Omega | HBM-Z6 | Owner Manual | Omega HBM-Z6 Manual do usuário

Omega HBM-Z6 Manual do usuário
Manual Operacional
Z6...
Hottinger Baldwin Messtechnik GmbH
Im Tiefen See 45
D-64239 Darmstadt
Tel. +49 6151 803-0
Fax +49 6151 803-9100
Email: info@hbm.com
Internet: www.hbm.com
Mat.: 7-2001.5001
DVS: A1027-4.0 HBM: public
11.2014
© Hottinger Baldwin Messtechnik GmbH.
Sujeito a modificações.
Todas as descrições de produto servem apenas como informação e,
portanto, não devem ser usadas como garantia de qualidade ou
durabilidade.
1
Instruções de segurança...........................................................................4
2
2.1
2.2
Marcações utilizadas.................................................................................8
Símbolos no produto....................................................................................8
Símbolos e termos utilizados neste documento...........................................8
3
Condições do local....................................................................................9
4
4.1
4.2
Instalação mecânica................................................................................10
Cuidados importantes durante a instalação...............................................10
Montagem e aplicação de carga................................................................11
5
5.1
5.2
5.3
5.4
5.5
5.6
Conexão elétrica.......................................................................................13
Conexão com configuração a seis fios.......................................................13
Conexão com configuração a quatro fios...................................................14
Diminuindo o comprimento do cabo...........................................................14
Aumentando o comprimento do cabo.........................................................15
Conexão paralela.......................................................................................15
Proteção da EMC.......................................................................................16
6
Descarte de lixo eletrônico e proteção do meio ambiente...................17
7
7.1
7.2
7.3
Especificações.........................................................................................18
Z6FD1 e Z6FC3.........................................................................................18
Z6FC3MI, Z6FC4 e Z6FC6........................................................................20
Especificações para todas as versões.......................................................21
8 Dimensões................................................................................................22
8.1
Z6…/5 kg a 500 kg.....................................................................................22
8.2 Z6…/1t.......................................................................................................23
9 Acessórios................................................................................................24
9.1
Rolamento tipo pêndulo ZPL, Emax = 5 kg … 1 t......................................24
9.2
Terminal rotular ZGWR.............................................................................. 25
Z6...A1027-4.0 HBM: public
3
9.3
Force feedback ZRR..................................................................................26
9.4
9.5
9.6
9.7
9.8
Rolamento borracha-metal ZEL.................................................................27
Cone, panela cônica ZK.............................................................................30
Sapata de carga oscilatória ZFP e ZKP......................................................31
Sapata de carga oscilatória PCX................................................................32
Sapata/conjunto de montagem...................................................................33
4A1027-4.0 HBM: public Z6…
Instruções de segurança
1
Instruções de segurança
Uso adequado
A série de transdutores de pesagem Z6 foi projetada, unicamente, para atender a aplicações
de pesagem, observando-se as devidas limitações descritas nas especificações. Qualquer
outro uso inapropriado deve ser evitado.
Qualquer pessoa que tenha sido instruída para executar o transporte, a instalação ou a
operação desse transdutor deverá ler e entender o Manual de Operação e, em especial, as
instruções técnicas relacionadas às condições de segurança.
Para fins de segurança, esse transdutor deverá ser operado apenas por pessoal
qualificado, conforme descreve o Manual de Operação. Ao utilizar o transdutor, é igualmente
imprescindível atender aos requisitos legais e de segurança relacionados à aplicação. O
mesmo se aplica ao uso dos acessórios.
O transdutor não deve ser usado como componente de segurança. Favor verificar a seção
"Cuidados com a segurança". Para uma operação adequada e segura, é necessário que o
transdutor seja transportado, armazenado, posicionado e montado de forma apropriada, além
de ser cuidadosamente operado.
Condições operacionais
• Observe os valores máximos permitidos, conforme estipulados nas especificações
em relação a:
-
Carga limite
-
Carga limite em excentricidade máxima
-
Limite de carga lateral
-
Cargas de ruptura
-
Limites de temperatura
-
Limites da capacidade de carga elétrica
Z6...A1027-4.0 HBM: public
5
Instruções de segurança
•
Observe que, ao instalar mais de um transdutor em uma balança, nem sempre é
garantida uma distribuição uniforme de carga nos mesmos.
•
O transdutor não poderá ser alterado do ponto de vista do projeto ou da engenharia de
segurança, a não ser mediante nossa expressa concordância.
•
O transdutor não requer manutenção.
•
Com base em regulamentações nacionais e locais em relação à proteção do meio
ambiente e à reciclagem de materiais, transdutores usados e inutilizados devem ser
descartados separadamente do lixo normal caseiro (veja Capítulo 6, página 17).
Opção de versão com proteção contra explosão
•
Cumpre com o código de prática relevante durante a instalação.
•
Cumpre com as condições de instalação citadas no Certificado de Conformidade e/ou
no Certificado de Homologação de Tipo.
Pessoal qualificado
A expressão "pessoal qualificado" refere-se às pessoas incumbidas da instalação,
montagem, comissionamento e operação do produto, desde que sejam profissionais com as
devidas qualificações para exercerem essa função, dentre os quais qualquer um que atenda
a, pelo menos, um dos seguintes requisitos:
•
Conhecimento sobre conceitos de segurança relacionados à tecnologia de medição
e automação e, no caso de pessoal de projeto, todos devem estar familiarizados com
esses conceitos.
•
No caso de pessoal envolvido com medição ou automação da planta, todos devem ter
sido instruídos a como operar o maquinário. Devem estar familiarizados com a
operação do equipamento e com as tecnologias descritas neste documento.
6A1027-4.0 HBM: public Z6…
Instruções de segurança
•
No caso de engenheiros de comissionamento, todos deverão ter concluído o
treinamento que os qualifica como aptos para promover reparos nos sistemas de
automação. Devem ser pessoas autorizadas a executar serviços relacionados à
ativação, aterramento e identificação de circuitos e equipamentos em conformidade
com as normas de engenharia de segurança.
Cuidados adicionais com a segurança
Outros cuidados com a segurança deverão ser tomados para atender requisitos nacionais e
locais relacionados à regulamentação para a prevenção de acidentes nas plantas, nas quais
qualquer mau funcionamento pode causar danos relevantes, perda de dados ou, até mesmo,
danos físicos.
O escopo de fornecimento e de funcionamento do transdutor cobre apenas uma pequena
parcela da tecnologia de medição. Antes de ativar um transdutor em determinado sistema,
deve-se executar, primeiramente, o projeto e uma análise de risco, levando em consideração
todos os aspectos de segurança da tecnologia de medição e automação, a fim de minimizar
riscos residuais. Isso tem a ver, especialmente, com a proteção das pessoas envolvidas e do
maquinário. Os transdutores têm funcionamento passivo e, como tais, não podem executar
cortes (relacionados à segurança). Caso ocorra alguma falha, os cuidados com a segurança
devem prever condições de operação em modo de segurança.
Instruções de segurança para falhas potenciais
O transdutor corresponde ao estado da arte. Porém, pode levar a perigos residuais quando
instalado ou operado de forma indevida.
Z6...A1027-4.0 HBM: public
7
Marcações utilizadas
2
Marcações utilizadas
2.1
Símbolos no aparelho
Certificação CE
O símbolo CE permite ao fabricante garantir que o produto está em
conformidade com diretivas relevantes da CE (Comunidade Europeia) (para
consultar a Declaração de Conformidade, clique em HBMdoc no website da
HBM (www.hbm.com).
2.2
Símbolos e termos utilizados neste documento
Para sua segurança, instruções importantes são especificamente identificadas.
É imprescindível seguir essas instruções, a fim de evitar acidentes e danos às
instalações.
Símbolo/termo
ALERTA
Nota
Importante
Ênfase
See …
Significado
Este símbolo é um alerta de situação de perigo potencial. Em
casos assim, o não cumprimento de requisitos de segurança
pode levar à morte ou a danos físicos de sérias consequências.
Esse termo chama a atenção para o fato de que, na atual
situação, deixar de cumprir os requisitos de segurança pode
causar danos à propriedade.
Esse termo chama a atenção para informações importantes
sobre o produto bem como com o seu manuseio.
Termos em itálico são usados para dar ênfase e destaque a
algum texto, bem como para identificar referências a seções,
diagramas ou documentos e arquivos externos.
8A1027-4.0 HBM: public Z6…
Condições do local
3
Condições do local
As células de carga da série Z6 são hermeticamente seladas e, portanto, não são totalmente
sensíveis à influência de orvalho e umidade e, mesmo que tenham classe de proteção IP68
(condições de teste: 100 horas sob um metro de coluna d'água), conforme DIN EN60529,
devem ser protegidas contra umidade e orvalho.
Proteção contra corrosão
A célula de carga deve ser protegida contra produtos químicos que podem corroer o aço do
corpo ou do cabo.
Nota
Ácidos e quaisquer substâncias que liberam íons também atacam o aço inox e suas
costuras soldadas.
Qualquer corrosão pode acarretar em falhas no transdutor e, portanto, caso haja essa
possibilidade, será necessário providenciar os meios necessários de proteção.
Opção pela versão com proteção contra explosão
Nunca exceda o intervalo de temperatura especificado no transdutor.
Depósitos/Armazenagem
Não permita o acúmulo de pó, sujeira e de quaisquer outros elementos estranhos que podem
desviar parte da força de medição para o corpo e, dessa forma, comprometendo o valor da
leitura.
Z6...A1027-4.0 HBM: public
9
Instalação mecânica
4
Instalação mecânica
4.1
Cuidados importantes durante a instalação
•
Manuseie o transdutor com cuidado.
•
O material do fole é muito fino e, portanto, pode ser facilmente danificado, se
manuseado indevidamente.
•
Não permita que fluxo de correntes de soldagem passe sobre o transdutor. Caso haja
essa possibilidade, providencie uma conexão apropriada, de baixa resistência, para
fazer o desvio elétrico do transdutor.
•
Certifique-se de nunca sobrecarregar o transdutor (overload).
ALERTA
Ao ser submetido a uma carga excessiva, o transdutor pode danificar-se ou quebrar-se e,
dessa forma, colocar em risco o pessoal que opera o sistema onde foi instalado.
Para evitar sobrecargas ou para se proteger contra os perigos resultantes, implemente
medidas de segurança apropriadas.
Nota
Células de carga são elementos de medição de precisão e devem ser operadas
cuidadosamente. Quedas ou choques podem danificar permanentemente o transdutor.
Certifique-se de impedir qualquer sobrecarga no transdutor, até mesmo durante a
montagem.
10A1027-4.0 HBM: public Z6…
Instalação mecânica
4.2
Montagem e aplicação de carga
Conecte as células de carga aos furos de montagem e aplique a carga na outra extremidade.
A tabela que segue mostra os parafusos e os torques de aperto que devem ser utilizados.
Capacidades
máximas
Rosca
5 - 200 kg
500 kg
1t
M8
M10
M12
Classe de
propriedade mecânica
mínima
10.9
12.9
10.9
Torque de aperto(1)
34 N⋅m
76 N⋅m
115 N⋅m
1) Valor recomendado para classe de propriedade mecânica especificada. Siga as instruções do fabricante do parafuso
no que diz respeito a dimensões.
Importante
Não aplique carga na lateral onde se localiza o cabo de conexão, pois isso provocaria uma
força em derivação.
A carga deve fluir da forma mais precisa possível na direção de medição. Momentos de
torção, cargas excêntricas e forças laterais causam erros de medição e podem danificar
permanentemente a célula de carga, dependendo da magnitude. Identifique esses efeitos de
interferência, por exemplo, utilizando tirantes laterais ou roletes-guia, porém, certifique-se de
que esses elementos não absorvam qualquer carga ou componentes de força na direção da
medição (força em derivação que, por sua vez, causa erros de medição).
Z6...A1027-4.0 HBM: public
11
Instalação mecânica
Para minimizar os efeitos de erros com a aplicação de carga, a HBM oferece diferentes
elementos de aplicação de carga, tendo como base as seguintes condições de montagem:
• Rolamento tipo pêndulo ZPL (Pendulum bearing)
• Terminais rotulares ZGWR (Knuckle eyes)
• Force feedback ZRR (para volumes máximos de 5 kg a 200 kg)
• Rolamento borracha-metal ZEL (Rubber-metal bearing)
• Cone, panela cônica ZK
• Sapata de carga oscilatória PCX (para volumes máximos de 5 kg a 500 kg)
• Sapata de carga oscilatória ZFP (para volumes máximos de 5 kg a 200 kg)
• Sapata de carga oscilatória ZKP (para volumes máximos de 5 kg a 200 kg)
• Base de montagem/kit de montagem ZPU Z6/ZPU/200 kg (para volumes máximos de 5 kg
a 200 kg) Z6/ZPU/500 kg (para volume máximo de 500 kg)
12A1027-4.0 HBM: public Z6…
Conexão elétrica
5
Conexão elétrica
Os seguintes itens podem ser conectados para medição de condicionamento de sinal:
•
Amplificadores de frequência portadora (carrier-frequency)
•
Amplificadores DC
projetados para sistemas de medição de strain gages.
As cargas de célula são entregues com configuração a seis fios.
5.1
Conexão com configuração a seis fios
cinza
preto
Cabo sensor (−)
Tensão de excitação (−)
branco
Sinal de medição (+)
azul
verde
Tensão de excitação (+)
Cabo sensor (+)
vermelho
Sinal de medição (-)
Blindagem/fio de dreno
conectado à carcaça.
Figura 5.1 Designação do pino
Com a designação desse pino de conexão, a tensão de saída no amplificador de medição
fica positiva assim que for dada a carga no transdutor.
Z6...A1027-4.0 HBM: public
13
Conexão elétrica
5.2
Conexão com a configuração a quatro fios
Quando transdutores com configuração a seis fios são conectados a amplificadores com
configuração a quatro fios, os fios de sense do transdutor devem ser conectados aos
respectivos cabos de tensão de excitação: Positivo (+) identificado com (+) e negativo (-)
identificado com (-) (FIG 5.1). Essa medição também reduz a resistência do cabo dos fios
de tensão de excitação. No entanto, ocorre perda de tensão nos cabos de alimentação
em virtude da resistência do cabo, que ainda está presente e não foi compensada com a
configuração a seis fios. Boa parte dessa perda pode ser eliminada por meio da calibração,
porém, ainda permanecendo a parte dependente de temperatura.
Importante
O coeficiente de temperatura para sensibilidade (TCs) indicado nas especificações para
o transdutor não se aplica à combinação do cabo e transdutor quando a conexão for uma
configuração a quatro fios.
Os desvios mostrados a seguir ocorrem no caso de cabo não cortado (3 m):
• Sensibilidade aproximada: -0,2%
• Coeficiente de temperatura para sensibilidade (TCs) aproximado: -0,01% por 10 K.
5.3
Diminuindo o comprimento do cabo
Caso o transdutor seja conectado a um amplificador com configuração a seis fios, o cabo do
transdutor poderá ser diminuído, se necessário, sem que isso afete adversamente a exatidão
da medição.
14A1027-4.0 HBM: public Z6…
Conexão elétrica
5.4
Aumentando o comprimento do cabo
Para aumentar o comprimento do cabo, utilize apenas cabos blindados e com baixa
capacitância, certificando-se de fazer uma emenda perfeita e com baixa resistência de
contato.
O cabo de um transdutor a seis fios pode ser aumentado com cabo do mesmo tipo.
Tipos de cabo recomendados pela HBM:
• KAB7.5/00-2/2/2 (fornecido por metro; para cabos na cor cinza, o código de produto é
4-3301.0071, para cabos na cor azul, utilize o código de produto 4-3301.0082).
• CABA1 (para fazer o pedido de um rolo de cabo, utilize o código CABA1/20 = 20 m ou
CABA1/100 = 100 m de comprimento)
5.5
Conexão paralela
Somente células de carga com saída alinhada (sensibilidade nominal e resistência de saída)
são indicadas para conexão paralela. As células de carga podem ser ligadas em paralelo,
unindo as extremidades dos núcleos de mesma cor do cabo da célula de carga. Para essa
finalidade, a HBM também disponibiliza uma linha de caixas de junção tipo VKK ou na versão
VKK2R-8 Ex para áreas com potencial explosivo. O sinal de saída é a média dos sinais
individuais de saída.
Importante
Depois de efetuar a conexão das células em paralelo, não é possível detectar no sinal de
saída qualquer sobrecarga em determinada célula.
Z6...A1027-4.0 HBM: public
15
Conexão elétrica
5.6
Proteção EMC
Informações de referência
Normalmente, campos elétricos e magnéticos induzem tensões de interferência no circuito
de medição. Para obter medições confiáveis, diferenças de sinal inferiores a 1μV devem ser
transmitidas, sem interferência, do transdutor para os eletrônicos de avaliação.
Planejamento do conceito de blindagem
Em virtude da ampla gama de opções de aplicação e das diferentes restrições de local,
só podemos disponibilizar informações referentes a uma conexão correta. O conceito
de blindagem apropriado para sua aplicação deverá ser planejado localmente por um
especialista.
Células de carga com cabos blindados são testados de acordo com as normas da EMC e
identificados com certificação da CE.
Pontos a serem observados
• Utilize apenas cabos blindados de medição de baixa capacitância (os cabos da HBM
atendem a ambos os requisitos).
• Não trabalhe com os cabos de medição paralelamente às linhas de energia e de circuitos
de controle. Se isso não for possível, proteja o cabo de medição utilizando, por exemplo,
um eletrodo de aço.
• Evite campos dispersos de transformadores, motores, chaves de contato, etc.
• Utilize uma extensão generosa de cabo para conectar a blindagem do cabo de conexão no
corpo do eletrônico de blindagem. Ao utilizar diversas células de carga, utilize uma
extensão generosa de cabo para conectar a blindagem à caixa de junção (combinação
de sinais de transdutor, por exemplo, o tipo VKK1 da HBM). Saindo da caixa, utilize uma
extensão generosa para conectar o cabo de medição para o eletrônico na caixa de
junção, o mesmo procedimento devendo ser usado para conectar ao corpo do eletrônico
de blindagem.
• A blindagem do cabo de conexão não pode ser usada para descarga dos diferentes
potenciais no sistema. Assim sendo, é preciso ter linhas de equalização de potencial,
suficientemente dimensionadas, a fim de compensar possíveis diferenças de potencial.
Importante
A equalização de potencial é especificada para aplicações em atmosferas potencialmente
explosivas.
16A1027-4.0 HBM: public Z6…
Descarte de lixo eletrônico e proteção do meio ambiente
6 Descarte de lixo eletrônico e proteção do
meio ambiente
O correto descarte de lixo eletrônico evita danos ao meio ambiente e à saúde.
Visto que os requisitos para descarte de lixo eletrônico podem diferir de país para país,
entre em contato com o fornecedor para definir qual tipo de descarte ou de reciclagem é
legalmente aplicável em seu país.
Embalagens
As embalagens originais da HBM são fabricadas com material reciclável e podem ser
enviadas para reciclagem. As embalagens devem ser guardadas por período equivalente a,
pelo menos, o tempo da garantia.
Por motivos ecológicos, embalagens vazias não devem ser remetidas de volta à HBM.
Z6...A1027-4.0 HBM: public
17
Especificações
7 Especificações
7.1
Z6FD1 e Z6FC3
Tipo
Classe de exatidão 1)
Número de intervalo de verificação
de célula de carga
Capacidade máxima
Z6FD1
D1
Z6FC3
D3
nLC
1000
3000
Emax
5; 10; 20; 30; 50;
100; 200; 500;
1000
10; 20; 30; 50; 100;
200; 500; 1000
Intervalo mínimo de verificação de
vmin
células de carga
Coeficiente de temperatura para
TC0
sinal zero por 10K
Sensibilidade nominal
Cn
Tolerância de sensibilidade
Coeficiente de temperatura para
TCS
sensibilidade 3) por 10K
dlin
Desvio de linearidade 3)
3)
dhy
Erro de reversibilidade relativa
Fluência de carga em 30 minutos
dDR
Resistência de Entrada
RLC
Resistência de Saída
R0
Tensão de excitação de referência
Uref
Amplitude nominal da tensão de
BU
excitação
Resistência de isolamento a 100 Vcc
Ris
Intervalo de temperatura nominal
BT
Intervalo de temperatura
Btu
operacional
Intervalo de temperatura de
Btl
armazenamento
Limite de carga
EL
Carga de ruptura
Ed
Comprimento do cabo com configuração à seis fios
Nível de proteção conforme DIN EN60529
(IEC529)
kg
% de
Emax
% de
Cn
mV/V
%
% de
Cn
Ω
V
GΩ
°C
+1; -0,1
0,0090
0,0083 (para 30 kg)
±0,0126
±0,0116 (para 30 kg)
2,0
±0,05 2)
±0,0500
0,0080
0,0360
±0,0500
±0,0500
±0,0500
±0,0490
±0,0180
0,0170
±0,0660
350 … 480
356 ±0.2
356 ±0.12
5
0.5 … 12
>5
-10 … +40
-30 … +70
-50 … +85
% de
Emax
150
≥ 300
m
3
IP68 (condições de teste: 1 m de coluna
d'água/100 h)
18A1027-4.0 HBM: public Z6…
Especificações
Tipo
Material:
Corpo de medição
Fole
Prensa-cabo de entrada
Cobertura de cabo
Z6FD1
Z6FC3
Aço inoxidável 4)
Aço inoxidável 4)
Aço inoxidável/Viton®
PVC
Conforme OIML R60, com PLC = 0,7.
Para Z6FC3/10kg: ≤ ±0,1%.
3)
Os valores de desvio não linear (dlin), erro de reversibilidade relativa (dhy) e efeito da temperatura na sensibilidade
(TCS) são valores recomendados. A soma desses valores está dentro dos limites de erro cumulativo estipulado pela
OIML R60.
4)
Conforme EM 10088-1.
1)
2)
Z6...A1027-4.0 HBM: public
19
Especificações
7.2
Z6FC3MI, Z6FC4 e Z6FC6
Tipo
Classe de exatidão 1)
Número de intervalo de verificação de
célula de carga
Capacidade máxima
Intervalo mínimo de verificação de
células de carga
Coeficiente de temperatura para sinal
zero por 10K
Sensibilidade nominal
Coeficiente de temperatura para
sensibilidade 2) por 10K
Não linearidade 2)
Erro de reversibilidade relativa 2)
Fluência de carga em 30 minutos
Retorno mínimo de saída de carga morta
Z6FC3MI Z6FC4
C3/MI7.5 C4
nLC
3000
4000
Emax
kg
50; 100;
200
20; 30;
50; 100;
200; 500
vmin
% de
Emax
0,0066
TC0
% de Cn
±0,0093
Cn
mV/V
TCS
dlin
dhy
MDLOR
Resistência de Entrada
RLC
Resistência de Saída
R0
Tensão de excitação de referência
Uref
Amplitude nominal da tensão de
BU
excitação
Resistência de isolamento a 100 VCC
Ris
Intervalo de temperatura nonimal
BT
Intervalo de temperatura operacional
Btu
Intervalo de temperatura de
Btl
armazenamento
Limite de carga
EL
Carga de ruptura
Ed
Comprimento do cabo com configuração
a seis fios
Nível de proteção conforme DIN EN60529 (IEC529)
Material:
Corpo de medição
Foles
Prensa-cabo de entrada
Cobertura de cabo
% de Cn ±0,0180
±0,0066
±0,0098
0,5
Emax/750
0
V
GΩ
°C
20; 30;
50; 100;
200
2,0
±0,0080
Ω
Z6FC6
C6
6000
±0,0070
±0,0040
±0,0150
±0,0130
±0,0125
±0,0110
±0,0080
±0,0083
___
___
350 … 480
356 ±0,12
5
0,5 … 12
>5
-10 … +40
-30 … +70
-50 … +85
% de
Emax
150
> 300
m
3
IP68 (condições de teste: 1 m de coluna
d'água/100 h)
Aço inoxidável 4)
Aço inoxidável 4)
Aço inoxidável/Viton®
PVC
20A1027-4.0 HBM: public Z6…
Especificações
Conforme OIML R60, com PLC = 0,7.
Para Z6FC3/10 kg: ≤ ±0,1%.
3)
Os valores de desvio não linear (dlin), erro de reversibilidade relativa (dhy) e efeito da temperatura na sensibilidade (TCS)
são valores recomendados. A soma desses valores está dentro dos limites de erro cumulativo estipulado pela OIML R60.
4)
Conforme EN 10088-1.
1)
2)
7.3
Especificações para todas as versões
Capacidade
máxima
Carga de
vibração
relativa
permitida
Deslocamento
nominal
aproximado
Peso
aproximado
kg
Fsrel
% de
Emax
snom
mm
G
kg
5
10
20
30
50
100
200
100
0,24
0,3
0,29
0,28
0,27
0.5
0,31
0,39
500
1000
70
10
0,6
0,55
2,3
Z6...A1027-4.0 HBM: public
21
Dimensões
8 Dimensões
8.1
Z6…/5 kg a 500 kg
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas)
Direção da medição
Visão de baixo
Capacidade máxima
5 kg a 500 kg
8,2
8,2
500 kg
10,5
11,1
22A1027-4.0 HBM: public Z6…
Dimensões
8.2
Z6…/1 t
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas)
133±0,1
22±0,1
Direção da
medição
Visão de baixo
Ø38-0,1
11,1+0,1
Z6...A1027-4.0 HBM: public
23
Acessórios
9 Accessories
9.1
Rolamento tipo pêndulo ZPL, Emax = 5 kg … 1 t
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas)
Direção da medição
Z6/200kg/ZPL
Z6/500kg/ZPL
Z17/2t/ZPL (para 500 kg e 1 t de
carga nominal)
Dois anéis de proteção contra poeira
inclusos no escopo da entrega do ZPL
Parafuso de aperto incluído no
escopo da entrega do ZPL
1)
2)
Emax
ZPL
ØC
D
H
M
ØO
T
E
5 kg a 200 kg
Z6/200KG/ZPL
20-0,2
45
89 +0,6
-0,8
M8
30
6,5
17
500 kg
Z6/500KG/ZPL
20-0,2
45
89 +0,6
-0,8
M8
30
6,5
17
1t
Z17/2T/ZPL
30-0,1
60
126,5
M10
46
8
22
Emax
5 kg a 200 kg
500 kg
1t
ZPL
Z6/200KG/ZPL
Z6/1T/ZPL
Z6/1T/ZPL
F
9
9
14
ØU
20D10
20D10
30D10
FR1)
2,8
2,8
2
smax2)
3,5
3,5
7,5
FR: Force Feedback em N, com 1 mm de deslocamento lateral
smax: Deslocamento lateral máximo permitido com capacidade máxima
24A1027-4.0 HBM: public Z6…
Acessórios
9.2
Terminal rotular ZGWR
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas)
Parafuso e arruela inclusos no escopo
da entrega
Emax
5 kg a 200 kg
500 kg
1t
Emax
5 kg a 200 kg
500 kg
1t
ZGWR
Z6/200KG/ZGWR
Z6/1T/ZGWR
Z6/1T/ZGWR
ZGWR
Z6/200KG/ZGWR
Z6/1T/ZPL
Z6/1T/ZPL
A
16
20
20
B
8H7
10H7
10H7
ØK
16
19
19
D
24
24
28
L
5
6,5
6,5
M
M8
M10
M10
F
36
43
43
G
48
57
57
SW
14
17
17
H
9
10,5
10,5
W
12
14
14
ØJ
12,5
15
15
Z
46
53
55,5
Z6...A1027-4.0 HBM: public
25
Acessórios
9.3
Force feedback ZRR
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas)
Direção da medição
Profundidade: 15 mm
Emax
5 kg a 200 kg
ZRR
Z6/200KG/ZRR
a
80 ±1,1
Emax
5 kg a 200 kg
ZRR
Z6/200KG/ZRR
F2
85
b
123
G1
46
D
16
G2
77
E1
30
H
M8
E2
30
F1
65
M1
M8x30
M2
M8x30
26A1027-4.0 HBM: public Z6…
Acessórios
9.4
Rolamento borracha-metal ZEL
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas)
Posição correta da instalação do rolamento borracha-metal
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas) para Emax 5 kg a 200 kg
Direção da medição
Z6...A1027-4.0 HBM: public
27
Acessórios
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas) para Emax 500 kg
Direção da medição
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas) para Emax 1 t
Direção da medição
Parafusos compensado em 35°
28A1027-4.0 HBM: public Z6…
Acessórios
1)
2)
Emax
5 kg a 200 kg
ZEL
Z6/200KG/ZEL
A
75
B
M12
C
12
D
40
E
79 ±1,3
F
18,5
G
M8
H
AF17
500 kg
Z6/1T/ZEL
80
M10
10
39
105 -2,2
+2,1
26
-
AF27
1t
Z6/1T/ZEL
80
M10
10
39
117 -2,2
+2,1
26
-
AF27
Emax
5 kg a 200 kg
500 kg
1t
ZEL
Z6/200KG/ZEL
Z6/1T/ZEL
Z6/1T/ZEL
K
19
*
L
20
20
M
120
120
N
100
100
P
9
9
R
60
60
FR1)
163
400
400
smax2)
3
4,5
4,5
FR: Force Feedback em N, com 1 mm de deslocamento lateral
smax: Deslocamento lateral máximo permitido com capacidade máxima
Z6...A1027-4.0 HBM: public
29
Acessórios
9.5
Cone, panela cônica ZK
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas) para Emax 5 kg a 1 t
Direção da medição
Panela cônica 90°
Cone 60°
Emax
5 kg a 200 kg
500 kg a 1 t
ZK
Z6/200KG/ZK
Z6/1T/ZK
ØC
15
18
D
16
24
E
21
32
ØU
8,1-0,05
11-0,05
X
26
34/36,5
30A1027-4.0 HBM: public Z6…
Acessórios
9.6
Sapata de carga oscilatória ZFP e ZKP
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas) para Emax 200 kg
Ajuste de altura
Direção da
medição
Aço
Borracha
Ajuste de altura
Direção da
medição
* Torque de aperto 30 N.m
Z6...A1027-4.0 HBM: public
31
Acessórios
9.7
Sapata de carga oscilatória PCX
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas) para Emax 5 kg a 500 kg
Z6/PCX/500 kg em um conjunto, incluindo quatro peças
Pos. 1, AF13
Pos. 2, AF17
Pos. 3, AF17
AF = Ao longo dos encaixes
32A1027-4.0 HBM: public Z6…
Acessórios
9.8
Sapata/conjunto de montagem
Dimensões (em mm; 1 mm = 0,03937 polegadas)
para Emax 5 kg (Z6/ZPU/200KG) ... 50 kg (Z6/ZPU/500KG)
Aplicação de carga
(Z6/...kg/ZPL; Z6/...kg/ZEL ; Z6/...kg/ZK)
Torque de aperto MA:
23 N.m a 200 kg;
45 N.m a 500 kg
Visão de baixo
82 ± 0,1
22,5
Z6...A1027-4.0 HBM: public
33
Acessórios
Definindo a largura do espaço da parada por sobrecarga
O parafuso de parada por sobrecarga foi projetado com comprimento para ser usado
com um ZEL ou ZPL. Com uma largura ideal de espaço, garante-se profundidade
suficiente do parafuso na sapata (> 10 mm). Dependendo das peças de carga
utilizadas na aplicação, pode ser necessário selecionar diferentes comprimentos de
parafuso, por exemplo, para Z6/...kg/ZK M10x35 (DIN 931).
 Defina a largura do espaço da parada por sobrecarga, utilizando um calibrador de
folga.
 Defina a altura, travando o parafuso com a porca (inclusa).
Capacidade máxima em kg
50
100
200
500
1)
Espaço A 1) (parada por
sobrecarga) em mm
≈0,35
≈0,40
≈0,50
≈0,85
Limite de Carga
200 kg
400 kg
800 kg
2.5 t
A largura do espaço da parada por sobrecarga pode variar, dependendo das características da instalação.
Verifique a função da parada por sobrecarga após a instalação e antes do comissionamento. Deve-se usar
uma largura de 0,05 mm para célula de carga com capacidade máxima.
34A1027-4.0 HBM: public Z6…
Was this manual useful for you? yes no
Thank you for your participation!

* Your assessment is very important for improving the work of artificial intelligence, which forms the content of this project

Download PDF

advertising