ESAB | LTP 450 | Instruction manual | ESAB LTP 450 Manual do usuário

ESAB LTP 450 Manual do usuário
PROTIG 450
LTP 450
101103105107109111102021110025108024042106023061104022041100020040060001
Bruksanvisning
Brugsanvisning
Bruksanvisning
Käyttöohjeet
Instruction manual
Betriebsanweisung
0456 634 001
980616
Manuel d’instructions
Gebruiksaanwijzing
Instrucciones de uso
Istruzioni per l’uso
Manual de instruções
Ïäçãßåò ÷ñÞóåùò
Valid for Serial NO 816 XXX--XXXX
SVENSKA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
3
DANSK . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 18
NORSK . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33
SUOMI . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 48
ENGLISH . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 63
DEUTSCH . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 78
FRANÇAIS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 93
NEDERLANDS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 108
ESPAÑOL . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 123
ITALIANO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 138
PORTUGUÊS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 154
ÅËËÇÍÉÊÁ . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 169
Rätt till ändring av specifikationer utan avisering förbehålles.
Ret til ændring af specifikationer uden varsel forbeholdes.
Rett til å endre spesifikasjoner uten varsel forbeholdes.
Oikeudet muutoksiin pidätetään.
Rights reserved to alter specifications without notice.
Änderungen vorbehalten.
Sous réserve de modifications sans avis préalable.
Recht op wijzigingen zonder voorafgaande mededeling voorbehouden.
Reservado el derecho de cambiar las especificaciones sin previo aviso.
Ci riserviamo il diritto di variare le specifiche senza preavviso.
Reservamo--nos o direito de alterar as especificações sem aviso prévio.
Äéáôçñåßôáé ôï äéêáßùìá ôñïðïðïßçóçò ðñïäéáãñáöþí ×ùñßò ðñïåéäïðïßçóç.
-- 2 --
PORTUGUÊS
1 DIRECTIVA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 155
2 SEGURANÇA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 155
3 INTRODUÇÃO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 156
3.1
3.2
3.3
3.4
3.5
Geral . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Equipamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Caixa de programação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Área de aplicação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Dados técnicos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
156
156
157
157
157
4 INSTALAÇÃO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 158
4.1
4.2
4.3
4.4
4.5
4.6
Geral . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Localização . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Ligacão à rede . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Outras ligações . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Resistência terminal . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Conexão de sistema completo de soldadura . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
158
158
158
159
160
161
5 FUNCIONAMENTO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 162
5.1
5.2
5.3
5.4
5.5
5.6
5.7
Geral . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Unidade de controle e ligações . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Circuito de água refrigeradora . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Protecção contra excesso de aquecimento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Monitor de fluxo, água . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Monitor de fluxo, gás . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Mensagens de avaria . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
162
162
163
163
163
163
163
6 MANUTENÇÃO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 164
6.1 Geral . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
6.2 Verificação e limpeza . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
6.3 Abastecimento de líquido refrigerador . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
164
164
164
7 ACESSÓRIOS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
8 ENCOMENDA DE PEÇAS SOBRESSALENTES . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
ESQUEMA . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
LISTA DE COMPONENTES . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
LISTA DE PEÇAS SOBRESSALENTES . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
165
168
186
188
189
TOCp
-- 154 --
PT
1
DIRECTIVA
DECLARAÇÃO DE CONFORMIDADE
Esab Welding Equipment AB, 695 81 Laxå, Sweden, certifica, sob a sua própria responsabilidade que, a fonte de corrente para soldadura LTP 450 desde número de
série 737 está em conformidade com a norma EN 60974--1, segundo os requisitos
constantes na directiva 73/23/EEC e com o suplemento 93/68/EEC, norma EN
50199 segundo os requisitos constantes na directiva 89/336/ EEC e com o suplemento 93/68/ EEC.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------Laxå 97--09--04
Paul Karlsson
Managing Director
Esab Welding Equipment AB
695 81 LAXÅ
SWEDEN
2
Tel: + 46 584 81000
Fax: + 46 584 12336
SEGURANÇA
O utilizador de um equipamento de soldadura ESAB é o responsável pelas medidas de segurança
relacionadas com o pessoal em trabalho com o sistema ou nas suas proximidades.
As medidas de segurançoa tomadas devem satisfazer as exigências impostas por este tipo de equipamento de soldadura.
O conteúdo destas recomendações pode ser considerado como um suplemento às regulamentações
normais sobre o local de trabalho.
O trabalho com o equipamento deve ser efectuado por pessoal especializado e bem familiarizado
com o funcionamento do equipamento de soldadura.
O manuseio incorrecto, provocado por manobras erróneas, ou por uma sequência incorrecta de funções, pode causar uma situação anormal que pode resultar em ferimentos pessoais ou danificação
do equipamento.
1. Todo o pessoal que trabalhar com o equipamento automático de soldadura deve estar bem familiarizado com:
S
o modo de procedimento
S
o seu funcionamento
S
as regulamentações de segurança vigentes
S
soldadura
2. O operador deve verificar:
S
se nenhum pessoal estranho ao trabalho se encontra dentro do campo de trabalho do equipamento de soldadura antes de este ser posto em andamento.
S
se ninguém se encontra desprotegido quando o arco voltáico se acende
3. O local de trabalho deve:
S
estar apropriado para este fim
S
estar isento de correntes de ar
4. Equipamento de protecção pessoal
S
Usar sempre o equipamento de protecção pessoal completo recomendado, por ex. óculos
de protecção, roupas resistentes ao fogo, luvas de protecção.
S
Nunca usar peças de roupa soltas durante o trabalho, como cintos, nem pulseiras, fios, etc.
que possam ficar presos.
5. Restante
S
Verificar se os cabos de retorno estão correctamente ligados.
S
Todas as intervenções nas unidades eléctricas devem ser exclusivamente ectuadas por
pessoal especializado.
S
O equipamento necessário para extinção de incêndios deve estar facilmente acessível em
lugar bem assinalado.
S
A lubrificação e a manutenção do equipamento de soldadura não devem nunca ser efectuados com o equipamento em funcionamento.
dpa7d1pa
-- 155 --
PT
ATENÇÃO
SOLDADURA E CORTE A ARCO PODEM SER NOCIVOS TANTO PARA SI COMO PARA OUTRAS
PESSOAS. SEJA, PORTANTO, CAUTELOSO QUANDO UTILIZAR ESSES MÉTODOS. SIGA AS ESPECIFICAÇÕES DE SEGURANÇA DO SEU EMPREGADOR QUE DEVERÃO BASEAR--SE NOS TEXTOS DE ADVERTÊNCIA ABAIXO.
CHOQUE ELÉCTRICO -- Pode matar
S
Instale o equipamento de soldar e ligue à terra conforme as normas apropriadas.
S
Não toque em partes condutoras de corrente, eléctrodos ou fios de soldar com as mãos desprotegidas nem com o equipamento de protecção molhado.
S
Isole--se a si próprio da terra e da peça a trabalhar.
S
Certifique--se de que a sua posição de trabalho é segura.
FUMO E GÁS -- Podem ser prejudiciais à sua saúde
S
Mantenha o rosto afastado do fumo de soldadura.
S
Ventile e aspire para o exterior o fumo de soldadura e gás, eliminando--os da sua e das outras
áreas de trabalho.
RAIOS LUMINOSOS -- São nocivos aos seus olhos e podem queimar a pele
S
Proteja os olhos e a epiderme. Use capacete e luvas de soldar apropriados e vista roupas de protecção
S
Proteja os arredores com biombos ou cortinas apropriados.
RISCO DE INCÊNDIO
S
Faiscas podem provocar incêndios. Portanto, retire todos os materiais inflamáveis das imediações
do local de soldadura.
RUÍDOS -- Ruídos excessivos podem causar danos à audição
S
Proteja os seus ouvidos. Use protectores de ouvidos ou outra protecção auditiva.
S
Previna os circunstantes sobre os riscos.
EM CASO DE MAU FUNCIONAMENTO -- Dirija--se a um técnico especializado.
LEIA E COMPREENDA O MANUAL DE INSTRUÇÕES ANTES DA INSTALAÇÃO E UTILIZAÇÃO
PROTEJA--SE A SI MESMO E AOS OUTROS!
3
INTRODUÇÃO
3.1
Geral
LTP 450 é uma fonte de corrente de soldadura do tipo rectificador, destinado à
soldadura mecanizada TIG. Existe em duas versões:
LTP 450 sem transformador da tensão da rede, pode ser ligada à tensão da
rede de 400 V.
S
LTP 450 com transformador de tensão da rede, pode ser ligada à tensães de
rede de 208--500 V.
A fonte de corrente de soldadura LTP 450 é arrefecida com ventilador tendo
também um sistema de refrigeração integrado para arrefecimento porágua do
equipamento de soldadura com.
S
LTp 450 está pronto a ser conectado a um PC externo.
3.2
Equipamento
LTP 450 é entregue com:
S
Caixa de programação com cabo de ligação (10 m)
S
Cabo de retorno (5 m) com mola de grampo
dpa7d1pa
-- 156 --
PT
3.3
Caixa de programação
LTP 450 é equipada com uma caixa de programação usada para:
S
Programar um processo de soldadura e a sua execução com os equipamentos
de soldadura.
Executar um processo de soldadura.
S
Guardar o programa em memória interna ou esterna (placa PC).
S
Transferir o programa de soldadura entre as caixas de programação.
S
S Regular valores de parâmetros de soldadura ao soldar com tocha TIG manual..
Instruções ver manual de programação 0456 638 xxx,
3.4
Área de aplicação
A fonte de corrente de soldadura LTP 450 pode ser usada para soldadura com:
S
Equipamento de soldadura para a soldadura de tubos topo--a--topo.
S
Equipamento para soldadura de tubos a placas com diâmetros interiores de
12--60 mm.
S
Equipamento de soldadura A 25.
S Torcha manual TIG.
Ao LTP 450 pode também ser ligado um dispositivo de alimentação de fio adicional.
Os acessórios da ESAB para soldadura TIG mecanizada e manual
encontram-- se descritos na página 165.
3.5
Dados técnicos
LTP 450
400 V
LTP 450
208--500 V
Ligação à rede
400V 3 50/60 Hz
230/400/500V 3 50Hz ou
208/230/460/475V 3 60 Hz
Carga máximaadmitida
100% do ciclo
360 A/24,4 V
360 A/24,4 V
60% do ciclo
425 A/27 V
425 A/27 V
45% do ciclo
450 A/28 V
450 A/28 V
Gama de regulação da corrente de soldadura
5 A/10 V -- 450 A/28 V
5 A/10 V -- 450 A/28 V
Potência máxima em vazio
520 W
520 W
Grau di renimento
83 %
83 %
Factor de potência
0,90
0,90
Classe de protecção
IP 23
IP 23
Peso
113 kg
159 kg
Dimensões, c x l x a
800 x 640 x 835 mm
800 x 640 x 835 mm
Classe de utilização
dpa7d1pa
-- 157 --
PT
Factor de marcha
O factor de marcha indica o tempo, em percentagem tomado num período de dez
minutos, em que se pode soldar com certa carga sem que a fonte de corrente de
soldadura fique sobrecarregada.
Classe de protecção
O código IP indica a classe de protecção, quer dizer o grau de protecção contra
a entrada de objectos sólidos e água. Equipamentos marcados com IP 23 são
destinados para uso interior e exterior.
Classe de utilização
O símbolo
significa que a fonte de corrente de soldadura foi concebida para
uso em espaços de risco eléctrico elevado.
4
INSTALAÇÃO
4.1
Geral
A instalação deve ser efectuada por TÉCNICO credenciadO.
AVISO
Este produto é concebido para uso industrial. Utilizado num ambiente doméstico,
pode causar interferências no rádio. É da total responsabilidade do utilizador,
tomar as devidas precauções.
4.2
Localização
Colocar a fonte de corrente de soldadura de forma que as entradas e saídas do ar
de arretecimento fiquem desimpedidas.
ATENÇÃO, Pode tombar!
Fixe o equipamento, principalmente quando o piso for irregular ou inclinado
.
4.3
Ligacão à rede
Há uma placa com os dados de ligacão na parte de trás da fonte de corrente de
soldadura.
S
Verificar se a fonte de corrente de soldadura está ligada à tensão de rede
correcta e se é usado o fusível da capacidade correcta. Fazer ligação à terra
segundo as normas vigentes.
dpa7d1pa
-- 158 --
PT
4.3.1
Secção de cabo e capacidade de fusível recomendadas
LTP 450
Tensão
230 V
3 50 Hz
400 V
3 50 Hz
500 V
3 50 Hz
208 V
3 60 Hz
230 V
3 60 Hz
460 V
3 60 Hz
475 V
3 60 Hz
100% do ciclo
30 A
17,5 A
14 A
33,5 A
30 A
15 A
14,5 A
60% do ciclo
38 A
22 A
17,5 A
43,5 A
39,5 A
19 A
18,5 A
45% do ciclo
42 A
24 A
19,5 A
48 A
43 A
21 A
20,5 A
Área de secção do
condutor mmΟ
4 x 10
4x4
4x4
4 x 10
4 x 10
4x4
4x4
Fusível lento
35 A
16 A
16 A
50 A
35 A
16 A
16 A
Corrente primária:
4.4
Outras ligações
AH 0388
dpa7d1pa
-- 159 --
PT
4.5
Resistência terminal
Para evitar distúrbios de comunicação, ambas as extremidades do bus da CAN
deverão estar equipadas com resistências terminais.
Uma das extremidades do CAN--bus está na caixa de programação, que já tem uma
resistência integrada. A outra está na fonte de corrente de soldadura e deverá, se
essa tomada não estiver em uso, estar equipada com uma resistência terminal
colocada como se indica na figura abaixo.
dpa7d1pa
-- 160 --
PT
4.6
Conexão de sistema completo de soldadura
AH0392
A--A
Cabo de conexão, caixa de programação
B--B, Z--Z
Cabo de motor alimentação de fio
C--C, S--S
Cabo de motor, rotação
D--D
Cabo de sinal, PC externo
E--E
Cabo de motor, unidade AVC
F--F
Cabo de motor, unidade de pêndulo
G--G
Mangueira de água refrigeradora, entrada
H--H
Mangueira de água refrigeradora, saída
J--J
Cabo de soldadura --
K--K
Cabo de medição
L--L
Contacto de pistola
M--M
Mangueira de gás, saída
N--N
Mangueira de gás, entrada
P--P
Cabo de sinal, PC externo
Q--Q
Cabo de recondução
R--R
Cabo de conexão, sensor de impulsos
VEC
T--T, V--V
Cabo de conexão, CAN 42 V
U--U
Cabo de conexão, rotor VEC
dpa7d1pa
-- 161 --
PT
5
FUNCIONAMENTO
5.1
Geral
As normas gerais de segurança referentes ao uso deste equipamento estão na
página 155, leia--as antes de usar o equipamento.
5.2
Unidade de controle e ligações
Parte da frente da fonte de corrente de soldadura
1
Interruptor de corrente da rede LIGAR/
DESLIGAR
10 Ligação para PC/impressora
2
Lâmpada indicadora branca, corrente da
rede
11 Ligação para água de retorno
3
Lâmpada indicadora cor--de--laranja, sobreaquecimento
12 Ligação para água de arrefecimento
4
Interruptor da unidade de refrigeração
13 Ligação para cabo de soldadura (--)
5
Ligação para pêndulo
14 Ligação para cabo de medição
6
Ligação para rotação
15 Ligação para gás de soldadura e de arranque, saída
7
Ligação para alimentação de fio
16 Ligação para contacto de tocha, manual TIG
8
Ligação para AVC
17 Ligação para cabo de retorno (+)
9
Ligação para caixa de programação
Parte de trás da fonte de corrente de soldadura
18 Ligação para gás de arranque, entrada
21 Ligação para gás de purga, saída
19 Ligação para gás de soldadura, entrada
22 Ligação para equipamento A25 VEC
20 Ligação para gás de purga, entrada
23 Disjuntor automático
dpa7d1pa
-- 162 --
PT
5.3
S
Circuito de água refrigeradora
Ligue as mangueiras de água do aparelho de soldar
para as conexões da fonte de corrente de
soldadura.
Ao soldar com aparelhos de soldar arrefecidos a ar
segure as conexões de água refrigeradora com a
ligação de água fornecida (ver figura).
S
Antes de iniciar a soldadura ponha o interruptor
eléctrico (4) em LIGADO. NOTA: A bomba de água
refrigeradora tem de estar sempre LIGADA e o
monitor de fluxo da fonte de corrente de soldadura
tem de detectar um fluxo de água para se poder
realizar a soldadura.
5.4
Protecção contra excesso de aquecimento
A fonte de corrente de soldadura LTP 450 está equipada com um interruptor térmico
que é activado se a temperatura for demasiada. Quando isso sucede, a corrente de
soldadura é interrompida e uma lâmpada indicadora cor--de--laranja acende--se na
parte frontal da fonte de corrente de soldadura. A caixa de programação apresenta
também uma mensagem de avaria.
Quando a temperatura baixa, o interruptor térmico rearma automaticamente.
5.5
Monitor de fluxo, água
O monitor de fluxo bloqueia a fonte de corrente de soldadura, em caso de ausência
de água refrigeradora. Quando isso acontece é cortada a corrente de soldadura e é
exibida uma mensagem de avaria pelo mostrador da caixa de programação.
5.6
Monitor de fluxo, gás
O monitor de fluxo interrompe o processo de soldadura em curso, se o fluxo de gás
for inferior a 6 l/min. Quando isso sucede, é apresentada uma mensagem de avaria
pela caixa de programação.
5.7
Mensagens de avaria
A fonte de corrente de soldadura tem integrado um processamento de mensagens
de avaria e todas as mensagens de avaria são exibidas pela caixa de programação,
sendo em alguns casos tomadas medidas automaticamente, ver também mnaual de
programação 0456 638 xxx.
dpa7d1pa
-- 163 --
PT
6
MANUTENÇÃO
6.1
Geral
NOTA:
Todas as obrigações de garantia do fornecedor são inválidas se o cliente,
durante o período da garantia, por iniciativa própria fizer qualquer intervenção
na máquina para remediar avarias.
6.2
Verificação e limpeza
A fonte de corrente de soldadura deve ser limpa com ar comprimido seco (pressão
reduzida) uma vez por ano, e o filtro de pó deve ser limpo com regularidade. Se a
fonte de corrente de soldadura estiver em ambiente poeirento e sujo, a limpeza com
ar comprimido deve ser efectuada com maior frequência.
6.3
Abastecimento de líquido refrigerador
Como líquido refrigerador recomenda--se o uso de uma mistura de 50% de água e
50% de glicol.
dpa7d1pa
-- 164 --
PT
7
ACESSÓRIOS
Número de referência
Equipamento para soldadura de tubos A21 PRB arrefecimento por água . . . 17--49 . . 0443 750 880
60--170 . 0443 760 880
60--170 . 0443 770 880
Equipamento para soldadura de tubos A21 PRB arrefecimento a ar . . . . . . . 17--49 . . 0443 750 881
33--90 . . 0443 760 881
60--170 . 0443 770 881
Equipamento de soldadura de tubos A21 PRC com AVC
17--49 . . 0443 751 880
33--90 . . 0443 761 880
60--170 . 0443 771 880
Equipamento de soldadura de tubos A21 PRC, AVC e oscilação . . . . . . . . . 17--49 . . 0443 752 880
33--90 . . 0443 762 880
60--170 . 0443 772 880
Jogo de reconstrução PRB/PRC 8--17 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0444 002 880
Unidade de operação do aparelho de soldagem de tubos (desmultiplicação 134:1)
PRB/PRC . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0443 544 880
Equipamento de soldadura de tubos A21 PRH, com cámara de protecção . 6--40 . . . 0456 940 880
25--90 . . 0456 941 880
Equipamento para soldadura tubos a placas A22 POC, alimentação de fio . . . . . . . . . . 0443 930 880
Estação de soldadura A25 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Equipamento automático A25 com AVC, tocha TIG BTE 250 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Equipamento automático A25 com AVC, tocha TIG BTE 500 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Equipamento automático A25 com AVC, oscilação, maçarico TIG BTE 250 . . . . . . . . .
Equipamento automático A25 com AVC, oscilação, maçarico TIGBTE 500 . . . . . . . . . .
Equipamento automático A25 com AVC, corrediça manual, tocha TIG BTE 250 . . . . .
Equipamento automático A25 com AVC, corrediça manual, tocha TIG BTE 500 . . . . .
Equipamento automático A25 com cabeça flutuante, tocha TIG BTE 250 . . . . . . . . . . .
Equipamento automático A25 com cabeça flutuante, tocha TIG BTE 500 . . . . . . . . . . .
0443 910 880
0443 911 880
0443 911 881
0443 911 882
0443 911 883
0443 911 884
0443 911 885
0443 912 880
0443 912 881
Tocha manual TIG HW 18 (3,8 m OKC) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0588 000 748
Unidade de alimentação de fio MEI 21 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0443 830 880
Correciça . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0457 221 880
Cartão PC (cartão PCMCIA) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0457 320 001
Jogo de paragem de emergência . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0457 823 880
Unidade de comando do motor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0457 870 880
Sistema de documentação
Weldoct WMS 4000 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0457 410 880
SPS 4000 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0457 410 881
Cabos ópticos d . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 0457 072 881
Cabo de extensão a, caixa de programação (15 m) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Cabo de extensão b, fio/pêndulo, CAN 42 V (10 m) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Cabo de extensão c, rotação (10 m) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Cabo de extensão e, AVC (10 m) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Cabo de extensão f, cabo de recondução (8 m) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Cabo de extensão k, cabo de medição . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Kit extensão 1, corrente, água, gás (8 m) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Kit extensão 2, corrente, água, gás, contacto de pistola (8m) . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
dpa7d1pa
-- 165 --
0457 218 880
0456 904 880
0456 906 880
0457 219 880
0152 349 888
0457 219 881
0456 905 880
0466 705 881
PT
dpa7d1pa
-- 166 --
PT
dpa7d1pa
-- 167 --
PT
8
ENCOMENDA DE PEÇAS SOBRESSALENTES
Os LTP 450 são construídos e testados segundo o standard internacional
EN 60 974--1 (IEC 974--1).
Depois de efectuado o serviço ou reparação é obrigação da entidade reparadora assegurar--se de que o produto não difere do standard referido.
As peças sobressalentes são encomendadas através do representante ESAB mais
próximo, ver na última página desta publicação. Quando encomendar queira indicar
o tipo de máquina, número de série bem como as designações e números de referência segundo a lista de peças da página 189.
Isso facilita a identificação e garante entregas correctas.
dpa7d1pa
-- 168 --
Was this manual useful for you? yes no
Thank you for your participation!

* Your assessment is very important for improving the work of artificial intelligence, which forms the content of this project

Download PDF

advertising