MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES
7469
MANUAL DE INSTRUÇÕES
Impresso na China
P/N - 358609-001 Fev/10
IMPORTANTES INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA
Ao utilizar um aparelho elétrico, algumas precauções básicas devem ser seguidas, como as descritas a seguir.
Leia as instruções antes de usar a máquina de costura.
PERIGO
!
Para reduzir o risco de uma descarga elétrica.
1. Nunca descuide da máquina durante o tempo em que estiver conectada.
Desconecte a máquina da rede elétrica imediatamente após o seu uso e antes
de limpá-la.
CUIDADO
!
Para reduzir o risco de queimaduras, fogo, descargas elétricas ou causar
danos as pessoas.
1. Não use a máquina como se fosse um brinquedo. Muita atenção se faz necessário, quando a máquina estiver sendo
usada próxima de crianças.
2. Use a máquina de costura conforme descrita neste manual. Use unicamente os acessórios recomendados pelo
fabricante, devidamente especificados neste manual.
3. Nunca use a máquina se algum cabo ou a tomada estiver em más condições, ou se a máquina não estiver costurando
corretamente, seja por ter caído, danificada ou molhada.
4. Não use a máquina com os orifícios de ventilação bloqueados. Mantenha os orifícios de ventilação da máquina de
costura e o pedal controlador sem acúmulos de pó, sujeira e restos de tecido.
5. Não introduza e nem insira objetos nos orifícios de ventilação.
6. Não usar a máquina em áreas externas.
7. Não use a máquina quando alguém estiver utilizando aerosol (spray), ou oxigênio nas proximidades.
8. Para desconectá-la, gire o interruptor até a posição Off ("O"), em seguida desconecte o plugue da rede elétrica.
9. Não desconecte o plugue puxando pelo cabo. Para desconectar, puxe o plugue e não o cabo.
10. Mantenha os dedos longe de todas as partes móveis da máquina. Tome um cuidado especial com a agulha em
movimento.
11. Usar sempre a chapa de agulha apropriada para esta máquina. Uma chapa de agulha imprópria pode provocar a
quebra da mesma.
12. Não use agulhas tortas ou com as pontas danificadas.
13. Não empurre e nem puxe o tecido enquanto estiver costurando. Isto poderá entortar a agulha e quebrá-la.
14. Desligue a máquina (posição Off - "O") quando fizer algum ajuste na área da agulha, tais como: passar a linha na
agulha, trocar a agulha, a bobina, o pé-calcador e similares.
15. Desconecte sempre a máquina da rede elétrica quando for retirar as tampas, ao lubrificá-la, ou quando realizar
algum outro tipo de ajuste mecânico mencionado no manual de instruções.
CONSERVE ESTE MANUAL DE INSTRUÇÕES
Esta máquina de costura foi projetada para uso doméstico.
Este instrumento está de acordo com a diretriz da CEE 89/336/EEC, abrangendo a supressão
contra interferência de rádio.
Este produto deve ser reciclado conforme a legislação nacional referente a produtos
elétricos e eletrônicos. Caso tenha alguma dúvida a respeito, por favor, entrar em
contato com a rede de serviços autorizados.
® Uma marca registrada da The Singer Company Ltd. ou suas afiliadas.
Copyright © 2010 Singer Sewing Machine Co. Ltd.
ÍNDICE
1. CONHECENDO A SUA MAQUINA DE COSTURA
Partes principais da máquina ................................................................................................................................ 2
Acessórios da máquina, Acessórios opcionais fornecidos .................................................................................... 3
Preparando a máquina ...........................................................................................................................................4
Pino porta-carretel, Levantador do pé-calcador .....................................................................................................5
Isolador dos dentes ................................................................................................................................................5
Costura com braço livre ..........................................................................................................................................6
Enchimento da bobina ............................................................................................................................................6
Passando a linha da bobina ...................................................................................................................................7
Passando a linha na máquina ................................................................................................................................8
Utilizando o passador de linha automático .............................................................................................................9
Tabela de linha, agulha e tecido ...........................................................................................................................10
Ajuste da tensão da linha da agulha .....................................................................................................................11
Trocando a sapatilha .............................................................................................................................................11
Funções do painel de controle .............................................................................................................................12
Botão de retrocesso .............................................................................................................................................15
2. COMEÇANDO A COSTURAR
Quadro de referência rápida de comprimento e largurado ponto .........................................................................16
Costura reta, Fazer a costura alinhada.................................................................................................................20
Pregando zíper e debrum .....................................................................................................................................21
Ponto para acolchoar “quilt”...................................................................................................................................21
Costura reta com a função de arremate automático ........................................................................................... 21
Ponto ziguezague.................................................................................................................................................. 22
Ajuste da largura e do comprimento do ponto, Ponto acetinado, Posicionamento dos pontos.............................22
Ponto invisível ...................................................................................................................................................... 23
Multiziguezague ( três pontinhos) , Ponto tipo concha (lingerie) ......................................................................... 24
Pontos elásticos ....................................................................................................................................................25
Costura reta elástica, Ponto tipo overloque, Ponto pluma, Ponto ric-rac..............................................................25
Ponto caseado, Ponto caseado duplo, Ponto casa de abelha, Ponto entremeio..................................................26
Ponto escada, Ponto overloque duplo, Ponto entre - cruz, Ponto tipo cruz..............................................................27
Ponto overloque inclinado, Ponto caseado inclinado, Ponto grego, Ponto espinha de peixe................................28
Ponto espinho, Ponto de borda reforçado, Ponto mágico, Ponto divisa...............................................................29
Pontos decorativos .............................................................................................................................................. 30
Aplicações de pontos decorativos ........................................................................................................................30
Pontos contínuos ..................................................................................................................................................31
Pontos decorativos especiais ...............................................................................................................................32
Pregando botões ..................................................................................................................................................32
Fazendo caseados .............................................................................................................................................. 33
Caseado automático, Caseado acordoado, Caseado Manual .............................................................................35
3. CUIDANDO DA SUA MÁQUINA
Limpando a área da lançadeira e dos dentes ...................................................................................................... 36
4. GUIA DE VERIFICAÇÃO DE DEFEITOS
Problemas gerais, Problemas no ponto, Problemas com a linha......................................................................... 37
5. INFORMAÇÕES ADICIONAIS
Ajuste da posição da agulha para costura reta ....................................................................................................38
Sapatilha para pontos acetinados, Agulha dupla .................................................................................................38
Sapatilha de cerzido e bordado, Sapatilha de alimentação uniforme...................................................................39
Sapatilha especial de ponta aberta, Sapatilha de1/4”...........................................................................................39
1
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
2
PARTES PRINCIPAIS DA MÁQUINA
1. Guia-fio
2. Estica-fio
3. Seletor de tensão da linha da
agulha
4. Tampa frontal
5. Cortador de linha
6. Extensão da base (caixa de
acessórios)
7. Eixo do enchedor da bobina
8. Limitador da bobina
9. Botão de retrocesso
10. Guia de referência de pontos
11. Pino porta-carretel horizontal
12. Alça de transporte
13. Volante
14. Interruptor liga/desliga
15. Entrada do cabo de força
16. Placa de identificação
17. Levantador do pé calcador
18. Isolador dos dentes
19. Alavanca do caseador
20. Passador de linha automático
21. Guia do passador de linha
22. Guia-fio
23. Parafuso de fixação do
pé-calcador
24. Agulha
25. Visor da bobina
26. Barra de agulha
27. Cortador de linha alternativo
28. Botão de liberação do
pé-calcador
29. Parafuso de fixação da agulha
30. Sapatilha
31. Dentes
32. Chapa da agulha
33. Botão de abertura do visor da
bobina
34. Cabo de força
35. Pedal controlador de velocidade
36. Manual de instruções
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
ACESSÓRIOS DA MÁQUINA
1. Cartela de agulhas
2. Bobinas ( 4 unidades total – 1 na máquina )
3. Pino porta-carretel vertical
4. Feltro do pino porta-carretel vertical
5. Prendedor de retrós (pequeno)
6. Prendedor de retrós (médio)
7. Prendedor de carretéis (grande)
8. Abridor de casas / Pincel para limpeza
9. Chave de fenda para chapa da agulha
10. Sapatilha para pregar zíper
11. Sapatilha para ponto acetinado
12. Sapatilha para ponto invisível
13. Sapatilha para caseado
ACESSÓRIOS OPCIONAIS FORNECIDOS
14. Sapatilha de cerzido e bordado
15. Sapatilha de alimentação uniforme
16. Sapatilha de ¼”
17. Sapatilha especial de ponta aberta
14
*
*
CONSELHOS ÚTEIS
A sapatilha que vem com a máquina de costura
chama-se sapatilha de uso geral (universal) e será
utilizada para a maioria de suas costuras.
15
CONSELHOS ÚTEIS
A sapatilha para pontos acetinados (11) é muito útil e
deverá ser usada para fazer pontos decorativos.
16
NOTA
Ao comprar bobinas adicionais, assegure-se que
sejam da Classe I5 J.
17
3
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
PREPARANDO A MÁQUINA
Não se esqueça de limpar qualquer
excesso de óleo na área da chapa da
agulha, antes de começar a usar a
máquina pela primeira vez.
CABO DE FORÇA / PEDAL
CONTROLADOR DE
VELOCIDADE
Conecte o cabo de força na entrada do
cabo de força da máquina (1), e o plugue
na alimentação de corrente elétrica (2),
conforme ilustração.
Conecte o plugue do pedal (3) no
conector da máquina.
NOTA
Quando o pedal controlador
estiver desconectado, a
máquina não funcionará.
!
INTERRUPTOR LIGA / DESLIGA
A máquina não funcionará até que o
interruptor seja ligado.
O mesmo interruptor controla a corrente
elétrica e a iluminação (LED).
Quando não estiver utilizando a
máquina, ou quando for trocar a agulha,
a máquina deverá ser desconectada da
tomada da parede.
4
Sempre desconecte a máquina da
fonte de alimentação retirando o
plugue da tomada da parede.
PINO PORTA-CARRETEL HORIZONTAL
(para carretel e retrós de tamanho normal)
Coloque o carretel ou retrós de linha no pino portacarretel e prenda-o com o prendedor adequado, para
assegurar que a linha deslize suavemente. Os carretéis
possuem uma ranhura de fixação da linha, que deve ser
posicionada para a direita.
Selecione o prendedor de carretel ou de retrós de acordo
com o tipo e diâmetro a ser usado. O diâmetro do
prendedor de carretel deve ser sempre maior que o do
carretel usado.
PINO PORTA-CARRETEL VERTICAL
(para carretel e retrós de tamanho grande)
Coloque o pino porta-carretel vertical e o feltro.
Coloque um carretel de linha no porta-carretel vertical.
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
PINO PORTA-CARRETEL
LEVANTADOR DO PÉ–CALCADOR
O pé-calcador possui três posições:
1. Abaixe o pé-calcador para costurar.
2. Levante até a posição média para inserir ou mover o
tecido.
3. Levante até a posição mais alta para substituir a
sapatilha ou para mover tecidos grossos.
ISOLADOR DOS DENTES
Os dentes controlam o movimento do tecido que está
sendo costurado. Devem estar levantados durante as
operações de costura e abaixados durante remendos,
bordados com bastidor e na confecção de monogramas,
de modo que seja você e não os dentes que movam o
tecido.
COMO LEVANTAR OS DENTES
1. Assegure-se que o pé-calcador e a agulha estejam em
sua posição mais alta.
2. Com a traseira da máquina voltada para você, empurre
a alavanca para baixo e para a direita (conforme o
símbolo que mostra os dentes acima da linha).
3. Gire a máquina para o lado frontal (de frente para você)
de modo que você ouça e veja um clique dos dentes.
5
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
COSTURA COM BRAÇO LIVRE
A máquina tanto pode ser utilizada como base plana ou
como uma máquina de braço livre.
Com a extensão da base posicionada, consegue-se uma
superfície maior de trabalho, como a de um modelo de
máquina de base plana.
Para retirar a extensão da base, segure-a firmemente com
as mãos e retire-a pela esquerda, como mostra a figura.
Para colocá-la novamente, deslize a extensão da base
para o seu lugar novamente até ouvir um clique.
Sem a extensão da base montada, a máquina se
converterá em um modelo de braço livre, para costurar
roupas infantis, punhos, pernas de calças e outras costuras
tubulares de difícil acesso.
ENCHIMENTO DA BOBINA
(Usar somente bobinas da classe 15J)
1. Coloque um carretel de linha no pino porta-carretel e
segure-o com o prendedor de carretel.
Puxe a linha para fora do carretel e passe-a através dos
guias-fio, como mostrado na figura.
2. Passe a ponta da linha através do furo da bobina, de dentro
para fora, como mostrado.
3. Empurre o eixo do enchedor da bobina para a posição
esquerda (o máximo possível), caso não esteja nesta posição.
Coloque a bobina no eixo do enchedor, com a ponta da linha
saindo pela parte superior da bobina.
Deslize o eixo do enchedor para a direita, até ouvir um clique.
4. Segurando a ponta da linha da bobina para cima, ligue a
máquina e acione o pedal. A agulha não se moverá, mas a
bobina irá girar. Depois de 10 voltas, corte a linha perto do furo.
Continue enchendo a bobina até parar automaticamente.
Empurre o eixo do enchedor para a esquerda, retire a bobina e
corte a linha.
6
1. Levante a agulha até a sua posição mais alta, girando o
volante em sua direção.
2. Retire o visor da bobina empurrando o botão de
abertura para a direita. O visor da bobina sairá o
suficiente, permitindo a sua remoção.
3. Insira a bobina, certificando-se de que ela gira para a
esquerda (sentido anti-horário) quando a linha é puxada.
NOTA
Este é um passo muito importante.
Certifique-se sempre que a bobina esteja
girando no sentido anti-horário quando a
linha é puxada.
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
PASSANDO A LINHA DA BOBINA
4. Passe a linha pela ranhura (A) e depois para a
esquerda.
5. Coloque o dedo suavemente sobre a bobina, puxe a
linha até que pare na ranhura (B). Então, puxe a linha ao
longo do rasgo da chapa de agulha até que seja cortada
no cortador de linha que fica à esquerda da ranhura.
NOTA
Pode-se iniciar a costura sem a
necessidade de pegar a linha da bobina.
6. Coloque novamente o visor da bobina na chapa de
agulha.
7
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
PASSANDO A LINHA NA MÁQUINA
A. Levante o pé-calcador. Sempre se certifique de levantar
o pé-calcador antes de passar a linha superior. (Se o pécalcador não for levantado, a tensão correta da linha não
poderá ser obtida).
B. Gire o volante em sua direção até que a agulha alcance a
sua posição mais alta.
C. Passe a linha na máquina com a sua mão
esquerda, enquanto segura firmemente a linha com
a sua mão direita, conforme mostra as seqüências
das ilustrações:
?
Guie a linha através do guia-fio (1), e em seguida
passe a linha pelo guia da pré-tensão (2).
?
Puxe a linha entre os discos de tensão, passando
a linha pela esquerda da chapa (2). Em seguida,
guie a linha até o fundo da ranhura.
?
Dê uma volta em "U" ao redor do interior da
lingüeta (3).
?
Passe a linha pelo estica-fio (4), da direita para a
esquerda.
?
Puxe a linha para o interior do estica-fio até que ela
chegue no orifício da alavanca.
?
Guie a linha pelo guia-fio (5).
?
Passe a linha pelo olho da agulha (6), da frente
para trás. (Leia a página seguinte para obter
instruções necessárias para utilizar o passador de
linha automático).
IMPORTANTE:
Para verificar se a linha passou
corretamente nos discos de tensão,
faça a seguinte verificação:
1. Com o pé-calcador levantado, puxe
a linha da agulha para a parte traseira
da máquina. Deverá detectar somente
uma leve resistência e uma pequena
ou quase nenhuma curvatura da
agulha.
2. Agora abaixe o pé-calcador e puxe
a linha para trás novamente. Nesse
momento deverá ser detectada uma
considerável resistência e maior
curvatura da agulha.
Se não detectar essa resistência, a
linha foi passada incorretamente na
máquina e deverá ser passada
novamente.
8
Levante a agulha até a sua posição mais alta, girando o
volante da máquina na sua direção.
1. Passe a linha através do guia-fio, como indica a figura.
2. Abaixe a alavanca segurando a ponta da linha.
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
UTILIZANDO O PASSADOR DE LINHA AUTOMÁTICO
3. Gire a alavanca para trás e até o final.
4. Coloque a linha no gancho e estique-a para cima.
5. Retorne a alavanca para a sua posição e a linha
passará pelo olho da agulha automaticamente.
6. Solte a alavanca e puxe a linha pelo olho da
agulha, para trás.
NOTA
Para conseguir que a linha passe corretamente, é necessário posicionar a
alavanca do seletor de largura do ponto na posição de costura reta.
9
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
TABELA DE LINHA, AGULHA E TECIDO
O tecido a ser usado determinará a TECIDO
LINHA
seleção da agulha e da linha. Esta tabela
Os tecidos mencionados podem ser de qualquer
constitui um guia prático para orientar na fibra: Algodão, linho, seda, lã, sintético, fibra artificial
seleção da agulha e linha. Sempre (rayon), fios mesclados. Estão listados segundo seu
consulte a tabela antes de costurar um peso.
material novo. Use a linha da bobina do
Cambraia
- Algodão + Poliéster
mesmo tamanho e tipo da linha da PESO
LEVE
Gase
-100% Poliéster
agulha.
Crepe
- Mercerizado N° 60 *
?
Não use sobre tecidos elásticos.
TAMANHO
11/80
Veludo cotelê
Flanela
Gabardine
Linho
Musseline
Crepe de lã
- Algodão + Poliéster
- 100% Poliéster
- Mercerizado N° 50 *
- Nylon
2020
14/90
MÉDIO
PESADO
Tecidos
Compactos
Abrigos
Denim
Roupas
de Banho
Malhas
Compactas
Ponto duplo
Jersey
Tricô
- Algodão + Poliéster
-100% Poliéster
- Mercerizado N° 40 *
2020
16/100
- Algodão + Poliéster
- Poliéster
- Nylon
2045
11/80
14/90
16/100
sua costura, use sempre agulhas da
marca SINGER.
PONTOS
!
TROCA DA AGULHA
1. Levante a barra da agulha até a sua posição mais alta,
girando o volante na sua direção.
2. Solte o parafuso de fixação da agulha, girando-o na sua
direção.
3. Retire a agulha puxando-a para baixo.
4. Introduza uma agulha nova no orifício da barra de agulha
com o lado plano voltado para trás.
5. Empurre a agulha totalmente para cima, até encontrar
resistência.
6. Aperte o parafuso de fixação da agulha com uma chave de
fenda.
NOTA
Aperte o parafuso firmemente, mas não aperte
em excesso.
10
TIPO
2020
PESO
MÉDIO
?
Para obter os melhores resultados na
*
AGULHA
SUGESTÃO
Coloque um pedaço de tecido e abaixe o pécalcador. Isso facilitará a troca da agulha, além
de evitar que ela desça pela ranhura da chapa
de agulha.
Sempre desconecte a máquina da
fonte de alimentação, retirando o
plugue da tomada da parede.
90% de suas costuras serão feitas na posição “AUTO”,
gravado no seletor de tensão localizado na parte superior
da máquina.
*
SUGESTÃO
Um pequeno ajuste para o lado (+) ou ( - ) da
posição 4 melhorará a aparência da
costura.
COSTURA RETA
O bom aspecto da costura geralmente está determinado
pela tensão equilibrada das linhas superior (da agulha) e
inferior (da bobina).
Uma tensão bem balanceada é aquela que podemos ver
o fechamento dos pontos idênticos do lado inferior e
superior do tecido.
Se ao iniciar a costura os pontos estiverem irregulares,
você deverá ajustar a tensão no seletor de tensão da linha
da agulha.
Qualquer ajuste deverá ser realizado mantendo o pécalcador abaixado. Uma tensão balanceada (pontos
idênticos nas duas faces do tecido) normalmente é o ideal
para fazer costuras retas.
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
AJUSTE DA TENSÃO DA LINHA DA AGULHA
COSTURA ZIGUEZAGUE E DECORATIVA
Para a costura ziguezague e decorativa, a tensão da linha
deverá ser menor que para uma costura reta.
Uma costura será sempre bonita e com menos franzidos
quando a linha da agulha aparecer no lado avesso do
tecido.
TENSÃO DA BOBINA
É corretamente ajustada na fábrica, não sendo
necessário fazer qualquer outro ajuste.
TROCANDO A SAPATILHA
Coloque a agulha em sua posição mais alta.
Levante o pé-calcador.
1. Aperte o botão de liberação da sapatilha e retire-a.
2. Coloque a sapatilha desejada sobre a chapa de agulha,
alinhando o pino da sapatilha com o suporte da
sapatilha.
3. Abaixe o pé-calcador, de forma que o suporte engate
na sapatilha.
11
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
FUNÇÕES DO PAINEL DE CONTROLE
BOTÕES DE SELEÇÃO DIRETA
Os pontos mais frequentemente utilizados estão
incluídos nos botões de seleção rápida.
Ligue a máquina e depois pressione o botão desejado
até que este fique aceso.
BOTÕES DE SELEÇÃO NUMÉRICA
Use os botões localizados à esquerda da exibição do
número para selecionar o segundo número, e os botões
da direita para selecionar o primeiro número, consulte o
guia de referência de pontos, que se encontra na parte
inferior da máquina.
12
AJUSTES AUTOMÁTICOS (AUTO)
A sua máquina de costura fará a maioria dos pontos como
ajuste automático de comprimento e largura do ponto.
Quando selecionado um ponto, este será feito
automaticamente com os ajustes no valor padrão, de
comprimento e largura, e posição da agulha para costura
reta.
Os ajustes automáticos (pré-programados) serão
facilmente determinados, movendo-se o seletor de
controle de posição de agulha/comprimento e largura do
ponto. O indicador LED próximo ao controle ficará aceso
na cor laranja, sem piscar e será ouvido um bip indicando
que encontra-se na posição de ajustes automático.
AJUSTES MANUAIS
Uma vez determinada a posição automática, o
comprimento, a largura ou a posição da agulha poderão
ser alteradas manualmente, de acordo com a sua
preferência. Começando na posição AUTO, deslize o
seletor de controle para a esquerda ou para a direita para
localizar cada ajuste possível. Em cada ponto de ajuste
manual, o LED piscará 3 vezes em verde e será ouvido
um bip.
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
SELETORES DE COMPRIMENTO E
LARGURA DO PONTO/ POSIÇÃO DA AGULHA
O LED ficará vermelho se o ajuste desejado ultrapassar o
seu limite.
NOTA
As instruções para a alteração manual da
posição da agulha na costura reta
encontram-se na seção “Informações
Adicionais” .
NOTA
1.Alguns pontos oferecem mais
possibilidades para o ajuste manual do
que outros.
2. Um método alternativo para determinar os
ajustes disponíveis é mover os seletores
enquanto se faz lentamente a costura.
GUIA DE REFERÊNCIA
DE PONTOS
Ao selecionar os pontos com
os botões de seleção
numérica, consulte o guia de
referência.
?
Pontos em azul escuro: o
comprimento e a largura do
ponto podem ser
modificados.
?
Pontos em rosa: o
comprimento e a largura do
ponto são fixos.
?
Pontos em preto: caseados.
?
Os pontos com números
circulados: não podem ser
costurados com agulha
dupla (opcional).
13
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
BOTÃO DE AGULHA DUPLA (
)
Ao usar agulhas duplas, pressione o botão de agulha
dupla, sem considerar o tipo de ponto selecionado. Dessa
forma, a largura do ponto será diminuída
automaticamente, evitando que a sua agulha e a sua
máquina sejam danificadas.
Ao pressionar o botão, este ficará ligado na cor vermelha
e os padrões com números circulados no guia de
referência, não poderão ser selecionados, ouvindo-se um
bip.
BOTÃO SELETOR DA POSIÇÃO DE
PARADA DA AGULHA (
)
Pressione o botão seletor e o LED ficará vermelho,
fazendo a agulha ficar sempre em sua posição mais baixa
quando você parar a costura. Pressionando novamente o
botão, a agulha irá parar em sua posição mais alta
novamente.
14
SUGESTÃO
1. Selecione a agulha dupla sempre antes
de selecionar o ponto. Dessa forma, se
evitará qualquer possibilidade de quebra
da agulha dupla.
2. Ao ser desligada, a máquina voltará ao
modo de costura normal. A agulha dupla
estará ativa somente quando o botão de
agulha dupla estiver aceso em vermelho.
Para a função de retrocesso / Arremate da costura
FUNÇÃO DE COSTURA EM RETROCESSO
PARA COSTURA RETA E ZIGUEZAGUE(
)
CONHECENDO A SUA MÁQUINA DE COSTURA
BOTÃO DE RETROCESSO
A costura em retrocesso somente funcionará quando o
botão de retrocesso estiver sendo pressionado.
Enquanto estiver pressionando o botão a máquina
continuará costurando em retrocesso.
FUNÇÃO DE ARREMATE PARA
ACABAMENTO DE OUTROS PONTOS (
)
A máquina realiza 4 tipos de pontos pequenos de
arremate para terminar a costura em todos os pontos,
exceto para costura reta e ziguezague.
A posição dos pontos de arremate acontecerá no
momento exato que pressionar o botão de retrocesso.
NOTA
Esta função é muito útil para o acabamento
de costuras, evitando que o começo e o final
se desfiem.
15
COMEÇANDO A COSTURAR
QUADRO DE REFÊRENCIA RÁPIDA DE COMPRIMENTO
E LARGURA DO PONTO
16
COMEÇANDO A COSTURAR
17
18
COMEÇANDO A COSTURAR
COMEÇANDO A COSTURAR
18
COSTURA RETA ( )
A costura reta é o ponto mais freqüentemente usado em
vários tipos de costura.
Aprenda a costurar seguindo os passos abaixo:
1. AJUSTES
Pé-calcador - Sapatilha de uso geral (universal)
Seletor de tensão da linha – Posição “AUTO”
NOTA
De acordo com o tipo de tecido, poderá ser
necessário um pequeno ajuste da tensão.
A. Seletor de tensão da linha
B. Botão de retrocesso
C. Levantador do pé-calcador
D. Botão de agulha dupla
E. Botão seletor de parada da agulha
F. Seletor do comprimento do ponto
G. Seletor da largura do ponto
COMEÇANDO A COSTURAR
NOTA
Para a costura reta, o seletor da largura de
ponto é usado para mudar a posição de
agulha.
2. Puxe uns 15 cm de ambas as linhas para debaixo da
sapatilha e para trás da máquina.
3. Coloque o tecido embaixo da sapatilha e abaixe o pécalcador.
4. Gire o volante na sua direção até que a agulha entre no
tecido.
5. Ligue a máquina. Conduza o tecido suavemente com as
mãos. Ao chegar à borda do tecido, pare a máquina.
NOTA
A chapa da agulha possui linhas de guia
métricas e em polegadas, para ajudar a guiar
o tecido durante a costura.
6. Primeiro gire o volante na sua direção, até que a agulha
fique em sua posição mais alta, então levante o pécalcador, leve o tecido para trás e corte o excesso de
linha com o cortador de linha que está localizado na parte
inferior do cabeçote, conforme mostrado.
NOTA
Para deixar a costura mais firme e evitar que
o tecido desfie, pressione o botão de
retrocesso e costure alguns pontos no
começo e no final da costura.
FAZER A COSTURA ALINHADA
Para fazer uma costura alinhada, utilize as linhas de guia
numeradas da chapa de agulha. Os números indicam a
distância da linha ao centro da agulha.
A linha gravada no visor da bobina com ¼ (6 mm) é uma
linha de guia de costura comumente utilizada para a união
de blocos de “Quilting” e também para costuras estreitas,
como roupas de bonecas e artigos de vestuários de bebê.
20
PREGANDO ZÍPER E DEBRUM
Com a sapatilha para zíper você poderá costurar à direita
ou à esquerda do zíper, assim como aplicar o cordão na
borda do tecido.
PREGANDO ZÍPER
Para pregar o zíper do lado direito, monte o lado esquerdo
da sapatilha de zíper no suporte do pé-calcador, de forma
que a agulha entre na ranhura no lado esquerdo da
sapatilha.
Para pregar o lado esquerdo, monte o lado direito da
sapatilha no suporte do pé-calcador.
DEBRUM
Para fazer acabamentos em debruns, cubra o cordão com
tecido em viés e prenda-o com alfinetes ou alinhave
diretamente no trabalho sendo realizado.
Monte o lado direito da sapatilha de zíper no suporte do
pé-calcador, de forma que a agulha passe através da
ranhura no lado direito da sapatilha.
PONTO PARA ACOLCHOAR “QUILT”
Este ponto foi desenhado para se parecer com uma
costura feita à mão, para pontos de revestimento e
acolchoados.
1. Passe a linha na bobina com a cor desejada.
2. Passe a linha na máquina usando uma linha da mesma
cor ou invisível, para não ser visível no tecido.
3. Aumente um pouco a tensão da linha, verificando a
aparência.
4. Comece a costurar.
COMEÇANDO A COSTURAR
*
SUGESTÃO:
Para ajustar levemente a posição da agulha
para costurar mais próximo da borda, utilize
o seletor de largura do ponto.
NOTA
Para obter o resultado desejado,
experimente utilizar diferentes
combinações de tensão e de comprimento
do ponto.
COSTURA RETA COM A FUNÇÃO DE ARREMATE AUTOMÁTICO
1. Pressione o pedal controlador e a máquina irá fazer 4
pontos para frente e 4 pontos para trás, e continuará
costurando para frente até parar de pressionar o pedal.
2. Aperte o botão de retrocesso e a máquina irá fazer 4
pontos para trás e 4 pontos para frente, parando
depois.
21
PONTO ZIGUEZAGUE ( )
AJUSTES:
Pé-calcador - Sapatilha de uso geral (universal)
Seletor de tensão da linha - Posição “AUTO”
A linha da agulha poderá aparecer na parte inferior,
segundo o tipo de linha, tecido, tipo de ponto e velocidade
de costura, mas a linha da bobina nunca deverá aparecer
na parte superior do tecido.
Se a linha da bobina estiver aparecendo em cima, ou se
estiver enrugando, reduza um pouco a tensão no seletor
de tensão da linha da agulha.
COMEÇANDO A COSTURAR
AJUSTE DA LARGURA E DO
COMPRIMENTO DO PONTO
A caixa cinza escura indica o valor automático,
ajustado automaticamente quando é
selecionado o ponto.
Para ziguezague, o comprimento do ponto é de
2 mm e a largura é de 5 mm.
A caixa cinza clara indica todas as opções de
preferência pessoal disponíveis para se ajustar
manualmente.
NOTA
Os valores indicados na tabela
correspondem ao comprimento e a largura
real da costura e não correspondem a escala
ou números marcados na máquina de
costura.
PONTO ACETINADO
Este é um ponto muito utilizado para aplicações,
arremates e outros. Para o ponto acetinado, diminua um
pouco a tensão da linha da agulha e ajuste o comprimento
do ponto entre 0,5 e 2,0 mm. Para evitar enrugamentos
em tecidos finos, utilize entretela no avesso do trabalho.
NOTA
Para fazer um ponto acetinado mais denso
(pouco espaçado), deve-se usar a sapatilha
para ponto acetinado.
POSICIONAMENTO
DOS PONTOS
A largura do ponto aumentará a partir da posição central
da agulha, estreitando para o centro, como mostra a
ilustração.
22
PONTO INVISÍVEL
O ponto invisível é muito usado para fazer bainhas
invisíveis em cortinas, calças, saias, etc.
AJUSTES
Pé-calcador - Sapatilha para ponto invisível
Seletor de tensão da linha – Posição “AUTO”
Ponto invisível regular para tecidos
normais
Ponto invisível super elástico para
tecidos suaves e elásticos
1. Primeiro chuleie a borda do tecido. Depois vire a bainha
até o tamanho desejado e prenda com alfinetes.
3. Coloque o tecido sob a sapatilha. Gire o volante em sua
direção manualmente, até que a agulha se mova
completamente para à esquerda. Ela deve somente
atravessar a dobra do tecido. Se isto não acontecer,
ajuste a guia (B) da sapatilha para bainha invisível (A)
de forma que a agulha só atravesse a dobra do tecido e
a guia só encoste na dobra.
NOTA
Para obter um ponto invisível mais estreito
ou largo, primeiro ajuste os seletores de
comprimento e largura do ponto para o
comprimento e largura desejados. Em
seguida ajuste a posição da guia da
sapatilha.
COMEÇANDO A COSTURAR
2. Agora dobre o tecido conforme a ilustração, com o lado
do avesso para cima.
Costure lentamente, guiando o material cuidadosamente
ao longo da borda do guia.
4. Uma vez terminado, os pontos estarão quase invisíveis
sobre o lado direito do tecido.
NOTA
Para fazer costuras invisíveis é necessário
ter uma maior prática. Faça primeiro uma
costura de teste em um retalho do mesmo
tecido a ser costurado.
23
MULTIZIGUEZAGUE (TRÊS PONTINHOS)
AJUSTES
Pé-calcador – Sapatilha de uso geral (universal)
Seletor de tensão da linha – Posição “AUTO”
Este é um ponto firme, como seu próprio nome diz. Faz
três pontos curtos, sendo que o ziguezague normal faz
somente um.
Por esta razão é muito recomendado a sua utilização para
chulear todos os tipos de tecidos.
Também é ideal para cerzir, remendar, costurar toalhas e
para aplicação de elástico chato.
COMEÇANDO A COSTURAR
NOTA
Para cerzir ou fazer bordas é necessário o
ajuste manual do seletor de comprimento do
ponto, como mostra a figura.
PONTO CONCHA (LINGERIE)
AJUSTES
Pé-calcador – Sapatilha de uso geral (universal)
Seletor de tensão da linha – Posição “AUTO”
Dobre para baixo a borda do tecido e passe-a. Coloque o
lado direito do tecido para cima, de forma que a parte do
ponto ziguezague fique sobre a borda dobrada, esticando
o tecido e formando uma bainha do tipo concha. Recorte o
tecido excedente, próximo ao traçado.
*
SUGESTÃO:
Para obter o acabamento desejado,
experimente utilizar diferentes larguras,
comprimentos e ajustes de tensão.
PONTO FAGOTE
AJUSTES
Pé-calcador – Sapatilha de uso geral (universal)
Seletor de tensão da linha – Posição “AUTO”
Este é um ponto decorativo muito usado em mangas ou
frente de blusas e vestidos. Também usado para unir
tecidos, deixando um pequeno espaço entre eles.
Preparando o tecido: Dobre os dois tecidos deixando uma
margem de costura e passe a ferro. Alinhave as
extremidades dobradas com um pedaço de folha de papel
de seda do lado debaixo, deixando um espaço de 3,0 mm.
Costurar sobre este espaço, fazendo a agulha penetrar
nas extremidades de ambos os lados. Remover o
alinhavo e o papel, passando as dobras posteriormente.
24
PONTOS ELÁSTICOS
AJUSTES
Pé-calcador - Sapatilha de uso geral (universal) ou para pontos acetinados
Seletor de tensão da linha – Posição “AUTO”
Os pontos elásticos são utilizados principalmente em tecidos de malha ou
em tecidos elásticos, mas também podem ser utilizados em tecidos
comuns.
COSTURA RETA ELÁSTICA
A costura reta elástica é muito mais firme que a costura
reta comum, já que entrelaça três vezes: para frente, para
trás e para a frente novamente.
É particularmente adequada para reforçar costuras de
roupas esportivas, de tecidos elásticos e não elásticos, e
para costuras circulares que necessitem ter uma grande
resistência.
Utilize também este ponto para costuras sobrepostas de
lapelas arredondadas, golas e punhos, proporcionando
um acabamento profissional às peças.
Este é o mesmo tipo de ponto usado pela indústria da
confecção e na fabricação de peças esportivas.
A costura inicia e acaba em única operação. É bastante
utilizado para acabamentos de roupas.
PONTO PLUMA
COMEÇANDO A COSTURAR
PONTO TIPO OVERLOQUE
O aspecto bonito deste ponto permite o seu uso como
enfeite, para aplicações de rendas ou painéis internos em
lingerie ou cintas.
É também ideal para aplicações de acolchoados e de
fagote.
PONTO RIC-RAC
O ponto Ric-Rac é principalmente usado como ponto
decorativo e de acabamento. É ideal para decotes, cavas,
mangas e bainhas. Ajustando-se manualmente para uma
largura mais estreita, este ponto poderá ser usado em
áreas que necessitam de reforço na costura.
25
PONTO CASEADO
O ponto caseado é ponto tradicionalmente usado para
fazer acabamentos em bordas e aplicações.
PONTO CASEADO DUPLO
COMEÇANDO A COSTURAR
O ponto caseado duplo pode substituir o ponto
tradicionalmente feito a mão, para debruar cobertores e
mantas. Este ponto também pode ser utilizado para
colocar franjas, colocar vivos, debruns, fazer aplicações e
bainhas.
SUGESTÃO
Os pontos 14 e 31 podem ser espelhados
para facilitar o manuseio do trabalho que
está sendo realizado.
PONTO CASA DE ABELHA
Este ponto é ideal para decorar e útil para chuleado,
pregar elástico e renda elástica.
1. Faça linhas de franzidos através do tecido que se
deseja decorar com casa de abelha.
2. Utilizando uma tira estreita de tecido, diretamente
embaixo da linha de franzido, costure sobre os
franzidos. O desenho será uma série de pequenos
diamantes.
PONTO ENTREMEIO
Útil para pontos decorativos de bordas e para usar em
costuras com toque nostálgico. O ponto entremeio é
comumente usado com uma agulha do tipo “asa” (Singer
estilo 2040), usada para criar orifícios no ponto.
SUGESTÃO
Um pequeno ajuste da tensão para
(+),aumentará o tamanho do orifício quando
estiver usando a agulha “asa”.
26
PONTO ESCADA
O ponto escada é usado principalmente para fazer
bainhas. Também pode ser usado para costurar sobre
uma fita fina de cor oposta ou da mesma cor. Colocando o
ponto no centro obterá um efeito especial para
decoração.
Também é possível usar o ponto escada para debruar
sobre fitas estreitas, linhas ou elásticos.
Para trabalhos decorativos, escolha um material do tipo
linho grosso, e depois de costurar desfie a linha de dentro
do ponto escada para ter um belo efeito decorativo.
O ponto overloque duplo possui três usos principais. É
perfeito para aplicar elástico chato ao fazer ou consertar
lingerie, chulear, e para costurar e chulear em uma única
operação. É muito usado em tecidos levemente elásticos
e não elásticos, como linho, tecidos de lã, algodão médio
até pesado.
PONTO ENTRE-CRUZ
COMEÇANDO A COSTURAR
PONTO OVERLOQUE DUPLO
Usado para costurar e fazer acabamento em tecidos
elásticos ou para decorar especialmente bordas.
PONTO TIPO CRUZ
Use este ponto para acabamentos em tecidos elásticos
ou para decoração de bordas.
27
PONTO OVERLOQUE
INCLINADO
O ponto overloque inclinado produz uma costura estreita
e elástica, particularmente adequada para roupas de
banho, roupas esportivas, camisetas, roupas infantis
elásticas de nylon, toalha elástica e cambraias de
algodão.
COMEÇANDO A COSTURAR
PONTO CASEADO INCLINADO
Excelente para bainhas de toalhas de mesa e colchas,
dando um toque de elegância.
O ponto também pode ser utilizado em tecidos finos.
Costure a borda do material e recorte o excesso externo
de tecido da costura.
PONTO GREGO
É um ponto tradicionalmente usado para bordas
decorativas, bainhas e acabamentos de bordas.
PONTO ESPINHA DE PEIXE
Use este ponto para criar bainhas decorativas e para
bordados.
28
PONTO ESPINHO
Ponto versátil muito utilizado para unir peças de tecido e
dar um toque decorativo.
PONTOS DE BORDA
REFORÇADOS
PONTO MÁGICO
O ponto mágico além de ser um ponto decorativo, é ideal
para unir tecidos elásticos como o jersey e a malha.
COMEÇANDO A COSTURAR
Estes pontos são perfeitos para aplicação de elásticos
chatos quando fizer ou reparar lingeries. Também pode
ser usado para decorar ou fazer acabamentos de
costuras.
PONTO DIVISA
Use para criar bordas decorativas e para ornamentos.
29
PONTOS DECORATIVOS
AJUSTES
Pé-calcador - Sapatilha para pontos acetinados
Seletor de tensão da linha – Posição “AUTO”
Possui 22 tipos diferentes de pontos decorativos.
Os seguintes exemplos serão de como usar e costurar
estes pontos. Poderão ser usados outros tipos de pontos
da mesma forma.
?
Faça uma costura de teste num retalho do tecido para
verificar o ponto que deseja usar.
?
Antes de começar a costura, verifique a quantidade de
linha existente no carretel e na bobina para evitar que
falte linha durante a costura.
?
Diminua a tensão da linha da agulha.
COMEÇANDO A COSTURAR
SUGESTÃO
Para obter melhores acabamentos,
experimente um ajuste de tensão levemente
menor.
APLICAÇÕES DE PONTOS DECORATIVOS
PONTO CRESCENTE - EM GOLAS
Ponto ideal para decoração em mangas e golas de roupas
femininas e infantis, assim como para aperfeiçoar bordas.
Quando usar este ponto para costurar bordas, primeiro
deve-se costurar o ponto e a seguir cortar a borda do
tecido junto ao ponto. Cuidado para não cortar a linha do
ponto.
PONTO PIRÂMIDE - EM FITAS
Use uma fita cortada ao viés e dobre a borda. Costure
utilizando o ponto pirâmide na parte superior.
PONTO SETA - EM LAPELA
Além de ser usado como um ponto decorativo, também
pode ser usado como um ponto de reforço triangular para
lugares que podem desfiar-se facilmente. Este ponto é
muito útil para costurar as bordas de bolsos.
PONTO DOMINÓ - EM FITAS
Use uma fita cortada ao viés e dobre a borda. Costure
utilizando o ponto dominó sobre o viés.
PONTO DIAMANTE - EM BAINHA ESTREITA
Dobre a borda do material e use este ponto para finalizála. Podem ser combinados outros pontos decorativos com
o ponto diamante para criar outros padrões atraentes.
30
PONTOS CONTÍNUOS
AJUSTES
Pé-calcador – Sapatilha de uso geral (universal) ou para
pontos acetinados
Seletor de tensão da linha – Posição “AUTO”
Estes são os pontos ideais para costuras que tem os
padrões contínuos. Use qualquer um destes pontos, de
acordo com a sua preferência.
COMEÇANDO A COSTURAR
31
PONTOS DECORATIVOS
ESPECIAIS
AJUSTES
Pé-calcador – Sapatilha de uso geral (universal) ou para
pontos acetinados
Seletor de tensão da linha – Posição “AUTO”
COMEÇANDO A COSTURAR
Estes pontos podem ser usados como padrões únicos ou
como padrões contínuos.
PREGANDO BOTÕES
AJUSTES
Pé-calcador – Sapatilha de uso geral (universal)
Isolador dos dentes – Para baixo
Posicione o tecido e o botão na posição correta e embaixo
da sapatilha e abaixe o pé calcador.
Gire o volante para certificar-se de que a agulha entra
sem interferir nos furos da direita e esquerda do botão
(ajuste a largura do ponto se for necessário), e costure
lentamente o botão fazendo uns 10 pontos.
SUGESTÃO
Para pregar bem o botão, passe as duas
linhas para o avesso e dê um ou dois nós.
32
FAZENDO CASEADOS
USO DA SAPATILHA PARA CASEADOS
A sua máquina de costura oferece duas larguras de
casas, com presilha e tipo alfaiate, costurados por um
sistema que mede o tamanho do botão e calcula o
tamanho da casa necessária. Tudo isto é realizado em
apenas um único passo e é muito fácil.
- Pratique fazendo uma casa num retalho do
tecido que vai utilizar. Em seguida tente fazer a
casa com o botão selecionado.
1. Selecione um dos padrões de caseados existentes.
2. Coloque a sapatilha para caseado. (Consulte
“Trocando a sapatilha” do manual) .
COMEÇANDO A COSTURAR
PROCEDIMENTO
- Use uma entretela na área da roupa onde
serão feitas as casas. Pode ser usado não
tecido ou entretela normal.
3. Insira o botão na sapatilha. (Consulte “Uso da sapatilha
para caseado” acima.)
4. Abaixe a alavanca para caseado (C), de forma que
desça verticalmente entre os batentes acionadores (A)
e (B).
33
5. Marque cuidadosamente a posição da casa na roupa.
6. Coloque o tecido embaixo da sapatilha. Puxe a linha da
bobina embaixo do tecido, aproximadamente 10 cm
para trás.
COMEÇANDO A COSTURAR
7. Alinhe a marca da casa do tecido com a marca na
sapatilha, e em seguida abaixe o pé-calcador.
8. Enquanto segura a linha superior que vem da agulha,
comece a costurar.
?
A máquina fará o caseado automaticamente, seguindo a
seguinte ordem:
9. Quando terminar a costura, use o abridor de casas do
acessório para abrir o tecido no centro da casa. Tome
cuidado para não cortar a linha da costura.
34
CASEADO ACORDOADO
Encaixe um cordão (pode ser linha
de crochê ou própria para casear)
na lingueta do guia e estique ambas
as pontas do cordão para a frente e
embaixo do guia. Faça o caseado
de forma que os pontos do
ziguezague cubram o cordão.
Quando finalizar a costura, solte o
cordão da sapatilha e corte o
excedente.
CASEADO MANUAL
?
Use a sapatilha para caseado automático até
?
Use a sapatilha para pontos acetinados para
fazer casas maiores.
?
Marque cuidadosamente o comprimento da
casa na roupa. Coloque o tecido marcado
embaixo da sapatilha. Deslize a sapatilha para
frente de modo que a agulha penetre no tecido
no inicio do caseado.
PROCEDIMENTO
COMEÇANDO A COSTURAR
45 mm de comprimento, mas não abaixe a
alavanca para caseado ou um sinal sonoro
será ouvido.
1. Comece primeiramente fazendo o arremate e a lateral
esquerda do caseado.
2. Faça o segundo arremate e uma costura reta para trás,
até chegar na linha do primeiro arremate.
3. Agora faça a outra lateral, costurando para frente até o
segundo arremate.
4. Faça alguns pontos para trás, arrematando a costura.
NOTA
Ajustar manualmente o comprimento do
ponto com 0,5 mm para o passo 1 e com
0,75 mm para o passo 3.
35
LIMPANDO A ÁREA DA LANÇADEIRA E DOS DENTES
!
ATENÇÃO:
Sempre desconecte a máquina da
fonte de alimentação, retirando o
plugue da tomada da parede.
Para assegurar sempre um bom funcionamento de sua
máquina, é necessário que peças essenciais estejam
sempre limpas.
1. Levante a agulha até a sua posição mais alta.
2. Remova os parafusos da chapa de agulha (1), e
deslize-a para a sua direção conforme mostra a
ilustração, removendo-a.
CUIDANDO DA SUA MÁQUINA
3. Remova a caixa de bobina (2).
4. Limpe as áreas dos dentes e da lançadeira com um
pincel para remover os fiapos de linha e pó. Coloque
uma gota de óleo para máquina de costura na pista e no
eixo da lançadeira, como indicado nas setas (A, B).
NOTA
Recomendamos usar o Óleo Singer. NÃO
use outro óleo “multiuso”, pois não é o
adequado para a lubrificação de sua
máquina de costura.
5. Coloque novamente a caixa de bobina com a aba (3)
posicionada com a mola retentora (4).
6. Tenha certeza que a agulha está em sua posição mais
alta, e monte novamente a chapa de agulha e os
parafusos, conforme mostra a ilustração.
36
PROBLEMAS GERAIS
A máquina não costura
Os pontos estão irregulares
?
O interruptor de força da máquina está desligado -
?
O tamanho da agulha não está adequado com a
Ligue o interruptor.
?
A alavanca do caseado não está levantada ao fazer
os pontos - Levante a alavanca.
?
A alavanca do caseado não está abaixada ao fazer
o caseado - Abaixe a alavanca.
?
O enchedor de bobina está engatado - Desengate o
enchedor de bobina (ver a página 6).
O ponto desejado não pode ser
selecionado
linha e o tecido utilizados (ver a página 10).
?
A linha não foi passada corretamente na máquina
(Ver a página 8).
?
A tensão da linha da agulha está muito baixa (ver a
página 11).
?
O tecido está sendo puxado ou empurrado
irregularmente - Guie o tecido suavemente.
?
O enchimento da bobina está irregular - Encher
novamente a bobina.
?
O botão de agulha dupla foi selecionado e a luz
indicativa está vermelha - Desligue o botão.
A máquina emperra e faz barulho
?
A linha está embaraçada na lançadeira - Limpe a
lançadeira (ver a página 36).
?
A agulha está danificada - Substitua a agulha (ver a
página 10).
PROBLEMAS COM A LINHA
As linhas se entrelaçam
?
As linhas superior e inferior não foram puxadas
para debaixo da sapatilha antes de iniciar a costura
- Puxe as linhas aproximadamente 10 cm para
debaixo da sapatilha e segure-a até que um ponto
seja formado.
O tecido não é transportado
?
O pé-calcador não está abaixado - Abaixe o pé-
calcador.
?
O comprimento do ponto está pequeno - Aumente o
?
O dente está abaixado - Levante o dente.
?
A linha da bobina não foi passada corretamente (ver
a página 7).
?
A lançadeira e a caixa de bobina estão com
acúmulos de fiapos de linha e pó - Remova os
fiapos de linha e pó (ver a página 36).
A linha da agulha quebra
PROBLEMAS NO PONTO
?
A linha não foi passada corretamente na máquina
(ver a página 8).
A máquina falha ponto
?
A agulha não está inserida corretamente no
prendedor da agulha ( ver a página 10).
?
A agulha está torta ou danificada - Substitua a
agulha (ver a página 10).
?
A linha não foi passada corretamente na máquina
(ver a página 8).
?
A lançadeira não pega a linha - Limpe a lançadeira
(ver a página 36).
A agulha quebra
?
O tecido está sendo puxado ou empurrado
irregularmente - Guie o tecido suavemente.
?
A tensão da linha da agulha está muito alta (ver a
página 11).
?
A agulha está torta - Substitua a agulha (ver a
página 10).
?
O tamanho da agulha não está adequado com a
linha e o tecido utilizados (ver a página 10).
O tecido enruga
?
A tensão da linha da agulha está muito alta - Ajuste
a tensão da linha (ver a página 11).
GUIA DE VERIFICAÇÃO DE DEFEITOS
comprimento do ponto.
A linha da bobina quebra
?
O comprimento do ponto está grande para o tecido
fino e delicado - Diminua o comprimento do ponto.
?
O tamanho da agulha não está adequado com a
linha e o tecido utilizados (ver a página 10).
?
A agulha não está inserida corretamente no
prendedor da agulha (ver a página 10).
?
A agulha dupla está sendo usada com a largura do
ponto selecionado (ver a página 38).
37
AJUSTE DE POSIÇÃO DA AGULHA PARA COSTURA RETA
É possível ajustar a posição da agulha em costura reta em 13 posições diferentes, com o seletor de largura do ponto,
como mostra a ilustração:
SAPATILHA PARA PONTOS
ACETINADOS
A sapatilha para pontos acetinados possui uma ranhura
inferior para permitir que os pontos densos passem
facilmente embaixo da sapatilha. É muito usada para
fazer pontos acetinados e é uma alternativa ao uso da
sapatilha de uso geral (universal) quando costurar pontos
elásticos.
O ponto ziguezague curto é chamado de ponto acetinado.
É um ponto muito atraente e muito utilizado para
aplicações e arremates. Diminua um pouco a tensão da
linha da agulha para este tipo de ponto e use papel de
seda ou entretela para evitar o franzimento em tecidos
finos.
AGULHA DUPLA (Opcional)
A agulha dupla produz duas fileiras de pontos paralelos
para nervuras, pespontos e pontos decorativos.
É recomendado usar a agulha dupla de 3 mm (código
2025) da marca Singer.
PASSANDO A LINHA NA AGULHA DUPLA
INFORMAÇÕES ADICIONAIS
1.Monte o pino porta-carretel vertical na máquina.
Coloque o carretel de linha nos dois pinos. Passe as
duas linhas como se fossem uma. Passe uma linha em
cada uma das agulhas, de frente para trás.
38
2.Puxe a linha da bobina da mesma forma que é feita com
uma única agulha. Puxe as três linhas juntas, passe-as
sob a sapatilha e para trás, deixando uma ponta
excedente de 15 cm aproximadamente.
NOTA
O passador de linha automático não pode
ser usado para passar a linha na agulha
dupla.
SUGESTÃO:
1. Selecione o botão de agulha dupla antes
de selecionar o ponto. Desta forma
evitará qualquer possibilidade de
quebrar a agulha dupla.
2. Ao desligar a máquina de costura, ela
retornará ao modulo de costura normal. A
agulha dupla estará ativa somente
quando o indicador de agulha dupla
estiver aceso em vermelho.
Sapatilha de Cerzido
e Bordado (Big Foot)
Sapatilha Especial de
Ponta Aberta
Esta sapatilha é usada para criar bordados manuais,
monogramas, e acolchoados “Quilting”, também
conhecido como bordado livre.
Esta sapatilha de ponta aberta facilita a visualização da
área que você está costurando.
Por causa de sua área aberta na parte da frente, você
pode ver marcações da costura mais facilmente.
PREPARAÇÃO DA MÁQUINA
?
Abaixe os dentes ou coloque a placa de cobertura dos
dentes.
?
Coloque a sapatilha para cerzir e bordar. Assegure-se
que o braço de acionamento do acessório está na parte
superior do prendedor da agulha.
?
Para bordados e monogramas: Coloque a máquina no
ponto ziguezague, na largura desejada. O comprimento
do ponto será controlado pelo movimento de suas mãos.
?
Para acolchoar (Bordado livre): Coloque a máquina no
ponto de costura reta. O comprimento do ponto será
controlado pelo movimento de suas mãos.
PROCEDIMENTO
1. Marque ou trace o desenho do lado direito do tecido.
2. Coloque o tecido embaixo da sapatilha.
PREPARAÇÃO DA MÁQUINA
?
Monte a sapatilha na máquina.
?
Selecione na máquina o ponto desejado.
?
Selecione o comprimento do ponto
conforme o
recomendado no manual de instruções da máquina de
costura. Para pontos decorativos acetinados
recomendados ajustes mais finos (comprimento do
ponto pequeno).
PROCEDIMENTO
1. Com um lápis ou um giz, marque a linha de contorno do
seu desenho ou bordado do lado direito da roupa.
Assegure-se de usar sempre um marcador que pode
ser removido facilmente, caso a sua costura não cubra
completamente o traço feito.
2. Comece a costurar seguindo o esboço do desenho que
você traçou sobre o seu tecido.
3. Abaixe a sapatilha e comece a mover o tecido seguindo
os traços do desenho.
NOTA
Para que tenha um melhor controle de
costura manual, é recomendado que você
coloque o tecido a ser costurado preso em
um bastidor. O movimento de suas mãos irá
controlar a qualidade e o visual de seus
pontos. Não se esqueça de abaixar a
sapatilha.
Sapatilha de 1/4”
Esta sapatilha é uma guia exata de uma costura reta de
1/4” (6,3 mm) de distância da costura até a borda do
tecido, sendo também muito usada na montagem de
blocos de patchwork. As marcas da sapatilha servem
como referências para girar o tecido. A sapatilha de 1/4”
também é excelente para costuras estreitas, como roupas
de bonecas e artigos de vestuários de bebê.
PROCEDIMENTO
Sapatilha de Alimentação
Uniforme
1. Coloque dois pedaços de tecido de algodão, lado direito
juntos, embaixo da sapatilha de 1/4”.
Esta sapatilha tem seus próprios dentes superiores que
trabalham em conjunto com o sistema de alimentação da
máquina para melhorar a alimentação do tecido. Isto é
muito importante quando se está costurando vários
tecidos ao mesmo tempo, como por exemplo, quando
está fazendo um acolchoado. Esta sapatilha faz o tecido
superior e o inferior alimentarem ao mesmo tempo,
assegurando-se que os pontos fiquem iguais no inicio e
no final da costura. É muito utilizado para unir quadros ou
faixas de tecidos, em tecidos como veludos e camurças.
2. Selecione o ponto de costura reta, e assegure-se que a
agulha está alinhada em sua posição correta.
2.Aperte bem o parafuso da barra de pressão, garantindo
a fixação da sapatilha.
3.Coloque dois pedaços de tecidos xadrez, camurça ou
vários tecidos juntos do lado direito.
4.Selecione o ponto de costura reta e um comprimento de
ponto médio.
4. Quando o tecido chegar à marca de 1/4” da sapatilha,
pare a costura com a agulha dentro do tecido e gire o
tecido, recomeçando a próxima costura de 1/4”
INFORMAÇÕES ADICIONAIS
COMO MONTAR A SAPATILHA NA MÁQUINA
1.Monte a sapatilha na barra de pressão, assegurando-se
que o braço de acionamento do acessório esteja na
parte superior do prendedor de agulha.
3. Costure, mantendo a borda do tecido alinhada com a
lateral direita da sapatilha.
5.Costurar de cima para baixo.
39
ANOTAÇÕES
Was this manual useful for you? yes no
Thank you for your participation!

* Your assessment is very important for improving the work of artificial intelligence, which forms the content of this project

Download PDF

advertising