Zanussi | ZGG755ALU | User manual | ZANUSSI ZGG755ALU User Manual

ZANUSSI ZGG755ALU User Manual
Português
Para a sua segurança
Estas advertências são feitas por razões de segurança. Devem ser lidas atentamente antes da instalação e/ou
utilização do aparelho. É bastante importante a conservação deste manual de instruções junto do aparelho, para
qualquer consulta posterior. Se o aparelho fôr vendido ou transferido para outra pessoa, assegure-se que este
manual acompanha o aparelho, por forma a que o novo utilizador possa usufruir das instrucções de funcionamento
e ter conhecimento das advertências.
Instalação
l
l
l
l
l
l
l
l
Todos os trabalhos eléctricos durante a instalação do
aparelho deverão apenas ser efectuados por pessoal
qualificado, em conformidade com as normas em
vigor.
É perigoso alterar as características do aparelho.
Logo após ter removido do interior do forno todo o
material que acompanha o mesmo, certifique-se que
o cabo eléctrico se encontra em boas condições. Se
este não fôr o caso, indique-o à loja onde comprou o
aparelho antes de prosseguir com a instalação.
O fabricante declina toda a responsabilidade em caso
de incumprimento das normas de prevenção contra
acidentes.
Assegure-se que existe uma boa circulação de ar ao
redor do aparelho a gás. Uma ventilação insuficiente
produz falta de oxigénio.
Alimentar a placa com o tipo de gás indicado na
etiqueta adesiva, colocando esta junto do tubo para a
ligação à rede de gás.
A utilização de um electrodoméstico de aquecimento
a gás produz calor e humidifica o local onde se
encontra instalado. É obrigatório assegurar um bom
arejamento do local, mantendo abertos os orifícios de
ventilação natural, ou instalando um exaustor de
aspiração com conduta de saída.
Uma utilização intensiva e prolongada do aparelho,
pode necessitar de ventilação suplementar, por
exemplo a abertura de uma porta, ou uma ventilação
mais eficaz aumentando a potência de aspiração do
aparelho de exaustão existente.
Crianças
l
l
Este aparelho foi concebido para ser utilizado por
adultos. Assegure-se que as crianças não se
aproximam com o objectivo de brincar com o mesmo.
Durante a cozedura, algumas partes acessíveis do
aparelho podem ficar quentes. Assegure-se que as
crianças não se aproximam até este ter arrefecido
suficientemente.
Durante a Utilização
l
l
l
14
Este aparelho foi concebido para apenas cozinhar
alimentos. Não o utilize para propósitos diferentes.
Verifique sempre que todos os comandos estão na
posição de desligado, quando o aparelho não estiver
a ser utilizado.
Se usar uma tomada de corrente próxima do forno,
certifique-se que os cabos de outros electrodomésticos
que está a utilizar, não toquem algumas das zonas
l
l
mais quentes do forno.
Caso se verifique um mau funcionamento do aparelho,
desligue-o da tomada de corrente.
Antes das operações de manutenção ou limpeza,
desligar o aparelho da tomada de corrente.
Service
l
Em caso de avaria, nunca tente reparar o aparelho. As
reparações efectuadas por pessoas não qualificadas
podem causar danos ou mau funcionamento. Contacte
com o concessionário mais próximo da sua residência
e aceite apenas peças originais.
Ambiente
l
l
Todo o material utilizado para o transporte e embalagem
do aparelho deve ser deitado fora cuidadosamente.
Os aparelhos danificados não devem ser utilizados.
Em caso de problema ou qualquer avaria, a corrente
deve ser desligada no disjuntor.
Estas instruções são apenas válidas para os países
de destino cujos símbolos figuram na capa do livro
de instruções e sobre o aparelho.
Guia para uso do Manual
de Instruções
Os símbolos a seguir serão encontrados no texto para
guiá-lo através das instruções
Instruções de Segurança
F
Instruções de Operação Passo a Passo
Dicas e Conselhos
Informações Ambientais
Esta máquina com o símbolo CE cumpre com as
seguintes Directivas da CEE:
· 73/23 - 90/683 (Directiva sobre baixas
voltagens
· 89/336 (Directiva sobre a Compatibilidade
Electromagnética)
· 93/68 (Directivas Gerais) e alterações
seguintes.
Fabricante: ELECTROLUX ZANUSSI S.p.A.
Viale Bologna 298 - 47100 FORLI’ (Italia)
Índice
Para o utilizador
Para a sua segurança
Instruções para o utilizador
Limpeza e manutenção
Assistência Técnica e Peças Originais
Garantia
Para o técnico instalador
14
15
16
16
16
Características técnicas
Ligação para o fornecimento de gás
Ligação eléctrica
Adaptação aos diferentes tipos de gás
Encastre nos móveis de cozinha
17
17
18
19
21
Instruções para o utilizador
Manípulo da placa de encastrar
Os manípulos de funcionamento dos bicos de gás da placa de encastrar estão colocados no painel de comando.
l nenhum fornecimento de gás
fornecimento máximo de gás
fornecimento mínimo de gás
Acender o bico de gás
F
Para facilitar a ignição, acender o bico de gás
antes de colocar a panela sobre a grelha.
Para acender o bico, rodar o manípulo
correspondente no sentido contrário ao dos ponteiros
do relógio até à posição de máximo, premi-lo a fundo,
e mantê-lo durante cerca de 5 segundos para que o
dispositivo de segurança (Fig. 1 - "C") mantenha
acesa a chama automaticamente. Depois, regular a
chama de acordo com o desejado.
Se após algumas tentativas o bico não se acender,
controlar que as tampas (Fig. 1 - "A") dos bicos
estejam colocados corretamente.
Para interromper o fornecimento do gás rodar o
manipulo até à posição "l".
•
Baixar ou apagar a chama antes de retirar a
panela.
•
No caso de uma casual extinção das chamas do
queimador, fechar o botão de comando e não
tentar acender senão depois de pelo menos 1m.
FO 2295
Fig. 1
A - Tampas do bico
B - Acendedor
C - Dispositivo de segurança
Conselhos para a utilização de
panelas
Para um menor consumo de gás e um melhor
aproveitamento, aconselhavasé a que se usem panelas
com um diâmetro adaptado aos bicos, evitando assim
que a chama arda em vazio. É também aconselhável
que assim que o líquido comece a ferver, se reduza a
chama até ao mínimo possível mantendo a ebulição.
Durante a cozedura, quando se utilizam óleos e
outras gorduras, é necessário estar atento, pois
ao entornarem podem incendiar-se.
Quadro dos diâmetros Mín. e Máx. dos recipientes
apenas de fundo liso que podem ser colocados sobre
os queimadores.
Queimador
Diâm.
Min. (mm)
Diâm.
Max. (mm)
Rápido (grande)
180
260
S/rápido (medio)
120
220
Auxiliar (pequeño)
80
160
15
Limpeza e manutenção
Antes de qualquer operação desligar o
aparelho da electricidade.
Para uma maior duração no tempo deste aparelho é
necessário realizar frequentemente uma limpeza geral,
tomando atenção aos seguintes aspectos:
— Lavar as partes de esmalte com água tépida e detergente, não usar produtos corrosivos que podem
danificar.
— Lavar frequentemente o espalhador dos bicos com
água quente e detergente, tendo o cuidado de tirar
todas as incrustações.
As tampas e os espalhadores dos bicos estão fixados
com dois parafusos. Para limpar estas partes dos bicos,
tirar o conjunto tampa-espalhador, subverter-o e
desaparafusar o dois parafusos como está ilustrado na
Fig. 3. Após a limpeza, voltar a montar as partes,
efectuando as operações descritas mas na ordem inversa.
— Passar bem por água as partes em aço inox e secar
com um pano macio.
— As grelhas em esmalte da placa de trabalho podem
ser lavadas na máquina de lavar louça.
— Para as nódoas difíceis usar um detergente normal,
não corrosivo, ou produtos específicos que se
encontram facilmente no mercado.
— Deve-se proceder regularmente a uma limpeza dos
acendedores (Fig.1 - "B") com àgua qunte e detergente, tendo cuidado em eliminar todas as possiveis
incrustações.
l Não é aconselhável usar productos abrasivos ou
àcidos (ex.: lexívia).
l Se o plano em vidro estiver rompido ou fendido,
desligar imediatamente o aparelho da electricidade
e contactar o Centro de Assistência mais próximo.
Atenção: A lubrifição periódica des torneiras deve ser
feita for pessoal qualificado ao qual nos devemos dirigir
mesmo no caso em que se encontre anomalias no
funcionamento do aparelho.
Assistência Técnica e Peças
Originais
Este aparelho, ao salir da fábrica, foi ensaiado e afinado
pelos especialistas por forma a dar os melhores
resultados em funcionamento. Qualquer reparação ou
afinação que pareça necessária, deve ser feita com o
máxima cuidado e atenção.
Por este motivo, recomendamos que se dirija ao
Concessionário que efectuou a venda, ou a nosso Centro de Assistância mais próximo, especificando quais
as anomalias e qual o modelo
que adquiriu.
As Peças Originais aprovadas pelo
fabricante do aparelho e
possuidoras deste simbolo,
encontram-se apenas disponíveis
nos Centros de Assistência ou
em lojas de peças autorizadas.
16
Fig. 2
FO 2110
Fig. 3
FO 2265
Garantia
O seu novo aparelho encontra-se ao abrigo da garantia.
O certificado de garantia vai junto com o aparelho. Caso
não o encontre, deverá solicitá-lo junto do representante/
agente, indicando-lhe a data de compra, o modelo e o
número de identificação que se encontram na chapa de
identificação do aparelho.
Guarde o certificado de garantia para que possa apresentálo aos Serviços de Assistência sempre que seja
necessário. Guarde o certificado de Garantia junto do
comprovante de compra ou com o recibo.
Sem este procedimento terá de suportar os encargos
referentes aos Serviços Técnicos, de que necessitar,
para uma possível reparação.
Características técnicas
Potência dos queimadores
Dimensões do corte
Rápido
Semi-rápido
Auxiliar
Categoria
Pressão
Entrada de gás
Tensão de alimentação
Largura
Profundidade
2,7 kW (G30/G31)
1,9 kW
1 kW
II 2H3+
GLP (28-30 / 37 mbar)
G 1/2"
220-230 V 50 Hz
560 mm.
480 mm.
Instruções para o técnico instalador
As instruções que se seguem dizem respeito à
instalação e à regulação, devendo ser seguidas e
utilizadas apenas por pessoal qualificado. O aparelho
deve ser instalado correctamente em conformidade com
as normas vigentes.
Qualquer intervenção deve ser efectuada com o aparelho
desligado da corrente.
ANILHA
TUBO
JUNTA
A SOCIEDADE CONSTRUTORA DECLINA TODA
A RESPONSABILIDADE POR EVENTUAIS
DANOS DERIVADOS DE UMA INSTALAÇÃO QUE
NÃO ESTEJA EM CONFORMIDADE COM AS
NORMAS VIGENTES
Local de instalação
Para o bom funcionamento do aparelho a gás, é
indispensável que no local haja ventilação natural
necessária à combustão do gás. (O instalador deve seguir a norma em vigor). A ventilação local deve vir
directamente duma abertura numa parede externa.
Esta abertura deve ser construída de forma a não ser
obstruída quer interna, quer externamente.
ADVERTÊNCIA: a utilização de um aparelho de
cozedura a gás produz calor e humidade no local onde
foi instalado. É preciso certificar-se da existência de um
bom arejamento do local, mantendo abertos os orifícíos
os ventilação natural ou instalando uma capa de
aspiração com saída para escoamento.
ADVERTÊNCIA: uma utilização intensa e prolungada do
aparelho pode necessitar de um arejamento
suplementar de, por exemplo, uma abertura de uma
janela ou um arejamento mais eficaz aumentando a
potência da aspiração mecånica se a mesma existe.
Ligação para o fornecimento
de gás
A ligação para o gás deve ser feita de acordo com as
normas vigentes. O aparelho sai da fábrica aprovado e
regulado para o tipo de gás indicado na etiqueta, que
está na protecção inferior perto do tubo de ligação ao
gás. Certifique-se que o gás a utilizar seja o mesmo que
está indicado na etiqueta. Caso contrário, realize todas
SOLDADURA
TUBO Ø 12/14
PARA GÁS
NATURAL
Fig. 4
FO 0670
TUBO Ø 10/8
PARA GÁS
BUTANOPROPANO
as operações como estão indicadas no capítulo
“adaptação aos diversos tipos de gás”.
A fim de obter o máximo rendimento com um mínimo
de consumo, assegure-se que a pressão de
alimentação de gás está de acordo com os valores
indicados na tabela das “características dos bicos”.
Caso a pressão do gás aplicado seja diferente (ou
variável) da que está prevista, é necessário instalar nos
tubos de entrada, um regulador de pressão apropriado.
A utilização de reguladores de pressão para gás líquido
(GPL) é consentida desde que estes estejam em
conformidade com a norma.
Na zona terminal do tubo, com uma porca com rosca
de 1/2", monte o ajustamento entre as componentes
conforme a representação na Fig.4.
Ligação
Executar a ligação à instalação de gás através do tubo
metálico rígido de acordo com as normas vigentes. A
ligação de entrada do gás ao aparelho é de rosca de 1/
2". Executar a ligação evitando a proximidade de outro
aparelho.
IMPORTANTE: Depois de terminada a instalação,
verifique todas as ligações usando água com
sabão e nunca uma chama.
17
Ligação eléctrica
A ligação eléctrica deve ser efectuada conforme as
normas e leis em vigor.
Antes de efectuar a ligação, confirme se:
- A tensão da rede coincide com a do aparelho.
- O dijuntor suporta a carga eléctrica do aparelho (ver
etiqueta de características)
- A alimentação eléctrica efectua-se através de uma
tomada de terra, seguindo as normas vigentes.
- A tomada e o dijuntor respectivo, são de fácil acesso
após a placa instalada.
Ligar o cabo de alimentação a uma ficha adequada para
a potência máxima da placa e para a tomada da instalação.
Assegure-se que possui uma tomada com terra em
condições.
Se deseja a ligação directa à rede, é necessário interpôr
entre o aparelho e a rede, um interruptor automático com
uma abertura mínima, entre contactos de 3 mm,
dimensionada à carga e conforme as normas em vigor.
O cabo de terra amarelo/verde, não deverá ser interrompido
pelo interruptor.
O cabo de fase de côr castanha (que vém do do terminal
‘L’, da caixa de ligações), deve ser ligado à fase da rede
de alimentação.
O cabo de alimentação deve posicionar-se, por forma a
que nenhum ponto do mesmo atinja uma temperatura
acima da 90º.
Substituição do cabo de
alimentação
Em caso de ser necessária a substituição do cabo de
alimentação, dever-se-á utilizar cabo do tipo H05V2V2F T90, adaptado à carga e à temperatura do local de
funcionamento, sendo igualmente necessário que o fio
de terra amarelo/verde seja 2 cm mais largo que os fios
de fase e neutro (Fig. 5).
Uma vez concluida a ligação, testar os elementos do
aquecimento fazendo-os funcionar durante 3 minutos.
Fase
Terra (amarelo/verde)
O fabricante declina toda a responsabilidade no
caso de desrespeito destas normas.
18
Fig. 5
FO 0073
Adaptação aos diferentes tipos de gás
A placa está preparada para funcionar com gás liquefeito
(butano-propano). Nas pressões de 28-30 mbar (butano)
- 37 mbar (propano).
Para adaptar a placa ao funcionamento com gás natural,
apenas será necessário substituir o injector por outro
adequado ao novo tipo de gás. Os queimadores não
necessitam de regulação de ar primário.
Substituição dos injectores
Uma vez extraída a placa do móvel, proceder da forma
seguinte:
l
Retirar as grelhas. Retirar as tampas e os
espalhadores dos bicos.
l
Com uma chave de bocas de 7 desaparafusar e
retirar os injectores (Fig. 6) substituindo-os com
aqueles correspondentes ao tipo de gás que vai
ser utilizado (ver quadro 1).
l
Voltar a montar as partes, efectuando as
operações descritas mas na ordem inversa.
l
Substituir depois a etiqueta da tara com aquela
correspondente fornecida em dotação.
Caso a pressão do gás empregue seja diferente (ou
variável) da prevista é necessário instalar sobre os tubos
de entrada um regulador de pressão adequado. Se se
utilizarem reguladores de pressão para o G.P.L., estes
devem estar em conformidade com a norma nacional
em vigor.
Fig. 6
FO 0392
TORNEIRA
Queimador
Auxiliar
Semi-rápido
Rápido
Ø Passagem
de torneira
28
32
40
19
Regulação do mínimo
Para a transformação de gás GPL para gás metano e
para gás de cidade proceda do seguinte modo:
l
Acenda o queimador no máximo mantendo
premida a haste enquanto o queimador
continuar aceso.
l
Coloque a torneira na posição de chama
mínima.
l
Extraia o botão.
l
Introduiza a chave de parafusos no furo da haste
da torneira (Fig. 7),
l
Para passar de gás GPL para gás metano,
desaparafuse a agulha de derivação (by pass)
em cerca de 1/4 de volta.
l
Verifique finalmente se rodando a torneira de
posição do máximo á posição do mínimo, não
ocorre a extinção do queimador.
Fig. 7
FO 0239
QUADRO 1 - INJECTORES
TIPO
DE GÁS
TIPO
QUEIMADOR
DIÂMETRO
INJECTORES
1/100 MM
POTÉNCIA
TÉRMICA
NOMINAL
kW
POTÉNCIA
TÉRMICA
REDUZIDA
kW
ALCANCE
NOMINAL em
3
m /h
g/h
PRESSÃO
NOMINAL
mbar
GÃS
NATURAL
(Metano)
Rápido
Semi-rápido
Auxiliar
119
96
70
2,9
1,9
1,0
0,65
0,45
0,33
0,276
0,181
0,095
-
20
GÃS
GLP
(Butano/
Propano)
Rápido
Semi-rápido
Auxiliar
86
71
50
2,7
1,9
1,0
0,65
0,45
0,33
-
195
137
72
28-30/37
20
Encastre nos móveis de cozinha
55 m
R
in.
SR
A
480
SR
SR
51
5
68
560
5
150 min
FO 2038
Fig. 8
A = Queim. auxiliar
SR = Queim Semi-rápido
R = Queim. Rápido
As dimensões estão indicadas en millimetros
Estas placas estão previstas para encastrar em móveis
de cozinha por módulos, tendo uma profundidade entre
550 e 600 mm e características apropriadas.
Uma eventual pared lateral, direita ou esquerda, superior
em altura à la superficie de trabalho, deve estar à 150
mm mínimo do corte para encastrar.
Dimensões (fig.8)
Fixação
Fig. 9
FO 2320
Antes de montar a placa no corte respectivo na parte
superior do móvel, posicionar a guarnição "A" (Fig. 9)
sobre o rebordo inferior do plano em vidrio, tendo cuidado
para que os extremos se unam sem se encaixarem.
•
Retirar as grelhas, as tampas e os espalhadores dos
bicos. Subverter a placa, tendo cuidado que os
acendedores não se danificarem.
•
Posicionar sobre o rebordo inferior do plano em vidrio
a guarnição A, incluida (Fig. 9).
•
Colocar a placa no corte, pressionando para baixo
até assentar no móvel (Fig. 10); a placa centra-se
sozinha.
a
Fig. 10
FO 2107
a) guarnição
21
POSSIBILIDADE DE
ENCASTRAR
Fig. 11
b
380
140
FO 2043
FO 1013
Sobre o móvel base
com forno
O espaço vazio deve ter as dimensões
descritas nas fig. 12 e 15, e deve estar
munido de suportes para permitir uma
ventilação eficaz. A fim de evitar
aquecimentos excessivos deve fazer-se a
instalação como está nas fig. 13 e 14.
Devido a motivos eléctricos, as ligações
eléctricas da placa e do forno devem ser
feitas separadamente. Assim, facilitar-seá também a extracção do forno.
Armários ou chaminés de aspiração estar
a 650 mm no mínimo da placa de
cozedura (figura 16).
a) Painel do móvel desmontável
b) Espaço útil para eventuais
ligações
As dimensões estão indicadas en millimetros
Fig. 13
Fig. 14
120 cm 2
50 cm 2
180 cm 2
FO 0939
Fig. 15
360 cm 2
FO 0938
Fig. 16
560 min.
650 mm
550 min.
FO 0198
22
30
591
a
60
20 min
É necessário que na construção do móvel,
tenham sido tomadas as devidas
precauções de modo a evitar possíveis
contactos com a caixa da placa depois de
aquecida. A solução que se aconselha, a
fim de evitar este inconveniente, está
ilustrada na fig. 11.
O painel, que está debaixo da placa, deve
ser facilmente removível, a fim de permitir
que se bloqueie e desbloqueie a placa de
acordo com as exigências da assistência
técnica.
480
30
Sobre o móvel base
com porta
Fig. 12
FO 2099
23
35674-7401
05/00
Grafiche MDM - Forlì
Was this manual useful for you? yes no
Thank you for your participation!

* Your assessment is very important for improving the work of artificial intelligence, which forms the content of this project

Download PDF

advertising