Sony | MZ-R410 | Sony MZ-R410 Instruções de Funcionamento

3-247-012-82(1)
Portable
MiniDisc Recorder
Manual de instruções
“WALKMAN” é uma marca registada da Sony Corporation em
representação dos produtos Headphone Stereo.
uma marca comercial da Sony Corporation.
MZ-R410/R410DPC
©2002 Sony Corporation
é
CUIDADO
Para evitar riscos de incêndio ou
de descargas eléctricas, não
exponha o aparelho à chuva ou à
humidade.
Não instale o aparelho num espaço
fechado, como por exemplo, uma
estante ou um armário.
Para evitar riscos de incêndio, não tape a
ventilação do aparelho com jornais,
toalhas de mesa, cortinas, etc.. Não
coloque velas acesas sobre o aparelho.
Para evitar riscos de incêndio ou de
descargas eléctricas, não coloque objectos
com líquido, tais como vasos, em cima do
aparelho.
Determinados países podem regulamentar
a eliminação da pilha utilizada para
alimentar este produto.
Consulte o seu agente local.
Atenção
A utilização de instrumentos ópticos com
este aparelho aumenta o risco de lesões
oculares.
ATENÇÃO — RADIAÇÕES LASER,
SE ABERTO
EVITE A EXPOSIÇÃO AO RAIO
LASER
2
Informações
O VENDEDOR NÃO PODE, EM
NENHUMA CIRCUNSTÂNCIA, SER
RESPONSABILIZADO POR DANOS
DIRECTOS, ACIDENTAIS OU
CONSEQUENCIAIS DE QUALQUER
NATUREZA, NEM POR PERDAS OU
DESPESAS RESULTANTES DE UM
PRODUTO DEFEITUOSO OU
PROVOCADAS PELA UTILIZAÇÃO
DE QUALQUER PRODUTO.
A validade da marca CE é
limitada apenas aos países onde
a sua circulação é obrigatória,
sobretudos nos países EEE
(Espaço Económico Europeu).
3
Índice
Verificar os acessórios fornecidos ..........................................................8
Exploração dos controlos ................................. 9
Como começar ................................................ 11
Gravar um MD imediatamente!
(Gravação sincronizada) ................................. 13
Reproduzir um MD imediatamente! ................ 17
Os vários métodos de gravação ..................... 19
Nota sobre gravação digital e analógica (Entrada digital e entrada
analógica) ........................................................................................19
Gravar em modo analógico (Gravação analógica) ...............................21
Gravação de longa duração (MDLP) ....................................................22
Se não pretender que “LP:” seja adicionado automaticamente
no início de uma faixa .....................................................23
Gravar faixas utilizando a função de grupo
(Gravação de modo de grupo) .........................................................23
Para activar o modo de grupo (Gravação de modo de grupo) ........24
Gravar uma faixa num novo grupo .................................................24
Gravar uma faixa num grupo existente ..........................................25
Gravação sem substituir o material existente .......................................25
Adicionar marcas de faixa automaticamente
(Registo automático de hora) ...........................................................26
Regulação manual do nível de som da gravação
(Gravação manual) ..........................................................................27
Verificar o tempo de gravação restante ................................................29
4
Os vários modos de reprodução .................... 30
Utilizar a função de grupo (Modo de grupo) ....................................... 30
Ouvir faixas de um grupo específico
(Reprodução de modo de grupo) .................................... 30
Seleccionar e reproduzir grupos
(Modo de alteração de grupo) ......................................... 30
Alterar os modos de reprodução .......................................................... 31
Criar um programa (Reprodução do programa) ............................ 32
Regular os graves e os agudos (Programação de som digital) ............. 33
Seleccionar a qualidade de som ..................................................... 33
Regular a qualidade de som ........................................................... 34
Verificação do tempo restante ou da posição de reprodução ............... 35
Montagem de faixas gravadas ....................... 36
Identificar/voltar a identificar as gravações ......................................... 36
Identificar gravações ...................................................................... 37
Voltar a identificar as gravações .................................................... 38
Registar faixas ou grupos como um novo grupo
(Programação de grupo) ................................................................. 39
Para desactivar uma programação de grupo ........................................ 40
Mover faixas gravadas ......................................................................... 40
Mover uma faixa para um grupo diferente ........................................... 41
Alterar a ordem de um grupo num disco (Mover grupo) ..................... 42
Adicionar uma marca de faixa ............................................................. 42
Apagar uma marca de faixa ................................................................. 43
Apagar faixas ....................................................................................... 43
Para apagar uma faixa .................................................................... 43
Para apagar todo o conteúdo do disco ........................................... 44
Para apagar um grupo .................................................................... 44
Outras operações ........................................... 46
Proteger a audição (AVLS) .................................................................. 46
Desligar o sinal sonoro ......................................................................... 46
Bloquear os controlos (HOLD) ............................................................ 47
Fontes de alimentação ................................... 48
Duração das pilhas ............................................................................... 48
5
Informações adicionais .................................. 49
Precauções ............................................................................................49
Limitações do sistema ...........................................................................51
Resolução de problemas .......................................................................53
Mensagens ............................................................................................56
Lista de menus ......................................................................................58
Especificações .......................................................................................63
Explicações ...........................................................................................64
Índice remissivo ....................................................................................66
6
7
Verificar os acessórios fornecidos
• Transformador de CA (1)
• Auscultadores/auriculares (1)
• Cabo óptico (1)
• Kit Digital PCLink (apenas fornecido com o modelo MZ-R410DPC) (1)
• Transformador de CA (fornecido com o modelo MZ-R410DPC) (1)
8
Exploração dos controlos
O gravador
1
2
7
8
9
3
q;
qa
4
qs
5
qd
6
qf
A Botão OPEN
H Botão END SEARCH
B Compartimento da pilha
I Visor
C Tecla de controlo de 5 posições
J Botão VOL +, –
N *(reproduzir)
X (pausa)
x (parar)
.>, >. (procurar, AMS)
K
* O botão N tem um ponto em relevo.
D Interruptor HOLD
E Tomada DC IN 3V
F Botão MENU/ENTER
G Botão GROUP/CANCEL
L
M
N
O botão VOL + tem um ponto em
relevo.
Orifício para a alça
Utilize este orifício para prender uma
alça.
Tomada LINE IN (OPTICAL)
Tomada i (auscultadores/auriculares)
Botão REC/T MARK
9
A janela do visor do gravador
A
B
C DE
F
G
H
L P 2 . 4 1 . 2 Digital P
I
J
A Indicação MONO (mono)
K
L
C Indicação de som
Mostra que o disco está a rodar para
gravação, reprodução ou montagem
de um MD.
E Indicador de nível de som
Mostra o volume do MD que está a
reproduzir ou gravar.
F Indicação REC REMAIN/REMAIN
(tempo restante/faixas)
Acende-se para indicar o tempo
restante da faixa, o tempo restante do
MD ou o número restante de faixas.
G Indicação SYNC (gravação
sincronizada)
I
J
K
L
M
N
10
N
H Indicação REC
B Indicação de modo LP
D Indicação de disco
M
Acende-se durante a gravação. Se
piscar, o gravador está em modo de
espera de gravação.
Indicação da pilha
Mostra o estado aproximado da pilha.
Visor da hora
Indicadores do nome do disco/faixa
Acende-se durante a identificação do
disco ou da faixa.
Indicação do grupo
Acende-se quando o modo de grupo
está ligado.
Visor de informações de caracteres
Mostra o nome do disco e das faixas,
mensagens de erro, números das
faixas, etc.
Indicação do modo de reprodução
Mostra o modo de reprodução do MD.
Como começar
1 Ligar a uma fonte de alimentação.
a uma
tomada de
parede
Transformador de CA
Ligue o transformador de
CA fornecido.
a DC IN 3V
Utilizar a pilha seca
Para abrir faça deslizar a
tampa do compartimento
das pilhas.
Introduza uma pilha seca
alcalina LR6 (tamanho AA),
começando pelo lado do
pólo negativo.
Feche a tampa.
continua
11
2 Fazer ligações e desbloquear o
controlo.
1
2
Ligar os auscultadores/auriculares a
i.
Faça deslizar HOLD na direcção oposta
à da seta indicada no gravador
(HOLD.) para desbloquear o
controlo.
Ligue com firmeza.
ai
HOLD
Para os modelos fornecidos com o adaptador de ficha CA
Se o transformador de CA não for compatível com a tomada de parede, utilize o adaptador de ficha CA.
Duração das pilhas
Para obter mais informações, consulte “Duração das pilhas” (página 48).
(Unidade: horas aprox.)
12
Pilha seca alcalina LR6
(tamanho AA) da Sony
SP estéreo
LP2 estéreo
LP4 estéreo
Quando gravar
8
13
19
Quando reproduzir
37
46
51
Gravar um MD imediatamente!
(Gravação sincronizada)
Esta secção descreve o procedimento básico para efectuar gravações
digitais utilizando um cabo óptico ligado a um leitor de CD, TV digital
e outro equipamento digital. (Para obter mais informações, consulte
“Nota acerca da gravação digital” (página 64).) Durante a gravação
sincronizada, o gravador inicia e pára a gravação em sincronia com a
fonte de som. As marcas de faixa são adicionadas sempre que surgem
na fonte de som. Deve utilizar um transformador de CA quando
efectuar as gravações.
Para gravar a partir de uma fonte analógica como um deck para cassetes ou um rádio t
“Gravar em modo analógico (Gravação analógica)” (página 21).
Para gravar utilizando o modo de grupo t “Gravar faixas utilizando a função de grupo
(Gravação de modo de grupo)” (página 23).
1 Introduza um MD.
(Utilize um MD gravável para a gravação)
1
Prima OPEN para abrir a tampa.
2
Introduza um MD com o lado que
contém a etiqueta virada para cima e
carregue na tampa para a fechar.
Verifique se a
patilha de
protecção contra
gravação está
fechada.
continua
13
2 Fazer as ligações. (Introduza os cabos
firme e completamente nas tomadas adequadas)
Leitor de CD, leitor
de MD, leitor de
DVD, etc.
a uma
tomada de
parede
a uma tomada de saída digital
(óptica)
Transformador de CA
Cabo óptico
a DC IN 3V
a LINE IN (OPTICAL)
3 Gravar um MD.
.>,
>.,
x, N, X
MENU/
ENTER
1
14
2
Prima várias vezes > ou . até
“SYNC-R” piscar no visor e depois
prima ENTER.
3
Prima várias vezes > ou . até
“ON” piscar no visor e depois prima
ENTER.
4
Prima N e REC.
O gravador entra no modo de espera de
gravação.
5
Reproduza a fonte que pretende gravar.
END
SEARCH
REC
Com o gravador parado, prima MENU.
Os itens do menu aparecem no visor.
O gravador começa a gravar
automaticamente quando receber o
som da reprodução.
Para parar a gravação, prima x.
Depois de premir x para parar, o gravador desliga-se automaticamente após cerca de 10 segundos (se
utilizar a pilha seca) ou 3 minutos (se utilizar o transformador de CA).
Para cancelar a gravação sincronizada
Prima várias vezes > ou . até “OFF” piscar no visor no passo 3 e depois prima ENTER.
Nota
Se gravar num disco gravado anteriormente, o gravador vem programado de fábrica
para substituir todo o conteúdo do disco. Se pretender que a gravação comece depois
do conteúdo existente, execute o procedimento “Gravação sem substituir o material
existente” (página 25) antes de efectuar o passo 3, “Gravar um MD.” (página 14).
A
Prima
Gravar a partir do fim do
conteúdo existente1)
Se “R-Posi” (programação de posição de início de
gravação) estiver programado para “FrHere”, prima END
SEARCH e depois prima N e REC.1)
Se “R-Posi” estiver programado para “Fr End”, prima
N e REC.
Gravar uma parte sobre a
gravação anterior1)
N, ., ou > para localizar o ponto de início da
gravação e prima x para parar. Depois prima N e REC.
Fazer uma pausa
X2).
Volte a premir X para retomar a gravação.
Retirar o MD
x e abra a tampa.3) (A tampa não se abre enquanto “Edit”
estiver a piscar no visor.)
1) Se
“R-Posi” estiver programado para “Fr End”, as operações de gravação começam sempre no fim do
material gravado anteriormente sem ser necessário premir o botão END SEARCH (página 26).
adicionada uma marca de faixa no ponto em que voltou a premir X para continuar a gravação após
a pausa; no entanto a parte restante da faixa é contada como uma faixa nova.
3) Se abrir a tampa quando “R-Posi” estiver programado para “FrHere”, a gravação começa a partir da
primeira faixa do disco quando gravar novamente. Verifique o ponto de início da gravação no visor.
2) É
Se a gravação não começar
Acerca de DSP TYPE-R para ATRAC
• Verifique se o gravador não está bloqueado
(página 12, 47).
• Verifique se o MD não está protegido contra
gravação (página 65).
• Não pode gravar num MD premasterizado.
“TYPE-R” é uma especificação de alto nível da
Sony utilizada no Processador de sinais digitais
(DSP), que caracteriza o som do MiniDisc. Esta
tecnologia aumenta em duas vezes a capacidade
de processamento de sinais do gravador de
minidiscos, em relação aos anteriores modelos
de Walkman de minidiscos, produzindo uma
qualidade de som próxima da dos decks de
minidiscos. Este aparelho só suporta a função
“TYPE-R” durante a gravação ou reprodução
no modo estéreo normal (ou mono). Não
suporta esta função no modo MDLP.
15
Notas
• A função de pausa não pode ser activada ou
desactivada manualmente durante a gravação
sincronizada. Prima x para parar a gravação.
• Não altere a regulação “SYNC-R” durante a
gravação. A gravação pode não ficar bem
feita.
• Mesmo que não haja som gravado na fonte, há
casos em que a gravação não pára
automaticamente durante a gravação
sincronizada, devido ao ruído emitido pela
fonte de som.
• Se houver um espaço em branco com cerca de
2 segundos durante a gravação sincronizada
de uma fonte de som diferente do CD ou do
MD, uma nova marca de faixa é adicionada
automaticamente no ponto em que termina o
espaço em branco.
• Não pode fazer gravações sincronizadas se o
cabo utilizado na ligação não for um cabo
óptico.
• Enquanto estiver a gravar não pode mudar o
modo de gravação.
• “Saving” ou “Edit” piscam enquanto os dados
da gravação (o ponto de início e de fim da
faixa, etc.) estiverem a ser gravados. Não
desloque o gravador, nem desligue a fonte de
alimentação enquanto a indicação estiver a
piscar no visor.
• A tampa não abre enquanto “Edit” não
desaparecer do visor.
• Se houver uma interrupção na alimentação (ou
seja, se remover a pilha/bateria, se esta estiver
gasta ou se o transformador de CA estiver
desligado) durante uma gravação ou
montagem, ou enquanto “Edit” aparecer no
visor, isso significa que só é possível abrir a
tampa quando a corrente for restabelecida.
• Só pode fazer uma gravação digital a partir de
uma saída de tipo óptico.
• Quando efectuar uma gravação a partir de um
leitor de CD portátil, programe o leitor de CD
para o modo de pausa e depois efectue a
gravação.
16
• Verifique os seguintes passos quando gravar a
partir de um leitor de CD portátil:
—Alguns leitores de CD portáteis podem não
ter saídas digitais, quando o transformador
de CD estiver desligado. Neste caso, ligue o
transformador de CA ao leitor de CD
portátil e utilize um transformador de CA
como fonte de alimentação.
—Alguns leitores de CD portáteis podem não
ter saídas digitais quando utilizar uma
função de anti-salto (por exemplo, ESP* ou
G-PROTECTION). Neste caso, desligue a
função de anti-salto.
∗ Electronic Shock Protection (Protecção
electrónica anti-choque)
z
• Se o leitor não emitir qualquer som
(página 64) durante mais de 3 segundos,
durante uma gravação sincronizada, o
gravador passa automaticamente para o modo
de espera Assim que o leitor voltar a emitir
som, o gravador retoma a gravação
sincronizada. O gravador pára
automaticamente se estiver em modo de
espera durante 5 minutos ou mais.
• Para fazer uma gravação mais longa, siga os
passos 1 a 3 de “Gravação de longa duração
(MDLP)” (página 22) para seleccionar o
modo de gravação e inicie o procedimento de
gravação sincronizada.
• A tomada LINE IN (OPTICAL) destina-se
tanto à entrada digital como analógica. O
gravador reconhece automaticamente o tipo
do cabo de linha e muda para a entrada digital
ou analógica.
• O nível de gravação é regulado
automaticamente. Para regular o nível
manualmente, consulte “Regulação manual do
nível de som da gravação (Gravação manual)”
(página 27).
• Pode controlar o som durante a gravação.
Ligue os auscultadores/auriculares a i e
regule o volume premindo VOL +, –. Isto não
afecta o nível da gravação.
Reproduzir um MD imediatamente!
1 Introduza um MD.
1
Prima OPEN para abrir a tampa.
2
Introduza um MD com o lado da
etiqueta virado para a frente e carregue
na tampa para a fechar.
2 Reproduzir um MD.
VOL +, –
N , x, .,
>, X
1
Prima N.
Ouve um sinal sonoro curto nos
auscultadores/auriculares.
2
Prima VOL +, – para regular o volume.
O volume aparece indicado no visor.
Para parar a reprodução,
prima x.
Ouve um sinal sonoro longo nos auscultadores/
auriculares.
Depois de premir x, o gravador desliga-se
automaticamente após 10 segundos (se utilizar
a pilha seca) ou aproximadamente 3 minutos
(se utilizar o transformador de CA).
A reprodução começa a partir do ponto em que
parou pela última vez. Para iniciar a reprodução
a partir do início da primeira faixa, prima N
sem largar durante 2 segundos ou mais.
continua
17
A
Operações no gravador
Procurar o início da faixa actual ou de uma Prima ..
Prima . várias vezes até alcançar o início
faixa anterior1)
da faixa pretendida.
Localizar o início da faixa seguinte2)
Prima > uma vez.
Voltar atrás durante a reprodução
Prima sem soltar ..
Avançar durante a reprodução
Prima sem soltar >.
Fazer uma pausa
Prima X.
Volte a premir X para retomar a reprodução.
Retirar o MD
Prima x e abra a tampa.3)
1) Se premir . duas vezes continuamente enquanto a primeira faixa do
disco estiver a ser reproduzida,
o gravador vai para o início da última faixa do disco.
premir > durante a reprodução da última faixa do disco, o gravador volta ao início da primeira
faixa do disco.
3) Depois de abrir a tampa, o ponto de início da reprodução muda para o princípio da primeira faixa.
2) Se
Se a reprodução não começar
Verifique se o gravador não está bloqueado
(página 12, 47).
Suprimir os saltos de som (GPROTECTION)
A função G-PROTECTION foi desenvolvida
para fornecer um nível mais elevado de
resistência ao choque do que os leitores
existentes.
Nota
O som de reprodução pode saltar se:
• o gravador sofrer um choque contínuo.
• for reproduzido um MiniDisc sujo ou riscado.
z
• O modo de reprodução muda
automaticamente (estéreo, LP2 estéreo, LP4
estéreo ou mono).
• Para reproduzir apenas as faixas de um
determinado grupo, consulte “Utilizar a
função de grupo (Modo de grupo)”
(página 30).
18
Os vários métodos de gravação
Nota sobre gravação digital e analógica (Entrada
digital e entrada analógica)
A tomada de entrada deste gravador funciona como uma tomada de entrada digital e
analógica. Ligue o gravador a um leitor de CD ou a um gravador de cassetes utilizando a
entrada digital (óptica) ou a entrada analógica (linha). Para efectuar uma gravação, consulte
“Gravar um MD imediatamente! (Gravação sincronizada)” (página 13) para uma gravação
que utilize uma entrada digital (óptica) e “Gravar em modo analógico (Gravação
analógica)” (página 21) para uma gravação que utilize a entrada analógica (linha).
Diferenças entre a entrada digital (óptica) e a entrada analógica
(linha)
Diferença
Entrada digital (óptica)
Entrada analógica (linha)
Fonte que
pode ligar
Equipamento com uma tomada de
saída digital (óptica) (leitor de CD,
leitor de DVD, etc.)
Equipamento com tomada de
saída analógica (linha) (Deck para
cassetes, rádio, gira-discos, etc.)
Cabo que
Cabo óptico (com uma ficha óptica ou
pode utilizar uma minificha óptica) (página 14)
Cabo de linha (com 2 fichas
phono ou uma minificha estéreo)
(página 21)
Sinal da
fonte
Digital
Analógico
Mesmo que esteja ligada uma
fonte digital (como um CD), o
sinal enviado para o gravador é
analógico.
As marcas
de faixas1)
Marcadas (copiadas) automaticamente Marcadas automaticamente
• após um segmento em branco
• nas mesmas posições que na fonte
(página 65) ou uma passagem
(quando a fonte de som é um CD ou
com um nível de som baixo com
um MD).
mais de 2 segundos.
• após um segmento em branco
• se parar o gravador durante a
(página 65) ou uma passagem com
gravação.
um nível de som baixo (cuja fonte de
som não seja de CD ou um MD) com
mais de 2 segundos.
• se parar o gravador (3 segundos em
branco durante a gravação
sincronizada).
Nível do
som da
gravação
Igual ao da fonte.
Também pode fazer a regulação
manualmente (controlo digital do nível
de REC) (“Regulação manual do nível
de som da gravação (Gravação
manual)”, página 27).
Regulado automaticamente.
Também pode fazer a regulação
manualmente (“Regulação
manual do nível de som da
gravação (Gravação manual)”,
página 27).
1) Pode
apagar as marcas de faixa desnecessárias depois da gravação. (“Apagar uma marca de faixa”,
página 43).
19
Nota
As marcas de faixa podem ser copiadas incorrectamente:
• quando gravar a partir de leitores de CD ou de vários leitores de disco que utilizem uma entrada digital
(óptica).
• quando a fonte estiver no modo de reprodução do programa ou no modo de reprodução aleatória
durante uma gravação em que se utilize uma entrada digital (óptica). Nesse caso, reproduza a fonte no
modo de reprodução normal.
• quando são gravados programas com áudio emitidos digitalmente (por exemplo, TV digital) através
da entrada digital (óptica).
20
Gravar em modo
analógico (Gravação
analógica)
O som será obtido a partir do
equipamento ligado como um sinal
analógico mas será gravado no disco
como digital.
Para efectuar a ligação a uma fonte de
som, é necessário um cabo de linha
opcional. Quando ligar o cabo, insira os
conectores com firmeza.
Leitor de CD,
gravador de
cassetes, etc.
a tomadas LINE OUT, etc
R
(vermelho)
L
(branco)
1
2
Prima N e REC.
A indicação REC acende-se no visor
e a gravação começa.
Reproduza a fonte que pretende
gravar.
Para efectuar outro tipo de gravações,
consulte “Gravar um MD
imediatamente! (Gravação
sincronizada)” (página 13).
z
• A tomada LINE IN (OPTICAL) destina-se
tanto à entrada digital como analógica.
O gravador reconhece automaticamente o tipo
do cabo e muda para a entrada digital ou
analógica.
• Se premir simultaneamente X e REC no
passo 1 acima, o gravador entrará no modo de
espera de gravação. Para iniciar a gravação,
prima X.
Nota
Se interromper temporariamente uma gravação
premindo X, é adicionada uma marca de faixa
nesse ponto quando premir X novamente para
continuar a gravação. A gravação continua a
partir de uma nova faixa.
Cabo de linha*
REC
N
a LINE IN (OPTICAL)
∗ Não utilize os cabos de ligação com um
atenuador. Para efectuar a ligação a um
leitor de CD portátil equipado com uma
minitomada estéreo, utilize um cabo de
ligação com uma minificha estéreo em
ambas as extremidades (não fornecido).
21
Gravação de longa
duração (MDLP)
Seleccione o modo de gravação de acordo
com o tempo de gravação pretendido.
É possível fazer gravações estéreo com
uma duração 2 (LP2) a 4 vezes (LP4)
superior à de uma gravação normal
(estéreo). Também é possível fazer
gravações mono com uma duração 2
vezes superior ao tempo de gravação
normal.
Os MDs gravados no modo mono,
LP2 ou LP4 podem ser
reproduzidos apenas em leitores
de MD ou em gravadores que
tenham o modo de reprodução
mono, LP2, ou LP4.
>,.,
N
2
Prima várias vezes > ou . para
seleccionar o modo de gravação
pretendido e depois prima ENTER.
Sempre que premir ., A muda.
Quando prime ENTER, aparece B.
B
A
Modo de
Visor
gravação1) A/B
Tempo de
gravação3)
SP estéreo
SP/—
(vazio)
Aprox. 80
min.
LP2 estéreo
LP2/
Aprox. 160
min.
LP4 estéreo
LP4/
Aprox. 320
min.
Mono2)
MONO/
MONO
Aprox. 160
min.
REC
1) Para
Com o gravador parado, prima
MENU.
obter uma melhor qualidade de som,
grave nos modos estéreo normal (SP) ou LP2
estéreo.
2) Se gravar uma fonte estéreo em mono, o som
da esquerda e da direita serão misturados.
3) Quando utilizar um MD regravável de 80
minutos.
Prima várias vezes > ou . até
“R-MODE” piscar no visor e depois
prima ENTER.
4
5
MENU/
ENTER
1
3
Prima N e REC.
Reproduza a fonte de som.
Para parar a gravação
Prima x.
O gravador mantém a programação
anterior de modo de gravação quando
efectuar a próxima gravação.
22
Se não pretender que “LP:”
seja adicionado
automaticamente no início de
uma faixa
Quando efectua gravações no modo
MDLP, este gravador adiciona “LP:” na
parte da frente de cada nome de faixa
automaticamente. A indicação “LP:”
aparece quando tenta reproduzir ou
montar estas faixas num gravador ou
leitor que não suporta o modo MDLP (a
indicação não aparece se o gravador ou
leitor suportarem o modo MDLP).
Se alterar a programação do gravador de
forma a que a indicação “LP:” não seja
adicionada, pode introduzir nomes de
faixa maiores utilizando a cadeia de texto
completa.
1
Com o gravador parado, prima
MENU.
2
Prima várias vezes > ou . até
“OPTION” piscar no visor e depois
prima ENTER.
3
Prima várias vezes > ou . até
“LPStmp” piscar no visor e depois
prima ENTER.
4
Prima várias vezes > ou . até
“OFF” piscar no visor e depois prima
ENTER.
Se pretende adicionar “LP:”,
seleccione “ON” neste passo e depois
prima ENTER.
z
• Os componentes de áudio que suportam os
modos LP2 estéreo ou LP4 estéreo estão
indicados pelos logótipos
ou
.
• Pode obter uma qualidade de som mais
elevada se gravar em SP estéreo (ou mono)
com a nova função DSP TYPE-R de ATRAC
(Adaptive TRansform Acoustic Coding)
(página 15).
Notas
• Não deve utilizar o transformador de CA para
gravações muito longas.
• Durante a gravação mono de uma fonte de
som estéreo ligada através da tomada de
entrada digital (óptica), pode controlar o som
gravado em estéreo através dos auscultadores
ou auriculares ligados à tomada i.
• Se gravar no modo LP4, determinadas fontes
de som podem, ocasionalmente, produzir um
ruído momentâneo. Isso deve-se à tecnologia
de compressão áudio digital especial que
permite um tempo de gravação 4 vezes
superior ao normal. Se houver ruído, faça a
gravação em estéreo normal ou no modo LP2
para obter uma melhor qualidade de som.
Gravar faixas utilizando
a função de grupo
(Gravação de modo de
grupo)
O que é a função de grupo
(Modo de grupo)?
É uma função que divide as faixas de um
disco em grupos diferentes para
reprodução, gravação e montagem.
Quando o modo de grupo está desligado.
Disco
Número da faixa
1 2 3 4 5 6 7 8 9
Quando o modo de grupo está activado.
Disco
Grupo 1
Grupo 2
Número
da faixa
Número
da faixa
1 2 3
1 2
Grupo 3
Número
da faixa
1 2 3 4
23
É uma forma prática de gerir vários CDs
gravados no modo MDLP (LP2 estéreo/
LP4 estéreo) num único MD. Pode criar
um máximo de 99 grupos num disco.
Como é que são gravadas as
informações do grupo?
Quando efectuar gravações no modo de
grupo, as informações de grupo são
gravadas na área de gravação do nome do
disco.
Estas informações incluem cadeias de
texto que são gravadas da seguinte forma.
Notas
• A programação da função de grupo é
guardada mesmo se ejectar o MD ou desligar
o gravador.
• No modo de grupo, o gravador identifica todas
as faixas sem programações de grupo como
parte do último grupo no disco. O último
grupo aparece no visor do gravador como “GP
--”. Num determinado grupo, as faixas
aparecem pela ordem no disco e não pela
ordem dentro do grupo.
GROUP
END
SEARCH
Área de gravação do nome do disco
Exemplo
1
2
3
> , .,
N
1
2
Nome do disco: “Favorites”
3
Nome do grupo das faixas 6 a 9:
“Pops”
Para activar o modo de grupo
(Gravação de modo de grupo)
Deste modo, a cadeia de caracteres acima
aparece por completo como o nome do
disco se colocar um MD gravado no modo
de grupo num sistema que não suporte o
modo de grupo ou se tentar montar o
conteúdo de um disco neste gravador com
o modo de grupo desactivado.
Para gravar faixas no modo de grupo, é
necessário activar o modo de grupo antes
de iniciar a gravação.
Nome do grupo das faixas 1 a 5:
“Rock”
É possível alterar a cadeira de
caracteres efectuando o
procedimento “Voltar a identificar
as gravações” (página 38) em
“Identificar/voltar a identificar as
gravações”. Saliente-se que se
reescrever a cadeira de caracteres
por engano, poderá não conseguir
utilizar a função de grupo desse
MD.
1
REC
Prima GROUP durante 2 segundos ou
mais.
“
” e “GP ON” acendem-se e o
modo de grupo é activado.
Para cancelar o modo de
grupo
Prima novamente GROUP durante 2
segundos ou mais.
Gravar uma faixa num novo
grupo
• Active o modo de grupo.
1
24
Prima END SEARCH com o
gravador parado.
2
3
Prima N e REC.
Reproduza o som da fonte.
Para parar a gravação
Prima x.
O material que foi gravado até premir x é
introduzido como um novo grupo.
Gravar uma faixa num grupo
existente
Gravação sem
substituir o material
existente
Se não quiser apagar o conteúdo do MD,
efectue o seguinte procedimento. A nova
gravação começa a partir do fim da
gravação já existente. O gravador vem
programado de fábrica para substituir o
material existente.
• Active o modo de grupo.
• Introduza um disco com as
programações de grupo.
1
2
3
4
Prima GROUP.
A indicação “
” pisca no visor e
pode seleccionar um grupo
directamente (modo de alteração de
grupo) (página 30).
>, .
1
MENU/
ENTER
Com o gravador parado, prima
MENU.
Prima várias vezes > ou .
durante 5 segundos até aparecer o
grupo ao qual pretende adicionar a
faixa.
2
Prima várias vezes > ou . até
“OPTION” piscar no visor e depois
prima ENTER.
Prima N e REC.
3
Reproduza o som da fonte.
A nova faixa gravada é adicionada
depois do ponto actual.
Prima várias vezes > ou . até
“R-Posi” piscar no visor e depois
prima ENTER.
4
Prima várias vezes > ou . até
“Fr End” piscar no visor e depois
prima ENTER.
Notas
• Mesmo que “R-Posi” esteja programado para
“FrHere”, as novas faixas gravadas são
introduzidas a seguir às faixas existentes no
grupo especificado sem substituir o conteúdo
actual (página 25).
• O modo de alteração de grupo desactiva-se
automaticamente no passo passo 2 se não for
efectuada nenhuma acção durante 5 segundos.
Para continuar o procedimento, efectue o
passo passo 1 novamente.
Para iniciar a gravação a
partir do ponto actual
Seleccione “FrHere” no passo passo 4.
z
Para adicionar uma faixa que está a ser
reproduzida num grupo, pare a reprodução da
faixa e depois efectue o procedimento do passo
passo 3.
25
z
• Para gravar temporariamente sem substituir o
ponto actual, prima END SEARCH antes de
iniciar a gravação. A gravação é iniciada
depois da última faixa, mesmo se “R-Posi”
estiver programado como “FrHere”
(programação de fábrica). O tempo de
gravação restante do disco aparece no visor
quando prime END SEARCH.
• O gravador não substitui o material existente
quando o modo de grupo está activado. No
modo de grupo, só pode gravar faixas para
criar um novo grupo (página 24) ou gravar
faixas dentro de um grupo existente
(página 25).
Adicionar marcas de
faixa automaticamente
(Registo automático de
hora)
Utilize esta função para adicionar
automaticamente marcas de faixa em
intervalos especificados quando efectuar
uma gravação através de um conector de
entrada analógica.
Notas
• A programação é mantida mesmo depois da
corrente ser desligada.
• Se começar a gravação e o gravador estiver no
modo reprodução-pausa, a gravação é iniciada
a partir do ponto em que estava no modo de
pausa mesmo se “R-Posi” estiver programado
como “Fr End”.
>, .
1
MENU/
ENTER
Durante uma gravação ou enquanto o
gravador estiver em modo de pausa,
prima MENU.
2
Prima várias vezes > ou . até
“TimeMk” piscar no visor e depois
prima ENTER.
3
Prima várias vezes > ou . até o
intervalo de tempo pretendido piscar
no visor e depois prima ENTER.
Seleccione um dos seguintes
intervalos:
Visor
Duração
OFF
—
5 min
Aprox. 5 min.
10 min
Aprox. 10 min.
15 min
Aprox. 15 min.
Para cancelar o Registo
automático de hora
Seleccione “OFF” e depois prima ENTER
no passo passo 3 ou interrompa a
gravação.
26
Utilizar o Registo automático
de hora para adicionar marcas
de faixa durante a gravação
Quando o tempo de gravação
decorrido excede o intervalo de
tempo do Registo automático de
hora:
O gravador adiciona marcas de faixa no
ponto em que programa o intervalo de
tempo e, a partir desse ponto, o gravador
adiciona uma marca de faixa sempre que
decorrer um intervalo de tempo.
Exemplo: Decorreram oito minutos de
gravação quando o intervalo de tempo do
Registo automático de hora está
programado para 5 minutos.
É adicionada uma marca de faixa no
ponto de 8 minutos (depois do início da
gravação) e depois de 5 em 5 minutos.
Quando o intervalo de tempo
programado para Registo automático
de hora excede o tempo de gravação
decorrido:
O gravador adiciona uma marca de faixa
quando o intervalo de tempo programado
para o Registo automático de hora tiver
decorrido.
Exemplo: Decorreram três minutos de
gravação quando o intervalo de tempo do
Registo automático de hora está
programado para 5 minutos.
É adicionada uma marca de faixa no
ponto de 5 minutos (depois do início da
gravação) e depois de 5 em 5 minutos.
Regulação manual do
nível de som da
gravação (Gravação
manual)
Durante a gravação, o nível do som da
gravação é regulado automaticamente. Se
necessário, pode programar o nível de
gravação manualmente durante a
gravação analógica e digital.
REC
>, ., X
1
2
3
4
MENU/
ENTER
Prima X e REC.
O gravador entra no modo de espera
de gravação.
Prima MENU.
Prima várias vezes > ou . até
“RecVol” piscar no visor e depois
prima ENTER.
Prima várias vezes > ou . até
“Manual” piscar no visor e depois
prima ENTER.
z
“T” aparece antes da indicação de faixas no
gravador, relativamente às marcas de faixa
adicionadas pelo Registo automático de hora.
Notas
• A marcação automática de faixas pelo Registo
automático de hora inicia-se quando adicionar
uma marca de faixa normal ao disco (ou seja,
premindo T MARK ou X, etc.).
• A programação é perdida quando a gravação
pára.
5
Reproduza a fonte.
continua
27
6
Enquanto observa o indicador de
nível que aparece no visor, regule o
nível de som da gravação premindo
> ou ..
Regule o nível de forma a que a
entrada de som máxima acenda no
quinto segmento do indicador. Se o
sexto segmento se acender, baixe o
nível de som premindo >.
quinto segmento
A gravação não se inicia neste passo.
Se o som for proveniente de um
componente externo ligado, verifique
se introduziu uma marca na fonte, no
início do material que quer gravar,
antes de iniciar a reprodução do
mesmo.
7
Prima X novamente para iniciar a
gravação.
Para parar a gravação
Prima x.
O gravador muda para o modo de
regulação do nível de gravação
automático quando iniciar novamente
uma gravação.
Para voltar ao controlo de
nível automático
Seleccione “Auto” no passo passo 4.
Notas
• Para programar o nível de gravação
manualmente durante a gravação
sincronizada, efectue o procedimento abaixo.
1 Seleccione “OFF” no passo 3 de “Gravar um
MD.” (página 14).
28
2 Efectue os passos passo 1 a passo 6 do
procedimento manual de gravação
(página 27). Depois efectue novamente o
procedimento de “Gravar um MD.” (passo 3
de “Gravar um MD imediatamente!
(Gravação sincronizada)” (página 13)).
A gravação é iniciada automaticamente
sempre que a fonte de som é reproduzida.
• Durante a gravação, não pode alternar de
“Auto” para “Manual” (ou vice-versa).
Em B
LapTim
O tempo decorrido da faixa actual.
r
RecRem
O tempo restante para gravação.
r
GP Rem
O tempo restante depois da faixa
actual num grupo.
r
AllRem
O tempo restante depois da posição
em que se encontra.
Verificar o tempo de
gravação restante
Pode ver o tempo restante, o número da
faixa, etc., tanto durante a gravação como
com o gravador parado. Os itens
relacionados com o grupo só aparecem
quando é reproduzida uma faixa com
programações de grupo.
4
>, .
1
MENU/
ENTER
Quando o gravador se encontra em
gravação ou em modo de paragem,
prima MENU.
2
Prima várias vezes > ou . até
“DISP” piscar no visor e depois
prima ENTER.
3
Prima várias vezes > ou . até
as informações pretendidas piscarem
no visor.
Cada vez que premir ., o visor
muda da seguinte forma:
A
Prima ENTER.
As informações seleccionadas no
passo passo 3 aparecem em A e B.
A — as informações seleccionadas
no passo passo 3.
B — número da faixa, nome da
faixa, nome do grupo ou nome do
disco.
Nota
Os itens podem ter um aspecto diferente ou
podem não ser seleccionáveis, dependendo do
estado activado/desactivado do modo de grupo,
do estado de funcionamento ou das
programações do gravador.
z
Se quiser verificar a posição de reprodução ou o
nome da faixa durante a reprodução, consulte
página 35.
B
29
Os vários modos de reprodução
Utilizar a função de
grupo (Modo de grupo)
O gravador pode utilizar vários tipos de
reprodução num disco que tenha
programações de grupo. Para obter
informações sobre o modo de grupo,
consulte “Gravar faixas utilizando a
função de grupo (Gravação de modo de
grupo)” (página 23).
z
• Também pode mudar o modo de reprodução
(reprodução repetitiva ou reprodução
aleatória) no grupo seleccionado. Depois de
efectuar estes procedimentos, siga os passos
referidos em “Alterar os modos de
reprodução” (página 31).
• No modo de grupo, se premir . durante a
última faixa do grupo, a reprodução passa para
a primeira faixa do grupo. Se premir >
duas vezes continuamente durante a primeira
faixa do grupo, a reprodução passa para a
última faixa do grupo.
Para desactivar a função de
grupo
Prima novamente GROUP durante 2
segundos ou mais.
GROUP
Nota
>, .
ENTER
Ouvir faixas de um grupo
específico (Reprodução de
modo de grupo)
• Introduza um disco com as
programações de grupo.
1
2
30
Inicie a reprodução.
Prima GROUP durante 2 segundos ou
mais.
“
” e “GP ON” acendem-se no
visor e o modo de grupo é activado.
A reprodução pára no final da última
faixa do grupo seleccionado.
Para obter mais informações sobre
como seleccionar outro grupo,
consulte “Seleccionar e reproduzir
grupos (Modo de alteração de
grupo)” (página 30).
No modo de grupo, o gravador identifica todas
as faixas sem programações de grupo como
parte do último grupo no disco. O último grupo
aparece no visor do gravador como “GP --”.
Num determinado grupo, as faixas aparecem
pela ordem no disco e não pela ordem dentro do
grupo.
Seleccionar e reproduzir
grupos (Modo de alteração de
grupo)
As operações são possíveis,
independentemente do modo de grupo
estar activado ou desactivado. No entanto,
a reprodução do gravador pode variar,
dependendo do modo de grupo estar
activado ou desactivado.
• Quando o modo de grupo está
activado:
A reprodução é iniciada na primeira
faixa do grupo seleccionado e termina
na última faixa do grupo.
• Quando o modo de grupo está
desligado:
A reprodução é iniciada na primeira
faixa do grupo seleccionado e termina
na última faixa do disco.
Quando o modo de grupo está desligado:
Alterar os modos de
reprodução
Disco
Número da faixa
1 2 3
Saltar
5 6
7 8
Saltar
4
Saltar
Pode seleccionar vários modos de
reprodução, tais como reprodução simples
(1Track), reprodução aleatória (Shuff) e
reprodução de programa (PGM). Também
pode seleccionar a reprodução repetitiva
em qualquer modo de reprodução.
Quando o modo de grupo está activado:
Disco
Grupo 1
Número
da faixa
Grupo 2
Número
da faixa
Grupo 3
Número
da faixa
1 2 3
1 2
1 2
Saltar
Saltar
Saltar
• Introduza um disco com as
programações de grupo.
1
2
Prima GROUP.
A indicação “ ” pisca no visor e os
grupos podem ser seleccionados.
Prima várias vezes > ou .,
durante 5 segundos, para seleccionar
o grupo pretendido e depois prima
ENTER.
O gravador inicia a reprodução da
primeira faixa no grupo.
Nota
>, .
1
MENU/
ENTER
Quando o gravador estiver no modo
de reprodução, prima MENU.
2
Prima várias vezes > ou . até
“P-MODE” piscar no visor e depois
prima ENTER.
3
Prima várias vezes > ou . para
seleccionar o modo de reprodução e
depois prima ENTER.
Sempre que premir ., B muda.
Quando prime ENTER, aparece A.
A
B
Se não for efectuada nenhuma operação dentro
de 5 segundos depois do passo passo 1, o modo
de alteração de grupo é cancelado e não pode
efectuar o passo passo 2. Para continuar a
efectuar o passo passo 1 neste ponto, é
necessário repetir o procedimento a partir do
início.
continua
31
Em B/A
Normal/(nenhum)
Reproduz todas as faixas uma vez.
r
AllRep/
Reproduz todas as faixas várias
vezes.
r
1Track/1
É reproduzida uma única faixa.
r
1 Rep./ 1
Reproduz uma faixa várias vezes.
r
Shuff/SHUF
Depois de terminada a reprodução
da faixa actualmente seleccionada,
as faixas restantes são reproduzidas
por ordem aleatória.
r
Shuf.R/SHUF
Depois de terminada a reprodução
das faixas seleccionadas, as faixas
restantes são repetidas por ordem
aleatória.
r
PGM/PGM
As faixas são reproduzidas pela
ordem que especificou.
r
PGMRep/ PGM
As faixas são reproduzidas várias
vezes pela ordem que especificou.
32
Criar um programa
(Reprodução do programa)
Pode definir a reprodução do programa
até um máximo de 20 faixas.
1
2
Prima MENU enquanto “PGM” pisca
no visor no passo passo 3 de “Alterar
os modos de reprodução” (página 31).
Prima várias vezes > ou . para
seleccionar uma faixa e depois prima
ENTER.
A faixa seleccionada aparece.
Número da
faixa no disco
3
4
Número da faixa
no programa
Repita o passo passo 2 para
programar mais faixas.
Prima ENTER durante 2 segundos ou
mais.
O programa fica definido e a
reprodução é iniciada a partir da
primeira faixa.
z
• A programação de reprodução do programa
permanece na memória mesmo depois da
reprodução ser interrompida ou concluída.
• Pode especificar o modo de reprodução de um
grupo seleccionado quando o modo de grupo
está activado. Para activar o modo de grupo,
consulte “Para activar o modo de grupo
(Gravação de modo de grupo)” (página 24).
• O modo de reprodução também pode ser
seleccionado quando o gravador está no modo
de paragem.
Notas
• Todas as programações de programa são
perdidas quando a tampa do gravador é aberta.
• Se o gravador estiver em modo de paragem e
ficar inactivo durante 5 minutos no meio de
uma programação, as faixas seleccionadas
programadas até então são introduzidas como
parte do programa.
• Se activar ou desactivar o modo de grupo
durante a programação de um programa, o
modo de programação é cancelado mas o
conteúdo do programa até esse ponto
permanece.
• Se activar o modo de grupo durante a
reprodução do programa, a programação do
programa é cancelada.
Regular os graves e os
agudos (Programação
de som digital)
Pode regular os graves e os agudos
consoante o seu gosto. O leitor pode
guardar dois conjuntos de regulações de
agudos e graves, que podem ser
seleccionadas posteriormente durante a
reprodução.
>, .
MENU/
ENTER
Seleccionar a qualidade de
som
Programação de fábrica
As programações de fábrica da
Programação de som digital são as
seguintes:
• “SOUND1”: graves +1, agudos ±0
• “SOUND2”: graves +3, agudos ±0
1
2
3
Prima MENU.
Prima várias vezes > ou . até
“S-SEL” piscar no visor e depois
prima ENTER.
Prima várias vezes > ou . até
“SOUND1” ou “SOUND2” piscar no
visor e depois prima ENTER.
Para cancelar a Programação
de som digital
Seleccione “OFF” no passo passo 3.
33
Regular a qualidade de som
Pode mudar a qualidade de som
programada. Para mudar a qualidade de
som programada, seleccione “SOUND1”
ou “SOUND2”, a que pretender.
1
Com o gravador no modo de
reprodução e “SOUND1” ou
“SOUND2” seleccionado, prima
MENU.
2
Prima várias vezes > ou . até
“S-SET” piscar no visor e depois
prima ENTER.
O visor mostra a programação de som
“BASS” actualmente seleccionada.
3
Prima várias vezes > ou . para
regular o nível de som.
Mostra “SOUND1” ou “SOUND2”
está seleccionado
O som pode ser regulado em 8 fases
(–4, –3, ...±0, ...+2, +3).
4
5
Prima ENTER.
“BASS” é programado e o visor passa
a mostrar o modo “TRE” (agudos).
Prima várias vezes > ou . para
regular o nível de som e depois prima
ENTER.
“TRE” (agudos) é programado.
As programações de som são
guardadas e a reprodução aparece
novamente.
Para cancelar a selecção
Prima CANCEL.
34
z
• As programações podem ser alteradas quando
a reprodução estiver temporariamente no
modo de pausa (X).
• Se o gravador não for utilizado durante cerca
de 5 minutos, a programação actual é
guardada e o visor muda automaticamente
para a reprodução normal.
Notas
• Quando utiliza a Programação de som digital,
o som pode ter quebras ou ficar distorcido,
consoante as programações ou a faixa. Neste
caso, mude as programações da qualidade de
som.
• Mudar para outra Programação de som digital
durante uma gravação não afecta a qualidade
de som da gravação.
Em B
LapTim
O tempo decorrido da faixa actual.
r
1 Rem
O tempo restante da faixa actual.
r
GP Rem
O tempo restante depois da posição
actual no grupo.
r
AllRem
O tempo restante depois da posição
em que se encontra.
Verificação do tempo
restante ou da posição
de reprodução
Pode verificar o nome da faixa, o nome do
disco, etc. durante a reprodução. Os itens
relacionados com o grupo só aparecem
quando é reproduzida uma faixa com
programações de grupo.
4
>, .
1
2
3
MENU/
ENTER
Quando o gravador estiver no modo
de reprodução, prima MENU.
Prima várias vezes > ou . até
“DISP” piscar no visor e depois
prima ENTER.
Prima várias vezes > ou . até
as informações pretendidas piscarem
no visor.
Cada vez que premir ., o visor
muda da seguinte forma:
A
Prima ENTER.
O visor muda da maneira seguinte:
As informações seleccionadas no
passo passo 3 aparecem em A e B.
A — as informações seleccionadas
no passo passo 3.
B — número da faixa, nome da
faixa, nome do grupo ou nome do
disco.
Nota
Os itens podem ter um aspecto diferente ou
podem não ser seleccionáveis, dependendo do
estado activado/desactivado do modo de grupo,
o estado de funcionamento ou as programações
do gravador.
z
Se quiser verificar o tempo restante ou a
posição de gravação durante a gravação ou no
modo de paragem, consulte página 29.
B
35
Montagem de faixas gravadas
Pode montar as gravações adicionando/
apagando marcas de faixa ou
identificando as faixas e os MDs. Não
pode montar MDs premasterizados.
Notas sobre a montagem
• Não pode montar faixas num MD protegido
contra gravação. Antes de fazer a montagem
das faixas, feche a patilha localizada na parte
lateral do MD (página 65).
• Se executar uma operação de montagem
durante a reprodução, não desligue o aparelho
enquanto “Edit” não desaparecer do visor.
• Não mova o gravador enquanto “Edit” estiver
a piscar no visor.
• A tampa não abrirá enquanto “Edit” não
desaparecer no visor após a montagem.
• Quando o modo de grupo estiver activado, a
montagem só pode ser efectuada nas faixas
registadas no grupo seleccionado.
Notas
• A indicação “FULL” aparece se tentar
introduzir mais de 1 700 caracteres num disco.
Introduza um nome mais curto para a faixa,
grupo ou disco ou defina a programação
“LPStmp” para “OFF”, quando gravar em
modo MDLP, de modo a que “LP:” não seja
adicionado ao início do nome da faixa
(página 23).
• Quando identificar um disco que tenha sido
gravado com a função de grupo, verifique se o
modo de grupo está activado, de forma a evitar
que as informações de gestão do grupo sejam
apagadas por engano.
• Se introduzir o símbolo “//” entre os
caracteres no nome do disco como, por
exemplo, “abc//def”, pode não conseguir
utilizar a função de grupo.
GROUP/
CANCEL
Identificar/voltar a
identificar as
gravações
Pode atribuir nomes às faixas, grupos e
discos utilizando a paleta de caracteres do
gravador.
Caracteres disponíveis
• Maiúsculas e minúsculas do alfabeto
inglês
• Números 0 a 9
•! " # $ % & ( ) * . ; < = > ?
@ _ ` + – ' , / : _ (espaço)
Número de caracteres que
pode introduzir
Nome da faixa, do grupo ou do disco:
Aprox. 200 cada
Número de caracteres que
pode introduzir num disco
Números/marcas: Aprox. 1 700
36
END
SEARCH
VOL +, –
> , .,
X
MENU/
ENTER
Identificar gravações
1
2
3
4
Introduza um disco e efectue as
seguintes operações:
Para identificar uma faixa
Reproduza ou grave uma faixa que
pretende identificar e identifique-a
durante as operações de reprodução
ou gravação.
Para identificar um grupo
Active o modo de grupo (página 24) e
reproduza ou grave uma faixa do
grupo que pretende identificar e
identifique-a durante as operações de
reprodução ou gravação.
Para identificar um disco
Com um disco já gravado, efectue os
procedimentos a partir do passo 2
com o gravador em modo de
paragem. Com um disco novo, grave
e identifique um disco na operação de
gravação.
Se identificar um disco que tenha
programações de grupo, active o
modo de grupo (página 24).
Prima MENU.
Prima várias vezes > ou . até
“EDIT” piscar no visor e depois
prima ENTER.
Prima várias vezes > ou . até
aparecer o seguinte item no visor e
depois prima ENTER.
Quando identificar uma faixa
“T: Name”
Quando identificar um grupo
“G: Name”
Quando identificar um disco
“D: Name”
O cursor pisca e pode identificar a
faixa, o grupo ou o disco.
5
Prima várias vezes > ou . para
seleccionar uma letra e prima
ENTER.
A letra seleccionada pára de piscar e
o cursor avança para a próxima
posição de entrada.
Os botões utilizados para a entrada de
caracteres e para as respectivas
funções estão listados abaixo:
Funções
Operações
Para mover o cursor Prima VOL +, –.
Para alternar entre
maiúsculas,
minúsculas e
números/marcas
Prima X.
Para seleccionar um Prima > ou
carácter
..
Para introduzir uma Prima ENTER.
letra
Para introduzir um
nome
Prima ENTER
durante 2
segundos ou mais.
Inserir um espaço
em branco para
escrever uma nova
letra
Prima
simultaneamente
VOL + e END
SEARCH.
Apagar uma letra e
fazer recuar todas
as letras à esquerda
Prima
simultaneamente
VOL – e END
SEARCH.
Para cancelar a
identificação
Prima CANCEL.
6
7
Repita o passo passo 5 e introduza
todos os caracteres do nome
identificado.
Prima ENTER durante 2 segundos ou
mais.
A faixa ou disco ficam identificados.
Para cancelar a identificação
Prima CANCEL.
37
Notas
• Se interromper a gravação durante a
identificação de uma faixa, de um grupo ou de
um disco ou se mover a gravação para a faixa
seguinte durante a identificação de uma faixa,
a introdução nesse ponto é feita
automaticamente.
• “LP:” é adicionado automaticamente no início
do nome das faixas gravadas no modo MDLP
(página 22).
Voltar a identificar as
gravações
1
2
3
Introduza um disco e efectue as
seguintes operações:
Para voltar a identificar uma
faixa
Reproduza a faixa que pretende voltar
a identificar e mude o nome da faixa
durante a reprodução.
Para voltar a identificar um
grupo
Active o modo de grupo (página 24) e
reproduza ou grave uma faixa do
grupo que pretende voltar a
identificar e mude o nome do grupo
durante as operações de reprodução
ou gravação.
Para voltar a identificar um
disco
Com um disco já gravado, efectue os
procedimentos a partir do passo 2
com o gravador em modo de
paragem.
Se identificar novamente um disco
que tenha programações de grupo,
active o modo de grupo (página 24).
Siga os passos passo 3 a passo 4 de
“Identificar gravações” (página 37)
para visualizar o nome de uma faixa,
grupo ou disco.
Siga os passos passo 5 a passo 7 de
“Identificar gravações” (página 37) e
mantenha premido ENTER durante 2
segundos ou mais.
Notas
• Não pode identificar ou voltar a identificar o
disco premasterizado ou um disco virgem.
• O gravador pode mostrar, mas não pode fazer
uma identificação utilizando caracteres
japoneses “Katakana”.
• O gravador não pode voltar a escrever o nome
de um disco ou de uma faixa com mais de 200
letras criado noutro dispositivo.
Para cancelar a identificação
Prima CANCEL.
38
Registar faixas ou
grupos como um novo
grupo (Programação de
grupo)
Efectue o seguinte procedimento para
registar faixas ou grupos como um novo
grupo. No entanto, as faixas ou os grupos
têm de estar por ordem sequencial. Se as
faixas ou os grupos pretendidos não
estiverem por ordem sequencial, tem de
movê-los e colocá-los por ordem antes de
registá-los (“Mover faixas gravadas”,
página 40). O funcionamento desta
função varia se o modo de grupo estiver
activado ou desactivado.
• Quando o modo de grupo está activado:
São registados vários grupos como um
único grupo.
• Quando o modo de grupo está
desligado:
São registadas várias faixas como um
único grupo.
A seguinte secção descreve o
funcionamento do modo de grupo quando
está activado.
Grupo
>, .
1
MENU/
ENTER
Com o gravador parado, prima
MENU.
2
Prima várias vezes > ou . até
“EDIT” piscar no visor e depois
prima ENTER.
3
Prima várias vezes > ou . até
“G:Set” piscar no visor e depois
prima ENTER.
O número da primeira faixa (“STR”)
aparece no visor.
4
Prima várias vezes > ou . até
o número ou o nome da primeira faixa
pretendida piscar no visor e depois
prima ENTER.
Esta opção selecciona a primeira
faixa do novo grupo.
Mesmo se o modo de grupo estiver
activado, os números de faixa
aparecem de acordo com a respectiva
ordem no disco e não pela ordem que
aparecem no grupo.
Grupo
1 2 3 4 5 6 7 8 9
Criar um novo
grupo com as
faixas 1 a 3.
Grupo
GROUP
Criar um novo grupo
com 2 grupos.
Grupo
1 2 3 4 5 6 7 8 9
• Não é possível registar faixas não
consecutivas (por exemplo, não pode
registar a faixa 3 num grupo com as
faixas 5 a 7).
• As faixas aparecem sempre de acordo
com a respectiva ordem no disco e não
pela ordem que aparecem no grupo
(mesmo se o modo de grupo estiver
activado).
continua
39
5
6
Prima várias vezes > ou . até
o número ou o nome da última faixa
pretendida piscar no visor e depois
prima ENTER.
O número de faixa da última faixa do
grupo (“END”) aparece no visor.
Esta opção selecciona a última faixa
do novo grupo.
Siga os passos passo 3 a passo 7 de
“Identificar gravações” (página 37)
para identificar um grupo.
Notas
• No passo passo 4, a primeira faixa deve ser a
primeira faixa de um grupo existente ou uma
faixa que não pertença a um grupo.
• Quando seleccionar a última faixa no passo
passo 5, verifique se a faixa vem a seguir à
faixa seleccionada no passo passo 4. A última
faixa deve ser a última faixa de um grupo
existente ou uma faixa que não pertença a um
grupo.
3
4
5
6
Prima MENU.
Prima várias vezes > ou . até
“EDIT” piscar no visor e depois
prima ENTER.
Prima várias vezes > ou . até
“G:Rls” piscar no visor e depois
prima ENTER.
As indicações “G:Rls?” e “ENTER”
aparecem no visor.
Prima ENTER.
A programação do grupo
seleccionado é desactivada.
Para cancelar a desactivação
Prima CANCEL.
Mover faixas gravadas
Pode alterar a ordem das faixas gravadas.
Para desactivar uma
programação de grupo
• Introduza um disco com as
programações de grupo.
Exemplo
Mova a faixa C da terceira para a segunda
faixa.
Antes de mover
A
GROUP
A
C
C
D
D
Depois de mover
>, .
1
2
40
CANCEL
MENU/
ENTER
Prima GROUP durante 2 segundos ou
mais para activar o modo de grupo.
Seleccione um grupo que pretende
desactivar e verifique o conteúdo
(consulte “Seleccionar e reproduzir
grupos (Modo de alteração de
grupo)” (página 30)).
>, .
MENU/
ENTER
1
2
3
4
5
Reproduza a faixa que quer mover e
prima MENU.
Prima várias vezes > ou . até
“EDIT” piscar no visor e depois
prima ENTER.
“
” e “T:Name” piscam no visor e
o gravador reproduz várias vezes a
faixa seleccionada.
Prima várias vezes > ou . até
“ ” e “T:Move” piscarem no visor
e depois prima ENTER.
No exemplo acima, “003 t” e “t
003” aparecem alternadamente no
visor.
Prima > ou . para seleccionar
o número da faixa de destino.
No exemplo acima, “003 t” e “t
002” aparecem alternadamente no
visor.
Prima ENTER.
A faixa move-se para a faixa de
destino seleccionada.
Mover uma faixa para
um grupo diferente
• Introduza um disco com as
programações de grupo.
GROUP/CANCEL
>, .
1
2
MENU/
ENTER
Prima GROUP durante 2 segundos ou
mais.
“ ” acende-se no visor, activando o
modo de grupo.
Reproduza a faixa que quer mover e
prima MENU.
3
Prima várias vezes > ou . até
“EDIT” piscar no visor e depois
prima ENTER.
O gravador reproduz várias vezes a
faixa seleccionada.
4
Prima várias vezes > ou . até
“T:Move” piscar no visor e depois
prima ENTER.
5
Prima várias vezes > ou . até
o grupo de destino piscar no visor e
depois prima ENTER.
6
Prima várias vezes > ou . até
o número da faixa de destino do
grupo piscar no visor e depois prima
ENTER.
Para cancelar a operação
Prima CANCEL.
Para cancelar a operação
Prima CANCEL.
41
Alterar a ordem de um
grupo num disco (Mover
grupo)
• Introduza um disco com as
programações de grupo.
GROUP/CANCEL
Adicionar uma marca
de faixa
Pode adicionar marcas de faixa para fazer
com que a parte a seguir à nova marca de
faixa seja contada como uma faixa nova.
Os números das faixas aumentam da
seguinte forma:
1
2
3
4
Adicionar uma marca de faixa
1
>, .
2
3
4
5
Os números das faixas aumentam
MENU/
ENTER
T MARK
1
2
Prima GROUP durante 2 segundos ou
mais.
“ ” acende-se no visor, activando o
modo de grupo.
Enquanto reproduz uma faixa de um
grupo cuja ordem pretende alterar,
prima MENU.
3
Prima várias vezes > ou . até
“EDIT” piscar no visor e depois
prima ENTER.
4
Prima várias vezes > ou . até
“G:Move” piscar no visor e depois
prima ENTER.
Já pode mover o grupo seleccionado.
5
Prima várias vezes > ou . para
seleccionar o ponto de destino no
disco e depois prima ENTER.
Para cancelar a operação
Prima CANCEL.
42
1
Durante a reprodução ou pausa de um
MD, prima T MARK no ponto que
pretende marcar.
“MK ON” aparece no visor e uma
marca de faixa é adicionada. O
número da faixa aumenta um
algarismo.
Para adicionar marcas de
faixa durante a gravação
(excepto durante a gravação
sincronizada)
Prima T MARK no ponto onde quer
adicionar uma marca de faixa.
Pode utilizar o Registo automático de
hora para adicionar marcas de faixa
automaticamente em intervalos
especificados (excepto durante a gravação
digital) (página 26).
Apagar uma marca de
faixa
Se gravar através de uma entrada
analógica (linha), podem ficar gravadas
marcas de faixa desnecessárias nos pontos
em que o nível de gravação é baixo. Pode
apagar uma marca de faixa para combinar
as faixas antes e depois da marca de faixa.
Os números das faixas mudam da
seguinte forma:
1
2
3
4
Apagar uma marca de faixa
1
2
3
Os números das faixas diminuem
z
Quando apagar uma marca de faixa, o nome da
faixa também é apagado.
Notas
• Quando apaga uma marca de faixa entre duas
faixas consecutivas que estão registadas em
grupos diferentes, com o modo de grupo
desactivado, a segunda faixa é registada
novamente no grupo que contém a primeira
faixa. Além disso, se combinar uma faixa que
está registada num grupo com uma faixa que
não está registada num grupo (duas faixas
consecutivas), a segunda faixa fica com a
mesma programação de registo que a primeira
faixa. No entanto, se o modo de grupo estiver
activado, só pode combinar faixas dentro do
grupo seleccionado.
• Não é possível apagar marcas de faixa de
acordo com as limitações do sistema. Para
obter mais informações, consulte “Limitações
do sistema” (página 51).
T MARK
Apagar faixas
GROUP/CANCEL
X, .
1
2
3
Durante a reprodução da faixa com a
marca de faixa que pretende apagar,
prima X para fazer uma pausa.
Localize a marca de faixa, premindo
ligeiramente ..
Por exemplo, para apagar a terceira
marca de faixa, localize o início da
terceira faixa. “00:00” aparece no
visor.
“MK 003” aparece no visor durante 2
segundos.
Prima T MARK para apagar a marca.
“MK OFF” aparece no visor. A marca
de faixa é apagada e as duas faixas
são combinadas.
> , ., x
MENU/
ENTER
Para apagar uma faixa
Depois de apagar uma gravação,
não pode recuperá-la. Certifique-se
de que está a apagar a faixa
pretendida.
1
Reproduza a faixa que pretende
apagar e prima MENU.
continua
43
2
3
4
Prima várias vezes > ou . até
“EDIT” piscar no visor e depois
prima ENTER.
“ ” e “T:Name” piscam no visor e
o gravador reproduz várias vezes a
faixa seleccionada.
Prima várias vezes > ou . até
“ ” e “T:Ers” piscarem no visor e
depois prima ENTER.
“Erase?” e “ENTER” aparecem
alternadamente no visor.
Prima novamente ENTER.
A faixa é apagada e começa a
reprodução da faixa seguinte. Todas
as faixas posteriores à faixa apagada
são numeradas de novo
automaticamente.
Para apagar parte de uma
faixa
Adicione marcas de faixa no início e no
fim da parte que quer apagar (página 42) e
depois apague essa parte.
Para cancelar a eliminação
Prima CANCEL.
Para apagar todo o conteúdo
do disco
Pode facilmente apagar todas as faixas e
os dados do MD ao mesmo tempo.
Depois de apagar uma gravação,
não pode recuperá-la. Antes de
apagar o disco, verifique o
respectivo conteúdo.
1
2
3
44
4
Prima várias vezes > ou . até
“EDIT” piscar no visor e depois
prima ENTER.
“
” e “D:Name” piscam no visor.
5
Prima várias vezes > ou . até
“
” e “D:Ers” piscarem no visor e
depois prima ENTER.
“Erase?” e “ENTER” aparecem
alternadamente no visor.
6
Para cancelar a eliminação
Prima CANCEL.
Para apagar um grupo
Pode apagar faixas num grupo
seleccionado.
Depois de apagar uma gravação,
não pode recuperá-la. Antes de
apagar o grupo, verifique o
respectivo conteúdo.
• Introduza um disco com as
programações de grupo.
1
2
Para verificar o conteúdo, reproduza o
disco que pretende apagar.
Prima x para parar.
Com o gravador parado, prima
MENU.
Prima novamente ENTER.
“Edit” pisca no visor e todas as faixas
serão apagadas.
Quando a desgravação estiver
terminada, “BLANK” aparece no
visor.
3
4
Prima GROUP durante 2 segundos ou
mais.
“ ” acende-se no visor, activando o
modo de grupo.
Seleccione um grupo que pretende
apagar (“Seleccionar e reproduzir
grupos (Modo de alteração de
grupo)”, página 30) para verificar o
conteúdo.
Prima x para parar.
Com o gravador parado, prima
MENU.
5
Prima várias vezes > ou . até
“EDIT” piscar no visor e depois
prima ENTER.
6
Prima várias vezes > ou . até
“G:Ers” piscar no visor e depois
prima ENTER.
“Erase?” e “ENTER” aparecem
alternadamente no visor.
7
Prima novamente ENTER.
O grupo é apagado.
Para cancelar a eliminação
Prima CANCEL.
45
Outras operações
Proteger a audição
(AVLS)
A função AVLS (Automatic Volume
Limiter System – Sistema automático de
limitação do volume) mantém o nível
máximo de volume reduzido para
proteger os ouvidos.
Desligar o sinal sonoro
Se utilizar o gravador, pode desactivar o
sinal sonoro.
>, .
>, .
1
2
MENU/
ENTER
Prima MENU.
Prima várias vezes > ou . até
“OPTION” piscar no visor e depois
prima ENTER.
3
Prima várias vezes > ou . até
“AVLS” piscar no visor e depois
prima ENTER.
4
Prima várias vezes > ou . até
“ON” piscar no visor e depois prima
ENTER.
Se tentar aumentar demasiado o
volume do som, “AVLS” pisca no
visor. O volume de som mantém-se a
uma altura moderada.
Para cancelar AVLS
Seleccione “OFF” no passo passo 4.
46
1
2
MENU/
ENTER
Prima MENU.
Prima várias vezes > ou . até
“OPTION” piscar no visor e depois
prima ENTER.
3
Prima várias vezes > ou . até
“BEEP” piscar no visor e depois
prima ENTER.
4
Prima várias vezes > ou . até
“OFF” piscar no visor e depois prima
ENTER.
Para activar o sinal sonoro
Seleccione “ON” no passo passo 4.
Bloquear os controlos
(HOLD)
Utilize esta função para impedir que os
botões sejam accionados acidentalmente
durante o transporte do gravador.
HOLD
1
Mova HOLD na direcção de ..
Para desbloquear os controlos
Mova HOLD na direcção oposta à da seta
para desbloquear os controlos.
47
Fontes de alimentação
Pode utilizar o gravador na corrente
normal ou com uma pilha seca alcalina
LR6 (tamanho AA).
Quando for gravar durante muito tempo,
deve utilizar o gravador ligado à corrente
eléctrica. Quando utilizar uma bateria/
pilha, verifique se é uma pilha seca
alcalina nova para evitar que
determinadas operações (por exemplo,
gravação e montagem) não sejam
concluídas devido a energia insuficiente.
Duração das pilhas
As condições de funcionamento, a
temperatura do local e o tipo da pilha
podem reduzir a duração das pilhas.
(Unidade: horas aprox.)(JEITA1))
SP
LP2
LP4
Pilha
estéreo estéreo estéreo
seca
alcalina
Sony
LR6
(SG)2)
Quando
gravar3)
8
13
19
Quando
reproduzir
37
46
51
1) Medida
segundo a norma da JEITA (Japan
Electronics and Information Technology
Industries Association).
2) Quando utilizar uma pilha seca alcalina Sony
LR6 (SG) “STAMINA” (fabricada no Japão).
3) Quando gravar utilize uma pilha nova para não
ter que interromper a gravação por a pilha estar
gasta.
48
Quando substituir uma pilha
Quando a pilha seca estiver fraca, a
indicação r, “LoBATT”, etc., aparece
intermitente no visor. Substitua a pilha
seca.
Note que o nível de carga da pilha,
mostrado pela indicação de pilha, é
aproximado e varia de acordo com o
estado do gravador.
Nota
Antes de substituir a bateria/pilha, pare o
gravador.
Informações adicionais
Auscultadores/auriculares
Precauções
Segurança
• Não introduza objectos estranhos na tomada
DC IN 3V.
• Afaste os terminais do gravador de superfícies
ou objectos metálicos. Esse contacto pode
provocar um curto-circuito nos terminais ou
um sobreaquecimento que pode ser perigoso.
Fontes de alimentação
• Utilize o aparelho ligado à corrente eléctrica,
uma pilha LR6 (tamanho AA) ou ligado à
bateria do automóvel.
• Para utilizar o aparelho em casa: Utilize o
transformador de CA fornecido com o
gravador. Não utilize qualquer outro tipo de
transformador de CA, pois pode avariar o
gravador.
Polaridade da
tomada
• Ligue o transformador de CA a uma tomada
de CA de fácil acesso. Se detectar alguma
anomalia no transformador de CA, desligue-o
imediatamente da tomada.
• Mesmo que o tenha desligado, o gravador não
fica desligado do transformador de CA
(corrente eléctrica) enquanto estiver ligado à
tomada de parede.
• Se não tenciona utilizar o gravador durante
muito tempo, certifique-se de que desliga a
fonte de alimentação (o transformador de CA,
a pilha seca ou o cabo de ligação à bateria do
automóvel). Para retirar o transformador de
CA da tomada de parede, puxe pela respectiva
ficha e nunca pelo cabo.
Sobreaquecimento
Se utilizar o gravador durante muito tempo, este
pode sobreaquecer. Se isso acontecer, desligue
o gravador até arrefecer.
Instalação
• Nunca utilize o gravador em locais onde esteja
sujeito a luminosidade, temperatura,
humidade ou vibração excessiva.
• Se estiver a utilizar o gravador com o
transformador de CA, não o embrulhe em
nada. O sobreaquecimento do gravador pode
provocar avarias ou ferimentos.
Segurança rodoviária
Não utilize os auscultadores/auriculares
enquanto conduzir, andar de bicicleta ou utilizar
um veículo motorizado. Pode ser perigoso para
o trânsito e é proibido em diversos locais.
Também pode ser muito perigoso utilizar o
gravador com o som muito alto quando andar
na rua, especialmente em passagens de peões.
Em situações muito perigosas, utilize o
aparelho com o máximo cuidado ou desligue-o.
Evitar lesões auditivas
Evite utilizar os auscultadores/auriculares com
o volume muito alto. Os otorrinolaringologistas
desaconselham a utilização contínua e
prolongada de auscultadores com som alto. Se
sentir um zumbido nos ouvidos, reduza o
volume ou deixe de utilizar auscultadores.
Ter consideração pelos outros
Mantenha o volume a um nível moderado.
Deste modo, consegue ouvir os sons do exterior
e não incomoda as pessoas que estão à sua
volta.
Cartridge do MiniDisc
• Quando transportar ou guardar o MiniDisc,
guarde-o dentro da respectiva caixa.
• Não parta a protecção do disco.
• Não coloque a cartridge em locais onde fique
sujeita à luz, temperatura, humidade ou poeira
excessiva.
• Cole a etiqueta fornecida com o MD apenas
no local adequado. Não a cole noutra parte do
disco.
Limpeza
• Limpe a caixa do gravador com um pano
macio ligeiramente humedecido em água ou
numa solução de detergente suave. Não utilize
nenhum tipo de esfregão, detergente em pó ou
solvente como o álcool ou benzeno, porque
pode estragar o acabamento da caixa.
• Limpe a cartridge do disco com um pano seco
para retirar a sujidade.
• A existência de sujidade na lente pode impedir
que o aparelho funcione correctamente.
Depois de introduzir ou ejectar um MD,
verifique se fechou a tampa do compartimento
de discos.
49
• Para obter um som de melhor qualidade,
utilize um pano seco para limpar as fichas dos
auscultadores/auriculares. Fichas sujas podem
provocar distorção ou quebras intermitentes
no som.
Notas sobre as pilhas
O uso indevido das pilhas pode originar o
derramamento do respectivo líquido ou a sua
explosão. Para evitar este tipo de acidentes,
tenha em atenção as seguintes precauções:
• Instale os pólos + e – das pilhas
correctamente.
• Não tente recarregar a pilha seca.
• Se não tencionar utilizar o gravador durante
muito tempo, retire a pilha.
• Não transporte nem guarde a bateria seca
juntamente com objectivos metálicos, tais
como moedas, chaves ou colares. Isto pode
provocar um curto-circuito e um
sobreaquecimento.
• Se houver derramamento do líquido da pilha,
limpe cuidadosamente todo o líquido
derramado no compartimento das pilhas antes
de introduzir pilhas novas.
Nora sobre ruído mecânico
O gravador faz um ruído mecânico durante o
funcionamento, ruído esse que é causado pelo
sistema de poupança de energia e não é sinal de
avaria.
Nota sobre a manutenção
Limpe periodicamente os terminais com um
cotonete ou um pano macio, como mostra a
figura.
Terminais
Em caso de dúvidas ou problemas relativos a
este gravador, consulte um agente Sony. (Se
houver um problema com o disco dentro do
gravador, não o retire quando consultar o agente
Sony, para que o motivo da avaria seja mais
fácil de perceber.)
50
Limitações do sistema
O sistema de gravação do gravador de MiniDisc é totalmente diferente dos sistemas
utilizados nos gravadores de cassetes ou de DAT e é caracterizado pelas limitações
indicadas abaixo. No entanto, estas limitações devem-se apenas ao sistema de gravação de
MD e não a factores mecânicos.
Sintoma
Causa
“TrFULL” aparece mesmo
antes do disco ter chegado
ao tempo máximo de
gravação (60, 74, ou 80
minutos).
Se tiver gravado 254 faixas no disco, a indicação
“TrFULL” aparece independentemente do tempo de
gravação total. Não pode gravar mais de 254 faixas no
disco. Para continuar a gravar, apague as faixas
desnecessárias.
“TrFULL” aparece mesmo
antes do disco ter atingido o
tempo máximo de gravação
ou o número máximo de
faixas.
Gravar ou apagar muitas vezes as faixas pode provocar a
fragmentação ou a dispersão dos dados de gravação.
Embora seja possível ler os dados dispersos, cada
fragmento é contado como uma faixa. Se isso acontecer, o
número de faixas pode atingir as 254, não sendo possível
gravar mais faixas. Para continuar a gravar, apague as
faixas desnecessárias.
Não pode apagar as marcas
de faixa.
Quando os dados de uma faixa são fragmentados, a marca
de faixa de um fragmento de duração inferior a 12
segundos (gravado em estéreo), 24 segundos (gravado em
mono ou no modo LP2) ou 48 segundos (gravado no modo
LP4) não pode ser apagada. Não pode combinar faixas
gravadas em modos de gravação diferentes, por exemplo,
uma faixa gravada em estéreo e outra em mono; também
não pode combinar uma faixa gravada com uma ligação
digital e uma faixa gravada com uma ligação analógica.
O tempo restante de
gravação não aumenta,
mesmo depois de apagar
várias faixas de curta
duração.
Faixas com duração inferior a 12 segundos, 24 segundos
ou 48 segundos não são contadas e quando são apagadas o
tempo de gravação não aumenta.
O tempo total de gravação e
o tempo restante no disco
podem não totalizar o tempo
máximo de gravação (60, 74
ou 80 minutos).
Normalmente, a gravação é feita em unidades mínimas de
cerca de 2 segundos (em estéreo), 4 segundos (em mono
ou modo LP2) ou 8 segundos (no modo LP4). Quando a
gravação terminar, a última unidade da gravação utiliza
sempre esta unidade de 2, 4 ou 8 segundos mesmo se a
gravação for mais curta. Da mesma forma, quando a
gravação é retomada depois da paragem, o gravador
introduz automaticamente um espaço em branco que
corresponde a 2, 4 ou 8 segundos antes da próxima
gravação. (Isto serve para impedir a eliminação acidental
de uma faixa anterior sempre que se inicia uma nova
gravação.) Deste modo, o tempo de gravação diminui
sempre que a gravação for interrompida por um máximo
de 6, 12 ou 24 segundos.
51
52
Sintoma
Causa
As faixas montadas podem
apresentar quebras no som
durante as operações de
procura.
A fragmentação dos dados pode causar quebras no som
durante a procura, porque as faixas são reproduzidas a uma
velocidade mais alta do que a normal.
Não consegue gravar uma
faixa para um novo grupo.
Não consegue criar um novo
grupo.
As informações de grupo são gravadas na área de gravação
do nome do disco. O nome do disco e os nomes das faixas
são gravados na mesma área, que pode armazenar um
máximo de 1 700 caracteres aproximadamente. Se o
número total ultrapassar este valor, não pode criar um novo
grupo apesar do modo de grupo estar activado. Também é
impossível efectuar programações de grupo.
Resolução de problemas
Se algum problema persistir depois de pôr em prática estas verificações, entre em contacto
com o agente Sony mais próximo. Consulte também “Mensagens” (página 56).
Sintoma
Causa/Solução
O gravador não
• As fontes de som podem não estar bem ligadas.
funciona ou funciona
, Desligue as fontes de som e volte a ligá-las (páginas 14, 21).
mal.
• A função HOLD está activada (“HOLD” aparece no visor
quando prime um botão).
, No gravador, desactive HOLD fazendo deslizar o selector
HOLD na direcção oposta à da seta (páginas 12, 47).
• A tampa não está bem fechada.
, Feche a tampa até ouvir um estalido. Depois prima OPEN
para abrir a tampa.
• A humidade condensou-se no interior do gravador.
, Retire o MD e deixe o gravador num local quente durante
várias horas até que a humidade se evapore.
• A pilha seca está fraca (“LoBATT” pisca ou não aparece nada).
, Substitua a pilha seca por uma nova (página 11) ou ligue o
transformador de CA fornecido ao gravador.
• Colocou mal a pilha seca.
, Coloque a bateria/pilha correctamente (página 11).
• Premiu num botão enquanto a indicação do disco estava a rodar
rapidamente.
, Espere até a indicação rodar lentamente.
• Ao fazer uma gravação digital a partir de um leitor de CD
portátil, não utilizou o transformador de CA ou não desactivou a
função anti-salto, por exemplo, a função ESP (página 16).
• A gravação analógica foi feita utilizando um cabo de ligação
com um atenuador.
, Utilize um cabo de ligação sem atenuador (página 21).
• O transformador de CA foi retirado da tomada ou ocorreu um
corte de corrente durante a gravação.
53
Sintoma
Causa/Solução
O gravador não
• Durante o funcionamento, o gravador sofreu um choque
funciona ou funciona
mecânico, demasiada electricidade estática, uma sobrecarga
mal.
eléctrica de grandes proporções causada por uma trovoada, etc.
, Reinicie o funcionamento da forma descrita abaixo.
1 Desligue todas as fontes de alimentação.
2 Mantenha o gravador desligado durante 30 segundos.
3 Ligue a fonte de alimentação.
• O disco está danificado ou não contém dados correctos de
gravação ou montagem.
, Volte a introduzir o disco Grave novamente o disco. Se a
mensagem continuar a aparecer, substitua-o por outro disco.
• O disco está protegido contra gravação (aparece “SAVED”).
, Faça deslizar a patilha (página 65).
• O nível de gravação é demasiado baixo para efectuar uma
gravação (quando efectuar uma gravação manualmente).
, Coloque o gravador em modo de pausa e regule o nível de
gravação.
• Introduziu um MD premasterizado (aparece “PbONLY”)
quando iniciou a gravação.
, Introduza um MD gravável.
• Tentou activar o modo de grupo ao definir a programação.
, Active o modo de grupo antes de definir a programação.
O gravador não
começa a gravar.
• O gravador poderá estar no modo de espera de gravação (ou seja,
premiu simultaneamente X e REC).
, Prima X para iniciar a gravação.
O gravador substitui
partes existentes ao
gravar.
• A programação de posição de início de gravação (“R-Posi”) está
definida para “FrHere”.
, Programe “R-Posi” para “Fr End”.
“No SIG” aparece no • Não existe um sinal digital do leitor de CD portátil.
visor quando estiver
, Quando gravar digitalmente a partir de um leitor de CD
a gravar a partir de
portátil, utilize o transformador de CA e desactive a função
um leitor de CD
anti-salto (por exemplo, ESP) no leitor de CD (página 16).
portátil.
54
Não existe nenhuma
gravação no MD
depois da gravação.
• O transformador de CA estava desligado da corrente ou ocorreu
um corte de corrente durante a gravação.
A tampa não abre.
• As fontes de alimentação foram desligadas durante a gravação
ou montagem ou a pilha está gasta.
, Volte a ligar a fonte de alimentação ou substitua a pilha por
uma nova.
• A tampa não está bem fechada.
, Feche a tampa até ouvir um estalido. Depois prima OPEN
para abrir a tampa.
Sintoma
Causa/Solução
Não se ouve som nos • A ficha dos auscultadores/auriculares não está bem ligada.
auscultadores/
, Ligue bem a ficha dos auscultadores/auriculares ao i.
auriculares.
• O volume do som está muito baixo.
, Regule o volume premindo VOL +, –.
• A ficha está suja.
, Limpe a ficha.
Não consegue
aumentar o volume
de som.
• AVLS está activada.
, Programe AVLS para “OFF” (página 46).
O MD não é
reproduzido
normalmente.
• O modo de reprodução foi mudado.
, Mude para reprodução normal.
A reprodução do MD • A reprodução do disco foi interrompida antes de chegar à última
não começa no
faixa.
princípio da primeira
, Prima N durante 2 segundos ou mais para iniciar a
faixa.
reprodução.
• O modo de grupo está activado.
, Desactive o modo de grupo e reproduza a partir da primeira
faixa (prima N durante 2 segundos ou mais para iniciar a
reprodução).
Há cortes no som da
reprodução.
• O gravador está colocado num local sujeito a vibrações
contínuas.
, Coloque-o sobre uma superfície estável.
• Uma faixa muito curta pode provocar cortes de som.
, Tente não criar uma faixa com uma duração inferior a um
segundo.
O som tem muitas
interferências.
• O campo magnético de um televisor ou equipamento semelhante
está a interferir com o funcionamento do aparelho.
, Afaste o gravador de fontes com magnetismo forte.
Não consegue
localizar as marcas
de faixa.
• Premiu X depois de ter premido . ou >.
, Prima X antes de premir . ou >.
Não consegue
montar o disco
noutro componente.
• O componente não suporta os modos LP2 ou LP4 estéreo.
, Faça a montagem noutro componente que suporte os modos
LP2 ou LP4 estéreo.
Ouve-se ruído
durante alguns
momentos.
• Devido à tecnologia especial de compressão áudio digital
utilizada no modo LP4 estéreo pode ouvir-se, em situações
muito raras, um ruído temporário em determinadas fontes de
som.
, Grave nos modos estéreo normal ou LP2.
A janela do visor não • O gravador foi desligado da fonte de alimentação.
está normal.
, Deixe o gravador parado por um momento ou desligue-o da
fonte de alimentação, volte a ligá-lo e depois prima qualquer
botão.
55
Mensagens
Se aparecerem as seguintes mensagens no visor, verifique as mensagens mostradas abaixo.
Mensagem Significado/Solução
de erro
56
BLANK
• Introduziu um MD não gravado.
BUSY
• Tentou utilizar o gravador durante o acesso aos dados gravados.
, Espere até a mensagem desaparecer (em alguns casos, raros, isto
pode demorar uns minutos).
Edit
• O leitor de MD está a gravar as informações (ponto de início e de fim da
faixa) da memória para o disco.
, Espere até a operação terminar. Não exponha o aparelho a choques
físicos nem desligue a fonte de alimentação.
ERROR
• A gravação não foi efectuada devidamente.
, Coloque o gravador num local sem vibrações e grave novamente.
• O disco está sujo com uma película oleosa ou impressões digitais, está
riscado ou não é um disco normal.
, Tente gravar novamente com outro disco.
• O gravador não consegue ler correctamente as informações do disco.
, Volte a introduzir o disco.
• O gravador não consegue ler correctamente as informações do disco.
, Introduza outro disco.
, Se houver problema, apague o disco inteiro (página 44).
FULL
• O tempo restante de gravação no disco é de 12 segundos (estéreo), 24
segundos (LP2 estéreo ou mono), 36 segundos (LP4 estéreo) ou menos.
, Substitua o disco.
• Tentou introduzir mais de 200 caracteres para identificar uma só faixa ou
disco.
• Tentou introduzir mais de 1 700 caracteres para nomes de faixas ou
discos.
, Introduza um nome mais curto para a faixa, grupo ou disco
(página 36) ou defina a programação “LPStmp” para “OFF” de modo
a que “LP:” não seja adicionado ao início do nome da faixa
(página 23).
HiDCin
• A tensão da fonte de alimentação é demasiado alta (Não utilizou o
transformador de CA fornecido ou o cabo de ligação à bateria do
automóvel recomendado).
, Utilize apenas o transformador de CA fornecido ou o cabo de ligação
à bateria recomendado.
HOLD
• O gravador está bloqueado.
, Faça deslizar HOLD na direcção oposta à da seta para desbloquear o
gravador (página 12).
LoBATT
• A bateria está fraca.
, Substitua a pilha seca (página 11).
Mensagem Significado/Solução
de erro
MEMORY
• Tentou gravar com o aparelho colocado num local em que recebe
vibrações contínuas.
, Coloque o gravador numa superfície estável e comece a gravar de
novo.
NoCOPY
• Tentou fazer uma cópia de um disco protegido pelo sistema de gestão de
cópias em série. Não pode fazer cópias de uma fonte digital ligada que
tenha sido gravada utilizando uma ligação digital.
, Utilize uma ligação analógica (página 21).
NoDISC
• Tentou reproduzir ou gravar sem ter introduzido um disco no gravador.
, Introduza um MD.
No SIG
• O gravador não conseguiu detectar os sinais da entrada digital.
, Verifique se a fonte de som está bem ligada (página 13).
PbONLY
• Tentou gravar ou fazer uma montagem num MD premasterizado (Pb
significa “reprodução”).
, Introduza um MD gravável.
SAVED
• Tentou gravar ou fazer uma montagem num MD com a patilha na posição
de protecção contra gravação.
, Faça deslizar a patilha para trás (página 65).
Saving
• O leitor de MD está a gravar informações (sons) da memória para o
disco.
, Espere até a operação terminar. Não exponha o leitor a choques
físicos, nem desligue a fonte de alimentação.
SORRY
• Tentou apagar a marca da faixa no início da primeira faixa.
• Tentou apagar uma marca de faixa para combinar faixas que o gravador
não pode combinar (uma faixa gravada em estéreo e outra em mono, por
exemplo).
• Tentou substituir uma marca de faixa.
• Tentou premir X ou T MARK durante a gravação sincronizada.
• Tentou activar a função de grupo durante a programação.
, Active a função de grupo antes de começar a programar.
TEMP
• O gravador está demasiado quente.
, Deixe o gravador arrefecer.
TrFULL
• Chegou à faixa número 254.
, Desgrave as faixas desnecessárias (página 43).
TrPROT
• Tentou gravar ou fazer uma montagem numa faixa protegida contra
gravação.
, Grave ou faça a montagem noutra faixa.
• Tentou fazer uma montagem numa faixa cuja selecção foi anulada no
computador.
, Volte a colocar a faixa no computador e depois faça a montagem
(página 66).
57
Lista de menus
Funções de menu
Prima MENU para aceder ao menu e depois prima > ou . para seleccionar o item.
Menu no
gravador1)
Funções
EDIT
Seleccionar operações de montagem (identificar, apagar faixas, discos ou
grupos, etc.) (página 37 a 42, 44 e 45).
DISP
Mostrar o tempo de reprodução decorrido, tempo de reprodução restante,
etc. (página 29 e 35).
P-MODE
Seleccionar o modo de reprodução (reprodução repetitiva, reprodução
aleatória, etc.) (página 31).
RecVol
Seleccionar a regulação manual ou automática do nível de gravação
(página 27).
R-MODE
Seleccionar o modo de gravação (SP estéreo, LP2 estéreo, LP4 estéreo
ou mono) (página 22).
S-SEL
Seleccionar “SOUND1” ou “SOUND2” (Programação de som digital)
(página 33).
S-SET
Mudar a qualidade de som do som predefinido (“SOUND1” ou
“SOUND2”) (página 34).
TimeMk
Seleccionar a programação Registo automático de hora (página 26).
SYNC-R
Seleccionar “ON” ou “OFF” da gravação sincronizada (página 13).
OPTION
• AVLS (Automatic Volume Limiter System – Sistema automático de
limitação do volume) — Seleccionar “ON” ou “OFF” (página 46).
• BEEP — Seleccionar “ON” ou “OFF” (página 46).
• R-Posi — Seleccionar o ponto de início da gravação (página 25).
• LPStmp — Seleccionar “ON” (“LP:” será adicionado ao início do
nome da faixa) ou “OFF” (página 23).
1) Os
itens de menu que pode seleccionar variam de acordo com o estado activado/desactivado do modo
de grupo ou do estado de funcionamento do gravador.
58
Tabelas de menus no gravador
Os menus do gravador para cada estado de funcionamento aparecem nesta página e nas
seguintes. As tabelas mostram os vários menus e os itens de menu que pode seleccionar em
cada nível de menu. Consulte “Lista de menus” (página 58) para obter mais informações
sobre os menus. Os menus e os itens de menu aparecem alterados no visor.
Menus e itens de menu seleccionados quando o gravador está
parado
EDIT
D:Name
G:Set
G:Rls1)
G:Ers2)
LapTim
RecRem
GP Rem2)
AllRem
Normal
AllRep
1Track
1 Rep.
Shuff
PGMRep
PGM
Shuf.R
LP4
MONO
D:Ers
DISP
P-MODE
R-MODE
SP
LP2
S-SEL
, : Premir ENTER.
h : Premir > ou . .
OFF
SOUND1
SOUND2
continua
59
continua da página anterior
, : Premir ENTER
h : Premir > ou ..
SYNC-R
OFF
ON
AVLS
BEEP
OPTION
OFF
ON
R-Posi3)
FrHere
ON
LPStmp
Fr End
OFF
ON
OFF
1) Aparece apenas quando o gravador está no modo de grupo e quando é seleccionado um grupo diferente
de “GP --”.
apenas quando o gravador está no modo de grupo.
apenas quando o modo de grupo está desactivado.
2) Aparece
3) Seleccionável
Prima CANCEL para cancelar uma operação de menu.
60
Menus e itens de menu seleccionados quando o gravador está a reproduzir
EDIT
T:Name
G:Name1)
T:Move
G:Move1)
LapTim
1 Rem
GP Rem2)
AllRem
Normal
AllRep
1Track
1 Rep.
Shuff
PGMRep
PGM
Shuf.R
T:Ers
DISP
P-MODE
S-SEL
OFF
SOUND1
SOUND2
, : Premir ENTER
h : Premir > ou ..
S-SET3)
OPTION
AVLS
ON
BEEP
OFF
ON
OFF
1) Aparece apenas quando o gravador está no modo de grupo e quando é seleccionado um grupo diferente
de “GP --”.
apenas quando o gravador está no modo de grupo.
3) Aparece apenas quando “SOUND1” ou “SOUND2” é seleccionado.
2) Aparece
Prima CANCEL para cancelar uma operação de menu.
61
Menus e itens de menu seleccionados quando o gravador está a gravar
EDIT
T:Name
G:Name1)
LapTim
RecRem
Auto
Manual
SP
LP2
LP4
OFF
SOUND1
SOUND2
OFF
5 min
10 min
OFF
ON
D:Name
DISP
RecVol2)
R-MODE2)
MONO
S-SEL
S-SET3)
TimeMK
15 min
SYNC-R
, : Premir ENTER
h : Premir > ou ..
OPTION
AVLS
OFF
1) Aparece
2) Aparece
3) Aparece
ON
apenas quando o gravador está no modo de grupo.
apenas quando o gravador está no modo de espera.
apenas quando “SOUND1” ou “SOUND2” é seleccionado.
Prima CANCEL para cancelar uma operação de menu.
62
Especificações
Gravador de MDs
Sistema de reprodução de som
Sistema áudio digital MiniDisc
Propriedade de díodo laser
Material: GaAlAs MQW
Comprimento de onda: λ = 790 nm
Duração da emissão: contínua
Saída de laser: inferior a 44,6 µW
(Esta saída é o valor medido a uma distância de
200 mm da superfície da lente no bloco de
leitura óptica com 7 mm de abertura.)
Tempo de gravação/reprodução
Quando utilizar o MDW-80
Máximo de 160 min. no modo mono
Máximo de 320 min. em estéreo
Rotações
Aprox. 380 rpm a 2 700 rpm (CLV)
Correcção de erros
ACIRC (Advanced Cross Interleave Reed
Solomon Code)
Frequência de amostragem
44,1 kHz
Conversor de frequência de
amostragem
Entrada: 32 kHz/44,1 kHz/48 kHz
Generalidades
Requisitos de alimentação
Transformador de CA (fornecido) da Sony
ligado à tomada DC IN 3 V (modelo de país
entre parêntesis):
120 V CA, 60 Hz (modelo dos E.U.A.,
Canadá e Taiwan)
230 V CA, 50/60 Hz (Europa Continental e
Singapura)
240 V CA, 50 Hz (Austrália)
220 V CA, 50 Hz (China)
230 - 240 V CA, 50 Hz (Reino Unido e
Hong Kong)
110/220 V CA, 60 Hz (Coreia)
100 - 240 V CA, 50/60 Hz (Outros países)
Pilha seca alcalina LR6 (tamanho AA)
Duração da pilha/bateria
Consulte “Duração das pilhas” (página 48)
Dimensões
Aprox. 81 × 27,9 × 74,4 mm (l/a/p) sem peças
salientes.
Peso
Aprox. 101 g, só o gravador
Patentes dos Estados Unidos e de outros países
obtidas sob licença de Dolby Laboratories.
Design e características técnicas sujeitas a
alterações sem aviso prévio.
Codificação
ATRAC (Adaptive TRansform Acoustic
Coding)
ATRAC3 — LP2/LP4
Sistema de modulação
EFM (Eight To Fourteen Modulation)
Número de canais
2 canais estéreo
1 canal mono
Resposta em frequência
20 a 20 000 Hz ± 3 dB
Choro e flutuação
Abaixo do limite mensurável
Entradas
Entrada de linha: minitomada estéreo, nível de
entrada mínimo 49 mV
Entrada óptica (digital): Mini-tomada óptica
(digital)
Acessórios opcionais
Cabo óptico
POC-15B, POC-15AB, POC-DA12SP
Auscultadores/auriculares estéreo* MDREX70LP, MDR-72LP, MDR-A34LP
Altifalantes activos SRS-Z500
MDs graváveis da série MDW
O agente Sony pode não comercializar alguns
destes acessórios. Contacte-o para obter
informações pormenorizadas sobre os
acessórios disponíveis no seu país.
∗ Quando utilizar auscultadores opcionais,
utilize apenas auscultadores/auriculares
com minifichas estéreo. Não pode utilizar
auscultadores/auriculares com microfichas.
Saídas
i: minitomada estéreo, nível de saída máximo
5 mW + 5 mW, impedância de carga de 16 ohm
63
O significado de “em branco”
Explicações
Como é que os minidiscos têm
umas dimensões tão reduzidas
Os minidiscos de 2,5 polegadas,
incorporados numa cartridge de plástico
semelhante a uma disquete de 3,5 polegadas
(veja a figura anterior), utilizam uma nova
tecnologia de compressão áudio digital
chamada ATRAC (Adaptive TRansform
Acoustic Coding). Para guardar mais som
em menos espaço, a ATRAC extrai e
codifica apenas os componentes de
frequência realmente perceptíveis pelo
ouvido humano.
Acesso aleatório rápido
Tal como os CDs, os MDs proporcionam um
acesso aleatório imediato ao início de
qualquer faixa de música. Os MDs
premasterizados são gravados com
endereços de localização que correspondem
a cada selecção de música.
Os MDs graváveis são fabricados com uma
“User TOC Area” (Área de TOC do
utilizador) que contém a ordem das músicas.
O sistema do TOC (Table of Contents –
Índice) é semelhante ao “sistema de gestão
de directórios” das disquetes. Por outras
palavras, os endereços de início e de fim de
todas as faixas musicais gravadas no disco
são armazenados nesta área. Isto permite
aceder aleatoriamente ao início de qualquer
faixa assim que introduzir o número da
mesma (AMS) e identificar a localização
com um nome de faixa, à semelhança do que
se passaria com um ficheiro numa disquete.
A
B
A — User TOC Area
Contêm a ordem e os pontos de início/
fim da música.
B — Dados musicais
64
“Em branco” descreve um estado do
gravador em que o nível de entrada é cerca
de 4,8 mV durante a entrada analógica ou
inferior a –89 dB durante a entrada óptica
(digital) (com 0 dB de som, ou seja, o nível
máximo de gravação para um MiniDisc).
Nota acerca da gravação
digital
Este gravador utiliza o sistema de gestão de
cópias em série, que permite fazer cópias
digitais apenas de primeira geração digital a
partir de software premasterizado. Só pode
fazer cópias de um MD gravado em casa
utilizando ligações analógicas.
Software premasterizado como, por
exemplo, CDs ou MDs.
Gravação digital
MD
gravado
em casa
Gravação MD
digital
gravável
não
permitida
Microfone, gira-discos, rádio, etc. (com
tomadas de saída analógicas).
Gravação analógica
MD gravado em casa
Gravação digital
MD
gravável
Gravação
digital não
permitida
Restrições de montagem de
faixas anuladas no
computador
Este aparelho foi concebido de modo a que
as funções de montagem (por exemplo,
apagar faixas, adicionar e apagar marcas de
faixa) não funcionem no caso das faixas
anuladas no computador que utilize um
aparelho que suporte Net MD. Deste modo,
evita-se que as faixas anuladas percam a
autorização de anulação. Para editar estas
faixas, volte a colocá-las no computador e
depois faça a montagem no computador.
MD
gravável
Para proteger um MD gravado
Para proteger um MD de gravação, faça deslizar
a patilha existente na parte lateral do MD para o
abrir. Nesta posição, não pode gravar nem
editar o MD. Para voltar a gravar, faça deslizar a
patilha outra vez para trás até ficar visível.
Patilha
Parte de
trás do MD
O material gravado
está protegido.
O material gravado
não está protegido.
65
Índice remissivo
A
M
Acessórios fornecidos 8
Apagar
faixa 43
grupo 44
todo o disco 44
AVLS 46
Marca de faixa
Adicionar 42
Apagar 43
MDLP 22
Menus 58
Modo de reprodução 31
D
P
DSP TYPE-R 15
Pilha
G
G-PROTECTION 18
Gravação
adicionar marcas de faixas (Registo
automático de hora) 26
digital 13
Gravação de modo de grupo 23
modo MDLP 22
sem substituir faixas 25
Gravação manual 27
Grupo
anular 40
apagar 44
Gravação de modo de grupo 24
Modo de alteração de grupo 30
Mover grupo 42
Programação 39
Reprodução de modo de grupo 30
H
HOLD 12, 47
I
Identificar 37
L
Ligação
analógica 21
digital 14
Limpeza 49
66
duração da pilha 12, 48
pilha seca 11
Programação de som digital 33
R
Registo automático de hora 26
S
Sinal sonoro 46
V
Verificação
posição de reprodução 29
tempo restante 29, 35
Voltar a identificar 38
67
Printed in Malaysia
Download PDF

advertising