ESAB | TA34 AC/DC | Instruction manual | ESAB TA34 AC/DC Manual do usuário

ESAB TA34 AC/DC Manual do usuário
Caddy®
TA34 AC/DC
Manual de instruções
0460 227 180 PT 20131022
Valid from program version 1.20
ÍNDICE
1
2
3
INTRODUÇÃO ...................................................................................................... 3
1.1
Informação útil sobre o produto de soldadura .................................................3
1.2
Painel de controlo ................................................................................................ 4
SOLDADURA TIG ................................................................................................ 6
2.1
Definições ............................................................................................................. 6
2.2
Explicação dos símbolos e das funções ...........................................................7
2.3
Funções TIG ocultas.......................................................................................... 13
SOLDADURA MMA ............................................................................................ 15
3.1
Definições ........................................................................................................... 15
3.2
Explicação dos símbolos e das funções .........................................................15
3.3
Funções MMA ocultas ....................................................................................... 16
4
MEMÓRIA DOS DADOS DE SOLDADURA ...................................................... 18
5
CÓDIGOS DE AVARIA ....................................................................................... 19
6
5.1
Lista de códigos de avaria ................................................................................ 19
5.2
Descrições dos códigos de avaria ...................................................................19
ENCOMENDAR PEÇAS SOBRESSELENTES.................................................. 22
NÚMEROS DE ENCOMENDA ..................................................................................23
Reservamo-nos o direito de alterar as especificações sem aviso prévio.
0460 227 180
© ESAB AB 2013
1 INTRODUÇÃO
1
INTRODUÇÃO
O manual descreve a utilização do painel de controlo TA34 CA/CC.
Para informações gerais sobre o funcionamento, ver o manual de instruções da fonte de
alimentação.
Quando a alimentação da rede é ligada, a unidade executa um
autodiagnóstico dos LEDs e do visor, a versão do programa é
exibida e, neste exemplo, a versão do programa é 0.18.
NOTA!
Podem ocorrer diferenças no funcionamento do painel, dependendo do produto
em que está instalado.
Pode transferir da Internet os manuais de instruções noutras línguas: www.esab.com
1.1
Informação útil sobre o produto de soldadura
A fonte de alimentação está equipada com a função True AC rating (TIG).
“True AC rating” significa que a corrente média pode ser mantida em caso de variações na
indutância e resistência no circuito de soldadura. Isto é o resultado de controlo de processo
activo, que compensa a indutância presente no circuito de soldadura.
O processo é optimizado de modo que a energia no arco corresponda à corrente de
soldadura definida seleccionada para CA (corrente alterna). Normalmente, a optimização do
processo faz com que seja possível soldar com um valor de corrente definido mais baixo (do
que com fontes de alimentação anteriores) graças à redução de perdas no circuito de
soldadura.
Para a melhor decomposição possível de óxido e uma vida longa do eléctrodo de tungsténio
para TIG CA, recomendamos um equilíbrio CA negativo (-70%), que é também a definição
básica de fábrica. É possível reduzir a penetração do banho de fusão para TIG CA
reduzindo a permuta de calor através da diminuição do equilíbrio CA. O valor mínimo do
equilíbrio CA é -50%, ver tabelas 1-3 na página 8 para os intervalos de corrente
recomendados. Isto facilita principalmente a soldadura de dimensões de materiais mais
fracos/finos.
0460 227 180
-3-
© ESAB AB 2013
1 INTRODUÇÃO
1.2
Painel de controlo
1.
Botão de rodar para a definição de dados (corrente, tensão, percentagem, segundos
ou frequência)
2.
Visor
3.
Selecção do método de soldadura TIG
4.
Botão de pressão para selecção de soldadura TIG com:
•
•
•
ou MMA
Corrente alterna CA
Corrente contínua CC Corrente contínua CC - com impulso
Botão de pressão para selecção de soldadura MMA com:
•
•
•
Corrente alterna CA
Corrente contínua CC Corrente contínua CC +
5.
Selecção de arranque HF
6.
Selecção de 2 tempos
Definição a partir do painel
7.
ou LiftArc™
ou 4 tempos
, alteração de programa com interruptor de disparo
da tocha
ou ligação da unidade de controlo remoto
8.
A indicação de função VRD (tensão de circuito aberto reduzida) está activa ou
inactiva
NOTA!
Esta função funciona em fontes de alimentação onde está implementada.
0460 227 180
-4-
© ESAB AB 2013
1 INTRODUÇÃO
9.
10.
11.
Indicação de qual o parâmetro apresentado no visor (corrente, tensão, percentagem,
segundos ou frequência)
Visualização no ecrã do valor de medição da corrente (A) ou da tensão (V) durante a
soldadura.
Indicação do parâmetro de definição seleccionado, ver secção "Explicações dos
símbolos e das funções".
O botão do lado direito também é utilizado para funções ocultas.
12.
Botões para as definições da memória dos dados de soldadura, ver secção "Memória
dos dados de soldadura".
O valor medido no visor para tensão de arco V e a corrente de soldadura A é um valor
aritmético médio = valor médio rectificado.
0460 227 180
-5-
© ESAB AB 2013
2 SOLDADURA TIG
2
SOLDADURA TIG
2.1
Definições
TIG sem CA/CC pulsada e TIG com CC pulsada
Função
Intervalo entre os valores Em passos de:
Valor por
defeito
HF/LiftArc™1)
HF ou LiftArc™
-
LiftArc™
2/4 tempos1)
2 tempos ou 4 tempos
-
2 tempos
Tempo de fluxo prévio de
gás2)
0-5 s
0,1 s
0,5 s
Tempo de subida
0-10 s
0,1 s
0,0 s
Tempo de descida
0-10 s
0,1 s
1,0 s
Tempo de fluxo posterior
do gás
0-25 s
0,1 s
10,0 s
Corrente
4 - máx.3)
1A
60 A
Painel activo
Desactivado (OFF) ou
activado (ON)
-
ON
(Activado)
Alterar dados de disparo
Desactivado (OFF) ou
activado (ON)
-
OFF
(Desactivado
)
Unidade do controlo
remoto
Desactivado (OFF) ou
activado (ON)
-
OFF
(Desactivado
)
Corrente mínima2)
0-99%
-
0%
VRD
-
-
-
1)
Estas funções não podem ser alteradas enquanto a soldadura estiver em curso.
2)
Estas são funções TIG ocultas, ver descrição na secção "Funções TIG ocultas".
3)
A variação dos parâmetros depende da fonte de alimentação utilizada.
TIG com CA
Função
Intervalo entre os valores Em passos de:
Definição de equilíbrio
50 - 98%*
1%
50 %
Definição de frequência
10 - 152 Hz
1 - 3 Hz
65 Hz
80 - 120 ms
1
-
15 - 100 ms
1
-
Pré-aquecimento do
eléctrodo
automático 1)
Valor por
defeito
manual
*)Consoante
1)Estas
a definição de frequência.
são funções TIG ocultas, ver descrição na secção "Funções TIG ocultas".
TIG com CC pulsada
0460 227 180
-6-
© ESAB AB 2013
2 SOLDADURA TIG
Função
Intervalo entre os valores Em passos de:
Corrente pulsada
4 - máx.2)
1A
60 A
Tempo dos impulsos
Micro impulso1)
0,01 - 2,5 s
0,001 - 0,250 s
0,01 s
0,001 s
1,0 s
Corrente base
4 - máx.2)
1A
20 A
Tempo base
Micro impulso1)
0,01 - 2,5 s
0,001 - 0,250 s
0,01 s
0,001 s
1,0 s
1)Estas
2)A
Valor por
defeito
são funções TIG ocultas, ver descrição na secção "Funções TIG ocultas".
variação dos parâmetros depende da fonte de alimentação utilizada.
2.2
Explicação dos símbolos e das funções
Soldadura TIG
A soldadura TIG funde o metal da peça de trabalho, utilizando um arco formado
a partir de um eléctrodo de tungsténio, que não se funde. O banho de fusão e o
eléctrodo estão protegidos por um gás de protecção.
CA, corrente alterna
A vantagem de uma corrente alterna é a boa capacidade de decomposição de
óxido na soldadura em metais leves (alumínio, magnésio e respectivas ligas).
Corrente contínua
Uma corrente mais elevada produz um banho de fusão maior, com uma melhor
penetração na peça de trabalho
Corrente pulsada (apenas CC)
Os impulsos são utilizados para melhorar o controlo do banho de fusão e do
processo de solidificação. A frequência dos impulsos é definida para ser de tal
maneira lenta que o banho de fusão tem tempo para solidificar, pelo menos
parcialmente, entre cada impulso. De modo a definir os impulsos, são
necessários quatro parâmetros: corrente pulsada, tempo dos impulsos, corrente
base e tempo base.
Definições de parâmetros
1.
2.
3.
4.
5.
Subida
Corrente de soldadura
Tempo dos impulsos
Corrente base
Tempo base
0460 227 180
6. Descida
7. Tempo de fluxo posterior do gás
8. Equilíbrio
9. Frequência
10. Pré-aquecimento do eléctrodo
-7-
© ESAB AB 2013
2 SOLDADURA TIG
Subida
A função de subida significa que, quando o arco TIG se forma, a corrente sobe
lentamente para o valor definido. Tal proporciona um aquecimento '"mais suave"
do eléctrodo e dá ao soldador a oportunidade de posicionar corretamente o
eléctrodo, antes de se atingir o valor da corrente de soldadura definido.
Corrente pulsada
O mais elevado dos dois valores de corrente no caso de corrente pulsada.
A. Corrente
B. Hora
C. Tempo base
D. Corrente base
E. Tempo dos impulsos
F. Corrente pulsada
Soldadura TIG com impulsos.
Tempo dos impulsos
Período de tempo durante o qual a corrente pulsada está ligada durante um período de
impulsos.
Corrente base
O mais baixo dos dois valores de corrente no caso de corrente pulsada.
Tempo base
Tempo referente à corrente base a qual, juntamente com o tempo para a corrente pulsada,
dá o período de impulsos.
Descida
A soldadura TIG utiliza a descida, na qual a corrente desce "lentamente"
durante um período de tempo controlado, de forma a evitar crateras e/ou
fissuras quando se termina uma soldadura.
Fluxo posterior do gás
Controla o tempo durante o qual o gás de proteção flui depois de o arco ser
extinto.
Equilíbrio
Definir o equilíbrio entre meio período do eléctrodo positivo (+) e negativo (-)
durante soldadura com corrente alterna (AC).
Um valor de equilíbrio mais baixo produz mais calor sobre o eléctrodo e melhor
decomposição do óxido na peça a trabalhar.
Um valor de equilíbrio mais elevado produz mais calor sobre a peça a trabalhar
e melhor penetração.
0460 227 180
-8-
© ESAB AB 2013
2 SOLDADURA TIG
Frequência
Frequência mais baixa (corrente alterna) transfere mais calor para a peça a
trabalhar e produz uma banho de fusão mais amplo.
Frequência mais elevada produz um arco mais estreito com força de arco mais
elevada (banho de fusão mais estreito).
Arranque HF
A função de início HF forma o arco por meio de uma faísca que parte do
eléctrodo para a peça de trabalho à medida que o eléctrodo se aproxima da
peça de trabalho.
Pré-aquecimento automático do eléctrodo com CA
A função de pré-aquecimento está concebida para fornecer um arco estável e
um arranque suave de uma maneira equilibrada. O tempo de pré-aquecimento
do eléctrodo é controlado por um tempo pré-programado em relação à corrente
de soldadura definida. É possível definir (sintonizar) o pré-aquecimento
automático quando se está na área exterior do intervalo de corrente do
eléctrodo, ver gama de corrente recomendada abaixo.
A variação dos parâmetros do pré-aquecimento é 80 - 120 ms, onde 100 ms é
igual ao valor básico (valor de fábrica).
Intervalos de corrente para o eléctrodo WP (tungsténio puro)
Máx. A CA - 50% Equilíbrio
A. Corrente de soldadura A
Máx. A CA - 70% Equilíbrio
B. Diâmetro do eléctrodo (mm)
Tabela 1 - Intervalos de corrente recomendados para selecção de eléctrodo WP =
Codificação de cor verde e nomes de classificação de acordo com a ISO 6848:2004
0460 227 180
-9-
© ESAB AB 2013
2 SOLDADURA TIG
Intervalos de corrente para eléctrodo WC20 (WCe2)
Máx. A CA - 50% Equilíbrio
A. Corrente de soldadura A
Máx. A CA - 70% Equilíbrio
B. Diâmetro do eléctrodo (mm)
Tabela 2 - Intervalos de corrente recomendados para selecção de eléctrodo WC20 =
Codificação de cor cinzenta e nomes de classificação de acordo com a ISO 6848:2004
Intervalos de corrente para eléctrodo WLa 15/Gold Plus (70% de equilíbrio de CA)
I máx. A CA
A. Corrente de soldadura A
B. Diâmetro do eléctrodo (mm)
Tabela 3 - Intervalos de corrente recomendados para selecção de eléctrodo WLa15 =
Codificação de cor dourada e nomes de classificação de acordo com a ISO 6848:2004
0460 227 180
- 10 -
© ESAB AB 2013
2 SOLDADURA TIG
Desactivação do pré-aquecimento automático do eléctrodo
Em funções TIG ocultas, o pré-aquecimento automático pode ser desactivado para uma
definição manual de 15 - 100 ms para ajuste em casos específicos. Quando muda de uma
definição automática para uma manual, o valor anterior gerado automaticamente para
pré-aquecimento é utilizado e o valor preferido é seleccionado utilizando o botão.
LiftArc™
A função LiftArc™ forma o arco quando o eléctrodo entra em contacto com a
peça de trabalho e em seguida levanta, afastando-se.
Formar o arco com a função LiftArc™:
1. O eléctrodo entra em contacto com a peça de trabalho.
2. O interruptor de disparo é premido e começa a passar uma corrente baixa.
3. O soldador levanta o eléctrodo da peça de trabalho: o arco forma-se e a corrente sobe
automaticamente para o valor definido.
2 tempos
A. Fluxo prévio de gás
B. Subida
C. Descida
D. Fluxo posterior de gás
Funções quando a utilizar o controlo de 2 tempos da tocha de soldadura.
No modo de controlo a 2 tempos, ao carregar no interruptor de gatilho da tocha TIG (1)
inicia-se o fluxo prévio de gás (se for utilizado) e o arco é formado. A corrente sobe para o
valor definido (controlado pela função de subida, se estiver em funcionamento). Quando se
solta o interruptor de gatilho (2), diminui-se a corrente (ou descida é iniciada se estiver em
funcionamento) e extingue-se o arco. Segue-se o fluxo posterior de gás se estiver em
funcionamento.
0460 227 180
- 11 -
© ESAB AB 2013
2 SOLDADURA TIG
4 tempos
A. Fluxo prévio de gás
B. Subida
C. Descida
D. Fluxo posterior de gás
Funções quando a utilizar o controlo de 4 tempos da tocha de soldadura.
No modo de controlo a 4 tempos, ao carregar no interruptor de gatilho (1) inicia-se o fluxo
prévio de gás (se for utilizado). No final do tempo do fluxo prévio de gás, a corrente sobe até
à corrente piloto (alguns amperes) e o arco é formado. Quando se solta o interruptor de
gatilho (2), a corrente sobe para o valor definido (com subida, se estiver a ser utilizado).
Quando se prime o interruptor de gatilho (3), a corrente regressa ao nível de corrente piloto
definido (com "descida" se estiver a ser utilizada).
Quando o interruptor de disparo é novamente solto (4) o arco é extinto e ocorre o fluxo
posterior de gás.
Painel ativo
As definições são feitas a partir do painel de controlo.
Alterar dados de disparo
Esta função permite alternar entre memórias de dados de soldadura diferentes
carregando duas vezes no gatilho da tocha de soldar. Aplica-se apenas à
soldadura TIG.
Unidade do controlo remoto
As definições são feitas a partir da unidade do controlo remoto.
A unidade do controlo remoto tem de ser ligada ao terminal da unidade do
controlo remoto no equipamento antes da ativação. Quando a unidade do
controlo remoto é ativada o painel está inativo.
Dispositivo de redução de tensão (VRD)
A função VRD garante que a tensão de circuito aberto não excede os 35 V
quando não se está a soldar. Isto é indicado pelo LED VRD iluminado.
A função VRD é bloqueada quando o sistema deteta que se iniciou a soldadura.
Se a função VRD estiver ativada e a tensão de circuito aberto exceder o limite
de 35 V, isso é indicado por uma mensagem de erro (16) que aparece no visor e
não é possível iniciar a soldadura enquanto a mensagem de erro estiver
indicada.
Contacte um técnico de assistência autorizado da ESAB para activar esta função.
0460 227 180
- 12 -
© ESAB AB 2013
2 SOLDADURA TIG
2.3
Funções TIG ocultas
Existem funções ocultas no painel de controlo.
Para aceder a estas funções, prima
durante 5 segundos. O visor exibe uma letra e
um valor. Seleccione a função premindo a seta para a direita. O botão é utilizado para
alterar o valor da função seleccionada.
Para sair das funções ocultas, prima
durante 5 segundos.
Função
Definições
A = fluxo prévio de gás
0-5s
l = corrente mín.
0 - 99 %
L = impulso de arranque/pré-aquecimento do 0 = OFF; 1 = ON
eléctrodo automático
P = impulso de arranque
valor de fábrica 70 A com definição de 60 A
b = micro impulso (apenas em CC)
0 = OFF; 1 = ON
Fluxo prévio de gás
Controla o tempo durante o qual o gás de proteção flui antes de se formar o
arco.
Corrente mínima
Utilizado para definir a corrente mínima para o comando à distância.
Se a corrente máx. for 100 A e a corrente mín. vai ser 50 A, defina a corrente mínima de
função oculta para 50%.
Se a corrente máx. for 100 A e a corrente mín. vai ser 90 A, defina a corrente mínima para
90%.
Esta função aplica-se também quando definir a corrente base com TIG pulsado.
Pré-aquecimento do eléctrodo
Na função impulso de arranque/pré-aquecimento do eléctrodo automático (L), o
pré-aquecimento do eléctrodo só é activado em CA. Esta função é utilizada para obter um
arco estável rapidamente e o pré-aquecimento prolonga a vida de serviço do eléctrodo.
Impulso de arranque
NOTA!
Para activar o impulso de arranque manual (P), tem primeiro de desactivar a
função (L) na função oculta, seleccionar (0 = OFF).
O impulso de arranque produz um arranque seguro e controlado, e é equilibrado e adaptado
ao diâmetro do eléctrodo e à corrente de soldadura definida.
0460 227 180
- 13 -
© ESAB AB 2013
2 SOLDADURA TIG
Micro impulso
Para poder seleccionar micro impulsos, a máquina tem de estar na função de corrente
pulsada
. O valor para o tempo dos impulsos e a corrente de base é normalmente
0,01 – 2,50 segundos. Utilizando micro impulsos, o tempo pode descer para 0,001
segundos. Quando a função de micro impulso está activa, tempos inferiores a 0,25
segundos são apresentados sem vírgulas decimais.
0460 227 180
- 14 -
© ESAB AB 2013
3 SOLDADURA MMA
3
SOLDADURA MMA
3.1
Definições
Função
Intervalo entre os valores Em passos de:
Corrente
16 - máx. A 2
1A
100 A
Início a quente1)
0 - 99
1
0
Força do arco1)
0 - 99
1
5
Soldadura por pontos1)
0=OFF ou 1=ON
-
OFF
(Desactivado
)
Regulador de soldadura
1=OFF ou 0=ON
-
ON
(Activado)
Painel activo
Desactivado (OFF) ou
activado (ON)
-
ON
(Activado)
Unidade do controlo
remoto
Desactivado (OFF) ou
activado (ON)
-
OFF
(Desactivado
)
Corrente mínima1)
0 - 99 %
-
0%
VRD
-
-
-
1)Estas
2)A
Valor por
defeito
são funções ocultas, ver descrição na secção "Funções MMA ocultas".
variação dos parâmetros depende da fonte de alimentação utilizada.
3.2
Explicação dos símbolos e das funções
Soldadura MMA
À soldadura MMA também se pode chamar soldadura com elétrodos revestidos.
A formação do arco derrete o eléctrodo, formando o seu revestimento uma
escória de proteção.
Durante a soldadura MMA, é possível soldar com polaridade inversa sem voltar a ligar os
cabos de soldadura à fonte de alimentação.
Seleccione soldadura MMA
•
•
•
e depois prima
CA, para corrente alterna
CC (-) para corrente contínua com polaridade negativa no eléctrodo
Nenhuma luz LED acesa, para corrente contínua com polaridade positiva no eléctrodo
Painel ativo
As definições são feitas a partir do painel de controlo.
0460 227 180
- 15 -
© ESAB AB 2013
3 SOLDADURA MMA
Unidade do controlo remoto
As definições são feitas a partir da unidade do controlo remoto.
A unidade do controlo remoto tem de ser ligada ao terminal da unidade do
controlo remoto no equipamento antes da ativação. Quando a unidade do
controlo remoto é ativada o painel está inativo.
Dispositivo de redução de tensão (VRD)
A função VRD garante que a tensão de circuito aberto não excede os 35 V
quando não se está a soldar. Isto é indicado pelo LED VRD iluminado.
A função VRD é bloqueada quando o sistema deteta que se iniciou a soldadura.
Se a função VRD estiver ativada e a tensão de circuito aberto exceder o limite
de 35 V, isso é indicado por uma mensagem de erro (16) que aparece no visor e
não é possível iniciar a soldadura enquanto a mensagem de erro estiver
indicada.
Contacte um técnico de assistência autorizado da ESAB para activar esta função.
3.3
Funções MMA ocultas
Existem funções ocultas no painel de controlo.
Para aceder a estas funções, prima
durante 5 segundos. O visor exibe uma letra e um
valor. Seleccione a função premindo a seta para a direita. O botão é utilizado para alterar o
valor da função seleccionada.
Para sair das funções ocultas, prima
durante 5 segundos.
Função
Definições
C = Força do arco
0 - 99 %
d = soldadura gota a gota
0 = OFF; 1 = ON
F = regulador de soldadura tipo ArcPlus™
0 = OFF; 1 = ON
H = Início a quente
0 - 99 %
I = corrente mín.
0 - 99 %
Força do arco
A força do arco é importante para determinar como a corrente se altera em
resposta a uma alteração no comprimento do arco. Um valor mais baixo produz
um arco mais calmo com menos salpicos.
Soldadura por pontos
A soldadura gota a gota pode ser utilizada quando se solda com elétrodos de aço
inoxidável. A função envolve formar e apagar o arco, alternadamente, de modo a conseguir
um melhor controlo da fonte de calor. O eléctrodo só precisa de ser ligeiramente levantado
para extinguir o arco.
0460 227 180
- 16 -
© ESAB AB 2013
3 SOLDADURA MMA
Regulador de soldadura ArcPlus™
O regulador de soldadura ArcPlus™ é um novo tipo de controlo que produz um arco mais
intenso, mais concentrado e mais calmo. Recupera mais rapidamente após um
curto-circuito no local, o que reduz o risco do eléctrodo ficar encravado.
•
•
ArcPlus™ (0) é o recomendado para um eléctrodo básico.
ArcPlus™ (1) é o recomendado para um eléctrodo rutílico.
Início a quente
O início a quente aumenta a corrente de soldadura durante um tempo ajustável
no início da soldadura, reduzindo assim o risco de fusão deficiente no início da
união.
Corrente mínima
Utilizado para definir a corrente mínima para a unidade de controlo remoto.
Se a corrente máx. for 100 A e a corrente mín. vai ser 50 A, defina a corrente mínima de
função oculta para 50%.
Se a corrente máx. for 100 A e a corrente mín. vai ser 90 A, defina a corrente mínima para
90%.
0460 227 180
- 17 -
© ESAB AB 2013
4 MEMÓRIA DOS DADOS DE SOLDADURA
4
MEMÓRIA DOS DADOS DE SOLDADURA
Podem ser memorizados dois programas de dados de soldadura diferentes na memória do
painel de controlo.
Prima o botão
ou
durante 5 segundos para guardar os dados de soldadura na
memória. Os dados de soldadura estão memorizados quando a luz indicadora verde
começa a piscar.
Para alternar entre as diferentes memórias de dados de soldadura prima o botão
ou
A memória dos dados de soldadura tem uma bateria de segurança para que as definições
continuem activas mesmo que a máquina seja desligada.
0460 227 180
- 18 -
© ESAB AB 2013
5 CÓDIGOS DE AVARIA
5
CÓDIGOS DE AVARIA
O código de avaria é utilizado para indicar a ocorrência de uma avaria no equipamento. É
indicado no visor por um E seguido de um número de código de avaria.
É exibido um número de unidade para indicar qual a unidade que deu origem à avaria.
Os números dos códigos de avarias e os números das unidades são exibidos
alternadamente.
Se forem detectadas várias avarias, apenas será visualizado o código da última avaria que
ocorreu. Prima qualquer botão de função ou gire o botão para retirar a indicação de avaria
do visor.
NOTA!
Se o controlo remoto estiver activado, desactive o controlo remoto premindo
para remover a indicação de avaria.
5.1
Lista de códigos de avaria
U 0 = unidade de dados de
soldadura
U 2 = fonte de alimentação
U 5 = unidade CA
U 1 = unidade de refrigeração U 4 = unidade de controlo
remoto
5.2
Descrições dos códigos de avaria
Códi Descrição
go
E 4 Fonte de alimentação de 5 V baixa
U 0 A tensão da fonte de alimentação está demasiado baixa.
U 5 O processo soldadura em curso é interrompido e não pode ser reiniciado.
Acção: Desligar a fonte de alimentação da rede para reiniciar a unidade. Se a avaria
persistir chame um técnico de assistência.
E 6 Temperatura elevada
U 1 O interruptor de sobrecarga térmica disparou.
U 2 O processo de soldadura em curso é interrompido e não pode ser reiniciado até a
temperatura descer.
U5
Acção: Verificar se as entradas ou saídas do ar de refrigeração não estão
bloqueadas ou obstruídas com sujidade. Verificar o ciclo de trabalho que está a ser
utilizado para ter a certeza de que o equipamento não está a ser sobrecarregado.
E 7 Temperatura elevada
U 5 O interruptor de sobrecarga térmica disparou.
O processo de soldadura em curso é interrompido e não pode ser reiniciado até a
temperatura descer.
Acção: Verificar se as entradas ou saídas do ar de refrigeração não estão
bloqueadas ou obstruídas com sujidade. Verificar o ciclo de trabalho que está a ser
utilizado para ter a certeza de que o equipamento não está a ser sobrecarregado.
0460 227 180
- 19 -
© ESAB AB 2013
5 CÓDIGOS DE AVARIA
Códi Descrição
go
E 8 Tensão de alimentação de 24 V/15 V deficiente
U 1 A tensão de alimentação está demasiado alta ou demasiado baixa.
U 5 O processo soldadura em curso é interrompido e não pode ser reiniciado.
Acção: Desligar a fonte de alimentação da rede para reiniciar a unidade. Se a avaria
persistir chame um técnico de assistência.
E 9 Tensão de alimentação de 24 V/15 V deficiente
U 1 A tensão de alimentação está demasiado alta ou demasiado baixa.
U 5 O processo soldadura em curso é interrompido e não pode ser reiniciado.
Acção: Desligar a fonte de alimentação da rede para reiniciar a unidade. Se a avaria
persistir chame um técnico de assistência.
E 12 Erro de comunicação (aviso)
U 0 Interferência menos grave no bus de CAN.
U 1 Acção: Verifique se não há unidades avariadas ligadas no bus de CAN. Verifique os
cabos. Se a avaria persistir chame um técnico de assistência.
U4
U5
E 14 Erro de comunicação ("bus" desligado)
U 0 Interferência grave no bus de CAN.
Acção: Verifique se não há unidades avariadas ligadas no bus de CAN. Verifique os
cabos. Se a avaria persistir chame um técnico de assistência.
E 15 Problemas de comunicação (mensagem perdida)
U 0 O bus de CAN do sistema ficou sobrecarregado.
Acção: Se a avaria persistir chame um técnico de assistência.
E 16 Tensão de circuito aberto elevada VRD
U 2 A tensão de circuito aberto esteve muito alta.
Acção: Desligar a fonte de alimentação da rede para reiniciar a unidade. Se a avaria
persistir chame um técnico de assistência.
E 19 Erro de memória
U 0 O conteúdo da memória existente está incorrecto. Serão utilizados dados básicos.
Acção: Desligar a fonte de alimentação da rede para reiniciar a unidade. Se a avaria
persistir chame um técnico de assistência.
E 20 Indutância elevada no circuito de soldadura
U 2 A fonte de alimentação não pode produzir a corrente pretendida porque a indutância
medida no circuito de soldadura é demasiado alta. A indicação de avaria é reposta
se a leitura de indutância receber um valor suficientemente baixo no arranque de
soldadura. Também é possível repor desligando a alimentação.
Acção: Utilize cabos de soldadura mais curtos e certifique-se de que não se
enrolam. Coloque o cabo de soldadura e o cabo conector lado a lado. Se possível, a
indutância pode ser reduzida ao soldar com um arco mais curto.
Se a avaria persistir chame um técnico de assistência.
0460 227 180
- 20 -
© ESAB AB 2013
5 CÓDIGOS DE AVARIA
Códi Descrição
go
E 25 Contacto perdido com unidade CA
U 0 O painel de controlo perdeu o contacto com a unidade CA.
O processo de soldadura actual é interrompido.
Acção: Se a avaria persistir chame um técnico de assistência.
E 26 Avaria operativa do programa
U 0 Algo impediu o processador de realizar as suas funções normais no programa.
O programa é reiniciado automaticamente. O processo de soldadura em curso será
interrompido. Esta avaria não desactiva quaisquer funções.
Acção: Se a avaria persistir chame um técnico de assistência.
E 29 Não há fluxo da água de refrigeração
U 0 O interruptor de controlo de fluxo disparou.
U 1 O processo soldadura em curso é interrompido e não pode ser reiniciado.
Acção: Verificar o circuito da água de refrigeração e a bomba.
E 41 Perda de contacto com a unidade de refrigeração
U 0 A unidade de dados de soldadura perdeu o contacto com a unidade de refrigeração.
O processo de soldadura é interrompido.
Acção: Verificar a cablagem. Se a avaria persistir, chamar um técnico de
assistência.
0460 227 180
- 21 -
© ESAB AB 2013
6 ENCOMENDAR PEÇAS SOBRESSELENTES
6
ENCOMENDAR PEÇAS SOBRESSELENTES
As peças sobressalentes podem ser encomendadas através do seu revendedor ESAB mais
perto de si; consulte a contracapa deste documento. Quando fizer a encomenda, indique o
tipo de produto, o número de série, a designação e o número da peça sobressalente de
acordo com a lista de peças sobressalentes. Isto facilita o despacho e assegura uma
entrega correta.
0460 227 180
- 22 -
© ESAB AB 2013
NÚMEROS DE ENCOMENDA
NÚMEROS DE ENCOMENDA
Ordering no. Denomination
0460 250 880 Control panel Caddy™ TA34 AC/DC
0460 227 170 Instruction manual SE
0460 227 171 Instruction manual DK
0460 227 172 Instruction manual NO
0460 227 173 Instruction manual FI
0460 227 174 Instruction manual GB
0460 227 175 Instruction manual DE
0460 227 176 Instruction manual FR
0460 227 177 Instruction manual NL
0460 227 178 Instruction manual ES
0460 227 179 Instruction manual IT
0460 227 180 Instruction manual PT
0460 227 181 Instruction manual GR
0460 227 182 Instruction manual PL
0460 227 183 Instruction manual HU
0460 227 184 Instruction manual CZ
0460 227 185 Instruction manual SK
0460 227 186 Instruction manual RU
0460 227 187 Instruction manual US
0460 227 189 Instruction manual EE
0460 227 190 Instruction manual LV
0460 227 191 Instruction manual SI
0460 227 192 Instruction manual LT
0460 227 193 Instruction manual CN
Os manuais de instruções e a lista de peças sobressalentes estão disponíveis na Internet
em: www.esab.com
0460 227 180
- 23 -
© ESAB AB 2013
ESAB subsidiaries and representative offices
Europe
AUSTRIA
ESAB Ges.m.b.H
Vienna-Liesing
Tel: +43 1 888 25 11
Fax: +43 1 888 25 11 85
BELGIUM
S.A. ESAB N.V.
Brussels
Tel: +32 2 745 11 00
Fax: +32 2 745 11 28
BULGARIA
ESAB Kft Representative Office
Sofia
Tel: +359 2 974 42 88
Fax: +359 2 974 42 88
THE CZECH REPUBLIC
ESAB VAMBERK s.r.o.
Vamberk
Tel: +420 2 819 40 885
Fax: +420 2 819 40 120
DENMARK
Aktieselskabet ESAB
Herlev
Tel: +45 36 30 01 11
Fax: +45 36 30 40 03
FINLAND
ESAB Oy
Helsinki
Tel: +358 9 547 761
Fax: +358 9 547 77 71
GREAT BRITAIN
ESAB Group (UK) Ltd
Waltham Cross
Tel: +44 1992 76 85 15
Fax: +44 1992 71 58 03
ESAB Automation Ltd
Andover
Tel: +44 1264 33 22 33
Fax: +44 1264 33 20 74
FRANCE
ESAB France S.A.
Cergy Pontoise
Tel: +33 1 30 75 55 00
Fax: +33 1 30 75 55 24
GERMANY
ESAB GmbH
Solingen
Tel: +49 212 298 0
Fax: +49 212 298 218
HUNGARY
ESAB Kft
Budapest
Tel: +36 1 20 44 182
Fax: +36 1 20 44 186
NORWAY
AS ESAB
Larvik
Tel: +47 33 12 10 00
Fax: +47 33 11 52 03
POLAND
ESAB Sp.zo.o.
Katowice
Tel: +48 32 351 11 00
Fax: +48 32 351 11 20
PORTUGAL
ESAB Lda
Lisbon
Tel: +351 8 310 960
Fax: +351 1 859 1277
ROMANIA
ESAB Romania Trading SRL
Bucharest
Tel: +40 316 900 600
Fax: +40 316 900 601
RUSSIA
LLC ESAB
Moscow
Tel: +7 (495) 663 20 08
Fax: +7 (495) 663 20 09
SLOVAKIA
ESAB Slovakia s.r.o.
Bratislava
Tel: +421 7 44 88 24 26
Fax: +421 7 44 88 87 41
SPAIN
ESAB Ibérica S.A.
Alcalá de Henares (MADRID)
Tel: +34 91 878 3600
Fax: +34 91 802 3461
SWEDEN
ESAB Sverige AB
Gothenburg
Tel: +46 31 50 95 00
Fax: +46 31 50 92 22
ESAB International AB
Gothenburg
Tel: +46 31 50 90 00
Fax: +46 31 50 93 60
SWITZERLAND
ESAB AG
Dietikon
Tel: +41 1 741 25 25
Fax: +41 1 740 30 55
UKRAINE
ESAB Ukraine LLC
Kiev
Tel: +38 (044) 501 23 24
Fax: +38 (044) 575 21 88
North and South America
ARGENTINA
CONARCO
Buenos Aires
Tel: +54 11 4 753 4039
Fax: +54 11 4 753 6313
BRAZIL
ESAB S.A.
Contagem-MG
Tel: +55 31 2191 4333
Fax: +55 31 2191 4440
www.esab.com
Africa
EGYPT
ESAB Egypt
Dokki-Cairo
Tel: +20 2 390 96 69
Fax: +20 2 393 32 13
MEXICO
ESAB Mexico S.A.
Monterrey
Tel: +52 8 350 5959
Fax: +52 8 350 7554
SOUTH AFRICA
ESAB Africa Welding & Cutting
Ltd
Durbanvill 7570 - Cape Town
Tel: +27 (0)21 975 8924
USA
ESAB Welding & Cutting
Products
Florence, SC
Tel: +1 843 669 44 11
Fax: +1 843 664 57 48
Asia/Pacific
AUSTRALIA
ESAB South Pacific
Archerfield BC QLD 4108
Tel: +61 1300 372 228
Fax: +61 7 3711 2328
CHINA
Shanghai ESAB A/P
Shanghai
Tel: +86 21 2326 3000
Fax: +86 21 6566 6622
INDIA
ESAB India Ltd
Calcutta
Tel: +91 33 478 45 17
Fax: +91 33 468 18 80
INDONESIA
P.T. ESABindo Pratama
Jakarta
Tel: +62 21 460 0188
Fax: +62 21 461 2929
JAPAN
ESAB Japan
Tokyo
Tel: +81 45 670 7073
Fax: +81 45 670 7001
SINGAPORE
ESAB Asia/Pacific Pte Ltd
Singapore
Tel: +65 6861 43 22
Fax: +65 6861 31 95
THE NETHERLANDS
ESAB Nederland B.V.
Amersfoort
Tel: +31 33 422 35 55
Fax: +31 33 422 35 44
UNITED ARAB EMIRATES
ESAB Middle East FZE
Dubai
Tel: +971 4 887 21 11
Fax: +971 4 887 22 63
CANADA
ESAB Group Canada Inc.
Missisauga, Ontario
Tel: +1 905 670 02 20
Fax: +1 905 670 48 79
MALAYSIA
ESAB (Malaysia) Snd Bhd
USJ
Tel: +603 8023 7835
Fax: +603 8023 0225
ITALY
ESAB Saldatura S.p.A.
Bareggio (Mi)
Tel: +39 02 97 96 8.1
Fax: +39 02 97 96 87 01
SOUTH KOREA
ESAB SeAH Corporation
Kyungnam
Tel: +82 55 269 8170
Fax: +82 55 289 8864
Distributors
For addresses and phone
numbers to our distributors in
other countries, please visit our
home page
www.esab.com
Was this manual useful for you? yes no
Thank you for your participation!

* Your assessment is very important for improving the work of artificial intelligence, which forms the content of this project

Download PDF

advertising