ESAB | MobileFeed 201 AVS | Instruction manual | ESAB MobileFeed 201 AVS Manual do usuário

ESAB MobileFeed 201 AVS Manual do usuário
MobileFeed 201 AVS
Manual de instruções
0558 012 630 PT 20170831
Valid for: serial no. WxxK533xxxx
ÍNDICE
SEGURANÇA ................................................................................................
4
1.1
Descrição geral.........................................................................................
4
INTRODUÇÃO ...............................................................................................
7
2.1
Descrição geral.........................................................................................
7
2.2
Equipamento.............................................................................................
7
3
DADOS TÉCNICOS .......................................................................................
8
4
INSTALAÇÃO ................................................................................................
9
4.1
Receção e manuseamento ......................................................................
9
4.2
Seleção de rolos de transmissão e de tubos-guia ................................
9
4.3
Instalação de rolos de transmissão e tubos-guia .................................
10
4.4
Instalação do fio de soldadura................................................................
10
4.5
Introdução do fio de soldadura...............................................................
11
4.6
Ajuste da tração do travão ......................................................................
12
4.7
Ligação do maçarico................................................................................
12
4.8
Ligações de fornecimento .......................................................................
13
FUNCIONAMENTO........................................................................................
15
5.1
Descrição geral.........................................................................................
15
5.2
Ligações e dispositivos de controlo ......................................................
16
5.3
Procedimentos de funcionamento..........................................................
19
5.3.1
Medidas de precaução de segurança ....................................................
19
5.3.2
Configuração de um procedimento de soldadura ..................................
21
5.3.3
Tabela de dados de soldadura ...............................................................
21
5.3.4
MobileFeed 201 com fontes de alimentação de CC ..............................
22
5.3.5
MobileFeed 201 com fontes de alimentação de CV...............................
22
5.3.6
Encerramento .........................................................................................
23
MANUTENÇÃO..............................................................................................
24
6.1
Inspeção e manutenção...........................................................................
24
6.2
Alimentador de fio ....................................................................................
25
6.3
Substituição da válvula solenoide..........................................................
25
6.4
Resolução de problemas .........................................................................
25
ENCOMENDA DE PEÇAS SOBRESSELENTES .........................................
26
DIAGRAMA DE CABLAGEM ...............................................................................
27
PEÇAS DE DESGASTE, PRODUTOS CE ...........................................................
28
NÚMEROS DE ENCOMENDA .............................................................................
31
ACESSÓRIOS ......................................................................................................
32
1
2
5
6
7
Reservamo-nos o direito de alterar as especificações sem aviso prévio.
0558 012 630
© ESAB AB 2017
1 SEGURANÇA
1
SEGURANÇA
1.1
Descrição geral
SEMNIFICAŢIA SIMBOLURILOR
Aşa cum se utilizează în cadrul acestui manual: Semnifică Atenţie! Fiţi vigilent!
PERIGO!
Semnifică pericole imediate care, dacă nu sunt evitate, vor cauza vătămare
corporală imediată şi gravă sau decesul.
AVISO!
Semnifică pericole potenţiale care ar putea cauza vătămare corporală sau
decesul.
CUIDADO!
Semnifică pericole care ar putea cauza vătămare corporală minoră.
AVISO!
Antes de utilizar, leia e compreenda o manual de instruções
e respeite todas as etiquetas, as práticas de segurança do
empregador e as fichas de dados de segurança (SDS).
São os utilizadores de equipamento ESAB a quem em última análise cabe a
responsabilidade de assegurar que qualquer pessoa que trabalhe no equipamento ou
próximo do mesmo respeita todas as medidas de precaução de segurança pertinentes. As
medidas de precaução de segurança têm de satisfazer os requisitos que se aplicam a este
tipo de equipamento. Além dos regulamentos normais aplicáveis ao local de trabalho, devem
respeitar-se as seguintes recomendações.
Todo o trabalho deve ser executado por pessoal especializado, bem familiarizado com o
funcionamento do equipamento. A utilização incorreta do equipamento pode resultar em
situações perigosas que podem dar origem a ferimentos no operador e danos no
equipamento.
1.
2.
3.
Qualquer pessoa que utilize o equipamento tem de estar familiarizada com:
○ a utilização do equipamento
○ a localização das paragens de emergência
○ o funcionamento do equipamento
○ as medidas de precaução de segurança pertinentes
○ soldadura e corte ou outra operação aplicável do equipamento
O operador deve certificar-se de que:
○ dentro da área de funcionamento do equipamento, aquando da sua colocação
em funcionamento, apenas estão pessoas autorizadas
○ ninguém está desprotegido quando se forma o arco ou se inicia o trabalho com
o equipamento
O local de trabalho deverá satisfazer os seguintes requisitos:
○ ser adequado ao fim a que se destina
○ não ter correntes de ar
0558 012 630
-4-
© ESAB AB 2017
1 SEGURANÇA
4.
5.
Equipamento de segurança pessoal:
○ Use sempre o equipamento de segurança pessoal recomendado como, por
exemplo, óculos de segurança, vestuário à prova de chama, luvas de
segurança
○ Não use artigos largos ou soltos como, por exemplo, lenços ou cachecóis,
pulseiras, anéis, etc., que possam ser apanhados pelo equipamento ou
provocar queimaduras
Precauções gerais:
○ Certifique-se de que o cabo de retorno está bem ligado
○ O trabalho em equipamento de alta tensão só pode ser executado por um
eletricista qualificado
○ O equipamento de extinção de incêndios apropriado tem de estar claramente
identificado e em local próximo
○ A lubrificação e a manutenção nãopodem ser executadas no equipamento
durante o seu funcionamento
AVISO!
A soldadura por arco e o corte acarretam perigos para si e para os outros. Tome
as precauções adequadas sempre que soldar e cortar. Solicite as práticas de
segurança do seu empregador, devendo as mesmas estar baseadas nos dados
de perigo fornecidos pelos fabricantes.
CHOQUE ELÉTRICO – Pode matar
• Instale a unidade e ligue-a à terra de acordo com as normas aplicáveis
• Não toque em peças elétricas ou em elétrodos com carga com a pele
desprotegida, com luvas molhadas ou roupas molhadas
• Isole-se a si próprio, e à peça de trabalho, da terra
• Certifique-se de que a sua posição de trabalho é segura
FUMOS E GASES – Podem ser perigosos para a saúde
• Mantenha a cabeça afastada dos fumos
• Utilize ventilação ou extração no arco, ou ambos, para manter os fumos
e os gases longe da sua zona de respiração e da área em geral
RAIOS DO ARCO – Podem ferir os olhos e queimar a pele.
• Proteja os olhos e o corpo. Utilize as proteções para soldadura e lentes
de filtro corretas e use vestuário de proteção
• Proteja as pessoas em volta com proteções ou cortinas adequadas
PERIGO DE INCÊNDIO
• As faíscas (fagulhas) podem provocar incêndios. Por isso, certifique-se
de que não existem materiais inflamáveis por perto
RUÍDO – O ruído excessivo pode provocar danos na audição
• Proteja os ouvidos. Utilize protetores auriculares ou outro tipo de
proteção auricular. Proteja os ouvidos. Utilize protetores auriculares ou
outro tipo de proteção auricular
• Avise quem estiver por perto do risco existente
AVARIAS - Peça a assistência de um perito caso surja uma avaria.
Leia e compreenda o manual de instruções antes de instalar ou utilizar a
unidade.
PROTEJA-SE A SI E AOS OUTROS!
0558 012 630
-5-
© ESAB AB 2017
1 SEGURANÇA
CUIDADO!
Este produto foi concebido exclusivamente para soldadura por arco elétrico.
CUIDADO!
O equipamento de Classe A não se destina a ser utilizado
em zonas residenciais onde a alimentação elétrica seja
fornecida pela rede pública de baixa tensão. Poderá haver
dificuldades em garantir a compatibilidade eletromagnética
de equipamento de Classe A nessas zonas devido a
perturbações conduzidas bem como a perturbações
radiadas.
NOTA!
Eliminação de equipamento eletrónico nas instalações
de reciclagem!
De acordo com a Diretiva Europeia 2012/19/CE relativa a
resíduos de equipamentos elétricos e eletrónicos e
respetiva implementação em conformidade com o direito
nacional, o equipamento elétrico e/ou eletrónico que atingiu
o fim da sua vida útil deve ser eliminado em instalações de
reciclagem.
Como responsável pelo equipamento, faz parte das suas
funções informar-se sobre estações de recolha aprovadas.
Para mais informações, contacte o revendedor ESAB mais
perto de si.
A ESAB dispõe de uma variedade de acessórios de soldadura e equipamento de
proteção pessoal para aquisição. Para obter informações de encomenda, contacte o
seu revendedor ESAB local ou visite o nosso website.
0558 012 630
-6-
© ESAB AB 2017
2 INTRODUÇÃO
2
INTRODUÇÃO
2.1
Descrição geral
O MobileFeed 201 AVS (Arc Voltage Sensing – deteção de tensão do arco) é um
alimentador de fio portátil. A unidade recebe alimentação exclusivamente a partir da tensão
do arco de uma fonte de alimentação de soldadura de corrente constante (CC) ou de tensão
constante (CV). Funciona com polaridade inversa, elétrodo positivo de corrente contínua
(DCEP), ou com polaridade direta, elétrodo negativo de corrente contínua (DCEN). O
MobileFeed 201 AVS está disponível com duas ligações: EURO e TWECO. Está disponível
uma opção de controlo remoto de tensão com a fonte de alimentação Warrior (requer uma
atualização de software da fonte de alimentação).
A unidade foi concebida para utilização com elétrodos rígidos, maleáveis e com núcleo (gás
de proteção ou autoprotegido) de 0,8 mm (0,030") a 1,98 mm (5/64") de diâmetro, com uma
velocidade de alimentação do fio de 1,3 a 19,0 m/min (50 a 750 pol./min). Os componentes
do alimentador estão totalmente fechados numa caixa robusta.
Os acessórios ESAB para o produto encontram-se no capítulo "ACESSÓRIOS" deste
manual.
2.2
Equipamento
O MobileFeed 201 AVS é fornecido com:
•
•
Manual de instruções
Cabo de captação de tensão com grampo
0558 012 630
-7-
© ESAB AB 2017
3 DADOS TÉCNICOS
3
DADOS TÉCNICOS
NOTA!
O MobileFeed 201 AVS não é recomendado para a transferência de
curto-circuitos através da utilização de fontes de alimentação de corrente
constante devido à corrente de curto-circuito limitada disponível nas fontes de
alimentação de corrente constante.
MobileFeed 201 AVS
Velocidade de alimentação do fio
1,3 a 19,0 m/min (50 a 750 pol./min)
Entrada principal (tensão de circuito aberto ou tensão do arco) – Não deve ser utilizada
com alimentação CA
Mínima
14,0 V CC
Máxima
100 V CC (pico de 113 V)
Cubo do eixo padrão
Diâmetro interno (ID) de 5,1 cm (2")
Bobina padrão
Diâmetro externo (OD) de 20,3 cm (8")
Corrente máxima de soldadura
320 A a 60% do ciclo de serviço
250 A a 100% do ciclo de serviço
Pressão máxima de entrada de gás 75 psi (5,2 bares)
Diâmetros do fio
Rígido
0,8 mm (0,030"), 0,9 mm (0,035"),
1,2 mm (0,045"), 1,4 mm (0,052"),
1,6 mm (1/16")
Maleável
0,9 mm (0,035"),1,2 mm (3/64"),
1,6 mm (1/16")
Com núcleo
0,8 mm (0,030"), 0,9 mm (0,035"),
1,2 mm (0,045"), 1,4 mm (0,052"),
1,6 mm (1/16"), 2,0 mm (5/64")
Tipo de motor
Íman permanente de CC pré-lubrificado, fechado
Tipo de travão (fio)
Tração
Controlo
Estado sólido
Sistema de alimentação
Pressão
Interruptor de ligar/desligar
Padrão
Arranque de corrente em rampa
Padrão
Altura × largura × comprimento
368,3 × 187,3 × 470 mm
(14,50" × 7,375" × 18,50")
Peso (com contactor, sem bobina)
12,7 kg (28 lbs)
Classe de blindagem
IP23S
Classe de blindagem
O código IP indica a classe de blindagem, isto é, o grau de proteção contra penetração por
objetos sólidos ou água.
O equipamento marcado com IP 23S destina-se a utilização em interiores e exteriores; não
deve ser utilizado em precipitação.
0558 012 630
-8-
© ESAB AB 2017
4 INSTALAÇÃO
4
INSTALAÇÃO
4.1
Receção e manuseamento
Antes de instalar este equipamento, retire todo o material de acondicionamento em redor da
unidade e verifique, cuidadosamente, se existem danos que possam ter ocorrido durante o
envio. Qualquer reclamação de perda ou danos que possam ter ocorrido durante o
transporte deve ser apresentada pelo comprador ao transportador. Será fornecida uma cópia
do documento de transporte e da carta de porte, por parte do transportador, mediante
solicitação, caso ocorra uma situação de apresentação de reclamação.
AVISO!
Prenda o equipamento –
especialmente se o piso for irregular
ou inclinado.
Se a unidade estiver instável na posição vertical (A), tal como quando o maçarico (ou a
bobina) está desligado ou quando existe o risco de a unidade poder ser puxada pelo
maçarico durante o funcionamento, a unidade deve ser fixada. Como alternativa, pode ser
utilizada na posição horizontal (B), caso seja permitido pelas condições.
4.2
Seleção de rolos de transmissão e de tubos-guia
AVISO!
Quando o alimentador de fio está ligado à fonte de alimentação, o cabo de
trabalho da fonte de alimentação é ligado à peça de trabalho e a fonte de
alimentação têm corrente elétrica ativa. O fecho do gatilho do maçarico faz com
que o fio de soldadura fique eletricamente quente e provoca a rotação dos rolos
de transmissão. Mantenha os dedos afastados!
Os rolos de transmissão têm duas ranhuras. A unidade é fornecida pronta a alimentar fios
com núcleo de 1,2 a 1,6 m (0,045", 0,052" ou 1/16") de diâmetro ou fios rígidos de 0,9 a
1,2 mm (0,035" a 0,045"), consoante o número de peça encomendada.
Estão disponíveis outros rolos de transmissão para a alimentação de fio rígido, fio maleável
e fio com núcleo. Consulte a tabela de seleção de rolo de transmissão e de tubo-guia no
capítulo PEÇAS DE DESGASTE.
0558 012 630
-9-
© ESAB AB 2017
4 INSTALAÇÃO
São necessários dois rolos de transmissão inferiores para sistemas de transmissão de
quatro rolos.
4.3
Instalação de rolos de transmissão e tubos-guia
CUIDADO!
Desligue a fonte de alimentação e o alimentador de fio.
1.
2.
3.
4.
5.
6.
Liberte a alavanca do conjunto do rolo de pressão (1) e levante o conjunto do rolo de
pressão (2).
Retire o parafuso serrilhado (3) enquanto segura o rolo de transmissão (4).
Verifique e instale os tubos-guia corretos.
Mantenha ou substitua o rolo de transmissão (4) com o tamanho necessário. A
designação está assinalada no lado exterior do rolo.
Volte a colocar o parafuso serrilhado (3) na devida posição, no rolo de transmissão
(4), e aperte-o.
Introduza o fio e aperte o conjunto do rolo de pressão (2).
4.4
Instalação do fio de soldadura
CUIDADO!
Desligue a fonte de alimentação e o alimentador de fio.
0558 012 630
- 10 -
© ESAB AB 2017
4 INSTALAÇÃO
1.
2.
3.
Retire o retentor da bobina (1).
Coloque a bobina de fio (2) no cubo, de forma a rodar para a esquerda, à medida que
o fio é desenrolado. O pino do cubo deve engatar no orifício da bobina de fio.
Instale o retentor da bobina (1) e aperte-o manualmente.
4.5
Introdução do fio de soldadura
CUIDADO!
Antes de introduzir o fio, certifique-se de que a ponta do formão e as rebarbas
foram retiradas da extremidade do fio para este não encravar no revestimento do
maçarico.
1.
2.
3.
4.
5.
6.
7.
Desligue a fonte de alimentação e o alimentador de fio.
Liberte a alavanca do conjunto do rolo de pressão e levante o conjunto do rolo de
pressão.
Verifique se o rolo de transmissão, a posição da ranhura e as guias de fio estão
corretos.
Introduza o fio proveniente da bobina através da guia de entrada, ao longo da ranhura
do rolo de transmissão e em direção ao tubo-guia de saída.
Baixe o conjunto do rolo de pressão e ajuste a pressão do rolo de transmissão para
garantir que não ocorre o deslizamento do fio, mas não demasiado apertado ao ponto
de criar pressão excessiva.
Ligue a fonte de alimentação e o alimentador de fio.
Pressione o interruptor de disparo do maçarico ou utilize o interruptor de avanço para
fazer passar o fio através do maçarico.
0558 012 630
- 11 -
© ESAB AB 2017
4 INSTALAÇÃO
4.6
Ajuste da tração do travão
CUIDADO!
Desligue a fonte de alimentação e o alimentador de fio.
A fricção do disco do travão deve proporcionar tração suficiente para impedir a bobina de fio
de girar livremente após a alimentação de fio parar.
O cubo do travão é entregue já ajustado. Se for necessário ajustar, siga as instruções
apresentadas em baixo. Ajuste o cubo do travão de modo a que o fio fique ligeiramente
frouxo quando a alimentação do fio parar.
1.
2.
3.
Retire o retentor da bobina (1) rodando-o para a esquerda.
Para aumentar o binário de travagem, utilize uma chave de 27 mm (1 1/16") e rode a
porca de ajuste de tração (2) para a direita.
Para reduzir o binário de travagem, utilize uma chave de 27 mm (1 1/16") e rode a
porca de ajuste de tração (2) para a esquerda.
4.7
Ligação do maçarico
CUIDADO!
Certifique-se de que o maçarico selecionado tem a classificação correta
relativamente à corrente de soldadura a ser utilizada, o tamanho e tipo corretos
de revestimento e a ponta de contacto e o tubo-guia corretos.
0558 012 630
- 12 -
© ESAB AB 2017
4 INSTALAÇÃO
AVISO!
Desligue a alimentação da fonte de alimentação de soldadura e do alimentador
de fio antes de estabelecer qualquer ligação entre o alimentador de fio e a fonte
de alimentação de soldadura.
O adaptador de maçarico no MobileFeed é diretamente ligado ao conjunto de transmissão
do alimentador de fio e ao fornecimento de alimentação e de gás de proteção.
1.
2.
Alinhe o conector do maçarico com o adaptador do alimentador de fio e pressione
com firmeza.
Aperte manualmente o anel de bloqueio no conector Euro.
4.8
Ligações de fornecimento
CUIDADO!
Desligue a fonte de alimentação e o alimentador de fio.
O MobileFeed 201 AVS pode ser utilizado com a polaridade do elétrodo positivo de corrente
contínua (DCEP) ou do elétrodo negativo de corrente contínua (DCEN), sem modificações.
0558 012 630
- 13 -
© ESAB AB 2017
4 INSTALAÇÃO
1.
Ligue o cabo de soldadura (1) desde a fonte de alimentação à ligação de patilha do
cabo de soldadura proveniente da parte traseira do alimentador MobileFeed 201 AVS.
a) Terminal positivo para fios sólidos ou com núcleo de fundente com gás de
proteção.
b) Terminal negativo para a maioria de fios com núcleo autoprotegidos sem gás.
AVISO!
Certifique-se de que os cabos de soldadura estão corretamente
isolados antes de aplicar alimentação à fonte de alimentação. O cabo
e as peças não isolados podem formar um arco ao entrarem em
contacto com uma superfície com ligação à massa. O arco pode
provocar ferimentos nos olhos ou causar um incêndio. O contacto
corporal com um conector do cabo de soldadura não isolado, ou com
um condutor desprotegido, pode provocar choques e ferimentos
graves, possivelmente fatais.
2.
3.
4.
5.
6.
7.
8.
Ligue um segundo cabo de soldadura (2) entre a ligação de saída de polaridade
oposta na fonte de alimentação e a peça de trabalho.
Ligue o cabo de trabalho do alimentador de fio/grampo do cabo de captação de
tensão (3) à peça de trabalho.
Se for utilizado o fio com gás de proteção, ligue o tubo flexível de entrada de gás às
ligações de entrada de gás, na parte traseira do alimentador.
Certifique-se de que todas as ligações do tubo flexível e do cabo estão bem
apertadas.
Ligue a fonte de alimentação e feche o contactor, caso a fonte de alimentação esteja
equipada com um interruptor de controlo do contactor de saída. Tem de existir tensão
de circuito aberto para utilizar o alimentador de fio.
Rode o interruptor de alimentação do alimentador de fio para a posição "ON"
(Ligado).
Verifique todas as ligações de gás quanto a fugas.
AVISO!
Exceto se estiver a começar a soldar, não permita que o fio de soldadura
entre em contacto com uma superfície metálica com ligação à massa. O fio
de soldadura fica eletricamente quente quando o contactor secundário é
fechado. Mantenha os dedos afastados dos rolos de transmissão. Estes
começam a rodar quando pressionar o gatilho do maçarico.
9.
Se forem utilizados fios com gás de proteção, ajuste o medidor do fluxo de gás com a
taxa de fluxo pretendida ao fechar o interruptor de disparo do maçarico ou utilizando o
interruptor de purga de gás.
10. Desligue a fonte de alimentação e o alimentador de fio quando estes não estiverem a
ser utilizados.
0558 012 630
- 14 -
© ESAB AB 2017
5 FUNCIONAMENTO
5
FUNCIONAMENTO
5.1
Descrição geral
Os regulamentos gerais de segurança para o manuseamento do equipamento
encontram-se no capítulo "SEGURANÇA" deste manual. Leia-os com atenção antes
de começar a utilizar o equipamento!
AVISO!
Choque elétrico! Não toque na peça de trabalho nem na cabeça de soldadura
durante o funcionamento!
NOTA!
Quando mudar o equipamento utilize a pega destinada ao transporte. Nunca
puxe o equipamento pelo maçarico de soldadura.
CUIDADO!
Antes de introduzir o fio, certifique-se de que a ponta do formão e as rebarbas
foram retiradas da extremidade do fio para este não encravar no revestimento do
maçarico.
AVISO!
As peças rotativas podem provocar ferimentos; tenha muito
cuidado.
AVISO!
Risco de esmagamento durante a substituição da bobina de arame! Não utilize
luvas de segurança quando introduzir o fio de soldadura entre os rolos de
alimentação.
AVISO!
Não utilize o alimentador com a caixa aberta.
0558 012 630
- 15 -
© ESAB AB 2017
5 FUNCIONAMENTO
5.2
Ligações e dispositivos de controlo
1.
Botão para definir a
velocidade de
alimentação do fio
5.
Visor para a
velocidade/tensão de
alimentação do fio
9.
Ligação de gás de
proteção
2.
Botão para definir a
tensão
6.
Interruptor de bloqueio
do gatilho
10. Ligação do cabo de
soldadura
3.
Ligação do maçarico
7.
Interruptor de
alimentação
4.
Cabo de trabalho
(captação de tensão)
8.
Conector do interruptor
do maçarico (apenas
nas versões
TWECO/NAS)
11. Ligação de controlo
remoto de tensão da
fonte de alimentação
Velocidade de alimentação do fio (controlo da tensão do arco)
A velocidade de alimentação do fio é controlada pelo botão da velocidade de alimentação do
fio, situado na parte dianteira do alimentador de fio.
Quando o alimentador de fio é ligado a um tipo de fonte de alimentação de tensão constante
(CV), o botão da velocidade de alimentação do fio controla a corrente de soldadura. Rodar o
botão para a direita aumenta a corrente de soldadura; rodá-lo para a esquerda reduz a
corrente de soldadura.
Quando o alimentador de fio é ligado a um tipo de fonte de alimentação de corrente
constante (CC), o botão da velocidade de alimentação do fio controla a tensão do arco.
Rodar o botão para a direita reduz a tensão de arco; rodá-lo para a esquerda aumenta a
tensão do arco. A velocidade real de alimentação do fio para qualquer definição varia com a
tensão do arco. Aumentar a tensão do arco provoca um aumento da velocidade de
alimentação do fio.
0558 012 630
- 16 -
© ESAB AB 2017
5 FUNCIONAMENTO
Quando o interruptor CV/CC no interior do MobileFeed estiver definido para "CV", a
velocidade de alimentação do fio "predefinida" é apresentada no visor. A velocidade do fio
não varia com as alterações da tensão do arco.
Quando o interruptor CV/CC estiver definido para "CC", a velocidade e a tensão de
alimentação do fio são exibidas no visor. A velocidade do fio apresentada é a velocidade que
resulta da tensão exibida. O ajuste do botão da tensão afeta a velocidade de alimentação do
fio. Por exemplo, se o visor apresentar 300 pol./min e 20 V, um ajuste da tensão para 24 V
resulta num aumento para, aproximadamente, 365 pol./min. Uma alteração de 4 V na tensão
do arco resulta numa alteração de 65 pol./min na velocidade do fio. Para obter instruções
passo a passo sobre a definição da velocidade e tensão do fio, consulte a secção
"Configuração de um procedimento de soldadura".
Tensão
No modo CC, o botão para definir a tensão é utilizado para ajustar a tensão que, por sua
vez, afeta a velocidade de alimentação do fio. Consulte a descrição "Velocidade de
alimentação do fio" acima.
O botão para definir a tensão também pode ser utilizado para definir a tensão de saída da
fonte de alimentação quando o MobileFeed estiver definido para CV com uma opção de
controlo remoto de tensão e com a utilização de uma fonte de alimentação Warrior. A tensão
da fonte de alimentação é, então, lida no visor do MobileFeed para a velocidade e tensão de
alimentação do fio.
Visor para a velocidade e tensão de alimentação do fio
O visor digital mostra a velocidade (pol./min ou m/min) e a tensão de alimentação do fio.
Também permite que o soldador predefina a velocidade de alimentação do fio e a tensão da
fonte de alimentação.
Interruptor de bloqueio do gatilho
A função de bloqueio do gatilho é uma variação do funcionamento a 4 tempos. Se a função
de bloqueio do gatilho estiver ligada, o gatilho do maçarico pode ser libertado quando o arco
estiver estabelecido. A fonte de alimentação/o alimentador continua a soldar até que o
gatilho seja novamente premido e libertado, ou até que o sinal estabelecido do arco se perca
através da quebra manual do arco. O gatilho não é bloqueado a não ser que o arco seja
estabelecido antes de o gatilho ser libertado.
Interruptor de alimentação
O interruptor de alimentação (0/I) na parte dianteira do alimentador de fio ativa o alimentador
de fio quando o alimentador está ligado à fonte de alimentação e à peça de trabalho. A fonte
de alimentação tem de ser ligada com o contactor fechado.
0558 012 630
- 17 -
© ESAB AB 2017
5 FUNCIONAMENTO
1.
Fusível principal, 10 A
3.
Interruptor de avanço/purga
2.
Disjuntor, 5 A
4.
Interruptor de CC/CV
Disjuntor, 5 A
Este disjuntor de 5 A reajustável, em séries com armadura do motor, protege o quadro de
controlo contra danos, caso o motor pare.
Interruptor de avanço/purga
A posição JOG (avanço) é utilizada quando é necessário alimentar fio sem aplicar tensão de
soldadura. O fio é alimentado à velocidade definida enquanto o interruptor for pressionado.
A posição PURGE (purga) é utilizada quando se mede o fluxo de gás ou para eliminar
qualquer ar ou humidade dos tubos flexíveis de gás antes de dar início à soldadura. O gás
flui enquanto o interruptor for pressionado. Não é necessário dar início à alimentação de fio
ou tensão de soldadura.
Se o fio tiver sido introduzido através do maçarico e da ponta de contacto, basta utilizar o
botão de avanço ou o fio de corte, conforme necessário, para que o fio ultrapasse em,
aproximadamente, 1/2" a extremidade do bico do maçarico.
Interruptor de CC/CV
O interruptor CC/CV é utilizado para definir o modo CC ou CV. O modo CC é utilizado para
fontes de alimentação de corrente constante. O modo CV é utilizado para fontes de
alimentação de tensão constante. O modo selecionado também tem impacto nas funções do
alimentador de fio, conforme mostrado abaixo:
0558 012 630
- 18 -
© ESAB AB 2017
5 FUNCIONAMENTO
Modo
Visor
Botão para definir a velocidade de
alimentação do fio
CC
É apresentada a velocidade de
alimentação do fio e a tensão do arco
Controla a tensão do arco/Aumento da
velocidade de alimentação do fio com
maior tensão
CV
É apresentada a velocidade de
alimentação do fio
Controla a corrente de soldadura
Definições do interruptor DIP
Os interruptores DIP situam-se na PCB do visor digital, no interior do MobileFeed.
NOTA!
Para localizar a PCB do visor digital, é necessário remover a cobertura que
protege os componentes eletrónicos do MobileFeed.
Verifique a definição dos interruptores DIP na PCB do visor digital. Estes interruptores
podem ser configurados para o visor, de forma a apresentar a velocidade de alimentação do
fio em pol./min ou em m/min.
A definição (1) para o visor é pol./min. A definição (2) para o visor é m/min.
5.3
Procedimentos de funcionamento
5.3.1
Medidas de precaução de segurança
Respeite todos os requisitos de segurança de ventilação, incêndio e outros para a soldadura
por arco, tal como determinado na secção "PRECAUÇÕES DE SEGURANÇA".
1.
Devido à energia radiante do arco de soldadura e à possibilidade de gerar um arco
antes de o capacete ser devidamente colocado sobre o rosto, o operador deve utilizar
óculos de proteção, com lentes com filtro, sob o respetivo capacete. A placa de filtro
do capacete deve ter o grau de proteção 11 (não-ferroso) ou 12 (ferroso). Todas as
pessoas que visualizarem o arco devem utilizar capacetes com placas de filtro, bem
como óculos de proteção. As pessoas que se encontrem nas imediações devem
utilizar óculos de proteção.
0558 012 630
- 19 -
© ESAB AB 2017
5 FUNCIONAMENTO
2.
3.
4.
5.
6.
7.
8.
9.
A energia radiante do arco pode decompor vapores de solventes clorados, como o
tricloroetano e o percloretileno, de modo a formar fosgénio, mesmo quando estes
vapores estão presentes em concentrações reduzidas. NÃO efetue a soldadura
quando os solventes clorados estiverem presentes em atmosferas no interior ou em
redor do arco.
NÃO toque no elétrodo, na ponta de contacto ou em componentes metálicos quando
a alimentação estiver LIGADA: todos estes têm corrente elétrica ativa (estão
QUENTES) e podem causar um choque possivelmente fatal. NÃO permita que o
elétrodo entre em contacto com um metal com ligação à massa. Isto cria um clarão do
arco que pode ferir os olhos. Também pode provocar um incêndio ou outros danos.
Quando trabalhar num espaço limitado, certifique-se de que é seguro entrar no
mesmo. O espaço limitado deve ser testado em termos de oxigénio adequado (no
mínimo, 19%) com um instrumento aprovado de medição de oxigénio. O espaço
limitado não deve conter concentrações tóxicas de fumos ou gases. Se não for
possível determinar esta situação, o operador deve utilizar um aparelho respiratório
com fornecimento de ar aprovado. Evite fugas de gás num espaço limitado, visto o
gás libertado poder reduzir, de forma perigosa, a concentração de oxigénio respirável
no ar. NÃO leve cilindros de gás para espaços limitados. Quando sair de um espaço
limitado, DESLIGUE o fornecimento de gás na fonte para evitar a fuga do gás para o
espaço. Verifique a atmosfera respirável no espaço limitado para garantir que é
seguro voltar a entrar.
Nunca utilize o equipamento a correntes superiores à capacidade nominal de
amperagem. Ocorre o sobreaquecimento.
Nunca utilize o equipamento numa zona húmida ou molhada sem isolamento
adequado para proteção contra choques. Mantenha as mãos, os pés e a roupa secos,
em todos os momentos.
Sempre que o equipamento for deixado sem supervisão, DESLIGUE toda a
alimentação de controlo, os interruptores de fornecimento de alimentação e os
fornecimentos de gás. Abra o interruptor da linha principal.
Vista roupas escuras e resistentes para proteger a pele exposta contra queimaduras
por arco, faíscas e metais quentes projetados.
Desligue a alimentação de soldadura antes de ajustar ou substituir os elétrodos.
AVISO!
Quando o interruptor de alimentação estiver ligado e o gatilho do maçarico for
pressionado, o fio do elétrodo fica eletricamente quente e os rolos de
alimentação do fio são ativados. Não toque no fio, pois tal ação pode causar um
choque possivelmente fatal. Exceto em operações de soldadura, não permita
que o fio entre em contacto com uma superfície metálica com ligação à massa,
pois isto causa um clarão do arco. Mantenha-se afastado de rolos de
alimentação e de carretos de acionamento.
AVISO!
Antes de soldar, é fundamental colocar o vestuário de proteção (casaco e luvas
de soldar) e a proteção ocular (óculos e capacete de soldar) corretos. Caso
contrário, podem ocorrer ferimentos graves.
CUIDADO!
Não termine o arco removendo o maçarico da área de soldadura. Liberte o
gatilho do maçarico para parar de soldar antes de remover o maçarico.
0558 012 630
- 20 -
© ESAB AB 2017
5 FUNCIONAMENTO
AVISO!
Se não desligar o gás de proteção no espaço limitado, pode provocar a
acumulação de fumos e consequente deslocação do oxigénio.
5.3.2
Configuração de um procedimento de soldadura
Procedimento de configuração rápida
1. Para uma fonte de alimentação de tensão constante (CV): defina a tensão do arco
pretendida na fonte de alimentação.
2. Para uma fonte de alimentação de corrente constante (CV): defina a corrente de
soldadura pretendida na fonte de alimentação.
3. Na unidade MobileFeed: defina a velocidade de alimentação do fio pretendida com o
botão da velocidade de alimentação do fio e utilize os valores apresentados no visor
para fins de orientação.
Um alimentador no modo CV apresenta a velocidade real de alimentação do fio
durante a soldadura.
Um alimentador no modo CC apresenta a velocidade de alimentação do fio que varia
consoante as alterações na tensão do arco. Quando não estiver a soldar, o visor
apresenta aquela que será a velocidade de alimentação do fio à tensão apresentada.
5.3.3
Tabela de dados de soldadura
Os valores de tensão (V) e corrente (A) apresentados nas tabelas abaixo são as tensões do
arco e as correntes de soldadura. Os valores da corrente (A) que poderá fluir através do
alimentador de fio poderão não ser superiores aos valores nominais da unidade.
Núcleo de fundente E70T-1 e 2
Diâmetro
Velocidade de alimentação do fio
(pol./min)/(m/min)
150/3,8 200/5,1 250/6,3 300/7,6 350/8,9 400/10, 450/11, 500/12, 600/15,
5
2
4
7
2
0,045"
29 V,
150 A
29 V,
210 A
0,052"
25 V,
155 A
30 V,
300 A
1/16"
27 V,
190 A
30 V,
300 A
33 V,
365 A
30 V,
250 A
33 V,
290 A
34 V,
330 A
33 V,
410 A
Núcleo de metal
Velocidade de alimentação do fio
(pol./min)/(m/min)
Diâmetro
200/5,1
250/6,35
300/7,6
350/8,9
400/10,2
450/11,4
500/12,7
28 V
250 A
29 V
260 A
30 V
270 A
32 V
300 A
32 V
350 A
29 V
275 A
29 V
300 A
30 V
325 A
30 V
350 A
32 V
400 A
0,045"
0,052"
1/16"
0558 012 630
30 V
300 V
- 21 -
© ESAB AB 2017
5 FUNCIONAMENTO
Fio sólido em aço
Diâmetro
Velocidade de alimentação do fio
(pol./min)/(m/min)
200/5,1 250/6,3 300/7,6 350/8,9 400/10, 450/11, 500/12, 550/14, 600/15,
5
2
4
7
0
2
0,035"
0,045"
1/16"
25 V
260 A
26 V
290 A
27 V
340 A
26 V
280 A
25 V
180 A
25 V
200 A
26 V
215 A
27 V
300 A
28 V
320 A
30 V
340 A
27 V
230 A
28 V
245 A
30 V
400 A
Alumínio Al/Si
Velocidade de alimentação do fio
(pol./min)/(m/min)
Diâmetro
200/5,1
250/6,35
300/7,6
350/8,9
400/10,2
450/11,4
3/64
25 V, 110 A 25 V, 140 A 26 V, 150 V 26 V, 190 A 27 V, 205 A 27 V, 220 A
1/16
26 V, 200 V 23 V, 260 A 30 V, 300 A 32 V, 350 A
Alumínio Al/Mg
Velocidade de alimentação do fio
(pol./min)/(m/min)
Diâmetro
150/3,8
200/5,1
250/6,35
300/7,6
350/8,9
400/10,2
3/64"
22 V, 100 A 23 V, 150 A 23 V, 175 V 24 V, 190 A 25 V, 205 A 25 V, 220 A
1/16"
23 V, 200 A 25 V, 250 A 27 V, 280 A 27 V, 290 A 28 V, 340 A
5.3.4
1.
2.
3.
4.
5.
MobileFeed 201 com fontes de alimentação de CC
Selecione a corrente de soldadura/tensão do arco necessária para o tipo e diâmetro
do fio a ser soldado. Consulte a secção "Tabela de dados de soldadura", neste
capítulo.
Defina a corrente da fonte de alimentação com o botão para definir a corrente no
painel dianteiro da fonte de alimentação.
Defina a tensão do arco, valor obtido a partir da tabela de dados de soldadura, com o
botão para definir a tensão no alimentador de fio.
Defina a velocidade de alimentação do fio, valor obtido a partir da tabela de dados de
soldadura, com o botão para definir a velocidade de alimentação do fio no
alimentador de fio.
Crie um arco e ajuste-o à velocidade de fio pretendida com o botão para definir a
velocidade de alimentação do fio.
5.3.5
1.
2.
3.
MobileFeed 201 com fontes de alimentação de CV
Selecione a tensão do arco/corrente de soldadura necessária para o tipo e diâmetro
do fio a ser soldado. Consulte a secção "Tabela de dados de soldadura", neste
capítulo.
Defina a tensão da fonte de alimentação com o botão para definir a tensão na fonte
de alimentação ou utilize o controlo remoto de tensão opcional no alimentador de fio.
Leia a velocidade de alimentação do fio na parte superior da coluna na "Tabela de
dados de soldadura" correspondente ao tipo, diâmetro e tensão do arco/corrente de
soldadura do fio selecionado.
0558 012 630
- 22 -
© ESAB AB 2017
5 FUNCIONAMENTO
4.
5.
Utilize a "Tabela de dados de soldadura" para determinar a posição do botão para
definir a velocidade de alimentação do fio no alimentador de fio.
Crie um arco e ajuste o comprimento do arco, como pretendido, com o botão para
definir a velocidade de alimentação do fio.
NOTA!
NÃO SE RECOMENDA a utilização da definição do interruptor CV quando se
utilizar uma fonte de alimentação de CC. Ocorre uma sensibilidade extrema na
velocidade de alimentação do fio que dificulta a definição de uma condição
estável de soldadura. A estabilidade do arco depende bastante da manutenção
de uma distância da "ponta à superfície de trabalho" (TTW) constante, a qual é
quase impossível de controlar durante uma operação de soldadura manual. A
definição CV apenas é recomendada para utilização com fontes de alimentação
de CV.
As tensões normais de soldadura para alumínio 5000 situam-se entre 21 e 25
volts, o que limita a velocidade de alimentação do fio do MobileFeed,
especialmente se tentar soldar com uma liga 5356 de 0,035" de diâmetro. A
soldadura com diâmetros do fio ≤3/64" e/ou abaixo de 22 volts de arco pode
causar problemas com uma velocidade de alimentação do fio limitada e a
incapacidade de obter uma boa condição de soldadura.
NOTA!
Em várias fontes de alimentação de CV, a tensão real do arco de soldadura é
inferior à "Tensão de circuito aberto" (OCV) definida no painel dianteiro da fonte
de alimentação. Por conseguinte, podem ser adicionados 3 a 6 volts extra à
definição do painel dianteiro da fonte de alimentação, de forma a alcançar a
tensão real do arco necessária ou exibida nas tabelas.
5.3.6
1.
2.
Encerramento
Liberte o interruptor de disparo do maçarico para quebrar o arco.
Quando deixar o equipamento sem supervisão, desligue sempre toda a alimentação
do equipamento e desligue o fornecimento de gás de proteção na fonte.
0558 012 630
- 23 -
© ESAB AB 2017
6 MANUTENÇÃO
6
MANUTENÇÃO
AVISO!
Certifique-se de que o circuito de derivação ou o interruptor de desligar está na
posição OFF (desligado) e que os fusíveis do circuito de entrada elétrico foram
removidos da fonte de alimentação principal antes de tentar realizar qualquer
inspeção ou operação no interior do alimentador de fio. Colocar o interruptor de
alimentação da máquina de soldadura na posição OFF (desligado) não elimina
toda a alimentação do interior do equipamento.
AVISO!
As operações de inspeção, resolução de problemas e reparação deste
equipamento devem ser realizadas por um indivíduo competente com, no
mínimo, experiência geral em funções de manutenção e reparação de
equipamento eletrónico semicondutor. As operações de manutenção ou
reparação não devem ser realizadas por pessoas sem as qualificações
mencionadas.
6.1
Inspeção e manutenção
Mantenha o equipamento num estado limpo e de funcionamento em segurança, sem óleo,
massa lubrificante, líquido e partículas metálicas que possam causar a ocorrência de
curto-circuitos.
Verifique, regularmente, as válvulas do cilindro, os reguladores e as ligações de gás e dos
tubos flexíveis quanto a fugas com solução de sabão.
Verifique a existência de e aperte material solto, incluindo as ligações elétricas. As ligações
de alimentação soltas sobreaquecem durante a soldadura.
Substitua, imediatamente, todos os cabos de alimentação e conectores gastos ou
danificados. Verifique o isolamento quanto a desgaste e fissuras, especialmente em zonas
nas quais os condutores entram no equipamento.
O fio do elétrodo e todas as peças metálicas em contacto com este têm corrente elétrica
ativa durante a soldadura. Inspecione estas peças, periodicamente, quanto a isolamento
defeituoso e outros perigos elétricos.
AVISO!
Se o cabo e as peças sem isolamento não forem substituídos, um arco
provocado por um cabo ou peça desprotegido em contacto com uma superfície
com ligação à massa pode causar ferimentos em olhos desprotegidos ou
provocar um incêndio. O contacto corporal com um cabo ou conector
desprotegido, ou condutor destapado, pode provocar um choque possivelmente
fatal.
Mantenha os cabos de alimentação secos, sem óleo e massa lubrificante e sempre
protegidos contra danos provocados por metal quente e faíscas.
Limpe, semanalmente, a sujidade e as partículas metálicas da ranhura do rolo de
transmissão. Substitua o rolo se este estiver numa situação grave de desgaste.
0558 012 630
- 24 -
© ESAB AB 2017
6 MANUTENÇÃO
6.2
Alimentador de fio
Quando o fio maleável é alimentado, os rolos de transmissão podem captar metais da
superfície do fio. A acumulação nos rolos pode riscar o fio, provocando uma fricção
indesejada e uma alimentação incorreta.
Inspecione, regularmente, os rolos e limpe-os com uma escova elétrica de cerdas finas.
Evite força excessiva ou a remoção da rigidez das superfícies da ranhura em rolos
ranhurados. Qualquer força excessiva pode riscar o fio, tal como a remoção da acumulação.
6.3
Substituição da válvula solenoide
Se não existir fluxo de gás através do alimentador de fio, a válvula solenoide de gás pode
estar obstruída ou ter uma avaria elétrica, devendo ser substituída. Durante a substituição
da válvula solenoide de gás, a entrada (com a palavra IN) tem de estar virada para a parte
traseira da unidade.
6.4
Resolução de problemas
Se o equipamento de soldadura não funcionar corretamente, realize a inspeção da seguinte
maneira:
1.
Com todos os controlos de alimentação ligados e com os outros controlos de
funcionamento nas definições necessárias, inspecione, visualmente, todos os cabos
de alimentação e ligações quanto a indícios de sobreaquecimento ou criação de
faíscas.
AVISO!
Para evitar o choque, não toque no fio do elétrodo ou em peças em
contacto com ele, nem em cabos ou ligações não isoladas.
2.
3.
Verifique todos os tubos flexíveis de gás, as ligações, os medidores de fluxo e os
reguladores quanto a possíveis fontes de fugas, avaria ou falha intermitente.
Isole o problema numa parte da instalação de soldadura: fonte de alimentação
principal, fonte de alimentação, alimentador de fio ou grupo de guia do fio (caixa, rolos
de transmissão, revestimentos e ponta de contacto). Se esta inspeção indicar
problemas no alimentador de fio, consulte o diagrama de cablagem.
AVISO!
Bastantes das situações de resolução de problemas necessitam que a
alimentação permaneça ligada e que os terminais de alimentação do
equipamento tenham tensão. Tenha muito cuidado quando trabalhar em
equipamento em funcionamento. Evite o contacto com componentes elétricos,
exceto quanto realizar testes com um instrumento apropriado.
CUIDADO!
Não realize reparações no equipamento, exceto se for um indivíduo plenamente
qualificado, tal como descrito na secção de manutenção.
0558 012 630
- 25 -
© ESAB AB 2017
7 ENCOMENDA DE PEÇAS SOBRESSELENTES
7
ENCOMENDA DE PEÇAS SOBRESSELENTES
CUIDADO!
Os trabalhos de reparação e elétricos deverão ser efetuados por um técnico
autorizado ESAB. Utilize apenas peças sobresselentes e de desgaste originais
da ESAB.
O MobileFeed 201 AVS foi concebido e testado em conformidade com as normas
internacionais e europeias IEC/EN 60974-5 e IEC/EN 60974-10. Depois de terminada a
assistência ou trabalho de reparação, é da responsabilidade da pessoa ou pessoas que
efetuaram o trabalho certificar-se de que o produto está em conformidade com os requisitos
das normas acima mencionadas.
As peças sobressalentes e de desgaste podem ser encomendadas através do seu
representante ESAB mais próximo; consulte a contracapa deste documento. Quando fizer a
encomenda, indique o tipo de produto, o número de série, a designação e o número da peça
sobressalente de acordo com a lista de peças sobressalentes. Isto facilita o despacho e
assegura uma entrega correta.
0558 012 630
- 26 -
© ESAB AB 2017
DIAGRAMA DE CABLAGEM
DIAGRAMA DE CABLAGEM
0558 012 630
- 27 -
© ESAB AB 2017
PEÇAS DE DESGASTE, PRODUTOS CE
PEÇAS DE DESGASTE, PRODUTOS CE
V-groove
Wire diameter
inch (mm)
+Roll
Qty 2 (29)
Outlet Guide Tube, Euro Center Guide
Qty 1
Qty 1 (26)
Inlet Guide
Qty 1 (27)
0,030 (0,8)
0369 557 002
0558 001 077
0558 001 757
0558 001 758
0,035 (0,9)
0369 557 002
0558 001 078
0558 001 757
0558 001 758
0,045 (1,2)
0369 557 003
0558 001 078
0558 001 757
0558 001 758
0,052 (1,4)
0369 557 013
0558 001 079
0558 001 757
0558 001 758
0,062 (1,6)
0369 557 013
0558 001 079
0558 001 757
0558 001 758
V-groove X2
Wire diameter
inch (mm)
+Roll
Qty 2 (29)
0,045 (1,2)
0369 557 010
Outlet Guide Tube, Euro Center Guide
Qty 1
Qty 1 (26)
0558 001 078
0558 001 757
Inlet Guide
Qty 1 (27)
0558 001 758
K-Cored
Wire diameter
inch (mm)
+Roll
Qty 1 (29)
Outlet Guide Tube, Euro Center Guide
Qty 1
Qty 1 (26)
Inlet Guide
Qty 1 (27)
0,030 (0,8)
0000 021 160
0558 001 077
0558 001 757
0558 001 758
0,035 (0,9)
0369 557 004
0558 001 078
0558 001 757
0558 001 758
0,045 (1,2)
0369 557 004
0558 001 079
0558 001 757
0558 001 758
0,052 (1,4)
0369 557 005
0558 001 079
0558 001 757
0558 001 758
1/16 (1,6)
0369 557 005
0558 001 079
0558 001 757
0558 001 758
5/64 (2,0)
0000 021 162
0558 001 079
0558 001 757
0558 001 758
U-Soft
Wire diameter
inch (mm)
+Roll
Qty 1 (29)
Outlet Guide Tube, Euro Center Guide
Qty 1
Qty 1 (26)
3/64 (1,2)
0369 557 006
0558 001 898
0558 001 895
0558 001 758
1/16 (1,6)
0369 557 008
0558 001 898
0558 001 895
0558 001 758
+ Use flat, plain pressure roll(s),
PN 23612368, supplied with wire feeder.
0558 012 630
Inlet Guide
Qty 1 (27)
Numbers in paranthesis (X) in column
headings in tables above, denote item
numbers in illustration below.
- 28 -
© ESAB AB 2017
PEÇAS DE DESGASTE, PRODUTOS CE
Various parts
Item
Qty
1
1
0558 001 743 Feed plate
1A
1
0558 001 744 Safety guard
2
1
3
1
0558 001 745 Pressure arm
4
1
0558 001 746 Bogie
5
2
0558 101 395 Pressure roll
6
2
0558 101 401 Axle pressure roll
7
1
0558 001 747 Locating pin
8
2
0558 101 400 Nut, Pressure roll axle
9
1
0558 101 399 Circlip
10
1
0000 034 609 Retaining screw pressure arm
11
1
0558 001 748 Spring bogie auto lift
12
1
0558 001 749 Spring to pressure arm auto lift
13
2
0558 003 538 Spacer tube, small
14
2
0558 003 539 Spacer tube, big
15
1
0558 001 752 Spacer tube pressure arm auto lift
16
1
0558 001 753 Spacer tube bogie
17
1
0558 001 754 Axle pressure arm
18
1
0558 001 755 Allen screw
19
2
0459 441 880 Gear adaptor feed roll
20
2
0558 003 540 Axle gear adaptor feed roll
21
3
0000 034 608 Washer, retaining screw
22
3
23
1
24
Ordering no. Denomination
Screw, Thumb, M6×12
Knurled screw
0558 101 396 Pressure device w/Scale
5
0558 101 398 Locating pin, 2.5 × 12 pressure device
unid./emb.
25
1
0558 101 397 Screw (center) guide
28
1
0558 003 542 Main gear drive
0558 012 630
- 29 -
© ESAB AB 2017
PEÇAS DE DESGASTE, PRODUTOS CE
0558 012 630
- 30 -
© ESAB AB 2017
NÚMEROS DE ENCOMENDA
NÚMEROS DE ENCOMENDA
Each MobileFeed wire feeder includes gas solenoid and dual groove feed rolls.
Ordering Number
Denomination
Notes
0558 102 206
MobileFeed 201 AVS
CE
0558 102 221
MobileFeed 201 AVS w/remote
CE
Remote voltage control
works with Warrior PS only
Technical documentation is available on the Internet at: www.esab.com.
0558 012 630
- 31 -
© ESAB AB 2017
ACESSÓRIOS
ACESSÓRIOS
Each MobileFeed wire feeder has 3 remote control cable lengths that can be used with
ESAB Warrior series power sources. Requires remote option in feeder.
0558 102 197 Cable Remote MF201/301, 7.5 m
0558 102 198 Cable Remote MF201/301, 15 m
0558 102 199 Cable Remote MF201/301, 30 m
0160 361 881 OKC50 Connectors 2 in (50 mm²),
OKC female connector, 1/0 - 4/0 cable
0160 360 881 OKC50 Connectors 2 in (50 mm²), OKC male
connector, 1/0 - 4/0 cable
0460 005 880 Gas meter (measures gas flow at the torch)
0558 012 630
- 32 -
© ESAB AB 2017
ACESSÓRIOS
0558 012 630
- 33 -
© ESAB AB 2017
ESAB subsidiaries and representative offices
Europe
AUSTRIA
ESAB Ges.m.b.H
Vienna-Liesing
Tel: +43 1 888 25 11
Fax: +43 1 888 25 11 85
BELGIUM
S.A. ESAB N.V.
Heist-op-den-Berg
Tel: +32 15 25 79 30
Fax: +32 15 25 79 44
BULGARIA
ESAB Kft Representative Office
Sofia
Tel: +359 2 974 42 88
Fax: +359 2 974 42 88
THE CZECH REPUBLIC
ESAB VAMBERK s.r.o.
Vamberk
Tel: +420 2 819 40 885
Fax: +420 2 819 40 120
DENMARK
Aktieselskabet ESAB
Herlev
Tel: +45 36 30 01 11
Fax: +45 36 30 40 03
FINLAND
ESAB Oy
Helsinki
Tel: +358 9 547 761
Fax: +358 9 547 77 71
GREAT BRITAIN
ESAB Group (UK) Ltd
Waltham Cross
Tel: +44 1992 76 85 15
Fax: +44 1992 71 58 03
THE NETHERLANDS
ESAB Nederland B.V.
Amersfoort
Tel: +31 33 422 35 55
Fax: +31 33 422 35 44
NORWAY
AS ESAB
Larvik
Tel: +47 33 12 10 00
Fax: +47 33 11 52 03
POLAND
ESAB Sp.zo.o.
Katowice
Tel: +48 32 351 11 00
Fax: +48 32 351 11 20
PORTUGAL
ESAB Lda
Lisbon
Tel: +351 8 310 960
Fax: +351 1 859 1277
ROMANIA
ESAB Romania Trading SRL
Bucharest
Tel: +40 316 900 600
Fax: +40 316 900 601
RUSSIA
LLC ESAB
Moscow
Tel: +7 (495) 663 20 08
Fax: +7 (495) 663 20 09
SLOVAKIA
ESAB Slovakia s.r.o.
Bratislava
Tel: +421 7 44 88 24 26
Fax: +421 7 44 88 87 41
North and South America
ARGENTINA
CONARCO
Buenos Aires
Tel: +54 11 4 753 4039
Fax: +54 11 4 753 6313
BRAZIL
ESAB S.A.
Contagem-MG
Tel: +55 31 2191 4333
Fax: +55 31 2191 4440
MEXICO
ESAB Mexico S.A.
Monterrey
Tel: +52 8 350 5959
Fax: +52 8 350 7554
SOUTH AFRICA
ESAB Africa Welding & Cutting
Ltd
Durbanvill 7570 - Cape Town
Tel: +27 (0)21 975 8924
USA
ESAB Welding & Cutting
Products
Florence, SC
Tel: +1 843 669 4411
Fax: +1 843 664 5748
Asia/Pacific
AUSTRALIA
ESAB South Pacific
Archerfield BC QLD 4108
Tel: +61 1300 372 228
Fax: +61 7 3711 2328
CHINA
Shanghai ESAB A/P
Shanghai
Tel: +86 21 2326 3000
Fax: +86 21 6566 6622
FRANCE
ESAB France S.A.
Cergy Pontoise
Tel: +33 1 30 75 55 00
Fax: +33 1 30 75 55 24
SWEDEN
ESAB Sverige AB
Gothenburg
Tel: +46 31 50 95 00
Fax: +46 31 50 92 22
GERMANY
ESAB Welding & Cutting GmbH
Langenfeld
Tel: +49 2173 3945-0
Fax: +49 2173 3945-218
ESAB International AB
Gothenburg
Tel: +46 31 50 90 00
Fax: +46 31 50 93 60
INDONESIA
P.T. ESABindo Pratama
Jakarta
Tel: +62 21 460 0188
Fax: +62 21 461 2929
SWITZERLAND
ESAB Europe GmbH
Baar
Tel: +41 1 741 25 25
Fax: +41 1 740 30 55
JAPAN
ESAB Japan
Tokyo
Tel: +81 45 670 7073
Fax: +81 45 670 7001
UKRAINE
ESAB Ukraine LLC
Kiev
Tel: +38 (044) 501 23 24
Fax: +38 (044) 575 21 88
MALAYSIA
ESAB (Malaysia) Snd Bhd
USJ
Tel: +603 8023 7835
Fax: +603 8023 0225
INDIA
ESAB India Ltd
Calcutta
Tel: +91 33 478 45 17
Fax: +91 33 468 18 80
SINGAPORE
ESAB Asia/Pacific Pte Ltd
Singapore
Tel: +65 6861 43 22
Fax: +65 6861 31 95
www.esab.com
Africa
EGYPT
ESAB Egypt
Dokki-Cairo
Tel: +20 2 390 96 69
Fax: +20 2 393 32 13
ESAB Automation Ltd
Andover
Tel: +44 1264 33 22 33
Fax: +44 1264 33 20 74
ITALY
ESAB Saldatura S.p.A.
Bareggio (Mi)
Tel: +39 02 97 96 8.1
Fax: +39 02 97 96 87 01
UNITED ARAB EMIRATES
ESAB Middle East FZE
Dubai
Tel: +971 4 887 21 11
Fax: +971 4 887 22 63
CANADA
ESAB Group Canada Inc.
Missisauga, Ontario
Tel: +1 905 670 0220
Fax: +1 905 670 4879
SPAIN
ESAB Ibérica S.A.
San Fernando de Henares
(MADRID)
Tel: +34 91 878 3600
Fax: +34 91 802 3461
HUNGARY
ESAB Kft
Budapest
Tel: +36 1 20 44 182
Fax: +36 1 20 44 186
SOUTH KOREA
ESAB SeAH Corporation
Kyungnam
Tel: +82 55 269 8170
Fax: +82 55 289 8864
Distributors
For addresses and phone
numbers to our distributors in
other countries, please visit our
home page
www.esab.com
Was this manual useful for you? yes no
Thank you for your participation!

* Your assessment is very important for improving the work of artificial intelligence, which forms the content of this project

Download PDF

advertising