ESAB | CaddyTig 200 | Instruction manual | ESAB CaddyTig 200 Manual do usuário

ESAB CaddyTig 200 Manual do usuário
PT
CaddyTig 150
CaddyTig 200
Manual de instruções
0459 264 001 PT 041101
Valid for serial no. 316--xxx--xxxx, 328--xxx--xxxx,
341--xxx--xxxx, 402--xxx--xxxx
1 DIRECTIVA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
2 SEGURANÇA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
3 INTRODUÇÃO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
3
3
4
3.1 Equipamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
5
4 DADOS TÉCNICOS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
5
4.1 Definições . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
6
5 INSTALAÇÃO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
7
5.1
5.2
5.3
5.4
Colocação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Chapa sinalética . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Fonte de alimentação da rede . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Ligações e dispositivos de controlo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
7
7
7
8
6 FUNCIONAMENTO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
8
6.1 Painel de controlo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
6.2 Protecção contra o sobreaquecimento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
6.3 Funções ocultas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
8
9
9
7 O PROCESSO DE SOLDADURA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
7.1 Soldadura TIG . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
7.2 Soldadura MMA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
10
14
8 MEMÓRIA DOS DADOS DE SOLDADURA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15
9 MANUTENÇÃO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 16
9.1 Limpar o filtro anti--poeira . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
16
10 DETECÇÃO DE AVARIAS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 17
10.1 Códigos de avaria . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
17
11 ENCOMENDAR PEÇAS SOBRESSELENTES . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
ESQUEMA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
NÚMEROS DE REFERÊNCIA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
LISTA DE PEÇAS SOBRESSALENTES . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
ACESSÓRIOS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
18
20
24
25
26
Reservamo--nos o direito de alterar as especificações sem aviso prévio.
TOCp
-- 2 --
PT
1
DIRECTIVA
DECLARAÇÃO DE CONFORMIDADE
ESAB Welding Equipment AB, S--695 81 Laxå, Suécia, garante sob responsabilidade de própria que
a fonte de corrente para soldadura CaddyTig 150 / CaddyTig 200 a partir do número de série 316 /
402 está em conformidade com a norma IEC/EN 60974--1 segundo os requisitos da directiva
(73/23/CEE) com o suplemento (93/68/CEE) e com a norma EN 50199 segundo os requisitos da directiva (89/336/CEE) com o suplemento (93/68/CEE).
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Laxå 2003--04--10
Henry Selenius
Vice President
ESAB Welding Equipment AB
695 81 LAXÅ
SWEDEN
2
Tel: + 46 584 81000
Fax: + 46 584 411924
SEGURANÇA
São os utilizadores de equipamento de soldadura ESAB a quem em última análise cabe a responsabilidade de assegurar que qualquer pessoa que trabalhe no equipamento ou próximo do
mesmo observe todas as medidas de precaução de segurança pertinentes. As medidas de precaução de segurança devem satisfazer os requisitos que se aplicam a este tipo de equipamento
de soldadura. Além dos regulamentos normais aplicáveis ao local de trabalho, devem observar-se as seguintes recomendações.
Todo o trabalho deve ser executado por pessoal especializado, bem familiarizado com o funcionamento do equipamento de soldadura. O funcionamento incorrecto do equipamento pode resultar em situações perigosas que podem dar origem a ferimentos no operador e danos no equipamento.
1.
2.
3.
4.
5.
Qualquer pessoa que utilize o equipamento de soldadura deve estar familiarizado com:
S a operação do mesmo
S o local das paragens de emergência
S o seu funcionamento
S as medidas de precaução de segurança pertinentes
S o processo de soldadura
O operador deve certificar--se de que:
S nenhuma pessoa não autorizada se encontra dentro da área de funcionamento do equipamento quando este é posto a trabalhar.
S ninguém está desprotegido quando se forma o arco
O local de trabalho tem de:
S ser adequado à finalidade em questão
S não estar sujeito a correntes de ar
Equipamento de segurança pessoal
S Use sempre o equipamento pessoal de segurança recomendado como, por exemplo,
óculos de segurança, vestuário à prova de chama, luvas de segurança.
S Não use artigos soltos como, por exemplo, lenços ou cachecóis, pulseiras, anéis, etc.,
que poderiam ficar presos ou provocar queimaduras.
Medidas gerais de precaução
S Certifique--se de que o cabo de retorno está bem ligado.
S § O trabalho em equipamento de alta tensão só será executado por um electricista
qualificado.
S O equipamento de extinção de incêndios apropriado tem de estar claramente identificado
e em local próximo.
bt27d2p
-- 3 --
PT
AVISO
A SOLDADURA POR ARCO ELÉCTRICO E O CORTE PODEM SER PERIGOSOS PARA SI E PARA
AS OUTRAS PESSOAS. TENHA TODO O CUIDADO QUANDO SOLDAR. PEÇA AS PRÁTICAS DE
SEGURANÇA DO SEU EMPREGADOR QUE SE DEVEM BASEAR NOS DADOS DE PERIGO FORNECIDOS PELOS FABRICANTES.
CHOQUE ELÉCTRICO -- Pode matar
S
Instale e ligue à terra a unidade de soldadura de acordo com as normas aplicáveis.
S
Não toque em peças eléctricas ou em eléctrodos com carga com a pele desprotegida, com luvas
molhadas ou roupas molhadas.
S
Isole--se a si próprio, e à peça de trabalho, da terra.
S
Certifique--se de que a sua posição de trabalho é segura.
FUMOS E GASES -- Podem ser perigosos para a saúde
S
Mantenha a cabeça afastada dos fumos.
S
Utilize ventilação e extracção no arco, ou ambos, para manter os fumos e os gases longe da sua
zona de respiração e da área em geral.
RAIOS DO ARCO -- Podem ferir os olhos e queimar a pele
S
Proteja os olhos e o corpo. Utilize as protecções para soldadura e lentes de filtro correctas e use
vestuário de protecção.
S
Proteja as pessoas em volta através de protecções ou cortinas adequadas.
PERIGO DE INCÊNDIO
S
As faíscas (fagulhas) podem provocar incêndios. Por isso, certifique--se de que não existem materiais inflamáveis por perto.
RUÍDO -- O ruído excessivo pode provocar danos na audição
S
Proteja os ouvidos. Utilize protectores auriculares ou outro tipo de protecção auricular.
S
Previna as outras pessoas contra o risco.
AVARIAS -- Peça a assistência de um perito caso surja uma avaria.
LEIA E COMPREENDA O MANUAL DE INSTRUÇÕES ANTES DE INSTALAR OU UTILIZAR A UNIDADE.
PROTEJA--SE A SI E AOS OUTROS!
A ESAB pode fornecer-- lhe toda a protecção e acessórios de soldadura
necessários.
AVISO!
Leia e compreenda o manual de instruções antes de instalar
ou utilizar a unidade.
AVISO!
Não utilizar a fonte de alimentação para descongelar tubos congelados.
Este produto foi concebido exclusivamente para soldadura por arco eléctrico.
3
INTRODUÇÃO
A CaddyTig é uma fonte de alimentação de corrente para soldadura baseada na
tecnologia de conversor estático e destina--se à soldadura TIG e à soldadura com
eléctrodos revestidos (soldadura MMA). A tecnologia de conversor estático contribui
para um baixo consumo de energia, peso reduzido e pequenas dimensões.
bt27d2p
-- 4 --
PT
O avançado sistema electrónico com controlo por microcomputador proporciona, por
exemplo, regulação rápida e propriedades de soldadura de primeira classe.
3.1
Equipamento
A CaddyTig é fornecida com 3 m de cabo de rede e um manual de instruções.
Ver página 26 para os pormenores dos acessórios ESAB para o produto.
4
DADOS TÉCNICOS
Tensão da rede
Fusível (acção retardada)
Corrente primária Imáx.
Corrente primária Ieff
Gama de tensões/corrente
(TIG)
(MMA)
Carga máxima permitida em TIG
25% do ciclo de trabalho
35% do ciclo de trabalho
60% do ciclo de trabalho
100% do ciclo de serviço
Carga máxima permitida em MMA
25% do ciclo de trabalho
35% do ciclo de trabalho
60% do ciclo de trabalho
100% do ciclo de serviço
Factor de potência à corrente máxima
Eficiência à corrente máxima
Tensão em circuito aberto
Temperatura de funcionamento
Pressão sonora constante
ponderada em A
Dimensões, c x l x a
Peso
Classe de blindagem
Classe de aplicação
CaddyTig 150
230V, 1∼ 50/60 Hz
16 A
36 A
21 A
CaddyTig 200
230V, 1∼ 50/60 Hz
16 A
36 A
21 A
3 A / 10 V --150 A / 16 V
4 A / 20 V --150 A / 26 V
3 A / 10 V --200 A / 18 V
4 A / 20 V -- 150 A / 26 V
150 A / 16 V
120 A / 15 V
95 A / 14 V
200 A / 18 V
180 A / 17 V
140 A / 15,5 V
110 A / 14,5 V
150 A / 26 V
140 A / 25,5 V
110 A / 24,5 V
90 A / 23,5 V
150 A / 26 V
140 A / 25,5V
110 A / 24,5V
90 A / 23,5V
0,62
77 %
71 -- 78 V
--10˚C -- + 40˚C
<70 db
0,62
79 %
71 -- 78 V
--10˚C -- + 40˚C
<70 db
394 x 267 x 274 mm
10 kg
IP 23C
394 x 267 x 274 mm
10 kg
IP 23C
Factor de intermitência
O factor de intermitência especifica o tempo como uma percentagem de um período de dez minutos
durante o qual pode soldar com uma carga específica.
Classe de blindagem
O código IP indica a classe do revestimento, isto é, o grau de protecção contra a penetração de objectos sólidos ou de água. O equipamento marcado IP 23 foi concebido para ser utilizado no interior
e no exterior.
Classe de aplicação
O símbolo
indica que a fonte de alimentação foi concebida para ser utilizada em áreas com grandes perigos eléctricos.
bt27d2p
-- 5 --
PT
4.1
Definições
4.1.1
Soldadura TIG sem impulsos
Definições
Gama de definições
Em passos de:
Método de soldadura
TIG, TIG pulsado ou
MMA
2 tempos ou 4 tempos
HF ou Arco de levantamentot
0--5 s
0--10 s
0--10 s
0--25 s
3 --150 A
3 --200 A
--
2/4 tempos *
HF / Arco de levantamentot *
Fluxo prévio de gás
Tempo de subida
Tempo de descida
Fluxo posterior de gás
Corrente
CaddyTig 150
Corrente
CaddyTig 200
4.1.2
--0,1 s
0,1 s
0,1 s
0,1 s
1A
1A
2 tempos
Arco de levantamentot
0,5 s
0,0 s
1,0 s
2,0 s
60 A
60 A
Soldadura TIG com impulsos
Definições
Gama de definições
Em passos de:
Método de soldadura *
TIG, TIG pulsado ou
MMA
2 tempos ou 4 tempos
HF ou Arco de levantamentot
0--5 s
0--10 s
0--10 s
0--25 s
0,1--2,5 s
0,001--0,250 s
0,1--2,5 s
0,001 -- 0,250 s
3 --150 A
3 --150 A
3 --200 A
3 --200 A
--
0,1 s
0,1 s
0,1 s
0,1 s
0,01 s
0,001 s
0,01 s
0,001 s
1A
1A
1A
1A
Definições
Gama de definições
Em passos de:
Método de soldadura
Força do arco
Soldadura por pontos
Regulador tipo ArcPlust
Início quente
Corrente
CaddyTig 150
Corrente
CaddyTig 200
TIG / MMA
0 -- 99%
I/0
I/0
0 -- 99%
4 --150 A
4 --150 A
-1%
--1%
2A
2A
2/4 tempos *
HF / Arco de levantamentot *
Fluxo prévio de gás
Tempo de subida
Tempo de descida
Fluxo posterior de gás
Tempo dos impulsos
Micro impulso**
Tempo base
Micro impulso**
Corrente pulsada CaddyTig 150
Corrente base
CaddyTig 150
Corrente pulsada CaddyTig 200
Corrente base
CaddyTig 200
4.1.3
Valor por
defeito
TIG
---
Valor por
defeito
TIG
2 tempos
Arco de levantamentot
0,5 s
0,0 s
1,0 s
2,0 s
1,0 s
1,0 s
60 A
20 A
60 A
20 A
Definições MMA
Valor por defeito
TIG
5%
0
I
0%
100 A
100 A
*) Estas funções não podem ser alteradas enquanto a soldadura estiver em curso.
**) O tempo de fluxo prévio de gás e micro impulso são funções ocultas, ver página 9 .
bt27d2p
-- 6 --
PT
5
INSTALAÇÃO
AVISO!
Este produto foi concebido para utilização industrial. Em ambientes domésticos este produto
pode provocar interferências de rádio. É da responsabilidade do utilizador tomar as precauções
adequadas.
5.1
Colocação
Coloque a fonte de alimentação de uma forma tal que as entradas e saídas de ar de
refrigeração não fiquem obstruídas.
5.2
Chapa sinalética
A chapa sinalética encontra--se no lado inferior da fonte de alimentação.
5.3
Fonte de alimentação da rede
Verificar se a fonte de alimentação de soldar está ligada à tensão de alimentação
correcta e se está protegida pela especificação de fusível correcta. As normas para
o país em questão têm que ser respeitadas no que respeita à área do cabo da rede.
É necessário efectuar uma ligação de protecção à terra, de acordo com os
regulamentos.
5.3.1
Tamanhos de fusíveis recomendados e áreas mínimas de cabos
CaddyTig 150
CaddyTig 200
230 V ¦10 %, monofásica
230 V ¦10 %, monofásica
50--60 Hz
50--60 Hz
10 A
16 A
20 A*)
10 A
16 A
20 A*)
3 x 2,5 mm2
3 x 2,5 mm2
Cabo de soldadura, área MMA
16 mm2
16 mm2
Cabo de soldadura, área TIG
16 mm2
25 mm2
Tensão da rede
Frequência da rede
Fusível (acção retardada)
85A 35% ciclo de serviço MMA
120A 20% ciclo de serviço MMA
150A 25% ciclo de serviço MMA
Cabo da rede, área
*) NOTA! A ficha da corrente eléctrica está aprovada para um máximo de 16A.
Versão norte- americana: A cabo da redeestá aprovada para o máximo de 18 A.
Nota! A área do cabo e a especificação do fusível acima indicadas estão em conformidade com os
regulamentos suecos. Utilize a fonte de alimentação de soldar de acordo com os regulamentos
nacionais relevantes.
bt27d2p
-- 7 --
PT
5.4
Ligações e dispositivos de controlo
1
Painel de controlo
6
Ligação do tubo do gás para o maçarico TIG
2
TIG: Ligação do cabo de retorno (+)
MMA: Ligação do cabo de soldar (--)
7
Ligação para o interruptor do maçarico TIG
3
Ligação da unidade de comando à
distância
8
Ligação da botija de gás
4
MMA: Ligação do cabo de retorno (--)
9
Cabo da alimentação da rede
5
Ligação do maçarico TIG (--)
10
Interruptor da fonte de alimentação da rede
2 e 4 são utilizados para ligar o cabo de alimentação e de retorno da corrente de soldadura durante a
soldadura MMA
6
FUNCIONAMENTO
Os regulamentos gerais de segurança para o manuseamento do equipamento
encontram- se na página 3. Leia- os com atenção antes de começar a utilizar
o equipamento!
6.1
Painel de controlo
No lado superior da fonte de alimentação existe um painel de controlo onde é
possível seleccionar funções e parâmetros de definição. Este inclui um visor, um
botão de definição, LEDs e botões de pressão. A utilização dos botões de pressão
permite--lhe deslocar--se entre as várias funções. A função seleccionada é indicada
pela iluminação do LED relevante.
A fonte de alimentação verifica os LEDs e todos os segmentos no visor quando o
interruptor da alimentação da rede é ligado. O tipo de máquina e a versão do
programa são também apresentados.
bt27d2p
-- 8 --
PT
A
Ampere/Volt
B
LED (verde) de tensão da rede
C
Controlo remoto
D
LED (amarelo) de sobreaquecimento
E
Visor dos dados
F
6.1.1
Símbolos das funções no painel de controlo
TIG
Arco de
elevação
Subida
6.2
Botão para definir dados.
Aumentar (+) ou Diminuir (--)
seleccionados pelos botões das funções.
Corrente
contínua
Impulso
Descida
TIG HF
Arco de
elevação
2
tempos
4
tempos
Fluxo
posterior
de gás
Protecção contra o sobreaquecimento
A fonte de alimentação de soldar possui um mecanismo de disparo de sobrecarga
térmica que funciona se a temperatura se tornar demasiado alta, interrompendo a
corrente de soldadura e acendendo uma luz indicadora amarela na parte da frente
da fonte de alimentação. O mecanismo de disparo de sobrecarga térmica
reinicia--se automaticamente quando a temperatura baixa.
6.3
Funções ocultas
A CaddyTig é fornecida com o ArcPlus , um novo tipo de controlo que, durante a
soldadura MMA produz um arco mais intenso, mais concentrado e mais calmo.
Recupera mais rapidamente após um curto--circuito de queda, o que reduz o risco
do eléctrodo ficar preso.
bt27d2p
-- 9 --
PT
A máquina também está equipada com Força do arco, o que significa que a
dinâmica da fonte de alimentação pode ser ajustada para um valor mais suave ou
mais intenso, dependendo do tipo de eléctrodo e de acordo com as preferências.
Contudo, as excelentes propriedades do regulador Arc Plust significa a alteração
da definição da Força do arco apenas deverá ser feita em casos excepcionais.
A CaddyTig inclui mais opções de definição que se obtêm premindo
e
simultaneamente durante 1 segundo.
O acesso às opções de definição (A --H) é apresentado premindo
Defina os valores ou a função rodando o botão.
ou
.
Funções ocultas Soldadura TIG
Para a soldadura TIG, as opções a seguir indicadas, disponíveis através da função
de pressão dupla, encontram--se nas letras:
A = definição do tempo do fluxo prévio do gás
b = definição do micro impulso (impulso TIG
em segundos
Off= 0 ou On=1
As opções de definição de dados de soldadura a seguir indicadas para a MMA
encontram--se nas letras:
Funções ocultas Soldadura MMA
C = definição do valor da Força do Arco
d = definição da soldadura por pontos
F = definição do regulador ArcPlust
H = definição do Início quente
Redefinir definições adicionais premindo
rante 1 segundo.
em percentagem
Off=0 ou On =1
Off=1 or On =0
valor em percentagem
e
simultaneamente du-
7
O PROCESSO DE SOLDADURA
7.1
Soldadura TIG
Durante a soldadura TIG, o cabo de retorno tem que estar ligado a (+) e a tocha TIG
a (--). Se forem ligados inversamente, o eléctrodo de tungsténio derrete.
Os impulsos são utilizados para melhorar o controlo do banho de fusão e do processo
de solidificação. A frequência dos impulsos está definida para um valor tão baixo que
o banho de fusão tem tempo para solidificar, pelo menos parcialmente, entre cada impulso. Para definir os impulsos são necessários quatro parâmetros: tempo dos impulsos, tempo base, corrente pulsada e corrente base.
bt27d2p
-- 10 --
PT
7.1.1
2 tempos
Fluxo prévio de gás Subida
Descida
Fluxo posterior
de gás
Funções quando a utilizar o controlo de 2 tempos da tocha de soldadura.
No modo de controlo a 2 tempos, premindo o interruptor de disparo inicia o fluxo
prévio de gás (se for utilizado) e forma o arco (1). A corrente sobe para o valor
definido (controlado pela função de subida, se estiver em funcionamento). Quando
se solta o interruptor de disparo (2), diminui--se a corrente (ou a descida é iniciada
se estiver em funcionamento) e extingue--se o arco. Segue--se o fluxo posterior de
gás se estiver em funcionamento.
7.1.2
4 tempos
Fluxo prévio de gás Subida
Descida
Fluxo posterior
de gás
Funções quando a utilizar o controlo de 4 tempos da tocha de soldadura.
No modo de controlo a 4 tempos, quando se prime o interruptor de disparo
inicia--se o fluxo prévio de gás (se for utilizado) (1). No final do tempo do fluxo prévio
de gás, a corrente sobe até ao nível piloto (alguns amperes) e o arco é formado.
Quando se solta o interruptor de disparo (2), a corrente sobe para o valor definido
(com a subida, se estiver a ser utilizada). No final da soldadura, o soldador volta a
premir o interruptor de disparo (3), o que reduz a corrente para o nível piloto outra
vez (com a descida, se estiver a ser utilizada). Soltando novamente o interruptor (4)
extingue--se o arco e inicia--se o fluxo posterior do gás.
7.1.3
HF
A função HF forma o arco por meio de uma faísca que parte do eléctrodo para a
peça de trabalho à medida que o eléctrodo se aproxima da peça de trabalho.
bt27d2p
-- 11 --
PT
7.1.4
Arco de levantamentot
A função de Arco de levantamentot forma o arco quando o eléctrodo entra em
contacto com a peça de trabalho e em seguida levanta afastando--se.
Formar o arco com a função de Arco de levantamento. Passo 1: o eléctrodo entra em contacto com a
peça de trabalho. Passo 2: o interruptor de disparo é premido e começa a passar uma corrente baixa.
Passo 3: o soldador levanta o eléctrodo da peça de trabalho: o arco forma--se, e a corrente sobe
automaticamente para o valor definido.
7.1.5
Corrente
Uma corrente mais elevada produz um banho de fusão maior, com uma melhor
penetração na peça de trabalho.
O valor actual definido pode ser alterado independentemente do menu que estiver
apresentado. Este valor só é visualizado no menu principal.
7.1.6
Impulso
Aquando da activação dos impulsos, a fonte de alimentação deve estar na posição
para definir o tempo dos impulsos/tempo de pausa.
1. Fluxo prévio de gás
2. Subida
3. Corrente pulsada ou corrente contínua
4. Tempo dos impulsos
5. Corrente base
6. Tempo base
7. Descida
8. Fluxo posterior de gás
bt27d2p
-- 12 --
PT
7.1.7
Impulso e tempo base
Normalmente, a gama de definições para estes parâmetros é 0,01--2,5 s. Contudo,
utilizando o micro impulso, é possível definir tempos tão baixos como 0,001 segundos.
Quando a função de micro impulso está activa, tempos inferiores a 0,25 segundos são
apresentados sem uma vírgula decimal.
Micro impulso é uma função oculta, para activar o micro impulso, siga a descrição 6.3
”Função oculta”.
Tempo dos impulsos
O tempo que a corrente pulsada está ligada durante um período de impulsos.
Tempo base
Tempo referente à corrente base a qual, juntamente com o tempo para a corrente
pulsada, dá o período de impulsos.
Corrente base
O mais baixo dos dois valores da corrente no caso de corrente pulsada.
Corrente pulsada
Uma corrente mais elevada produz um banho de fusão maior, com uma melhor
penetração na peça de trabalho.
O valor actual definido pode ser alterado independentemente do menu que estiver
apresentado. Este valor só é visualizado no menu principal.
Corrente
Tempo base
Corrente pulsada
Corrente base
Tempo dos
impulsos
Tempo
Soldadura TIG com impulsos
7.1.8
Unidade de comando à distância
Utilizando a tomada da unidade de controlo remoto na máquina, é possível controlar a
corrente à distância para a soldadura TIG e MMA.
Se escolher corrente pulsada no modo TIG, é a corrente pulsada que é controlada à
distância. O valor definido a partir da unidade de controlo remoto é mostrado no visor indo
até à posição onde a corrente teria sido definida sem a unidade do controlo remoto.
Isto é confirmado pelo LED verde aceso.
bt27d2p
-- 13 --
PT
7.1.9
Fluxo prévio de gás
Controla o tempo durante o qual o gás de protecção flui antes de formar o arco.
7.1.10
Subida
A função de subida significa que, quando o arco TIG se forma, a corrente sobe
lentamente para o valor definido. Tal proporciona um aquecimento ’”mais suave” do
eléctrodo e dá ao soldador a oportunidade de posicionar correctamente o eléctrodo,
antes de se atingir o valor completo da corrente.
7.1.11
Descida
A soldadura TIG utiliza a descida, na qual a corrente desce ”lentamente” durante um
período de tempo controlado, de forma a evitar crateras e/ou fissuras quando se
termina uma soldadura.
7.1.12
Fluxo posterior de gás
Controla o tempo durante o qual o gás de protecção flui depois do arco ser extinto.
7.2
Soldadura MMA
A CaddyTig fornece corrente contínua e permite--lhe a soldar a maioria dos metais a
aço de liga e a aço sem ser de liga, a aço inoxidável e a ferro fundido.
A CaddyTig 150 permite--lhe soldar a maioria dos eléctrodos revestidos de ∅ 1,6 a
∅ 3,25.
O CaddyTig 200 permite--lhe soldar a maioria dos eléctrodos revestidos de ∅ 1,6 a
∅ 4,0.
Se, quando formar o arco, a ponta do eléctrodo for pressionada contra o metal, derrete imediatamente e cola--se ao metal, tornando impossível a soldadura contínua.
Por conseguinte, o arco tem que ser formado tal como se estivesse a acender um
fósforo.
Aplique rapidamente o eléctrodo contra o metal, a seguir levante--o por forma a formar um arco com o comprimento adequado (aprox. 2 mm). Se o arco for demasiado comprido, crepitará
e cuspirá antes de se extinguir completamente.
Se estiver a trabalhar numa bancada de soldadura, verifique
antes de tentar formar o arco se o metal residual, peças do
eléctrodo ou outros objectos na bancada não isolam a parte a
ser soldada.
bt27d2p
-- 14 --
cmha2p11
PT
Depois de formado o arco, desloque o eléctrodo da esquerda
para a direita. O eléctrodo tem que fazer um ângulo de 60˚
com o metal, em relação à direcção de soldadura.
Contudo, quando quiser soldar cordões largos, ou quando quiser que a solda seja tão espessa que tem que soldar numa série de camadas, tem que efectuar movimentos laterais.
7.2.1
cmha2p10
Regulador de definição - ArcPlust
A CaddyTig é fornecida com o ArcPlust, um novo tipo de controlo que, durante a
soldadura MMA produz um arco mais intenso, mais concentrado e mais calmo.
Recupera mais rapidamente após um curto--circuito de queda, o que reduz o risco
do eléctrodo ficar encravado.
7.2.2
Força do arco
A definição da Força do arco altera a dinâmica da máquina. É possível obter--se um arco
mais suave/mais intenso. A força do arco é importante para determinar como é que a
corrente se altera em resposta a uma alteração no comprimento do arco. Um valor mais
baixo produz um arco mais calmo com menos salpicos.
7.2.3
Soldadura por pontos
A soldadura por pontos pode ser utilizada quando se solda com eléctrodos inoxidáveis.
Esta técnica envolve, a formação e a extinção alternada do arco de modo a obter melhor
controlo do fornecimento de calor. O eléctrodo necessita apenas de ser levantado
ligeiramente para extinguir o arco.
7.2.4
Início quente
O início quente aumenta a corrente de soldadura durante um tempo ajustável no
início da soldadura, reduzindo assim o risco de fusão deficiente no início do cordão.
8
MEMÓRIA DOS DADOS DE SOLDADURA
A CaddyTig consegue memorizar 4 configurações de dados de soldadura diferentes
na memória da máquina, 2 no modo TIG e 2 no modo MMA.
É possível memorizar o seguinte:
No modo TIG
é possível memorizar todas as definições.
No modo MMA
apenas é possível memorizar a corrente de soldadura.
Para definir o fluxo prévio de gás, os micro impulsos de TIG, a Força do arco e a
soldadura por pontos:
ou
durante 5 segundos para memorizar os dados na mePrima o botão
mória. No início o LED verde brilha constantemente, começando a piscar depois
dos dados terem sido guardados.
Para comutar entre as definições predefinidas, utilize o botão
ou
Mude as definições com o interruptor de disparo do maçarico premindo
.
Prima rapidamente o interruptor de disparo (no espaço de 0,3 segundos) para comutar
entre as definições definidas.
bt27d2p
-- 15 --
PT
A CaddyTig tem uma bateria de reserva que permite manter as definições mesmo
depois da máquina ser desligada no botão ou da alimentação da rede.
9
MANUTENÇÃO
A manutenção regular é importante para o funcionamento seguro e fiável.
Nota!
Todas as condições de garantia do fornecedor deixam de se aplicar se o cliente
tentar realizar ele próprio qualquer trabalho no produto durante o período de
garantia por forma a rectificar quaisquer avarias.
A CaddyTig necessita de pouca manutenção. Em casos normais, basta limpar utilizando ar comprimido seco uma vez por ano, mas isto deve ser feito com mais frequência se estiver instalado numa área poeirenta e suja.
9.1
Limpar o filtro anti--poeira
S
Retirar a grelha da ventoinha: ver esquema.
S
Desprender o filtro anti--poeira
S
Limpar o filtro com ar comprimido (a uma pressão reduzida).
S
Voltar a colocar a grelha da ventoinha com o filtro anti--poeira.
bt27d2p
-- 16 --
PT
10
DETECÇÃO DE AVARIAS
Tente estas verificações e inspecções recomendadas antes de chamar um técnico
de assistência autorizado.
Tipo de avaria
Não há arco.
Acção
S
S
S
A corrente de soldadura é interrompida durante a soldadura.
S
S
O mecanismo de disparo de sobrecarga térmica funciona frequentemente.
S
S
Maus resultados de soldadura.
S
S
S
S
10.1
Verificar se o interruptor da fonte de alimentação da rede
está ligado.
Verificar se os cabos de alimentação e de retorno da
corrente de soldadura estão correctamente ligados.
Verificar se está definido o valor correcto da corrente.
Verificar se os mecanismos de disparo de sobrecarga
térmica funcionaram (indicado pela luz amarela no painel
dianteiro).
Verificar os fusíveis da fonte de alimentação da rede.
Certificar--se de que não está a exceder os dados
especificados para a fonte de alimentação de soldar (isto é,
que a unidade não está a ser sobrecarregada).
Verifique se o filtro de poeira está limpo.
Verificar se os cabos de alimentação e de retorno da
corrente de soldadura estão correctamente ligados.
Verificar se está definido o valor correcto da corrente.
Verificar se estão a ser utilizados os eléctrodos correctos.
Verificar os fusíveis da fonte de alimentação da rede.
Códigos de avaria
A CaddyTig vem equipada com um sistema de monitorização de avarias. Se ocorrer
uma avaria, um código é apresentado no visor.
Se algum destes códigos de avarias estiver permanente indicado no visor ou voltar
a ocorrer com frequência, a máquina deverá ser enviada a uma oficina de
assistência autorizada pela ESAB para ser reparada.
Avaria Descrição
Reinicializar
Acção
Reiniciar a máquina.
Se a avaria persistir, contactar uma oficina de serviço
Reiniciar a máquina.
Se a avaria persistir, contactar uma oficina de serviço
Reiniciar a máquina.
Se a avaria persistir, contactar uma oficina de serviço
Reiniciar a máquina.
Se a avaria persistir, contactar uma oficina de serviço
Reiniciar a máquina.
Se a avaria persistir, contactar uma oficina de serviço
Se a avaria persistir, contactar uma oficina de assistência
E1
Avaria de RAM interna
E2
Avaria na RAM externa
E3
Avaria EPROM
E4
Avaria na RAM com apoio
de bateria
E5
Erro de memória, valor da
variável fora dos limites
E6
Tensão de bateria baixa
Reinicializar premindo um
botão
E10
Avaria de + 20V
(18,5 – 21,5 V)
Reinicializar automaticamente
depois da avaria ter desaparecido.
bt27d2p
-- 17 --
PT
Avaria Descrição
E11
Avaria de --15V
(--13.0 -- --16.0)
E13
Temperatura elevada
E14
Avaria do Current servo
E99
Avaria de ponte
11
Reinicializar
Acção
Reinicializar automaticamente
depois da avaria ter desaparecido.
Reinicializar automaticamente
depois da avaria ter desaparecido.
Reinicializar automaticamente
depois da avaria ter desaparecido. Reinicializar premindo
um botão
A placa de controlo digital é
Reiniciar a máquina.
ligada em ponte numa combi- Se a avaria persistir, contacnação não definida.
tar uma oficina de serviço
ENCOMENDAR PEÇAS SOBRESSELENTES
Os CaddyTig 150 / CaddyTig 200 foram construídas e testados conforme os padrões
europeus e internacionais IEC/EN 60974--1 e EN 50199. Depois de efectuado o serviço
ou reparação é obrigação da entidade reparadora assegurar--se de que o produto não
difere do standard referido.
Os trabalhos de reparação e eléctricos deverão ser efectuados por um técnico
autorizado ESAB.
Utilize apenas peças sobresselentes e de desgaste originais da ESAB.
As peças sobresselentes podem ser encomendadas através do seu concessionário
mais próximo da ESAB, consulte a última página desta publicação.
bt27d2p
-- 18 --
p
-- 19 --
Esquema
CaddyTig 150
CaddyTig 150
-- 20 --
CaddyTig 150
-- 21 --
CaddyTig 200
CaddyTig 200
-- 22 --
CaddyTig 200
-- 23 --
CaddyTig 150, CaddyTig 200
Números de referência
Ordering no.
Denomination
Type
Notes
0459 199 881 Welding Power source
CaddyTig 150 for 230 V
mains voltage
0459 199 885 Welding Power source
CaddyTig 150 for 230 V
mains voltage
Incl welding kit
0459 199 887 Welding Power source
CaddyTig 150 for 230 V
mains voltage
CSA version for the North
American market.
Incl welding kit
0459 199 888 Welding Power source
CaddyTig 150 for 230 V
mains voltage
CSA version for the North
American market
0459 199 883 Welding Power source
CaddyTig 200 for 230 V
mains voltage
0459 199 889 Welding Power source
CaddyTig 200 for 230 V
mains voltage
0459 264 990 Spare part list
CaddyTig 150/CaddyTig 200 English only
bt27o
-- 24 --
Incl welding kit
Edition 041101
CaddyTig 150, CaddyTig 200
Lista de peças sobressalentes
Item
Qty
Ordering no.
101
1
0459 277 001
bh26s
Denomination
Filter
-- 25 --
Edition 041101
CaddyTig 150, CaddyTig 200
Acessórios
MMA welding and return cable kit . . . . . . . . 0349 501 078
(”crocodile” type holder)
MMA welding and return cable kit . . . . . . . . 0349 501 079
(”screwe” type holder)
Remote control MMA 1 (10 m cable) . . . . . . . 0349 501 024
MMA and TIG: current
Foot control FS002 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0349 090 886
MMA and TIG: current
Remote control unit AT1 . . . . . . . . . . . . . . . . . 0459 491 896
MMA and TIG: current
Remote control unit AT1 CF . . . . . . . . . . . . . 0459 491 897
MMA and TIG: rough and fine setting of
current.
Remote cable 12 pole -- 8 pole
5m .....................................
10 m . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
15 m . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
25 m . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
0459 552 880
0459 552 881
0459 552 882
0459 552 883
Shoulderstrap . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0459 367 880
bt27a
-- 26 --
Edition 041101
CaddyTig 150, CaddyTig 200
Trolley small gas bottle . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0459 366 880
TIG Torch . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0458 218 890
BTF 150 OKC25
bt27a
-- 27 --
Edition 041101
ESAB subsidiaries and representative offices
Europe
AUSTRIA
ESAB Ges.m.b.H
Vienna--Liesing
Tel: +43 1 888 25 11
Fax: +43 1 888 25 11 85
BELGIUM
S.A. ESAB N.V.
Brussels
Tel: +32 2 745 11 00
Fax: +32 2 726 80 05
THE CZECH REPUBLIC
ESAB VAMBERK s.r.o.
Prague
Tel: +420 2 819 40 885
Fax: +420 2 819 40 120
DENMARK
Aktieselskabet ESAB
Copenhagen--Valby
Tel: +45 36 30 01 11
Fax: +45 36 30 40 03
FINLAND
ESAB Oy
Helsinki
Tel: +358 9 547 761
Fax: +358 9 547 77 71
FRANCE
ESAB France S.A.
Cergy Pontoise
Tel: +33 1 30 75 55 00
Fax: +33 1 30 75 55 24
GERMANY
ESAB GmbH
Solingen
Tel: +49 212 298 0
Fax: +49 212 298 204
GREAT BRITAIN
ESAB Group (UK) Ltd
Waltham Cross
Tel: +44 1992 76 85 15
Fax: +44 1992 71 58 03
ESAB Automation Ltd
Andover
Tel: +44 1264 33 22 33
Fax: +44 1264 33 20 74
HUNGARY
ESAB Kft
Budapest
Tel: +36 1 20 44 182
Fax: +36 1 20 44 186
ITALY
ESAB Saldatura S.p.A.
Mesero (Mi)
Tel: +39 02 97 96 81
Fax: +39 02 97 28 91 81
THE NETHERLANDS
ESAB Nederland B.V.
Utrecht
Tel: +31 30 248 59 22
Fax: +31 30 248 52 60
NORWAY
AS ESAB
Larvik
Tel: +47 33 12 10 00
Fax: +47 33 11 52 03
POLAND
ESAB Sp.z.o.o
Warszaw
Tel: +48 22 813 99 63
Fax: +48 22 813 98 81
PORTUGAL
ESAB Lda
Lisbon
Tel: +351 1 837 1527
Fax: +351 1 859 1277
SLOVAKIA
ESAB Slovakia s.r.o.
Bratislava
Tel: +421 7 44 88 24 26
Fax: +421 7 44 88 87 41
SPAIN
ESAB Ibérica S.A.
Alcobendas (Madrid)
Tel: +34 91 623 11 00
Fax: +34 91 661 51 83
SWEDEN
ESAB Sverige AB
Gothenburg
Tel: +46 31 50 95 00
Fax: +46 31 50 92 22
ESAB International AB
Gothenburg
Tel: +46 31 50 90 00
Fax: +46 31 50 93 60
SWITZERLAND
ESAB AG
Dietikon
Tel: +41 1 741 25 25
Fax: +41 1 740 30 55
North and South America
Asia/Pacific
CHINA
Shanghai ESAB A/P
Shanghai
Tel: +86 21 6539 7124
Fax: +86 21 6543 6622
INDIA
ESAB India Ltd
Calcutta
Tel: +91 33 478 45 17
Fax: +91 33 468 18 80
INDONESIA
P.T. Esabindo Pratama
Jakarta
Tel: +62 21 460 01 88
Fax: +62 21 461 29 29
MALAYSIA
ESAB (Malaysia) Snd Bhd
Selangor
Tel: +60 3 703 36 15
Fax: +60 3 703 35 52
SINGAPORE
ESAB Singapore Pte Ltd
Singapore
Tel: +65 861 43 22
Fax: +65 861 31 95
ESAB Asia/Pacific Pte Ltd
Singapore
Tel: +65 861 74 42
Fax: +65 863 08 39
Representative offices
BULGARIA
ESAB Representative Office
Sofia
Tel/Fax: +359 2 974 42 88
EGYPT
ESAB Egypt
Dokki--Cairo
Tel: +20 2 390 96 69
Fax: +20 2 393 32 13
ROMANIA
ESAB Representative Office
Bucharest
Tel/Fax: +40 1 322 36 74
RUSSIA-- CIS
ESAB Representative Office
Moscow
Tel: +7 095 937 98 20
Fax: +7 095 937 95 80
ESAB Representative Office
St Petersburg
Tel: +7 812 325 43 62
Fax: +7 812 325 66 85
Distributors
For addresses and phone
numbers to our distributors in
other countries, please visit our
home page
www.esab.com
SOUTH KOREA
ESAB SeAH Corporation
Kyung--Nam
Tel: +82 551 289 81 11
Fax: +82 551 289 88 63
UNITED ARAB EMIRATES
ESAB Middle East
Dubai
Tel: +971 4 338 88 29
Fax: +971 4 338 87 29
ARGENTINA
CONARCO
Buenos Aires
Tel: +54 11 4 753 4039
Fax: +54 11 4 753 6313
BRAZIL
ESAB S.A.
Contagem--MG
Tel: +55 31 3369 4333
Fax: +55 31 3369 4440
CANADA
ESAB Group Canada Inc.
Missisauga, Ontario
Tel: +1 905 670 02 20
Fax: +1 905 670 48 79
MEXICO
ESAB Mexico S.A.
Monterrey
Tel: +52 8 350 5959
Fax: +52 8 350 7554
USA
ESAB Welding & Cutting Products
Florence, SC
Tel: +1 843 669 44 11
Fax: +1 843 664 44 58
ESAB AB
SE-- 695 81 LAXÅ
SWEDEN
Phone +46 584 81 000
www.esab.com
031021
Was this manual useful for you? yes no
Thank you for your participation!

* Your assessment is very important for improving the work of artificial intelligence, which forms the content of this project

Download PDF

advertising