AEG Electrolux | MAC 542E | 4466KB - Yamaha

MANUAL DO PROPRIETÁRIO
TONE GENERATOR
PT
MENSAGEM ESPECIAL
Este produto utiliza baterias ou uma fonte de alimentação externa (adaptador
AC). NÃO CONECTE este produto a qualquer outra fonte de alimentação ou
adaptador AC que não seja igual ao descrito neste manual, na placa de
identificação, ou recomendado especificamente pela Yamaha.
AVISO: Não coloque o produto em uma posição em que as pessoas possam
pisar ou tropeçar nos cabos de alimentação ou de conexão, ou onde possam
cair objetos sobre ele. Não é recomendado o uso de extensão para o cabo de
alimentação. Se for preciso usar uma extensão, a bitola mínima para um cabo
de até 7,5 m é 18 AWG. Quanto menor o valor AWG maior será a capacidade
de corrente do cabo. Para cabos mais longos, consulte um eletricista.
Este produto deve ser usado somente com os componentes que o
acompanham, ou com suportes recomendados pela Yamaha. Caso sejam
usados outros acessórios, observe todas as instruções de segurança que os
acompanham.
ESPECIFICAÇÕES SUJEITAS A ALTERAÇÃO:
As informações contidas neste manual foram assumidas como corretas na
ocasião da sua publicação. Entretanto, a Yamaha reserva o direito de
alterar ou modificar qualquer das especificações, sem obrigação de avisar
ou de atualizar as unidades existentes.
Este produto, tanto individualmente quanto em combinação com um
amplificador e fone de ouvido ou caixa(s) acústica(s), é capaz de produzir
níveis sonoros que podem causar perda permanente da audição. NÃO o
utilize durante muito tempo com um nível de volume alto ou que seja
desconfortável. Caso você perceba perda de audição ou zumbido nos
ouvidos, consulte um médico.
IMPORTANTE: Quanto maior o volume do som, mais rápido surgirão
os danos.
Alguns produtos da Yamaha podem ter bancos ou estruturas fornecidas com o
produto ou oferecidas como acessórios opcionais. Alguns desses itens foram
projetados para serem montados ou instalados pela loja. Favor certificar-se de
que os bancos estão firmes e estáveis e que qualquer estrutura opcional
(quando for o caso) está segura ANTES de usar.
Os bancos fornecidos pela Yamaha são projetados para se sentar neles. Não
use-os para outras finalidades.
Aviso sobre baterias:
Este produto PODE conter uma bateria não recarregável pequena que
(se for o caso) está soldada no circuito. A vida média deste tipo de
bateria é de aproximadamente cinco anos. Quando for necessário
substituí-la, entre em contato com a assistência técnica autorizada para
efetuar o serviço.
Este produto também pode conter baterias recarregáveis comuns. Antes
de recarregar uma bateria, certifique-se de que ela é recarregável e que
o carregador a ser usado é adequado à bateria.
Ao instalar as baterias, não misture novas com usadas, nem baterias de
tipos diferentes. As baterias devem ser instaladas corretamente; a
instalação incorreta e o uso de baterias de tipos diferentes podem
acarretar em super-aquecimento ou ruptura do invólucro da bateria.
Aviso:
Não tente desmontar nem coloque para incinerar a bateria. Mantenha-a
longe do alcance de crianças. Desfaça-se das baterias usadas conforme
os regulamentos da sua cidade. Verifique nas lojas que trabalham com
baterias o que fazer para se desfazer delas.
Como se desfazer do produto:
Caso este produto se danifique a ponto de não ter conserto, ou se por
alguma razão sua vida útil for considerada expirada, favor observar as leis
federais, estaduais e municipais que definem como se desfazer de
produtos que contenham baterias, plásticos, chumbo, etc.
PLACA DE IDENTIFICAÇÃO:
A placa de identificação está localizada embaixo do produto. O número
do modelo, o número de série, os requisitos de alimentação, etc., estão
nessa placa. Anote o número do modelo, o número de série, e a data
da compra nos campos abaixo e guarde este manual como registro
permanente da sua compra.
NOTA:
Os custos de serviços decorrentes do desconhecimento de como
operar uma função ou efeito (quando o produto está operando como
projetado) não estão cobertos pela garantia do fabricante, e são,
portanto, de responsabilidade do proprietário. Favor ler este manual
com atenção e consultar a loja antes de solicitar o serviço.
Modelo
QUESTÕES AMBIENTAIS:
No. de série
A Yamaha se empenha em fabricar produtos que sejam tanto seguros
para o usuário quanto adequados ao meio-ambiente. Nós acreditamos
sinceramente que nossos produtos e métodos de produção atendem a
esses objetivos. Em obediência tanto ao texto quanto às intenções da lei,
gostaríamos que você atentasse para o seguinte:
Data da compra
FAVOR GUARDAR ESTE MANUAL
2
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
3
PRECAUÇÕES
FAVOR LER COM ATENÇÃO ANTES DE PROSSEGUIR
*Guarde este manual em lugar seguro para o caso de necessitar no futuro.
AVISO
Siga sempre as precauções básicas listadas abaixo para evitar a possibilidade de prejuízos sérios ou mesmo morte por
choque elétrico, curto-circuito, danos, incêndio, ou outros riscos. Estas precauções incluem, mas não se limitam, ao seguinte:
Advertência sobre água
Fonte de alimentação / adaptador AC
• Use o equipamento somente na voltagem especificada. A voltagem
requerida está impressa na placa de identificação do equipamento.
• Use somente a fonte de alimentação especificada (PA-301, PA-300B ou
equivalente recomendada pela Yamaha). O uso de uma fonte de
alimentação inadequada pode causar danos ao instrumento ou
superaquecimento.
• Não exponha o equipamento à chuva, nem use-o próximo à água ou em
condições de umidade. Não coloque recipientes com líquido que possa ser
derramado sobre suas aberturas. Se cair algum líquido dentro do
equipamento, desligue-o imediatamente e desconecte-o da tomada da rede
elétrica. Em seguida, leve-o para ser inspecionado por pessoal técnico
qualificado pela Yamaha.
• Verifique periodicamente o conector (plugue) e remova qualquer
sujeira ou poeira acumulada.
• Nunca insira ou remova a tomada de energia com as mãos molhadas.
Advertência sobre fogo
• Não deixe o fio da fonte de alimentação próximo a fontes de calor, tais
como aquecedores ou radiadores, não dobre-o excessivamente, não
coloque objetos sobre ele e nem deixe-o numa posição que alguém
possa pisar ou tropeçar.
• Não coloque objetos acesos, tais como velas, sobre o equipamento, pois
o objeto poderá cair e causar incêndio.
Se perceber alguma anormalidade
Não abra
• Não abra o equipamento, nem tente desmontar as partes internas ou
modificá-las de qualquer maneira. O equipamento não possui ajustes
internos a serem feitos pelo usuário. Se o funcionamento não estiver
correto, pare de utilizá-lo imediatamente e leve-o para ser inspecionado
por pessoal qualificado pela Yamaha.
• Se o cabo ou os pinos da tomada da fonte de alimentação estiverem
gastos ou danificados, ou se repentinamente ocorrer perda de som
durante o uso do equipamento, ou se surgir algum odor diferente ou
fumaça, desligue o equipamento imediatamente, desconecte-o da
tomada da rede elétrica e leve o equipamento ao serviço de assistência
técnica autorizada da Yamaha.
CUIDADO
Siga sempre as precauções básicas listadas abaixo para evitar a possibilidade de danos sérios a você e a outros, ou
danos ao equipamento ou outros bens. Estas precauções incluem, mas não se limitam, ao seguinte:
Fonte de alimentação / adaptador AC
• Ao desconectar a tomada de energia da rede elétrica sempre puxe pela
tomada, nunca pelo cabo.
• Desconecte a tomada da rede elétrica sempre que não estiver usando o
equipamento, ou em caso de tempestade com descargas elétricas.
• Não conecte o equipamento à rede elétrica usando um adaptador T
(benjamim). Isso poderá causar baixa qualidade sonora ou
superaquecimento na tomada.
Localização
• Não exponha o equipamento a poeira excessiva, vibrações, calor ou frio
extremos (tais como insolação direta, próximo a aquecedor, ou dentro do
carro durante o dia), para evitar deformação do painel ou danos aos
componentes internos.
• Não use o equipamento próximo a TV, rádio, telefone celular, ou outros
dispositivos, pois poderá produzir ruído tanto no próprio equipamento
como nos aparelhos de TV e rádio.
4
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
(3)-11
• Não coloque o equipamento em local instável de onde possa cair
acidentalmente.
• Antes de mover o equipamento, desconecte o adaptador AC e todos os
cabos.
• Ao instalar o equipamento, certifique-se de que tem acesso fácil à
tomada da rede elétrica que deseja usar. Se ocorrer algum problema ou
funcionamento anormal, desligue imediatamente a alimentação e
desconecte o instrumento da tomada. Mesmo quando a chave de
alimentação está desligada, uma corrente muito pequena flui para o
equipamento. Quando não for usar o equipamento por um longo período
de tempo, desconecte-o da tomada da rede elétrica.
• Use somente o rack especificado para este equipamento. Ao montar o
equipamento em uma estante ou rack, use somente os parafusos
fornecidos. Se não fizer isto, poderá causar danos aos componentes
internos ou resultar em queda do equipamento.
1/2
Conexões
Armazenando dados
Desligue todos os equipamentos antes de conectar o equipamento a
outros equipamentos. Antes de ligar os equipamentos, ajuste seus
volumes para o mínimo. Aumente os volumes gradualmente enquanto
toca o equipamento até obter o volume desejável.
Manutenção
Salvando e armazenando seus dados
Equipamentos com DRAM (RAM que não mantém os dados)
• Os dados da memória DRAM (veja a página 48) são perdidos quando
você desliga a alimentação do instrumento. Salve os dados em uma flash
ROM (veja a página 48) ou em um dispositivo externo, como um
computador.
Os dados salvos em flash ROM podem ser perdidos devido a mau
funcionamento ou operação incorreta. Salve os dados importantes
em um dispositivo externo, como um computador.
Para limpar o equipamento use um pano macio e seco. Não use
removedores de tinta, solventes, fluidos de limpeza ou panos
impregnados com produtos químicos.
Manuseio
Não insira o dedo ou a mão em qualquer fenda do equipamento.
Nunca insira papel, metais ou outros objetos nas fendas do painel. Se
isso acontecer, desligue o equipamento imediatamente, retire a tomada
da rede elétrica e leve o equipamento à assistência técnica autorizada
da Yamaha.
Não coloque objetos de vinil, plástico ou borracha sobre o
equipamento, pois isso pode descolorir o painel ou o teclado.
Não coloque seu peso ou objetos pesados sobre o equipamento, e não
use força excessiva nos botões, chaves e conectores.
• Nunca desligue o equipamento enquanto os dados estiverem sendo
escritos na Flash ROM (quando estiver sendo mostrada a mensagem
“Executing..”. ou “Please keep power on”). Desligando o equipamento
nessas condições resultará na perda de todos os dados do usuário e
poderá causar o travamento do sistema (devido à corrupção dos dados
na memória Flash ROM). Isto significa que o instrumento poderá não
iniciar adequadamente, mesmo quando for ligado na próxima vez.
Backup em mídia externa
Para proteger contra a perda de dados por causa de danos na mídia de
armazenamento, recomendamos que você salve os dados importantes
em uma outra mídia externa.
Não use o equipamento com volume alto ou desconfortável durante
longo período de tempo, pois isso pode causar perda permanente da
audição. Caso você perceba perda de audição ou zumbido nos
ouvidos, consulte um médico.
A Yamaha não se responsabiliza por danos decorrentes do uso impróprio ou de modificações efetuadas no equipamento,
nem pela perda ou destruição de dados.
Desligue sempre o equipamento quando não o estiver usando.
Mesmo quando a chave de alimentação está na posição “STANDBY”, uma pequena corrente elétrica ainda flui para o instrumento. Quando
não for usar o instrumento por um longo período de tempo, certifique-se de desconectar o adaptador AC da tomada da rede elétrica.
Sobre a última versão do firmware
A Yamaha pode, periodicamente e sem aviso, atualizar a versão do firmware deste produto e do software aplicativo adicional.
Recomendamos que você verifique em nosso site da internet as últimas versões e atualize o firmware de seu MOTIF RACK XS ou o
software aplicativo.
http://www.yamahasynth.com/
Note que as explicações contidas neste manual aplicam-se à versão do firmware da época em que o manual foi produzido. Para
detalhes sobre as funções adicionais das atualizações posteriores, consulte o site indicado acima.
(3)-11
2/2
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
5
Introdução
Agradecemos por adquirir o Yamaha MOTIF-RACK XS Tone Generator.
Para usar melhor seu novo MOTIF-RACK XS e poder aproveitar ao máximo as funções e recursos sofisticados,
recomendamos que você leia atentamente o manual, e guarde-o em local seguro e de fácil acesso para o caso
de necessitar consultá-lo no futuro.
Acessórios
Adaptador AC (PA-301, PA-300B ou equivalente)*
Manual do Proprietário (este livro)
Data List
Disco (contendo software de gravação - DAW)
* Pode não estar incluso em sua região. Favor verificar com o revendedor Yamaha.
Sobre o disco acessório
NOTA ESPECIAL
• O software contido no disco acessório e os respectivos direitos autorais são propriedade exclusiva da Steinberg Media
Technologies GmbH.
• O uso do software e de seu manual é regido pelo acordo de licença com o qual o consumidor concorda plenamente
ao abrir o pacote do software (favor ler com atenção o Acordo de Licença de Software no final deste manual antes de
instalar o software).
• É expressamente proibido copiar o software ou reproduzir este manual, total ou parcialmente, por quaisquer meios,
sem o consentimento por escrito do fabricante.
• A Yamaha não oferece qualquer garantia em relação ao uso do software e da documentação e não poderá ser
responsabilizada pelos resultados do uso deste manual e do software.
• Este disco NÃO é para uso em aparelhos de áudio/visual. Não tente reproduzir este disco em um toca-discos de áudio,
pois isto poderá causar danos ao toca-discos.
• A Yamaha não oferece suporte técnico para o software de gravação (DAW) contido no disco.
Sobre o software de gravação (DAW) no disco acessório
O disco acessório contém software de gravação (DAW) para Windows e Macintosh.
NOTA: • Certifique-se de instalar o software de gravação (DAW) usando uma conta de “Administrador”.
• Para poder continuar a usar o software de gravação (DAW) do disco acessório, inclusive o suporte e demais benefícios, você terá que registrar o
software e ativar sua licença iniciando-o com o computador conectado à Internet. Clique na tecla “Register Now”, que é mostrada quando o software
inicia, e em seguida preencha os campos de registro. Se você não registrar o software, não poderá usá-lo depois de expirar o período de tempo
limitado.
• Se estiver usando um computador Macintosh, dê um clique duplo no arquivo “***.pkg” para iniciar a instalação.
Para saber quais os requisitos mínimos do sistema e obter informações mais recentes sobre o software do
disco, consulte o site abaixo:
<http://www.yamahasynth.com/>
Sobre o suporte do software
O suporte técnico do software de gravação (DAW) do disco acessório é oferecido pela Steinberg em seu site, no
endereço abaixo:
http://www.steinberg.net
Você pode visitar o site da Steinberg também através do menu Help do software de gravação (DAW) (o menu
Help também inclui o manual em arquivo PDF e outras informações sobre o software).
6
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Recursos Principais
Grande variedade de timbres dinâmicos e autênticos — em um instrumento em formato rack
• Grande
variedade de timbres (Voices) dinâmicos e autênticos do sintetizador topo de linha Yamaha MOTIF XS,
para lhe oferecer qualquer timbre que você precisar, em qualquer estilo musical.
• Amplo processamento de efeitos, incluindo efeitos de insert em até oito partes timbrais, equalizadores
independentes de três bandas em cada parte, efeitos de reverb de alta qualidade e efeitos VCM, permitindo um
aprimoramento no nível de qualidade para a criação e execução musical.
Painel simples e intuitivo
Um visor gráfico com 160x64 pontos oferece controle abrangente e de fácil compreensão a todas as operações.
Use as várias teclas e o botão de encoder para editar rápida e facilmente qualquer parâmetro.
Enorme variedade de configurações de múltiplos Voice — modo Multi (página 35)
O MOTIF-RACK XS também possui 128 Multis diferentes, cada um deles programado especialmente com seus
próprios efeitos, equalizador e outros ajustes, e cada um projetado para determinado estilo ou aplicação musical
— o que permite selecionar rápida e facilmente as configurações que você precisa.
Poderoso recurso de arpejo com quatro tipos diferentes (página 40)
O arpejo executa automaticamente uma variedade de frases seqüenciadas, de acordo com as teclas que você
toca. Esta função é especialmente poderosa com timbres de bateria (Drum Voices) — permitindo a você
selecionar facilmente diversos padrões de ritmo ao toque de uma tecla, e fornecendo inspiração imediata durante
a sua performance. Com os timbres normais (Normal Voices), o arpejo se modifica harmonicamente conforme os
acordes que você toca, ajudando-lhe à medida que você compõe ou toca ao vivo. Até quatro arpejos podem ser
executados simultaneamente e, obviamente, em perfeita sincronização. Os recursos de Accent e Random SFX
lhe dão um controle ainda mais expressivo em tempo real sobre a execução do arpejo.
Cinco botões rotativos (página 29)
O controle abrangente com os cinco botões rotativos lhe permite ajustar os valores dos parâmetros em tempo
real, inclusive os ajustes de efeitos aplicados ao Voice e ao Multi, permitindo a você alterar o som dinamicamente,
à medida que você toca ou grava.
Grande variedade de conectores de entrada e saída (página 12)
Equipado com um amplo conjunto de conectores, incluindo as saídas ASSIGNABLE OUTPUT, DIGITAL OUT, os
terminais de MIDI, e os terminais mLAN (quando está instalada a placa opcional mLAN16E2) e os terminais USB.
Configuração rápida para usar com um computador (página 101)
Esta função permite a você reconfigurar imediatamente o MOTIF-RACK XS para aplicações diferentes de
computador/seqüenciador, usando registros já programados.
Software editor para o MOTIF-RACK XS (página 23)
O instrumento também é compatível com o MOTIF-RACK XS Editor — um software de edição abrangente e fácil
de usar, que permite a você editar (via conexão USB) os Voices do MOTIF-RACK XS, incluindo os parâmetros
Element/Key, Multis usados para reprodução de seqüências e parâmetros de configuração rápida para uso com
um computador. O MOTIF-RACK XS Editor é livre e pode ser obtido no site da Yamaha.
Integração com o Cubase (página 24)
O MOTIF-RACK XS foi projetado especialmente para operar facilmente com o Cubase, o poderoso software de
gravação (DAW) da Steinberg — propiciando-lhe um abrangente e completo sistema de produção musical, no
qual o hardware e o software estão totalmente integrados.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
7
Como Usar o Manual
A documentação do MOTIF-RACK XS consiste das seguintes publicações:
Manual do Proprietário (este livro)
Controles e Conectores (página 10)
Esta seção lista e explica os controles do painel (tais como o visor LCD e as teclas) e os conectores do painel
traseiro.
Instalando (página 13)
Esta seção mostra como instalar o instrumento antes de ligar a sua alimentação.
Ouvindo os Sons (página 15)
Esta seção mostra como executar as músicas de demonstração e as frases de audição. Recomendamos que você
disponha de um tempo para ouvir essas demonstrações, para perceber os timbres de alta qualidade do MOTIFRACK XS e suas enormes capacidades.
Conexões (página 17)
Esta seção mostra como conectar o MOTIF-RACK XS a diversos equipamentos externos.
Usando um Computador (página 22)
Esta seção mostra como usar o instrumento com softwares como o Cubase e o MOTIF-RACK XS Editor.
Guia Rápido (página 25)
Esta seção explica as funções básicas do MOTIF-RACK XS e mostra como começar a usá-lo o mais rápido
possível.
Estrutura Básica (página 49)
Esta seção fornece uma visão geral detalhada de todas as funções e recursos principais do instrumento, e mostra
como elas se completam.
Referência (página 64)
Esta seção explica os parâmetros dos diversos modos do MOTIF-RACK XS e do MOTIF-RACK XS Editor.
Apêndice (página 104)
Esta seção contém informações detalhadas sobre o instrumento, incluindo as mensagens do visor, instruções para
instalação da placa opcional mLAN16E2, soluções de problemas e especificações.
Data List (documento à parte)
Contém diversas listas importantes, tais como lista de Voices, lista de Waveforms, lista de Multis, formatos dos
dados MIDI, etc.
Arpeggio Type List (documentação online à parte)
Contém uma lista com os tipos de arpejo. Esta documentação especial online pode ser obtida no site Manual
Library. Para detalhes sobre como usar esta lista, veja a página 54.
http://www.yamaha.co.jp/manual/
Várias páginas e menus aparecem no visor do instrumento, conforme o modo ou função selecionada. No decorrer deste
manual, são usadas setas nas instruções, indicando resumidamente o procedimento para selecionar determinadas telas e
funções. Por exemplo, as instruções abaixo indicam para: 1) pressionar a tecla [VOICE], 2) selecionar um timbre normal
(Normal Voice), 3) pressionar a tecla [EDIT], 4) selecionar “Name” na tela Voice Edit Select, 5) pressionar a tecla [ENTER].
[VOICE] selecione Normal Voice –> [EDIT] –> selecione “Name” na tela Voice Edit Select –> [ENTER]
NOTA: Quando é mostrada na tela uma mensagem de confirmação (página 104), pressione a tecla [EXIT] para sair daquela condição, e em seguida
execute as instruções como no exemplo acima.
NOTA ESPECIAL
• O conteúdo deste Manual e os respectivos direitos autorais são propriedade exclusiva da Yamaha Corporation.
• As ilustrações e telas mostradas neste manual têm objetivo apenas didático, e podem aparecer ligeiramente diferentes do que aparece no instrumento..
• Este produto incorpora e contém programas de computador e conteúdo dos quais a Yamaha possui os direitos autorais ou licença dos proprietários. Este
material inclui, sem limitação, todos os softwares, arquivos de estilos, arquivos MIDI, arquivos WAVE, partituras musicais e gravações sonoras. Não é permitido,
sob as penalidades legais, qualquer uso desse conteúdo que não seja para uso pessoal. Qualquer violação de direitos autorais possui conseqüências legais.
NÃO FAÇA, NÃO DISTRIBUA E NEM USE CÓPIAS ILEGAIS.
• Este equipamento pode usar vários tipos/formatos de dados musicais otimizando-os previamente para o seu próprio formato. Por isto, este equipamento
poderá não reproduzir precisamente da mesma forma como os dados foram concebidos originalmente.
• É expressamente proibido copiar, exceto para uso pessoal, os dados musicais fornecidos, incluindo, mas não se limitando, os dados de MIDI e/ou de áudio.
• Windows é marca registrada da Microsoft® Corporation.
• Apple e Macintosh são marcas registradas da Apple Computer, Inc., registradas nos EUA e outros países.
• Steinberg e Cubase são marcas registradas da Steinberg Media Technologies GmbH.
• Os nomes de empresas e produtos citados neste manual são marcas registradas das respectivas empresas.
8
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Controles e
Conectores
Índice
Usando a Função de Arpejo .................................. 40
Controlando a Partir de um Teclado MIDI ............ 44
Armazenando as Edições de Voice, Multi e as
Configurações de Utility ..................................... 46
Painel frontal ............................................................10
Painel traseiro ..........................................................12
Armazenando as edições de Voice e Multi e as configurações
de Utility na memória Flash ROM interna ..............................46
Salvando dados em um dispositivo externo (Bulk Dump) ......47
Conexões
17
Conectando ao Computador e Dispositivo MIDI ..17
Conectando a um Equipamento MIDI Externo .....21
Usando um computador
22
Criando uma Música Usando um Computador ....22
Reproduzindo música do computador usando os sons do
MOTIF-RACK XS ......................................................................... 22
Usando outro sintetizador com o MOTIF-RACK XS ................... 22
Usando o MOTIF-RACK XS Editor .............................................. 23
Integração do MOTIF-RACK XS com o Cubase ....24
O que você pode fazer com o Cubase 4/ Cubase AI 4 junto
com o MOTIF-RACK XS ........................................................ 24
Studio Connections................................................................... 24
Guia Rápido
25
Modos do MOTIF-RACK XS e Operação Básica... 25
Modo Voice ................................................................................ 25
Modo Multi ................................................................................ 25
Os modos do MOTIF-RACK XS ................................................... 26
Como sair da tela atual ................................................................. 26
Modo Voice ..................................................................27
Tocando os Voices ....................................................................... 27
Usando os botões 1 – 5 para alterar os sons .............................. 29
Editando o Voice ........................................................................... 31
Usando os Efeitos do Voice.......................................................... 33
Modo Multi ...................................................................35
Tocando um Multi........................................................................... 35
Editando o Multi ............................................................................. 36
Configurações de Efeitos no Modo Multi ...................................... 38
Tocando 4 partes sobrepostas com um único teclado MIDI......... 40
Conexões
Computador
Bloco do Gerador de Sons no modo Voice...............................50
Bloco do Gerador de Sons no modo Multi ................................52
Bloco de Entrada de Áudio .................................... 53
Bloco de Arpejo ....................................................... 53
Categoria de Arpejo ...................................................................53
Sub-Categoria de Arpejo ............................................................53
Nome do Tipo de Arpejo ............................................................54
Como usar a Lista de Tipos de Arpejo ......................................54
Configurações de Arpejo............................................................54
Tipos de Execução de Arpejo ....................................................55
Guia Rápido
Reproduzindo as Demonstrações ..........................15
Reproduzindo as Frases .........................................16
Os Cinco Blocos Funcionais.................................. 49
Bloco do Gerador de Sons ..................................... 50
Bloco de Controle .................................................... 57
Bloco de Efeitos ....................................................... 57
Estrutura dos Efeitos ................................................................57
Conexões de Efeitos em cada Modo ........................................58
Tipos de Efeitos Divididos em Categorias ................................59
Parâmetros dos Efeitos ..............................................................61
Referência
Estrutura
15
49
64
Modo Voice .............................................................. 64
Normal Voice Edit......................................................................64
Element Edit .............................................................................73
Drum Voice Edit ........................................................................83
Informações Complementares ..................................................87
Voice
Ouvindo os Sons
Estrutura Básica
Modo Multi................................................................ 91
Multi Edit....................................................................................91
Utility ........................................................................ 98
Apêndice
Multi
Fonte de Alimentação ..............................................13
Presilha do Cabo.......................................................13
Usando Fone de Ouvido ou Caixas Acústicas ......13
Procedimento para Ligar .........................................14
Ligando e Desligando ..............................................14
Restaurando a Memória para as Configurações
Originais de Fábrica ........................................... 48
104
Mensagens no Visor ........................................... 104
MIDI ............................................................................ 105
Instalando a placa opcional mLAN16E2 ............. 108
Soluções de Problemas ........................................ 109
Especificações ....................................................... 112
ACORDO DE LICENÇA DE SOFTWARE .............. 113
Índice Remissivo ................................................... 114
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Utility
13
Apêndice
Instalando
Ouvindo os
Sons
Controles externos suportados pelo MOTIF-RACK XS ........... 44
Endereçando números de controle ...........................................45
10
Controles & Conectores
Instalando
O que é a função de arpejo ? .................................................. 40
Executando arpejos ..................................................................41
Referência
Introdução ..................................................................6
Acessórios ................................................................. 6
Disco Acessório....................................................... 6
Recursos Principais ................................................. 7
Como usar o Manual................................................8
9
Controles e
Conectores
Controles e Conectores
Painel frontal
Instalando
1
Ouvindo os
Sons
2
4
5
6
16
3
Conexões
7
0
#
8
!
$
9
@
%
1 Botão de VOLUME
Computador
Este botão possui duas funções. Ele liga e desliga (STANDBY)
a alimentação e possui um clique no movimento para permitir a
confirmação tátil de ligar e desligar. Quando a alimentação está
ligada, o botão também permite a você ajustar o volume geral
do instrumento. Girando este botão para a direita faz aumentar
o volume ou o nível de saída nos conectores OUTPUT L/R e
PHONE.
Guia Rápido
2 Conector PHONES (página 13)
Este conector estéreo padrão é usado para conexão de um
fone de ouvido estéreo.
3 Visor LCD (Liquid Crystal Display)
Estrutura
O visor LCD iluminado do MOTIF-RACK XS mostra os
parâmetros e valores referentes à operação ou ao modo
atualmente selecionado.
diminui de 10 o número do programa. Nas telas
pressionando a tecla
e
Voice Edit e Multi Edit, mantendo pressionada a tecla de cursor
pressionando a tecla de cursor
move o cursor até o parâmetro no alto
e
da página anterior, enquanto que mantendo pressionada a tecla
pressionando a tecla
move o cursor até o parâmetro no alto da página
seguinte.
6 Tecla [AUDITION]
Pressionando esta tecla permite a você ouvir o som do Voice
selecionado no modo Voice ou endereçado à parte atual no
modo Multi.
Quando o parâmetro “Audition Button” (página 99) está
configurado para “audition sw” na tela General do modo Utility,
pressionando esta tecla inicia/pára a frase pré-programada
(denominada “Audition Phrase”). Quando o parâmetro “Audition
Button” (página 99) está configurado para “arpeggio sw”,
pressionando esta tecla determina se o arpejo endereçado ao
Voice ou Multi Part atual estará ligado ou desligado.
NOTA: Quando o parâmetro “Audition Button” (página 99) está configurado para
4 Encoder
Voice
Referência
Multi
Serve para editar (alterar o valor) do parâmetro atualmente
selecionado. Para aumentar o valor, gire-o para a direita
(sentido horário); para diminuir o valor, gire-o para a esquerda
(sentido anti-horário). Se estiver selecionado um parâmetro com
um faixa grande de valores, você pode alterar o valor em
passos maiores girando este botão rapidamente. O botão pode
mover o cursor para a esquerda, direita, para cima ou para
baixo somente quando o menu de seleção (cada qual envolto
por uma moldura) é mostrado no visor para cada modo.
Note que este botão também pode ser pressionado. Na tela de
seleção de Voice e na tela de seleção de Multi, pode-se chamar
o quadro de Category Search pressionando este botão. Nas
demais telas, pressionar este botão equivale a pressionar a
tecla [ENTER].
Utility
5 Teclas de cursor
/
Apêndice
NOTA: Nas telas Voice Play e Multi Play, mantendo pressionada a tecla de
10
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
7 Tecla [STORE]
Pressionando esta tecla armazena na memória interna o Voice
ou Multi editado ou as configurações de Utility (página 46).
8 Tecla [ENTER]
Use estas tecla para entrar efetivamente com um número ao
selecionar uma memória ou banco de Voice ou Multi. Além
disto, use esta tecla para executar a operação de Store ou
reproduzir as músicas de demonstração.
9 Tecla [EXIT]
As teclas de cursor movem o “cursor” dentro do visor LCD,
destacando e selecionando os diversos parâmetros.
Na tela de seleção de Voice e na tela de seleção de Multi,
faz aumentar ou
pressionando as teclas de cursor
diminuir de 1 o número do Voice ou o número do Multi,
enquanto pressionando as teclas de cursor
faz chamar
o banco de Voice ou a parte do Multi adjacente.
cursor
e pressionando a tecla de cursor
aumenta de 10 o
número do programa, enquanto que mantendo pressionada a tecla
“audition sw” na tela General do modo Utility, mantendo pressionada a
tecla [AUDITION] por dois segundos ou mais no modo Voice dá acesso à
página de configuração de Audition na tela Play Mode (página 65).
Quando o parâmetro “Audition Button” (página 99) está configurado para
“arpeggio sw” na tela General do modo Utility, mantendo pressionada a
tecla [AUDITION] por dois segundos ou mais no modo Voice ou no modo
Multi dá acesso à tela Arp Select de Voice Common Edit ou Multi Part Edit.
e
Os menus e telas estão organizados segundo uma
estrutura hierárquica. Pressione esta tecla para sair da
tela atual e retornar ao nível anterior na hierarquia.
Painel frontal
10 Tecla [VOICE]
NOTA: Quando você seleciona um Voice/Multi que aciona um efeito de insert,
um efeito de sistema (Reverb, Chorus) ou um efeito Master, a luz desta
tecla se acende.
12 Tecla [EDIT]
Pressionando esta tecla dá acesso à tela Edit Select, no
modo Voice/Multi.
13 Tecla [MULTI]
Use esta tecla para entrar no modo Multi (páginas 35 e 91).
Pressionando esta tecla dá acesso à tela Multi Play (página
35); entra no modo Multi e acende a luz. No modo Multi, a
luz desta tecla pisca quando são recebidas mensagens MIDI
de um dispositivo MIDI externo ou de um computador.
Controles e
Conectores
Instalando
[VOICE] e [STORE]
No modo Voice, pressionando a tecla [STORE] enquanto mantém
pressionada a tecla [VOICE], faz transmitir o bloco de dados com a
configuração do Voice atual para o dispositivo MIDI externo.
[MULTI] e [STORE]
No modo Multi, pressionando a tecla [STORE] enquanto mantém
pressionada a tecla [MULTI], faz transmitir o bloco de dados com a
configuração do Multi atual para o dispositivo MIDI externo.
Ouvindo os
Sons
Pressionando esta tecla dá acesso ao quadro Effect
(página 34). Mantendo esta tecla pressionada por dois
segundos ou mais dá acesso à tela Effect no modo atual.
[EDIT] e [UTILITY]
Pressionando a tecla [EDIT] e a tecla [UTILITY] simultaneamente faz
entrar no modo Demo (página 15).
[MULTI] e [ENTER]
No modo Multi, pressionando a tecla [ENTER] enquanto mantém
pressionada a tecla [MULTI], faz inicializar todas as configurações do
Multi selecionado.
[UTILITY] e o encoder
Girando o encoder enquanto mantém pressionada a tecla [UTILITY]
faz ajustar o visor LCD para otimizar a visibilidade (página 99).
Conexões
11 Tecla [EFFECT]
Funções executadas operando dois controles
Computador
Use esta tecla para entrar no modo Voice (páginas 27 e
64). Pressionando esta tecla dá acesso à tela Voice Play
(página 27); entra no modo Voice e a luz acende. No modo
Voice, a luz desta tecla pisca quando são recebidas
mensagens MIDI de um dispositivo MIDI externo ou de um
computador.
14 Tecla [SELECT]
Guia Rápido
Pressionando esta tecla altera as funções endereçadas aos
cinco botões. A luz próxima aos parâmetros atuais ativos se
acendem (página 30). Quando o parâmetro “Knob Sel Disp
Sw” (página 99) está configurado para “on” na tela General
do modo Utility, ao pressionar esta tecla dá acesso ao
quadro Knob Select (página 29).
15 Tecla [UTILITY]
Estrutura
Use esta tecla para acessar os parâmetros de Utility.
Pressionando esta tecla dá acesso ao quadro Utility Select
(página 98) com os parâmetros relevantes de Utility para o
modo atualmente selecionado.
16 Botões 1 – 5 (página 29)
Multi
Apêndice
Utility
Referência
Voice
Estes cinco versáteis botões permitem que você ajuste
diversos parâmetros, tais como as configurações de Voice
ou Multi, e andamento do arpejo. Pressionando ou girando
qualquer dos botões dá acesso à tela do botão (página 29),
conforme a configuração do parâmetro “Knob Disp Time”
(página 99) na tela General do modo Utility.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
11
Painel traseiro
Controles e
Conectores
Painel traseiro
Instalando
1
2
1 Tampa da placa de expansão mLAN16E2 (pág. 108)
Ouvindo os
Sons
A placa opcional mLAN16E2 pode ser instalada removendo
esta tampa. Instalando a placa mLAN16E2 você adiciona
ao seu MOTIF-RACK XS uma forma conveniente de
conectar a um computador dotado de porta IEEE1394.
Quando a placa opcional mLAN16E2 está instalada:
Conexões
1
3
4
5
6
7 8
3 Terminais MIDI IN/OUT
O terminal MIDI IN serve para receber dados de controle ou de
execução musical vindos de outro equipamento MIDI, como um
seqüenciador externo, permitindo a você controlar o MOTIFRACK XS a partir de um equipamento conectado. O terminal
MIDI OUT serve para transmitir todos os dados de controle (via
botões e teclas) e dados de execução do MOTIF- RACK XS
para outro equipamento MIDI, como um seqüenciador externo.
Quando o parâmetro “MIDI Soft Thru” (página 100) está
configurado para “on” na tela MIDI do modo Utility, as
mensagens de MIDI recebidas via MIDI IN são direcionadas
para MIDI OUT.
4 Terminal DIGITAL OUTPUT
Computador
1 Terminais mLAN (IEEE1394) 1, 2
Para conectar dispositivos mLAN ou dispositivos compatíveis
com IEEE1394 (FireWire) via cabo padrão IEEE1394 (6 pinos).
NOTA: A Yamaha recomenda que você use um cabo IEEE1394 com
comprimento de até 4,5 metros.
Guia Rápido
Sobre a mLAN
Estrutura
“mLAN” é uma rede digital projetada para aplicações musicais. Ela
usa e amplia o padrão de transferência serial IEEE1394.
Conectando o MOTIF-RACK XS a um computador na forma de
conexão ponto a ponto, através de um cabo IEEE1394, você pode
transferir dados de áudio para todos os canais e dados de MIDI
para todas as portas simultaneamente, entre o MOTIF-RACK XS e
o computador. Este tipo de conexão, sua capacidade e usos estão
designadas como “mLAN” neste manual e no MOTIF- RACK XS.
Para obter mais detalhes e as últimas informações sobre mLAN,
consulte o seguinte site:
http://www.yamahasynth.com/
Voice
*O nome “mLAN” e sua logomarca (acima) são marcas da Yamaha Corporation.
2 Terminal USB TO HOST (página 17)
Multi
Referência
O terminal USB TO HOST é usado para conectar este
Instrumento ao computador através do cabo USB e permite
transferir dados de MIDI entre os equipamentos.
Use este terminal para sair com os sinais de áudio digital através
de um cabo coaxial (com plugue RCA). O formato do sinal digital
é S/PDIF (usado em CD/DAT). Este terminal sai com o sinal em
24 bits / 44.1 kHz. Usando este conector, você pode gravar a
execução do teclado ou a reprodução de música/padrões deste
sintetizador em uma mídia externa (ex: gravador de CD) com
uma qualidade sonora excepcional — graças à conexão digital
direta.
5 Conectores ASSIGNABLE OUTPUT L e R
Os sinais de áudio em nível de linha saem do instrumento através
destes conectores (plugues do tipo P10 mono de 1/4"). Estas
saídas são independentes da saída principal (nos conectores
L/MONO e R, abaixo), e podem ser endereçadas livremente para
quaisquer teclas de Drum Voice ou partes. Isto permite a você
rotear determinados Voices ou sons para serem processados
externamente pelo seu equipamento favorito. As partes que
podem ser endereçadas a estes conectores são as seguintes:
• Partes de áudio no modo Voice (página 102)
• Teclas de Drum Voice às quais foram associados
instrumentos de bateria/percussão (página 85)
• Qualquer parte de um Multi* (páginas 92 e 95)
* Inclui Audio Input Part (mLAN IN Part)
6 Conectores OUTPUT L/MONO e R (página 13)
Os sinais de áudio em nível de linha saem através destes
conectores que usam plugues do tipo P10. Para saída em mono,
use apenas o conector L/MONO.
7 Terminal DC IN (página 13)
Conecte aqui o adaptador AC (fonte de alimentação).
Utility
USB
USB é a abreviatura de Universal Serial Bus. É uma interface
serial para conexão do computador a dispositivos periféricos, e
permite uma transferência muito mais rápida se comparada com
a conexão serial convencional.
AVISO
Apêndice
Use somente o adaptador AC fornecido (ou equivalente
recomendado pela Yamaha). O uso de um adaptador diferente
pode causar danos ao equipamento, aquecimento ou incêndio.
Se fizer isto também será anulada a garantia do produto,
mesmo que o período de garantia não tenha terminado.
8 Presilha do cabo (página 13)
Prenda o cabo de alimentação do adaptador nesta presilha
para evitar que se desconecte acidentalmente.
12
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Fonte de alimentação
Controles e
Conectores
Instalando
Presilha do cabo
2.
Conecte o plugue do adaptador AC ao terminal
DC IN no painel traseiro do MOTIF-RACK XS.
3.
Conecte o cabo AC à tomada da rede elétrica.
painel traseiro
Ouvindo os
Sons
Conecte a extremidade do cabo de alimentação
ao adaptador AC.
Prenda o cabo DC do adaptador na presilha (conforme
mostrado acima) para evitar a desconexão acidental do cabo
durante a operação. Evite esticar o cabo mais do que o
necessário ou puxar o cabo com força ao prendê-lo na
presilha, para evitar o desgaste do cabo e a quebra da
presilha.
Conexões
1.
Instalando
Conecte o adaptador AC fornecido, conforme a ordem abaixo.
Antes de conectar o adaptador, certifique-se de que o
botão [VOLUME] está posicionado em STANDBY (Off).
NOTA: Siga este procedimento na ordem inversa ao desconectar o adaptador.
AVISO
Use o adaptador especificado (ou um equivalente recomendado
pela Yamaha). O uso de um adaptador errado pode resultar em
danos ao instrumento ou super-aquecimento.
CUIDADO
Certifique-se de que seu MOTIF-RACK XS está especificado
para a voltagem AC do local onde ele será usado (conforme
indicado no painel traseiro). Se o instrumento for conectado a
uma rede elétrica com a voltagem errada poderá causar
sérios danos aos circuitos e poderá até mesmo resultar em
risco de choque elétrico!
Guia Rápido
cabo AC
Como o MOTIF-RACK XS não possui alto-falantes próprios, você
precisará de um sistema de áudio externo ou um fone de ouvido
estéreo para poder monitorar o som. Conecte o fone de ouvido,
as caixas amplificadas ou um equipamento de áudio conforme
ilustrado abaixo. Ao fazer as conexões, certifique-se de que os
cabos possuem as especificações apropriadas.
Um par de caixas amplificadas pode reproduzir perfeitamente os
sons ricos do instrumento com seus ajustes de pan e efeitos.
Conecte suas caixas amplificadas aos conectores OUTPUT
L/MONO e R no painel traseiro.
Caixa amplificada
(Esq)
Estrutura
1
Usando fone de ouvido
ou caixa acústica
Caixa amplificada
(Dir)
Voice
adaptador AC
2 DC IN
Computador
à tomada da rede
elétrica
Fone de
ouvido
OUTPUT R
Multi
OUTPUT L/MONO
Referência
CUIDADO
MOTIF-RACK XS
Utility
PHONES
NOTA: Quando usar somente uma caixa amplificada, conecte-a ao conector OUTPUT
L/MONO do painel traseiro.
Apêndice
Mesmo quando o botão [VOLUME] está na posição “STANDBY”,
existe uma corrente elétrica fluindo para o instrumento num
nível mínimo. Quando não for usar o MOTIF-RACK XS por um
longo período de tempo, certifique-se de desconectar o adaptador
AC da tomada da rede elétrica.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
13
Procedimento para Ligar
Controles e
Conectores
Procedimento para Ligar
Instalando
Uma vez efetuadas todas as conexões necessárias (páginas 13 e
21) entre o MOTIF-RACK XS e os demais equipamentos,
certifique-se de que todos os ajustes de volume estão no mínimo, e
então ligue a alimentação de cada equipamento na ordem:
primeiro, os MIDI masters (transmissores), os MIDI slaves
(receptores), e em seguida os equipamentos de áudio (mixers,
amplificadores, caixas amplificadas, etc.). Isto garante um fluxo
suave do sinal do primeiro ao último equipamento (primeiro MIDI,
depois áudio).
Ligando e desligando
CUIDADO
Para proteger os alto-falantes, antes de ligar ou desligar a
alimentação do MOTIF-RACK XS, reduza o volume no
MOTIF-RACK XS e no equipamento de áudio conectado.
1.
Gire o botão [VOLUME] da posição STANDBY
para a posição ON para ligar a alimentação.
Ouvindo os
Sons
NOTA: Para desligar a alimentação dos equipamentos, primeiro reduza o volume
dos equipamentos de áudio, e em seguida desligue a alimentação na
ordem inversa.
Conexões
Aparece no visor LCD uma mensagem de abertura. Um
pouco depois, aparece a tela padrão.
MIDI master (equipamento transmissor)
LIGAR!!
Computador
NOTA: Você pode configurar a tela padrão no parâmetro “Power On Mode”
([UTILITY] –> tela General). Para detalhes, veja a página 98.
NOTA: Se estiver difícil de ler no visor LCD, será preciso ajustar o contraste.
MOTIF-RACK XS como MIDI slave
(receptor de MIDI)
Guia Rápido
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
L
Estrutura
2.
Aumente o volume do sistema de áudio até um
valor adequado.
3.
Gire o botão [VOLUME] no sentido horário
para ajustar ao nível de volume apropriado.
4.
Se quiser desligar a alimentação do MOTIF-RACK
XS, primeiro reduza o volume de todos os
equipamentos de áudio conectados e em seguida
desligue cada equipamento.
R
Equipamento de áudio
(primeiro mixer, depois amplificador)
Voice
Referência
Multi
Utility
Apêndice
14
Para isto, mantenha pressionada a tecla [UTILITY] enquanto gira o
encoder.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Controles e
Conectores
Ouvindo os Sons
Instalando
Reproduzindo as Demonstrações
O MOTIF-RACK XS dispõe de uma variedade de músicas de demonstração, que apresentam seus sons dinâmicos e suas funções
sofisticadas. Vejamos como você pode reproduzi-las.
NOTA: Certifique-se de que o MOTIF-RACK XS está pronto para reproduzir. Os detalhes estão na seção “Instalando”, na página 13.
Conexões
Ouvindo os
Sons
1. Mantenha pressionada a tecla [EDIT] e pressione a tecla [UTILITY].
e
.
Estrutura
Guia Rápido
cursor
Computador
2. Na tela Demo Song Play, selecione a música desejada, usando o encoder ou as teclas de
3. Pressione a tecla [ENTER] ou o encoder para iniciar a música de demonstração desejada.
Multi
Referência
Voice
Pressionando a tecla [ENTER] ou o encoder durante a reprodução da música faz parar a reprodução no ponto
atual, e pressionando novamente reinicia a música do ponto em que parou.
Utility
4. Para parar a reprodução, pressione a tecla [EXIT].
Apêndice
5. Para fechar a tela Demo Song, pressione qualquer das teclas [EXIT], [VOICE] ou [MULTI].
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
15
Reproduzindo as Frases de Audição
Controles e
Conectores
Reproduzindo as Frases de Audição
As frases de audição (Audition Frases) permitem a você verificar rapidamente o som do Voice selecionado. Isto é conveniente quando você
está experimentando vários Voices e tentando selecionar o mais apropriado para uma determinada música ou performance.
Instalando
Ouvindo as frases de audição de um
determinado Voice
1.
2.
Selecione “General” usando o encoder e as teclas
de cursor, e então pressione a tecla [ENTER].
Pressione a tecla [VOICE].
Ouvindo os
Sons
A luz [VOICE] se acende e aparece a tela Voice Play do
modo Voice.
(a tela pode ser chamada a partir do modo Voice)
Conexões
Computador
2.
Selecione o Voice desejado usando as teclas
de cursor e o encoder.
3.
Pressione a tecla [AUDITION].
3.
Pressione a tecla de cursor
e
para acessar a
terceira página da tela Utility General, e então
selecione “Audition Button”.
4.
Configure o parâmetro “Audition Button” para
“audition sw” girando o encoder.
A luz [AUDITION] pisca e então é reproduzida a frase de
audição do Voice selecionado.
Guia Rápido
Estrutura
Esta configuração habilita a tecla [AUDITION] para reproduzir
a frase de audição.
Quando é selecionado outro Voice durante a reprodução, a
frase de audição do novo Voice inicia automaticamente.
Variação da reprodução da frase de audição
NOTA: Se não for produzido qualquer som ao pressionar a tecla [AUDITION],
Voice
siga as instruções do tópico “Quando nenhuma frase de audição é
produzida ao pressionar a tecla [AUDITION]”, abaixo.
4.
Pressione a tecla [AUDITION] outra vez para
parar a reprodução da frase de audição.
Referência
Multi
A frase de audição também está disponível no modo
Voice Edit (página 31) e no modo Multi (página 35). No
modo Multi, você pode ouvir a frase de audição do Voice
endereçado à parte atual do Multi.
Utility
Quando nenhuma frase de audição é
produzida ao pressionar a tecla
[AUDITION]
Apêndice
Se nenhum som é produzido ao pressionar a tecla [AUDITION],
certifique-se de que a configuração está correta seguindo as
instruções abaixo.
1.
Pressione a tecla [UTILITY].
Aparece a tela Utility Select.
16
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
O tipo e a afinação da frase de audição associada a cada Voice
podem ser alterados à vontade configurando os seguintes
parâmetros na tela Play Mode (página 66) de Voice Common Edit.
• Audition No. (número da frase de audição)
Determina o tipo da frase de audição.
• Audition Note Shift
Desloca as notas da frase de audição em semitons.
• Audition Vel Shift (Audition Phrase Velocity Shift)
Aumenta ou diminui as intensidades das notas na reprodução da
frase de audição.
NOTA:
Algumas frases de audição contêm mensagens de Control Change
que controlam as características tonais do Voice.
NOTA:
Quando o parâmetro “Audition Button” está configurado para “audition
sw”, mantendo pressionada a tecla [AUDITION] por dois segundos ou
mais dá acesso à tela Play Mode (página 65) contendo os parâmetros
acima.
NOTA:
Mesmo dentro do mesmo tipo de frase de audição, o som reproduzido
será diferente dependendo da configuração do arpejo de cada Voice
ou Parte no Multi.
Controles e
Conectores
Conexões
Conectando a um Computador e a um Dispositivo MIDI
Instalando
Conectando este instrumento a um computador via MIDI abre-se uma imenso mundo de possibilidades musicais — como o uso de um
software de gravação (DA W), para gravar e reproduzir composições com os sons do MOTIF-RACK XS, ou o uso do software Voice Editor
(gratuito no site da Yamaha), para criar e editar seus próprios Voices. Conectando um teclado MIDI ao seu sistema MOTIF-RACK
XS/computador, você pode usar o MOTIF-RACK XS para reproduzir os sons da música do software e da execução do seu teclado.
Ouvindo os
Sons
NOTA: Ao usar um teclado externo para reproduzir os sons do MOTIF-RACK XS com o MOTIF-RACK XS conectado a um a computador, você precisará iniciar o software de
gravação (DAW) no computador conectado ao MOTIF-RACK XS, e também re-transmitir os dados de MIDI recebidos para o MOTIF-RACK XS (Port 1) via MIDI Out.
NOTA: Para detalhes sobre as conexões entre o computador e o teclado externo ou entre o computador e o sintetizador, consulte o manual do respectivo equipamento.
cabo USB, etc.
cabo USB/IEEE1394, etc.
Conexões
Exemplo de conexão 1:
software de gravação
(MIDI Thru ativado)
Computador
MOTIF-RACK XS
teclado MIDI externo ou sintetizador (exemplo: MOTIF XS)
Exemplo de conexão 2*:
cabo USB/IEEE1394, etc.
MIDI IN
MIDI OUT terminal
Guia Rápido
MIDI IN terminal
MIDI OUT
MOTIF-RACK XS
Estrutura
teclado MIDI externo ou sintetizador (exemplo: MOTIF XS)
Usando o terminal USB TO HOST
2.
Instale o driver USB-MIDI no computador.
Para instruções sobre instalação, consulte o texto do Guia
de Instalação, que vem no pacote de arquivo do driver. Ao
conectar o MOTIF-RACK XS a um computador no
procedimento de instalação, use o cabo USB para conectar
o terminal USB TO HOST do MOTIF-RACK XS ao terminal
USB do computador, como mostrado abaixo.
Esta seção mostra como conectar o MOTIF-RACK XS a um
computador através de um cabo USB. Note que os dados de MIDI
podem ser transmitidos através do cabo USB.
1.
terminal USB
Utility
Como o MOTIF-RACK XS não possui alto-falantes próprios, você precisará de
um sistema de áudio ou de um fone de ouvido estéreo para poder monitorar o
som. Para detalhes, consulte “Instalando” na página 13.
terminal USB TO HOST
Faça o download do driver USB-MIDI do site:
http://www.global.yamaha.com/download/usb_midi/
painel traseiro do
MOTIF-RACK XS
NOTA: As informações sobre requisitos do sistema também estão
disponíveis no site acima.
Apêndice
NOTA:
Referência
Conexão entre o MOTIF-RACK XS
e um computador
Voice
* No exemplo de conexão 2, os dados de MIDI recebidos de um teclado externo são transmitidos através do MOTIF-RACK XS para o computador. Se MIDI Thru estiver
habilitado no software de gravação (DAW), os dados de MIDI são re-transmitidos para o MOTIF-RACK XS. Para detalhes, consulte “Usando a porta MIDI Thru” (página 18).
Multi
software de gravação (MIDI Thru ativado)
NOTA: O driver USB-MIDI pode ser revisado e atualizado sem aviso prévio.
Certifique-se de verificar e fazer download da versão mais recente do
driver no site acima.
cabo USB
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
17
Conectando a um Computador e a um Dispositivo MIDI
3.
Controles e
Conectores
Certifique-se de que o terminal USB TO HOST do
MOTIF-RACK XS está habilitado.
Pressione a tecla [UTILITY] para acessar a tela Utility Select,
e então selecione “MIDI”. Em seguida, pressione a tecla
[ENTER] ou o encoder para acessar a tela MIDI (página 99)
e configure o parâmetro “MIDI In/Out” para “USB”.
Instalando
4.
Pressione a tecla [STORE] para salvar esta
configuração.
Usando a porta MIDI Thru
As portas de MIDI podem ser usadas para dividir a execução entre os
vários sintetizadores, assim como para expandir a capacidade de
canais de MIDI além de dezesseis. No exemplo abaixo, um outro
sintetizador conectado ao MOTIF-RACK XS é comandado pelos dados
de MIDI através da porta 3. Além disto, o MOTIF-RACK XS pode ser
usado como uma interface de MIDI, retransmitindo para a porta 3 do
terminal USB TO HOST os dados de MIDI recebidos de um
equipamento externo. No exemplo abaixo, configure o MOTIF-RACK
XS com o seguinte procedimento:
[UTILITY] –> selecione “MIDI” na tela Utility Select –> [ENTER] –>
“MIDI In/Out” = “USB”/”mLAN”
Precauções ao usar o terminal [USB TO HOST]
Ouvindo os
Sons
Quando conectar o computador ao terminal [USB TO HOST],
certifique-se de observar os seguintes pontos. Se isto não for
feito, haverá risco de travar o computador e corromper ou
perder os dados. Se o computador ou o instrumento travar,
reinicie o software ou o sistema operacional do computador, ou
desligue o instrumento e depois ligue-o de novo.
Para tocar os sons do MOTIF-RACK XS com os dados de MIDI vindos
do software de gravação (DAW) no computador, configure a porta de
saída de MIDI das pistas (para tocar o MOTIF-RACK XS) para a porta
1 de USB ou mLAN.
Sintetizador ou gerador de sons externo
Conexões
CUIDADO
Computador
• Use um cabo USB tipo AB de menos de 3 metros.
• Antes de conectar o computador ao terminal [USB TO HOST],
desative todos os modos de economia de energia do computador
(tais como modo suspenso, sleep, standby, etc.).
• Antes de ligar a alimentação do instrumento, conecte o computador
ao terminal [USB TO HOST].
• Execute os seguintes procedimentos antes de ligar/desligar o
instrumento ou conectar/desconectar o cabo USB no terminal [USB
TO HOST].
- Feche todos os softwares no computador.
- Certifique-se de que nenhum dado esteja sendo transmitido do
instrumento. (os dados são transmitidos pelo MOTIF-RACK XS ao
usar os botões 1 – 5.)
• Enquanto o computador estiver conectado ao instrumento, você deve
esperar seis segundos ou mais entre essas operações: (1) ao desligar
o instrumento e ligá-lo novamente, ou (2) ao conectar/desconectar o
cabo USB.
Guia Rápido
Canais de MIDI e portas de MIDI
Estrutura
Os dados de música MIDI podem ser transmitidos independentemente
através de dezesseis canais separados, e este instrumento pode tocar
simultaneamente dezesseis partes separadas através desses canais.
Enquanto um cabo de MIDI pode operar com dados em até dezesseis
canais simultaneamente, uma conexão USB ou uma conexão IEEE1394
pode operar com muito mais — graças ao uso de portas de MIDI. Cada
porta de MIDI pode operar com dezesseis canais, e a conexão USB ou a
conexão IEEE1394 possibilitam até oito portas, permitindo a você usar até
128 canais (8 portas x 16 canais) em seu computador. Ao conectar o
MOTIF-RACK XS a um computador usando um cabo USB ou um cabo
IEEE1394, as portas de MIDI são definidas da seguinte maneira:
MIDI IN
somente os dados
de MIDI da porta 3
são transmitidos
através do MOTIFRACK XS para o
equipamento acima
MIDI OUT
MIDI OUT
cabo USB/IEEE1394
MIDI IN
Somente os dados de MIDI da porta 1 são recebidos pelo MOTIF-RACK
XS. Somente os dados de MIDI da porta 3 são retransmitidos para o
computador ou equipamento MIDI externo através do MOTIF-RACK XS.
Usando um terminal de MIDI
Use uma interface MIDI para conectar o terminal de MIDI do
MOTIF- RACK XS a um computador.
NOTA: Ao conectar o MOTIF-RACK XS a um computador através do terminal MIDI
Voice
do MOTIF-RACK XS, o MOTIF-RACK XS e o MOTIF-RACK XS Editor não
podem se comunicar entre si.
• Porta 1
Multi
Referência
O bloco do Gerador de Sons do MOTIF-RACK XS pode reconhecer e
usar somente esta porta.
Ao tocar os sons do MOTIF-RACK XS a partir de um instrumento
MIDI externo ou computador, você deve configurar a porta MIDI para
1 no dispositivo MIDI ou no computador.
• Porta 3
Utility
Esta porta é usada como MIDI Thru. Os dados de MIDI recebidos pela
porta 3 pelo terminal USB TO HOST ou pelo terminal mLAN serão retransmitidos para um equipamento MIDI externo ou um computador via
terminal MIDI OUT. Os dados de MIDI recebidos pela porta 3 via
terminal MIDI IN serão re-transmitidos para um equipamento externo
(computador, etc.) via terminal USB TO HOST ou terminal mLAN.
Usando um terminal mLAN
Esta seção mostra como conectar o MOTIF-RACK XS a um
computador através de um cabo IEEE1394 (FireWire). Note que os
dados de áudio, assim como os dados de MIDI, podem ser
transmitidos através do cabo IEEE1394.
NOTA: O MOTIF-RACK XS pode ser conectado a um computador equipado com um
terminal IEEE1394 somente quando a placa opcional mLAN16E2 está
instalada no MOTIF-RACK XS. Para instruções sobre a instalação da
mLAN16E2, veja a página 108.
NOTA: Com mLAN, o MOTIF-RACK XS oferece grande versatilidade de entradas/
saídas, com 3 entradas estéreo, 14 saídas mono + 1 saída estéreo (ou 8
saídas estéreo) de áudio e 2 conexões MIDI In/2 MIDI Out.
NOTA: A porta 2 não é usada. A porta 4 é usada para sincronizar com o MOTIFRACK XS Editor, ao conectar o MOTIF-RACK XS ao computador via
terminal USB TO HOST. Recomendamos que você evite usar a porta 4 para
sincronizar com outro software que não seja o MOTIF-RACK XS Editor.
Apêndice
Ao usar a conexão USB ou a conexão IEEE1394 entre o MOTIF-RACK
XS e o computador, certifique-se de configurar corretamente a porta de
transmissão de MIDI e a porta de recepção de MIDI (assim como os
canais de transmissão e de recepção de MIDI), como descrito acima.
1.
Faça o download do driver AI em nosso site:
http://www.yamahasynth.com/download/
NOTA: As informações sobre os requisitos do sistema também estão
disponíveis no site acima.
NOTA: O driver AI pode ser revisado e atualizado sem aviso prévio.
Certifique-se de verificar e fazer o download da versão mais recente
do driver no site.
18
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Instale o driver AI no computador.
O que você pode fazer com a conexão IEEE1394
Para instruções sobre a instalação, consulte o guia de
instalação que vem junto com o arquivo do driver. Ao conectar
o MOTIF-RACK XS a um computador no procedimento de
instalação, conecte o cabo IEEE1394 ao terminal mLAN do
MOTIF-RACK XS e ao terminal IEEE1394 do computador,
como mostrado abaixo.
Você pode integrar o MOTIF-RACK XS com um software de
gravação (DAW) no computador conectando o MOTIF-RACK XS
(com a placa opcional mLAN16E2) a um computador em uma
configuração ponto a ponto. Para detalhes, veja abaixo.
terminal IEEE1394
• Transferir dados de diversos canais de áudio entre o MOTIF- RACK
XS e o computador (até 16 canais do MOTIF-RACK XS para o
computador e até 6 canais do computador para o MOTIF-RACK XS).
Instalando
2.
Controles e
Conectores
Conectando a um Computador e a um Dispositivo MIDI
• Enquanto executa um software de seqüenciamento, você pode gravar
simultaneamente os sons do MOTIF-RACK XS no software, na forma
de dados de áudio.
terminal
mLAN
• Monitorar através do MOTIF-RACK XS a saída de áudio do
computador e a saída de áudio do MOTIF-RACK XS.
cabo IEEE1394
Ouvindo os
Sons
• Usar o Cubase 4/ Cubase AI 4 junto com o MOTIF-RACK XS com
uma variedade de funções convenientes. Para detalhes, consulte a
seção “Integração entre o MOTIF-RACK XS e o Cubase” (página 24).
NOTA: As capacidades e utilidades da conexão do MOTIF-RACK XS a um
computador via cabo IEEE1394 em um arranjo ponto a ponto são designadas
como “mLAN” neste manual e no MOTIF-RACK XS. Para saber mais e
informações atualizadas sobre mLAN, consulte o site:
http://www.yamahasynth.com/
Conexões
painel traseiro do
MOTIF-RACK XS
CUIDADO
Guia Rápido
Computador
Certifique-se de conectar o plugue do cabo IEEE1394
(mLAN) no conector mLAN na orientação correta.
Conecte o plugue na orientação correta.
Certifique-se de que o terminal mLAN do MOTIFRACK XS está habilitado para a comunicação MIDI.
Certifique-se de que o terminal mLAN do MOTIFRACK XS está habilitado para a transferência de
áudio.
Referência
4.
Voice
Pressione a tecla [UTILITY] para acessar a tela Utility Select,
e então selecione “MIDI”. Em seguida, pressione a tecla
[ENTER] ou o encoder para acessar a tela de MIDI (página
99) e configure o parâmetro “MIDI In/Out” para “mLAN”.
Utility
Para transmitir sinais de áudio pelo terminal mLAN, configure
o parâmetro Output Select do MOTIF-RACK XS.
Para receber sinais de áudio pelo terminal mLAN, configure
os parâmetros da parte de entrada de áudio mLAN do
MOTIF-RACK XS. Para detalhes, veja “Transmissão e
recepção de sinais de áudio” na seção “Fluxo dos dados de
áudio e MIDI através do cabo IEEE1394”, na página 20.
Multi
3.
Estrutura
NOTA: Para melhores resultados, use um cabo IEEE1394 com menos de 4,5 m.
Pressione a tecla [STORE] para salvar a configuração.
Apêndice
5.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
19
Conectando a um Computador e a um Dispositivo MIDI
mLAN OUT L/R (*3)
Fluxo dos dados de áudio e MIDI no cabo IEEE1394
Controles e
Conectores
A ilustração abaixo mostra o fluxo dos sinais de áudio e das
mensagens de MIDI quando o MOTIF-RACK XS está
conectado a um computador através de um cabo IEEE1394.
Instalando
computador com porta IEEE1394
cabo IEEE1394
AUDIO
mLAN IN L/R etc.
AUDIO
mLAN OUT L/R
AUDIO
mLAN OUT canais 1-14
MIDI
mLAN OUT portas 1, 3
Conexões
mLAN IN portas 1, 3
MIDI
Ouvindo os
Sons
caixas amplificadas
(ex: HS80M)
Quando o parâmetro “Output Select”, descrito à esquerda
(mLAN OUT 1 –14), está configurado para “L&R”, o sinal de áudio
sai tanto por OUTPUT L/MONO, R quanto por mLAN OUT L/R.
Recepção do sinal de áudio (*4)
mLAN IN Main Out Monitor L/R e mLAN IN Assignable Out Monitor
L/R estão disponíveis, assim como mLAN IN L/R e o canal de
entrada de áudio mLAN do MOTIF-RACK XS. Estes canais podem
ser usados para monitorar o som ao usar o software de gravação
(DAW) no computador. O sinal de áudio recebido via mLAN IN
Main Out Monitor L/R sairá pelos conectores OUTPUT L/R,
enquanto o sinal de áudio recebido via mLAN IN Assignable Out
Monitor L/R sairá pelos conectores ASSIGNABLE OUTPUT L/R. A
configuração do canal de saída de áudio no computador determina
qual o canal que será usado. No caso dos sinais de áudio
recebidos pelo terminal mLAN, os parâmetros como o volume e
canal de saída podem ser aplicados como partes de entrada de
áudio do MOTIF-RACK XS. A tela com as configurações destes
parâmetros é diferente dependendo do modo, conforme listado
abaixo.
[VOICE] –> [UTILITY] –> selecione “Voice mLAN” na tela Utility Select,
pressione [ENTER] –> tela Voice mLAN (página 102)
Computador
MIDI
(*1)
mLAN
OUT 1-14
(*2)
mLAN
OUT L/R
(*3)
mLAN
IN
(*4)
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione “Common” na tela Edit Select, pressione
[ENTER] –> selecione “mLAN In” na tela Common Edit Select, pressione
[ENTER] –> tela mLAN In (página 91)
MOTIF-RACK XS
terminal mLAN da
placa mLAN16E2
Guia Rápido
Transmissão/recepção de MIDI (*1)
Não é necessário configurar a porta no MOTIF-RACK XS, uma vez
que a porta de MIDI do MOTIF-RACK XS é fixada
automaticamente de acordo com a aplicação. Para informações
sobre qual porta deve ser selecionada em seu computador,
consulte a seção “Canais de MIDI e portas de MIDI”, na página 18.
Estrutura
Transmissão do sinal de áudio
mLAN OUT 1 – 14 (*2)
Voice
Os sinais de áudio saem via mLAN OUT 1 – 14 quando o
parâmetro “Output Select” do MOTIF-RACK XS está configurado
para qualquer das opções “m1&2” – “m13&14” e “m1” – “m14”
em uma das seguintes telas:
Endereçamento de saída do sinal de áudio que entra no terminal mLAN
[VOICE] –> [UTILITY] –> selecione “Voice mLAN” na tela Utility Select,
pressione [ENTER] –> “Output Select” (página 102)
Referência
Multi
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione “Common” na tela Edit Select, pressione
[ENTER] –> selecione “mLAN In” na tela Common Edit Select, pressione
[ENTER] –> “Output Select” (página 92)
Endereçamento de saída do sinal de áudio de cada Multi
Utility
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione a parte desejada (1 – 16) na tela Edit
Select, pressione [ENTER] –> selecione “Play Mode” na tela Part Edit
Select, pressione [ENTER] –> “Output Select” (página 95)
Endereçamento de saída do sinal de áudio de cada tecla do Drum Voice
Selecione Drum Key no modo Voice no MOTIF-RACK XS Editor –> “Output
Select” em OSC (Oscillator) de Drum Key Edit (página 85)
Apêndice
NOTA:
20
O sinal de áudio de um Normal Voice no modo Voice sai sempre em ambos os
conectores mLAN OUT L/R e OUTPUT L/MONO, R. O sinal não pode sair por
mLAN OUT 1 – 14.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Canais de áudio do MOTIF-RACK XS e o
computador
Ao conectar o MOTIF-RACK XS a um computador através de um
cabo IEEE1394, configure o canal de áudio do computador de acordo
com a tabela abaixo.
Canal de entrada do
MOTIF-RACK XS
mLAN IN Main Out Monitor L, R
mLAN IN L, R
Canal de saída
do computador
1, 2
3, 4
mLAN IN Assignable Out Monitor L, R
5, 6
Canal de saída do
MOTIF-RACK XS
Canal de entrada
do computador
1, 2
mLAN OUT L, R (L&R)
mLAN OUT 1 – 14 (m1 – m14)
3 – 16
Conectando a um Equipamento MIDI Externo
Controles e
Conectores
Conectando a um Equipamento MIDI Externo
Instalando
Usando um cabo MIDI comum (vendido à parte), você pode conectar um equipamento MIDI externo, e controlá-lo a partir do MOTIFRACK XS. Da mesma maneira, você pode usar um equipamento MIDI externo (como um teclado ou um seqüenciador) para controlar os
sons do MOTIF-RACK XS.
A seguir estão vários exemplos de conexões de MIDI; use a que for mais semelhante à aplicação que você deseja.
MIDI OUT
Ouvindo os
Sons
MIDI IN
MOTIF-RACK XS
Conexões
teclado ou sintetizador MIDI
(ex: MOTIF XS)
Use um teclado externo para selecionar e tocar remotamente Voices do MOTIF-RACK XS. Nesta conexão, configure o MOTIF-RACK
XS como descrito abaixo.
Computador
[UTILITY] –> selecione “MIDI” na tela Utility Select, pressione [ENTER] –> “MIDI In/Out” = “MIDI”
NOTA: Quando não há um cabo USB conectado no MOTIF-RACK XS, o terminal de MIDI será automaticamente usado para transmitir/receber dados de MIDI, mesmo que este
parâmetro esteja configurado para “USB”.
NOTA: Se quiser encaminhar para MIDI OUT as mensagens de MIDI recebidas via MIDI IN, configure o MOTIF-RACK XS como descrito abaixo, além das configurações acima.
[UTILITY] –> selecione “MIDI” na tela Utility Select, pressione [ENTER] –> “MIDI Soft Thru (MIDI Soft Thru Switch)” = “on”
No modo Multi (usando o MOTIF-RACK XS como um
gerador multitimbral)
Verifique o canal de recepção de MIDI de cada Parte do Multi usando o
seguinte procedimento:
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione a parte desejada (1 – 16) na tela Edit
Select, pressione [ENTER] –> selecione “Voice” na tela Part Edit Select,
pressione [ENTER] –> “Receive Ch (Receive Channel)” (página 94)
Altere as configurações das partes desejadas para adequar às
configurações de canal de transmissão de MIDI do instrumento MIDI
externo ou no software de gravação (DAW). Favor notar que todas as
partes cujo canal de recepção de MIDI estiver combinando com o canal
de transmissão de MIDI do instrumento MIDI externo ou do software de
gravação (DAW) soarão comandadas pela execução no teclado.
NOTA: Alguns seqüenciadores podem não transmitir comandos de clock para um
equipamento externo quando a execução está parada. Quando “MIDI
Sync” está configurado para “MIDI”, a função Arpeggio está disponível
somente enquanto o MOTIF-RACK XS recebe comandos de MIDI clock
vindos do instrumento master.
Estrutura
Voice
Multi
Verifique o MIDI Basic Receive Channel usando o seguinte
procedimento:
[UTILITY] –> selecione “Voice MIDI” na tela Utility Select, pressione
[ENTER] –> “Receive Ch (Basic Receive Channel)” (página 102)
Se necessário, altere este parâmetro para o mesmo número do canal de
transmissão de MIDI do instrumento MIDI externo ou do software.
Quando são usados vários instrumentos MIDI ou software de gravação
(DAW), é preciso que os ajustes de andamento dos instrumentos MIDI
ou do software de gravação (DAW) estejam sincronizados por um sinal
de clock. O equipamento configurado para usar o clock interno serve de
referência para os demais equipamentos conectados, e por isto é
designado como instrumento “master” (mestre). Os equipamentos
conectados e configurados para usar o clock externo são designados
como “slaves” (escravos).
Ao executar dados de um seqüenciador externo para acionar a função
de arpejo do MOTIF-RACK XS, certifique-se de que configurou o
parâmetro de sincronismo MIDI em Utility de maneira que seja usado o
clock externo (conforme mostrado abaixo).
[UTILITY] –> selecione “MIDI” na tela Utility Select, pressione [ENTER] –>
“MIDI Sync” = “external”/ “auto” (página 99)
Além disto, certifique-se de que o seqüenciador externo está
configurado para “master” ou “internal sync”, e configure-o de tal
maneira que os comandos de MIDI clock sejam transmitidos para a
porta 1 do MOTIF-RACK XS (página 43).
Utility
No modo Voice (usando o MOTIF-RACK XS para produzir
um único timbre)
Sincronizando com um seqüenciador externo
(Master e Slave)
Apêndice
Certifique-se de que configurou adequadamente o canal de
transmissão de MIDI do instrumento MIDI externo ou do software de
gravação (DAW) de acordo com o canal de recepção de MIDI do
MOTIF-RACK XS. Para detalhes sobre como configurar o canal de
transmissão de MIDI do instrumento MIDI externo ou do software de
gravação (DAW), consulte o respectivo manual. Para detalhes sobre
como configurar o canal de recepção de MIDI do MOTIF-RACK XS,
verifique os seguintes pontos:
Referência
Canal de transmissão e canal de recepção de MIDI
Guia Rápido
NOTA: Para detalhes sobre MIDI, consulte a seção “MIDI”, na página 105.
NOTA: Para detalhes sobre as funções do gerador interno de sons, veja a página 50.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
21
Controles e
Conectores
Usando um computador
Criando uma Música Usando um Computador
Instalando
Conectando o MOTIF-RACK XS ao seu computador via USB ou mLAN, você pode usar um software de gravação (DAW) no computador
para criar suas próprias músicas originais. Esta seção contém uma visão geral sobre como usar um software de gravação (DAW) em um
computador conectado ao MOTIF-RACK XS.
NOTA:
A sigla DAW (digital audio workstation) se refere ao software musical para gravação, edição e mixagem de dados de MIDI e de áudio. Os principais softwares DAW são Cubase,
Logic, SONAR e Digital Performer. Embora todos estes possam ser usados efetivamente com o MOTIF-RACK XS, recomendamos usar o Cubase para criar músicas junto com
o instrumento.
Ouvindo os
Sons
Conexões
Reproduzindo música do
computador usando os sons do
MOTIF-RACK XS
Usando um outro sintetizador
juntamente com o MOTIF-RACK
XS
As instruções abaixo mostram como usar o modo Multi do
MOTIF-RACK XS como um gerador de sons MIDI. Neste caso,
os dados da seqüência MIDI são transmitidos pelo software de
gravação (DAW) no computador.
Usando um outro sintetizador (ex: MOTIF XS) juntamente com o
MOTIF-RACK XS, como ilustrado no exemplo abaixo, você
pode tocar até 32 Partes simultaneamente.
Computador
Configurando o MOTIF-RACK XS
Configurando o MOTIF-RACK XS
Guia Rápido
Estrutura
1.
Pressione a tecla [MULTI] para entrar no modo
Multi.
2.
Selecione um Multi usando o encoder ou as teclas
.
de cursor
3.
Pressione a tecla [EDIT] para entrar em Multi Edit.
4.
Altere as configurações das Partes 1 – 16
conforme necessário.
Para detalhes sobre Multi Edit, veja as páginas 36.
1.
Conecte o terminal MIDI OUT ao terminal MIDI
IN do outro sintetizador (ex: MOTIF XS), como
ilustrado abaixo.
2.
Pressione a tecla [MULTI] para entrar no
modo Multi, e selecione o Multi desejado.
sintetizador (ex: MOTIF XS)
Computador
MIDI OUT
MIDI IN
Configurando o software no computador
Voice
1.
MIDI IN
Configure a porta de saída de MIDI nas pistas
do software (para tocarem pelo o MOTIF-RACK
XS) para a porta 1 de USB ou mLAN.
Referência
Multi
Ao conectar via cabo USB, configure para “Yamaha MOTIFR XS-1” ou “YAMAHA MOTIF-R XS Port1”. Ao conectar via
cabo IEEE1394, configure para “mLAN MIDI Out” ou
“MOTIF-RACK XS”.
2.
Entre com os dados de MIDI em cada pista do
software no computador.
Utility
As configurações do gerador de sons da parte
correspondente à pista de MIDI será configurada no modo
Multi do MOTIF- RACK XS.
NOTA: Usando o software MOTIF-RACK XS Editor, você pode criar suas
próprias configurações de mixagem do MOTIF-RACK XS a partir do
computador. As configurações de mixagem podem ser salvas como
arquivos, para serem usadas no futuro.
Apêndice
NOTA: Você pode usar o software MOTIF-RACK XS Editor como um plug-in
dentro do Cubase e salvar como um arquivo de projeto do Cubase as
configurações de mixagem do MOTIF-RACK XS.
22
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
MIDI OUT
MOTIF-RACK XS
terminal USB TO HOST ou
terminal mLAN
(se estiver instalada mLAN16E2)
Criando uma Música Usando um Computador
Configure a porta de saída de MIDI nas pistas
do software (para tocarem pelo o MOTIF-RACK
XS) para a porta 1 de USB ou mLAN.
Ao conectar via cabo USB, configure para “Yamaha MOTIFR XS-1” ou “YAMAHA MOTIF-R XS Port1”. Ao conectar via
cabo IEEE1394, configure para “mLAN MIDI Out” ou
“MOTIF-RACK XS”.
2.
Controles e
Conectores
1.
Quando o software MOTIF-RACK XS Editor é usado como um
editor autônomo, o Studio Manager V2 é usado como um aplicativo
hospedeiro. O Studio Manager é um software para múltiplas
plataformas que permite iniciar vários editores que controlam
remotamente produtos de hardware da Yamaha, e salvar
configurações do Editor. Você pode executar o Studio Manager
como um aplicativo autônomo, ou como um plug-in dentro do
software DAW.
Instalando
Configurando o software no computador
Configure a porta de saída de MIDI das pistas (para
tocar o outro sintetizador) para a porta 3 de USB ou
mLAN.
funciona
como plug-in
do Cubase
Controles e
Conectores
Ao conectar via cabo USB, configure para “Yamaha MOTIFR XS-3” ou “YAMAHA MOTIF-R XS Port3”. Ao conectar via
cabo IEEE1394, configure para “mLAN MIDI Out (3)” ou
“MOTIF-RACK XS MIDI OUT”.
Studio Manager
como aplicativo
autônomo
NOTA: Favor observar que a porta MIDI Thru do MOTIF-RACK XS (em
Conexões
outras palavras, a porta pela qual os dados de MIDI recebidos são retransmitidos para outro equipamento externo via terminal MIDI OUT) é
fixada como porta 3.
Guia Rápido
Estrutura
Para informações sobre os requisitos mínimos, consulte o guia de
instalação de cada software.
Para instruções sobre como usar o Studio Manager e o MOTIFRACK XS Editor, consulte os respectivos manuais em arquivo
PDF, inclusos com cada software.
NOTA:
Ao usar um teclado externo para controlar os sons do MOTIF-RACK XS
quando o MOTIF-RACK XS está conectado a um computador, você
precisará iniciar o software de gravação (DAW) no computador conectado
ao MOTIF-RACK XS, e também re-transmitir para o MOTIF-RACK XS (Port
1) via MIDI Out os dados de MIDI recebidos.
Utility
Usando como um editor autônomo.
O software MOTIF-RACK XS Editor é um aplicativo cliente usando
o Studio Manager como hospedeiro. Para usar o MOTIF-RACK XS
Editor, inicie o Studio Manager e em seguida o MOTIF-RACK XS
Editor, como um plug-in dentro do Studio Manager.
Voice
Aplicações comuns para o software
MOTIF- RACK XS Editor
Usando dentro do Cubase
O MOTIF-RACK XS Editor pode ser iniciado como um plug-in
dentro do Cubase. Para instruções sobre como iniciar neste caso,
consulte o manual do MOTIF-RACK XS Editor.
NOTA:
Em computadores com Windows, o MOTIF-RACK XS Editor pode ser usado
com o Cubase SX3 ou posterior. Em computadores Macintosh, o MOTIFRACK XS Editor pode ser usado com o Cubase 4 ou posterior.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
MOTIF-RACK XS
O Studio Manager e o MOTIF-RACK XS Editor podem ser obtidos
no site indicado abaixo. Use-os depois de instalar no computador
todos os software necessários, conforme informações do guia de
instalação do MOTIF-RACK XS Editor.
http://www.yamahasynth.com/download/
Referência
transmissão/recepção de blocos
transmissão/recepção de parâmetro
MOTIF-RACK XS Editor
Multi
MOTIF XS Editor
O software MOTIF-RACK XS Editor permite a você editar
detalhadamente configurações do MOTIF-RACK XS (tais como
os parâmetros Element/Key), fornecendo maior conveniência e
versatilidade de edição. Além disto, os dados entre o MOTIFRACK XS Editor e o MOTIF-RACK XS (transmitidos via USB ou
IEEE1394) estão sempre sincronizados — o que significa que
qualquer alteração em um dispositivo é imediatamente refletida
no outro. Isto fornece uma interface direta e sem obstáculos, e
facilita muito para você criar e editar seus dados.
Computador
Usando o MOTIF-RACK XS
Editor
23
Integração entre o MOTIF-RACK XS e o Cubase
Controles e
Conectores
Integração entre o MOTIF-RACK XS e o Cubase
Instalando
A Yamaha e a Steinberg formaram uma parceria para desenvolver um ambiente útil e conveniente para se usar o hardware da Yamaha
(incluindo o MOTIF-RACK XS) junto com os softwares da Steinberg. Esta seção explica como você pode usar o Cubase 4/ Cubase
AI 4 e o software especial Studio Connections da Yamaha/Steinberg. Para mais detalhes, incluindo as informações mais recentes e
downloads de software, consulte o site:
http://www.yamahasynth.com/download/
Ouvindo os
Sons
O que você pode fazer usando
o Cubase 4/ Cubase AI 4 junto
com o MOTIF-RACK XS
IMPORTANTE
Para usar os recursos e operações abaixo, você precisa primeiro
instalar o driver AI e as Extensions for Steinberg DAW.
Usando o Project Template para a
gravação de áudio multi-canal
Ao criar um novo arquivo de projeto no Cubase, você pode
selecionar um modelo (template) para a gravação de áudio multicanal usando o MOTIF- RACK XS via cabo IEEE1394.
Selecionando um modelo, você pode facilmente executar a
gravação no Cubase sem ter que efetuar configurações
complicadas e detalhadas.
Conexões
Configuração automática da conexão
IEEE1394
Computador
Ao usar um módulo gerador de sons como o MOTIF- RACK XS
com um software no computador, devem ser efetuadas várias
configurações — tais como conexões de áudio, configuração de
driver e de porta. Estas configurações complicadas serão
efetuadas automaticamente para você assim que você conectar o
MOTIF-RACK XS a um computador via cabo IEEE1394.
Guia Rápido
Indicando a porta de áudio/MIDI
incluindo o nome do modelo
Estrutura
Ao conectar via cabo IEEE1394, a janela Device Setup do
Cubase indica a porta de áudio ou a porta de MIDI incluindo o
nome do modelo, como “MOTIF-RACK XS Main L” e “MOTIFRACK XS”, facilitando a confirmação da conexão atual ou a
alteração da conexão. Para detalhes, veja a ilustração abaixo.
Para detalhes, consulte o site:
http://www.yamahasynth.com/
Studio Connections
Voice
O que é o Studio Connections?
Referência
Multi
Studio Connections é uma solução
sofisticada de software/hardware
que permite a você integrar
facilmente sintetizadores de
hardware, como o MOTIF-RACK
XS, ao seu sistema de gravação no
computador. Se você estiver usando um software seqüenciador,
que seja compatível com Studio Connections (como o Cubase 4) e
o MOTIF-RACK XS Editor, pode usar o MOTIF-RACK XS dentro do
seu seqüenciador, exatamente como se fosse um plug-in de
sintetizador virtual — sem precisar de conexões complicadas ou
procedimentos complexos de configuração. Além disto, você pode
salvar todas as configurações do MOTIF-RACK XS junto com o
arquivo do projeto (música) do seqüenciador. Assim, quando você
abrir o projeto novamente, todas as configurações do MOTIFRACK XS para aquela música serão efetuadas imediatamente. Isto
elimina o trabalho repetitivo de recriar todas as configurações de
hardware ao reabrir um arquivo de música.
Para detalhes sobre Studio Connections, visite o site:
http://www.studioconnections.org/
Utility
Apêndice
24
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Controles e
Conectores
Guia Rápido
Modos do MOTIF-RACK XS e Operação Básica
Ouvindo os
Sons
Instalando
Para poder fazer a operação do MOTIF-RACK XS mais abrangente e mais fácil possível, todas as funções e operações foram
grupadas em “modos”. Nesta seção, veremos as convenções operacionais fundamentais do MOTIF-RACK XS. Aqui você aprenderá o
básico — como selecionar os modos e chamar as diversas funções. Você pode tocar o MOTIF-RACK XS nos dois modos abaixo.
Você pode selecionar o modo desejado, que atenda a um determinado estilo de execução, gênero musical ou ambiente de produção.
Modo Voice
Conexões
O modo Voice (página 27) permite a você tocar uma ampla gama de timbres de instrumentos (Voices) dinâmicos e autênticos. Só é possível
tocar um Voice de cada vez. Use este modo quando quiser tocar somente uma parte. Os Voices do MOTIF-RACK XS estão divididos nos
seguintes tipos:
• Normal Voices (timbres de instrumentos musicais com afinação)
• Drum Voices (sons de tambores, bateria, percussão)
Computador
Modo Multi
Guia Rápido
O modo Multi (página 35) permite a você configurar o MOTIF-RACK XS como um gerador de sons multi-timbral para ser usado junto com
um software de gravação (DAW) no computador ou com um seqüenciador externo. Você pode tocar vários Voices (até 16 Partes)
simultaneamente. Endereçando diferentes Voices a cada pista do arquivo de música, você pode reproduzir uma execução complexa de
uma banda ou de um conjunto apenas com o MOTIF-RACK XS.
Esta função permite a você disparar padrões de ritmo, riffs e frases usando o Voice atual
simplesmente tocando notas em um teclado externo.
Control Set (página 44)
Esta função permite a você controlar as várias funções do MOTIF-RACK XS com um
controlador MIDI externo.
Store (página 46)
Permite a você salvar os Voices editados e diversas configurações do MOTIF-RACK XS.
Utility (página 98)
Permite a você configurar funções globais do MOTIF-RACK XS.
Multi
Apêndice
Utility
Referência
Voice
Arpeggio (página 40)
Estrutura
Além disto, o MOTIF-RACK XS oferece as seguintes funções.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
25
Modos do MOTIF-RACK XS e Operação Básica
Controles e
Conectores
Os modos do MOTIF-RACK XS
A tabela abaixo lista todos os modos do MOTIF-RACK XS, suas funções gerais e como cada um pode ser selecionado.
Instalando
Ouvindo os
Sons
Modo
Função
Para entrar no modo
Play
Tocar um Voice.
[VOICE]
Common Edit
Editar/criar os parâmetros comuns a todos os
Elements/Keys do Voice selecionado.
[VOICE] –> [EDIT]
Element/Key Edit
Editar/criar os Elements/Keys individuais do Voice
selecionado.
Só pode ser editado no software MOTIF-RACK XS
Editor
Store
Salvar um Voice
[VOICE] –> [STORE]
Utility
Editar configurações de efeito Master e Master EQ, etc. [VOICE] –> [UTILITY]
Modo Voice
Conexões
Computador
Modo Multi
Guia Rápido
Play
Tocar um Multi.
[MULTI]
Common Edit
Editar/criar os parâmetros comuns a todas as partes
do Multi selecionado.
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione “Common” na tela Multi
Edit Select –> [ENTER]
Part Edit
Editar/criar partes individuais do Multi selecionado.
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione “1” – “16” na tela Multi
Edit Select –> [ENTER]
Store
Salvar um Multi.
[MULTI] –> [STORE]
Utility
Efetuar configurações globais.
[UTILITY]
Effect on/off
Ligar/desligar efeitos.
[EFFECT]
Category Search
Selecionar um Voice usando a função Category Search. Pressione a tecla encoder na tela Voice Select.
Outras funções
Estrutura
Voice
Como sair da tela atual
Se você quiser retornar da tela atual para a tela anterior, pressione a tecla [EXIT].
Você pode retornar para qualquer das telas básicas selecionadas anteriormente (tela Voice Play e tela Multi Play) pressionando a tecla
[EXIT] várias vezes.
Referência
Multi
Utility
Apêndice
26
NOTA:
Os parâmetros estão divididos em dois grupos básicos: (1) funções relacionadas com cada Voice e Multi, e (2) funções que afetam a todos os Voices/ Multis. As primeiras
são configuradas no modo Voice/ Multi Edit e as demais no modo Utility.
NOTA:
As configurações do parâmetro no modo Voice, no modo Multi, e no modo Utility podem ser salvas na memória do usuário (User) usando a função Store (página 46).
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
Controles e
Conectores
Modo Voice
Nesta seção, você aprenderá sobre o modo Voice, o modo mais básico do MOTIF-RACK XS.
Normal Voices
Normal Voices são principalmente timbres de instrumentos
musicais com afinação (piano, órgão, violão, sintetizador, etc.)
que podem ser tocados ao longo de toda a extensão de um
teclado externo.
Instalando
NOTA:
Certifique-se de que o canal de transmissão de MIDI do teclado MIDI externo
combina com o canal de recepção de MIDI do MOTIF-RACK XS (página 21).
Ouvindo os
Sons
Na tela Voice Play (a tela principal do modo Voice), você pode
selecionar e tocar um único Voice.
Os Voices do MOTIF-RACK XS estão divididos nos seguintes
tipos:
Na seção a seguir, selecionaremos e tocaremos alguns Voices. O
exemplo abaixo assume que você conectou um teclado MIDI
externo ao MOTIF-RACK XS.
Selecionando um Voice
1.
Pressione a tecla [VOICE].
Isto dá acesso à tela Voice Play (a luz da tecla [VOICE] se
acende).
Conexões
Tocando os Voices
Drum Voices
Preset
Os bancos Preset contêm uma coleção de Voices préprogramados especialmente. Os Voices que você editar não
poderão ser salvos nos bancos Preset.
2.
Selecione um banco de Voice usando as teclas de
cursor [<]/[>].
Guia Rápido
O MOTIF-RACK XS possui bancos para memorizar os Voices.
Existem, basicamente, três tipos diferentes de bancos: Preset,
User e GM.
Os Voices e recursos existentes dependem do banco, como
descrito abaixo.
Computador
Drum Voices são principalmente sons de tambores, bateria e
percussão, que são endereçados a notas individuais. Estes Voices
são usados para executar as partes de ritmo.
Nesta condição, tocando o teclado externo soa o
Voice indicado na tela. Os parâmetros mostrados no modo
Voice Play são explicados brevemente a seguir.
User
Os bancos User contêm os Voices que você edita. Na configuração
original de fábrica (default) eles contêm os Voices dos Preset
NOTA:
banco
Estrutura
Tela Voice Play
número do programa
categoria principal
sub-categoria
Se um Voice do banco User (User Voice) for apagado ou substituído, aquele
User Voice será perdido. Quando você for salvar um Voice editado, tome
cuidado para não apagar algum User Voice importante.
nome do Voice
No modo Voice, estão disponíveis um total de 15 bancos (Preset
Bank 1 – 8, User Bank 1 – 3, GM Bank, Preset Drum Bank, User
Drum, GM Drum Bank). Cada um destes bancos inclui Voices
conforme o tipo. Na tela Voice Play, você pode selecionar o Voice
desejado a partir de diversos bancos e tocá-lo.
NOTA:
Há 12 bancos diferentes para Normal Voices: PRE 1– 8
(Preset Banks), GM (GM Bank), USR 1 – 3 (User Banks)
Multi
Bancos de Normal Voice
Utility
Bancos de Drum Voice
Há 3 bancos diferentes para os Drum Voices: PDR (Preset
Drum Bank), GMDR (GM Drum Bank), UDR (User Drum
Bank)
NOTA: Se o parâmetro “Bank/Part Wrap” (página 99) da tela Utility General
estiver configurado para “on”, você pode passar do último banco de
volta para o primeiro banco continuamente.
Apêndice
Voices GM
O GM (General MIDI) é um padrão mundial para organização de
timbres e funções de MIDI de sintetizadores e geradores de sons.
Ele foi criado inicialmente para garantir que os dados de qualquer
música (seqüência MIDI) criados para um determinado
equipamento GM possa soar virtualmente da mesma maneira
em outro equipamento GM — não importando o fabricante ou o
modelo. O banco de Voices GM neste gerador de sons foi criado
para reproduzir adequadamente dados de música feitos para
GM. No entanto, lembre-se de que o som pode não sair
exatamente igual ao do gerador de sons usado originalmente.
Indica o estado da função de arpejo (pág. 66)
(não mostrado quando o arpejo está
desligado)
Indica o estado do efeito correspondente.
(não mostrado quando o efeito está
desligado)
Referência
O banco GM contém os Voices ordenados conforme o padrão
GM.
Voice
GM
Para detalhes sobre Voices, consulte “Estrutura Básica” na página 49. Para
uma lista dos Voices disponíveis, consulte o documento Data List.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
27
Modo Voice
3.
Controles e
Conectores
Selecione um Voice usando o encoder ou as teclas
de cursor
/
.
Usando a função Category Search
Os Voices do MOTIF-RACK XS estão organizados
convenientemente em algumas categorias, independentemente de
suas posições nos bancos. As categorias estão divididas conforme
os tipos de instrumentos ou as características sonoras. A função
Category Search dá acesso imediato aos sons que você deseja.
Instalando
1.
Pressione o encoder na tela Voice Play.
Aparece o quadro Category Search.
NOTA: Você pode usar o encoder ou as teclas de cursor para selecionar o
número do Voice. Esta operação permite a você selecionar Voices
em bancos seguintes e anteriores.
Ouvindo os
Sons
NOTA: Para mover rapidamente à frente através dos números de programa
(Voice) em passos de 10, mantenha pressionada a tecla de cursor
e pressione a tecla de cursor
na tela Play. Para fazer o
inverso, use a operação inversa: mantenha pressionada a tecla de
cursor
e pressione a tecla de cursor
.
Conexões
DICA
Selecionando Voices através de mensagens MIDI
Você pode selecionar Voices deste instrumento a partir do software
de gravação (DAW) especificando mensagens de MIDI. Para isto,
as seguintes mensagens de MIDI devem ser transmitidas para o
MOTIF-RACK XS.
Computador
• Bank Select MSB (Control #0)
• Bank Select LSB (Control #32)
• Program Change
Por exemplo, transmita as seguintes mensagens de MIDI para
selecionar o Voice de número 12 no banco PRE2.
categoria principal
sub-categoria
NOTA: Pressione [EXIT] para fechar o quadro Category Search.
Guia Rápido
2.
Mova o cursor até “Main” (Main Category)
, e gire o encoder
usando a tecla
para selecionar a categoria principal.
3.
Mova o cursor até “Sub” (Sub Category) usando a
, e gire o encoder para selecionar a subtecla
categoria.
4.
Pressione a tecla [ENTER], o encoder, ou a tecla
[>] para selecionar efetivamente a categoria.
1. Transmita Bank Select MSB (Control #0) com valor 63.
2. Transmita Bank Select LSB (Control #32) com valor 1.
3. Transmita Program Change com valor 12*.
Estrutura
* Se estiver usando um software de gravação (DAW) que tenha uma faixa de
valores de Program Change de 0 a 127, transmita o Program Change com valor
11 para o MOTIF-RACK XS.
Para detalhes sobre quais os valores que estão associados aos
números de Voice e de banco neste instrumento, consulte o
documento “Formato de Dados MIDI”. Além disto, para números
específicos de Program Change e os Voices correspondentes,
consulte o documento Data List.
É mostrada a lista de Voices daquela categoria.
categoria e sub-categoria
atualmente selecionadas
marca de Favorite
Voice
NOTA: Configure o canal de MIDI para o mesmo valor do parâmetro “Receive Ch
(Basic Receive Channel)” (página 102).
NOTA: A tecla [VOICE] pisca quando são recebidas mensagens de MIDI no modo
Voice. Isto proporciona uma forma rápida de verificar se os dados de MIDI
estão sendo recebidos.
Referência
Multi
4.
Toque o teclado que está conectado.
Lista dos Voices da
categoria atualmente
selecionada
O Voice selecionado soa em resposta aos comandos de
MIDI recebidos. Vamos então tocar alguns Voices.
5.
NOTA: Lembre-se de que também existe a função Audition (página 16), que
Utility
permite a você ouvir cada Voice selecionado.
Selecione o Voice usando as teclas
encoder.
Pressione a tecla [ENTER] ou o encoder para
selecionar efetivamente o Voice.
Isto fecha o quadro Category Search.
Apêndice
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
ou o
Se você quiser mudara a categoria, pressione a tecla [<] ou a
tecla [EXIT] e volte ao passo 2.
6.
28
/
Modo Voice
Execute os passos 1 a 4 do item “Usando a função
Category Search”, na página 28, para abrir a lista de
Voices da categoria selecionada.
2.
Pressione a tecla de cursor [>] para mover até a
coluna onde está a marca de Favorite.
3.
Pressione a tecla de cursor
/
para selecionar o Voice favorito.
4.
Pressione a tecla [ENTER] ou o encoder para marcar
o pequeno quadrado na coluna Favorite.
Controles e
Conectores
Usando os botões 1 – 5
1.
Pressione a tecla [SELECT] algumas vezes de
maneira que acenda a luz correspondente às
funções desejadas.
Aparece o quadro Knob Select. No quadro, são mostrados
a função atualmente endereçada ao botão e o valor atual.
Para fechar o quadro, pressione a tecla [EXIT].
Será inserida a marca no quadrado, e o Voice selecionado
será registrado na categoria Favorite.
Para remover a marca, pressione outra vez a tecla [ENTER]
ou o encoder. Para registrar outros Voices, repita os passos
3 e 4.
Computador
ou gire o encoder
botões 1 – 5
funções dos botões 1 – 5
Guia Rápido
1.
Instalando
Registrando seus Voices favoritos na categoria
Favorite
Estes botões permite que você ajuste uma variedade de
parâmetros do Voice atual, tais como profundidade de efeito,
características de ataque e release, coloração tonal, dentre
outras. Podem ser endereçadas quatro funções a cada botão,
alternando a seleção com a tecla [SELECT]. A cada vez que você
pressiona a tecla você muda a linha de funções, sendo que a
linha atualmente habilitada é indicada pela luz correspondente à
esquerda.
Ouvindo os
Sons
A função Category Search também possui o recurso conveniente
de Favorite Category, que permite a você grupar os seus Voices
favoritos e mais usados, para facilitar a seleção. Esta é uma
maneira de você selecionar rapidamente os Voices desejados
dentre o enorme número disponível no instrumento.
Usando os botões 1 – 5 para
alterar o som
Conexões
Grupando os Voices mais usados
— Favorite Category
“Knob Disp Time” (página 99)
NOTA: Quando “Knob Sel Disp Sw” está configurado para “off” na tela Utility
General, o quadro Knob Select não é mostrado.
NOTA: A categoria Favorite é memorizada automática e imediatamente
ao marcar o quadrado.
os botões 1 – 5 serem endereçados às funções superiores.
Selecionando um Voice na categoria Favorite
Pressione o encoder na tela Voice Play.
Gire o botão desejado enquanto toca no teclado
MIDI externo.
Aparece o quadro do botão, e a função endereçada ao botão
que você está operando afeta o som do Voice. O quadro do
botão mostra a função endereçada ao botão que está sendo
operado, o valor da função e o valor “Original”. Este valor
“Original” indica o valor não editado (que foi memorizado
previamente) da função endereçada ao botão.
função do botão que está sendo operado
valor atual
Voice
2.
Multi
Ao terminar de registrar os Voices na categoria
Favorite, pressione a tecla [VOICE] para retornar
à tela Voice Play.
É mostrado o Voice selecionado no quadro Category
Search.
1.
NOTA: Mantendo pressionada a tecla [SELECT] por dois segundos ou mais faz
Referência
5.
Estrutura
valores atuais das funções
coluna Favorite
Aparece o quadro Category Search.
Mova o cursor até “Main” (Main Category) usando a
tecla
, e gire o encoder para configurar “Main” para
“Favorite”.
Utility
2.
NOTA: Se não houver qualquer Voice registrado na categoria Favorite, não
será possível selecionar “Favorite” em “Main” (Main Category).
Pressione a tecla [ENTER], o encoder, ou o cursor
[>] para efetivar a seleção da categoria Favorite.
É mostrada a lista de Voices registrados na categoria
Favorite.
valor original (salvo antes)
NOTA: O parâmetro “Knob Disp Time” (página 99) da tela Utility General
pode ser usado para ajustar o tempo que o quadro do botão
permanece na tela. Quando “Knob Disp Time” está configurado para
“off”, o quadro aparece somente quando o botão é pressionado.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
3.
29
Modo Voice
Controles e
Conectores
Funções dos Botões 1 – 5
1
2
Instalando
3
4
Botão 1
Botão 2
Botão 3
Botão 5
Ouvindo os
Sons
Conexões
Computador
1 Quando a primeira luz está acesa:
Movendo os botões 1 e 2 alteram-se os parâmetros do filtro na tela Filter (páginas 68, 83 e 96).
Movendo o botão 3 altera-se um dos parâmetros de FEG na tela EG (páginas 68 e 96). Movendo os
botões 4 e 5 alteram-se dois dos parâmetros na tela Play Mode (páginas 65, 83 e 94).
Botão 1
CUTOFF
Aumenta ou diminui a freqüência de corte do filtro (páginas 68 e 96) para ajustar o brilho tonal.
Botão 2
RESONANCE
Aumenta ou diminui a ressonância (páginas 68 e 96) para enfatizar o nível do sinal na região da a
freqüência de corte. Enfatizando os harmônicos dessa região, isto pode produzir uma sonoridade
“cortante”, fazendo o som mais brilhante e mais duro.
Botão 3
FEG DEPTH (Filter EG Depth)
Aumenta ou diminui a profundidade do EG do filtro (pág. 68 e 96) para alterar a faixa da freqüência
de corte. Este parâmetro não pode ser ajustado quando está selecionado um Drum Voice.
Botão 4
PORTAMENTO
Aumenta ou diminui o tempo do portamento (pág. 65 e 95) para determinar o tempo de transição da
afinação ou a velocidade com que a afinação muda quando é aplicado portamento. Girando o botão
todo para a esquerda desliga este ajuste e configura “Porta Sw” para “off”.
Botão 5
VOLUME
Ajusta o volume do Voice (páginas 65 e 94).
Guia Rápido
Estrutura
2 Quando a segunda luz está acesa:
Movendo os botões 1 – 4 alteram-se os parâmetros do AEG na tela EG (páginas 68, 83 e 96).
Movendo o botão 5 altera-se um dos parâmetros na tela Play Mode (páginas 65, 83 e 94).
Botão 1
ATTACK (AEG Attack Time)
Aumenta ou diminui o tempo de ataque do AEG (páginas 69 e 96) do Voice atual, para ajustar a taxa
de ataque. Valores positivos tornam o ataque mais lento, enquanto que valores negativos o tornam
mais rápido.
Botão 2
DECAY (AEG Decay Time)
Aumenta ou diminui o tempo de decaimento do AEG (páginas 69 e 96) do Voice atual, controlando a
velocidade com que o volume cai do máximo nível de ataque até o nível de sustentação. Quanto
menor o valor, mais rápido é o decaimento.
Botão 3
SUSTAIN (AEG Sustain Level)
Aumenta ou diminui o nível de sustentação do AEG (páginas 69 e 96) no qual o volume continuará
enquanto a tecla estiver pressionada, depois do ataque e do decaimento iniciais. Este parâmetro não
pode ser ajustado quando está selecionado um Drum Voice.
Botão 4
RELEASE (AEG Release Time)
Aumenta ou diminui o tempo de release do AEG (pág. 69 e 96) do som, controlando o tempo que o
volume leva para cair desde o nível de sustentação até o zero, quando é recebida uma mensagem
MIDI de Note Off. Este parâmetro não pode ser ajustado quando está selecionado um Drum Voice.
Botão 5
PAN
Ajusta a posição do som do Voice atual no estéreo (páginas 65 e 94).
Voice
Referência
Multi
3 Quando a terceira luz está acesa:
Movendo os botões 1 – 5 alteram-se os parâmetros das telas 3 Band EQ (páginas 71 e 83) ou Part
EQ (página 96).
Botão 1
EQ LOW (EQ Low Gain)
Aumenta ou diminui o ganho da banda Low do EQ (páginas 71 e 96) para alterar o som.
Botão 2
EQ MID F (EQ Middle Frequency)
Aumenta ou diminui a freqüência da banda Middle do EQ (páginas 71 e 96), em torno da qual a
banda é ajustada pelo botão 3 (EQ MID).
Botão 3
EQ MID (EQ Middle Gain)
Aumenta ou diminui o ganho da banda Middle do EQ (páginas 71 e 96) do Voice atual.
Botão 4
EQ MID Q (EQ Middle Q)
Aumenta ou diminui o Q da banda Middle do EQ (páginas 71 e 97) para alterar a largura da banda
na qual você pode ajustar o ganho usando o botão 3 (EQ Middle Gain). Girando o botão 4 sentido
horário, aumenta o valor do Q e reduz a largura da banda. Girando o botão 4 no sentido anti-horário,
diminui o valor do Q e aumenta a largura da banda.
Botão 5
EQ HIGH (EQ High Gain)
Aumenta ou diminui o ganho da banda High do EQ (páginas 71 e 96) para alterar o Voice atual.
Utility
4 Quando a quarta luz está acesa:
Movendo os botões 1 e 2 alteram-se os parâmetros nas telas Effect (páginas 72 e 83) / Fx Send
(página 97). Movendo os botões 3 e 4 alteram-se os parâmetros na tela Control (páginas 71, 83 e
93). Movendo o botão 5 altera-se um dos parâmetros da tela Arp Edit (página 66) ou na tela
Arpeggio (página 91).
Botão 1
CHORUS (Chorus Send)
Ajusta o nível de mandada do Chorus (páginas 72 e 83).
Botão 2
REVERB (Reverb Send)
Ajusta o nível de mandada do Reverb (páginas 72 e 83).
Botão 3
ASSIGN 1 (valor de Assign 1)
Botão 4
ASSIGN 2 (valor de Assign 2)
Uma variedade de funções pode ser endereçada a estes botões. Girando o botão é possível editar o
valor da função endereçada ao botão. Você pode confirmar as funções atualmente endereçadas a
esses botões na tela Control (páginas 71 e 93) em Voice Common Edit / Multi Common Edit.
Botão 5
TEMPO (Arpeggio Tempo)
Ajusta o andamento da execução do arpejo (páginas 66 e 91).
Apêndice
NOTA: A operação dos botões pode ter pouco ou nenhum efeito em determinados Voices.
NOTA: O modo Multi possui os mesmos endereçamentos de parâmetro-botão que o modo Voice.
30
Botão 4
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
DICA
Ao alterar o valor de um parâmetro na tela Voice/Multi Play ou
Edit, aparece o indicador E (Edit) no canto superior direito do visor
LCD. Isto dá uma confirmação imediata de que o Voice/Multi
atual foi modificado mas ainda não foi salvo. Para salvar a
edição, siga as instruções da página 46.
Função Compare
Controles e
Conectores
O indicador
Quando você está editando um Voice ou um Multi, este recurso
permite a você ouvir rápida e facilmente o resultado da edição —
permitindo alternar entre o Voice/Multi original, não editado, e o
que foi editado.
Instalando
1. No modo Edit (com o indicador E mostrado na tela e a luz
da tecla [EDIT] acesa), pressione a tecla [EDIT].
indicador Edit
Ouvindo os
Sons
A luz da tecla [EDIT] piscará, e será mostrado o indicador C
(Compare) no alto do visor (no lugar do indicador E (Edit)), e o Voice
original, não editado, é restaurado para monitoração.
Indicator Compare
Conexões
Em certos tipos de arpejos ou frases de audição, ao tocar os sons do MOTIFRACK XS aparece o indicador E (Edit).
2. Pressione outra vez a tecla [EDIT] para desabilitar a
função Compare.
Isto retorna o Voice à condição de edição (o indicador E é
mostrado no visor e a luz da tecla [EDIT] se acende). Compare o
som editado com o som não editado como quiser, repetindo os
passos 1 e 2.
Normal Voice Edit
Um Normal Voice (timbre de instrumento com afinação) pode
consistir de até oito Elementos. Existem dois tipos de telas de
Voice Edit: Common Edit, para editar as configurações comuns a
todos os oito Elementos; e Element Edit, para editar Elementos
individualmente. Em Element Edit, você só pode editar os
parâmetros usando o MOTIF-RACK XS Editor.
Guia Rápido
“Editar” refere-se ao processo de criar um Voice alterando os
parâmetros que o compõem. Isto pode ser feito no Voice Edit, um
sub-modo dentro do modo Voice.
Os parâmetros que estão disponíveis são diferentes, dependendo
do tipo de Voice.
Computador
Edição do Voice
NOTA: A função Compare também está disponível no modo Multi Edit.
NOTA: Enquanto Compare está ativada, você não pode editar os parâmetros.
Normal Voice Edit/ Drum Voice Edit
, em seguida
Pressione a tecla [VOICE] to
show
a tela Voice
para
visualizar
a tela Play
Voice Play e em seguida selecione o Voice a ser
editado (página 27).
2.
Pressione a tecla [EDIT] para entrar no modo
Common Edit.
Aparece a tela Voice Edit Select.
indica que Common Edit está selecionada
Utility
Um Elemento é a unidade mais básica de um Voice, e é criado
aplicando vários parâmetros (Effect, EG, etc.) à forma de onda do
som do instrumento. Cada Voice do MOTIF- RACK XS consiste de
diversos Elementos.
são mostrados os nomes das telas de edição
Apêndice
Elementos
Voice
1.
Referência
Existem dois tipos de telas de Drum Voice Edit: Common Edit,
para editar as configurações que aplicam-se a todas as teclas do
Drum Voice; e Key Edit, para editar parâmetros de teclas
individuais. Em Key Edit, você só pode editar os parâmetros
usando o MOTIF-RACK XS Editor.
Estrutura
Drum Voice Edit
Multi
NOTA:
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
31
Modo Voice
3.
Controles e
Conectores
4.
Mova o cursor até a tela de edição desejada usando
as teclas
ou o encoder.
Pressione a tecla [ENTER] ou o encoder para
acessar a tela de Edit desejada.
Instalando
Aparece a tela de Edit selecionada.
nome da tela Edit
indica que há mais páginas acima ( ) ou
abaixo ( ), acessadas com as teclas
no. da página mostrada / no.
total de páginas da tela Edit
Editando Elementos / Drum Keys no software
MOTIF-RACK XS Editor
Ouvindo os
Sons
Se você quiser efetuar edições detalhadas de Elementos/ Drum
Keys do MOTIF-RACK XS, pode fazê-lo no software MOTIF-RACK
XS Editor. Nas configurações do Elemento / Drum Key estão os
parâmetros Oscillator, Pitch, Filter, Amplitude e EG (Envelope
Generator), dentre outros. Para uma lista completa dos parâmetros,
consulte Element Edit (página 73) e Key Edit (página 84) na seção
Referência.
Quando os dados do MOTIF-RACK XS e do MOTIF-RACK XS
Editor estão sincronizados, as configurações do MOTIF-RACK
XS Editor serão as mesmas do MOTIF-RACK XS. Para detalhes
sobre como conectar o MOTIF-RACK XS ao MOTIF-RACK XS
Editor, consulte a seção “Usando o software MOTIF- RACK XS
Editor” (página 23).
DICA
valor do
parâmetro
nome do
parâmetro
Conexões
5.
Pressione as teclas
parâmetro desejado.
para selecionar o
Para detalhes sobre cada parâmetro, consulte a seção
Referência (página 64).
Endereçando instrumentos de bateria /
percussão a teclas individuais
No modo Drum Key Edit do MOTIF-RACK XS Editor, você pode
criar seus próprios kits de bateria e percussão endereçando sons
de instrumentos a teclas individuais (em qualquer ordem) e
editando os parâmetros do som de cada tecla. Para instruções
detalhadas, consulte o manual do MOTIF-RACK XS Editor no
menu Help do software.
Computador
NOTA: Na tela Edit, mantendo pressionada a tecla de
e pressionando a
tecla
seleciona o primeiro parâmetro da página anterior, enquanto
e pressionando a tecla
que mantendo pressionada a tecla
seleciona o primeiro parâmetro da página seguinte.
DICA
Guia Rápido
6.
Gire o encoder para alterar os ajustes do parâmetro.
7.
Repita os passos 3 – 6 como desejar.
8.
Dê um nome ao Voice editado.
Estrutura
Entre com um nome no parâmetro “Name” na tela Name de
Common Edit. Para instruções detalhadas sobre como entrar
com um nome, veja a página 47.
Em uma bateria real, alguns sons não podem ser tocados
simultaneamente, como é o caso do chimbau aberto e fechado.
Você pode evitar que instrumentos da bateria toquem
simultaneamente, endereçando-os ao Alternate Group (página 84).
Os Drum Voices pré-programados (Preset) possuem vários desses
endereçamentos de Alternate Group para assegurar que os sons
fiquem mais autênticos e naturais. Ao criar um Voice a partir do
zero, você pode usar este recurso no MOTIF-RACK XS Editor —
tanto para garantir o som autêntico quanto para criar efeitos
especiais, onde ao tocar um som cancela o anterior. Para
instruções detalhadas, consulte o manual do software MOTIFRACK XS Editor no menu Help.
DICA
Voice
9.
Pressione a tecla [STORE] para salvar o Voice editado.
Referência
Multi
Para detalhes sobre como salvar o Voice, veja a página
46.
NOTA: Quando você pressiona a tecla [EDIT] na tela Store, você pode
verificar o som do Voice que está no local de destino tocando no
teclado MIDI ou executando a frase de audição (função Store
Compare).
CUIDADO
Utility
O Voice editado será perdido se for selecionado um outro Voice ou
se for desligada a alimentação. Certifique-se de salvar os dados do
Voice na memória interna pressionando a tecla [STORE] antes de
selecionar um outro Voice ou desligar a alimentação.
NOTA: Se desejar, salve os Voices editados e salvos no software MOTIF-
Apêndice
RACK XS Editor, em um computador conectado ao MOTIF-RACK XS.
Lembre-se de que os dados do Voice editado são salvos na memória
interna User (Flash ROM) e são preservados mesmo quando a
alimentação é desligada. Portanto, não é necessário salvar os dados em
um dispositivo externo; no entanto, mesmo assim recomendamos que
você salve ou arquive todos os dados importantes em um dispositivo
externo. Para detalhes, veja a página 47.
32
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Configurando a tecla Drum Key para sons
independentes de chimbau aberto e fechado
Determinando como o Drum Voice responde
quando a tecla é pressionada
Você pode determinar se o Drum key selecionado responde a
mensagens de MIDI Note Off no Drum Key Edit do MOTIF-RACK
XS Editor. Configurando o parâmetro “Receive Note Off”
(página 84) para “off” pode ser útil em sons de pratos e outros
sons sustentados. Isto permite a você ter os sons sustentando-se
com a duração de seu decaimento natural, mesmo que você solte
a tecla ou que seja recebida uma mensagem de Note Off. Se este
parâmetro estiver configurado para “on”, o som cessará
imediatamente ao ser recebida uma mensagem de Note Off.
DICA
Definindo o destino de saída de cada tecla
Você pode alterar o destino de saída do sinal individual de cada
Drum key em Drum Key Edit no MOTIF-RACK XS Editor. Esta
função é útil quando você quer aplicar um efeito externo a um
determinado instrumento do kit de percussão. Para detalhes, veja
a seção “Output Select” (página 85) em Key Edit, na seção de
Referência.
NOTA:
O parâmetro “Output Select” só está disponível quando o parâmetro “Ins
Effect Output (Insertion Effect Output)” está configurado para “thru” na
seção OSC (Oscillator) do MOTIF-RACK XS Editor.
Modo Voice
3.
Mova o cursor até “Ins A”/“Ins B” usando as teclas
, em seguida pressione a tecla [ENTER].
Controles e
Conectores
Usando Efeitos no Voice
Aparece a tela Effect Parameters (página 72). Na tela, você
pode configurar os tipos ou parâmetros do efeito de Insert
(Insertion Effect).
Nos estágios finais da programação, você pode ajustar parâmetros
de efeitos para alterar ainda mais as características do som. No
modo Voice, você pode configurar e memorizar efeitos com cada
Voice. Para detalhes sobre a estrutura dos efeitos, veja o bloco de
Efeitos na Estrutura Básica (página 57). Para detalhes sobre os
parâmetros dos efeitos, veja a tela Effect do modo Voice na seção
de Referência (página 72).
Instalando
efeito que está sendo editado
Selecione o Voice que deseja editar (página 27).
tipo de efeito selecionado
Pressione a tecla [EDIT], mova o até “Effect” na tela
Voice Edit Select, e então pressione a tecla [ENTER].
4.
Aparece a tela Effect em Voice Common Edit.
NOTA: Mantendo pressionada a tecla [EFFECT] por dois segundos ou mais
também dá acesso à tela Effect no modo atual.
Mova o cursor até o parâmetro do tipo de efeito ou
até os parâmetros do efeito usando as teclas
,
e em seguida gire o encoder para alterar cada
parâmetro.
Conexões
2.
NOTA: Para detalhes sobre as categorias de efeitos, os tipos de efeitos e seus
1 conexão de insert
5.
Pressione a tecla [EXIT] para retornar à tela
Effect.
6.
Mova o até a conexão de Insert (Insertion
,e
Connection), usando as teclas
então gire o encoder para determinar o roteamento
dos efeitos de Insert A e B.
7.
Se necessário, configure os parâmetros “Element
Out” (página 72) / “Key Out” (página 83) na tela
Effect no o MOTIF-RACK XS Editor.
3 efeito do sistema
Guia Rápido
são mostrados o nome e o valor do parâmetro selecionado
Computador
parâmetros, consulte a seção “Estrutura Básica” na página 59, ou a lista
dos efeitos no documento Data List.
2 efeito de insert
1 Conexão de Insert
Determina o roteamento para os efeitos de Insert A e B.
Mova o cursor até “Chorus”/“Reverb” usando as
, e em seguida pressione a tecla
teclas
[ENTER].
Isto faz chamar a tela contendo os parâmetros de efeito
relevantes (página 72). Nesta tela, configure System Effect
(Chorus/Reverb).
9.
Voice
8.
Indica os tipos de efeitos atualmente selecionados para os efeitos
do sistema (Chorus/ Reverb), e define os níveis de mandada e de
retorno. Quando o cursor está localizado em “Chorus” / “Reverb”,
pressionando a tecla [ENTER] ou o encoder dá acesso à tela Effect
Parameters, permitindo a você configurar o tipo de efeito e os
parâmetros do efeito.
Mova o cursor até o parâmetro do tipo de efeito ou
até os parâmetros do efeito, e em seguida gire o
encoder para alterar cada parâmetro.
NOTA: Para detalhes sobre as categorias de efeitos, os tipos de efeitos e
seus parâmetros, consulte a seção “Estrutura Básica” na página 59,
ou a lista dos efeitos no documento Data List.
.
10.
Pressione a tecla [EXIT] para retornar à tela
Effect.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
3 Efeito do sistema (System Effect - Chorus/ Reverb)
Utility
Indica o tipo de efeito atualmente selecionado para o efeito de
insert A ou B. Quando o cursor é localizado em “Ins A” / “Ins B”,
pressionando a tecla [ENTER] ou o encoder dá acesso à tela
Effect Parameters, permitindo a você configurar o tipo de efeito
ou os parâmetros do efeito.
Referência
2 Efeito de Insert (Insertion Effect)
Estrutura
O parâmetro “Element Out” determina se os sinais de cada
Elemento individual 1 – 8 são mandados para o efeito de
Insert (Insertion Effect) A ou B, ou se eles não passam
(bypass) pelo efeito de Insert. O parâmetro “Key Out”
determina se os sinais de cada Drum Key individual são
mandados para o efeito de Insert (A ou B) ou se eles não
passam (bypass) pelos efeitos de Insert.
Multi
1.
Ouvindo os
Sons
Aqui, mostraremos um exemplo de como editar os efeitos.
33
Modo Voice
11. Mova o cursor até Send Level, Return Level,
Controles e
Conectores
ou Pan, e então gire o encoder para ajustar os níveis.
Ligando e desligando o efeito
NOTA: Para Drum Voices, os parâmetros “Chorus Send (Key Chorus Send)” /
No quadro Effect (pressione a tecla [EFFECT]), você pode ligar /
desligar os efeitos de Insert (Insertion Effects), os efeitos do sistema
(System Effects - Chorus/Reverb) e o efeito Master (Master Effect).
Estas configurações dos efeitos são temporárias e serão restauradas
para “on” ao desligar a alimentação do equipamento. Além disto,
estas configurações são aplicadas a todos os Voices/ Multis.
A configuração do efeito Master neste quadro está vinculada com o
parâmetro Master Effect Switch no modo Voice / Multi.
“Reverb Send (Key Reverb Send)” (página 84) ou os parâmetros
“Chorus Ins Send (Insertion Chorus Send)” / “Reverb Ins Send (Reverb
Insertion Send)” (página 84) no MOTIF-RACK XS Editor determinam os
níveis de mandada para cada tecla (Key) do Drum Voice atual.
Instalando
12.
Pressione a tecla [STORE] para memorizar o Voice.
Os parâmetros do efeito no modo Voice podem ser
configurados para cada Voice. Se você quiser salvar a nova
configuração, salve-a com os demais parâmetros do Voice,
antes de sair do Voice atual (página 46).
configuração dos
efeitos de Insert A e B
configuração do reverb
configuração do Chorus
NOTA: Quando você pressiona a tecla [EDIT] na tela Store, pode verificar o
Ouvindo os
Sons
som do Voice que está no destino tocando no teclado MIDI ou
executando uma frase de audição (função Store Compare).
CUIDADO
Se você chamar outro Voice ou outro modo antes de salvar, os
dados editados serão perdidos.
Conexões
13.
Computador
Estas configurações estão na tela Utility Voice MEF (página
102) ou na tela Utility Voice MEQ (página 103). Para acessar
essas telas, use este procedimento:
modo Voice –> [UTILITY] –> selecionar “Voice MEF”/“Voice
MEQ” –> [ENTER]
Para detalhes sobre a estrutura dos efeitos, consulte o
bloco de efeitos no tópico “Estrutura Básica”, página 57.
Guia Rápido
14.
Pressione a tecla [STORE] para memorizar o Voice
que foi editado.
Estrutura
Quando você executa a operação de memorizar na tela
Utility Voice MEF / Utility Voice MEQ, são memorizadas as
configurações de todo o sistema, incluindo as configurações
de MEF/MEQ.
Para retornar à tela original no modo Voice, pressione a tecla
[EXIT] duas vezes.
CUIDADO
Se a alimentação for desligada antes dos dados terem sido salvos,
as configurações editadas poderão ser perdidas.
Voice
Referência
Multi
Utility
Apêndice
34
ícones de
efeitos
Se quiser, configure o efeito Master ou o EQ Master.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
configurações
do efeito Master
Quando o parâmetro de efeito é configurado para “on”, o efeito
correspondente é habilitado e é mostrado o ícone do efeito.
Quando o parâmetro do efeito é configurado para “off”, o efeito
correspondente é desabilitado e não é mostrado o ícone do efeito.
NOTA:
O parâmetro Master Effect Switch também pode ser configurado pelo
parâmetro “Switch” na tela Utility Voice MEF (página 103) no modo Voice
ou pelo parâmetro “Switch” da tela dos parâmetros Master Effect (página
93) no modo Multi Common Edit.
NOTA:
Mesmo que “Ins Effect Sw (Insertion Effect Switch)” em Multi Part Edit
esteja configurado para “on” (página 97), ao configurar “Ins A&B” para
“off” no quadro Effect é desabilitado o efeito de Insert do Multi
selecionado.
NOTA:
Ao selecionar um Voice/Multi cujos efeitos estejam em “on” no quadro
Effect para todas as unidades, a luz da tecla [EFFECT] se acenderá.
NOTA:
Mantendo pressionada a tecla [EFFECT] por dois segundos ou mais dá
acesso à tela Effect em Common Edit.
Modo Multi
Controles e
Conectores
Modo Multi
Instalando
O modo Multi permite a você configurar o MOTIF-RACK XS como um gerador de sons multi-timbral para ser usado com um software
musical no computador ou seqüenciadores externos. Se cada pista de um arquivo de música usa um canal de MIDI diferente, você pode
endereçar independentemente cada uma das partes de um Multi àqueles canais de MIDI. Desta forma, você pode reproduzir os dados da
música de um seqüenciador com cada pista tocando um Voice diferente.
Você pode criar um Multi contendo até 16 partes usando o gerador interno de sons. Como só existe um banco de Multis, você não
precisa selecionar um banco de Multi.
NOTA: O banco User de Multis
3.
A luz da tecla [MULTI] se acende.
No computador, inicie o software de gravação
(DAW) e em seguida abra um arquivo novo.
Tela Multi Play
banco
número do programa
Efetue as configurações de MIDI, tais como porta de MIDI e
canal de transmissão de MIDI para cada pista, conforme as
instruções na página 22.
Parte
Guia Rápido
Porta de MIDI
Computador
2.
nome do Multi
Se estiver usando o gerador interno de sons do MOTIFRACK XS, configure para “1” a porta de MIDI para cada
pista do software.
estado de Arpeggio
Switch (página 91)
estado de cada
bloco de efeito
Canal de MIDI
Estrutura
Conecte o MOTIF-RACK XS ao computador
seguindo as instruções na página 17.
Conexões
Na tela Multi Play no modo Multi, você pode selecionar e tocar
qualquer dos Multis. Para mais detalhes sobre os Multis, veja
a página 25. Aqui, você verá como reproduzir arquivos de
música executados em um software de gravação (DAW) no
computador usando o MOTIF-RACK XS.
1.
No MOTIF-RACK XS, pressione a tecla [MULTI]
para entrar no modo Multi.
Configure os canais de transmissão de MIDI do software
de gravação (DAW) de acordo com os canais de
recepção das partes do Multi. Os canais de recepção do
Multi podem ser configurados na tela Voice do modo
Multi Part Edit (página 94).
Selecione um Multi com as teclas de cursor
teclas e o encoder, e então configure os parâmetros
desejados em cada parte.
Configure os parâmetros de cada parte, tais como o Voice
desejado, o canal de recepção de MIDI apropriado, e os
efeitos para a reprodução adequada da música. Para mais
informações, consulte página 36.
NOTA: Ao sair da fábrica, este instrumento contém um conjunto de 128 User
Multis pré-programados, memorizados no banco User. Se você quiser
restaurar todas as configurações do Multi selecionado, pressione a tecla
[ENTER] enquanto mantém pressionada a tecla [MULTI].
Voice
4.
Referência
pressionada a tecla
e pressionando a tecla
tecla. Para
decrementar de 10, faça o oposto; mantenha pressionada a tecla
pressione a tecla
.
5.
Utility
NOTA: Você pode incrementar em 10 o número do programa mantendo
e
Grave os dados da música no software de gravação
(DAW).
Para detalhes, consulte o manual do seu software.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
Para detalhes, consulte o manual do seu software de
gravação (DAW).
Multi
Tocando um Multi
Ouvindo os
Sons
Ao sair da fábrica, este instrumento contém um conjunto de 128 User Multis pré-programados, memorizados no banco User. Se um Multi in do banco User for substituído,
ele será perdido. Ao salvar um Multi editado, tome cuidado para não substituir um Multi importante.
35
Modo Multi
6.
Controles e
Conectores
Execute a música no software de gravação (DAW)
para reproduzir os sons do MOTIF-RACK XS.
3.
Instalando
Quando é recebida uma mensagem de Note On, a parte
correspondente toca. Por exemplo, quando você executa as
pistas no software seqüenciador, são reproduzidos os sons
da parte cujo canal de recepção de MIDI é o mesmo do canal
de transmissão de MIDI da pista do software de gravação
(DAW). Se duas ou mais partes estiverem configuradas para
o mesmo canal de recepção de MIDI, essas partes
executarão em uníssono. Para detalhes sobre as
configurações de canal, veja a página 21.
Selecione “Common” ou uma das configurações “1”
a “16” usando as teclas de cursor
eo
encoder.
Selecione “Common” se quiser editar os parâmetros
comuns. Selecione o número desejado de “1” a “16” se
quiser editar os parâmetros individuais de uma parte.
Common Edit
Modo Multi
Ouvindo os
Sons
teclado externo
seqüenciador externo
Part Edit
execução da música
gerador de sons
4.
Multi
Pressione a tecla [ENTER] ou o encoder.
Conexões
Aparece a tela Common Edit Select ou a tela Part Edit Select.
Parte
1
2
3
4
5
6
7
8
16
5.
Voice
Selecione um menu usando as teclas de cursor
e o encoder.
Computador
tocando um Multi
menus disponíveis
para Common Edit
Altere o som do Multi atual usando os botões 1 – 5
Guia Rápido
Você pode alterar o som do Multi atual usando os botões 1
– 5 no painel frontal. Esses botões estão endereçados para
controlar parâmetros comuns a todas as partes do Multi. Para
informações sobre a operação desses botões e as funções
endereçadas a eles, consulte as explicações (página 29) sobre o
modo Voice.
tela Common Edit Select
indica a parte atualmente selecionada
menus disponíveis
para Part Edit
Estrutura
Editando o Multi
tela Part Edit Select
As funções de edição do Multi ( Multi Edit) são Common Edit e Part
Edit. Em Common Edit você pode editar os parâmetros comuns a
todas as partes, enquanto que em Part Edit você pode editar os
parâmetros de cada parte.
Voice
1.
Pressione a tecla [MULTI] para entrar no modo
Multi, e em seguida selecione o Multi desejado
(página 35).
Referência
Multi
Se você estiver criando um Multi a partir do zero, use a
conveniente função Initialize. Pressionando a tecla [ENTER]
enquanto mantém pressionada a tecla [MULTI] faz
inicializar todas as configurações do Multi selecionado. A
inicialização do Multi selecionado também pode ser
efetuada a partir do MOTIF-RACK XS Editor. Para
informações sobre a comunicação de dados entre o MOTIFRACK XS Editor e este instrumento, veja a página 23. Para
instruções sobre a função Initialize, consulte o manual do
MOTIF-RACK XS Editor.
6.
Pressione a tecla [ENTER] ou o encoder para
selecionar uma tela de edição.
Aparece a tela de edição do menu selecionado.
Indica as partes
atualmente selecionadas
que podem ser editadas
Common Edit
nome da tela
Utility
Exemplo: tela MEQ de Common Edit
Part Edit
2.
Pressione a tecla [EDIT] para entrar no modo Multi
Edit.
Aparece a tela Multi Edit Select.
Apêndice
Exemplo: tela Play Mode de Part Edit
36
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Multi
Selecione o parâmetro desejado com as teclas de
.
cursor
12.
Dê um nome ao Multi que foi editado.
Você pode dar um nome ao Multi na tela Name em
Common Edit. Para instruções sobre como nomear, veja a
página 47.
Para detalhes sobre cada parâmetro, consulte a seção
Referência (página 91).
Controles e
Conectores
7.
NOTA: Na tela Edit, mantendo pressionada a
DICA
Endereçando um Voice para cada parte
Em Part Edit:
Acesse a tela Voice (página 94) da parte desejada (esta operação
corresponde aos passos 3 – 6), e em seguida selecione um banco
e um número de Voice na tela Voice (esta operação corresponde
aos passos 7 – 8).
Usando a função Category Search:
A função Category Search está disponível no modo Multi assim
como no modo Voice, através dos seguintes métodos:
• [MULTI] –> selecione qualquer Parte –> pressione o
encoder para acessar o quadro Category Search
• [MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer Parte –>
[ENTER] –> selecione “Voice” –> [ENTER] –> pressione
o encoder para acessar o quadro Category Search
Instalando
Podem ser armazenados até 128 User Multis na memória
User. Para instruções sobre como salvar na memória, veja
a página 46.
NOTA: Na tela Multi Store, você pode verificar o som do Multi que está no
destino pressionando a tecla [EDIT]. Use esta função “Store Compare”
antes de efetuar a operação de memorizar (Store).
Ouvindo os
Sons
Edite o valor do parâmetro selecionado girando o
encoder.
Pressione a tecla [STORE] para memorizar o Multi.
CUIDADO
O Multi editado será perdido se for selecionado um outro Multi ou se
o equipamento for desligado antes de salvar o Multi editado na
memória. Certifique-se de que salvou o Multi editado na memória
interna pressionando a tecla [STORE] antes de selecionar outro Multi
ou de desligar o equipamento.
Conexões
8.
13.
CUIDADO
Ao executar a operação de Store para salvar os dados, as
configurações que estão naquele registro de memória serão
substituídas. Os dados importantes devem ser sempre copiados
para o MOTIF-RACK XS Editor em um computador conectado ao
MOTIF-RACK XS.
Computador
e pressionando a tecla
faz mover o cursor até o parâmetro do alto da página seguinte,
e pressionando a
enquanto que mantendo pressionada a tecla
tecla
faz mover o cursor até o parâmetro do alto da página anterior.
Guia Rápido
Para informações sobre como configurar o quadro Category Search,
consulte as explicações sobre o modo Voice (página 28).
Estrutura
Usando mensagens de MIDI:
Você pode selecionar um Voice transmitindo mensagens de MIDI
apropriadas a partir de um software de gravação (DAW).
Transmitindo mensagens de Bank Select MSB, Bank Select LSB e
Program Change para o MOTIF-RACK XS fará mudar o Voice da
parte cujo canal de recepção de MIDI seja igual ao canal de
transmissão de MIDI.
NOTA: O canal de transmissão de MIDI usado para as mensagens de Bank
Select MSB, Bank Select LSB e Program Change deve ter o mesmo
número do canal de recepção de MIDI da parte desejada.
NOTA: A luz da tecla [MULTI] pisca enquanto são recebidas mensagens de MIDI
Se o MOTIF-RACK XS estiver em Multi Part Edit,
mude a parte usando as teclas [<]/[>], e em seguida
edite os parâmetros.
Referência
9.
NOTA: Quando o parâmetro “Bank/Part Wrap” (página 99) está configurado
Multi
Voice
no modo Multi.
10.
Utility
para “on” na tela Utility General, Você pode selecionar os valores da
parte “virando” continuamente, para frente ou para trás, usando as
teclas de cursor [<]/[>].
Configure os parâmetros referentes a efeitos.
11.
Apêndice
Para detalhes, veja a próxima seção, “Configurando efeitos
no modo Multi”.
Repita os passos 3 – 10 como desejar.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
37
Modo Multi
Controles e
Conectores
Programação de efeitos no modo Multi
Nos estágios finais da programação para a criação de sons, você pode usar efeitos para aprimorar e alterar as características do som —
como aplicar um reverb para dar ambiência, ou usar chorus para tornar mais ricos determinados sons. Ao editar os parâmetros em Multi
Effect, lembre-se de que há dois tipos diferentes:
Instalando
Parâmetros específicos de partes individuais (em Multi Part Edit)
A
B
Part EQ
Insertion Effect Switch e Send Level/Dry Level nos efeitos do sistema (System Effect)
Parâmetros comuns a todas as partes (em Multi Common Edit)
Ouvindo os
Sons
C
D
E
Configurações de System Effect, tais como Effect Type e Return Level
Master Effect
Master EQ
Fluxo das configurações de efeitos no modo Multi
Conexões
Computador
Gerador
de sons
O efeito de
insert pode
ser aplicado
a um máximo
de oito partes
saída
Guia Rápido
Estrutura
NOTA: Os sinais de áudio das partes nas quais o parâmetro “Output Select” (página 96) está configurado para qualquer valor diferente de “L&R” podem ser aplicados a “Part EQ” e “Ins Effect
(Insertion Effect)”, como mostrado acima. Os sinais não são aplicados com as configurações de efeitos depois de “Chorus Send”/ “Reverb Send”/ “Dry Level” no fluxo do sinal.
A seguir, veja um exemplo de edição de efeitos no modo Multi.
Selecione o Multi desejado para edição no modo Multi
(página 35).
2.
Pressione a tecla [EDIT] para entrar no modo Multi Edit.
Voice
1.
Aparece a tela Multi Edit Select.
Referência
Multi
3.
Escolha a parte que deseja aplicar o efeito de Insert
(Insertion Effect), usando as teclas
e o encoder, e em seguida pressione a tecla [ENTER]
para efetivar a seleção da parte para edição.
Aparece a tela Part Edit Select.
Utility
4.
Selecione “Fx Send” usando as teclas de cursor
e o encoder, e em seguida pressione a
tecla [ENTER].
Apêndice
Aparece a tela Fx Send.
38
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
5.
Mova o cursor até “Ins Effect Sw”, e então configure
o valor girando o encoder B .
Se quiser, selecione outra parte usando as teclas
[<]/[>] e configure este parâmetro da mesma forma.
Configurando o parâmetro Effect Sw para “on”, você pode
aplicar na parte editada o efeito de Insert que está
configurado para o Voice da parte atual. Note que este
parâmetro pode ser configurado para “on” em até oito partes
ao mesmo tempo.
Modo Multi
Você pode ajustar Chorus Send Level, Reverb Send Level e
Dry Level para a parte atualmente selecionada.
11. Pressione a tecla [EXIT] para retornar à tela Effect.
Controles e
Conectores
Na mesma tela, mova o cursor até “Chorus Send”,
“Reverb Send” e “Dry Level”, e então configure os
valores girando o encoder B .
12. Mova o cursor até “Chorus Return”, “Chorus Pan”,
“Reverb Return”, “Reverb Pan” ou “Chorus to
Reverb” usando as teclas de cursor, e então
configure o valor girando o encoder C .
Instalando
6.
Estes parâmetros determinam a profundidade e o grau com
que o efeito é aplicado.
13. Mova o cursor até “Master”,pressione a tecla
[ENTER], e configure os respectivos parâmetros.
8.
Pressione a tecla [EXIT] duas vezes para retornar à
tela Multi Edit Select.
Selecione “Common” usando as teclas de cursor
e o encoder, e então pressione a tecla
[ENTER].
Aparece a tela Common Edit.
Ouvindo os
Sons
7.
14. Configure os parâmetros de Master EQ e Part EQ.
Ao configurar Master EQ, pressione a tecla [EXIT] algumas
vezes para retornar à tela Multi Common Edit Select,
selecione “MEQ”, e então pressione a tecla [ENTER] para
acessar a tela MEQ (página 92). Ao configurar Part EQ,
pressione a tecla [EXIT] algumas vezes para retornar à tela
Multi Edit Select, selecione qualquer parte de 1 a 16,
pressione a tecla [ENTER], selecione “Part EQ”, e então
pressione a tecla [ENTER] para acessar a tela Part EQ
(página 96).
Conexões
fará com que não seja aplicado Reverb/Chorus à parte atual.
Na tela Master Effect (MEF) (página 93), você pode editar os
parâmetros de Master Effect comuns a todas as partes.
Computador
NOTA: Configurando Reverb Send e Chorus Send para valores iguais a 0
15. Pressione a tecla [STORE] para memorizar o Multi
9.
Selecione “Effect” usando as teclas de cursor
e o encoder, e então pressione a tecla
[ENTER].
Guia Rápido
que foi editado.
As configurações relativas aos efeitos podem ser salvas
como um Multi. Para instruções sobre como salvar, veja a
página 46.
NOTA: Na tela Multi Store, você pode ouvir o som do Multi que está no destino
pressionando a tecla [EDIT]. Use esta função denominada “Store
Compare” antes de efetuar a operação de Store.
Aparece a tela Effect.
Chorus Return
Reverb Pan
CUIDADO
Quando você executa a operação de Store, os dados na memória de
destino são substituídos. Os dados importantes devem ser sempre
copiados para o software MOTIF-RACK XS Editor em um computador
conectado ao MOTIF-RACK XS.
Referência
Reverb Return
Voice
O Multi editado será perdido se for selecionado um outro Multi ou se
o equipamento for desligado antes de salvar o Multi editado na
memória. Certifique-se de que salvou o Multi editado na memória
interna pressionando a tecla [STORE] antes de selecionar outro Multi
ou de desligar o equipamento.
Master
Effect
System Effect
Estrutura
CUIDADO
Chorus pan
Multi
Chorus to Reverb
10. Mova o cursor até “Chorus” ou “Reverb” usando as
teclas de cursor, pressione a tecla [ENTER] e então
configure os parâmetros.
Utility
Nas telas Reverb ou Chorus, você pode configurar os
parâmetros do efeito do sistema (ao qual pertence o
Reverb/Chorus), tais como o tipo de efeito (Effect type) e
outros parâmetros detalhados.
NOTA: Para detalhes sobre as categorias de efeitos, os tipos e os parâmetros,
Apêndice
consulte a página 59 e a lista de efeitos no documento Data List.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
39
Usando a função Arpeggio
Controles e
Conectores
Tocando 4 partes superpostas
usando um teclado MIDI
Instalando
No modo Multi, você pode configurar de maneira que quatro
Voices (Partes) toquem simultaneamente recebendo
mensagens MIDI a partir de um único canal de MIDI de um
teclado MIDI externo ou de um computador (com software de
gravação - DAW).
As Partes 1 – 4 de um Multi pré-programado podem ser
configuradas para criar uma sonoridade encorpada de textura rica
e com a execução de arpejo (padrão de ritmo, etc.), simplesmente
tocando em um teclado MIDI (através de um único canal de MIDI),
e servindo como inspiração para a criação de música e execução
ao vivo.
Aqui, mostraremos como tocar os quatro Voices (Partes) usando
apenas um teclado MIDI. Depois de conectar o teclado MIDI ao
MOTIF-RACK XS via MIDI, siga as instruções abaixo.
Ouvindo os
Sons
Conexões
1.
Pressione a tecla [UTILITY] para entrar no modo
Utility.
NOTA: As configurações de canal de MIDI para as partes 1 – 4 do Multi serão
preservadas independentemente da configuração do parâmetro “Layer
1-4 Parts”. Essas configurações estão disponíveis somente quando o
parâmetro “Layer 1-4 Parts” está configurado para “off”.
NOTA: Se você alterou os parâmetros de MIDI da programação original de
fábrica, certifique-se de que configurou os parâmetros “Receive Ch”
(página 94) das partes 5 – 16 para valores diferentes do valor do
parâmetro Receive Ch (página 102) no modo Utility antes de configurar
o parâmetro Layer 1 – 4 Parts.
4.
Pressione a tecla [MULTI] para acessar a tela Multi
Play, e em seguida selecione um Multi usando as
ou o encoder.
teclas de cursor
5.
No teclado MIDI externo, configure o canal de
transmissão de MIDI para o mesmo valor configurado
no parâmetro Receive Ch (página 102) nos parâmetros
de Utility do modo Voice do MOTIF-RACK XS.
6.
Toque uma nota no teclado MIDI conectado ao
MOTIF-RACK XS.
Aparece a tela Utility Select.
Computador
2.
Selecione “General”, usando as teclas de cursor
ou o encoder, e então pressione a tecla
[ENTER] ou o encoder.
Aparece a tela Utility General.
3.
Guia Rápido
Mova o cursor até “Layer 1-4 Parts” (página 98) na
segunda página usando as teclas de cursor
, e então configure o valor para “on”,
girando o encoder.
Estrutura
Quando este parâmetro está configurado para “on”, as
Partes 1 – 4 do Multi atual reconhecerão somente as
mensagens MIDI recebidas no canal de MIDI igual ao
valor especificado no parâmetro “Receive Ch (Basic
Receive Channel)” (página 102), nos parâmetros de Utility
no modo Voice, independente do canal de recepção de
MIDI de cada parte.
Pressionando uma única nota fará tocar os quatro Voices
simultaneamente e poderá disparar a execução do
arpejo, dependendo das configurações do Multi.
NOTA: Quando um computador está conectado ao MOTIF-RACK XS com o
software MOTIF-RACK XS Editor instalado, você pode ter outras
programações de Multi, uma vez que no MOTIF-RACK XS Editor há
384 (128 x 3 bancos) programações de Multi disponíveis. Com o
MOTIF-RACK XS Editor conectado ao instrumento, selecione um
Multi que não exista no MOTIF-RACK XS, e experimente tocar no
teclado.
Usando a função Arpeggio
Voice
O que é a função Arpeggio?
Referência
Multi
Esta função dispara automaticamente frases pré-programadas (presets) de arpejos, riffs e padrões de ritmo, de acordo com as notas que você
toca. Ela não só lhe fornece inspiração e passagens rítmicas completas em cima das quais você pode tocar, mas também lhe oferece dados
de MIDI que você pode usar para criar músicas, ou partes completas para formar acompanhamentos para serem usados ao vivo. Você pode
ter cinco tipos de arpejo a cada Voice. Você também pode configurar o método de execução do arpejo, a faixa de intensidades (velocity) das
notas e os efeitos, para criar seus próprios grooves. E mais: a execução do arpejo pode ser transmitida via MIDI Out, permitindo a você gravar
os dados do arpejo em um seqüenciador MIDI externo ou em um software de gravação (DAW) em seu computador.
Utility
DICA
Transmitindo a execução do arpejo por dados de MIDI
Se você quiser usar os arpejos para controlar outros instrumentos MIDI ou para gravar os dados de MIDI das notas dos arpejos em um
seqüenciador MIDI externo ou em um software de gravação (DAW) no computador para depois editar, pode fazer com que os dados de MIDI da
execução do arpejo sejam transmitidos através das portas USB, mLAN ou MIDI OUT. Isto pode ser feito configurando para “on” os parâmetros
abaixo:
Apêndice
Voice Arpeggio: modo Voice –> [UTILITY] –> selecione “Voice MIDI” –> [ENTER] –> “Arp MIDI Out Sw”
Multi Arpeggio: modo Multi –> [EDIT] –> selecione qualquer Parte –> [ENTER] –> selecione “Arpeggio” –> [ENTER] –> selecione “Arp Edit” –>
[ENTER] –> “Arp MIDI Out Sw”
40
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Usando a função Arpeggio
Estrutura do arpejo
Controles e
Conectores
A ilustração a seguir indica a estrutura de dados do arpejo.
Até cinco tipos de arpejo podem ser endereçados a cada Voice ou Parte, em cada Parte ou cada Multi.
Parte 1
Voice
Arp Sw = on
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Voice
Arp Sw = off
Parte 2
Parte 3
Parte 15
Arp Sw = on
Arp Sw = on
Arp Sw = off
Arp Sw = on
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Parte 16
Instalando
(17 categorias)
Arp Commo Sw = on
Arp Sw = on
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Ouvindo os
Sons
Dados do arpejo
6.633 tipos
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Multi
Multi
Arp Common Sw = on
Parte 1
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Parte 2
Parte 3
Parte 15
Arp Sw = on
Arp Sw = off
Arp Sw = on
Arp Sw = on
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Parte 16
Arp Sw = on
Arp 5
Arp 4
Arp 3
Arp 2
Arp 1
Conexões
Arp Sw = on
Computador
Voice
*até quatro Partes podem executar os tipos de arpejo simultaneamente.
Tipos de arpejo
Guia Rápido
O MOTIF-RACK XS dispõe de 6.633 tipos de arpejo (em 17 categorias) incluindo Synthesizer, Piano, Guitar, Bass, Strings, Drum, etc.
Para detalhes, veja o bloco do arpejo na Estrutura Básica, na página 53.
NOTA: Se o parâmetro “Arp Sw” do Voice já havia sido configurado para “on”,
a luz da tecla [AUDITION] acende imediatamente quando o Voice é
selecionado.
O arpejo pode ser executado somente quando o MOTIF-RACK
XS recebe mensagens MIDI de Note On vindas de um
equipamento MIDI externo ou de um software de gravação
(DAW). Depois de conectar o teclado MIDI ao MOTIF-RACK XS,
siga as instruções abaixo para executar o arpejo.
3.
Configure o parâmetro “Audition Button” para
“arpeggio sw” (página 99) na tela Utility General
(acessada via [UTILITY] –> selecione “General” –>
[ENTER]).
Pressione a tecla [VOICE] para entrar no modo
Voice, e em seguida selecione o Voice desejado na
tela Voice Play.
Pressione a tecla [AUDITION] para acender a sua luz.
Esta operação habilita a função Arpeggio.
NOTA: Alguns tipos de arpejo incluem mensagens de Control Change.
Quando você toca um arpejo desse tipo, o som do Voice atual pode
ser alterado inadvertidamente e o indicador E pode aparecer no canto
superior direito da tela.
5.
Voice
Pressione a tecla [EDIT], selecione “Arpeggio”, e
então pressione a tecla [ENTER].
Utility
2.
A maneira como a execução do arpejo responde às notas
recebidas vai depender do tipo de arpejo endereçado ao
Voice. Observando à página 55, toque a nota ou as notas
de várias maneiras — somente uma nota, várias notas
simultaneamente, as mesmas notas em diversas ordens,
etc. Você pode ouvir várias frases de arpejo ou padrões
rítmicos. Dependendo do tipo de arpejo, você também pode
disparar a frase de acentuação especial (Accent Phrase)
pressionando a tecla com mais força.
Aparece a tela Arp Select.
Apêndice
1.
Toque no teclado MIDI externo que está conectado ao
MOTIF-RACK XS.
Estrutura
4.
Referência
Execução do arpejo no modo Voice
Multi
Execução do arpejo
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
41
Usando a função Arpeggio
6.
Controles e
Conectores
Na coluna “Arp Select”, selecione qualquer dos
cinco tipos de arpejo (“ARP1” – “ARP5”)
endereçados ao Voice atual .
Ouvindo os
Sons
Você pode selecionar e tocar um dos cinco tipos de arpejo
endereçados a cada Voice. Se você quiser alterar as
configurações comuns a todos os cinco tipos de arpejo, mova
o cursor até “Arp Edit” e então pressione a tecla [ENTER]
para acessar a tela Arpeggio Edit (página 66). Se quiser
alterar o tipo de arpejo Arpeggio endereçado a “ARP1”, por
exemplo, mova o cursor até “Arp 1 Type”, e então pressione
a tecla [ENTER] para acessar a tela Arp 1 – 5 Type.
Execução / gravação de arpejo no modo
Multi
No modo Multi, pode ser endereçado um tipo de arpejo para cada
parte, e até quatro partes podem executar simultaneamente os
tipos de arpejos endereçados. Esta seção explica como disparar
os tipos de arpejo usando eventos de notas em uma pista do
software de gravação (DAW) e como gravar no software de
gravação (DAW) as notas MIDI geradas pela execução do arpejo.
NOTA:
selecione um dos tipos “ARP1” – “ARP5”.
Instalando
1.
Para instruções sobre como conectar o MOTIF-RACK XS a um
computador, veja a página 17.
No software de gravação (DAW), grave em uma pista
os dados de notas (para disparar o arpejo), e então
configure a porta de saída de MIDI da pista para USB
port 1 ou mLAN port 1.
NOTA: Para informações sobre como efetuar essas configurações, consulte o
manual do software de gravação (DAW).
Conexões
acessa a tela
Arpeggio Edit
acessa a tela
Arpeggio Type
NOTA: O ícone de colcheia à esquerda de “ARP1” – “ARP5” indica que o tipo
Computador
de arpejo já foi endereçado. Se não houver o ícone, indica que
nenhum tipo de arpejo (“off”) está endereçado e que nenhum som será
produzido ao tocar uma nota.
DICA
2.
No MOTIF-RACK XS, entre no modo Multi, e em
seguida selecione o Multi desejado.
3.
No MOTIF-RACK XS, configure o parâmetro “Arp
Common Sw” para “on” na tela Arpeggio de Common
Edit.
Guia Rápido
Quando o parâmetro “Audition Button” (página 99) está
configurado para “arpeggio sw” na tela Utility General, você
pode ligar / desligar o parâmetro Arpeggio Switch
pressionando a tecla [AUDITION] no painel. Quando o
parâmetro Arpeggio Switch está configurado para “on”,
a luz da tecla [AUDITION] se acende.
Mudando o tipo de arpejo por meio de
mensagens MIDI de Control Change
Os tipos de arpejos também podem ser alterados a partir de um
equipamento externo, por meio de mensagens MIDI de Control
Change.
4.
1. Pressione a tecla [UTILITY], selecione “Controller”,
Estrutura
pressione a tecla [ENTER], mova o cursor até “Arp 1-5 Ctrl
No” (número de Arpeggio 1 – 5 Control Change), e então
configure o número do Control Change que deseja usar
para alterar os tipos Arp 1 – 5.
Configure os demais parâmetros como desejar na tela
Arpeggio. O parâmetro “Arp Sw” pode ser configurado para
“on” em até quatro partes.
2. Mova o cursor até “Arp Assign Mode” e em seguida
selecione um dos seguintes valores:
inc: A cada vez que o MOTIF-RACK XS recebe uma mensagem de
Voice
Control Change configurada no passo 1, Arp 1 – 5 podem ser
mudados em ordem numérica. O valor do Control Change não
importa.
5.
Na tela Voice (página 94) de Part Edit, configure o
parâmetro “Receive Ch” da parte (cujo parâmetro
“Arp Sw” está configurado para “on”) para o mesmo
valor do canal de transmissão da pista do software
de gravação (DAW).
6.
Efetue as configurações apropriadas de MIDI clock
para executar o arpejo.
direct: Você pode selecionar o número do arpejo (ARP1 – ARP5)
correspondente ao valor da mensagem de Control Change que foi
configurada no passo 1. Para detalhes, veja a página 102.
3. Experimente transmitir mensagens de Control Change para
Referência
Multi
o MOTIF-RACK XS a partir de um equipamento MIDI para
alterar o número do arpejo (ARP1 – ARP5).
7.
Determine qual o clock que deverá ser usado, o interno (do
MOTIF-RACK XS) ou o externo (vindo do equipamento MIDI
ou do software de gravação no computador), assim como as
demais configurações. Para detalhes sobre essas
configurações, consulte “Andamento do arpejo” na página 43.
Utility
Pressione a tecla [SELECT] de maneira que a luz
mais baixa se acenda, e então gire o botão 5
enquanto toca um arpejo para ajustar o andamento.
7.
8.
Apêndice
Depois de completar as configurações desejadas,
pressione a tecla [STORE] para memorizar as
configurações do arpejo como dados do User Voice.
Para informações sobre como salvar o Voice editado, veja
a página 46.
42
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Na tela Arp Edit (página 96) de Part Edit, configure o
parâmetro “Arp Sw” da parte desejada para “on”, e
em seguida selecione o tipo de arpejo desejado na
tela Arp 1 – 5 Type.
No software de gravação, faça reproduzir os dados
de notas para disparar o arpejo do MOTIF-RACK
XS e soar o arpejo configurado.
Usando a função Arpeggio
A seguir, experimente gravar dados do arpejo em uma pista do
software de gravação (DAW).
9.
Na tela Arp Edit de Part Edit, configure para “on” o
parâmetro “Arp MIDI Out Sw” da parte (cujo
parâmetro “Arp Sw” está configurado para “on”), e
em seguida configure “Arp Transmit Ch” para o canal
desejado, na mesma tela.
Depois desta operação, a execução dos dados do arpejo
(dados MIDI) será transmitida para o equipamento externo
(computador) através do canal de MIDI especificado.
Controles e
Conectores
Para informações sobre como salvar, veja a página 46.
Andamento do arpejo
Para poder sincronizar o andamento do arpejo com outros
equipamentos, você pode determinar qual o clock (referência de
tempo) a ser usado: interno (do MOTIF-RACK XS) ou externo
(vindo do equipamento MIDI ou do software de gravação). Isto é
configurado no parâmetro MIDI Sync (pág. 99) na tela Utility MIDI.
Quando você configura este parâmetro de maneira que seja usado
o clock interno, pode determinar o andamento do arpejo
configurando o parâmetro “Arp Tempo” (página 66) na tela Arp Edit
do modo Voice, ou o parâmetro “Arp Tempo” (página 91) na tela
Arp Edit do modo Multi.
Quando você configura este parâmetro de maneira que seja
usado o clock externo, é preciso configurar os parâmetros
apropriados para que o equipamento MIDI externo ou computador
possa transmitir os clocks via MIDI. As instruções abaixo explicam
como configurar isto no Cubase.
Instalando
No MOTIF-RACK XS, pressione a tecla [STORE]
para memorizar o Multi atual depois de completar as
configurações desejadas.
Ouvindo os
Sons
8.
1. Selecione “Sync Setup” no menu “Transport” do Cubase
para acessar o quadro Synchronization Setup.
Conexões
10. No software de gravação (DAW), selecione uma
pista vazia, e em seguida configure a porta de saída
de MIDI para “off”.
11. No software de gravação (DAW), faça reproduzir os
Computador
dados de notas preparadas no passo 1 para disparar a
execução de arpejo no MOTIF-RACK XS, e então
pressione a tecla de gravação para gravar os dados
MIDI do arpejo na pista selecionada no passo 9.
12. Depois de gravar, configure o canal de transmissão de
Guia Rápido
MIDI da pista de gravação para o mesmo valor das
partes (cujo parâmetro “Arp Sw” está configurado
para “on’) do MOTIF-RACK XS.
13. Configure para “off” os parâmetros “Arp Sw” de
Estrutura
todas as partes do MOTIF-RACK XS, e então faça
reproduzir os dados de notas gravados no software
de gravação (DAW).
As notas gravadas no software de gravação (DAW) serão
transmitidas ao MOTIF-RACK XS e executarão os sons do
MOTIF-RACK XS, sem usar a função Arpeggio.
2. Marque as opções USB ou mLAN Port1 do
Note que o canal de transmissão de MIDI do teclado ou do software de
gravação (DAW) deve estar configurado para o mesmo valor de
“Receive Ch” na tela Utility Voice MIDI do MOTIF-RACK XS.
NOTA:
Para detalhes sobre como usar com “Layer 1 – 4 Parts” configurado
para “on”, veja a página 40.
NOTA:
O clock de MIDI é transmitido do Cubase (no computador)
somente quando a gravação ou a reprodução é efetuada no
Cubase.
NOTA:
Para informações sobre outros softwares de gravação (DAW) que não
sejam o Cubase e como transmitir dados de clock pelo equipamento
MIDI, consulte o manual do respectivo software de gravação (DAW)
ou dispositivo MIDI.
Voice
Multi
3. Clique [OK] para fechar o quadro “Synchronization Setup”.
Utility
NOTA:
Ao conectar via cabo USB, marque a opção “Yamaha MOTIF-R
XS-1” ou “MOTIF-R XS Port1”. Ao conectar via cabo IEEE1394,
marque a opção “mLAN MIDI Out” ou “MOTIF-RACK XS”.
Apêndice
Experimente tocar o Multi nas configurações originais de fábrica
com o parâmetro “Layer 1 – 4 Parts” (página 98) configurado para
“on” na tela Utility General. Quando “Layer 1 – 4 Parts” está
configurado para “on”, os canais de recepção de MIDI das partes 1
a 4 do Multi atual serão configurados para o mesmo valor
especificado pelo parâmetro “Receive Ch (Basic Receive Channel)”
(página 102) da tela Utility Voice MIDI. Com esta configuração, você
pode ouvir várias execuções de arpejo (até quatro tipos)
simultaneamente, recebendo os dados de notas vindos de um
seqüenciador MIDI externo ou de um computador (software de
gravação - DAW).
Referência
Execução de arpejo soando simultaneamente os Voices
das partes 1 – 4.
MOTIF-RACK XS e “MIDI Clock Follows Project
Position” de “MIDI Clock Destination” no canto inferior
direito do quadro.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
43
Controlando a partir de um teclado MIDI
Controles e
Conectores
Controlando a partir de um teclado MIDI
Para usar o MOTIF-RACK XS, você precisará de um teclado externo (com diversos controles, tais como roda de pitch bend, roda de
modulation, etc.). O bloco do Gerador de Sons do MOTIF-RACK XS produz o som conforme as mensagens de MIDI recebidas do teclado
ou do computador.
Instalando
Controles externos suportados pelo MOTIF-RACK XS
Ouvindo os
Sons
O MOTIF-RACK XS pode ser tocado conectando um teclado ou um sintetizador MIDI externo, e pode ser controlado pelos controles do
teclado — roda de pitch bend, roda de modulation, ribbon controller, botões, sliders, etc. Além disto, você também pode controlar o MOTIFRACK XS usando o controlador de sopro Yamaha BC3 Breath Controller, o pedal FC4/FC5, o pedal de controle FC7/FC9, etc. conectando
esses dispositivos de controle no equipamento externo.
Computador (software de gravação (DAW), etc.)
FC3/FC4/FC5
Conexões
Controle geral do sistema
mensagens MIDI (Channel
Aftertouch, Pitch Bend,
Control Change, etc.)
Voice
Controller Set 1 – 6:
controle de cada Voice
FC7/FC9
Computador
USB TO
HOST
MIDI OUT
MIDI IN
Guia Rápido
MOTIF XS, etc.
USB
MOTIF-RACK XS
Controlando um Voice com o Controller Set
Estrutura
[VOICE] –> selecione um Voice –> [EDIT] –> selecione “Controller” –> [ENTER] –> tela Control (pág. 71)
Você pode endereçar livremente uma variedade de funções diferentes aos controles externos. Por exemplo, você poderia fazer a roda de
modulation controlar a ressonância do filtro e usar o aftertouch para aplicar vibrato. As configurações de todos os controles externos são
designadas a um “Controller Set”, e podem ser criados até seis Controller Sets para cada Voice.
NOTA: Você pode endereçar uma variedade de funções ao botão 3 (ASSIGN 1) e ao botão 4 (ASSIGN 2), assim como aos controles externos.
Controller Set
Voice
Voice
Controller Set 1 – 6
Source (fonte) = controle externo ou
botão 3 (ASSIGN 1)/ botão 4 (ASSIGN 2)
Referência
Multi
Depth (profundidade) = grau com que o
controle afeta o som
Element Switches no
MOTIF-RACK XS Editor
Utility
on/off on/off on/off on/off on/off on/off on/off on/off
Destination (Dest) = Function
Volume, Reverb Send Level, Chorus Send Level,
Filter Cutoff Frequency, Filter Resonance, etc.
Apêndice
NOTA: Você pode determinar se o controle afeta cada elemento configurando para “on” ou “off” o Element Switch do Controller Set. Note que isto só se aplica aos Normal Voices. O
parâmetro Element Switch só pode ser configurado no MOTIF-RACK XS Editor.
NOTA: Os parâmetros Element Switch do Controller Set não estão disponíveis quando uma função não relacionada aos Elementos é configurada como destino.
44
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Usando uma fonte para controlar vários destinos
O termo “source” (fonte) refere-se ao controle físico (hardware) e
“destination” (destino) refere-se ao parâmetro ou função controlada.
Uma ampla variedade de parâmetros de destino está disponível,
bem mais do que os listados na página anterior. Para uma lista
completa dos parâmetros de destino, veja o documento Data List.
Por exemplo, configure o parâmetro Src (Source) de Control Set 1
para “ModWheel” (roda de modulation) e o parâmetro Dest
(Destination) para “E-LFO PMD” (Element LFO Pitch Modulation
Depth). Em seguida configure o parâmetro Src (Source) de Control
Set 2 também para “ModWheel”, mas configure o parâmetro Dest
para “E-Pan” (Element Pan). Neste exemplo, quando você move a
roda de modulation para a frente, aumenta a quantidade de
modulação na afinação, e o Elemento é posicionado da esquerda
para a direita. Desta maneira, você pode fazer o som mudar de
diversas formas diferentes ajustando um único controle.
Por exemplo, nas instruções abaixo, controlaremos o ajuste de pan
usando um controle externo endereçável depois de conectar o
controlador externo ao MOTIF-RACK XS.
Instalando
Fonte e destino
Controles e
Conectores
Controlando a partir de um teclado MIDI
Usando várias fontes para controlar um destino
O Controller Set editado no modo Voice Edit está disponível quando o
Voice correspondente está selecionado no modo Multi.
NOTA:
Certifique-se de que compatibilizou as configurações de canal de MIDI entre
o MOTIF-RACK XS e o controlador externo.
No modo Voice, configure o canal de transmissão do controlador externo para
o mesmo valor de Basic Receive Channel (configurado no modo Utility) do
MOTIF-RACK XS, e vice-versa. No modo Multi, da mesma maneira, configure
o canal de transmissão do controlador externo para o mesmo valor de Receive
Channel da parte que deseja controlar no MOTIF-RACK XS, e vice-versa.
NOTA: Você pode alterar o número do controle correspondente à fonte de
controle (veja à direita).
No controlador externo conectado ao MOTIF-RACK
XS, certifique-se de que a configuração de “Assign
1” combina com o número de controle gerado ao
operar o respectivo controle.
Para detalhes sobre como fazer isto, consulte o manual do
equipamento em questão.
Configure o parâmetro “Ctrl Set 1 Dest” para “EPan” (Element Pan).
NOTA: Para detalhes sobre as configurações de destino disponíveis, consulte
a lista de controles no documento Data List.
4.
Configure a profundidade do controle alterando o
valor do parâmetro “Ctrl Set 1 Depth”.
5.
Repita os passos 1 e 3 acima para endereçar os
demais Control Set 2 a 6.
6.
Toque o som do MOTIF-RACK XS e experimente o
controle correspondente.
Ouvindo os
Sons
Conexões
Cada controle externo possui um número de controle préprogramado. Ao operar um controle externo, cada mensagem de
Control Change associada a cada controle é transmitida ao
MOTIF-RACK XS, e a função de destino (Destination)
correspondente ao número do controle é executada. O
endereçamento de números de controle no MOTIF-RACK XS pode
ser efetuado na tela Utility Controller (página 101).
NOTA:
Os números de controle para Aftertouch, Pitch Bend e Modulation Wheel
não são alterados.
NOTA:
Dependendo das configurações de número de controle do parâmetro “Ctrl
Set 1 – 6 Src”, as funções convencionais das mensagens de Control
Change podem ser desabilitadas.
NOTA: Você pode controlar as funções especificadas, como o destino de
“Assign 1” e “Assign 2”, operando os botões 3 e 4, respectivamente,
assim como os controles externos.
Utility
3.
Endereçando números de controle
NOTA: Quando ao menos um dos parâmetros “LFO Set 1 – 3 Element Sw”
está configurado para “off” e os parâmetros relativos ao Elemento
estão endereçados a algum dos parâmetros “Ctrl Set 1 – 6 Dest”, é
mostrado um ponto de exclamação (“!”) antes do valor de “Ctrl Set 1 –
6 Src”, “Ctrl Set 1 – 6 Dest” e “Ctrl Set 1 – 6 Depth”. Isto indica que a
função especificada como destino não está sendo aplicada a todos os
Elementos.
Apêndice
2.
Computador
consulte “Ctrl Set 1 – 6 Src (Controller Set 1 – 6 Source)” na página 71.
NOTA:
Guia Rápido
NOTA: Para informações sobre os parâmetros da fonte (source) de controle,
Estrutura
número do controle
Voice
O número do controle é mostrado entre parênteses ao lado
de “Assign 1”.
Por exemplo, configure o parâmetro Src (Source) de Control Set 1
para “ModWheel” (roda de modulation) e o parâmetro Dest
(Destination) para “E-LFO PMD” (Element LFO Pitch Modulation
Depth). Em seguida configure o parâmetro Src (Source) de Control
Set 2 para “Ribbon” (Ribbon Controller) e configure o parâmetro
Dest também para “E-LFO PMD”. Agora, a modulação da afinação
está endereçada tanto para a roda de modulation quanto para o
Ribbon Controller. Isto pode ser útil em situações ao vivo,
permitindo a você usar qualquer dos controles, dependendo do que
for mais conveniente no momento. Desta maneira, você pode ter
vários controles diferentes afetando o mesmo aspecto do som.
Multi
Configure o parâmetro “Ctrl Set 1 Src” para
“Assign 1” na tela VOICE COMMON Control, e em
seguida confirme o número do controle para
“Assign1”.
Referência
1.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
45
Salvando as edições de Voice, Multi e Utility
Controles e
Conectores
Salvando as edições de Voice, Multi e Utility
As configurações editadas de Voice, Multi e Utility podem ser salvas na memória interna Flash ROM (página 48). Além disto, os dados do
Voice ou do Multi que está sendo editado podem ser transferidos para um equipamento MIDI externo ou computador (software de gravação
- DAW) em pacotes de dados (de mensagens MIDI de System Exclusive) e salvos em um arquivo.
Instalando
Salvando as edições de Voice, Multi e
Utility na memória interna de Flash
ROM
4.
Pressione a tecla [ENTER] ou o encoder para executar
a operação de Store.
Aparece uma mensagem solicitando a sua confirmação.
Ouvindo os
Sons
As configurações editadas de Voice, Multi e Utility podem ser
salvas seguindo-se as instruções abaixo. Se você quiser alterar o
nome do Voice ou do Multi, execute a operação de Rename
(página 47) antes de efetuar a operação de Store.
Conexões
CUIDADO
Ao salvar um Voice ou Multi, os dados que estão no registro de destino
são substituídos. Os dados importantes devem sempre ser copiados
para um arquivo no software MOTIF- RACK XS Editor.
Pressione a tecla [ENTER] ou o encoder para executar a
operação de Store. Quando os dados são salvos aparece a
mensagem “Completed”, e o Voice ou Multi de destino é
mostrado na tela.
NOTA: Para cancelar a operação de Store, pressione a tecla [EXIT] em vez da
Computador
1.
Depois de terminar a edição, pressione a tecla [STORE].
tecla [ENTER]. A operação de Store não será executada e a tela
retornará à condição anterior.
Aparece a tela Store.
CUIDADO
Guia Rápido
Nunca tente desligar a alimentação enquanto os dados estiverem
sendo salvos (enquanto estiver sendo mostrada a mensagem
“Executing..” ou “Please keep power on”). Se a alimentação for
desligada nesta condição, haverá a perda de todos os dados do
usuário.
Função Store Compare
Exemplo quando um Normal Voice é selecionado
Estrutura
banco e número do Voice com os dados iniciais do Voice que está sendo editado
Quando é mostrada a tela Voice Store ou Multi Store, a luz da
tecla [EDIT] pisca e aparece “STORE COMPARE” na tela. Neste
estado (chamado de “modo Store Compare”), você pode ouvir o
som do Voice ou Multi de destino tocando uma frase de audição
(Audition Phrase; página 16) ou tocando no teclado MIDI externo.
Pressionando a tecla [EDIT] outra vez faz sair deste estado.
número de
destino
banco
de destino
Voice
Nome do Voice de destino
NOTA: Pressionando a tecla [STORE] no modo Utility faz salvar as
configurações de Utility imediatamente sem aparecer qualquer
mensagem de confirmação.
Referência
Multi
2.
Mova o cursor até a coluna Bank usando a tecla de
cursor [<], e em seguida selecione o banco de
destino usando o encoder, e mova o cursor até a
coluna Number usando a tecla de cursor [>].
Utility
Este passo só é necessário quando um Normal Voice é
editado no modo Voice.
3.
Selecione o número de destino para o Voice ou o
Multi usando o encoder.
Apêndice
46
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
indica que Store Compare está ativa
Salvando as edições de Voice, Multi e Utility
NOTA:
Controles e
Conectores
Você pode arquivar ou fazer backup do estado atual (dados no
buffer de edição) do Voice Edit ou do Multi Edit usando a função
Bulk Dump para transmitir os dados para o software de gravação
(DAW) em seu computador conectado ao MOTIF-RACK XS.
Configurações de nome de Voice/Multi
Na tela Name do modo Voice ou Multi Common Edit, você pode
dar o nome desejado ao Voice ou Multi atual. Nesta seção, você
verá como entrar com caracteres na tela Name.
1. Acesse a tela Name e então mova o cursor até
Instalando
Salvando dados em um
equipamento externo (Bulk Dump)
“Name” (páginas 65 ou 91).
Para detalhes sobre como conectar o MOTIF-RACK XS a um computador,
veja a página 17.
NOTA: Para poder usar adequadamente a função Bulk Dump, os parâmetros MIDI
Ouvindo os
Sons
Device Number e Receive Bulk Switch devem ser configurados
apropriadamente. Para detalhes, veja a página 100.
Transmitindo e salvando os dados
2.
No software de gravação (DAW), crie um novo
projeto, e então comece a gravar.
No MOTIF-RACK XS, mantenha pressionada a tecla
[VOICE] ou a tecla [MULTI] e então pressione a tecla
[STORE].
2. Pressione a tecla [ENTER] ou o encoder para acessar o
quadro Name.
Na lista de caracteres, o cursor está localizado no alto à esquerda
desta área. Na área de edição do nome, o cursor está localizado na
extremidade esquerda.
Conexões
1.
lista de caracteres
Computador
O estado atual (do buffer de edição) de Voice Edit ou Multi
Edit será transmitido e gravado no software de gravação
(DAW) em seu computador.
NOTA: Se a transmissão de blocos de dados (bulk data) não funcionar
corretamente, tente aumentar o valor do intervalo de transmissão
(parâmetro “Bulk Interval”). Veja a página 100.
No software de gravação (DAW), salve o arquivo do
projeto onde o bloco de dados foi gravado.
Guia Rápido
área de edição
3.
3. Pressione as teclas [<] e [>] para mover o cursor até a
posição desejada na área de edição do nome.
Recebendo os dados do software de gravação (DAW)
4. Gire o encoder para selecionar o caractere desejado na
lista.
Estrutura
No software de gravação (DAW), abra o arquivo de
projeto que contém os dados que você deseja receber.
5. Pressione as teclas [<] e [>] para mover para a próxima
posição desejada na área de edição.
Se os blocos de dados são para Normal Voices, selecione
um Normal Voice no modo Voice. Da mesma maneira, se os
blocos de dados são para Drum Voices, selecione um Drum
Voice; se for para Multis, selecione o modo Multi.
7. Depois de entrar com o nome, pressione a tecla [ENTER].
No software de gravação (DAW), coloque para
reproduzir o arquivo de projeto que contém os dados.
Utility
Os blocos de dados serão transmitidos do software de
gravação (DAW) (computador) para o MOTIF-RACK XS e
restaurados no buffer de edição do Voice ou Multi.
CUIDADO
Quando o MOTIF-RACK XS recebe blocos de dados (bulk data), as
configurações são substituídas com os dados recebidos. Tenha
cuidado para não substituir dados importantes.
Apêndice
3.
6. Repita os passos 4 e 5, se for necessário.
Voice
No MOTIF-RACK XS, entre no modo Voice ou no
modo Multi, conforme o tipo de dados que deseja
receber do software de gravação (DAW).
Referência
2.
Multi
1.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
47
Restaurando a programação original na memória User
Restaurando o conteúdo
original (Factory Settings)
da memória User
Controles e
Conectores
Memória Interna
A seguir estão explicações resumidas da memória interna do
MOTIF-RACK XS.
Flash ROM
Instalando
ROM (Read Only Memory) é um tipo de memória feita
especificamente para se ler dados, e portanto não se pode escrever
nela. No entanto, diferentemente da ROM convencional, a memória
Flash ROM pode ser escrita — permitindo a você salvar seus dados
originais nela. O conteúdo da Flash ROM é preservado mesmo
quando a alimentação do equipamento é desligada.
As configurações originais de fábrica podem ser restauradas
para a memória User do instrumento (operação Factory Set).
NOTA:
Ao conectar um computador ao MOTIF-RACK XS via cabo IEEE1394,
desabilite antes o driver usado para esta conexão, e siga o procedimento
abaixo para executar a operação de Factory Set.
DRAM
Ouvindo os
Sons
RAM (Random Access Memory) é um tipo de memória feita
especificamente para se escrever e ler dados. Existem dois tipos
diferentes de RAM, dependendo da condição de armazenamento dos
dados: SRAM (Static RAM) e DRAM (Dynamic RAM). O MOTIFRACK XS é equipado apenas com DRAM. Os dados editados e
salvos na DRAM são perdidos quando a alimentação do instrumento
é desligada. Por isto, antes de desligar o equipamento, você sempre
deve salvar na memória Flash ROM ou no computador conectado ao
MOTIF-RACK XS qualquer dado que esteja na DRAM.
CUIDADO
Ao restaurar as configurações originais de fábrica, todas as configurações
de Voice, Multi e as de sistema no modo Utility que você criou serão
apagadas. Tome cuidado para não eliminar dados importantes. Certifique-se
de salvar todos os seus dados importantes em um computador antes de
executar este procedimento (página 47).
Conexões
1.
Pressione a tecla [UTILITY].
Aparece a tela Utility Select.
Buffer de edição e memória User
Computador
O buffer de edição (edit buffer) é uma região da memória usada
para guardar provisoriamente os dados editados de Voice e Multi.
Esses dados geralmente são salvos depois na memória User. Se
você selecionar outro Voice ou Multi, todo o conteúdo do buffer de
edição será substituído pelos dados do novo Voice/ Multi
selecionado. Certifique-se de que salvou os dados importantes
antes de selecionar outro Voice, Multi, etc.
Esta tela pode ser acessada no modo Voice.
2.
Guia Rápido
Selecione “Fctry Set” usando as teclas
ou o encoder, e então pressione a tecla [ENTER] ou o
encoder.
Aparece a tela Factory Set.
Estrutura
CUIDADO
Voice
Ao configurar o parâmetro Auto Factory Set para “on” e pressionar a
tecla [ENTER], a operação de Factory Set será automaticamente
executada a cada vez que o equipamento for ligado. Lembre-se de
que os seus dados na memória Flash ROM também serão apagados a
cada vez que você ligar o equipamento. Portanto, o parâmetro Auto
Factory Set normalmente deve estar configurado para “off”. Ao
configurar o parâmetro Auto Factory Set para “off” e pressionar a
tecla [ENTER], a operação Factory Set não será executada na próxima
vez que o equipamento for ligado.
Multi
Referência
3.
Pressione a tecla [ENTER] ou o encoder para
executar a operação de Factory Set.
A tela mostra uma mensagem solicitando a sua confirmação.
Pressione a tecla [ENTER] ou o encoder outra vez para
executar Factory Set. Depois de completada a operação de
Factory Set, a operação retorna à tela Voice Play. Pressione
a tecla [EXIT] para cancelar a operação de Factory Set.
Utility
CUIDADO
Apêndice
Durante as operações de Factory Set que demoram para ser
processadas aparecerá a mensagem “Now executing Factory Set…”.
Enquanto esta mensagem estiver sendo mostrada, jamais tente
desligar a alimentação (os dados estiarão sendo escritos na Flash
ROM). Se fizer isto, acarretará a perda de todos os dados do usuário e
o sistema poderá travar (devido à corrupção dos dados na Flash
ROM). Isto significa que o gerador de sons poderá não ser capaz de
iniciar adequadamente, mesmo ligando de novo a alimentação.
48
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Controles e
Conectores
Estrutura Básica
Os Cinco Blocos Funcionais
Instalando
O sistema do MOTIF-RACK XS consiste de cinco blocos funcionais: Gerador de Sons, Entrada de Áudio, Arpejo, Controle e Efeitos.
Ouvindo os
Sons
MOTIF-RACK XS
fluxo das mensagens MIDI
Bloco de Controle
(página 57)
Bloco do
Gerador de Sons
(página 50)
Bloco de Efeitos
(página 57)
8 Insertion Effects
Element EQ
16x Part EQ
Master Effect
Master EQ
AWM2 Tone Generator
16 partes
Voices e Multi
Conexões
fluxo do sinal de áudio
botões
4 execuções de arpejo
*
Bloco de Entrada de Áudio
(página 53)
Computador
Bloco do Arpejo
(página 53)
mLAN
USB, MIDI, mLAN
entrada de MIDI
USB, MIDI, mLAN
entrada de áudio
mLAN
(quando a placa opcional
mLAN16E2 está instalada)
saída de áudio
Guia Rápido
saída de MIDI
mLAN, OUTPUT,
ASSIGNABLE OUTPUT
Estrutura
* Os sinais de áudio do bloco de Entrada de Áudio podem ser transmitidos
somente para System Effects, Master Effect e Master EQ ou ao bloco de
efeitos.
AWM2 (Advanced Wave Memory 2)
Multi
Apêndice
Utility
Referência
Voice
Este instrumento é equipado com Bloco do Gerador de Sons AWM2. O AWM2 (Advanced Wave Memory 2) é um sistema de síntese baseado em amostras de
ondas sonoras (material sonoro), e é usado em vários sintetizadores da Yamaha. Para um realismo extra, cada Voice AWM2 utiliza múltiplas amostras da onda
sonora real de um instrumento. Além disto, podem ser aplicados uma ampla variedade de parâmetros — gerador de envelope, filtro, modulação e outros.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
49
Bloco do Gerador de Sons
Controles e
Conectores
Bloco do Gerador de Sons
Instalando
O bloco do Gerador de Sons é quem realmente produz som em resposta às mensagens de MIDI recebidas do bloco de controle, do bloco
de arpejo e de um instrumento MIDI externo através dos terminais MIDI IN, USB ou mLAN. As mensagens de MIDI são endereçadas a
dezesseis canais independentes, e este instrumento é capaz de manipular dezesseis canais de MIDI. O limite de dezesseis canais pode ser
ultrapassado usando-se “portas” de MIDI separadas, cada uma suportando dezesseis canais. O bloco do gerador de sons responde a essas
mensagens de MIDI endereçadas à porta 1.
A estrutura do bloco do gerador de sons é diferente, dependendo do modo de operação.
Ouvindo os
Sons
Bloco do Gerador de Sons no
modo Voice
Estrutura da parte no modo Voice
Conexões
Neste modo, o bloco do Gerador de Sons recebe dados MIDI
através de um único canal. Este estado é denominado gerador de
“único timbre”.
O canal de recepção de MIDI no modo Voice pode ser
determinado configurando o parâmetro Receive Ch (Basic Receive
Channel; página 102) na tela Voice MIDI do modo Utility.
Computador
NOTA:
teclado e na faixa de intensidades, um elemento diferente soará
dependendo da nota que for tocada e da força com que ela for
tocada. Na distribuição de notas, os elementos 1 e 2 soam na
região mais baixa do teclado, os elementos 3 e 4 soam na região
média e os elementos 5 e 6 soam na região alta. Na distribuição de
intensidades, os elementos 1, 3 e 5 soam quando o teclado
é tocado suavemente, enquanto que os elementos 2, 4 e 6 soam
quando o teclado é tocado com força. Num exemplo prático deste
uso, um Voice de piano poderia ser composto de seis amostras
sonoras diferentes. Os elementos 1, 3 e 5 seriam os sons do piano
tocado suavemente, ao longo da respectiva região de notas,
enquanto que os elementos 2, 4 e 6 seriam os sons tocados com
força, em cada respectiva região de notas.
Na realidade, o MOTIF-RACK XS é ainda mais flexível do que
isto, pois permite até oito elementos independentes.
Lembre-se de que os dados de música de um seqüenciador externo contendo
vários canais de MIDI não tocarão corretamente neste modo. Se você estiver
usando um seqüenciador MIDI externo ou um computador para tocar o
instrumento, use o modo Multi.
Elemento 2
Elemento 4
Elemento 6
Elemento 1
Elemento 3
Elemento 5
Intensidade
Voice
Guia Rápido
Estrutura
Voice
Multi
Referência
Um programa que contém os elementos sonoros para gerar o
som de um determinado instrumento musical é denominado
“Voice”. Internamente, existem dois tipos de Voice: Normal
Voices e Drum Voices. Os Normal Voices são principalmente
sons de instrumentos musicais que podem ser tocados ao longo
de toda a extensão do teclado. Os Drum Voices são
principalmente sons de percussão/bateria que são endereçados a
notas individuais do teclado.
Cada Voice consiste de até oito elementos (no Normal Voice) ou
até 73 teclas (no Drum Voice). Os elementos e teclas são as
menores unidades que compõem o Voice, e cada uma pode ser
endereçada a um som de instrumento diferente. Os dados do
Voice são os parâmetros de Element Edit (para cada elemento)
ou os parâmetros de Key Edit (para cada tecla) e os parâmetros
de Common Edit (aplicados a todos os elementos/teclas). Os
parâmetros de Common Edit podem ser editados no MOTIFRACK XS, enquanto os parâmetros de Element Edit/Key Edit
só podem ser editados pelo software MOTIF-RACK XS Editor
instalado no computador.
NOTA:
Para instruções sobre como editar um Normal Voice, veja a página 64. Para
instruções sobre como editar um Drum Voice, veja a página 83.
Normal Voices e Drum Voices
Utility
Normal Voices
Apêndice
Estes são Voices que são tocados convencionalmente a partir de
um teclado, com afinação padrão em cada tecla. Um Normal
Voice consiste de até oito elementos. Dependendo das
configurações no modo Voice Edit, esses elementos soam
simultaneamente, ou elementos diferentes soam conforme a
faixa de notas, a faixa de intensidade e as configurações de XA
(Expanded Articulation).
A ilustração a seguir é um exemplo de um Normal Voice. Como os
seis elementos aqui estão distribuídos ao longo da faixa de notas no
50
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Drum Voices
Os Drum Voices são principalmente sons de percussão/bateria que
são endereçados a notas (teclas) individuais no teclado. Uma
coletânea de ondas sonoras de percussão/bateria ou Normal
Voices é chamada de Drum Kit.
C0
C1
Sons de
percussão
individuais
(diferentes para
cada tecla)
Key 1 Key 5 Key 10 Key 18 Key 21
C6
Key 73
Bloco do Gerador de Sons
Os sintetizadores convencionais recriam o efeito de legato
continuando o envelope de volume de uma nota para a nota
seguinte, no modo mono. No entanto, isto resulta em um som não
natural e diferente do que acontece de fato no instrumento
acústico. O MOTIF- RACK XS reproduz com mais precisão o
efeito de legato permitindo que determinados elementos soem
ao tocar em legato e outros elementos ao tocar normalmente
(com a configuração do parâmetro XA Control em “normal” e
“legato”).
Controles e
Conectores
Instalando
IMPORTANTE
Lembre-se de que esses parâmetros de elementos e Drum
Key podem ser editados fácil e convenientemente no
software MOTIF-RACK XS Editor (instalado em seu
computador), em vez de no próprio MOTIF-RACK XS.
OSC
(oscilador)
forma de onda
(AWM2)
Ouvindo os
Sons
Execução com legato real
Elementos e os Drum Keys são os menores “blocos” do
MOTIF-RACK XS que compõem um Voice; na verdade, um único
elemento ou Drum Key poderia ser usado para criar um Voice.
Essas pequenas unidades sonoras podem ser construídas,
melhoradas e processadas por uma variedade de parâmetros de
sintetizadores tradicionais, tais como Oscilador, Filtro, Amplificador,
e LFO (como mostrado abaixo).
LFO
oscilador de
baixa freqüência
Conexões
Expanded Articulation (XA) é um sistema de geração de sons
especialmente projetado para o MOTIF-RACK XS que oferece
flexibilidade de performance e realismo acústico. Ele permite a
você recriar sons com mais realismo e técnicas de execução
mais naturais — como legato e staccato — e oferece outros
modos próprios de modificar aleatoriamente o som à medida que
você toca.
Elementos e Drum Keys
Som autêntico da nota silenciando
Altera a
qualidade tonal
do som que sai
da unidade
PITCH.
Controla o nível de
saída (amplitude)
do som que sai da
unidade FILTER
unit. Os sinais são
enviados com este
nível para o bloco
de efeitos.
Filter EG
(gerador de
envelope
do filtro)
Amplitude EG
(gerador de
envelope de
amplitude)
Pitch EG
(gerador de
envelope da
afinação)
Computador
FILTER
Variações sonoras sutis a cada nota tocada
Os sintetizadores convencionais tentam reproduzir isto alterando
aleatoriamente a afinação ou o ajuste do filtro. No entanto, isto
produz um efeito eletrônico e é diferente das variações reais que
ocorrem nos instrumentos acústicos. O MOTIF-RACK XS
reproduz essas variações com mais precisão usando as
configurações dos parâmetros XA Control “wave cycle” e “wave
random”.
AMP
PITCH
Controla a
afinação
do som.
Guia Rápido
Os sintetizadores convencionais não reproduzem adequadamente os
sons especiais e as nuances que ocorrem quando uma nota deixa de
soar em um instrumento acústico. O MOTIF-RACK XS é capaz de
realizar estas nuances sonoras configurando o parâmetro XA Control
de determinado elemento para “key-off sound”.
Novos sons e novos estilos de tocar
As funções altamente versáteis descritas acima podem ser
aplicadas efetivamente não apenas a sons acústicos mas
também a sons de sintetizadores e eletrônicos. O recurso do XA
abre um enorme potencial para produzir sons autênticos,
executando com expressividade e atingindo novos estilos de se
tocar.
Para criar tais sons como os descritos acima usando
Expanded Articulation, consulte a página 73.
Pitch
Esta unidade controla a afinação (pitch) do som (forma de onda)
que sai do oscilador. No caso de um Normal Voice, você pode
desafinar individualmente os elementos, aplicar Pitch Scaling e
outros recursos. Além disso, configurando o PEG (Pitch Envelope
Generator), você pode controlar como a afinação deve variar no
decorrer do tempo. Os parâmetros referentes à afinação (páginas
74 e 85) podem ser configurados no MOTIF-RACK XS Editor.
Voice
Utility
A tecla A.Func [1] e a tecla A.Func [2] também podem ser usados para
ligar/desligar a transmissão de mensagens de Control Change endereçadas
aos parâmetros na “A.Func1 Ctrl No”. e “A.Func2 Ctrl No”. Na tela Utility
Controller (página 102) a partir do equipamento externo.
Filter
Esta unidade modifica a tonalidade do som que vem da unidade de
afinação, cortando uma porção das freqüências do som. Além disso,
configurando o FEG (Filter Envelope Generator), você pode
controlar como a freqüência de corte do filtro deve variar no decorrer
do tempo. Os parâmetros referentes ao filtro (páginas 76, 77, 78 e
85) podem ser configurados no MOTIF-RACK XS Editor.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
NOTA:
Esta unidade produz a forma-de-onda que determina a afinação
(pitch) básica. Você pode endereçar uma forma-de-onda (material
sonoro básico) a cada elemento de um Normal Voice ou de um
Drum Voice. No Normal Voice, você pode determinar a faixa de
notas do elemento (a extensão de notas no teclado em que o
elemento irá soar) assim como a resposta dinâmica (a faixa de
intensidades de notas dentro da qual o elemento irá soar). Além disto,
os parâmetros do XA podem ser configurados nesta unidade.
Os parâmetros referentes ao oscilador (páginas 73 e 84) podem ser
configurados no MOTIF-RACK XS Editor.
Referência
Os instrumentos acústicos possuem suas características
peculiares — mesmo determinados sons que são produzidos
somente em certas situações em uma execução. Isto inclui o
tremolo com a língua em uma flauta ou a execução de
harmônicos no violão. O MOTIF-RACK XS recria isto permitindo
a você alternar entre os sons à medida que toca — configurando
as teclas A.Func [1] e A.Func [2] no software MOTIF-RACK XS
Editor para “on” ou “off”, com as configurações do parâmetro XA
Control, “AF 1 on”, “AF 2 on” e “all AF off”.
Estrutura
Oscilador
Alterando entre sons diferentes para recriar a
execução natural de um instrumento acústico
Multi
Expanded Articulation (XA)
51
Bloco do Gerador de Sons
Amplitude
Controles e
Conectores
Esta unidade controla o nível (amplitude) do som que vem do
bloco do filtro (Filter). Os sinais são então enviados com este
nível para o bloco de efeitos. Além disto, ajustando o AEG
(Amplitude Envelope Generator), você pode controlar como a
amplitude do som varia no decorrer do tempo. Os parâmetros
referentes à amplitude (páginas 78, 81, 85 e 86) podem ser
configurados através do software MOTIF-RACK XS Editor.
Instalando
LFO (Low Frequency Oscillator)
Ouvindo os
Sons
Como o nome sugere, o LFO produz uma onda de baixa
freqüência. Esta onda pode ser usada para variar a afinação, o
filtro ou a amplitude de cada elemento para criar efeitos como
vibrato, wah e tremolo. O LFO pode ser configurado
independentemente para cada elemento; ele também pode ser
configurado globalmente para todos os elementos.
Dentre os parâmetros relativos ao LFO, os parâmetros de
Common Edit podem ser configurados na tela Common LFO
(página 69) e os parâmetros de Element Edit (página 81) podem
ser configurados através do software MOTIF-RACK XS Editor.
Bloco do Gerador de Sons no Modo
Multi
Estrutura de uma parte no modo Multi
Conexões
Neste modo, existem várias partes e Voices, de maneira que
melodias ou frases e diferentes podem ser executadas por cada
parte. Este estado é denominada como gerador “multi-timbral”.
Como este modo permite a você configurar o canal de MIDI de
cada parte do bloco do gerador de sons, você pode usar um
seqüenciador MIDI externo para comandar os sons. Os dados de
MIDI seqüenciados em cada pista do seqüenciador MIDI externo
tocam as partes correspondentes (que estão configuradas para os
respectivos canais de MIDI) no bloco do gerador de sons.
Para operar com o gerador no modo Multi, configure a porta 1 de
MIDI no seqüenciador MIDI externo ou no computador e então
configure o canal de recepção de MIDI (página 94) para cada
uma das 16 partes na tela Voice de Multi Part Edit, de acordo
com o canal de transmissão de MIDI de cada pista do
seqüenciador MIDI externo ou do software no computador.
Estrutura da memória de Voices
Normal Voice
Computador
• Bancos de Preset (pré-programados) 1 – 8: 1024 Normal Voices
(128 Voices em cada banco)
• Banco GM (General MIDI): 128 Voices
• Bancos User (reprogramáveis) 1 – 3: 384 Normal Voices (128
Voices em cada banco; na configuração de fábrica, originados a
partir dos Voices do banco Preset)
Guia Rápido
Drum Voice
Multi
No MOTIF-RACK XS, um programa em que vários Voices estão
endereçados às partes para execução multi-timbral é chamado de
“Multi” (ou “Mixing” em alguns outros sintetizadores da Yamaha).
Cada programa Multi pode possuir até 16 partes, e podem ser
criados e editados parâmetros específicos para cada parte e
parâmetros comuns a todas as partes.
• Bancos de Preset (pré-programados): 64 Voices
• Banco GM (General MIDI): 1 Voice
• Banco User (reprogramáveis): 32 Voices (na configuração de
fábrica, originados a partir dos Voices do banco Preset)
Estrutura da memória no modo Multi
Estrutura
Existem 128 programas Multi no banco User (reprogramável).
Polifonia Máxima
Voice
A polifonia máxima se refere à quantidade máxima de notas que
podem soar simultaneamente no gerador de sons do instrumento.
A polifonia máxima deste gerador de sons é 128. Quando o bloco
do gerador de sons interno recebe um número de notas que
excede a polifonia máxima, as notas mais antigas são cortadas.
Lembre-se de que isto pode ser perceptível especialmente com
Voices que não possuem decaimento. Além disto, a polifonia
máxima se aplica ao número de elementos usados no Voice, e não
ao número de Voices. Quando são usados Normal Voices que
possuem até oito elementos, o número máximo de notas
simultâneas pode ser menor do que 128.
Referência
Multi
Utility
Apêndice
52
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Bloco de Entrada de Áudio
Controles e
Conectores
Bloco de Entrada de Áudio
Modo
Tela
Instalando
Este bloco manipula a entrada de sinal de áudio do terminal mLAN terminal (disponível somente quando a placa opcional mLAN16E2
está instalada).
Vários parâmetros, tais como volume, pan e efeitos, podem ser configurados para o sinal de áudio, e o som sai juntamente com os outros
Voices. Os processamentos de System Effects, Master Effects e Master EQ podem ser aplicados ao sinal de áudio que entra pelo
terminal mLAN.
Os parâmetros relativos à entrada de sinal de áudio podem ser configurados nas seguintes telas:
Página
tela Voice mLAN do modo Utility
página 102
Multi
tela mLAN In de Multi Common Edit
página 91
Ouvindo os
Sons
Voice
Conexões
Bloco do Arpejo
Os tipos de arpejo estão divididos em 17 categorias, conforme
listados abaixo.
As categorias de arpejo estão divididas em sub-categorias,
conforme listado abaixo. Como as sub-categorias são listadas de
acordo com o gênero musical, é fácil encontrar a sub-categoria
adequada ao seu estilo musical.
Órgão
Lista de Sub-Categorias
GtPl
Violão/guitarra / palhetado
Rock
Rock
Z.Pad
Zone Velocity p/ Pad*
GtMG
Violão/guitarra p/ “Mega Voice”
R&B
R&B
Filtr
Filtro
Bass
Contrabaixo
Elect
Electronic
Exprs
Expressão
BaMG
Contrabaixo p/ “Mega Voice”
Jazz
Jazz
Pan
Pan
Strng
Cordas
World
World Music
Mod
Modulation
Brass
Metais
Genrl
Geral
Pbend
Pitch Bend
RdPp
Sopros / Flautas
Comb
Combinação
Asign
Assign 1/2
Lead
Sintetizador solo
Zone
Zone Velocity*
PdMe
Sintetizador base / efeito
CPrc
Percussão cromática
DrPc
Bateria / percussão
Seq
Sintetizador Seq
Chord
Acordes Seq
Hybrd
Híbridos Seq
Cntr
Controle
NOTA:
As categorias denominadas “GtMG” e “BaMG” incluem tipos de
arpejo apropriados para uso com Mega Voice.
Estrutura
Piano acústico & teclado
Organ
NOTA: Os tipos de arpejo que pertencem às sub-categorias marcadas com um
Voice
ApKb
asterisco (*) contêm algumas faixas de intensidade de notas, a cada uma
das quais é endereçada uma frase diferente. Quando é selecionado um
desses tipos de categoria, uma boa idéia é configurar o parâmetro Velocity
Limit de cada elemento para a mesma faixa, como abaixo.
Faixas de intensidade (Velocity) de cada tipo de arpejo:
2Z_*****: 1 – 90, 91 – 127
4Z_*****: 1 – 70, 71 – 90, 91 – 110, 111 – 127
8Z_*****: 1 – 16, 17 – 32, 33 – 48, 49 – 64, 65 – 80, 81 – 96, 97 – 108, 109 – 127
PadL_*****: 1 – 1, 2 – 2, 3 – 127
PadH_*****: 1 – 112, 113 – 120, 121 – 127
Referência
Lista de Categorias
Guia Rápido
Sub-Categorias de Arpejo
Multi
Categorias de Arpejo
Computador
Este bloco permite a você disparar automaticamente frases rítmicas e musicais usando o Voice atual simplesmente tocando nota ou
notas no teclado MIDI externo. A seqüência do arpejo também se altera em resposta às notas ou acordes que você toca, dando-lhe uma
ampla variedade de frases musicais e idéias inspiradoras — tanto para compor como para tocar ao vivo.
Mega Voices e arpejos de Mega Voice
Apêndice
Utility
Os Normal Voices usam a intensidade do toque para alterar a
qualidade e/ou o nível de um Voice de acordo com a força com
que você toca no teclado. Isto faz com que esses Voices
respondam naturalmente. No entanto, os Mega Voices possuem
uma estrutura mais complexa com várias camadas diferentes, e
não são adequados para se tocar manualmente. Os Mega Voices
foram desenvolvidos especificamente para serem tocados por
arpejos de Mega Voice, para produzir resultados incrivelmente
reais. Você deve sempre usar Mega Voices com arpejos de Mega
Voice (das categorias “GtMG” e “BaMG”). Para informações sobre
o tipo de arpejo apropriado a cada Mega Voice, consulte a coluna
Voice Type da lista Arpeggio Type, em documentação à parte.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
53
Bloco do Arpejo
Controles e
Conectores
Nome do Tipo do Arpejo
Os tipos de arpejo são denominados de acordo com
determinadas regras e abreviações. Entendendo essas regras e
abreviações, você verá que é fácil procurar e selecionar o tipo de
arpejo desejado.
Instalando
Tipo de arpejo com “_ES” no final do nome
(exemplo: HipHop1_ES)
Estes arpejos criados para uso com Normal Voices serão
executados conforme as notas tocadas (página 55).
Ouvindo os
Sons
Tipo de arpejo com “_XS” no final do nome
(exemplo: Rock1_XS)
Estes arpejos criados para uso com Normal Voices usam uma
nova tecnologia de reconhecimento de acorde para determinar
quais as notas que devem ser executadas pelo arpejo.
Conexões
Tipo de arpejo com nome normal
(exemplo: UpOct1)
Computador
Além dos tipos acima, existem três tipos de execução: os arpejos
criados para uso com Normal Voices e executados usando apenas
as notas tocadas e suas oitavas (página 55), os arpejos criados
para o uso com Drum Voices (página 55), e os arpejos contendo
principalmente eventos que não são notas (página 56).
6 Length
Indica o tamanho (número de compassos) do tipo de arpejo.
Quando o parâmetro Loop (*) está configurado para “off”, o arpejo
é executado inteiro e pára.
7 Original Tempo
Indica o andamento apropriado para o tipo de arpejo. Observe
que este andamento não é configurado automaticamente ao
selecionar o tipo de arpejo.
8 Accent
O círculo Indica que o arpejo usa um recurso de acentuação
Accent Phrase (página 55).
9 Random SFX
O círculo Indica que o arpejo usa um recurso de SFX
(página 55).
10 Voice Type
Indica o tipo de Voice apropriado para o tipo de arpejo.
Quando o parâmetro Voice With Arpeggio (pág. 96) está
configurado para “on” no modo Song/Pattern Record, o Voice
deste tipo é selecionado automaticamente.
* O parâmetro “Loop” pode ser configurado na tela Arp Edit (páginas 66 e 96) de Voice
Common Edit e Multi Part Edit.
Configurações relativas ao arpejo
Guia Rápido
Como usar a lista de tipos de arpejo
A lista de tipos de arpejo (Arpeggio Type; documentação à parte)
contém as seguintes colunas
Existem vários métodos de acionar e parar a execução do arpejo.
Além disto, você pode configurar se os recursos de SFX e Accent
Phrases serão ou não acionados junto com os dados normais. Esta
seção cobre os parâmetros do arpejo que podem ser configurados
nos modos Voice e Multi.
Estrutura
Ligando/desligando a execução do arpejo
As três configurações a seguir estão disponíveis para se ligar ou
desligar a execução do arpejo.
Voice
NOTA:
Note que a lista apresentada acima é meramente ilustrativa. Para conhecer a
lista completa de tipos de arpejo, consulte a lista Arpeggio Type (na
documentação à parte).
Executar o arpejo somente
Configure o parâmetro Hold para
quando uma nota é pressionada: “off” e o Trigger Mode para “gate”.
1 Main Category
Indica a categoria do arpejo.
Referência
Multi
2 Sub Category
Indica a sub-categoria do arpejo.
Continuar a execução do arpejo Configure o parâmetro Hold para
mesmo depois da nota ser solta: “off”.
Alternar a execução / parada
do arpejo a cada vez que a
nota é pressionada:
Configure o Trigger Mode para
“toggle”. O parâmetro Hold pode
estar em “on” ou “off”.
3 ARP No. (Arpeggio Number)
Indica o número do tipo de arpejo.
Utility
4 ARP Name
O parâmetro “Hold” e o parâmetro “Trigger Mode”podem ser
configurados na tela Arp Edit (páginas 66 e 96) de Voice
Common Edit e de Multi Part Edit.
Indica o nome do arpejo.
NOTA: Ao receber a mensagem MIDI de sustain (control change #64) com “Arp
5 Time Signature
Indica a fórmula de compasso (métrica) do tipo de arpejo.
Apêndice
54
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Sw” configurado para “on”, você pode obter o mesmo resultado
configurando “Arp Hold” para “on”.
Bloco do Arpejo
Controles e
Conectores
A execução de arpejos dispõe de três tipos principais, como
descrito abaixo.
Instalando
Quando a luz inferior está acesa (pressionando a tecla [SELECT]
algumas vezes), você pode controlar o andamento da execução
do arpejo girando o botão da direita, como ilustrado abaixo.
Experimente e ouça as mudanças no andamento.
Tipos de execução de arpejo
Tipos de arpejo para Normal Voices
NOTA: O parâmetro Accent Velocity Threshold pode ser configurado na tela Arp Edit
(páginas 66 e 96) de Voice Common Edit e Multi Part Edit.
NOTA: Para informações sobre os tipos de arpejo que usam esta função,
consulte a lista Arpeggio Type no documento em arquivo PDF,
disponível na biblioteca online de manuais Yamaha.
Random SFX
Alguns tipos de arpejo possuem a função Random SFX que
aciona sons especiais (ex: ruído de trastejar no violão) no final da
nota (quando a tecla é solta). Os parâmetros que afetam o
Random SFX são os seguintes:
Para ligar/desligar o Random
SFX
parâmetro Random SFX
Para ajustar o volume do som do parâmetro Random SFX
SFX
Velocity Offset
Para determinar se o volume do parâmetro Random SFX Key
som do SFX é controlado ou não On Control
pela intensidade da nota
NOTA: Os parâmetros Random SFX, SFX Vel Offset e SFX Key on Ctrl podem ser
configurados na tela Arp Edit (páginas 66 e 96) de Voice Common Edit e
Multi Part Edit.
NOTA:
Para informações sobre os tipos de arpejo que usam esta função,
consulte a lista Arpeggio Type no documento em arquivo PDF,
disponível na biblioteca online de manuais Yamaha.
Conexões
Computador
Estes tipos de arpejo possuem diversas seqüências cada uma
apropriada a determinado tipo de acorde. Mesmo que você
pressione somente uma nota, o arpejo é executado usando uma
seqüência programada — o que significa que poderão soar outras
notas além das que você tocar. Pressionando outra nota aciona a
seqüência transposta tendo a nota pressionada como tônica (raiz).
Adicionando notas às que já estão sendo tocadas altera da mesma
forma a seqüência. Um arpejo com este tipo de execução possui o
sufixo “_ES” no nome do tipo.
Guia Rápido
As frase de acentuação (Accent Frases) são compostas de
dados de seqüência inclusos em alguns tipos de arpejo, soando
somente quando você toca notas (em um teclado MIDI externo)
com uma intensidade maior (com mais força) do que a
especificada no parâmetro Accent Velocity Threshold. Se for
difícil tocar com a intensidade necessária para acionar a Accent
Phrase, configure o parâmetro Accent Velocity Threshold para
um valor menor.
Execução de seqüência programada de acordo
com as notas tocadas
Execução de seqüência programada de acordo
com o tipo de acorde tocado
Estes tipos de arpejo criados para uso com Normal Voices são
executados para combinar com o tipo de acorde determinado
pelas notas que você toca no teclado. Um arpejo com este tipo
de execução possui um sufixo “_XS” no nome do tipo.
NOTA:
Quando o parâmetro Key Mode está configurado para “sort” ou “sort+direct”,
a mesma seqüência é executada independentemente da ordem em que você
toca as notas. Quando o parâmetro Key Mode está configurado para “thru”,
ou “thru+direct”, é executada uma seqüência diferente dependendo da
ordem em que você toca as notas.
NOTA:
Como estes tipos são programados para Normal Voices, se eles forem
usados com Drum Voices o resultado poderá não ser musicalmente
apropriado.
Tipos de arpejos para Drum Voices
(Categoria: DrPc)
Estes tipos de arpejo são programados especificamente para uso
com Drum Voices, dando-lhe acesso instantâneo a vários padrões
rítmicos. Existem três tipos diferentes de execução.
Estrutura
Accent Phrase
O arpejo é executado usando apenas as notas tocadas no teclado
e suas oitavas.
Voice
Quando quiser controlar o andamento da execução do arpejo girando os
botões no MOTIF-RACK XS, certifique-se de que configurou “MIDI Sync” na
tela Utility MIDI para “Internal”.
Execução apenas das notas tocadas
Utility
gire este botão para
controlar o andamento
da execução do arpejo
Execução de um padrão de bateria
O mesmo padrão é acionado pressionando qualquer nota(s).
Execução de um padrão de bateria, mais as notas
(instrumentos de bateria) tocadas adicionalmente
O mesmo padrão de ritmo é acionado pressionando qualquer nota.
Adicionando-se notas à que já está pressionada produz sons
adicionais (instrumentos endereçados às notas).
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
NOTA:
luz acesa
Referência
pressione esta tecla
algumas vezes para
acender a luz
Ouvindo os
Sons
Os tipos de arpejos (pertencentes às categorias que não
sejam DrPC e Cntr) criados para uso com Normal Voices
possuem os seguintes tipos de execução:
Multi
Controlando o andamento do arpejo
usando um botão
55
Bloco do Arpejo
Controles e
Conectores
Execução apenas das notas (instrumentos de
bateria) que são tocadas adicionalmente
Instalando
Tocando uma ou mais notas aciona o padrão de ritmo, que usa
apenas as notas tocadas (os instrumentos endereçados às notas).
Lembre-se de que mesmo que você toque as mesmas notas, o
padrão de ritmo acionado será diferente dependendo da ordem
com que as notas são tocadas. Isto lhe dá acesso a padrões
diferentes de ritmo usando os mesmos instrumentos, simplesmente
alterando a ordem em que você toca as notas quando o parâmetro
Key Mode está configurado para “thru” ou “thru+direct”.
NOTA: Os três tipos de execução acima não são identificados no nome da
categoria nem no nome do tipo. Você terá que tocar os tipos para ouvir a
diferença.
NOTA: Como esses tipos são programados para Voices de bateria, se eles forem
Ouvindo os
Sons
usados com Voices normais o resultado poderá não ser musicalmente
apropriado.
Tipos de arpejo contendo eventos que
não são notas (Category: Cntr)
Conexões
Computador
Estes tipos de arpejo são programados originalmente com
comandos de Control Change e Pitch Bend. Eles são usados para
alterar a tonalidade ou a afinação do som, e não propriamente para
executar notas. Na verdade, alguns tipos nem mesmo contém
comandos de notas. Ao usar um tipo desta categoria, configure o
parâmetro Key Mode para “direct”, “thru+direct” ou “sort+direct”.
NOTA: O parâmetro Key Mode pode ser configurado na tela Arp Edit (páginas 66 e
96) de Voice Common Edit e Multi Part Edit.
Dicas para a execução de arpejos
Guia Rápido
A função Arpeggio é útil para criar músicas originais e também em
uso ao vivo, permitindo a você disparar automaticamente frases de
alta qualidade que sejam adequadas ao Voice selecionado ou ao
gênero musical desejado.
Para detalhes sobre como usar esta função, consulte a página 40
na seção Guia Rápido.
Estrutura
Voice
Referência
Multi
Utility
Apêndice
56
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Bloco de Controle
Controles e
Conectores
Bloco de Controle
Ouvindo os
Sons
Instalando
Este bloco gera os eventos MIDI e os transmite para o bloco do Gerador de Sons.
Em sintetizadores como o MOTIF XS, este bloco consiste de um teclado, controles de pitch bend e modulation, ribbon controller, botões,
controles deslizantes e teclas no painel. No MOTIF-RACK XS, este bloco consiste de apenas cinco botões e teclas no painel.
Operando os botões enquanto toca no teclado MIDI externo você pode ajustar parâmetros do Voice em tempo real, tais como
característica tonal e volume.
Para detalhes sobre como usar os botões, veja a página 29 na seção Guia Rápido.
Bloco de Efeitos
Computador
Os System Effects (efeitos do sistema) são aplicados ao som
global. Com os System Effects, o som de cada parte é mandado ao
efeito de acordo com o ajuste do nível de mandada (Send Level)
de cada parte. O som processado (chamado de “wet”) é mandado
de volta ao mixer, de acordo com o ajuste do nível de retorno
(Return Level), e vai para a saída — depois de ser mixado com o
som não processado (chamado de “dry”). Este tipo de arranjo
permite a você otimizar o equilíbrio entre o som com efeito (wet) e
o som original (dry) das partes.
O Part EQ, um EQ paramétrico de 3 bandas, é aplicado a cada
parte do Multi. A banda de altas e a banda de baixas são do tipo
shelving. A banda de médias é do tipo peaking. Os parâmetros do
Common EQ atuam em cima dos parâmetros do Part EQ.
Master EQ
O Master EQ é aplicado ao som final (pós-efeito) do instrumento.
Neste EQ, todas as cinco bandas podem ser configuradas como
peaking, ou as bandas mais baixa e mais alta podem ser
também configuradas como shelving.
Guia Rápido
System Effects — Reverb e Chorus
Common EQ/Part EQ
Estrutura
Insertion Effect
Referência
Voice
Os Insertion Effects (efeitos de insert) podem ser aplicados
individualmente em cada parte.
Os Insertion Effects são usados principalmente para processar
diretamente uma parte, ou Voice. Um Insertion Effect possui duas
unidades, A e B. Podem ser configurados efeitos diferentes em
cada unidade (Insertion Effects A e B). O Insertion Effect pode
ser especificado na tela de parâmetros de efeito em Voice Edit
(página 72). Este instrumento possui oito conjuntos de Insertion
Effects (cada conjunto com duas unidades, A e B). Eles podem
ser aplicados a um máximo de oito partes no modo Multi.
Master Effect
Multi
Estrutura dos Efeitos
Conexões
Este bloco aplica efeitos no sinal de saída do bloco do gerador de sons e do bloco de entrada de áudio, processando e aprimorando o
som. Os efeitos são aplicados nos estágios finais da edição, permitindo a você alterar o som do Voice criado.
Utility
Este bloco aplica efeitos no sinal de saída estéreo final de todo o
som.
Element EQ
Apêndice
O Element EQ é aplicado a cada elemento do Normal Voice
E a cada tecla do Drum Voice. Você pode especificar a maneira
dentre cinco tipos, tais como shelving e peaking. Os parâmetros do
Element EQ só podem ser configurados através do software
MOTIF-RACK XS Editor.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
57
Bloco de Efeitos
Controles e
Conectores
Conexões dos efeitos em cada modo
No modo Voice
2
1 Voice
Common
EQ
Instalando
E elemento ou tecla
l
ement or Drum Key
4
3
Insertion A
6
7
Master Effect
Master EQ
5
Insertion B
Element EQ
Return Level
E
Elemento
1–8
l
ement 1 – 8
Reverb
Ouvindo os
Sons
Chorus to
Reverb
Send Level
Chorus
Conexões
1 Element EQ aplicado a cada elemento (no Normal
4 Parâmetros relativos ao Insertion Effect A/B
Voice) e a cada tecla (no Drum Voice)
Podem ser configurados na tela Effect Parameter (pág. 72) para
“Ins A” e “Ins B” em Voice Common Edit.
Pode ser configurado no software MOTIF-RACK XS Editor.
Veja as páginas 81 e 86.
5 Parâmetros relativos a Reverb e Chorus
2 Common EQ aplicado a todos os elementos e teclas
Computador
Podem ser configurados na tela Effect Parameter (pág. 72) para
“Reverb” e “Chorus” em Voice Common Edit.
Pode ser configurado na tela 3 Band EQ (página 71) de
Voice Common Edit.
6 Parâmetros relativos a Master Effect
3 Seleciona qual Insertion Effect, A ou B, é aplicado a
Podem ser configurados na tela Voice MEF (pág. 102) em Utility.
cada elemento/tecla
Guia Rápido
Pode ser configurado no software MOTIF-RACK XS Editor.
Veja a página 72.
7 Parâmetros relativos a Master EQ
Podem ser configurados na tela Voice MEQ (pág. 103) em Utility.
NOTA:
No caso do sinal da entrada de áudio do terminal mLAN no modo Voice,
quando o parâmetro “Output Select” (página 102) está configurado para outra
qualquer opção que não seja “L&R”, o sinal pode ser aplicado somente nas
configurações 1 – 4, como mostrado acima, e mandado para a saída.
Estrutura
No modo Multi
Multi
1
Part
Part EQ
Voice
Partes
1 – 16
P
Send
Level
5
Master Effect
Master EQ
Return
Level
art 1 – 16
Reverb
2
Referência
Multi
Chorus To
Reverb
Chorus
1 Part EQ aplicado a cada parte
Pode ser configurado na tela Part EQ (página 96) em Multi
Part Edit.
Utility
2 Seleção das partes em que Insertion Effect é aplicado
Pode ser configurado na tela Fx Send (página 97) em Multi
Part Edit e na tela Effect em Multi Common Edit no software
MOTIF-RACK XS Editor.
Apêndice
3 Parâmetros relativos a Reverb e Chorus
Pode ser configurado na tela Effect Parameter (página
93) para “Reverb” e “Chorus” em Multi Common Edit e
na tela Fx Send (página 97) em Multi Part Edit.
58
4
3
Voice
Insertion A/B
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
4 Parâmetros relativos a Master Effect
Pode ser configurado na tela Effect Parameter (página 93)
para “Master” em Multi Common Edit.
5 Parâmetros relativos a Master EQ
Pode ser configurado na tela MEQ (página 92) em Multi
Common Edit.
NOTA:
As configurações de efeito para 1, 3 e 4 no modo Voice ilustradas na
página 58 estão disponíveis para até oito partes nas quais o Insertion
Effect está ligado.
NOTA: Os sinais de áudio das partes para as quais o parâmetro “Output Select”
(página 95) está configurado para qualquer opção diferente de “L&R” só
pode ser aplicado nas configurações 1 e 2 mostradas acima, e mandado
para a saída.
Bloco de Efeitos
Cho Ins
Ins Mas
–
–
–
–
DELAY LR
–
–
DELAY LCR
DELAY LCR
–
–
sounds:dois
L and
R.atrasados:
Produz
sons
LProduz
(esq) ethree
R (dir).
delayed
Produz
sons
L,
sounds:três
L, R
andatrasados:
C (center).
R e C (centro).
Produz two delayed
Produz
sons atrasados
soundsdois
in stereo:
L and R.
em estéreo: L e R.
Reverb
Chorus
Também chamado de “reverberação”, refere-se à energia sonora
que permanece no recinto depois que cessa o som original.
Similar, mas diferente do eco, o reverb é o som indireto e difuso
das reflexões nas paredes e teto que sucede o som direto. As
características deste som indireto dependem do tamanho do
recinto e dos materiais e acabamentos no local. Os tipos de reverb
aqui usam processamento digital de sinal para simular essas
características.
Dependendo do tipo específico e parâmetros do chorus, ele
pode fazer o som do Voice mais “amplo”, como se vários
instrumentos idênticos estivessem tocando em uníssono, ou
pode dar mais calor e profundidade à voz.
Descrição
Um efeito de chorus que produz uma
modulação mais rica e mais
complexa do que o chorus
convencional.
Cho
Ins
Descrição
REV-X HALL
–
–
Simulação da acústica de
uma sala de concerto
usando a tecnologia REV-X.
2 MODULATOR
Um efeito de chorus com modulação
de afinação e de amplitude.
R3 HALL
–
–
Simulação da acústica de
uma sala de concerto
usando algoritmo derivado
do Yamaha ProR3
SPX CHORUS
Efeito que usa um LFO de 3 fases e
modulação para dar espacialidade ao
som.
SYMPHONIC
Versão com vários estágios do
chorus do SPX.
ENSEMBLE
DETUNE
Efeito de chorus sem modulação,
criado pela adição de um som
levemente desafinado.
Reverb derivado do
Yamaha SPX1000
simulando a acústica de
uma sala de concerto.
REV-X ROOM
–
R3 ROOM
–
–
–
SPX ROOM
Reverb simulando a acústica
de uma sala, usando a
tecnologia REV-X.
Reverb simulando a
acústica de uma sala,
usando algoritmo derivado
do Yamaha ProR3.
Reverb, derivado do Yamaha
SPX1000 simulando a
acústica de uma sala.
R3 PLATE
–
–
SPX STAGE
Simulação de plate reverb
usando algoritmo derivado
do Yamaha ProR3.
Reverb derivado do Yamaha
SPX1000, apropriado para
instrumento solo.
–
SPACE
SIMULATOR
–
Reverb que permite ajustar
as dimensões (altura, largura
e comprimento) do local.
Delay
Efeito (ou dispositivo) que atrasa o sinal de áudio para produzir
efeito de ambiente ou rítmico.
Tipo de Efeito
CROSS DELAY
Rev
Ins
Mas
–
Descrição
A realimentação dos dois
atrasados é cruzada.
Flanger
Este efeito cria um som metálico, oscilante.
Tipo de Efeito
Cho
Ins
Descrição
VCM FLANGER
Flanger com tecnologia VCM
produzindo um som “vintage”.
CLASSIC
FLANGER
Flanger convencional.
TEMPO
FLANGER
Flanger sincronizado com o
andamento.
DYNAMIC
FLANGER
–
Voice
SPX HALL
Computador
Ins
Flanger com controle dinâmico.
Phaser
Multi
Rev
Cho
G CHORUS
Referência
Tipo de Efeito
Tipo de Efeito
Guia Rápido
DELAY LR
DELAY LR
(Stereo)
(Stereo)
Mono delay
synchronized
Atraso
em estéreo
e
with the tempo.
sincronizado
com andamento.
Delay with delay time
controllable
em tempo
real.
Delay
com tempo
de atraso
controlado
tempo real.
Produz twoem
delayed
Estrutura
–
–
Controles e
Conectores
TEMPO DELAY
TEMPO
STEREO
DELAY
STEREO
CONTROL
DELAY
CONTROL
DELAYLR
DELAY
Instalando
––
Ouvindo os
Sons
TEMPODELAY
TEMPO
DELAY MONO
MONO
Descrição
Descrição
Atraso
cruzado
e sincronizado
Cross delay
synchronized
com
andamento.
with othe
tempo.
Atraso
em mono
sincronizado
Mono delay
synchronized
com
andamento.
with othe
tempo.
Conexões
––
Modula a fase ciclicamente para adicionar ondulação ao som.
Tipo de Efeito
Cho
Ins
Descrição
VCM PHASER
MONO
Phaser mono com a tecnologia VCM
produzindo um som “vintage”.
VCM PHASER
STEREO
Phaser estéreo com a tecnologia
VCM produzindo um som “vintage”.
TEMPO
PHASER
Phaser sincronizado com o
andamento.
DYNAMIC
PHASER
–
Utility
O MOTIF-RACK XS oferece uma variedade de tipos de efeitos
tão ampla que pode ficar difícil para você encontrar o tipo de
efeito desejado. É por isto que os tipos de efeitos estão divididos
em categoria convenientes. Esta seção explica as categorias de
efeitos e seus tipos. A lista de tipos de efeitos descrita abaixo
para cada categoria contém as colunas: Rev (Reverb), Cho
(Chorus), Ins (Insertion) e Mas (Master Effect). As marcas
indicadas nessas colunas significam que o tipo de efeito está
disponível para cada bloco. Esses tipos de efeitos (marcados em
cada lista) podem ser selecionados pelos controles no painel.
Tipo de Efeito Rev
Tipo de Efeito Rev
TEMPOCROSS
TEMPO
CROSS DELAY
Phaser com controle dinâmico.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
Tipos de Efeitos divididos em
Categorias de Efeitos
59
Bloco de Efeitos
Controles e
Conectores
Tremolo & Rotary
Lo-Fi
O efeito do tremolo modula ciclicamente o volume.
O efeito de Rotary Speaker simula as características de vibrato
de um falante rotativo.
Este efeito degrada intencionalmente a qualidade do áudio do sinal
de entrada usando vários métodos, tais como a redução da taxa de
amostragem.
Tipo de Efeito
Ins
Descrição
Tipo de Efeito
Ins
Mas
Instalando
Efeito que move o som ciclicamente para
esq/dir e frente/trás.
LO-FI
TREMOLO
Efeito que modula o volume ciclicamente.
NOISY
–
Adiciona ruído ao som.
ROTARY
SPEAKER
Simulação de caixa rotativa.
DIGITAL
TURNTABLE
–
Simula o ruído de uma gravação
analógica.
Ouvindo os
Sons
Este tipo pode ser usado principalmente com guitarra,
adicionando distorção ao som.
Tipo de Efeito
Degrada a qualidade do áudio do
sinal de entrada para ter som pior.
Tech
Distortion
Ins
Mas
Descrição
Conexões
AMP
SIMULATOR 1
–
Simulação de amplificador de
guitarra.
AMP
SIMULATOR 2
–
Simulação de amplificador de
guitarra.
COMP
DISTORTION
–
Computador
COMP
DISTORTION
DELAY
Com um compressor incluído no
primeiro estágio, pode ser produzida
uma distorção constante de forma
independente do nível de entrada.
Compressor, distorção e delay
conectados em série.
Este efeito altera radicalmente as características tonais usando
um filtro e modulação.
Tipo de Efeito
Ins
Mas
RING
MODULATOR
DYNAMIC
RING
MODULATOR
DYNAMIC
FILTER
–
AUTO SYNTH
–
Guia Rápido
Estrutura
Tipo de Efeito
Ins
Mas
VCM
COMPRESSOR
376
Voice
CLASSIC
COMPRESSOR
ISOLATOR
MULTI BAND
COMP
Controla o nível de determinada
banda de freqüência do sinal de
t d
Divide o som do Voice em
segmentos separados para criar
efeitos rítmicos.
Adiciona uma modulação
similar a ring modulation.
MISC
Esta categoria inclui os demais tipos de efeitos.
Tipo de Efeito
Cho
Ins
Descrição
Multi
Referência
EQ paramétrico de 5 bandas do tipo
“Vintage” com tecnologia VCM.
HARMONIC
ENHANCER
–
Adiciona novos harmônicos ao sinal
para realçar o som.
Tipo convencional de compressor.
TALKING
MODULATOR
–
Adiciona som de vogal ao sinal de
entrada.
Compressor com 3-bandas.
DAMPER
RESONANCE
–
Simula a ressonância produzida
quando o pedal de sustain do piano
é pressionado.
PITCH
CHANGE
–
Altera a afinação do sinal de entrada.
Este efeito modula ciclicamente o brilho do som (freqüência de
corte do filtro). O Auto Wah modula o som através de um
LFO, o Touch Wah modula através do volume (intensidade da
nota) e o Pedal Wah modula pelo controle do pedal.
Ins
–
TECH
MODULATION
–
Wah
Tipo de Efeito
Processa o sinal de entrada
através de um som sintetizado.
VCM EQ 501
Descrição
Compressor com tecnologia VCM.
–
Ring Modulator controlado
dinamicamente
Filtro controlado dinamicamente
SLICE
O compressor é um efeito geralmente usado para limitar e
comprimir a dinâmica (forte/fraco) do sinal de áudio. Nos sinais que
variam muito em dinâmica, como as partes de vocais e de guitarra,
ele aperta a faixa dinâmica, diminuindo efetivamente os sons mais
fortes e aumentando os sons mais fracos. Quando usado com
ganho para restaurar o nível geral, ele cria um som com mais força
e mais consistência. A compressão pode ser usada para aumentar
a sustentação da guitarra, igualar o vocal, ou trazer uma bateria ou
padrão de ritmo mais à frente na mixagem.
Descrição
Efeito que modifica a afinação
aplicando modulação de amplitude à
freqüência do som.
Compressor
Utility
Apêndice
60
Descrição
AUTO PAN
Descrição
VCM AUTO WAH
Modula o som pelo LFO.
VCM TOUCH WAH
Modula o som pelo volume
(intensidade da nota).
VCM PEDAL WAH
Modula o som através de controle
por pedal. Para obter os melhores
resultados, enderece o parâmetro
Pedal Control deste tipo de efeito ao
Foot Controller na janela Controller
Set, e então use um pedal para
controlar este efeito em tempo real.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
EARLY
REFLECTION
Este efeito isola somente os
componentes das primeiras reflexões
do som.
Bloco de Efeitos
Os parâmetros que afetam cada tipo de efeito estão listados
aqui em ordem alfabética.
NOTA:
Cada nome dos parâmetros listados abaixo é indicado com seu nome
completo, embora apareça abreviado na tela. A discrepância no nome pode
dificultar a encontrar o parâmetro desejado. Nestes casos, confirme os
parâmetros que pertencem ao tipo de efeito que você deseja editar
consultando a lista de parâmetros de efeitos no documento Data List.
NOTA:
Alguns dos parâmetros abaixo podem aparecer com o mesmo nome em tipos
diferentes de efeitos, mas na verdade têm funções diferente dependendo do
tipo de efeito. Para esses parâmetros, são dadas duas ou três explicações.
VCM Compressor 376
Este efeito simula as características dos compressores analógicos,
usados nos estúdios de gravação. Ele enquadra e encorpa o som,
e é adequado a sons de bateria e contrabaixo.
Controles e
Conectores
VCM é uma tecnologia que modela autenticamente os elementos
de circuitos analógicos (tais como resistores e capacitores). Os
tipos de efeitos que usam a tecnologia VCM produzem as
características de “calor” dos antigos equipamentos de
processamento.
Parâmetros dos Efeitos
Instalando
VCM (Virtual Circuitry Modeling)
Descrição
Determina a velocidade da modulação de amplitude.
VCM Phaser Mono, VCM Phaser Stereo
Attack Offset
Determina o tempo decorrido entre tocar a nota e iniciar o
efeito do efeito wah.
Attack Time
Determina o tempo de ataque do seguidor de envelope.
Seleciona a onda para a modulação de amplitude.
AMP Type
Seleciona o tipo de amplificador a ser simulado.
Analog Feel
Adiciona características de flanger analógico ao som.
Attack
Determina o tempo decorrido entre tocar a nota e iniciar o
efeito do compressor.
Bit Assign
Determina como Word Length é aplicado ao som.
VCM Auto Wah, VCM Touch Wah, VCM Pedal Wah
Bottom*1
Determina o valor mínimo do filtro wah.
Este efeito simula as características dos wah-wah analógicos
usados nos anos 1970, criando um efeito de wah envolvente e de
alta qualidade.
Click Density
Determina a freqüência com que ocorrem os clics no som.
Click Level
Determina o nível dos clics.
REV-X
REV-X é um algoritmo de reverb desenvolvido pela Yamaha. Ele
oferece um som reverberante rico e com alta qualidade, com
atenuação, espacialidade e profundidade suaves, que funcionam
juntas para melhorar o som original.
O MOTIF XS possui dois tipos de efeitos REV-X: REV-X Hall e
REV-X Room.
Parâmetros dos efeitos
Cada um dos parâmetros dos tipos de efeitos determinam como o
efeito é aplicado ao som. Pode-se obter uma variedade de sons a
partir de um único tipo de efeito ajustando esses parâmetros. Para
informações sobre os parâmetros dos efeitos, veja abaixo.
Configurações pré-programadas
São fornecidas configurações pré-programadas para os
parâmetros de cada tipo de efeito na forma de modelos
(templates) que podem ser escolhidos na janela de seleção de tipo
de efeito. Para obter o som com o efeito desejado, tente primeiro
selecionar uma dessas configurações pré-programadas que esteja
mais próxima do som que você imaginou, e então altere os
parâmetros se for necessário. Para detalhes sobre as
configurações pré-programadas de cada tipo de efeito, consulte
o documento Data List.
Color*2
Determina a modulação de fase fixa.
Common Release
Este é um parâmetro do “Multi Band Comp”. Este parâmetro
determina quanto tempo decorre entre soltar a tecla e o fim
do efeito.
Compress
Determina o nível mínimo de entrada a partir do qual o
compressor é aplicado.
Control Type
Parâmetro de “Control Delay”. Quando configurado para
“Normal”, o efeito de delay é sempre aplicado ao som.
Quando configurado para “Scratch”, o delay não é aplicado se
Delay Time e Delay Time Offset estiverem em “0”.
Damper Control
Com um pedal do tipo half-damper compatível com FC3
conectado à entrada SUSTAIN, o parâmetro Damper Control é
controlado pelo FC3 dentro da faixa 0 – 127, permitindo
efeitos de acionamento parcial, como num piano acústico.
Decay
Controla como o reverb decai.
Delay Level C
Determina o nível do som atrasado para o canal central.
Delay Mix
Determina o nível do som atrasado mixado quando
vários efeitos são aplicados.
Delay Offset
Determina o valor de compensação da modulação de delay.
Delay Time
Determina o atraso do som em valor de nota ou valor
absoluto.
Delay Time C, L, R
Determina o tempo de atraso em cada canal: centro, esq. e
dir.
Delay Time L>R
Determina o tempo decorrido entre o momento que o som
entra pelo canal L (esq) e o momento em que o som sai pelo
canal R (dir).
Delay Time Ofst R
Determina o tempo de atraso de compensação do canal R.
Delay Time R>L
Determina o tempo entre o momento que o som entra pelo
canal R (dir) e o momento em que sai pelo canal L (esq).
Delay Transition Rate
Determina a velocidade com que o tempo de atraso é alterado
em relação ao valor atual para o novo valor especificado.
Density
Determina a densidade das reverberações e reflexões.
Quando está selecionado Early Reflection, este parâmetro
determina a densidade das reflexões.
Depth
Quando está selecionado “Space Simulator”, este parâmetro
determina a profundidade da sala simulada.
Quando está selecionado “VCM Flanger”, este parâmetro
determina a amplitude da onda do LFO que controla as
alterações cíclicas da modulação do atraso.
Apêndice
Este efeito simula as características dos phasers analógicos
usados nos anos 1970, criando um efeito de phaser envolvente e
de alta qualidade.
AM Wave
Computador
AM Speed
Guia Rápido
Estes efeitos simulam as características dos flangers analógicos
usados nos anos 1970, criando um efeito de flanger envolvente e
de alta qualidade.
VCM Flanger
Estrutura
Determina a fase da modulação de amplitude do canal R (dir)
Voice
Determina a profundidade da modulação de amplitude.
AM Inverse R
Quando está selecionado o tipo phaser, este parâmetro
determina a amplitude da onda do LFO que controla as
variações cíclicas da modulação de fase.
Detune
Multi
AM Depth
Conexões
Desloca a fase do AEG.
Utility
Nome do Parâmetro
AEG Phase
Referência
Este efeito simula as características dos equalizadores
analógicos usados nos anos 1970, recriando um efeito de
equalização envolvente e de alta qualidade.
Ouvindo os
Sons
VCM Equalizer 501
Determina o quanto a afinação será alterada.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
61
Bloco de Efeitos
Nome do Parâmetro
Controles e
Conectores
Device
Descrição
Seleciona o dispositivo para alterar a distorção do som.
Diffusion
Determina a espacialidade do efeito selecionado.
Direction
Determina a direção da modulação controlada pelo seguidor
de envelope.
Divide Freq High
Determina a freqüência alta para a divisão do som em três
bandas.
Divide Freq Low
Determina a freqüência baixa para a divisão do som em
três bandas.
Instalando
Divide Min Level
Determina o nível mínimo das porções extraídas pelo efeito
slice.
Nome do Parâmetro
Filter Type
Quando está selecionado “Dynamic Filter”, este parâmetro
determina o tipo de filtro.
Fine 1, 2
Determina a afinação precisa de cada uma das séries 1 e 2.
Gate Time
Determina o tempo de duração da porção fatiada.
Height
Determina a altura da sala simulada.
Hi Resonance
Ajusta a ressonância as freqüências altas.
High Attack
Determina o tempo decorrido desde o momento em que a
nota é pressionada até o compressor ser aplicado às
freqüências altas.
Ouvindo os
Sons
Divide Type
Determina como o som (onda) é fatiado pelo valor da
nota.
Drive
Quando estão selecionados os efeitos de distorção, ruído e
slice, este parâmetro determina a quantidade de distorção a
ser aplicada.
High Gain
Determina o ganho de saída para as freqüências altas.
High Level
Determina o nível das freqüências altas.
Quando estão selecionados os efeitos misc, este parâmetro
determina a quantidade de melhoria a ser aplicada.
High Mute
Corta (mute) as freqüências altas.
High Ratio
Quando está selecionado “REV-X Hall” ou “REV-X Room”,
este parâmetro determina a taxa das freqüências altas.
Conexões
Computador
Guia Rápido
Drive Horn
Determina a profundidade da modulação gerada pela
rotação da corneta.
Drive Rotor
Determina a profundidade da modulação gerada pela
rotação do rotor.
Dry Level
Determina o nível do som seco (som sem efeito).
High Threshold
Determina o nível mínimo na entrada a partir do qual o
efeito é aplicado às freqüências altas.
Dry LPF Cutoff
Frequency
Determina a freqüência de corte do filtro passa-baixas
aplicado ao som seco.
Horn Speed Fast
Determina a velocidade da corneta quando a chave slow/fast
está configurada para “fast”.
Dry Mix Level
Determina o nível do som seco (som sem efeito).
Horn Speed Slow
Determina a velocidade da corneta quando a chave slow/fast
está configurada para “slow”.
Dry Send to Noise
Determina o nível do som seco enviado ao efeito.
Initial Delay
Determina o tempo decorrido entre o som direto, original
e as reflexões iniciais.
Dry/Wet Balance
Determina o equilíbrio entre o som seco e o efeito.
Initial Delay 1, 2
Dyna Level Offset
Determina o valor de compensação a ser adicionado à
saída do seguidor de envelope.
Determina o tempo de atraso das reflexões iniciais para cada
uma das séries 1 e 2.
Initial Delay Lch, Rch
Dyna Threshold Level
Determina o nível mínimo a partir do qual o seguidor de
envelope inicia.
Determina o tempo decorrido entre o som direto, original e as
reflexões iniciais (ecos) que se seguem em cada canal R
(dir) e L (esq).
Edge
Configura a curva que determina como som é distorcido.
Input Level
Emphasis
Determina a alteração das características nas
freqüências altas.
Determina o nível inicial do sinal no qual o
compressor é aplicado.
Input Mode
Seleciona a configuração mono ou estéreo para a entrada.
EQ Frequency
Determina a freqüência central para cada banda do EQ.
Input Select
Seleciona o canal de entrada.
EQ Gain
Determina o ganho de nível da freqüência central do EQ
para cada banda.
L/R Depth
Determina a profundidade do efeito de pan L/R.
L/R Diffusion
Determina a abertura (espacial) do som.
Quando está selecionado “Multi Band Comp”, este
parâmetro determina a taxa do compressor para as
freqüências altas.
Estrutura
Voice
Referência
Multi
EQ High Frequency
Determina a freqüência central da banda de altas do EQ que
é atenuada / enfatizada.
Lag
Determina o atraso adicional aplicado ao som atrasado
especificado pela duração da nota.
EQ High Gain
Determina a quantidade de ênfase ou atenuação aplicada a
banda de altas do EQ.
LFO Depth
EQ Low Frequency
Determina a freqüência central da banda de baixas do EQ
que é atenuada / enfatizada.
Quando está selecionado “SPX Chorus”, “Symphonic”,
“Classic Flanger” e “Ring Modulator”, este parâmetro
determina a profundidade da modulação.
EQ Low Gain
Determina a quantidade de ênfase ou atenuação aplicada a
banda de baixas do EQ.
EQ Mid Frequency
Determina a freqüência central da banda de médias do EQ
que é atenuada / enfatizada.
EQ Mid Gain
Determina a quantidade de ênfase ou atenuação aplicada a
banda de médias do EQ.
EQ Mid Width
Determina a largura da banda de médias do EQ.
EQ Width
Determina a largura da banda do EQ.
Quando está selecionado “Tempo Phaser”, este parâmetro
determina a velocidade de modulação pelo tipo de nota.
ER/Rev Balance
Determina o nível de equilíbrio entre as reflexões
primárias e a reverberação do som.
Quando está selecionado “Auto Pan”, este parâmetro
determina a freqüência do Auto Pan.
F/R Depth
Este parâmetro de “Auto Pan” (disponível quando PAN
Direction está configurado para “L turn” e “R turn”)
determina a profundidade do pan F/R (frontal/traseiro).
FB Hi Damp Ofst R
Determina a quantidade de decaimento nas freqüências altas
para o canal R (dir) como compensação .
FB Level Ofst R
Determina o nível de ajuste de realimentação do canal R (dir).
Feedback
Determina o nível do sinal de sinal que sai do bloco de
efeitos e retorna à sua própria entrada.
Quando está selecionado “Tempo Phase”, este parâmetro
determina a freqüência da modulação de fase.
LFO Phase Difference
Determina a dif. de fase L (esq)/R (dir) da onda modulada.
LFO Phase Reset
Determina como restaurar a fase inicial do LFO.
LFO Speed
Quando está selecionado um dos efeitos de chorus, flanger,
tremolo ou ring modulator, este parâmetro determina a
freqüência de modulação.
LFO Wave
Quando está selecionado um dos efeitos de flanger ou “Ring
Modulator”, este parâmetro seleciona a onda de modulação.
Quando está selecionado “Auto Pan”, este parâmetro
determina a curva do pan.
Quando está selecionado “VCM Auto Wah”, este parâmetro
seleciona a onda, senoidal ou quadrada.
Liveness
Determina a característica de decaimento de Early Reflection.
Low Attack
Determina o tempo decorrido entre o momento que a nota é
pressionada e o compressor é aplicado nas freqüências
baixas.
Determina como decaem as freqüências altas da
realimentação.
Feedback Level
Quando está selecionado um dos tipos de reverb e early, este
parâmetro determina o nível de realimentação do atraso
inicial.
Low Gain
Determina o ganho de saída nas freqüências baixas.
Low Level
Determina o nível de saída das freqüências baixas.
Quando está selecionado um dos tipos de efeitos de delay,
chorus, flanger, comp distortion delay e TEC, este
parâmetro determina o nível de realimentação do delay
para a entrada.
Low Mute
Determina se a banda de baixas está ligada ou desligada.
Low Ratio
Quando está selecionado “REV-X Hall” ou “REV-X Room”,
este parâmetro determina a taxa das freqüências baixas.
Utility
Feedback High Damp
Quando está selecionado “Multi Band Comp”, este
parâmetro determina a taxa do compressor nas
freqüências baixas.
Quando está selecionado “Tempo Phaser” ou “Dynamic
Phaser”, este parâmetro determina o nível de realimentação
do phaser para a entrada.
Apêndice
62
Descrição
Quando está selecionado “Lo-Fi”, este parâmetro seleciona
o tipo característica tonal.
Feedback Level 1, 2
Determina o nível de realimentação do som atrasado em
cada uma das séries 1 e 2.
Low Threshold
Determina o nível mínimo de entrada a partir do qual o
efeito é aplicado às freqüências baixas.
Feedback Time
Determina o tempo de atraso da realimentação.
LPF Resonance
Determina a ressonância do filtro passa baixas no som de
entrada.
Feedback Time 1, 2, L, R
Determina o tempo de atraso 1, 2, L e R da realimentação.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Bloco de Efeitos
Determina a freqüência de corte do filtro passa-altas
antes da modulação.
Pre-LPF Cutoff
Frequency
Determina a freqüência de corte do filtro passa-baixas antes
da modulação.
Pre-LPF Resonance
Determina a ressonância do filtro passa-baixas para o
sinal na entrada.
Presence
Controla as freqüências altas no efeito de amp de
guitarra.
Meter
Altera o medidor.
Mic L-R Angle
Determina o ângulo L/R (esq/dir) do microfone.
Mid Attack
Determina o tempo decorrido entre a nota ser pressionada e
o momento em que o compressor é aplicado às freqüências
médias.
Mid Gain
Determina o ganho de saída das freqüências médias.
Mid Level
Determina o nível de saída das freqüências médias.
Ratio
Determina a taxa do compressor.
Mid Mute
Determina se a banda de médias está ligada ou desligada.
Release
Mid Ratio
Determina a taxa do compressor para as freqüências
médias.
Determina o tempo decorrido entre a nota ser solta e o
fim do efeito do compressor.
Release Curve
Determina a curva de liberação do seguidor de envelope.
Mid Threshold
Determina o nível mínimo na entrada para o qual o efeito
é aplicado às freqüências médias.
Release Time
Determina o tempo de liberação do seguidor de envelope.
Resonance
Determina a ressonância do filtro.
Resonance Offset
Determina um valor de compensação para a ressonância.
Reverb Delay
Determina o tempo entre as reflexões primárias e as
reverberações.
Reverb Time
Determina o tempo de reverberação.
Room Size
Determina o tamanho da sala em que o instrumento
toca.
Rotor Speed Fast
Determina a velocidade do rotor quando a chave slow/fast
está configurada para “fast”.
Mix
Determina o volume do som com efeito.
Mix Level
Determina o nível do efeito mixado com o som seco.
Mod Depth
Determina a profundidade da modulação.
Mod Depth Ofst R
Determina a compensação de profundidade de modulação no
canal R.
Mod Feedback
Determina o nível de realimentação na modulação.
Mod Gain
Determina o ganho da modulação.
Mod LPF Cutoff
Frequency
Determina a freqüência de corte do filtro passa-baixas
aplicado ao som modulado.
Rotor Speed Slow
Determina a velocidade do rotor quando a chave slow/fast
está configurada para “slow”.
Mod LPF Resonance
Determina a ressonância do filtro passa-baixas
aplicado ao som modulado.
Rotor/Horn Balance
Determina o volume de equilíbrio entre a corneta e o rotor.
Sampling Freq. Control
Controla a freqüência de amostragem.
Sensitivity
Quando está selecionado um dos efeitos “Dynamic Flanger”,
“Dynamic Phaser”, este parâmetro determina a sensibilidade
do TEC à modulação aplicada a entrada.
Quando está selecionado “Tech Modulation”, este
parâmetro determina o volume do som modulado.
Determina o tipo de phaser, ou mais especificamente, o
fator para formar o efeito de phaser.
Modulation Phase
Determina a diferença de fase entre L/R na onda modulada.
Move Speed
Determina o tempo decorrido para mover o som do estado
atual para o som especificado pelo parâmetro Vowel.
Noise Level
Determina o nível do ruído.
Noise LPF Cutoff
Frequency
Determina a freqüência de corte do filtro passa-baixas
aplicado ao ruído.
Noise LPF Q
Determina a ressonância do filtro passa-baixa aplicado ao
ruído.
Noise Mod Depth
Determina a profundidade da modulação do ruído.
Noise Mod Speed
Determina a velocidade da modulação do ruído.
Noise Tone
Determina as características do ruído.
On/Off Switch
Liga ou desliga o isolador.
OSC Frequency Coarse
Determina a freqüência em que a onda senoidal modula a
amplitude da onda de entrada.
Output
Determina o ajuste fino da freqüência na qual a onda
senoidal modula a amplitude da onda de entrada.
Slow-Fast Time of Horn
Determina quanto tempo leva para a velocidade da rotação
da corneta mudar da atual (slow ou fast) para a outra (fast ou
slow) quando é comutada.
Slow-Fast Time of Rotor
Determina quanto tempo leva para a velocidade da rotação
do rotor mudar da atual (slow ou fast) para a outra (fast ou
slow) quando é comutada.
Space Type
Seleciona o tipo de simulação de espaço.
Speaker Type
Seleciona o tipo de simulação de falantes.
Speed
Quando está selecionado “VCM Flanger”, este parâmetro
determina a freqüência do LFO que controla as variações
cíclicas da modulação do delay..
Quando está selecionado algum dos tipos de phaser, este
parâmetro determina a freqüência do LFO que controla as
variações cíclicas da modulação da fase.
Quando está selecionado “VCM Auto Wah”, este
parâmetro determina a velocidade do LFO.
Speed Control
Muda a velocidade de rotação.
Spread
Determina a abertura do som.
Stage
Determina o número de passos no deslocamento de fase.
Threshold
Determina o nível mínimo na entrada a partir do qual o
efeito é acionado.
Determina o nível de saída do sinal do bloco de efeitos.
*3
Output Gain
Top
Output Level
Type
Output Level 1, 2
Determina o nível do sinal na saída do primeiro e do
segundo blocos, respectivamente.
Over Drive
Determina o grau e a característica do efeito de distorção.
Pan 1, 2
Determina o pan para cada uma das séries 1 e 2.
Pan AEG Min Level
Este parâmetro do efeito Slice determina o nível mínimo do
AEG aplicado ao som com pan.
Determina o valor máximo do filtro wah.
Quando está selecionado “VCM Flanger”, este parâmetro
determina o tipo de flanger.
Quando está selecionado qualquer dos efeitos de wah,
este parâmetro determina o tipo de Auto Wah.
Quando está selecionado “Early Reflection”, este
parâmetro determina o tipo de reflexão do som.
Vowel
Seleciona o tipo de vogal.
Wall Vary
Determina o tipo de parede da sala simulada. Valores
altos produzem reflexões mais difusas.
Pan AEG Type
Este parâmetro do efeito Slice determina o tipo de AEG
aplicado ao som com pan.
Width
Determina a largura da sala simulada.
Pan Depth
Determina a profundidade do efeito pan.
Word Length
Determina o grau de qualidade do som.
Pan Direction
Determina a direção em que a posição do pan estéreo
se move.
Pan Type
Determina o tipo de pan.
Pedal Control
Quando está selecionado “VCM PEDAL WAH”, este parâmetro
determina a freqüência de corte do filtro wah. Para melhores
resultados, enderece este parâmetro a Foot Controller na
janela Controller Set, e use o pedal para controlar este
parâmetro.
Pedal Response
Determina como o som responde às alterações do pedal
de sustain (damper).
Phase Shift Offset
Determina o valor de compensação da modulação de fase.
Guia Rápido
Seleciona o tipo de onda da modulação.
Mode
Estrutura
Mod Wave Type
OSC Frequency Fine
Quando está selecionado um dos efeitos de VCM Touch
Wah, este parâmetro determina a sensibilidade das
variações do filtro aplicado à entrada.
Determina a velocidade de modulação.
Voice
Mod Speed
Multi
Quando está selecionado “Noisy”, este parâmetro determina o
nível de mixagem do elemento modulado.
Utility
Mod Mix Balance
Instalando
Determina a profundidade da modulação de afinação.
Pre Mod HPF Cutoff
Frequency
Ouvindo os
Sons
PM Depth
Conexões
Quando está selecionado “VCM Phaser mono” ou “VCM
Phaser stereo”, este parâmetro determina o valor de
compensação da modulação de fase.
Controles e
Conectores
Descrição
Determina a afinação em semitons para cada uma das
séries 1 e 2.
Computador
Nome do Parâmetro
Pitch 1, 2
*1 O parâmetro Bottom só está disponível quando o valor é menor do que o do parâmetro
Top.
*2 O parâmetro Color pode não ter efeito dependendo dos valores dos parâmetros Mode
e Stage.
*3 O parâmetro Top só está disponível quando o valor é maior do que o do parâmetro
Bottom.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
Descrição
Quando está selecionado “VCM Flanger”, este parâmetro
determina o valor de compensação da modulação do delay.
Referência
Nome do Parâmetro
Manual
63
Controles e
Conectores
Referência
Instalando
Esta seção do manual cobre em detalhes todos os parâmetros e configurações disponíveis no MOTIF-RACK XS e no software
MOTIF- RACK XS Editor. Alguns parâmetros de Common Edit e todos os parâmetros de Element/Key Edit só podem ser editados
no software MOTIF-RACK XS Editor. Quando a edição está sincronizada entre o MOTIF-RACK XS Editor e o MOTIF-RACK XS, a
edição de um parâmetro no MOTIF-RACK XS Editor afeta o mesmo parâmetro no MOTIF-RACK XS, e vice-versa. Em outras
palavras, qualquer edição que você fizer tanto no software Editor quanto no equipamento ocorre automaticamente em ambos. Isto
permite um interfaceamento pleno, e lhe facilita criar e editar seus dados. Para detalhes sobre como sincronizar os dados entre os
dois, consulte o manual do software MOTIF-RACK XS Editor.
Para instruções detalhadas sobre como acessar cada tela de edição, consulte a página 25 do Guia Rápido.
Ouvindo os
Sons
O ícone
Na seção de Referência, os parâmetros que aparecem somente no software Editor são indicados por
Como usar a tela Edit
Conexões
(Exemplo)
.
1 Estas marcas indicam que há páginas adicionais acima ( ) ou abaixo ( ). A página
seguinte ou a página anterior será mostrada pressionando a tecla
cursor na tela.
para mover o
2 Indica o nome da tela Edit que está atualmente selecionada para as operações
de edição.
3 Este número indica o número da página da tela Edit que está sendo mostrada no
Computador
momento. Por exemplo, a indicação “2/4” significa que a tela Edit atualmente
selecionada possui quatro páginas, e está sendo mostrada a segunda página.
4 (Somente no modo Multi) Isto indica a parte atualmente selecionada. Quando são
mostrados os indicadores de esquerda ( ) / direita ( ), você pode mudar a parte
usando as teclas [<]/[>].
Guia Rápido
5 São mostrados aqui os parâmetros que podem ser editados. Você pode selecionar o
parâmetro desejado para edição usando as teclas
configurações usando os encoders.
e alterar as
Estrutura
Modo Voice
Normal Voice Edit
Voice
Um Normal Voice, que contém sons de instrumentos com afinação e podem ser tocados ao longo do teclado, pode consistir de até
oito elementos. Existem dois tipos de telas de edição de Normal Voice: as telas Common Edit, para editar as configurações comuns
a todos os elementos, e as telas Element Edit, para editar elementos individuais.
Nesta seção, abordaremos os parâmetros do Normal Voice.
Multi
Referência
Common Edit
Estes parâmetros servem para efetuar configurações globais (comuns) a todos os oito elementos do Normal Voice selecionado.
Procedimento [VOICE] –> selecionar Normal Voice –> [EDIT] –> selecionar a tela desejada em Voice Edit Select –> [ENTER] –> tela Edit
Utility
Apêndice
tela Voice Play
64
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
tela Voice Edit Select
(Normal Voice)
tela Edit
(exemplo: tela Name)
Modo Voice
Permite dar um nome ao Voice. Quando você move o cursor até “Name”, ao pressionar a tecla
[ENTER] acessa o quadro Naming, permitindo a você entrar com o nome desejado. O nome do Voice
pode conter até 20 caracteres. Para instruções detalhadas sobre como nomear, consulte a página 47
no Guia Rápido.
Main 1 Ctgry (Main Category 1)
Determina as duas categorias principais (Main) e suas sub-categorias às quais o Voice pertence. A
categoria pode ser usada como uma palavra-chave representando as características do Voice.
A configuração apropriada facilita encontrar o Voice desejado dentro de uma variedade de Voices.
Existem 16 categorias principais que indicam os tipos de instrumentos. Existem até cinco subcategorias para cada categoria principal, indicando tipos mais detalhados de instrumentos.
Sub 1 Ctgry (Sub Category 1)
Main 2 Ctgry (Main Category 2)
Instalando
Name
Controles e
Conectores
1 Name
Configurações: Consulte a lista de categorias na página 87.
Sub 2 Ctgry (Sub Category 2)
Volume
Ouvindo os
Sons
2 Play Mode
Determina o nível de saída do Voice. Configure este parâmetro para ajustar o equilíbrio entre o
Voice atual e os demais Voices. Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: 0 – 127
Pan
Determina a posição do Voice no estéreo. Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Conexões
Configurações: L63 (todo para a esquerda) – C (centro) – R63 (todo para a direita)
NOTA: Note que este parâmetro Part Pan pode ter pouco ou nenhum efeito audível se o Pan de um determinado elemento
estiver configurado para a posição esquerda e o Pan de outro elemento estiver configurado para a direita.
Note Shift
Determina o quanto (em semitons) será ajustada a transposição da afinação, para cima ou para
baixo.
PB Range Lower
(Pitch Bend Range Lower)
Mono/Poly
Determina a faixa máxima do pitch bend, em semitons. Configurando o parâmetro Upper para +12
resultará em um aumento máximo de uma oitava quando o controle de pitch bend for movido para a
posição máxima. Por outro lado, configurando Lower para -12 resultará em uma redução máximo de
uma oitava abaixo quando o controle de pitch bend for movido para a posição mínima.
Configurações: -48 semi – +0 semi – +24 semi
Guia Rápido
PB Range Upper
(Pitch Bend Range Upper)
Computador
Configurações: 24 – +0 – +24
Determina o método de reprodução do Voice: monofônico (somente uma nota) ou polifônico (várias
notas).
Configurações: mono, poly
Key Assign Mode
Estrutura
mono ................................. Quando configurado para “mono”, o Voice é reproduzido monofonicamente (somente uma nota é
reproduzida de cada vez). Para muitos sons de instrumentos (tais como contrabaixo e solos de
sintetizador), isto permite uma execução mais natural de legato do que se este parâmetro estiver
configurado para “poly”.
poly.................................... Quando configurado para “poly”, o Voice é reproduzido polifonicamente (podem ser reproduzidas
várias notas ou acordes simultaneamente).
Isto é útil quando duas ou mais instâncias da mesma nota são recebidas quase que simultaneamente,
ou sem a mensagem MIDI correspondente de Note Off.
Configurações: single, multi
Porta Sw
(Portamento Switch)
Voice
single ................................. Quando configurado para “single” e é transmitida a execução dobrada da mesma nota para o
gerador interno de sons, a primeira nota será cortada e a próxima nota soará.
multi ................................... Quando configurado para “multi” e é transmitida a execução dobrada da mesma nota para o gerador
interno de sons, todas as notas soarão simultaneamente.
Determina se o portamento é aplicado ou não ao Voice. Este parâmetro pode ser modificado
diretamente pelo botão.
Configurações: 0 – 127
Porta Mode
(Portamento Mode)
Determina como portamento é aplicado à sua execução no teclado.
Porta Time Mode
(Portamento Time Mode)
Determina como a afinação muda no decorrer do tempo.
Utility
Configurações: fingered, fulltime
fingered .............................. O portamento só é aplicado quando você toca em legato (tocando a nota seguinte antes de
soltar a nota anterior).
fulltime ............................... O portamento é aplicado a todas as notas.
Configurações: rate1, time1, rate2, time2
rate1 .................................. A afinação muda conforme a taxa especificada.
time1.................................. A afinação muda conforme o tempo especificado.
rate2 ................................. A afinação muda conforme a taxa especificada, dentro de uma oitava.
time2.................................. A afinação muda conforme o tempo especificado, dentro de uma oitava.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Multi
Determina o tempo de transição da afinação no portamento. O efeito deste parâmetro é diferente
dependendo da configuração de “Portamento Time Mode”. Valores altos resultam em um tempo mais
longo para a mudança de afinação. Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Apêndice
Porta Time
(Portamento Time)
Referência
Configurações: off, on
65
Modo Voice
Controles e
Conectores
Porta Lgt Slope
(Portamento Legato Slope)
Quando Mono/Poly está configurado para “mono”, a execução em legato pode produzir um ataque
pouco natural dependendo da forma de onda do Voice. Para resolver isto, você pode usar este
parâmetro para ajustar o ataque do Voice. Normalmente, configure um valor baixo para formas de onda
com tempo de ataque lento, e um valor alto para formas de onda com tempo de ataque rápido.
Configurações: 0 – 7
Instalando
Micro Tune Bank
(Micro Tuning Bank)
Determina o banco de micro-afinação.
Micro Tune No.
(Micro Tuning Number)
Determina o número da escala de micro-afinação. O banco Preset possui 13 tipos, incluindo a afinação
de termperamento igual, que é o formato de afinação mais usado. Para detalhes sobre micro-afinação,
consulte a seção sobre “Micro Tuning” (página 87) nas informações suplementares.
Configurações: preset, user
preset ................................ Contém 13 tipos de micro afinação pré-programadas.
user ..................................... Contém os tipos de micro-afinação criados por você na tela Micro Tune (página 102) do modo
Utility.
Configurações: Preset Bank: 1 – 13 (veja lista Micro Tuning na página 87)
Ouvindo os
Sons
User Bank: 1 – 8
Conexões
Micro Tune Root
(Micro Tuning Root)
Determina a tônica para cada escala. Em algumas escalas esta configuração pode não ser necessária.
Audition No.
(Audition Phrase Number)
Seleciona o tipo de frase de audição.
Audition Note Shift
(Audition Phrase Note Shift)
Ajusta a afinação em incrementos de semitom.
Audition Vel Shift
(Audition Phrase Velocity Shift)
Determina o valor de deslocamento que a frase de audição sofrerá em relação às intensidades originais.
Configurações: C – B
Configurações: 001 – 285
Configurações: -24 – +0 – +24
Configurações: -64 – +0 – +63
Computador
3 Arp Select (Arpeggio Select)
Determina se o item que está sendo editado afetará todos os cinco arpejos endereçados a cada Voice (“Arp Edit”), ou se afetará
somente o arpejo selecionado (“Arp 1 – 5 Type”).
Arp Sw
(Arpeggio Switch)
Determina se a execução do arpejo está ligada (on) ou desligada (off). Você também pode ligar ou
desligar pelo painel frontal com a tecla [AUDITION] quando “Audition Button” (página 99) na tela Utility
General está configurado para “arpeggio sw”.
Guia Rápido
Configurações: off, on
Arp Select
(Arpeggio Select)
Seleciona o arpejo desejado dentre os arpejos 1 – 5. O ícone de colcheia indica que algum tipo de
arpejo (que não esteja em “off”) está selecionado.
Configurações: Arp 1 – Arp 5
Estrutura
Arp Edit (Arpeggio Edit)
Configurações comuns a todos os arpejos endereçados a cada Voice.
Arp Sw
(Arpeggio Switch)
Determina se a execução do arpejo está ligada (on) ou desligada (off). Esta é a mesma função de “Arp
Sw” na tela Arp Select.
Configurações: off, on
Arp Hold
(Arpeggio Hold)
Quando em “on”, o arpejo é executado automaticamente, mesmo que seja recebida uma mensagem
de Note Off, e continua executando até que seja recebida a próxima mensagem de Note On.
Voice
Configurações: sync-off, off, on
sync-off.............................. Quando configurado para “sync-off”, o arpejo continua silenciosamente, mesmo recebendo uma
mensagem de Note Off. Ao receber uma mensagem de Note On o arpejo é acionado outra vez.
NOTA: Ao receber a mensagem MIDI de sustain (control change #64) quando “Arp Sw” está em “on”, você pode obter o
mesmo resultado de configurar “Arp Hold” para “on”.
Multi
Referência
Arp Tempo
Determina o andamento do arpejo. Este parâmetro pode ser modificado diretamente no botão.
(Arpeggio Tempo)
Configurações: 5 – 300
NOTA: Se você estiver usando este instrumento com um seqüenciador externo, um software de gravação (DAW), ou um
equipamento MIDI, e quiser sincronizá-lo com o outro, configure o parâmetro “MIDI Sync” na tela Utility MIDI (página 99)
para “external” ou “auto”. Quando “MIDI Sync” está configurado para “auto” (somente quando o clock MIDI é transmitido
continuamente) ou “external”, o parâmetro Tempo aqui indica “external” e não pode ser alterado.
Velocity Rate
Utility
Determina o quanto as intensidades das notas do arpejo serão alteradas em relação ao original. Um
ajuste de 100% significa que serão usadas as intensidades originais. Ajustes abaixo de 100% farão
reduzir as intensidades das notas do arpejo, enquanto que ajustes acima de 100% as aumentarão. Se
a intensidade resultante for menor do que zero ela será ajustada para 1, e se a intensidade resultante
for maior do que 128 ela será ajustada para 127.
Configurações: 0 – 200%
Gate Time Rate
Apêndice
Determina o quanto a duração (Gate Time) das notas do arpejo serão alteradas em relação a seus
valores originais. Um ajuste de 100% significa que serão usadas as durações originais. Ajustes abaixo
de 100% encurtarão as durações das notas do arpejo, enquanto que ajustes acima de 100% as
aumentarão. A duração (Gate Time) não pode ser menor do que 1; quaisquer valores fora dessa faixa
serão automaticamente limitados ao mínimo.
Configurações: 0 – 200%
66
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
Ajusta o tempo de execução do arpejo baseado no andamento. Usando este parâmetro, você pode criar
um tipo de arpejo diferente do original. Por exemplo, se você configurar um valor de 200%, o tempo de
execução será dobrado e o andamento dividido por dois. Por outro lado, se você configurar um valor de
50%, o tempo de execução será a metade e o andamento dobrará. O normal é 100%.
Controles e
Conectores
Unit Multiply
Configurações: 50%, 66%, 75%, 100%, 133%, 150%, 200%
Determina por quais tempos as notas do arpejo serão alinhadas, ou a quais tempos no arpejo será
aplicado o swing. O número mostrado à direita de cada valor indica a duração, assumindo que a
resolução da semínima é 480.
Instalando
Quantize Value
Configurações: 260 (fusa), 6380 (tercina de semicolcheia), 6120 (semicolcheia), 83160 (tercina de colcheia), 8240 (colcheia),
43320 (tercina de semínima), 4480 (semínima)
Quantize Strngth
(Quantize Strength)
Define a “força” com que os eventos de notas são atraídos para os tempos de quantização. Um ajuste
de 100% produz um acerto exato para o parâmetro “Quantize Value” acima. Um ajuste de 0% resulta
Em nenhuma quantização. Um ajuste de 50% faz com que os eventos de notas sejam quantizados
para o ponto médio entre 0% e 100%.
Swing
Ouvindo os
Sons
Configurações: 0% – 100%
Atrasa as notas dos tempos pares (backbeats) para produzir um efeito de swing. Ajustes acima de 1
atrasam as notas do arpejo, enquanto ajustes abaixo de -1 as avançam. Um ajuste de 0 produz o
posicionamento exato de “Quantize Value”, resultando em nenhum swing. O uso criterioso deste
ajuste permite a você criar ritmos com swing, tais como shuffle e bounce.
Configurações: -120 – +120
Octave Range
Conexões
NOTA: Quando é usado um valor de quantização de tercina, a última nota de cada tercina se torna o foco do swing.
Especifica a extensão máxima do arpejo em oitavas. Ajustes com valores positivos aumentam para
cima a faixa de oitavas para execução do arpejo, enquanto valores negativos aumentam para baixo.
Configurações: -3 – +0 – +3
Determina o tempo em que o tipo de arpejo é trocado quando você seleciona outro tipo durante a
execução do arpejo. Quando configurado para “realtime”, o tipo de arpejo é trocado imediatamente.
Quando configurado para “measure”, o tipo de arpejo é trocado no início do próximo compasso.
Computador
Change Timing
Configurações: realtime, measure
Velocity Mode
Ajusta a intensidade das notas do arpejo ao receber mensagens de Note On.
Configurações: original, thru
original............................... O arpejo é executado usando as intensidades originais pré-programadas.
Key Mode
Guia Rápido
thru .................................... O arpejo é executado usando as intensidades das mensagens de Note On.
Determina como o arpejo é executado ao receber mensagens de Note On.
Configurações: sort, thru, direct, sort+direct, thru+direct
Estrutura
sort ................. Quando o MOTIF-RACK XS recebe determinadas mensagens de Note On (por exemplo, as notas de um acorde), é
executada a mesma seqüência, não importa a ordem com que as mensagens de Note On são recebidas.
thru ................. Quando o MOTIF-RACK XS recebe mensagens de Note On (por exemplo, as notas de um acorde), a seqüência
resultante é diferente dependendo da ordem com que as mensagens de Note On são recebidas.
direct ............... Os eventos de notas no arpejo não tocam; somente as notas das mensagens de Note On. Quando o arpejo é
executado, eventos como Pan e Brightness são aplicados ao som da sua execução no gerador de sons. Use esta
opção quando o tipo de arpejo inclui dados que não são notas ou quando está selecionado o tipo de categoria “Ctrl”.
sort+direct .......O arpejo é executado conforme a configuração “sort” efetuada aqui, e as mensagens de Note On recebidas também
soam.
thru+direct........O arpejo é executado conforme a configuração “thru” efetuada aqui, e as mensagens de Note On recebidas também
soam.
NOTA: Alguns tipos de arpejos pertencentes à categoria “Cntr” podem não possuir eventos de notas (página 56). Quando
Note Limit Lo/Hi
Voice
tais tipos são selecionados e Key Mode está configurado para “sort” ou “thru”, nenhum som será produzido mesmo
que o MOTIF- RACK XS receba mensagens de Note On.
Determina as notas mais baixa e mais alta da extensão do arpejo. As notas recebidas dentro deste faixa
acionarão o arpejo. Se você especificar primeiro a nota mais alta e depois a nota mais baixa, por
exemplo “C5 a C4”, então a faixa de notas coberta será “C -2 a C4” e “C5 a G8”.
Determina os limites mínimo e máximo para as intensidades de notas que podem acionar a execução
do arpejo. O arpejo só será acionado por notas recebidas com intensidade dentro desta faixa. Se você
especificar primeiro o valor máximo e depois o valor mínimo, por exemplo “93 a 34”, haverá um
“buraco” nas intensidades, e a faixa coberta será “1 a 34” e “93 a 127”.
Multi
Velocity Limit Lo/Hi
Referência
Configurações: C -2 – G8
Configurações: 1 – 127
Octave Shift
Desloca a afinação do arpejo para cima ou para baixo, em oitavas.
Quando em “on”, o arpejo é executado ciclicamente enquanto as teclas estão sendo pressionadas.
Quando em “off”, o arpejo só é executado uma vez, mesmo que as teclas continuem pressionadas.
Configurações: off, on
Apêndice
Loop
Utility
Configurações: -10 – +10
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
67
Modo Voice
Controles e
Conectores
Trigger Mode
Quando configurado para “gate”, ao pressionar a nota faz iniciar a execução do arpejo e ao soltá-la faz
parar. Quando configurado para “toggle”, ao pressionar a nota inicia/pára a execução do arpejo, e ao
soltá-la não afeta a execução do arpejo. Normalmente, este parâmetro deve ser configurado para “gate”.
Configurações: gate, toggle
NOTA:
Instalando
Accnt Vel Th
(Accent Velocity Threshold)
A configuração de Trigger Mode “toggle” prevalece sobre a configuração de Hold “on” na janela Arpeggio Main (página
101). Ou seja, mesmo que o parâmetro Hold esteja configurado para “on”, se Trigger Mode estiver configurado para
“toggle” ao se pressionar a nota fará iniciar/parar a execução do arpejo.
Alguns tipos de arpejo incluem dados especiais chamados “Accent Phrase”, que só serão executados
quando forem recebidas intensidades de notas acima de um determinado valor. Este parâmetro
determina a intensidade mínima de nota que aciona o Accent Phrase.
Configurações: off, 1 – 127
Ouvindo os
Sons
Accnt Strt Qtz
(Accent Start Quantize)
Determina o momento para o acionamento do recurso Accent Phrase, quando ocorrer a intensidade
especificada em Accent Vel Threshold (acima). Quando em “off”, o Accent Phrase é acionado assim
que a intensidade ultrapassa a referência. Quando em “on”, o Accent Phrase é acionado no tempo que
foi especificado para cada tipo de arpejo, depois que a intensidade ultrapassa a referência.
Configurações: off, on
Random SFX
Alguns tipos de arpejo possuem a função Random SFX que aciona um som especial, como um ruído
de trastejar na guitarra, ao se soltar a tecla. Este parâmetro determina se o Random SFX está ou não
ativo.
Conexões
Configurações: off, on
SFX Vel Offset
(Random SFX Velocity Offset)
Determina um valor de ajuste para alterar as intensidades originais das notas com Random SFX. Se o
valor resultante for menor do que zero, ele será ajustada para 1; e se o valor resultante for maior do que
128, ele será ajustado para 127.
Configurações: -64 – +0 – +63
Computador
SFX Key on Ctrl
(Random SFX Key on Control)
Quando configurado para “off”, o som especial Random SFX é executado com a intensidade préprogramada. Quando configurado para “on”, o som especial Random SFX é executado com a
intensidade da mensagem de Note On recebida.
Configurações: off, on
Arp 1 – 5 Type (Arpeggio 1 – 5 Type)
Configurações específicas para um arpejo selecionado na tela Arp Select.
Guia Rápido
Main Ctgry (Main Category)
Determina a categoria principal e a sub-categoria que incluem o tipo de arpejo desejado.
Sub Ctgry (Sub Category)
Configurações: Veja a lista de categorias em Estrutura Básica (página 53).
Type
Determina o número do tipo de arpejo na categoria especificada. O número e o nome do tipo de arpejo
selecionado é mostrado na segunda linha a partir do alto da tela. Consulte a lista de tipos de arpejos
(documentação à parte), descrita na página 8.
NOTA: Para detalhes sobre como usar a lista de tipos de arpejos, veja a página 53.
Estrutura
Vel Rate
(Velocity Rate Offset)
Determina o valor de compensação pelo qual as notas do arpejo serão ajustadas em relação às suas
intensidades originais. Se a intensidade resultante for menor do que zero ela será ajustada para 1, e se
for maior do que 128 ele será ajustada para 127.
Configurações: -100% – +0% – +100%
GTime Rate
(Gate Time Rate Offset)
Determina a duração (Gate Time) das notas do arpejo. A duração não pode ser menor do que o valor
1; quaisquer valores que caiam abaixo desse mínimo serão ajustados automaticamente para 1.
Voice
Configurações: -100% – +0% – +100%
4 Filter
Configurações de parâmetros do filtro comuns a todos os elementos do Voice.
Multi
Referência
Cutoff
Determina o valor de compensação comum para o Cutoff Freq. (freqüência de corte) dos filtros de
todos os elementos (página 76). Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: -64 – +0 – +63
Resonance
Determina o valor de compensação comum para Resonance/Width dos filtros de todos os
elementos (página 76). Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: -64 – +0 – +63
Utility
5 EG
Usando o AEG e o FEG, você pode controlar a transição do som desde o momento em que o som inicia até o momento em que o som termina.
As configurações comuns de EG afetam a todos os elementos.
FEG Attack
FEG Decay
Apêndice
FEG Release
FEG Depth
Determina os parâmetros do FEG (Filter Envelope Generator) para cada parte. Usando o FEG, você
pode controlar a transição de tonalidade (Cutoff Frequency) desde o momento em que o som inicia até o
momento em que o som termina. Os ajustes feitos aqui são aplicados como compensação aos mesmos
parâmetros em FEG (página 77) de Element Edit. “FEG Sustain” não está disponível aqui. “FEG Depth”
pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: -64 – +0 – +63
68
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
AEG Attack
AEG Sustain
Estes parâmetros podem ser usados para controlar a forma de variação de amplitude desde o
momento em que o som inicia até o momento em que o som termina. Os ajustes feitos aqui são
aplicados como compensação aos mesmos parâmetros em AEG (página 80) em Element Edit. Cada
parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
AEG Release
Configurações: -64 – +0 – +63
AEG Decay
Controles e
Conectores
Modo Voice
Wave
Instalando
6 LFO (Common LFO)
Determina como o vibrato, tremolo e efeito de wah são produzidos usando o LFO (Low Frequency Oscillator). As configurações comuns do LFO
afetam todos os elementos do Voice.
Seleciona a forma de onda e determina como o LFO oscila.
Configurações: triangle, triangle+, saw up, saw down, squ1/4, squ1/3, square, squ2/3, squ3/4, trapezoid, S/H1, S/H2, user
Play Mode
Ouvindo os
Sons
user ................................... Você pode criar sua própria forma de onda original para o LFO selecionando esta opção. A onda do
LFO pode ser criada somente através do software MOTIF-RACK XS Editor. Para detalhes sobre a
configuração, veja os parâmetros de USER LFO (página 71).
Determina se o LFO oscila repetidamente (loop) ou somente uma vez (one shot).
Configurações: loop, one shot
Speed
Determina a velocidade da onda do LFO. Quanto maior o valor, maior a velocidade. Este parâmetro não
pode ser ajustado se “Tempo Sync” estiver configurado para “on”.
Configurações: 0 – 63
Determina o ponto inicial de fase para quando a onda
do LFO é reiniciada.
Conexões
Phase
Configurações: 0°, 90°, 120°, 180°, 240°, 270°
Tempo
Tempo Sync
90 180 270
240
120
Computador
Phase 0
Determina se a velocidade do LFO será sincronizada ou não pelo andamento do arpejo.
Configurações: off (não sincronizada), on (sincronizada)
NOTA: Quando este parâmetro está configurado para “on” e “MIDI Sync” na tela MIDI de Utility (página 99) está configurado
Tempo Speed
Guia Rápido
para “external” ou “auto”, a velocidade do LFO será sincronizada pelo clock externo.
Este parâmetro só está disponível quando Tempo Sync (acima) está configurado para “on”. Ele permite
fazer ajustes detalhados de valor de nota que determinem como o LFO pulsa sincronizado com o arpejo.
Estrutura
Configurações: 16th, 8th/3 (tercina de colcheia), 16th. (semicolcheia pontuada), 8th (colcheia), 4th/3 (tercina de semínima), 8th.
(colcheia pontuada), 4th (semínima), 2nd/3 (tercina de mínima), 4th. (semínima pontuada), 2nd (mínima),
whole/3 (tercina de semibreve), 2nd. (mínima pontuada), 4thx4 (4 quiálteras de semínima; 4 semínimas em um
tempo), 4thx5 (5 quiálteras de semínima; 5 semínimas em um tempo), 4thx6 (6 quiálteras de semínima; 6
semínimas em um tempo), 4thx7 (7 quiálteras de semínima; 7 semínimas em um tempo), 4thx8 (8 quiálteras
de semínima; 8 semínimas em um tempo), 4thx16 (16 semínimas em um tempo), 4thx32 (32 semínimas em
um tempo), 4thx64 (64 semínimas em um tempo)
NOTA: A configuração do tipo de nota acima é sincronizada com o andamento da execução do arpejo.
Key on Reset
Determina se a oscilação do LFO reinicia ou não em fase a cada vez que uma nota é pressionada. As
três configurações abaixo são possíveis.
Configurações: off, each-on, 1st-on
O LFO oscila livremente sem sincronizar com a nota. Ao receber uma
mensagem de Note On, a onda do LFO continua oscilando na fase em que já
estava.
Voice
off
Tempo
Note On
Tempo
Note On
(primeira nota)
Note On
(segunda nota)
Note On
(primeira nota)
Note On
(segunda nota)
Multi
A oscilação do LFO reinicia a cada mensagem de Note On recebida, na fase
especificada pelo parâmetro Phase (acima).
Referência
each-on
A oscilação do LFO reinicia a cada mensagem de Note On recebida, na fase
especificada pelo parâmetro Phase (acima). Se for recebida outra mensagem
de Note On enquanto a primeira nota está sendo tocada, o LFO continua
oscilando na mesma fase em que foi disparado na primeira nota. Ou seja, a
oscilação do LFO só reinicia se for recebida a mensagem de Note Off da
primeira nota antes de receber a segunda mensagem de Note On.
Utility
1st-on
NOTA: A fase inicial é determinada pelo parâmetro “Phase” embora a fase inicial
seja mostrada como 0 na ilustração.
Determina o grau com que a velocidade do LFO se altera aleatoriamente. Um ajuste de “0” significa a
velocidade original. Valores altos resultam em maiores graus de variação. Este parâmetro não pode ser
configurado quando Tempo Sync está configurado para “on”.
Apêndice
Random Speed
Configurações: 0 – 127
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
69
Modo Voice
Controles e
Conectores
Delay Time
Determina o atraso entre o momento em que a mensagem de Note On é recebida e o momento em que
o LFO começa a atuar. Um valor alto produz um atraso grande.
Configurações: 0 – 127
Fade in Time
Determina o tempo que o efeito do LFO vai aumentando gradualmente (fade in) depois de decorrido o
tempo de Delay. Um valor mais alto produz um fade-in mais lento. Quando configurado para “0”, o efeito
do LFO não cresce gradualmente e já começa no nível máximo logo depois do tempo de Delay.
Configurações: 0 – 127
Instalando
Hold Time
Determina o período de tempo que o
LFO permanece em seu nível máximo. Um
valor alto resulta em um maior tempo de Hold.
Um ajuste de zero não produz fade out.
Fade in
Hold
Fade out
Max
Tempo
Configurações: 0 – 126, hold
Ouvindo os
Sons
Fade out Time
Determina o período de tempo que o efeito do LFO levará para ir decaindo gradualmente (fade out),
depois de decorrido o tempo de Hold. Um valor mais alto resulta em um fade-out mais lento.
Configurações: 0 – 127
Conexões
LFO Set 1 – 3 Dest
(LFO Set 1 – 3 Destination)
Determina os parâmetros a serem controlados (modulados) pelo LFO Wave. Podem ser definidos três
Destinos (Destination), e você pode escolher dentre vários parâmetros para Destination.
Configurações: insA1 – insA16, insB1 – insB16, A mod, P mod, F mod, reso, pan, LFOspd
Computador
insA1 – insA16, insB1 – insB16, (parâmetros Effect)
Cada parâmetro do tipo de efeito selecionado é modulado ciclicamente. Quando um desses parâmetros é selecionado, o nome
do parâmetro correspondente do tipo de efeito selecionado é mostrado na janela.
A mod (Amplitude Modulation Depth)
É produzido um efeito de tremolo, modulando ciclicamente o volume.
P mod (Pitch Modulation Depth)
É produzido um efeito de vibrato, modulando ciclicamente a afinação.
F mod (Filter Modulation Depth)
É produzido um efeito de wah, modulando ciclicamente a tonalidade.
reso (Resonance)
É produzido um efeito especial de wah, modulando ciclicamente a ressonância.
pan
É produzido um efeito modulando ciclicamente a posição do som no campo estéreo.
Guia Rápido
LFOspd (Element LFO Speed)
A velocidade de Common LFO modula ciclicamente a velocidade de Element LFO.
NOTA: Se um ou mais “LFO Set 1 – 3 Element Sw” estiverem configurados para “off” no MOTIF-RACK XS Editor e este
parâmetro estiver configurado para outra opção diferente de um dos parâmetros de efeito, é mostrado o sinal “!” à
direita de “LFO Set 1 – 3 Dest” e “LFO Set 1 – 3 Depth”. Esta indicação “!” mostra que as configurações não se
aplicam a todos os elementos.
Estrutura
LFO Set 1 – 3 Depth
Determina o LFO Wave Depth para cada conjunto.
Configurações: 0 – 127
Determina se cada elemento será afetado ou não pelo LFO no MOTIF-RACK XS Editor. Quando
algumas teclas são acionadas para “on”, os elementos apropriados serão afetados pelo LFO.
LFO Set 1 – 3 Depth Offset
Determina os valores de correção do parâmetro “LFO Set 1 – 3 Depth” (acima) para os respectivos
elementos no MOTIF-RACK XS Editor. Se o valor resultante de “LFO Set 1 – 3 Depth” for menor do que
zero ele será ajustado para 0, e se o valor resultante de “LFO Set 1 – 3 Depth” for maior do que 127 ele
será ajustado para 127.
Voice
LFO Set 1 – 3 Element Sw
Configurações: 0 – 127
LFO Phase Offset
Determina os valores de correção do parâmetro
“Phase” na onda para os respectivos elementos no
MOTIF-RACK XS Editor.
Multi
Referência
Configurações: 0°, 90°, 120°, 180°, 240°, 270°
Tempo
Phase 0
Utility
User LFO Cycle
90 180 270
240
120
Determina a quantidade de passos para criar a onda no MOTIF-RACK XS Editor.
Configurações: 2, 3, 4, 6, 8, 12, 16
User LFO Slope
Determina as características da inclinação ou rampa da onda do LFO no MOTIF-RACK XS Editor.
Apêndice
Configurações: off, up, down, up&down
off ...................................... Não cria inclinação.
up ...................................... Cria uma inclinação ascendente.
down.................................. Cria uma inclinação descendente.
up&down ........................... Cria uma inclinação ascendente e depois descendente.
70
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
User LFO Template
Você pode selecionar um modelo pré-programado para a onda do LFO no MOTIF-RACK XS Editor.
Controles e
Conectores
Configurações: all -64, all 0, all +63, saw up, saw down, even step, odd step
User LFO Step Value 1 – 16
Instalando
all 0 ....................................Os valores de todos os passos são iguais a 0.
all -64................................. Os valores de todos os passos são iguais a -64.
all +63 ............................... Os valores de todos os passos são iguais a +63.
saw up ...............................Cria uma onda com formato de dente-de-serra ascendente.
saw down ..........................Cria uma onda com formato de dente-de-serra descendente.
even step........................... Os valores de todos os passos ímpares são iguais a +63, e os de todos os passos pares iguais a -64.
odd step ............................ Os valores de todos os passos pares são iguais a +63, e de todos os passos ímpares iguais a -64.
random ..............................Cria uma onda aleatória. A cada vez que você clicar na tecla, aparece aleatoriamente uma onda de
LFO na tela.
Determina o valor para cada passo no MOTIF-RACK XS Editor.
Configurações: -64 – +0 – +63
Low Gain
Mid Freq
Mid Gain
Mid Q
High Freq
High Gain
Este é um EQ paramétrico com 3 bandas (High, Mid e Low). Você pode atenuar ou amplificar o nível de
cada banda de freqüência (High, Mid, Low) para alterar o som do Voice. Na banda Mid, você também
pode ajustar o Q (largura de banda). Cada parâmetro, exceto “Low Freq” e “High Freq”, podem ser
modificados diretamente pelo botão.
Frequency .......................Determina a freqüência de cada banda. Ajuste o valor da freqüência em torno da qual você deseja
atenuar ou enfatizar.
Configurações: Low: 50.1Hz – 2.00kHz Mid: 139.7Hz – 10.1kHz High: 503.8Hz – 14.0kHz
Conexões
Low Freq
Ouvindo os
Sons
7 3 Band EQ
Gain .................................Determina o ganho para a freqüência (ajustada acima), ou o quanto a banda selecionada será
atenuada ou enfatizada. Quanto maior o valor, maior o ganho. Quanto menor o valor, menor o
ganho.
Configurações: -12.00 dB – +0.00 dB – +12.00 dB
Computador
Q (Bandwidth) .................Determina o Q (largura de banda) da banda Mid. Quanto maior o valor, menor a largura de
banda. Quanto menor o valor, maior a largura da banda.
Configurações: 0.7 – 10.3
NOTA: O ajuste do Q está disponível somente na banda Mid, que é um EQ do tipo Peaking. O EQ Peaking (formato de
“pico”) permite a você atenuar/enfatizar uma determinada freqüência para controlar o quanto larga ou estreita é a
banda. Por outro lado, o formato do EQ das bandas High e Low é do tipo Shelving e permite a você atenuar /
enfatizar o sinal nas freqüências acima ou abaixo da freqüência ajustada.
Assign 1 Value
Assign 2 Value
Guia Rápido
8 Control
Determina o valor de correção pelo qual as funções endereçadas a Assign 1/2 serão ajustadas em
relação a seus valores originais. Cada parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: -64 – +0 – +63
NOTA: As funções endereçadas aos botões Assign 1/2 podem ser configuradas em “Ctrl Set 1 – 6 Dest” de “Ctrl Set 1 – 6 Src”
(abaixo) aos quais “Assign 1” ou “Assign 2” estão endereçados.
Determina qual controle do painel será endereçado e usado para o Set selecionado. Você também
pode endereçar várias funções a um controle.
Estrutura
Ctrl Set 1 – 6 Src
(Controller Set 1 – 6 Source)
Configurações: PitchBend, ModWheel, AfterTch (Aftertouch), FootCtrl1 (Foot Controller1), FootSw (Footswitch), Ribbon,
Breath, Assign1, Assign2, FootCtrl2 (Foot Controller2), A. Func 1 (Assignable Function 1), A. Func 2
(Assignable Function 2)
NOTA: Os números de Control Change dos controles endereçáveis são configurados na tela Utility Controller (página 101).
NOTA: Você pode determinar o grau com que a roda de Pitch Bend afeta o parâmetro Destination (abaixo) configurando “PB
Voice
Range Upper (Pitch Bend Range Upper)” e “PB Range Lower (Pitch Bend Range Lower)” na tela Play Mode (pág. 65).
Ctrl Set 1 – 6 Dest
(Controller Set 1 – 6 Destination)
Determina o parâmetro que é controlado pelo controle Source (acima). Você pode selecionar um
parâmetro para cada controle dentre 69 parâmetros, tais como volume, afinação e profundidade do LFO.
Configurações: Consulte a lista de controles no documento Data List.
NOTA: Se um ou mais “Controller Set 1 – 6 Element Sw” estiver configurado para “off” na configuração de MOTIF-RACK XS
Editor e este parâmetro estiver configurado para uma função relativa aos elementos, será indicado o símbolo “!” à direita
de “Ctrl Set 1 – 6 Src”, “Ctrl Set 1 – 6 Dest” e “Ctrl Set 1 – 6 Depth”. Este símbolo “!”indica que as configurações não se
aplicam a todos os elementos.
Determina o grau com que o controle Source afeta o parâmetro Destination. Para valores negativos, a
operação do controle é invertida; ajustes máximos no controle produzem mudanças mínimas no
parâmetro.
Utility
Ctrl Set 1 – 6 Depth
(Controller Set 1 – 6 Depth)
Configurações: -64 – +0 – +63
Determina se o controle selecionado afeta ou não cada elemento individual no MOTIF- RACK XS Editor.
Este parâmetro está desabilitado quando “Ctrl Set 1 – 6 Dest” (descrito acima) está configurado para
um parâmetro não relacionado aos elementos do Voice. Quando algumas teclas são configuradas para
“on”, os elementos correspondentes serão afetados pelo controle selecionado.
Apêndice
Controller Set 1 – 6 Element Sw
Multi
controles, os nomes reais do parâmetro do tipo de efeito selecionado são mostrados na tela. Se for mostrado “insA/B--(Prm 1 - 16)”, nenhuma função será endereçada ao parâmetro.
Referência
NOTA: Com relação a “Insertion Effect A Paremeter 1 – 16” e “Insertion Effect B Parameter 1 – 16” descritos na lista de
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
71
Modo Voice
Controles e
Conectores
9 Effect
NOTA: Esta tela pode ser acessada mantendo pressionada a tecla [EFFECT] no painel frontal.
Instalando
1 Insertion Connection
Ouvindo os
Sons
Nesta tela você pode configurar o roteamento para os efeitos do tipo Insertion Effects A e B. As
alterações na configuração são mostradas no diagrama na tela, dando-lhe uma imagem clara de como o
sinal está sendo roteado. Para mais detalhes, veja a página 58.
Conexões
Configurações: parallel, ins A > B, ins B > A
parallel............................... Os sinais processados pelo bloco de Insertion Effect A e B serão mandados aos blocos de
Reverb, Chorus, Master Effect e Master EQ.
ins A > B............................ Os sinais processados pelo bloco de Insertion Effect A serão mandados para o Insertion Effect B e os
sinais processados pelo bloco de Insertion Effect B serão mandados para os blocos de Reverb,
Chorus, Master Effect e Master EQ.
ins B > A............................ Os sinais processados pelo bloco de Insertion Effect B será mandado para Insertion Effect A e os
sinais processados pelo bloco Insertion Effect A serão mandados para os blocos de Reverb, Chorus,
Master Effect e Master EQ.
2 Chorus Send
Ajusta o nível de mandada do chorus. Quanto maior o valor, mais pronunciado será o Chorus.
Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: 0 – 127
Computador
3 Chorus To Reverb
Determina o nível do sinal mandado do Chorus para o Reverb. Quanto maior o valor, mais profundo
será o Reverb que é aplicado ao sinal já processado pelo Chorus.
Configurações: 0 – 127
4 Chorus Return
Determina o nível de retorno do efeito de Chorus.
Configurações: 0 – 127
Guia Rápido
5 Chorus Pan
Determina a posição no pan do som com efeito de Chorus.
Configurações: L63 (todo para a esquerda) – C (centro) – R63 (todo para a direita)
6 Reverb Send
Ajusta o nível de mandada para o reverb. Quanto maior o valor, mais pronunciado será o Reverb.
Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: 0 – 127
Estrutura
7 Reverb Return
Determina o nível de retorno do efeito de Reverb.
Configurações: 0 – 127
8 Reverb Pan
Determina a posição no pan do som com efeito de Reverb.
Configurações: L63 (todo para a esquerda) – C (centro) – R63 (todo para a direita)
Element Out 1 – 8
Determina qual Insertion Effect (A ou B) é usado para processar cada elemento individual no software
MOTIF- RACK XS Editor. A configuração “thru” permite a você anular o Insertion Effects no elemento.
Configurações: thru (anulado), insA (insertion A), insB (insertion B)
Voice
9 Ins A (Insertion Effect A)
10 Ins B (Insertion Effect B)
Quando o cursor está localizado aqui, pressionando a tecla [ENTER] ou o encoder dá acesso à tela
Effect Parameter.
11 Chorus
12 Reverb
Referência
Multi
Effect Parameters
Switch
Este parâmetro está disponível somente no Master Effect. O valor não pode ser alterado aqui.
Category
Na coluna Category, você pode selecionar uma das categorias de efeitos, cada uma contendo tipos
similares de efeitos. Na coluna Type, você pode selecionar um dos tipos de efeitos listados na
categoria selecionada.
Type
Utility
Configurações: Os detalhes sobre as categorias e tipos de efeitos estão descritos na página 59.
NOTA: A categoria não é editada na tela de parâmetros do Reverb porque só existe uma categoria de Reverb.
Preset
Este parâmetro permite a você selecionar configurações prontas para cada tipo de efeito, criadas para
serem usadas com aplicações ou situações específicas.
NOTA: Para detalhes sobre as configurações “Preset”, consulte o documento Data List.
Apêndice
Effect Parameter 1 – 16
72
Este parâmetro é diferente dependendo do tipo de efeito atualmente selecionado. Consulte a página
61 para detalhes sobre os parâmetros dos efeitos. Consulte o documento Data List para obter
informações sobre os parâmetros de cada tipo de efeito.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
Element Edit
Instalando
Controles e
Conectores
Se você quiser editar os sons que compõem o Voice e os parâmetros detalhados que determinam o som, tais como Oscillator,
Pitch, Filter, Amplitude e EG (Envelope Generator), use o software MOTIF-RACK XS Editor para editar os parâmetros dos
elementos individuais. Esses parâmetros podem ser editados somente no software MOTIF-RACK XS Editor, e não no
equipamento. Para detalhes sobre cada janela de parâmetro, consulte o manual do software MOTIF-RACK XS Editor.
OSC (Oscillator)
Element Switch 1 – 8
Determina se o elemento selecionado está ligado ou não. Quando este parâmetro está configurado
para “off”, o elemento que está sendo editado não soará.
Configurações: off (inativo), on (ativo)
Category
Determina a forma de onda endereçada ao elemento. Estão disponíveis bancos pré-programados de
forma de onda. Para detalhes sobre as ondas pré-programadas, veja a lista de Waveform no documento
Data List.
Ouvindo os
Sons
Wave Bank
Number
Name
Expanded Articulation (XA) é um recurso especial do MOTIF-RACK XS que permite maior flexibilidade
e realismo na execução (veja quadro na próxima página). Este parâmetro determina como atua o
recurso XA do elemento. Experimente configurar este parâmetro em relação aos quatro tipos de modo
XA descritos na Estrutura Básica na página 51. Você pode obter o som desejado dependendo da
articulação da sua execução endereçando o mesmo grupo de elementos aos elementos que possuem
o mesmo tipo de modo XA.
Conexões
XA Control
(Expanded Articulation Control)
Configurações: normal, legato, key off sound, wave cycle, wave random, all AF off, AF 1 on, AF 2 on
Computador
normal
Quando esta opção está selecionada, o elemento soará normalmente a cada vez for recebida uma mensagem de Note On.
Guia Rápido
legato
Quando esta opção está selecionada e também está selecionado o modo Mono, um elemento alternativo (diferente do que é usado
quando o modo XA está configurado para “normal”) soará quando você tocar no teclado em legato (tocando a próxima nota de uma
melodia antes de soltar a nota anterior).
key off sound
Quando esta opção está selecionada, o elemento soará a cada vez que for recebida uma mensagem de Note Off.
wave cycle
Quando esta opção está selecionada para vários elementos, cada um soa alternadamente conforme a sua ordem numérica a cada
vez que é recebida uma mensagem de Note On (ou seja, a primeira nota soa o elemento 1, a segunda soa o elemento 2, etc.).
wave random
Quando esta opção está selecionada para vários elementos, cada um irá soar aleatoriamente a cada vez for recebida uma
mensagem de Note On.
all AF off
Quando esta opção está selecionada, o elemento soará quando ambas as teclas A. Func [1] e [2] (ASSIGNABLE FUNCTION)
estiverem desligadas.
AF 1 on
Quando esta opção está selecionada, o elemento soará quando a tecla A. Func [1] (ASSIGNABLE FUNCTION [1]) estiver ligada.
Elm Group
(Element Group)
Estrutura
AF 2 on
Quando esta opção está selecionada, o elemento soará quando a tecla A. Func [2] (ASSIGNABLE FUNCTION [2]) estiver ligada.
Determina o grupo do modo XA de maneira que os elementos do mesmo grupo são chamados em ordem
ou aleatoriamente. Enderece o mesmo número de grupo aos elementos que possuem o mesmo tipo de
modo XA. Esta configuração não está disponível quando os parâmetros do modo XA de todos os
elementos estiver configurada para “normal”.
Configurações: 1 – 8
Determina o atraso entre o momento em que a mensagem de Note On é recebida e o ponto em que o
som é efetivamente produzido. Quanto maior o valor, maior é o atraso.
Voice
Key on Delay
Configurações: 0 – 127
Tempo Sync
(Delay Tempo Sync)
Determina se o parâmetro Key On Delay (acima) é ou não sincronizado com o andamento do arpejo.
Tempo
(Delay Tempo)
Determina a temporização de Key On Delay quando Delay Tempo Sync está configurado para “on”.
Vel Cross Fade
(Velocity Cross Fade)
Determina como o volume do som de um elemento responde à intensidade da nota na mensagem de
Note On, tendo por referência o ajuste de Velocity Limit. Com um ajuste de 0, não haverá som se a
intensidade estiver fora do valor de Velocity Limit. Quanto maior o valor, mais o volume diminui em
relação à intensidade. A aplicação prática é para criar “crossfades” naturais de sons, onde os sons de
elementos (formas-de-ondas) diferentes soam mais ou menos intensos dependendo da intensidade.
Multi
Utility
Configurações: 16th (semicolcheia), 8th/3 (tercina de colcheia), 16th. (semicolcheia pontuada), 8th (colcheia), 4th/3 (tercina de
semínima), 8th. (colcheia pontuada), 4th (semínima), 2nd/3 (tercina de mínima), 4th. (semínima pontuada),
2nd (mínima), whole/3 (tercina de semibreve), 2nd. (mínima pontuada), 4thx4 (4 quiálteras de semínima; 4
semínimas em um tempo), 4thx5 (5 quiálteras de semínima; 5 semínimas em um tempo), 4thx6 (6 quiálteras
de semínima; 6 semínimas em um tempo), 4thx7 (7 quiálteras de semínima; 7 semínimas em um tempo),
4thx8 (8 quiálteras de semínima; 8 semínimas em um tempo), 4thx16 (16 semínimas em um tempo), 4thx32
(32 semínimas em um tempo), 4thx64 (64 semínimas em um tempo)
Referência
Configurações: off (não sincronizado), on (sincronizado)
Apêndice
Configurações: 0 – 127
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
73
Modo Voice
Controles e
Conectores
Velocity Limit
Determina os valores mínimo e máximo da faixa de intensidades de notas dentro da qual o elemento irá
responder. Cada elemento irá soar somente quando as intensidades das notas estiverem dentro da
respectiva faixa especificada. Se você especificar o valor máximo primeiro e depois o valor mínimo (ex:
“93 a 34”), a faixa de intensidades coberta será de “1 a 34” e “93 a 127”.
Configurações: 1 – 127
Note Limit
Determina as notas mais baixa e mais alta da região do teclado para cada elemento. O elemento
selecionado soará apenas quando as mensagens de Note On estiverem dentro desta faixa.
Instalando
Configurações: C -2 – G8
Tune
Ouvindo os
Sons
Coarse
(Coarse Tuning)
Determina a afinação de cada elemento, em semitons.
Fine
(Fine Tuning)
Determina a afinação de cada elemento, em centésimos de semitons.
Vel Sens
(Pitch Velocity Sensitivity)
Determina como a afinação do elemento responde à intensidade da nota. Ajustes positivos fazem a
afinação subir quanto mais forte você tocar no teclado e ajustes negativos fazem ela cair. Um ajuste
de 0 não cria qualquer alteração de afinação.
Configurações: -48semi – +0semi – +48semi
Configurações: -64 cent – +0 cent – +63 cent
Configurações: -64 – +0 – +63
Conexões
Fine Scaling
(Fine Scaling Sensitivity)
Determina o grau com que as notas (especificamente, sua posição ou faixa de oitava) afetam a afinação no
ajuste fino (acima) do elemento selecionado, assumindo o dó 3 (C3) como afinação padrão. Um valor
positivo faz com que a afinação das notas mais baixas fique mais baixa e a das notas altas fique mais alta.
Valores negativos criam o oposto.
Computador
Configurações: -64 – +0 – +63
Random
Este parâmetro permite alterar aleatoriamente a afinação do elemento a cada mensagem de Note On
recebida. Quanto maior o valor, maior a variação na afinação. O valor “0” não cria alteração na afinação.
Configurações: 0 – 127
Pitch Key Follow Center Key
Determina a nota ou afinação central para Pitch Key Follow. O número da nota definido aqui tem a
mesma afinação normal, independentemente do ajuste em Pitch Key Follow.
Configurações: C -2 – G8
Guia Rápido
Pitch Key Follow
(Pitch Key Follow Sensitivity)
Estrutura
Determina a sensibilidade do efeito Key Follow
(intervalo da afinação entre notas adjacentes), assumindo
como padrão a afinação da nota central (Center Key)
Com +100% (ajuste normal), as notas adjacentes são
afinadas com intervalo de um semitom (100 centésimos)
entre elas. Com 0%, todas as notas têm a mesma afinação
especificada para Center Key. Para valores negativos,
os ajustes são invertidos.
Pitch Key Follow e Center Key
Pitch Key Follow configurado para 100
Grande
quantidade de
alteração na
afinação
+
Pequeno
Configurações: -200% – +0% – +200%
NOTA: Este parâmetro é útil para criar afinações alternativas
ou para usar com sons que não precisam estar espaçados
em semitons, como sons de percussão afinados
em um Normal Voice.
graves
–
nota central
agudos
Voice
PEG (Pitch EG)
Time
Referência
Multi
Determina as configurações de tempo do Pitch EG.
Os parâmetros de Time permitem ajustar os tempos
entre os pontos dos parâmetros de nível (abaixo).
Um valor alto resulta em um tempo maior para
atingir ao próximo nível.
Configurações: 0 – 127
Pitch
Attack Level
Hold
Decay1 Level
Decay2 Level
Release
Utility
Hold Time
Determina o tempo entre o momento que a mensagem de Note On
0
é recebida e o momento que o envelope começa a subir.
Attack Time
Hold Attack Decay1 Decay2
Release
Time
Determina a velocidade do ataque desde a afinação inicial (Hold
Level) até a afinação normal (Attack Level) do Voice depois de
decorrido o Hold Time.
tecla é pressionada (Note On)
tecla é solta (Note Off)
Decay 1 Time
Determina a velocidade com que o envelope cai desde a afinação normal
(Attack Level) do Voice até a afinação especificada em Decay 1.
Decay 2 Time
Determina a velocidade com que o envelope cai desde a afinação especificada em Decay 1 até a afinação em Decay 2.
Release Time
Determina a velocidade com que o envelope cai até a afinação especificada como Release Level quando é recebida a
mensagem de Note Off.
Apêndice
74
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
Determina os valores dos níveis (Level) para o Pitch EG. Os parâmetros Level permitem determinar a
quantidade de desvio a ser produzida na afinação em relação ao padrão especificado nos parâmetros
Coarse (Coarse Tuning) e Fine (Fine Tuning) na seção Tune (página 74) para cada ponto do envelope.
Controles e
Conectores
Level
Configurações: -128 – +0 – +127
Hold Level
Determina a afinação inicial no momento em que a mensagem de Note On é recebida.
Instalando
Attack Level
Determina a afinação que é atingida quando o envelope muda do Hold Level pela primeira vez.
Decay 1 Level
Determina a afinação que é atingida após o Attack Level e depois de decorrido o tempo Decay 1.
Decay 2 Level
Determina o nível de sustentação em que a afinação é mantida enquanto a nota está sendo tocada (antes de Note Off).
Release Level
Determina a afinação final que é atingida depois de ser recebida a mensagem de Note Off.
Configurações: -64 – +0 – +63
intensidade alta
intensidade baixa
transição rápida
transição lenta
Determina a parte do Pitch EG afetada pelo parâmetro EG Time Velocity Sens.
Configurações: attack, atk+dcy, decay, atk+rls, all
attack
Time Vel Sens afeta os tempos de Attack e Hold.
Computador
Segment
(EG Time Velocity Sensitivity
Segment)
Ouvindo os
Sons
Determina como os tempos de transição do PEG respondem em função da intensidade da nota (força
com que a tecla é pressionada). Quando configurado para um valor positivo, intensidades altas resultam
em uma transição rápida do PEG, enquanto que intensidades baixas resultam em transição lenta, como
mostrado abaixo. Quando configurado para um valor negativo, as intensidades altas resultam em uma
transição lenta do EG, enquanto que intensidades baixas resultam em transição rápida. Quando
configurado para 0, a transição do EG não muda, independentemente da intensidade.
Conexões
Time Velocity Sens
(EG Time Velocity Sensitivity)
EG Depth
Guia Rápido
atk+dcy (attack+decay)
Time Vel Sens afeta os tempos de Attack, Decay 1 e Hold.
decay
Time Vel Sens afeta os tempos de Decay 1/2.
atk+rls (attack+release)
Time Vel Sens afeta os tempos de Attack, Release e Hold.
all
Time Vel Sens afeta todos os parâmetros de tempo do Pitch EG.
Determina a faixa dentro da qual a envoltória de afinação varia. Um ajuste de 0 faz com que a afinação
não se altere. Quanto mais distante de 0 for o valor, maior será a faixa de afinação. Para valores
negativos, a alteração da afinação ocorre ao inverso.
Configurações: -64 – +0 – +63
Determina como a faixa de afinação do elemento responde à intensidade da nota. Quando configurado
para um valor positivo, as intensidades altas fazem a faixa de afinação se expandir, e as intensidades
baixas fazem-na se contrair, como mostrado abaixo. Quando configurado para um valor negativo, as
intensidades altas fazem a faixa de afinação se contrair, e as intensidades baixas fazem-na se expandir.
Quando configurado para 0, o envelope de afinação não se altera, independentemente da intensidade.
intensidade alta
intensidade baixa
Voice
Configurações: -64 – +0 – +63
Estrutura
EG Depth Vel Sens
(EG Depth Velocity Sensitivity)
faixa ampla
mudança na
afinação
alta
intensidade
Utility
baixa
baixa
Apêndice
Configurações: Curve 0 – 4
alta
Multi
As cinco curvas determinam como será gerada a faixa de
afinação conforme a intensidade (força) com que você toca
as notas no teclado externo. A curva selecionada é indicada
pelo gráfico à direita deste parâmetro na tela. O eixo horizontal
representa a intensidade da nota (key velocity), e o eixo
vertical representa a faixa de afinação.
Referência
EG Depth Curve
(EG Depth Velocity Sensitivity
Curve)
faixa pequena
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
75
Modo Voice
Controles e
Conectores
Time Key Follow Center Key
(EG Time Key Follow Sensitivity
Center Key)
Determina a nota central para o EG Time Key
Follow. Quando a nota Center Key é tocada no
teclado externo, o PEG se comporta conforme
as configurações reais.
valor positivo
valor negativo
rápido
Configurações: C -2 – G8
+63
+30
faixa inferior
faixa superior
-40
Instalando
lento
Center key
Ouvindo os
Sons
Time Key Follow
(EG Time Key Follow Sensitivity)
Determina o grau com que as notas (especificamente, suas posições ou faixas de oitava) afetam os
tempos do PEG do elemento. Quando configurado para um valor positivo, as notas altas resultam em uma
transição mais rápida do PEG, enquanto que as notas baixas resultam em velocidade lenta. Quando
configurado para um valor negativo, ocorre o oposto: as notas altas resultam em transição lenta do PEG,
enquanto as notas baixas resultam em transição rápida. Quando o valor é 0, a velocidade de transição do
PEG não se altera, independentemente da nota recebida na mensagem de Note On.
Configurações: -64 – +0 – +63
Conexões
Filter Type
Type
Determina o tipo de filtro do elemento. Para detalhes sobre cada tipo, consulte a lista de tipos de filtro
nas informações suplementares (página 88).
Configurações: LPF24D, LPF24A, LPF18, LPF18s, LPF12, LPF6, HPF24D, HPF12, BPF12D, BPFw, BPF6, BEF12, BEF6,
Dual LPF, Dual HPF, Dual BPF, Dual BEF, LPF12+BPF6, thru
Computador
Cutoff
A freqüência de corte é o valor da freqüência a partir da qual as demais freqüências de áudio são
cortadas. Este parâmetro determina a freqüência de corte do filtro. As características tonais do Voice e
as funções de Cutoff Frequency são diferentes dependendo do tipo de filtro que estiver selecionado.
Configure este parâmetro confirmando no gráfico mostrado na tela.
Configurações: 0 – 255
Guia Rápido
Cutoff Velocity Sens
(Cutoff Velocity Sensitivity)
Determina como a freqüência de corte (especificada em Cutoff, acima) responde à intensidade da nota
(a força com que a nota foi tocada). Ajustes positivos farão a freqüência de corte subir quanto mais forte
você tocar no teclado externo. Um ajuste de 0 faz com que a freqüência de corte não se altere com a
intensidade da nota. Ajustes negativos farão a freqüência de corte subir quanto mais suavemente você
tocar.
Configurações: -64 – +0 – +63
Distance
Estrutura
Determina a distância entre duas freqüências de corte, no caso de filtros do tipo Dual (que possuem
dois filtros idênticos combinados em paralelo), e o tipo LPF12 + BPF6. Quando está selecionado
qualquer dos demais tipos de filtros, este parâmetro não está disponível.
Configurações: -128 – +0 – +127
Resonance/Width
Voice
A função deste parâmetro varia conforme o tipo de filtro selecionado. Se for o tipo LPF, HPF, BPF
(excluindo o BPFw), ou BEF, este parâmetro é usado para configurar a ressonância. Se for o BPFw,
ele é usado para ajustar a largura de banda. A ressonância é usada para determinar a quantidade de
ênfase nos harmônicos nas proximidades da freqüência de corte. Isto pode ser usado em combinação
com o parâmetro da freqüência de corte para adicionar mais característica ao som. O parâmetro Width
é usado para ajustar a largura da banda das freqüências que passam pelo filtro BPFw. Quando Filter
Type está configurado para “LPF6” ou “thru”, este parâmetro não está disponível.
Configurações: 0 – 127
Resonance Velocity Sens
(Resonance Velocity Sensitivity)
Determina o grau com que a ressonância responde à intensidade da nota. Para valores positivos, quanto
maior a intensidade, maior é a ressonância. Um ajuste de 0 resulta em nenhuma alteração no valor de
Resonance. Para valores negativos, quanto menor a intensidade, maior é a ressonância.
Referência
Multi
Configurações: -64 – +0 – +63
Gain
Determina o ganho do sinal enviado ao filtro. Quando menor o valor, menor o ganho. A característica
tonal gerada pelo filtro será diferente dependendo do valor ajustado aqui.
Configurações: 0 – 255
Utility
Center Key
(Cutoff Key Follow Center Key /
HPF Key Follow Center Key)
Este parâmetro indica que a nota central para Cutoff Key Follow e HPF Key Follow (acima) é C3.
Lembre-se de que isto é apenas uma informação; o valor não pode ser alterado.
Apêndice
76
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
Determina o grau com que a posição das notas
(especificamente, sua posição nas oitavas) afetam
“Cutoff” (configurado acima) do elemento,
assumindo C3 como afinação padrão. Um ajuste
positivo faz baixar a freqüência de corte para
as notas graves e aumentar para s agudas.
Um ajuste negativo produz o efeito inverso.
Cutoff Key Follow e Center Key
quando Center Key Follow está configurado para 100
Controles e
Conectores
Cutoff Key Follow
(Cutoff Key Follow Sensitivity)
grande
quantidade de
alteração produzida
na freq. de corte
+
pequena
Instalando
Configurações: -200% – +0% – +200%
–
HPF Cutoff
(High Pass Filter Cutoff Frequency)
Center Key = C3
agudas
Ouvindo os
Sons
graves
Determina a freqüência central para o parâmetro Key Follow do HPF (veja abaixo). Este parâmetro está
disponível quando está selecionado um tipo de filtro “LPF12” ou “LPF6”.
Configurações: 0 – 255
Determina o grau com que a nota (especificamente, sua posição ou região de oitava) afeta a
freqüência de corte (ajustada acima) do HPF. Um ajuste positivo faz baixar a freqüência de corte para
as notas graves e aumentar para as agudas. Um ajuste negativo produz o efeito inverso. Este
parâmetro está disponível quando o tipo de filtro é “LPF12” ou “LPF6”.
Conexões
HPF Key Follow
(High Pass Filter Cutoff Key Follow
Sensitivity)
Configurações: -200% – +0% – +200%
FEG (Filter EG)
Determina os ajustes de tempo do Filter EG. Os
parâmetros Time permitem ajustar o tempo entre
os pontos dos parâmetros de nível do envelope.
Quando um ajuste de Level é igual ao seguinte,
o valor de Time correspondente indica o tempo
que o aquele nível se mantém.
Um valor mais alto resulta em um tempo mais
longo para atingir o próximo nível.
Freq. de corte
Attack Level
Hold
Level
Decay1
Level Decay2
Level
Computador
Time
Release
Tempo
Release
Time
Guia Rápido
Hold Attack Decay1 Decay2
Time Time Time
Time
Determina os ajustes de nível do Filter EG. Os parâmetros de Level permitem a você definir o quanto o
filtro varia em cada ponto baseado na freqüência de corte especificada na janela Filter Type (pág. 76).
Voice
Level
Estrutura
Hold Time
Determina o tempo entre o momento que a mensagem de
tecla solta(Note Off)
Note On é recebida e o momento que o envelope inicia.
tecla pressionada (Note On)
Attack Time
Determina a velocidade do ataque a partir da freqüência de corte inicial
(Hold Level) até o nível máximo (Attack Level) depois de decorrido o Hold Time.
Decay 1 Time
Determina a velocidade com que o envelope cai da freqüência de corte máxima (Attack Level) até a freqüência de corte
especificada em Decay 1 Level.
Decay 2 Time
Determina a velocidade com que o envelope cai da freqüência de corte especificada em Decay 1 Level até a freqüência de
corte especificada em Decay 2 Level.
Release Time
Determina a velocidade com que o envelope cai da freqüência de corte especificada em Release Level quando a mensagem
Note Off é recebida.
Hold Level
Determina a freqüência de corte inicial no memento em que a mensagem de Note On é recebida.
Attack Level
Determina a freqüência de corte máxima que o envelope atinge depois que a mensagem de Note On é recebida.
Decay 1 Level
Determina a freqüência de corte para onde o filtro vai após o Attack Level depois de decorrido o tempo Decay 1 Time.
Decay 2 Level
Determina a freqüência de corte que é mantida enquanto a tecla está sendo pressionada.
Release Level
Determina a freqüência de corte final depois que uma mensagem de Note Off é recebida.
Configurações: -64 – +0 – +63
tocando forte
(intensidade alta)
tocando suave
(intensidade baixa)
velocidade alta
velocidade baixa
Utility
Determina como os tempos de transição (velocidade) do FEG respondem à intensidade (força com que
as notas são pressionadas). Quando configurado para um valor positivo, as intensidades altas fazem
com que as transições do FEG sejam rápidas, e as intensidades baixas fazem com que as transições
sejam lentas, como mostrado abaixo. Quando configurado para um valor negativo, as intensidades altas
fazem com que as transições do FEG sejam lentas, e as intensidades baixas fazem com que as
transições sejam rápidas. Quando configurado para 0, a velocidade de transição do FEG não se altera,
independentemente da intensidade.
Apêndice
Time Velocity Sens
(EG Time Velocity Sensitivity)
Referência
Configurações: -128 – +0 – +127
Multi
Configurações: 0 – 127
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
77
Modo Voice
Controles e
Conectores
Segment
(EG Time Velocity Sensitivity Segment)
Determina a parte do Filter EG afetada pelo parâmetro Time Velocity Sens.
EG Depth
Determina a faixa dentro da qual varia o FEG. Um ajuste de 0 faz com que a freqüência de corte não se
altere. Quanto mais distante de 0 for o valor, maior será a faixa de variação da freqüência de corte. Para
valores negativos, a variação da freqüência de corte ocorre ao inverso.
Configurações: attack, atk+dcy, decay, atk+rls, all
Para detalhes das configurações acima, veja “Segment” (página 75) em “PEG”.
Configurações: -64 – +0 – +63
Instalando
EG Depth Vel Sens
(EG Depth Velocity Sensitivity)
Determina como a faixa da freqüência de corte responde à intensidade da nota. Quando configurado
para um valor positivo, as intensidades altas fazem a faixa do FEG se expandir, e as intensidades
baixas fazem-na se contrair, como mostrado abaixo. Quando configurado para um valor negativo, as
intensidades altas fazem a faixa do FEG se contrair, e as intensidades baixas fazem-na se expandir.
Quando configurado para 0, a envoltória do FEG não se altera, independentemente da intensidade.
Configurações: -64 – +0 – +63
intensidade forte
intensidade fraca
Ouvindo os
Sons
faixa ampla
Conexões
EG Depth Curve
(EG Depth Velocity Sensitivity
Curve)
faixa estreita
As cinco curvas determinam como a faixa de transição do
FEG muda conforme a intensidade (força) com que as
Notas são tocadas no teclado externo. A curva selecionada
é indicada no gráfico à direita deste parâmetro na tela.
O eixo horizontal do gráfico representa a intensidade da
nota e o eixo vertical representa a faixa da freqüência de corte.
alta
faixa de
transição
do FEG
baixa
baixa
Configurações: Curve 0 – 4
Computador
Time Key Follow Center Key
(EG Time Key Follow Sensitivity
Center Key)
Determina a nota central para o parâmetro
Time Key Follow. Quando a nota Center Key
é tocada no teclado externo, o FEG
se comporta conforme suas configurações reais.
alta
intensidade
EG Time Key Follow e Center Key
valor positivo
Configurações: C -2 – G8
valor negativo
Guia Rápido
mais
rápido
+63
+30
faixa menor
faixa maior
-40
mais lento
Estrutura
Center key
Time Key Follow
(EG Time Key Follow Sensitivity)
Voice
Determina o grau com que a nota (especificamente, por sua posição ou região de oitava) afeta os tempos
do FEG do elemento. Para valores positivos, as notas altas fazem com que os tempos de transição do
FEG sejam rápidos, enquanto notas baixas fazem tempos lentos. Para valores negativos, as notas altas
fazem com que os tempos de transição do FEG sejam lentos, enquanto notas baixas fazem tempos de
transição rápidos. Quando configurado para 0, os tempos de transição do FEG não se alteram,
independentemente da posição da nota recebida pela mensagem de Note On.
Configurações: -64 – +0 – +63
Filter Scale
Break Point 1 – 4
Determina os quatro Break Points especificando os respectivos números de nota.
Configurações: C -2 – G8
Referência
Multi
NOTA: Break Point 1 a Break Point 4 serão ajustados automaticamente em ordem crescente ao longo do teclado.
Cutoff Offset 1 – 4
Determina o valor de compensação para o parâmetro Cutoff em cada Break Point. Para detalhes sobre Filter
Scaling, consulte “Exemplo de configuração do Filter Scaling” (pág. 90) nas informações suplementares.
Configurações: -128 – +0 – +127
NOTA: Independentemente do valor destes Offsets, os limites mínimo e máximo de Cutoff (0 e 127, respectivamente)
não podem ser ultrapassados.
Utility
NOTA: Qualquer nota tocada abaixo de Break Point 1 resulta em um ajuste de Break Point 1 Level. Da mesma forma, qualquer
nota tocada acima de Break Point 4 resulta num ajuste de Break Point 4 Level.
AMP Level/Pan
Level
Determina o nível de saída do elemento.
Configurações: 0 – 127
Apêndice
78
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
Determina como o nível de saída do elemento responde à intensidade da nota. Ajustes positivos
fazem o nível de saída aumentar quanto mais forte você tocar no teclado. Com um ajuste de 0 não há
alteração no nível de saída. Ajustes negativos fazem o nível de saída aumentar quanto mais fraco
você tocar no teclado.
Controles e
Conectores
Level Velocity Sens
(Level Velocity Sensitivity)
Configurações: -64 – +0 – +63
Volume
baixo
suave
forte
intensidade de toque (força)
Configurações: Curve 0 – 4
Level Velocity Offset
(Level Velocity Sensitivity Offset)
alto
Instalando
As cinco curvas determinam como a intensidade real será
gerada conforme a intensidade velocity (força) com que você
toca as notas no teclado externo. A curva selecionada é indicada
no gráfico à direita deste parâmetro na tela.
O eixo horizontal do gráfico representa a intensidade, e o eixo
vertical representa a faixa de volume.
Aumenta ou diminui o nível especificado em Level Velocity Sens (acima). Um ajuste de 64 faz com
que sejam usados os valores originais de Level Velocity Sens. Ajustes acima de 64 fazem aumentar
o nível especificado em Level Velocity Sensitivity.
Ouvindo os
Sons
Level Velocity Curve
(Level Velocity Sensitivity Curve)
Indica que a nota central para Level Key Follow (acima) é C3. Lembre-se de que isto é apenas
uma informação; o valor não pode ser alterado.
Level Key Follow
Determina o grau com que as notas
Level Key Follow e Center Key
(especificamente, sua posição ou região de oitava) afetam
quando Level Key Follow está configurado para 100
o nível de amplitude (veja acima) do elemento,
grande
assumindo C3 como afinação básica. Um ajuste
positivo faz reduzir o nível de saída nas notas graves
e aumentá-lo nas notas agudas. Um ajuste de 0 faz
quantidade de
+
pequeno
com que o nível não se altere. Um ajuste negativo
alteração no nível
tem o efeito oposto.
Computador
Level Key Follow Center Key
(Level Key Follow Sensitivity Center
Key)
Conexões
Configurações: 0 – 127
Configurações: -200% – +0% – +200%
–
Pan
Center Key = C3
agudas
Guia Rápido
graves
Ajusta a posição do som no estéreo.
Configurações: L63 (todo para a esquerda) – C (centro) – R63 (todo para a direita)
Estrutura
Determina o quanto o som será posicionado alternativamente para a esquerda e para a direita a cada
mensagem de Note On recebida, assumindo que a posição do pan (ajustada acima) seja o centro.
Valores altos aumentam a largura da faixa do Pan.
Configurações: L63 – C – R63
Random Pan
Determina o quanto o som do elemento será posicionado no pan aleatoriamente para a esquerda ou
para a direita a cada mensagem de Note On recebida. O ajuste de Pan (acima) é usado como
posição central.
Determina o grau com que as notas (especificamente, sua posição ou região de oitava) afetam a
posição do Pan (ajustada acima), esquerda e direita, do som do elemento. Na nota C3, o ajuste
principal de Pan (acima) é usado como posição central do Pan. Um ajuste positivo move a posição do
pan para a esquerda nas notas graves e move para a direita nas notas agudas. Um ajuste de 0 faz com
que a posição do pan não se altere. Um ajuste negativo tem o efeito oposto.
Referência
Utility
Configurações: -64 – +0 – +63
Apêndice
Scaling Pan
Voice
Configurações: 0 – 127
Multi
Alternate Pan
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
79
Modo Voice
Controles e
Conectores
AEG (Amplitude EG)
Time
Determina o tempo de transição do AEG. Os
parâmetros Time permitem ajustar os tempos entre os
pontos dos parâmetros Level. Um valor mais alto resulta
num tempo mais longo para atingir o próximo nível.
Nível (Volume)
Attack Level
Configurações: 0 – 127
Decay1
Level Decay2
Level
nível
inicial
Instalando
Attack Time
Determina a velocidade com que o som atinge o nível máximo
Depois que uma mensagem de Note On é recebida.
0
Ouvindo os
Sons
Decay 1 Time
Attack Decay1 Decay2
Release
Tempo
Determina a velocidade com que o envelope cai do Attack Level até
Time Time
Time
Time
o Decay 1 Level.
Decay 2 Time
Determina a velocidade com que o envelope cai do Decay1 Level até
tecla é pressionada (Note On)
tecla é solta (Note Off)
o Decay 2 Level (nível de sustentação).
Release Time
Determina a velocidade com que o envelope cai do nível de sustentação até quando uma mensagem de Note Off é recebida.
Level
Determina os ajustes de nível para o Amplitude EG. Os parâmetros Level permitem ajustar os níveis em
cada ponto do envelope de volume baseados no nível especificado no parâmetro AMP Level/Pan
(página 78).
Conexões
Configurações: 0 – 127
Initial Level ........................ Determina o nível inicial no momento em que uma mensagem de Note On é recebida.
Attack Level....................... Determina o nível máximo que o envelope atinge depois que uma mensagem de Note On é
recebida.
Decay 1 Level ................... Determina o nível que o envelope atinge após o Attack Level e depois de decorrido o Decay 1 Time.
Decay 2 Level ................... Determina o nível que é mantido enquanto a nota é pressionada, depois de Decay 1 Level.
Computador
Time Vel Sens
(EG Time Velocity Sensitivity)
Determina como o tempo de transição do AEG responde à força com que a nota é tocada. Quando
configurado para um valor positivo, as intensidades fortes resultam em uma transição mais rápida do
AEG, enquanto as intensidades fracas resultam em uma transição mais lenta, como mostrado abaixo.
Quando configurado para um valor negativo, as intensidades fortes resultam em uma transição mais
lenta do AEG, enquanto as intensidades fracas resultam em uma transição mais rápida. Quando o
valor é 0, a transição de amplitude não se altera, independentemente da intensidade.
Configurações: -64 – +0 – +63
intensidade forte
intensidade fraca
Guia Rápido
rápido
lento
Estrutura
Segment
(EG Time Velocity Sensitivity
Segment)
Determina a parte do Amplitude EG afetada pelo parâmetro Time Vel Sens.
Half Damper
(Half Damper Switch)
Quando Half Damper Switch está configurado para “on”, você pode produzir o efeito de “meio-pedal”
igual em um piano acústico real usando um pedal de controle externo endereçado ao control change 64.
Configurações: attack, atk+dcy, decay, atk+rls, all
attack................................. Time Vel Sens afeta Attack Time.
atk+dcy (attack+decay).... Time Vel Sens afeta Attack Time e Decay 1 Time.
decay ................................ Time Vel Sens afeta Decay 1/2 Time.
atk+rls (attack+release) .... Time Vel Sens afeta Attack Time e Release Time.
all ....................................... Time Vel Sens afeta todos os parâmetros de Amplitude EG Time.
Configurações: off, on
Voice
Half Damper Time
Determina a velocidade com que o som decai até o silêncio depois que uma mensagem de Note
Off é recebida enquanto maximiza o efeito usando um controle externo endereçado ao control
change 64 com o parâmetro Half Damper em “on”.
Configurações: 0 – 127
Referência
Multi
Time Key Follow Center Key
(EG Time Key Follow Sensitivity
Center Key)
Determina a nota central para “Time Key
Follow”. Quando a nota central é tocada,
o AEG se comporta conforme os ajustes
reais.
valor positivo
valor negativo
Configurações: C -2 – G8
mais
rápido
+63
+30
faixa menor
faixa maior
-40
Utility
mais lento
Center key
Apêndice
80
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
Determina o grau com que as notas (especificamente, sua posição ou região de oitava) afetam os
tempos do Amplitude EG do elemento. Quando configurado para um valor positivo, as notas agudas
produzem transições rápidas no Amplitude EG, enquanto que as notas graves produzem transições
lentas. Quando configurado para um valor negativo, ocorre o oposto: as notas agudas produzem
transições lentas no AEG enquanto as notas graves produzem transições rápidas. Quando configurado
para 0, os tempos de transições do AEG não se alteram, independentemente da nota.
Controles e
Conectores
Time Key Follow
(EG Time Key Follow Sensitivity)
Configurações: -64 – +0 – +64
Break Point 1 – 4
Instalando
AMP Scale (Amplitude Scale)
Determina os quatro Break Points especificando os respectivos números de notas.
Configurações: C -2 – G8
NOTA: Os Break Point 1 a Break Point 4 serão ajustados automaticamente em ordem ascendente ao longo do teclado.
Determina o valor de compensação de nível em cada Break Point. Para detalhes sobre Amplitude Scaling,
consulte “Exemplo de configuração de Amplitude Scaling” (pág. 90) nas informações suplementares.
Ouvindo os
Sons
Level Offset 1 – 4
Configurações: -128 – +0 – +127
LFO (Low Frequency Oscillator)
LFO Wave
Seleciona a onda e determina como a onda do LFO modula o som.
Configurações: saw, triangle, square
Determina a velocidade da onda do LFO.
Conexões
Speed
Configurações: 0 – 63
Key on Reset
Quando configurado para “on”, a onda do LFO reinicia sempre que uma mensagem de Note On é recebida.
Delay
Computador
Configurações: off, on
off ...................................... O LFO oscila livremente sem sincronizar. Ao ser recebida uma mensagem de Note On, a onda do
LFO inicia em qualquer ponto (fase) que possa estar.
on ...................................... O LFO reinicia a cada nota recebida e note e a onda é iniciada na fase especificada pelo
parâmetro Phase (página 69).
Determina o atraso que ocorre entre o momento que uma mensagem de Note On é recebida e o
momento que o LFO começa a atuar. Um valor alto resulta em maior atraso.
Configurações: 0 – 127
Determina quanto tempo leva para o efeito do LFO crescer (fade in) depois de decorrido o tempo de
Delay. Um valor alto resulta em um fade-in mais lento. Quando configurado para “0”, o efeito do LFO
não cresce com fade in e atinge o nível máximo imediatamente depois de decorrido o tempo de Delay.
Guia Rápido
Fade in Time
Configurações: 0 – 127
P Mod
(Pitch Modulation)
Determina a quantidade (profundidade) com que a onda do LFO varia (modula) a afinação do som.
Quanto maior este ajuste, maior a profundidade do controle.
Configurações: 0 – 127
Determina a quantidade (profundidade) com que a onda do LFO varia (modula) a freqüência de
corte (Cutoff) do filtro. Quanto maior este ajuste, maior a profundidade do controle.
Estrutura
F Mod
(Filter Modulation)
Configurações: 0 – 127
A Mod
(Amplitude Modulation)
Determina a quantidade (profundidade) com que a onda do LFO varia (modula) a amplitude ou volume
Do som. Quanto maior este ajuste, maior a profundidade do controle.
Voice
Configurações: 0 – 127
EQ
2 Band ........................................ Equalizador do tipo “shelving”, que combina bandas separadas de altas e baixas freqüências.
P.EQ........................................... O equalizador paramétrico para uma banda é usado para atenuar ou enfatizar os níveis de sinal
em torno de Low Freq conforme os ajustes de Low Gain. O parâmetro “Q” determina a largura
da banda onde o som será atenuado ou enfatizado.
Boost 6, Boost 12, Boost18........ Enfatiza toda a banda do elemento em +6dB, +12dB e +18dB, respectivamente.
Estas opções não possuem parâmetros ajustáveis.
thru .............................................. Com esta opção, os equalizadores são anulados e o sinal passa sem ser afetado.
Low Freq
Utility
Configurações: 2 Band (2 Band EQ), P.EQ (Parametric EQ), Boost 6 (Boost +6dB), Boost 12 (Boost +12dB), Boost18
(Boost +18dB), thru
Multi
Determina o tipo de EQ. O número de parâmetros e valores disponíveis é diferente dependendo do tipo
de EQ selecionado.
Referência
Type
(EQ Type)
Disponível somente quando Type (EQ Type) está configurado para “2 Band” ou “P.EQ”. A configuração
“2 Band” determina a freq. central da banda inferior do EQ; “P.EQ” determina a freq. central.
Configurações: Quando Type está configurado para “2 Band”: 50.1Hz – 2.00kHz
Quando Type está configurado para “P.EQ”: 139.7Hz – 12.9kHz
Disponível somente quando Type (EQ Type) está configurado para “2 Band”. Determina a
freqüência central da banda superior do EQ.
Apêndice
High Freq
Configurações: 503.8Hz – 10.1kHz
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
81
Modo Voice
Controles e
Conectores
Low Gain
Disponível somente quando Type (EQ Type) está configurado para “2 Band” ou “P.EQ”. Quando
configurado para “2 Band”, determina o quanto dos sinais abaixo de “Low Freq” será enfatizado ou
atenuado. Quando configurado para “P.EQ”, determina o quanto dos sinais na região da freqüência
central que será enfatizado ou atenuado.
Configurações: -12.00dB – +0.00dB – +12.00dB
High Gain
Disponível somente quando Type (EQ Type) está configurado para “2 Band”. Determina o
quanto dos sinais acima de “High Freq” que será enfatizado ou atenuado.
Instalando
Configurações: -12.00dB – +0.00dB – +12.00dB
Q
Disponível somente quando Type (EQ Type) está configurado para “P.EQ”. Determina o Q (largura da
banda). Quanto menor o ajuste, maior a largura da banda. Quanto maior o ajuste, menor a largura da
banda.
Configurações: 0.7 – 10.3
Ouvindo os
Sons
Conexões
Computador
Guia Rápido
Estrutura
Voice
Referência
Multi
Utility
Apêndice
82
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
Drum Voice Edit
Controles e
Conectores
Cada Drum Voice pode conter até 73 Drum Keys, endereçados a notas (C0 a C6). Existem dois tipos de edição de Drum Voice:
Common Edit, para editar as configurações comuns a todas as notas, e Key Edit, para editar configurações individuais de notas.
Nesta seção, abordaremos os parâmetros do Drum Voice.
Common Edit
Instalando
Estes parâmetros são para edições globais (comuns) a todas as teclas do Drum Voice.
Ouvindo os
Sons
Procedimento [VOICE] –> selecione o Drum Voice –> [EDIT] –> selecione a tela desejada em Voice Edit Select –> [ENTER] –> tela Edit
tela Edit
(exemplo: tela Name)
Conexões
tela Voice Edit Select
(Drum Voice)
Computador
1 Name
Esta é a mesma tela Name de Normal Voice Common Edit (página 65).
Guia Rápido
2 Play Mode
Esta é a mesma tela Play Mode de Normal Voice Common Edit (página 65). As seguintes configurações não estão disponíveis para o Drum
Voice: ajustes de Note Shift, ajustes de Mono/Poly, ajustes de modo Key Assign, ajustes de Portamento, ajustes de micro-afinação.
3 Arp Select (Arpeggio Select)
Esta é a mesma tela Arp Select de Normal Voice Common Edit (página 66).
4 Filter
Esta é a mesma tela Filter de Normal Voice Common Edit (página 68).
Estrutura
5 EG
Esta é a mesma tela EG de Normal Voice Common Edit (página 68). Os seguintes parâmetros não estão disponíveis para o Drum Voice: FEG
Attack Time, FEG Decay Time, FEG Release Time, FEG Depth, AEG Sustain Level, AEG Release Time.
6 3 Band EQ
Esta é a mesma tela 3 Band EQ de Normal Voice Common Edit (página 71).
Key Out (Drum Key Out)
Determina qual Insertion Effect (A ou B) é usado para processar cada Drum Key individual, e qual é
anulado (thru). Este parâmetro pode ser configurado para cada Drum Key selecionado no parâmetro Key.
Referência
8 Effect
Esta é a mesma tela Effect de Normal Voice Common Edit (página 72). A diferença principal é que o parâmetro Insertion Effect Out no MOTIFRACK XS Editor é configurado para cada Drum Key. Além disto, estão disponíveis quatro parâmetros. Nesta seção, descreveremos somente
estes parâmetros que são diferentes dos do Normal Voice.
Voice
7 Control
Esta é a mesma tela Control de Normal Voice Common Edit (página 71). Os parâmetros Element Switch no MOTIF-RACK XS Editor não estão
disponíveis para o Drum Voice.
Multi
tela Voice Play
Configurações: thru (through), Ins A (Insertion A), Ins B (Insertion B)
Determina o Drum Key a ser editado. Você pode selecionar a tecla clicando no teclado do
software MOTIF-RACK XS Editor. Os parâmetros Key Out, Reverb Send (Key Reverb Send) e
Chorus Send (Key Chorus Send) podem ser configurados para cada Drum Key.
Utility
Key
Configurações: C0 – C6
Chorus Send
(Key Chorus Send)
Determina o nível do som do Drum Key que é mandado para o efeito de Chorus. Este ajuste só está
disponível quando o parâmetro Key Out está configurado para “thru”.
Reverb Send
(Key Reverb Send)
Apêndice
Configurações: 0 – 127
Determina o nível do som do Drum Key que é mandado para o efeito de Reverb. Este ajuste só está
disponível quando o parâmetro Key Out está configurado para “thru”.
Configurações: 0 – 127
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
83
Modo Voice
Controles e
Conectores
Chorus Ins Send
(Insertion Chorus Send)
Quando o parâmetro Key Out está configurado para “Ins A” ou “Ins B”, este parâmetro determina o nível
do som do Drum Key (saindo por Insertion Effect A ou B) que é mandado para o efeito de Chorus.
Configurações: 0 – 127
Reverb Ins Send
(Insertion Reverb Send)
Quando o parâmetro Key Out está configurado para “Ins A” ou “Ins B”, este parâmetro determina o nível
do som do Drum Key (saindo por Insertion Effect A ou B) que é mandado para o efeito de Reverb.
Configurações: 0 – 127
Instalando
Key Edit
Ouvindo os
Sons
Se você quiser editar os sons que compõem um Voice e os parâmetros detalhados que determinam o som, tais como Oscillator,
Pitch, Filter, Amplitude e EG (Envelope Generator), acesse a tela Key Edit. Estes parâmetros podem ser editados somente através
do software MOTIF-RACK XS Editor, e não diretamente no equipamento. Para detalhes sobre a tela de ajuste de cada parâmetro,
consulte o manual do software MOTIF-RACK XS Editor.
OSC (Oscillator)
Conexões
Key
Determina a nota do Drum Key. Você também pode selecionar a nota clicando no teclado do software
MOTIF-RACK XS Editor.
Configurações: C0 – C6
Key Sw
(Key Switch)
Determina se a nota atualmente selecionada será usada ou não. Quando configurado para “off”, o
Drum Key não soará.
Computador
Configurações: off (inativo), on (ativo)
Wave Bank
Category
Determina a forma de onda endereçada ao Drum Key. Só estão disponíveis bancos pré-programados
(Preset Banks). Para detalhes sobre as formas de onda pré-programadas, veja a lista no documento
Data List.
Number
Name
Guia Rápido
Assign Mode
Isto é útil quando duas ou mais instâncias da mesma nota são recebidas quase que simultaneamente,
ou sem a mensagem de Note Off correspondente. Para permitir a execução de cada instância da
mesma nota, configure aqui para “multi”. Em geral, você provavelmente configurará aqui para “multi”—
especialmente para sons de pandeiro e pratos que você vai querer que soem com todo o seu
decaimento, ao tocar várias vezes sucessivas. Favor lembrar-se de que a configuração “multi”
consome polifonia e pode fazer com que alguns sons sejam cortados.
Estrutura
Configurações: single, multi
single ................................. Quando configurado para “single” e ocorre a execução dobrada da mesma nota, a primeira nota é
cortada antes da próxima soar.
multi ................................... Quando configurado para “multi” e ocorre a execução dobrada da mesma nota, todas as notas
soarão simultaneamente.
Receive Note Off
Determina se as mensagens de MIDI Note Off são recebidas por cada Drum Key. Este parâmetro deve
estar configurado para “on” se o Drum Key possuir um som sustentado sem decaimento (como um rufo
de caixa), de maneira que você pode parar o som soltando a tecla.
Configurações: off, on
Voice
Alternate Group
Configura o Alternate Group para o qual a onda (Wave) está endereçada. Numa bateria real, alguns sons
não podem ser tocados simultaneamente, como é o caso do chimbau aberto e o chimbau fechado. Você
pode evitar que essas notas soem simultaneamente endereçando-as para o mesmo Alternate Group.
Você também pode selecionar “off” aqui se quiser permitir a execução simultânea dos sons.
Configurações: off, 1 – 127
Referência
Multi
Ins Effect Output
(Insertion Effect Output)
Determina qual Insertion Effect (A ou B) é usado para processar cada Drum Key individual, e qual é
anulado (thru). Este parâmetro é o mesmo de Key Out (página 83) na seção Effect de Drum Voice
Common Edit. Configurando aqui altera automaticamente também aquele parâmetro.
Configurações: thru (through), Ins A (Insertion A), Ins B (Insertion B)
Reverb Send
(Key Reverb Send)
Utility
Determina o nível do som do Drum Key que é mandado para o efeito de Reverb. Esta configuração só
está disponível quando o parâmetro “Ins Effect Output” está configurado para “thru”. Este parâmetro é
o mesmo de Reverb Send (página 83) na seção Effect de Drum Voice Common Edit. Configurando
aqui altera automaticamente também aquele parâmetro.
Configurações: 0 – 127
Chorus Send
(Key Chorus Send)
Apêndice
Determina o nível do som do Drum Key que é mandado para o efeito de Chorus. Esta configuração só
está disponível quando o parâmetro “Ins Effect Output” está configurado para “thru”. Este parâmetro é
o mesmo de Chorus Send (página 83) na seção Effect de Drum Voice Common Edit. Configurando
aqui altera automaticamente também aquele parâmetro.
Configurações: 0 – 127
84
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
Determina a(s) saída(s) específica(s) para o sinal individual do Drum key. Você pode endereçar cada som
de Drum key para sair através de um conector específico de saída no painel traseiro. Este parâmetro é útil
quando você deseja aplicar um efeito externo a um instrumento específico da bateria. Esta configuração
está disponível somente quando o parâmetro “Ins Effect Output”está configurado para “thru”.
Controles e
Conectores
Output Select
Configurações: Para detalhes, consulte a lista de saídas (página 90) nas informações suplementares.
Coarse
(Coarse Tuning)
Determina a afinação de cada Drum Key, em semitons.
Fine
(Fine Tuning)
Determina a afinação de cada Drum Key, em centésimos de semitons.
Vel Sens
(Pitch Velocity Sensitivity)
Determina como a afinação do Drum Key responde à intensidade. Ajustes positivos farão a afinação
subir quanto mais forte você tocar no teclado externo, e ajustes negativos a farão descer. Um ajuste de
0 não produz alteração na afinação.
Instalando
Tune
Configurações: -48semi – +0semi – +48semi
Ouvindo os
Sons
Configurações: -64 cents – +0 cent – +63 cents
Configurações: -64 – +0 – +63
Filter Type
Cutoff
Aumenta ou diminui a freqüência de corte do filtro passa-baixas para ajustar o brilho do som. O som
pode ficar mais brilhante aumentando a freqüência de corte, e mais aveludado abaixando-a.
Cutoff Vel Sens
(Cutoff Velocity Sensitivity)
Conexões
Configurações: 0 – 255
Determina como a freqüência de corte responde à intensidade, ou a força com que você toca.
Ajustes positivos farão a freqüência de corte subir quanto mais forte você tocar no teclado
externo. Um ajuste de 0 faz com que a freqüência de corte não se altere com a intensidade.
Ajustes negativos farão a freqüência de corte subir quanto mais suave você tocar.
Resonance
Computador
Configurações: -64 – +0 – +63
Determina a ênfase dada à freqüência de corte para adicionar mais característica ao som. Valores
altos resultam em um efeito mais pronunciado. Isto pode ser usado em combinação com o parâmetro
da freqüência de corte para dar mais característica ao som.
Configurações: 0 – 127
Determina a freqüência de corte do filtro passa-altas. O som pode ficar mais brilhante aumentando a
freqüência de corte, e mais aveludado abaixando-a.
Guia Rápido
HPF Cutoff
(High Pass Filter Cutoff Frequency)
Configurações: 0 – 255
AMP Level/Pan
Level
Determina o nível de saída do Drum Key.
Configurações: 0 – 127
Determina como o nível de saída do Drum Key responde à intensidade do toque. Ajustes positivos farão
o nível de saída aumentar quanto mais forte você tocar no teclado externo. Um ajuste de 0 faz com
que o nível de saída não se altere. Ajustes negativos farão o nível de saída aumentar quanto mais
suave você tocar no teclado externo.
Estrutura
Velocity Sens
(Level Velocity Sensitivity)
Configurações: -64 – +0 – +63
Pan
Ajusta a posição do som no estéreo.
Alternate Pan
Voice
Configurações: L63 (tudo para a esquerda) – C (centro) – R63 (tudo para a direita)
Determina o quanto o som é posicionado alternadamente para a esquerda ou para a direita a cada
mensagem de Note On recebida, assumindo que a posição do pan configurada acima é o centro.
Valores mais altos aumentam a largura da faixa do Pan.
Utility
Configurações: 0 – 127
Multi
Determina o quanto o som do Drum Key é posicionado aleatoriamente para a esquerda ou para a
direita a cada mensagem de Note On recebida, assumindo que a posição do pan configurada acima é o
centro.
Apêndice
Random Pan
Referência
Configurações: L63 – C – R63
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
85
Modo Voice
Controles e
Conectores
AEG (Amplitude EG)
Time
Determina o tempo de transição do AEG.
um valor alto resulta num tempo mais lento
para atingir o próximo nível.
nível
Attack
Level
Configurações: 0 – 127 (0 – 126, hold for Decay 2 Time)
Instalando
Attack (Attack Time)
Determina a velocidade com que o som atinge seu nível
máximo depois que uma mensagem de Note On é recebida.
Decay 1 (Decay 1 Time)
Determina a velocidade que o envelope cai do Attack
Level até o Decay 1 Level.
Decay1
Level
0
Tempo
Attack
Time
Decay1
Time
Decay2
Time
Decay 2 (Decay 2 Time)
Determina a velocidade com que o som cai do Decay 1 Level
até o silêncio depois que uma mensagem de Note Off é recebida.
Ouvindo os
Sons
tecla é pressionada (Note On)
Level
tecla é solta (Note Off)
Determina os ajustes de Level para o Amplitude EG. Os parâmetros Level permitem configurar a
transição de cada ponto baseada no nível especificado no parâmetro AMP Level/Pan (página 85).
Configurações: 0 – 127
Decay 1 Level
Determina o nível que o AEG atinge após o Attack Level depois de decorrido o tempo Decay 1 Time.
Conexões
EQ
Nesta tela você pode configurar os parâmetros do EQ para cada Drum Key. Os parâmetros são os mesmos da seção EQ em Normal Voice
Element Edit (página 81).
Computador
Guia Rápido
Estrutura
Voice
Referência
Multi
Utility
Apêndice
86
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Voice
Controles e
Conectores
Informações suplementares
Lista de categorias
Esta é a lista das categorias principais e sub-categorias às quais pertencem os respectivos Voices do MOTIF-RACK XS.
Sub-Categoria
Layer
Modrn (Modern)
Vintg (Vintage)
Arp (Arpeggio)
Keys (Keyboard)
EP (Electric Piano)
FM (FM Piano)
Clavi
Synth
Arp
Organ
Tn Whl (Tone Wheel)
Combo
Pipe
Synth
Arp
Guitar
A. Gtr (Acoustic Guitar)
E.Cln (Electric Clean)
E. Dst (Electric Distortion) Synth
Arp
Bass
ABass (Acoustic Bass)
EBass (Electric Bass)
SynBs (Synth Bass)
Arp (Arpeggio)
String (Strings)
Solo
Ensem (Ensemble)
Pizz (Pizzicato)
Synth
Arp
Instalando
APno (Acoustic Piano)
Brass
Solo
BrsEn (Brass Ensemble) Orche (Orchestra)
Synth
Arp
SaxWW (Sax / Woodwind)
Sax (Saxophone)
Flute
WWind (Woodwind)
RPipe (Reed / Pipe)
Arp
SynLd (Synth Lead)
Analg (Analog)
Digtl (Digital)
H Hop (Hip Hop)
Dance
Arp
Pads (Synth Pad/Choir)
Analg (Analog)
Warm
Brite (Bright)
Choir
Arp
SyCmp (Synth Comp)
Analg (Analog)
Digtl (Digital)
Fade
Hook
Arp
CPerc (Chromatic Percussion)
Malet (Mallet Percussion) Bell
SynBl (Synth Bell)
PDrum (Pitched Drum)
Arp
Dr / Pc (Drum / Percussion)
Drums
Perc (Percussion)
Synth
Arp (Arpeggio)
S.EFX (Sound Effect)
Move (Moving)
Ambie (Ambient)
Natur (Nature)
SciFi (Sci-Fi)
Arp
M. EFX (Musical Effect)
Move
Ambie
Sweep
Hit
Arp
Ethnc (Ethnic)
Bowed
Pluk (Plucked)
Struk (Struck)
Blown
Arp
Ouvindo os
Sons
—
Conexões
—
Computador
Categoria Principal
Piano (Acoustic Piano)
Micro-Afinação
Nas seções seguintes, explicaremos com detalhes o parâmetro “Micro Tune” da tela Play Mode (página 66) dos parâmetros Voice
Common Edit.
Guia Rápido
O que é micro-afinação?
Esta função permite a você alterar a escala do teclado da afinação normal (temperamento igual) para uma dentre uma variedade
de escalas especiais. Você pode determinar o tipo de escala de cada Voice simplesmente selecionando o número de afinação.
Você também pode usar tipos originais de micro-afinação criados por você na tela Micro Tune (página 102) dos parâmetros Utility.
Lista de Micro-Afinações
—
PureMajor
2
3
4
5
6
PureMinor
Werckmeist
Kirnberger
Vallot&Yng
Afinação “com compromisso” que é usada há mais de 200 anos na música ocidental, e encontrada na maioria
dos teclados eletrônicos. Cada meio-passo é exatamente 1/12 de uma oitava, e a música pode ser tocada em
qualquer tonalidade da mesma maneira. No entanto, nenhum dos intervalos está perfeitamente afinado.
C–B
Esta afinação foi concebida de maneira que a maioria dos intervalos (especialmente a terça maior e a quinta
justa) na escala maior sejam puros. Isto significa que outros intervalos serão igualmente fora de afinação.
Você precisa especificar a tonalidade (C – B) que vai tocar.
C–B
O mesmo que a Pure Major, mas concebida para a escala menor.
C–B
Andreas Werckmeister, um contemporâneo de Bach, criou esta afinação para que os instrumentos de teclado
pudessem ser tocados em qualquer tonalidade. Cada tonalidade possui uma característica própria.
C–B
Johann Philipp Kirnberger, compositor do século 18, criou esta escala temperada para permitir a execução em
qualquer tonalidade.
C–B
Francescatonio Vallotti e Thomas Young (ambos em meados dos anos 1700) idealizaram este ajuste para a
afinação pitagórica, em que as primeiras seis quintas estão abaixadas na mesma quantidade.
1/4 Shift
—
Esta é a escala normal de temperamento igual deslocada acima em 50 centésimos de semitom.
8
1/4 tone
—
24 notas igualmente espaçadas por oitava (toque 24 notas para subir uma oitava).
9
1/8 tone
—
48 notas igualmente espaçadas por oitava (toque 48 notas para subir uma oitava).
10
Indian
—
Encontrada usualmente na música Indiana (somente as teclas brancas).
11
Arabic 1
12
Arabic 2
13
Arabic 3
Encontrada usualmente na música árabe.
Apêndice
C–B
Utility
7
Voice
Equal
1
Comentários
Estrutura
Tônica
Multi
Tipo
Referência
No. da microafinação
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
87
Modo Voice
Exemplos de configuração de destino (Destination)
Controles e
Conectores
Nesta seção, mostraremos alguns exemplos úteis de como configurar os endereçamentos “Ctrl Set 1 – 6 Dest (Controller Set
Destination)” na tela Control nos parâmetros Voice Common Edit (página 71).
Instalando
Ouvindo os
Sons
Para controlar volume:
Volume (volume)
Para aplicar vibrato ao Voice:
Common LFO Depth1 – 3 (C-LFO dpth1 – 3) *1
Para alterar a afinação:
Element Pitch (coarse tune) *2
Para controlar o brilho do som do Voice:
Element Filter Frequency (cutoff) *2
Para alterar a velocidade do Rotary Speaker:
Insertion A/B Parameter 1 (ins A/B Rotor Slow) *3
Para aplicar efeito de pedal wah ao Voice:
Insertion A/B Parameter 1 (ins A/B Pedal Ctrl) *4
Com relação a *1 – *4, as seguintes configurações são necessárias além das indicadas acima:
*1
• Selecione “LFO” na tela Voice Edit Select –> [ENTER] –> “Play Mode” = “loop”
• Selecione “LFO” na tela Voice Edit Select –> [ENTER] –> “LFO Set 1 – 3 Dest” = “P mod”
*2
Controller Set em Voice Common Edit no software MOTIF-RACK XS Editor –> “SW (Element Switch)” = “on”
Conexões
*3
• Selecione “Effect” na tela Voice Common Select –> [ENTER] –> selecione “Ins A/B” –> [ENTER] –> “Type” = “Rotary Speaker”
• Effect em Voice Common Edit no software MOTIF-RACK XS Editor –> “Element Out” / “Key Out” = ins A/B (selecionado o tipo “Rotary Speaker”)
*4
• Selecione “Effect” na tela Voice Common Select –> [ENTER] –> selecione “Ins A/B” –> [ENTER] –> “Type” = “VCM Pedal Wah”
• Effect em Voice Common Edit no software MOTIF-RACK XS Editor –> “Element Out” / “Key Out” = ins A/B (selecionado “VCM Pedal Wah”)
Computador
Tipos de Filtro
Guia Rápido
Nas seções a seguir, explicaremos os tipos de filtros
especificados na tela Filter Type em Voice Element Edit.
Estrutura
LPF (Low Pass Filter)
Este é um tipo de filtro que só deixa passar as
componentes de freqüência que estejam abaixo da
freqüência de corte. O som pode ficar mais brilhante
aumentando a freqüência de corte do filtro. Por outro lado,
o som pode ser aveludado abaixando a freqüência de
corte. Você pode usar a ressonância para adicionar mais
identidade ao som. Este tipo de filtro é o mais popular e útil
para produzir sons de sintetizadores clássicos.
HPF (High Pass Filter)
Este é um tipo de filtro que só deixa passar as componentes de
freqüência que estejam acima da freqüência de corte. Você
pode usar a ressonância para dar mais característica ao som.
HPF24D
Filtro passa-altas dinâmico de 24 dB/oitava com som de
característica digital. Este filtro pode produzir um efeito
pronunciado de ressonância.
Nível
ressonância
Voice
LPF24D
Comparado com o tipo LPF24A (abaixo), este filtro pode
produzir um efeito de ressonância mais pronunciado.
Nível
estas freqüências
“passam” pelo filtro
faixa cortada
estas freqüências
“passam” pelo filtro
faixa cortada
freqüência de corte
HPF12
Filtro passa-altas dinâmico com 12 dB/oitava.
Multi
Referência
ressonância
freqüência de corte
Freqüência
Utility
LPF24A
Filtro passa-baixas dinâmico de 24 dB/oitava com características
similares a um filtro de 4 pólos de sintetizador analógico.
LPF18
Filtro passa-baixas de 3 pólos de 18 dB/oitava.
BPF (Band Pass Filter)
Este tipo de filtro é uma combinação dos filtros LPF e HPF.
Quando este tipo de filtro é selecionado, você pode configurar
uma freqüência de corte em torno da qual passa o sinal.
BPF12D
Combinação de um HPF e um LPF de -12 dB/oit, com uma
característica de som digital.
Nível
Apêndice
faixa cortada
LPF18s
Filtro passa-baixas de 3 pólos de 18 dB/oitava. Este filtro possui
um corte com uma descida mais suave do que o LPF18.
ressonância
faixa que passa
88
Freqüência
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
faixa cortada
Freqüência
Modo Voice
Dual BEF
Dois filtros rejeita-faixa de 6 dB/oitava conectados em série.
Controles e
Conectores
BPF6
Combinação de um HPF de -6 dB/oit com um LPF.
Nível
Nível
faixa cortada
distância
faixa que passa
faixa cortada
freqüência de corte
Freqüência
faixa que passa
freqüência de corte
Instalando
faixa cortada
Freqüência
só a freqüência de corte mais baixa
é configurada diretamente na tela
BPFw
Ouvindo os
Sons
Filtro passa-faixa com 12 dB/oitava que combina um HPF
com um LPF para permitir uma configuração de largura de
faixa mais larga.
Combination Type Filter
freq. de
corte
faixa que passa
faixa cortada
freq. de
corte
Freqüência
freq. de
corte
BEF (Band Elimination Filter)
Quando este tipo de filtro é selecionado, você pode configurar
uma freqüência de corte em torno da qual o sinal será cortado.
O filtro rejeita-faixa (Band Elimination Filter) tem o efeito oposto
ao passa-faixa (Band Pass Filter).
BEF12
BEF6
Este tipo é uma combinação de dois tipos de diferentes filtro.
Você pode editar a distância entre as duas freqüências de
corte.
Conexões
largura
LPF12+HPF12
Uma combinação de um LPF com um HPF de -12 dB/oitava.
Quando este tipo de filtro é selecionado, podem ser
configurados HPF Cutoff e HPF Key Follow Sensitivity.
Somente o gráfico do LPF é mostrado na janela.
LPF6+HPF6
Uma combinação de um LPF com um HPF de -6 dB/oitava.
Quando este tipo de filtro é selecionado, podem ser
configurados HPF Cutoff e HPF Key Follow Sensitivity.
Somente o gráfico do LPF é mostrado na janela.
Computador
faixa cortada
Guia Rápido
Nível
LPF12+BPF6
Uma combinação de passa-baixas com passa-faixa. Você
pode editar a distância entre as duas freqüências de corte.
faixa cortada
faixa que passa
Nível
faixa que passa
freqüência de corte
faixa cortada
Freqüência
distância
freq. de corte
Dual Type Filter
Este tipo é uma combinação de dois tipos iguais de filtro. Você
pode editar a distância entre as duas freqüências de corte.
Estrutura
faixa que passa
freq. de corte
Freqüência
Voice
Nível
só a freqüência de corte mais baixa
é configurada diretamente na tela
faixa que passa
Referência
Nível
faixa cortada
Multi
Dual LPF
Dois filtros passa-baixas de 12 dB/oit conectados em paralelo.
distância
freqüência de corte
Freqüência
Utility
freqüência de corte
só a freqüência de corte mais baixa
é ajustada diretamente na janela
Apêndice
Dual HPF
Dois filtros passa-altas com 12 dB/oitava conectados em paralelo.
Dual BPF
Dois filtros passa-faixa com 6 dB/oitava conectados em paralelo.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
89
Modo Voice
Configuração do Filter Scaling
Controles e
Conectores
Mostraremos aqui um exemplo de configuração do Filter Scaling em Filter Scale (página 78) nos parâmetros de Voice Element Edit.
Para as configurações mostradas no exemplo abaixo, o valor básico da freqüência de corte (Cutoff Frequency) é 127, e os diversos
valores de compensação (Offset) nos Break Points alteram devidamente o valor básico. As compensações na freqüência de corte
são mostradas no diagrama abaixo. A freqüência de corte muda de forma linear entre os Break Points, como mostrado.
Instalando
Break Point
Cutoff Offset
1
C#1
-4
2
D#2
+10
3
C3
+17
Cutoff
4
C4
+4
144
137
131
123
Nota
Ouvindo os
Sons
Break Break
Point 1 Point 2
D#2
C#1
Break Break
Point 3 Point 4
C3
A4
Configuração de Amplitude Scaling
Conexões
Mostraremos aqui um exemplo de configuração do ajuste de Amplitude Scaling em AMP Scale (página 81) nos parâmetros Voice
Element Edit. Para as configurações mostradas no exemplo abaixo, o valor básico da Amplitude (volume) do elemento selecionado é
80, e os diversos valores de compensação (Offset) nos Break Points alteram devidamente o valor básico. A Amplitude muda de
forma linear entre os Break Points, como mostrado.
Computador
Break Point
Level Offset
1
C1
-4
2
C2
+10
3
C3
+17
144
Amplitude
4
C4
+4
137
131
123
Guia Rápido
Break Break
Point 1 Point 2
C1
C2
Break Break
Point 3 Point 4
C3
C4
Nota
Lista Output Select
Estrutura
Nas seções a seguir, explicaremos as configurações de Output Select, que permitem determinar os endereçamentos de saída para
os sinais. O parâmetro Output Select é especificado em vários locais diferentes: OSC (Oscillator) dos parâmetros de Drum Key Edit
(página 85) no software MOTIF-RACK XS Editor, na tela mLAN In do parâmetro Multi Common Edit (página 92), na tela Play Mode
dos parâmetros Multi Part Editor (página 95), e na tela Voice mLAN dos parâmetros de Utility .
LCD
Output
t
Estéreo/Mono
Voice
Referência
Multi
L&R
OUTPUT L e R
asL&R
ASSIGNABLE OUTPUT L e R
Estéreo
m1&2
mLAN OUTPUT 1 e 2
Estéreo (1: L, 2: R)
m3&4
mLAN OUTPUT 3 e 4
Estéreo (3: L, 4: R)
m5&6
mLAN OUTPUT 5 e 6
Estéreo (5: L, 6: R)
m7&8
mLAN OUTPUT 7 e 8
Estéreo (7: L, 8: R)
m9&10
mLAN OUTPUT 9 e 10
Estéreo (9: L, 10: R)
m11&12
mLAN OUTPUT 11 e 12
Estéreo (11: L, 12: R)
m13&14
mLAN OUTPUT 13 e 14
Estéreo (13: L, 14: R)
asL
ASSIGNABLE OUTPUT L
Mono
asR
ASSIGNABLE OUTPUT R
Mono
m1
mLAN OUTPUT 1
Mono
:
Estéreo
:
:
Utility
m14
mLAN OUTPUT 14
Mono
drum
veja abaixo*
veja abaixo*
* A configuração “drum” pode ser selecionada na tela Multi Part Edit das partes endereçadas ao Drum Voice. Quando é selecionado “drum” e o Drum Voice está
endereçado à parte editada, o som sai através do destino configurado na tela Drum Key Edit como parâmetro “Output Select”.
Apêndice
NOTA: As entradas mLAN (m1 – m14) só estão disponíveis quando há uma placa opcional mLAN16E2 instalada.
90
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Multi
Controles e
Conectores
Modo Multi
Multi Edit
Instalando
Esta seção aborda os parâmetros Multi Edit. O Multi Edit consiste dos parâmetros Common Edit para editar as configurações
comuns a todas as partes, e dos parâmetros Part Edit para editar as partes individuais.
Common Edit
Common Edit permite a você editar os parâmetros comuns a todas as partes do Multi.
Conexões
Ouvindo os
Sons
Procedimento [MULTI] –> selecione programa Multi –> [EDIT] –> selecione “Common” na tela Multi Edit Select –> [ENTER] –>
selecione a tela desejada na tela Multi Common Edit Select –> [ENTER] –> tela Edit
tela Multi Edit Select
tela Multi Common Edit Select
tela Edit
(exemplo: tela Arpeggio)
Computador
tela Multi Play
Name
(Multi Name)
Guia Rápido
1 Name
Determina o nome do Multi. Quando você move o cursor até “Name”, pressionando a tecla [ENTER]
acessa o quadro Naming, permitindo a você entrar com o nome desejado. O nome do Voice pode
conter até 20 caracteres. Para instruções detalhadas sobre como nomear, consulte a página 47 no
Guia Rápido.
2 Arpeggio
Determina se a execução do arpejo está ligada ou não . Você também pode ligar ou desligar isto a partir
do painel frontal usando a tecla [AUDITION] quando “Audition Button” (página 99) na tela Utility General
está configurada para “arpeggio sw”.
Estrutura
Arp Common Sw
(Arpeggio Common Switch)
Configurações: off, on
Selecione o arpejo desejado dentre os arpejos 1 – 5. Este parâmetro é o mesmo que “Arp Select” na
tela Arp Select em Multi Part Edit. O ícone de colcheia mostrado nas configurações indica que um dos
tipos de arpejo (que não esteja em “off”) está selecionado.
Voice
Arp 1 – 5 Select
(Arpeggio 1 – 5 Select)
Configurações: Arp 1 – Arp 5
Arp Tempo
(Arpeggio Tempo)
Determina o andamento do arpejo . Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: 5 – 300
Sync Qntz Val
(Sync Quantize Value)
Determina o momento em que inicia a próxima execução do arpejo quando você o dispara enquanto
está sendo executado o arpejo de determinada parte. Quando configurado para “off”, o próximo arpejo
começa assim que é disparado. O número mostrado à direita de cada valor indica o tamanho,
assumindo que a resolução da semínima é 480.
Multi
MIDI, e quiser sincronizá-lo com o outro equipamento, configure o parâmetro MIDI Sync da janela Utility MIDI (pág. 99)
para “external” ou “auto”. Quando MIDI Sync está configurado para “auto” (somente quando o clock MIDI é transmitido
continuamente) ou “external”, o parâmetro Tempo aqui indica “external” e não pode ser alterado.
Referência
NOTA: Se você estiver usando este instrumento com um seqüenciador externo, um software de gravação ou um equipamento
Utility
Configurações: off, 260 (fusa), 6380 (tercina de semicolcheia), 6120 (semicolcheia), 83160 (tercina de colcheia), 8240
(colcheia), 43320 (tercina de semínima), 4480 (semínima)
3 mLAN In
Estes parâmetros permitem efetuar configurações nas entradas de áudio para o terminal mLAN .
Volume
Determina o nível de saída da parte Audio Input .
Pan
Apêndice
Configurações: 0 – 127
Determina a posição do som da parte Audio Input no estéreo.
Configurações: L63 (todo para a esquerda) – C (centro) – R63 (todo para a direita)
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
91
Modo Multi
Controles e
Conectores
Mono / Stereo
Determina a configuração do sinal para a parte Audio Input , ou como o sinal ou sinais são roteados
(estéreo ou mono).
Configurações: L mono, R mono, L+R mono, stereo
L mono .................. Somente o canal L da entrada de áudio é usado.
R mono ..................Somente o canal R da entrada de áudio é usado.
L+R mono.............. Os canais L e R da entrada de áudio são mixados e processados em mono.
stereo .................... Ambos os canais L e R da entrada de áudio são usados.
Instalando
Output Select
Determina a(s) saída(s) específica(s) para o sinal da parte Audio Input.
Configurações: Para detalhes, consulte a lista Output Select (página 90) nas informações suplementares.
Chorus Send
(Key Chorus Send)
Determina o nível de mandada do sinal da parte Audio Input que vai para o efeito de Chorus. Quanto
maior o valor, mais pronunciado será o Chorus. Este parâmetro pode ser configurado somente quando
“Output Select” está configurado para “L&R”.
Configurações: 0 – 127
Ouvindo os
Sons
Reverb Send
(Key Reverb Send)
Determina o nível de mandada do sinal da parte Audio Input que vai para o efeito de Reverb. Quanto
maior o valor, mais pronunciado será o Reverb. Este parâmetro pode ser configurado somente quando
“Output Select” está configurado para “L&R”.
Configurações: 0 – 127
Dry Level
Determina o nível da parte Audio Input que não foi processado com os System Effects (Reverb, Chorus).
Este parâmetro pode ser configurado somente quando “Output Select” está configurado para “L&R”.
Conexões
Configurações: 0 – 127
4 MEQ (Master EQ)
Nesta tela você pode aplicar equalização de cinco bandas a todas as partes
do Multi.
Gain
(frequency
bandwidth)
QQ(largura
de banda)
+
Computador
0
Frequency
–
5 bands
Guia Rápido
Shape
Low
Lo-Mid
Mid
Hi-Mid
High
Permite a você selecionar um ou dois formatos de EQ: shelving ou peaking. Este parâmetro está
disponível para Low e High.
Configurações: shelv (shelving), peak (peaking)
shelv
Estrutura
Este tipo de EQ permite a você atenuar/enfatizar o sinal nas freqüências acima ou abaixo do ajuste Frequency.
EQ Low
+
EQ High
Gain
+
Frequency
0
Voice
–
Gain
Frequency
0
Freqüência
–
Freqüência
peak
Este tipo de EQ permite a você atenuar/enfatizar o sinal na freqüência especificada pelo ajuste Frequency.
Referência
Multi
+
Gain
Frequency
0
Freqüência
Utility
–
Freq
(Frequency)
As freqüências em torno deste ponto são atenuadas/enfatizadas pelo ajuste “Gain” abaixo.
Configurações:
Low
Quando Shape está configurado para “shelv”: 32Hz – 2.0kHz
Quando Shape está configurado para “peak”: 63Hz – 2.0kHz
Apêndice
Lo-Mid, Mid, Hi-Mid
100 Hz – 10.0 kHz
High
500 Hz – 16.0 kHz
92
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Multi
Determina o ganho de nível em Frequency (veja acima), ou o quanto a freqüência selecionada será
atenuada ou enfatizada.
Controles e
Conectores
Gain
Configurações: -12.00 dB – +0.00 dB – +12.00 dB
Q
(Bandwidth)
Varia o nível do sinal no ajuste de Frequency
para criar várias curvas de características de freqüência. +
Quanto maior o ajuste menor o Q (largura da banda).
Quanto menor o ajuste maior o Q (largura da banda).
0.1
12.0
NOTA: Quando os parâmetros Shape de Low e High estão
Instalando
Configurações: 0.1 – 12.0
0
Freqüência
configurados para “shelv”, os parâmetros “Q” de
Low e High não estão disponíveis.
–
Ouvindo os
Sons
Freqüência
5 Control
Assign 1 Value
Assign 2 Value
Determina o valor de compensação pelo qual as funções endereçadas aos botões Assign 1/2 serão
deslocados de seus ajustes originais. Cada parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: -64 – +0 – +63
NOTA: As funções endereçadas aos botões Assign 1/2 podem ser configuradas em “Ctrl Set 1 – 6 Src” (pág. 71) na tela Control.
Conexões
6 Effect
Computador
NOTA: Esta tela pode ser acessada mantendo pressionada a tecla [EFFECT] no painel frontal.
Determina o nível de mandada do sinal enviado do efeito de Chorus para o efeito de Reverb. Quanto
maior o valor, mais profundo é o Reverb aplicado ao sinal processado com Chorus.
Guia Rápido
1 Chorus To Reverb
Configurações: 0 – 127
2 Chorus Return
Determina o nível de retorno do efeito de Chorus.
Configurações: 0 – 127
3 Chorus Pan
Determina a posição no estéreo do som com efeito de Chorus.
4 Reverb Return
Estrutura
Configurações: L63 (todo para a esquerda) – C (centro) – R63 (todo para a direita)
Determina o nível de retorno do efeito de Reverb.
Configurações: 0 – 127
5 Reverb Pan
Determina a posição no estéreo do som com efeito de Reverb.
Configurações: L63 (todo para a esquerda) – C (centro) – R63 (todo para a direita)
7 Reverb
Quando o cursor está aqui, pressionando a tecla [ENTER] ou o encoder dá acesso à tela
Effect Parameter.
Voice
6 Chorus
8 Master
Este parâmetro só está disponível no Master Effect.
Configurações: off, on
Category
Type
Na coluna Category, você pode selecionar uma das categorias de efeitos, cada qual contendo tipos
de efeitos similares. Na coluna Type, você pode selecionar um dos tipos de efeitos listados na
categoria selecionada.
Multi
Switch
Referência
Effect Parameters
Configurações: Os detalhes sobre as categorias e tipos de efeitos estão descritos na página 59.
Utility
NOTA: “Category” não é editado na tela de parâmetros de Reverb e Master Effect porque só existe uma categoria de
Reverb/Master.
Preset
Este parâmetro permite a você acessar configurações pré-programadas para cada tipo de efeito,
projetados para uso em determinadas aplicações ou situações.
NOTA: Para detalhes sobre as configurações de “Preset”, consulte o documento Data List.
O parâmetro do efeito é diferente dependendo do tipo de efeito atualmente selecionado. Consulte a
página 61 para detalhes sobre os parâmetros de efeito. Consulte o documento Data List para
informações sobre os parâmetros de cada tipo de efeito.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
Effect Parameter 1 – 16
93
Modo Multi
Part Edit
Controles e
Conectores
Part Edit permite a você editar os parâmetros das partes individuais que compõem um Multi.
Procedimento [MULTI] –> selecione o Multi –> [EDIT] –> selecione a parte desejada “1” – “16” na tela Multi Edit Select –> [ENTER] –>
selecione a tela desejada em Multi Part Edit Select –> [ENTER] –> tela Edit
Instalando
Ouvindo
os os
Ouvindo
Sons
Sons
tela Multi Play
tela Multi Edit Select
tela Multi Part Edit Select
tela Edit
(exemplo: tela Voice)
Conexões
Conexões
1 Voice
Bank
Determina o Voice endereçado à parte selecionada, especificando o banco e o número do Voice.
Number
Computador
Computador
Param. with Voice
(Parameter with Voice)
Determina se as configurações dos seguintes parâmetros do Voice serão copiadas do Voice para a
parte quando você alterar o Voice para a parte atual individualmente.
• Arpeggio
• Filter Cutoff Frequency
• Filter Resonance
• Amplitude EG
• Filter EG
• Pitch Bend Range (Upper/Lower)
• Note Shift
Guia
Rápido
Guia
Rápido
NOTA: Independentemente da configuração de Parameter with Voice, as seguintes configurações são sempre copiadas
quando um Normal Voice é selecionado: Mono/Poly, Porta Sw (Portamento Part Switch), Porta Time (Portamento
Time) e Porta Mode (Portamento Mode).
Configurações: off (não copia), on (copia)
Receive Ch
(Receive Channel)
Estrutura
Estrutura
Determina o canal de recepção de MIDI para a parte. Como os dados de MIDI podem estar vindo de
vários canais de uma vez, você deve configurar este parâmetro conforme o canal através do qual os
dados de controle estão sendo enviados. O canal de transmissão de MIDI para a alteração em tempo
real dos dados controlados pelo botão é o mesmo ajustado neste parâmetro.
Configurações: 01 – 16, off
2 Play Mode
Volume
Determina o volume de cada parte. Use este parâmetro para ajustar o equilíbrio entre a parte atual e as
outras partes. Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Voice
Configurações: 0 – 127
Pan
Determina a posição no estéreo para o som da parte. Este parâmetro pode ser modificado diretamente
pelo botão.
Configurações: L63 (todo para a esquerda) – C (centro) – R63 (todo para a direita)
NOTA: Note que o parâmetro Pan desta parte pode ter pouco ou nenhum efeito audível se o Pan de um determinado elemento
estiver ajustado para a posição esquerda e o Pan de outro elemento estiver configurado para a direita.
Referência
Multi
Voice Elm Pan
(Voice Element Pan)
Determina se serão aplicados ou não os ajustes individuais de pan de cada elemento (do Voice
correspondente à parte). Quando configurado para “off”, o pan de cada elemento é ajustado para o
centro na parte.
Configurações: on, off
Note Shift
Ajusta a afinação da parte, em semitons.
Configurações: 24 – +0 – +24
Utility
Detune
Ajusta a afinação da parte, em centésimos de semitons.
Configurações: -12.8Hz – +0Hz – +12.7Hz
PB Range Upper
(Pitch Bend Range Upper)
Apêndice
PB Range Lower
(Pitch Bend Range Lower)
94
Determina a faixa máxima do Pitch Bend, em semitons. Configurando o parâmetro Upper para +12
resulta num aumento máximo da afinação em uma oitava quando o Pitch Bend é movido para o máximo.
Por outro lado, configurando o parâmetro Lower para -12 faz a afinação baixar no máximo uma oitava (12
semitons) quando o Pitch Bend é movido para o mínimo.
Configurações: -48 semi – +0 semi – +24 semi
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Multi
Determina o método de execução do Voice para cada parte: monofônico (uma nota de cada
vez) ou polifônico (várias notas).
Controles e
Conectores
Mono/Poly
Configurações: mono, poly
mono ................................. Quando configurado para “mono”, o Voice é reproduzido monofonicamente (somente uma nota é
reproduzida de cada vez). Para muitos sons de instrumentos (tais como contrabaixo e solos de
sintetizador), isto permite uma execução mais natural de legato do que se este parâmetro estiver
configurado para “poly”.
poly.................................... Quando configurado para “poly”, o Voice é reproduzido polifonicamente (podem ser reproduzidas várias
notas ou acordes simultaneamente).
Determina as notas mais baixa e mais alta da faixa do teclado para cada parte. Cada parte só
produzirá som das notas tocadas dentro da faixa especificada. Por exemplo, configurando um Note
Limit de “C5 – C4” permite a você tocar um elemento em duas regiões separadas: C -2 a C4 e C5 a
G8. As notas tocadas entre C4 e C5 não soam naquele elemento.
Instalando
Note Limit Lo/Hi
Configurações: C -2 – G8
Determina os valores mínimo e máximo da faixa de intensidades dentro da qual cada parte irá
responder. Cada parte produzirá apenas as notas tocadas com intensidades dentro da faixa
especificada. Se você especificar primeiro o valor máximo e depois o valor mínimo, por exemplo “93
a 34”, haverá um “buraco” e a faixa de intensidades aceitas será “1 a 34” e “93 a 127”.
Ouvindo os
Sons
Velocity Limit Lo/Hi
Configurações: 1 – 127
Porta Sw
(Portamento Switch)
Determina se o portamento é aplicado ou não à parte. Este parâmetro pode ser modificado
diretamente pelo botão.
Porta Time
(Portamento Time)
Conexões
Configurações: off, on
Determina o tempo de transição da afinação quando o Portamento é aplicado. Valores altos resultam
em tempos de transição mais longos. Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: 0 – 127
Porta Mode
(Portamento Mode)
Determina como o portamento é aplicado conforme sua execução no teclado.
Configurações: fingered, fulltime
Output Select
Computador
fingered .................O portamento só é aplicado quando você toca em legato (tocando a próxima nota antes de soltar a
anterior).
fulltime .................. O portamento é aplicado em todas as notas.
Determina a saída específica para o sinal de cada parte individual. Você pode endereçar o som
individual de cada parte para um conector de saída específico no painel traseiro.
Quando Offset (abaixo) está configurado para 64:
Depth = 127
127
Estrutura
intensidade
resultante no
gerador de sons
0
Determina o quanto a
Quando Depth (veja acima)
intensidade do toque é
= 64 e Offset = 32
ajustada para o efeito real
resultante. Isto permite a você
subir ou descer a intensidade intensidade
resultante
na mesma proporção, podendo
no
compensar automaticamente
gerador
uma execução muito forte ou
de sons
muito fraca. Se o resultado
for 1 ou menos, o valor será
ajustado para 1. Se o resultado
for maior do que 127, o valor
Intensidade do toque
será ajustado para 127.
Quando Depth (veja acima)
= 64 e Offset = 96
intensidade
resultante
no
gerador
de sons
Intensidade do toque
Utility
Quando Depth (veja acima)
= 64 e Offset = 64
intensidade
resultante
no
gerador
de sons
Apêndice
Configurações: 0 – 127
127
intensidade do toque
Voice
Configurações: 0 – 127
Vel Sens Offset
(Velocity Sensitivity Offset)
Depth = 64
Multi
Determina o grau com o volume resultante
do gerador de sons responde à força com
que você toca. Quanto maior o valor,
mais o volume se altera em resposta à
força com que você toca (como mostrado à
direita). Quando configurado para 0,
o volume permanece o mesmo,
independentemente da força do toque.
Isto pode ser útil, por exemplo, para uma
execução autêntica com um Voice de órgão.
Referência
Vel Sens Depth
(Velocity Sensitivity Depth)
Guia Rápido
Configurações: Para detalhes, consulte a lista Output Select (página 90) nas informações suplementares.
Intensidade do toque
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
95
Modo Multi
Controles e
Conectores
3 Arp Select (Arpeggio Select)
Determina se o item que está sendo editado vai afetar a todos os cinco arpejos endereçados a cada Voice (“Arp Edit”), ou afetar somente o
arpejo selecionado (“Arp 1 – 5 Type”). Os parâmetros que não estejam listados abaixo são os mesmos dos parâmetros correspondentes na
tela Arp Select display (página 66) em Voice Common Edit.
NOTA: O andamento do arpejo pode ser configurado na tela Arpeggio (página 91) em Multi Common Edit.
Arp Edit (Arpeggio Edit)
Instalando
Arp MIDI Out Sw
(Arpeggio MIDI Output Switch)
Determina se os dados de execução do arpejo são mandados aos equipamentos externos via
mensagens MIDI. Quando configurado para on, os dados são enviados.
Configurações: off (não envia), on (envia)
Arp Transmit Ch
(Arpeggio Transmit Channel)
Determina o canal de transmissão de MIDI para os dados de execução do arpejo. Quando configurado
para “rcv ch (receive channel)”, os dados de execução do arpejo são transmitidos pelo mesmo canal
configurado no parâmetro Receive Ch (página 94) na tela Voice of Multi Part Edit.
Configurações: 1 – 16, rcv ch (receive channel)
Ouvindo os
Sons
Voice with Arp
(Voice with Arpeggio)
Cada tipo de arpejo é endereçado a um Voice mais apropriado àquele tipo. Este parâmetro determina
se o Voice registrado para cada tipo de arpejo será endereçado ou não à parte editada. Quando
configurado para “on”, o Voice apropriado é endereçado à parte editada no lugar do Voice que estava
selecionado. Quando configurado para “off”, o Voice apropriado não é endereçado à parte editada, e é
mantido o Voice que estava selecionado.
Configurações: off (não é endereçado), on (é endereçado)
Conexões
Arp 1 – 5 Type (Arpeggio 1 – 5 Type)
Quando o parâmetro Voice with Arp está configurado para “on” na tela Arp Edit em Multi Part Edit, ao alterar os parâmetros de categoria principal,
sub-categoria e tipo na tela faz aparecer um quadro com o banco, o número e o nome do Voice da parte.
Computador
4 Filter
As configurações efetuadas aqui serão aplicadas como valor de compensação aos ajustes do filtro em cada elemento endereçado a cada Voice.
Cutoff
Determina o valor comum de compensação para as freqüências de corte de todos os elementos
configurados para cada Voice. Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: -64 – +0 – +63
Resonance
Guia Rápido
A função deste parâmetro varia conforme o tipo de filtro selecionado. Se o tipo selecionado for LPF,
HPF, BPF (excluindo o BPFw) ou BEF, este parâmetro é usado para configurar a ressonância. Se o
tipo selecionado for BPFw, este parâmetro é usado para ajustar a largura da banda. A ressonância é
usada para ajustar a quantidade de ênfase nos harmônicos próximos da freqüência de corte. Isto pode
ser usado em combinação com o parâmetro da freqüência de corte para dar mais característica ao
som. O parâmetro Width é usado para ajustar a largura da banda de freqüências que passam pelo
filtro BPFw. Os ajustes efetuados aqui serão aplicados como valores de compensação aos mesmos
parâmetros da tela Filter (página 68) de Voice Common Edit. Este parâmetro pode ser modificado
diretamente pelo botão.
Estrutura
Configurações: -64 – +0 – +63
5 EG
FEG Attack
FEG Decay
FEG Release
FEG Depth
Voice
AEG Attack
Determina as configurações básicas do EG, de volume e do filtro, na parte selecionada. O valor dos
parâmetros é uma compensação aos mesmos parâmetros do elemento configurados em Voice
Element Edit. Para detalhes sobre o AEG/FEG, consulte o tópico sobre a tela EG (página 68) em
Voice Common Edit. No entanto, no caso de Drum Voices, só estão disponíveis os parâmetros AEG
Attack e AEG Decay. Cada um dos parâmetros de AEG e FEG Depth podem ser modificados
diretamente pelo botão.
Configurações: -64 – +0 – +63
AEG Decay
AEG Sustain
AEG Release
Referência
Multi
6 Part EQ
Você pode aplicar equalização de 3 bandas em cada parte para ajustar o som. O valor dos parâmetros ajustados aqui atua como uma
compensação aos mesmos parâmetros do elemento ajustados em Voice Element Edit. Os formatos de EQ de Low e High são do tipo shelving.
Freq
Determina a freqüência central. As freqüências em torno deste ponto são atenuadas/ enfatizadas pelo
ajuste de ganho (veja abaixo). Valores altos produzem freqüências altas. O parâmetro Mid Freq pode
ser modificado diretamente pelo botão.
Utility
Configurações:
Low ........................ 50.1Hz – 2.00kHz
Mid ........................ 139.7Hz – 10.1kHz
High ....................... 503.8Hz – 14.0kHz
Gain
Determina o ganho de nível na freqüência (veja acima), ou o quanto a banda de freqüências selecionada
será atenuada ou enfatizada. Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Apêndice
Configurações: -12.00 dB – +0.00 dB – +12.00 dB
96
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Modo Multi
Varia o nível do sinal no ajuste de “Freq” (Frequency)
para criar várias curvas características de freqüência.
Quanto maior o valor menor o ajuste de Q (largura da
banda). Quanto menor o ajuste, maior o Q.
Este parâmetro pode ser modificado diretamente
pelo botão.
+
0.7
10.3
Controles e
Conectores
Mid Q (Middle Q)
0
Freqüência
Configurações: 0.7 – 10.3
Instalando
–
“Freq”
Ouvindo os
Sons
7 Rcv Sw (Receive Switch)
Nesta tela você pode configurar como cada parte individual responde a vários dados de MIDI, tais como Control Change. Quando o parâmetro
relevante está configurado para “on”, a parte correspondente responde ao respectivo dado de MIDI. Cada um dos nomes de controle nesta tela
indica os dados de MIDI gerados ao se usar o controle correspondente.
NOTA: Se houver um Drum Voice endereçado na parte, Sustain não estará disponível.
NOTA: Se Bank Select Sw/Prg Change Sw estiver configurado para “off” na tela Utility MIDI, não estarão disponíveis aqui Bank Select/Program Change.
NOTA: Se “Control Change” estiver configurado aqui para “off”, os parâmetros referentes a Control Change não estarão disponíveis.
Configurações: off, on
Chorus Send
Conexões
8 Fx Send (Effect Send)
Determina o nível de mandada do sinal da parte para o efeito de Chorus. Quanto maior o valor, mais
pronunciado será o Chorus. Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Configurações: 0 – 127
Reverb Send
Determina o nível de mandada do sinal da parte para o efeito de Reverb. Quanto maior o valor, mais
pronunciado será o Reverb. Este parâmetro pode ser modificado diretamente pelo botão.
Determina o nível da parte selecionada que não tenha sido processada pelos System Effects (Reverb,
Chorus).
Configurações: 0 – 127
Guia Rápido
Determina as partes disponíveis para o Insertion Effect. Quando este parâmetro está em “on”, o Insertion
Effect do Voice estará habilitado. Certifique-se de que este parâmetro está em “on” nas partes/Voices nas
quais você deseja aplicar Insertion Effects. O MOTIF-RACK XS dispõe de oito unidades de Insertion
Effect, permitindo a você configurar este parâmetro para “on” em até oito partes. Se já houver oito partes
com este parâmetro em “on”, ele não poderá ser configurado para “on” em mais partes.
Voice
Estrutura
Configurações: off, on
Apêndice
Utility
Referência
Ins Effect Sw
(Insertion Effect Switch)
Multi
Dry Level
Computador
Configurações: 0 – 127
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
97
Utility
Controles e
Conectores
Utility
Nos parâmetros Utility, você pode configurar parâmetros que se aplicam a todo o sistema do MOTIF-RACK XS. Pressionando a tecla
[UTILITY] no modo Voice ou no modo Multi você tem acesso aos parâmetros Utility daquele modo. Pressionando a tecla [EXIT] faz
retornar à tela original.
Instalando
Procedimento [UTILITY] –> selecione a tela desejada na tela Utility Select –> [ENTER] –> tela Edit
Ouvindo os
Sons
Conexões
tela Utility Select
(entrando pelo modo Voice)
tela Edit
(exemplo: tela General)
Computador
1 General
Volume
Determina o volume geral do instrumento.
Configurações: 0 – 127
Note Shift
Determina a quantidade (em semitons) com que a afinação de todas as notas serão transpostas.
Configurações: -24semi – +0semi – +24semi
Guia Rápido
Tune
Determina a afinação geral do MOTIF-RACK XS. Você pode ajustar a afinação em centésimos de
semitom.
Configurações: -102.4cents [414.7Hz] – +0cents [440.0Hz] – +102.3cents [466.8Hz]
Estrutura
mLAN monitor
(mLAN monitor switch)
Determina o fluxo do sinal de áudio para monitorar o som ao usar o MOTIF-RACK XS com o software
de gravação (DAW) instalado no computador conectado ao MOTIF-RACK XS via cabo IEEE1394.
NOTA: Você precisará configurar apropriadamente o software de gravação (DAW) além das configurações feitas aqui. Para
Voice
detalhes, veja “Conectando a um Computador e a um Dispositivo MIDI” na página 17.
Configurações: stand alone, with PC, with PC (Mntr)
stand alone ..... O sinal de áudio do MOTIF-RACK XS sai diretamente pelos conectores OUTPUT L/ MONO e R normalmente. Esta
opção deve ser selecionada quando você usar o MOTIF-RACK XS sozinho e sem o software de gravação (DAW)
mesmo com o computador conectado ao MOTIF-RACK XS através de um cabo IEEE1394.
with PC .............. O sinal de áudio do MOTIF-RACK XS sai para o software de gravação (DAW) em um computador através do cabo
IEEE1394, é mixado com o som do software, volta ao MOTIF- RACK XS, e então sai pelos conectores OUTPUT
L/MONO e R. Esta opção deve ser selecionada quando você usar o MOTIF-RACK XS como dispositivo de áudio
com o software de gravação (DAW). Esta opção permite a você aplicar efeitos VST aos sons do MOTIF-RACK XS,
dentro do software de gravação (DAW).
with PC (Mntr) ... O sinal de áudio do MOTIF-RACK XS sai diretamente pelos conectores OUTPUT L/MONO e R com o sinal de áudio
mandado do software de gravação (DAW) via cabo IEEE1394. Esta opção deve ser selecionada ao gravar som do
MOTIF-RACK XS no software de gravação (DAW) no computador. Lembre-se de que Rec Monitor no software de
gravação (DAW) deve estar configurado para “off” para evitar o som “dobrado”.
NOTA: Quando está selecionado “with PC”, pode ocorrer um pequeno atraso entre o momento em que você toca uma nota no
Multi
Referência
teclado externo e o momento em que você ouve o som resultante.
Power on Mode
Determina o modo padrão (e o banco de memória) em que o instrumento liga — permitindo a você
selecionar qual a condição que é chamada automaticamente quando você liga a alimentação.
Configurações: multi, voice (USR1), voice (PRE1), voice (GM)
Utility
multi ....................... Na próxima vez que o instrumento for ligado, será selecionado automaticamente o modo Multi e o primeiro
programa do banco Multi (USR:001).
voice (USR1) ......... Na próxima vez que o instrumento for ligado, será selecionado automaticamente o modo Voice e o primeiro
programa do banco User Voices (USR: 001).
voice (PRE1).......... Na próxima vez que o instrumento for ligado, será selecionado automaticamente o modo Voice e o primeiro
programa do banco Preset Voices (PRE1: 001).
voice (GM)............. Na próxima vez que o instrumento for ligado, será selecionado automaticamente o modo Voice e o primeiro
programa do banco GM Voices (GM: 001).
Apêndice
Layer 1-4 Parts
(Layer 1 – 4 Parts Switch)
Determina se os Voices das Partes 1 – 4 do Multi soarão simultaneamente como uma só parte. Se este
parâmetro estiver configurado para “on”, os canais de recepção das partes 1 – 4 serão configurados
automaticamente para o mesmo valor do parâmetro Receive Ch (Basic Receive Channel) da tela Utility
Voice MIDI do modo Voice. Para detalhes sobre o procedimento, consulte o Guia Rápido na página 40.
Configurações: off, on
NOTA: Se este parâmetro estiver configurado para “on”, a configuração efetiva de “Receive Ch” das partes t 1 – 4 não será
atualizada desde a última configuração.
98
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Utility
Quando uma placa opcional mLAN16E2 está instalada, este parâmetro seleciona o driver para operar
a mLAN16E2. No AI Driver, configure este parâmetro para “mLAN”. Para detalhes sobre a
configuração deste parâmetro, consulte as informações sobre o IEEE1394 Firmware disponíveis na
página do MOTIF-RACK XS no site: http://www.yamahasynth.com/download/
Controles e
Conectores
IEEE1394 Driver
Knob Disp Time
(Knob Display Time)
Determina se ao girar um dos botões 1 – 5 fará aparecer o quadro do botão (página 29).
Knob Sel Disp Sw
(Botão Select Display Switch)
Determina se ao pressionar a tecla [SELECT] faz aparecer o quadro Knob Select (página 29).
Diferentemente do quadro Knob Disp (página 29), não é possível determinar o tempo de
apresentação deste quadro.
Instalando
Para habilitar a configuração alterada, você precisará reiniciar o MOTIF-RACK XS depois de
armazenar as configurações de Utility.
Ouvindo os
Sons
Configurações: off, 1 sec, 1.5 sec, 2 sec, 3 sec, 4 sec, 5 sec, keep
off .......................... O quadro aparece somente quando o botão é pressionado.
1 sec – 5 sec ......... Pressionando ou girando o botão faz aparecer o quadro por 1 – 5 segundos, e em seguida o quadro é
automaticamente fechado.
keep ...................... Pressionando ou girando o botão faz aparecer o quadro. Quando o quadro está aberto, ao chamar outro
quadro / tela ou pressionar o botão/ tecla [ENTER]/ tecla [EXIT] faz fechar o quadro.
Configurações: off, on
Modifica a função da tecla [AUDITION]. Quando este parâmetro está configurado para “audition sw”,
pressionando a tecla [AUDITION] liga ou desliga a execução da audição. Quando este parâmetro
está configurado para “arpeggio sw”, pressionando a tecla [AUDITION] liga ou desliga a execução do
arpejo. Quando configurado para “arpeggio sw”, a tecla [AUDITION] funciona da mesma maneira que
“Arp Sw” na tela Arp Select (página 66) em Voice Common Edit ou na tela Arpeggio (página 91) em
Multi Common Edit.
Conexões
Audition Button
(Audition Button Function)
Configurações: audition sw, arpeggio sw
Ao usar as teclas de cursor [<]/[>]para alterar Bank/Part no modo Voice/Multi, este parâmetro
determina se pressionando a tecla de cursor [>] alternadamente faz mover continuamente e passa
do último Bank/Part para o primeiro Bank/Part e vice-versa. Quando este parâmetro está em “on”, a
mudança contínua está disponível.
Computador
Bank/Part Wrap
(Bank/Part Wrap Around)
Configurações: off, on
Ajusta o visor de LCD para melhorar a visibilidade.
Guia Rápido
LCD Contrast
Configurações: 1 – 16
NOTA: Para fazer isto, mantenha pressionada a tecla [UTILITY] e gire o encoder.
L&R Gain
Determina o ganho de saída nos conectores OUTPUT L/MONO e R.
Configurações: +0dB, +6dB
Determina o ganho de saída nos conectores ASSIGNABLE OUT L e R.
Estrutura
Assign L&R Gain
Configurações: +0dB, +6dB
mLAN Gain
Determina o ganho de saída no terminal mLAN.
Configurações: +0dB, +6dB
2 MIDI
Determina qual terminal de saída/entrada será usado para transmitir/receber dados MIDI.
Voice
MIDI In/Out
Configurações: MIDI, USB, mLAN (quando a placa opcional mLAN16E2 está instalada no MOTIF-RACK XS)
NOTA: Quando não há um cabo USB conectado ao MOTIF-RACK XS, o terminal MIDI é usado automaticamente para
transmitir/receber dados MIDI, mesmo que este parâmetro esteja configurado para “USB”.
Configurações: internal, external, auto
internal................... Sincroniza pelo clock interno. Você pode usar esta opção quando este gerador de sons for usado sozinho
ou como um master de clock para outro equipamento.
external.................. Sincroniza pelo clock de MIDI recebido de um equipamento MIDI externo. Você pode usar esta opção
quando o equipamento externo for o master.
auto ....................... Quando o clock de MIDI é transmitido continuamente de um equipamento MIDI externo ou de um
computador, o clock interno do MOTIF-RACK XS não atua e o MOTIF-RACK XS sincroniza pelo clock
externo. Esta opção é útil quando você deseja alternar entre o clock externo e o interno.
Utility
NOTA: Ao configurar o MOTIF-RACK XS para que a execução do arpejo sincronize pelo clock MIDI, certifique-se de configurar
para que o clock MIDI do software de gravação ou do equipamento MIDI sejam transmitidos corretamente para o
MOTIF-RACK XS. Para detalhes sobre esta configuração, consulte página 21.
Determina se as mensagens de clock de MIDI (F8H) serão transmitidas via MIDI.
Configurações: off, on
NOTA: Quando “MIDI Sync” está configurado para “external”, o clock de MIDI do MOTIF-RACK XS não é transmitido.
Apêndice
Clock Out
Multi
Determina se a execução do arpejo será sincronizada ao clock interno do instrumento ou ao clock
recebido por MIDI.
Referência
MIDI Sync
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
99
Utility
Controles e
Conectores
Local Control
Determina se o gerador de sons do instrumento responde ou não à operação nos botões 1 – 5.
Se você configurar “Local Control” para “off”, os botões são desconectados internamente do gerador de
sons. Mesmo que esteja configurado para “off”, os dados serão transmitidos via MIDI. Além disto, o
gerador de sons interno irá responder às mensagens recebidas via MIDI.
Configurações: off (responde), on (não responde)
Device No.
(Device Number)
Instalando
Determina o número MIDI Device Number. Este número deve combinar com o Device Number do
software de gravação (DAW) ou do equipamento MIDI externo ao transmitir/receber blocos de dados
(Bulk Dump), mensagens de parameter changes ou outras mensagens MIDI de System Exclusive.
Configurações: 1 – 16, all, off
all ........................... Nesta opção, as mensagens de System Exclusive de todos os números de MIDI Device Numbers são
recebidas. Quando mensagens de System Exclusive do tipo Bulk Dump são transmitidas para o
MOTIF-RACK XS com esta configuração, o MOTIF-RACK XS é reconhecido como Device Number 1.
off .......................... Nesta opção, as mensagens de System Exclusive do tipo Bulk Dump e parameter change não podem ser
transmitidas ou recebidas. Quando você tenta efetuar a transmissão e recepção de mensagens de System
Exclusive, aparece uma mensagem de erro.
Ouvindo os
Sons
Bank Select Sw
(Bank Select Switch)
Determina se as mensagens de Bank Select são transmitidas ou recebidas. Quando configurado para
“on”, o gerador de sons responde às mensagens de Bank Select recebidas, e também transmite as
mensagens apropriadas de Bank Select (ao se operar no painel). Quando configurado para “off”, as
mensagens de Bank Select não podem ser transmitidas/recebidas.
Configurações: off, on
Conexões
Prg Change Sw
(Program Change Switch)
Determina se as mensagens de Program Change são transmitidas ou recebidas. Quando configurado
para “on”, o gerador de sons responde às mensagens de Program Change recebidas, e também
transmite as mensagens apropriadas de Program Change (ao se operar no painel). Quando
configurado para “off”, as mensagens de Program Change não podem ser transmitidas/recebidas.
Configurações: off, on
Receive Bulk
Computador
Determina se as mensagens do tipo Bulk Dump do software de gravação (DAW) ou do equipamento
MIDI externo podem ser recebidas.
Configurações: protect (não recebe), on (recebe)
Controller Reset
Determina o estado dos controles (roda de Modulation, Aftertouch, Foot Controller, Breath Controller,
botões, etc.) ao mudar de um Voice para outro. Quando configurado para “hold”, os controles são
mantidos na configuração atual. Quando configurado para “reset”, os controles são restaurados para
seus estados padrão (veja abaixo).
Guia Rápido
Configurações: hold, reset
Na opção “reset”, os controles serão restaurados para os seguintes estados/posições:
Pitch Bend: centro; Modulation: mínimo; Aftertouch: mínimo; Foot Controller: máximo; pedal: Off; Ribbon Controller: centro;
Breath Controller: máximo; Assignable Function: Off; Expression: máximo; Sustain: Off
Bulk Interval
Estrutura
Determina o tempo de intervalo para a transmissão de Bulk Dump quando a função Bulk Dump é usada ou
ao receber a mensagem de Bulk Dump Request. A função Bulk Dump permite a você salvar os dados do
Voice/Multi atual que estão no buffer de edição (DRAM) e transmite como dados de MIDI (mensagens de
System Exclusive) para o software de gravação em um computador ou para outro equipamento MIDI.
Configurações: 0, 10ms, 20ms, 30ms
MIDI Soft Thru
(MIDI Soft Thru Switch)
Determina se os dados de MIDI recebidos são re-transmitidos (e também através de qual saída) quando
“MIDI In/Out” está configurado para “MIDI”. Se você não conectou um cabo USB ao MOTIF-RACK XS,
mesmo que “MIDI In/Out” esteja configurado para “USB”, esta configuração estará disponível uma vez
que o terminal MIDI terminal será usado automaticamente para transmitir/receber dados de MIDI.
Configurações: off, on
NOTA: Se você quiser re-transmitir pelo conector MIDI OUT (Soft Thru) as mensagens de MIDI Clock (F8) recebidas, configure
Voice
este parâmetro para “on”, e também configure o parâmetro Clock Out (veja acima) para “off” para que a transmissão das
mensagens de MIDI Clock do MOTIF-RACK XS seja desabilitada.
Referência
Multi
Quick Setup
Quando o cursor está aqui, pressionando a tecla [ENTER] ou o encoder dá acesso ao quadro Quick
Setup (página 101). O MOTIF-RACK XS possui três combinações dos seguintes parâmetros para
operações básicas: Local Control, MIDI Sync, Clock Out, Arp MIDI Out Sw. Essas combinações podem
ser selecionadas e executadas no quadro Quick Setup, permitindo a você alterar imediatamente todas
as configurações, dependendo da aplicação específica que você desejar. As três combinações podem
ser modificadas configurando os parâmetros a seguir nesta tela Utility MIDI.
QS 1 – 3 Local Control
(Quick Setup 1 – 3 Local Control)
Altera as configurações de cada parâmetro de Quick Setup 1 – 3.
QS 1 – 3 MIDI Sync
(Quick Setup 1 – 3 MIDI Sync)
Utility
QS 1 – 3 Clock Out
(Quick Setup 1 – 3 Clock Out)
Configurações:
Local Control ........ off, on
MIDI Sync .............. .internal, external, auto
Clock Out ............. .off, on
Arp MIDI Out Sw ... all off, all on
QS 1 – 3 Arp MIDI Out Sw
(Quick Setup 1 – 3 Arpeggio MIDI
Out Switch)
Apêndice
100
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Utility
Quick Setup
1
Ouvindo os
Sons
Instalando
Controles e
Conectores
Este quadro permite executar a configuração do Quick Setup selecionado o seu número e pressionando a tecla [ENTER].
Número do Quick Setup
Este parâmetro permite a você selecionar três tipos de configurações registradas no
Quick Setup. Os três tipos de configurações iniciais são mostrados abaixo.
Configurações: 1 – 3
Outras configurações
Certifique-se de que Echo Back (MIDI Thru) no
software de gravação (DAW) está configurado
para “on”.
2
Ao gravar dados de execução incluindo dados
de arpejo em um software de gravação (DAW)
em um computador.
Local control: on
MIDI: auto
Clock Out: off
Arp MIDI Out Sw: all on
Certifique-se de Echo Back (MIDI Thru) no
software de gravação (DAW) está configurado
para “off”.
Ao usar o MOTIF-RACK XS como
equipamento individual, sem conectar a um
software de gravação (DAW) ou outro
equipamento MIDI.
Local control: on
MIDI: internal
Clock Out: on
Arp MIDI Out Sw: all off
—
Guia Rápido
1
Local control: off
MIDI: auto
Clock Out: off
Arp MIDI Out Sw: all off
Conexões
Parâmetros
Ao gravar dados de execução que não sejam
dados de arpejo em um software de gravação
(DAW) em um computador.
3
2
Aplicação
Computador
No. do
Quick
Setup
Parâmetros de Quick Setup (somente indicação)
3 Configurações
atuais de cada parâmetro (somente indicação)
Configurações novas depois de executar Quick Setup para cada parâmetro (somente indicação)
Determina o número de Control Change correspondente ao Ribbon Controller de um dispositivo externo
conectado ao MOTIF-RACK XS.
Configurações: off, 1 – 95
FC 2 Ctrl No.
(Foot Controller 2 Control Number)
FS Ctrl No.
(Foot Switch Control Number)
Determina o número de Control Change correspondente ao Foot Controller de um dispositivo externo
conectado ao MOTIF-RACK XS.
Configurações: off, 1 – 95
Determina o número de Control Change correspondente ao Foot Switch de um dispositivo externo
conectado ao MOTIF-RACK XS.
Utility
FC 1 Ctrl No.
(Foot Controller 1 Control Number)
Referência
RB Ctrl No.
(Ribbon Control Number)
Voice
3 Controller
Determina as configurações de endereçamento de controles comuns a todo o sistema do MOTIF-RACK XS. Você pode endereçar números de
Control Change ao botões no painel frontal e controles externos. Por exemplo, você poderia usar os botões ASSIGN 1 e 2 para controlar a
profundidade de efeito para dois efeitos diferentes, e ao mesmo tempo usar o Foot Controller para controlar a modulação. Estes endereçamentos
de números de Control Change são denominados como “Controller Assign”.
Multi
4
Estrutura
Mostra os parâmetros for Quick Setup.
AS 1 Ctrl No.
(Assign 1 Control Number)
AS 2 Ctrl No.
(Assign 2 Control Number)
Determina os números de Control Change correspondentes ao botão ASSIGN1 e ao botão ASSIGN2
(quando a luz da linha inferior está acesa).
Configurações: off, 1- 95
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
Configurações: off, 1 – 95
101
Utility
Controles e
Conectores
A. Func 1 Ctrl No.
(Assign Function 1 Control Number)
A. Func 2 Ctrl No.
(Assign Function 2 Control Number)
BC Ctrl No.
(Breath Controller Control Number)
Determina o número de Control Change que é gerado quando você usa uma tecla ASSIGNABLE
FUNCTION [1]/[2] tecla no MOTIF-RACK XS Editor ou em um equipamento externo conectado ao
MOTIF-RACK XS.
Configurações: off, 1 – 95
Determina o número de Control Change que é gerado quando você usa um Breath Controller em um
equipamento externo conectado ao MOTIF-RACK XS.
Configurações: off, 1 – 95
Instalando
Arp Sw Ctrl No.
(Arpeggio Switch Control Number)
Determina o número de controle que liga/desliga a execução do arpejo.
Arp Hold Ctrl No.
(Arpeggio Hold Control Number)
Determina o número de controle que liga/desliga o parâmetro Arp Hold na tela Arp Edit (página
66).
Configurações: off, 1 – 95
Configurações: off, 1 – 95
Ouvindo os
Sons
Arp 1 – 5 Ctrl No.
(Arpeggio 1 – 5 Control Number)
Determina o número de controle que seleciona os arpejos 1 – 5, armazenados em cada Voice/Multi.
Arp Assign Mode
(Arpeggio Assign Mode)
Determina o modo para selecionar os arpejos 1 – 5, armazenados em cada Voice/Multi.
Configurações: off, 1 – 95
Conexões
Configurações: inc, direct
inc.......................... A cada vez que o MOTIF-RACK XS recebe uma mensagem com o respectivo número de Control
Change, os arpejos 1 – 5 podem ser selecionados. O valor efetivo do Control Change não importa.
direct ..................... Você pode selecionar o arpejo correspondente ao valor do respectivo número de Control Change: 0 – 25
(Arpeggio 1), 26 – 50 (Arpeggio 2), 51 – 76 (Arpeggio 3), 77 – 101 (Arpeggio 4), 102 – 127 (Arpeggio 5)
Computador
3 Micro Tune (User Micro Tuning)
Nesta tela, você pode criar suas próprias micro-afinações no banco User. Afinando uma oitava afeta as notas de todas as oitavas de
C -2 a G8.
Guia Rápido
Number
(Micro Tuning Number)
Determina o número onde a micro-afinação será armazenada.
Name
(Micro Tuning Name)
Entre com o nome desejado para a micro-afinação. Quando o cursor está aqui, pressionando a tecla
[ENTER] ou o encoder dá acesso ao quadro Naming, onde você pode entrar com o nome desejado. O
nome da micro-afinação pode ter até 20 caracteres. Para instruções detalhadas sobre como entrar com
os caracteres, consulte “Configurações do nome do Voice/ Multi”, no Guia Rápido (página 47).
C–B
(C Tuning Offset – B Tuning Offset)
Permite a você afinar notas individuais em centésimos de semitom, para criar sua micro-afinação.
Configurações: 1 – 8
Configurações: -99 cents – +0 cents – +99 cents
5 Voice MIDI
Determina os parâmetros relativos a MIDI. Esta tela só está disponível ao entrar em Utility a partir do modo Voice.
Estrutura
Receive Ch
(Basic Receive Channel)
Determina o canal de recepção de MIDI para quando o MOTIF-RACK XS está configurado no modo Voice.
Configurações: 1 – 16, omni, off
omni....................... Nesta opção, todas as mensagens de canal são recebidas.
NOTA: No modo Multi, cada parte recebe dados de MIDI conforme o canal de recepção configurado. O canal de recepção para
cada parte pode ser configurado na tela Voice do parâmetro Receive Ch (página 94). No entanto, quando o parâmetro
“Layer 1 – 4 Parts” da tela Utility General (página 98) está configurado para “on”, os canais de recepção das partes 1– 4
no modo Multi são automaticamente configurados para o mesmo valor do parâmetro Receive Ch (Basic Receive
Channel).
Voice
Transmit Ch
(Basic Transmit Channel)
Determina o canal de MIDI pelo qual o MOTIF-RACK XS transmite os dados de MIDI gerados pela
operação dos botões 1 – 5 (para um seqüenciador, um gerador de sons ou outro dispositivo MIDI
externo). Este parâmetro está disponível no modo Voice.
Configurações: 1 – 16, off
Referência
Multi
Arp MIDI Out Sw
(Arpeggio MIDI Output Switch)
Determina se os dados da execução do arpejo no modo Voice são enviados para o equipamento
externos através de mensagens de MIDI. Quando configurado para “on”, os dados são enviados.
Configurações: off, on
Arp Transmit Ch
(Arpeggio Transmit Channel)
Determina o canal de transmissão de MIDI através do qual os dados de execução do arpejo são
enviados para o equipamento externo (quando o parâmetro Switch acima está configurado para “on”).
Configurações: 1 – 16
Utility
Apêndice
102
6 Voice mLAN
Determina diversos parâmetros do sinal de Audio Input enviado do terminal mLAN no modo Voice, tais como conectores de saída, Volume,
Pan e profundidade de efeito. Lembre-se de que isto só se aplica quando uma placa opcional mLAN16E2 está instalada. Esta tela só está
disponível quando se entra em Utility a partir do modo Voice. Os parâmetros são os mesmos da tela mLAN In em Multi Common Edit (página 91).
7 Voice MEF
Determina os parâmetros de Master Effect no modo Voice. As configurações aqui afetam todos os Voices. Esta tela só está disponível quando
se entra em Utility a partir do modo Voice.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Utility
Controles e
Conectores
Determina se o efeito Master Effect é aplicado ou não ao Voice. Quando configurado para “on”, o efeito
será aplicado.
Type
Seleciona um tipo de efeito. Para detalhes sobre os tipos de efeitos, consulte “Estrutura Básica”, pág.59.
Preset
Permite a você selecionar para cada tipo de efeito uma das configurações pré-programadas, criadas
para ser usada em aplicações ou situações específicas. Você pode mudar como o som é afetado pelas
configurações pré-programadas. Para detalhes sobre as configurações pré-programadas de cada tipo
de efeito, consulte o documento Data List.
Effect Parameters
Os parâmetros do efeito são diferentes dependendo do tipo de efeito selecionado. Consulte a página
61 para detalhes sobre os parâmetros do efeito. Consulte o documento Data List para informações
sobre os parâmetros de cada tipo de efeito.
Instalando
Configurações: off, on
Ouvindo os
Sons
8 Voice MEQ
Esta tela permite a você configurar os parâmetros de Master EQ no modo Voice, permitindo a você controlar o EQ em cinco bandas de freqüência
independentes. Estas configurações afetam todos os Voices. Esta tela só está disponível ao entrar em Utility a partir do modo Voice. Os
parâmetros são os mesmos da tela MEQ em Multi Common Edit (página 92).
Conexões
9 Fctry Set (Factory Set)
Você pode restaurar a memória User (página 46) deste gerador de sons para as configurações originais de fábrica (Factory Set). Favor
observar que a configuração de Power On Auto Factory Set desta tela será armazenada automaticamente ao ser executado o Factory Set.
Para instruções sobre como executar o Factory Set, consulte “Restaurando as configurações originais” no Guia Rápido (página 48).
CUIDADO
Quando você restaura as configurações originais de fábrica, os dados da memória User (todos os User Voices, Multis e configurações
de sistema criadas em Utility) são substituídos pelas configurações originais de fábrica. Certifique-se de que não estará apagando
dados importantes. Você deve fazer cópias dos dados importantes em seu computador, antes de usar a função Bulk Dump (pág. 47).
Computador
Quando este parâmetro está configurado para “on”, ao ligar a alimentação fará restaurar os dados
originais de fábrica na memória User. Se você mudar esta configuração, certifique-se de executar a
função Factory Set para finalizar a mudança.
Configurações: off, on
CUIDADO
Voice
Estrutura
Guia Rápido
Ao configurar Auto Factory Set para “on” e executar Factory Set, a função Factory Set será
executada automaticamente sempre que você ligar a alimentação do instrumento. Por isto, este
parâmetro normalmente deve ficar em “off”.
Apêndice
Utility
Referência
Auto Factory Set
(Power On Auto Factory Set)
Multi
Switch
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
103
Controles e
Conectores
Apêndice
Mensagens na Tela
Instalando
Ouvindo os
Sons
Conexões
Computador
Guia Rápido
Mensagens
Descrição
All data is initialized upon power-on.
Continue?
Solicita que você confirme se deseja ou não restaurar os dados originais. Se você pressionar “YES”, na próxima
vez que ligar a alimentação do instrumento todos os dados User serão restaurados para a configuração original.
Are you sure?
Solicita que você confirme se deseja ou não executar determinada operação.
Bulk data protected.
Os blocos de dados MIDI não podem ser recebidos por causa da configuração em Utility. Veja a página 100.
Completed.
O processo de salvar, formatar ou outra operação foi completado.
Device number is off.
Os blocos de dados MIDI não podem ser transmitidos/recebidos porque o número do dispositivo está desativado.
Device number mismatch.
Os blocos de dados MIDI não podem ser transmitidos/recebidos porque os números de dispositivo não combinam.
Executing...
Nunca tente desligara a alimentação enquanto os dados estiverem sendo escritos na memória interna. Se fizer
isto acarretará na perda de todos os dados do usuário e poderá fazer o sistema travar.
Illegal bulk data.
Ocorreu um erro ao receber blocos de dados de MIDI ou mensagens de Bulk Request.
MIDI buffer full.
Não foi possível processar os dados de MIDI porque foram recebidos muitos dados de uma vez.
MIDI checksum error.
Ocorreu um erro ao receber blocos de dados de MIDI.
MIDI data error.
Ocorreu um erro ao receber dados de MIDI. Tente outra vez.
Mixing Voice full.
O Mixing Voice não pode ser salvo porque o número de Voices já salvos atingiu a capacidade máxima.
Now executing Factory set...
Indica que as configurações originais de fábrica estão sendo restauradas.
Now receiving MIDI bulk data...
Indica que o instrumento está recebendo blocos de dados de MIDI.
Now transmitting MIDI bulk data...
Indica que o instrumento está transmitindo blocos de dados de MIDI.
Please keep power on.
Os dados estão sendo escritos na memória Flash ROM. Nunca tente desligara a alimentação enquanto os
dados estiverem sendo escritos na memória. Se fizer isto acarretará na perda de todos os dados do usuário e
poderá fazer o sistema travar (por causa de corrupção de dados na Flash ROM). Isto também poderá fazer com
que o MOTIF-RACK XS não possa iniciar corretamente na próxima vez que for ligado.
Estrutura
The received MIDI bulk data’s type is Esta mensagem aparece quando o MOTIF-RACK XS recebe os blocos de dados para um modo que não é o
not compatible with the current mode/ que ele está no momento. Configure o MOTIF-RACK XS para o modo adequado aos dados a serem
recebidos (se os dados são para o modo Voice, por exemplo, coloque o MOTIF-RACK XS no modo Voice.)
voice type.
Esta mensagem também aparece quando o tipo de Voice (Normal Voice ou Drum Voice) dos blocos de
dados são diferentes do Voice atualmente selecionado. Selecione o tipo de Voice correto.
The setting is available upon next
power-on after storing Utility.
Esta mensagem aparece quando o valor do parâmetro IEEE1394 Driver foi alterado e memorizado, indicando
que a configuração será ativada na próxima vez que a alimentação for ligada.
Voice
Referência
Multi
Utility
Apêndice
104
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
MIDI
Controles e
Conectores
MIDI
Instalando
MIDI (Musical Instrument Digital Interface) é um padrão que permite instrumentos musicais eletrônicos comunicarem entre si, enviando
e recebendo mensagens de comandos de execução de notas, Control Change, Program Change e vários outros tipos de dados.
Este sintetizador pode controlar outros dispositivo MIDI transmitindo comandos relacionados a notas e vários tipos de dados de
controle. Ele também pode ser controlado por mensagens MIDI recebidas de outros equipamentos, que podem determinar
automaticamente o modo do gerador de timbre, selecionar canais de MIDI, timbres e efeitos, alterar parâmetros e, obviamente, tocar
os timbres especificados para as várias partes.
Usualmente, as mensagens MIDI são expressas em números binários ou hexadecimais. Os números hexadecimais podem incluir a
letra “H” como sufixo. A letra “n” indica um determinado valor inteiro.
As mensagens MIDI podem ser divididas em dois grupos:
mensagens de Canal e mensagens de Sistema. A seguir, temos
uma explicação dos vários tipos de mensagens MIDI que este
sintetizador pode reconhecer e transmitir. As mensagens
transmitidas e reconhecidas por este sintetizador são mostradas
nas tabelas “MIDI Data Format” e “MIDI Implementation Chart”,
no livreto Data List.
Conexões
Os dados de execução MIDI são endereçados a um dos
dezesseis canais de MIDI. Usando esses canais, 1 a 16, podese enviar através de um cabo MIDI os dados de execução para
dezesseis partes diferentes, simultaneamente.
Pense no MIDI como se fossem canais de TV. Cada estação
de TV transmite sua programação através de um canal
específico. Seu aparelho de TV recebe programas em vários
canais diferentes ao mesmo tempo, de diversas estações, e
você seleciona o canal apropriado com o programa desejado.
Ouvindo os
Sons
Mensagens de MIDI transmitidas/
reconhecidas
Notícia
2
1
Computador
Mensagens de canal
Previsão
do tempo
As mensagens de canal contêm dados relativos à execução no
teclado para o canal específico.
Guia Rápido
2
Execução de nota – Note On/Note Off
canal de transmissão de MIDI 2
Bank Select MSB (controle 0)
Bank Select LSB (controle 32)
canal de transmissão de MIDI 2
Canais de MIDI e portas de MIDI
Os dados de MIDI são endereçados a um dos dezesseis canais.
No entanto, podemos ultrapassar este limite de dezesseis canais
usando “portas” de MIDI, cada um suportando dezesseis canais.
Para detalhes, veja a página 18.
Estas mensagens selecionam números de bancos de timbres
através da combinação dos valores de MSB e LSB enviados por
um equipamento externo. As funções das mensagens MSB e LSB
diferem dependendo do modo do gerador de timbres. Os números
do MSB selecionam o tipo de timbre (normal ou de bateria), e os
números do LSB selecionam bancos de timbres (para mais
informações sobre bancos e programas, veja a tabela Voice List no
livreto Data List). A seleção de um novo banco só será efetivada
quando for recebida a próxima mensagem de Program Change.
Estrutura
Voice
Utility
cabo
MIDI
Controles – Control Change
As mensagens de Control Change permitem selecionar bancos
de timbres, controlar volume, pan, modulação, tempo do
portamento, brilho, e vários outros parâmetros de controle,
através de números específicos de Control Change que
correspondem a cada um dos vários parâmetros.
Modulation (controle 1)
Esta mensagem controla a intensidade do vibrato usando a
roda de Modulation. O valor de 127 produz o máximo vibrato, e
o valor 0 significa nenhum vibrato.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
O instrumento transmissor envia dados MIDI por um determinado
canal MIDI (canal de transmissão MIDI) através de um cabo MIDI
para o instrumento receptor. Se o canal MIDI do instrumento
receptor (canal de recepção MIDI) combina com o canal de
transmissão usado pelos dados, o instrumento receptor soará de
acordo com os dados enviados pelo instrumento transmissor.
Para informações sobre como configurar o canal de transmissão
e o canal de recepção MIDI, consulte a página 21.
Referência
O MIDI opera no mesmo princípio básico.
Mensagens geradas quando o teclado é tocado.
Faixa de recepção: C-2 (0) a G8 (127), C3 = 60
Intensidades: 1 a 127 (só é recebida a intensidade Note On)
Note On: gerada quando a tecla é pressionada.
Note Off: gerada quando a tecla é solta.
Cada mensagem inclui um número específico de nota que
corresponde à tecla que foi pressionada, e mais um valor de
intensidade (key velocity), que corresponde à força com que a
tecla foi abaixada.
Multi
Canais de MIDI
105
MIDI
Controles e
Conectores
Portamento Time (controle 5)
Brightness (controle 74)
Esta mensagem controla a duração do portamento, que é o
deslocamento contínuo da afinação entre duas notas tocadas
sucessivamente. Quando o parâmetro Portamento Switch
(Controle 65) está ativado, o valor definido aqui pode ajustar a
velocidade com que a afinação muda. O valor de 127 produz o
máximo de tempo de portamento, e o valor 0 resulta em tempo
mínimo de portamento.
Esta mensagem ajusta a freqüência de corte do filtro de cada
parte. O valor ajustado aqui é um valor de deslocamento
(adicionado ou subtraído) do valor atual do parâmetro. Valores
baixos resultarão em um som mais suave. Dependendo do
timbre, a faixa efetiva de controle pode ser mais estreita do que a
faixa disponível para ajustar.
Instalando
Decay Time (controle 75)
Data Entry MSB (controle 6)
Data Entry LSB (controle 38)
Ouvindo os
Sons
Estas mensagens ajustam o valor do parâmetro especificado
pelas mensagens RPN MSB/LSB e NRPN MSB/LSB. O valor
real do parâmetro é determinado combinando-se os valores
MSB e LSB.
Esta mensagem ajusta o tempo de decaimento do gerador de
envoltória AEG de cada parte. O valor ajustado aqui é um
valor de deslocamento (adicionado ou subtraído) do valor
atual do parâmetro.
Effect1 Depth (Reverb Send Level) (controle 91)
Esta mensagem ajusta o nível de mandada para o Reverb.
Main Volume (controle 7)
Conexões
Esta mensagem controla o volume de cada parte. O valor igual a
127 produz o volume máximo, e o valor 0 significa sem volume.
Effect3 Depth (Chorus Send Level) (controle 93)
Pan (controle 10)
Data Increment (controle 96)
Data Decrement (controle 97)
Esta mensagem controla a posição do som de cada parte no
campo estereofônico (para o caso de saída em estéreo).
O valor igual a 127 posiciona o som todo para a direita, e o
valor 0 posiciona o som todo para a esquerda.
Computador
Expression (controle 11)
Esta mensagem controla a expressão de entonação de cada
parte durante a execução. O valor igual a 127 produz volume
máximo, enquanto o valor 0 significa sem volume.
Hold1 (controle 64)
Guia Rápido
Esta mensagem controla o estado do sustain (on/off). Os
valores entre 64 e 127 ativam o sustain, enquanto os valores
entre 0 e 63 desativam o sustain.
Portamento Switch (controle 65)
Estrutura
Esta mensagem liga ou desliga o portamento. Os valores entre
64 e 127 ativam o portamento, enquanto os valores entre 0 e 63
desativam o portamento.
Sostenuto (controle 66)
Voice
Esta mensagem controla o estado do sostenuto. Tocando
determinadas notas e em seguida mantendo pressionado o
pedal de sostenuto faz com que aquelas notas seja
sustentadas enquanto se toca outras notas, até que o pedal
seja solto. Os valores entre 64 e 127 acionam o sostenuto,
enquanto os valores entre 0 e 63 desativam o sostenuto.
Esta mensagem ajusta o nível de mandada para o Chorus.
Estas mensagens incrementam ou decrementam o valor MSB
dos parâmetros de sensibilidade do Pitchbend e da afinação, em
passos de 1 unidade. Você precisa endereçar esses parâmetros
usando primeiro o RPN no equipamento externo. Os bytes de
dados são ignorados. Ao se atingir o máximo ou o mínimo, o
valor não será mais incrementado nem decrementado (ao se
incrementar o valor do parâmetro do ajuste fino da afinação, não
se altera o valor do parâmetro de ajuste amplo da afinação).
RPN (Registered Parameter Number) LSB (controle 100)
RPN (Registered Parameter Number) MSB (controle 101)
Estas mensagens ajustam os valores da sensibilidade do
Pitchbend, afinação e outros parâmetros da parte. Primeiro são
enviadas as mensagens RPN MSB e RPN LSB para especificar o
parâmetro a ajustar, e em seguida é enviada a mensagem de
Data Entry (pág. 183) para ajustar o valor do parâmetro
especificado.
Observe que uma vez que o RPN tenha sido configurado para um
canal, as mensagens de Data Entry seguintes serão reconhecidas
como ajustes do mesmo RPN. Portanto, após usar RPN, você
deve indicar um valor nulo (7FH, 7FH) para evitar resultados
indesejáveis.
RPN MSB
RPN LSB
00
00
Pitch Bend Sensitivity
PARÂMETRO
00
01
Fine Tune
00
02
Coarse Tune
7F
7F
Null
Harmonic Content (controle 71)
Referência
Multi
Utility
Apêndice
106
Esta mensagem ajusta a ressonância do filtro de cada parte. O
valor ajustado aqui é um valor de deslocamento (adicionado ou
subtraído) do valor atual do parâmetro. Valores altos resultarão
em um som mais caracterizado, com mais ressonância.
Dependendo do timbre, a faixa efetiva de controle pode ser mais
estreita do que a faixa disponível para ajustar.
Mensagens de Modo
As seguintes mensagens de Modo podem ser recebidas:
2º BYTE
3º BYTE
MENSAGEM
120
0
All Sounds Off
Release Time (controle 72)
121
0
Reset All Controllers
Esta mensagem ajusta o tempo de liberação do AEG de cada
parte. O valor ajustado aqui é um valor de deslocamento
(adicionado ou subtraído) do valor atual do parâmetro.
123
0
All Notes Off
126
0 – 16
127
0
Mono
Poly
Attack Time (controle 73)
All Sounds Off (controle 120)
Esta mensagem ajusta o tempo de ataque do AEG de cada
parte. O valor ajustado aqui é um valor de deslocamento
(adicionado ou subtraído) do valor atual do parâmetro.
Desliga todos os sons que estejam tocando no canal
especificado. São mantidos, no entanto, os estados das
mensagens de canal, tais como Note On e Hold.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
MIDI
VALOR
Pitch Bend Change
0 (centro)
Aftertouch
0 (desligado)
Polyphonic Aftertouch 0 (desligado)
Modulation
0 (desligado)
Expression
127 (máximo)
Hold1
0 (desligado)
Portamento
0 (desligado)
Sostenuto
0 (desligado)
Soft Pedal
0 (desligado)
Portamento Control
Cancela o número da nota que originou o portamento
RPN
Número não especificado; dados internos não mudam
NRPN
Número não especificado; dados internos não mudam
Controles e
Conectores
CONTROLE
Mensagens de Sistema
As mensagens de sistema são dados relativos ao sistema como
um todo.
System Exclusive Messages
As mensagens exclusivas (SysEx) controlam várias funções
deste sintetizador, incluindo o volume e a afinação geral, modo
do gerador de timbres, tipo de efeito e vários outros parâmetros.
Instalando
Os controles listados abaixo serão restaurados para seus
valores originais.
General MIDI (GM) System On
Quando é recebida uma mensagem “General MIDI system on”, o
instrumento irá receber as mensagens MIDI que são compatíveis
com o padrão GM System Level 1, e conseqüentemente não
receberá mensagens de Bank Select. Quando o instrumento
recebe GM System On, os canais de recepção das partes 1 a 16
(Multi) serão configurados para “1 a 16”.
Ouvindo os
Sons
Reset All Controllers (controle 121)
F0 7E 7F 09 01 F7 (Hexadecimal)
All Notes Off (controle 123)
NOTA:
Desativa todas as notas que estejam ativadas no canal especificado.
Se Hold1 e Sostenuto estiverem ativados, as notas correspondentes
continuarão soando até que esses controles sejam desligados.
MIDI Master Volume
Mono (controle 126)
Quando recebida, a mensagem de Volume MSB será efetiva
para o parâmetro do sistema.
Efetua a mesma função que a mensagem All Sounds Off, e coloca o
canal correspondente em modo Poly.
Conexões
Computador
F0 7F 7F 04 01 ll mm F7 (Hexadecimal)
Mode Change
Quando esta mensagem é recebida, o modo do MOTIF-RACK
XS é alterado.
* n = Device Number (página 100)
* m = 0 – 6, (0: Voice, 1 – 4: não usado, 5: Multi, 6: Demo)
Guia Rápido
Poly (controle 127)
* mm (MSB) = valor apropriado do volume, ll (LSB) = ignorado
F0 43 1n 7F 03 0A 00 01 0m F7 (Hexadecimal)
NOTA:
Quando você especifica um program change como um número na faixa de 0 a
127, especifique um número com menos 1 em relação aos números da lista de
Voices de Data List. Por exemplo, para selecionar o programa de número 128,
você deve especificar o program change 127.
Mensagens de Tempo Real
Active Sensing (FEH)
Tendo recebido uma vez a mensagem de Active Sensing, caso
nenhum dado MIDI seja recebido posteriormente por mais de 300
milisegundos, este instrumento procederá como se tivesse
recebido as mensagens de All Sounds Off, All Notes Off, e Reset
All Controllers, e retornará ao estado em que Active Sensing
(FEH) não é monitorada.
Estrutura
Seleção de programa – Program Change
Esta mensagem seleciona o timbre (Voice) para cada parte.
Combinada com a mensagem de Bank Select, você pode
selecionar não apenas os números básicos de timbres, mas
também números de banco de timbres. Veja a lista de Voices
no documento Data List.
Esta é uma mensagem de controle contínuo que permite alterar
para cima ou para baixo, conforme o valor especificado, a
afinação das notas que estão sendo tocadas.
Esta mensagem é transmitida a um intervalo fixo (24 vezes a
cada semínima) para sincronizar instrumentos MIDI conectados.
Você pode selecionar se o seqüenciador usa sincronismo
interno ou externo (através de mensagens de Timing Clock
recebidas via MIDI IN), configurando o parâmetro MIDI Sync:
[UTILITY] –> tela MIDI –> “MIDI Sync”.
Channel Aftertouch
Referência
Pitch Bend
Voice
Timing Clock (F8H)
Multi
Efetua a mesma função que a mensagem All Sounds Off, sendo
que se o terceiro byte (número do mono) estiver na faixa de 0 - 15,
coloca o canal correspondente em modo Mono (Modo 4: m = 1).
Certifique-se de que o intervalo entre esta mensagem e a primeira nota da
música é igual a pelo menos o equivalente a uma semínima.
Utility
Esta mensagem permite que você controle o som das notas de
um canal conforme a pressão aplicada sobre as teclas depois
destas terem sido abaixadas.
Polyphonic Aftertouch
Apêndice
Esta mensagem permite que você controle o som de uma
nota individual conforme a pressão aplicada sobre a
respectiva tecla depois desta ter sido abaixada.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
107
Instalando a placa opcional mLAN16E2
Controles e
Conectores
Instalando a placa opcional mLAN16E2
Você pode instalar uma placa de expansão mLAN (mLAN16E2) no MOTIF-RACK XS. Instalando a placa mLAN16E2, você pode conectar
seu MOTIF-RACK XS a um computador que possua porta IEEE1394.
IMPORTANTE
Instalando
Precauções na instalação
Guarde os parafusos removidos em local seguro. Eles
serão usados ao instalar a mLAN16E2. Tome cuidado para
não confundir os parafusos. Guarde a tampa e os
parafusos de fixação em um local seguro, para uso futuro.
Antes de instalar o hardware opcional, certifique-se de que dispõe
de uma chave do tipo Philips e espaço amplo para trabalhar.
Ouvindo os
Sons
AVISO
Conexões
• Antes de começar a instalação, desligue o instrumento e os demais equipamentos
conectados, e desconecte o cabo de alimentação da rede elétrica. A instalação ou
remoção de qualquer dispositivo só deve ser iniciada DEPOIS que o instrumento (e o
hardware opcional) retornar para a temperatura ambiente normal. Em seguida,
remova todos os cabos que conectam o instrumento a outros equipamentos (se você
deixar o cabo de alimentação conectado enquanto trabalha poderá sofrer choque
elétrico. E outros cabos conectados poderão interferir no trabalho).
• Tome cuidado para não deixar cair qualquer dos parafusos dentro do instrumento
durante a instalação (isto pode ser evitado mantendo as peças opcionais e a tampa
longe do instrumento ao trabalhar). Se isto acontecer, tenha certeza de que retirou
o(s) parafuso(s) de dentro do instrumento antes de ligá-lo. Parafusos perdidos
dentro do instrumento podem causar operação incorreta ou danos sérios. Se você
não for capaz de retirar um parafuso caído dentro do instrumento, consulte o
revendedor Yamaha para saber como proceder.
• Instale as peças opcionais com cuidado conforme descrito no procedimento
abaixo. A instalação errada pode causar curtos-circuitos que podem resultar
em danos irreparáveis e criar risco de incêndio.
• Não desmonte, modifique ou aplique força excessiva nas áreas da borda e nos
conectores das peças opcionais. A deformação de placas e conectores pode
acarretar a choque elétrico, incêndio ou falhas no equipamento.
CUIDADO
Computador
Depois de remover a tampa, você verá as fixações metálicas
na parte inferior da abertura. Para evitar de se cortar ou
arranhar seus dedos, tome cuidado para não tocar nestas
partes ao instalar a mLAN16E2.
3.
Guia Rápido
CUIDADO
Estrutura
• É recomendado que você vista luvas para proteger as suas mãos de saliências
metálicas nas peças opcionais e em outros componentes. Se você tocar os
conectores com as mãos nuas poderá cortar seus dedos, e poderá também
resultar em mau contato elétrico ou danos eletrostáticos.
• Tenha cuidado com a eletricidade estática. Uma descarga de eletricidade
estática pode danificar os chips de CI da mLAN16E2. Antes de manusear a
interface opcional mLAN16E2, para reduzir a possibilidade de eletricidade
estática, toque uma parte metálica não pintada ou um fio de aterramento de um
equipamento aterrado.
• Manuseie as unidades ópticas com cuidado. Se deixá-las cair ou sujeitá-las a
qualquer tipo de choque poderá causar danos e resultar em mau
funcionamento.
• Não toque nas partes metálicas expostas da placa de circuito. Isto poderá
levar a mau contato.
• Tenha cuidado para não confundir os parafusos.
• Não use outros parafusos que não sejam os do instrumento. O uso de
parafusos errados pode causar danos.
Voice
Instalando a mLAN16E2
Referência
Multi
1.
Insira a mLAN16E2 pelas guias.
Empurre a mLAN16E2 toda para dentro da abertura de maneira
que o conector no final da mLAN16E2 fique inserido
corretamente no conector no fundo da abertura.
Guias
4.
Recoloque a tampa, usando os dois parafusos que
você removeu no passo 2.
Desligue a alimentação do MOTIF-RACK XS, e
desconecte o adaptador AC da tomada.
Além disto, certifique-se de que desconectou o MOTIFRACK XS dos demais equipamentos.
Utility
2.
Remova a tampa da mLAN16E2 do painel traseiro.
Com o painel traseiro do equipamento voltado para
você, remova os dois parafusos da tampa.
Apêndice
CUIDADO
108
Poderá ocorrer mau funcionamento ou operação
incorreta se a mLAN16E2 não for fixada corretamente.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Soluções de Problemas
Voice ou Multi, verifique o ajuste geral de volume do
MOTIF-RACK XS.
4.
Se depois do passo 3 acima você ainda não ouvir o
som, o problema pode estar nas configurações de
Utility do MOTIF- RACK XS, as configurações do
equipamento MIDI conectado, e/ou o cabo de MIDI.
Não sai som
Volume:
● Você fez os ajustes corretos de volume — incluindo o
Master Volume no MOTIF-RACK XS e os ajustes de volume
nos demais equipamentos conectados?
.......................................................................páginas 10 e 14
Outras configurações:
● O ajuste de volume ou nível está correto?
Verifique os seguintes parâmetros:
[VOICE] –> [EDIT] –> selecione “Play Mode” –> [ENTER] –> Volume .. página 65
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> [ENTER] –> selecione “Play
Mode” –> [ENTER] –> Volume ................................................................ página 94
No MOTIF-RACK XS Editor, ligue [Voice] –> selecione qualquer Element/Key
–> selecione “Amplitude” –> “Level”.................................................. página 80 e 85
● No MOTIF-RACK XS Editor, os elementos ou partes estão
silenciados? Para detalhes, consulte o manual do MOTIFRACK XS Editor.
● No MOTIF-RACK XS Editor, algum dos parâmetros de
Element Switch está em “off”?
No MOTIF-RACK XS Editor, ligue [VOICE] –> ligue cada um dos Element
Switch/Key Switch ........................................................................… páginas 73 e 84
● No MOTIF-RACK XS Editor, os filtros de Element/Drum
estão ajustados de maneira que possam estar cortando
quase todo o som? ...............................................página 76
Instalando
Ouvindo os
Sons
ajustados corretamente?
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> [ENTER] –> selecione “Play
Mode” –> [ENTER] –> “Note Limit Lo/Hi” ou “Velocity Limit Lo/Hi” ..... página 95
No MOTIF-RACK XS Editor, ligue [VOICE] –> selecione qualquer Element/Key
–> “Oscillator/Pitch” –> “Note Limit” e “Velocity Limit” ..................... página 74
Conexões
● Os canais de recepção de MIDI estão corretos?
[VOICE] –> [UTILITY] –> selecione “Voice MIDI” –> [ENTER] –> “Receive Ch”
............................................................................................................ página 102
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> [ENTER] –> selecione
“Voice” –> [ENTER] –> “Receive Ch” ............................................... página 94
● A saída de cada parte está configurada corretamente?
Computador
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> selecione “Play Mode”
[ENTER] –> “Output Select” ................................................................ página 95
● Se o arpejo ativado, o parâmetro Arpeggio Category está
configurado para “Cntr” e o parâmetro Key Mode para
qualquer opção diferente de “direct”?
[VOICE] –> [EDIT] –> selecione “Arpeggio” –> [ENTER] –> selecione “Arp
Edit” –> [ENTER] –> “Key Mode” ........................................................ página 67
[VOICE] –> [EDIT] –> selecione “Arpeggio” –> [ENTER] –> configure “Arp
Select” para “ARP1” – “ARP5” –> selecione “Arp 1 Type” – “Arp 5 Type” –>
[ENTER] –> “Main Ctgry” .................................................................... página 68
Guia Rápido
3. Se o problema ainda persistir depois de mudar de
● As faixas de notas e de intensidades de cada parte estão
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> [ENTER] –> selecione
“Arpeggio” –> [ENTER] –> selecione “Arp Edit” –> [ENTER] –> “Key Mode”
............................................................................................................... página 67
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> [ENTER] –> selecione
“Arpeggio” –> [ENTER] –> selecione dentre “ARP1” – “ARP5” –> selecione
“Arp 1 Type” – “Arp 5 Type” –> [ENTER] –> “Main Ctgry” ............... página 68
Estrutura
produziram uma redução no volume, ao selecionar um outro Voice ou
Multi fará restabelecer o volume.
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> [ENTER] –> selecione
“Play Mode” –> [ENTER] –> “Vel Sens Depth” ou “Vel Sens Offset” . página 95
● Se o arpejo não produz som, as faixas de notas e de
intensidades está correta?
[VOICE] –> [EDIT] –> selecione “Arpeggio” –> [ENTER] –> selecione “Arp
Edit” –> [ENTER] –> Note Limit Lo/Hi ou Velocity Limit Lo/Hi ............ página 67
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> [ENTER] –> selecione
“Arpeggio” –> [ENTER] –> selecione “Arp Edit” –> [ENTER] –> Note Limit
Lo/Hi ou Velocity Limit Lo/Hi ................................................................. página 96
Voice
NOTA: Se os dados MIDI da música, tais como volume ou expressão
● As configurações de intensidade estão corretas?
● Se o elemento para o qual o parâmetro XA Control está
configurado para “legato” em Oscillator no MOTIF-RACK
XS Editor não produz som, o parâmetro Mono/Poly está
configurado para “mono”?
Além disto, o elemento para o qual o parâmetro XA Control
está configurado para uma opção diferente de “legato”
pertence ao mesmo Element Group?........ páginas 65 e 73
● Se o elemento para o qual o parâmetro XA Control está
configurado para “key off sound” não produz som, você
soltou a nota (enviando uma mensagem de Note Off para
o gerador de sons) ao mesmo tempo que o nível do AEG
do Element Group diminui?
O elemento para o qual o parâmetro XA Control está
configurado para “key off sound” produzirá som com o
nível do AEG do elemento anterior do mesmo grupo.
Certifique-se de que soltou a nota no momento em que o
nível do AEG não estava muito baixo, ou enderece o
elemento com “key off sound” para outro grupo . página 73
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Multi
Se você não consegue ouvir som pelo fone de
ouvido, tente selecionar outros Voices ou Multis para
verificar se o problema persiste. Se o problema
acaba quando você seleciona um outro Voice ou
Multi, você pode assumir que as configurações do
outro Voice ou Multi é que têm problemas.
● Os ajustes de efeitos estão corretos? ....... páginas 33 e 38
Utility
2.
Conecte um fone de ouvido para verificar se o MOTIFRACK XS está produzindo som corretamente. Se você
pode ouvir o som pelo fone de ouvido mas não pelo
sistema de áudio conectado, pode assumir que o problema
está nas conexões de áudio para o sistema de áudio.
[VOICE] –> [EDIT] –> selecione “EG” –> [ENTER] –> “FEG Depth” . página 68
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> [ENTER] –> selecione “EG”
–> [ENTER] –> “FEG Depth” .............................................................. página 96
Apêndice
1.
● O parâmetro FEG Depth está muito baixo?
Referência
A lista a seguir apresenta sugestões para diagnósticos e páginas
de referências para os problemas comuns. A maioria dos
problemas pode ser simplesmente devido a configurações
incorretas. Antes de entrar em contato com o representante da
Yamaha, consulte as indicações para soluções de problemas
listadas abaixo para ver se você pode encontrar e solucionar a
causa do problema. Em particular, se você está com problema
para ouvir o som do MOTIF-RACK XS, verifique os pontos abaixo
para encontrar a causa.
Controles e
Conectores
Soluções de Problemas
109
Soluções de Problemas
● Se o elemento para o qual o parâmetro XA Control está
Controles e
Conectores
configurado para “AF 1 on”, “AF 2 on” ou “all AF off” no
MOTIF- RACK XS Editor não produz som, você operou o
controle endereçado à tecla A.Func [1] ou [2]?.. página 101
Configurações do sistema (Utility):
A reprodução continua sem parar
● Se a tecla [AUDITION] estiver ligada, pressione-a outra vez
para que a sua luz se apague.
A afinação está errada
Instalando
● Os canais de recepção de MIDI estão corretos?
[VOICE] –> [UTILITY] –> selecione “Voice MIDI” –> [ENTER] –> “Receive Ch
.................................................................................................... página 102
● A configuração de MIDI IN/OUT está correta?
[VOICE] –> [UTILITY] –> selecione “MIDI” –> [ENTER] –> “MIDI In/Out”
.......................................................................................................... página 99
● A afinação está correta?
[UTILITY] –> selecione “General” –> [ENTER] –> “Tune” ................. página 98
● A configuração de “Note Shift” está correta?
[UTILITY] –> selecione “General” –> [ENTER] –> “Note Shift” .......... página 98
Ouvindo os
Sons
● Os parâmetros de micro-afinação foram ajustados
Configurações no equipamento externo ou seqüenciador:
para uma escola não convencional?
● Ao tocar o MOTIF-RACK XS usando um seqüenciador
[VOICE] –> [EDIT] –> selecione “Play Mode” –> [ENTER] –> Micro Tune No.
.....................................................................................................… página 66
Conexões
MIDI , os canais de transmissão de cada pista do
seqüenciador e os canais de recepção de cada parte do
Multi estão corretos?
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> [ENTER] –> selecione
“Voice” –> [ENTER] –> “Receive Ch” ............................................. página 94
● As configurações de “MIDI echo” (MIDI through) estão
Computador
corretas?
Para detalhes, consulte o manual do software de gravação
(DAW).
● Ao executar dados de música usando um seqüenciador
externo ou computador, os parâmetros de volume e
expressão estão ajustados corretamente?
Equipamentos de áudio e cabos
Guia Rápido
● O equipamento de áudio está conectado corretamente?
............................................................................. página 13
● Os parâmetros referentes à afinação estão ajustados
corretamente ................................................. páginas 74 e 85
● No MOTIF-RACK XS Editor, o parâmetro Pitch Modulation
Depth está ajustado muito alto? ............................ página 81
● Os parâmetros abaixo estão ajustados para valores
diferentes de “0”?
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> [ENTER] –> selecione “Play
Mode” –> [ENTER] –> “Note Shift” ou “Detune” ............................... página 94
No MOTIF-RACK XS Editor, ligue [Voice] –> selecione qualquer Element/Key
–> “Oscillator/Pitch” –> “Coarse” ou “Fine” ...................................... página 74
[UTILITY] –> selecione “General” –> [ENTER] –> “Note Shift” ....... página 98
O som está cortado e intermitente
● Você está excedendo a máxima polifonia do instrumento?
................................................................................ página 52
● Algum cabo MIDI foi danificado?
● O volume do equipamento externo está no nível adequado?
Estrutura
Só toca uma nota de cada vez (não acordes)
● O parâmetro “Mono/Poly” está em “mono”?
Som distorcido
● Os ajustes dos efeitos estão corretos?
[VOICE] –> [EDIT] –> selecione “Play Mode” –> [ENTER] –> “Mono/Poly”
........................................................................................................ página 65
[MULTI] –> [EDIT] –> selecione qualquer parte –> [ENTER] –> selecione “Play
Mode” –> [ENTER] –> “Mono/Poly” ............................................... página 95
Voice
O uso de efeitos em determinados ajustes pode produzir
distorção ............................................... páginas 33, 38 e 57
● Os ajustes dos filtros estão corretos?
Multi
Referência
Ajustes de ressonância excessivamente altos podem
causar distorção
......................................................................páginas 76 e 88
● O MASTER VOLUME está ajustado muito alto de maneira
Utility
que possa ocorrer saturação?
...................................................................... páginas 65 e 91
O volume de cada elemento no modo Voice ou o volume
de cada parte no modo Multi está muito alto?
...................................................................... páginas 65 e 94
● Os parâmetros no quadro Effect foram ajustados
corretamente? ....................................................... página 34
● Algum ou todos os tipos de efeitos foram configurados para
“thru” ou “No Effect” (na tela Effect do modo Voice Common
Edit)?
No MOTIF-RACK XS Editor, algum ou todos os parâmetros
de saída dos efeitos está configurado para “thru”?
............................................................................. página 72
● O parâmetro Insertion Effect Switch de cada parte está
O som está muito fraco
● Os parâmetros de volume ou de expressão via MIDI
estão muito baixos?
Apêndice
110
Nenhum efeito é aplicado
● A freqüência de corte dos filtros está muito baixa?
......................................................................páginas 76 e 77
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
ligado?................................................................... página 97
Soluções de Problemas
Controles e
Conectores
Não é possível acessar a tela Play
● Esta situação ocorre quando o instrumento está no modo
Compare. Pressione a tecla [EDIT] para sair do modo
Compare e poder executar a operação.
Instalando
A comunicação de dados entre o computador e o
MOTIF-RACK XS não opera corretamente
● Verifique se a configuração de porta no computador está
correta. ........................................................ páginas 18 e 20
● A configuração de “MIDI IN/OUT”” está correta?
Ouvindo os
Sons
[UTILITY] –> selecione “MIDI” –> “MIDI In/Out”
Se for usar os terminais MIDI IN/OUT, configure este parâmetro para “MIDI”.
Se for usar o terminal USB, configure este parâmetro para “USB”. Se for usar o
terminal mLAN (somente se possuir uma placa opcional mLAN16E2),
configure este parâmetro para “mLAN”................................................ página 99
Conexões
A comunicação de dados entre o instrumento MIDI
e o MOTIF-RACK XS não opera corretamente
● “MIDI In/Out” está configurada para “MIDI”?
Computador
[UTILITY] –> selecione “MIDI” –> “MIDI In/Out”=”MIDI” ..................... página 99
Guia Rápido
O MOTIF-RACK XS não soa corretamente mesmo ao
executar dados de música do computador ou do
instrumento MIDI conectado ao MOTIF-RACK XS
● O MOTIF-RACK XS está no modo Multi?
Estrutura
O modo Voice pode não produzir os sons corretos mesmo
ao executar dados de música de um instrumento MIDI ou de
um computador conectado ao MOTIF-RACK XS. Da mesma
maneira, configurando o parâmetro “Layer 1 – 4 Parts” para
“on” pode não produzir o som correto mesmo quando o
MOTIF- RACK XS está no modo Multi....................página 98
Não é possível receber blocos de dados
● A configuração de Device Number está correta?
Voice
Se os dados foram salvos com a função Bulk Dump do
MOTIF-RACK XS, é preciso configurar o Device Number
para o mesmo número que estava configurado na
ocasião da transmissão via Bulk Dump.
[UTILITY] –> selecione “MIDI” –> [ENTER] –> “Device No”. ............ página 100
[UTILITY] –> selecione “MIDI” –> [ENTER] –> “MIDI In/Out” ............ página 99
● O parâmetro Receive Bulk Switch está configurado para
“protect”?
Multi
Referência
● A configuração de MIDI IN/OUT está correta?
[UTILITY] –> selecione “MIDI” –> [ENTER] –> “Receive Bulk” ......... página 100
Utility
● Há alguma cabo MIDI danificado?
NOTA: Consulte o manual do driver que estiver usando para obter informações sobre
os possíveis problemas quando uma placa opcional mLAN16E2 está instalada
e o computador está conectado ao MOTIF-RACK XS via cabo mLAN.
NOTA: Consulte o manual ou o guia de instalação do software para informações sobre
Apêndice
possíveis problemas ao usar o MOTIF-RACK XS Editor, o software de
gravação (DAW) e o driver USB-MIDI.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
111
Especificações
Controles e
Conectores
Especificações
Gerador de sons
AWM2, com Expanded Articulation
Polifonia
128 notas
Amostras
355 MB (se convertidas para o formato linear de 16 bits), 2.670 formas de onda
Voice
Preset: 1.024 Normal Voices + 64 Drum Kits
GM: 128 Normal Voices + 1 Drum Kit
User: 128 x 3 Normal Voices + 32 Drum Kits (esses Voices vêm programados com cópias dos
bancos Preset)
Multi
User: 128 Multis
Reverb
9 tipos
Chorus
22 tipos
Insertion A
53 tipos (até 8 blocos disponíveis no modo Multi)
Insertion B
53 tipos (até 8 blocos disponíveis no modo Multi)
Master Effect
9 tipos
Instalando
Gerador de sons
Ouvindo os
Sons
Efeitos
Conexões
Arpejo
Master EQ
5 bandas (High, High Mid, Mid, Low Mid, Low)
Part EQ
3 bandas (High, Mid, Low)
Tipos de arpejo
6.633 tipos
* podem ser configurados MIDI Sync, canal de transmissão/recepção de MIDI e faixas de notas e intensidades.
Computador
Controles
Botão de VOLUME, encoder, teclas de cursor, tecla AUDITION, tecla STORE, tecla
ENTER, tecla EXIT, tecla VOICE, tecla EFFECT, tecla EDIT, tecla MULTI, tecla SELECT,
tecla UTILITY, botões 1 – 5
Guia Rápido
Estrutura
Conectores
e
Terminais
Painel frontal
PHONES
Painel traseiro
USB TO HOST, MIDI IN/OUT, DIGITAL OUTPUT, ASSIGNABLE OUTPUT L e R, OUTPUT L/
MONO e R, DC/IN, mLAN (quando está instalada a placa opcional mLAN16E2)
Outros
Visor
LCD gráfico de 160 x 64 pontos, iluminado
Acessórios fornecidos
Adaptador AC (PA-301, PA-300B ou modelo equivalente recomendado pela Yamaha), Manual
do Proprietário (este livro), Data List, disco com software de gravação (DAW)
Consumo de energia
Quando o adaptador AC está conectado ao MOTIF-RACK XS e à rede elétrica, e o botão VOLUME
está na posição STANDBY: 0.3 W
Quando a alimentação está ligada: 15W
Quando a alimentação está ligada e a placa opcional mLAN16E2 está instalada: 20W
Saída digital
(COAXIAL)
44.1kHz, 24 bits
Dimensões
480 (L) x 379.4 (P) x 44 (A) mm
Peso
4.2kg
Voice
* As especificações e descrições neste manual são somente para informação. A Yamaha Corp. se reserva o direito de alterar ou modificar produtos ou
especificações a qualquer momento sem aviso prévio. Como as especificações, equipamentos e opcionais podem não ser os mesmos em todas as
regiões, favor verificar com o revendedor Yamaha.
Nota sobre distribuição de código-fonte
Multi
Referência
Durante o período de três anos após o equipamento sair de fábrica, você pode solicitar à Yamaha o código-fonte de quaisquer partes do
produto que estiverem licenciadas sob a Licença Pública Geral GNU, escrevendo para o seguinte endereço:
·
MP business unit PA DMI Division, YAMAHA Corporation
10-1 Nakazawa-cho, Naka-ku, Hamamatsu, 430-8650, JAPAN
O código-fonte será fornecido sem qualquer custo. No entanto, poderemos solicitar que você reembolse a Yamaha o custo de envio do
código-fonte para você.
Utility
• Note que não assumiremos qualquer tipo de responsabilidade por qualquer dano decorrente das alterações (adições/ retiradas) efetuadas no
software deste produto por outros que não sejam a Yamaha (ou autorizados pela Yamaha).
• Note que o re-uso do código-fonte liberado para o domínio público pela Yamaha não tem garantia, e a Yamaha não assumirá qualquer tipo de
responsabilidade pelo código-fonte.
• O código-fonte pode ser obtido por download no seguinte site:
http://www.yamahasynth.com/download/source/motif-rxs
Apêndice
112
• Consulte o documento Data List para mais informações sobre a Licença Pública Geral GNU.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
ACORDO DE LICENÇA DE SOFTWARE
ATENÇÃO
Instalando
Conexões
Ouvindo os
Sons
Como SOFTWARE vendido em mídia tangível, a Yamaha garante
que a mídia tangível no qual o SOFTWARE é gravado está livre de
defeitos de material e de fabricação, sob uso normal, por um período
de quatorze (14) dias a partir da data de recebimento, como
evidenciado por um recibo. Toda a responsabilidade da Yamaha
será substituir a mídia defeituosa se esta for enviada para a Yamaha
ou a um revendedor autorizado da Yamaha dentro de quatorze dias
com a cópia do recibo. A Yamaha não se responsabiliza pela
substituição da mídia que tenha sido danificada por acidente, abuso
ou uso indevido. DENTRO DOS LIMITES LEGAIS, A YAMAHA SE
ISENTA EXPRESSAMENTE DE QUAISQUER GARANTIAS
SUBENTENDIDAS SOBRE A MÍDIA TANGÍVEL, INCLUINDO AS
GARANTIAS DE COMERCIALIZAÇÃO E CONVENIÊNCIA PARA
DETERMINADO PROPÓSITO.
Computador
5. EXCLUSÃO DE GARANTIA DO SOFTWARE
Você concorda expressamente que o uso do SOFTWARE é de seu
único risco. O SOFTWARE e a respectiva documentação são
fornecidos “COMO ESTÃO” e sem qualquer tipo de garantia. SEM
SE OPOR A OUTRAS MENÇÕES DESTE ACORDO, A YAMAHA
SE ISENTA EXPRESSAMENTE DE TODAS AS GARANTIAS DO
SOFTWARE, EXPRESSAS E IMPLÍCITAS, INCLUIDAS MAS NÃO
LIMITADAS ÀS GARANTIAS IMPLÍCITAS DE COMERCIALIZAÇÃO
E CONVENIÊNCIA PARA DETERMINADO PROPÓSITO, E SEM
INFRINGIR OS DIREITOS DE TERCEIROS. ESPECIFICAMENTE,
MAS SEM LIMITAR ÀS CONCLUSÕES, A YAMAHA NÃO
GARANTE QUE O SOFTWARE ATENDERÁ O PROPOSTO, E QUE
A OPERAÇÃO DO SOFTWARE SERÁ ININTERRUPTA OU LIVRE
DE FALHAS, OU QUE OS DEFEITOS DO SOFTWARE SERÃO
CORRIGIDOS.
Guia Rápido
A Yamaha por este meio concede a você o direito de uso de uma
cópia do software e dos dados (“SOFTWARE”) que acompanham este
acordo. O termo SOFTWARE engloba quaisquer atualizações deste
software e dados.
O SOFTWARE é propriedade da STEINBERG, e está protegido pelas
leis de copyright e todos os tratados aplicáveis. Mesmo que você
tenha o direito de reclamar a propriedade dos dados criados com o
uso deste SOFTWARE, o SOFTWARE continuará protegido pelos
direitos de copyright.
• Você pode usar o SOFTWARE em um só computador.
• Você pode copiar o SOFTWAR apenas para finalidade de cópia de
segurança, se o SOFTWARE estiver em mídia em que este tipo de
cópia for permitido. Na cópia de segurança, você deve reproduzir o
aviso de copyright da Yamaha e quaisquer outras menções de
propriedade que estiverem na cópia original do SOFTWARE.
• Você pode transferir permanentemente a um terceiro todos os seus
direitos sobre o SOFTWARE, desde que você não fique com
quaisquer cópias e que o receptador leia e concorde com os termos
deste ACORDO.
4. GARANTIA LIMITADA DA MÍDIA
Estrutura
1. CONCESSÃO DE LICENÇA E COPYRIGHT
3. TÉRMINO
Este ACORDO torna-se efetivo no dia em que você recebe o
SOFTWARE, e tem validade até seu término. Se qualquer copyright ou
definição deste ACORDO for violada, o ACORDO se encerra
automática e imediatamente sem aviso da Yamaha. Havendo este
encerramento, você deve destruir imediatamente o SOFTWARE,
qualquer documento escrito que o acompanha e todas as cópias.
Referência
Este ACORDO será interpretado segundo as leis japonesas sem
referência a princípios de conflitos de leis. Qualquer disputa ou
procedimento será ouvido perante a corte do distrito de Tóquio no
Japão. Se por alguma razão uma corte de jurisdição competente
julgar que alguma parte deste ACORDO não possa ser cumprida, o
restante deste ACORDO continuará em vigor e com efeito.
Utility
7. GERAL
8. ACORDO COMPLETO
Este ACORDO constitui-se como acordo completo entre as partes em
relação ao uso do SOFTWARE e qualquer material escrito que o
acompanha e o substitua, todos os acordos anteriores ou
contemporâneos, escritos ou verbais, em relação ao assunto deste
ACORDO. Nenhum adendo ou revisão deste ACORDO terá valor se
não for por escrito e assinado por um representante que tenha sido
autorizado plenamente pela Yamaha.
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
• Você não pode executar engenharia reversa, desmontagem,
descompilação ou qualquer outro processo para obter o códigofonte do SOFTWARE por quaisquer meios.
• Você não pode reproduzir, modificar, alterar, alugar ou distribuir o
SOFTWARE integral ou parcialmente, ou criar trabalhos derivados
do SOFTWARE.
• Você não pode transmitir eletronicamente o SOFTWARE de um
computador para outro ou compartilhar o SOFTWARE em uma rede
com outros computadores.
• Você não pode usar o SOFTWARE para distribuir dados ilegais ou
dados que violam as políticas públicas.
• Você não pode iniciar serviços baseados no uso do SOFTWARE
sem a permissão da Yamaha Corporation.
Os dados protegidos por copyright, incluindo mas não se limitando
aos dados MIDI de músicas obtidos por meios do SOFTWARE, estão
sujeitos às seguintes restrições que devem ser observadas.
• Os dados recebidos por meio do SOFTWARE não podem ser
usados para quaisquer propósitos comerciais sem a permissão do
proprietário do copyright.
• Os dados recebidos por meio do SOFTWARE não podem ser
duplicados, transferidos, distribuídos, reproduzidos ou executados
por ouvintes em locais públicos sem a permissão do proprietário do
copyright.
• A criptografia dos dados recebidos por meio do SOFTWARE não
pode ser removida e nem a marca-d’água eletrônica pode ser
modificada sem a permissão do proprietário do copyright.
A OBRIGAÇÃO DA YAMAHA SERÁ A DE PERMITIR O USO DO
SOFTWARE SOB OS TERMOS AQUI DESCRITOS. DE FORMA
ALGUMA SERÁ A YAMAHA RESPONSÁVEL JUNTO A VOCÊ OU A
QUALQUER OUTRA PESSOA POR QUAISQUER DANOS,
INCLUINDO, SEM LIMITAÇÃO, QUAISQUER DANOS DIRETOS,
INDIRETOS, INCIDENTAIS OU CONSEQÜENCIAIS, PREJUÍZOS,
PERDAS DE LUCRO, PERDAS DE DADOS OU OUTROS DANOS
DECORRENTES DO USO, MAU USO OU INABILIDADE DO USO
DO SOFTWARE, MESMO QUE A YAMAHA OU UM REVENDEDOR
AUTORIZADO TENHA SIDO AVISADA DA POSSIBILIDADE DE
TAIS DANOS. De forma alguma a responsabilidade da Yamaha junto
a você por todos os danos, perdas e conseqüências (estejam no
contrato ou não) poderá exceder a quantia paga pelo SOFTWARE.
Voice
6. LIMITAÇÃO DE RESPONSABILIDADE
2. RESTRIÇÕES
Multi
FAVOR LER COM ATENÇÃO ESTE ACORDO DE LICENÇA DE
SOFTWARE (“ACORDO”) ANTES DE USAR O SOFTWARE. VOCÊ SÓ
TEM
PERMISSÃO DE USAR ESTE SOFTWARE DENTRO DOS
TERMOS E CONDIÇÕES DESTE ACORDO. ESTE ACORDO SE FAZ
ENTRE VOCÊ (INDIVÍDUO OU ENTIDADE LEGAL) E A YAMAHA
CORPORATION (“YAMAHA”).
AO ROMPER O LACRE DESTE PACOTE VOCÊ ESTÁ CONCORDANDO
COM OS LIMITES DEFINIDOS PELOS TERMOS DESTA LICENÇA. SE
VOCÊ NÃO CONCORDA COM OS TERMOS, NÃO INSTALE, COPIE OU
FAÇA QUALQUER USO DESTE SOFTWARE.
ESTE ACORDO FORNECE AS SUAS CONDIÇÕES DE USO DO
SOFTWARE DA STEINBERG MEDIA TECHNOLOGIES GMBH
(“STEINBERG”) QUE ACOMPANHA ESTE PRODUTO. COMO O
ACORDO DE LECENÇA DE SOFTWARE (EUSLA) APRESENTADO NA
TELA DO SEU COMPUTADOR AO INSTALAR O SOFTWARE ESTÁ
SUBSTITUÍDO POR ESTE ACORDO, VOCÊ DEVE DESCONSIDERAR O
EUSLA. ISTO É, NO PROCESSO DE INSTALAÇÃO VOCÊ DEVE
SELECIONAR “AGREE” (CONCORDO) NO EUSLA, SEM CONSIDERÁLO, E PROSSEGUIR PARA A PRÓXIMA PÁGINA.
Controles e
Conectores
ACORDO DE LICENÇA DE SOFTWARE
113
Índice Remissivo
Controles e
Conectores
Índice Remissivo
Numéricos
Instalando
1/4 Shift..................................................................87
1/4 tone..................................................................87
1/8 tone..................................................................87
3 Band EQ ......................................................71, 83
A
Ouvindo os
Sons
Conexões
Computador
Guia Rápido
Estrutura
Voice
Referência
Multi
Utility
Apêndice
114
A Mod (Amplitude Modulation) .............................81
A. Func 1 Ctrl No.
(Assign Function 1 Control Number) ..................102
A. Func 2 Ctrl No.
(Assign Function 2 Control Number) .................102
Accent Phrase .......................................................55
Accnt Strt Qtz (Accent Start Quantize)..................68
Accnt Vel Th (Accent Velocity Threshold) ............68
Active Sensing (FEH) ..........................................107
AEG (Amplitude EG) .......................................80, 86
AEG Attack ......................................................69, 96
AEG Decay ......................................................69, 96
AEG Release ...................................................69, 96
AEG Sustain ....................................................69, 96
AI, driver..................................................................18
All Notes Off (Control #123) .................................107
All Sounds Off (Control #120)..............................106
Alternate Group .....................................................84
Alternate Pan ...................................................79, 85
AMP Level/Pan ................................................78, 85
AMP Scale (Amplitude Scale) ...............................81
Amplitude ...............................................................52
Amplitude Scaling, exemplo ..................................90
Arabic 1/2/3 ............................................................87
Arp 1 – 5 Ctrl No.
(Arpeggio 1 – 5 Control Number) ........................102
Arp 1 – 5 Select (Arpeggio 1 – 5 Select) ...............91
Arp 1 – 5 Type (Arpeggio 1 – 5 Type) .............68, 96
Arp Assign Mode (Arpeggio Assign Mode) .........102
Arp Common Sw
(Arpeggio Common Switch) ..................................91
Arp Edit (Arpeggio Edit) ..................................66, 96
Arp Hold (Arpeggio Hold) .....................................66
Arp Hold Ctrl No.
(Arpeggio Hold Control Number) ........................102
Arp MIDI Out Sw
(Arpeggio MIDI Output Switch) .....................96, 102
Arp Select (Arpeggio Select) ....................66, 83, 96
Arp Sw (Arpeggio Switch) .....................................66
Arp Sw Ctrl No.
(Arpeggio Switch Control Number) .....................102
Arp Tempo (Arpeggio Tempo) ........................66, 91
Arp Transmit Ch
(Arpeggio Transmit Channel) .......................96, 102
Arpejo ..............................................................40, 91
Categoia...................................................... 53
Sub-categoria ............................................ 53
Type Name ................................................ 54
Arpejo, bloco do ....................................................53
Arpejo, andamento..........................................43, 55
Arpejo, tipo
Drum Voice................................................. 55
Evento diferente de nota............................ 56
Normal Voice ............................................. 55
Arpejo, lista de tipos .........................................8, 54
AS 1 Ctrl No. (Assign 1 Control Number) ..........101
AS 2 Ctrl No. (Assign 2 Control Number) ..........101
ASSIGN 1 .............................................................30
Assign 1, valor ...............................................71, 93
ASSIGN 2 ............................................................30
Assign 2, valor.................................................71, 93
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Assign L&R Gain ..................................................99
Assign Mode..........................................................84
ASSIGNABLE OUTPUT L e R, conectores .........12
ATTACK (AEG Attack Time) .................................30
Attack Time (Control #73) ...................................106
Audio Channel .......................................................20
Audio Input, bloco de .............................................53
[AUDITION], tecla ..................................................10
Audition Button, função .........................................99
Audition No., número da frase ..............................66
Audition Note Shift .................................................66
Audition Phrase .....................................................16
Audition Vel Shift
(Audition Phrase Velocity Shift) ...........................66
Auto Factory Set
(Power On Auto Factory Set) ..............................103
AWM2 (Advanced Wave Memory 2) ....................49
B
Banco.....................................................................94
Bank Select LSB (Control #32) ...........................105
Bank Select MSB (Control #0) ............................105
Bank Select Sw (Bank Select Switch).................100
Bank/Part Wrap (Bank/Part Wrap Around) ...........99
BC Ctrl No.
(Breath Controller Control Number)....................102
BEF (Band Elimination Filter) ................................89
Botões 1 – 5.........................................11, 29, 30, 36
BPF (Band Pass Filter)..........................................88
Break Point 1 – 4.............................................78, 81
Brightness (Control #74).....................................106
Bulk Dump (blocos de dados) ..............................47
Bulk, intervalo .....................................................100
C
C – B (C Tuning Offset – B Tuning Offset)..........102
Cabo, presilha .................................................12, 13
Canal, mensagens .............................................105
Canal, mensagens de modo ..............................106
Caracteres.............................................................47
Categoria ............................................72, 73, 84, 93
Category Search ...................................................28
Center Key (Cutoff Key Follow Center Key / HPF
Key Follow Center Key).....................................76
Change Timing .....................................................67
Channel Aftertouch .............................................107
Chorus ................................................57, 59, 72, 93
CHORUS (Chorus Send) ......................................30
Chorus Ins Send (Insertion Chorus Send) ............84
Chorus Pan .....................................................72, 93
Chorus Return.................................................72, 93
Chorus Send ...................................................72, 97
Chorus Send (Key Chorus Send) .............83, 84, 92
Chorus To Reverb...........................................72, 93
Clock...............................................................21, 43
Clock Out ..............................................................99
Coarse (Coarse Tuning) .................................74, 85
Combination Type Filter........................................89
Common Edit ................................31, 36, 64, 83, 91
Common EQ .........................................................57
Compare, função ................................................31
Compressor ..........................................................60
Control Change ..............................42, 45, 101, 105
Controle ....................................................71, 83, 93
Controles ............................................................101
Controles, bloco de .............................................. 57
Controller Reset ................................................. 100
Controller Set ....................................................... 44
Controller Set 1 – 6 Element Sw .......................... 71
Corte, freqüência de ........................... 68, 76, 85, 96
Ctrl Set 1 – 6 Depth
(Controller Set 1 – 6 Depth) ................................. 71
Ctrl Set 1 – 6 Dest
(Controller Set 1 – 6 Destination) ......................... 71
Ctrl Set 1 – 6 Src
(Controller Set 1 – 6 Source) ............................... 71
Cursor, teclas ....................................................... 10
CUTOFF ............................................................... 30
Cutoff Key Follow
(Cutoff Key Follow Sensitivity) ............................. 77
Cutoff Offset 1 – 4 ................................................ 78
Cutoff Velocity Sens
(Cutoff Velocity Sensitivity) ............................ 76, 85
D
Data Decrement (Control #97) .......................... 106
Data Entry LSB (Control #38) ............................ 106
Data Entry MSB (Control #6) ............................. 106
Data Increment (Control #96) ............................ 106
Data List.................................................................. 8
DAW (software de gravação) ............................... 22
DC IN, terminal ............................................... 12, 13
DECAY (AEG Decay Time) .................................. 30
Decay Time (Control #75) ................................. 106
Delay................................................................ 59, 81
Delay Time ............................................................ 70
Demo Song ........................................................... 15
Destination ............................................................. 45
Exemplos ......................................................88
Detune ................................................................... 94
Device No. (Device Number) .............................. 100
DIGITAL OUTPUT, terminal ................................. 12
Distance ................................................................. 76
Distortion ................................................................ 60
DRAM .................................................................... 48
Drum Key ............................................................... 51
Drum Voice ................................................ 27, 50, 52
Drum Voice Edit ............................................... 31, 83
Dry Level........................................................... 92, 97
Dual BEF ............................................................... 89
Dual BPF ............................................................... 89
Dual HPF................................................................ 89
Dual LPF ................................................................ 89
Dual Type, filtro....................................................... 89
E
[E] (Edit), indicador ................................................ 31
Edição, buffer ......................................................... 48
[EDIT], tecla ............................................................ 11
Efeito ........................................................ 72, 83, 93
Efeito, bloco de ....................................................... 57
Efeito, categoria ..................................................... 59
Efeito, conexão
Multi ...............................................................58
Voice .............................................................58
Efeito, parâmetros ............................. 61, 72, 93, 103
Efeito, tipos ............................................................ 59
Effect Parameter 1 – 16 .................................. 72, 93
[EFFECT], tecla ..................................................... 11
Effect1 Depth
(Reverb Send Level) (Control #91) .................... 106
Índice Remissivo
Ganho .......................................................76, 93, 96
Gate Time Rate.....................................................66
Gerador de Sons, bloco do ..................................50
Geral .....................................................................98
General MIDI (GM) System On ..........................107
GM Bank...............................................................27
GM Voice ..............................................................27
GTime Rate (Gate Time Rate Offset)...................68
H
Half Damper (Half Damper Switch) .....................80
Half Damper Time ................................................80
Harmonic Content (Control #71) ........................106
L&R Gain ...............................................................99
Layer 1-4 Parts (Layer 1 – 4 Parts Switch) ...........98
LCD, visor ..............................................................10
LCD Contrast ........................................................99
Legato ....................................................................51
Level Key Follow ...................................................79
Level Key Follow Center Key
(Level Key Follow Sensitivity Center Key) ............79
Level Offset 1 – 4 ..................................................81
Level Velocity Curve
(Level Velocity Sensitivity Curve)..........................79
Level Velocity Offset
(Level Velocity Sensitivity Offset)..........................79
Level Velocity Sens
(Level Velocity Sensitivity) ....................................79
LFO (Common LFO) .............................................69
LFO (Low Frequency Oscillator).....................52, 81
LFO Phase Offset .................................................70
LFO Set 1 – 3 Depth .............................................70
LFO Set 1 – 3 Depth Offset...................................70
LFO Set 1 – 3 Dest
(LFO Set 1 – 3 Destination)...................................70
LFO Set 1 – 3 Element Sw ....................................70
LFO Wave .............................................................81
Local Control .......................................................100
Lo-Fi ......................................................................60
Loop.......................................................................67
Low Freq .........................................................71, 81
Low Gain.........................................................71, 82
LPF (Low Pass Filter) ...........................................88
LPF12+BPF6.........................................................89
Controles e
Conectores
Instalando
Ouvindo os
Sons
Conexões
Computador
Guia Rápido
L
Estrutura
Key..................................................................83, 84
Key Assign Mode .................................................65
Key Edit ..........................................................32, 84
Key Mode .............................................................67
Key on Delay ........................................................73
Key on Reset ..................................................69, 81
Key On/Key Off ...................................................105
Key Out (Drum Key Out).......................................83
Key Sw (Key Switch).............................................84
Kirnberger..............................................................87
Knob Disp Time (Knob Display Time) ..................99
Knob Sel Disp Sw
(Knob Select Display Switch) ...............................99
N
Voice
K
Name (Micro Tuning Name) .............................. 102
Name (Multi Name).............................................. 91
Nível ........................................75, 77, 78, 80, 85, 86
Nome ..................................... 47, 65, 73, 83, 84, 91
Normal Voice ........................................... 27, 50, 52
Normal Voice Edit .......................................... 31, 64
Note Limit............................................................. 74
Note Limit Lo/Hi ............................................. 67, 95
Note On/Note Off ............................................... 105
Note Shift ................................................. 65, 94, 98
Número .................................................... 73, 84, 94
Número (Micro Tuning Number) ....................... 102
Multi
G
IEEE1394 ..............................................................19
IEEE1394 Driver....................................................99
Indian ....................................................................87
Inicializar .........................................................11, 36
Input Channel .......................................................20
Ins A (Insertion Effect A) .......................................72
Ins B (Insertion Effect B) .......................................72
Ins Effect Output (Insertion Effect Output) ............84
Ins Effect Sw (Insertion Effect Switch) ..................97
Insertion, conexão .................................................72
Insertion Effect ......................................................57
Main 1 Ctgry (Main Category 1) .......................... 65
Main 2 Ctgry (Main Category 2) .......................... 65
Main Ctgry (Main Category) ................................ 68
Main Volume (Control #7) ................................. 106
Master .................................................................. 93
Master Effect........................................................ 57
Master EQ ........................................................... 57
Mega Voice.......................................................... 53
Mega Voice Arpeggio........................................... 53
MEQ (Master EQ) ................................................ 92
Micro Tune (User Micro Tuning) ........................ 102
Micro Tune Bank (Micro Tuning Bank) ................ 66
Micro Tune No. (Micro Tuning Number) .............. 66
Micro Tune Root (Micro Tuning Root).................. 66
Micro Tuning, lista ................................................ 87
Mid Freq ............................................................... 71
Mid Gain .............................................................. 71
Mid Q ................................................................... 71
MIDI ............................................................. 99, 105
MIDI, canal ............................................. 18, 35, 105
MIDI, canal de recepção ...................................... 21
MIDI, canal de transmissão ......................... 21, 102
MIDI In/Out ........................................................... 99
MIDI IN/OUT, terminal ......................................... 12
MIDI Master Volume .......................................... 107
MIDI, porta ...................................................... 18, 35
MIDI Soft Thru (MIDI Soft Thru Switch) ............. 100
MIDI Sync ............................................................. 99
MIDI, terminal ....................................................... 18
MISC ..................................................................... 60
mLAN (IEEE1394), terminais 1, 2 ........................ 12
mLAN expansion board (mLAN16E2) ......... 12, 108
mLAN Gain ........................................................... 99
mLAN In ................................................................ 91
mLAN monitor (mLAN monitor switch) ................ 98
Mode Change ..................................................... 107
Modulation Wheel (Control #1) .......................... 105
Mono (Control #126) .......................................... 107
Mono / Stereo ...................................................... 92
Mono/Poly ...................................................... 65, 95
MOTIF-RACK XS Editor ...................................... 23
Multi ..................................................................... 52
[MULTI], tecla ....................................................... 11
Multi Edit ........................................................ 36, 91
Multi Effect Edit .................................................... 38
Multi, modo ..................................................... 35, 91
Multi Name........................................................... 47
Utility
F Mod (Filter Modulation) .....................................81
Factory Set ...................................................48, 103
Fade in, tempo.................................................70, 81
Fade out, tempo ...................................................70
Favorite, categoria ................................................29
FC 1 Ctrl No.
(Foot Controller 1 Control Number) ....................101
FC 2 Ctrl No.
(Foot Controller 2 Control Number) ....................101
Fctry Set (Factory Set) ........................................103
FEG (Filter EG) .....................................................77
FEG Attack .....................................................68, 96
FEG Decay .....................................................68, 96
FEG Depth ......................................................68, 96
FEG DEPTH (Filter EG Depth) ..............................30
FEG Release...................................................68, 96
Filter Scale ............................................................78
Filter Scaling, exemplo .........................................90
Filtro ....................................................51, 68, 83, 96
Filtro, tipo ........................................................76, 85
Fine (Fine Tuning)...........................................74, 85
Fine Scaling (Fine Scaling Sensitivity)..................74
Flanger .................................................................59
Flash ROM ............................................................48
Freq (Frequency)............................................92, 96
FS Ctrl No. (Foot Switch Control Number)..........101
Fx Send (Effect Send) ..........................................97
I
M
O
Octave Shift ......................................................... 67
Oitava, faixa ........................................................ 67
OSC (Oscillator)............................................. 73, 84
Oscillator.............................................................. 51
Output Channel ................................................... 20
OUTPUT L/MONO e R, conectores ............. 12, 13
Output Select ........................................... 85, 92, 95
Output Select List ................................................ 90
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
Apêndice
F
High Freq ........................................................71, 81
High Gain........................................................71, 82
Hold Time .............................................................70
Hold1 (Control #64) ............................................106
HPF (High Pass Filter) ..........................................88
HPF Cutoff
(High Pass Filter Cutoff Frequency) ...............77, 85
HPF Key Follow
(High Pass Filter Cutoff Key Follow Sensitivity)
..............................................................................77
Referência
Effect3 Depth
(Chorus Send Level) (Control #93).....................106
EG..............................................................68, 83, 96
EG Depth ........................................................75, 78
EG Depth Curve
(EG Depth Velocity Sensitivity Curve) ...........75, 78
EG Depth Vel Sens
(EG Depth Velocity Sensitivity) .......................75, 78
Element......................................................31, 50, 51
Element Edit ...................................................32, 73
Element EQ...........................................................57
Element Out 1 – 8 .................................................72
Element Switch 1 – 8 ............................................73
Elm Group (Element Group) ................................73
Encoder ................................................................10
[ENTER], tecla .....................................................10
EQ....................................................................81, 86
EQ HIGH (EQ High Gain) ....................................30
EQ LOW (EQ Low Gain) ......................................30
EQ MID (EQ Middle Gain) ...................................30
EQ MID F (EQ Middle Frequency) ......................30
EQ MID Q (EQ Middle Q) ....................................30
Equal ....................................................................87
[EXIT], tecla ...................................................10, 26
Expanded Articulation (XA) ..................................51
Expression (Control #11) ....................................106
Extensions for Steinberg DAW .............................24
Externo, controle ..................................................44
115
Índice Remissivo
P
Controles e
Conectores
Instalando
P Mod (Pitch Modulation) .....................................81
PAN ......................................................................30
Pan ...............................................65, 79, 85, 91, 94
Pan (Control #10) ...............................................106
Param. with Voice (Parameter with Voice) ...........94
Parte ......................................................................37
Part Edit ..........................................................36, 94
Part EQ ...........................................................57, 96
PB Range Lower
(Pitch Bend Range Lower) .............................65, 94
PB Range Upper
(Pitch Bend Range Upper) .............................65, 94
PEG (Pitch EG) .....................................................74
Phase....................................................................69
Phaser ..................................................................59
PHONES, conector ........................................10, 13
Pitch......................................................................51
Pitch Bend ..........................................................107
Pitch Key Follow
(Pitch Key Follow Sensitivity) ................................74
Pitch Key Follow Center Key ................................74
Play, modo...........................................65, 69, 83, 94
Poly (Control #127) .............................................107
Polyphonic Aftertouch ........................................107
Porta Lgt Slope (Portamento Legato Slope).........66
Porta Mode (Portamento Mode) .....................65, 95
Porta Sw (Portamento Switch) ........................65, 95
Porta Time (Portamento Time) ........................65, 95
Porta Time Mode (Portamento Time Mode) .........65
PORTAMENTO .....................................................30
Portamento Switch (Control #65)........................106
Portamento Time (Control #5) ............................106
Power on Mode ....................................................98
Preset .....................................................72, 93, 103
Preset, banco ........................................................27
Prg Change Sw (Program Change Switch) .......100
Program Change ................................................107
PureMajor .............................................................87
PureMinor .............................................................87
Ouvindo os
Sons
Conexões
Computador
Guia Rápido
Estrutura
Q
Voice
Referência
Multi
Utility
Apêndice
116
Q (largura de banda) .....................................82, 93
QS 1 – 3 Arp MIDI Out Sw
(Quick Setup 1 – 3 Arpeggio MIDI Out Switch)
............................................................................100
QS 1 – 3 Clock Out
(Quick Setup 1 – 3 Clock Out)............................100
QS 1 – 3 Local Control
(Quick Setup 1 – 3 Local Control) ......................100
QS 1 – 3 MIDI Sync
(Quick Setup 1 – 3 MIDI Sync) ...........................100
Quantize Strngth (Quantize Strength) ..................67
Quantize, valor .....................................................67
Quick Setup ........................................................100
Quick Setup, quadro............................................101
R
Random ................................................................74
Random Pan ...................................................79, 85
Random SFX...................................................55, 68
Random Speed ....................................................69
RB Ctrl No. (Ribbon Control Number) ................101
Rcv Sw (Receive Switch)......................................97
Receive Bulk.......................................................100
Receive Ch (Basic Receive Channel) ................102
Receive Ch (Receive Channel) ............................94
Recepção de Note Off ..........................................84
RELEASE (AEG Release Time) ...........................30
Release Time (Control #72) ...............................106
Reset ....................................................................48
Reset All Controllers (Control #121) ...................107
MOTIF-RACK XS - Manual do Proprietário
RESONANCE ........................................................30
Ressonância.........................................68, 76, 85, 96
Resonance Velocity Sens
(Resonance Velocity Sensitivity)...........................76
Reverb ................................................57, 59, 72, 93
REVERB (Reverb Send)........................................30
Reverb Ins Send (Insertion Reverb Send) ............84
Reverb Pan .....................................................72, 93
Reverb Return.................................................72, 93
Reverb Send ...................................................72, 97
Reverb Send (Key Reverb Send) .............83, 84, 92
REV-X....................................................................61
RPN (Registered Parameter Number) ................106
U
S
V
Scaling Pan...........................................................79
Segment
(EG Time Velocity Sensitivity Segment)
..................................................................75, 78, 80
[SELECT], tecla ....................................................11
SFX Key on Ctrl
(Random SFX Key on Control)..............................68
SFX Vel Offset
(Random SFX Velocity Offset) ..............................68
Shape ....................................................................92
Sincronização ........................................................21
Single timbre ..........................................................50
Sostenuto (Control #66) ......................................106
Source ..................................................................45
Speed ..............................................................69, 81
Store ......................................................................46
[STORE], tecla.......................................................10
Store Compare .....................................................46
Studio Connections ..............................................24
Studio Manager V2 ...............................................23
Sub 1 Ctgry (Sub Category 1) ..............................65
Sub 2 Ctgry (Sub Category 2) ..............................65
Sub Ctgry (Sub Category) ....................................68
SUSTAIN (AEG Sustain Level)..............................30
Swing ....................................................................67
Switch .....................................................72, 93, 103
Sync Qntz Val (Sync Quantize Value) ..................91
System Effects ......................................................57
System Exclusive Messages ..............................107
System Realtime Messages ...............................107
Vallot&Yng ........................................................... 87
VCM (Virtual Circuitry Modeling) ......................... 61
Vel Cross Fade (Velocity Cross Fade)................. 73
Vel Rate (Velocity Rate Offset) ............................ 68
Vel Sens (Pitch Velocity Sensitivity) ............... 74, 85
Vel Sens Depth (Velocity Sensitivity Depth) ........ 95
Vel Sens Offset (Velocity Sensitivity Offset)......... 95
Velocity Limit......................................................... 74
Velocity Limit Lo/Hi ........................................ 67, 95
Velocity Mode ...................................................... 67
Velocity Rate ........................................................ 66
Velocity Sens (Level Velocity Sensitivity)............. 85
Vibrato .................................................................. 52
Voice ........................................................ 27, 50, 94
[VOICE], tecla. ..................................................... 11
Voice Edit.............................................................. 31
Voice Effect Edit .................................................. 33
Voice Elm Pan (Voice Element Pan) .................... 94
Voice MEF.......................................................... 102
Voice MEQ ......................................................... 103
Voice MIDI ......................................................... 102
Voice mLAN ....................................................... 102
Voice, modo.............................................. 27, 50, 64
Voice Name ......................................................... 47
Voice with Arp (Voice with Arpeggio) .................. 96
VOLUME .............................................................. 30
Volume ............................................... 65, 91, 94, 98
[VOLUME], botão............................................. 10, 14
T
Wah................................................................ 52, 60
Wave .................................................................... 69
Wave Bank..................................................... 73, 84
Werckmeist .......................................................... 87
Width.................................................................... 76
Tech ......................................................................60
TEMPO (Arpeggio Tempo) ...................................30
Tempo (Delay Tempo) ..........................................73
Tempo Speed ........................................................69
Tempo Sync...........................................................69
Tempo Sync (Delay Tempo Sync) ........................73
Thru Port ...............................................................18
Time ....................................................74, 77, 80, 86
Time Key Follow
(EG Time Key Follow Sensitivity) ..............76, 78, 81
Time Key Follow Center Key
(EG Time Key Follow Sensitivity Center Key)
....................................................................76, 78, 80
Time Vel Sens (EG Time Velocity Sensitivity) .......80
Time Velocity Sens
(EG Time Velocity Sensitivity) .........................75, 77
Timing Clock (F8H) ..............................................107
Transmit Ch (Basic Transmit Channel) ...............102
Tremolo ..................................................................52
Tremolo & Rotary ..................................................60
Trigger Mode .........................................................68
Tune ..........................................................74, 85, 98
Type ............................................68, 72, 76, 93, 103
Type (EQ Type) ....................................................81
Unit Multiply ......................................................... 67
USB TO HOST, terminal ......................... 12, 17, 18
USB-MIDI driver................................................... 17
User, banco..................................................... 27, 35
User LFO Cycle ................................................... 70
User LFO Slope ................................................... 70
User LFO Step Value 1 – 16 ................................ 71
User LFO Template ............................................. 71
User, memória...................................................... 48
Utility .................................................................... 98
[UTILITY], tecla .................................................... 11
W
X
XA Control (Expanded Articulation Control) ....... 73
Para detalhes sobre produtos, favor entrar em contato com o
representante da Yamaha distribuidor autorizado:
NORTH AMERICA
CANADA
Yamaha Canada Music Ltd.
135 Milner Avenue, Scarborough, Ontario,
M1S 3R1, Canada
Tel: 416-298-1311
THE NETHERLANDS/
BELGIUM/LUXEMBOURG
Yamaha Music Central Europe GmbH,
Branch Benelux
Clarissenhof 5-b, 4133 AB Vianen, The Netherlands
Tel: 0347-358 040
FRANCE
U.S.A.
Yamaha Corporation of America
6600 Orangethorpe Ave., Buena Park, Calif. 90620,
U.S.A.
Tel: 714-522-9011
CENTRAL & SOUTH AMERICA
MEXICO
Yamaha de México S.A. de C.V.
Calz. Javier Rojo Gómez #1149,
Col. Guadalupe del Moral
C.P. 09300, México, D.F., México
Tel: 55-5804-0600
BRAZIL
Yamaha Musical do Brasil Ltda.
Rua Joaquim Floriano, 913 - 4' andar, Itaim Bibi,
CEP 04534-013 Sao Paulo, SP. BRAZIL
Tel: 011-3704-1377
ARGENTINA
PANAMA AND OTHER LATIN
AMERICAN COUNTRIES/
CARIBBEAN COUNTRIES
Yamaha Music Latin America, S.A.
Torre Banco General, Piso 7, Urbanización Marbella,
Calle 47 y Aquilino de la Guardia,
Ciudad de Panamá, Panamá
Tel: +507-269-5311
ITALY
Yamaha Musica Italia S.P.A.
Combo Division
Viale Italia 88, 20020 Lainate (Milano), Italy
Tel: 02-935-771
SPAIN/PORTUGAL
Yamaha Música Ibérica, S.A.
Ctra. de la Coruna km. 17, 200, 28230
Las Rozas (Madrid), Spain
Tel: 91-639-8888
GREECE
Philippos Nakas S.A. The Music House
147 Skiathou Street, 112-55 Athens, Greece
Tel: 01-228 2160
Yamaha Scandinavia AB
J. A. Wettergrens Gata 1, Box 30053
S-400 43 Göteborg, Sweden
Tel: 031 89 34 00
DENMARK
YS Copenhagen Liaison Office
Generatorvej 6A, DK-2730 Herlev, Denmark
Tel: 44 92 49 00
THE UNITED KINGDOM
Yamaha Music U.K. Ltd.
Sherbourne Drive, Tilbrook, Milton Keynes,
MK7 8BL, England
Tel: 01908-366700
IRELAND
Danfay Ltd.
61D, Sallynoggin Road, Dun Laoghaire, Co. Dublin
Tel: 01-2859177
GERMANY
Yamaha Music Central Europe GmbH
Siemensstraße 22-34, 25462 Rellingen, Germany
Tel: 04101-3030
SWITZERLAND/LIECHTENSTEIN
Yamaha Music Central Europe GmbH,
Branch Switzerland
Seefeldstrasse 94, 8008 Zürich, Switzerland
Tel: 01-383 3990
AUSTRIA
Yamaha Music Central Europe GmbH,
Branch Austria
Schleiergasse 20, A-1100 Wien, Austria
Tel: 01-60203900
CZECH REPUBLIC/SLOVAKIA/
HUNGARY/SLOVENIA
Yamaha Music Central Europe GmbH,
Branch Austria, CEE Department
Schleiergasse 20, A-1100 Wien, Austria
Tel: 01-602039025
POLAND
Yamaha Music Central Europe GmbH
Sp.z. o.o. Oddzial w Polsce
ul. 17 Stycznia 56, PL-02-146 Warszawa, Poland
Tel: 022-868-07-57
F-Musiikki Oy
Kluuvikatu 6, P.O. Box 260,
SF-00101 Helsinki, Finland
Tel: 09 618511
INDONESIA
PT. Yamaha Music Indonesia (Distributor)
PT. Nusantik
Gedung Yamaha Music Center, Jalan Jend. Gatot
Subroto Kav. 4, Jakarta 12930, Indonesia
Tel: 21-520-2577
KOREA
Yamaha Music Korea Ltd.
8F, 9F, Dongsung Bldg. 158-9 Samsung-Dong,
Kangnam-Gu, Seoul, Korea
Tel: 080-004-0022
MALAYSIA
Yamaha Music Malaysia, Sdn., Bhd.
Lot 8, Jalan Perbandaran, 47301 Kelana Jaya,
Petaling Jaya, Selangor, Malaysia
Tel: 3-78030900
PHILIPPINES
Yupangco Music Corporation
339 Gil J. Puyat Avenue, P.O. Box 885 MCPO,
Makati, Metro Manila, Philippines
Tel: 819-7551
SINGAPORE
TAIWAN
Norsk filial av Yamaha Scandinavia AB
Grini Næringspark 1, N-1345 Østerås, Norway
Tel: 67 16 77 70
ICELAND
Skifan HF
Skeifan 17 P.O. Box 8120, IS-128 Reykjavik, Iceland
Tel: 525 5000
RUSSIA
Yamaha Music (Russia)
Office 4015, entrance 2, 21/5 Kuznetskii
Most street, Moscow, 107996, Russia
Tel: 495 626 0660
OTHER EUROPEAN COUNTRIES
Yamaha KHS Music Co., Ltd.
3F, #6, Sec.2, Nan Jing E. Rd. Taipei.
Taiwan 104, R.O.C.
Tel: 02-2511-8688
THAILAND
Siam Music Yamaha Co., Ltd.
891/1 Siam Motors Building, 15-16 floor
Rama 1 road, Wangmai, Pathumwan
Bangkok 10330, Thailand
Tel: 02-215-2626
OTHER ASIAN COUNTRIES
Yamaha Corporation,
Asia-Pacific Music Marketing Group
Nakazawa-cho 10-1, Naka-ku, Hamamatsu,
Japan 430-8650
Tel: +81-53-460-2317
Yamaha Music Central Europe GmbH
Siemensstraße 22-34, 25462 Rellingen, Germany
Tel: +49-4101-3030
OCEANIA
AUSTRALIA
AFRICA
Yamaha Corporation,
Asia-Pacific Music Marketing Group
Nakazawa-cho 10-1, Naka-ku, Hamamatsu,
Japan 430-8650
Tel: +81-53-460-2312
MIDDLE EAST
TURKEY/CYPRUS
Yamaha Music Central Europe GmbH
Siemensstraße 22-34, 25462 Rellingen, Germany
Tel: 04101-3030
OTHER COUNTRIES
Yamaha Music Gulf FZE
LOB 16-513, P.O.Box 17328, Jubel Ali,
Dubai, United Arab Emirates
Tel: +971-4-881-5868
Escr. Central:
SY44
Tom Lee Music Co., Ltd.
11/F., Silvercord Tower 1, 30 Canton Road,
Tsimshatsui, Kowloon, Hong Kong
Tel: 2737-7688
Yamaha Music Asia Pte., Ltd.
#03-11 A-Z Building
140 Paya Lebor Road, Singapore 409015
Tel: 747-4374
FINLAND
NORWAY
EUROPE
Yamaha Music & Electronics (China) Co.,Ltd.
25/F., United Plaza, 1468 Nanjing Road (West),
Jingan, Shanghai, China
Tel: 021-6247-2211
HONG KONG
Yamaha Musique France
BP 70-77312 Marne-la-Vallée Cedex 2, France
Tel: 01-64-61-4000
SWEDEN
Yamaha Music Latin America, S.A.
Sucursal de Argentina
Olga Cossettini 1553, Piso 4 Norte
Madero Este-C1107CEK
Buenos Aires, Argentina
Tel: 011-4119-7000
ASIA
THE PEOPLE’S REPUBLIC OF CHINA
Yamaha Music Australia Pty. Ltd.
Level 1, 99 Queensbridge Street, Southbank,
Victoria 3006, Australia
Tel: 3-9693-5111
NEW ZEALAND
Music Houses of N.Z. Ltd.
146/148 Captain Springs Road, Te Papapa,
Auckland, New Zealand
Tel: 9-634-0099
COUNTRIES AND TRUST
TERRITORIES IN PACIFIC OCEAN
Yamaha Corporation,
Asia-Pacific Music Marketing Group
Nakazawa-cho 10-1, Naka-ku, Hamamatsu,
Japan 430-8650
Tel: +81-53-460-2312
Yamaha Corporation, Pro Audio & Digital Musical Instrument Division
Nakazawa-cho 10-1, Naka-ku, Hamamatsu, Japan 430-8650
Tel: +81-53-460-2445
Site da Yamaha do Brasil
http://www.yamahamusical.com,br/
Yamaha Manual Library
http://www.yamaha.co.jp/manual/
U.R.G., Divisão de Pro Audio & Instrum. Musicais Digitais, Yamaha Corporation
© 2008 Yamaha Corporation
4Q559H
Download PDF