ligado / desligado pelo
FOOTSWITCH (Página 21)
Página 31
2. Selecione o modo DUAL VOICE e faça outros programas para voz (se
desejado) no modo FUNCTION. - Selecionando e mudando a função de
parâmetros. - Pressione o botão FUNCTION, então use o teclado numérico
para selecionar o número do parâmetro. Após FUNCTION parar de piscar no
painel, Use os botões +/- para mudar os programas. (Veja página 18)
3. Saindo do modo FUNCTION - Uma vez efetuados os programas desejados,
pressione um dos outros botões de modo (SONG, STYLE, ou VOICE)
Importante: Para que o modo DUAL funcione corretamente, assegure-se:
Selecione uma voz diferente(#17 DUAL VOICE). Programe o volume a um nível
apropriado (#11, DUAL VOLUME)
Nota: Estes programas não são salvos quando você desliga o DJX. Se deseja
salvá-los, utilize um banco do usuário no setup PERFORMANCE.
Função Parâmetros - DUAL VOICE
Esta função proporciona todos os programas para o modo DUAL VOICE. Estes
programas incluem:
•
•
•
•
•
•
•
•
Volume
Oitava
Pan
Nível de envio de Reverber
Nível de envio de Chorus
Nível de envio de efeitos DSP
DUAL VOICE
Liga / desliga DUAL
No.
Nome do
Parâmetro
Nome do
Display
Programa/
Oitava
F11
Volume de
DUAL
VOICE
Oitava da
DUAL
VOICE
Pan DUAL
VOICE
D. Volume
0 - 127
D. Octave
-2
(oitavas)
D.Pan
Nível de
envio de
reverber de
DUAL
VOICE
Nível de
envio de
Chorus da
Dual Voice
Nível de
envio de
efeito DSP
para Dual
Voice
DUAL
VOICE
DUAL
ON/OFF
D.RevLvl
-7
(esquerda)
0 (centro)
7 (direita)
0 - 127
D.CholLvl
0 - 127
Determina o quanto de DUAL VOICE está
sendo enviada ao efeito Chorus. Valores
altos resultam em mais efeito de Chorus
D.DspLvl
0 - 127
Determina o quanto de DUAL VOICE está
sendo enviada ao efeito DSP. Valores
altos resultam em mais efeito de DSP
D.VOICE
0 - 284
Determina o DUAL VOICE (Página 126)
DUAL
on / off
Isto liga desliga o modo DUAL. Tem a
mesma função do botão DUAL ou o
F12
F13
F14
F15
F16
F17
F18
2
Descrição
Determina o volume da DUAL VOICE,
permitindo criar um ótimo mix com a voz
principal
Determina a faixa de oitava para DUAL
VOICE.
Determina a posição da voz principal em
uma imagem estéreo
Determina o quanto de DUAL VOICE está
sendo enviada ao efeito reverber. Valores
altos resultam em mais efeito de Reverber
FOOTSWITCH)
Página 31
Tocando duas Vozes - DUAL VOICE
Isto lhe permite criar um som rico e com diferentes texturas, tocando duas vozes
em partes opostas do teclado, uma voz para cada mão - a voz principal que será
selecionada no modo SPLIT VOICE (página 25), e a outra será selecionada
como descrita abaixo.
1. Acione o modo SPLIT VOICE na função parâmetros (#28)- Pressione o
botão FUNCTION, então use o teclado numérico para selecionar o parâmetro
28. Após FUNCTION parar de piscar, use os botões +/- para trocar os
programas
2. Faça outros programas para SPLIT VOICE (se desejado) no modo
FUNCTION.
3. Saindo do modo FUNCTION - Uma vez efetuados os programas desejados,
pressione um dos outros botões de modo (SONG, STYLE, ou VOICE)
Importante: Para que o modo SPLIT VOICE funcione corretamente, assegurese: Desligue as seguintes funções: PART CONTROL e PATTERN CONTROL.
Coloque o volume em nível apropriado. Programe a oitava para uma
musicalidade apropriada. Programe o SPLIT POINT no ponto desejado.
Nota: Estes programas não são salvos quando você desliga o DJX. Se deseja
salvá-los, utilize um banco do usuário no setup PERFORMANCE.
Página 32
Função Parâmetros - SPLIT VOICE
Esta função proporciona todos os programas para o modo SPLIT VOICE. Estes
programas incluem:
• Volume
• Oitava
• Pan
• Nível de envio de Reverber
• Nível de envio de Chorus
• Nível de envio de efeitos DSP
• SPLIT VOICE
• Liga / desliga SPLIT
• SPLIT POINT
No.
Nome do
Nome do
Programa/
Descrição
Parâmetro
Display
Oitava
Volume de
SPLIT
VOICE
Oitava da
SPLIT
VOICE
Pan SPLIT
VOICE
D. Volume
0 - 127
D. Octave
-2
(oitavas)
D.Pan
Nível de
envio de
reverber de
SPLIT
VOICE
Nível de
envio de
Chorus da
SPLIT Voice
D.RevLvl
-7
(esquerda)
0 (centro)
7 (direita)
0 - 127
D.CholLvl
0 - 127
Determina o quanto de SPLIT VOICE está
sendo enviada ao efeito Chorus. Valores
altos resultam em mais efeito de Chorus
F26
Nível de envio
de efeito DSP
para SPLIT
Voice
D.DspLvl
0 - 127
Determina o quanto de SPLIT VOICE está
sendo enviada ao efeito DSP. Valores
altos resultam em mais efeito de DSP
F27
SPLIT
VOICE
SPLIT
ON/OFF
D.VOICE
0 - 284
Determina o SPLIT VOICE (Página 106)
DUAL
on / off
SPLIT
POINT
SPLITPNT
000 - 127
Isto liga desliga o modo DUAL. Tem a
mesma função do botão DUAL ou o
FOOTSWITCH)
Determina a tecla mais alta para o ponto
de separação (SPLIT POINT), ou seja, a
tecla que vai separar a parte de baixo e de
cima do teclado. O SPLIT POINT original é
071 (B3). Depois de programado,
assegure-se de sair da função, uma vez
que o teclado não produzira som algum no
modo FUNCTION.
F21
F22
F23
F24
F25
F28
F29
2
Determina o volume da SPLIT VOICE,
permitindo criar um ótimo mix com a voz
principal
Determina a faixa de oitava para SPLIT
VOICE.
Determina a posição da SPLIT VOICE em
uma imagem estéreo
Determina o quanto de SPLIT VOICE está
sendo enviada ao efeito reverber. Valores
altos resultam em mais efeito de Reverber
Nota: O SPLIT POINT é relativo e é afetado pelo programa de PATTERN SPLIT
POINT. Para utilização de todo o teclado para a voz principal ou split, desligue
as seguintes funções: PART CONTROL e PATTERN CONTROL.
Página 33
Função de Vozes adicionais - Programa de voz, Sensibilidade ao toque e
faixa de PITCH BEND.
Programa de voz, Sensibilidade ao toque e faixa de PITCH BEND, são 3
importantes parâmetros relativos a voz e são achados nos Parâmetros
FUNCTION.
Quando uma voz é programada, você pode automaticamente chamar uma
variedade de vozes relativas que melhor se adequam a voz principal.
A sensibilidade ao toque lhe da dinâmica e controle de expressão sobre todas as
vozes, permitindo que o DJX mude o volume de cada nota de acordo com sua
execução.
PITCH BEND (Alteração de tom) permite a você alterar o tom quando utiliza a
roda de PITCH BEND.
Função Parâmetros - Programa de voz, Sensibilidade ao toque e faixa de
PITCH BEND.
Selecionando e mudando a função de Parâmetros
Pressione o botão FUNCTION, então use o teclado numérico para selecionar o
número de parâmetro. Após FUNCTION parar de piscar no painel, use as teclas
numéricas ou os botões +/- para trocar os programas (Veja página 18 para
detalhes)
No.
Nome do
Parâmetro
Nome do
Display
Programa/
Oitava
F72
Programa de
voz
VOICESET
OFF/ON
F73
Sensibilidade
ao toque
TouchSns
1-3
F74
Faixa de
PITCH
BEND
PBRANGE
+- 1 a 12
(semi - tons)
Descrição
Quando acionado, selecionando a voz
chama automaticamente as vozes relativas
e parâmetros mais apropriados a voz
selecionada. Os parâmetros são: Voz
principal, DUAL VICE, Arpegiador.
O programa 1 resulta numa limitada
resposta ao toque, não importa quanto
forte se pressiona a tecla. “2” proporciona
um toque normal e “3” projetado para
passagens muito macias, dando um
controle mais detalhado a faixa de volume
Determina o total de pitch que será usada
quando se aciona a roda de PITCH. No
menor, a roda altera somente um semi
tom, abaixo ou acima, enquanto no maior a
roda altera em até uma oitava (12 semi tons). A roda de PITCH altera somente as
vozes tocadas na seção PERFORMANCE
Página 34
EFEITOS
O DJX é equipado com uma grande variedade de efeitos e pode ser usado
para melhorar o som das vozes. Existem quatro categorias gerais de
efeitos - REVERBER, CHORUS, DSP e ARPEGGIATOR - e cada categoria
possui vários efeitos a serem escolhidos.
A aplicação dos efeitos é altamente flexível. Os 4 efeitos podem ser usados ao
mesmo tempo e podem ser ajustados independentemente para cada voz:
Principal, DUAL e SPLIT.
1. Ligue os efeitos
2. Programe o tipo de efeito (modo FUNCTION)
3. Programe o nível de envio de efeitos para as vozes desejadas - MAIN,
DUAL ou SPLIT (Modo FUNCTION) (Não é necessária para Arpegiador)
REVERBER
O efeito de reverber reproduz o som do instrumento quando tocado em uma sala
de concertos ou em um quarto. Existe um total de 8 tipos diferentes para
simulação de vários ambientes diferentes.
1. Ligue o efeito de reverber - Pressione o botão REVERB
2. Selecione o tipo de reverber desejado (#32) no modo FUNCTION Selecionando e mudando os parâmetros FUNCTION Pressione o botão FUNCTION e use o teclado numérico para selecionar o
número de parâmetros. Após FUNCTION para de piscar, use o teclado numérico
ou os botões +/- para mudar os programas. (Veja lista de tipos de reverber na
página 39)
Página 35
3. Programe o nível de envio de reverber a voz desejada - Vozes MAIN,
DUAL ou SPLIT podem ser programadas em 4 diferentes tipos de reverber.
4. Saia do modo FUNCTION - Uma vez feito todos os programas. Pressione
um dos outros botões de modo (SONG, STYLE ou VOICE)
Nota: O nível de reverber programado ao redor de 000 não será ouvido.
CHORUS
O efeito de chorus lhe deixa aumentar o som de uma voz. Existem 2 tipos
básicos: CHORUS e FLANGER. Chorus produz um som mais espesso, mais
morno, e mais animado, considerando que Flanger cria uma rotação, um efeito
metálico. Quatro tipos de chorus estão disponíveis.
Dica quente: O efeito chorus pode ser ligado ou desligado pelo FOOTSWITCH.
1. Ligue o efeito chorus (#33) e programe o tipo de efeito no modo
FUNCTION. - Selecionando e mudando os parâmetros de FUNCTION Pressione o botão FUNCTION, então use o teclado numérico para selecionar
o parâmetro 28. Após FUNCTION parar de piscar, use os botões +/- para
trocar os programas
2. Selecione nível de envio de reverber desejado - As vozes principal, DUAL
e SPLIT podem ser programadas para 4 tipos diferentes de chorus. Mude os
parâmetros no modo FUNCTION
3. Saia do modo FUNCTION - Uma vez feito todos os programas. Pressione
um
dos outros botões de modo (SONG, STYLE ou VOICE)
Nota: O efeito chorus é somente aplicado as vozes tocadas no teclado. Estes
programas não são salvos quando você desliga o DJX. Se deseja salvá-los,
utilize um banco do usuário no setup PERFORMANCE. Três adicionais tipos de
chorus estão disponíveis quando o DJX é controlado por um equipamento MIDI.
Nota: O nível de chorus programado ao redor de 000 não será ouvido.
Página 36
DSP
Os efeitos DSP proporcionam efeitos de chorus e reverber, mais uma variedade
de efeitos dinâmicos para aumentar e mudar o som das vozes. Incluídos nestes
efeitos, temos Phaser, rotação de falantes, eco, delay, distorção, equalização e
wah. Um total de 33 tipos de DSP estão disponíveis.
Dica quente: O efeito DSP pode ser ligado ou desligado pelo FOOTSWITCH.
1. Ligue o efeito DSP (#35) e programe o tipo de efeito no modo FUNCTION.
- Selecionando e mudando os parâmetros de FUNCTION - Pressione o
botão FUNCTION, então use o teclado numérico para selecionar o parâmetro
28. Após FUNCTION parar de piscar, use os botões +/- para trocar os
programas
2. Selecione nível de envio de DSP desejado - As vozes principal, DUAL e
SPLIT podem ser programadas para diferentes tipos de DSP. Mude os
parâmetros no modo FUNCTION
3. Saia do modo FUNCTION - Uma vez feito todos os programas. Pressione
um
dos outros botões de modo (SONG, STYLE ou VOICE)
Nota: O efeito DSP é somente aplicado as vozes tocadas no teclado. Estes
programas não são salvos quando você desliga o DJX. Se deseja salvá-los,
utilize um banco do usuário no setup PERFORMANCE. Dezesseis adicionais
tipos de DSP estão disponíveis quando o DJX é controlado por um equipamento
MIDI.
Nota: O nível de DSP programado ao redor de 000 não será ouvido.
Parâmetros FUNCTION - EFEITOS
Os parâmetros de efeitos FUNCTION proporciona todos os efeitos de programas
relativos (Com exceção do envio de parâmetros no modo MAIN, DUAL ou
SPLIT). Estes programas incluem:
Reverber on/off - Tipo de reverber - Chorus on/off - Tipo de chorus DSP on/off - Tipo de DSP - Arpegiador on/off - Tipo de arpegiador Página 38
Parâmetros FUNCTION
(Veja tabela na página 38 do manual)
Tipos de efeitos
(Veja tabela na página 38 do manual)
Tipos de Reverber
(Veja tabela na página 39 do manual)
Tipos de DSP
(Veja tabela na página 39 do manual)
Página 40
REPRODUZINDO UMA CANÇÃO - MODO SONG
O modo SONG possui 6 canções - 3 demonstrações que foram criadas
usando-se os sons ricos e dinâmicos do DJX, e 3 canções do usuário,
onde você pode gravar suas próprias performances.
As canções demo são normalmente utilizadas apenas para apreciação, contudo
você poderá tocar junto com elas no teclado. As canções do usuário são
“vazias”, e não podem ser tocadas até que alguma coisa seja gravada nas
mesmas
1. Ligue o modo SONG
2. Selecione a canção
3. Inicie (ou pare) a reprodução
Selecionando e tocando uma canção
1. Selecione o modo SONG
2. Selecione o número da canção desejada - Use o teclado numérico. O
número de canções pode ser selecionado do mesmo jeito que as vozes
(Página 25).
3. Inicie a canção selecionada - Pressione o botão START / STOP enquanto o
número de compassos é mostrado no display.
4. Se desejar trocar de canção repita o passo 2 acima.
5. Pare a reprodução - Pressione novamente o botão START / STOP
Mudando BPM (TEMPO)
O tempo da canção e o pattern podem ser ajustados em uma faixa de 32 a 280
BPM (batidas por minutos)
1. Selecione a função BPM no menu OVERALL - Pressione o botão
OVERALL até que BPM apareça no display.
Página 42
2. Mude os valores - Use os botões OVERALL +/- para aumentar ou diminuir os
valores de volume das canções. Apertando e segurando os botões, os valores
aumentam / diminuem continuamente.
Nota: O volume de canções não pode ser alterado a não ser que o modo SONG
esteja ativado. (Esta função passa a ser volume de Pattern quando STYLE está
ativado)
Restaurando os valores originais
Para restaurar os valores de volume de canções originais (100),pressione os 2
botões OVERALL simultaneamente. (Quando volume de canção estiver
selecionado no menu OVERALL)
Página 43
PATTERNS - O MODO STYLE
O modo STYLE provê uma riqueza de padrões excitantes, dinâmicos incluindo ritmos, batidas e partes instrumentais - cobrindo virtualmente um
espectro completo de música DANCE e contemporânea!
Estão disponíveis um total de 100 estilos diferentes, numa completa variedade
de gêneros de DANCE MUSIC. Cada estilo contém seções diferentes - LEAD IN,
BEAT A e BEAT B, (com viradas) e LEAD OUT - Permitindo alterar as seções
durante a performance. Cada estilo possui também sua própria seleção de voz
para acompanhamento - quando você seleciona um estilo, a voz mais adequada
é selecionada automaticamente.
As características de Patterns são construídas para que cada estilo lhe forneça
uma excitante e completa variedade de instrumentos para enriquecer sua
performance. Isto torna possível um fácil controle de baixo, acordes e outras
frases - somente tocando-se uma nota ou acorde na seção PATTERN do
teclado.
Dica:
1. Selecione o modo STYLE. (Pressione o botão STYLE)
2. Selecione o estilo. (Com o teclado numérico)
3. Ligue o controle de PATTERN
4. Inicie o pattern (Pressione o botão START / STOP na função SYNC-START
5. Pare o Pattern (Pressione o botão START / STOP, LEAD IN/LEAD OUT ou
SYNC-START
SELECIONANDO E TOCANDO UM PATTERN
1. Selecione o modo STYLE - Pressione o botão STYLE
2. Selecione o número do estilo desejado - Use o teclado numérico. As
categorias básicas de estilos e seus números são mostradas no lado
esquerdo do painel. Para uma lista completa das vozes disponíveis veja
página 113.
3. Ligue o controle de PATTERN (Caso ainda não tenha sido ligado) - Se o
controle de Pattern está desligado (“-----“ aparecerá na seção de controle de
Pattern no ícone do display) pressione o botão PATTERN CONTROL para
ligá-lo.
4. Inicie o Pattern - Você pode também utilizar um dos seguintes modos:
Pressione o botão START/STOP - O pattern iniciará imediatamente. Iniciará
com a seção selecionada, BEAT A ou B. Você pode selecionar uma das seções
pressionando os botões apropriados, antes de pressionar START / STOP
(Aparecerá rapidamente no display a seção selecionada)
Dica quente - START / STOP pode também ser controlado usando-se um
footswitch. (Veja página 21)
Página 46
Usando SYNC-START
O DJX também possui a função de início sincronizado, o que permite iniciar o
ritmo simplesmente tocando-se o teclado. Para isso, simplesmente pressione o
botão SYNC-START na seção PATTERN antes de tocar o teclado.
Iniciando com a seção LEAD IN
Cada estilo tem sua própria medição de 2 ou 4 compassos na seção
LEAD
IN. Muitas das seções LEAD IN possuem mudanças de acordes especiais para
enriquecer sua performance.
Para iniciar na seção LEAD IN:
1. Pressione o botão BEAT A ou B - para selecionar cada seção
2. Pressione o botão LEAD IN
Para na verdade iniciar a seção LEAD IN pressione o botão START /STOP Uma vez finalizada a seção LEAD IN, o ícone da seção mostrará rapidamente as
letras A ou B para indicar qual a seção atualmente selecionada.
Página 47
Sobre o display BEAT
As barras escuras que sublinham o nome do estilo piscam no display de acordo
com o tempo selecionado durante a reprodução. Estas barras proporcionam uma
indicação visual do tempo e do pattern ao mesmo tempo (Para maiores
informações veja a página 42)
5. Pare o PATTERN - Pode ser feito de 3 modos diferentes:
Pressionando o botão START/STOP - O ritmo para imediatamente
Usando a seção LEAD OUT - Pressione o botão relativo e o pattern irá parar
após a seção LEAD OUT ter terminado.
Pressionando o botão SYNC-START - Para o PATTERN e automaticamente
aciona o SYNC-START, permitindo recomeçar o ritmo simplesmente tocando o
acorde ou tecla na seção de PATTERN do teclado.
Dica quente: START/STOP e LEAD OUT também pode ser controlado
utilizando um conector footswitch. Para que o LEAD OUT desapareça
gradualmente enquanto você toca, pressione 2 vezes o botão LEAD IN / OUT
rapidamente.
CONTOLE PATTERN
(PATTERN CONTROL) Quando o modo Style estiver ativado, os botões do
painel funcionam como abaixo:
(SYNC-START) Alternando o pressionamento do botão ativa e desative a seção
pattern no teclado. Quando o controle pattern for desativado o teclado não
poderá ser usado para fazer acordes.
(START/STOP) Alternando o pressionamento do botão para e inicia a
reprodução.
(BEAT A) Pressionando esse botão seleciona a seção BEAT A e virada.
(BEAT B) Pressionando esse botão seleciona a seção BEAT B e virada.
Página 48
SEÇÃO PATTERN (BEAT A, B e VIRADA)
Enquanto o PATTERN está tocando, você pode adicionar variação pressionando
um dos botões BEAT /B. Isso toca automaticamente uma das 4 viradas e
suavemente inicia a nova seção - mesmo se for a mesma seção.
Cada estilo possui 4 diferentes viradas para serem tocadas nas seguintes
condições:
• BEAT A > (Virada AA)
• BEAT A > (Virada AB)
• BEAT B > (Virada BA)
• BEAT B > (Virada BB)
Dica quente: Esta função também pode ser controlada pelo FOOTSWITCH
Nota: Se pressionar o botão BEAT A ou B, a virada irá começar na última batida
do compasso, a não ser que o botão BEAT A / B seja pressionado durante a
última batida do compasso.
Mudando o BPM (TEMPO)
A reprodução do BPM (TEMPO) da canção (e PATTERN) pode ser ajustado
numa faixa de 32 - 280 batidas por minuto. Veja maiores detalhes na página 41.
Nota: Cada estilo possui um tempo de batida original. Quando um pattern é
interrompido e um estilo diferente é selecionado, o BPM retorna ao programa
original do novo estilo.
Página 49
AJUSTANDO O VOLUME DE PATTERN
O volume da reprodução do PATTERN pode ser ajustado. Este controle de
volume afeta somente o volume de PATTERN. A faixa de volume vai de 000 a
127.
1. Selecione a função de volume de Pattern no menu OVERALL - Pressione
o botão OVERALL repetidamente se necessário, até que “PtrnVol” apareça no
display.
Página 50
FINGERING
Quando o controle de PATTERN está ligado, o DJX cria automaticamente faixas
de acompanhamento - bateria, percussão, baixo, acordes, hits e outras frases e troca os acordes juntamente com você. Tudo o que tem a fazer é tocar uma
única nota ou acorde no modo PATTERN - e o DJX segue você.
Naturalmente, você pode tocar acordes completos (Como os mostrados no
quadro abaixo - página 50), e o pattern trocará a harmonia de acordo. Quando
você toca notas individuais, o DJX produz os acordes baseados na nota
principal.
Por exemplo, todas as notas individuais dos acordes no estilo TECHNO (#001)
são menores, todos os acordes para TRIP HOP (#002) são menores com 7A e
11A. Isto lhe permite tocar fácil e rapidamente a maioria dos gêneros musicais
com as sofisticadas mudanças de acordes - pressionando-se somente uma
única tecla.
Usando-se a tecla C como exemplo, a tabela abaixo mostra os tipos de acordes
que podem ser reconhecidos. Quando PART CONTROL é ligado, a faixa de
reconhecimento da seção de PATTERN pode ser pequena para reconhecer
todos os acordes nas 12 teclas. Para um melhor resultado, quando tocar
acordes completos na seção PATTERN, desligue o PART CONTROL.
(Veja tabela de acordes na página 50 do manual)
Nota: Tocando acordes completos, pode não haver a mudança de PATTERN
desejada. Por exemplo, acordes com 7A maior não mudarão os acordes de
PATTERN que possuem frases ou linhas com 7A dominante.
Acordes tocados na seção de PATTERN também são acionados e desligados
quando o PATTERN é parado. Contudo, isso lhe permite “dividir o teclado”, com
baixo e acordes na mão esquerda e a voz selecionada na direita.
Página 51
(Veja tabela de acordes na página 51)
Nota:
• Notas entre parênteses não podem ser omitidas.
• Se tocar qualquer uma das 3 teclas adjacentes (incluindo as negras) o som do
acorde será cancelado e somente o ritmo vai continuar tocando (função
CHORD CANCEL)
• Tocar 2 notas principais no acorde em oitavas diferentes, produzirá acorde
baseado em somente uma nota.
• A 5A perfeita (1+5) produz um pattern baseado em somente uma nota
principal e 5A, que pode ser usado tantos em acordes maiores quanto
menores.
• Os acordes FINGERING listados são todos de notas principais, mas suas
inversões podem ser usadas
• Acordes com inversão de 7A sus 4A, não serão reconhecidos se a 5A for
omitida.
• O pattern de vez em quando não trocará de acordo com o acorde relativo
tocado. (Ex; alguns acordes menores seguirão os menores com 7A.
• Em FINGERING somente uma nota será tocada por vez.
Página 52
BATIDA INVERTIDA
O DJX possui também uma característica especial de batida invertida que lhe
permite quebrar o pattern mantendo o ritmo num sincopado incomum. Pressione
a tecla e automaticamente e reverta automaticamente o pattern da última
medição do compasso (primeira batida).
1. Selecione um estilo e inicie o PATTERN - Faça isso do modo normal (pg
44)
2. Ligue o PART CONTROL - Pressione o botão PART CONTROL
3. Pressione a tecla de batida revertida (C1) - Pressione a tecla mais baixa do
teclado cada vez que desejar que o pattern inicie novamente do topo.
Pressione repetidamente para sustentar o efeito.
PART liga / desliga
Esta excitante característica coloca você em uma cadeira de produtor - permite
instantânea e intuitivamente silenciar ou não partes individuais do pattern,
simplesmente pressionando a tecla PART ON/OFF de seu teclado.
Página 53
1. Selecione um estilo e inicie o PATTERN - Faça isso do modo normal (pg 44
- 46)
2. Ligue o PART CONTROL - Pressione o botão PART CONTROL
3. Pressione a tecla apropriada para silenciar ou não as partes desejadas Quando um Pattern está sendo reproduzido, pressione a tecla PART ON/OFF
na seção correspondente. (Você pode também pressionar várias teclas ao
mesmo tempo para silenciar ou não várias partes do pattern). Para ligar ou
desligar a função PART, pressione o botão PART CONTROL novamente.
Sobre as Partes
Os instrumentos atuais e a música de fundo usadas para frases 1, 2 e 3 podem
diferir ligeiramente, dependendo do estilo selecionado. Isto se aplica a algumas
de outras partes também. Por exemplo, a parte de caixa de alguns patterns
podem não soar como uma caixa de bateria, “bumbo,” “caixa,” e “Hi-Hat”, são os
principais elementos do ritmo - e não necessariamente sons.
Página 54
PROGRAMANDO O PONTO DE DIVISÃO DO PATTERN
Este ponto determina a tecla mais alta para a divisão da seção de pattern. O
Pattern pode ser tocado com as teclas mais altas e incluindo a tecla de divisão.
Este parâmetro pode ser programado mais abaixo (mas não acima) do que o
ponto de divisão no modo SPLIT. Quando programar valores diferentes, os 2
programas afetam um ao outro do seguinte modo:
• Quando o modo SPLIT e o ponto de divisão são programados acima do
ponto de divisão do PATTERN
• Quando o modo SPLIT e o ponto de divisão são programados na mesma
tecla do ponto de divisão do PATTERN
O atual ponto de divisão (divisão de voz e tecla do pattern) mudam de acordo
com o programa de liga / desliga de PART CONTROL. Quando está acionado,
os pontos de divisão são os programados. Quando PART CONTROL está
desligado, os dois pontos de divisão descem uma oitava, aumentando a faixa de
performance do teclado. Os seguintes exemplos ilustram como os pontos trocam
em cada caso.
• Quando PART CONTROL está ligado
• Quando PART CONTROL está desligado
(Veja figuras na página 54 do manual)
Página 55
Função PARAMETER - Ponto de divisão de PATTERN
Selecionando e mudando o ponto de divisão de PATTERN
Pressione o botão FUNCTION, então use o teclado numérico para selecionar o
parâmetro número 51. Após “FUNCTION” para de piscar, use o teclado
numérico ou os botões +/- para mudar os programas. Os valores podem ser
mudados diretamente pressionado-se a tecla desejada enquanto o parâmetro é
selecionado. Após programá-lo, assegure-se de ter selecionado um parâmetro
diferente ou saia do modo FUNCTION antes de tocar o teclado.
Parâmetros de FUNCTION
No
F51
Nome do
parâmetro
Ponto de
divisão de
Nome no
display
PtrnSpnt
Faixa /
Descrição
programa
000 ~127 Determina a tecla mais alta para a
divisão de pattern e programa o
Pattern
ponto de divisão - ou separa as
seções de pattern e performance.
Quando o controle de pattern está
ligado, o som de pattern toca até e
inclusive a tecla do ponto de
divisão.) O programa original do
ponto de divisão é a tecla 068
(G#3). Isto não pode ser alterado
para uma tecla mais alta. Enquanto
está sendo programado, o teclado
não produz nenhum som. Após a
programação, assegure-se de sair
deste modo antes de tocar qualquer
tecla do teclado.
Página 56
SEÇÃO DE PERFORMANCE
Esta seção tem a função forte e conveniente no modo STYLE, que lhe
permite instantaneamente reconfigurar virtualmente todos os programas
do DJX. Dois tipos de programas estão disponíveis: Do usuário (USER) e
Programado (PRESET).
SEÇÃO PERFORMANCE - USUÁRIO
Quatro bancos do usuário com quatro diferentes programas - total de 16 - estão
disponíveis para seus programas pessoais. O conjunto de PERFORMANCE DO
USUÁRIO pode ter programas diferentes para os seguintes parâmetros:
• Número de voz principal
• Todos os programas de voz (DSP, CHORUS, RESSONANCE, ETC.)
• Número de DUAL VOICE
• Todos os programas de DUAL VOICE (On/ Off, Volume, Oitava, Etc.)
• Número de divisão de voz
• Todos os programas de divisão de voz
• Liga e desliga e tipo de reverber
• Liga e desliga e tipo de chorus
• Liga e desliga e tipo de DSP
• Liga e desliga, tipo de arpegiador e velocidade
• Número do estilo e programas relativos ao estilo
• Seleção de partes (Knobs e controle Ribbon)
• FOOTSWITCH
• Sensibilidade ao toque
• Faixa de PITCH BEND
Gravando o conjunto de performance do usuário
1. Faça todos os programas desejados para o DJX - Virtualmente todos os
programas do DJX podem ser armazenados no botão de usuário.
2. Selecione o PSU (PERFORMANCE SETUP) no modo RECORD - Pressione
o botão RECORD até que PSU USER apareça no display.
3. Selecione o banco desejado - Use os botões +/- ou o teclado numérico para
selecionar o banco desejado (1 ~4)
Página 57
4. Selecione o número do usuário desejado - Pressione o botão
correspondente de conjunto de performance do usuário (1 ~4). Fazendo isso,
os programas são gravados no botão selecionado.
5. Saia do modo RECORD - Pressione o botão RECORD
Chamando o conjunto de performance do usuário
Uma vez gravado todos os programas no botão do usuário, você pode chamar
instantaneamente estes programas:
1. Entre no modo STYLE - Pressione o botão STYLE
2. Pressione o botão apropriado de conjunto de performance do usuário Pressione os botões de usuário de 1 a 4 correspondente ao programa
desejado.
Selecionando um banco do usuário
Antes de selecionar a performance do usuário, você pode desejar selecionar um
banco diferente. Para isso, faça:
1. Selecione a função número 41
2. Após a indicação FUNCTION parar de piscar, selecione o banco desejado
através dos botões +/- ou o teclado numérico.
Página 58
SEÇÃO PERFORMANCE - PROGRAMADO
Estes programas são usados de um modo ligeiramente diferentes dos
programas do usuário. Primeiro, selecione um estilo, então selecione um
programa de performance. Os programas
A e B são especialmente
programados pela fábrica para encaixar-se no estilo selecionado. Isto significa
que você pode selecionar o estilo que quiser, então escolha o programa mais
adequado a voz, efeito e outros programas para aquele estilo.
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
Número de voz principal
Todos os programas de voz (DSP, CHORUS, RESSONANCE, ETC.)
Número de DUAL VOICE
Todos os programas de DUAL VOICE (On/ Off, Volume, Oitava, Etc.)
Número de divisão de voz
Todos os programas de divisão de voz
Liga e desliga e tipo de reverber
Liga e desliga e tipo de chorus
Liga e desliga e tipo de DSP
Liga e desliga, tipo de arpegiador e velocidade
Número do estilo e programas relativos ao estilo
Seleção de partes (Knobs e controle Ribbon)
Programas do menu OVERALL
Faixa de PITCH BEND
Selecionado o conjunto de performance programado
1. Selecione um estilo 2. Pressione o botão apropriado de (PERFORMANCE SETUP)
3. Toque o PATTERN - Desde que os botões SYNC-START e PATTERN
CONTROL estarem automaticamente colocados em ON, toque o teclado e o
acorde na seção PATTERN e inicie o pattern.
Página 59
OS KNOBS
Os Knobs de controles do DJX lhe da um controle expressivo sobre várias
partes do som. Você pode usar os botões para “beliscar” o som de
qualquer uma das vozes (principal, DUAL ou SPLIT) enquanto você as
executa. Ou você pode usá-las para mudar o som das partes
individualmente - em tempo real enquanto o pattern toca.
Usando os KNOBS
Dica:
1. Ligue o PART CONTROL Pressione o botão PART CONTROL)
2. Selecione a parte que deseja controlar
3. Inicie o pattern / canção
4. Gire os knobs para mudar o som enquanto você toca
1. Se PART CONTROL não está ligado, ligue-o pressionando o botão PART
CONTROL - Quando você liga o DJX, o PART CONTROL é automaticamente
acionado - talvez você não precise fazer este passo
Para descobrir se PART CONTROL está ou não ligado, cheque o ícone no
display. Se estiver ligado, aparecerá como: PT Pn
Se estiver desligado, aparecerá como: --- Pn
Para ligar ou desligar, pressione o botão PART CONTROL
Página 60
2. Selecione a parte que deseja controlar - Pressione uma das teclas de
PART SELECT no final do lado esquerdo do teclado (C#1 - B1). Cada uma
das teclas correspondem a vozes ou partes diferentes do pattern - permitindo
selecionar um som de instrumento individualmente para que você possa
“beliscar” com os knobs. O nome de cada parte é impressa acima de cada
tecla. As teclas de PART SELECT funcionam diferente quando o modo SONG
é acionado. A tecla que indica a parte selecionada aparece em escuro no
display.
3. Inicie o Pattern / Canção - Pressione o botão START / STOP.
Página 61
4. Gire os knobs para mudar os sons - Gire o botão para esquerda para
mínimo (ou negativo) e para direita para máximo (ou positivo). A posição de
“0” ou 12 horas significa que está voltando a zero.
Cada botão significa:
CUTOFF - Cria o Wah - Wah e varia os filtros de efeitos na parte ou voz
selecionada
RESONANCE - Mexa nele para programar o nível de CUTOFF do botão acima.
Para a maioria das aplicações programe-o a um certo ponto e controle pelo
botão CUTOFF
GROOVE - Mexa para mudar todo o som do pattern. Afeta somente as partes de
pattern.
ASSIGN - Este é um botão de várias funções - pode ser programado para
qualquer uma das 12 diferentes funções.
BASS BOOST - È similar ao controle de graves no amplificador estéreo, isso
afeta todas as partes e vozes. Para engordar ou aprofundar o som, gire-o para
direita. Para esquerda, o som fica mais brilhante e agudo.
Dica quente:
Deseja mais teclas para a seção performance do teclado? Programe o valor
mais baixo para o ponto de divisão de pattern. Por exemplo; programando o
ponto de divisão em 47 você poderá usar as teclas acima de C2 para tocar as
vozes.
Deseja chamar instantaneamente seus programas favoritos? Muitos dos
programas mencionados acima podem ser memorizados como parte do conjunto
de parâmetros de PERFORMANCE. Uma vez criado o PERFORMANCE
CUSTOM, apenas pressione o botão PERFORMANCE SETUP apropriado.
Página 62
Sobre CUTOFF e RESONANCE
Dois controles de filtros diferentes são achados em muitos sintetizadores
análogos. O filtro permite que certas partes do som possam ser ouvidas,
enquanto silencia os mais altos. O gráfico abaixo mostra como funciona. (Veja
figura 1 na página 62 do manual)
A freqüência de CUTOFF determina que faixa de freqüência passa ou fica nos
filtros - isto determina o que você vai ouvir. As altas freqüências são silenciadas.
Com o botão de CUTOFF você pode ajustar estas freqüências, como isto: (Veja
figura 2 na página 62 do manual)
A ressonância permite o ajuste do nível de ênfase do filtro. Girando o botão de
RESONANCE para a direita aumenta o pico de ressonância, e para esquerda
diminui o volume como abaixo: (Veja figura 3 na página 62 do manual)
O que isto significa em termos de som? Programando o botão de RESONANCE
para esquerda, faz com que os efeitos de CUTOFF fiquem fortes e cria uma
vasta gama tonal.
Mantenha em mente que os controles de CUTOFF e RESONANCE dependem
de outros programas bem como das freqüências que estão sendo controladas.
Dependendo da posição do botão de RESONANCE, o botão CUTOFF pode não
ter efeito no som. O inverso também é verdadeiro.
SOBRE GROOVE
Musicalmente, GROOVE determina a quantidade de SWING no pattern.
Tecnicamente, muda o tempo do pattern para produzir uma sensação de ritmo
diferente. Dependendo da posição do botão GROOVE, certas partes (como
frases 1, 2 e 3) podem não produzir sons.
Página 63
BOTÃO ASSIGN
O botão ASSIGN, pode enviar uma das variadas funções - 12 no total - que não
estão disponíveis em outros botões.
Dica:
1. Selecione o botão ASSIGN no menu OVERALL 2. Selecione os parâmetros de ASSIGN 3. Use o botão ASSIGN do mesmo modo que os outros botões.
1. Selecione o botão ASSIGN no menu OVERALL
2. Selecione os parâmetros para ASSIGN - Use os botões OVERALL +/- para
selecionar os parâmetros a serem controlados pelo botão ASSIGN. A lista
seguinte explica rapidamente os parâmetros.
Nota:
• O programa original para o botão ASSIGN é 09 dinâmico
• Selecionando uma parte que não é necessária não terá efeitos nos seguintes
parâmetros:
• Dinâmicos
• Força de dinâmicos
• Plataforma giratória
• Velocidade de arpegiador - Este parâmetro está programado para afetar certa
parte ou partes.
Página 64
Parâmetros do botão ASSIGN
No
01
02
03
Nome do Nome no
parâmetro Display
Nível
de REVLEVEL
envio
de
reverber
Nível
de CHOLEVEL
envio
de
chorus
Nível
de DSPLEVEL
envio
de
Descrição
Determina a profundidade do nível de reverber.
Girando o botão aciona-se o reverber, sua
programação original é desligada
Determina a profundidade do nível de chorus.
Girando o botão aciona-se o chorus, sua
programação original é desligada
Determina a profundidade do nível de DSP.
Girando o botão aciona-se o DSP, sua
04
05
06
07
08
09
10
11
12
DSP
Modulação
programação original é desligada
Cria uma onda de efeito vibratória. Quando o
botão está na posição 12:00hs, não há mudança
no som. Qualquer das posições produz
alterações
Tempo de ATTACK Determina quanto tempo o som leva para atingir
ataque
seu volume máximo. Para certos sons de
percussão quase não existem alterações.
Girando para direita produz um tempo mais
longo de sustain, e para esquerda um tempo
mais curto
Tempo de RELEASE Determina quanto tempo o som sustenta após ter
soltura
sido tocada a nota Para certos sons de
percussão quase não existem alterações.
Girando para direita produz um tempo mais
longo de sustain, e para esquerda um tempo
mais curto
PAN
PAN
Determina a posição do som numa imagem
estéreo
VOLUME
VOLUME Determina o nível de volume do som. Para
esquerda diminui e para direita aumenta
DYNAMICS Provoca subta e drástica mudança nos patterns
Dinâmico
alterando o nível individual das notas
Força de STRENGTH Determina a força do nível de mudanças nos
dinâmicos
parâmetros de dinâmicos. Isto afeta todo o
pattern, não tem efeito na parte selecionada
TURNTBL
Prato
Determina o tempo e o tom de todo o som do
giratório
DJX, afeta todas as partes do pattern e vozes.
Dependendo da voz selecionada pode haver
apenas uma pequena mudança no tom.
Velocidade ARPSPEED Determina a velocidade da função de arpegiador
do
arpegiador
MOD
Página 65
Dica quente:
Deseja usar outro dos parâmetros ao mesmo tempo?
Lembre-se que os mesmo parâmetros também estão disponíveis no controle
RIBBON.
Deseja uma mudança rápida nos diferentes parâmetros do botão ASSIGN?
Use a função de PERFORMANCE SETUP para armazenar os programas do
botão ASSIGN para a chamada instantânea.
Página 66
CONTROLE RIBBON
Este controle é fantástico e extremamente fácil de usar em sua
performance. Uma vez achada a
característica procurada em um
sintetizador analógico, isto raramente é incluída num instrumento moderno
- até agora, veja o DJX!
Este controle pode ser programado de 1 a 15 parâmetros diferentes. Inclui todos
os parâmetros utilizados no botão ASSIGN, mais os parâmetros controlados pelo
botões de CUTOFF, RESONANCE e GROOVE.
Usando o controle RIBBON
Dica:
1. Selecione o RIBBON CONTROLLER ASSIGN no menu OVERALL 2. Selecione os parâmetros de RIBBON CONTROLLER ASSIGN 3. Selecione a parte
4. Use O RIBBON CONTROLLER ASSIGN para mudar os sons
1. Selecione o RIBBON CONTROLLER ASSIGN no menu OVERALL
2. Selecione os parâmetros para RIBBON CONTROLLER ASSIGN - Use os
botões OVERALL +/- para selecionar os parâmetros a serem controlados pelo
RIBBON CONTROLLER.
Nota:
• O programa original para o botão RIBBON CONTROLLER ASSIGN é 14
giratório
• Selecionando uma parte que não é necessária não terá efeitos nos seguintes
parâmetros:
• Dinâmicos
• Força de dinâmicos
• Plataforma giratória
• Velocidade de arpegiador - Este parâmetro está programado para afetar certa
parte ou partes.
Página 67
A tabela a seguir mostra rapidamente os parâmetros.
Parâmetros do RIBBON CONTROLLER
No
01
02
Nome do Nome no
Descrição
parâmetro Display
Freqüência CUTOFF
É o mesmo parâmetro controlado pelo botão
de corte
CUTOFF
RESONANC
Ressonância
É o mesmo parâmetro controlado pelo botão
03
04
05
06
07
08
09
10
11
12
13
14
15
Nível
de
envio
de
reverber
Nível
de
envio
de
chorus
Nível
de
envio
de
DSP
Modulação
Tempo de
ataque
Tempo de
soltura
PAN
VOLUME
GROOVE
Dinâmico
Força de
dinâmicos
Prato
giratório
Velocidade
do
arpegiador
REVLEVEL
RESONANCE
É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #01
CHOLEVL
É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #02
DSPLEVL
É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #03
MOD
ATTACK
É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #04 e
cria uma onda de efeito vibratória. Quando o
botão está na posição 12:00hs, não há mudança
no som.
É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #05
RELEASE
É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #06
PAN
É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #07
VOLUME É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #08
GROOVE É o mesmo parâmetro do botão GROOVE
DYNAMICS É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #09
STRENGTH
É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #10
TURNTBL
É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #11
ARPSPEED
É o mesmo parâmetro do botão ASSIGN #12
Página 68
3. Selecione a parte e inicie a canção / Pattern - Faça isso do mesmo jeito
que com os knobs, 1) Assegure-se que o PART CONTROL está ligado 2)
Selecione a parte 3) Desligue o PART CONTROL 4) Inicie o pattern / canção
4. Use o controle RIBBON para mudar o som - Toque o controle com um dos
dedos e veja as diferenças do som na parte selecionada. Na posição mais a
esquerda, o controle corresponde a “0”, na mais a direita está no máximo.
Dica quente:
Deseja usar outro dos parâmetros ao mesmo tempo?
Lembre-se que os mesmo parâmetros também estão disponíveis no controle
ASSIGN.
Deseja uma mudança rápida nos diferentes parâmetros do botão ASSIGN?
Use a função de PERFORMANCE SETUP para armazenar os programas do
botão ASSIGN para a chamada instantânea.
Página 69
AMOSTRAGEM (SAMPLING) DIGITAL
Sobre a amostragem digital
O que é SAMPLING (Amostra)? - Tecnicamente, é uma gravação digital de
uma som. O som pode ser uma voz ou um instrumento acústico (através de um
microfone) ou gravado de um CD ou fita cassete. Uma vez gravado, resulta num
“SAMPLE” que pode ser editado, cortado ou duplicado para tocar em vários tons
no teclado.
SAMPLING, é claro, é uma tecnologia revolucionária. Mas é muito mais que isto.
No caso de você não ter prestado muita atenção, sampling é
extraordinariamente popular e parte integrante da maioria das músicas que
possuem tecnologia de ponta.
Com esta característica de sampling digital construída internamento no DJX,
fique muito fácil aplicá-la em sua música. Os sampling criados por você ficam
automaticamente armazenados na voz #284 (“SAMPLED”) e pode ser tocada no
teclado como qualquer outra voz - e também modificada pelos controles
RIBBON E PITCH BEND!
Dica:
1. Programe o DJX para SAMPLING (Conecte um microfone ou uma fonte de
nível de linha)
2. Entre no modo SAMPLING (Pressione o botão RECORD na seção DIGITAL
SAMPLING)
3. Pressione a tecla na qual o novo SAMPLE será enviado
4. Programe o sampling para STAND BY - (Pressione o botão START / STOP,
a gravação começa quando o sinal é recebido)
5. Pare a gravação - Pressione o botão START / STOP
6. Saia do modo de SAMPLING - (pressione o botão RECORD de novo)
Nota:
Nesta seção, as palavras gravação e sampling são usadas de diferentes formas,
porém possuem o mesmo significado.
Página 70
GRAVANDO E TOCANDO UM SAMPLE
1. Programe o DJX para SAMPLING - Se está gravando uma voz ou um
instrumento acústico com um microfone, conecte o microfone a entrada MIC
no painel traseiro. Se estiver “SAMPLIANDO” uma fonte de linha, como um
toca fitas ou CD, conecte na entrada LINE IN.
Cuidado - Nunca conecte um sinal de nível de linha (CD, cassete ou
instrumento eletrônico, etc,) na entrada MIC! Se fizer isso poderá danificar o DJX
e suas funções digitais.
2. Entre no modo SAMPLING - Pressione o botão RECORD (Na seção
DIGITAL SAMPLING). Isto automaticamente cancela outras funções e
operações. Isto também desativa o dial de MASTER VOLUME - O nível de
som é controlado somente pelo botão INPUT LEVEL.
3. Programe o nível de gravação - Fale ou cante ao microfone (ou toque uma
fonte de sinal). Quando fizer isso, use o botão INPUT LEVEL para ajustar o
nível de gravação. Gire devagar para a direita até o nível apropriado. A
medição de nível no display indica o nível de sinal. Normalmente, o nível do
TRIGGER não precisa ser programado, contudo, se desejar, você poderá
trocar o programa. Para maiores informações, veja o quadro abaixo “NÍVEL
DE TRIGGER”
Dica Quente:
Conexões: - Nunca conecte um sinal de nível de linha (CD, cassete ou
instrumento eletrônico, etc,) na entrada MIC! Se fizer isso poderá danificar o DJX
e suas funções digitais.
Evitando microfonia: - Assegure-se que o microfone está relativamente
distante dos falantes e em direção oposta aos mesmos.
Pontos iniciais para gravação: - Inicie sempre a gravação o mais perto
possível do ponto inicial, uma vez que isso não pode ser alterado mais tarde. Por
exemplo, se está gravando uma frase de ritmo com 4 batidas de um CD, deixe-o
em pausa e quando pressionar PLAY, a frase tocará do início do compasso. O
programa de nível de TRIGGER pode ajudá-lo nisso também, desde que
efetivamente colocada a amostra de gravação pronta para receber um sinal
suficientemente forte para acioná-lo.
Os níveis: - Em geral, você deseja gravar os sinais o mais “quente” possível alto o suficiente para a gravação ser ouvida, mas contanto que não haja
distorção. O medidor possui um total de 8 barras. Tente mantê-la no máximo até
a sétima. Picos de sinais ocasionalmente podem levá-la até o oito, mas isso
ainda resulta em uma gravação limpa.
Uso simultâneo das entradas MIC e LINE IN: - As duas entradas podem ser
usadas simultaneamente para gravação, neste caso, você poderá ajustar o
balanço da linha de sinal com seus vocais, usando o botão INPUT LEVEL para
controlar os níveis gerais.
Nível de TRIGGER
Na verdade, o DJX não começa a gravação imediatamente quando pressionada
a tecla START/STOP. Uma vez este botão pressionado, o DJX irá esperar por
um sinal para iniciar (programado pelo nível de TRIGGER). Quando ouvir o sinal,
iniciará a gravação. Para programar o nível de TRIGGER, use os botões +/- do
teclado numérico. Se aumentar o nível de TRIGGER, um sinal mais baixo
iniciará a gravação.
Nota: Se quiser restaurar o programa de TRIGGER original, pressione
simultaneamente os botões +/-.
Página 72
Para entender melhor como o nível de TRIGGER funciona, vamos pegar um
exemplo específico - a frase a ser grava é “A ONE AND A TWO”, onde ONE e
TWO são ditas mais altas que as outras palavras. Desde que o primeiro “A” foi
dito mais baixo que o sinal mínimo de TRGGER, o DJX na verdade começará a
gravação em “ONE”, portanto se desejar gravar toda a frase, o nível de
TRIGGER deverá ser colocado mais baixo. (Veja figura 1 na página 72 do
manual). Com o novo programa de nível de TRIGGER, a frase inteira será
gravada, contudo, tome cuidado para não programar um nível muito baixo, pois
a gravação poderá se iniciar com sons acidentais (respiração, toque no
microfone, etc.,).
4. Pressione a tecla que deseja enviar o novo SAMPLE - Pressione a tecla
desejada no teclado.
5. Programe a função para STAND-BY - Pressionando o botão START/STOP,
o DJX iniciará a gravação quando um sinal de áudio for recebido.
Página 73
6. Pare a gravação - Pressione o botão START/STOP para parar a gravação. O
total de tempo restante para a gravação é mostrado no display em percentual
(100% é o máximo)
Nota: Assegure-se de parar a gravação imediatamente após o final do som. A
gravação de sons desnecessários diminui a quantidade de memória disponível.
Capacidade de memória de gravação
O DJX possui um espaço de memória de gravação de aproximadamente 6
segundos. Até 12 diferentes sinais podem ser gravados. Abaixo são listados
alguns exemplos de gravações com o tempo percentual restante disponível, e
seus correspondentes em segundos.
% LIVRE
100
80
75
TEMPO DISPONÍVEL (Aproximadamente)
6 segundos
4,8 segundos
4,5 segundos
50
25
10
3 segundos
1,5 segundos
0,6 segundos
Lembre-se que existe no máximo 6 segundos disponíveis para a gravação, e
que nenhum SAMPLE pode ser superior a 3 segundos, pois o DJX para
automaticamente a gravação. Quando não há mais tempo disponível para a
gravação, o seguinte display aparecerá MEM FULL.
Quando 12 amostras já foram gravadas, o display mostrará: BANK FULL.
7. Saindo do modo SAMPLING - Pressione o botão RECORD novamente. A
voz #284 é automaticamente selecionada. Gire o botão INPUT LEVEL ao
mínimo (desconecte o microfone ou a fonte de sinal), e coloque o MASTER
VOLUME em altura suficiente para reproduzir a voz. A velocidade e o tom
seguem as teclas do teclado.
Cuidado: Perda de energia significa perda de SAMPLES. Enquanto o adaptador
CA ou as pilhas estiverem colocadas, o DJX reterá as amostras na memória.
Contudo se houver uma interrupção na energia, os dados de SAMPLE serão
perdidos e a voz #284 voltará com a amostra original de fábrica. Assegure-se de
salvar os dados importantes de SAMPLE usando a função de SAMPLING DATA
BULK DUMP (página 97).
Página 74
Apagando um SAMPLE - Você poderá facilmente apagar uma amostra
específica, do seguinte modo:
1. Entre no modo SAMPLING - Pressione o botão RECORD
2. Pressione a tecla original do SAMPLE
3. Apague a amostra pressionando o botão +/FWD - “DELETE” aparecerá no
display, então pressione novamente o botão +/FWD para apagar a amostra.
“END” aparecerá rapidamente no display antes de retornar a operação. Se
você inadvertidamente pressionou a tecla de apagar para uma amostra que
deseja manter, simplesmente pressione o botão -/BWD para cancelar a
operação.
Gravação de SAMPLES adicionais - O DJX tem espaço para 12 amostras.
Gravar amostras adicionais é muito simples. Siga os passos de gravação das
primeiras amostras, mas selecione uma tecla diferente no passo #4.
Nota:
Amostras adicionais são mapeadas para o teclado, então existe um espaço igual
entre as amostras. Por exemplo, se gravou uma amostra em C3, e quer gravar
uma nova amostra em A3, os SAMPLES são mapeados para o teclado do
seguinte modo:
Primeira amostra gravada em C3. Segunda amostra gravada em C3. O ponto de
divisão será no meio da distância entre as teclas originais
(Veja figura 2 na página 74 do manual)
Dica quente:
Esqueceu onde gravou as amostras?
O DJX checa rapidamente aonde estão as amostras. As teclas originais
aparecem escuras no display.
Página 75
EDIÇÃO DAS AMOSTRAS
O DJX possui uma ferramenta simples mas poderosa para edição das amostras.
Programando o ponto final - Este ponto determina o quanto da amostra será
reproduzida cada vez que você toca a tecla. Três diferentes resoluções COARSE, MID e FINE - proporcionam uma movimentação por toda a amostra
até que você determine o ponto exato da edição.
Dica:
1. Entre no modo SAMPLING
2. Chame a função de edição de SAMPLING - Pressione o botão FUNCTION
3. Selecione a amostra desejada
4. Programe a amostra para tocar de “uma vez”
5. Ajuste o ponto final. Use diferentes formas de edição se necessário
6. Saia do modo de edição de SAMPLING
1. Entre no modo SAMPLING - Pressione o botão RECORD
2. Chame a função de edição - Pressione o botão FUNCTION. A função de
edição de SAMPLING inclui: Seleção de onda / LOOP/ ONE SHOT/ Ponto
final de COARSE (1/16) / Final do ponto MID (1/256) / Final do ponto FINE
(1/4096). Você pode selecionar uma das 3 usando os botões OVERALL.
Página 76
3. Selecione a amostra desejada (WAVE) - Toque uma tecla de amostra. Uma
vez achada a amostra desejada, evite tocar outras teclas e vá direto ao passo
#4.
4. Programe a amostra para tocar ‘ONE SHOT” - Significa que será tocada
uma única vez quando a tecla é pressionada. Então: 1) Use os botões
OVERALL para selecionar a função LOOP / ONE SHOT 2) Use os botões
OVERALL para mudar os programas se necessário.
5. Ajuste o ponto final - O DJX possui 3 diferentes resoluções de edição.
Então:
1. Selecione a resolução de edição COARSE (1/16) com os botões
OVERALL.
Página 77
2. Mova o cursor sobre as formas de onda usando os botões
OVERALL - A posição do cursor determina o ponto final de edição.
3. Toque o teclado e ouça a amostra editada - Repita quantas vezes
forem necessárias ajustando o cursor ao ponto de edição. Geralmente é
melhor tocar as amostras nas teclas mais baixas porque aumenta o
tempo de reprodução, então você pode precisar mais facilmente o ponto
exato.
4. Selecione uma resolução mais detalhada se necessário, e repita os
passos 2 e 3 acima - A melhor forma de editar os ajustes é: começar
pelo COARSE, MID, FINE.
Página 78
6. Saia do modo SAMPLING - Pressione o botão RECORD novamente. O seu
novo ponto final de edição está automaticamente salvo, e será chamado toda
vez que você chamar a voz #284.
Criando LOOPS
LOOPING é uma das mais excitantes aplicações para gravação digital. Isto lhe
permite repetir uma amostra indefinidamente, simplesmente tocando uma tecla.
Dica:
1. Entre no modo SAMPLING
2. Chame o modo de edição de SAMPLING - Pressione o botão FUNCTION
3. Selecione a amostra desejada - Pressione qualquer tecla para amostragem
4. Programe a amostra para “LOOP”
5. Ajuste o ponto final. Use diferentes resoluções se necessário
6. Saia do modo de edição de SAMPLING
1. 1. Entre no modo SAMPLING - Pressione o botão RECORD
2. Chame a função de edição - Pressione o botão FUNCTION.
3. Selecione a amostra desejada (WAVE) - Toque uma tecla de amostra. Uma
vez achada a amostra desejada, evite tocar outras teclas e vá direto ao passo
#4.
4. Programe a amostra para tocar ‘ONE SHOT” - Significa que será tocada
uma única vez quando a tecla é pressionada. Então: 1) Use os botões
OVERALL para selecionar a função LOOP / ONE SHOT 2) Use os botões
OVERALL para mudar os programas se necessário.
Página 79
5. Ajuste o ponto final - Esta é a mesma operação do passo 5 acima
6. Saia do modo SAMPLING - Pressione o botão RECORD novamente. O
seu novo ponto final de edição está automaticamente salvo, e será
chamado
toda vez que você chamar a voz #284.
Sobre os programas de resolução
(Veja gráfico na página 79 do manual)
Página 80
GRAVANDO UMA CANÇÃO
O DJX possui um modo extremamente simples e poderoso que lhe permite
gravar suas performances - usando 6 diferentes faixas - para criar uma
completa orquestração para suas composições. Até 3 canções podem ser
gravadas e armazenadas. Existem 2 modos de gravação: Tempo Real e
Passo a passo.
Gravação em tempo real - Similar a gravação em cassete, enquanto você toca
o teclado é feita a gravação. Você pode também gravar partes subsequentes,
em faixas diferentes, e você poderá ouvir as faixas anteriormente gravadas
enquanto grava as novas.
Gravando Passo a Passo - Permite a entrada de notas individualmente. Como
uma escrita musical, permite que as notas sejam inseridas de uma em uma.
Cada método possui suas vantagens. A passo a passo é excelente pela
precisão de valores e ritmos, ou notas sincopadas de baixo ou bateria. Permite
uma gravação muito mais complexa que dificilmente se faz em tempo real. Já a
gravação em tempo real, capta o sentimento natural de uma performance ao
vivo. Cada um depende do tipo de música que deseja criar ou de sua preferência
individual. Por exemplo, você pode gravar na faixa 1 em tempo real, e na dois
passo a passo para obter maior precisão na construção da melodia de
acompanhamento.
Página 81
GRAVAÇÃO DA CANÇÃO DO USUÁRIO - GRAVAÇÃO EM TEMPO REAL
Dica:
1. Faça todos os programas no DJX
2. Selecione o modo de gravação em tempo real - Pressione o botão
RECORD
3. Selecione para gravação canção do usuário (USER) - Com o teclado
numérico
4. Selecione um número de faixa - Com os botões SONG MEMORY
5. Inicie a gravação - Através do teclado ou pelo botão START/STOP
6. Pare a gravação - Pressione novamente o botão START/STOP
7. Ouça sua nova gravação - Pressione o botão START/STOP
8. Grave as novas faixas conforme desejado - Repita os passos de 4 a 7
acima
9. Saia do modo de gravação ( RECORD) - Pressione o botão RECORD
Os dados podem ser gravados nas faixas normais (melodia)
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
Número de voz principal
Notas ON/OFF
Velocidade
Todos os programas de voz (DSP, CHORUS, RESSONANCE, ETC.)
Número de DUAL VOICE
Todos os programas de DUAL VOICE (On/ Off, Volume, Oitava, Etc.)
Número de divisão de voz
Liga e desliga e tipo de reverber
Liga e desliga e tipo de chorus
Liga e desliga e tipo de DSP
Liga e desliga, tipo de arpegiador e velocidade
Sustain ON/OFF
BPM (tempo) e envio de tempo
Dados que podem ser salvos nas faixas de acordes
•
•
•
•
•
Número do estilo
Mudanças de acorde e tempo
Mudanças de seções (LEAD IN / BEAT A /B)
Volume de Pattern
BPM (tempo) e envio de tempo
Estes dados podem ser gravados no início da canção, e seus programas não
podem ser trocados no meio da canção.
1. Faça todos os programas desejados no DJX - Antes de iniciar a
gravação, você precisa fazer vários ajustes necessários para canção - como
selecionar estilo, voz e etc. Selecionando estilo, você pode usar sofisticados
acompanhamentos como parte de sua canção, deste modo, você
simplesmente toca os acordes e o DJX automaticamente cria o baixo e acordes
para acompanhamento. Se desejar, crie novos programas. Veja a lista acima
para programas que podem ser gravados para uma canção.
Página 82
2. Selecione o modo de gravação em tempo real - Pressione o botão
RECORD até que “REALTIME” apareça no display
3. Selecione a canção de usuário para gravação - Use o teclado numérico
para selecionar a canção desejada: USER 1 (004), USER 2 (005) ou USER
3
(006). As canções do usuário podem ser selecionadas do mesmo jeito que
as
vozes (página 25). Você pode usar o teclado numérico ou os botões +/- para
listar as canções ou pressione SONG para avançar sobre os números das
canções.
4. Selecione o número de faixa - Pressione o botão SONG MEMORY
correspondente a faixa desejada. (Este programa é opcional uma vez que o
DJX seleciona automaticamente a primeira faixa disponível. Quando não há
dados de canção, a faixa 1 é selecionada automaticamente)
Página 83
Gravando as faixas de acordes - Uma faixa especial para gravação de acordes
para dados de pattern. Isto é automaticamente gravado na faixa de acordes
(faixa 6). Para selecionar a faixa de acordes e retornar ao controle de Pattern,
pressione o botão PATTERN CONTROL. Você pode simultaneamente gravar
uma das faixas de melodia (1 ~ 5) e faixa de acordes (6).
5. Inicie a gravação - Quando o indicador RECORD para de piscar e a barra de
batidas e número de faixa começam a piscar, você pode iniciar a gravação
simplesmente tocando o teclado (ou pressionando o botão START/STOP).
Se desejar ensaiar uma parte antes da gravação, pressione o botão SYNCSTART para desligar a função. Após ensaiar, pressione novamente este
botão para retornar a condição acima.
Quando estiver gravando a faixa de acordes - Com o SYNC-START ligado,
toque o primeiro acorde de canção na seção PATTERN do teclado. O pattern
inicia automaticamente e você pode continuar gravando, tocando outros acordes
no tempo com o pattern. Se deseja cancelar a gravação neste ponto, pressione
o botão RECORD novamente.
6. Parando a gravação - Após ter terminado de tocar a parte, pressione o botão
STAT/STOP.
Página 84
7. Ouça sua nova gravação - Para reproduzir a canção desde o começo,
pressione o botão START/STOP novamente. A reprodução para
automaticamente ou simplesmente pressione o botão START/STOP.
8. Grave as outras faixas como desejado - Para isso, simplesmente repita os
passos 4 a 7 acima. Assegure-se que quando pressionar o botão SONG
MEMORY correspondente a faixa desejada, o número de faixa indicado
começa a piscar no display.
9. Saia do modo RECORD - Pressione o botão RECORD
Dica Quente:
Operações adicionais
Silenciando as faixas durante a gravação - Enquanto grava, você pode
selecionar as faixas para “MUTE”. Isto é útil, quando deseja ouvir certas faixas, e
não outras, durante a gravação. Para silenciar, pressione o botão SONG
MEMORY até que a faixa desejada é desligada no display. Cada vez que
pressiona SONG MEMORY, o ciclo corre através dos seguintes programas;
(Veja figura 1 na página 84 do manual)
Regravando uma faixa - Se você se enganou, e deseja gravar uma faixa
novamente: Pressione o botão SONG MEMORY até que a faixa desejada no
display comece a piscar. Ligue SYNC-START e então reinicie a gravação (como
explicado no passo 5 acima). Alternativamente pressione START/STOP para
iniciar a gravação.
Limpando uma única faixa - Isto é usado para apagar uma única faixa sem
apagar toda a canção. 1. Pressione o botão RECORD. 2. Selecione a faixa
desejada (usando o botão correspondente SONG MEMORY). 3. Pressione o
botão START?STOP para iniciar a gravação, e uma vez mais para parar ( sem
tocar nenhuma tecla). Isto apaga dados anteriores e cria uma faixa em branco.
Página 85
GRAVANDO UMA CANÇÃO DO USUÁRIO - GRAVAÇÃO PASSOA PASSO
Dica:
1. Faça todos os programas no DJX
2. Selecione o modo de gravação passo a passo - Pressione o botão
RECORD
3. Selecione para gravação canção do usuário (USER) - Com o teclado
numérico
4. Selecione um número de faixa - Com os botões SONG MEMORY
5. Inicie a gravação - Através do teclado ou pelo botão START/STOP
6. Ouça sua nova gravação - Pressione o botão START/STOP
7. Grave as novas faixas conforme desejado - Repita os passos de 4 a 7
acima
8. Saia do modo de gravação ( RECORD) - Pressione o botão RECORD
Os dados podem ser gravados nas faixas normais (melodia)
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
Número de voz principal
Notas ON/OFF
Velocidade
Todos os programas de voz (DSP, CHORUS, RESSONANCE, ETC.)
Número de DUAL VOICE
Todos os programas de DUAL VOICE (On/ Off, Volume, Oitava, Etc.)
Número de divisão de voz
Liga e desliga e tipo de reverber
Liga e desliga e tipo de chorus
Liga e desliga e tipo de DSP
Liga e desliga, tipo de arpegiador e velocidade
Sustain ON/OFF
BPM (tempo) e envio de tempo
Dados que podem ser salvos nas faixas de acordes
•
•
•
•
•
Número do estilo
Mudanças de acorde e tempo
Mudanças de seções (LEAD IN / BEAT A /B)
Volume de Pattern
BPM (tempo) e envio de tempo
Estes dados podem ser gravados no início da canção, e seus programas não
podem ser trocados no meio da canção.
1. Faça todos os programas desejados no DJX - Antes de iniciar a
gravação, você precisa fazer vários ajustes necessários para canção - como
selecionar estilo, voz e etc. Selecionando estilo, você pode usar sofisticados
acompanhamentos como parte de sua canção, deste modo, você
simplesmente toca os acordes e o DJX automaticamente cria o baixo e acordes
para acompanhamento. Se desejar, crie novos programas. Veja a lista acima
para programas que podem ser gravados para uma canção.
2. Selecione o modo de gravação passo a passo - Pressione o botão
RECORD até que “STEP” apareça no display
Página 85
3. Selecione a canção de usuário para gravação - Use o teclado numérico
para selecionar a canção desejada: USER 1 (004), USER 2 (005) ou USER
3
(006). As canções do usuário podem ser selecionadas do mesmo jeito que
as
vozes (página 25). Você pode usar o teclado numérico ou os botões +/- para
listar as canções ou pressione SONG para avançar sobre os números das
canções.
4. Selecione o número de faixa - Pressione o botão SONG MEMORY
correspondente a faixa desejada. (Este programa é opcional uma vez que o
DJX seleciona automaticamente a primeira faixa disponível. Quando não há
dados de canção, a faixa 1 é selecionada automaticamente)
Gravando as faixas de acordes - Uma faixa especial para gravação de acordes
para dados de pattern. Isto é automaticamente gravado na faixa de acordes
(faixa 6). Para selecionar a faixa de acordes e retornar ao controle de Pattern,
pressione o botão PATTERN CONTROL. Você pode simultaneamente gravar
uma das faixas de melodia (1 ~ 5) e faixa de acordes (6).
5. Inicie a gravação - Quando o indicador RECORD para de piscar e número de
faixa começam a piscar, você pode iniciar a gravação. Grave cada nota ou
acorde individualmente, como descrito acima.
Quando estiver gravando notas - 1. Selecione a posição desejada na canção
(compasso/batida) com os botões +/-. 2. Toque as teclas desejadas ( o nome da
nota é demonstrada no display). Quando estiver gravando acordes na faixa de
acordes certifique-se de que o controle Pattern está ligado, então toque o acorde
desejado na seção pattern do teclado.
Página 87
3. selecione a nota e valor (do tempo) com o teclado numérico (o valor da nota é
mostrado como ícone no display. A barra de batidas também indica a posição
de gravação atual ( como batidas e compassos). A nota é inserida
automaticamente e a gravação passo a passo move-se para a próxima
gravação, por exemplo, se todas as notas são inseridas no começo do
compasso 1 a próxima posição inicial será o compasso 2. Como mencionado
acima, você pode usar as teclas +/- para mover-se para frente e para trás na
faixa. Quando o material foi todo gravado o som de cada nota é tocado
sucessivamente.
Página 88
Dica quente
Gravando acordes e seções na faixa de acordes - 1. Toque o acorde na
seção pattern do teclado. 2. Selecione a seção pressionando o botão
correspondente. 3. Selecione o valor da nota com um teclado numérico. 4. Insira
os acordes adicionais repetindo os passos de um a três.
Gravando notas triplas e colcheias - na posição desejada pressione o botão
do teclado numérico correspondente( 7 para colcheias ou 9 para triplas).
Pressione o teclado numérico para o valor de notas desejado.
Gravando pausas - 1. Selecione a posição desejada na canção com os botões
+/-. 2. Pressione o botão 8 ( pausa) no teclado numérico. Se você deseja gravar
pausas de colcheias ou pausas triplas pressione 7 ou 9. 4. Pressione o teclado
numérico (de 1 a 6) correspondente ao valor da pausa desejada ( o valor
especificado de pausa aparece como ícone no display). 5. Após gravado os
valores de pausas desejado, grave a próxima nota.
Página89
6. Ouvindo sua nova gravação - Você pode ouvir toda a faixa gravada
pressionando o botão START/STOP.
7. Grave as outras faixas como desejado - Para isso, simplesmente repita os
passos 4 a 6 acima. Assegure-se que quando pressionar o botão SONG
MEMORY correspondente a faixa desejada, o número de faixa indicado
começa a piscar no display.
8. Saia do modo RECORD - Esta operação é a mesma do passo 9 da gravação
em tempo real.
Regravando uma nota ou colcheia - Se você deseja gravar uma nova nota ou
colcheia, simplesmente: 1. Selecione a posição desejada na canção com os
botões +/-. 2. Pressione uma nova nota no teclado (ou o valor de pausa
apropriado com o teclado numérico). 3. Entre um novo valor de nota com o
teclado numérico.4. Quando “DELETE?” aparecer pressione o botão +, para
cancelar pressione o botão -.
Página 90