Electrolux | CH1600 | DIRETORIA DE PATENTES - Revista da Propriedade Industrial

PATENTES, DESENHOS INDUSTRIAIS, CONTRATOS, PROGRAMAS DE COMPUTADOR,
INDICAÇÕES GEOGRÁFICAS
REVISTA DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL No 1951
27 de Maio de 2008
SEÇÃO I
REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL
Presidente
Luís Inácio Lula da Silva
MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR
Ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior
Miguel João Jorge Filho
INSTITUTO NACIONAL DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL
PRESIDENTE
Jorge de Paula Costa Ávila
VICE-PRESIDENTE
Ademir Tardelli
CHEFE DE GABINETE
Josefina Sales de Oliveira
DIRETORIA DE ARTICULAÇÃO E INFORMAÇÃO
TECNOLÓGICA
Marco Antônio Lima
PROCURADORIA GERAL
Mauro Sodré Maia
DIRETORIA DE PATENTES
Carlos Pazos Rodrigues
DIRETORIA DE MARCAS
Terezinha de Jesus Guimarães
DIRETORIA DE TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA
Breno Bello de Almeida Neves
DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS
Julio Cesar Dutra De Oliveira
REVISTA DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL
Órgão Oficial do INSTITUTO NACIONAL DA
PROPRIEDADE INDUSTRIAL
Lei nº 5648, de 11.12.70 art. 9º e decreto nº 68.104, de
22.01.71, art. 24
Para adquirir RPI’s antigas o usuário deve entrar em
contato com o SAP – Setor de Assinatura, localizado no
térreo da sede do INPI. Telefone: (0XX-21) 2139-3422
SEDE DO INPI
Praça Mauá nº 7 - Centro
Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20083-900
Tel.: PABX (0XX-21) 2139-3000
Fax: INPI (0XX-21) 2263-2539
PROC/DICONS
Tel.: (0XX-21) 2139-3731, 2139-3732
Fax: (0XX-21) 2253-9841
DIRMA - Diretoria de Marcas
Diretoria... 10º andar
Tel.: (0XX-21) 2139-3758, 2139-3104, 2139-3214
Fax: (0XX-21) 2139-3528
Central de atendimento: (0XX-21) 2139-3158
DIRPA - Diretoria de Patentes
Diretoria... 10º andar
Tel.: (0XX-21) 2139-3592 e 2233-0785
Fax: (0XX-21) 2139-3194
DIRTEC - Diretoria de Transferência de Tecnologia
Diretoria... 10º andar
Tel.: (0XX-21) 2139-3608, 2139-3648, 2139-3651
Fax: (0XX-21) 2253-0430
DART - Diretoria de Articulação e Informação Tecnológica
Diretoria 10º andar
Tel.: (0XX-21) 2139-3354
Fax: (0XX-21) 2233-5077
REPRESENTAÇÕES DO INPI NOS OUTROS ESTADOS
DIVISÕES REGIONAIS
BRASÍLIA
Chefe: Antonio Carlos Pereira Coelho
SAS - Quadra 2, Lote 1/A
Brasília - DF - CEP: 70040-020
Tel. : (0XX-61) 224-1114
Fax.: (0XX-61) 323-2520
CEARÁ
Chefe: Ary Gadelha de Alencar Araripe
Rua Doutor Mário Martins Coelho, nº 36
Aldeota - Fortaleza - CE - CEP: 60170-280
Tel.: (0XX-85) 261-1372 e 261-1695
Fax: (0XX-85) 268-1495
MINAS GERAIS
Chefe: Rafael Jardim Goulart de Andrade
Avenida Amazonas nº 1.909
Santo Agostinho - Belo Horizonte - MG - CEP: 30180-002
Tel.: (0XX-31) 3291-5614
Fax: (0XX-31) 3291-5449
PARANÁ
Chefe: Renee Fernando Senger
Rua Marechal Deodoro, 344, 16º andar
Edifício Atalaia, Centro, Curitiba - PR
CEP: 80010-909
Telefone/Fax: (0XX-41) 3322-4411
RIO GRANDE DO SUL
Chefe: Vera Lúcia de Seixas Grimberg
Rua Sete de Setembro, 515 – 5º andar - Centro
Porto Alegre - RS - CEP: 90010-190
Telefone/Fax.: (0XX-51) 3226-6909 e 3226-6422
SÃO PAULO
Chefe: Maria dos Anjos Marques Buso
Rua Tabapuã, 41 - 4º andar - Itaim-Bibi
São Paulo - SP - CEP: 04533-010
Telefone/Fax: (0XX-11) 3071-3434
REPRESENTAÇÕES:
Acre
SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E
DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL GERÊNCIA DE
MARCAS E PATENTES
Rua Marechal Deodoro, 219 – 4º andar - Centro
Rio Branco - AC - CEP: 69.900-210
Tel./FAX : (0XX-68) 3229-4259 e 3229-6349
Alagoas
SECRETARIA DA INDUSTRIA E COM.SERVIÇO
Av. Da Paz, N.1108 - Centro
Jaranguá - Maceió - AL - CEP: 57022-005
Tel.: (0XX-82) 3315-721, 3315-1719
Amapá
JUNTA COMERCIAL
Av. FAB, 1610 – Centro - Macapá - AP - CEP: 68900-000
Tel.: (0XX-96) 3222-4867 Ramal 230 e 3222-4866
Fax: (0XX-96) 3222-3598
Amazonas
Rua Major Gabriel, n° 1870 – Praça 14 - Manaus – AM
CEP: 69020-060
Tel.: (0XX-92) 2126-1235 e 2126-1200
BAHIA
Rua Pedro R. Bandeira, 143 – 5º andar
Cidade Baixa – Salvador – Bahia
CEP: 40015-080
Tel.: (0XX-71)3326-9597 / 3242-5223
Fax.: (0XX-71) 242-5223
Espírito Santo
Rua Abigail do Amaral Carneiro, 191
Edifício Arábica – 3° andar – salas 312, 314 e 316
Enseada do Suá - Vitória - ES - CEP: 299055-907
Tel.: (0XX-27) 3235-7788 e 3315-9823
Goiás
JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DE GOIÁS
Rua 260 - Esquina 259 - Setor Universitário, Quadra 84/A
CEP:74610.310 Goiânia -GO
Tel.: (0XX-62) 3202-2246
Maranhão
SUBDELEGACIA DE INDÚSTRIA E COMÉRCIO
Av. Carlos Cunha s/n°, Edifício Nagib Haickel – 1° andar
Bairro Calhau - MA - CEP: 65065-180
Telefone/Fax: (0XX-98) 3218-9208 – 3218-9226
Mato Grosso
INMETRO/MT
Rua Historiador Rubens de Mendonça, s/nº - CPA
Cuiabá - MT - CEP: 78055-500
Tel.: (0XX-66) 3644-3095
Fax: (0XX-66) 3644-2902
Mato Grosso do Sul
SECRETARIA DE TURISMO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO
Junta Comercial/MS
Rua Dr. Arthur Jorge, 1376 - Centro
Campo Grande - MS - CEP: 79010-210
Tel.: (0XX-67) 3316-4429
Pará
SEDE DA SECRETARIA DE ESTADO INDÚSTRIA,
COMÉRCIO E MINERAÇÃO - SEICOM
Av. Presidente Vargas, 1020
CEP: 66060-670 – Centro - Belém - PA
Tel.: (0XX-91) 3217-5889
Fax: (0XX-91) 3217-5840
Paraíba
Rua Feliciano Cisne n° 50 – Bairro Jaguaribe
João Pessoa/PB - CEP: 58015-570
Tel./FAX(0XX-83) 3208-3922 - 3208-3923 e 32422545/2729
Pernambuco
Universitária Federal de Pernambuco - UFPE
Av. Prof. Moraes Rego, 1235 – Campus Universitário
Bairro - Engenho do Meio
Recife - PE - CEP: 50670-920
Tel/Fax:(0XX-81) 3453-8145 e 3271-1223
Piauí
Av. João XXIII, n° 865
Espaço Cidadania
Teresina - PI - CEP: 64049-010
Tel.:(0XX-86) 3235-9616/3218-1838
Fax:(0XX-86) 3218-1838
Rio Grande do Norte
SECRETÁRIA DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO –
SEDEC
BR 101 - Km 0 - 1 º andar - Lagoa Nova
Natal - RN - CEP: 59064-901
Tel.: (0XX-84) 3232-1724
Fax:(0XX-84) 3232-1745
Rondônia
Rua Sete de Setembro, 830 – Centro Shopping Cidadão
Porto Velho – RO – Cep: 78900-00
Tel.:(0XX-69) 3216-1031 e 3216-8636
Fax: (0XX-69) 3216-1000
Roraima
JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DE RORAIMA
Av. Jaime Brasil, 157 - Centro
Boa Vista - RR - CEP: 69.301-350
Tel.: (0XX-95) 3224-9777, 3623-1220 e 3623-2437
Fax.: (0XX-95) 623-2171
SANTA CATARINA
SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E
INTEGRAÇÃO AO MERCOSUL
Av. Rio Branco, 387 / - Centro
Florianópolis - SC - CEP: 88015-200
Tel.: (0XX-48) 3223-5227/4827
Fax.: (0XX-48) 3223-4827
Sergipe
Av. Tancredo Neves, n° 5.500 – Bairro América – Aracajú
– Sergipe – Cep: 49080-480
Tel/Fax – (79) 2106-7751 e 2106-7700
Tocantins
SECRETARIA DE INDÚSTRIA, COMÉRCIO E TURISMO
DO ESTADO DO TOCANTINS
Praça dos Girassóis, snº - Marco Zero
Palmas - TO - CEP: 77003-900
Tel.: (0XX-63) 3218-2002, 218-2000
Fax: (0XX-63) 3218-2090
Esta Publicação é de responsabilidade da Coordenação
Geral Modernização e Informática
Telefone: (21) 2139-3447
Postos Avançados
RPI 1951 de 27/05/2008
POSTOS AVANÇADOS – RIO DE JANEIRO
POSTO AVANÇADO SANTARÉM / PA
POSTOS AVANÇADOS – EM MINAS GERAIS
CABO FRIO
ACIACF
Rua Bento José Ribeiro, 18, 3º andar
CEP: 28905-090
Tel.: (0XX-24)2647-6333
SANTARÉM
SEFA – Secretaria Estadual da Fazenda
Av. Mendonça Furtado, 2797 – Bairro Fátima
Santarém - Pará
CEP.: 68005-020
Tel.: (0XX-91) 523-2632
JUIZ DE FORA
UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA
CRITT – CENTRO REGIONAL DE INOVAÇÃO E
TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA
CAMPUS UNIVERSITÁRIO
SÃO PEDRO
CEP.: 36036-330
Tel.: (0XX-32)3229-3435 e 3229-3477
Fax: (0XX-32)3229-3479
CAMPOS
ACIC
Praça São Salvador,41 , 16º andar
CEP: 28010-000
Tel.: (0XX-22) 2723-5174
NOVA FRIBURGO
ACINF
Av. Alberto Braune, nº111 , Térreo
CEP:28613-001
Tel.: (0XX-22) 2522-1145 e 2522-8452
PETRÓPOLIS
ASSOCIAÇÃO COMERCIAL EMPRESARIAL DE
PETRÓPOLIS
Rua Irmãos D’Angelo nº 48 – 7º andar
CEP: 25685-330
Telefone/Fax (0XX-24) 237-1101
VOLTA REDONDA
ACIAVR
Rua Assis Chateaubriand, nº 18 – Aterrado
Volta Redonda - CEP: 27295-210
Telefone: (0XX-24) 3346-5332
Fax: (0XX-24)3347-2999
POSTOS AVANÇADOS - SANTA CATARINA
CHAPECÓ
ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E INDUSTRIAL DE
CHAPECÓ
Av. Getúlio Vargas, 1748 - Centro
CEP: 89805-100
Tel.: (0XX-49) 7323-4100
Fax.: (0XX-49) 7323-1723
JOINVILLE
ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E INDUSTRIAL DE
JOINVILLE
Rua do Príncipe, 330,10º andar
CEP: 89200-000
Tel.: (0XX-47) 461-3364
RIO DO SUL
ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E INDUSTRIAL
Rua XV de Novembro, 73 – s/174 - Centro
Caixa Postal: 174 - CEP: 89290-000
Tel./Fax: (0XX-47) 821-3857
XANXERÊ
ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E INDUSTRIAL
Av. Brasil, 260 - 5º andar - Edifícil Tiradentes
Caixa Postal: 241 - CEP: 89820-000
Tel./Fax: (0XX-49)433-0420
POSTO AVANÇADO SALVADOR / BA
SALVADOR
SAC-EMPRESARIAL
Av. Otávio Mangabeira, n° 6929 – Multishop Boca do Rio –
Bairro Boda do Rio
CEP.:41715-000
Tel.:(0XX-71) 281-4148
POSTO AVANÇADO RIO VERDE / GO
RIO VERDE
JCIRV
Rua Augusta Bastos, 479 – Centro
CEP.: 75900-000
Tel.: (0XX-64)3621-1985
Fax: (0XX-64) 3613-1569
PATROCÍNIO
ACIP – ASSOCIAÇÃO COMERCIAL INDUSTRIAL DE
PATROCÍNIO
Rua Joaquim Carlos dos Santos, nº 141 – Cidade Jardim
CEP.: 38740-000
Tel.: (0XX-34) 3831-5500
Índice Geral
RPI 1951 de 27/05/2008
Comunicados
5
Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior
-
Presidência do INPI
9
DIRETORIA DE PATENTES
Exame Formal Preliminar – Índice Remissivo por Depositante
-
Exame Formal Preliminar – Índice Numérico Remissivo
-
Exigências Decorrentes do Exame Formal Preliminar
-
Tabela de Códigos de Despachos e Códigos INID de Pedidos, Patentes (incluindo as de MI/DI
expedidas na vigência da Lei 5772/71) e Certificados de Adição de Invenção
11
Tabela de Códigos de Despachos de Pedidos e Patentes (incluindo as de MI/DI expedidas na
vigência da Lei 5772/71) - Período de Transição (Lei 5772/71)
17
Índice Numérico Remissivo de Pedidos, Patentes e Certificados de Adição de Invenção
19
Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos de Patente e de Certificado de
Adição de Invenção
21
Despachos Relativos a Pedidos, Patentes (incluindo as de MI/DI expedidas na vigência de
Lei 5772/71) e Certificados de Adição de Invenção
87
Pipeline - Publicação para Manifestação de Terceiros
-
Pipeline - Comunicação de Depósito e Despachos Relativos a Pedidos e Patentes
-
Despachos Relativos a Pedidos e Patentes - Período de Transição (Lei 5772/71)
-
DIRETORIA DE CONTRATOS DE TECNOLOGIA E OUTROS REGISTROS
Tabela de Códigos de Despachos e Códigos INID de Pedidos e Registros de Desenho Industrial
99
Índice Numérico Remissivo de Pedidos e Registros de Desenho Industrial
101
Publicação de Desenhos Industriais
103
Despachos Relativos a Pedidos e Registros de Desenho Industrial
149
Tabelas de Códigos de Despacho em Contratos de Tecnologia e Outros Registros
153
Despachos em Contratos de Tecnologia e em Licença de Uso de Marca
155
Despachos em Registros de Programas de Computador
159
Despachos - Indicações Geográficas
-
PROCURADORIA
Estatísticas
161
Código Internacional de Países e Organizações
167
De conformidade com a Lei nº 5.648, de 11 de dezembro de 1970, esta é a publicação oficial do Instituto Nacional da Propriedade Industrial, órgão vinculado ao Ministério do
Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, República Federativa do Brasil, que publica todos os seus atos, despachos e decisões relativos ao sistema de propriedade
industrial no Brasil, compreendendo Marcas e Patentes, bem como os referentes a contratos de Transferência de Tecnologia e assuntos correlatos, além dos que dizem respeito
ao registro de programas de computador como direito autoral.
As established by Law nº 5.648 of december 11, 1970, this is the official publication of the National Institute of Industrial Property, an office under the Ministry of Development,
Industry and Foreign Trade, Federative Republic of Brazil, which publishes all its official acts, orders and decisions regarding the industrial property system in Brazil, comprising
Trademarks and Patents, as well as those refering to Technology Transfer agreements and related matters, besides those regarding software registering as copyright.
D´après la Loi nº 5.648 du 11 décembre 1970, celle-si est la publication officielle de I'Institut National de la Propriété Industrielle, un office lié au Ministère du Développement, de
I’Industrie et du Commerce Extérieur, République Fédérative du Brésil, qui publie tous ses actes, ordres et décisions concernant le système de la propriété industrielle au Brésil,
y compris marques et brevets, aussi que ceux référents aux contracts de transfert de technologie et des sujets afférents, en outre que ceux se rapportant à l'enregistrement des
programmes d´ordinateur comme droit d'auteur.
Según estabelece la Ley nº 5.648 de 11 diciembre 1970, esta es la publicación oficial del Instituto Nacional de la Propiedad Industrial, oficina vinculada al Ministerio del
Desarrollo, Industria y Comercio Exterior, República Federativa del Brasil, que publica todos sus actos, ordenes y decisiónes referentes al sistema de propiedad industrial en
Brasil, comprendendo marcas y patentes así que los referentes a contractos de transferencia de tecnologia y asuntos corelacionados, además de los referentes al registro de
programas de ordenador como derecho de autor.
Laut Gezets Nr. 5.648 vom 11. dezember 1970, ist dies das Amtsblatt des Nationalen Instituts für gewerbliches Eigentum (INPI), eines Organs des Bundesministerium für
Entwicklung, Industrie und Aussenhandel, der Bundesrepublik Brasilien, welches alle Amtshandlungen, Beschlüsse und Entscheidungen über gewerbliches Eigentum in
Brasilien, einschliesslich Warenzeichen und Patente, ebenso wie auch Übertragunsvertrage von Technologie und Computerprogramme als Urheberrecht veroffentlicht.
Comunicados
RPI 1951 de 27/05/2008
Comunicados
RPI 1951 de 27/05/2008
INSTRUÇÕES PARA OS PAGAMENTOS E
COMPROVAÇÃO DAS RETRIBUIÇÕES.
Leia com atenção
1- Será desconsiderado qualquer procedimento cujo pagamento em cheque não tenha sido compensado em tempo hábil.
2- Não serão aceitas fichas de compensação (guias) com rasuras em qualquer das vias.
3- Fichas de compensação (guias) recolhidas, originalmente, para determinado serviço não poderão ser utilizadas para
outra finalidade. O interessado deverá solicitar restituição do valor não utilizado.
4- O pagamento da retribuição deverá ser feito de acordo com a tabela vigente na data da publicação do pedido ou ato a
que se referir.
5- Alertamos sobre a mensagem constante nas fichas de compensação (guias) sobre a necessidade de autenticação
bancária das 2(duas) vias.
6- Solicitamos aos usuários que façam o recolhimento das guias de pagamento, preferencialmente, nas agências do
Banco do Brasil S/A.
COMPLEMENTO
7- No caso de Processo em tramitação, é obrigatório a menção do número do processo; data; código da natureza do
serviço e nome do interessado na guia de recolhimento
A ADMINISTRAÇÃO
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRTEC – DIRETORIA DE CONTRATOS DE TECNOLOGIA E
OUTROS REGISTROS
A Diretoria de Contratos de Tecnologia e Outros Registros, do
Instituto Nacional da Propriedade Industrial, informa que dos
certificados de registro de desenho industrial passarão a
constar somente os dados estabelecidos no art. 107 da Lei
9.279/96, a saber: número e o título, nome do autor, observado
o disposto no § 4º do art. 6º, o nome, a nacionalidade e o
domicílio do titular, o prazo de vigência, os desenhos, os dados
relativos à prioridade estrangeira, e, quando houver, relatório
descrito
e
informações
reivindicações,
como
sendo
qualificação,
suprimidas
CPF
e
as
demais
endereço,
disponibilizadas anteriormente no campo (72) dos certificados.
As alterações serão aplicadas nos certificados confeccionados
a partir de 24/06/08.
MINISTÉRIO 00 DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR
INSTITUTO NACIONAL DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL
PRESIDÊNCIA
COMUNICADO
Comunicamos que por problemas de instabilidade da
Rede, o Sistema on-line do lnstituto esteve parcialmente
inoperante no dia 19 de maio de 2008, võltando a ter o seu
funcionamento normal no dia 20 do corrente,
Em virtude disso, informamos que os prazos que
venceram no dia 19 de maio, voltam a fluir no dia 20 de maio
de2008.
Rio de Janeiro, 20 de maio de 2008
Ademir Tardelli
Vice-Presidente
INPI - Presidência
RPI 1951 de 27/05/2008
NULIDADES E RECURSOS AO SR. PRESIDENTE DO INPI
DIRPA
NULIDADES
(11) DI 6604566-5
(45) 03/04/2007
(73) Dupé S A (BR/PE)
(74) Sko Oyarzáball Marcas e
Patentes Sociedade Simples Ltda.
Requerente: São Paulo Alpargatas
S/A
A titular e a requerente deverão tomar
conhecimento do parecer técnico, que
concluiu pela nulidade do registro,
para se manifestarem no prazo
comum de 60 (sessenta) dias.
(11) DI 6700928-0
(45) 16/10/2007
(73) SD AUTOPLAST LTDA ME
(BR/SP)
(74) VILAGE MARCAS & PATENTES
S/S LTDA
Requerente: Autec Indústria e
Comércio Ltda
A titular e a requerente deverão tomar
conhecimento do parecer técnico, que
concluiu pela nulidade do registro,
para se manifestarem no prazo
comum de 60 (sessenta) dias.
(11) DI 6701243-4
(45) 30/10/2007
(73) PATRICIA FABIOLA
STOCCHERO E GRASSI (BR/CE)
(74) VERÔNICA MARIA
MONTENEGRO DO VALE
Requerente: DIRTEC/INPI, de ofício
A titular deverá tomar conhecimento
do parecer técnico, que concluiu pela
nulidade do registro, para se
manifestar no prazo de 60 (sessenta)
dias.
(11) MU 7702457-5 (45) 19/07/2005
(73) Blukit Metalúrgica Ltda. (BR/SC)
(74) José Osmar Floriano de Oliveira
Requerente da Nulidade
Administrativa: AMANCO Brasil Ltda
Decisão: Nulidade conhecida e
negado o provimento. Mantida a
concessão da patente.
(11) MU 7900744-9 (45) 06/06/2006
(73) Termolar S.A. (BR/RS)
(74) Orlando de Souza
Requerente da Nulidade
Administrativa: SOBRAL INVICTA S/A
Decisão: Nulidade conhecida e
negado o provimento. Mantida a
concessão da patente.
(11) PI 0117215-8
(45) 30/08/2005
(73) Percebon Jóias Ltda. (BR/SP)
(74) Silva & Guimarães Marcas e
Patentes Ltda.
Requerente da Nulidade
Administrativa: Indústria e Comércio
de Ferramentas e Bijuterias ROAL
Ltda
Decisão: Nulidade conhecida e
negado o provimento. Mantida a
concessão da patente.
(11) PI 9603858-6
(45) 14/05/2002
(73) Raulino Kreis Máquinas Ltda
(BR/SC)
(74) Sylvio José de Oliveira Ramos
Requerentes das Nulidades
Administrativas: (1) INDUMAK Indústrias de Máquinas KREIS LTDA;
(2) SELGRON Indústria e Comércio
de Máquinas Ltda e (3) Metalúrgica
LEITZKE Ltda.
Decisão: Nulidade conhecida e
negado o provimento. Mantida a
concessão da patente.
(11) PI 9806522-0
(45) 11/04/2006
(73) ABB Vetco Gray, Inc. (US)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
Requerente da Nulidade
Administrativa: PETRÓLEO
BRASILEIRO S. A. PETROBRÁS
Decisão: Nulidade conhecida e
negado o provimento. Mantida a
concessão da patente.
(11) PI 9814315-8
(45) 24/10/2006
(73) Eureka Oil Asa (NO)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
Requerente da Nulidade
Administrativa: PETRÓLEO
BRASILEIRO S. A. PETROBRÁS
Decisão: Nulidade conhecida e
negado o provimento. Mantida a
concessão da patente.
RECURSOS
(21) MU 7601260-3 (22) 20/08/1996
(71) Empresa Brasileira de Pesquisa
Agropecuária, Unidade
CNPDIA(BR/SP)
(74) Chang das Estrelas Wilches
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) MU 7802144-8 (22) 20/11/1998
(71) Companhia Metalúrgica Prada
(BR/SP)
Recorrente: O depositante.
(74) Sul América Marcas e Patentes
S/C Ltda.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) MU 7900920-4 (22) 28/04/1999
(71) Fabrício Fernandes Freire
(BR/MG)
(74) ABM Assessoria Brasileira de
Marcas Ltda.
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) MU 7900954-9 (22) 30/04/1999
(71) Móveis Teperman Ltda. (BR/SP)
(74) David do Nascimento
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) PI 9203251-6
(22) 20/08/1992
(71) MST Automotive GMBH
Automobil - Sicherheitstechnik (DE)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) PI 9408505-6
(22) 28/12/1994
(71) Omgeo LLC (US)
(74) Cruzeiro/Newmarc Patentes e
Marcas Ltda.
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) PI 9602061-0
(22) 16/04/1996
(71) Misa Indústria e Comércio de
Equipamentos Eletrônicos
Ltda(BR/GO)
(74) AMPL Marcas e Patentes Ltda
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) PI 9606294-0
(22) 01/04/1996
(71) Matsushita Electric Industrial Co.,
Ltd (JP) , Kabushiki Kaisha Toshiba
(JP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Recorrente: O depositante.
Despacho: Recurso conhecido e
provido. Reformada a decisão
recorrida e deferido o pedido. Desta
data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o pagamento e
comprovação da retribuição para
expedição da Carta-Patente.
(21) PI 9606847-7
(22) 25/01/1996
(71) Peter Eiba (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) PI 9801554-0
(22) 28/05/1998
(71) Societe des Produits Nestlé S.A..
(CH)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) PI 9803090-6
(22) 25/08/1998
(71) Vedat Tampas Herméticas LTDA
(BR/SP)
(74) O. Massaro - Marcas e Patentes
LTDA
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido
(21) PI 9813704-2
(22) 18/12/1998
(71) Centre National de la Recherche
Scientifique (C.N.R.S.) (FR)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
Recorrente: O depositante.
Despacho: Recurso conhecido e
provido. Reformada a decisão
recorrida e deferido o pedido. Desta
data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o pagamento e
comprovação da retribuição para
expedição da Carta-Patente.
(21) PI 9814525-8
(22) 18/12/1998
(71) Kimberly-Clark Worldwide, Inc.
(US)
(74) Clarke Modet do Brasil Ltda.
Recorrente: O depositante.
Despacho: Recurso conhecido e
provido. Reformada a decisão
recorrida e deferido o pedido. Desta
data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o pagamento e
comprovação da retribuição para
expedição da Carta-Patente.
(21) PI 9900953-6
(22) 28/04/1999
(71) Keko Acessórios Ltda. (BR/RS)
(74) SKO - Oyarzáball Marcas &
Patentes S/S Ltda.
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) PI 9901712-1
(22) 25/03/1999
(71) Edson Rocha (BR/SP)
(74) Silva & Guimarães Marcas e
Patentes Ltda.
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) PI 9901846-2
(22) 27/05/1999
(71) Uni-Charm Corporation (JP)
(74) Waldemar do Nascimento
Recorrente: O depositante.
Despacho: Recurso conhecido e
provido. Reformada a decisão
recorrida e deferido o pedido. Desta
data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o pagamento e
comprovação da retribuição para
expedição da Carta-Patente.
(21) PI 9901959-0
(22) 13/05/1999
(71) Uni-Charm Corporation (JP)
(74) Waldemar do Nascimento
Recorrente: O depositante.
Despacho: Recurso conhecido e
provido. Reformada a decisão
recorrida e deferido o pedido. Desta
data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o pagamento e
comprovação da retribuição para
expedição da Carta-Patente.
(21) PI 9903346-1
(22) 26/07/1999
(71) Brinquedos Bandeirante S/A
(BR/SP)
(74) Itamarati - Patentes e Marcas S/C
Ltda.
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) PI 9903576-6
(22) 10/08/1999
(71) Newfrey LLC (US)
(74) Nellie Anne Daniel-Shores
Recorrente: O depositante.
Despacho: Recurso conhecido e
provido. Reformada a decisão
recorrida e deferido o pedido. Desta
data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o pagamento e
comprovação da retribuição para
expedição da Carta-Patente.
10 INPI – Presidência
(21) PI 9905299-7
(22) 29/10/1999
(71) Valdir Sakamoto (BR/SP)
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
(21) PI 9905600-3
(22) 04/10/1999
(71) Marcelo de Faria Tolomei Moletta
(BR/RJ)
Recorrente: O depositante.
Despacho: Recurso conhecido e
provido. Reformada a decisão
recorrida e deferido o pedido. Desta
data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o pagamento e
comprovação da retribuição para
expedição da Carta-Patente.
(21) PI 9909815-6
(22) 23/04/1999
(71) Shell International Research
Maatschappij B.V. (NL)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
Recorrente: O depositante.
Despacho: Recurso conhecido e
provido. Reformada a decisão
recorrida e deferido o pedido. Desta
data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o pagamento e
comprovação da retribuição para
expedição da Carta-Patente.
(21) PI 9916234-2
(22) 29/11/1999
(71) Temple University Of The
Commonwealth System Of Higher
Education (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
Recorrente: O depositante.
Despacho: Recurso conhecido e
provido. Reformada a decisão
recorrida e deferido o pedido. Desta
data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o pagamento e
comprovação da retribuição para
expedição da Carta-Patente.
(21) PI 0000958-0
(22) 15/03/2000
(71) Élcio Claudino de Oliveira
(BR/RJ)
(74) Silva & Guimarães Marcas e
Patentes Ltda.
Recorrente: O depositante.
Decisão: Recurso conhecido e negado
o provimento. Mantido o indeferimento
do pedido.
RPI 1951 de 27/05/2008
Diretoria de Patentes - DIRPA
Tabela de Códigos de Despachos de Pedidos, Patentes
(incluindo as de MI/DI expedidas na vigência da Lei
5772/71) e Certificados de Adição de Invenção
RPI 1951 de 27/05/2008
1. Pedido Internacional
PCT/BR Designado ou Eleito
2.1
1.1
Notícias da Publicação Internacional
Comunicação da publicação internacional do
pedido internacional nos termos do Tratado de
Cooperação de Patente - PCT, aguardando o
início da fase nacional, folheto em idioma
original encontra-se à disposição dos
interessados no Banco de Patentes do INPI.
1.1.1 Retificação
Retificação da notificação da publicação
internacional por ter sido efetuada com
incorreção.
1.2
1.2.1
Pedido Retirado
Comunicação da perda do efeito do pedido
internacional no Brasil: por retirada do pedido
ou da designação pelo depositante; pelo
pedido internacional ter sido considerado
retirado em virtude dos artigos 12 (3), 14 (1)
(b), 14 (3) (a) ou 14 (4) do PCT; se a
designação do Brasil é considerada retirada
em virtude do artigo 14 (3) (b); se o
depositante não cumpriu as determinações
referentes à entrada do pedido na fase
nacional, isto é, não apresentação do pedido
na fase nacional dentro dos prazos
estabelecidos pelo artigo 22 ou 39 do PCT,
conforme o caso.
1.3
2.4
Publicação Anulada
Anulação da publicação da retirada do pedido
por ter sido indevida.
1.2.2 Republicação
Republicação da publicação da retirada do
pedido por ter sido efetuada com incorreção.
Notificação - Fase Nacional - PCT
Notificação da entrada na fase nacional do
pedido internacional depositado através do
Tratado de Cooperação de Patentes - PCT. O
prazo para requerimento do pedido de exame
é contado a partir da data do depósito
internacional. Não sendo o exame requerido,
pelo depositante ou qualquer interessado, no
prazo de 36 (trinta e seis) meses do depósito
internacional, o pedido será arquivado.
Publicado o arquivamento do pedido, poderá
ser requerido, no prazo de 60 (sessenta) dias,
o seu desarquivamento. Não sendo requerido
o desarquivamento no prazo anteriormente
citado,
o
pedido
será
considerado
definitivamente arquivado. Os interessados
podem adquirir no Banco de Patentes do
CEDIN/INPI o folheto com o relatório
descritivo, reivindicações, desenhos e resumo
do pedido, tanto em sua forma original quanto
em sua versão em português.
2.5
Notificação de Depósito de Pedido de
Patente ou de Certificado de Adição de
Invenção
Notificação de depósito de pedido de patente
ou de certificado de adição de invenção. O
pedido de patente será mantido em sigilo
durante 18 (dezoito) meses a contar da data
da prioridade mais antiga. Decorrido esse
prazo, será publicado para conhecimento
público. O depositante pode, porém, requerer
a antecipação da publicação. O prazo de sigilo
de 18 (dezoito) meses para o pedido de
Certificado de Adição de Invencão é contado
da data do depósito do pedido principal.
Quando houver ocorrido a publicaçao do
pedido principal, o pedido de Certificado de
Adição de Invencão será imediatamente
publicado. Os depósitos são designados de
acordo com a natureza requerida: Invenção
(PI), Modelo de Utilidade (MU) e Certificado de
Adição de Invencão (C ). Os pedidos
depositados através do PCT são notificados
no subitem 1.3.
Notificação de Depósito do Pedido Dividido
Notificação de pedido dividido de um pedido
de patente depositado anteriormente. Em
relação ao pedido original, o pedido dividido
tem a mesma data de depósito e, se for o
caso, o correspondente benefício da
prioridade reivindicada. O pedido dividido é
considerado como estando na mesma fase
processual do pedido original.
Exigência - Art. 21 da LPI
O pedido requerido pela petição citada não
atende formalmente ao disposto no art. 19 da
LPI e/ou às demais disposições quanto à sua
forma, tendo sido recebido provisoriamente.
Não tendo sido possível uma ciència ao
interessado diretamente no processo ou por
via postal, fica o requerente obrigado a sanar,
em 30 ( trinta ) dias a contar desta data, as
exigências estabelecidas. Não sendo a
exigência cumprida com a apresentação da
documentação correspondente no prazo
acima, o depósito não será aceito e a
documentação ficará à disposição do
interessado.
2.6
Publicação Anulada
Anulada a publicação por ter sido indevida.
2.7
Republicação(*)
Republicação da publicação da notificação de
depósito do pedido por ter sido efetuada com
incorreção.
3.2
Publicação Antecipada
Publicação
do
pedido
depositado,
a
requerimento do depositante. Aplicam-se as
disposições do subitem 3.1.
3.5
Publicação do Pedido Retirado
Publicação do pedido retirado. Encerrada a
instância administrativa. Pode ser adquirido no
Banco
de
Patentes
do
Centro
de
Documentação e Informação Tecnológica do
INPI - CEDIN - o folheto com o relatório
descritivo, reivindicações, desenhos e resumo
do pedido.
3.6
Publicação
do
Pedido
Arquivado
Definitivamente - Art. 216 §2º e Art. 17 §2º
da LPI
Publicação
de
pedido
definitivamente
arquivado devido à não apresentação de
procuração ou devido à apresentação de um
pedido posterior
Encerrada a instância
administrativa. Pode ser adquirido no Banco
de Patentes do Centro de Documentação e
Informação Tecnológica do INPI - CEDIN - o
folheto
com
o
relatório
descritivo,
reivindicações, desenhos e resumo do pedido.
3.7
Publicação Anulada
Anulação da publicação do pedido por ter sido
indevida.
3.8
Retificação
Retificação da publicação do pedido por ter
sido efetuada com incorreção que não
impossibilita sua identificação. Tal publicação
não implica na alteração da data de
publicação do pedido de patente e nos prazos
decorrentes da mesma.
4. Pedido de Exame
4.3
Desarquivamento - Art. 33 parágrafo único
da LPI.
Desarquivado o pedido, arquivado por falta de
pedido de exame (cf. item 11.1), para
prosseguir seu andamento.
4.3.1 Publicação Anulada
Anulação da publicação do desarquivamento
do pedido por ter sido indevida.
4.3.2 Republicação
Republicação
da
publicação
do
desarquivamento do pedido por ter sido
efetuada com incorreção.
3. Publicação do Pedido
1.3.1 Retificação
Retificação da notificação da fase nacional PCT por ter sido efetuada com incorreção.
6.Exigências Técnicas e Formais
3.1
1.3.2 Publicação Anulada
Anulação da notificação da entrada na fase
nacional através do PCT por ter sido indevida.
Publicado o arquivamento do pedido, poderá
ser requerido, no prazo de 60 (sessenta) dias,
o seu desarquivamento. Não sendo o
requerido o desarquivamento no prazo
anteriormente
citado,
o
pedido
será
considerado definitivamente arquivado.
2. Depósito
Publicação do Pedido de Patente ou de
Certificado de Adição de Invenção
Publicação do pedido depositado (Art. 30 da
LPI), podendo ser adquirido no Banco de
Patentes do Centro de Documentação e
Informação Tecnológica do INPI - CEDIN - o
folheto
com
o
relatório
descritivo,
reivindicações, desenhos e resumo do pedido,
por quem se interessar. Não sendo o exame
requerido, pelo depositante ou qualquer
interessado, no prazo de 36 (trinta e seis)
meses do depósito, o pedido será arquivado.
6.1
6.6
Exigência - Art. 36 da LPI
Suspensão do andamento do pedido de
patente
que,
para
instrução
regular,
aguardará o atendimento ou contestação das
exigências formuladas. Caso a exigência não
tenha sido explicitada no despacho da RPI, o
depositante poderá requerer cópia do parecer
através do formulário modelo 1.05. A não
manifestação do depositante no prazo de 90
(noventa) dias desta data acarretará o
arquivamento definitivo do pedido.
Exigência - Art. 34 da LPI
12
DIRPA - Tabela de Códigos de Despachos
Suspensão do andamento do pedido de
patente para que sejam apresentados todos
os documentos relativos às objeções, buscas
de anterioridade e resultados de exame para
concessão de pedido correspondente em
outros países quando houver reivindicação de
prioridade,
documentos
necessários
à
regularização do processo e exame do pedido,
ou a tradução simples do documento hábil
referido no § 2º do art. 16, caso esta tenha
sido substituída pela declaração prevista no §
5º do mesmo artigo. Caso a exigência não
tenha sido explicitada no despacho RPI, o
depositante poderá requerer cópia do parecer
através do formulário modelo 1.05. A não
manifestação do depositante no prazo de 60
(sessenta) dias desta data acarretará o
arquivamento do pedido.
6.7
Outras Exigências
Outras exigências que não as especificadas
nos subitens anteriores (6.1 e 6.6).
Suspensão do andamento do pedido de
patente que, para instrução regular da patente,
aguardará pelo prazo de 60 (sessenta) dias o
atendimento da exigência formulada. Caso a
exigência não tenha sido explicitada no
despacho da RPI, o depositante poderá
requerer cópia do parecer através do
formulário modelo 1.05.
6.8
Exigência Anulada (**)
Anulação da exigência por ter sido indevida.
6.9
Publicação Anulada
Anulação da publicação da exigência por ter
sido indevida.
6.10
Republicação
Republicação da publicação de qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido efetuada
com incorreção.
RPI 1951 de 27/05/2008
8.6
8.7
8.8
O não cumprimento no prazo de 60 (sessenta)
dias acarretará o arquivamento do pedido.
patente de invenção ou modelo de utilidade,
nos termos do Art. 76 § 4º da LPI.
Arquivamento - Art. 86 da LPI
Arquivado
o
pedido
por
falta
de
pagamento de anuidade dentro do prazo ou
por não cumprimento de exigência de
complementação de pagamento de anuidade.
Desta
data
corre
o
prazo
de
3
(três) meses para o depositante requerer a
restauração
do
andamento
do
pedido por meio do formulário modelo 1.02
acompanhado
dos
comprovantes
referentes ao pagamento da restauração e
conforme
o
caso:
da
cópia
do
pagamento correspondente a anuidade paga
fora
do
prazo;
do
pagamento
correspondente à anuidade em débito; ou do
pagamento
correspondente
a
complementação
9.2.1 Decisão Anulada (**)
Anulação da decisão de indeferimento do
pedido por ter sido indevida.
Restauração
Notificação quanto à
andamento do pedido.
restauração
9.2.3 Republicação
Republicação da publicação de indeferimento
por ter sido efetuada com incorreção.
10.Desistência
10.1
Desistência Homologada
Notificação da homologação da desistência do
pedido de patente, apresentada pelo
depositante, acarretando o encerramento do
processo administrativo.
10.5
Desistência não Homologada
Notificação da não homologação
desistência do pedido de patente.
do
Despacho Anulado (**)
Anulação do despacho por ter sido indevido.
8.9
Publicação Anulada
Anulada a publicação por ter sido indevida
8.10
Republicação
Republicação da publicação de qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido efetuada
com incorreção.
8.11
9.2.2 Publicação Anulada
Anulada a publicação de indeferimento por ter
sido indevida.
Manutenção do Arquivamento
Manutenção do Arquivamento Mantido o
arquivamento do pedido uma vez que não foi
requerida a restauração nos termos do
disposto no art. 87 da LPI, encerrando a
instância administrativa.
da
10.6
Despacho Anulado (**)
Anulação do despacho por ter sido indevido.
10.7
Publicação Anulada
Anulada a publicação por ter sido indevida
10.8
Republicação
Republicação da publicação de qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido efetuada
com incorreção.
11. Arquivamento
7. Ciência de Parecer
9. Decisão
11.1
7.1
Conhecimento de Parecer Técnico
Suspenso o andamento do pedido para que o
depositante se manifeste, no prazo de 90
(noventa) dias desta data, quanto ao contido
no parecer técnico. A cópia do parecer técnico
poderá ser solicitada através do formulário
modelo
1.05. A não manifestação ou a
manifestação considerada
improcedente
acarretará a manutenção do posicionamento
técnico anterior.
7.2
Publicação Anulada
Anulada a publicação de conhecimento do
parecer técnico por ter sido indevida.
7.3
Republicação
Republicação da publicação de conhecimento
do parecer técnico por ter sido efetuada com
incorreção.
7.4
Ciência relacionada com o art. 229 da LPI
O exame técnico concluiu que o pedido atende
aos requisitos estabelecidos pelos artigos 8 e
36 da LPI. O deferimento do mesmo está
condicionado à obtenção da anuência de que
trata o art. 229 da LPI da Lei 9.279/96,
conforme redação dada pela Lei 10.196/2001
8. Anuidade do Pedido
9.1
9.1.1 Decisão Anulada (**)
Anulação da decisão de deferimento por ter
sido indevida.
9.1.2 Publicação Anulada
Anulada a publicação de deferimento por ter
sido indevida.
9.1.3 Republicação
Republicação da publicação de deferimento
por ter sido efetuada com incorreção.
9.1.4 Retificação
Retificação da publicação de deferimento por
ter sido efetuada com incorreção. Tal
publicação não implica na alteração da data
do deferimento e nos prazos decorrentes da
mesma.
9.2
8.5
Exigência de Complementação de
Anuidade
O depositante deverá complementar, de
acordo com a tabela vigente na data da
complementação,
o
pagamento
da
anuidade especificada, por meio do formulário
modelo
1.02
acompanhado
dos
comprovantes
dos
pagamentos
correspondentes
ao
cumprimento
de
exigência e a complementação da anuidade.
Deferimento
Deferido o pedido de patente. Desta data corre
o prazo de 60 (sessenta) dias para o
pagamento e comprovação, através do
formulário modelo 1.02, da retribuição para
expedição da carta-patente. O pagamento
desta retribuição poderá ainda ser efetuado
dentro dos 30 (trinta) dias subseqüentes,
independente de notificação na RPI. O não
pagamento e sua comprovação nos prazos
acima
determinados
acarretará
o
arquivamento definitivo do pedido.
Indeferimento
Indeferido o pedido por não atender aos
requisitos legais, conforme parecer técnico. A
cópia do parecer técnico poderá ser solicitada
através do formulário modelo 1.05. Desta data
corre o prazo de 60 (sessenta) dias para
eventual recurso do depositante. No caso de
pedido de certificado de adição indeferido por
não ter o mesmo conceito inventivo, o
depositante poderá, no prazo de recurso,
requerer a sua transformação em pedido de
Arquivamento - Art. 33 da LPI
Arquivado o pedido uma vez que não foi
requerido o pedido de exame no prazo
previsto no Art. 33 da LPI. Desta data corre o
prazo de 60 (sessenta) dias para o
depositante requerer o desarquivamento,
através do formulário 1.02, mediante
pagamento da retribuição específica de
desarquivamento e do pagamento do pedido
de exame sob pena de arquivamento
definitivo.
11.1.1 Arquivamento definitivo - Art. 33 da LPI
Arquivado definitivamente o pedido uma vez
que não foi requerido o desarquivamento.
11.2
Arquivamento - Art. 36 §1° da LPI
Arquivado definitivamente o pedido de
patente, uma vez que não foi respondida a
exigência formulada.
11.4
Arquivamento - Art. 38 § 2° da LPI
Arquivado definitivamente o pedido de
patente, uma vez que não foi comprovado o
pagamento da retribuição de expedição da
carta-patente.
11.5
Arquivamento - Art. 34 da LPI
Arquivado o pedido, uma vez que não foram
atendidas as exigências previstas no Art. 34
da LPI. Desta data correm simultaneamente o
prazo
de
60
(sessenta)
dias
para
apresentação de recurso e o prazo de 3 (três)
meses para requerimento de restauração do
andamento do pedido, mediante formulário
modelo
1.02,
com
o
pagamento
correspondente à restauração juntamente com
o cumprimento de exigência acompanhado da
respectiva taxa.
11.6
Arquivamento do Pedido-Art. 216 §2° da
LPI
Arquivado definitivamente o pedido de
patente, uma vez que não foi apresentada a
procuração devida no prazo de 60 (sessenta)
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Tabela de Códigos de Despachos 13
dias contados da prática do primeiro ato da
parte no processo.
11.6.1 Arquivamento da Petição-Art. 216 §2º da
LPI
Arquivada a petição, uma vez que não foi
apresentada a procuração devida no prazo de
60 (sessenta) dias contados da prática do ato.
Desta data corre o prazo de 60 (sessenta) dias
para eventual recurso do interessado.
11.11 Arquivamento - Art. 17 § 2º da LPI
Arquivado definitivamente o pedido de
patente, uma vez que foi efetuado depósito
posterior nos termos do Art. 17 § 2º da LPI.
11.12 Art. 26 parágrafo único da LPI
Arquivado o
pedido, uma vez que o
requerimento de divisão está em desacordo
com o disposto no Art. 26 da LPI. Desta data
corre o prazo de 60 (sessenta) dias para
eventual recurso ao depositante.
11.13 Despacho Anulado (**)
Anulação do despacho de arquivamento do
pedido por ter sido indevido.
11.14 Publicação Anulada
Anulada a publicação de arquivamento do
pedido por ter sido indevida.
11.15 Republicação
Republicação da publicação de qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido efetuada
com incorreção.
11.16 Restauração
Notificação quanto à
andamento do pedido.
restauração
do
12. Recurso
12.2
12.3
12.6
12.7
12.8
Recurso Contra o Indeferimento
Notificação de interposição de recurso ao
Presidente do INPI contra o indeferimento do
pedido de patente ou do certificado de adição
de invenção, objetivando o reexame da
matéria. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para apresentação de contrarazões por qualquer interessado. Poderá ser
requerida cópia do recurso através do
formulário modelo 1.05.
Recurso Contra o Arquivamento
Notificação de interposição de recurso ao
Presidente do INPI contra o arquivamento do
pedido de patente, objetivando o reexame da
matéria. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para apresentação de contrarazões por qualquer interessado. Poderá ser
requerida cópia do recurso através do
formulário modelo 1.05.
Outros Recursos
Notificação de interposição de recurso ao
Presidente do INPI contra a decisão proferida
pela DIRPA, objetivando o reexame da
matéria. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para apresentação de contrarazões por qualquer interessado. Poderá ser
requerida cópia do recurso através do
formulário modelo 1.05.
Publicação Anulada
Anulada a publicação de notificação do
recurso por ter sido indevida.
Republicação
Republicação da publicação de qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido efetuada
com incorreção.
15. Outros Referentes a Pedidos
15.7
Petição Não Conhecida
Não conhecimento da petição apresentada em
virtude do disposto nos Arts. 218 ou 219 da
LPI.
15.8
Petição Sustada
Sustado o conhecimento da petição para
aguardar providências necessárias ao seu
conhecimento.
15.9
Perda de Prioridade
Perda da prioridade reivindicada por não
atender às disposições previstas no artigo 16
§ 7º da LPI.
15.33 Republicação
Republicação da publicação de qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido efetuada
com incorreção.
16. Concessão de Patente ou
Certificado de Adição
de Invenção
15.10 Mudança de Natureza
Mudada a natureza e alterado o número do
pedido.
16.1
Concessão de Patente ou Certificado de
Adição de Invenção
Expedição da carta-patente ou do certificado
de adição de invenção. O título acha-se à
disposição do interessado no setor
competente do INPI. Desta data corre o prazo
de 6 (seis) meses para interposição de
nulidade administrativa por qualquer
interessado (Art. 51 da LPI ).O certificado de
adição é acessório da patente, tem a data final
de vigência desta e a acompanha para todos
os efeitos legais.
16.2
Publicação Anulada
Anulada a publicação da concessão por ter
sido indevida.
16.3
Retificação
Retificação da publicação da concessão da
patente por ter sido efetuada com incorreção
que não impossibilita sua identificação. Tal
publicação não implica na alteração da data
de publicação
da concessão da patente e
nos prazos decorrentes da mesma.
16.4
Concessão Anulada
Anulada a concessão da patente por ter sido
indevida.
15.11 Alteração de Classificação
Alterada a classificação do pedido para melhor
adequação.
15.12 Renumeração
Alterada a numeração por ter sido numerado
indevidamente.
15.14 Notificação de Decisão Judicial
Notificação de decisão judicial referente ao
pedido.
15.21 Numeração Anulada
Anulada a numeração do pedido de patente
15.22 Devolução de Prazo Concedida
Notificação de devolução de prazo uma vez
que não foi possível ciência ao interessado
diretamente no processo. Desta data corre o
prazo adicional concedido no despacho. O
prazo será de, no mínimo 15 (quinze) dias e,
no máximo, o prazo legal dos atos
correspondentes (Art. 221 da LPI e AN 127
item 12).
15.22.1 Devolução de Prazo Negada
Negada a solicitação de devolução de prazo
uma vez que não ficou comprovada a justa
causa conforme definida no Art. 221 da LPI. A
cópia do parecer poderá ser solicitada através
do formulário 1.05. Desta data corre o prazo
de 60 (sessenta) dias para eventual recurso
do interessado.
15.23 Pedido “SUB JUDICE”
Notificação de ação judicial referente a pedido.
15.24 Notificação de requerimento de exame
prioritário de pedido de patente.
O exame prioritário do pedido de patente só será
iniciado após ter sido atendido o disposto no
parágrafo único do art. 31 da LPI e nos arts. 33 e
84 da LPI, bem como transcorridos 24 meses da
data de seu depósito, para garantir que todos os
pedidosde patente depositados com data
anterior já tenham sido publicados.
15.24.1 Notificação de exame prioritário, de
Ofício, de pedido de patente.
O exame prioritário do pedido de patente só será
iniciado após ter sido atendido o disposto no
parágrafo único do art. 31 da LPI e nos arts. 33 e
84 da LPI, bem como transcorridos 24 meses da
data de seu depósito, para garantir que todos os
pedidos de patente depositados com data anterior
já tenham sido publicados.
15.24.2 Concedido o exame prioritário do pedido
de patente
Concedido o exame prioritário do pedido de
patente uma vez que o requerimento
apresentado atende ao disposto na Resolução
INPI nº 132/06 de 17/11/06.
15.24.3 Negado o exame prioritário do pedido de
patente
Negado o exame prioritário do pedido de
patente uma vez que o requerimento
apresentado não atende ao disposto na
Resolução INPI nº 132/06 de 17/11/06.
17.Nulidade Administrativa
17.1
Notificação de Interposição de Nulidade
Administrativa
Notificação, ao titular da patente, de
instauração de processo administrativo de
nulidade. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual contestação do
titular (Art. 52 da LPI). Poderá ser requerida
cópia do processo de nulidade através do
formulário modelo 1.05.
17.2
Publicação Anulada
Anulação da publicação de notificação da
instauração de processo administrativo de
nulidade por ter sido indevida.
17.3
Republicação
Republicação da publicação de notificação da
instauração de processo administrativo de
nulidade por ter sido efetuada com incorreção.
18. Caducidade
18.1
Notificação de Pedido de Caducidade
Notificação, ao titular da patente, da
instauração do processo de caducidade por
falta de exploração por requerimento de
terceiros e/ou de ofício. Poderá ser requerida
cópia do processo de caducidade através do
formulário modelo 1.05.
18.3
Caducidade Deferida
Declarada a caducidade da patente por falta
de exploração. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual recurso do titular
(Art. 212 da LPI). A decisão da caducidade
produzirá efeitos a partir da data do
requerimento ou da publicação da instauração
de ofício do processo. Poderá ser requerida
cópia do parecer através do formulário modelo
1.05.
18.4
Caducidade Indeferida
15.30 Publicação Anulada
Anulada a publicação de qualquer um dos
subitens anteriores por ter sido indevida.
15.31 Despacho Anulado (**)
Anulação do despacho referente a qualquer
um dos subitens anteriores por ter sido
indevido.
15.32 Decisão Anulada (**)
Anulação da decisão referente a qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido indevida.
14
DIRPA - Tabela de Códigos de Despachos
Denegado o pedido de caducidade da patente.
Desta data corre o prazo de 60 (sessenta) dias
para eventual recurso do interessado (Art. 212
da LPI).Poderá ser requerida cópia do parecer
através do formulário modelo 1.05.
18.5
18.6
Recurso
contra
o
Deferimento
da
Caducidade
Interposição de recurso ao Presidente do INPI
contra o deferimento do pedido de
caducidade, objetivando o reexame da
matéria. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual contestação do
interessado. Poderá ser requerida cópia do
recurso através do formulário modelo 1.05.
Recurso contra o Indeferimento da
Caducidade
Interposição de recurso ao Presidente do INPI
contra o indeferimento do pedido de
caducidade, objetivando o reexame da
matéria. Poderá ser requerida cópia do
recurso através do formulário modelo 1.05.
18.10 Desistência de Caducidade
Notificação de desistência do pedido de
caducidade.
18.11 Decisão Anulada (**)
Anulação da decisão da caducidade por ter
sido indevida.
18.12 Publicação Anulada
Anulada a publicação de qualquer um dos
subitens anteriores por ter sido indevida.
RPI 1951 de 27/05/2008
comprovar a obrigação decorrente do Art. 217
da LPI.
19.2
19.3
Retificação
Retificação da publicação de comunicação de
decisão judicial ter sido efetuada com
incorreção.
21. Extinção de Patente e
Certificado de Adição de
Invenção
21.1
21.2
21.6
21.7
Extinção - Art. 78 inciso I da LPI
Notificação da extinção da patente e seus
certificados, se for o caso, pela expiração do
prazo de vigência de proteção legal.
Extinção - Art 78 inciso II da LPI
Notificação da extinção da patente e seus
certificados, se for o caso, pela homologação
da renúncia apresentada pelo seu titular.
Homologada a renúncia, a patente será
considerada extinta na data da apresentação
da renúncia.
Extinção - Art. 78 inciso IV da LPI
Notificação da extinção da patente e seus
certificados, se for o caso, dada a não
restauração prevista no Art. 87 da LPI. A
patente é considerada extinta na data final do
prazo legal (nove meses) do primeiro
pagamento devido que deixou de ser
efetuado.
Extinção - Art. 78 inciso V da LPI
Notificação da extinção da patente e seus
certificados, se for o caso, uma vez que após
solicitação do INPI o titular deixou de
judicial referente
a
Despacho Anulado (**)
Anulação do despacho da extinção da patente
por ter sido indevido.
22.20 Publicação Anulada
Anulada a publicação de qualquer um dos
subitens anteriores por ter sido indevida.
21.9
Publicação Anulada
Anulada a publicação de qualquer um dos
subitens anteriores por ter sido indevida.
22.21 Despacho Anulado (**)
Anulação do despacho referente a qualquer
um dos subitens anteriores por ter sido
indevido.
21.10 Republicação
Republicação da publicação de qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido efetuada
com incorreção.
22. Outros Referentes a Patentes e
Certificados de Adição de
Invenção
22.2
Petição Não Conhecida
Não conhecimento da petição apresentada em
virtude do disposto nos Arts. 218 ou 219 da
LPI.
22.3
Petição Sustada
Sustado o conhecimento da petição para
aguardar providências necessárias ao seu
conhecimento.
22.4
19. Notificação de Decisão Judicial
Notificação de Decisão Judicial
Comunicação de decisão judicial referente à
patente.
Publicação Anulada
Anulada a publicação de comunicação de
decisão judicial por ter sido indevida.
de ação
21.8
18.13 Republicação
Republicação da publicação de qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido efetuada
com incorreção.
19.1
Notificação
patente.
22.5
Pedido de Licença Compulsória Para
Exploração de Patente
Notificação de requerimento de licença
compulsória para exploração da patente e
seus certificados, se for o caso, face ao
disposto no Art. 68 da LPI. Desta data corre o
prazo de 60 (sessenta) dias para manifestação
do titular. Ver publicação correspondente na
seção da Diretoria de Transferência de
Tecnologia.
Exigências Diversas
Formulada exigência para adequação ou
cumprimento de disposições legais no prazo
de 60 (sessenta) dias desta data. Caso a
exigência não tenha sido explicitada no
despacho da RPI, o titular poderá requerer
cópia do parecer através do formulário modelo
1.05.
22.10 Outros Recursos
Notificação de interposição de recurso ao
Presidente do INPI contra a decisão proferida
pela DIRPA, objetivando o reexame da
matéria. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual contestação do
interessado. Poderá ser requerida cópia do
recurso através do formulário modelo 1.05.
22.11 Devolução de Prazo
Notificação de devolução de prazo uma vez
que não foi possível ciência ao interessado
diretamente no processo. Desta data corre o
prazo adicional concedido no despacho. O
prazo será de, no mínimo 15 (quinze) dias e,
no máximo, o prazo legal dos atos
correspondentes (Art. 221 da LPI e AN 127
item 12).
22.12 Oferta de Licença de Patente
Notificação de oferta de licença (ou renovação
da mesma) para exploração da patente (Art.
64 § 1º da LPI). O interessado poderá obter
cópia na íntegra das condições contratuais
oferecidas pelo titular (AN 127 item 8),
mediante solicitação através do formulário
modelo 1.05.
22.13 Desistência da Oferta de Licença
Notificação da desistência da oferta de licença
pelo titular (Art. 64 § 4º).
22.14 Arquivamento da Petição-Art. 216 §2º da LPI
Arquivada a petição, uma vez que não foi
apresentada a procuração devida no prazo de
60 (sessenta) dias contados da prática do ato.
Desta data corre o prazo de 60 (sessenta) dias
para eventual recurso do interessado.
22.15 Patente “SUB JUDICE”
22.22 Decisão Anulada (**)
Anulação da decisão referente a qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido indevida.
22.23 Republicação
Republicação da publicação de qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido efetuada
com incorreção.
23. Processamento de Pedidos
Segundo Artigos 230 e 231 da
Lei 9279/96
23.1
Notificação de Pedido Depositado
23.1.1 Notificação de Depósito de Pedido Dividido
Notificação de pedido dividido de um pedido
depositado anteriormente. Em relação ao
pedido original, o pedido dividido tem a
mesma data de depósito. O pedido dividido é
considerado como estando na mesma fase
processual do pedido original.
23.2
Exigência
Suspenso andamento do pedido que,para
instrução regular, aguardará o atendimento da
exigência formulada em 90 ( noventa ) dias,
desta data
23.3
Publicação do Pedido para Manifestação de
Terceiros
Publicado o pedido uma vez que já foi
apresentada
a
declaração
de
não
comercialização até a data do depósito. Desta
data corre o prazo de 90 (noventa) dias para
apresentação, por qualquer interessado, de
manifestação quanto ao atendimento ao
disposto no caput do art. 230 da Lei 9279/96.
23.4
Notificação
Depositante
23.5
Anuidade
23.6
Arquivamento
23.7
Denegação do Pedido
23.8
Recurso
23.9
Expedição da Patente
para
Contestação
do
23.10 Publicação Anulada
23.11 Republicação
23.12 Retificação
23.13 Deferimento
Deferido o pedido. Desta data corre o prazo de
60 (sessenta) dias para o pagamento e
comprovação, através do formulário 1.02, da
retribuição para expedição da carta-patente. O
pagamento desta retribuição, poderá ainda ser
efetuado dentro dos 30 (trinta) dias
subsequentes, independente de notificação da
RPI. O não pagamento e sua comprovação
nos prazos acima acarretará o arquivamento
definitivo do pedido.
23.14 Decisão Anulada
23.15 Expedição Anulada
23.16 Outros
23.17 Ciência Relacionada com o Art. 229 da LPI
O exame técnico concluiu que o pedido atende
aos requisitos estabelecidos pelos artigos 229
a 231 da LPI. O deferimento do mesmo está
RPI 1951 de 27/05/2008
condicionado à obtenção da anuência de que
trata o art. 229 da LPI da Lei 9.279/96,
conforme redação dada pela Lei 10.196/2001
23.18 Notificação de Interposição de Nulidade
Administrativa
Notificação ao titular da patente, de
instauração de processo administrativo de
nulidade. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual contestação do
titular (Art. 52 da LPI). Poderá ser requerida
cópia do processo de nulidade através do
formulário modelo 1.05
DIRPA - Tabela de Códigos de Despachos 15
25.11 Republicação
25. Anotação de Alteração de nome
e/ou sede, de Transferência e de
Limitação ou Ônus de Pedido, Patente
e Certificado de Adição de Invenção.
24.3
Exigencia
de
Complementação
de
Anuidade
O
titular
deverá
complementar,
de
acordo com a tabela vigente na data da
complementação,
o
recolhimento
da
anuidade especificada, por meio do formulário
modelo
1.02
acompanhado
dos
comprovantes
dos
pagamentos
correspondentes
ao
cumprimento
da
exigência e a complementação da anuidade.
O não cumprimento no prazo de 60 (sessenta)
dias acarretará a extinção da patente nos
termos do no art. 87 da LPI.
Notificação da extinção da patente para
fins da restauração nos termos do art. 87
da LPI.
Notificação da extinção da patente por falta de
pagamento de anuidade, por pagamento de
anuidade fora do prazo ou por não
cumprimento
de
exigência
de
complementação de pagamento de anuidade.
Desta data corre o prazo de 3 (três) meses
para o titular requerer a restauração da
patente. A restauração deve ser requerida por
meio do formulário modelo 1.02, companhado
dos
comprovantes
dos
pagamentos
correspondentes à restauração e à anuidade
ou sua complementação. Caso não seja
requerida a restauração a patente será
extinta de acordo com o disposto no inciso IV
do art. 78 da LPI.
24.4
Restauração
Notificação quanto à restauração da patente.
24.5
Despacho Anulado (**)
Anulação do despacho referente a qualquer
um dos subitens anteriores por ter sido
indevido.
24.6
Publicação Anulada
Anulação da publicação referente a qualquer
um dos subitens anteriores por ter sido
indevida.
24.7
Republicação
Republicação da publicação de qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido efetuada
com incorreção.
25.12 Publicação Anulada
Anulada a publicação de qualquer um dos
subitens anteriores por ter sido efetuada com
incorreção.
25.1
Transferência Deferida
Notificação do deferimento da transferência
requerida. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
25.13 Anotação de Limitação ou Ônus
Notificação referente à anotação de limitação
ou
ônus
conforme
indicado
no
complemento
25.2
Transferência Indeferida
Notificação do indeferimento da transferência
requerida. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
PR. INPI - Presidência
24. Anuidade de Patente
24.2
Republicação da publicação de qualquer um
dos subitens anteriores por ter sido indevida.
25.3
Transferência em Exigência
Exigência referente ao pedido de transferência
requerida. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para cumprimento da
exigência
formulada,
sob
pena
de
indeferimento da transferência.
25.4
Alteração de Nome Deferida
Notificação do deferimento da alteração de
nome requerida. Desta data corre o prazo de
60 (sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
25.5
25.6
25.7
Alteração de Nome Indeferida
Notificação do indeferimento da alteração de
nome requerida. Desta data corre o prazo de
60 (sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
Alteração de Nome em Exigência
Exigência referente ao pedido de alteração
nome requerida. Desta data corre o prazo
60 (sessenta) dias para cumprimento
exigência
formulada,
sob
pena
indeferimento da alteração.
de
de
da
de
Alteração de Sede Deferida
Notificação do deferimento da alteração de
Sede requerida. Desta data corre o prazo de
60 (sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
25.8
Alteração de Sede Indeferida
Notificação do indeferimento da alteração de
Sede requerida. Desta data corre o prazo de
60 (sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
25.9
Alteração de Sede em Exigência
Exigência referente ao pedido de alteração
Sede requerida. Desta data corre o prazo
60 (sessenta) dias para cumprimento
exigência
formulada,
sob
pena
indeferimento da alteração.
Nulidade Administrativa - Intimação para
Manifestação
Notificação ao titular da patente e ao
requerente da nulidade, da emissão de
parecer do INPI para manifestação. A
manifestação deverá ser apresentada no
prazo de 60(sessenta) dias, desta data após o
que o processo será decidido. O interessado
poderá requerer cópia do parecer através do
formulário DIRPA Modelo 1.05.
Nulidade Administrativa - Decisão
A decisão da nulidade encerra a instância
administrativa.
Recurso - Exigência
Recurso - Exigência - Art. 214 da LPI
Formulada exigência para complementação
das razões oferecidas a título de recurso no
prazo de 60 (sessenta) dias desta data.
Havendo ou não manifestação sobre a
exigência dar-se-á prosseguimento ao exame
do recurso. Caso a exigência não tenha sido
explicitada no despacho da RPI, o interessado
poderá requerer cópia do parecer através do
formulário DIRPA Modelo 1.05.
Recurso - Decisão
A decisão do recurso é final e irrecorrível na
esfera administrativa.
Considerações Finais
Solicitação de Cópias:
de
de
da
de
1 - Os pedidos de fotocópias podem ser
solicitados na sede do INPI/RJ ou nas
delegacias e representações do INPI
constantes da primeira página da RPI.
(*)
Quando a republicação se referir a item de
publicação que envolva o prazo para tomada
de providências, o prazo contar-se-á a partir da
data da republicação.
(**)
A toda publicação que envolva anulação de
ato ou despacho caberá justificativa no
processo adminstrativo.
25.10 Despacho Anulado (**)
Anulação do despacho referente a qualquer
um dos subitens anteriores por ter sido
indevido.
16
DIRPA - Tabela de Códigos de Despachos
RPI 1951 de 27/05/2008
(62)
Códigos para
Identificação de Dados
Bibliográficos
(INID)
(11)
(21)
(22)
(30)
(43)
(45)
(51)
(54)
(57)
(61)
Número da Patente
Número do Pedido
Data do Depósito
Dados da Prioridade Unionista (data de
depósito, país, número)
Data da Publicação do Pedido
Data da Concessão da Patente/Certificado
de Adição de Invenção
Classificação Internacional
Título
Resumo
Dados do Pedido ou patente principal do qual
o presente é uma adição (número e
data de depósito)
(66)
(71)
(72)
(73)
(74)
(81)
(85)
(86)
(87)
Dados do pedido original do qual o presente é
uma divisão (número e dadta de depósito)
Dados da Prioridade Interna (número e data de
depósito)
Nome do Depositante
Nome do Inventor
Nome do Titular
Nome do Procurador
Países Designados
Data do Início da Fase Nacional
Número, Idioma e Data do Depósito
Internacional
Número, Idioma e Data da Publicação
Internacional
Diretoria de Patentes - DIRPA
Tabela de Códigos de Despachos de Pedidos e
Patentes (incluindo as de MI/DI expedidas na
vigência da LEI 5772/71)
Período de Transição - LEI 5772/71 (CPI)
RPI 1951 de 27/05/2008
11.30
Arquivamento Definitivo – Art. 18 § 1º da
Lei 5772/71
Notificação da retirada definitiva do pedido
de patente uma vez que não foi requerido o
pedido de exame no prazo previsto pelo Art
18 § 1º, tendo o prazo expirado na vigência
da Lei 5772/71.
11.31
Arquivamento Definitivo - Falta de
Cumprimento de Exigência
Notificação do arquivamento definitivo do
pedido uma vez que não houve manifestação
do depositante quanto à exigência formal;
exigência técnica ou exigência referente ao
Art. 20, tendo o prazo de cumprimento
expirado na vigência da Lei 5772/71.
12.1
13.1
13.2
15.1
15.2
Arquivamento do Pedido de Patente por
Comprovação Intempestiva de Anuidade AN 082/86 item 4.1
Notificação do arquivamento automático do
pedido de patente, ocorrido durante a
vigência
da
Lei
5772/71,
por
intempestividade de comprovação
de
anuidade. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para o depositante requerer a
restauração do andamento do pedido através
do formulário modelo 1.02, com o
recolhimento correspondente à restauração.
15.3
Arquivamento do Pedido de Patente por
Falta de Comprovação e Recolhimento de
Anuidade - AN 082/86 item 4.1
Notificação do arquivamento automático do
pedido de patente, ocorrido durante a
vigência da Lei 5772/71, por falta de
comprovação e recolhimento de anuidade.
Desta data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o depositante requerer a
restauração do andamento do pedido através
do formulário modelo 1.02, com o
recolhimento correspondente à restauração,
devendo anexar a guia de recolhimento
referente à anuidade devida. No caso de
arquivamento indevido, o depositante deverá,
no prazo acima, apresentar o comprovante
de recolhimento tempestivo, através do
formulário modelo 1.02, isento de retribuição.
Recurso Contra o Deferimento
Notificação de recurso, interposto na vigência
da Lei 5772/71, contra o deferimento do
pedido de patente, objetivando o reexame da
matéria. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual contestação do
depositante. Poderá ser requerida cópia do
recurso através do formulário modelo 1.05.
Notificação
para
Pagamento
da
Retribuição Relativa à Expedição da
Carta-Patente dos Pedidos Deferidos na
Vigência da Lei 5772/71
Desta data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o pagamento e comprovação de
retribuição para expedição da carta-patente.
O não pagamento e sua comprovação no
prazo acima determinado acarretará o
arquivamento definitivo do pedido.
15.3.1
Publicação Anulada
Anulação da publicação de notificação para
recolhimento por ter sido indevida.
Arquivamento do Pedido de Patente por
Comprovação
e
Recolhimento
Intempestivo de Anuidade - AN 082/86
item 4.1
Notificação do arquivamento automático do
pedido de patente, ocorrido durante a
vigência
da
Lei
5772/71,
por
intempestividade
de
comprovação
e
recolhimento de anuidade. Desta data corre
o prazo de 60 (sessenta) dias para o
depositante requerer a restauração do
andamento do pedido através do formulário
modelo
1.02,
com
o
recolhimento
correspondente à restauração.
15.4
Aquivamento do pedido de patente de
Modelo ou Desenho Industrial por falta de
recolhimento de anuidade/comprovação –
AN 082/86 item 4.1
Notificação do arquivamento automático do
pedido de patente, ocorrido durante a
vigência da Lei 5772/71, por falta de
recolhimento/comprovação de anuidade.
Desta data corre o prazo de 60 (sessenta)
dias para o depositante requerer a
restauração do andamento do pedido através
do formulário 1.02, com o recolhimento
correspondente à restauração, não sendo
necessário o recolhimento da(s) anuidade(s).
No caso de arquivamento indevido, o
depositante deverá, no prazo acima,
apresentar o comprovante do recolhimento
tempestivo através do formulário modelo
1.02, isento de retribuição.
Arquivamento do Pedido de Patente por
Falta de Comprovação e Recolhimento de
Anuidade e Comprovação e Recolhimento
Intempestivo de Anuidade - AN 082/86
item 4.1
Notificação do arquivamento automático do
pedido de patente, ocorrido durante a
vigência da Lei 5772/71, por falta e por
intempestividade
de
comprovação
e
recolhimento de anuidade. Desta data corre
o prazo de 60 (sessenta) dias para o
depositante requerer a restauração do
andamento do pedido através do formulário
modelo
1.02,
com
o
recolhimento
correspondente à restauração, devendo
anexar a guia de recolhimento referente à
anuidade devida. No caso de arquivamento
indevido, o depositante deverá, no prazo
acima, apresentar o comprovante de
comprovação e recolhimento tempestivo,
através do formulário modelo 1.02, isento de
retribuição.
15.13
Extinção da Garantia de Prioridade
Notificação da extinção da garantia de
prioridade por não ter sido requerido o
privilégio dentro dos prazos previstos no Art
7º da Lei 5772/71.
18.2
Caducidade - Art 50 da Lei 5772/71
Notificação de caducidade automática da
patente por não ter sido efetuada a
comprovação do pagamento da respectiva
anuidade no prazo legal encerrado na
vigência da Lei 5772/71.
MDIC - MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO,
INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR
Recurso - Interposição
Notificação de interposição, na vigência da
Lei 5772/71, de recurso ao Ministro do
Desenvolvimento, Indústria e Comércio
Exterior contra a decisão proferida pelo
Presidente do INPI, objetivando o reexame
da matéria.
Recurso - Decisão
A decisão do recurso, interposto na vigência
da Lei 5772/71, pelo Ministério do
Desenvolvimento, Indústria e Comércio
Exterior encerra a instância administrativa..
DIRETORIA DE PATENTES - DIRPA
Índice Numérico Remissivo de Pedidos, Patentes
(incluindo as de MI/DI expedidas na vigência da
Lei 5772/71) e Certificados de Adição de Invenção
RPI 1951 de 27/05/2008
C1
C1
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
0004937-9
0504055-8
6901967-3
6901968-1
7401995-3
7500584-0
7500584-0
7601260-3
7602148-3
7700276-8
7700289-0
7701447-2
7702175-4
7702370-6
7702457-5
7800447-0
7801652-5
7802144-8
7900045-2
7900089-4
7900267-6
7900557-8
7900744-9
7900920-4
7900954-9
7901121-7
7901530-1
7901589-1
8000076-2
8000749-0
8001086-5
8001286-8
8001287-6
8001322-8
8001336-8
8001778-9
8002103-4
8002524-2
8002535-8
8002542-0
8100036-7
8100281-5
8100484-2
8100546-6
8100563-6
8100696-9
8100865-1
8100891-0
8101764-2
8101766-9
8101769-3
8102164-0
8102342-1
8102343-0
8102450-9
8102490-8
8102643-9
8102646-3
8102740-0
8102879-2
8103230-7
8200569-9
8200965-1
8202416-2
8202417-0
8202545-2
8202696-3
8202746-3
8301038-6
8303012-3
8400360-0
8400416-9
8400417-7
8400711-7
8401499-7
8402007-5
8402176-4
8402648-0
8403068-2
8500490-1
8501755-8
8502535-6
8502881-9
8502919-0
8600337-2
8600627-4
8600946-0
7.1
90
15.33 96
15.14 94
15.14 94
15.14 95
25.13 97
25.7 97
PR
9
9.2.1 94
9.2
93
9.1
91
9.2
93
9.1
91
9.1
91
PR
9
9.2
93
12.2 94
PR
9
12.2 94
9.1
91
6.1
89
7.1
90
PR
9
PR
9
PR
9
7.1
90
6.1
89
9.1
91
7.1
90
9.1
92
15.14 95
15.22 95
15.22 95
6.1
89
15.24 95
8.11 91
11.2 94
6.1
89
6.1
89
7.1
90
6.1
89
9.1
92
7.1
90
6.1
89
9.1
92
6.1
89
9.1
92
15.7 94
9.1
92
9.1
92
9.1
92
9.1
92
9.1
92
9.1
92
6.1
89
6.1
89
7.1
90
9.1
92
6.1
89
7.1
90
7.1
90
6.1
89
15.24.2 96
6.1
89
6.1
89
15.24.2 96
15.24.2 96
15.24.3 96
15.24.3 96
15.24.2 96
15.24.2 96
15.24.3 96
15.24 95
15.24 95
25.1 96
15.24.2 96
15.24 95
15.24.2 96
7.1
90
15.24 95
7.1
90
15.24 95
15.24 95
15.24.2 96
15.24.2 96
15.24.2 96
3.1
53
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
MU
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
8601221-5
8601662-8
8602093-5
8602099-4
8602143-5
8602144-3
8602145-1
8602226-1
8602227-0
8602228-8
8602266-0
8602267-9
8602268-7
8602269-5
8602271-7
8602272-5
8602273-3
8602274-1
8602337-3
8602338-1
8602339-0
8602341-1
8602342-0
8602501-5
8602502-3
8602503-1
8602504-0
8602613-5
8602763-8
8602823-5
8602924-0
8602985-1
8603041-8
8700144-6
8700409-7
8701720-2
8701759-8
8702139-0
8702208-7
8702751-8
8702752-6
8702753-4
8702760-7
8702761-5
8702762-3
8702763-1
8800898-3
8800899-1
8800900-9
8800901-7
8800902-5
8800903-3
8800904-1
8800905-0
8800906-8
8800907-6
8800908-4
8800909-2
8800910-6
8800911-4
8800912-2
8800926-2
8800927-0
8800928-9
8800929-7
0000644-0
0000706-4
0000958-0
0001704-3
0001938-0
0002993-9
0003263-8
0003424-0
0004093-2
0004236-6
0004581-0
0004693-0
0004937-9
0005059-8
0005202-7
0005204-3
0005365-1
0005509-3
0005639-1
0005639-1
0005831-9
0005950-1
3.1
53
3.1
54
3.1
54
3.1
54
3.1
54
3.1
55
3.1
55
3.1
55
3.1
55
3.1
56
3.1
56
3.1
56
3.1
56
3.1
57
3.1
57
3.1
57
3.1
57
3.1
57
3.1
58
3.1
58
3.1
58
3.1
58
3.1
59
3.1
59
3.1
59
3.1
59
3.1
60
3.1
60
3.1
60
3.1
60
3.1
61
3.1
61
2.1
87
15.14 95
3.1
61
3.2
85
3.1
61
3.1
62
11.14 94
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
2.1
87
7.1
91
6.1
90
PR
10
15.24.2 96
15.22 95
7.1
91
9.1
93
15.22 95
15.22 95
15.22 95
11.2 94
9.1
93
7.1
91
7.1
91
9.1
93
25.1 96
9.1
93
7.1
91
6.1
90
15.11 94
9.1
93
9.1
93
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
0007282-6
0007476-4
0009245-2
0009462-5
0009985-6
0010211-3
0010269-5
0010472-8
0010591-0
0010997-5
0011011-6
0011647-5
0011923-7
0011946-6
0012509-1
0012680-2
0014048-1
0014268-9
0014642-0
0014650-1
0015140-8
0015504-7
0015529-2
0015860-7
0016809-2
0017395-9
0017410-6
0100309-7
0100316-0
0100317-8
0100486-7
0100581-2
0101155-3
0101223-1
0101257-6
0101274-6
0101394-7
0101662-8
0101666-0
0101677-6
0101681-4
0101696-2
0101757-8
0101876-0
0101900-7
0101916-3
0102058-7
0102152-4
0102203-2
0102241-5
0102257-1
0102292-0
0102301-2
0102317-9
0102343-8
0102372-1
0102503-1
0102540-6
0102542-2
0102628-3
0103746-3
0103873-7
0104632-2
0104726-4
0104985-2
0105934-3
0106151-8
0111362-3
0112548-6
0113007-2
0117215-8
0201721-0
0203957-5
0204701-2
0206780-3
0208591-7
0212391-6
0300105-9
0300559-3
0300826-6
0300846-0
0302705-8
0302892-5
0303607-3
0303999-4
0304446-7
0304591-9
9.1
93
6.1
90
9.1
93
25.1 96
9.1
93
7.1
91
9.1
93
6.7
90
9.1
93
25.4 97
9.1
93
7.1
91
9.1
93
9.1
93
6.1
90
9.1
93
9.1
93
9.1
93
15.24.3 96
9.1
93
9.1
93
6.1
90
9.1
93
9.1
93
6.1
90
6.1
90
6.1
90
9.1
93
25.1 96
25.1 96
15.24 96
9.1
93
9.1
93
6.1
90
7.1
91
6.1
90
7.1
91
6.1
90
9.1
93
9.1
93
6.1
90
9.1
93
9.1
93
9.1
93
9.1
93
7.1
91
6.1
90
9.1
93
9.1
93
9.1
93
9.1
93
9.1
93
6.1
90
6.1
90
9.1
93
9.1
93
9.1
93
7.1
91
7.1
91
7.1
91
7.1
91
6.1
90
7.1
91
15.24 96
4.3
89
12.2 94
15.24.2 96
15.24.3 96
25.1 96
6.1
90
PR
9
15.24 96
15.24.2 96
3.8
88
25.1 96
25.1 96
25.1 96
15.24.2 96
15.24.2 96
25.4 97
25.4 97
4.3
89
25.1 96
15.24 96
4.3
89
11.14 94
4.3
89
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
0305583-3
0305744-5
0307137-5
0307690-3
0311399-0
0314564-6
0315073-9
0315175-1
0315418-1
0316650-3
0316906-5
0317561-8
0318398-0
0318448-0
0318561-3
0400535-0
0400619-4
0403065-6
0403545-3
0404528-9
0406335-0
0501457-3
0502299-1
0504650-5
0504798-6
0505252-1
0506075-3
0512276-7
0513972-4
0514005-6
0514006-4
0514007-2
0514008-0
0514009-9
0514010-2
0514011-0
0514012-9
0514013-7
0514014-5
0514015-3
0514016-1
0514017-0
0514018-8
0514019-6
0514020-0
0514021-8
0514022-6
0514023-4
0514024-2
0514025-0
0514026-9
0514027-7
0514028-5
0514029-3
0514030-7
0514031-5
0514032-3
0514033-1
0514034-0
0514035-8
0514036-6
0514037-4
0514038-2
0514039-0
0514040-4
0514041-2
0514042-0
0514043-9
0514044-7
0514045-5
0514046-3
0514047-1
0514048-0
0514049-8
0514050-1
0514051-0
0514052-8
0514053-6
0514054-4
0514055-2
0514056-0
0514057-9
0514058-7
0514059-5
0514060-9
0514061-7
0514062-5
15.24.2 96
25.1 97
11.1 94
25.1 97
25.1 97
11.14 94
15.24.2 96
11.14 94
11.14 94
15.7 94
11.14 94
11.14 94
11.14 94
4.3
89
11.14 94
15.24 96
7.1
91
15.24.3 96
15.24 96
15.24.2 96
15.24.2 96
15.24.2 96
9.2
94
7.1
91
3.1
62
3.1
62
3.1
62
1.3.1 87
1.3
21
1.3
21
1.3
21
1.3
21
1.3
22
1.3
22
1.3
22
1.3
22
1.3
23
1.3
23
1.3
23
1.3
23
1.3
24
1.3
24
1.3
24
1.3
24
1.3
24
1.3
25
1.3
25
1.3
25
1.3
25
1.3
25
1.3
26
1.3
26
1.3
26
1.3
26
1.3
26
1.3
27
1.3
27
1.3
27
1.3
27
1.3
27
1.3
28
1.3
28
1.3
28
1.3
28
1.3
28
1.3
29
1.3
29
1.3
29
1.3
29
1.3
29
1.3
29
1.3
30
1.3
30
1.3
30
1.3
30
1.3
31
1.3
31
1.3
31
1.3
31
1.3
31
1.3
31
1.3
32
1.3
32
1.3
32
1.3
33
1.3
33
1.3
33
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
0514063-3
0514064-1
0514065-0
0514067-6
0514068-4
0514069-2
0514071-4
0514072-2
0514073-0
0514074-9
0514075-7
0514076-5
0514077-3
0514078-1
0514079-0
0514080-3
0514081-1
0514082-0
0514083-8
0514084-6
0514085-4
0514086-2
0514087-0
0514089-7
0514090-0
0514091-9
0514092-7
0514093-5
0514094-3
0514095-1
0514096-0
0514097-8
0514098-6
0514099-4
0514100-1
0514101-0
0514102-8
0514103-6
0514104-4
0514105-2
0514106-0
0514107-9
0514108-7
0514109-5
0514110-9
0514111-7
0514112-5
0514113-3
0514114-1
0514115-0
0514116-8
0514117-6
0514118-4
0514119-2
0514120-6
0514121-4
0514122-2
0514123-0
0514124-9
0514125-7
0514126-5
0514127-3
0514128-1
0514129-0
0514130-3
0514131-1
0514132-0
0514133-8
0514134-6
0514135-4
0514136-2
0514137-0
0514138-9
0514139-7
0514140-0
0514141-9
0514142-7
0514143-5
0514144-3
0514145-1
0514146-0
0514147-8
0514148-6
0514149-4
0514151-6
0514152-4
0514153-2
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
1.3
33
34
34
34
35
35
35
35
36
36
36
36
36
37
37
37
37
38
38
38
38
39
39
39
39
39
40
40
40
40
41
41
41
41
41
42
42
42
42
43
43
43
43
44
44
44
44
44
44
44
44
45
45
45
45
45
46
46
46
46
46
47
47
47
47
48
48
48
48
49
49
49
49
50
50
50
50
50
51
51
51
51
52
52
52
52
53
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
0600998-0
0601003-2
0601535-2
0601549-2
0602500-5
0602631-1
0602676-1
0603356-3
0603991-0
0604167-1
0604174-4
0604204-0
0604241-4
0604251-1
0604586-3
0604587-1
0604588-0
0604591-0
0604592-8
0604593-6
0604594-4
0604595-2
0604596-0
0604597-9
0604598-7
0604599-5
0604600-2
0604601-0
0604602-9
0604657-6
0604658-4
0604659-2
0604661-4
0604664-9
0604665-7
0604920-6
0605092-1
0605093-0
0605158-8
0605160-0
0605479-0
0605509-5
0605682-2
0605855-8
0606218-0
0609122-9
0700114-2
0700119-3
0700361-7
0701241-1
0701640-9
0701657-3
0701658-1
0702158-5
0702188-7
0702768-0
0702862-8
0703299-4
0703310-9
0703340-0
0703512-8
0703612-4
0703628-0
0703687-6
0703688-4
0703691-4
0703693-0
0703700-7
0703711-2
0703717-1
0703718-0
0703722-8
0703724-4
0703731-7
0703749-0
0703757-0
0703764-3
0703766-0
0703850-0
0703882-8
0703884-4
0703916-6
0703943-3
0703949-2
0703953-0
0704000-8
0704035-0
15.24 96
15.14 95
15.24.2 96
15.24.3 96
3.1
63
3.8
89
3.1
63
3.1
63
3.1
63
3.1
63
3.1
64
3.1
64
3.1
64
3.1
64
3.1
65
3.1
65
3.1
65
3.1
65
3.1
65
3.1
65
3.1
66
3.1
66
3.1
66
3.1
66
3.1
67
3.1
67
3.1
67
3.1
67
3.1
67
3.1
68
3.1
68
3.1
68
3.1
68
3.1
68
3.1
69
3.1
69
3.1
69
3.1
69
3.1
69
3.1
69
3.1
69
3.1
70
3.1
70
3.1
70
3.1
70
6.7
90
3.1
70
3.1
70
3.1
71
3.8
89
3.8
89
3.1
71
3.1
71
3.1
71
3.1
71
3.8
89
1.3
53
3.1
71
3.1
71
3.1
71
3.1
72
3.2
86
3.1
72
3.1
72
3.1
72
3.1
73
3.1
73
3.1
73
3.1
73
3.1
74
3.1
74
3.1
74
3.1
74
3.1
75
3.2
86
3.1
75
3.1
75
3.1
75
15.14 95
3.1
75
3.1
76
3.1
76
3.8
89
3.1
76
3.1
76
3.1
77
3.1
77
20
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
DIRPA - Índice Numérico Remissivo
0704041-5
0704064-4
0704133-0
0704153-5
0704158-6
0704181-0
0704195-0
0704196-9
0704206-0
0704231-0
0704237-0
0704406-2
0704410-0
0704458-5
0704496-8
0704567-0
0704598-0
0704635-9
0704668-5
0704876-9
0704878-5
0704890-4
0704917-0
0704921-8
0705081-0
0705093-3
0705123-9
0705127-1
0705311-8
0705317-7
0705318-5
0705490-4
0705492-0
0705547-1
0705718-0
0706123-4
0706124-2
0706125-0
0706139-0
0706140-4
0706141-2
0706142-0
0706143-9
0706144-7
0706145-5
0706146-3
0706147-1
0706148-0
0706149-8
0706150-1
0801148-6
0801149-4
0801150-8
0801151-6
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
3.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
77
77
78
78
78
78
79
79
79
79
80
80
80
80
80
80
81
81
81
82
82
82
82
83
83
83
83
83
84
84
84
84
85
85
85
87
87
87
87
87
87
87
87
87
87
87
87
87
87
87
87
87
87
87
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
0801152-4
0801153-2
0801154-0
0801155-9
0801156-7
0801157-5
0801158-3
0801159-1
0801160-5
0801161-3
0801162-1
0801163-0
0801164-8
0801165-6
0801166-4
0801167-2
0801168-0
0801169-9
0801170-2
0801171-0
0801172-9
0801173-7
0801174-5
0801175-3
0801176-1
0801177-0
0801178-8
0801179-6
0801180-0
0801181-8
0801182-6
0801183-4
0801184-2
0801185-0
0801186-9
0801187-7
0801188-5
0801189-3
0801190-7
0801191-5
0801192-3
0801193-1
0801194-0
0801195-8
0801196-6
0801197-4
0801198-2
0801199-0
0801200-8
0801201-6
0801202-4
0801203-2
0801204-0
0801205-9
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
RPI 1951 de 27/05/2008
87
87
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
0801206-7
0801207-5
0801208-3
0801209-1
0801210-5
0801211-3
0801212-1
0801213-0
0801214-8
0801215-6
0801216-4
0801217-2
0801218-0
0801219-9
0801235-0
0801236-9
0801237-7
0801238-5
0801239-3
0801240-7
8804220-0
9001898-2
9003018-4
9103449-3
9103456-6
9103458-2
9201150-0
9203251-6
9300573-3
9302398-7
9302399-5
9305137-9
9402016-7
9404445-7
9408505-6
9500732-6
9504298-9
9504299-7
9510806-8
9600453-3
9600720-6
9600961-6
9601197-1
9601535-7
9602061-0
9602862-9
9603175-1
9603829-2
9603858-6
9604657-0
9605765-3
9605866-8
9606294-0
9606669-5
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
2.1
25.4
25.4
25.4
25.1
25.1
25.1
15.14
PR
15.14
15.14
15.14
15.14
15.14
15.14
PR
6.1
15.14
15.14
6.1
6.1
9.1
9.1
6.1
9.1
PR
9.1
9.1
9.1
PR
6.1
9.2
9.1
PR
25.4
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
88
97
97
97
96
96
96
95
9
95
95
95
95
95
95
9
89
95
95
89
89
92
92
89
92
9
92
92
92
9
90
93
92
9
97
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
9606674-1
9606847-7
9608704-8
9609118-5
9609293-9
9609358-7
9610095-8
9611864-4
9611953-5
9612090-8
9612208-0
9612878-0
9700246-1
9700360-3
9700812-5
9701024-3
9701583-0
9702011-7
9702158-0
9702274-8
9702289-6
9703417-7
9703480-0
9703695-1
9703718-4
9703879-2
9703904-7
9704528-4
9704583-7
9704847-0
9704878-0
9704960-3
9705205-1
9705561-1
9705601-4
9705820-3
9705832-7
9705908-0
9706238-3
9706255-3
9706410-6
9706448-3
9706494-7
9706522-6
9706918-3
9707833-6
9708843-9
9708873-0
9708911-7
9709145-6
9709488-9
9709508-7
9710273-3
9710419-1
6.1
PR
9.2
9.1
9.2
9.2
9.2
25.4
9.2
7.1
6.1
9.2
7.1
6.1
9.1
6.1
6.1
9.2
9.1
9.1
6.1
6.1
6.1
9.2
7.1
6.1
9.1
6.1
7.1
7.1
6.1
9.2
6.1
9.2
7.1
6.1
7.1
7.1
6.1
7.1
6.1
7.1
7.1
7.1
6.1
6.1
9.1
6.1
6.1
9.1
6.1
9.1
6.1
7.1
90
9
93
92
93
93
94
97
94
90
90
94
91
90
92
90
90
94
92
92
90
90
90
94
91
90
92
90
91
91
90
94
90
94
91
90
91
91
90
91
90
91
91
91
90
90
92
90
90
92
90
92
90
91
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
9710420-5
9710532-5
9710682-8
9710787-5
9710877-4
9711774-9
9711912-1
9712022-7
9712242-4
9712772-8
9712778-7
9713157-1
9713386-8
9713518-6
9713642-5
9713649-2
9713912-2
9714212-3
9714741-9
9714819-9
9800750-5
9800787-4
9800847-1
9800908-7
9801270-3
9801470-6
9801554-0
9801561-3
9801759-4
9801771-3
9801789-6
9802345-4
9802619-4
9802957-6
9803090-6
9803289-5
9803346-8
9803957-1
9804165-7
9804319-6
9804468-0
9806522-0
9807013-4
9807183-1
9807227-7
9807362-1
9807494-6
9807587-0
9807600-0
9808162-4
9808432-1
9808485-2
9808507-7
9808692-8
7.1
7.1
9.2
7.1
9.2
9.1
7.1
9.1
7.1
7.1
7.1
9.1
7.1
7.1
7.1
7.1
7.1
9.1
7.1
6.1
7.1
15.14
25.1
15.7
7.1
7.1
PR
9.2
15.14
6.1
7.1
7.1
7.1
7.1
PR
6.1
6.1
7.1
15.22
7.1
15.22
PR
7.1
7.1
7.1
7.1
9.1
6.1
7.1
6.1
6.1
6.1
7.1
9.1
91
91
94
91
94
92
91
92
91
91
91
92
91
91
91
91
91
92
91
90
91
95
96
94
91
91
9
94
95
90
91
91
91
91
9
90
90
91
95
91
95
9
91
91
91
91
92
90
91
90
90
90
91
92
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
PI
9808974-9
9809311-8
9809357-6
9810119-6
9810414-4
9810802-6
9810802-6
9812004-2
9812560-5
9813250-4
9813408-6
9813531-7
9813704-2
9814315-8
9814525-8
9814635-1
9815127-4
9815282-3
9815283-1
9815363-3
9815793-0
9815903-8
9900953-6
9901712-1
9901846-2
9901959-0
9902521-3
9902625-2
9902634-1
9903097-7
9903346-1
9903576-6
9904819-1
9905299-7
9905596-1
9905600-3
9908156-3
9908485-6
9909815-6
9910047-9
9910691-4
9911023-7
9912262-6
9913389-0
9913425-0
9914926-5
9915620-2
9915759-4
9916234-2
9916540-6
9917667-0
6.1
6.1
9.1
9.1
7.1
7.1
15.11
9.1
25.1
9.1
6.1
7.1
PR
PR
PR
9.1
9.1
9.2
9.2
7.1
6.1
9.1
PR
PR
PR
PR
12.6
9.1
6.1
6.7
PR
PR
9.1
PR
6.1
PR
7.1
6.1
PR
15.22
6.1
6.7
9.1
9.1
7.1
9.1
15.22
6.7
PR
25.4
7.1
90
90
92
92
91
91
94
92
96
92
90
91
9
9
9
92
92
94
94
91
90
92
9
9
9
9
94
92
90
90
9
9
92
10
90
10
91
90
10
95
90
90
92
92
91
93
95
90
10
97
91
Diretoria de Patentes - DIRPA
Notificação - Fase Nacional - PCT
Publicação de Pedidos de Patente e de
Certificado de Adição de Invenção
RPI 1951 de 27/05/2008
1. Pedido Internacional PCT/BR Designado ou Eleito
1.3
NOTIFICAÇÃO - FASE NACIONAL - PCT
(21) PI 0513972-4 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 30/07/2004 FR 0408426
(51) C12N 5/00 (2008.04), C07F 9/6521 (2008.04), A61K 35/14 (2008.04), A61K
31/80 (2008.04), A61K 31/675 (2008.04), A61P 35/02 (2008.04)
(54) USO DE DENDRÍMEROS PARA ESTIMULAR O CRESCIMENTO
CELULAR
(57) USO DE DENDRÍMEROS PARA ESTIMULAR O CRESCIMENTO
CELULAR. A presente invenção se relaciona com o uso de dendrímeros com
terminações monofosfônicas ou bifosfônicas a fim de estimular o crescimento
de culturas celulares ou para ativar as células na cultura.
(71) Centre National de La Recherche Scientifique (FR) , Institut National de la
Sante Et de La Recherche Medicale (FR) , Rhodia Uk Limited (GB)
(72) Jean-Pierre Majoral, Anne-Marie Jeannine Jacqueline Caminade, JeanJacques Fournie, Laurent Griffe, Mary Poupot-Marsan, Rémy Poupot, CédricOlivier Turrin
(74) Tavares Propriedade Intelectual Ltda.
(85) 30/01/2007
(86) PCT FR2005/002003 de 29/07/2005
(87) WO 2006/024769 de 09/03/2006
(21) PI 0514005-6 (22) 12/08/2005
1.3
(30) 27/05/0200 US 60/684945; 13/08/2004 US 60/601125
(51) C07D 209/46 (2008.04), C07D 401/04 (2008.04), C07D 401/06 (2008.04),
C07D 401/12 (2008.04), C07D 401/14 (2008.04), C07D 403/04 (2008.04), C07D
403/06 (2008.04), C07D 403/12 (2008.04), C07D 405/06 (2008.04), C07D
405/12 (2008.04), C07D 409/12 (2008.04), C07D 413/04 (2008.04), C07D
413/12 (2008.04), C07D 417/04 (2008.04)
(54) COMPOSTO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, USO DE UM
COMPOSTO, MÉTODO PARA O TRATAMENTO OU PREVENÇÃO DE
DISTÚRBIOS NEUROLÓGICOS E PSIQUIÁTRICOS ASSOCIADOS COM A
DISFUNÇÃO DE GLUTAMATO EM UM ANIMAL, E, PROCESSO PARA A
PREPARAÇÃO DE UM COMPOSTO
(57) COMPOSTO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, USO DE UM
COMPOSTO, MÉTODO PARA O TRATAMENTO OU PREVENÇÃO DE
DISTÚRBIOS NEUROLÓGICOS E PSIQUIÁTRICOS ASSOCIADOS COM A
DISFUNÇÃO DE GLUTAMATO EM UM ANIMAL, E, PROCESSO PARA A
PREPARAÇÃO DE UM COMPOSTO A presente invenção está direcionada aos
compostos da Fórmula (I) em que R¹ é um anel e n é um número de 1 a 8. A
invenção também diz respeito ao uso dos compostos em terapia como
moduladores do receptor de glutamato metabotrópicos, particularmente em
distúrbios neurológicos e psiquiátricos.
(71) Astrazeneca AB (SE) , NPS Pharmaceuticals, Inc. (US)
(72) Joshua Clayton, Fupeng Ma, Bradford Van Wagenen, Radhakrishnan
Ukkiramapandian, Ian Egle, James Empfield, Methvin Isaac, Abdelmalik Slassi,
Gary Steelman, Rebecca Urbanek, Sally Walsh
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 31/01/2007
(86) PCT US2005/028760 de 12/08/2005
(87) WO 2006/020879 de 23/02/2006
(21) PI 0514006-4 (22) 07/09/2005
1.3
(30) 24/09/2004 US 10/950.267
(51) A63H 1/26 (2008.04)
(54) CONJUNTO DE VENTILADOR, MÉTODO PARA FABRICAÇÃO DO
MESMO E MÉTODO PARA REMANUFATURAR UM VENTILADOR ELÉTRICO
(57) CONJUNTO DE VENTILADOR, MÉTODO PAPA FABRICAÇÃO DO
MESMO E MÉTODO PAPA REMANUFATURAR UM VENTILADOR
ELÉTRICO. Um conjunto de ventilador tem um elemento metálico central e um
ventilador polimérico. O ventilador polimérico tem um cubo carregando o
elemento metálico central e tem uma pluralidade de pás se estendendo a partir
do cubo, O elemento metálico central tem uma abertura longitudinal central e
uma superfície lateral. A superfície lateral do elemento metálico central é de
seção substancialmente uniforme, substancialmente quadrada ao longo de uma
maior parte de um comprimento do elemento metálico central.
(71) Carrier Corporation (US)
(72) Xavier Girod, Eric Icarre, Michel El Baz
(74) Bhering Advogados
(85) 31/01/2007
(86) PCT US2005/031656 de 07/09/2005
(87) WO 2006/036467 de 06/04/2006
(21) PI 0514007-2 (22) 12/08/2005
1.3
(30) 12/08/2004 US 60/601.230
(51) H04B 1/38 (2008.04)
(54) NANOSISTEMAS INTERCONECTADOS
(57) NANOSISTEMAS INTERCONECTADOS Comunicação para e a partir de
um nanodispositivo é fornecida com uma antena baseada em nanoestrutura,
preferencialmente formada de, mas não limitada a, um único nano-tubo de
parede (SWNT). Outras antenas baseadas em nanoestrutura incluem
nanotubos duplos de parede, nanofios semicondutores, nanofios de metal e
seus similares. O uso de uma antena baseada em nanoestrutura elimina a
22
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
necessidade de fornecer uma conexão de comunicação física ao
nanodispositivo, enquanto ao mesmo tempo permitindo comunicação entre o
nano-dispositivo e outros nanodispositivos ou sistemas externos, isto é,
sistemas maiores do que nanoescala tal como aqueles formados a partir de
processos de fabricação de semicondutor tais como processos CMOS, GaAs,
bipolares e seus similares.
(71) The Regents Of The University Of California (US)
(72) Peter J. Burke
(74) Marjory A. Hessling
(85) 31/01/2007
(86) PCT US2005/028893 de 12/08/2005
(87) WO 2007/011365 de 25/01/2007
(21) PI 0514008-0 (22) 05/04/2005
1.3
(30) 10/08/2004 US 10/914.899
(51) H04L 29/06 (2008.04)
(54) INTERFACE DE REDE DE SISTEMA DE SEGURANÇA E SISTEMA DE
SEGURANÇA INCORPORANDO A MESMA
(57) INTERFACE DE REDE DE SISTEMA DE SEGURANÇA E SISTEMA DE
SEGURANÇA INCORPORANDO A MESMA Trata-se de uma interface para
acoplar um ou mais dispositivos de segurança com uma rede. A interface inclui
um servidor para carregar uma página da rede em um navegador; e pelo menos
um módulo de controle para receber dados a partir da página da rede carregada
para facilitar a comunicação de dados entre a página da rede e os dispositivos
de segurança. Um sistema incluindo um dispositivo de segurança e tal interface
de rede também é proporcionado junto com um método para comunicar dados
entre um dispositivo de rede acoplado com uma rede e um dispositivo de
segurança e um método para proporcionar notificação de uma condição de
alarme em um dispositivo de segurança.
(71) Sensormatic Electronics Corporation (US)
(72) David M. Salcedo, Gary Mark Shafer, Lawrence M. Speciale, Renrick L.
Blackman
(74) Alexandre Ferreira
(85) 31/01/2007
(86) PCT US2005/027993 de 05/04/2005
(87) WO 2006/020528 de 23/02/2006
(21) PI 0514009-9 (22) 30/11/2005
1.3
(30) 30/11/2004 JP 2004-346996; 30/11/2004 JP 2004-346995
(51) C22C 38/00 (2008.04), C21D 8/06 (2008.04), C21D 9/52 (2008.04), C22C
38/04 (2008.04), C22C 38/60 (2008.04), F16F 1/06 (2008.04)
(54) AÇO PARA MOLAS E ARAME DE AÇO DE ALTA RESISTÊNCIA
(57) AÇO PARA MOLAS E ARAME DE AÇO DE ALTA RESISTÊNCIA A
presente invenção refere-se a um aço para molas usado para arame de aço
para molas alcançando tanto alta resistência quanto e capacidade de
bobinamento a frio e um arame de aço para molas, isto é, arame para molas
contendo, em % em massa, C: 0,45 a 0,70%, Si: 1,0 a 3,0%, Mn: 0,05 a 2,0%,
P: 0,015% ou menos, S: 0,015% ou menos, N: 0,0015 a 0,0200%, e t-O: 0,0002
a 0,01 e também limitando AI≤0,01% e Ti≤ 0,003%. Além disso, é caracterizado
par satisfazer o seguinte em relação aos catonetos esféricos à base de
cementita presentes em um plano observado, uma razão de área ocupada de
RPI 1951 de 27/05/2008
grãos com um diâmetro de círculo equivalente de 0,2µm ou mais de 7% ou
menos, uma densidade de presença de grãos com um diâmetro de circulo
equivalente de 0,2 a 3µm, de 1/µm2 ou menos, e uma densidade de presença
de grãos com um diâmetro de círculo equivalente de 3 µm ou mais, de
0,001/µm² ou menos, tendo um número de tamanho de grão de austenita
anterior de nº 10 ou maior e uma austenita residual de 15% em massa ou
menos, e tendo uma razão de área de regiões pobres com uma pequena
densidade de presença de carbonetos à base de cementita de diâmetro de
circulo equivalente de 2 µm ou mais, de 3% ou menos.
(71) Nippon Steel Corporation (JP)
(72) Masayuki Hashimura, Hiroshi Hagiwara, Takanori Miyaki, Takayuki Kisu,
Kouichi Yamazaki
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 31/01/2007
(86) PCT JP2005/022418 de 30/11/2005
(87) WO 2006/059784 de 08/06/2006
(21) PI 0514010-2 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 US 60/598,447; 27/01/2005 US 60/648,139; 28/02/2005 KR 102005-0017041; 14/03/2005 US 60/661.409; 04/07/2005 KR 10-2005-0059809
(51) H04L 12/28 (2008.04)
(54) SISTEMA E MÉTODO DE SERVIÇO DE RADIODIFUSÃO/DIFUSÃO
MÚLTIPLA QUE PROPORCIONAM MIGRAÇÃO DE LIGAÇÃO ENTRE REDES
(57) SISTEMA E MÉTODO DE SERVIÇO DE RADIODIFUSÃO/DIFUSÃO
MÚLTIPLA QUE PROPORCIONAM MIGRAÇÃO DE LIGAÇÃO ENTRE REDES
Trata-se de um método e sistema para prestação de serviços de
radiodifusão/difusão múltipla. O método inclui obter, pelo terminal, ao menos um
serviço de difusão oriundo da rede visitante quando o terminal migrar para a
rede visitante.
(71) LG Electronics Inc. (KR)
(72) Kyu-Sung Han, Dong-Hee Shim, Min-Jung Shon
(74) Marjory A. Hessling
(85) 31/01/2007
(86) PCT KR2005/002526 de 03/08/2005
(87) WO 2006/014076 de 09/02/2006
(21) PI 0514011-0 (22) 05/08/2005
1.3
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 23
(30) 11/08/2004 US 60/600.662
(51) G08B 13/24 (2008.04)
(54) DESATIVAÇÃO PARA MARCADORES MAGNETOMECÂNICOS
UTILIZADOS EM VIGILÂNCIA ELETRÔNICA DE ARTIGOS
(57) DESATIVAÇÃO PARA MARCADORES MAGNETOMECÂNICOS
UTILIZADOS EM VIGILÂNCIA ELETRÔNICA DE ARTIGOS Trata-se de um
marcador para uso em um sistema magnetomecânico de vigilância eletrônica
de artigos. O marcador EAS inclui pelo menos um ressonador, um invólucro
configurado para proporcionar uma cavidade para vibração do pelo menos um
ressonador, um primeiro elemento de polarização magnetizado configurado
para proporcionar um campo magnético de polarização para o pelo menos um
ressonador e um segundo elemento de polarização não magnetizado.
(71) Sensormatic Electronics Corporation (US)
(72) Hubert A. Patterson, Nen-Chin Liu, Eugenio Morgado
(74) Alexandre Ferreira
(85) 31/01/2007
(86) PCT US2005/027992 de 05/08/2005
(87) WO 2006/020527 de 23/02/2006
(21) PI 0514012-9 (22) 05/08/2005
1.3
(30) 06/08/2004 KR 10-2004-0062144; 26/10/2004 KR 10-2004-0085958
(51) H04Q 7/38 (2008.04)
(54) APARELHO E MÉTODO DE GERENCIAMENTO DE PRIVACIDADE DE
USUÁRIO EM SISTEMA DE COMUNICAÇÕES MÓVEL
(57) APARELHO E MÉTODO DE GERENCIAMENTO DE PRIVACIDADE DE
USUÁRIO EM SISTEMA DE COMUNICAÇÕES MÓVEL Proporciona-se um
aparelho e um método de gerenciamento de privacidade de usuário em uma
rede de Localização em Plano de Usuário Seguro (SUPL), incluindo uma
Plataforma de Localização SUPL (SLP) e um Terminal Habilitado por SUPL
(SET), e executar autorização de privacidade de acordo com a localização do
SET, em que, quando a localização do SET é calculada, a SLP (ou um Centro
de Posicionamento SUPL - SET - dentro da SLP) checa um ajuste de
privacidade, de acordo com a localização calculada, depois, consulta um
usuário do SET se executa o ajuste de privacidade, usando uma mensagem
SUPL INIT ou uma mensagem SUPL NOTIFICATION, e, depois, executa o
ajuste de privacidade, de acordo com as consultas e respostas transmitidas por
uma mensagem SUPL START ou uma mensagem SUPL NOTIFICATION
RESPONSE, em que uma privacidade de usuário pode ser gerenciada mais
estavelmente por notificação a um usuário do ajuste de privacidade, de acordo
com a localização do usuário para reconfirmação.
(71) LG Electronics Inc. (KR)
(72) Dong-Hee Shim
(74) Marjory A. Hessling
(85) 31/01/2007
(86) PCT KR2005/002563 de 05/08/2005
(87) WO 2006/014091 de 09/02/2006
(21) PI 0514013-7 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 60/598.362
(51) C12N 15/62 (2008.04), C07K 14/705 (2008.04), A61K 38/17 (2008.04)
(54) PROTEÍNAS DE FUSÃO DO RAGE E MÉTODOS DE USO
(57) PROTEÍNAS DE FUSÃO DO RASE E MÉTODOS DE USO São reveladas
proteínas de fusão do RASE compreendendo seqüências de polipeptídeo do
RASE ligadas a um segundo polipeptídeo não RASE. A proteína de fusão do
RASE pode utilizar um domínio de polipeptídeo do RASE compreendendo um
sítio de união de ligante do RASE e um ligador de interdomínio diretamente
ligados a um domínio CH2 da imunoglobulina. Tais proteínas de fusão podem
prover afinidade de ligação alta e especifica aos ligantes do RASE. Também é
revelado o emprego das proteínas de fusão do RASE como terapêuticos para
patologias mediadas por RASE.
(71) Transtech Pharma, Inc. (US) , The Trustees Of Columbia University In The
City Of New York (US)
(72) Adnan M. M. Mjalli, David M. Stern, Ye E. Tian, Jeffrey C. Webster, Robert
Rothlein, Ann Marie Schmidt, Shi Du Yan
(74) Marjory A. Hessling
(85) 31/01/2007
(86) PCT US2005/027694 de 03/08/2005
(87) WO 2006/017643 de 16/02/2006
(21) PI 0514014-5 (22) 27/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 SE 0401968.3; 18/08/2004 US 60/602363
(51) C07D 295/155 (2008.04), A61K 31/495 (2008.04), A61P 25/04 (2008.04),
A61P 25/22 (2008.04), A61P 25/24 (2008.04)
(54) COMPOSTO, USO DO MESMO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA,
MÉTODOS PARA A TERAPIA DE DOR, DE ANSIEDADE, E DE MAL DE
PARKINSON EM UM ANIMAL DE SANGUE QUENTE, E, PROCESSO PARA A
PREPARAÇÃO DE UM COMPOSTO
(57) COMPOSTO, USO DO MESMO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA,
MÉTODOS PARA A TERAPIA DE DOR, DE ANSIEDADE, E DE MAL DE
PARKINSON EM UM ANIMAL DE SANGUE QUENTE, E, PROCESSO PARA A
PREPARAÇÃO DE UM COMPOSTO Compostos da fórmula geral: assim como
sais, enantiômeros dos mesmos e composições farmacêuticas incluindo os
compostos são preparados. Eles são úteis em terapia, em particular no controle
da dor, depressão e ansiedade.
(71) Astrazeneca Ab (SE)
(72) William Brown, Andrew Griffin, Thomas Hudzik, Carla Maciag, Gennady
Smagin, Christopher Walpole
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 01/02/2007
(86) PCT SE2005/001186 de 27/07/2005
(87) WO 2006/014133 de 09/02/2006
(21) PI 0514015-3 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 DE 10 2004 037 445.7; 02/08/2004 EP 04 018251.1
(51) C07D 471/04 (2008.04), A61K 31/496 (2008.04)
(54) CARBOXAMIDAS DA INDOLIZINA E SEUS DERIVADOS AZA E DIAZA
(57) CARBOXAMIDAS DA INDOLIZINA E SEUS DERIVADOS AZA E DIAZA. A
presente invenção refere-se aos derivados de indolizina substituídos por
carboxamida ativas em relação ao neuroreceptor da fórmula geral I na qual X
representa um grupo com a fórmula geral (X1).
(71) Schwarz Pharma AG (DE)
(72) Peter Gmeiner, Harald Hübner, Laura Bettinetti, Karin Schlotter
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/008240 de 29/07/2005
(87) WO 2006/015737 de 16/02/2006
24
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(21) PI 0514016-1 (22) 20/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 BE 2004/0376
(51) B01D 53/26 (2008.04), F04B 39/16 (2008.04), F04C 29/00 (2008.04)
(54) APARELHO COMPRESSOR APERFEIÇOADO
(57) APARELHO COMPRESSOR APERFEIÇOADO Aparelho compressor
aperfeiçoado, constituído de um compressor (2) com uma entrada (2) e uma
saída (4); uma linha de ar comprimido (5) que conecta a saída (4) do
compressor (2) a uma rede de usuários (6); um secador (7), que é incorporado
à linha de ar comprimido (5) acima citada e que compreende pelo menos dois
reservatórios de ar (13-16), que são, cada qual, dotado de uma entrada (14) e
uma saída (15) e que são cheios com dessecante ou agente secante, cujos
reservatórios de ar (13-16) funcionam de modo alternado, de modo que,
enquanto um reservatório de ar (13) está secando o gás comprimido, o outro
reservatório de ar (16) é regenerado; e um aparelho de purga (28) para purgar
pelo menos parte do gás comprimido pelo compressor, quando o compressor
(2) funcionar sem carga ou com carga parcial, caracterizado pelo fato de meios
serem fornecidos que tornam possível guiar a parte do gás comprimido, que é
purgada através do aparelho de purga (28), por meio do reservatório
regenerador de ar (13).
(71) Atlas Copco Airpower, Naamloze Vennootschap (BE)
(72) Danny Etienne Andrée Vertriest
(74) Orlando de Souza
(85) 01/02/2007
(86) PCT BE2005/000120 de 20/07/2005
(87) WO 2006/012710 de 09/02/2006
(21) PI 0514017-0 (22) 01/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 60/598,573; 08/04/2005 US 60/669,737
(51) C07D 231/00 (2008.04)
(54)
INDAZÓIS
ÚTEIS
NO
TRATAMENTO
DE
DOENÇAS
CARDIOVASCULARES
(57)
INDAZÓIS
ÚTEIS
NO
TRATAMENTO
DE
DOENÇAS
CARDIOVASCULARES. Esta invenção fornece compostos da Fórmula (I) ou
(Ia): (I) (Ia) que são úteis no tratamento ou inibição de doenças mediadas por
LXR.
(71) Wyeth (US)
(72) Robert J. Steffan, Edward M. Matelan, Stephen M. Bowen, John W. Ullrich,
Jay E. Wrobel, Edouard Zamaratski, Lars Kruger, Annabel L. Olsen Hedemyr,
Aiping Cheng, Thomas Hansson, Rayomand J. Unwalla, Christopher P. Miller,
Patrik P. Rhönnstad
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 01/02/2007
(86) PCT US2005/026970 de 01/08/2005
(87) WO 2006/017384 de 16/02/2006
(21) PI 0514018-8 (22) 01/08/2005
1.3
(30) 02/08/2004 FR 0408553
(51) D07B 1/06 (2008.04), D07B 1/16 (2008.04)
(54) CABO METÁLICO, UTILIZAÇÃO DE UM CABO, E, PNEUMÁTICO
(57) CABO METÁLICO, UTILIZAÇÃO DE UM CABO, E, PNEUMÁTICO Cabo
metálico compacto com duas camadas (C1, C2) de construção 1+N, gomado in
situ, utilizável notadamente como elemento de reforço de uma cinta de
pneumático para veículo industrial pesado, comportando um núcleo ou camada
interna (C1) comportando um fio de alma única de diâmetro d1 , e uma camada
externa (02) saturada de N fios de diâmetro d2 enrolados juntos em hélice
RPI 1951 de 27/05/2008
segundo um passo p2 em tomo da camada C1, o dito cabo com camadas sendo
caracterizado pelo fato de que ele apresenta as seguintes características (d1,
d2, p2 em mm) 0,15 < d1 < 0,50; 0,15<d2<0,50; 8<p2<25; e pelo fato de que o fio
de alma é envolvido de uma bainha de borracha diênica que preenche, pelo
menos em parte, os interstícios entre o fio de alma e os fios da camada C2.
(71) Société de Technologie Michelin e Michelin Recherche Et Technique S.A.
(FR)
(72) Henri Barguet, Brigitte Chauvin, Alain Domingo, Le Tu Ahn Vo
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/008312 de 01/08/2005
(87) WO 2006/013077 de 09/02/2006
(21) PI 0514019-6 (22) 06/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 DE 10 2004 037 338.8
(51) H04Q 7/22 (2008.04), H04Q 7/38 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA TRANSMITIR DADOS DE REGISTRO OU DE
CANCELAMENTO DE REGISTRO ESPECÍFICOS DE UMA APLICAÇÃO E
SISTEMA, SERVIDOR E TERMINAL DE COMUNICAÇÃO PARA TAL
(57) MÉTODO PARA TRANSMITIR DADOS DE REGISTRO OU DE
CANCELAMENTO DE REGISTRO ESPECÍFICOS DE UMA APLICAÇÃO E
SISTEMA, SERVIDOR E TERMINAL DE COMUNICAÇÃO PARA TAL A
presente invenção refere-se a um sistema de comunicação com um terminal de
comunicação (404) e um servidor, onde o terminal de comunicação transmite
para o servidor dados de registro ou de eliminação de registro (412), dados
estes que são específicos para uma aplicação instalada ou desinstalada no
terminal de comunicação, e onde o servidor executa uma ação de controle
dependendo dos dados de registro ou de eliminação de registro específicos de
aplicação transmitidos.
(71) Infineon Technologies AG (DE)
(72) Josef Laumen, Andreas Schmidt
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/007306 de 06/07/2005
(87) WO 2006/015672 de 16/02/2006
(21) PI 0514020-0 (22) 19/07/2005
1.3
(30) 06/08/2004 US 60/599.822
(51) C07D 413/04 (2008.04), A61K 31/422 (2008.04), A61P 31/04 (2008.04)
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 25
(54) OXINDÓIS OXAZOLIDINONAS COMO AGENTES ANTIBACTERIANOS
(57) OXINDÓIS OXAZOLIDINONAS COMO AGENTES ANTIBACTERIANOS A
presente invenção se refere a novos derivados oxazolidinonas de oxindóis de
fórmula 1 ou um sal farmaceuticamente aceitável destes em que: Y1 é CH ou
CE, R1 é alquila C1-4¯, opcionalmente substituída por um átomo de flúor, ou R1 é
cicloalquila C3-5¯, e R2 é alquila C1-2¯. Estes compostos são úteis como agentes
antibacterianos.
(71) Pharmacia & Upjohn Company LLC (US)
(72) Gary Wayne Luehr, Rama Jain, Adam Robert Renslo, Mikhail Fedorovich
Gordeev, Vara Prasad Venkata Nagendra Josyula
(74) Marjory A. Hessling
(85) 01/02/2007
(86) PCT IB2005/002196 de 19/07/2005
(87) WO 2006/016220 de 16/02/2006
(21) PI 0514021-8 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 60/598,700
(51) A61K 31/165 (2008.04), A61K 38/13 (2008.04), A61P 9/00 (2008.04), A61P
9/12 (2008.04)
(54) MÉTODOS PARA APERFEIÇOAMENTO DE BIODISPONIBILIDADE DE
UM INIBIDOR DE RENINA
(57) MÉTODOS PARA APERFEIÇOAMENTO DE BIO-DISPONIBILIDADE DE
UM INIBIDOR DE RENINA. A presente invenção refere-se a um método para o
aperfeiçoamento da biodisponibilidade de um inibidor de renina, de preferência,
de um derivado de ácido d-amino-?-hidróxi-?-aril-alcanóico, método este que
compreende a co-administração a um mamífero, especialmente a um ser
humano, que necessite de tal tratamento, de uma combinação de um inibidor de
renina, ou um sal farmaceuticamente aceitável do mesmo, e de um inibidor de
proteína de efluxo.
(71) Novartis AG (CH)
(72) Gian P. Camenisch, Gerhard Gross, Isabel Ottinger, Daniel Wasmuth
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/008369 de 02/08/2005
(87) WO 2006/013094 de 09/02/2006
(21) PI 0514022-6 (22) 19/10/2005
1.3
(30) 20/10/2004 DE 10 2004 051 020.2
(51) G01N 29/04 (2008.04), G01N 29/22 (2008.04), G01N 29/27 (2008.04),
G01N 29/24 (2008.04), G01N 29/44 (2008.04)
(54) PROCESSO, DISPOSITIVO E CIRCUITO PARA DETERMINAÇÃO DE
FALHAS DE SUPERFÍCIE, COMO POR EXEMPLO TRINCAS, RUPTURAS E
SEMELHANTES, EM UM ROLO DE UM LAMINADOR
(57) PROCESSO, DISPOSITIVO E CIRCUITO PARA DETERMINAÇÃO DE
FALHAS DE SUPERFÍCIE, COMO POR EXEMPLO TRINCAS, RUPTURAS E
SEMELHANTES, EM UM ROLO DE UM LAMINADOR Um processo, um
dispositivo e um circuito servem para determinação de falhas de superfície,
como por exemplo trincas, rupturas e semelhantes, em um rolo (2) de um
laminador (1), especialmente em rolos de trabalho (2a), que estão montados
com rolos de apoio (2b) em colunas de montante (3). Os rolos (2) podem ser
testados quanto a falhas em sua posição operacional, na medida em que ondas
transversais de ultra-som (4a) produzidas com uma freqüência de cerca de 0,5 2 MHz são introduzidas em uma primeira extremidade de rolo (2c) e recebidas
em uma segunda extremidade de rolo (2d) e sendo que durante a operação de
medição um transmissor de ondas de ultra-som (5) e um receptor de ondas de
ultra-som (6) são firmemente pressionados sobre a superfície de rolo (2e) pelo
tempo do teste.
(71) SMS Demag AG (DE)
(72) Dieter Figge
(74) Orlando de Souza
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/011225 de 19/10/2005
(87) WO 2006/042748 de 27/04/2006
(21) PI 0514023-4 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 02/08/2004 US 60/598009; 01/08/2005 US 11/194429
(51) F16J 1/04 (2008.04)
(54) PISTÃO
(57) PISTÃO Um pistão inclui um corpo de pistão tendo um eixo geométrico
longitudinal central. Uma cabeça de pistão é formada com uma pluralidade de
ranhuras de anel e um par de protuberâncias de pino pende da cabeça e é
formado com um par de furos de pino que fica centrado sobre um eixo
geométrico comum de furo de pino que inserta o eixo geométrico longitudinal do
pistão. Porções de saia têm superfícies externas com um perfil longitudinal que
é convexamente formado. Um diâmetro maior do perfil jaz dentro de +/- 2mm do
eixo geométrico de orifício de pino em ambas as condições fria e quente.
(71) Federal-Mogul Corporation (US)
(72) Andrew John Miller
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(85) 01/02/2007
(86) PCT US2005/027356 de 02/08/2005
(87) WO 2006/017472 de 16/02/2006
(21) PI 0514024-2 (22) 26/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 GB 0417278.9; 22/09/2004 GB 0421067.0
(51) C09D 133/06 (2008.04)
(54) COMPOSIÇÃO DE REVESTIMENTO, REVESTIMENTO, DISPERSÃO DE
PARTÍCULAS DE COPOLÍMERO INSATURADO, E, PROCESSO PARA A
PRODUÇÃO DE UMA DISPERSÃO DE COPOLÍMERO INSATURADA
(57) COMPOSIÇÃO DE REVESTIMENTO, REVESTIMENTO, DISPERSÃO DE
PARTÍCULAS DE COPOLÍMERO INSATURADO, E, PROCESSO PARA A
PRODUÇÃO DE UMA DISPERSÃO DE COPOLÍMERO INSATURADA São
providas composições de revestimento, que podem ser aplicadas a partir de
sistemas aquosos e contêm aglutinantes que são autooxidáveis para produzir a
secagem rápida de revestimentos duros, os aglutinantes preferidos sendo à
base de polímeros derivados a partir de monômeros obtidos pela reação da
secagem de ácidos graxos de óleo de secagem e monômeros insaturados. Os
polímeros contém microgéis, possuem uma baixa Tg e contêm insaturação
residual; os copolímeros preferidos também contêm grupos amida. A secagem
das composições de revestimento pode ser acelerada pelo uso de secantes
metálicos e foi verificado ser possível o uso de baixos níveis de secantes
vanádio.
(71) Imperial Chemical Industries PLC (GB)
(72) Manish Sarkar, Barry Osborn, Thomas Charreton, Helen Silgram
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/008191 de 26/07/2005
(87) WO 2006/013061 de 09/02/2006
(21) PI 0514025-0 (22) 29/06/2005
1.3
(30) 03/08/2004 EP 04077218.8
(51) A46B 9/04 (2008.04), A46B 7/06 (2008.04)
(54) ESCOVA DE DENTES E MÉTODO PARA FABRICAR UMA ESCOVA DE
26
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
RPI 1951 de 27/05/2008
DENTES
(57) ,ESCOVA DE DENTES E MÉTODO PARA FABRICAR UMA ESCOVA DE
DENTES Escova de dentes compreendendo um cabo e uma cabeça afixada ao
mesmo, a cabeça munida de uma câmara definida por uma superfície portadora
de cerdas deformável no topo e oposta à mesma uma base, os lados da
câmera compreendendo um tampo que é independente de e afixável ao
restante da base.
(71) Unilever N.V. (NL)
(72) Richard Huw Davies
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/007071 de 29/06/2005
(87) WO 2006/012956 de 09/02/2006
uma tira de metal (2), que apresenta em direção de transporte de tira (R) ao
menos três unidades de rolo em S (3, 4, 5, 6, 7) com ao menos dois rolos (8, 9,
10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17) cada, sendo que os rolos (8, 9, 10, 11, 12, 13, 14,
15, 16, 17) estão de tal maneira posicionados que são enlaçados pela tira de
metal (2) por um ângulo de periferia de rolo (α) de mais de 180º e ao menos a
segunda unidade de rolos em S (4) na direção de transporte de tira (R)
apresenta dois rolos (10, 11), cujos diâmetros (D10, D11) são de tamanho
distinto.
(71) SMS Demag AG (DE)
(72) Andreas Gramer, Hans Georg Hartung, Holger Behrens, Jan Christoph
Häusler, Fritz Luckmann
(74) Orlando de Souza
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/010078 de 19/09/2005
(87) WO 2006/037456 de 13/04/2006
(21) PI 0514026-9 (22) 19/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 IT RM2004A000395
(51) A61K 31/202 (2008.04), A61K 31/366 (2008.04), A61K 31/122 (2008.04),
A61K 31/05 (2008.04), A61K 31/045 (2008.04), A61K 31/175 (2008.04), A61K
33/04 (2008.04), A61K 33/30 (2008.04), A61K 47/00 (2008.04), A61P 3/10
(2008.04), A61P 3/04 (2008.04), A61P 3/06 (2008.04), A61P 9/12 (2008.04),
A61P 9/00 (2008.04)
(54) COMPOSIÇÃO CONTENDO ESTATINAS E ÁCIDOS GRAXOS ÔMEGA-3
(57) COMPOSIÇÃO CONTENDO ESTATINAS E ÁCIDOS GRAXOS ÔMEGA-3
A presente invenção refere-se a uma combinação compreendendo pelo menos
um ácido graxa ômega-3, opcionalmente esterificado ou salificado, pelo menos
uma estatina, Coenzima Q10, resveratrol, pelo menos um policonasol,
pantetina, selênio e zinco. Essa combinação é favorecida com um efeito
sinergístico e é útil no tratamento de formas de doença devido à resistência à
insulina e em doenças cardiovasculares.
(71) Sigma-Tau Industrie Farmaceutiche Riunite S.P.A. (IT)
(72) Claudio Cavazza
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 01/02/2007
(86) PCT IT2005/000414 de 19/07/2005
(87) WO 2006/013602 de 09/02/2006
(21) PI 0514029-3 (22) 01/08/2005
1.3
(30) 02/08/2004 US 10/903,687
(51) B32B 15/04 (2008.04), C23C 18/54 (2008.04), B05D 1/18 (2008.04)
(54) REVESTIMENTO NÃO ELETRÔNICO COM PARTÍCULAS DE
NANÔMETRO
(57) REVESTIMENTO NÃO ELETRÔNICO COM PARTÍCULAS DE
NANÔMETRO A adição de partículas de nanômetros aos banhos de
revestimento de metal não eletrônico reduz ou elimina a semeação em banhos
de revestimento não eletrônico. A semeação reduzida resulta em menos
inclusões ou corrosões na cobertura. Usualmente o esquema de freqüente
limpeza de tanque e manutenção pode ser aumentado além dos 2-3 dias
normais. As propriedades do revestimento podem ser melhoradas pela codeposição das partículas no banho. As propriedades tais como densidade,
resistência à corrosão, e resistência ao desgaste são melhoradas.
(71) Universal Chemicals Technologies, Inc (US) , Edward Mccomas (US)
(72) Edward Mccomas
(74) Marjory A. Hessling
(85) 01/02/2007
(86) PCT US2005/027396 de 01/08/2005
(87) WO 2006/017490 de 16/02/2006
(21) PI 0514027-7 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 06/08/2004 DE 10 2004 038 267.0
(51) C09B 25/00 (2008.04), C09D 11/00 (2008.04), D06P 3/54 (2008.04), C09B
67/48 (2008.04)
(54) CORANTE QUINOFTALONA DISPERSO, POLIMORFO, ESTÁVEL PARA
TINGIMENTO E PREPARAÇÃO E USO DO MESMO
(57) CORANTE QUINOFTALONA DISPERSO, POLI-MORFO, ESTAVEL PARA
TINGIMENTO E PREPARAÇÃO E USO DO MESMO. A presente invenção
refere-se à forma ß do corante da fórmula produção da forma ß, que é estável
ao tingimento e seu emprego para tingimento e impressão de materiais têxteis
compostos de poliéster e/ou ésteres de celulose ou tecidos mistos desses
materiais com lã ou celulose.
(71) Dystar Textilfarben Gmbh & Co. Deutschland KG (DE)
(72) Hartwig Jordan
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/053776 de 02/08/2005
(87) WO 2006/015958 de 16/02/2006
(21) PI 0514028-5 (22) 19/09/2005
1.3
(30) 06/10/2004 DE 10 2004 048 658.1
(51) B21D 1/05 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO PARA O CONTÍNUO ESTIRAMENTO POR TRAÇÃO DE
UMA TIRA DE METAL E PROCESSO PARA OPERAÇÃO DE TAL
DISPOSITIVO
(57) DISPOSITIVO PARA O CONTÍNUO ESTIRAMENTO POR TRAÇÃO DE
UMA TIRA DE METAL E PROCESSO PARA OPERAÇAO DE TAL
DISPOSITIVO Em um dispositivo (1) para o contínuo estiramento por tração de
(21) PI 0514030-7 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 IT FI 2004 A 000174
(51) C07C 317/14 (2008.04), C07H 3/02 (2008.04), A61K 31/10 (2008.04),
A61P 43/00 (2008.04)
(54) DERIVADOS DE ÁCIDO HIDROXÂMICO SUBSTITUÍDO POR
ARILSSULFONAMIDA, COMO INIBIDORES DE METALOPROTEINASES DE
MATRIZES
(57) DERIVADOS DE ÁCIDO HIDROXÂMICO SUBSTITUÍDO POR
ARILSSULFONAMIDA, COMO INIBIDORES DE METALOPROTEINASES DE
MATRIZES A presente invenção descreve derivados de ácido hidroxâmico
substituído por arilssulfonamida de fórmula (I): os quais apresentam satisfatória
solubilidade em água e atividade inibitória de metaloproteinases de matrizes,
que são de utilidade para a preparação de composições farmacêuticas
destinadas ao tratamento de doenças associadas à atividade patológica e/ou
superexpressão de metaloproteinases, assim como, de preparações cosméticas
que apresentam propriedades antienvelhecimento, em particular, para o cabelo
e a pele.
(71) Abiogen Pharma S.P.A. (IT)
(72) Bertini, Ivano, Fragai, Marco, Lo Conte, Mauro, Luchinat, Claudio, Nativi,
Cristina, Venturi, Chiara
(74) Magnus Aspeby e Claudio Szabas
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/053722 de 29/07/2005
(87) WO 2006/013193 de 09/02/2006
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 27
genital. A proteção genital é preferentemente localizável em baixo de uma fralda
e tem um corpo semi-rígido penetrável por fluidos (2) conformado para se
ajustar por cima da região genital e manter a fralda afastada.
(71) Nicholas William Giles FINN (ZA)
(72) Nicholas William Giles FINN
(74) Hugo Silva, Rosa & Maldonado-Prop. Int
(85) 01/02/2007
(86) PCT IB2005/002299 de 03/08/2005
(87) WO 2006/016240 de 16/02/2006
(21) PI 0514031-5 (22) 31/05/2005
1.3
(30) 10/08/2004 US 10/915,721
(51) A61L 15/38 (2008.04), A61L 15/42 (2008.04)
(54) ARTIGOS ABSORVENTES COMPREENDENDO UM AGENTE
MODIFICADOR DE EXSUDADO CORPÓREO E UMA FORMULAÇÃO DE
CUIDADO COM A PELE QUE FORMA FILME
(57) ARTIGOS ABSORVENTES COMPREENDENDO UM AGENTE
MODIFICADOR DE EXSUDADO CORPÓREO E UMA FORMULAÇÃO DE
CUIDADO COM A PELE QUE FORMA FILME Artigos absorventes possuindo
absorção melhorada dos exsudados corpóreos são divulgados. Os artigos
absorventes compreendem um agente modificador de exsudado corpóreo e
uma formulação de cuidado com a pele. O agente modificador de exsudado
corpóreo é capaz de reduzir a viscosidade de exsudados corpóreos tais como
fezes e menstruação. A formulação de cuidado com a pele compreende um
agente de formação de filme que, sob transferência à pele, pode formar uma
camada de filme contínuo sobre a pele para retardar os agentes nocivos.
(71) Kimberly-Clark Worldwide, INC. (US)
(72) Stephen Baldwin, Corey Cunningham, Jason C. Cohen, David William
Koenig, Earl David Brock, Stephen A. Baratian
(74) Orlando de Souza
(85) 01/02/2007
(86) PCT US2005/019153 de 31/05/2005
(87) WO 2006/022960 de 02/03/2006
(21) PI 0514032-3 (22) 27/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 SE 0401970-9
(51) C07D 295/215 (2008.04), A61K 31/44 (2008.04), A61K 31/496 (2008.04),
A61P 25/24 (2008.04), C07D 277/82 (2008.04), C07D 295/13 (2008.04), C07D
277/42 (2008.04)
(54) COMPOSTO, SAIS FARMACEUTICAMENTE ACEITÁVEIS DO MESMO,
DIASTEREÔMEROS, ENANCIÔMEROS OU MISTURAS DO MESMO, USO
DE UM COMPOSTO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, MÉTODO PARA A
TERAPIA DE DEPRESSÃO EM UM ANIMAL DE SANGUE QUENTE, E,
PROCESSO PARA PREPARAR UM COMPOSTO
(57) COMPOSTO, SAIS FARMACEUTICAMENTE ACEITÁVEIS DO MESMO,
DIASTEREÔMEROS, ENANCIÔMEROS OU MISTURAS DO MESMO, USO
DE UM COMPOSTO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, MÉTODO PARA A
TERAPIA DE DEPRESSÃO EM UM ANIMAL DE SANGUE QUENTE, E,
PROCESSO PARA PREPARAR UM COMPOSTO Compostos da fórmula (I),
em que Ar1 e Q são como definidos no relatório, assim como os seus sais,
enanciômeros dos mesmos, e composições terapêuticas incluindo os
compostos são preparados. Eles são úteis em terapia, em particular no
tratamento de depressão.
(71) Astrazeneca AB (SE)
(72) James Folmer, Simon Fraser Hunt, Peter Hamley, Steven Wesolowski
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 01/02/2007
(86) PCT SE2005/001188 de 27/07/2005
(87) WO 2006/014135 de 09/02/2006
(21) PI 0514033-1 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 ZA 2004/6186
(51) A61F 5/451 (2008.04), A61F 5/44 (2008.04), A61F 13/15 (2008.04)
(54) PROTEÇÃO GENITAL E FRALDAS
(57) Proteção Genital e Fraldas A invenção proporciona meios para suportar
uma fralda afastada dos órgãos genitais, particularmente para uso onde ocorreu
cirurgia, em ou ao redor dessa área. O dispositivo toma a forma de uma
proteção genital (1) para uso com uma fralda, mas, pode ser também uma
fralda adequadamente adaptada ou uma fralda que inclua essa proteção
(21) PI 0514034-0 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 US 10/909,567
(51) E05B 11/00 (2008.04)
(54) SISTEMA DE FECHADURA, FECHADURA E MATRIZ DE CHAVE
(57) SISTEMA DE FECHADURA, FECHADURA E MATRIZ DE CHAVE Em
uma fechadura cilíndrica do tipo pino de tambor tendo um conjunto auxiliar de
pinos, o pino de findo do conjunto de pinos auxiliar tem um lado inferior em
recesso para receber uma projeção sobre a chave para formar uma detenção. A
invenção provê uma funcionalidade adicional que não foi previamente
associada com o conjunto de pinos de tambor auxiliar. Quando a projeção
sobre a chave está assentada, ela impede que a chave seja retirada da
passagem para chave enquanto o tambor estiver em qualquer posição
rotacional na qual os pinos de acionamento e de fundo não estejam
substancialmente alinhados. Desse modo a chave fica retida sempre que o
tambor tiver sido girado.
(71) Kaba Ilco Corp. (US)
(72) Charles W. Eden Jr.
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 01/02/2007
(86) PCT US2005/027143 de 29/07/2005
(87) WO 206/017408 de 16/02/2006
(21) PI 0514035-8 (22) 27/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 SE 0401971-7
(51) C07D 211/58 (2008.04), C07D 405/12 (2008.04), A61K 31/4468 (2008.04),
A61K 31/497 (2008.04), A61K 31/4523 (2008.04), A61P 25/24 (2008.04)
(54) COMPOSTO, SAIS FARMACEUTICAMENTE ACEITÁVEIS DO MESMO,
DIASTEREÔMEROS, ENANCIÔMEROS OU MISTURAS DO MESMO, USO
DE UM COMPOSTO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, MÉTODO PARA A
TERAPIA DE DEPRESSÃO EM UM ANIMAL DE SANGUE QUENTE, E,
PROCESSO PARA PREPARAR UM COMPOSTO
(57) COMPOSTO, SAIS FARMACEUTICAMENTE ACEITÁVEIS DO MESMO,
DIASTEREÔMEROS, ENANCIÔMEROS OU MISTURAS DO MESMO, USO
DE UM COMPOSTO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, MÉTODO PARA A
TERAPIA DE DEPRESSÃO EM UM ANIMAL DE SANGUE QUENTE, E,
PROCESSO PARA PREPARAR UM COMPOSTO Compostos da fórmula: em
que Ar1 e Q são como definidos no relatório, assim como os seus sais,
enanciômeros dos mesmos, e composições terapêuticas incluindo os
compostos são preparados. Eles são úteis em terapia, em particular no
tratamento de depressão.
(71) Astrazeneca AB (SE)
(72) James Folmer, Simon Fraser Hunt, Peter Hamley, Steven Wesolowski
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 01/02/2007
28
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
RPI 1951 de 27/05/2008
(86) PCT SE2005/001189 de 27/07/2005
(87) WO 2006/014136 de 09/02/2006
(21) PI 0514036-6 (22) 27/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 SE 0401969-1
(51) C07D 295/067 (2008.04), C07D 213/04 (2008.04), C07D 235/08 (2008.04),
C07D 249/18 (2008.04), C07D 209/08 (2008.04), C07D 307/79 (2008.04), C07D
215/20 (2008.04), A61K 31/4453 (2008.04), A61K 31/454 (2008.04), A61K
31/4545 (2008.04), A61K 31/4704 ((2008.04), A61P 25/24 (2008.04)
(54) COMPOSTO, SAIS FARMACEUTICAMENTE ACEITÁVEIS DO MESMO,
DIASTEREÔMEROS, ENANCIÔMEROS OU MISTURAS DO MESMO, USO
DE UM COMPOSTO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, MÉTODO PARA A
TERAPIA DE DEPRESSÃO EM UM ANIMAL DE SANGUE QUENTE, E,
PROCESSO PARA PREPARAR UM COMPOSTO
(57) COMPOSTO, SAIS FARMACEUTICAMENTE ACEITÁVEIS DO MESMO,
DIASTEREÓMEROS, ENANCIÔMEROS OU MISTURAS DO MESMO, USO
DE UM COMPOSTO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, MÉTODO PARA A
TERAPIA DE DEPRESSÃO EM UM ANIMAL DE SANGUE QUENTE, E,
PROCESSO PARA PREPARAR UM COMPOSTO Compostos da fórmula:
(fórmula química a ser inserida aqui-por favor vide cópia do relatório) I em que
Ar1 é como definido no relatório, assim como os seus sais, enanciômeros dos
mesmos, e composições terapêuticas incluindo os compostos são preparados.
Eles são úteis em terapia, em particular no tratamento de depressão.
(71) AstraZeneca AB (SE)
(72) James Folmer, Simon Fraser Hunt, Peter Hamley, Steven Wesolowski
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 01/02/2007
(86) PCT SE2005/001187 de 27/07/2005
(87) WO 2006/014134 de 09/02/2006
(21) PI 0514037-4 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 GB 0417193.0; 01/02/2005 GB 0502077.1
(51) A61K 8/73 (2008.04), A61K 8/81 (2008.04), A61Q 11/00 (2008.04)
(54) COMPOSIÇÃO PARA O CUIDADO ORAL, E, MÉTODO DE TRATAR OS
SINTOMAS DE XEROSTOMIA
(57) COMPOSIÇÃO PARA O CUIDADO ORAL, E, MÉTODO DE TRATAR OS
SINTOMAS DE XEROSTOMIA Uma composição para o cuidado oral é descrita
para uso no tratamento ou alívio dos sintomas de boca seca compreendendo
poli(vinil-pirrolidona) (PVP) ou um seu derivado, um polímero aniônico
mucoadesivo e um excipiente ou veículo farmaceuticamente aceitável.
(71) Glaxo Group Limited (GB) , Glaxosmithkline Consumer Healthcare Gmbh &
Co. KG. (DE)
(72) Gertrud Kawa, Shireen Uppal, David Urquhart
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/008327 de 29/07/2005
(87) WO 2006/013081 de 09/02/2006
(21) PI 0514038-2 (22) 22/07/2005
1.3
(30) 05/08/2004 EP 04 405499.7
(51) B65G 53/52 (2008.04), B65G 53/58 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO E MÉTODO PARA TRANSPORTE PNEUMÁTICO DE
MATERIAIS A GRANEL EM PROCESSO DE FLUXO DENSO
(57) DISPOSITIVO E MÉTODO PARA TRANSPORTE PNEUMÁTICO DE
MATERIAIS A GRANEL EM PROCESSO DE FLUXO DENSO. A presente
invenção refere-se a um dispositivo para transportar pneumaticamente um
material a granel fluindo livre em um método de fluxo denso, contendo uma
linha transportadora fechada em seção transversal (3) com um canal de
transporte (2), uma linha auxiliar de gás comprimido (4) com um canal de gás
comprimido (18), e meios (5) que permitem a passagem de gás comprimido e
que servem para suprir o canal de transporte (2) com um gás comprimido a
partir do canal de gás comprimido (18). A invenção é caracterizada pelo fato de
que um dispositivo de fluidificação é designado para a linha transportadora (3),
e o dispositivo de fluidificação contém um como de fluidificação (6) tendo um
canal de gás de fluidificação (8) e meios (9) que permitem a passagem de gás
de fluidificação e que servem para fornecer um gás de fluidificação do canal de
gás de fluidificação (8) e dentro do canal de transporte (2).
(71) Alcan Technology & Management Ltd. (CH)
(72) Patrick Ernst
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 01/02/2007
(86) PCT EP2005/008010 de 22/07/2005
(87) WO 2006/015702 de 16/02/2006
(21) PI 0514039-0 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 EP 04103752.4
(51) G07B 15/02 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA OBTER BILHETES PARA VIAGENS EM UM SISTEMA
DE TRANSPORTE DE PASSAGEIRO, SISTEMA DE TRANSPORTE DE
PASSAGEIRO, SERVIDOR DE CÁLCULO PARA UM SISTEMA, LEITOR
MÓVEL, E, QUADRO DE HORÁRIO
(57) MÉTODO PARA OBTER BILHETES PARA VIAGENS EM UM SISTEMA
DE TRANSPORTE DE PASSAGEIRO, SISTEMA DE TRANSPORTE DE
PASSAGEIRO, SERVIDOR DE CÁLCULO PARA UM SISTEMA, LEITOR
MÓVEL, E, QUADRO DE HORÁRIO Um método para obter bilhetes para
viagens em um sistema de transporte de passageiro (VSY) que inclui estações
(S11,..., S00) para entrar e/ou deixar meio de transporte (VM1, VM2) do sistema
(VSY) para viagens entre as estações (S11,..., S00), em que pelo menos uma
estação (S11,...,S00) do sistema (VSY) é nomeada pelo menos a um portador
de dados legível sem contato (T11,..., T00) e/ou pelo menos um meio de
transporte (VM1, VM2) do sistema (VSY) é nomeado a pelo menos um portador
de dados legível sem contato (T10, T20), em que os portadores de dados
legíveis sem contato (T11,...,T00; T10, T20) contêm itens de informação de
bilhete (IN11, IN23, IN00), e um dos portadores de dados legíveis sem contato
(T11,..., T00; T10, T20) é lido por um leitor móvel (MOD) em pelo menos uma
estação (S11,..., S00) e/ou em pelo menos um meio de transporte (VM1, VM2),
e o item ou itens de informação de bilhete correspondentes (IN11, 1N23, IN00)
são armazenados no leitor móvel (MOD).
(71) Koninklijke Philips Electronics N.V. (NL)
(72) Frank Graeber
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 01/02/2007
(86) PCT IB2005/052582 de 02/08/2005
(87) WO 2006/016323 de 16/02/2006
(21) PI 0514040-4 (22) 22/07/2005
1.3
(30) 05/08/2004 GB 0418071.7
(51) C11D 3/00 (2008.04), C11D 1/62 (2008.04), C11D 3/42 (2008.04), C11D
3/20 (2008.04), C11D 3/43 (2008.04)
(54) COMPOSIÇÃO DE CONDICIONAMENTO DE TECIDO TRANSLÚCIDA
OU
TRANSPARENTE
DESPEJÁVEL,
ESTÁVEL,
MÉTODO
DE
CONDICIONAR TECIDOS, E, USO DE UM FLUORESCEDOR EM UMA
COMPOSIÇÃO DE CONDICIONAMENTO DE TECIDO
(57) COMPOSIÇÃO DE CONDICIONAMENTO DE TECIDO TRANSLÚCIDA
MÉTODO DE OU TRANSPARENTE DESPEJÁVEL, MÉTODO DE
CONDICIONAR TECIDOS, E, USO DE UM FLUORESCEDOR EM UMA
COMPOSIÇÃO
DE
CONDICIONAMENTO
Uma
composição
de
condicionamento translúcida ou transparente despejável, estável de tecido
compreendendo um ou mais materiais de amaciamento catiônicos de tecido
tendo um valor de iodo de 5 a 140, um ou mais óleos e/ou solventes de baixo
peso molecular, e um ou mais fluorescedores hidrofóbicos.
(71) Unilever N.V. (NL)
RPI 1951 de 27/05/2008
(72) Stuart Bernard Fraser, Neil Fletcher Taylor
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/008074 de 22/07/2005
(87) WO 2006/013033 de 09/02/2006
(21) PI 0514041-2 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 60/599,206
(51) A61F 13/15 (2008.04)
(54) PEÇA DE VESTUÁRIO DE PUXAR DESCARTÁVEL
(57) PEÇA DE VESTUÁRIO DE PUXAR DESCARTÁVEL É apresentada uma
peça de vestuário de puxar descartável. A peça de vestuário de puxar tem uma
abertura para a cintura e duas aberturas para as pernas, e se estende por uma
direção longitudinal e uma direção transversal. A peça de vestuário de puxar
compreende um corpo absorvente principal e um cós elástico circular. O corpo
absorvente principal compreende uma camada superior permeável a líquidas,
uma camada inferior impermeável a líquidos, e um núcleo absorvente disposto
entre as mesmas. O corpo absorvente principal tem bordas laterais esquerda e
direita estendendo-se longitudinalmente, bordas de extremidade anterior e
posterior estendendo-se transversalmente, painéis da cintura anterior e
posterior longitudinalmente apostos, e um painel do gancho entre os painéis da
cintura. O cós elástico circular compreende uma porção do cós anterior e uma
porção do cós posterior. Cada cós circular compreende uma camada de cós e
um material elástico de cós unido à dita camada de cós. Cada cós elástico
circular tem bordas proximais e distais estendendo-se transversalmente, bordas
laterais esquerda e direita estendendo-se longitudinalmente e conectando as
bordas proximais e distais, estando a borda proximal situada mais perto que a
borda distal em relação ao painel do gancho do corpo absorvente principal, um
painel central, e painéis laterais esquerdo e direito contíguos a seu painel
central. Cada painel lateral tem um comprimento longitudinal definido pela
respectiva borda lateral da respectiva porção de cós. O painel central da porção
do cós anterior está unido ao painel da cintura anterior do corpo absorvente
principal. O painel central da porção do cós posterior está unido ao painel da
cintura posterior do corpo absorvente principal. Os respectivos painéis laterais
esquerdo e direito da porção do cós anterior e da porção do cós posterior estão
unidos um ao outro nas respectivas bordas laterais esquerda e direita, ou
adjacente às mesmas, para formar a abertura para a cintura e as duas
aberturas para as pernas, Os comprimentos longitudinais dos painéis laterais da
porção do cós posterior são maiores que os comprimentos longitudinais dos
respectivos painéis laterais da porção do cós anterior.
(71) The Procter & Gamble Company (US)
(72) Toshiyuki Matsuda, Kenji Fujimoto, Hiroshi Nakahata, Eiro Fukuda,
Masaharu Nishikawa
(74) Vieira de Mello Advogados
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027853 de 03/08/2005
(87) WO 2006/017718 de 16/02/2006
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 29
(87) WO 2006/17503 de 16/02/2006
(21) PI 0514043-9 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 GB 0417481.9
(51) A61K 31/52 (2008.04), A61K 31/573 (2008.04)
(54) MEDICAMENTOS PARA TRATAR DOENÇA RESPIRATÓRIA CRÔNICA
(57) MEDICAMENTOS PARA TRATAR DOENÇA RESPIRATÓRIA CRÔNICA É
possibilitado o uso de um composto de metilxantina e um esteróide em uma
combinação sinergística para o tratamento de uma doença respiratória, em que
o composto de metilxantina é administrado em uma dose que, isoladamente,
não é eficaz para tratar a dita doença.
(71) Argenta Discovery Limited (GB)
(72) Craig Fox, Harry Finch, Mary Fitzgerald
(74) Marjory A. Hessling
(85) 02/02/2007
(86) PCT GB2005/003039 de 03/08/2005
(87) WO 2006/013359 de 09/02/2006
(21) PI 0514044-7 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 DE 102004037937.8
(51) E05B 65/10 (2008.04), E05B 47/00 (2008.04)
(54) TRAVA DE PORTA
(57) TRAVA DE PORTA A presente invenção refere-se a uma trava de porta
(1), em especial com função de pânico, com uma caixa da trava de porta (2)
contendo uma lingüeta (3,3’) que está disposta em um lado frontal (4) da caixa
da trava de porta (2), e apoiada de forma móvel entre uma posição projetada e
outra retraída para dentro da caixa da trava de porta (2) e pode ser puxada de
volta para dentro da caixa da trava de porta (2) por meio de um dispositivo de
acionamento (5), por meio do acionamento da lingüeta (3,3’), no que a lingüeta
(3,3’) na posição projetada para fora da caixa da trava de porta (2) está prétensionada preferencialmente por uma mola (F) e que o dispositivo de
acionamento (5) compreende um motor elétrico (9) que está conectado à
lingüeta (3,3’) por meio de um dispositivo de conexão flexível (6).
(71) Dorma Gmbh + Co. KG (DE)
(72) Axel Schmidt
(74) Bhering Advogados
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/008355 de 02/08/2005
(87) WO 2006/015769 de 16/02/2006
(21) PI 0514045-5 (22) 27/07/2005
1.3
(30) 06/08/2004 US 10/913,715
(51) C08K 5/20 (2008.04)
(54) FONTE DE COMBUSTÍVEL PARA CÉLULA DE COMBUSTÍVEL
(57) FONTE DE COMBUSTÍVEL PARA CÉLULA DE COMBUSTÍVEL São
revelados cartuchos de combustível para células de combustível. Um cartucho
de combustível inclui um invólucro externo, um revestimento interno contendo
combustível, e um componente de válvula adaptado para transportar
combustível a partir da fonte de combustível para uma célula de combustível. O
invólucro externo e o revestimento interno são feitos mediante moldagem a
sopro e quando o combustível é transportado a partir da fonte de combustível, o
revestimento interno se afasta do invólucro externo. Um outro cartucho de
combustível inclui um invólucro externo, um revestimento interno contendo
combustível, e um componente de válvula adaptado para transportar o
combustível a partir da fonte de combustível para uma célula de combustível. O
revestimento interno é integral ao invólucro externo em uma região próxima ao
local do componente de válvula.
(71) Société Bic (FR)
(72) Paul Adams, Andrew J. Curello, Floyd Fairbanks, Alain Rosenzweig
(74) Bhering Advogados
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/026667 de 27/07/2005
(87) WO 2006/020399 de 23/02/2006
(21) PI 0514042-0 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 60/522,025
(51) C10M 173/02 (2008.04), C10M 107/50 (2008.04), C10M 139/04 (2008.04),
C10M 141/12 (2008.04), C10M 135/10 (2008.04), C10M 135/36 (2008.04),
C10N 50/04 (2008.04)
(54) COMPOSIÇÕES LUBRIFICANTES DE RECIPIENTE OU ESTEIRA
TRANSPORTADORA
(57) COMPOSIÇÕES LUBRIFICANTES DE RECIPIENTE OU ESTEIRA
TRANSPORTADORA Composição lubrificante de esteira transportadora e
processos compreendendo uso de óleo siloxano e um agente de dispersão, tal
como um agente de dispersão alcoxilato de tri-siloxano. As composições
lubrificantes também podem conter materiais biocidas e materiais de resistência
de rachadura de tensão.
(71) Johnsondiversey, Inc. (US)
(72) Barry D. Sperling
(74) Marjory A. Hessling
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027420 de 02/08/2005
(21) PI 0514046-3 (22) 03/08/2005
1.3
30
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(30) 04/08/2004 US 10/912,036
(51) H01M 4/86 (2008.04)
(54) ESTRUTURA DE ELETRODO DE RESISTÊNCIA VARIÁVEL
(57) ESTRUTURA DE ELETRODO DE RESISTÊNCIA VARIÁVEL. Trata-se de
uma estrutura de eletrodo em um dispositivo de célula de combustível que inclui
um elemento de transferência de carga (112, 212, 612, 712). Um elemento
eletricamente condutor (605) inclui um coletor de corrente (222, 226) disposto
no elemento de transferência de carga, no qual o conector está estruturado na
forma de um padrão de recorte não uniforme expondo o elemento de
transferência de carga e tendo uma resistência não uniforme para otimizar a
conexão de corrente.
(71) Corning Incorporated (US)
(72) Thomas D. Ketcham, Cameron W. Tanner
(74) Tavares Propriedade Intectual Ltda
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027785 de 03/08/2005
(87) WO 2006/017677 de 16/02/2006
(21) PI 0514047-1 (22) 04/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 US 60/598671
(51) C12N 15/82 (2008.04), C07H 21/04 (2008.04), A01H 5/00 (2008.04)
(54) POLINUCLEOTÍDEO ISOLADO, VETOR DE EXPRESSÃO DE PLANTA,
POLIPEPTÍDEO ISOLADO, CÉLULA DE PLANTA TRANSGÊNICA, MÉTODOS
PARA REALÇAR A ATIVIDADE DA AHAS EM UMA PLANTA, PARA
CONTROLAR ERVAS DANINHAS NA VIZINHANÇA DE UMA PLANTA, E
PARA PRODUZIR UMA PLANTA TRANSGÊNICA TENDO ATIVIDADE DA
AHAS AUMENTADA, PLANTA TRANSGÊNICA, E, POLIPEPTÍDEO DE
FUSÃO
(57) POLINUCLEOTÍDEO ISOLADO, VETOR DE EXPRESSÃO DE PLANTA,
POLIPEPTÍDEO ISOLADO, CÉLULA DE PLANTA TRANSGÊNICA, MÉTODOS
PARA REALÇAR A ATIVIDADE DA AHAS EM UMA PLANTA, PARA
CONTROLAR ERVAS DANINHAS NA VIZINHANÇA DE UMA PLANTA, E
PARA PRODUZIR UMA PLANTA TRANSGÊNICA TENDO ATIVIDADE DA
AHAS AUMENTADA, PLANTA TRANSGÊNICA, E, POLIPEPTÍDEO DE
FUSÃO Polinucleotídeos isolados que codificam polipeptídeos da subunidade
pequena de aceto-hidroxiácido sintase (AHASS) e as seqüências de
aminoácido codificadas por estes polinucleotídeos, são descritas. A presente
invenção fornece cassetes de expressão e vetores de expressão vegetal que
compreendem os polinucleotídeos que codificam os polipeptídeos da AHASS
ou polipeptídeos de fusão da AHASS. Também são fornecidas plantas,
sementes e células hospedeiras transformadas com os polinucleotídeos,
cassetes de expressão ou vetores de expressão da presente invenção. A
invenção fornece ainda métodos de usar os polinucleotídeos da presente
invenção para realçar a atividade da AHAS e para realçar a tolerância de
plantas aos herbicidas.
(71) Basf Plant Science Gmbh (DE)
(72) Robert A. Ascenzi, Gregory Budziszewski, Genichi Kakefuda,, Bijay K.
Singh
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027729 de 04/08/2005
(87) WO 2006/015376 de 09/02/2006
(21) PI 0514048-0 (22) 05/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 EP 04018577.9; 17/09/2004 EP 04022251.5
(51) C09B 45/14 (2008.04), G11B 7/24 (2008.04)
(54) CORANTES DE COMPLEXO AZO METAL À BASE DE ANTIPIRINA E
SEU USO EM CAMADAS ÓPTICAS PARA GRAVAÇÃO ÓPTICA DE DADOS
(57) CORANTES DE COMPLEXO AZO METAL À BASE DE ANTIPIRINA E
SEU USO EM CAMADAS ÓPTICAS PARA GRAVAÇÃO ÓPTICA DE DADOS.
A presente invenção se refere a corantes de complexo azo metal á base de
antipirina e a seu uso em camadas ópticas para gravação óptica de dados, de
preferência para gravação óptica de dados usando um laser com um
comprimento de onda de até 450 nm. A invenção também se refere a um meio
de gravação óptica de dados do tipo grave uma vez leia muitas (WORM) capaz
de gravar e reproduzir informações com radiação de laser azul, que emprega
um corante de complexo azo metal à base de antipirina na camada óptica.
(71) Clariant Finance (BVI) Limited (GB)
RPI 1951 de 27/05/2008
(72) Pascal Steffanut
(74) Dannemann, Siemsen, Bigbler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/053861 de 05/08/2005
(87) WO 2006/013214 de 09/02/2006
(21) PI 0514049-8 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 04/08/2004 JP 2004-228661
(51) H04L 9/08 (2008.04), H04Q 7/38 (2008.04)
(54) MÉTODO DE COMUNICAÇÃO DE RÁDIO, SISTEMA DE COMUNICAÇÃO
DE RÁDIO E DISPOSITIVO DE COMUNICAÇÃO DE RÁDIO
(57) MÉTODO DE COMUNICAÇÃO DE RÁDIO, SISTEMA DE COMUNICAÇÃO
DE RÁDIO E DISPOSITIVO DE COMUNICAÇÃO DE RÁDIO. A invenção
refere-se a um dispositivo de comunicação de rádio e outras capazes de gerar,
em um curto período de tempo, um código secreto comum a uma estação de
base e a uma estação móvel em um sistema de comunicação sem fio que usa a
técnica MIMO, e de dar inicio à comunicação criptografada em um estágio
prematuro. Neste dispositivo, na etapa ST545, quando uma unidade de
julgamento de coincidência de canal (105) e uma unidade de processamento de
julgamento de coincidência de canal (205) julgarem, respectivamente, que a
matriz de canal gerada pela estação de base coincide por completo com a
matriz de canal gerada pela estação móvel ou que elas não coincidem por
completo, mas podem enfim coincidir com a correção de erro do código secreto
ou similar, de acordo com o resultado de julgamento indicado no sinal de
julgamento de coincidência de canal gerado na etapa ST540-2, a etapa ST545
será seguida pela etapa ST550. Por outro lado, quando a matriz de canal
gerada pela estação móvel não coincidir completamente com a matriz de canal
gerada pela estação de base e elas enfim não coincidirem, mesmo depois da
correção de erro do código secreto, a etapa ST510 será novamente executada
depois da etapa ST545.
(71) Matsushita Electric Industrial CO., LTD. (JP)
(72) Tomohiro Imai, Yasuaki Yuda, Daichi Imamura
(74) Dannemann, Siemsen, Bigbler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT JP2005/013979 de 29/07/2005
(87) WO 2006/013798 de 09/02/2006
(21) PI 0514050-1 (22) 25/07/2005
1.3
(30) 04/08/2004 EP 04 103755.7
(51) B01J 13/20 (2008.04), C08G 18/80 (2008.04)
(54) PARTÍCULAS FUNCIONALIZADAS
(57) PARTÍCULAS FUNCIONALIZADAS. A invenção refere-se a partículas
RPI 1951 de 27/05/2008
funcionalizadas, tendo cascas e núcleos plenamente formados, compreendendo
uma matriz de poliuretana ou poliuréia, obtidas por polimerização de adição
interfacial de (1) pelo menos um derivado de poliisocianato selecionado no
grupo de poliisocianatos parcialmente bloqueados, e poliisocianatos
parcialmente modificados com grupos reativos de fibras, e (ii) pelo menos uma
poliamina ou álcool poliídrico, sendo que as ditas partículas funcionalizadas são
capazes de se ligar quimicamente ou fisicamente a um substrato.
(71) Ciba Special Chemicals Holding INC. (CH)
(72) Torsten Kulke, Gunnar Engelmann, Gerald Rafler
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/053595 de 25/07/2005
(87) WO 2006/013165 de 09/02/2006
(21) PI 0514051-0 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 JP 2004-228337
(51) C07D 215/22 (2008.04), A01N 25/04 (2008.04), A01N 25/12 (2008.04),
A01N 25/14 (2008.04), A01N 43/42 (2008.04), C07D 215/36 (2008.04)
(54) COMPOSTO, INSETICIDA AGRÍCOLA OU DE HORTICULTURA,
MÉTODO PARA CONTROLAR UMA PESTE DE INSETO AGRÍCOLA E DE
HORTICULTURA, E, USO DE UM COMPOSTO
(57) COMPOSTO, INSETICIDA AGRÍCOLA OU DE HORTICULTURA,
MÉTODO PARA CONTROLAR UMA PESTE DE INSETO AGRÍCOLA E DE
HORTICULTURA, E, USO DE UM COMPOSTO É divulgado um composto
tendo excelente atividade inseticida e utilizável como um inseticida para o uso
agrícola e na horticultura. Um composto representado pela fórmula (I) abaixo e
um sal de adição de ácido agrícola e horticulturalmente aceitável deste têm
excelente atividade inseticida e pode ser usado como um inseticida para o uso
agrícola e na horticultura.
(71) Meiji Seika Kaisha LTD. (JP) , Nippon Kayaku Co. , Ltd. (JP)
(72) Kazumi Yamamoto, Ryo Horikoshi, Kazuhiko Oyama, Hiroshi Kurihara,
Shizuo Shimano, Takaaki Miyake, Hiroki Hotta, Jun Iwabuchi
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT JP2005/014217 de 03/08/2005
(87) WO 2006/013896 de 09/02/2006
(21) PI 0514052-8 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 60/598,555
(51) C07K 14/705 (2008.04), C07K 19/00 (2008.04)
(54) PROTEÍNAS DE FUSÃO RAGE E MÉTODOS DE UTILIZAÇÃO
(57) PROTEÍNAS DE FUSÃO RAGE E MÉTODOS DE UTILIZAÇÃO São
reveladas proteínas de fusão RAGE compreendendo seqüências polipeptídicas
de RAGE ligadas a um segundo peptídeo não RAGE. A proteína de fusão
RAGE pode utilizar um domínio de polipeptídeo RAGE compreendendo um sítio
de ligação do ligante RAGE e um ligador interdomínio diretamente ligado a um
domínio CH2 da imunoglobulina. Tais proteínas de fusão podem fornecer uma
afinidade de ligação alta e específica para ligantes RAGE. Também é revelado
o uso das proteínas de fusão RAGE como terapêuticos para patologias
mediadas por RAGE.
(71) Transtech Pharma, Inc. (US)
(72) Adnan M.M. Mjalli, Ye E. Tian, Jeffrey C. Webster, Robert Rothlein
(74) Marjory A. Hessling
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027705 de 03/08/2005
(87) WO 2006/017647 de 16/02/2006
(21) PI 0514053-6 (22) 21/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 DE 10 2004 037 506.2
(51) A01N 25/32 (2008.04), A01N 57/20 (2008.04), A01N 51/00 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA AUMENTAR A TOLERABILIDADE DAS PLANTAS
FRENTE AO GLIFOSATO
(57) MÉTODO PARA AUMENTAR A TOLERABILIDADE DAS PLANTAS
FRENTE AO GLIFOSATO A presente invenção refere-se aos processos para
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 31
aumentar a tolerabilidade de certas plantas geneticamente modificadas frente a
aplicação de glifosato.
(71) Bayer Cropscience AG (DE)
(72) Michael Deall, Jens Hartmann, Kai-Uwe Brüggen, Wolfgang Thielert,
Robert Steffens
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/007947 de 21/07/2005
(87) WO 2006/015697 de 16/02/2006
(21) PI 0514054-4 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 DE 102004037771.5
(51) F16D 65/38 (2008.04), F16D 65/56 (2008.04), F16D 65/14 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO DE REAJUSTE PARA UM FREIO A DISCO ACIONADO
PNEUMATICAMENTE
(57) DISPOSITIVO DE REAJUSTE PARA UM FREIO A DISCO ACIONADO
PNEUMATICAMENTE. A presente invenção refere-se a um dispositivo de
reajuste para o reajuste do desgaste da superfície de fricção na pastilha do freio
e no disco do freio de um freio a disco acionado pneumaticamente, que
apresenta um dispositivo de tensão acionado por alavanca giratória, que pode
ser empregado, de preferência, em um fuso de rotação do freio a disco, sendo
que nos dois lados axiais está disposto um elemento de acionamento tal como
um garfo de engate de, respectivamente. uma disposição do como de
rolamento, dos quais um é executado como acoplamento da rampa de esferas
(9) com função de marcha em vazio, sendo que o acoplamento da rampa de
esferas apresenta buchas de acoplamento (10, 11), bem como, esferas de
aperto (12), e a bucha de acoplamento (11) no lado de saída de movimento se
apóia em uma luva de mola (14) para uma mola de tenção prévia (15), e entre a
bucha de acoplamento (11) no lado de saída de movimento e a luva de mola
(14) é formado um assento cônico (23, 24) em forma de acoplamento.
(71) Knorr-Bremse Systeme Für Nutzfahrzeuge GMBH (DE)
(72) Johann Iraschka
(74) Dannemann, Siemsen, Bigbler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/008403 de 03/08/2005
(87) WO 2006/015782 de 16/02/2006
(21) PI 0514055-2 (22) 01/08/2005
1.3
(30) 02/08/2004 JP 2004-225509
(51) B01D 53/94 (2008.04), B01J 23/63 (2008.04), F01N 3/08 (2008.04), F01N
3/28 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA REDUÇÃO CATALÍTICA DE ÓXIDOS DE NITROGÊNIO
(57) MÉTODO PARA REDUÇÃO CATALÍTICA DE ÔXIDOS DE NITROGÊNIO.
Método que compreende a submissão de combustível à combustão, enquanto a
atmosfera de combustão do combustível é oscilada periódica e alternadamente
entre condições ricas e pobres, encaminhamento do gás de exaustão formado
para um reator catalítico e colocação do gás de exaustão em contato com um
catalisador no reator catalítico para conduzir a redução catalítica dos óxidos de
nitrogênio contidos no gás de exaustão, em que o catalisador compreende
como componentes catalisadores: (A) um componente catalisador de óxido A
compreendendo: (a) céria; ou (b) óxido de praseodímio; ou (c) uma mistura de
óxidos e/ou um óxido compósito de pelo menos dois elementos selecionados do
grupo que consiste em cério, zircônio, praseodímio, neodímio, térbio, samário,
gadolínio e lantânio; e (B) (d) um componente catalisador de metal nobre B
selecionado do grupo que consiste em platina, ródio, paládio e seus óxidos; sob
uma concentração de oxigênio ajustada na faixa de 0,1 - 1 0% na saída do
reator catalítico sob as condições ricas.
(71) Honda Motor CO., LTD (JP) , Valtion Teknillinen Tutkimuskeskus (FI)
(72) Tadao Nakatsuji, Norio Suzuki, Hiroshi Ohno, Naohiro Sato
(74) Dannemann, Siemsen, Bigbler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT JP2005/014483 de 01/08/2005
(87) WO 2006/013998 de 09/02/2006
(21) PI 0514056-0 (22) 02/08/2005
(30) 03/08/2004 GB 0417296.1
1.3
32
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(51) A01B 71/04 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA REGISTRAR USUÁRIOS EM UM SISTEMA DE
COMUNICAÇÕES MÓVEL, SISTEMA DE COMUNICAÇÃO, E, ENTIDADE DE
REDE PARA USO EM UM SISTEMA DE COMUNICAÇÕES MÓVEL
(57) MÉTODO PARA REGISTRAR USUÁRIOS EM UM SISTEMA DE
COMUNICAÇÕES MÓVEL, SISTEMA DE COMUNICAÇÃO, E, ENTIDADE DE
REDE PARA USO EM UM SISTEMA DE COMUNICAÇÕES MÓVEL Um
método para registrar usuários em um sistema de comunicações móvel, o
método compreendendo os passos de: armazenar em um depósito de
informação de usuário, identificadores primários e secundários identificando um
primeiro controlador de atendimento; receber uma solicitação proveniente de
um controlador de atendimento, tal solicitação identificando esse controlador de
atendimento usando identificadores primários e secundários; comparar o
identificador primário no depósito de informação de usuário com o identificador
primário na mencionada solicitação e, se há uma discordância, comparar o
identificador secundário no depósito de informação de usuário com o
identificador secundário na mencionada solicitação onde, quando há uma
discordância entre os identificadores secundários é determinado que o
controlador de atendimento identificado na solicitação não é o primeiro
controlador de atendimento, e quando há uma coincidência entre os
identificadores secundários é determinado que o controlador de atendimento
identificado na solicitação é o primeiro controlador de atendimento.
(71) NOKIA CORPORATION (FI)
(72) Kalle Tammi, Minna Myllymaki, Jari Koivula, Sami N. Salonen
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT IB2005/002291 de 02/08/2005
(87) WO 2006/016236 de 16/02/2006
(21) PI 0514057-9 (22) 22/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 10/909,986
(51) A47J 36/02 (2008.04)
(54) SISTEMA PARA APLICAÇÃO NO ROSQUEAR UM TUBO PORTADOR
DE UM FLUIDO SOB PRESSÃO
(57) SISTEMA PARA APLICAÇÃO NO ROSQUEAR UM TUBO PORTADOR
DE UM FLUIDO SOB PRESSÃO A presente invenção refere-se a uma conexão
soldável mecânica para usa no rosquear um tubo inclui primeiro e segundo
colares metálicos, cada formado de partes semitoroidais superior e inferior
afixáveis que quando montadas sobre o tubo proporciona superfícies cilíndricas
externas mutuamente espaçadas. Cada colar tendo pelo menos uma ranhura
de vedação circunferente interna no seu interior que recebe uma gaxeta
formada em tomo do tubo. Um membro de contenção metálico semitubular
inferior é posicionados sobre as superfícies cilíndricas externas dos colares. Um
membro de contenção metálico semitubular superior é posicionado sobre as
superfícies cilíndricas externas dos colares. O membro de contenção superior
tendo uma parte de acesso tubular se estendendo para cima integral
propiciando passagem para rosquear a tubo. Os membros de contenção
superior e inferior são soldados entre si e com os colares para circundar
plenamente uma parte do tubo.
(71) TDW Delaware, Inc. (US)
(72) Tony R. Garrison, Larry J. Oden, James E. Terry, Dixit B. Kadakia
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/026262 de 22/07/2005
(87) WO 2006/020362 de 23/02/2006
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0514058-7 (22) 23/06/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 60/598,318
(51) C11D 11/00 (2008.04), G03F 7/42 (2008.04), H05K 3/26 (2008.04), C11D
3/20 (2008.04), C11D 3/30 (2008.04), C11D 7/26 (2008.04), C11D 7/32
(2008.04), C11D 3/43 (2008.04), C11D 7/50 (2008.04)
(54)
COMPOSIÇÕES
PARA
LIMPEZA
DE
SUBSTRATOS
MICROELETRÔNICOS
(57)
COMPOSIÇÕES
PARA
LIMPEZA
DE
SUBSTRATOS
MICROELETRÕNICOS. A presente invenção refere-se a uma composição de
limpeza e polimento para limpar substratos microeletrônicos, a composição
compreende: pelo menos um solvente de polimento orgânico, pelo menos uma
amina nucleofilica, pelo menos um ácido fraco não contendo nitrogênio em uma
quantidade suficiente para neutralizar cerca de 3% a 75% em peso da amina
nucleofílica de tal maneira que a composição de polimento tenha um pH aquoso
de cerca de 9,6 a 10,9, e o dito ácido fraco tenda um valor de pK em solução
aquosa de 2,0 ou mais e um peso equivalente de menos de 140, pelo menos
um composto para remoção de metal selecionado do grupo consistindo em
dietileno glicol e dietileno glicolamina, e água, e método para limpar substratos
microeletrônicos com essas composições.
(71) Mallinckrodt Baker Inc. (US)
(72) Sean M. Kane
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/022598 de 23/06/2005
(87) WO 2006/023061 de 02/03/2006
(21) PI 0514059-5 (22) 13/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 10/911,404
(51) H04S 3/02 (2008.04)
(54) COMBINAÇÃO DE SINAIS DE ÁUDIO USANDO UMA ANÁLISE DE CENA
AUDITIVA
(57) COMBINAÇÃO DE SINAIS DE ÁUDIO USANDO UMA ANÁLISE DE CENA
AUDITIVA. a invenção refere-se a um processo para combinar canais de áudio
que combina os canais de áudio para produzir um canal de áudio combinado e
aplicar dinamicamente um ou mais ajustes de tempo, fase, e amplitude ou
potência aos canais, ao canal combinado, ou a ambos os canais e o canal
combinado. Um ou mais dos ajustes são controlados pelo menos parcialmente
por uma medida de eventos auditivos em um ou mais dos canais e/ou no canal
combinado. Aplicações incluem a apresentação do áudio de múltiplos canais
em cinemas e veículos. Não apenas métodos, mas também implementações
em programas de computador e implementações em aparelhos
correspondentes estão incluídas.
(71) Dolby Laboratories Licensing Corporation (US)
(72) Michael John Smithers
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/024630 de 13/07/2005
(87) WO 2006/019719 de 23/02/2006
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0514060-9 (22) 01/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 60/598,558
(51) A61K 31/137 (2008.04), A61P 3/04 (2008.04)
(54) COMBINAÇÃO DE BUPROPION E UM SEGUNDO COMPOSTO PARA
ACARRETAR A PERDA DE PESO
(57) COMBINAÇÃO DE BUPROPION E UM SEGUNDO COMPOSTO PARA
ACARRETAR A PERDA DE PESO São descritas composições para realização
da perda de peso compreendendo bupropion e um segundo composto, onde o
segundo composto causa o agonismo aumentado de um MC3-R ou um MC4-R
em comparação com as condições fisiológicas normais, antagoniza a atividade
do receptor canabinóide, ou é útil no tratamento de desordens bipolares.
Também são descritos métodos de realização de perda de peso, aumento de
gasto de energia, aumento da saciedade de um individuo, ou supressão do
apetite de um indivíduo, compreendendo a identificação de um indivíduo que
precisa de tratamento e o tratamento desse indivíduo com uma combinação de
bupropion e um composto que aprimora a atividade α-MSH, antagoniza a
atividade do receptor canabinóide, ou é útil no tratamento das desordens
bipolares.
(71) Orexigen Therapeutics, Inc (US)
(72) Eckard Weber, Alexander Cowley
(74) Montaury Pimenta, Machado & Lioce
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027424 de 01/08/2005
(87) WO 2006/017504 de 16/02/2006
(21) PI 0514061-7 (22) 28/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 DE 102004037580.1
(51) F16H 57/04 (2008.04), F01M 11/02 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO DE TRANSMISSÃO
(57) DISPOSIÇÃO DE TRANSMISSÃO A invenção refere-se a uma disposição
de transmissão (10). A disposição de transmissão apresenta uma carcaça de
transmissão (16), uma câmara de transmissão (12) envolta pela carcaça de
transmissão (16), um primeiro eixo (20) montado na carcaça de transmissão
(16), uma cavidade (88) configurada no primeiro eixo (20) com seu centro de
gravidade de seção transversal excentricamente com relação ao eixo
geométrico de rotação (18) e um canal (156) configurado no primeiro eixo (20).
O canal (156) conecta a câmara de transmissão (12) com a cavidade (88) do
primeiro eixo (20). Para melhorar o processo de lubrificação da disposição de
transmissão (10) e a segurança de operação e, desta maneira, prolongar os
intervalos de manutenção, é proposto prover o canal (156) com um componente
(162) que reduz uma seção transversal de passagem do canal (156), através do
qual apenas uma quantidade otimizada de lubrificante é transportada através do
canal (156). Uma disposição de transmissão deste tipo é utilizada, por exemplo,
para o acionamento de um mecanismo de cone em uma ceifadeiradebulhadora.
(71) Deere & Company (US)
(72) Monica Gil Martinez, Francisco Rueda Ortega
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/053701 de 28/07/2005
(87) WO 2006/013188 de 09/02/2006
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 33
(21) PI 0514062-5 (22) 04/08/2005
1.3
(30) 07/08/2004 US 60/598,783; 31/03/2005 US 60/668,106
(51) G05B 11/01 (2008.04), G01R 35/00 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA SINTONIZAR DINAMICAMENTE UM SISTEMA DE
COMUNICAÇÃO DE LINHA DE POTÊNCIA
E SISTEMA PARA
COMUNICAÇÃO EM LINHA DE POTÊNCIA
(57) MÉTODO PARA SINTONIZAR DINAMICAMENTE UM SISTEMA DE
COMUNICAÇÃO DE LINHA DE POTÊNCIA E SISTEMA PARA
COMUNICAÇÃO EM LINHA DE POTÊNCIA Em um aspecto, a presente
invenção compreende um método para sintonizar um dispositivo de
acoplamento de sinal indutivo de comunicação em linha de potência
compreendendo um acoplador e uma pluralidade de capacitores, o método
compreendendo passar um sinal de freqüência portadora através do acoplador;
detectar uma amplitude do sinal; e comutar os capacitores até que a amplitude
do sinal atinja um máximo, Em várias modalidades, (a) o sinal é transmitido por
um segundo transmissor e o método ainda compreende comutar para um
primeiro transmissor para transmissão de dados; (b) o sinal é recebido por um
receptor depois de passar através do acoplador; e (c) os capacitores são
comutados por um controlador de relé recebendo comandos a partir de um
microprocessador.
(71) Quadlogic Controls Corporation (US)
(72) Sayre A. Swarztrauber, Mike Newsome, Siddharth Malik
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027908 de 04/08/2005
(87) WO 2006/017743 de 16/02/2006
(21) PI 0514063-3 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 US 10/911,392
(51) B05D 7/06 (2008.04), B05D 7/08 (2008.04), B05D 7/00 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA ACABAR UMA SUPERFÍCIE FOLHEADA DE UM
PRODUTO DE MADEIRA FOLHEADA, E, ARTIGO FOLHEADO REVESTIDO
(57) MÉTODO PARA ACABAR UMA SUPERFÍCIE FOLHEADA DE UM
PRODUTO DE MADEIRA FOLHEADA, E, ARTIGO FOLHEADO REVESTIDO
Um produto de madeira folheada é produzido empregando-se um sistema de
acabamento de multicamadas, em que pelo menos uma das camadas de
subsuperfície compreende um componente cationicamente polimerizável
curável por UV. Os revestimentos baseados em componentes cationicamente
polimerizáveis, curáveis por UV, parecem ser menos sensíveis à
superexposição de UV e mais aderentes às fibras de madeira do que os
correspondentes revestimentos baseados em componentes polimerizáveis em
radical livre curáveis por UV. O sistema de acabamento de folheado de madeira
de multicamadas pode fornecer melhorada adesão intercamadas ou melhorada
resistência à rachadura do folheado, especialmente sob condições de fábrica.
(71) Valspar Sourcing, INC. (US)
(72) Frank Bor-Her Chen, Eugen Safta, George Ganghua Teng, Shaobing Wu,
Jere Christopher Julian, Sr.
(74) Momsen, Leonardos & Cia
34
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(54) DISPOSITIVO DE COMUNICAÇÃO E MÉTODO DE OPERAÇÃO DO
MESMO
(57) DISPOSITIVO DE COMUNICAÇÃO E MÉTODO DE OPERAÇÃO DO
MESMO Um dispositivo de comunicação (100) inclui um primeiro meio de
comunicação (140) para operar em um primeiro modo de operação; um
segundo meio de comunicação (110, 130) para operar em um segundo modo
de operação, e um gerente de controle de operação (150) acoplado entre o
primeiro meio de comunicação (140) e o segundo meio de comunicação
(110,130). O gerente de controle de operação (150) é adaptado para detectar
um impacto no desempenho no segundo meio de comunicação (110, 130); e
modificar o primeiro meio de comunicação (140) para reduzir o impacto no
desempenho.
(71) Motorola, INC. (US)
(72) David R. Haub, William P. Alberth, Timothy P. Froehling
(74) Orlando de Souza
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027198 de 02/08/2005
(87) WO 2006/017424 de 16/02/2006
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027745 de 02/08/2005
(87) WO 2006/017663 de 16/02/2006
(21) PI 0514064-1 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 GB 0417370.4
(51) G01V 1/38 (2008.04), G01V 1/20 (2008.04), G01H 9/00 (2008.04)
(54) MÉTODO DE ESTUDAR UMA SUPERFÍCIE UTILIZANDO UM
INTERFERÔMETRO, E, INTERFERÔMETRO
(57) MÉTODO DE ESTUDAR UMA SUPERFÍCIE UTILIZANDO UM
INTERFERÔMETRO, E, INTERFERÔMETRO Método de estudar uma
superfície utilizando um interferômetro, em que há movimento relativo entre a
superfície e o interferômetro, o movimento tendo uma velocidade total Vtot que
inclui um componente transversal ou atravessante Vte um componente
longitudinal V1. O método compreende: direcionar um feixe de objeto de luz
coerente para uma posição de medição na superfície, por meio do que há
movimento relativo entre a superfície e a posição de medição; dispor um
sistema de detectores no interferômetro, em uma linha estendendo-se
genericamente na direção transversal, os detectores sendo dispostos para
detectar raios de luz com diferentes direções angulares, representando
diferentes direções de sensibilidade; produzir um feixe de referência de luz
coerente, que seja coerente com o feixe de objeto; combinar o feixe de
referência com o feixe de objeto refletido da superfície, para produzir uma
interferência cruzada no padrão de salpicos, provendo informação acerca do
movimento relativo da superfície e do interferômetro; detectar o padrão de
salpicos e o padrão de interferência cruzada com os detectores; determinar que
detector do sistema tem sensibilidade zero ou mínima para a velocidade total
Vtot do movimento, desse modo identificando o detector com uma linha de
direção de sensibilidade, que é perpendicular a Vtot;monitorar a mudança
temporal em que os detectores têm sensibilidade zero ou mínima, desse modo
verificando a mudança de direção de Vtot durante o tempo, realizada pelas
mudanças de V1 e determinar as mudanças temporais de V1.
(71) Statoil ASA (NO)
(72) Paul Meldahl, Eiolf Vikhangen
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT GB2005/003038 de 03/08/2005
(87) WO 2006/013358 de 09/02/2006
(21) PI 0514065-0 (22) 02/08/2005
(30) 05/08/2004 US 10/912,459
(51) H04M 1/00 (2008.04)
RPI 1951 de 27/05/2008
1.3
(21) PI 0514067-6 (22) 28/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 DE 10 2004 037 784.7
(51) A01N 43/90 (2008.04), A01N 59/20 (2008.04), A01N 57/12 (2008.04),
A01N 47/38 (2008.04), A01N 47/24 (2008.04), A01N 47/14 (2008.04), A01N
47/04 (2008.04), A01N 43/84 (2008.04), A01N 43/653 (2008.04), A01N 43/54
(2008.04), A01N 43/50 (2008.04), A01N 43/40 (2008.04), A01N 43/32
(2008.04), A01N 43/30 (2008.04), A01N 37/50 (2008.04)
(54) MISTURAS FUNGICIDAS PARA COMBATER FUNGOS NOCIVOS,
COMPOSTOS, PROCESSO PARA PREPARAR OS COMPOSTOS, AGENTE,
PROCESSO PARA COMBATER FUNGOS NOCIVOS FITOPATOGÊNICOS,
SEMENTE, E, USO DOS COMPOSTOS
(57) MISTURAS FUNGICIDAS PARA COMBATER FUNGOS NOCIVOS,
COMPOSTOS, PROCESSO PARA PREPARAR OS COMPOSTOS, AGENTE,
PROCESSO PARA COMBATER FUNGOS NOCIVOS FITOPATOGÊNICOS,
SEMENTE, E, USO DOS COMPOSTOS A invenção refere-se às misturas
fungicidas contendo, como componentes ativos, 1) uma 5-cloro-6-fenil-7heterociclil-amino-triazolo-pirimidina de fórmula (I), na qual D forma um anel
pirrolidina, piperidina ou azepina, juntamente com o átomo de nitrogênio, os
citados anéis estando substituídos ou não substituídos com um ou dois grupos
metila ou com um grupo etila, propila ou butila; e L representa metila, flúor ou
cloro; e 2) pelo menos um ingrediente ativo II que é selecionado dos seguintes
grupos: A) azóis, B) estrobilurinas; C) acil-alaninas; D) derivados de anima; E)
anilino-pirimidinas; F) dicarboximidas; G) análogos e amidas de ácido cinâmico;
H) antibióticos; K) ditiocarbamatos; L) compostos heterocíclicos que são citados
na descrição; M) fungicidas de cobre e de enxofre; N) derivados de nitro-fenila;
O) fenil-pirróis; N) derivados de ácido sulfênico; Q) outros fungicidas que são
citados na descrição; ou R) retardantes de crescimento; em uma quantidade
sinergicamente eficaz. A invenção também se refere às novas triazolopirimidinas, a um método para controlar fungos nocivos por meio de compostos
de fórmula (I) ou misturas de um composto de fórmula (I) com um ingrediente
ativo dos grupos A) -R) e ao uso de compostos de fórmula (I) com os
ingredientes ativos dos grupos A) -R) para a produção de citado tipo de
misturas e meios contendo os citados compostos ou as citadas misturas.
(71) Basf Aktiengesellschaft (DE)
(72) Carsten Blettner, Jochen Dietz, Wassilios Grammenos, Thomas Grote, Udo
Hünger, Bernd Müller, Matthias Niedenbrück, Joachim Rheinheimer, Peter
Schäfer, Frank Schieweck, Barbara Nave, Maria Scherer, Siegfried
Strathamann, Reinhard Stierl, Anja Schwögler, Ulrich Schöfl
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/008192 de 28/07/2005
(87) WO 2006/017728 de 16/02/2006
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0514068-4 (22) 18/07/2005
1.3
(30) 04/08/2004 US 60/598,855; 19/08/2004 US 60/602,953; 25/08/2004 US
60/604,339; 10/09/2004 US 60/609,101; 23/12/2004 US 60/638,442; 13/01/2005
US 60/643,718
(51) C07K 16/00 (2008.04), C12N 15/12 (2008.04), C12N 5/10 (2008.04), A61K
39/395 (2008.04)
(54) POLIPEPTÍDEO, ANTICORPO MONOCLONAL, PROCESSOS PARA
PRODUZIR UM ANTICORPO MONOCLONAL VARIANTE E UM
POLIPEPTÍDEO VARIANTE, MOLÉCULA DE ÁCIDO NUCLEICO ISOLADA,
VETOR, CÉLULA HOSPEDEIRA, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, E,
ANTICORPO ANTI-CD20
(57) POLIPEPTÍDEO, ANTICORPO MONOCLONAL, PROCESSOS PARA
PRODUZIR UM ANTICORPO MONOCLONAL VARIANTE E UM
POLIPEPTÍDEO VARIANTE, MOLÉCULA DE ÁCIDO NUCLEICO ISOLADA,
VETOR, CÉLULA HOSPEDEIRA, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, E,
ANTICORPO ANTI-CD2O A presente invenção fornece polipeptídeos,
particularmente anticorpos terapêuticos, compreendendo uma nova região Fc
variante. Além disso a invenção fornece regiões Fc variantes que conferem uma
função efetora alterada ou meia vida no soro alterada em um polipeptídeo ao
qual ela é operavelmente ligada.
(71) Applied Molecular Evolution, Inc. (US)
(72) Barrett Allan, Weidong Jiang, Ying Tang, Jeffry Dean Watkins
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/025276 de 18/07/2005
(87) WO 2006/020114 de 23/02/2006
(21) PI 0514069-2 (22) 27/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 10/911,400
(51) A61B 3/00 (2008.04), A61B 3/10 (2008.04)
(54) MÉTODOS PARA DETERMINAR UM FORMATO DE SUPERFÍCIE
ÓPTICA QUE MITIGA OU TRATA UMA CONDIÇÃO DE VISÃO E PARA
TRATAR OU MITIGAR UMA CONDIÇÃO DE VISÃO, E, SISTEMAS PARA
ESTABELECER UM FORMATO DE SUPERFÍCIE ÓPTICA QUE MITIGA OU
TRATA UMA CONDIÇÃO DE VISÃO E PARA REPERFILAR UMA
SUPERFÍCIE DE UMA CÓRNEA DE UM OLHO DE UM PACIENTE
PARTICULAR
(57) MÉTODOS PARA DETERMINAR UM FORMATO DE SUPERFÍCIE
ÓPTICA QUE MITIGA OU TRATA UMA CONDIÇÃO DE VISÃO E PARA
TRATAR OU MITIGAR UMA CONDIÇÃO DE VISÃO, E, SISTEMAS PARA
ESTABELECER UM FORMATO DE SUPERFÍCIE ÓPTICA QUE MITIGA OU
TRATA UMA CONDIÇÃO DE VISÃO E PARA REPERFILAR UMA
SUPERFÍCIE DE UMA CÓRNEA DE UM OLHO DE UM PACIENTE
PARTICULAR Métodos, dispositivos e sistemas estabelecem um formato de
superfície óptica, que mitiga ou trata uma condição de visão em um paciente.
Um formato de superfície óptica para um paciente particular pode ser
determinada usando-se um conjunto de parâmetros de paciente para o paciente
específico, utilizando-se uma função de transferência de modulação composta
(CMTF). A função de transferência de modulação composta pode incluir uma
combinação de funções de transferência de modulação (MTF’s), em uma
pluralidade de freqüências distintas.
(71) Visx, Incorporated (US)
(72) Guangming Dai, Kingman Yee
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/026859 de 27/07/2005
(87) WO 2006/020422 de 23/02/2006
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 35
(21) PI 0514071-4 (22) 06/06/2005
1.3
(30) 21/09/2004 SE 0402296-8
(51) D21D 5/24 (2008.04), D21D 1/00 (2008.04), D21B 1/12 (2008.04)
(54) PROCESSO E INSTALAÇÃO PARA FABRICAÇÃO DE POLPA DE
CELULOSE
(57) PROCESSO E INSTALAÇÃO PARA FABRICAÇÃO DE POLPA DE
CELULOSE A presente invenção refere-se a um processo e instalação para
produzir e desidratar polpas de celulose, no qual a celulose desfibrada é
peneirada para a remoção de fragmentos, depois fracionada em pelo menos
três frações (10, 3, 12), cujas frações são tratadas individualmente e depois
trazidas completa ou parcialmente juntas, e em que o fracionamento é feito de
acordo com a superfície especifica, preferivelmente, com hidrociclones e em
que o processo compreende estágios de processo (6, 7) que fracionam as
fibras de maior superfície especifica, preferivelmente, as fibras de paredes
finas, e em que o processo compreende estágios de processo (2) que
fracionam as fibras que apresentam menor superfície especifica,
preferivelmente, as fibras de parede mais espessa, e em que uma ou diversas
frações de fibras (3,3a) são tratadas, de modo a serem separadas, fibriladas e
permanentemente dobradas, preferivelmente por um dispositivo refinador, um
moinho de bolas ou dispositivo similar.
(71) Noss AB (SE)
(72) Wikdahl, Lennart Nils, Anders, Bergström, Bernt-Olof, Shagaev, Oleg,
Nevander, Tore, Rolf
(74) Magnus Aspeby e Claudio Szabas
(85) 02/02/2007
(86) PCT SE2005/000859 de 06/06/2005
(87) WO 2006/033605 de 30/03/2006
(21) PI 0514072-2 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 10/913,068
(51) H04Q 7/22 (2008.04)
(54) MÉTODO E EQUIPAMENTO PARA RECEBER BROADCAST EM UM
SISTEMA DE COMUNICAÇÕES DE ACESSO MÚLTIPLO SEM FIO
(57) MÉTODO E EQUIPAMENTO PARA RECEBER BROADCAST EM UM
SISTEMA DE COMUNICAÇÕES DE ACESSO MÚLTIPLO SEM FIO. Um
terminal de acesso em uma rede de acesso múltiplo sem fio monitora
simultaneamente múltiplos grupos de broadcast de soft handoff de modo a
selecionar os melhores canais lógicos de broadcast para decodificação com
base em conteúdo de broadcast selecionado por um usuário do terminal de
acesso. Quando em um estado de tráfego, o terminal de acesso é capaz de
decodificar um ou mais canais de broadcast através da decodificação de um
canal unicast proveniente de um servidor de tráfego durante uma partição de
36
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
tempo seguida pela decodificação de um canal de broadcast proveniente de um
servidor de broadcast durante outra partição de tempo.
(71) Qualcomm Incorporated (US)
(72) Michael-David Nakayoshi Canoy, Parag Arun Agashe, Qiang Wu,
Ramakrishna Kintada, Senthilkumar Kaliannan Sundaram
(74) Montaury Pimenta, Machado & Lioce
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027640 de 03/08/2005
(87) WO 2006/017610 de 16/02/2006
(21) PI 0514073-0 (22) 11/07/2005
1.3
(30) 20/07/2004 GB 0416227.7
(51) H04Q 7/38 (2008.04)
(54) MÉTODO E ENTIDADE PARA USO EM UM SISTEMA DE
COMUNICAÇÃO, E, SISTEMA DE COMUNICAÇÃO
(57) MÉTODO E ENTIDADE PARA USO EM UM SISTEMA DE
COMUNICAÇÃO, E, SISTEMA DE COMUNICAÇÃO. Esta invenção relaciona a
um método para uso em um sistema de comunicação compreendendo os
passos de determinar se o equipamento do usuário é capaz de suportar a
primeira tecnologia e obter a informação do equipamento do usuário sobre o
equipamento do usuário apenas se o equipamento do usuário for capaz de
suportar a primeira tecnologia.
(71) Nokia Corporation (FI)
(72) Janne Muhonen, Jozsef Molnar
(74) Araripe & Associados
(85) 17/01/2007
(86) PCT IB2005/002169 de 11/07/2005
(87) WO 2006/011037 de 02/02/2006
(21) PI 0514074-9 (22) 19/07/2005
1.3
(30) 04/08/2004 GB 0417359.7
(51) C11D 17/00 (2008.04), C11D 1/65 (2008.04)
(54) APERFEIÇOAMENTOS EM COMPOSIÇÕES EM BLOCO PARA
LAVATÓRIO
(57) APERFEIÇOAMENTOS EM COMPOSIÇÕES EM BLOCO PARA
LAVATÓRIO Blocos para tratamento com aperfeiçoamentos úteis para
tratamento de aparelhos sanitários, particularmente para vasos sanitários. Os
blocos de tratamento com aperfeiçoamentos são composições em bloco sólidas
que apresentam uma vida útil extensa, particularmente quando utilizados em
um dispositivo ITB. Também são divulgados os métodos para produzir a
composição de bloco sólido e os blocos de tratamento a partir dos mesmos,
bem como os métodos de uso.
(71) Reckitt Benckiser Inc. (US)
(72) Tak Wai Cheung, Edward Fu, Tri Nguyen, Steven Wu
(74) Di Blasi, Parente, S. G. & Associados
(85) 02/02/2007
(86) PCT GB2005/002796 de 19/07/2005
(87) WO 2006/013318 de 09/02/2006
(21) PI 0514075-7 (22) 08/06/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 10/910,401
(51) F25J 1/00 (2008.04), F25J 3/00 (2008.04)
(54) EXTRAÇÃO ECONÔMICA E EFICIENTE EM ENERGIA DE OXIGÊNIO DE
RPI 1951 de 27/05/2008
AR AMBIENTE PARA USO PORTÁTIL E DOMÉSTICO
(57) EXTRAÇÃO ECONÔMICA E EFICIENTE EM ENERGIA DE OXIGÊNIO DE
AR AMBIENTE PARA USO PORTÁTIL E DOMÉSTICO. A presente invenção
refere-se a um aparelho e a um processo para separar oxigênio diretamente de
ar, operando a uma pressão substancialmente atmosférica e recuperando a
energia usada para resfriamento do ar entrante. Uma entrada de ar ambiente
leva da atmosfera para um recipiente para confinamento de gases. Um
criorresfriador tem uma superfície resfriada no recipiente, para condensar
diretamente oxigênio do ar, a uma pressão substancialmente atmosférica. O
criorresfriador resfria a superfície fria, a uma temperatura superior á
temperatura do ponto de ebulição do nitrogênio e não superior à temperatura do
ponto de ebulição do oxigênio para condensação de oxigênio. Um separador
líquido/gás separa o oxigênio líquido dos gases residuais, ambos escoando por
saídas separadas. Ar é propelido pelo sistema, a uma pressão
substancialmente atmosférica, por um impulsor de ar. Um trocador de calor
recupera a energia de resfriamento e desumidifica o ar entrante por
transferência de calor do ar entrante para os gases de descarga.
(71) Sunpower, Inc. (US)
(72) Reuven Z-M Unger
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/019928 de 08/06/2005
(87) WO 2006/022975 de 02/03/2006
(21) PI 0514076-5 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 FR 04 08700
(51) C07D 211/98 (2008.04)
(54) PROCESSO DE PREPARAÇÃO DA N-AMINOPIPERIDINA E DE SEUS
SAIS
(57) PROCESSO DE PREPARAÇÃO DA N-AMINOPIPERIDINA E DE SEUS
SAIS. A presente invenção refere-se a um novo processo de preparação da Naminopiperidina de fórmula:
(71) Sanofi-Aventis (FR)
(72) Pierre Jean Grossi, Raphaël Sole
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT FR2005/002016 de 02/08/2005
(87) WO 2006/024778 de 09/03/2006
(21) PI 0514077-3 (22) 27/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 EP 04 103710.2
(51) C07D 207/277 (2008.04), C07D 207/27 (2008.04), C07D 403/04 (2008.04),
C07D 413/04 (2008.04), C07D 417/04 (2008.04), A61K 31/4015 (2008.04),
A61K 31/4025 (2008.04), A61P 25/00 (2008.04)
(54) DERIVADOS DE BENZILÓXI COMO INIBIDORES DE MAOB
(57) DERIVADOS DE BENZILÓXI COMO INIBIDORES DE MAOB. A presente
invenção refere-se a compostos da fórmula geral (I); em que R¹ é halogênio; R²
é -C(O)NH2, -C(NH2)=N-OH, -C(O)CH2Br,-C(O)N(CH3)OCH3 ou alquil -C(O)-
RPI 1951 de 27/05/2008
inferior, ou é um grupo heteroarila de 5 membros, contendo 2 ou 3
heteroátomos, selecionado do grupo consistindo em N, O ou S, opcionalmente
substituído por R³, em que R³ é alquila inferior,-NRR" ou -C(O)R; R é NR’R",
alquila inferior, ou alcóxi inferior; R’/R" são independentemente hidrogênio ou
alquila inferior; bem como seus sais farmaceuticamente aceitáveis para o
tratamento de doenças, que são mediadas por inibidores de monoamina
oxidase B, por exemplo, doença de Alzheimer e demência senil.
(71) F.Hoffmann-La Roche AG (CH)
(72) Rosa Maria Rodriguez-Sarmiento, Wolfgang Wostl, Rene Wyler
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/008143 de 27/07/2005
(87) WO 2006/013049 de 09/02/2006
(21) PI 0514078-1 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 US 60/598,738
(51) G01C 11/04 (2008.04)
(54) MÉTODO DE PREPARAÇÃO DE UMA IMAGEM COMPOSTA COM
RESOLUÇÃO NÃO UNIFORME
(57) MÉTODO DE PREPARAÇÃO DE UMA IMAGEM COMPOSTA COM
RESOLUÇÃO NÃO UNIFORME. A presente invenção refere-se a um método
de preparação de uma imagem composta a partir de imagens de uma
seqüência de dados de vídeo e para identificação de características alteradas
nas duas imagens compostas. Os quadros da seqüência de dados de vídeo são
transformados em uma imagem ZD projetada, alinhados com os quadros
adjacentes e as áreas sobrepostas são reguladas para fornecer uma resolução
aparente mais alta. Uma imagem composta é formada a partir de partes não
sobrepostas das imagens e das partes sobrepostas reguladas das imagens. A
imagem composta pode ser armazenada em tempo real. Enquanto uma
segunda imagem composta é preparada da mesma localização em um
momento posterior, panes da segunda imagem podem ser comparadas com as
partes correspondentes da imagem armazenada depois que as intensidades
das imagens forem equalizadas. As áreas de imagem cuja diferença absoluta
excede um limite são novamente equalizadas em termos de intensidade. As
áreas que estiverem novamente acima do limite são marcadas para
investigação adicional, por uma pessoa ou uma máquina que realize o
reconhecimento de objeto. Dessa forma, as imagens de vídeo compostas de
uma cena podem ser preparadas e comparadas em tempo real.
(71) Intergraph Software Technologies Company (US)
(72) Gene A. Grindstaff, Sheila G. Whitaker
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027758 de 03/08/2005
(87) WO 2006/017670 de 16/02/2006
(21) PI 0514079-0 (22) 28/07/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 10/911,858
(51) H01R 4/36 (2008.04), H01R 13/52 (2008.04)
(54) CONECTOR ELÉTRICO PARA USO COM UM CONDUTOR DE CABO,
SISTEMA DE CONECTOR ELÉTRICO, E, MÉTODO PARA CONECTAR UM
CONDUTOR DE CABO
(57) CONECTOR ELÉTRICO PARA USO COM UM CONDUTOR DE CABO,
SISTEMA DE CONECTOR ELÉTRICO, E, MÉTODO PARA CONECTAR UM
CONDUTOR DE CABO Um conector elétrico inclui um corpo condutor tendo
uma cavidade no mesmo. A cavidade é configurada para receber uma
extremidade de um cabo. Um membro de aperto é provido para estabelecer
conexão elétrica com a extremidade do cabo. Uma primeira porção de barra
coletora elétrica está em um primeiro lado do corpo, e uma segunda porção de
barra coletora elétrica está em um segundo lado do corpo.
(71) 3M Innovative Properties Company (US)
(72) James M. Campbell, Mark A. Hoisington, Brian C. Inberg, Mark D. Matthies,
Charles Mitchell, Walter R. Romanko, Richard D. Twigg
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 37
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/026659 de 28/07/2005
(87) WO 2006/020396 de 23/02/2006
(21) PI 0514080-3 (22) 14/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 EP 04 018285.9
(51) A01B 71/04 (2008.04)
(54) TURBINA A VAPOR E MÉTODO PARA OPERAR UMA TURBINA A
VAPOR
(57) TURBINA A VAPOR E MÉTODO PARA OPERAR UMA TURBINA A
VAPOR. A presente invenção refere-se a uma turbina a vapor (1) com uma
caixa externa (2) e uma caixa interna (3), onde a caixa externa (2) e a caixa
interna (3) possuem um canal de alimentação de vapor fresco (10), onde um
rotor (5) possuindo um êmbolo de compensação de pressão (4)
compreendendo diversas pés móveis (7), apoiado de modo giratório, está
disposto dentro da caixa interna (3), e onde a caixa interna (3) possui diversas
pás fixas (8) que estão dispostas de tal modo que ao longo de um sentido de
corrente (11) se forma um canal de corrente (9) com diversos estágios de pás
que possuem respectivamente uma série de pás móveis (7) e uma série de pás
fixas (8), sendo que a caixa interna (3) possui um canal de refluxo (14) que é
executado como tubo de comunicação entre um espaço (15) entre a caixa
interna (3) e a caixa externa (2) e o canal de corrente (9) depois de um estágio
de pás, e que a caixa interna (3) possui um canal de admissão (16) executado
como um tubo de comunicação entre o espaço (15) entre a caixa interna (3) e a
caixa externa (2) e uma antecâmara do êmbolo de compensação de pressão
(12) entre o êmbolo de compensação de pressão (4) do rotor (5) e da caixa
interna (3).
(71) Siemens Aktiengesellschaft (DE)
(72) Frank Deidewig, Yevgen Kostenko, Oliver Myschi, Michael Wechsung, Uwe
Zander
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/053375 de 14/07/2005
(87) WO 2006/015923 de 16/02/2006
(21) PI 0514081-1 (22) 06/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 FR 04 08577
(51) F16L 53/00 (2008.04), F16L 11/127 (2008.04), B32B 1/08 (2008.04)
(54) TUBO DE TRANSPORTE DE FLUIDO
(57) TUBO DE TRANSPORTE DE FLUIDO. A presente invenção refere-se a
um tubo de transporte de fluido que compreende pelo menos uma camada
interna (3), uma camada de proteção externa (5), e um dispositivo regulador de
temperatura intermediário (10) conectado em uma fonte de voltagem e
adequado para aquecer o fluido transportado na direção de uma temperatura
de equilíbrio ou de referência pela utilização de um termistor de coeficiente de
temperatura positivo (12) que apresenta uma resistência elétrica que é
automaticamente controlada pela temperatura e que está conectada na fonte de
voltagem (V) através de pela menos dois elementos condutores (14, 15) que
38
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
fornecem a corrente necessária para aquecê-la, o tubo sendo caracterizado
pelo fato de que cada elemento condutor (14, 15) é um fio metálico que está
sustentado por uma camada têxtil (17) enrolada ao redor da camada interna (3)
do tubo, e de que a dita camada interna (3) está baseada: em pelo menos um
elastômero; ou em pelo menos um elastômero termoplástico selecionado do
grupo que consiste em ionômeros e elastômeros termoplásticos baseados em
olefinas que tem uma fase de elastômero de ligação cruzada.
(71) Espa (FR)
(72) Stéphane Bergere, Alexander Korzhenko, Henri-Jean Caupin
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT FR2005/001736 de 06/07/2005
(87) WO 2006/024714 de 09/03/2006
(21) PI 0514082-0 (22) 24/05/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 10/912,295
(51) B31B 7/00 (2008.04), B31B 1/74 (2008.04), B31B 1/62 (2008.04)
(54) MÉTODO DE FORMAÇÃO DE EMBALAGENS LAMINADAS, E MÉTODO
DE FORMAÇÃO DE UM MATERIAL DE FOLHAS LAMINADAS, E MÉTODO
DE FORMAÇÃO DE UM MATERIAL LAMINADO DE FOLHAS
(57) MÉTODO DE FORMAÇÃO DE EMBALAGENS LAMINADAS, E MÉTODO
DE FORMAÇÃO DE UM MATERIAL DE FOLHAS LAMINADAS, E MÉTODO
DE FORMAÇÃO DE UM MATERIAL LAMINADO DE FOLHAS Trata-se de um
método e sistema para fabricação de embalagens laminadas, em tramas de
materiais de embalagem são alimentadas ao longo de vias de percurso na
direção de uma estação de laminação (16) Um sensor (25) lê indícios
impressos ao longo de uma primeira das tramas (11) e controla a aplicação de
adesivo à segunda trama (12) para acoplamento das tramas formando folhas
laminadas de material de embalagem.
(71) Graphic Packaging International, Inc. (US)
(72) Robert Hunter
(74) Walter de Almeida Martins
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/018024 de 24/05/2005
(87) WO 2006/022938 de 02/03/2006
(21) PI 0514083-8 (22) 11/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 10/910,737
(51) C11D 3/22 (2008.04), C11D 3/37 (2008.04), C11D 3/20 (2008.04), C11D
3/18 (2008.04), C11D 3/16 (2008.04)
(54) COMPOSIÇÃO PARA A LAVAGEM DE ROUPAS, E, MÉTODO PARA O
CONDICIONAMENTO DE TÊXTEIS
(57) COMPOSIÇÃO PARA A LAVAGEM DE ROUPAS, E, MÉTODO PARA O
CONDICIONAMENTO DE TÊXTEIS A presente invenção é dirigida a
composições para a lavagem de roupas, que fornecem tanto amaciamento
efetivo, como limpeza efetiva, contendo: (a) um polímero catiônico tendo um
peso molecular médio ponderal de menos do que 850.000 daltons; (b) cerca de
1% a cerca de 60% de um óleo não-iônico; e (C) pelo menos cerca de 5% de
tensoativo aniônico, em que a razão do referido polímero catiônico para o
referido óleo não-iônico é inferior a cerca de 0,25; em que a razão de tensoativo
RPI 1951 de 27/05/2008
monomérico catiônico para o referido óleo não-iônico é inferior a cerca de 0,2, e
tendo um Parâmetro de Amaciamento de mais do que cerca de 70. Um método
para o condicionamento de artigos usando a composição inventiva é também
exposto.
(71) Unilever N.V. (NL)
(72) David Alan Binder, Dennis Stephen Murphy, Michael Orchowski
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/007612 de 11/07/2005
(87) WO 2006/012984 de 09/02/2006
(21) PI 0514084-6 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 10/912,308
(51) B21C 5/00 (2008.04), B21C 37/18 (2008.04), B23K 11/12 (2008.04), B23D
21/00 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA PRODUZIR CÂNULA CÔNICA OU PONTIAGUDA
(57) MÉTODO PARA PRODUZIR CÂNULA CÔNICA OU PONTIAGUDA É
fornecido um método para produzir um dispositivo tubular. O método
compreende prover um estoque tubular (24) que tem uma passagem axial,
aquecer o estoque tubular (24) em um primeiro local de aquecimento para
formar uma seção amolecida, a seção amolecida (104) separando a parte da
peça de trabalho do estoque tubular de uma parte restante do estoque tubular
(24), e estirar a parte da peça de trabalho da parte restante para alongar a
seção amolecida (104) e separar a parte da peça de trabalho da parte restante
para formar o dispositivo tubular. O estiramento é executado a uma velocidade
de maneira tal que o dispositivo tubular tenha uma passagem axial que tem um
diâmetro interno substancialmente uniforme, e que uma extremidade do
dispositivo tubular formada a partir da seção amolecida alongada (104) seja
cônica.
(71) Becton, Dickinson And Company (US)
(72) Frank E. Martin, M. Ishaq Haider, Marcelino Munoz
(74) Alexandre Ferreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027746 de 02/08/2005
(87) WO 2006/017664 de 16/02/2006
(21) PI 0514085-4 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 US 60/598,701
(51) G05B 19/10 (2008.04), G05B 11/00 (2008.04), G05B 7/00 (2008.04)
(54) CONTROLADOR PARA UM DISPOSITIVO DE CONTROLE DE
PROCESSO, E, MÉTODO PARA CONTROLAR UM DISPOSITIVO DE
CONTROLE DE PROCESSO
(57) CONTROLADOR PARA UM DISPOSITIVO DE CONTROLE DE
PROCESSO, E, MÉTODO PARA CONTROLAR UM DISPOSITIVO DE
CONTROLE DE PROCESSO Expostos aqui são um controlador e método úteis
para transferir controle de um dispositivo de controle de processo entre primeiro
e segundo modos de controle. O controlador inclui primeiro e segundo módulos
de servo-controle que geram primeiro e segundo sinais de acionamento
baseado em informação de realimentação de primeiro e segundo sensores para
controle do dispositivo de controle de processo de acordo com primeiro e
segundo modos de controle, respectivamente. O controlador também inclui um
módulo de transferência de controle de realimentação que transfere controle da
operação do dispositivo de controle de processo do primeiro modo de controle
para o segundo modo de controle baseado na informação de realimentação do
primeiro sensor. Em certas concretizações, tal transferência de controle envolve
uma rotina de controle que gera inicialmente o segundo sinal de acionamento
baseado no primeiro sinal de acionamento para efetuar uma transferência sem
choque suave entre os modos de controle.
(71) Fisher Controls International LLC (US)
(72) Jimmie L. Snowbarger, Stephen G. Seberger, LeDoyle Pingel
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027754 de 02/08/2005
(87) WO 2006/015380 de 09/02/2006
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0514086-2 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 DE 10 2004 037 850.9
(51) A01N 25/04 (2008.04), A01N 25/28 (2008.04), A01N 25/26 (2008.04),
A01N 43/653 (2008.04), A01N 43/36 (2008.04), A01N 53/00 (2008.04), B27K
5/00 (2008.04)
(54) PROCESSO PARA A PREPARAÇÃO DE UMA COMPOSIÇÃO AQUOSA
DE COMPOSTO ATIVO PARA A PROTEÇÃO DE PLANTAS OU MATERIAIS,
COMPOSIÇÃO AQUOSA DE COMPOSTO ATIVO, E, USO DA MESMA
(57) PROCESSO PARA A PREPARAÇÃO DE UMA COMPOSIÇÃO AQUOSA
DE COMPOSTO ATIVO PARA A PROTEÇÃO DE PLANTAS OU MATERIAIS,
COMPOSIÇÃO AQUOSA DE COMPOSTO ATIVO, E, USO DA MESMA A
invenção diz respeito a um método para produzir composições aquosas de
substância ativa de substâncias ativas que são insuficientemente solúveis em
água, especialmente de substâncias ativas para o uso na proteção de plantas e
materiais. A invenção também diz respeito às composições de substância ativa
obtidas de acordo com o método inventivo e ao seu uso no controle de
organismos nocivos na proteção de plantas e materiais. O método inventivo
compreende as seguintes etapas: a) fornecer uma suspensão aquosa de
partículas de substância ativa sólida de pelo menos uma substância ativa que
tem uma solubilidade em água de não mais do que 5 g/l a 25º C/1013 mbar e
compreendendo pelo menos uma substância ativa de superfície para estabilizar
as partículas da substância ativa, pela qual as partículas da substância ativa na
suspensão têm um tamanho médio de particular determinado pela dispersão de
luz dinâmica, de não mais do que 1200 nm, b) polimerização de emulsão de
uma primeira composição monomérica M1na suspensão aquosa da substância
ativa, pela qual a composição monomérica M1compreende pelo menos 95% em
peso, com base no seu peso total, de pelo menos um monômero neutro,
monoetilenicamente insaturado Ml. 1 que tem uma solubilidade em água de não
mais do que 30 g/l a 25º C/1013 mbar, obtendo-se, desse modo, uma dispersão
aquosa de partículas de substância polimérica/ativa, e c) polimerização de
emulsão de uma segunda composição monomérica M2 em uma dispersão
aquosa das partículas de substância polimérica/ativa obtidas na etapa b), pela
qual a composição monomérica M2 compreende pelo menos 60% em peso,
com base no seu peso total, de pelo menos um monômero neutro,
monoetilenicamente insaturado M2.1 que tem uma solubilidade em água de não
mais do que 30 g/l a 25º C/1013 mbar.
(71) Basf Aktiengesellschaft (DE)
(72) Patrick Amrhein, Holger Schöpke, Gunnar Kleist, Michael Kluge
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/008430 de 03/08/2005
(87) WO 2006/0157914 de 16/02/2006
(21) PI 0514087-0 (22) 04/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 10/911,776
(51) A61B 18/20 (2008.04), G02B 26/10 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO DE VARREDURA ÓPTICA
(57) DISPOSITIVO DE VARREDURA ÓPTICA Um dispositivo de varredura
óptica incluindo um feixe de fibras ópticas adaptado para distribuir feixes de
energia óptica através dele, e um amador acoplado ao feixe de fibras ópticas
adaptado para encurvar o feixe de fibras ópticas em um movimento de
varredura.
(71) Syneron Medical Ltd. (IL)
(72) Henry M. Israel
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 02/02/2007
(86) PCT IL2005/000835 de 04/08/2005
(87) WO 2006/013567 de 09/02/2006
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 39
(21) PI 0514089-7 (22) 21/07/2005
1.3
(30) 02/08/2004 JP 2004-225676
(51) H04J 11/00 (2008.04)
(54) APARELHO DE TRANSMISSÃO DE OFDM, APARELHO DE RECEPÇÃO
DE OFDM E SEUS MÉTODOS
(57) APARELHO DE TRANSMISSÃO DE OFDM, APARELHO DE RECEPÇÃO
DE OFDM E SEUS MÉTODOS A presente invenção refere-se a um aparelho de
transmissão de OFDM capaz de evitar qualquer degradação do rendimento do
sistema de comunicação, sem a atribuição de quaisquer recursos do sistema de
comunicação para a transmissão de um canal de controle. No aparelho, um
comutador (121) seletivamente supre, com base nos dados codificados do
canal de controle extraídos a partir de uma parte de codificação (110), uma
pluralidade de saídas a partir de uma parte de repetição (103) para partes de
geração de padrão (122-1 a 122-2). Desta forma, uma pluralidade de tipos de
padrões de repetição pode ser usada para a geração de dados de saída. Uma
parte de atribuição (123) mapeia os dados de saída gerados por uma das
partes de geração de padrão para uma subportadora.
(71) Matsushita Electric Industrial. CO. , LTD. (JP)
(72) Atsushi Matsumoto, Masaru Fukuoka, Akihiko Nishio
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT JP2005/013388 de 21/07/2005
(87) WO 2006/013729 de 09/02/2006
(21) PI 0514090-0 (22) 20/07/2005
1.3
(30) 04/08/2004 IB PCT/IB/2004/002557
(51) A01B 71/04 (2008.04), A61Q 13/00 (2008.04), C11B 9/00 (2008.04)
(54) COMPOSTO, MÉTODO PARA CONFERIR, ACENTUAR, MELHORAR OU
MODIFICAR AS PROPRIEDADES DE ODOR DE UMA COMPOSIÇÃO PARA
PERFUMAR OU ARTIGO PERFUMADO, COMPOSIÇÃO PARA PERFUMAR,
E , ARTIGO PERFUMADO
(57) COMPOSTO, MÉTODO PARA CONFERIR, ACENTUAR, MELHORAR OU
MODIFICAR AS PROPRIEDADES DE ODOR DE UMA COMPOSIÇÃO PARA
PERFUMAR OU ARTIGO PERFUMADO, COMPOSIÇÃO PARA PERFUMAR,
E, ARTIGO PERFUMADO A presente invenção está relacionada ao uso, como
ingrediente para perfumar, de um composto com a fórmula (Fórmula I), na
forma de qualquer um dos seus isômeros ou de uma mistura dos mesmos, e
possuindo um ponto de ebulição acima de 250ºC, conforme medido a uma
pressão de 101,3 kPa.
(71) Firmenich S.A. (CH)
(72) Jean-Marc Gaudin
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT IB2005/002112 de 20/07/2005
(87) WO 2006/016214 de 16/02/2006
(21) PI 0514091-9 (22) 19/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 DE 10 2004 037 554.2
(51) C07D 473/04 (2008.04), A61K 31/522 (2008.04), C07D 473/06 (2008.04),
40
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
RPI 1951 de 27/05/2008
C07D 473/08 (2008.04), C07D 473/10 (2008.04), C07D 473/12 (2008.04)
(54) 8-AMINOALQUILTIOXANTINAS SUBSTITUÍDAS, E SEU USO COMO
INIBIDORES DE DIPEPETIDIL PEPTIDASE IV
(57) 8-AMINOALQUILTIOXANTINAS SUBSTITUÍDAS , E SEU USO COMO
INIBIDORES DE DIPEPTIDIL PEPTIDASE IV. A presente invenção refere-se a
8 aminoalquitioxantinas substituídas, a seus sais fisiologicamente compatíveis,
e a seus derivados fisiotogicamente funcionais. A invenção também refere-se a
compostos da fórmula (I), em que os grupos tem o significado citado na
descrição, em adição a seus sais fisiotogicamente compatíveis. Os compostos
podem ser usados, por exemplo, como medicamentos para a prevenção e
tratamento do diabetes tipo 2.
(71) Sanofi-Aventis Deutschland Gmbh (DE)
(72) Karl Schoenafinger
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/007821 de 19/07/2005
(87) WO 2006/015691 de 16/02/2006
(21) PI 0514092-7 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 IT RM2004 A 000393
(51) A61K 36/38 (2008.04), A61K 36/58 (2008.04)
(54) COMPOSIÇÃO INCLUINDO SUBSTÂNCIAS NATURAIS COM
PROPRIEDADES RESTAURADORAS, REPELENTES E BIOCIDA PARA O
TRATAMENTO E CURA DE FERIDAS EXTERNAS
(57) COMPOSIÇÃO INCLUINDO SUBSTÂNCIAS NATURAIS COM
PROPRIEDADES RESTAURADORAS, REPELENTES E BIOCIDA PARA O
TRATAMENTO E CURA DE FERIDAS EXTERNAS. A presente invenção
refere-se a composição de substâncias naturais, para uso veterinário e em
seres humanos, compreendendo óleo de "nim" misturado com extrato de óleo
de Hypericum, com propriedades de restauração, antibacteriais,
antiinflamatórias, analgésicas, etc., combinadas com um efeito repelente contra
dípteros miasigênicos e dípteros não-miasigênicos. Dita composição pode ser
usada para o tratamento e a cura de feridas externas de qualquer tipo e
extensão.
(71) Bridgeworks AG (CH)
(72) Fiorella Carnevali, Stephen Andrew Van Der Esch
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 02/02/2007
(86) PCT IT2005/000454 de 29/07/2005
(87) WO 2006/013607 de 09/02/2006
(21) PI 0514093-5 (22) 23/06/2005
1.3
(30) 23/06/2004 CA 2,471,969
(51) F25C 1/14 (2008.04), F28F 3/14 (2008.04)
(54) PERMUTADOR DE CALOR PARA USO NO RESFRIAMENTO DE
LÍQUIDOS
(57) PERMUTADOR DE CALOR PARA USO NO RESFRIAMENTO DE
LÍQUIDOS Um permutador de calor tem pelo menos uma entrada e saída para
permitir circulação de refrigerante através do mesmo. Cada permutador de calor
inclui uma pluralidade de seções finas de material disposto entre um par de
chapas externas, planas e finas. Cada uma das seções finas de material é
compreendida de trajetórias de fluxo paralelas, permitindo que o refrigerante
flua através da entrada, a seguir de uma seção para a seguinte, e finalmente
para fora da saída. O arranjo das seções de trajetórias de fluxo paralelas
permite que o refrigerante entre em contato com a maior parte da parede
interna das chapas externas, permitindo máxima permuta de calor. Em uso para
resfriar líquidos, os permutadores de calor são dispostos em uma armação e
colocados em contato com o líquido a ser resfriado. Quando os permutadores
de calor são utilizados para resfriar líquido suficientemente para produzir cristais
de gelo, um dispositivo de raspar giratório varre através da superfície do
permutador de calor, removendo quaisquer cristais de gelo que se formaram.
(71) Lionel Gerber (CA)
(72) Mikhail Mogilevsky
(74) David Nilton Pereira de Lucena
(85) 26/12/2006
(86) PCT CA2005/000986 de 23/06/2005
(87) WO WO2006/000090 de 05/01/2006
(21) PI 0514094-3 (22) 01/08/2005
1.3
(30) 02/08/2004 US 60/598,173; 12/07/2005 US 60/698,516
(51) C07D 295/185 (2008.04), C07D 295/02 (2008.04), C07D 223/04 (2008.04),
C07D 487/04 (2008.04), C07D 471/04 (2008.04), A61K 31/437 (2008.04), A61K
31/519 (2008.04), A61K 31/5355 (2008.04), A61K 31/541 (2008.04), A61K
31/5513 (2008.04), A61K 31/55 (2008.04)
(54) COMPOSTO, COMPOSIÇÃO, E, MÉTODO DE TRATAMENTO DE
DISTÚRBIO HIPERPROLIFERATIVO
(71) Osi Pharmaceuticals, Inc. (US)
(72) Saleh Ahmed, Oscar Barba, Jason Bloxham, Graham Dawson, William
Gattrell, John Kitchin, Neil Anthony Pegg, Imaad Saba, Shazia Sadiq, Colin
Peter Sambrook Smith, Don Smyth, Arno G. Steinig, Robin Wilkes, Kenneth
Foreman, Qinghua Felix Weng, Kathryn Stolz, Paula Tavares, Bijoy Panicker,
An-Hu Li, Hanqing Dong, Lifu Ma, Matthew Cox
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/027274 de 01/08/2005
(87) WO 2006/017443 de 16/02/2006
(21) PI 0514095-1 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 02/08/2004 GB 0417184.9; 17/01/2005 GB 0500812.3
(51) H01J 49/42 (2008.04), B01D 59/44 (2008.04), G01N 27/64 (2008.04)
(54) ESPECTRÔMETRO DE MOBILIDADE IÔNICA, MÉTODO PARA
ANALISAR UMA AMOSTRA, FILTRO IÔNICO, E, MÉTODO PARA FABRICAR
UM ESPECTRÔMETRO DE MOBILIDADE IÔNICA
(57) ESPECTRÔMETRO DE MOBILIDADE IÔNICA, MÉTODO PARA
ANALISAR UMA AMOSTRA, FILTRO IÔNICO, E, MÉTODO PARA FABRICAR
UM ESPECTRÔMETRO DE MOBILIDADE IÔNICA Um espectrômetro de
mobilidade iônica é descrito tendo um filtro iônico na forma de pelo menos um
canal iônico que tem uma pluralidade de eletrodos. Um potencial elétrico
variável com o tempo aplicado às camadas condutoras permite que o filtro
admita de maneira seletiva espécies de íon. O potencial elétrico tem um
componente de acionamento e um componente transversal e, em configurações
preferenciais, cada um dos eletrodos é envolvido na geração de um
componente de ambos os campos de acionamento e transversal. O meio pode
ser utilizado sem uma flutuação de escoamento de gás. Técnicas de microfabricação são descritas para produzir espectrômetros de micro-escala como o
são diversas utilizações do espectrômetro.
(71) Owlstone Ltd (GB)
(72) Paul Boyle, Andrew Koehl, David Ruiz Alonso
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 02/02/2007
(86) PCT GB2005/050124 de 02/08/2005
(87) WO 2006/013396 de 09/02/2006
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 41
equipamento para passagem de pedido da instalação para tomada do pedido e
a instalação remota para tomada de pedido. A segunda ligação de comunicação
é usada entre o equipamento para passagem de pedido e a instalação local
para tomada de pedido. O sistema para tomada de pedido é operável em um
primeiro modo operativamente acoplado através da referida primeira ligação de
comunicação com a referida instalação remota para tomada de pedido e em um
segundo modo operativamente acoplado através da referida segunda ligação
de comunicação para a referida instalação local para tomada de pedido.
(71) 3M Innovative Properties Company (US)
(72) Steven T. Awiszus, Robert H. Siuda
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT US2005/026664 de 27/07/2005
(87) WO 2006/020398 de 23/02/2006
(21) PI 0514096-0 (22) 01/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 EP 04103742.5
(51) C07J 75/00 (2008.04)
(54) PROCESSO PARA A PREPARAÇÃO DE DERIVADOS-2-SUBSTITUÍDOS
DE ESTRONA E ESTRADIOL, COMPOSTO, E, PROCESSO PARA A
PREPARAÇÃO DO MESMO
(57) PROCESSO PARA A PREPARAÇÃO DE DERIVADOS-2-SUBSTITUÍDOS
DE ESTRONA E ESTRADIOL, COMPOSTO, E, PROCESSO PARA A
PREPARAÇÃO DO MESMO A invenção fornece um processo para a
preparação de derivados 2-substituídos de estrona e estradiol, compreendendo
i) a preparação de um composto de fórmula geral (II), pela reação de um
composto de fórmula geral (I) em uma ou mais etapas, com um composto de
fórmula geral II em que R1 é um grupo C1-C10 alquila, alquenila ou arila; -C1, Br, -I, -F; -CN; -OH; ou um grupo -OR2, -O(CO)R2 ou -R2-OH, em que R2 é um
grupo alquila ou alquileno, tendo 1 - 6 átomos C; e a ligação entre os átomos 9
e 10 é uma única ou uma dupla ligação. ii) aromatização do composto de
fórmula geral II com um composto de fórmula geral III em que R1 e R2 têm os
significados definidos acima; e iii) opcionalmente, redução do composto de
fórmula geral III a um composto de fórmula geral IV, em que R1 e R2 têm os
significados definidos acima. Além disso, a invenção fornece diversos
compostos novos, que podem ser intermediários no processo acima e
processos para preparar estes novos compostos. A invenção também fornece
2-alcóxi-estrona, 2-alcóxi-estradiol ou suas misturas, essencialmente livres de
outros intermediários estrogênicos.
(71) N. V. Organon (NL)
(72) Johannes Stoelwinder, Nicolaas Elisabeth Cornelis Moers
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 02/02/2007
(86) PCT EP2005/053732 de 01/08/2005
(87) WO 2006/013196 de 09/02/2006
(21) PI 0514098-6 (22) 10/08/2005
1.3
(30) 13/08/2004 US 60/601,475
(51) A61K 31/4174 (2008.04), A61K 31/538 (2008.04), A61K 31/56 (2008.04)
(54) FORMULAÇÃO FARMACÊUTICA
(57) FORMULAÇÃO FARMACÊUTICA A presente invenção refere-se a novas
formulações para o tratamento de infecções óticas em um animal,
compreendendo um composto antifungo de triazol, um antibiótico de quinolona
e um corticosteróide, tal como, Furoato de Mometasona monoidratada.
(71) Schering-Plough Ltd. (CH)
(72) Abu Huq, Allan J. Weingarten, Robert D. Simmons
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 13/02/2007
(86) PCT US2005/028379 de 10/08/2005
(87) WO 2006/020689 de 23/02/2006
(21) PI 0514099-4 (22) 28/07/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 60/599,167; 10/06/2005 US 60/689,170
(51) C07D 277/60 (2008.04), C07D 277/84 (2008.04), A61K 31/428 (2008.04),
A61K 31/429 (2008.04), A61P 3/10 (2008.04), A61P 11/06 (2008.04), A61P
1/12 (2008.04)
(54) COMPOSIÇÕES FARMACÊUTICAS, COMPOSTOS, PROCESSO PARA
A SUA MANUFATURA, MÉTODO PARA O TRATAMENTO TERAPÊUTICO
E/OU PROFILÁTICO DE ENFERMIDADES E UTILIZAÇÃO DOS COMPOSTOS
(57) COMPOSIÇÕES FARMACÊUTICAS, COMPOSTOS, PROCESSO PARA
A SUA MANUFATURA, MÉTODO PARA O TRATAMENTO TERAPÊUTICO
E/OU PROFILÁTICO DE ENFERMIDADES E UTILIZAÇÃO DOS COMPOSTOS
A invenção relaciona-se com novos N-acil-2-aminotiazóis substituídos da
fórmula (I) em que R, R1 e X são tais como definidos no relatório e nas
reivindicações, bem como os seus sais farmaceuticamente aceitáveis. Estes
compostos são de utilidade no tratamento de diabetes, retinopatia diabética,
asma e diarréia.
(71) F-Hoffmann-La Roche AG. (CH)
(72) Jianping Cai, Fariborz Firooznia, Kevin Richard Guertin, Lida Qi
(74) Vieira de Mello Advogados
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/008165 de 28/07/2005
(87) WO 2006/013054 de 09/02/2006
(21) PI 0514097-8 (22) 27/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 10/910,033
(51) G06F 17/30 (2008.04)
(54) SISTEMAS PARA TOMADA DE PEDIDO PARA UM ESTABELECIMENTO
E UMA PLURALIDADE DE ESTABELECIMENTOS, E, MÉTODO PARA
TOMAR PEDIDOS PARA UM ESTABELECIMENTO
(57) SISTEMAS PARA TOMADA DE PEDIDO PARA UM ESTABELECIMENTO
E UMA PLURALIDADE DE ESTABELECIMENTOS, E, MÉTODO PARA
TOMAR PEDIDOS PARA UM ESTABELECIMENTO Um sistema e método para
tomada de pedido para um estabelecimento, ou uma pluralidade de
estabelecimentos, cada um tendo uma instalação para tomada de pedido
associada com o estabelecimento que permite a um cliente fazer um pedido de
um item a partir do estabelecimento. O equipamento para passagem de pedido
é localizado próximo à instalação para tomada de pedido que é capaz de
receber um pedido para o item solicitado pelo cliente. Uma instalação remota
para tomada de pedido é localizada remotamente a partir do
estabelecimento.Uma instalação local para tomada de pedido é associada com
o estabelecimento. Uma primeira ligação de comunicação é usada entre o
(21) PI 0514100-1 (22) 05/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 DE 10 2004 038 220.4
(51) C10G 1/02 (2008.04)
(54) PROCESSO PARA A PRODUÇÃO DE ÓLEOS CONTENDO
HIDROCARBONETOS, SISTEMA, PROCESSO PARA A GERAÇÃO DE
ENERGIA ELÉTRICA, CINÉTICA E/OU POTENCIAL, PROCESSO PARA A
42
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
PREPARAÇÃO DE PRODUTO QUÍMICO, PRODUTO QUÍMICO, MATERIAL,
MÉTODO DE TRANSPORTE DE OBJETOS OU PESSOAS, E USO DO
PROCESSO OU SISTEMA NO CONTROLE DE ENERGIA SUSTENTÁVEL OU
NA REDUÇÃO DA GERAÇÃO DE GASES DE ESTUFA
(57) PROCESSO PARA A PRODUÇÃO DE ÓLEOS CONTENDO
HIDROCARBONETOS, SISTEMA, PROCESSO PARA A GERAÇÃO DE
ENERGIA ELÉTRICA, CINÉTICA E/OU POTENCIAL, PROCESSO PAPA A
PREPARAÇÃO DE PRODUTO QUÍMICO, PRODUTO QUÍMICO, MATERIAL,
MÉTODO DE TRANSPORTE DE OBJETOS OU PESSOAS, E USO DO
PROCESSO OU SISTEMA NO CONTROLE DE ENERGIA SUSTENTÁVEL OU
NA REDUÇÃO DA GERAÇAO DE GASES DE ESTUFA A presente invenção se
refere a um processo para a produção de óleos contendo hidrocarbonetos, em
cujo processo uni material de partida, tendo um açúcar e/ou um derivado de
açúcar, é decomposto termicamente, compreendendo: - uma etapa de reação
na qual o material de partida é colocado em contato com um óleo de contato,
que tem um ponto de ebulição inicial de pelo menos 200ºC, a uma pressão de
1.013 mbar, com formação de uma fase reacional, a uma temperatura de
reação na faixa de 200 a 600ºC e uma pressão em uma faixa de 0,1 a 50 bar; e
- uma etapa de processamento na qual a fase reacional é separada em uma
fração de baixo ponto de ebulição e uma fração de alto ponto de ebulição; em
que pelo menos unia parte da fração de alto ponto de ebulição é recirculada
para a etapa reacional, como óleo de contato. A invenção também se refere a
um sistema para esse processo, que é equipado com um módulo de produção
de óleo, a um processo para a geração de energia elétrica, cinético e/ou
potencial, a uni processo para a preparação de produto químico, a um produto
químico obtenível por esse processo, a materiais que são, pelo menos em
parte, baseados nesse produto químico, ou contêm esses produtos, a um
método de transporte de objetos ou pessoas, e ao uso dos processos descritos
acima, ou do sistema descrito acima no controle de energia sustentável ou para
redução da geração de gases de estufa.
(71) Proton Technology GmbH I.G. (DE)
(72) Eckhardt Siekmann, Herman Meyer
(74) Claudia Christina Schulz
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/008477 de 05/08/2005
(87) WO 2006/015804 de 16/02/2006
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0514102-8 (22) 08/08/2005
1.3
(30) 06/08/2004 US 60/599,401; 14/09/2004 US 60/610,001; 14/04/2005 US
11/106,879
(51) C07K 5/087 (2008.04), A61K 38/07 (2008.04), A61K 38/06 (2008.04), C07K
5/103 (2008.04), C07K 5/02 (2008.04)
(54) COMPOSTOS PARA INIBIÇÃO DA ENZIMA DE PROTEASSOMA
(57) COMPOSTOS PARA INIBIÇÃO DA ENZIMA DE PROTEASSOMA
Compostos com base em peptídeo incluindo anéis de três membros, contendo
heteroátomo eficazmente e seletivamente inibem as atividades especificas de
nucleófilo hidrolases de terminal N (Ntn). As atividades desses Ntn tendo
atividades múltiplas podem ser diferentemente inibidas pelos compostos
descritos. Por exemplo, a atividade semelhante a quimiotripsina do
proteassoma de 20S pode ser seletivamente inibida com os compostos
inventivos. Os compostos com base em peptídeo incluem um epóxido ou
aziridina, e a funcionalização no terminal N. Entre outras utilidades terapêuticas,
é esperado que os compostos com base em peptídeo mostrem propriedades
antiinflamatórias e inibição da proliferação celular.
(71) Proteolix, INC. (US)
(72) Mark S. Smyth, Guy J. Laidig
(74) Marjory A. Hessling
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/028246 de 08/08/2005
(87) WO 2006/017842 de 16/02/2006
(21) PI 0514103-6 (22) 19/07/2005
1.3
(30) 04/08/2004 GB 0417360.5; 19/01/2005 GB 0501038.4
(51) E03D 9/03 (2008.04)
(54) DISPOSTIVO DE DISTRIBUIÇÃO
(57) DISPOSITIVO DE DISTRIBUIÇÃO Um dispositivo útil para a distribuição
de uma composição de tratamento e para fornecer um efeito de fragrância a um
utensílio sanitário, especialmente um vaso sanitário, o dispositivo (10)
compreendendo um corpo distribuidor (20) compreendendo uma cavidade de
corpo (27) para a composição de tratamento; pelo menos uma entrada (28) e
pelo menos uma saída (28); pelo menos uma cavidade de fragrância (31, 32); e
um gancho (42) para pendurar o dispositivo sobre uma parte de um utensílio
sanitário.
(71) Reckitt Benckiser Inc. (US)
(72) Lamson Nguyen, Steven Wu
(74) Di Blasi, Parente, S. G. & Associados
(85) 05/02/2007
(86) PCT GB2005/002831 de 19/07/2005
(87) WO 2006/013321 de 09/02/2006
(21) PI 0514101-0 (22) 23/06/2005
1.3
(30) 06/08/2004 ES P200401972
(51) A61K 31/7008 (2008.04), A61P 19/02 (2008.04)
(54) USO DE SAIS ORGÂNICOS DE GLICOSAMINA
(57) USO DE SAIS ORGÂNICOS DE GLICOSAMINA A presente invenção
refere-se ao uso de um sal orgânico de glicosamina selecionado entre
glucuronato de glicosamina, ascorbato de glicosamina, malato de glicosamina,
hidrogeno malato de glicosamina, citrato de glicosamina, hidrogeno citrato de
glicosamina, e diidrogeno citrato de glicosamina para a preparação de um
medicamento para o tratamento de artrose e inflamação e dor associadas à
artrose. A presente invenção também se refere ao uso de um sal orgânico de
glicosamina, selecionado entre os mencionados acima, para a preparação de
um suplemento nutricional que atua como um protetor, para nutrir a cartilagem,
proteger as articulações, evitar déficit de água nos tecidos que formam a
articulação, melhorar a capacidade funcional, elasticidade e flexibilidade das
articulações, e evitar e reverter a sindrome de esforço excessivo físico em
atletas, e os efeitos associados à mesma.
(71) Bioiberica, S.A. (ES)
(72) Josep Escaich Ferrer, Ramon Ruhi Roura, Ana Maria Torrent Gibert
(74) Montaury Pimenta, Machado & Lioce
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/006804 de 23/06/2005
(87) WO 2006/012951 de 09/02/2006
(21) PI 0514104-4 (22) 05/08/2005
1.3
(30) 06/08/2004 US 60/599,686; 09/08/2004 US 60/600,081; 18/08/2004 US
60/602,721; 05/10/2004 US 60/616,264
(51) B01D 46/02 (2008.04), B01D 46/52 (2008.04), F02M 35/024 (2008.04)
(54) ARRANJO DE FILTRO DE AR; MONTAGEM; E MÉTODOS
(57) ARRANJO DE FILTRO DE AR; MONTAGEM; E MÉTODOS Um arranjo de
filtro de ar é (300) descrito. O arranjo de filtro de ar inclui tiras de meios
compreendendo lâminas corrugadas fixadas a lâminas de revestimento e
formando ranhuras de entrada e de saída fixadas uma a outra em uma pilha.
Arranjos de caixas de meios filtrantes incluindo tais meios empilhados com um
arranjo de moldagem para fixar e vedar bordas de laterais apostas das tiras de
RPI 1951 de 27/05/2008
meios, são descritas. Também descritas estão cartuchos de filtro incluindo tal
caixa de meios filtrantes (301) e limpadores de ar incluindo os cartuchos de
filtro. Métodos de montagem e uso são também fornecidos. Também, sistemas
de uso são descritas.
(71) Donaldson Company, Inc. (US)
(72) Gregory L. Reichter, Wayne R. W. Bishop, Benny Kevin Nelson, Darrel
Wegner, Bruce R. Crenshaw, Vladimir Kladnitsky, Thomas G. Miller, Donald
Raymond Mork, Kevin J. Schrage, Richard J. Osendorf, Bradley A. Kuempel,
Thomas John Lundgren
(74) Marjory A. Hessling
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/028002 de 05/08/2005
(87) WO 2006/017790 de 16/02/2006
(21) PI 0514105-2 (22) 05/08/2005
1.3
(30) 06/08/2004 FR 04 08729
(51) C07D 309/30 (2008.04), C07D 309/04 (2008.04)
(54) TETRAHIDROPIRANO (NA)S OS SUBSTITUÍDOS EM BETA, SEU
PROCESSO DE SÍNTESE E SUA UTILIZAÇÃO EM PERFUMARIA
(57) TETRABIDROPIRANO (NA) S SUBSTITUÍDOS EM BETA, SEU
PROCESSO DE SÍNTESE E SUA UTILIZAÇÃO EM PERFUMARIA A invenção
diz respeito, especificamente, a um composto tetrahidropirano(na) substituído
na posição beta em relação ao oxigênio do ciclo, representado pela fórmula (1),
na qual o substituinte R representa um radical alquila linear de C2 a C10
incluído, (CH3) 2CH- ou C6H5-(CH2)m¯, com m = 0 ou l; ou fórmula (II), e na qual
A representa -CH2- ou -CO-, como agente odorante, seu processo de síntese
compreendendo a redução de um oxo-éster. A invenção diz respeito,
igualmente, à utilização desse composto em composições como as
composições de perfumaria no sentido habitual do termo, as composições
tópicas, em particular cosméticas, e os produtos de limpeza.
(71) V. Mane Fils (FR)
(72) Jean Mane
(74) Montaury Pimenta, Machado & Lioce
(85) 05/02/2007
(86) PCT FR2005/002038 de 05/08/2005
(87) WO 2006/021663 de 02/03/2006
(21) PI 0514106-0 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 03/08/2004 GB 0417267.2; 18/01/2005 EP 05075123.9
(51) A61L 15/58 (2008.04)
(54) MATERIAIS ADESIVOS A TECIDOS
(57) MATERIAIS ADESIVOS A TECIDOS A invenção se refere a uma folha
adesiva a tecidos compreendendo urna matriz reticulada, pré-formada e
homogênea formada a partir de um ou mais polímeros, e tendo pelo menos
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 43
uma superfície que, em uso, é exposta, pelo menos um dos referidos um ou
mais polímeros sendo um polímero sintético e tendo grupos funcionais
anexados de uma primeira forma, reticulação da referida matriz sendo via uma
proporção dos referidos grupos da primeira forma, e o remanescente dos
referidos grupos funcionais da primeira forma estando livre. A folha é
particularmente útil como um adesivo a tecido e selante, e é pretendida para
aplicação tópica a superfícies internas e externas do corpo por razões
terapêuticas. A invenção se refere ainda a folhas compreendendo um material
estruturado, artigos tridimensionais formados a partir de um material similar ao
da folha e a dispositivos médicos implantáveis revestidos com tal material.
(71) Tissuemed Limited (GB)
(72) Graeme Kettlewell, David John Mandley, David Harry Fortune, Ian
Thompson, Diane Morris
(74) Marjory A. Hessling
(85) 05/02/2007
(86) PCT GB2005/002981 de 29/07/2005
(87) WO 2006/013337 de 09/02/2006
(21) PI 0514107-9 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 10/912,439
(51) B21C 5/00 (2008.04), B21C 37/18 (2008.04), B23K 11/00 (2008.04), B23D
31/00 (2008.04), B23D 21/00 (2008.04)
(54) MÉTODO DE PRODUZIR CÂNULA AFILADA OU PONTIAGUDA
(57) MÉTODO DE PRODUZIR CÂNULA AFILADA OU PONTIAGUDA É provido
um método de produzir um dispositivo tubular. O método compreende prover
uma matéria-prima tubular (24) tendo uma passagem axial, aquecer a matériaprima tubular (24) em um primeiro local de aquecimento para formar uma seção
amolecida (38), a seção amolecida (38) separando uma porção da peça a
trabalhar da matéria-prima tubular a partir de uma porção restante da matériaprima tubular (24), e estirar a porção da peça a trabalhar a partir da porção
restante para alongar a seção amolecida (38, 40) e separar a porção da peça a
trabalhar a partir da porção restante para formar o dispositivo tubular. O
estiramento é realizado em uma taxa tal que o dispositivo tubular tem uma
passagem axial tendo um diâmetro interno substancialmente uniforme, e uma
extremidade do dispositivo tubular formada a partir da seção amolecida
alongada é afilada (52).
(71) Becton Dickinson And Company (US)
(72) Marcelino Munoz, Frank E. Martin, Ishaq M. Haider
(74) Alexandre Ferreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/027747 de 02/08/2005
(87) WO 2006/017665 de 16/02/2006
(21) PI 0514108-7 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 GB 0417494.2
(51) C12N 15/49 (2008.04), C07K 14/16 (2008.04), A61K 39/21 (2008.04),
A61K 39/295 (2008.04), C12N 15/62 (2008.04)
(54) POLIPEPTÍDEO, PROCESSO PARA PURIFICAR O MESMO,
COMPOSIÇÃO, POLINUCLEOTÍDEO OU POLINUCLEOTÍDEOS
(57) POLIPEPTÍDEO, PROCESSO PARA PURIFICAR O MESMO,
COMPOSIÇÃO, POLINUCLEOTÍDEO OU POLINUCLEOTIDEOS Esta
invenção diz respeito a novas fusões de polipeptídeos de HIV e
polinucleotídeos de Gag, Pol e Nef, que são úteis nas composições e vacinas
imunogênicas. A invenção diz respeito, em particular, a um polipeptídeo que
compreende Nef ou um seu fragmento imunogênico, e Gag de pl7 e/ou Gag de
p24 ou seus fragmentos imunogênicos, em que, quanto tanto Gag de p17
quanto de p24 se acham presentes, existe pelo menos um antígeno de HIV ou
fragmento imunogênico entre eles. O polipeptídeo também pode compreender
Pol ou RT ou um seu fragmento imunogênico.
(71) Glaxosmithkline Biologicals S.A. (BE)
(72) Helge Abrecht, Martine Delchambre, Martine Marchand, Nathalie Louise
Mathy, Philippe Jean Gervais Ghislain Permanne, Gerald Hermann Voss
(74) Momsen, Leonardos & Cia
44
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/008434 de 03/08/2005
(87) WO 2006/013106 de 09/02/2006
(21) PI 0514109-5 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 EP 04018569.6
(51) C07C 251/78 (2008.04), C07C 49/86 (2008.04), A61L 9/01 (2008.04)
(54) SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO NA FORMA DE UMA MISTURA
DINÂMICA,
COMPOSIÇÃO
PARA
PERFUMAR,
ARTIGO
PARA
CONSUMIDOR, ARTIGO PERFUMADO, E, USOS DE UM SISTEMA DE
ADMINISTRAÇÃO E DE UM DERIVADO DE HIDRAZINA
(57) SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO NA FORMA DE UMA MISTURA
DINÂMICA,
COMPOSIÇÃO
PARA
PERFUMAR,
ARTIGO
PARA
CONSUMIDOR, ARTIGO PERFUMADO, E, USOS DE UM SISTEMA DE
ADMINISTRAÇÃO E DE UM DERIVADO DE HIDRAZINA A presente invenção
refere-se a um sistema de administração, na forma de uma mistura dinâmica,
obtido reagindo-se entre si, na presença de água, pelo menos um derivado de
hidrazina, com pelo menos um aldeído ou cetona bactericida e/ou fungicida
repelente a ou atraente de insetos, agente para perfumar, aromatizante. A
mistura da invenção é capaz de liberar, de uma maneira controlada e
prolongada, dito aldeído ou cetona no meio-ambiente circundante. Além disso,
a presente invenção diz respeito também ao uso de ditas misturas dinâmicas
como ingredientes para perfumar, bem como das composições para perfumar
ou artigos perfumados compreendendo as misturas da invenção.
(71) Firmenich SA (CH) , Universite Louis Pasteur (FR) , Centre Nacional De La
Recherche Scientifique (CNRS) (FR)
(72) Jean-Marie Lehn, Andreas Herrmann
(74) Monsen, Leonardos & Cia
(85) 05/02/2007
(86) PCT IB2005/002325 de 03/08/2005
(87) WO 2006/016248 de 16/02/2006
(21) PI 0514110-9 (22) 26/07/2005
1.3
(30) 04/08/2004 DE 10 2004 037 752.9
(51) D06M 13/00 (2008.04), D06M 15/00 (2008.04), D06M 11/44 (2008.04),
D06M 23/12 (2008.04), A61K 8/29 (2008.04)
(54) FIBRAS ACABADAS E ESTRUTURAS TÊXTEIS
(57) FIBRAS ACABADAS E ESTRUTURAS TÊXTEIS. A presente invenção
refere-se a fibras e a uma estrutura têxtil, que estão caracterizadas de que as
mesmas recebem um acabamento com misturas que consistem em: (a)
substâncias ativas hidrofóbicas, e (b) polímeros formadores de filme.
(71) Cognis IP Management Gmbh (DE)
(72) Raymond Mathis, Hans-Jürgen Sladek, Markus Fülleborn, Shefqet Emini
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/008092 de 26/07/2005
(87) WO 2006/015718 de 16/02/2006
(21) PI 0514111-7 (22) 04/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 KR 10-2004-0061481
(51) C07D 277/22 (2008.04)
(54) DERIVADOS DE BENZAMIDINA, PROCESSO PARA A PREPARAÇÃO
DESTES E COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA COMPREENDENDO OS
MESMOS
(57) DERIVADOS DE BENZAMIDINA, PROCESSO PARA A PREPARAÇÃO
DESTES E COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA COMPREENDENDO OS
MESMOS. A presente invenção refere-se a novos derivados de benzamidina,
processo para a preparação destes e composição farmacêutica
compreendendo os mesmos. Os novos derivados de benzamidina da presente
invenção são úteis para a prevenção e tratamento de osteoporose, fraturas
ósseas e doenças inflamatórias alérgicas.
(71) Dong Wha Pharmaceutical IND.CO.LTD. (KR)
(72) Jin Soo Lee, Seok Hoon Ahn, Young Goo Jin, Sang Mi Jin, Whui-Jung
Park, Sae Kwang Ku, Yun Ha Hwang, Pan Soo kim, Sun Shin Yi, Jei Man Ryu
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT KR2005/002545 de 04/08/2005
(87) WO 2006/014087 de 09/02/2006
(21) PI 0514112-5 (22) 06/07/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 60/599,186
(51) C08F 6/00 (2008.04), C08F 6/28 (2008.04), B01D 11/02 (2008.04)
(54) PREPARAÇÃO DE ARTIGOS POLIMÉRICOS ULTRAPUROS
(57) PREPARAÇÃO DE ARTIGOS POLIMÉRICOS ULTRAPUROS. A presente
invenção refere-as a artigos de fabricação poliméricos olefínicos ultrapuros
podem ser preparados por meio de um processo que compreende: a provisão
de um material polimérico olefinica contendo impurezas, a sujeição do material
polimérico olefinico a um CO2 supercrítico a uma pressão de pelo menos cerca
de 281,23 kg/cm2 (4000 psi) a uma temperatura de cerca de 35ºC ou acima a
fim de extrair as impurezas do material polimérico olefínico e produzir um
material polimérica olefinico ultrapuro, e a moldagem de artigos de fabricação
ultrapuro a partir da material polimérico olefinico ultrapuro.
(71) Mallinckrodt Baker Inc. (US)
(72) Nandu Deorkar, Paul Bouis
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/023967 de 06/07/2005
(87) WO 2006/023129 de 02/03/2006
(21) PI 0514113-3 (22) 13/07/2005
1.3
RPI 1951 de 27/05/2008
(30) 05/08/2004 US 60/599,665; 23/09/2004 US 10/949,779
(51) C10M 101/02 (2008.04)
(54) ÓLEO DE MOTOR DE MÚLTIPLAS GRADUAÇÕES E PROCESSO PARA
PREPARAR UM ÓLEO DE MOTOR DE MÚLTIPLAS GRADUAÇÕES
(57) ÓLEO DE MOTOR DE MÚLTIPLAS GRADUAÇÕES E PROCESSO PARA
PREPARAR UM ÓLEO DE MOTOR DE MÚLTIPLAS GRADUAÇÕES Um óleo
de motor de múltiplas graduações que vai de encontro das especificações dos
requisitos SAE J300 revisados em junho de 2001 e um processo para preparálo, dito óleo de motor compreendendo (a) entre cerca de 15 a cerca de 94,5%
em peso de um óleo base Fischer-Tropsch destilado hidroisomerizado definedo
por (i) uma viscosidade cinemática entre cerca de 2,5 e cerca de 8 cSt a 100ºC,
(ii) pelo menos cerca de 3% em peso das moléculas tendo funcionalidade de
cicloparafina, e (iii) uma relação de porcentagem em peso de moléculas com
funcionalidade de monocicloparafina para porcentagem em peso de moléculas
com funcionalidade de multicicloparafina maior do que cerca de 15; (b) entre
cerca de 0,5 a cerca de 20% em peso de um componente de mistura de óleo
base redutor do ponto de fluidez preparado a partir de um material de leito
hidromerizado tendo um grau médio de ramificação nas moléculas entre cerca
de 5 e 9 ramificações de alquila per 100 átomos de carbono e em que não mais
do que 10% em peso entra em ebulição abaixo de cerca de 482ºC; e (c) entre
cerca de 5 a cerca de 30% em peso de um conjunto de aditivos designado para
ir ao encontro das especificações de ILSAC GF-3.
(71) Chevron U.S.A INC. (US)
(72) John M. Rosenbaum, Stephen J. Miller, Susan M. Abernathy
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/024860 de 13/07/2005
(87) WO 2006/019821 de 23/02/2006
(21) PI 0514114-1 (22) 30/07/2005
1.3
(30) 05/08/2004 DE 102004038217.4
(51) C08F 2/00 (2008.04), C08F 220/06 (2008.04), C08F 267/02 (2008.04),
C08F 291/00 (2008.04), C14C 9/00 (2008.04), C14C 3/22 (2008.04)
(54) COPOLÍMEROS, PROCESSOS PARA A PREPARAÇÃO DOS MESMOS,
E DE COURO, USO DE COPOLÍMEROS, FORMULAÇÃO, COURO, E, PEÇA
DE AUTOMÓVEL
(57) COPOLÍMEROS, PROCESSOS PARA A PREPARAÇÃO DOS MESMOS,
E DE COURO, USO DE COPOLÍMEROS, FORMULAÇÃO, COURO, E, PEÇA
DE AUTOMÓVEL A invenção refere-se a copolímeros que são produzidos por
co polimerização em pelo menos duas etapas. A invenção é caracterizada pelas
etapas a seguir: (A) pelo menos um (co) polímero é produzido partindo de um
monômero ou de uma mistura de comonômeros que compreende ai) 80 - 100
em peso de pelo menos um ácido carboxílico etilenicamente insaturado, a2) 0 20 % em peso de pelo menos um C1-C22-alquil éster de pelo menos um ácido
carboxílico etilenicamente insaturado, desde 0 até 10 % em peso de pelo
menos um composto adicional etilenicamente insaturado, em que as
percentagens em % em peso estão relacionadas à quantidade total de
comonômeros da etapa relacionada e o (co) polímero assim obtido é submetido
à etapa (B) a seguir em que o
polímero é convertido com um comonômero adicional ou com uma outra
mistura de comonômeros, que compreende (b1) 0 - 30 % em peso de pelo
menos um ácido carboxílico etilenicamente insaturado, (b2) 70 - 100 % em peso
de pelo menos um C1-C22-alquil éster de pelo menos um ácido carboxílico
etilenicamente insaturado, (b3) 0 - 110 % em peso de pelo menos um composto
adicional etilenicamente insaturado, sendo que as percentagens em % em peso
estão relacionadas à quantidade total de comonômeros da etapa adicional
relacionada.
(71) Basf Aktiengesellschaft (DE)
(72) Gerhard Wolf, Matthias Klüglein, Stephan Hüffer, Susanne Petrovic
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/008278 de 30/07/2005
(87) WO 2006/015745 de 16/02/2006
(21) PI 0514115-0 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 60/598,031
(51) A61K 51/06 (2008.04), A61K 51/08 (2008.04), G01N 33/53 (2008.04)
(54) TERAPIA DE COMBINAÇÃO EMPREGANDO-SE PROTEÍNAS DE
FUSÃO DE TRANSFERRINA COMPREENDENDO GLP-1
(57) TERAPIA DE COMBINAÇÃO EMPREGANDO-SE PROTEÍNAS DE
FUSÃO DE TRANSFERRINA COMPREENDENDO GLP-1. A presente
invenção fornece terapia de combinação compreendendo proteína de fusão de
transferrina e inibidores de DPP-IV e inibidores de endopeptidase neutros
(NEP). A proteína de fusão de transferrina compreende peptídeos ou
polipeptídeos terapêuticos úteis no tratamento de doenças, tais como diabetes.
(71) Biorexis Technology, Inc. (US)
(72) Homayoun Sadeghi, Christopher Prior, David J. Balance
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/027800 de 03/08/2005
(87) WO 2006/017688 de 16/02/2006
(21) PI 0514116-8 (22) 31/05/2005
1.3
(30) 10/08/2004 US 10/915,642
(51) A61L 15/38 (2008.04), A61L 15/42 (2008.04)
(54) ARTIGOS ABSORVENTES COMPREENDENDO UM AGENTE
MODIFICADOR DE EXSUDADO CORPÓREO E UMA FORMULAÇÃO PARA
CUIDADO DA PELE
(57) ARTIGOS ABSORVENTES COMPREENDENDO UM AGENTE
MODIFICADOR DE EXSUDADO CORPÓREO E UMA FORMULAÇÃO PARA
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 45
CUIDADO DA PELE São revelados artigos absorventes possuindo absorção
melhorada dos exsudados corpóreos. Os artigos absorventes compreendem um
agente modificador de exsudado corpóreo e uma formulação para cuidado da
pele. O agente modificador de exsudado corpóreo é capaz de reduzir a
viscosidade dos exsudados corpóreos, tais como, fezes e menstruações. A
formulação para cuidado da pele compreende um neutralizador do agente
modificador de exsudado corpóreo para neutralizar os possíveis efeitos
negativos na função de barreira da pele, causados pelos agentes modificadores
de exsudado corpóreo que entram em contato direto com a pele do usuário.
(71) Kimberly-Clark Worldwide, Inc. (US)
(72) Jason C. Cohen, David William Koenig, Earl David Brock, Stephen A.
Baratian, Corey Cunningham, Stephen Baldwin
(74) Orlando de Souza
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/019154 de 31/05/2005
(87) WO 2006/022961 de 02/03/2006
(21) PI 0514117-6 (22) 19/08/2005
1.3
(30) 19/08/2004 GB 0418497.4
(51) H02G 15/04 (2008.04), H01R 4/30 (2008.04), H01R 4/64 (2008.04), H01R
11/26 (2008.04)
(54) PORCA DE CONDENSADOR ELÉTRICO
(57) PORCA DE CONDENSADOR ELÉTRICO Trata-se de uma porca de
condensador elétrico (1). Antigamente, tais porcas eram dotadas algumas
vezes de vibração frouxa, resultando em um falso dispositivo de segurança ter
sido considerado inoperável. A invenção supera esse problema pelo provimento
de uma porca (1) que é dotada de um corpo de porca (2) dotado de uma rosca
interna (4) para receber uma haste rosqueada e um perímetro externo
configurado para receber um dispositivo de tensão tal como uma chave de
parafuso. O corpo (2) é dotado de faces planares geralmente opostas 5, 6. São
providas as aberturas rosqueadas (7A, 7B, 7C) no corpo da porca para receber
um pino (8A) para prender um conector terra (8B) ao corpo de porca (2) e os
parafusos sem cabeça (8C, 8D). São providas quatro vigas elevadas (9A, 9B,
9C, 9D) na face planar (5) para roçarem ou cortarem na direção de uma
superfície na qual a porca deve se apoiar. A porca de condensador (1) pode ser
usada com uma junta de cabo.
(71) Cable Terminology Limited (GB)
(72) Richard Henry Pearce
(74) Orlando de Souza
(85) 05/02/2007
(86) PCT GB2005/003246 de 19/08/2005
(87) WO 2006/018653 de 23/02/2006
(21) PI 0514118-4 (22) 28/07/2005
1.3
(30) 04/08/2004 BE 2004/0381
(51) B01D 53/26 (2008.04), F04B 39/16 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA SECAR UM GÁS E DISPOSITIVO EMPREGADO EM
CONFORMIDADE COM O MESMO
(57) MÉTODO PARA SECAR UM GÁS E DISPOSITIVO EMPREGADO EM
CONFORMIDADE COM O MESMO Método para secar um gás a partir de um
compressor (1) por intermédio de um secador (2) do tipo que consiste em um
tanque de pressão (3) com uma zona de secagem (4) e uma zona de
regeneração (5), com um rotor (6) o qual é composto de um elemento de
secagem (7) no qual foi provido um meio de adsorção e/ou absorção (8) que é
colocado, alternadamente, através da zona de secagem (4) e da zona de
regeneração (5), caracterizado em que pelo menos com pouca carga ou carga
zero, a entrada da zona de regeneração (5) é conectada à rede (12) de usuário
por intermédio de um tubo de regeneração (27), e em que a saída da zona de
regeneração (5) é ligada à atmosfera.
(71) Atlas Copco Airpower, Naamloze Vennootschap (BE)
(72) Bart Etienne Agnes Vanderstraeten, Ben Paul Karl Van Hove
(74) Orlando de Souza
(85) 05/02/2007
(86) PCT BE2005/000121 de 28/07/2005
(87) WO 2006/012711 de 09/02/2006
(21) PI 0514119-2 (22) 04/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 60/599,825
(51) C07D 209/12 (2008.04), A61K 31/404 (2008.04)
(54) POLIMORFO CRISTALINO DE MONOIDRATO DE HIDROCLORETO DE
PIPINDOXIFENO, COMPOSIÇÃO, MÉTODO DE PREPARAÇÃO DA FORMA I
POLIMÓRFICA DE HIDROCLORETO DE PIPINDOXIFENO, FORMA I
POLIMÓRFICA DE HIDROCLORETO DE PINPIDOXIFENO, MÉTODO DE
CONVERSÃO DA FORMA I DE MONOIDRATO DE HIDROCLORETO DE
PIPINDOXIFENO NA FORMA II, MÉTODOS DE TRATAMENTO DE UM
MAMÍFERO TENDO UMA DOENÇA OU SÍNDROME OU UM DISTÚRBIO,
MÉTODOS PARA REDUZIR COLESTEROL, PARA INIBIR A PERDA ÓSSEA E
PARA TRATAR CÂNCER DE MAMA EM UM MAMÍFERO,MÉTODO DE
TRATAMENTO DE UMA MULHER NA PÓS-MENOPAUSA QUANTO A UM OU
MAIS DISTÚRBIOS VASOMOTORES,E , USO DE UM POLIMORFO
(57) POLIMORFO CRISTALINO DE MONOIDRATO DE HIDROCLORETO DE
PIPINDOXIFENO, COMPOSIÇÃO, MÉTODO DE PREPARAÇÃO DA FORMA I
POLIMÓRFICA DE HIDROCLORETO DE PIPINDOXIFENO, FORMA I
POLIMÓRFICA DE HIDROCLORETO DE PIPINDOXIFENO, MÉTODO DE
CONVERSÃO DA FORMA I DE MONOIDRATO DE HIDROCLORETO DE
PIPINDOXIFENO NA FORMA II, MÉTODOS DE TRATAMENTO DE UM
MAMÍFERO TENDO UMA DOENÇA OU SÍNDROME OU UM DISTÚRBIO
MÉTODOS PARA REDUZIR COLESTEROL, PARA INBIR A PERDA ÓSSEA E
PARA TRATAR CÂNCER DE MAMA EM UM MAMÍFERO, MÉTODO DE
TRATAMENTO DE UMA MULHER NA PÓS-MENOPAUSA QUANTO A UM OU
MAIS DISTÚRBIOS VASOMOTORES, E, USO DE UM POLIMORFO A
presente invenção é dirigida a um polimorfo cristalino de monoidrato de
hidrocloreto de pipindoxifeno, a composições contendo os mesmos, a
preparações dos mesmos, e a usos dos mesmos.
(71) Wyeth (US)
(72) Christopher Demerson, Gloria Cheal
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/027690 de 04/08/2005
(87) WO 2006/017639 de 16/02/2006
(21) PI 0514120-6 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 60/598,548
(51) A61K 8/73 (2008.04)
(54) COPOLÍMERO ENXERTADO, MÉTODO DE PRODUZIR UM
COPOLÍMERO ENXERTADO, COMPOSIÇÃO PARA CUIDADO DO CABELO
(57) COPOLÍMERO ENXERTADO, MÉTODO DE PRODUZIR UM
,COPOLÍMERO ENXERTADO, COMPOSIÇÃO PARA CUIDADO DO CABELO
Um copolímero enxertado compreende um polímero de polissacarídeo
enxertado com um polímero capaz de se fixar ao cabelo humano e é útil em
composições para cuidado do cabelo.
(71) Rhodia Inc. (US)
(72) Euen Gunn, Leo Zhaoqing Liu, Christian Priou, Alvino Gabbianelli, Stewart
A. Warburton
(74) Orlando de Souza
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/027597 de 03/08/2005
(87) WO 2006/017589 de 16/02/2006
(21) PI 0514121-4 (22) 08/07/2005
1.3
(30) 06/08/2004 US 10/912,855
(51) H04M 1/64 (2008.04)
(54) MÉTODO DE TRIAGEM DE CORREIO DE VOZ MÓVEL
(57) MÉTODO DE TRIAGEM DE CORREIO DE VOZ MÓVEL Um método de
correio de voz faz uma triagem de chamadas feitas por um assinante chamando
(10) para um assinante chamado (20), o qual está indisponível (ou de outra
forma fazendo a triagem de chamadas). O método de tiragem determina (110)
se o assinante chamado (20) tem um recurso de triagem de correio de voz. Um
sistema de multimídia de protocolo de internet (50) recebe a chamada a partir
do assinante chamado (114). O sistema de multimídia de protocolo de internet
então transfere o controle da chamada para um servidor de triagem de correio
de voz, o qual toca para o assinante (20) o começo da mensagem de correio de
voz sendo deixada pelo assinante (10) e se oferece para rotear a chamada de
46
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
volta para o assinante chamado (20). O assinante chamado então indica
através de um código curto se o assinante chamado aceitará a chamada (124).
(71) Motorola, Inc. (US)
(72) Pramodkumar Patel, Erwin P. Comer
(74) Orlando de Souza
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/024150 de 08/07/2005
(87) WO 2006/019601 de 23/02/2006
RPI 1951 de 27/05/2008
substituídas por 2-fenila para preparação de medicamentos para tratamento de
sintomas que são tratáveis pelo aumento dos níveis de cGMP em determinados
tecidos, como por exemplo, de infarto agudo do miocárdio e danos de
reperfusão, de diversos sintomas de doença do sistema reprodutor feminino e
masculino e do trato urogenital, de doenças gastrointestinais, danos da diabete
e insuficiência renal.
(71) Bayer Healthcare AG (DE)
(72) Helmut Haning
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/008057 de 23/07/2005
(87) WO 2006/015715 de 16/02/2006
(21) PI 0514124-9 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 GB 04 17302.7; 03/08/2004 GB 04 17301.9; 03/08/2004 GB 04
17303.5; 03/08/2004 GB 04 17305.0; 03/08/2004 GB 04 17306.8; 03/08/2004
GB 04 17304.3
(51) C07K 16/24 (2008.04)
(54) ANTICORPOS MONOCLONAIS HUMANOS CONTRA A IL-4 HUMANA
(57) ANTICORPOS MONOCLONAIS HUMANOS CONTRA A IL-4 HUMANA. A
invenção refere-se a anticorpos os quais são específicos para a interleucina 4
humana e seu uso no tratamento de doenças mediadas por IL-4 e/ou IgE.
(71) Novartis AG (CH)
(72) José M. Carballido Herrera, Jan E. de Vries, Christoph Schwaerzler
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/008361 de 02/08/2005
(87) WO 2006/013087 de 09/02/2006
(21) PI 0514122-2 (22) 05/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 EP 04018615.7; 13/08/2004 US 60/601,248
(51) G06F 9/445 (2008.04)
(54) EQUIPAMENTO ELETRÔNICO PARA COMUNICAÇÃO SEM FIOS E
MÉTODO PARA UM ARMAZENAMENTO ECONOMIZADOR DE ESPAÇO DE
MEMÓRIA DE CÓDIGO DE PROGRAMA
(57) EQUIPAMENTO ELETRÔNICO PARA COMUNICAÇÃO SEM FIOS E
MÉTODO PARA UM ARMAZENAMENTO ECONOMIZADOR DE ESPAÇO DE
MEMÓRIA DE CÓDIGO DE PROGRAMA Um armazenamento economizador
de espaço de memória de código de programa é provido em um equipamento
eletrônico para comunicação sem fios, provendo um equipamento eletrônico (1)
respectivo incluindo primeiro meio de armazenamento (2) para um
armazenamento não volátil de dados, dados de código de programa (100, 101,
100’, 103, 101’) armazenados no primeiro meio de armazenamento (2), e
segundo meio de armazenamento (3) sendo adaptado para habilitar uma
execução de um caso executável de dados de código de programa. Por este
meio, os dados de código de programa (100, 101, 100’, 103, 101’) armazenados
no primeiro meio de armazenamento (2) incluem primeiros dados de código de
programa (101, 101’) em forma comprimida e dados de código adicionais (100,
100’, 103) em forma não comprimida, com os dados de código adicionais
incluindo segundos dados de código de programa (101, 101’) que são
adaptados para converter os primeiros dados de código de programa (101,
101’) em um caso executável (101 *, 101’*) do mesmo e transferir dito caso
executável ao segundo meio de armazenamento (3).
(71) Sony Ericsson Mobile Communications AB (SE)
(72) Wladyslaw Bolanowski, Johan Wadman
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/008539 de 05/08/2005
(87) WO 2006/013112 de 09/02/2006
(21) PI 0514123-0 (22) 23/07/2005
1.3
(30) 06/08/2004 DE 10 2004 038 328.6
(51) A61K 31/53 (2008.04), A61P 9/00 (2008.04), A61P 25/00 (2008.04), A61P
15/00 (2008.04), A61P 43/00 (2008.04)
(54) EMPREGOS DE DERIVADOS DE IMIDAZOTRIAZINONA SUBSTITUÍDOS
POR 2 - FENILA
(57) EMPREGOS DE DERIVADOS DE IMIDAZOTRIAZINONA SUBSTITUÍDOS
POR 2-FENILA. A presente invenção refere-se ao emprego de inibidores de
PDE 5, em geral e particularmente de derivados de imidazotriazinona
(21) PI 0514125-7 (22) 02/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 ES 200401971
(51) C07D 471/04 (2008.04), C07D 491/04 (2008.04), C07D 495/04 (2008.04),
C07D 498/04 (2008.04), C07D 513/04 (2008.04), C07D 487/04 (2008.04), A61P
29/00 (2008.04), A61P 3/10 (2008.04)
(54) PIRIDINAS CONDENSADAS COMO INIBIDORES DE CINASE
(57) PIRIDINAS CONDENSADAS COMO INIBIDORES DE CINASE. Novos
compostos de fórmula I, em que os significados para os vários substituintes são
como descritas na descrição. Estes compostos são úteis como inibidores de
p38 cinase.
(71) Palau Pharma, S.A. (ES)
(72) Carmen Almansa Rosales, Marina Virgili Bernadó, Pedro Manuel Grima
Poveda
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/008371 de 02/08/2005
(87) WO 2006/013095 de 09/02/2006
(21) PI 0514126-5 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 03/08/2004 US 60/598,518
(51) C07D 471/04 (2008.04), C07D 519/00 (2008.04), A61K 31/4375 (2008.04),
A61P 35/00 (2008.04)
(54) DERIVADOS DE NAFTIRIDINA 2,8-DISSUBSTITUÍDOS
(57) DERIVADOS DE NAFTIRIDINA 2,8-DISSUBSTITUÍDOS. A invenção
refere-se a compostos da fórmula A: e sais farmaceuticamente aceitáveis dos
mesmos, onde R1, R2, R2’ R3, R21, A1, A2, X e Z são conforme aqui definido.
Compostos da fórmula A são úteis no tratamento de doenças e/ou condições
relacionadas à diferenciação celular, tal coma câncer, inflamação, artrite,
angiogênese ou similar. A invenção também refere-se a composições
farmacêuticas compreendendo compostos da invenção e métodos de
tratamento das condições acima mencionadas usando tais compostos.
(71) Serenex, Inc. (US)
(72) Gunnar J. Hanson, Roy W. Ware Jr., Thomas E. Barta, Kenneth He Huang
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/027764 de 03/08/2005
(87) WO 2006/017672 de 16/02/2006
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 47
CONFEITARIA. A invenção refere-se a um dispositivo (6) para a transferência
de artigos de doce, em particular pirulitos providos com um palito, a partir de
uma localização de alimentação para uma localização de saída espaçada dali,
que compreende pelo menos um aparelho condutor com mantenedores de
artigo de doce (23a, 23b), onde o dispositivo é provido com um primeiro meio
de operação na localização de uma localização de recebimento (H) no aparelho
condutor para a regulagem dos mantenedores de artigo de doce em uma
posição de recebimento para recebimento de um palito que vem a partir de uma
localização de alimentação, e com um segundo meio de operação na
localização de uma localização de descarga (I) no aparelho condutor para a
regulagem dos mantenedores de artigo de doce em uma posição de descarga
para a descarga do palito para a localização de saída, onde o dispositivo é
provido, mais ainda, com terceiros meios de operação (4) posicionados entre a
localização de recebimento e a localização de descarga, a montante da
localização de descarga, para a regulagem dos mantenedores de artigo de
doce em uma posição de descarga.
(71) CFS Weert B.V. (NL)
(72) Leonardus Hermanus Maria Cuypers
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT NL2005/000572 de 04/08/2005
(87) WO 2006/014108 de 09/02/2006
(21) PI 0514127-3 (22) 05/07/2005
1.3
(30) 04/08/2004 DE 10 2004 037 739.1
(51) B01J 23/30 (2008.04), B01J 23/04 (2008.04), C07C 319/08 (2008.04)
(54) CATALISADORES CONTENDO TUNGSTATO PARA A SÍNTESE DE
ALQUIL MERCAPTANA E PROCESSO PARA A PRODUÇÃO DOS MESMOS
(57) CATALISADORES CONTENDO TUNGSTATO PARA A SÍNTESE DE
ALQUIL MERCAPTANA E PROCESSO PARA A PRODUÇÃO DOS MESMOS.
A presente invenção refere-se a um catalisador que contém tungstato alcalino
para a síntese de alquil mercaptanas partindo de alcanóis e sulfato de
hidrogênio, além de um processo para a produção do dito catalisador, em que a
razão molar de álcali para tungstênio é < 2:1.
(71) Degussa Gmbh (DE)
(72) Hubert Redlingshöfer, Christoph Weckbecker, Klaus Huthmacher
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/007211 de 05/07/2005
(87) WO 2006/015668 de 16/02/2006
(21) PI 0514128-1 (22) 26/07/2005
1.3
(30) 12/08/2004 KR 10-2004-0063599; 17/11/2004 KR 10-2004-0094099
(51) H04L 1/14 (2008.04)
(54) MÉTODO DE TRANSMISSÃO DE QUADROS DE ACK, E APARELHO DE
TRANSMISSÃO DE QUADROS DE ACK
(57) MÉTODO DE TRANSMISSÃO DE QUADROS DE ACK, E APARELHO DE
TRANSMISSÃO DE QUADROS DE ACK Trata-se de um método e um aparelho
para confirmação (ACK - "acknowledgment") de rajada eficiente em um
ambiente de comunicação sem tios. Um método de transmissão de quadros de
ACK em que uma pluralidade de quadros são recebidos de um dispositivo de
transmissão e a recepção dos quadros é confirmada com um único quadro de
ACK inclui a recepção de quadros do dispositivo de transmissão e o
armazenamento de informações de identificação dos quadros recebidos;
geração de um primeiro campo mediante registro de um conjunto de pares de
bits para cada um dos quadros recebidos, com a utilização das informações de
identificação armazenadas; geração de um quadro de ACK incluindo o primeiro
campo gerado; e transmissão do quadro de ACK gerado para o dispositivo de
transmissão, em que um par de bits inclui: um primeiro bit para confirmar se
qualquer quadro em questão foi adequadamente recebido; e um segundo bit
para distinguir se o primeiro bit é destinado a confirmar a recepção do quadro
em questão ou se é destinado a confirmar a recepção de todos os fragmentos
subseqüentes ao quadro em questão.
(71) Samsung Electronics Co., Ltd (KR)
(72) Jin-Woo Hong, Se-Young Shin, Dae-Gyu Bae, Hyun-Ah Sung, Chang-Yeul
Kwon, Kyung-Ik Cho
(74) Walter de Almeida Martins
(85) 05/02/2007
(86) PCT KR2005/002420 de 26/07/2005
(87) WO 2006/016745 de 16/02/2006
(21) PI 0514129-0 (22) 04/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 NL 1026780
(51) B65B 25/00 (2008.04), B65B 35/26 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO DE TRANSFERÊNCIA PARA DOCE OU ARTIGO DE
CONFEITARIA
(57) DISPOSITIVO DE TRANSFERÊNCIA PARA DOCE OU ARTIGO DE
(21) PI 0514130-3 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 06/08/2004 JP 2004-231261
(51) H01R 12/08 (2008.04), H01R 12/38 (2008.04)
(54) ESTRUTURA DE ATERRAMENTO DE CABO COAXIAL, CONECTOR, E,
MÉTODO PARA CONECTAR UM CABO COAXIAL EM UM CONECTOR
(57) ESTRUTURA DE ATERRAMENTO DE CABO COAXIAL, CONECTOR, E,
MÉTODO PARA CONECTAR UM CABO COAXIAL EM UM CONECTOR Uma
estrutura de aterramento de cabo coaxial sem usar solda apresenta uma função
de aterramento seguro e uma função de retenção do cabo segura de
conformidade com a redução no diâmetro do arame do núcleo do cabo e o
menor intervalo entre cabos adjacentes. Uma estrutura de aterramento de cabo
coaxial (10) compreende um primeiro membro condutor (12) e um segundo
membro condutor (14). O primeiro membro inclui primeiras saliências (28) em
contato com os condutores externos (20) do comprimento exposto (24) de um
primeiro grupo de cabos coaxiais (16), e o segundo membro inclui segundas
aberturas (32) para receber as primeiras saliências e o comprimento exposto do
cabo suportado pelas primeiras saliências. Adicionalmente, o segundo membro
inclui segundas saliências (34) em contato com os condutores externos do
comprimento exposto de um segundo grupo de cabos coaxiais. O primeiro
membro inclui segundas saliências e primeiras aberturas para receber o
comprimento do cabo exposto suportado pelas segundas saliências. O
comprimento exposto de cada cabo coaxial é retido fixamente pela força de
atrito ao mesmo tempo que é devidamente dobrado ao longo da primeira e
segunda saliências entre as primeiras saliências e as segundas aberturas, por
um lado, e entre as primeiras aberturas e as segundas saliências, por outro
lado.
(71) 3M Innovative Properties Company (US)
(72) Hiroyuki Matsuoka, Takuro Miya
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/026943 de 29/07/2005
(87) WO 2006/017380 de 16/02/2006
48
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
RPI 1951 de 27/05/2008
G. Muls
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/007725 de 14/07/2005
(87) WO 2006/012989 de 09/02/2006
(21) PI 0514131-1 (22) 04/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 10/911,875
(51) B01L 9/00 (2008.04), B01L 3/00 (2008.04)
(54) MÉTODO DE POSICIONAR UM DISPOSITIVO DE PROCESSAMENTO
DE AMOSTRA DENTRO DE UM LEITOR DE MICROPLACA E KIT DE
PROCESSAMENTO DE AMOSTRA
(57) MÉTODO DE POSICIONAR UM DISPOSITIVO DE PROCESSAMENTO
DE AMOSTRA DENTRO DE UM LEITOR DE MICROPLACA E KIT DE
PROCESSAMENTO DE AMOSTRA São descritos aparelhos e métodos para
posicionar as câmaras de processamento dispositivos de processamento de
amostras microfluidas no próprio piano focal de um leitor de microplaca. Os
aparelhos e métodos podem ser adaptáveis para posicionar os dispositivos de
processamento de amostra a alturas diferentes como pode ser necessário para
processamento em leitores de microplaca diferentes. Um dispositivo de
posicionamento é usado em associação com o dispositivo de processamento de
amostra para localizar as câmaras de processamento dentro do plano focal do
leitor de microplaca.
(71) 3M Innovative Properties Company (US)
(72) Chad J. Carter, Christopher R. Kokaisel, Kenneth B. Wood
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/027641 de 04/08/2005
(87) WO 2006/017611 de 16/02/2006
(21) PI 0514132-0 (22) 14/07/2005
1.3
(30) 04/08/2004 US 60/598,639
(51) C07C 31/125 (2008.04), C07C 69/80 (2008.04), C07C 305/06 (2008.04),
C07C 43/11 (2008.04), C11D 1/14 (2008.04), C11D 1/72 (2008.04), C08K 5/12
(2008.04)
(54) MELHORIAS EM MISTURAS DE C8-C10 ÁLCOOIS
(57) MELHORIAS EM MISTURAS DE C8-C10 ÁLCOIS. A presente invenção
refere-se a misturas de C8-10 álcoois primários, preferencialmente ricas em C9
álcoois, contendo de 15 a 70% em peso de moléculas não-ramificadas, sendo o
balanço moléculas ramificadas tendo um grau de ramificação médio de no
máximo 2,00 ramificações por molécula, pelo menos 80% das ramificações
sendo de ramificações metila e pelo menos 50% das moléculas ramificadas
sendo ramificadas por monometila. São também fornecidos ésteres
plastificantes e derivados de tensoativos obtidos a partir dessas misturas de
álcoois. As misturas de álcoois são preferencialmente produzidas através da
hidroformilação de correntes ricas em octenos formadas através da síntese de
Fischer-Tropsch.
(71) Exxonmobil Chemical Patents Inc. (US)
(72) Raphael F. Caers, Allen D. Godwin, Mauritz Kelchtermans, Jean-Jacques
(21) PI 0514133-8 (22) 27/07/2005
1.3
(30) 05/08/2004 EP 04103762.3
(51) C07D 209/30 (2008.04), A61K 31/404 (2008.04), A61P 3/06 (2008.04)
(54) COMPOSTOS DE FÓRMULA I, PROCESSO PARA A SUA FABRICAÇÃO,
COMPOSIÇÕES FARMACÊUTICAS, MÉTODO PARA O TRATAMENTO E/OU
PROFILAXIA DE DOENÇA QUE SÃO MEDIADAS POR INIBIDORES DE CETP
E USO DOS COMPOSTOS DE FÓRMULA I
(57) COMPOSTOS DE FÓRMULA I, PROCESSO PARA A SUA FABRICAÇÃO,
COMPOSIÇÕES FARMACÊUTICAS, MÉTODO PARA O TRATAMENTO E/OU
PROFILAXIA DE DOENÇA QUE SÃO MEDIADAS POR INIBIDORES DE CETP
E USO DOS COMPOSTOS DE FÓRMULA I Trata-se de compostos de Fórmula
(I), em que -X- Y-, R1 a R11 e n são como definidos no relatório descritivo e nas
reivindicações, e sais farmaceuticamente aceitáveis destes. Os compostos são
úteis para o tratamento e/ou prevenção de doenças, que são mediadas por
inibidores de CETP.
(71) F. Hoffmann-La Roche AG (CH)
(72) Aurelia Conte-Mayweg, Holger Kuehne, Cyrille Maugeais, Philippe Pflieger,
Thomas Luebbers, Werner Mueller
(74) Vieira de Mello Advogados
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/008142 de 27/07/2005
(87) WO 2006/013048 de 09/02/2006
(21) PI 0514134-6 (22) 30/06/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 10/913,174
(51) B01D 47/00 (2008.04), B01D 53/46 (2008.04), B01D 53/56 (2008.04),
B01D 53/86 (2008.04), B01D 8/00 (2008.04), C01G 9/00 (2008.04), C01G 11/00
(2008.04), C01G 13/00 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA REMOVER UM CONTAMINANTE EM FASE DE VAPOR
DE UM FLUXO DE GÁS, APARELHO PARA REMOVER MERCÚRIO DE UM
FLUXO DE GÁS FLUINDO EM UM DUTO DE GÁS, E, MÉTODO PARA
PRODUZIR UMA MEMBRANA METALIZADA
(57) MÉTODO PARA REMOVER UM CONTAMINANTE EM FASE DE VAPOR
DE UM FLUXO DE GÁS, APARELHO PARA REMOVER MERCÚRIO DE UM
FLUXO DE GÁS FLUINDO EM UM DUTO DE GÁS, E, MÉTODO PARA
PRODUZIR UMA MEMBRANA METALIZADA Geralmente, a presente invenção
provê um método e aparelho para remover um contaminante em fase de vapor
de um fluxo de gás, por esse meio reduzindo a concentração do contaminante
em fase de vapor no fluxo de gás. Em uma concretização, a presente invenção
provê um método para remover um contaminante em fase de vapor de um fluxo
de gás, incluindo contatar um fluxo de gás incluindo um contaminante em fase
de vapor com um primeiro lado de uma membrana; sorver o contaminante em
fase de vapor usando a membrana; reagir o contaminante em fase de vapor em
uma forma reagida do contaminante em fase de vapor; transportar a forma
reagida do contaminante em fase de vapor pela membrana a um segundo lado
da membrana; contatar o segundo lado da membrana com um líquido; e
dissolver a forma reagida do contaminante em fase de vapor no líquido.
Métodos para fazer uma membrana incluindo um metal para uso na presente
invenção também é descrito.
(71) Electric Power Research Institute, Inc. (US)
(72) David W. Deberry
(74) Momsem, Leonardos & Cia.
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/023821 de 30/06/2005
(87) WO 2006/023110 de 02/03/2006
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 49
(72) Christopher Demerson, Gloria Cheal
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/027859 de 04/08/2005
(87) WO 2006/017722 de 16/02/2006
(21) PI 0514137-0 (22) 04/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 DE 10 2004 038 113.5
(51) C10L 1/22 (2008.04)
(54) USO DE PELO MENOS UM COMPOSTO HETEROCÍCLICO,
COMPOSIÇÃO DE COMBUSTÍVEL, CONCENTRADO DE ADITIVOS, E,
PROCESSO PARA PREPARAR UMA COMPOSIÇÃO DE COMBUSTÍVEL
(57) USO DE PELO MENOS UM COMPOSTO HETEROCÍCLICO,
COMPOSIÇÃO DE COMBUSTÍVEL, CONCENTRADO DE ADITIVOS, E,
PROCESSO PARA PREPARAR UMA COMPOSIÇÃO DE COMBUSTÍVEL A
invenção diz respeito ao uso de pelo menos um composto heterocíclico de
fórmula (I), em que R representa H, ou alquila C1-C3, como aditivos de
composição de combustível que reduzem a abrasão. A invenção também diz
respeito a composições de aditivos de combustível correspondentes e à sua
produção, e a concentrados de aditivos compreendendo referido tipo de
compostos.
(71) Basf Aktiengesellschaft (DE)
(72) Ludwig Völkel, Arno Lange, Christian Lockemann, Dietmar Posselt
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 05/02/2007
(86) PCT EP2005/008468 de 04/08/2005
(87) WO 2006/015800 de 16/02/2006
(21) PI 0514135-4 (22) 04/08/2005
1.3
(30) 06/08/2004 US 10/913,850; 03/08/2005 US 11/195,959
(51) B42D 15/00 (2008.04), G09F 3/02 (2008.04)
(54) FOLHA IMPRIMÍVEL INDICATIVA DE VIOLAÇÃO, DOCUMENTO DE
SEGURANÇA, E, MÉTODO DE FABRICAR UMA FOLHA IMPRIMÍVEL
INDICATIVA DE VIOLAÇÃO
(57) FOLHA IMPRIMÍVEL INDICATIVA DE VIOLAÇÃO, DOCUMENTO DE
SEGURANÇA, E, MÉTODO DE FABRICAR UMA FOLHA IMPRIMÍVEL
INDICATIVA DE VIOLAÇÃO É revelada uma folha imprimível indicativa de
violação. Uma modalidade preferida da invenção fornece uma folha imprimível
indicativa de violação que compreende uma camada retro-reflexiva que
compreende uma pluralidade de microcontas parcialmente embutida em uma
camada ligada por conta receptiva a jato de tinta, e uma camada refletora entre
uma das microcontas e a camada ligada por conta receptiva a jato de tinta. A
presente invenção fornece um método de fabricar uma folha imprimível
indicativa de violação.
(71) 3M Innovative Properties Company (US)
(72) Richard J. Kuo, Matthias Detjen, Brian W. Dunne, Kenneth M. White, Paul
E. Marecki, Tadesse G. Nigatu
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/027627 de 04/08/2005
(87) WO 2006/017603 de 16/02/2006
(21) PI 0514136-2 (22) 04/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 60/599,603
(51) C07D 401/12 (2008.04), A61K 31/455 (2008.04), A61P 5/30 (2008.04),
A61P 35/00 (2008.04)
(54) POLIMORFO CRISTALINO DE MONOIDRATO DE HIDROCLORETO DE
PIPINDOXIFENO, COMPOSIÇÃO, MÉTODO PARA PREPARAR A FORMA II
POLIMÓRFICA
DE
MONOIDRATO
DE
HIDROCLORETO
DE
PIPINDOXIFENO, FORMA II POLIMÓRFICA DE MONOIDRATO DE
HIDROCLORETO DE PIPINDOXIFENO, MÉTODO DE PREPARAÇÃO DO
POLIMORFO, MÉTODOS DE TRATAMENTO DE UM MAMÍFERO TENDO
UMA DOENÇA OU SÍNDROME, OU UM DISTÚRBIO, DE REDUÇÃO DE
COLESTEROL, DE INIBIÇÃO DE PERDA ÓSSEA, DE TRATAMENTO DE
CÂNCER DE MAMA EM UM MAMÍFERO, E DE TRATAMENTO DE UMA
MULHER NA PÓS-MENOPAUSA, E, USO DE UM POLIMORFO
(57) POLIMORFO CRISTALINO DE MONOIDRATO DE HIDROCLORETO DE
PIPINDOXIFENO, COMPOSIÇÃO, MÉTODO PARA PREPARAR A FORMA II
POLIMÓRFICA
DE
MONOIDRATO
DE
HIDROCLORETO
DE
PIPINDOXIFENO, FORMA II POLIMÓRFICA DE MONOIDRATO DE
HIDROCLORETO DE PIPINDOXIFENO, MÉTODO DE PREPARAÇÃO DO
POLIMORFO, MÉTODOS DE TRATAMENTO DE UM MAMÍFERO TENDO
UMA DOENÇA OU SÍNDROME, OU UM DISTÚRBIO, DE REDUÇÃO DE
COLESTEROL, DE INIBIÇÃO DE PERDA ÓSSEA, DE TRATAMENTO DE
CÂNCER DE MAMA EM UM MAMÍFERO, E DE TRATAMENTO DE UMA
MULHER NA PÓS-MENOPAUSA, E, USO DE UM POLIMORFO A presente
invenção é dirigida a um polimorfo cristalino de monoidrato de hidrocloreto de
pipindoxifeno, a composições contendo os mesmos, a preparações dos
mesmos, e a usos dos mesmos.
(71) Wyeth (US)
(21) PI 0514138-9 (22) 05/08/2005
1.3
(30) 05/08/2004 US 60/599,086; 23/12/2004 US 60/639,176
(51) A61K 39/395 (2008.04), A61K 38/17 (2008.04), C07K 19/00 (2008.04),
A61P 37/00 (2008.04), C12N 5/10 (2008.04), C12N 15/63 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA TRATAR, MELHORAR, OU PREVENIR UM DISTÚRBIO,
PROTEÍNA DE FUSÃO, VETOR, CÉLULA HOSPEDEIRA RECOMBINANTE,
MÉTODO PARA PRODUZIR UMA PROTEÍNA DE FUSÃO, COMPOSIÇÃO
FARMACÊUTICA, E, MÉTODOS PARA TRANSPLANTAR/ENXERTAR UM
ÓRGÃO, TECIDO, CÉLULA OU GRUPO DE CÉLULAS EM UM INDIVÍDUO
MAMÍFERO, E PARA TRATAR, PREVENIR OU MELHORAR REJEIÇÃO DE
TRANSPLANTE/ENXERTO
EM
UM
RECEPTOR
DE
TRANSPLANTE/ENXERTO MAMÍFERO
(57) MÉTODO PARA TRATAR, MELHORAR, OU PREVENIR UM DISTÚRBIO,
PROTEÍNA DE FUSÃO, VETOR, CÉLULA HOSPEDEIRA RECOMBINANTE,
MÉTODO PARA PRODUZIR UMA PROTEÍNA DE FUSÃO, COMPOSIÇÃO
FARMACÊUTICA, E, MÉTODOS PARA TRANSPLANTAR/ENXERTAR UM
ÓRGÃO, TECIDO, CÉLULA OU GRUPO DE CÉLULAS EM UM INDIVÍDUO
MAMÍFERO, E PARA TRATAR, PREVENIR OU MELHORAR REJEIÇÃO DE
TRANSPLANTE/ENXERTO
EM
UM
RECEPTOR
DE
TRANSPLANTE/ENXERTO MAMÍFERO Métodos e composições para inibir
atividade de interleucina-21 (IL-21)/receptor de IL-21 (MU-1) usando
antagonistas de IL-21 ou receptor de IL-21 ("IL-21R" ou "MU-1"), são descritos.
Antagonistas de IL-21/IL-21R podem ser usados para induzir supressão imune
in vivo, e.g., para tratar, melhorar ou prevenir distúrbios auto-imunes ou
inflamatórios, incluindo, e.g., doença inflamatória de intestino (IBD), artrite
reumatóide (RA), rejeição de transplante/enxerto, psoríase, asma, fibrose, e
lúpus eritematoso sistêmico (SLE).
(71) Wyeth (US)
(72) Deborah A. Young, Mary Collins, Kyriaki Dunussi-Joannopoulos, Richard
Michael O'Hara, Jr., Marion T. Kasaian, Matthew J. Whitters
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/027912 de 05/08/2005
(87) WO 2006/135385 de 21/12/2006
50
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
RPI 1951 de 27/05/2008
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/012794 de 12/04/2005
(87) WO 2006/022885 de 02/03/2006
(21) PI 0514139-7 (22) 05/08/2005
1.3
(30) 06/08/2004 US 60/599,367
(51) B32B 27/04 (2008.04), D06P 3/82 (2008.04)
(54) TECIDOS RESISTENTES AO FOGO, DE ALTA VISIBILIDADE, E
MÉTODOS PARA FAZER OS MESMOS
(57) TECIDOS RESISTENTES AO FOGO, DE ALTA VISIBILIDADE, E
MÉTODOS PARA FAZER OS MESMOS. Tecidos resistentes ao fogo, de alta
visibilidade, e métodos para fazer tais tecidos. Numa modalidade, um tecido
resistente ao fogo, de alta visibilidade, inclui uma pluralidade de fibras
celulósicas resistentes ao fogo, em que o tecido tenha sido tingido com uma
tonalidade de alta visibilidade que obedeça à norma ANSI 107-1999.
(71) Southern Mills, Inc. (US)
(72) Rembert J. Tuesdale III
(74) Di Blasi, Parente, S. G. & Associados
(85) 06/02/2007
(86) PCT US2005/027835 de 05/08/2005
(87) WO 2006/017709 de 16/02/2006
(21) PI 0514140-0 (22) 24/06/2005
1.3
(30) 06/08/2004 DE 10 2004 038 274.3
(51) C09D 201/08 (2008.04)
(54) AGENTE ADESIVO E ADESIVO COM CARACTERÍSTICAS DE
BARREIRA, USO, PROCESSO PARA A PREPARAÇÃO E FOLHAS
COMPOSTAS
(57) AGENTE ADESIVO E ADESIVO COM CARACTERÍSTICAS DE
BARREIRA, USO, PROCESSO PARA A PREPARAÇÃO E FOLHAS
COMPOSTAS. A presente invenção refere-se aos agentes adesivos com
características de barreira, contendo: A) pelo menos um composto fluido na
faixa de 18ºC até 100ºC, preferentemente 20ºC até 80ºC com pelo menos um
grupo funcional reativo endurecível por radiação como componente (A); B) pelo
menos um composto com pelo menos um grupo funcional reativo endurecível
por radiação e pelo menos um grupo COOH- como componente (B); e C) pelo
menos um material de enchimento em namoescala como componente (C), que
é preferentemente selecionado do grupo: óxidos, nitretos, haletos, sulfetos,
carbetos, teluretos, selenetos do segundo até o quarto grupo principal, dos
elementos de transição, dos lantanetos e/ou do grupo dos poliorganossiloxanos.
O agente adesivo é utilizado como adesivo endurecível por radiação em
agentes de revestimento, materiais de enchimento, de vedação ou adesivos. A
invenção refere-se também, a um processo para a fabricação de folhas
compostas com características de barreira frente ao CO2, O2, N2, vapor de água
e aromatizantes, com o emprego do agente adesivo de acordo com a invenção,
bem como as folhas compostas fabricadas pelo processo.
(71) Henkel Kommanditgesellschaft Auf Aktien (DE)
(72) Annabelle Guilleux, Sara Wagner, Kamil Kalus
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 06/02/2007
(86) PCT EP2005/006835 de 24/06/2005
(87) WO 2006/015659 de 16/02/2006
(21) PI 0514141-9 (22) 12/04/2005
1.3
(30) 06/08/2004 US 60/599,228; 13/10/2004 US 60/617,779
(51) B01D 53/14 (2008.04)
(54) ULTRALIMPEZA DE GÁS DE COMBUSTÃO INCLUINDO A REMOÇÃO
DE CO2
(57) ULTRALIMPEZA DE GÁS DE COMBUSTÃO INCLUINDO A REMOÇÃO
DE CO2. A presente invenção refere-se a uma ultralimpeza de gás de
combustão a uma concentração quase zero de contaminantes residuais,
seguida pela captura de CO2. A alta eficiência de remoção de contaminantes
residuais é conseguida por resfriamento de contato direto e lavagem do gás
com água fria. A temperatura do gás de combustão é reduzida a 0 - 20 graus
Celsius para se conseguir um efeito máximo de condensação e limpeza do gás.
O CO2 é capturado do gás queimado resfriado e limpo em um absorvedor de
CO2 (134) utilizando uma solução ou pasta fluida amoniacal no sistema de NH3CO2-H2O. O absorvedor opera a 0 - 20 graus Celsius. A regeneração é
realizada por elevação da pressão e da temperatura na solução rica em CO2 do
absorvedor. A pressão de vapor de CO2 é alta, e gera-se uma corrente de CO2
pressurizada, com baixa concentração de NH3 e vapor d'água. A corrente de
CO2 de alta pressão é resfriada e lavada para recuperar a amônia e a umidade
do gás.
(71) Eig, Inc. (US)
(72) Eli Gal
(21) PI 0514142-7 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 06/08/2004 FR 0408701
(51) F16G 15/00 (2008.04)
(54) SISTEMA DE ANCORAGEM PARA UMA INSTALAÇÃO MARINHA DE
SUPERFÍCIE SUSCETÍVEL DE SER ARRASTADA EM MOVIMENTO
SEGUNDO UMA FREQÜÊNCIA ELEVADA EM RELAÇÃO AO FUNDO DO
MAR, E, BÓIA MARINHA DE CARREGAMENTO
(57) SISTEMA DE ANCORAGEM PARA UMA INSTALAÇÃO MARINHA DE
SUPERFÍCIE SUSCETÍVEL DE SER ARRASTADA EM MOVIMENTO
SEGUNDO UMA FREQÜÊNCIA ELEVADA EM RELAÇÃO AO FUNDO DO
MAR, E, BÓIA MARINHA DE CARREGAMENTO A invenção se refere a uma
bóia marinha de transferência (112) de hidrocarbonetos, adaptada para ser
conectada a um conduto submarino próprio para veicular um hidrocarboneto,
para transferi-lo para um navio, a dita bóia marinha de transferência sendo
amarrada no fundo do mar por intermédio de uma linha de ancoragem; a dita
linha de ancoragem compreendendo uma corrente (114) e um dispositivo de
fixação (110) para fixar a dita corrente e a dita bóia marinha de transferência; de
acordo com a invenção o dito dispositivo de fixação compreende um órgão
longitudinal deformável (118) que apresenta duas extremidades opostas, uma
primeira extremidade (120) solidária da dita bóia marinha de transferência e
uma segunda extremidade (124) solidária da dita corrente; e o dito órgão
longitudinal deformável sendo adaptado para se deformar por ocasião dos
movimentos da dita bóia marinha de transferência.
(71) Technip France (FR)
(72) René Antoine Maloberti
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 05/02/2007
(86) PCT FR2005/001992 de 29/07/2005
(87) WO 2006/024763 de 09/03/2006
(21) PI 0514143-5 (22) 01/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 US 10/911.091
(51) D21F 1/00 (2008.04)
(54) TELAS FORMADORAS DE CAMADA TRIPLA DE URDUME EM PAR
COM CARACTERÍSTICAS ÓTIMAS DE FABRICAÇÃO DE FOLHAS
(57) TELAS FORMADORAS DE CAMADA TRIPLA DE URDUME EM PAR
COM DE CARACTERÍSTICAS ÓTIMAS DE FABRICAÇÃO DE FOLHAS Tela
para fabricação de papel, utilizável na seção formadora de uma máquina de
fabricação de papel, tendo duas camadas de linhas na direção transversal da
máquina (CD). Um sistema de linhas MD se acha entrelaçado com as linhas
CD. Pelo menos algumas das linhas MD estão agrupadas em pares alternados,
compreendendo um par transversal tendo uma primeira linha MD e uma
segunda linha MD, e um segundo par tendo uma terceira linha MD, bem como
uma quarta linha MD. A primeira linha MD e a segunda linha MD se combinam
para tecer cada linha CD na primeira camada e na transversal entre a primeira
camada e a segunda camada. As linhas de urdume direita e esquerda nos
pares estão alinhadas de tal maneira que linhas adjacentes similares de pares
adjacentes tenham comprimentos de células MD maiores ou menores do que
os comprimentos das células MD de linhas adjacentes não-similares de pares
adjacentes. A terceira linha MD está entrelaçada com a primeira camada de
linhas CD, e a quarta linha MD está entrelaçada com a segunda camada de
linhas CD. Desta maneira, uma tela formadora de camada tripla urdida em
pares pode ser produzida, o que minimiza a drenagem e marcas topográficas
nos pontos de cruzamento.
(71) Albany International Corp. (US)
(72) Chad A. Martin, Scott Quigley
(74) Orlando de Souza
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/027749 de 01/08/2005
RPI 1951 de 27/05/2008
(87) WO 2006/015377 de 09/02/2006
(21) PI 0514144-3 (22) 28/07/2005
1.3
(30) 05/08/2004 GB 0417401.7
(51) A61K 9/00 (2008.04), A61K 47/48 (2008.04), A61K 31/5575 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO DE ADMINISTRAÇÃO DE PRODUTO FARMACÊUTICO
(57) DISPOSITIVO DE ADMINISTRAÇÃO DE PRODUTO FARMACÊUTICO
Dispositivo para a administração de produto farmacêutico, tal que um
supositório ou um pessário, que compreende um análogo de prostaglandina
sintética PGE1 (por exemplo, misoprostol) em um hidrogel de poliuretano sólido.
O poliuretano é ou linear ou reticulado.
(71) Controlled Therapeutics (Scotland) Ltd. (AD)
(72) Steven Robertson
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 05/02/2007
(86) PCT GB2005/002951 de 28/07/2005
(87) WO 2006/013335 de 09/02/2006
(21) PI 0514145-1 (22) 03/08/2005
1.3
(30) 04/08/2004 NL 1026777
(51) B65B 25/00 (2008.04), B65B 11/54 (2008.04)
(54) MÁQUINA DE EMPACOTAMENTO DE PIRULITOS
(57) MÁQUINA DE EMPACOTAMENTO DE PIRULITOS. A presente invenção
refere-se a uma máquina de empacotamento de pirulitos (1), compreendendo
um tambor (8) possuindo uma parte estacionária e fixa do tambor e possuindo
uma parte de tambor que é rotativa (50) com relação à mesma e incluindo uma
série de retentores de palito (20), um suprimento de pirulitos na direção dos
retentores de palito, e um suprimento de material de empacotamento para os
pirulitos, uma descarga para descarregar os pirulitos empacotados para longe
do tambor, onde o tambor (8) é adicionalmente fornecido com meios para
realizar o movimento relativo do retentor de palito e da folha de material de
empacotamento em uma primeira trajetória a fim de deixar a dita folha envolver
a cabeça do pirulito, onde a parte rotativa do tambor (50) é adicionalmente
fornecida com um diafragma (31) em cada retentor de palito, no qual a cabeça
se move através da abertura definida pelo diafragma (31), onde o diafragma é
adicionalmente fornecido com dispositivos para vedar o material de
empacotamento, onde o tambor é adicionalmente fornecido com primeiro
dispositivo de ajuste (61, 65) para pré-ajustar o tamanho da abertura do
diafragma.
(71) CFS Weert B.V. (NL)
(72) Leonardus Hermanus Maria Cuypers
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 05/02/2007
(86) PCT NL2005/000571 de 03/08/2005
(87) WO 2006/014107 de 09/02/2006
(21) PI 0514146-0 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 04/08/2004 US 10/912,747; 23/03/2005 US 11/088,316
(51) A62B 7/00 (2008.04), A61M 16/00 (2008.04)
(54) TRAJETO DE FLUXO DE GÁS DE ATENUAÇÃO DE RUÍDO PARA UM
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 51
COMPRESSOR, TUBO PERFURADO DE ATENUAÇÃO DE RUÍDO E
SISTEMAS DE MONTAGEM E DE ATENUAÇÃO DE RUÍDO PARA UM
COMPRESSOR
(57) TRAJETO DE FLUXO DE GÁS DE ATENUAÇÃO DE RUÍDO PARA UM
COMPRESSOR TUBO PERFURADO DE ATENUAÇÃO DE RUÍDO E
SISTEMAS DE MONTAGEM E DE ATENUAÇÃO DE RUÍDO PARA UM
COMPRESSOR A invenção compreende um método e aparelho para reduzir o
ruído gerado por compressores, incluindo sopradores tipo Roots. A invenção
tem uso particular para reduzir ruído gerado por compressores usados em
ventiladores mecânicos, embora suas vantagens possam ser concretizadas em
muitas diferentes aplicações. Uma modalidade da invenção compreende um
trajeto de fluxo de gás de atenuação de ruído para um compressor contido em
um alojamento de ventilador portátil. Em uma modalidade, o trajeto de fluxo de
gás compreende uma pluralidade de câmaras interconectadas por tubos de
fluxo. O trajeto de fluxo é dobrado de maneira a se encaixar no espaço limitado
de um alojamento de ventilador portátil. As dimensões das câmaras e dos tubos
de fluxo são selecionadas para que seja criado um desencontro de impedâncias
entre as câmaras e os tubos de fluxo. Em uma modalidade da invenção, o
trajeto de fluxo compreende um ou mais tubos perfurados localizados em uma
ou mais das câmaras, O tubo perfurado tem um furo através do qual gás é
aceito e pelo menos um tubo exterior através do qual gás sai. Desencontros de
impedância são criados entre a câmara de entrada e os tubos exteriores e entre
os tubos exteriores e a câmara na qual o tubo perfurado fica localizado, que são
usados na atenuação de ruído. Uma modalidade da invenção compreende um
sistema de montagem de atenuação de ruído para um compressor. O sistema
de montagem compreende montagens flexíveis que cooperam para amortecer
vibrações geradas pelo compressor.
(71) Pulmonetic Systems, Inc. (US)
(72) Douglas F. Devries, Malcolm Williams
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 05/02/2007
(86) PCT US2005/027057 de 29/07/2005
(87) WO 2006/017398 de 16/02/2006
(21) PI 0514147-8 (22) 09/08/2005
1.3
(30) 12/08/2004 US 60/601,078
(51) C07D 231/40 (2008.04), C07D 241/20 (2008.04), C07D 237/20 (2008.04),
A61K 31/415 (2008.04), A61K 31/4965 (2008.04), A61K 31/495 (2008.04),
A61P 3/10 (2008.04), C07C 317/44 (2008.04)
(54) COMPOSTO OU UM SAL FARMACEUTICAMENTE ACEITÁVEL DO
MESMO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, MÉTODOS DE TRATAMENTO
PROFILÁTICO OU TERAPÊUTICO DE UMA CONDIÇÃO ONDE A ATIVAÇÃO
DE GK É DESEJÁVEL, DE TRATAMENTO PROFILÁTICO OU TERAPÊUTICO
DA HIPERGLICEMIA OU DIABETE E DE PREVENÇÃO DA DIABETE EM UM
SER HUMANO QUE DEMOSNTRA HIPERGLICEMIA PRÉ-DIABÉTICA OU
TOLERÂNCIA À GLICOSE PREJUDICADA, E, PROCESSO PARA A
PREPARAÇÃO DO COMPOSTO
(57) COMPOSTO OU UM SAL FARMACEUTICAMENTE ACEITÁVEL DO
MESMO, COMPOSIÇÃO FARMACÊUTICA, MÉTODOS TRATAMENTO
PROFILÁTICO OU TERAPÊUTICO DE UMA CONDIÇÃO ONDE A ATIVAÇÃO
DE GK É DESEJÁVEL, DE TRATAMENTO PROFILÁTICO OU TERAPÊUTICO
DA HIPERGLICEMIA OU DIABETE E DE PREVENÇÃO DA DIABETE EM UM
SER HUMANO QUE DEMONSTRA HIPERGLICEMIA PRÉ-DIABÉTICA OU
TOLERÂNCIA Á GLICOSE PREJUDICADA,E, PROCESSO PARA A
PREPARAÇÃO DO COMPOSTO Os compostos da Fórmula (I) em que R1 é um
grupo cicloalquilsulfonila, ou sais farmaceuticamente aceitáveis do mesmo, são
úteis no tratamento profilático e terapêutico de hiperglicemia e diabete.
(71) Prosidion Limited (GB)
(72) Matthew Colin Thor Fyfe, Vilasben Kanji Shah
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 09/02/2007
(86) PCT GB2005/050129 de 09/08/2005
(87) WO 2006/016194 de 16/02/2006
52
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
RPI 1951 de 27/05/2008
raiz por Fusarium solani (agente causador da síndrome de morte súbita ou
SDS). Os referidos métodos utilizam marcadores moleculares genéticos, para
identificar, selecionar e/ou construir plantas tolerantes a doenças ou identificar e
contra-selecionar plantas susceptíveis a doenças. A presente invenção referese ainda a plantas de soja que apresentam tolerância ou tolerância aumentada
à infecção de raiz por Fusarium solani, as quais são geradas pelos métodos da
invenção.
(71) Pioneer Hi-Bred International, Inc. (US)
(72) Hong Lu, Feng Han, Scott Sebastian, Donald Klye, Paul Stephens
(74) Claudia Christina Schulz
(85) 06/02/2007
(86) PCT US2005/028229 de 08/08/2005
(87) WO 2006/017841 de 16/02/2006
(21) PI 0514148-6 (22) 29/07/2005
1.3
(30) 06/08/2004 US 10/913,922
(51) H01M 6/00 (2008.04)
(54) BATERIA ALCALINA PRIMÁRIA CONTENDO ÓXIDO METÁLICO DE
BISMUTO
(57) BATERIA ALCALINA PRIMÁRIA CONTENDO ÓXIDO METÁLICO DE
BISMUTO. A presente invenção refere-se a uma bateria incluindo um cátodo
com um óxido contendo um ou mais metais e bismuto pentavalente, um ânodo,
um separador entre o cátodo e o ânodo, e um eletrólito alcalino. Os metais
podem ser um metal alcalino, um metal alcalino-terroso, um metal de transição
e/ou um metal do grupo principal. O separador pode ser íon-seletivo ou
substancialmente capaz de impedir que espécies iônicas solúveis de bismuto se
difundam do cátodo para o ânodo.
(71) The Gillette Company (US)
(72) Cahit Eylem, Xiandong Wang, Paul A. Christian, Rita Komm
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 06/02/2007
(86) PCT US2005/027300 de 29/07/2005
(87) WO 2006/017454 de 16/02/2006
(21) PI 0514149-4 (22) 08/08/2005
1.3
(30) 06/08/2004 US 60/599,777; 06/08/2004 US 60/599,705
(51) C12N 15/82 (2008.04)
(54) MÉTODO DE PRODUÇÃO DE PLANTA DE SOJA QUE APRESENTA
TOLERÂNCIA OU TOLERÂNCIA AUMENTADA À INFECÇÃO POR
FUSARIUM SOLANI, MÉTODO E SISTEMA DE IDENTIFICAÇÃO DE PLANTA
OU GERMOPLASMA DE SOJA SOB SUSPEITA DE OU APRESENTANDO
TOLERÂNCIA, TOLERÂNCIA AUMENTADA OU SUSCEPTIBILIDADE À
INFECÇÃO POR FUSARIUM SOLANI, E COMPOSIÇÃO COMPREENDENDO
PAR DE INICIADORES DE AMPLIFICAÇÃO
(57) MÉTODO DE PRODUÇÃO DE PLANTA DE SOJA QUE APRESENTA
TOLERÂNCIA OU TOLERÂNCIA AUMENTADA À INFECÇÃO POR
FUSARIUM SOLANI, MÉTODO E SISTEMA DE IDENTIFICAÇÃO DE PLANTA
OU GERMOPLASMA DE SOJA SOB SUSPEITA DE OU APRESENTANDO
TOLERÂNCIA, TOLERÂNCIA AUMENTADA OU SUSCEPTIBILIDADE À
INFECÇÃO POR FUSARIUM SOLANI, E COMPOSIÇÃO COMPREENDENDO
PAR DE INICIADORES DE AMPLIFICAÇÃO A presente invenção refere-se a
métodos e composições de identificação de plantas de soja que são tolerantes,
que apresentam tolerância aumentada ou que são susceptíveis à infecção de
(21) PI 0514151-6 (22) 23/08/2005
1.3
(30) 27/08/2004 US 10/928.047
(51) B01J 19/00 (2008.04), B01J 19/18 (2008.04), B01J 19/24 (2008.04)
(54) MÉTODO E SISTEMA PARA REDUZIR A ADESÃO DE DEPÓSITOS
INDESEJÁVEIS EM REATORES DE POLIMERIZAÇÃO
(57) MÉTODO E SISTEMA PARA REDUZIR A ADESÃO DE DEPÓSITOS
INDESEJÁVEIS EM REATORES DE POLIMERIZAÇÃO São providas técnicas
para a prevenção de adesão de depósitos indesejáveis de reator, nos reatores
de polimerização. É provida uma técnica para limitar o tamanho de partícula de
polímero para impedir ou limitar a ocorrência de adesão de depósitos
indesejáveis de reator associada às partículas grandes de polímero. Também é
provida uma técnica para medir a temperatura do reator em um ou mais pontos
quentes locais do reator e para controlar a reação de polimerização com base
nessas medições de temperatura. Especiticamente, o controle da reação pode
ser baseado na temperatura mais quente, de tal modo que a temperatura mais
quente no reator é mantida dentro de uma curva de adesão de depósitos
indesejáveis de reator. A técnica também é discutida para prever adesão de
depósitos indesejáveis de reator mediante uso de análises estatísticas, tal como
análise de periodograma, para identificar os indicadores principais de adesão
de depósitos indesejáveis que estão por acontecer. Medidas preventivas podem
ser realizadas mediante identificação de tal indicador principal. Além disso,
análises estatísticas podem ser usadas para identificar os catalisadores que
têm menos propensão à adesão de depósitos indesejáveis.
(71) Chevron Phillips Chemical Company LP (US)
(72) Benjamin M. Shaw, John D. Hottovy, Dale A. Zellers
(74) Orlando de Souza
(85) 06/02/2007
(86) PCT US2005/029784 de 23/08/2005
(87) WO 2006/026224 de 09/03/2006
(21) PI 0514152-4 (22) 27/07/2005
1.3
(30) 06/08/2004 GB 0417601.2
(51) G01N 33/558 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO DE ENSAIO DE FLUXO LATERAL PARA IDENTIFICAR
ANTÍGENOS DE CARBOIDRATO DE UMA AMOSTRA BIOLÓGICA, KIT PARA
IDENTIFICAR ANTÍGENOS DE CARBOIDRATO EM UMA AMOSTRA
BIOLÓGICA, MÉTODOS PARA PRODUZIR UM DISPOSITIVO DE ENSAIO E
PARA IDENTIFICAR ANTÍGENOS DE CARBOIDRATO EM UMA AMOSTRA
BIOLÓGICA
(57) DISPOSITIVO DE ENSAIO DE FLUXO LATERAL PARA IDENTIFICAR
ANTÍGENOS DE CARBOIDRATO EM UMA AMOSTRA BIOLÓGICA, KIT PARA
IDENTIFICAR ANTÍGENOS DE CARBOIDRATO EM UMA AMOSTRA
BIOLÓGICA, MÉTODOS PARA PRODUZIR UM DISPOSITIVO DE ENSAIO E
PARA IDENTIFICAR ANTÍGENOS DE CARBOIDRATO EM UMA AMOSTRA
BIOLÓGICA É descrito um dispositivo de ensaio de fluxo lateral e método de
produzi-lo. O dispositivo, que é para identificar antígenos de carboidrato em
uma amostra biológica, compreende um substrato tendo a) uma zona de
recebimento de amostra, b) uma zona de extração para receber a amostra de
dita zona de recebimento de amostra e dita zona de extração compreendendo,
imobilizados ou de outro modo absorvidos nela, pelo menos um ou mais
reagentes e reagentes que, quando combinados, reagem para formar um
reagente de extração para um desejado antígeno de dita amostra, dita amostra
a ser adicionada em dita zona receptora de amostra opcionalmente
compreendendo o reagente restante, requerido para formar dito reagente de
extração, se não presente em dita zona de extração, c) opcionalmente um
agente de neutralização, capaz de trazer o pH da amostra resultante para
dentro da faixa de pH operacional do ensaio e, d) uma zona de detecção para
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 53
uma ligação específica rotulada ou reagente de captura para dito antígeno a ser
detectado.
(71) Inverness Medical Switzerland Gmbh (CH)
(72) Krzysztof Wojciech Zak, David Williams
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(85) 06/02/2007
(86) PCT GB2005/002927 de 27/07/2005
(87) WO 2006/013329 de 09/02/2006
(21) PI 0514153-2 (22) 08/08/2005
1.3
(30) 06/08/2004 US 60/599,757; 06/08/2004 US 60/559,821
(51) C12Q 1/68 (2008.04), C07K 14/415 (2008.04), A01H 5/10 (2008.04)
(54) MÉTODO DE PRODUÇÃO DE PLANTA DE SOJA QUE APRESENTA
TOLERÂNCIA OU TOLERÂNCIA AUMENTADA À INFECÇÃO POR
PHYTOPHTHORA SP., MÉTODO E SISTEMA DE IDENTIFICAÇÃO DE
PLANTA OU GERMOPLASMA DE SOJA SOB SUSPEITA DE OU
APRESENTANDO
TOLERÂNCIA,
TOLERÂNCIA
AUMENTADA
OU
SUSCEPTIBILIDADE À INFECÇÃO POR PHYTOPHTHORA SP., E
COMPOSIÇÃO
COMPREENDENDO
PAR
DE
INICIADORES
DE
AMPLIFICAÇÃO
(57) MÉTODO DE PRODUÇÃO DE PLANTA DE SOJA QUE APRESENTA
TOLERÂNCIA OU TOLERÂNCIA AUMENTADA À INFECÇÃO POR
PHYTOPHTHORA SP.,MÉTODO E SISTEMA DE IDENTIFICAÇÃO DE
PLANTA OU GERMOPLASMA DE SOJA SOB SUSPEITA DE OU
APRESENTANDO
TOLERÂNCIA,
TOLERÂNCIA
AUMENTADA
OU
SUSCEPTIBILIDADE À INFECÇÃO POR PHYTOPHTHORA SP., E
COMPOSIÇÃO
COMPREENDENDO
PAR
DE
INICIADORES
DE
AMPLIFICAÇÃO A presente invenção refere-se a métodos e composições de
identificação de plantas de soja que são tolerantes, que apresentam tolerância
aumentada ou que são susceptíveis à infecção de raiz por Phytophthora sp. Os
referidos métodos utilizam marcadores moleculares genéticos, para identificar,
selecionar e/ou construir plantas tolerantes a doenças ou identificar e contraselecionar plantas susceptíveis a doenças. A presente invenção refere-se ainda
a plantas de soja que apresentam tolerância ou tolerância aumentada à
infecção de raiz por Phytophthora sp., as quais são geradas pelos métodos da
invenção.
(71) Pioneer Hi-Bred International, Inc. (US)
(72) Feng Han, Scott Sebastian, Hong Lu, Debra Steiger, Bradley Hedges
(74) Claudia Christina Schulz
(85) 06/02/2007
(86) PCT US2005/028163 de 08/08/2005
(87) WO 2006/017833 de 16/02/2006
(21) PI 0702862-8 (22) 26/03/2007
1.3
(30) 28/03/2006 US 11/391,146
(51) C08J 11/04 (2008.04), C08K 3/20 (2008.04)
(54) DISPERSÕES ÁGUA EM ÓLEO DE BETUME E MÉTODOS PARA
PRODUZIR COMPOSIÇÕES DE PAVIMENTAÇÃO A PARTIR DAS MESMAS
(57) DISPERSÕES ÁGUA EM ÓLEO DE BETUME E MÉTODOS PARA
PRODUZIR COMPOSIÇÕES DE PAVIMENTAÇÃO A PARTIR DAS MESMAS.
A presente invenção refere-se a composições betuminosas apropriadas para
uso em aplicações de pavimentação, contendo uma dispersão água em óleo de
betume com betume grau pavimentação, tais como as variedades com grau de
penetração, grau de viscosidade e/ou grau de penetração, que é
substancialmente isenta de solventes voláteis, fabricada controlando a reologia
interfacial dependente da temperatura através do uso de tensoativos seletos. As
composições para pavimentação da invenção são apropriadas para uso na
construção de pavimentos com suporte de carga e alto tráfego, em uma faixa
de temperaturas mais baixa do que aquela necessária para composições de
pavimentação em mistura quente convencionais, mas ainda assim com
compactação similar ou superior até as densidades características, e uma
velocidade de cura pelo menos igual.
(71) Meadwestvaco Corporation (US)
(72) Everett Crews, TOM GIRARDEAU, IAIN JACK
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(85) 07/11/2007
(86) PCT US2007/064897 de 26/03/2007
(87) WO 2007/112335 de 04/10/2007
3. Publicação do Pedido
3.1
PUBLICAÇÃO DO PEDIDO DE PATENTE OU DE
CERTIFICADO DE ADIÇÃO DE INVENÇÃO
(21) MU 8600946-0 (22) 18/05/2006
3.1
(51) B01L 9/00 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM MANIPULADOR AUTOMATIZADO DE
MICROPLACAS
(57) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM MANIPULADOR AUTOMATIZADO DE
MICROPLACAS. Refere-se a presente patente de modelo de utilidade a uma
disposição nova introduzida em Manipulador Automatizado de Placas ou
Microplacas, constituído de uma caixa (1) metálica ou outro material contendo
um receptáculo sobre o qual são empilhadas as placas a serem processadas
(2), um receptáculo no qual as placas já processadas são devolvidas (3) e uma
posição onde as placas são levadas e expostas para processamento (4).
Detalhes do mecanismo são mostrados na FIGURA 2: ela mostra a plataforma
que faz os movimentos verticais (1) e que também é deslocada linearmente e
de forma horizontal sobre eixos (2) mediante uma polia (3) e motor (4). A
plataforma possui ainda quatro presilhas controladas por servo-motor que
seguram as placas firmemente (5) durante a rápida movimentação das
mesmas. A presente patente de modelo de utilidade propõe uma concepção
nova para um manipulador automatizado de microplacas a ser empregado em
equipamentos de análises, em sistemas de preparação de amostras, em
sistemas de armazenamento de amostras, ou de forma genérica, em sistemas
de processamento de amostras ou materiais depositadas nos buracos de
placas de poços ou na superfície de placas em geral. Esta nova concepção foi
projetada para operar qualquer placa ou microplaca de forma totalmente
controlada por microprocessadores e softwares embarcados mediante
comandos externos, é extremamente compacta, leve, de operação robusta e
estável. Possui velocidade de operação regulável, não gera ruído no laboratório
e ainda a opção de permitir a adição livre e de forma aleatória, durante a
operação, um número ilimitado de placas. A operação somente é interrompida
quando não tiver mais placas na pilha de alimentação.
(71) I.S. Biotech Sensores e Biotecnologia Ltda (BR/RS) , Mandaji & Chagas e
Indústria e Comércio de Equipamentos para Laboratórios Ltda. (BR/RS)
(72) Marcos Mandaji, Floriano Aguilar Chagas Filho, Tarso Benigno Ledur Kist,
Hugo Guilherme Malheiros Kiehl
(21) MU 8601221-5 (22) 31/03/2006
3.1
(51) A01M 13/00 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA APLICADA EM FUMEGADOR
(57) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA APLICADA EM FUMEGADOR. modelo de
utilidade de uma disposição construtiva aplicada em fumegador, no que
concerne à uma maior aplicabilidade e manuseio de um utensílio indispensável
na apicultura, utensílio este que tem, como finalidade, diminuir a agressividade
das abelhas, Apresenta uma série de vantagens aos modelos conhecidos, vez
que, a partir de sua fabricação em alumínio fundido, elimina o uso de soldas. O
54
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
recipiente, conhecido como tubo queimador é inteiriço, sendo este corpo único
adaptado ao suporte do fole. As propriedades de um corpo inteiriço, somado as
demais partes, e fabricados preferentemente em alumínio fundido, faz com que
se elimine a processo de aparecimento de ferrugens, bem como de não se
amassar, sendo ainda desmontável e lavável, leve e de grande durabilidade.
(71) Almir Gomes Vieira (BR/MG)
(72) Almir Gomes Vieira
(74) Eduardo Lívio Daimond
(21) MU 8601662-8 (22) 30/06/2006
3.1
(51) F42B 4/02 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM CÁPSULAS PARA ROJÃO
(57) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM CÁPSULAS PARA ROJÃO. Modelo de
utilidade de uma disposição introduzida em cápsulas em fogos de artifícios, do
tipo rojão, desenvolvida a partir de formato diferenciado e adequado da câmara
superior, que propicia um melhor resultado, com ascensão verticalizada mais
precisa e mais estável. Constituída de ma cápsula tubocilíndrica envolvente
formada por duas câmaras comunicantes (1) e (2) com tampa triangular
isósceles (3) ou ogiva. Compreende uma das câmaras (2) para
acondicionamento da cápsula explosiva (1) do material explosivo formador do
petardo e a outra câmara (2) para acondicionamento do material propulsor do
rojão que contém um tubo anexo (4).
(71) Roberto de Sousa (BR/MG)
(72) Roberto de Sousa
(74) Daimond Consultoria Empresarial
(21) MU 8602093-5 (22) 09/10/2006
3.1
(51) A24F 19/00 (2008.04)
(54) CINZEIRO QUADRADO DESCARTÁVEL ANTI-CHAMA
(57) Cinzeiro quadrado descartável anti-chama. A presente patente de modelo
de utilidade tem por objetivo um modelo de cinzeiro quadrado descartável de
papel, impregnado com um composto anti-chama (intumescente) que pode ser
à base de água, ou não, para usa imediato, acabando com os aborrecimentos
de higiene e mau cheiro em ambientes fechados. A Fig. 4 demonstra o
processo de fabricação do papel do cinzeiro que após receber os cortes finais
fica como demonstrado nas Fig. 1, ainda sem receber a dobragem, onde vemos
RPI 1951 de 27/05/2008
os pontos de colagem (A), que é feita conforme demonstrado na Fig. 2. Após a
dobragem o cinzeiro toma a forma demonstrada na Fig. 3.
(71) Rogério Luiz de Sousa (BR/SC)
(72) Rogério Luiz Camuri
(74) Hélio Schroeder D'Avila
(21) MU 8602099-4 (22) 04/10/2006
3.1
(51) B65D 25/48 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO TRANSFERIDOR DE TINTAS
(57) DISPOSITIVO TRANSFERIDOR DE TINTAS, trata-se de um equipamento
destinado a serem aplicados nas bordas de latas de tintas, vernizes, primes e
produtos congêneres otimizando a retirada destes materiais dos recipientes,
sendo composto de transferidor (1) que possui em sua extremidade côncava
borda de encaixe (2), o dispositivo otimizará a retirada dos produtos dos
recipientes evitando contato direto do técnico, profissional, usuário com o
líquido e também perdas de materiais.
(71) Hudson Pedro Soares de Soares (BR/ES)
(72) Hudson Pedro Soares de Soares
(21) MU 8602143-5 (22) 10/10/2006
3.1
(51) B05C 17/00 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA EM TRINCHA OU PINCEL COM
RECORTE PARA DESCANSO
(57) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA EM TRINCHA OU PINCEL COM
RECORTE PARA DESCANSO Trata a presente solicitação de Patente de
Modelo de Utilidade de uma disposição construtiva introduzida em trinchas e
pincéis, que consiste na forma diferenciada com recorte especial de um dos
lados do cabo de trinchas e pincéis, dotado de recorte para descanso onde a
trincha ou pincel pode ser posto na borda de bandejas de pintura e bordas de
latas de tinta, promovendo a estabilidade quando do repouso horizontal do
pincel ou trincha.
(71) Condor S.A. (BR/SC)
(72) Osmar Muhlbauer
(74) Maura da Cunha Freire
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) MU 8602144-3 (22) 11/10/2006
3.1
(51) A61C 8/00 (2008.04)
(54)
IMPLANTE
DENTÁRIO
DO
TIPO
ÁPICE
EXPANSÍVEL
QUADRIFURCADO
(57)
IMPLANTE
DENTÁRIO
DO
TIPO
ÁPICE
EXPANSÍVEL
QUADRIFURCADO patente do modelo de utilidade de um novo tipo de implante
dentário expansível, composto por corpo de perfil cônico e com roscas externas
2, dotado de hexágono interno ou externo para o suporte de próteses que de
tem índices guias de direção das deformações 1, na porção mais superior do
cone 2 que por sua vez e constituído internamente por cilindro de paredes
rosqueadas 5 que conduz o embalo de deformação programada 4 em direção
ao platô interno de deformação apical 3, que vai direcionar as extremidades
apicais deformáveis 6 em diferentes direções 11. O corpo cônico rosqueado 2,
possui seus sulcos guias de deformação controlada 7 para favorecer a
deformação das extremidades apicais com menos força empregada. O mesmo
uma vez em loja previamente criada quando acionado tem suas extremidades
apicais abertas e isso faz com que a peça possua extrema estabilidade inicial
dentro de sua aloja, idealmente elaborado para tipos ósseos de baixa
densidade.
(71) Rodrigo de Oliveira Ferreira (BR/RJ)
(72) Rodrigo de Oliveira Ferreira
(21) MU 8602145-1 (22) 11/10/2006
3.1
(51) B25D 11/02 (2008.04), B21D 1/12 (2008.04), B25B 33/00 (2008.04)
(54) TIRA MOUSSAS E AMASSADOS DE VEÍCULOS
(57) Tira moussas e amassados de veículos, caracterizado por uma ferramenta
elétrica que, montado sob um eixo central (1), temos o punho (2) revestido de
borracha, onde logo após temos o suporte do gatilho (4), onde está disposto o
gatilho (3) e o suporte de conexão elétrica (6). Após temos a arruela de impacto
(5), que serve como um batente para que o punho de impacto (7), que deve ser
revestido de borracha onde desliza sob o eixo central. Finalmente temos o
limitador (8), que fixa a área de ação do punho de impacto (7) seguido de trava
de fixação (9), para prender e regular a vareta de contato (10).
(71) Luis Alves Bernardino (BR/RJ)
(72) Luis Alves Bernardino
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 55
(21) MU 8602226-1 (22) 09/10/2006
3.1
(51) B65D 85/00 (2008.04), A47J 47/00 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM PORTA-FILTRO CONJUGADO A
PORTA-PÓ DE CAFÉ
(57) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM PORTA-FILTRO CONJUGADO A
PORTA-PÓ DE CAFÉ, formado por um corpo principal (2) bojudo para o
acondicionamento do pó de café (P), protegido pela aplicação de uma tampa
(7), dito corpo (2) conjugando, ao longo de sua parede posterior (6), um
alojamento (9) em forma de duas paredes em "U" paralelas, de borda superior
arredondada (10) - do mesmo formato do filtro de papel (F). O alojamento (9)
recebendo, a partir da própria parede lateral do corpo principal, uma lâmina em
forma de tampa delgada (13), flexível, a qual é naturalmente sobreposta, pela
sua aba inferior (15), por gravidade, apoiada sobre a borda superior do
alojamento (9), fechando-o e protegendo os filtros de papel (F).
(71) Tadeu Luís da Costa (BR/SP)
(72) Tadeu Luís da Costa
(74) Maurício Darré
(21) MU 8602227-0 (22) 09/10/2006
3.1
(51) A01G 9/02 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA INTRODUZIDA EM CARTUCHO INTERNO
COM AREIA, ÁGUA E BRITA OU SIMILAR APLICADO NO CULTIVO DE
PLANTAS EM VASOS E CORRELATOS
(57) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA INTRODUZIDA EM CARTUCHO INTERNO
COM AREIA, ÁGUA E BRITA OU SIMILAR APLICADO NO CULTIVO DE
PLANTAS EM VASOS E CORRELATOS. Trata o presente modelo de utilidade
de uma disposição construtiva introduzida em cartucho com areia, água e brita
ou similar aplicado no cultivo de plantas em vasos e correlatos, mais
precisamente trata-se de um cartucho plástico e atóxico especialmente
desenvolvido para conter elementos que permitem manter a umidade e a
aeração radicular de plantas em vasos e água por um período maior de tempo,
limpa e isenta de criação de dengue ou pernilongo.
(71) Donizete Nunes Pereira (BR/SP)
(72) Donizete Nunes Pereira
(74) Cone Sul Marcas e Patentes Ltda
56
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(21) MU 8602228-8 (22) 09/10/2006
3.1
(51) G09B 21/02 (2008.04)
(54) APERFEIÇOAMENTO INTRODUZIDO EM EQUIPAMENTO PARA
ESCRITA DO BRAILLE
(57) APERFEIÇOAMENTO INTRODUZIDO EM EQUIPAMENTO PARA
ESCRITA DO BRAILLE. A presente patente diz respeito a um aperfeiçoamento
em equipamento de escrita manual do braille, consubstanciado por uma caneta
com uma única ponta côncava, ou uma caneta com seis pontas côncavas e
retráteis com o uso de botões, a qual dispõe as seis pontas côncavas e retráteis
dentro e uma outra ponta retangular e retrátil, bem como por uma régua guia
composta por duas partes denominadas de placas inferior e superior, as quais
são unidas por um eixo (dobradiça), apresentando-se como uma tecnologia
assistiva ou também como ajuda técnica voltada a escrita manual do código
braille, ou seja, um material com o qual a escrita manual do braille é feita em
alto-relevo, todos os pontos necessários a formação de uma letra são feitos
através de um movimento de pressão sobre a folha, uma única vez por
caractere.
(71) Aline Piccoli Otalara (BR/SP)
(72) Aline Piccoli Otalara
(74) Ednéa Casagrande Pinheiro
(21) MU 8602266-0 (22) 09/10/2006
3.1
(51) A61C 8/00 (2008.04)
(54) APERFEIÇOAMENTO INTRODUZIDO EM TAMPA OU PILÃO DO
PARTICULADOR ÓSSEO
(57) APERFEIÇOAMENTO INTRODUZIDO EM TAMPA OU PILÃO DO
PARTICULADOR ÓSSEO Refere-se o presente pedido de patente de modelo
de utilidade a uma inovadora tampa do particulador ósseo, dotada de superfície
estriada no qual gera maior aderência com o osso e impede que este
escorregue pela tampa e venha a travar a lâmina junto ao corpo, a presente
patente é caracteriza-se essencialmente por constituir-se de uma tampa (7)
dotada de estrias na superfície (7.1) de contato com o osso.
(71) Geninho Thomé (BR/PR)
(72) Geninho Thomé
(74) Carlos Eduardo Gomes da Silva
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) MU 8602267-9 (22) 09/10/2006
3.1
(51) B29D 7/01 (2008.04)
(54) CESTA/CAIXA DE PAPEL IMPERMEÁVEL DESCARTÁVEL
(57) Cesta/caixa de papel impermeável descartável Refere-se a presente
patente modelo de utilidade a uma cesta/caixa produzida em papel
impermeável descartável que pode ser aplicada em diversos tipos de usa,
produzida com um compósito de plástica/papel cujo processo de fabricação é
uma simples dispersão de uma solução plástica sobre as fibras de uma folha de
papel que, após secagem, forma uma finíssima camada de plástico, garantindo
ao novo produto maior resistência, impermeabilidade e dureza, que será
utilizado como matéria prima na confecção da cesta/caixa, e que, devido a seu
baixo percentual de plástico, contribui para a diminuição do impacto ambiental.
Esse compósito de plástico/papel substituirá os atuais processos de preparação
de compósitos de plásticos com papel, ou qualquer outra fibra vegetal,
utilizando-se de equipamentos pesados como, por exemplo, extrusoras de
dupla rosca, termo-formagem e outros, sendo que a cesta/baixa é basicamente
uma folha recortada e dobrada conforme figuras 1,2, 3,4, 5 e 6, senda que o
processo de tratamento do compósito ocorre como na Fig; 7.
(71) Rogério Luiz de Sousa (BR/SC)
(72) Rogério Luiz Camuri
(74) Hélio Schroeder D'Avila
(21) MU 8602268-7 (22) 09/10/2006
3.1
(51) F24H 1/20 (2008.04)
(54) AQUECEDOR COMPACTO PARA AMBIENTES EMPREGANDO VAPOR
GERADO ELETRICAMENTE
(57) Aquecedor compacto para ambientes empregando vapor gerado
eletricamente Ebulidor no interior de uma caldeira, gera vapor, o calor é
dissipado para o ambiente através de um condensador e a água retorna para a
caldeira diretamente, pois o conjunto forma uma unidade compacta.
(71) Carlos Renê Alves (BR/RS)
(72) Carlos Renê Alves
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) MU 8602269-5 (22) 09/10/2006
3.1
(51) B27L 11/00 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA APLICADA A MESA INDIVIDUALIZADORA
E DOSADORA DE TORAS PARA ALIMENTAÇÃO DE PICADORES DE
MADEIRA
(57) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA APLICADA A MESA INDIVIDUALIZADORA
E DOSADORA DE TORAS PARA ALIMENTAÇÃO DE PICADORES DE
MADEIRA sendo conjunto estrutural da mesa individualizadora e dosadora de
toras(1), pelo qual as toras(2) estarão sendo transportadas ao longo do plano
inclinado(3) por correntes com garras de suporte ou aditamentos para
transporte de toras(4), tendo aos lados paredes duplas laterais com
preenchimento de areia(5) sendo que ao alcançar o ponto elevado da mesa
transportadora(6), tal correntes com garras de suporte ou aditamentos para
transporte de toras(4) que evitam o travamento das toras pelas taliscas
longitudinais, adentram a um orifício restrito limitador da dispersão de
resíduos(7), deixando as toras(2) livres para continuar o trajeto as quais caem
por gravidade sobre uma calha curva de parede dupla com preenchimento de
areia(8), cujo preenchimento tem por objetivo a redução de ruído de impacto, e
a continuar este trajeto, após o desnível entre a calha curva de parede dupla
com preenchimento de areia(8), as toras(2), impactam a parede dupla vertical
preenchida internamente com areia(9), para depois cair sobre a corrente
transversal(10), considerando que para toras de maior diâmetro a parede dupla
vertical preenchida internamente com areia(9) poderá dispensar o
preenchimento com areia internamente por ter em sua parte posterior molas ou
amortecedores articulados reguláveis(11) preso a um suporte estruturado(12).
(71) Honório Luiz Zanella (BR/PR)
(72) Honório Luiz Zanella
(74) Alcion Bubniak
(21) MU 8602271-7 (22) 10/10/2006
3.1
(51) A41D 27/00 (2008.04), A41D 1/00 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO TÉCNICA INTRODUZIDA EM MODELAGEM DE CALÇA,
BERMUDA, SHORT E SAIA, A PARTIR DA COMBINAÇÃO DO JEANS E
ELASTANO
(57) DISPOSIÇÃO TÉCNICA INTRODUZIDA EM MODELAGEM DE CALÇA,
BERMUDA, SHORT E SAIA, A PARTIR DA COMBINAÇÃO DO JEANS E
ELASTANO Por consistir em um Modela de Utilidade, configurado através da
mesclagem de tiras da lycra (elastano) com o algodão (jeans) em partes
fundamentais do cós, pala entre pernas e laterais - pontos de equilíbrio na
composição de uma modelagem dos mais diversos tamanhos de manequins de
calça, bermuda, short e saia, aplicado para diferentes formas e silhuetas
femininas e ou masculinas a partir da combinação do elastano e jeans para
acomodar todas as formas e estilos, na facção da peça e dos mais diversos
tamanhos de manequins que essa modelagem possa permitir.
(71) Silfarley Magno Peterli (BR/ES)
(72) Silfarley Magno Peterli
(74) Carlos Alberto Rizzo
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 57
(21) MU 8602272-5 (22) 10/10/2006
3.1
(51) E03F 11/00 (2008.04)
(54) TANQUE SÉPTICO CONSTRUÍDO EM PEDRA ARDÓSIA
(57) TANQUE SÉPTICO CONSTRUÍDO EM PEDRA ARDÓSIA refere-se a um
modelo de tanque e filtro em que se utiliza um material inovador, ecológico,
mais resistente, de fácil limpeza e com um custo menor na confecção. O tanque
séptico construído em pedra ardósia, assim concebido é formado a partir de um
tanque séptico (1), construído em módulos de pedra ardósia (2), tendo uma
tubulação de entrada (3) assim como uma tampa (4) para limpeza e vistoria e
uma tubulação de saída (5). O tanque é conectado ao filtro anaeróbio (6), que
possui unia tubulação para limpeza (7), um fundo falso (8) e perfurado sobre o
qual é depositada uma camada de brita número quatro (9) ou seixo rolado. Na
parte mais alta há uma calha vertedoura (10) que encaminha os resíduos para a
tubulação de saída (11), e deste para a rede de esgotos.
(71) Jackson Schmitt Wanka (BR/SC)
(72) Jackson Schmitt Wanka
(74) Jean Carlos Rosa
(21) MU 8602273-3 (22) 10/10/2006
3.1
(51) G01S 1/08 (2008.04), B60R 11/02 (2008.04)
(54) SISTEMA DE ALERTA AO MOTORISTA, SOBRE A APROXIMAÇÃO DE
MOTOCICLETA E BICICLETA, VIA ONDAS DE RÁDIO
(57) SISTEMA DE ALERTA AO MOTORISTA, SOBRE A APROXIMAÇÃO DE
MOTOCICLETA E BICICLETA, VIA ONDAS DE RÁDIO O presente modelo de
utilidade é um "Sistema de Alerta ao Motorista de Veículos Motorizados (de dois
ou mais eixos), via ondas de rádio", sobre a aproximação de motocicletas ou
bicicletas e tem por finalidade avisar ao motorista de veículos motorizados (de
dois ou mais eixos), que uma motocicleta ou bicicleta, está próxima ou dentro
de um perímetro considerado de risco de colisão, e que este deverá redobrar
sua atenção a fim de evitar um acidente. Indica inclusive qual a posição que a
motocicleta ou bicicleta se aproxima, direita ou esquerda. O sistema é
composto de dois módulos distintos: módulo transmissor de RF que será
instalado nas motocicletas e bicicletas, e o módulo receptor de RF que será
instalado no painel ou pára-brisa dos veículos motorizados (de dois ou mais
eixos). O transmissor (Tx) enviará um sinal de freqüência fixa, codificado,
direcional e de curto alcance. O receptor (Rx) sintonizado na mesma
freqüência, decodificará o sinal recebido e emitirá um sinal luminoso e outro
sonoro (bip), a fim de alertar o motorista.
(71) Christian de Mauro Miranda (BR/DF)
(72) Christian de Mauro Miranda
(21) MU 8602274-1 (22) 11/10/2006
3.1
(51) A63D 3/00 (2008.04), A63D 3/02 (2008.04), A63F 7/24 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA APLICADA EM MESA PARA BOLICHE
(57) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA APLICADA EM MESA PARA BOLICHE,
consistindo-se de uma mesa especialmente construída para prática desse jogo,
contando com um curso específico para que uma bola possa ser arremessada
por um taco apropriado, colidindo com um conjunto de pinos que fica
adequadamente posicionado em um ponto especial da mesa, de modo que a
bola jogada pelo taco deva derrubar o maior número possível de pinos,
computando como pontos para o jogador que estiver realizando a jogada.
(71) Orlando Minusso (BR/RS)
58
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
RPI 1951 de 27/05/2008
(72) Orlando Minusso
(74) Norberto Pardelhas de Bacellos
(21) MU 8602337-3 (22) 09/10/2006
3.1
(51) A01G 29/00 (2008.04), A01C 23/02 (2008.04), A01C 23/04 (2008.04)
(54)
DISPOSIÇÃO
INTRODUZIDA
EM
DISPOSITIVO
DOSADOR
VOLUMÉTRICO MANUAL PARA LÍQUIDOS COM REGULAGEM DA DOSE E
CARGA E DESCARGA AUTOMÁTICA
(57)
DISPOSIÇÃO
INTRODUZIDA
EM
DISPOSITIVO
DOSADOR
VOLUMÉTRICO MANUAL PARA LÍQUIDOS COM REGULAGEM DA DOSE E
CARGA E DESCARGA AUTOMÁTICA.. Novo dispositivo dosador volumétrico
manual, o qual permite ajustar a dose a ser aplicada, com carga e descarga
automática utilizado para aplicação de doses escolhidas de produtos líquidos.
Onde este dispositivo foi aperfeiçoado e desenvolvido para ser adotado e
utilizado em diversos equipamentos manuais dosadores, tais como pistolas e
lanças de aplicação de doses, e outros. Podendo ser utilizado na área
agropecuária veterinária, agrícola e qualquer outra área onde se faça
necessário. Tratando-se de um equipamento simples, de construção sólida,
podendo ser fabricado com o material adequado a cada tipo de produto
utilizado, mais ou menos agressivo, aumentando sua vida útil, atendendo assim
a demanda do mercado, alem de proporcionar doses exatas, maior agilidade ao
operador, dispensar menor esforço na execução da sua tarefa, dando maior
economia de tempo e produto, atendendo os mais diversos seguimentos
produtivos como, comercio, indústria, agricultura e pecuária, e ser um
equipamento simples de fácil manuseio, limpeza e manutenção pratica e barata.
(71) Francisco de Assis da Silva (BR/SP)
(72) Francisco de Assis da Silva
(74) Toledo Corrêa Marcas e Patentes S/C Ltda
(21) MU 8602338-1 (22) 11/10/2006
3.1
(51) A61C 8/00 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM PILAR ANGULADO PARA IMPLANTE
ZIGOMÁTICO
(57) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM PILAR ANGULADO PARA IMPLANTE
ZIGOMÁTICO, é constituído por um pilar angulado para implante zigomático (1)
pertencente ao campo da odontologia e medicina definido um elemento
metálico de estrutura cônico circular (2) contendo duas bases de acoplagem,
sendo uma para formação da cavidade de fixação (3) e outra que integra um
pino projetado de fixação (4) o pilar angulado para implante zigomático (1)
possui o pino projetado de fixação (4) um encaixe macho sextavado (12) e um
encaixe cilíndrico macho inferior (13), que se insere na cavidade de
acoplamento (5) da extremidade inferior ou anterior do elemento de
osseointegração (6), cujo conjunto se fixa por parafuso de fixação, o pilar
angulado para implante zigomático (1) corrige o ângulo de desvio entre prótese
dentaria e o elemento de osseointegração (6), por incremento de coordenadas
angulares entre o eixo longitudinal de sua cavidade de fixação (3) e o eixo
longitudinal de seu pino projetado de fixação (4), posicionando com correta
geometria, a prótese dentaria em relação à estrutura bucal do paciente.
(71) Rodolfo Cândia Alba Junior (BR/SP) , Douglas Cândido Figueira (BR/SP)
(72) Rodolfo Cândia Alba Junior, Douglas Cândido Figueira
(74) Maria do Rosário de Lima
(21) MU 8602339-0 (22) 11/10/2006
3.1
(51) A47B 81/00 (2008.04), A47B 46/00 (2008.04), A47B 87/00 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM MÓVEL MULTIFUNCIONAL
(57) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM MÓVEL MULTIFUNCIONAL, tem por
abjeto um prático e inovador móvel multifuncional (1), pertencente ao campo da
indústria de mobílias, num dormitório, por exemplo, é comum a presença do
mobiliário comum (cama, guarda-roupas e escrivaninha) e de aparelhos como
microcomputadores, televisões, equipamento de vídeo-game, reprodutores de
DVDs, entre outros; a fim de comportar a demanda criada com a necessidade
de acomodação desses equipamentos, foram desenvolvidos mobiliários que
pudessem suprir essa necessidade, assim, foi criado um móvel para cada tipo
de aparelho; o mobiliário disponível no mercado auxilia na acomodação dos
equipamentos e utensílios utilizados num dormitório, porém todos esses
modelos ocupam muito espaço; a presente disposição é constituída por um
móvel (1) projetado com a finalidade de acomodar todos os equipamentos e
utensílios que podem estar presentes num dormitório moderno; tem-se portanto
no pedido da presente patente um móvel (1) que integra um guarda roupa, um
rack para equipamentos eletrônicos e um compartimento com mesa para um
micro-computador (22) e seus equipamentos periféricos em uma estrutura
única.
(71) Indústria de Móveis Bartira Ltda (BR/SP)
(72) Michael Klein
(74) Itamarati Patentes e Marcas Ltda
(21) MU 8602341-1 (22) 11/10/2006
3.1
(51) A24F 19/00 (2008.04)
(54) CINZEIRO INDIVIDUAL DESCARTÁVEL
(57) CINZEIRO INDIVIDUAL DESCARTÁVEL compreendido por uma película
única (1) de material celulósico biodegradável impregnado com material
inflamável, dita película (1) planificada e recortada de modo a permitir, por meio
de linhas de vinco (2), a sua montagem para uma forma cônica, onde define
urna abertura inferior (4) de contorno substancialmente menor que uma
abertura superior (5) de contorno substancialmente maior que o contorno da
abertura interior (4), de modo a permitir, após sua montagem, a instalação ou
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 59
introdução temporária e parcial desse recipiente cônico (3) na areia da praia
(A), a qual lhe dá suporte, sustentação e atua como elemento neutralizador do
cheiro exalado pelas cinzas do cigarro (C) fumado.
(71) Giacomo Salizzoni (IT)
(72) Giacomo Salizzoni
(74) Paulo Cesar Vaz Machado
(21) MU 8602342-0 (22) 13/10/2006
3.1
(51) B60B 7/00 (2008.04)
(54) PROTETOR DE RODAS E PNEUS
(57) PROTETOR DE RODAS E PNEUS, protetor (1) particularmente destinado
a recobrir toda a face exposta do pneu e roda evitando, assim, a corrosão e
manchas provenientes da acidez da urina dos animais domésticos; dita protetor
(1) é conformado em peça única, compreendendo um painel vertical (2), com
espessura substancialmente fina, cuja aresta lateral e superior pode ou não
projetar-se porção de parede contornante (4) que recobre as partes laterais e
superior do pneu e em cujas bordas é fixado um meio de retenção (5) do
protetor (1) junto ao pneu (P); da aresta inferior do painel (2) prolonga-se,
perpendicularmente para frente, um prato (7) que apresenta borda frontal (8) e
paredes laterais (9), configurando um receptáculo recolhedor da urina do
animal.
(71) Rodrigo Recchia Neto (BR/SP)
(72) Rodrigo Recchia Neto
(74) Cone Sul Marcas e Patentes Ltda
(21) MU 8602501-5 (22) 09/10/2006
3.1
(51) B04C 11/00 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO PARA MONITORAMENTO DO DESGASTE NAS
TUBULAÇÕES DE SAÍDA DE FLUXO DOS CLASSIFICADORES MECÂNICOS
(57) DISPOSITIVO PARA MONITORAMENTO DO DESGASTE NAS
TUBULAÇÕES DE SAÍDA DE FLUXO DOS CLASSIFICADORES
MECÂNICOS, definido por uma luva tubular (10) de material resistente a
abrasão provida de um conjunto de sensores (1) distribuídos radialmente ao
longo do perímetro desta luva (10) e eqüidistantes de seu centro, ditos sensores
que são conectados a um dispositivo eletrônico o qual alimentado por uma fonte
de energia, informa ao operador as condições mecânicas do Apex (20) e Vortex
(30).
(71) Companhia Vale do Rio Doce (BR/MG)
(72) Marcos Canossa da Costa
(74) Denise Naimara dos Santos Tavares
(21) MU 8602502-3 (22) 09/10/2006
3.1
(51) F21K 2/00 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM LUMINÁRIA INCLINADA
(57) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM LUMINÁRIA INCLINADA Compreende a
presente patente de modelo de utilidade a um modelo de modelo de luminária
inclinada contendo volume triangular oco com base em forma de moldura
retangular (1) contendo uma caixa giratória (2), que acondiciona um aro (3) em
sua parte frontal, disposta ao lado de uma chapa frisada plana (4), com função
de giro e orientação do foco de uma lâmpada. Dita caixa giratória que é
articulada em um eixo (5) e sobre uma bilha esférica, instalada sobre pressão
próxima ao vértice do volume triangular, que permite limitar e regular o ângulo
de giro da caixa giratória. Podendo esta forma admitir, ainda, vários arranjos,
tais como: disposição em dupla, onde a forma básica e simples é unida
lateralmente à outra (ou outras), e uma forma variante, onde a caixa giratória e
o aro para acondicionamento da lâmpada são excluídos, sendo substituídos por
uma caixa giratória opcional (6) contendo um refletor interno (7) com difusor
frontal de vidro ou acrílico. Podendo, ainda, nesta forma, a articulação ser feita
via eixo e bilha esférica, através de um pino puxador (8).
(71) Eliazar Vieira de Rezende (BR/MG)
(72) Eliazar Vieira de Rezende
(74) Charles Soares Rocha
(21) MU 8602503-1 (22) 09/10/2006
3.1
(51) B25H 1/12 (2008.04), B01L 9/02 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA EM BANCADA COLETORA E
SEPARADORA DE RESÍDUOS
(57) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA EM BANCADA COLETORA E
SEPARADORA DE RESÍDUOS, compreendendo uma estrutura metálica,
composta de pelo menos quatro suportes verticais (1), interligados dois a dois
por uma haste horizontal (3) com pelo menos uma travessa mediana (2), que
suporta uma plataforma horizontal (4), esta ultima composta preferencialmente
de um material termoplástico, com duas abas (5), em suas extremidades
laterais, podendo ser composta do mesmo material da estrutura da bancada.
Possui também em sua parte posterior uma abertura, com uma calha em
formato cônico (6). A extremidade inferior desta calha (6) possui alguns
ganchos (8), ou qualquer outro sistema de fixação, a fim de suportar o
recipiente utilizado para a coleta dos resíduos.
(71) Companhia Vale do Rio Doce (BR/MG)
(72) Alan Robson S. Correia, Abraão Lucas Freitas Furtado, Ademir Abreu e
Silva, Amadeu Xavier Nóbrega, Nilson Nonato S. de Jesus
(74) Denise Naimara dos Santos Tavares
60
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
RPI 1951 de 27/05/2008
valorizar a obra de artistas plásticos, fotógrafos, celebridades do esporte,
cinema e até mesmo pontos turísticos de cidades e do Brasil em geral, além de
propagandas institucionais para empresas. Obs: Segue amostra idealizada e
finalizada, pelo fotógrafo Cesar Luiz Pilatti, por ocasião dos vinte e cinco anos
de profissão.
(71) Cesar Pilatti (BR/PR)
(72) Cesar Pilatti, Dirceu Edson Wommer
(21) MU 8602504-0 (22) 11/10/2006
3.1
(51) B65B 3/02 (2008.04)
(54) PRENSA DE FECHAMENTO E CORTE NO SENTIDO HORIZONTAL E
NO SENTIDO OBLÍQUO EM EMBALAGENS PLÁSTICAS
(57) PRENSA DE FECHAMENTO E CORTE NO SENTIDO HORIZONTAL E
NO SENTIDO OBLIQUO EM EMBALAGENS PLÁSTICAS. A PRENSA DE
FECHAMENTO E CORTE NO SENTIDO HORIZONTAL E NO SENTIDO
OBLIQUO EM EMBALAGENS PLÁSTICAS, permite realizar o fechamento e o
corte em embalagens plásticas no sentido horizontal em um lado da
embalagem e o fechamento e corte no sentido obliquo no outro lado da
embalagem, proporcionado assim uma economia de embalagem,otimizando a
retirada do liquido envasado na embalagem e inovando o aspecto visual da
embalagem. A dita PRENSA é dotada de uma coluna pequena esquerda (10),
uma coluna pequena direita (9) e um eletrodo (18) fixados a placa móvel (7),
com o apoio girante (6) interligando a placa móvel (7) à placa fixa (4),
possibilitando o giro do conjunto eletrodo quando a haste de inclinação do
conjunto prensa (21) movimenta-se e desloca o pino de apoio do giro (22)
interligado à coluna pequena esquerda (10), permitindo o posicionamento para
o fechamento e o corte de embalagens plásticas, em dois planos diferentes, um
sendo o plano horizontal paralelo à face superior da placa fixa (4) e o outro
sendo o plano obliquo ao plano horizontal paralelo à face superior da placa fixa
(4).
(71) Paulino da Silva (BR/MG)
(72) Paulino da Silva
(21) MU 8602613-5 (22) 06/10/2006
3.1
(51) B42C 7/00 (2008.04)
(54) PORTA-CARTÕES - ESTOJOS - PARA CARTÕES POSTAIS
(57) PORTA CARTÕES - ESTOJOS - PARA CARTÕES POSTAIS. Patente de
Modelo de Porta Cartões "estojo" de Utilidade para cartões postais quer seja
com obras de artistas ou fotografias de cidades. e pontos turísticos, com
mensagens ou simplesmente lisos, dobráveis ou, apenas frente e verso, com
diversas gramaturas e diversos tamanhos. Pois o mesmo visa potencializar e
(21) MU 8602763-8 (22) 10/10/2006
3.1
(51) G02B 1/04 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO TÉCNICA INTRODUZIDA EM FILME PROTETOR PARA
ÓCULOS E LENTE DE MÁSCARA DE SEGURANÇA DE EQUIPAMENTOS
INDUSTRIAIS
(57) DISPOSIÇÃO TÉCNICA INTRODUZIDA EM FILME PROTETOR PARA
ÓCULOS E LENTE DE MÁSCARA DE SEGURANÇA DE EQUIPAMENTOS
INDUSTRIAIS. O presente Modelo de Utilidade diz respeito à Disposição
Técnica Introduzida em Filme Protetor Para Óculos e Lente de Mascara de
Segurança de Equipamentos Industriais (1), caracterizada por ser constituída
por película (2) de poliéster transparente; adesivos (3), destacando-se que as
películas (2) fabricadas de poliéster transparente, tipo cristal, ou de material
similar, são constituídas por quatro partes, destacando-se entre elas, duas para
a seção frontal, perfilando todo o contorno das duas lentes (4) e, duas para os
protetores laterais (5) dos óculos (6). Estas películas (2) são providas de um
adesivo (3) disposto em cada borda lateral, com o propósito de fixar estes
protetores nos seus devidos espaços.
(71) Edson Takashi Otsubo (BR/SP)
(72) Edson Takashi Otsubo
(74) Mercosul Ass. e Cons. Empre. P/ Amer. do Sul S/C Ltda.
(21) MU 8602823-5 (22) 09/10/2006
3.1
(51) A01D 34/86 (2008.04)
(54) SACA PALHAS AUTO NIVELANTE INFERIOR PARA COLHEITADEIRAS
(57) SACA PALHAS AUTO NIVELANTE INFERIOR PARA COLHEITADEIRAS
compreendido por um agrupamento de calhas em paralelo na horizontal (1)
calha eliminadora de palhas com (14) escamas basculante (2) deslizador
degraus nas laterais das calhas evita que vaze grãos (1) calha eliminadora de
palhas com fundo (21) extensão vazada inferior facilita a direção do ar (19)
sensor eletrônico permite a nivelação automática das (1) calhas eliminadoras de
palhas (7) atuador linear eletrônico que permite uma nivelação uniforme das
calhas eliminadora do palhas atreves do (8) braço de nivelação das calhas
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 61
eliminadoras de palhas (1) conjunto de saca palhas agrupados na horizontal
facilita o acoplamento nas colheitadeiras.
(71) Wilson Natal Dias da Costa (BR/PR) , Valdir Chiafre (BR/PR) , Claudimir
Miecznikowski (BR/PR)
(72) Valdir Chiafre, Claudimir Miecznikowski
(21) MU 8602924-0 (22) 11/10/2006
3.1
(51) H03M 1/12 (2008.04), G06F 3/05 (2008.04)
(54) INSTRUMENTO DE CONVERSÃO DE SINAIS ANALÓGICOS EM
DIGITAIS - MULTI-FUNÇÕES
(57) INSTRUMENTO DE CONVERSÃO DE SINAIS ANALÓGICOS EM
DIGITAIS - MULTI-FUNÇÕES. O Instrumento de Conversão que em apenas um
elemento conjuga múltiplas funções, visando duplicar e converter sinais
analógicos á digitais que aplicados em sua entrada com grande precisão, são
provenientes de sensores de pressão, vazio, temperatura e para monitoração
de determinadas variáveis, tais como: pressão, vazão, nível, temperatura,
tensão e corrente, utilizando sensores (Termopares tipo Baioneta e Arruela) que
enviam sinais, para um circuito eletrônico digital, localizado na parte interna do
instrumento, os valores resultantes são transformados para um correspondente
valor em forma de freqüência, disponível em sua saída, proporcionando assim
maior precisão dos parâmetros a serem monitorados. Sendo esses parâmetros
aplicados no uso Aeronáutico, Industrial, Automotivo, Máquinas e
Equipamentos. Opera em sistemas elétricos de Corrente Continua, com
alimentação de 12 ou 24 Volts. O dito Instrumento de conversão constituído por
uma carcaça (Fig 4 num.5), fixada por intermédio de dois parafusos (Fig 4 num
4) com rosca de 3 mm ao painel frontal (Fig. 1 num 1), onde encontramos uma
placa de circuito eletrônico impresso montada utilizando componentes com
tecnologia SMD (Surface Mounted Device), placas de circuito impresso em seu
interior que reverte os sinais analógicos em digital, sendo transmitidos para um
(Visor LCD) Disp]ay de Cristal Líquido (Fig. 1 num..2), de 3 1/2" a 4 dígitos,
fixado no painel frontal (Fig.1 num 1), que é responsável pelo fornecimento da
leitura dos sinais captados pelos sensores.
(71) Antonio Carlos Aldrovandi (BR/MG)
(72) Antonio Carlos Aldrovandi
(74) Ana Lúcia Ribeiro Nascimento
(21) MU 8602985-1 (22) 13/10/2006
3.1
(51) F16K 37/00 (2008.04)
(54) TORNEIRA COM SENSOR DE PRESENÇA
(57) TORNEIRA COM SENSOR DE PRESENÇA, compreende uma acomodar
o sensor de presença. Na parte da rosca é feito um rasgo torneira com uma
base formada por um anel, com dois furos onde irá acomodar o sensor de
presença. Na parte da rosca é feito um rasgo para acomodar o cabo do sensor.
O cabo do sensor é conectado no módulo eletrônica da válvula.
(71) Antonio Carlos Martim (BR/SP)
(72) Antonio Carlos Martim
(21) MU 8700409-7 (22) 07/03/2007
3.1
(51) A47D 9/00 (2008.04)
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA INTRODUZIDA EM BERÇO
(57) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA INTRODUZIDA EM BERÇO. O novo
modelo de berço (1) prioriza, através de sua construtividade, o bem estar físico
e metal da criança, apresentando, para tanto, meios elétricos que promove
suave balança no estrado do colchão, aumentando o bem estar e a
tranqüilidade da criança, e preferencialmente uma estrutura metálica (2) que
permite a montagem e troca de chapas inteiriças de material translúcido, que
compõe as paredes laterais, cabeceira e peseira, chapas (7) estas
preferencialmente em cores que transmitam estímulos previstos pela ciência da
cromoterapia.
(66) MU8602730-1 04/10/2006
(71) Heloisa Machado Meyer de Azevedo (BR/SP)
(72) Heloisa Machado Meyer de Azevedo
(21) MU 8701759-8 (22) 27/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 UY U4151
(51) A23J 1/06 (2008.04)
(54) MELHORAS EM MÁQUINAS PRODUTORAS DE FARINHA DE SANGUE
ANIMAL
(57) MELHORAS EM MÁQUINAS PRODUTORAS DE FARINHA DE SANGUE
ANIMAL. O presente modelo de utilidade refere-se a melhorias em plantas
produtoras de farinha de sangue animal ou outras substâncias caracterizadas
pela utilização de madeira queimada em um ou mais fornos como combustível
para alcançar a temperatura apropriada do fluxo de ar impulsionado por
ventiladores, que passa por câmaras que retêm as cinzas produzidas pela
combustão e chega à zona de secagem ou desidratação do sangue ou da
substância.
(71) BARRACA RODO S.R.L. (UY)
(72) ROMEO SILVEIRA BAPTISTA
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
62
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
RPI 1951 de 27/05/2008
(72) Júlio César Silveira Minchilo
(74) Jonas Medina Rodrigues Cunha
(21) MU 8702139-0 (22) 26/09/2007
3.1
(30) 03/10/2006 TW 095136706
(51) A61M 5/00 (2008.04), A61M 5/178 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO DE SERINGA DE SEGURANÇA
(57) DISPOSITIVO DE SERINGA DE SEGURANÇA Trata-se de um dispositivo
de seringa de segurança (1) que inclui um tambor (10), uma unidade da agulha
conectada a uma extremidade do tambor (10), um êmbolo (20) inserido de
maneira móvel na passagem (12), e um bujão (21) montado na parte tubular
(30) que se estende do êmbolo (20) e para fora do bujão (21) A unidade da
agulha tem um membro de conexão (41) recebido no tambor (10) e a cânula
(42) da agulha é conectada a uma primeira extremidade do membro de
conexão (41). Um tubo (441) é posicionado era um centro do membro de
conexão (41) e um rebaixo anular (443) é definido entre o tubo (441) e uma
parede da segunda extremidade do membro de conexão (41). O tubo (441) é
acoplado com o rebaixo (31) da parte tubular (30) no êmbolo (20) e o flange
(32) é acoplado com o rebaixo anular (443) para conectar o êmbolo (20) e o
membro de conexão (41) . Portanto, o membro da conexão (41) e a cânula (42)
da agulha são puxados para o tambor (10) quando o êmbolo (20) é puxado
para trás.
(71) Hung-Chi Huang (TW)
(72) Hung-Chi Huang
(74) Eduardo João Assef JR.
(21) PI 0504798-6 (22) 05/09/2005
3.1
(51) E03B 1/02 (2008.04), B23D 19/04 (2008.04)
(54) PROCESSO PARA EXECUÇÃO DE LIGAÇÕES PREDIAIS DE ÁGUA EM
PAVIMENTOS E SERRA CIRCULAR CORTADORA DE PISO
(57) PROCESSO PARA EXECUÇÃO DE LIGAÇÕES PREDIAIS DE ÁGUA EM
PAVIMENTOS E SERRA CIRCULAR CORTADORA DE PISO A patente trata
de um processo para execução de ligações prediais de água aplicável a
pavimentos asfálticos ou de concreto, assim como à serra utilizada no corte da
pavimento. O processo envolve, basicamente, as seguintes etapas: marcação
do corte de três centímetros de largura no piso; corte do piso; retirada do
material removido, executando-se uma vala de doze centímetros de
profundidade; colocação na vala de uma camada de areia, do tuba ou ligação
(1) e de nova camada de areia adensada mecânica e hidraulicamente, de modo
a formar um envoltório ou "berço" (2) para a ligação (1); finalmente,
recomposição do pavimento com uma camada (3) de concreto ou concreto
asfáltico pré-misturado a quente ensacado. A serra circular utilizada para o
corte do pavimento apresenta duas lâminas paralelas (4), espaçadas entre si de
três centímetros.
(71) Companhia de Saneamento de Minas Gerais - COPASA MG (BR/MG)
(21) PI 0505252-1 (22) 18/11/2005
3.1
(51) B64C 11/16 (2008.04)
(54) PÁ DE GEOMETRIA HELICOIDAL PARA HÉLICE DE MÚLTIPLAS PÁS
COM CARACTERÍSTICA DE REVERSIBILIDADE
(57) PÁ DE GEOMETRIA HELICOIDAL PARA HÉLICE DE MÚLTIPLAS PÁS
COM CARACTERÍSTICA DE REVERSIBILIDADE. Pá de hélice de ventilador
axial, sendo que a referida pá de geometria helicoidal, para hélice de múltiplas
pds e com característica de reversibilidade de fluxo proporcionado pela sua
geometria simétrica. Outra característica da pá é a geometria côncava na borda
de ataque localizada na terça parte próxima á base e convexa na borda de
fuga, que proporciona melhor rendimento e redução ruído. O passo de hélice é
definido pela equação: P = D x π x tan α, onde passo da hélice (P) é igual ao
produto de diâmetro externo (D)), Pi (π) e tangente do ângulo a. O processo de
fabricação da pá de alumínio na liga AlSi8Cu3 é por fundição na coquilha ou
injeção no molde. A base de fixação ou cubo é fabricada em ferro fundido
cinzento e nodular. Finalmente a hélice tem sistema de fixação ao eixo motriz
através de bucha cônica.
(71) Bruno Leite Takahashi (BR/SC)
(72) Bruno Leite Takahashi
(21) PI 0506075-3 (22) 12/09/2005
3.1
(51) A61K 36/77 (2008.04)
(54) USO DO EXTRATO DA PLANTA SAPINDUS SAPONÁRIA E DE SEUS
PRINCÍPIOS ATIVOS PARA O CONTROLE E TRATAMENTO DE INFECÇÕES
POR FUNGOS
(57) USO DO EXTRATO DA PLANTA SAPINDUS SAPONARIA E DE SEUS
PRINCÍPIOS ATIVOS PARA O TRATAMENTO E CONTROLE DE INFECÇÕES
POR FUNGOS, constituído do extrato padronizado da planta Sapindus
saponária, ou de seus principias ativos para o tratamento o controle de
infecções por fungos. Foi demonstrado que o extrato hidroalcoólico de Sapindus
saponárea, inibiu o crescimento de fungos demonstrando atividade fungistática
e fungicida. Finalmente, os compostos isolados por fracionamento do extrato
bruto da Sapindus saponária, diclorometano e acetato de atua, inibiram o
crescimento de fungos com eficácia superior ao fluconazol. A invenção está
relacionada com a utilização do extrato padronizado da planta Sapindus
saponária ou de seus princípios ativos no tratamento de diversos tipos de
fungos.
(71) Fundação Universidade Estadual de Maringá (BR/PR) , Izabel Cristina
Piloto Ferreira (BR/PR) , Terezinha Inez Estivalet (BR/PR) , Joyce Karla Tsuzuki
(BR/PR) , Diógenes Aparicio Garcia Cortez (BR/PR)
(72) Izabel Cristina Piloto Ferreira, Terezinha Inez Estivalet, Joyce Karla
Tsuzuki, Diógenes Aparicio Garcia Cortez
(74) Edenilson Vagner Tiene
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 63
(21) PI 0602500-5 (22) 03/07/2006
3.1
(51) A21D 13/08 (2008.04)
(54) FORMULAÇÃO ALIMENTÍCIA PREPARADA À BASE DE CREME DE
MILHO
(57) FORMULAÇÃO ALIMENTÍCIA PREPARADA À BASE DE CREME DE
MILHO A presente invenção refere-se a uma formulação alimentícia preparada
à base de creme de milho, que se apresentará na forma de biscoito, e que
possui elevado teor de nutricional.
(71) Ramon Pereira de Oliveira (BR/RJ)
(72) Ramon Pereira de Oliveira
(74) Otto Eladio de Castro Fonseca
(21) PI 0602676-1 (22) 14/07/2006
3.1
(51) C09K 8/594 (2008.04), C09K 8/94 (2008.04), E21B 43/16 (2008.04), C09K
8/58 (2008.04), C09K 8/60 (2008.04), E21B 43/22 (2008.04)
(54) PROCESSO DE OBTENÇÃO DE MICRO-ESPUMAS COM DIÂMETRO DE
BOLHA OTIMIZADO PARA A RECUPERAÇÃO AVANÇADA DE PETRÓLEO
(57) PROCESSO DE OBTENÇÃO DE MICRO-ESPUMAS COM DIÂMETRO DE
BOLHA OTIMIZADO PARA A RECUPERAÇÃO AVANÇADA DE PETRÓLEO É
descrito um processo de obtenção de micro-espumas com diâmetro de bolha
otimizado para a recuperação avançada de petróleo, que maximiza a eficiência
de recuperação de petróleo e minimiza custos e variáveis operacionais, além de
reduzir o aparecimento de caminhos preferenciais no reservatório produtor. Os
efeitos acima citados são obtidos por intermédio da injeção de uma microespuma com diâmetro de bolha otimizado. Uma micro-espuma pode ser obtida
por intermédio da adição de um tensoativo como, por exemplo, o dodecil sulfato
de sódio a água. Assim, a mistura formada é posta em contato com igual
porcentagem em volume um gás em um misturador com reciclo parcial. Desta
forma, uma micro-espuma estável com diâmetro de bolha otimizado é obtida.
(71) Petroleo Brasileiro S. A. - PETROBRAS (BR/RJ)
(72) Roberto Carlos Gonçalves de Oliveira
(74) Antônio Cláudio Correa Meyer
(21) PI 0603356-3 (22) 15/08/2006
3.1
(51) C23F 13/18 (2008.04), C23F 13/10 (2008.04)
(54) SUPORTE DE ANODOS PARA PROTEÇÃO DE EQUIPAMENTOS
SUBMARINOS
(57) SUPORTE DE ANODOS PARA PROTEÇÃO DE EQUIPAMENTOS
SUBMARINOS Trata a presente invenção de um suporte de anodos (4) para
proteção de equipamentos (7) submarinos contra a corrosão. O objetivo é
alcançado por meio da instalação de pelo menos um suporte, o qual porta uma
pluralidade de anodos (4) galvânicos e é posicionado próximo ao equipamento
(7) a ser protegido, conectado a este último apenas por uma conexão elétrica
via cabo (5) elétrico. O suporte em questão é uma estrutura (1) composta por
perfis metálicos (2) unidos em conformação preferencial cúbica ou
substancialmente paralepipédica onde, em cada face, são soldados uma
pluralidade de anodos (4). O suporte em si possui uma massa suficiente para
não ser suscetível a deslocamentos devidos a correntes marinhas ou
pertubações ocasionais.
(71) Petroleo Brasileiro S.A - Petrobras (BR/RJ)
(72) Walmar Baptista, Simone Delarue Cezar Brasil
(74) Antônio Cláudio Correia Meyer Sant'anna
(21) PI 0603991-0 (22) 29/09/2006
3.1
(51) A41D 1/00 (2008.04)
(54) ROUPA HOSPITALAR PÓS-CRIRÚRGICA PARA PACIENTES COM
SONDAS E DRENO
(57) ROUPA HOSPITALAR PÓS-CIRÚRGICA PARA PACIENTES COM
SONDAS E DRENO. Patente de Privilégio de Invenção para criar uma roupa
pós-cirúrgica para pacientes que utilizem dreno e sonda. Tem como objetivo
criar esse vestuário, facilitando a vida de seus pacientes e em seguida
industrializá-la. É caracterizado por ser confortável e facilitar a vida de médicos
e de pacientes, que de tempos em tempos tem de ter acesso à região operada,
para exame, troca de curativos, limpeza local e outros. Sua roupa tem várias
características, tais como: seus vestuários, seus feixes, seus tamanhos e seus
tecidos. Seu modo de preparo: corte do tecido localizado um pouco abaixo do
quadril, corte este na forma de um buraco oval de aproximadamente 20x05 (20
cm de altura, por 05 cm de largura), em que reforce a costura com linha
resistente em torno deste buraco oval, deixando-o resistente e forte, em
seguida adapte os diferentes feixes, junto a este buraco oval na sua costura, de
forma que consiga o efeito de abrir e fechar este buraco, sem causar aperto ou
desconforto. Finalizando, foram colocados à mostra para diversas costureiras e
fábricas de roupas. Foram aprovados, elogiados e incentivados para sua
industrialização.
(71) Leonardo Soares Bazhuni (BR/RJ)
(72) Leonardo Soares Bazhuni, Matheus Simão Bazhuni
(21) PI 0604167-1 (22) 03/10/2006
3.1
(51) H05B 3/02 (2008.04)
(54) SISTEMA DE ACIONAMENTO E CONTROLE INTEGRADO EM
AQUECEDORES ELÉTRICOS DE PASSAGEM
(57) SISTEMA DE ACIONAMENTO E CONTROLE INTEGRADO EM
AQUECEDORES ELÉTRICOS DE PASSAGEM, formada por um sistema(1)
introduzido em ducha preferida(2), composto por módulo eletrônico ou
eletromecânico(3), controle de temperatura(4), caixa elétrica(5) e base única(6),
de modo a proporcionar um conjunto de funções integradas. Dito módulo
eletrônico ou eletromecânico(3) está juntamente interligado ao controle de
temperatura(4) e estes, ficam juntados a supracitada base única(6).
(71) Sintex Industrial de Plásticos Ltda (BR/SC)
(72) Mário Sérgio Colley
(74) Sandro Wunderlich
64
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(21) PI 0604174-4 (22) 09/10/2006
3.1
(51) C12N 3/00 (2008.04)
(54) APARELHO METÁLICO COLETOR E TRANSFERIDOR DE MEIO DE
CULTURA SÓLIDA
(57) APARELHO METÁLICO COLETOR E TRANSFERIDOR DE MEIO DE
CULTURA SÓLIDA O Aparelho Metálico Coletor e Transferidor de Meio de
Cultura Sólida é caracterizado por ser um aparelho metálico, que facilita o
manuseio e transferência de meios de cultura sólidos cultivados em laboratório,
constituído de 8 peças desmontáveis que se organizam na seguinte ordem: (1)
cilindro de corte da amostra; (2) pistão de expulsão da amostra; (3) corpo
principal do aparelho; (4) contra-porca de fixação; (5) porca de regulagem do
curso do pistão; (6) eixo central dividido em duas partes; (7) mola de retorno do
pistão; (8) apalpador de acionamento do pistão (Figura 03).
(71) Fundação Universidade Estadual de Maringá (BR/PR)
(72) Sérgio Paulo Severo de Souza Diniz, Hiroshi Utumi
(74) Fábia dos Santos Sacco
(21) PI 0604204-0 (22) 03/10/2006
3.1
(51) A45C 9/00 (2008.04), A45F 3/10 (2008.04)
(54) CANGALHA PARA CARREGAR ROUPA LAVADA E PREGADOR
(57) A Cangalha Para carregar Roupa Lavada e Pregador, assim como a
Variante Construtiva, Cangalha Para Carregar Roupa Lavada e Pregador Com
Correias, compreendido por cesto para colocar a roupa lavada, e com 2 bolsas
acopladas, para pregadores de roupa, motivo do presente pedido de patente de
invenção, tem seus respectivos apoios centrados nos ombros através de
contorno anatômico, onde divide o peso da carga de forma igual nos dois
ombros. Tendo ainda como destaque, o bom acondicionamento para as roupas
e pregadores de roupa, o que facilita o manuseio das roupas ao estendê-las no
varal, ou no momento de recolhê-las, após a secagem. Facilita também, a
utilização dos pregadores de roupas, uma vez que as bolsas para
acondicionamento estão ao alcance das mãos. Assim sendo, o uso da
Cangalha na execução dessa tarefa, resulta num trabalho mais: organizado,
rápido, eficiente, prático, saudável e menos cansativo.
(71) João Fernandes Rodrigues (BR/SP)
(72) João Fernandes Rodrigues
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0604241-4 (22) 09/10/2006
3.1
(51) H02K 33/16 (2008.04), H02K 41/02 (2008.04), H02K 35/02 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO ATUADOR ELETROMECÂNICO E PROCESSO
(57) DISPOSITIVO ATUADOR ELETROMECÂNICO E PROCESSO A presente
invenção descreve dispositivos atuadores eletromecânicos que atuam mediante
transdução de sinal elétrico em sinal mecânico, através de interação
eletromagnética que produz movimento linear, sendo também descrito o
respectivo processo de atuação. Os dispositivos atuadores da presente
invenção atuam linearmente de acordo com a interação entre fluxo magnético
transverso antiparalelo e forças magnetomotrizes, produzindo movimento linear
com força controlada e sendo particularmente úteis na produção de movimento
linear de precisão, movimento oscilatório e como atenuadores na modulação de
vibrações, sendo também úteis em sistemas de suspensão ativa. Dentre suas
diversas aplicações práticas, destacam-se o uso também em sistemas de
suspensão ativa de veículos , equipamentos e elevadores, bem como na
produção de vibração em sistemas agitadores e vibradores, entre outros
equipamentos.
(71) Thyssenkrupp Elevadores S.A. (BR/RS) , Universidade Federal do Rio
Grande do Sul - UFRGS. (BR/RS)
(72) Marilia Amaral da Silveira, Vagner Rinaldi, Fernando Boschin, Leoci Rudi
Galle, João Paulo da Costa Brusque, Aly Ferreira Flores Filho
(74) Bernardo Atem Francischetti
(21) PI 0604251-1 (22) 10/10/2006
3.1
(51) C10L 1/08 (2008.04), B01J 19/12 (2008.04)
(54) PROCESSO PARA PRODUÇÃO DE BIODIESEL A PARTIR DE BORRA
DE REFINO DE ÓLEOS VEGETAIS ESTIMULADA POR MICROONDAS, E
RESPECTIVO EQUIPAMENTO PARA SUA REALIZAÇÃO
(57) PROCESSO PARA PRODUÇÃO DE BIODIESEL A PARTIR DE BORRA
DE REFINO DE ÓLEOS VEGETAIS ESTIMULADA POR MICROONDAS, E
RESPECTIVO EQUIPAMENTO PARA SUA REALIZAÇÃO, através dos quis é
realizado o processamento de borra de refino de óleos vegetais em geral
visando transformá-la em biodiesel por meio da reação dos materiais derivados
de ácidos graxos, presentes nesta borra, com álcoois leves como metanol ou
etanol, com base no fato de a reação do principal constituinte desta borra, um
sabão sódico, conseguir reagir com álcoois quando submetida a uma irradiação
por microondas em presença de catalisador ácido, sendo que o processo prevê
também a recuperação do álcool utilizado em excesso para remoção de água
de reação, bem como do catalisador empregado, e esta reação incentivada por
microondas é realizada em um equipamento que permite conciliar as
necessidades da reação tanto sob aspecto do processamento químico como do
aspecto de absorção de microondas.
(71) Instituto Maua de Tecnologia - IMT (BR/SP)
(72) Luiz Alberto Jermelovicius, José Thomaz Senise, Renata Borges do
Nascimento, Edmilson Renato de Castro, Artur Selmikaitis
(74) Britânia Marcas E Patentes LTDA
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0604586-3 (22) 09/10/2006
3.1
(51) A21D 13/08 (2008.04)
(54) FORMULAÇÃO DE MISTURA PARA PREPARO DE BOLO PARA
MICROONDAS
(57) FORMULAÇÃO DE MISTURA PARA PREPARO DE BOLO PARA
MICROONDAS, refere-se Patente de Invenção de formulação de mistura
especialmente formulada para preparo de bolo para assamento em fornos de
microondas, obtendo bolo de igual ou melhor qualidade ao assado em fornos
convencionais aquecidos com gás ou elétrico ou madeira, inclusive com crosta
macia, fina e com cor atraente, com vantagens de rapidez na obtenção de
produto, de praticidade, de possibilidade de uso de forma ou recipiente plástico
para assamento, de flexibilidade de preparo do bolo cru antes, de guarda em
geladeira e preparo na hora de degustação e com custos aproximadamente
iguais as misturas convencionais.
(71) Moinho Globo Alimentos S/A (BR/PR)
(72) Paloma Benghi Venturelli Fondacaro
(74) A Criativa Marcas e Patentes S/C LTDA
(21) PI 0604587-1 (22) 09/10/2006
3.1
(51) E03D 11/16 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO CENTRALIZADO COM VEDAÇÃO PARA INSTALAÇÃO DE
VASO SANITÁRIO
(57) DISPOSITIVO CENTRALIZADOR COM VEDAÇÃO PARA INSTALAÇÃO
DE VASO SANITÁRIO, utilizado especificamente na construção civil, para
instalação de vasos sanitários, com o objetivo de facilitar o processo reduzindo
o tempo de instalação e proporcionando uma perfeita vedação contra os gases
provenientes da saída da descarga. Constituído por um centralizador
confeccionado em material plástico e por um anel de vedação confeccionado
em borracha plástica.
(71) Bruno Floriano (BR/SC)
(72) Bruno Floriano
(74) Nilvan Paulo Minguranse
(21) PI 0604588-0 (22) 09/10/2006
3.1
(51) A01K 47/02 (2008.04)
(54) CAIXILHEIRA
(57) CAIXILHEIRA Patente de unia caixa retangular com 2 laterais 1, com 2
cabeceiras 2, com fundo 3, e tampa 4, senda que na parte interna as paredes
1,2 e fundo 3, são liso, as duas cabeceiras 2, na parte superior possuem
desníveis 7 em relação a parte superior 8, que serve de suporte e para que a
cabeceira 6 do caixilho 5 encaixe, na parte superior da caixa, contém orifício
excluidor que consiste em uma abertura na caixa onde é adaptado uma tela
côncava 11, que tem na parte inferior abertura10 onde é fixada na abertura da
caixa, e na parte superior tem uma pequena abertura 12, na parte superior e na
parte inferior da caixa tem saliências ou auto e baixo relevo para encaixarem-se
umas sobre as outras.
(71) Jaco Batista Oliari (BR/SC)
(72) Jaco Batista Oliari
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 65
(21) PI 0604591-0 (22) 09/10/2006
3.1
(51) E05G 1/10 (2008.04)
(54) SISTEMA PARA GUARDA DE OBJETOS POR PERÍODO DE TEMPO
PRÉ-DETERMINADO
(57) SISTEMA PARA GUARDA DE OBJETOS POR PERÍODO DE TEMPO
PRÉ-DETERMINADO, descreve-se a presente patente de invenção como um
sistema para guarda de objetos por período de tempo pré-determinado que, de
acordo com as suas características, propicia a formação de um sistema de
guarda (1) em estrutura própria e específica do tipo mecânica baseada na
perfeita integração de pequeno cofre (3) na sua própria apresentação ou
envolto por um invólucro (2) do tipo objeto de arte, brinquedo ou similares em
geral com um site de internet (4) programável em tempo por senhas de
liberação (4C), com vistas a possibilitar de forma externamente segura, prática
e agradável a guarda de pequenos objetos por um período de tempo prédeterminado diretamente através de um conjunto de senhas de liberação (4C)
próprias dispostas no pequeno cofre (3) e no site de internet (4).
(71) Sergio Tadeu Bersani (BR/PR)
(72) Sergio Tadeu Bersani
(74) Ivando Santos Souza
(21) PI 0604592-8 (22) 10/10/2006
3.1
(51) B65D 25/20 (2008.04)
(54) BICO RETRÁTIL PARA BEBIDAS ENLATADAS
(57) BICO RETRÁTIL PARA BEBIDAS ENLATADAS A presente Patente de
Invenção refere-se a um sistema de bico retrátil aplicado às embalagens de
bebidas em geral entre elas as latas de cervejas, refrigerantes, sucos, chás, etc.
As embalagens empregadas atualmente utilizam sistema de abertura padrão do
tipo lingüeta metálica com alça, sendo removida pelo usuário para servir. Estas
tampas apresentam alguns inconvenientes ou problemas tanto de utilização,
higiene e segurança para o consumidor. O sistema desenvolvido constitui de
utilizar um bico plástico (3) acoplado à tampa metálica (2), sendo fabricado com
material flexível que permite acondiciona-lo em duas posições básicas:
estendida para utilização, contendo na sua extremidade superior uma rosca
externa onde se acopla uma tampa roscável (5), e na condição retraída, onde a
aba superior (6) da tampa assenta com pequena pressão sobre o flange (4),
vedando e protegendo a extremidade do bico de agentes externos. Este tipo de
bico permite ainda que a tampa roscável seja recolocada permitindo a
armazenagem do produto após aberto, proporciona melhores condições de
higiene e segurança para os consumidores, maior comodidade, melhor
conservação do produto e facilidade no servir.
(71) Ionara de Mello Mafia (BR/RJ)
(72) Ionara de Mello Mafia, Vilma Souza Silva, Luana Mynssen Costa
(74) Marcos Antonio Nunes
(21) PI 0604593-6 (22) 10/10/2006
3.1
66
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(51) B65D 51/24 (2008.04), B65D 55/02 (2008.04)
(54) PRESSURIZADOR PARA GARRAFAS PLÁSTICAS PET EMBALAGENS
DE REFRIGERANTES E OUTRAS BEBIDAS GASEIFICADAS
(57) Pressurizador para garrafas plásticas PET embalagens de refrigerantes e
outras bebidas gaseificadas. Conjunto de duas talas paralelas articuladas ou
não, com presilha de fixação ou não que devidamente adaptados a garrafa,
pressionam a mesma, gerando maior pressão no seu interior, evitando a perda
do gás presente nas bebidas gaseificadas.
(71) Carlos Renê Alves (BR/RS)
(72) Carlos Renê Alves
(21) PI 0604594-4 (22) 10/10/2006
3.1
(51) B65D 51/24 (2008.04), B65D 55/06 (2008.04)
(54) PRESSURIZADOR PARA GARRAFAS PLÁSTICAS PET EMBALAGENS
DE REFRIGERANTES E OUTRAS BEBIDAS GASEIFICADAS
(57) Pressurizador para garrafas plásticas PET embalagens de refrigerantes e
outras bebidas gaseificadas. Cinta presa a um suporte que se encaixa no bico
da garrafa, a qual contorna o fundo da garrafa e passa por uma presilha presa
ao outro lado do mesmo suporte, de tal forma que, ao ser ajustada, se adapta
ao volume da bebida no interior da garrafa mantendo-a dobrada sobre si e
gerando maior pressão no seu interior, diminuindo a perda do gás presente nas
bebidas gaseificadas.
(71) Carlos Renê Alves (BR/RS)
(72) Carlos Renê Alves
(21) PI 0604595-2 (22) 11/10/2006
3.1
(51) B67D 5/16 (2008.04), G05D 7/06 (2008.04)
(54) SISTEMA REMOTO DE MEDIÇÃO E MONITORAMENTO DE CONSUMO
DE ÁGUA E CONTRLOE DE VAZÃO
(57) SISTEMA REMOTO DE MEDIÇÃO E MONITORAMENTO DE CONSUMO
DE ÁGUA E CONTROLE DE VAZÃO, descreve-se a presente patente de
invenção que consiste em um sistema eletro-mecânico de medição,
monitoramento e controle de consumo e vazão de água à longa distância, tendo
RPI 1951 de 27/05/2008
como base um sistema construtivo que otimiza a medição remota do consumo
de água, com qualidade e disponibilidade de fornecimento em redes de
distribuição de água, além de proporcionar o monitoramento em tempo integral
de uma enorme gama de variáveis, para a determinação de situações de perda
comercial, o sistema controla remotamente os dispositivos que atuam na rede
de distribuição, permitindo não só a obtenção de informações como também, a
operação ativa, controle do fluxo hídrico proporcional, e quando necessário à
interrupção do fornecimento da água.
(71) Ensitec Tecnologia de Produtos Elétricos Eletrônicos e Automotivos LTDA
(BR/PR)
(72) Marcos Olandoski
(74) Brasil Sul Marcas e Patentes S/C LTDA
(21) PI 0604596-0 (22) 11/10/2006
3.1
(51) H01L 35/00 (2008.04), A47J 27/21 (2008.04)
(54) SISTEMA DE AQUECIMENTO ELETRÔNICO PARA CHALEIRA
(57) SISTEMA DE AQUECIMENTO ELETRÔNICO PARA CHALEIRA a
presente invenção pertence, de maneira geral, ao setor tecnológico de
equipamentos para aquecimento aplicado em chaleira, este não baseado no
sistema de dissipação de potência por efeito "joule" e também não funcionando
a gás GLP, mas sim no sistema termoelétrico e seus componentes eletrônicos,
sendo dotado de circuito eletrônico de controle (4), que administra a
alimentação das pastilhas termoelétricas (2), que aquece e dissipa calor as
chapas de material metálico/cerâmico (9), fazendo com que a mesma aqueça e
dissipe calor a chaleira (8), resultando em um inovador sistema de aquecimento
para chaleira (8), de baixo consumo de energia, proporcionando um sistema de
aquecimento tão eficiente quanto o atual, e ainda com a possibilidade de
fabricar uma versão portátil.
(71) Delmar José Terrasconi (BR/RS) , Dorival Luís Carbonera (BR/RS) ,
Luciano Linck Andretta (BR/RS) , Cleber Omar Cordeiro de Melo (BR/RS)
(72) Delmar José Terrasconi, Dorival Luís Carbonera, Luciano Linck Andretta,
Cleber Omar Cordeiro de Melo
(21) PI 0604597-9 (22) 11/10/2006
3.1
(51) A47C 21/04 (2008.04), H01L 35/28 (2008.04), H05B 1/00 (2008.04)
(54) SISTEMA DE AQUECIMENTO ELETRÔNICO PARA COLCHÃO
(57) SISTEMA DE AQUECIMENTO ELETRÔNICO PARA COLCHÃO a
presente invenção pertence, de maneira geral, ao setor tecnológico de
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 67
equipamentos para aquecimento empregado em colchão (6) sendo que seu
funcionamento se baseia principalmente no uso de um circuito eletrônico de
controle (4) do qual derivam vários componentes conhecidos no mercado, por
três ou mais pastilhas termoelétricas (1), sendo alocado junto a uma camada de
silicone (5) que reveste o lado inferior do colchão (6), esta camada de silicone
(5) recebe calor e fornece ao colchão que aquece o corpo, proporcionando um
sistema de aquecimento eficiente e inovador, podendo ser alimentado por
baterias recarregáveis ou por célula de combustível.
(71) Dorival Luís Carbonera (BR/RS) , Luciano Linck Andretta (BR/RS) , Cleber
Omar Cordeiro de Melo (BR/RS) , Delmar José Tarrasconi (BR/RS)
(72) Dorival Luís Carbonera, Luciano Linck Andretta, Cleber Omar Cordeiro de
Melo, Delmar José Tarrasconi
(21) PI 0604600-2 (22) 11/10/2006
3.1
(51) B27B 5/16 (2008.04)
(54) EQUIPAMENTO PARA CORTE LONGITUDINAL DE BAMBU PARA O
PROCESSO DE MANUFATURA DO BAMBU LAMINADO COLADO ( BLC )
(57) EQUIPAMENTO PARA CORTE LONGITUDINAL DE BAMBU PARA O
PROCESSO DE MANUFATURA DO BAMBU LAMINADO COLADO (BLC)
consiste em um equipamento para realizar a operação de corte longitudinal do
bambo, introduzida na linha de produção de painéis de bambo laminado colado,
cujo grande diferencial é reduzir o desperdício de matéria prime, custos
operacionais, conferir maior segurança e proteção ao operador, possibilitando
que as tiras já tenham as duas fazes laterais paralelas, evitando assim um
etapa posterior do processo. O sistema proposto na presente patente permite
viabilizar a produção de painéis de bambu laminado, que e apontado como uma
alternativa sustentável no setor madeireiro.
(71) Rodrigo Sterzelecki Berndsen (BR/PR)
(72) Rodrigo Sterzelecki Berndsen
(21) PI 0604598-7 (22) 11/10/2006
3.1
(51) A43B 17/00 (2008.04), A43B 7/02 (2008.04), H01L 35/00 (2008.04)
(54) SISTEMA DE AQUECIMENTO ELETRÔNICO PARA PALMILHA
(57) SISTEMA DE AQUECIMENTO ELETRÔNICO PARA PALMILHA a
presente invenção pertence, de maneira geral, ao setor tecnológico de
equipamentos para aquecimento empregado em palmilha (6) sendo que seu
funcionamento se baseia principalmente no uso de um circuito eletrônico de
controle (4) do qual derivam vários componentes conhecidos no mercado, por
duas ou mais pastilhas termoelétricas (1), sendo alocado junto a uma camada
de silicone (5) que reveste o lado inferior da palmilha (6), esta camada de
silicone (5) recebe calor e fornece a palmilha que aquece os pés, e climatiza o
interior do calçado, proporcionando um sistema de aquecimento eficiente e
inovador, podendo ser alimentado por baterias recarregáveis ou por célula de
combustível.
(71) Delmar José Tarrasconi (BR/RS) , Dorival Luís Carbonera (BR/RS) ,
Luciano Linck Andretta (BR/RS) , Cleber Omar Cordeiro de Melo (BR/RS)
(72) Delmar José Tarrasconi, Dorival Luís Carbonera, Luciano Linck Andretta,
Cleber Omar Cordeiro de Melo
(21) PI 0604601-0 (22) 13/10/2006
(51) B67D 1/06 (2008.04)
(54) RESFRIADOR GELA CHOPP
(71) Prismaq Equipamentos Industriais LTDA (BR/SC)
(72) Nei Ur Rebelatto
3.1
(21) PI 0604599-5 (22) 11/10/2006
3.1
(51) H01L 35/00 (2008.04), A47J 37/10 (2008.04)
(54) SISTEMA DE AQUECIMENTO ELETRÔNICO PARA FRIGIDEIRA
(57) SISTEMA DE AQUECIMENTO ELETRÔNICO PARA FRIGIDEIRA a
presente invenção pertence, de maneira geral, ao setor tecnológico de
equipamentos para aquecimento aplicado em frigideira, este não baseado no
sistema de dissipação de potência por efeito "joule" e também não funcionando
a gás GLP, mas sim no sistema termoelétrico e seus componentes eletrônicos,
sendo dotado de circuito eletrônico de controle (4), que administra a
alimentação das pastilhas termoelétricas (2), que aquece e dissipa calor as
chapas de material metálico/cerâmico (9), fazendo com que a mesma aqueça e
dissipe calor a frigideira (8), resultando em um inovador sistema de
aquecimento para frigideira (8), de baixo consumo de energia, proporcionando
um sistema de aquecimento tão eficiente quanto o atual, e ainda com a
possibilidade de fabricar uma versão portátil.
(71) Delmar José Tarrasconi (BR/RS) , Dorival Luís Carbonera (BR/RS) ,
Luciano Linck Andretta (BR/RS) , Cleber Omar Cordeiro de Melo (BR/RS)
(72) Delmar José Tarrasconi, Dorival Luís Carbonera, Luciano Linck Andretta,
Cleber Omar Cordeiro de Melo
(21) PI 0604602-9 (22) 13/10/2006
3.1
(51) A01N 63/00 (2008.04), C12N 1/20 (2008.04), C12R 1/125 (2008.04), C12R
1/10 (2008.04)
(54) UTILIZAÇÃO DE RIZOBACTÉRIAS DO GÊNERO BACILLUS SUBTILIS E
BACILLUS LICHENIFORMIS NO CONTROLE DE FITONEMATÓIDES DE
68
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
RPI 1951 de 27/05/2008
SOLO
(71) Marcus Macedo Cazarré (BR/SC)
(72) Marcus Macedo Cazarré
(21) PI 0604659-2 (22) 11/10/2006
3.1
(51) A01N 43/40 (2008.04), A01N 43/72 (2008.04), A01N 43/48 (2008.04),
A01N 59/10 (2008.04)
(54) FORMULAÇÃO HERBICIDA HÍBRIDA DE EFEITO POTENCIALIZADO
(71) Edison Maluf (BR/SP)
(72) Edison Maluf
(74) Rubens dos Santos Filho
(21) PI 0604657-6 (22) 11/10/2006
3.1
(51) A61C 8/00 (2008.04), A61C 13/30 (2008.04), A61C 13/265 (2008.04), A61F
2/00 (2008.04)
(54) PARAFUSO CORTICAL PARA SISTEMA DE FIXAÇÃO ZIGOMÁTICA
(71) Rodolfo Cândia Alba Junior (BR/SP) , Douglas Cândido Figueira (BR/SP)
(72) Rodolfo Cândia Alba Junior, Douglas Cândido Figueira
(74) Maria do Rosário de Lima
(21) PI 0604658-4 (22) 11/10/2006
3.1
(51) H04B 1/707 (2008.04), H04L 27/18 (2008.04), H04L 12/28 (2008.04)
(54) SISTEMA SEM FIO DE REPRODUÇÃO DE SOM A PARTIR DE
APARELHOS PORTÁTEIS
(71) Daniel Kunzler de Souza Carmo (BR/SP)
(72) Daniel Kunzler de Souza Carmo
(21) PI 0604661-4 (22) 11/10/2006
(51) A41D 1/06 (2008.04)
(54) APERFEIÇOAMENTO INTRODUZIDO
ASSEMELHADOS
(71) Confecções Abrahão Ltda (BR/SP)
(72) Antonio Abrahão Ehar
(74) Gevalci Oliveira Prado
3.1
EM
CALÇAS
JEANS
OU
(21) PI 0604664-9 (22) 13/10/2006
3.1
(51) H01R 13/73 (2008.04), H04N 5/64 (2008.04), H01R 107/00 (2008.04),
H02P 8/04 (2008.04)
(54) CONECTOR PARA SISTEMA DE CONTROLE, POR PULSOS E NÍVEIS
DE TENSÃO, DE MOTOR DE PASSO E CHAVES COAXIAIS ELETRÔNICAS
EM RECEPTORES DE TV VIA SATELITE, COM TECNOLOGIA DIGITAL
(71) Visiontec da Amazônia Ltda (BR/SP)
(72) Paulo Sérgio Mota Gonçalves
(74) Mauricio Darré
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 69
(21) PI 0605092-1 (22) 10/10/2006
(51) E01F 9/00 (2008.04)
(54) SINALIZADOR DE ALTURA MÁXIMA
(71) Révelson de Souza Lima (BR/MG)
(72) Révelson de Souza Lima
(21) PI 0604665-7 (22) 13/10/2006
(51) E04B 1/41 (2008.04)
(54) PROCESSO DE FABRICAÇÃO DE CHUMBADOR
(71) Tecnart Indústria e Comércio Ltda (BR/SP)
(72) Mario Pirondi
(74) Marlene Manzoni Rodrigues
3.1
3.1
(21) PI 0605093-0 (22) 10/10/2006
3.1
(51) F27B 15/00 (2008.04)
(54) FORNO CONTAINER PARA GASEIFICAÇÃO DE BAGAÇO DE CANA
E/OU BIOMASSA
(71) Rima Agropecuária e Serviços Ltda. (BR/MG)
(72) Ricardo Antônio Vicintin
(21) PI 0605158-8 (22) 10/10/2006
3.1
(51) G06Q 20/00 (2008.04), G06Q 30/00 (2008.04)
(54) PROCESSO PARA COMÉRCIO E PAGAMENTO ELETRÔNICO
ATRAVÉS DE CÓDIGO ALFANUMÉRICO ("CHAVE") OU ANÁLOGO COM OU
SEM SENHA
(71) Eduardo Phillip Ferreira Rocha (BR/MG)
(72) Eduardo Phillip Ferreira Rocha
(21) PI 0604920-6 (22) 13/10/2006
3.1
(51) H01M 4/94 (2008.04), H01M 4/88 (2008.04), H01M 4/86 (2008.04)
(54) PROCESSO DE PREPARAÇÃO DE ELETROCATALISADOR VIA
REDUÇÃO POR GLICOSE PARA APLICAÇÃO EM CÉLULA A COMBUSTÍVEL
COM MEMBRANA TROCADORA DE PRÓTONS
(71) Comissão Nacional de Energia Nuclear (BR/RJ)
(72) Almir Oliveira Neto, Estevam Vitorio Spinacé, Marcelo Linardi, Roberto
Willyan Ramon Verjulio da Silva, Ricardo Rodrigues Dias
(74) Julio Cesar Capella Fonseca
(21) PI 0605160-0 (22) 13/10/2006
3.1
(51) B65D 88/78 (2008.04), E21B 43/01 (2008.04)
(54) SISTEMA DE ARMAZENAMENTO E TRANSFERÊNCIA DE FLUIDOS
COM EQUALIZAÇÃO DE PRESSÃO EM AMBIENTE SUBMARINO E MÉTODO
DE INSTALAÇÃO DO MESMO
(71) Petroleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS (BR/RJ)
(72) Roberto Rodrigues
(74) Antônio Cláudio Correa Meyer Sant'Anna
(21) PI 0605479-0 (22) 10/10/2006
3.1
(51) H01J 61/35 (2008.04)
(54) NOVA GERAÇÃO DE LÂMPADAS BASEADA NA PROPRIEDADE DE
FOSFORESCÊNCIA E/OU EM OUTROS MECANISMOS DE EMISSÃO DE
LONGA DURAÇÃO
(71) Jucimar Morais de Souza (BR/PE)
(72) Jucimar Morais de Souza
70
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(21) PI 0605509-5 (22) 10/10/2006
(51) A61G 5/02 (2008.04)
(54) CARRINHO ORTOPÉDICO
(71) José Santos Viana (BR/RJ)
(72) José Santos Viana
(21) PI 0605682-2 (22) 09/10/2006
(51) G06Q 40/00 (2008.04)
(54) SISTEMA DE ANÁLISE DE RISCO
(71) Angelo Bueno Paschoini (BR/SP)
(72) Angelo Bueno Paschoini
RPI 1951 de 27/05/2008
3.1
(21) PI 0606218-0 (22) 11/10/2006
(51) G10G 1/00 (2008.04)
(54) TABELA MOVÉL PARA TROCA DE TOM DE MÚSICAS
(71) Fernanda Borges Carazzai Santos (BR/RJ)
(72) Fernanda Borges Carazzai Santos
3.1
(21) PI 0700114-2 (22) 17/01/2007
(30) 14/10/2006 DE 20 2006 015 686.0
(51) B65D 41/04 (2008.04), B65D 51/18 (2008.04)
(54) TAMPA COM ROSCA
(71) Schütz Gmbh & CO. KGAA (DE)
(72) (Art 6° § 4° da Lpi.)
(74) Dannemann , Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
3.1
3.1
(21) PI 0605855-8 (22) 10/10/2006
3.1
(51) A47C 7/46 (2008.04), A61G 15/10 (2008.04), A61F 5/00 (2008.04)
(54) ACESSÓRIO POSTURAL
(71) Maria Cecilia Moraes Spiritus (BR/SP) , João Francisco Braulio (BR/SP)
(72) Maria Cecilia Moraes Spiritus, João Francisco Braulio
(21) PI 0700119-3 (22) 24/01/2007
3.1
(30) 04/10/2006 DE 10 2006 046 884.4
(51) B01J 23/00 (2008.04), B01J 37/10 (2008.04), B01D 53/94 (2008.04), B01J
20/30 (2008.04)
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 71
(54) PROCESSO E DISPOSITIVO PARA A OXIDAÇÃO E REDUÇÃO
CATALÍTICA DE GASES E VAPORES COM COMPOSTOS CRISTALINOS DE
METAIS PESADOS E TERRAS RARAS
(71) Christian Koch (DE)
(72) Christian Koch
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0700361-7 (22) 15/01/2007
3.1
(30) 05/10/2006 AR P 20060104387
(51) A45D 7/02 (2008.04), H05B 3/06 (2008.04), H05B 3/18 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO PARA ENCAIXE AQUECEDOR PARA CHAPA DE
CABELOS E O SEU PROCEDIMENTO DE FABRICAÇÃO
(71) Duna Enterprises S.A (PA)
(72) Carlos José Ceva
(74) Rubens dos Santos Filho
(21) PI 0701657-3 (22) 23/05/2007
(30) 29/09/2006 JP 2006-270001
(51) B60K 35/00 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO MEDIDOR E VEÍCULO
(71) YAMAHA HATSUDOKI KABUSHIKI KAISHA (JP)
(72) YOSHIKAZU SUITA, PAIRUCH WORAKASEMSUK
(74) Alexandre Ferreira
(21) PI 0701658-1 (22) 23/05/2007
(30) 29/09/2006 JP 2006-269999
(51) B62J 6/02 (2008.04)
(54) APARELHO DE FAROL E VEÍCULO
(71) YAMAHA HATSUDOKI KABUSHIKI KAISHA (JP)
(72) YASUSHI AOKI
(74) Alexandre Ferreira
3.1
3.1
(21) PI 0702158-5 (22) 28/02/2007
3.1
(30) 06/10/2006 CA 2.562.821
(51) A61K 31/7004 (2008.04), A61P 3/08 (2008.04)
(54) COMPOSIÇÃO E MÉTODO PARA A ELEVAÇÃO DO NÍVEL DE GLICOSE
SANGUÍNEA
(57) COMPOSIÇÃO E METODO PARA A ELEVAÇÃO DO NÍVEL DE GLICOSE
SANGUÍNEA. Refere a urna composição e método para administração da
composição à mucosa oral, para elevar o nível de glicose (açúcar) sanguínea
de um indivíduo. A composição compreende: a. uma quantidade eficaz de
glicose;b. uma quantidade eficaz de pelo menos um intensificador de absorção
escolhido entre lecitina, ácido hialurónico, ácido glicólico, ácido láctico, extrato
de camomila, extrato de pepino, ácido oléjeo, ácido linolêico, ácido linolênico,
monooleina, monooleatos, monolauratos, óleo de barragem, óleo de prímula,
mentol, triidroxi oxo colanil glicina, glicerina, poliglicerina, usina, polilisina, trio
lema, ésteres polioxietileno, ésteres de polidocanol alquila, quenodeoxicolato,
deoxicolato, salicilato de metal alcalino, edetato farmaceuticamente aceitável, e
sais farmaceuticamente aceitáveis e análogos dos mesmos, e c. uma
quantidade eficaz de um veículo farmaceuticamente aceitável, Onde a
composição é livre de quaisquer agentes farmacêuticos ativos adicionais.
(71) Generex Pharmaceuticals Inc. (CA)
(72) Anna E. Gluskin, Muhammad Waseem T. Qazi
(74) Nellie Anne Daniel-Shores
(21) PI 0702188-7 (22) 02/05/2007
3.1
(30) 29/09/2006 EP 06425670.4
(51) A61M 11/02 (2008.04)
(54) APARELHO DE AEROSSOL
(57) APARELHO DE AEROSSOL. É descrito um aparelho de aerossol
compreendendo um dispositivo nebulizador e uma máscara adequados para
receber uma substância estritamente no estado sol proveniente do dispositivo
nebulizador. O aparelho também compreende um dispositivo de exibição capaz
de exibir uma seqüência de imagens a um paciente enquanto ele estiver usado
o aparelho. O dispositivo de exibição pode ser um aparelho DVD que
convenientemente é capaz de ser separado do aparelho de aerossol. O
aparelho é particularmente adequado para uso por pacientes que são crianças.
(71) ZAMBON S.P.A. (IT)
(72) ELENA ZAMBON, GIANLUCA BASSO
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0703299-4 (22) 31/07/2007
3.1
(30) 02/08/2006 DE 10 2006 036 381.7
(51) B22C 13/16 (2008.04)
(54) MATERIAL DE MOLDAGEM, MISTURA DE MATERIAL DE MOLDAGEM
DE FUNDIÇÃO E PROCESSO DE PRODUÇÃO DE UM MOLDE OU DE UMA
PEÇA DE MOLDAGEM
(57) MATERIAL DE MOLDAGEM, MISTURA DE MATERIAL DE MOLDAGEM
DE FUNDIÇÃO E PROCESSO DE PRODUÇÃO DE UM MOLDE OU DE UMA
PEÇA DE MOLDAGEM. Refere-se a um material de moldagem ou a uma peça
de moldagem para propósitos de fundição, consistindo em 1 -10% de agente de
aglutinação com base em silicato alcalino, um agregado contendo 1 - 10 por
cento em peso de dióxido de silício amorfo, o restante sendo areia de quartzo
com uma faixa de tamanho de grão de 0,01 a 5 mm, e a um processo de
produção de um material de moldagem ou de uma peça de moldagem.
(71) Minelco Gmbh (DE)
(72) Ralf-Joachim Gerlach
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703310-9 (22) 10/07/2007
3.1
(30) 11/07/2006 EP 06 014372.4
(51) B29K 277/00 (2008.04), B29K 77/00 (2008.04), C08L 33/24 (2008.04)
(54) COMPOSTO DE MOLDAGEM DE POLIAMIDA E USO DO MESMO
(57) COMPOSTO DE MOLDAGEM DE POLIAMIDA E USO DO MESMO.
Refere se a compostos de moldagem de poliamida, que têm muito pouca
distorção, com boas propriedades mecânicas. Isso é obtido por uma
combinação de poliamida transparente com materiais de reforço fibrosos e
também cargas particuladas. Os compostos de moldagem, de acordo com a
invenção, são usados para a produção de quaisquer artigos moldados, produtos
semi-acabados ou produtos acabados.
(71) EMS-Chemie AG (CH)
(72) Helmut Thullen, Christian Rytka, Ralf Hala, Friedrich Severin Bühler
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703340-0 (22) 08/08/2007
3.1
(30) 08/08/2006 US 11/500,853
(51) A45D 40/30 (2008.04), A46B 3/18 (2008.04), A46D 3/05 (2008.04)
(54) APLICADOR DE MÁSCARA COM PONTA DE VENTOINHA
(57) APLICADOR DE MÁSCARA COM PONTA DE VENTOINHA. Refere-se a
um método e aparelho para aplicar máscara que inclui uma escova formada de
um núcleo de cabo torcido conectado a um manípulo, com uma primeira
pluralidade de cerdas se estendendo radialmente do núcleo ao longo de uma
substancial porção dele. A extremidade do núcleo de cabo é flexionada, em
alguns casos aproximadamente em cento e oitenta graus, de modo que um
grupo de cerdas abre como leque da extremidade distal da escova,
preferivelmente ao longo de um plano substancialmente paralelo ao eixo
longitudinal do núcleo. A porção de flexão do núcleo inclui entre um e oito, e
preferivelmente um e quatro, voltas do cabo torcido.
(71) Risdon International, Inc. (US)
(72) Thomas Kearney
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
72
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(21) PI 0703512-8 (22) 13/08/2007
3.1
(30) 11/08/2006 KR 10-2006-076212
(51) C07C 275/62 (2008.04), C01C 3/02 (2008.04)
(54) MÉTODOS E DISPOSITIVOS DE PREPARAÇÃO DE BIURETO E DE
ÁCIDO CIANÍDRICO
(57) Métodos e Dispositivos de Preparação de Biureto e de Ácido Cianídrico.
São proporcionados métodos e dispositivos para preparar biureto e ácido
cianídrico por decomposição térmica da uréia. Especificamente, é arrefecido um
produto de decomposição térmica para precipitar um cristal e o cristal
precipitado é dissolvido usando uma solução aquosa de álcali e arrefecido para
obter biureto tendo elevada pureza. Além disso, o ácido cianídrico, que é um
dos subprodutos pela decomposição térmica da uréia, é eficazmente
recuperado com elevada pureza.
(71) J & J Chemical CO., LTD (KR)
(72) Chun Hyuk Lee, Min Seung Shin, Hoon Lee
(74) Hugo Silva, Rosa & Maldonado-Prop.Int
(21) PI 0703628-0 (22) 26/09/2007
3.1
(30) 27/09/2006 US 11/527,984
(51) B60K 17/00 (2008.04), F16H 3/00 (2008.04)
(54) TRANSMISSÃO, E, MÉTODO DE TRANSFERÊNCIA DE TORQUE
ATRAVÉS DE UMA TRANSMISSÃO
(57) TRANSMISSÃO, E, MÉTODO DE TRANSFERÊNCIA DE TORQUE
ATRAVÉS DE UMA TRANSMISSÃO. A transmissão inclui um anel dentado
acionado por um primeiro trem de engrenagens primárias, um portador
acionado por um segundo trem de engrenagens primárias e uma engrenagem
sol acionada por um terceiro trem de engrenagens primárias. São usadas
embreagens para travar e destravar o anel dentado, o portador e a engrenagem
sol. Quando travados, cada um deles gira na mesma velocidade e os torques
são adicionados, juntos, num eixo de transmissão para prover uma saída da
transmissão de torque alto e baixa velocidade. Com a aceleração da
transmissão as embreagens são desengatadas permitindo que o anel dentado,
o portador e a engrenagem sol girem separadamente e atinjam velocidades
maiores. provendo uma saída continuado torque alto para uma operação em
baixa velocidade.
(71) Hamilton Sundstrand Corporation (US)
(72) Richard A.Himmelmann
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0703687-6 (22) 05/10/2007
3.1
(30) 06/10/2006 US 11/544,702
(51) F16L 37/12 (2008.04), F16L 37/098 (2008.04), F16L 37/00 (2008.04)
(54) ACOPLAMENTO DE CONECTOR RÁPIDO
(57) ACOPLAMENTO DE CONECTOR RÁPIDO. Refere-se a um acoplamento
de conector rápido que compreende um corpo de conector, um retentor
primário, um retentor secundário e um membro macho que tem um
recalcamento radialmente aumentado. O corpo de conector inclui uma haste e
uma tampa separada permanentemente presa na haste. A haste define um furo
vazado que estende-se axialmente e inclui uma nervura anular localizada
radialmente para fora do furo. A tampa define uma ranhura anular localizada
radialmente para fora do furo. A nervura anular da haste está posicionada
dentro da ra- nhura anular da tampa. A tampa é soldada por rotação na haste
para prender permanentemente a tampa na haste. O corpo de conector
adicionalmente define duas superfícies de topamento anulares, O retentor
primário e o retentor secundário estão localizados axialmente entre as duas
superfícies de topamento anulares do corpo de conector, O retentor primário
tem um anel e dois braços de retentor primário localizados axialmente para
frente do anel. Cada braço de retentor primário está em uma relação de
topamento com o recalcamento, O retentor secundário tem um anel e dois
braços de retentor secundário localizados axialmente para trás do anel. Cada
braço de retentor secundário está localizado circunferencialmente entre os dois
braços de retentor primário e em uma relação de topamento com o
recalcamento.
(71) Ti Group Automotive Systems, L.L.C. (US)
(72) Jim Kerin, Richard M. Pepe
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703688-4 (22) 10/10/2007
3.1
(30) 10/10/2006 EP 06 021217.2
(51) D04B 15/00 (2008.04)
(54) TEAR COM GUIAS DESCONTÍNUOS DE AGULHAS
(57) TEAR COM GUIAS DESCONTÍNUOS DE AGULHAS. Refere-se a um tear
(2) de acordo com a presente invenção para uma máquina de tricô que
compreende canais guias para ferramentas de tricô que são interrompidas, em
particular, na região da trava de tricô, de modo que cada agulha é apenas
guiada lateralmente na região de sua base. De forma preferida, o tear é
projetado de modo segmentado, no qual os segmentos se unem entre si em
uma junção que se estende na direção transversal a todos os canais guia.
Assim sendo, a junta de separação está localizada nos trajetos trava (15, 16;
16, 17; 17, 18; e 18, 19). As tiras guia das seções de corpo de base individuais
(5, 6, 7), respectivamente, são dispostas deslocadas uma com relação à outra
por uma divisão de agulha. De forma preterida, as seções de corpo de agulha
(5, 6, 7) apresentam essencialmente a mesma configuração e são conectadas
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 73
de forma não destacável uma à outra.
(71) Groz-Beckert KG (DE)
(72) Rainer Krauss
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703691-4 (22) 02/10/2007
3.1
(30) 03/10/2006 US 11/538,237
(51) A61B 17/04 (2008.04), A61B 17/068 (2008.04), A61B 17/072 (2008.04)
(54) INSTRUMENTO DE GRAMPEAR CIRÚRGICO TENDO UM MECANISMO
DE TRAVA SIMPLES ATUADO POR POLÍMERO ELETROATIVO PARA
PREVENÇÃO DE ATIVAÇÃO
(57) INSTRUMENTO DE GRAMPEAR CIRÚRGICO TENDO UM MECANISMO
DE TRAVA SIMPLES ATUADO POR POLÍMERO ELETROATIVO PARA
PREVENÇÃO DE ATIVAÇÃO. Refere-se a um instrumento cirúrgico que inclui
uma barra de ativação de viga E que engata o canal e seletivamente engata a
bigorna durante os movimentos de ativação distal, em que o tecido separado e
grampeado é acionado para cima do cartucho de grampo para formar contra a
bigorna. Em particular, uma cunha integral ao cartucho de grampo é acionada
distalmente por um pino intermediário da barra de ativação para efetuar o
grampeamento. Uma trava simples do canal de grampo responde à presença
do deslizador de cunha na sua posição não ativada para permitir a ativação da
barra de ativação. De outro modo, a trava simples previne a ativação quando o
cartucho de grampo é falho ou gasto. Ainda, algumas versões incluem um
atuador de Polímero Eletroativo (EAP) que apresente uma superfície de contato
ou atua como um alçapão para um recesso inclinado em um canal de grampo
para bloquear a barra de ativação, como um caminho ativo para prevenção de
ativação para uma ou mais condições.
(71) Johnson & Johnson (US)
(72) Kevin Doll, Michael Earl Setser
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703693-0 (22) 28/09/2007
3.1
(30) 06/10/2006 DE 10 2006 047765.0
(51) G01N 1/12 (2008.04)
(54) LANÇA DE IMERSÃO PARA ANÁLISE DE FUNDIDOS E LÍQUIDOS
(57) LANÇA DE IMERSÃO PARA ANÁLISE DE FUNDIDOS E LÍQUIDOS.
Refere-se a um sensor de imersão para análise de líquidos ou fundidos,
compreendendo um transportador de imersão, que inclui um detector e uma
unidade de guia de radiação e também compreendendo uma câmara de
amostra com uma abertura de entrada disposta no transportador de imersão,
em que o sensor para medição do fundido é formado no interior da câmara de
amostra.
(71) Heraus Electro-Nite International N.V. (BE)
(72) Ralph Sattmann
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703700-7 (22) 04/10/2007
3.1
(30) 05/10/2006 US 11/543,661
(51) C01G 5/00 (2008.04), H01L 21/84 (2008.04)
(54) NANOPARTÍCULAS CONTENDO PRATA COM ESTABILIZADOR DE
SUBSTITUIÇÃO
(57) NANOPARTÍCULAS CONTENDO PRATA COM ESTABILIZADOR DE
SUBSTITUIÇÃO. Refere-se a um processo incluindo: provisão de uma
composição compreendendo nanopartículas contendo prata e moléculas de um
estabilizador inicial sobre a superfície das nanopartículas contendo prata; e
mistura de um estabilizador de substituição compreendendo o ácido carboxílico
com a composição para substituir pelo menos uma porção do estabilizador
inicial com o estabilizador de substituição, resultando em moléculas do
estabilizador de substituição sobre a superfície das nanopartículas contendo
prata.
(71) Xerox Corporation (US)
(72) Yuning Li, Beng S. Ong
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703711-2 (22) 26/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 US 11/537,032
(51) H04N 1/52 (2008.04), H04N 1/56 (2008.04)
(54) DETECÇÃO DE ESTADO DE COR EM DOMÍNIO BINÁRIO DE COR
(57) DETECÇÃO DE ESTADO DE COR EM DOMÍNIO BINÁRIO DE COR.
Refere-se a um método para determinar o estado de cor de um original
escaneado segmenta uma imagem binária de meio-tom em um número
predeterminado de janelas locais e converte cada janela local em um espaço de
cor independente de dispositivo. O método, então, determina um parâmetro de
espaço de cor para cada janela local e compara os parâmetros de espaços de
cor para as janelas locais com pelo menos um limite para determinar o estado
de cor do original escaneado. Um aparelho tendo um scanner cria uma imagem
escaneada de um original e tem pelo menos um processador para criar um
imagem binária de meio-tom da imagem escaneada, segmentar a imagem
binária de meio-tom em um número predeterminado de janelas locais, converter
cada janela local em um espaço de cor independente de dispositivo, determinar
um parâmetro de espaço de cor para cada janela local e comparar o parâmetro
de espaço de cor para cada janela local com pelo menos um limite para
determinar o estado de cor para o original escaneado.
(71) XEROX CORPORATION (US) , Xerox Corporation (US)
(72) Zhen He
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
74
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(21) PI 0703717-1 (22) 10/10/2007
3.1
(30) 12/10/2006 FR 06 08921
(51) H01R 4/26 (2008.04), H01R 12/04 (2008.04)
(54) CONECTOR ELÉTRICO PARA UM CARTÃO DE CIRCUITO IMPRESSO E
INVÓLUCRO ELÉTRICO FIRMEMENTE VEDADO CONTENDO UM TAL
CONECTOR
(57) CONECTOR ELÉTRICO PARA UM CARTÃO DE CIRCUITO IMPRESSO E
INVÓLUCRO ELÉTRICO FIRMEMENTE VEDADO CONTENDO UM TAL
CONECTOR. Refere-se a um conector elétrico (1) desenhado para ser
conectado ao bordo (20) de um cartão de circuito impresso (2) que tem uma
primeira face (2a) colocada em contato com um suporte (3). O dito conector
compreendendo pelo menos uma lâmina de metal (11) desenhada para estar
em contato com um trajeto elétrico (21) colocado em uma segunda face (2b) do
cartão de circuito impresso (2), e pelo menos um dispositivo de segurança (12)
desenhado para segurar o conector elétrico (1) no bordo do dito cartão. A dita
pelo menos uma lâmina de metal (11) é desenhada para exercer uma força de
aperto (Fp) no cartão de circuito impresso (2) para manter o último em contato
com o suporte (3), o movimento do conector elétrico e do cartão de circuito
impresso (2) sendo limitado em pelo menos uma direção (Z) perpendicular às
faces (2a, 2b) do cartão de circuito impresso (2).
(71) Schneider Electric Industries Sas (FR)
(72) Henri Belotto, Patrizio Nuccio
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703718-0 (22) 10/10/2007
3.1
(30) 12/10/2006 US 11/546.890
(51) C10M 173/00 (2008.04), C10M 107/50 (2008.04), B60J 10/00 (2008.04),
B29C 63/00 (2008.04)
(54) REVESTIMENTO GERADOR DE BAIXO RUÍDO À BASE DE ÁGUA.
(57) REVESTIMENTO GERADOR DE BAIXO RUIDO À BASE DE ÁGUA. Um
revestimento para tiras de vedação, limpadores de pára-brisa, vedações de
porta, vedações de mala, vedações de teto solar, guarnição automotiva e
similares. O revestimento compreende uma fórmula à base de água que
propicia ruído baixo e, favoravelmente, também propicia boa resistência a
condições climáticas e abrasão. A propriedade de ruído baixo é atingida através
de uma combinação de ceras e/ou sílica coloidal aquosa, e uma resina de
silicone de peso molecular elevado. Flexibilidade e resistência a condições
climáticas são atingidas através da adição de uma mistura de aglutinante de
resina de poliuretana / fluoropolímero e estabilizadores e absorventes UV. É
também propiciado um método de fabricação de tais revestimentos que
compreende as etapas de pré-dispersar as partículas de cera em co-solventes
e agentes de umedecimento e em seguida combinar as partículas de cera prédispersas com a resina de silicone e outros ingredientes.
(71) National Starch and Chemical Investment Holding Corporation (US)
(72) Julie Dewitt, Michael W. Pinter
(74) Orlando de Souza
(21) PI 0703722-8 (22) 10/10/2007
3.1
RPI 1951 de 27/05/2008
(30) 11/10/2006 DE 10 2006 048 742.7
(51) D01H 5/52 (2008.04), F15B 15/28 (2008.04), H01F 21/06 (2008.04)
(54) APARELHO EM UM SISTEMA DE ESTIRAMENTO DE UMA MÁQUINA
DE SEÇÃO DE FIAÇÃO, ESPECIALMENTE UM PASSADOR, MÁQUINA DE
CARDAR, PENTE MECÂNICO DE CARDADOR OU SIMILARES, PARA A
PESAGEM DOS CILINDROS DO SISTEMA DE ESTIRAMENTO, TENDO
PELO MENOS UM CILINDRO DE MEIO DE PRESSÃO
(57) APARELHO EM UM SISTEMA DE ESTIRAMENTO DE UMA MÁQUINA
DE SEÇÃO DE FIAÇÃO, ESPECIALMENTE UM PASSADOR, MÁQUINA DE
CARDAR, PENTE MECÂNICO DE CARDADOR OU SIMILARES, PARA A
PESAGEM DOS CILINDROS DO SISTEMA DE ESTIRAMENTO, TENDO
PELO MENOS UM CILINDRO DE MEIO DE PRESSÃO. Refere-se a um
aparelho em um sistema de estiramento de uma máquina de seção de fiação,
especialmente um passador, uma máquina de cardar, um pente mecânico de
cardador ou similares, para a pesagem dos cilindros do sistema de estiramento,
tendo pelo menos um cilindro de meio de pressão com um pistão que atua
sobre o meio de pressão e é disposto de modo a ficar móvel no sentido axial
dentro de um alojamento de cilindro e a partir do qual se estende uma haste de
pistão, a haste de pistão passando por pelo menos uma cobertura de cilindro
que define o alojamento de cilindro na extremidade, existe uma disposição de
sensor indutivo para a determinação da posição do pistão com a haste de
pistão. A fim de aperfeiçoar o aparelho, de modo a determinar a posição do
pistão com a haste de pistão, pelo menos um sensor de deslocamento indutivo
é integrado ao sistema de meio de pressão que consiste no alojamento de
cilindro e do pistão atuável em meio de pressão, e o sensor de deslocamento é
conectado a um dispositivo de avaliação elétrica.
(71) Truetzschler Gmbh & Co. Kg (DE)
(72) Franz-Josef Minter
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703724-4 (22) 10/10/2007
3.1
(30) 10/10/2006 JP 2006-276064
(51) H01R 13/631 (2008.04)
(54) CONJUNTO DE CONECTOR
(57) CONJUNTO DE CONECTOR. Refere-se a um conjunto de conector tendo
uma alavanca, pelo qual a força aplicada na alavanca pode ser controlada. Um
conjunto de conector inclui um conector macho, conector fêmea e alavanca
provida de modo giratório no conector macho. A alavanca é girada de modo a
permitir que ambos os conectores se aproximem e se afastem. A alavanca é
provida com um ressalto furado do fulcro que e capturado pelo conector fêmea
quando ambos os conectores são encaixados entre si. O conector fêmea é
provido com uma ranhura de orientação de fulcro dentro da qual o ressalto
furado do fulcro entra. A ranhura de orientação de fulcro inclui uma parte reta e
parte inclinada. Uma parte situada em uma parte de extremidade da parte
inclinada de uma superfície interna da ranhura de orientação de fulcro controla
o movimento do ressalto furado do fulcro na direção de largura dos conectores,
a parte de extremidade ficando situada distante da parte reta.
(71) Yazaki Corporation (JP)
(72) Toshiharu Takahashi, Kazuto Ohtaka
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0703731-7 (22) 08/10/2007
3.1
(30) 06/10/2006 US 11/539,393
(51) A61L 15/64 (2008.04), A61K 31/74 (2008.04), B82B 1/00 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO BIOABSORVÍVEL TENDO ADITIVOS ENCAPSULADOS
PARA ACELERAÇÃO DA DEGRADAÇÃO
(57) DISPOSITIVO BIOABSORVÍVEL TENDO ADITIVOS ENCAPSULADOS
PARA ACELERAÇÃO DA DEGRADAÇÃO. Refere-se a um dispositivo médico
que tem uma estrutura produzida de um material biodegrável e/ou
bioabsorvível. Um aditivo de degradação é encapsulado por outro material
biodegrável e/ou bioabsorvível formando uma nanopartícula ou micropartícula.
A nanopartícula ou micropartícula está junto com o material biodegrável e/ou
bioabsorvível da estrutura, O outro material biodegrável e/ou bioabsorvível da
nanopartícula ou micropartícula tem uma taxa de degradação que é mais rápida
do que uma taxa de degradação do um material biodegrável e/ou bioabsorvível.
A estrutura experimenta um período de degradação acelerada após liberação
do aditivo de degradação a partir da nanopartícula ou micropartícula.
(71) Johnson & Johnson (US)
(72) George Landau, Vipul Davé
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703757-0 (22) 25/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 IT B02006A000673
(51) B27B 5/00 (2008.04), B27B 5/06 (2008.04), B23D 19/00 (2008.04), B23D
45/00 (2008.04)
(54) MÁQUINA DE SERRAR PAINÉS PARA PAINÉS FEITOS DE MADEIRA
OU DE MATERIAIS SIMILARES
(57) MÁQUINA DE SERRAR PAINÉIS PARA PAINÉIS FEITOS DE MADEIRA
OU DE MATERIAIS SIMILARES. Trata-se de uma máquina de serrar painéis
(2) para painéis (1) feitos de madeira ou materiais similares, que compreende:
uma mesa horizontal (3) para suportar os painéis (1); meios (4) para avançar os
painéis (1) ao longo de uma linha de alimentação (A) móvel em direção paralela
a e ao longo da mesa horizontal (3); uma unidade de corte reto (5) transversal à
linha de alimentação (A) e que compreende uma base (10), meios de
pressionamento (6) para reter os painéis (1) e uma primeira lâmina de serra (7)
móvel em ambas as direções e que se projeta longitudinalmente a partir de uma
fenda formada na mesa horizontal (3) de forma a cortar os painéis (1) ao longo
de uma linha (T) transversal à linha de alimentação (A); a unidade de corte (5)
compreende um carro (8), o qual suporta de forma giratória a primeira lâmina
(7) e que está conectado de forma giratória aos meios de guia (9) associados
com a base (10); primeiros meios (11) para acionar o carro (8), projetados para
permitir que o carro (8) se mova em ambas as direções ao longo da linha
transversal (1); segundos meios (12) para acionar a primeira lâmina (7),
posicionados na base (10) e conectados de forma cinemática, pelos primeiros
meios de transmissão de acionamento (13), à primeira lâmina (7) de tal forma a
permitir que a última gire continuamente.
(71) Giben International S.p.A (IT)
(72) Piergiorgio Benuzzi
(74) Tavares & Companhia
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 75
(21) PI 0703764-3 (22) 26/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 EP 06 121572.9
(51) D07B 1/04 (2008.04), D06M 101/16 (2008.04)
(54) CABO DE FIBRA SINTÉTICA E SISTEMA DE ELEVADOR PARA UM
CABO DE FIBRA SINTÉTICA DESTE TIPO
(57) CABO DE FIBRA SINTÉTICA E SISTEMA DE ELEVADOR PARA UM
CABO DE FIBRA SINTÉTICA DESTE TIPO. refere-se a um cabo de fibra
sintética (1),com cordões de uma camada de cordões que são distanciados
reciprocamente. Com o distanciamento recíproco (dl) os cordões (7) da camada
de cordões externa (2) podem ser movimentados radialmente na direção do
centro do cabo, e podem exercer uma pressão radial sobre os cordões (8, 9) da
primeira camada de cordões interna (3). A pressão radial é transmitida pelos
cordões (8, 9) da primeira camada de cordões interna (3) para os cordões (10)
da segunda camada de cordões interna (4). A pressão radial é transmitida pelos
cordões (10) da segunda camada de cordões interna (4) para o cordão de
núcleo (5). A pressão radial aumenta da camada de cordões para a camada de
cordões para dentro. O revestimento do cabo (6) macio não atua como apoio
entre os cordões (7) na direção da circunferência Ur.
(71) Inventio Aktiengesellschaft (CH)
(72) Florian Dold, Adolf Bissig, Herbert Bachmann, Manfred Wirth, Tobias
Noseda, Roland Lorenz, Claudio de Angelis, Alessandro D'apice
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703766-0 (22) 26/09/2007
3.1
(30) 05/10/2006 US 11/543,552
(51) B60C 1/00 (2008.04), C08K 3/36 (2008.04), C08K 5/00 (2008.04), C08L
9/00 (2008.04), C08L 7/00 (2008.04)
(54) PNEU
(57) PNEU refere a um pneu com um componente de borracha que inclui: (A)
100 partes em peso (ppc) de uma borracha contendo insaturação olefínica; (B)
de 50 a 100 ppc de sílica; (C)de 1 a 40 ppc de um polioctenâmero. Em outra
modalidade, a invenção se refere a um pneu com um componente de borracha
que também inclui: (D) de 1 a 30 ppc de um gel de borracha selecionado do
grupo que consiste em gel de polibutadieno, gel de estireno butadieno, gel de
acrilonitrila-butadieno, gel de cloropreno, gel de borracha natural e suas
misturas.
(71) The Goodyear Tire & Rubber Company (US)
(72) Carlo Kanz, Uwe Ernst Frank
(74) Nellie Anne Daniel Shores
(21) PI 0703882-8 (22) 11/10/2007
3.1
(30) 13/10/2006 US 60/829,313; 13/06/2007 US 11/762,111
(51) F16K 1/32 (2008.04), D21C 9/00 (2008.04)
(54) VÁLVULA ISENTA DE GÁS PARA MÁQUINA DE LAVAR POLPA A
VÁCUO E MÉTODO
(57) VÁLVULA ISENTA DE GÁS PARA MÁQUINA DE LAVAR POLPA A
VÁCUO E MÉTODO. Refere-se a um tambor rotativo para a condensação de
76
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
polpa de uma cuba de pasta fluida de polpa, o tambor que inclui condutos
radiais que liberam o filtrado de um tapete de polpa sobre uma superfície
externa do tambor para pelo menos um conduto de filtrado coaxial a um eixo
geométrico rotacional de tambor, um segmento de válvula no conduto de filtrado
incluindo: uma superfície externa justaposta contra as saídas de drenagem dos
condutos radiais conforme os condutos passam por uma faixa angular que se
estende a partir de uma posição superior de tambor para uma posição imersa
em uma cuba, em que o segmento de válvula não bloqueia as saídas de
drenagem durante uma maior parte da rotação do tambor; pelo menos uma
abertura de entrada sobre a superfície externa alinhada às saídas de
drenagem, a dita abertura de entrada estendendo-se pelo menos por uma maior
parte de uma largura do segmento de válvula, e uma passagem fechada que se
estende a partir da abertura de entrada para um expurgador de gás externo ao
conduto de filtrado, em que a passagem fechada é desviada e se estende
abaixo de uma linha de centro do conduto de filtrado.
(71) Andritz INC. (US)
(72) Todd S. Grace
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703884-4 (22) 10/10/2007
3.1
(30) 11/10/2006 US 60/850,899
(51) G01N 33/50 (2008.04), G01N 33/68 (2008.04), G01N 27/30 (2008.04)
(54) SENSOR DE TESTE COM RESPIRADOURO LATERAL E MÉTODOS
PARA SUA FABRICAÇÃO
(57) SENSOR DE TESTE COM RESPIRADOURO LATERAL E MÉTODOS
PARA SUA FABRICAÇÃO. Trata-se de um sensor de teste que ajuda a
determinar a concentração de analito em uma amostra de fluido, o qual
compreende uma tampa, uma base e um afastador. O afastador tem pelo
menos uma primeira e uma segunda seções de afastador. A primeira seção do
afastador tem um primeiro lado de afastador e uma primeira extremidade de
afastador. A tampa, a base e o afastador são presos de modo que uma câmara
para fluido seja formada entre uma parte da superfície inferior da tampa inferior
e a superfície superior da base, e entre os primeiro e segundo lados do
afastador. A superfície inferior da tampa, a superfície superior da base, a
primeira extremidade do afastador e a segunda extremidade do afastador
formam um respiradouro lateral entre elas que fica em comunicação com a
câmara pra fluido.
(71) Bayer Healthcare LLC (US)
(72) Michael P. Vansickle, John P. Creaven
(74) Nellie Anne Daniel Shores
(21) PI 0703916-6 (22) 10/10/2007
(30) 09/10/2006 FR 06 08831
3.1
RPI 1951 de 27/05/2008
(51) A45D 34/00 (2008.04), A46B 11/00 (2008.04)
(54) APLICADOR DE PRODUTO COSMÉTICO COM ELEMENTOS
MÚLTIPLOS TIPICAMENTE ORIENTADOS
(57) APLICADOR DE PRODUTO COSMÉTICO COM ELEMENTOS
MÚLTIPLOS TIPICAMENTE ORIENTADOS. Refere-se a um aplicador (1) de
um produto cosmético, tipicamente de uma máscara, compreendendo um meio
de aplicação (4) que tem um núcleo axial (40) solidário a essa haste axial (3) à
sua parte inferior (31) e um empilhamento (41) de uma pluralidade de N
elementos que cooperam com esse núcleo axial (40), graças a um orifício
tipicamente central (50) que permite a passagem desse núcleo axial (40),
caracterizado pelo fato de esses elementos serem elementos E (5) desprovidos
de simetria de revolução total e esse núcleo axial (40) e essa pluralidade de
elementos E (5) cooperarem com um meio de orientação angular desses
elementos E (5) em relação a essa direção axial (10) em um plano transversal
(11) perpendicular a essa direção axial (10), de maneira que cada elemento Ei
(5) seja solidário em rotação a esse núcleo axial (40) e apresente uma
orientação angular αi predeterminada em relação a esse núcleo axial (40).
(71) Alcan Packaging Beauty Services (FR)
(72) Davide Manici, Alain Berhault
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703949-2 (22) 11/10/2007
3.1
(30) 13/10/2006 US 11/549,249
(51) G03G 9/087 (2008.04)
(54) PROCESSO PARA AGREGAÇÃO DE EMULSÃO
(57) PROCESSO PARA AGREGAÇÃO DE EMULSÃO. Refere-se a um
processo para a preparação de um toner que inclui a cintilação de solvente de
cera e de resina em conjunto para emulsificar a resina e a cera para um tamano
sub-mícron; misturando a emulsão de resina com um corante, e opcionalmente
um coagulante para a formação de uma mistura; aquecendo a mistura para
uma temperatura abaixo da temperatura de transição para vidro da resina para
agregar a resina, o corante e a cera, para a formação de partículas agregadas;
aquecendo as partículas agregadas e o agente coalescente para uma
temperatura acima da temperatura de transição para vidro da referida resina
para coalescer as partículas agregadas para a formação de partículas de toner,
opcionalmente resfriando a mistura; e isolando as partículas do toner.
(71) Xerox Corporation (US)
(72) Enno E. Agur, Guerino G. Sacripante, Edward G. Zwartz, Michael S.
Hawkins
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0703953-0 (22) 04/10/2007
3.1
(30) 06/10/2006 JP P2006-274770
(51) H04L 27/38 (2008.04), H04J 11/00 (2008.04), H04L 7/00 (2008.04)
(54) APARELHO DE RECEPÇÃO, MÉTODO DE RECEPÇÃO DE UM
APARELHO DE RECEPÇÃO QUE RECEBE SINAIS, E, PROGRAMA
(57) APARELHO DE RECEPÇÃO, MIETODO DE RECEPÇÃO DE UM
APARELHO DE RECEPÇÃO QUE RECEBE SINAIS, E, PROGRAMA. Um
aparelho de recepção inclui: uma unidade de desmodulação que desmodula um
sinal de IF obtido submetendo um sinal de RF recebido à conversão de
freqüência; uma unidade de detecção que detecta um erro de freqüência de
onda portadora contido no sinal de IF; uma unidade de controle de freqüência
que estabelece um valor inicial de uma freqüência no processo de
desmodulação através da unidade de desmodulação e para corrigir um erro de
freqüência de uma freqüência usada para o processo de desmodulação através
da unidade de desmodulação com base no erro de freqüência de onda
portadora detectado pela unidade de detecção; e uma unidade de controle que
controla um estabelecimento de um valor inicial de uma freqüência no processo
de desmodulação pela unidade de desmodulação, através da unidade de
controle de freqüência depois de um canal de recepção ser comutado, com
base no erro de freqüência de onda portadora antes de um canal de recepção
ser comutado, o erro sendo detectado pela unidade de detecção, quando um
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 77
canal de recepção é comutado.
(71) Sony Corporation (JP)
(72) Takahiro Okada
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0704041-5 (22) 26/09/2007
(30) 29/09/2006 JP 2006-266674
(51) F02N 11/06 (2008.04), F02N 11/08 (2008.04)
(54) SISTEMA DE GERAÇÃO ELÉTRICA PARA UM VEÍCULO
(21) PI 0704000-8 (22) 01/10/2007
3.1
(30) 02/10/2006 EP 06 020699.2
(51) B65D 30/10 (2008.04)
(54) SACO PARA ACONDICIONAMENTO EM FILME
(57) SACO PARA ACONDICIONAMENTO EM FILME. Refere-se com um saco
para acondicionamento em filme (1) possuindo superfícies do saco formadas
por um filme do saco (2) e por uma alça de transporte (4), a qual é disposta em
uma das superfícies do saco, por meio do que a alça de transporte (4) possui
uma tira de filme (6) possuindo um segmento de alça (7) que é acessível por
meio de uma abertura no filme do saco (2), durante o uso. De acordo com a
invenção, a tira de filme (6) é disposta em uma camada transportadora (11), por
meio do que a tira de filme (6) envolve a camada transportadora (11) com as
extremidades da tira dobradas (13) que seguem o segmento de alça (7),
camada esta que é mais larga do que a tira de filme (6). A tira de filme (6) é
ligada com o filme do saco (2) por meio da camada transportadora (11), por
meio do que a camada transportadora (11) é conectada com o interior do saco
junto à lateral da tira de filme (6), diretamente ou indiretamente.
(71) Nordenia Deutschland Halle Gmbh Werk Steinfeld (DE)
(72) Alfons Kruse, Jochen Brauer
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
3.1
(57) SISTEMA DE GERAÇÂO ELÉTRICA PARA UM VEÍCULO.
Refere-se a um sistema de geração para veículo para permitir a um
magneto detector para um sensor de ângulo de manivela, e para um
magneto detector para um sensor de pulso serem compartilhados.
Um magneto permanente (49) para geração de energia disposto em
um rotor exterior (32) é utilizado como um magneto detector. Um
sensor de ângulo de manivela (51), disposto se opondo ao magneto
permanente (49), e um sensor de pulso, para detectar um fluxo de
dispersão do magneto permanente (49), o sensor de pulso sendo
deslocado a partir do sensor de ângulo de manivela (51), são
proporcionados em um lado do núcleo do estator (33). Uma parte dos
vários magnetos permanentes (49) é desviada de outra parte por uma
quantidade de desvio δ, de modo que o sensor de pulso (52) não
detecta um fluxo de dispersão deste magneto permanente (49). Além
disso, uma chapa de absorção de fluxo de dispersão (50) é disposta
na face lateral do magneto permanente desviado (49). Com um
conjunto de magnetos permanentes (49), os sinais, cujos níveis se
alteram em tempos diferentes, podem ser emitidos a partir do sensor
(51 e 52), e baseado nestes sinais, um sinal de sincronização trifásico
e um sinal de posição de referência de ignição, podem ser formados.
(71) Honda Motor Co., Ltd. (JP)
(72) Takeshi Yanagisawa, Hiroyuki Nakajima
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0704035-0 (22) 03/10/2007
3.1
(30) 06/10/2006 DE 10 2006 047 247.0
(51) B01F 17/00 (2008.04), B01F 3/08 (2008.04), A61K 8/02 (2008.04), A61K
8/06 (2008.04), A61Q 17/00 (2008.04), A61Q 19/00 (2008.04)
(54) EMULSÕES COSMÉTICAS FABRICÁVEIS A FRIO, DE BAIXA
VISCOSIDADE E ESTÁVEIS A LONGO PRAZO COM CO-EMULSIFICANTES
CONTENDO GRUPOS CATIÔNICOS
(57) EMULSÕES COSMÉTICAS FABRICÁVEIS A FRIO, DE BAIXA
VISCOSIDADE E ESTÁVEIS A LONGO PRAZO COM COEMULSIFICANTES
CONTENDO GRUPOS CATIÔNICOS. Refere-se a emulsões de óleo-em-água
isentas de PEG, de partículas pequenas, baixa viscosidade, estáveis a longo
prazo, fabricáveis a frio, sua fabricação a partir de fases de óleo
preferentemente límpidas ou através de concentrados do tipo de microemulsão
preferentemente límpidos até transparentes, as fases de óleo ou os
concentrados do tipo de microemulsão correspondentes, bem como o uso das
emulsões de acordo com a invenção, para a fabricação de preparações
cosméticas, dermatológicas, farmacêuticas ou técnicas, especialmente para a
fabricação de emulsões de embebimento para toalhas umedecidas (Wet Wipes)
ou para emulsões de tratamento borrifáveis.
(71) Goldschmidt GmbH (DE)
(72) Jürgen Meyer, Burghard Grüning, Peter Hameyer, Holger Leidreiter, Hans
Henning Wenk
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0704064-4 (22) 19/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 JP 2006-266675
(51) B62J 6/02 (2008.04), B60Q 1/04 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO DE FAROL DIANTEIRO PARA MOTOCICLETA
(57) DISPOSITIVO DE FAROL DIANTEIRO PARA MOTOCICLETA. Refere-se
a um dispositivo de farol dianteiro para uma motocicleta para reduzir a
influência de um vento de deslocamento que entra nas folgas entre um capô
dianteiro e o dispositivo de farol dianteiro. Em uma unidade de farol dianteiro
(21) provida com uma caixa (34) para suportar um bulbo (23) e uma lente (25)
engatada com a caixa (34) para permitir a irradiação da luz do bulbo (23)
penetrar, e, montada em um capô dianteiro (20), a unidade de farol dianteiro
(21) é provida de modo que pelo menos uma porção da lente (25) volta-se para
o lado externo de uma porção de abertura formada no capô dianteiro (20) e é
oscilantemente montada no capô dianteiro (20) de modo a realizar o ajuste do
eixo ótico na direção vertical. Também, uma porção de extensão (40) que se
estende em uma direção da largura do veículo, em um formato verticalmente
longo é provida em cada lado na direção da largura do veículo. Assim, a
influência do vento de deslocamento (100) que entra através das folgas (41)
pode ser reduzida. Além disso, o capô dianteiro (20) e a lente (25) formam uma
superfície contínua nivelada entre si no lado da superfície e a porção de
78
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
extensão (40) é construída de modo a não ser vista do lado externo do capô
dianteiro (20).
(71) Honda Motor Co., LTD (JP)
(72) Naoyuki Yamate, Shiro Fukano
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0704133-0 (22) 27/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 US 11/529,783
(51) F01L 31/08 (2008.04)
(54) CONTROLADOR DE VÁLVULA
(57) CONTROLADOR DE VÁLVULA. Refere-se a um controlador para controlar
uma válvula incluindo um conjunto de coletor, um indicador de posição de
válvula e uma conjunto de disparo. Um sistema de distribuição de meio
operacional é disposto no conjunto coletor e uma unidade de controle eletrônico
é disposta no controlador. A unidade de controle eletrônico opera pelo menos
uma válvula eletromagnética para controlar o fluxo de meio operacional pelo
sistema de distribuição de meio operacional para ativar um comando que abre
ou fecha a válvula, O conjunto de disparo inclui um cilindro adaptado para
receber um eixo de comando e prover um mecanismo de ajuste automático
correspondendo ao comprimento de curso do eixo de comando.
(71) Westlock Controls Corporation (US)
(72) Leo Minervini, Eric Jordan, Robert Endres
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0704153-5 (22) 28/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 US 11/529,237
(51) C22C 38/26 (2008.04)
(54) ARTIGO DE AÇO FERRAMENTA PARA TRABALHO A FRIO DE
METALURGIA DO PÓ
(57) ARTIGO DE AÇO FERRAMENTA PARA TRABALHO A FRIO DE
METALURGIA DO PO. É revelado um artigo de aço ferramenta para trabalho a
frio de metalurgia do pó de pó pré-ligado atomizado por nitrogênio compactado
isostaticamente a quente. A liga do artigo inclui a adição de nióbio, que,
combinado com o uso de atomização de gás, resulta em uma fina distribuição
de tamanho de carbonetos. Isto, por sua vez, resulta em uma maior resistência
à fratura no dobramento e tenacidade ao impacto. Além do mais, em
decorrência da compactação isostática de pó pré-ligado atomizado com gás
nitrogênio, resulta em uma fina distribuição de carbonetos para obter uma
RPI 1951 de 27/05/2008
microestrutura que atinge tanto maior tenacidade quanto resistência ao
desgaste.
(71) Crucible Materials Corporation (US)
(72) Alojz Kajinic, Andrzej L. Wojcieszynski
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0704158-6 (22) 03/10/2007
3.1
(30) 06/10/2006 EP 06 121879.8
(51) B66B 13/28 (2008.04), B66B 5/00 (2008.04)
(54) BARREIRA PARA POÇO DE ELEVADOR
(57) BARREIRA PARA POÇO DE ELEVADOR. Uma instalação de elevador
compreendendo um carro (1) no interior de uma coluna (10), um amortecedor
(16) montado em um poço (12) da coluna (10) e uma barreira (20; 30; 40)
localizada no poço (12) circundando ou dentro de uma área na qual um espaço
livre vertical entre o peso do poço (14) e o carro (1) ou equipamento montado
sobre o mesmo é inferior a um valor limiar regulador (C) quando o carro (1)
comprime por completo o amortecedor (16). Por conseguinte, a barreira (20; 30;
40) atua para fisicamente desencorajar pessoal dentro do poço de
inadvertidamente estar presente na área de espaço livre vertical reduzido.
(71) Inventio Aktiengesellschaft (CH)
(72) Hanspeter Bloch
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0704181-0 (22) 28/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 US 11/541,258
(51) H04L 29/06 (2008.04)
(54) SISTEMA E MÉTODO PARA O CARREGAMENTO DINÂMICO DE
ADAPTADORES DE PROTOCOLO
(57) SISTEMA E MÉTODO PARA O CARREGAMENTO DINÂMICO DE
ADAPTADORES DE PROTOCOLO. Um sistema e método são revelados para
a carga dinâmica de adaptadores de protocolo em um ambiente de clienteservidor. Em operação, o cliente e um servidor de dados acoplado podem ter
protocolos de comunicações diferentes. Na partida ou tempo de execução, o
cliente acessa uma fábrica de protocolos e recupera um adaptador de protocolo
que é operável para converter as comunicações entre o protocolo do servidor
de dados e o protocolo do cliente. A identificação do adaptador de protocolo da
fábrica de protocolos é feita testando cada adaptador de protocolo em uma
base serial para identificar o primeiro adaptador de protocolo que é capaz de
converter as comunicações entre o protocolo do servidor de dados e o protocolo
do cliente.
(71) Dell Products L.P. (US)
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 79
(72) John E. Landry, Christopher J. Conner, Pradeep Kamath, Pallavi
Paranjape, Tsen-Loong Peng
(74) Nellie Anne Daniel Shores
(21) PI 0704195-0 (22) 02/10/2007
3.1
(30) 04/10/2006 FR 06/54087
(51) F16D 69/02 (2008.04), B29D 31/502 (2008.04), B29C 35/02 (2008.04),
B29C 43/00 (2008.04), B29L 31/16 (2008.04)
(54) PROCESSO DE FABRICAÇÃO DE UMA GUARNIÇÃO DE FRICÇÃO QUE
COMPREENDE UMA FACE DE ATRITO E UMA FACE DE APOIO, EM
ESPECIAL PARA EMBREAGENS OU PARA FREIOS
(57) PROCESSO DE FABRICAÇÃO DE UMA GUARNIÇÃO DE FRICÇÃO QUE
COMPREENDE UMA FACE DE ATRITO E UMA FACE DE APOIO, EM
ESPECIAL PARA EMBREAGENS OU PARA FREIOS. Processo de fabricação
de uma guarnição de fricção que compreende uma face de atrito e uma face de
apoio, em especial para embreagens ou para freios, que compreende as etapas
sucessivas seguintes: a) mistura de fibras, de ligantes e de cargas, b)
conformação da mistura a uma temperatura TF compreendida entre 150 e
250ºC, de preferência entre 180 e 220ºC, de maneira que os ligantes não sejam
totalmente polimerizados, seguida sem modificação significativa da estrutura do
ligante por: c) retirada de matéria em pelo menos a face de atrito, esta etapa
comportando pelo menos uma retificação, e d) tratamento de pós-reticulação
dos ligantes.
(71) Valeo Matériaux de Friction (FR)
(72) Cécile Rommeru, Loïc Adamczak, Bruno Mamont, Martine Pagenot
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0704196-9 (22) 27/09/2007
3.1
(30) 28/09/2006 ES 200602117
(51) H02G 3/14 (2008.04), H02G 3/08 (2008.04)
(54) PLACAS BASE PARA DISPOSITIVOS ELÉTRICOS ENCASTRÁVEIS
(57) PLACAS BASE PARA DISPOSITIVOS ELÉTRICOS ENCASTRÁVEIS.
Placas base para dispositivos elétricos encastráveis, com estojos cromáticos e
armações intermediárias incorporáveis, cujas placas, devidamente fixadas à
armação metálica ou de outro material de sujeição do mecanismo elétrico (3)
encastrável constituem o elemento visível desde o exterior, junto com a tecla
basculante (4) de acionamento do mecanismo (3) ou outro elemento
complementar nela situado, que apresentam estojos (5), encaixados a pressão,
mediante o engate de saliências triangulares (7), que possuem em sua borda,
sob o rebordo lateral inferior (8) das mencionadas placas base (1), sendo estes
estojos (5) de um acabamento cromático totalmente diferenciado do das placas
base (1), tudo isso de modo que ao colocar um destes estojos de placa (5)
sobre a correspondente placa (1), obtém-se uma mudança do aspecto
cromático do conjunto, objetivo realizável quantas vezes seja necessário
mediante o emprego de distintos estojos de placa (5) de diferente acabamento
cromático.
(71) Simon S.A. (ES)
(72) Cristina Egea Soler
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0704206-0 (22) 28/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 CA 2,562,407; 29/09/2006 US 11/529,211
(51) B44D 3/00 (2008.04)
(54) APARELHO PARA REDUZIR O DESPERDÍCIO DE LÍQUIDO EM UM
RECIPIENTE
(57) APARELHO PARA REDUZIR O DESPERDÍCIO DE LÍQUIDO EM UM
RECIPIENTE Aparelho para reduzir o desperdício de líquido em um recipiente,
que compreende: um corpo metálico rígido, alongado, tendo primeira e segunda
extremidades e primeira e segunda bordas longitudinais; a primeira
extremidades tendo saliências e concavidades configuradas para se entrosarem
com o aro superior de uma lata de tinta para pintar munida de uma tampa; a
dita segunda extremidade sendo substancialmente plana e formada com um
ressalto geralmente retangular com as ditas primeira e segunda bordas
longitudinais; e a primeira e segunda extremidades, e a primeira e segunda
bordas longitudinais compreendendo ainda uma crista resiliente não metálica
que se estende a partir da mesma.
(71) Paint Miser Products INC. (CA)
(72) Hermann Fruhm, Geoffrey David Gibbons, David George Graff, Alex
Feldman
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0704231-0 (22) 01/10/2007
3.1
(30) 06/10/2006 CH 1600/06
(51) A47C 3/026 (2008.04), A47C 1/031 (2008.04)
(54) CADEIRA DE ESCRTÓRIO SÍNCRONA
(57) CADEIRA DE ESCRITÓRIO SÍNCRONA. Uma cadeira de escritório
síncrona compreendendo um suporte (1) firmemente conectado com uma
coluna de sus tentação, uma base do assento (2) articulada em um eixo
geométrico de inclinação (4) no suporte com um flange (5) e um encosto (3)
com um braço traseiro (6) . O braço traseiro (6) retrata um primeiro, segundo e
terceiro trilhos de carne (7, 8 e 9) e engata em um interstício entre o suporte (1)
e a base do assento (2) . A dita base do assento (2) com o flange (5) e o
encosto (3) com o braço traseiro (6) são formados para executar um movimento
síncrono. Um primeiro mancal de bastões (10) é montado no flange (5) da base
do assento (2) que engata no primeiro trilho de carne (7) do braço traseiro (6) e
no qual o movimento síncrono é guiado no primeiro trilho de came (7) . Um
segundo mancal de bastões (11) é montado na base do assento (2) que engata
no segundo trilho de carne (8) do braço traseiro (6) e no qual o movimento
síncrono é guiado no segundo trilho de carne (8) . Um terceiro mancal de
80
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
bastões (12) é montado no suporte (1) que engata no terceiro trilho de carne (9)
do braço traseiro (6) e no qual o movimento síncrono é guiado no terceiro trilho
de carne. Um movi mento síncrono acontece tal que a base do assento (2) com
o flange (5) executa um primeiro movimento de inclinação ao redor de um eixo
geométrico de inclinação (4), enquanto o encosto (3) com o braço traseiro (6)
executa um segundo mo- vimento de inclinação ao redor de um eixo geométrico
virtual (13) . Com base na magnitude, ele é cerca de duas a três vezes tão
grande quanto o primeiro movimento de inclinação e um movimento de
translação ao mesmo tempo. Além do mais, o pivô momentâneo do segundo
movimento de inclinação ao redor do eixo geométrico virtual (13)
essencialmente se situa na mesma distância acima da parte intermediária
traseira da base do assento (2).
(71) Stoll Giroflex AG (CH)
(72) Erwin Curiger
(74) Nellie Anne Daniel Shores
(21) PI 0704237-0 (22) 27/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 US 11/537,315
(51) H04L 12/26 (2008.04), G06F 11/30 (2008.04)
(54) SISTEMAS E MÉTODOS PARA DIAGNÓSTICO REMOTO DE
DISPOSITIVOS
(57) SISTEMAS E MÉTODOS PARA DIAGNÓSTICO REMOTO DE
DISPOSITIVOS. Um sistema de gerenciamento de dispositivo para uma
pluralidade de dispositivos, que inclui um dispositivo de coleta de dados que
adquire dados de dispositivo para um ou mais da pluralidade de dispositivos, e
um circuito de transmissão que transmite os dados de dispositivo para um
gerenciamento de dispositivo, no qual a estação de gerenciamento de
dispositivo determina quaisquer dispositivos isolados dentro da pluralidade de
dispositivos. Além disto, um método de gerenciamento de dispositivo para uma
pluralidade de dispositivos que inclui adquirir dados de dispositivo para um ou
mais da pluralidade de dispositivos, transmitir os dados de dispositivo para uma
estação de gerenciamento de dispositivo, gerar um mapa de controle com base
nos dados de dispositivo transmitidos, determinar se no mínimo um da
pluralidade de dispositivos está fora de no mínimo um dos limite superior e do
limite inferior, e fornecer uma ação apropriada para assumir com base na
determinação.
(71) Xerox Corporation (US)
(72) Mark F. Enzien
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
RPI 1951 de 27/05/2008
(71) Tyco Healthcare Group LP (US)
(72) Lise-Helene Heroux, Adin M. Potter, Robert Frechette, Manisha M.
Dadhania
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0704410-0 (22) 02/10/2007
3.1
(30) 03/10/2006 US 11/538,154
(51) A61B 17/068 (2008.04)
(54) INSTRUMENTO CIRÚRGICO DE GRAMPEAR ARTICULADO
INCORPORANDO UM MECANISMO DE DISPARO DE DUAS PEÇAS DE
FEIXE EM FORMA DE E
(57) INSTRUMENTO CIRÚRGICO DE GRAMPEAR ARTICULADO
INCORPORANDO UM MECANISMO DE DISPARO DE DUAS PEÇAS DE
FEIXE EM FORMA DE E. Refere-se a um instrumento cirúrgico para grampear
e cortar, adequado para procedimentos clínicos laparoscópicos e endoscópicos,
prende o tecido dentro de um efetor ("efetor") de extremidade de um canal
alongado oposto de forma articulada por uma placa de apoio. Uma barra de
disparo em formato de feixe em E se move distalmente através do efetor
(efetor") de extremidade preso para cortar o tecido e para acionar grampos em
cada lado do corte. A barra de disparo em formato de feixe em E espaça
afirmativamente a placa de apoio do canal alongado para garantir grampos
fechados formados de maneira adequada, especialmente quando uma
quantidade de tecido é presa sendo inadequada para espaçar o efetor ("efetor")
de extremidade. Em particular, um pino superior da barra de disparo move
longitudinalmente através de uma fenda de placa de apoio e uma fenda de
canal é capturada entre uma tampa inferior e um pino intermediário da barra de
disparo para garantir um espaçamento mínimo. A formação do feixe em E a
partir de uma parte distal espessada e de uma tira próxima afinada melhora a
capacidade de fabricação e facilita o uso em tais instrumentos cirúrgicos de
articulação.
(71) Johnson & Johnson (US)
(72) Michael Earl Setser, Kevin R. Doll, Frederick E. Shelton IV, Jerome R.
Morgan
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0704458-5 (22) 27/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 DE 10 2006 046 649.7
(51) C08J 3/03 (2008.04), C08L 75/02 (2008.04), C08L 75/04 (2008.04)
(54) COMPOSIÇÃO AGLUTINANTE
(57) COMPOSIÇÃO AGLUTINANTE.. A presente invenção refere-se a
dispersões de poliuretano poliuréia com unidades estruturais de amida bem
como preparação e uso como composição aglutinante.
(71) Bayer Materialscience AG (DE)
(72) Thorsten Rische, Thomas Münzmay, Harald Blum, Thomas Feller
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0704406-2 (22) 27/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 US 11/529,672
(51) A61M 25/00 (2008.04)
(54) CATETER INCLUINDO MANGA ANTIMICROBIANA E MÉTODOS DE
PRODUÇÃO DO MESMO
(57) CATETER INCLUINDO MANGA ANTIMICROBIANA E MÉTODOS DE
PRODUÇÃO DO MESMO. Refere-se a um cateter que inclui um corpo tubular
dotado de uma superfície externa, e uma manga disposta apenas em uma
porção da superfície externa do corpo tubular. A manga inclui uma camada
externa sobrejacente à camada interna. O cateter contém um agente
antimicrobiano solúvel em água na camada externa da manga. Métodos de
produzir o cateter são também descritos.
(21) PI 0704496-8 (22) 18/05/2007
3.1
(30) 18/05/2006 DE 102006023244.5
(51) C09C 1/24 (2008.04), C09C 3/10 (2008.04)
(54) PIGMENTOS DE ÓXIDO FÉRRICO ESTÁVEIS À OXIDAÇÃO,
PROCESSO PARA A FABRICAÇÃO DE PIGMENTOS DE ÓXIDO FÉRRICO,
USO DOS PIGMENTOS DE ÓXIDO FÉRRICO
(57) PIGMENTOS DE ÓXIDO FÉRRICO ESTÁVEIS À OXIDAÇÃO,
PROCESSO PARA A FABRICAÇÃO DE PIGMENTOS DE ÓXIDO FÉRRICO,
USO DOS PIGMENTOS DE OXIDO FÉRRICO. Refere-se a pigmentos de óxido
férrico estáveis à oxidação que apresentam um revestimento de pelo menos
uma substância orgânica, sua fabricação e utilização.
(71) Lanxess Deutschland Gmbh (DE)
(72) Holger Friedrich
(74) Bhering Advogados
(21) PI 0704567-0 (22) 22/08/2007
3.1
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 81
(30) 22/08/2006 TW 095130867
(51) F03B 7/00 (2008.04), F03B 17/06 (2008.04), F03B 15/00 (2008.04), F03B
3/18 (2008.04)
(54) SISTEMA E MÉTODO DE TRANSMISSÃO CONTROLÁVEL
(57) SISTEMA E METODO DE TRANSMISSÃO CONTROLÁVEL. São providos
um sistema e um método de transmissão controlável. O sistema de transmissão
controlável inclui um primeiro dispositivo de rotação, um dispositivo de
acoplamento e um dispositivo de controle. O primeiro dispositivo de rotação
inclui um eixo de transmissão, um corpo de rotação e uma pluralidade de
unidades de lâminas conectadas ao corpo de rotação, caracterizado pelo fato
de que cada uma das unidades de lâminas inclui uma lâmina ajustável tendo
um primeiro e um segundo elementos de contato e tendo uma abertura
correspondente à lâmina ajustável. O dispositivo de acoplamento está montado
ao lado do dispositivo de rotação e inclui uma unidade de acoplamento tendo
uma primeira e uma segunda superfícies de contato. O dispositivo de controle
está conectado ao dispositivo de acoplamento para controlar o movimento do
dispositivo de acoplamento para fazer uma das superfícies de contato
posicionada correspondente ao respectivo primeiro elemento de contato e o
segundo elemento de contato.
(71) Cheng-Tsun Liu (TW)
(72) David Liou
(74) Cruzeiro Newmarc Patentes e Marcas Ltda.
(21) PI 0704635-9 (22) 18/05/2007
3.1
(30) 18/05/2006 US 11/436.484
(51) B29D 11/00 (2008.04), B29C 45/14 (2008.04)
(54) MOLDE PARA DISPOSITIVO BIOMÉDICO
(57) MOLDE PARA DISPOSITIVO BIOMÉDICO. A presente invenção inclui
moldes para formação de um dispositivo biomédico, tal como uma lente
oftálmica. A presente invenção também inclui métodos e sistemas para
formação de uma parte de molde para processar dispositivos biomédicos, tal
como uma lente oftálmica.
(71) JOHNSON & JOHNSON (US)
(72) Scott F. Ansell, Changhong Yin
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0704598-0 (22) 19/09/2007
3.1
(30) 19/09/2006 JP 2006-253250; 20/12/2006 JP 2006-342797; 08/02/2007 JP
2007-029702
(51) H01M 10/46 (2008.04)
(54) ADAPTADOR, CONJUNTO DE BATERIA E ADAPTADOR E
FERRAMENTA ELÉTRICA PARA USO COM O MESMO
(57) ADAPTADOR, CONJUNTO DE BATERIA E ADAPTADOR E
FERRAMENTA ELÉTRICA PARA USO COM O MESMO. Refere-se a uma
bateria tendo uma voltagem de saída de 14,4V, que é conectável a uma
ferramenta elétrica de uma maneira deslizante, é usada como uma fonte de
suprimento de potência para a ferramenta elétrica que é conectável a uma
bateria de uma maneira de inserção e tem uma voltagem nominal de 12 V, a
ferramenta elétrica e a bateria são conectadas uma à outra com um adaptador
interposto entre as mesmas. O adaptador tem um FET que é comutado em uma
carga prede- terminada de uma freqüência predeterminada. A bateria e a
ferramenta elétrica são conectadas ou desconectas a ou de cada outra pela
operação de comutação, desse modo se deixando cair a voltagem de saída da
bateria. A voltagem a partir da bateria é detectada. Quando a voltagem
detectada está fora de uma faixa de valor predeterminada, é julgado que a
corrente em excesso ou a descarga em excesso ocorreu. Então, o FET é
desligado para parada da ferramenta elétrica.
(71) Hitachi Koki Co., Ltd (JP)
(72) Nobuhiro Takano, Yoshikazu Kawano, Kazuhiko Funabashi, Yuuichi
Konuma, Masateru Niyada, Chikai Yoshimizu, Eiji Nakayama, Kenro Ishimaru
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0704668-5 (22) 25/06/2007
3.1
(30) 23/06/2006 CN 200610061327.5; 31/01/2007 CN 200710006855.5
(51) B65D 90/12 (2008.04), B65G 7/12 (2008.04)
(54) ARMAÇÃO DE TRANSPORTE PARA CONTÊINER MUITO GRANDE E
MÉTODO DE INSTALAÇÃO DA ARMAÇÃO NO CONTÊINER
(57) ARMAÇÃO DE TRANSPORTE PARA CONTÊINER MUITO GRANDE E
MÉTODO DE INSTALAÇÃO DA ARMAÇÃO NO CONTÊINER. Provê uma
armação de transporte para um contêiner muito grande ou similar, bem como
um método de instalação da armação sobre o contêiner ou similar. A armação
de transporte inclui um chassi de armação de topo que compreende duas
adaptações de canto de topo, cada uma provida com um orifício de adaptação
de canto de topo, um chassi de armação de fundo que compreende duas
adaptações de canto de fundo, cada uma provida com um orifício de adaptação
de canto de fundo, e uma pluralidade de colunas, cada uma tendo duas
extremidades conectadas ao chassi de armação de topo e ao chassi de
armação de fundo, respectivamente. As orientações dos dois orifícios de
adaptação de canto de topo e a distância entre eles, e as orientações dos dois
orifícios de adaptação de canto de fundo e a distância entre eles satisfazem às
exigências para acoplamento com adaptações de canto de contêineres
empilhados vizinhos. Com a invenção, contêineres não padronizados podem
ser facilmente içados, empilhados e transportados. Mais ainda, a armação de
transporte pode ser facilmente operada e armazenada, enquanto é reusável.
(71) China International Marine Containers (Group) Ltd (CN) , Qingdao Cimc
Special Reefer CO., LTD. (CN)
(72) T. H. Huang, Guohao Huang, Zhi Qing Li, Ryan Xu, Nian Cheng Zhou,
Chao Fu Xie, Song Lin Xu
(74) ORLANDO DE SOUZA
82
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(21) PI 0704876-9 (22) 28/09/2007
3.1
(30) 03/10/2006 EP 06121668
(51) A23G 9/04 (2008.04), A23L 1/307 (2008.04), A23L 1/30 (2008.04), A23L
1/303 (2008.04), B65D 85/78 (2008.04)
(54) PRODUTO DE CONFEITARIA CONGELADO E EMBALAGEM
(57) PRODUTO DE CONFEITARIA CONGELADO E EMBALAGEM.
Fornecimento de um produto de confeitaria congelado que compreende em
peso no máximo 17% de açúcar livre; no máximo 5% de gordura total; no
máximo 3,5% de gordura saturada; pelo menos 0,5% de proteína; pelo menos
0,3% de cálcio; pelo menos 0,15% de fósforo; pelo menos 0,15% de magnésio;
pelo menos 0,0005% de zinco; em que substancialmente todo o cálcio, fósforo,
magnésio e zinco são provenientes de uma fonte láctea.
(71) UNILEVER N.V (NL)
(72) Mark John Berry, Andrew Hoddle, Patricia Jill Quail, Joy Elizabeth
Wilkinson
(74) Paola Calabria Mattioli
(21) PI 0704878-5 (22) 03/10/2007
3.1
(30) 06/10/2006 IT BG2006A 000050
(51) H01H 71/43 (2008.04), H01H 9/08 (2008.04), H01H 73/06 (2008.04)
(54) INTERRUPTOR PARA CIRCUITO DE BAIXA VOLTAGEM COM PÓLOS
INTERCAMBIÁVEIS
(57) Interruptor para circuito de baixa voltagem com pólos Intercambiáveis,
onde um disjuntor para circuito de baixa voltagem compreende: uma estrutura
de confinamento; um mecanismo de controle; uma pluralidade de pólos de
interrupção de circuito, escolhidos entre um primeiro tipo de pólo que
compreende um primeiro alojamento contendo um primeiro contado fixo e um
correspondente primeiro contacto móvel que pode ser acoplado com dito
primeiro contacto fixo por meio de sua rotação ao redor de um ponto, e um
segundo tipo de pólo que compreende um segundo alojamento contendo um
segundo contacto fixo e um correspondente segundo contacto móvel que pode
ser acoplado com dito segundo contacto fixo por meio de um movimento de
translação ao longo de um eixo; um primeiro acoplamento cinemático entre dito
mecanismo de controle e dito primeiro contacto móvel, no caso de ditos pólos
pertencerem a dito primeiro tipo de pólo, ou um segundo acoplamento
cinemático entre dito mecanismo de controle e dito segundo contacto móvel, no
caso de ditos pólos pertencerem a dito segundo tipo de pólo.
(71) ABB Service S.R.L. (IT)
(72) Maurizio Curnis, Federico Gamba
(74) Advocacia Pietro Ariboni s/c
(21) PI 0704890-4 (22) 11/10/2007
3.1
(30) 13/10/2006 FR 0654256
(51) G01S 13/88 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO DE DETECÇÃO, USO DE UM DISPOSITIVO DE
DETECÇÃO, PROCESSO DE DETECÇÃO E PLATAFORMA DE UMA
RPI 1951 de 27/05/2008
ESTAÇÃO DE METRÔ
(57) DISPOSITIVO DE DETECÇÃO, USO DE UM DISPOSITIVO DE
DETECÇÃO, PROCESSO DE DETECÇÃO E PLATAFORMA DE UMA
ESTAÇÃO DE METRÔ. Refere-se a um dispositivo de detecção (1) da
presença de um objeto (9) em uma área de detecção, caracterizado pelo fato de
compreender uma linha de transmissão (2), um gerador ligado a uma entrada
da referida linha de transmissão e apto a gerar um sinal de entrada, e um
receptor ligado a uma saída da referida linha de transmissão e apto a medir um
sinal de saída, linha de transmissão essa que está apta a irradiar um sinal
irradiado (15, 16) na referida área de detecção quando o gerador gera o referido
sinal de entrada, dispositivo de detecção esse que compreende ainda meios de
análise aptos a detectar a presença de um objeto na referida área de detecção
em função do referido sinal de saída.
(71) Alstom Transport SA (FR) , Inrets - Institut National De Recherche Sur Les
Transports ET Leur Securite (FR)
(72) Didier Van Den Abeele, Marc Heddebaut, Fouzia Boukour, Jean Rioult
(74) Alexandre Fukuda Yamashita
(21) PI 0704917-0 (22) 28/09/2007
3.1
(30) 05/10/2006 FR 0608765
(51) G06K 7/00 (2008.04), G06K 13/06 (2008.04), G06K 19/00 (2008.04)
(54) LEITOR DE CARTÃO E MÁQUINA DE FORNECIMENTO DE SERVIÇO
(57) LEITOR DE CARTÃO E MÁQUINA DE FORNECIMENTO DE SERVIÇO.
Refere-se a um leitor de cartão que compreende uma estrutura (12) de
recepção do cartão que delimita, de um lado, um alojamento para o cartão e, de
outra lado, uma fenda (16) para introduzir o cartão no alojamento, e a estrutura
de recepção (12) comporta uma porção de guia (30A, 30B) do cartão
introduzido até uma posição no alojamento de leitura do referido cartão. O leitor
de cartão compreende ainda: uma escova (40) montada de modo a deslizar na
estrutura de recepção (12) a partir de uma posição posterior, situada do lado
oposto da fenda (16) e separada do alojamento, até uma posição avançada no
alojamento, próxima da fenda (16), escova (40) essa que é dotada de uma face
anterior (46) que cobre pelo menos uma parte da superfície em corte
transversal do alojamento; e um mecanismo (28) de acionamento da escova
(40) para fazer a referida escova (40) deslizar de sua posição de repouso para
sua posição avançada.
(71) Parkeon (FR)
(72) Pierre Klein, Sébastien Descamps
(74) Artur Francisco Schaal
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0704921-8 (22) 21/09/2007
3.1
(30) 29/09/2006 US 11/540,745
(51) G01B 7/14 (2008.04)
(54) SISTEMA PARA A MEDIÇÃO DE VÃO E MÉTODO PARA OPERAR O
MESMO
(57) Sistema para a medição de vão e método para operar o mesmo. É descrito
um sistema de detecção de vão (110). O sistema (110) inclui uma sonda (112)
separada do objeto em teste (114) por uma distância variável d (116). O
sistema (110) também inclui uma fonte de corrente alternada (AC) (118) para
fornecer uma corrente através da sonda (112), sendo que a fonte AC (118) e a
sonda (112) são configurados de modo a gerar um canal de plasma (120)
controlado entre a ponteira da sonda (112) e o objeto em teste (114). O sistema
(110) ainda inclui uma unidade de processamento (124) configurada para
determinar a distância variável d (116) com base na diferença de tensão entre a
ponteira da sonda (112) e o objeto em teste (114).
(71) GENERAL ELECTRIC COMPANY (US)
(72) Andrzej May
(74) Advocacia Pietro Ariboni S/C
(21) PI 0705081-0 (22) 01/10/2007
3.1
(30) 29/09/2006 SG 200607001-5
(51) H04L 12/28 (2008.04)
(54) SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ATUALIZAÇÃO DE EVENTOS
(57) SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ATUALIZAÇÃO DE EVENTOS O
crescimento e a expansão da Internet estimulou as empresas além dos
consumidores a utilizar a Internet para todo tipo de finalidades, abrangendo
desde publicidade a comércio eletrônico a comprar on-line a fazer blogs e
disseminar noticias. Atualmente, a Internet é a mídia mais rápida para divulgar
informações. Com o advento da "era sem fio" e a proliferação de dispositivos
móveis, a Internet deverá crescer ainda mais, especialmente na área de
aplicativos sem fio móveis. Está tornando-se uma tarefa monstruosa para os
usuários finais ficar a par dos novos eventos e atualizações na Internet. Os
atuais sistemas de gerenciamento de atualização de eventos que permitem aos
usuários de serviços móveis ficarem a par das atualizações a partir dos
websites de seu interesse sofrem várias inflexibilidades e desvantagens. Uma
concretização revelada da invenção descreve um sistema e um método para
abordar os problemas enfrentados pelos sistemas de gerenciamento de
atualização de eventos já existentes.
(71) Wireless Intellect Labs Pte Ltd (SG)
(72) Arora Varun
(74) Alberto Luis Camelier da Silva
(21) PI 0705093-3 (22) 10/10/2007
3.1
(30) 10/10/2006 EP 06425698.5
(51) F02M 51/04 (2008.04), F02M 57/02 (2008.04), F02M 63/04 (2008.04)
(54) SISTEMA DE FORNECIMENTO DE COMBUSTÍVEL POR MEIO DE
INJEÇÃO ELETRÔNICA
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 83
(57) Sistema de fornecimento de combustível por meio de Injeção eletrônica. É
aqui descrito um sistema (12) de fornecimento de combustível por meio de
injeção eletrônica para um motor a combustão interna (1), o qual compreende
ao menos um injetor (13) e uma bomba de combustível (14); a bomba de
combustível (14) compreendendo: uma câmara de bombeamento (20) de
volume variável; uma válvula de admissão (28) de não retorno; uma válvula de
alimentação (24) de não retorno; um pistão móvel (21), o qual é acoplado na
câmara de bombeamento (20) de modo a variar ciclicamente o volume da
câmara de bombeamento (20); e um atuador (27), o qual imprime um
movimento alternado no pistão (21), compreende um atuador eletromagnético
(29) para atuar o pistão (21) durante a fase de admissão, e compreende uma
mola (30) para atuar o pistão (21) durante de fase de alimentação.
(71) Magneti Marelli Powertrain S.P.A. (IT)
(72) Massimo Mattioli, Paolo Pasquali, Luca Mancini
(74) Advocacia Pietro Arieboni S/C
(21) PI 0705123-9 (22) 03/10/2007
3.1
(30) 04/10/2006 ES P 200602526
(51) F16K 31/06 (2008.04), F16K 17/00 (2008.04), F16K 15/00 (2008.04)
(54) VÁLVULA ELETROMAGNÉTICA DE GÁS DE SEGURANÇA CONTRA A
CHAMA
(57) VÁLVULA ELETROMAGNÉTICA DE GÁS DE SEGURANÇA CONTRA A
CHAMA Trata-se de uma válvula eletromagnética de gás contra a chama de
segurança do tipo que é incorporada em um invólucro (6) de uma torneira de
fornecimento de gás doméstica, a qual compreende um eletroímã (2) com um
núcleo (3) e uma armadura móvel (4) atraída pelo núcleo (3) do eletroímã (2)
quando é ligada, abrindo desse modo um assento de válvula (20), um membro
de vedação da válvula (9) conectado à dita armadura móvel (4) a fim de mover
a mesma, uma embalagem protetora (l0) que abriga o eletroímã (2) ao encerrar
o mesmo e uma mola de retorno (8) do membro de vedação (9) em uma
posição de repouso quando o assento de válvula é fechado. A embalagem
protetora (10) é extensível axialmente e compreende pelo menos um elemento
móvel (12) que é movido conjuntamente com o membro de vedação (9) e a
armadura móvel (4), e a mola de retorno (8) é abrigada na dita embalagem
protetora (10).
(71) Orkli, S. Coop (ES)
(72) José Antonio Guirado Tristán
(74) David Do Nascimento Advogados Associados S/C
(21) PI 0705127-1 (22) 04/10/2007
3.1
(30) 05/10/2006 EP 06425679.5
(51) F16D 1/02 (2008.04), F02M 29/12 (2008.04), F02M 29/02 (2008.04)
(54) ACOPLAMENTO COM TRAVA ENTRE DOIS COMPONENTES
MECÂNICOS
(57) Acoplamento com trava entre dois componentes mecânicos, onde um
acoplamento (31) com trava entre dois componentes (33, 34) mecânicos
apresentando: ao menos um par de elementos de acoplamento (32), cada um
dos quais apresenta um formato de um "L" e que é protuberante em um
primeiro componente mecânico (33); e ao menos um par de trilhos (36), cada
um dos quais é feito através de um segundo componente mecânico (34),
apresenta o formato de um arco de circunferência, termina com uma abertura
(37) de entrada com uma dilatação, e que é engastada, em uso, por um
84
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
elemento de acoplamento (32): cada trilho (36) apresenta uma dimensão de
modo a evitar a remoção axial do elemento de acoplamento (32) ao longo de
seu comprimento inteiro exceto por uma abertura (37) de entrada na qual o
elemento de acoplamento (32) pode ser removido de um modo axial.
(71) Magneti Marelli Powertrain S.p.A. (IT)
(72) Michele Pecora, Stefano Fornara, Federico Lancioni
(74) Advocacia Pietro Ariboni S/C
(21) PI 0705311-8 (22) 31/08/2007
3.1
(30) 01/09/2006 US 11/515,078
(51) B67D 3/00 (2008.04)
(54) DISTRIBUIDOR MONTADO EM PAREDE
(57) DISTRIBUIDOR MONTADO EM PAREDE Um distribuidor inclui uma tampa
presa de maneira pivotante a uma placa traseira, para mover entre uma posição
aberta na qual o distribuidor pode se reabastecido, e uma posição fechada na
qual o distribuidor pode ser atuado. A tampa inclui um fecho que engata uma
pega mantida na placa traseira. Uma barra alongada presa à placa traseira é
fornecida para engatar o fecho e removê-lo da pega, para permitir à tampa ser
movida para a posição aberta. A barra alongada inclui um garfo que se estende
até as extremidades terminais esquerda e direita que são acessíveis fora de
uma zona de distribuição do distribuidor. Esta invenção é particularmente
aplicável a distribuidores que empregam sensores para detectar a presença de
uma mão em uma zona de distribuição.
(71) Joseph S. Kanfer (US)
(72) Mark E. Rosenkranz, Aaron R. Reynolds, Robert L. Quinlan
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0705317-7 (22) 18/06/2007
3.1
(30) 16/06/2006 US 11/455,048
(51) A45D 34/00 (2008.04), A45D 40/00 (2008.04)
(54) LENÇO PARA GARRAFA COSMÉTICA
(57) LENÇO PARA GARRAFA COSMÉTICA. A presente invenção refere-se a
um elemento limpador para uso em um frasco cosmético fabricado a partir de
um plástico semi-rígido tal como polietileno de baixa densidade. O elemento
limpador apresenta uma manga com um diafragma de limpeza integral
definindo um orifício dotado de uma borda de limpeza. O diafragma de limpeza
é conectado à manga por uma pluralidade de nervuras espaçadas entre si as
quais atuam para reter quaisquer peças do diafragma que possam se romper
em uso, e evitam que as mesmas caiam dentro do frasco cosmético e em
qualquer produto contido no frasco.
(71) Risdon International, Inc. (US)
(72) Thomas Kearney
RPI 1951 de 27/05/2008
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0705318-5 (22) 21/05/2007
3.1
(30) 28/06/2006 US 11/477,035
(51) A61F 9/007 (2008.04), A61F 9/00 (2008.04)
(54) SISTEMA CIRÚRGICO TENDO TABULAÇÃO PNEUMÁTICA COM
CILINDROS DE AR COMPLETOS
(57) SISTEMA CIRÚRGICO TENDO TABULAÇÃO PNEUMÁTICA COM
CILINDROS DE AR COMPLETOS. A presente invenção refere-se a um sistema
cirúrgico que possui todos dos vários subsistemas de controle pneumáticos,
integralmente montados em uma caixa de distribuição primária comum. Os
vários mecanismos de controle exigidos, tais como válvulas, são igualmente
montados integralmente na caixa de distribuição comum. Cilindros de ar para a
atuação de válvula são diretamente instalados nas caixas de distribuição, e o ar
pressurizado para os cilindros de ar é fornecido aos cilindros através das caixas
de distribuição. Tal construção eliminou a necessidade de usar tubulação de ar
externa para suprir os cilindros de ar com ar pressurizado, desse modo
aperfeiçoando a confiabilidade e simplificando a construção.
(71) ALCON, INC. (CH)
(72) NICOLEI R.KING
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
(21) PI 0705490-4 (22) 27/06/2007
3.1
(30) 27/06/2006 AE 437/2006; 05/07/2006 EP 06116656.7
(51) E04B 1/346 (2008.04)
(54) ESTRUTURA DE EDIFICAÇÃO ROTATIVA
(57) ESTRUTURA DE EDIFICAÇÃO ROTATIVA Uma estrutura de edificação
rotativa contém um núcleo central vertical para suporte de unidades de
pavimento suspensas circundando o núcleo. Uma plataforma anular se estende
a partir do núcleo em unidades de pavimento correspondentes para a provisão
de acessibilidade para e a partir do núcleo central. As unidades de pavimento
contêm um mecanismo de acionamento para deslocamento rotativo. A carga de
vento sobre o lado externo de cada pavimento e/ou uma turbina de vento
RPI 1951 de 27/05/2008
horizontal que gira em torno do núcleo, mas é uma parte separada do
pavimento em si, painéis solares situados como uma cobertura de telhado no
topo de cada pavimento e uma ferramenta de vento empregável a partir da
unidade de pavimento provê assistência de potência de vento alternativa para
rotação das unidades de pavimento.
(71) LAURA MICOL FISHER (IT)
(72) DAVID H. FISHER
(74) ORLANDO DE SOUZA
(21) PI 0705492-0 (22) 05/07/2007
3.1
(30) 06/07/2006 US 11/481,587
(51) E21B 33/035 (2008.04), E21B 33/038 (2008.04)
(54) LUVA DE ADAPTADOR PARA ALOJAMENTO DE CABEÇA DE POÇO
(57) LUVA DE ADAPTADOR PARA ALOJAMENTO DE CABEÇA DE POÇO
Trata-se de um conjunto de cabeça de poço submarino para um poço
submarino, o qual inclui um alojamento de cabeça de poço de baixa pressão
que tem uma coluna de tubulação condutora que se estende a partir do mesmo.
Um alojamento de cabeça de poço de alta pressão tendo uma coluna de
revestimento externo suspensa a partir do mesmo, é assentado dentro do
alojamento de cabeça de poço de baixa pressão. O alojamento de cabeça de
poço de alta pressão tem um furo de alojamento. Um adaptador é posicionado
dentro do furo de alojamento. O adaptador tem um encosto para carga externo
que assenta em um encosto para carga de alojamento do alojamento de cabeça
de poço de alta pressão. O adaptador tem também um furo de adaptador com
um encosto interno para carga de adaptador formado no mesmo. Um suspensor
de revestimento é conduzido no furo do adaptador e tem uma coluna de
revestimento interno suspensa a partir do mesmo e é cimentado no poço. O
suspensor de revestimento assenta no encosto interno para carga do
adaptador.
(71) Vetco Gray INC. (US)
(72) David L. Ford
(74) Montaury Pimenta, Machado & Lioce S/C Ltda
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos 85
contacto fixo e ao menos um contacto móvel que podem ser
acoplados/desacoplados um com o outro; um elemento rotativo que
compreende um corpo formado feito de material isolante compreendendo ao
menos um assento para cada pólo de dita chave interruptora, dito assento
sendo projetado para alojar ao menos um contado móvel de um correspondente
pólo; um mecanismo de controle conectado operativamente com o elemento
rotativo para possibilitar seu movimento; e um ou mais elementos feitos de
material ferromagnético postos em uma posição correspondendo a ao menos
uma porção da superfície interna de dito ao menos um assento do contacto
móvel.
(71) ABB Service S.R.L. (IT)
(72) Stefano Besana, Alessio Bergamini
(74) Advocacia Pietro Ariboni S/C
(21) PI 0705718-0 (22) 14/09/2007
3.1
(30) 20/09/2006 JP 2006-254703
(51) H04N 5/765 (2008.04), H04N 7/01 (2008.04)
(54) APARELHO PARA FORNECER CONTEÚDO E MÉTODO DE
FORNECIMENTO DE CONTEÚDO
(57) APARELHO PARA FORNECER CONTEÚDO E MÉTODO DE
FORNECIMENTO DE CONTEÚDO. A presente invenção refere-se a um
aparelho de aprovisionamento de conteúdo (100) que inclui armazenamento
(14) que grava conteúdo com vários tipos de formatos, portas de saída que
respecti vamente emitem conteúdo lido a partir do armazenamento (14),
decodificadores (151 até 156) que estão conectados com as portas de saída e
respectivamente correspondem aos formatos, canais que respectivamente
proporcionam conteúdo decodificado pelos decodificadores (151 até 156) um
comutador (16) que seletivamente deriva uma das saídas dos decodificadores
(151 até 156) para um canal especificado dos canais, uma tabela (12) que
expressa as portas de saída conectadas com os decodificadores (151 até 156)
correspondendo aos vários tipos de formatos e condições de estado dos
decodificadores (151 até 156), a CPU (10) que designa uma disponível dentre
as portas de saída que corresponde ao formato do conteúdo especificado
baseada na tabela (12).
(71) Kabushiki Kaisha Toshiba (Toshiba Corporation) (JP)
(72) Hiroyuki Miyauchi
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
3.2
PUBLICAÇÃO ANTECIPADA
(21) PI 0705547-1 (22) 10/10/2007
3.1
(30) 13/10/2006 IT BG2006A 000053
(51) H02H 3/05 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO DE BAIXA VOLTAGEM COM ELEMENTO ROTATIVO COM
ALTA RESISTÊNCIA ELETRO-DINÂMICA
(57) Dispositivo de baixa voltagem com elemento rotativo com alta resistência
eletro-dinâmica, onde um dispositivo mono-polar ou multipolar para sistemas de
baixa-voltagem em particular um interruptor de circuito ou um disjuntor,
compreende: uma caixa externa contendo para cada pólo ao menos um
(21) MU 8701720-2 (22) 21/08/2007
3.2
(51) A61M 1/00 (2008.04), A61J 1/00 (2008.04), A61M 27/00 (2008.04)
(54) APERFEIÇOAMENTO INTRODUZIDO EM APARELHO REMOVEDOR DE
SUJIDADES NASAIS
(57) APERFEIÇOAMENTO INTRODUZIDO EM APARELHO REMOVEDOR DE
SUJIDADES NASAIS - destinado a ser utilizado por pais ou responsáveis de
bebês, crianças em idade infantil, pacientes com debilidades temporárias ou em
demais indivíduos com determinadas deficiências físicas, ainda nâo habilitados
ou que apresentem cenas dificuldades para removerem secreções patolágicas
oriundas da membrana da mucosa, que se acumulam nas narinas, onde
através de uma ponteira e de um bocal de formatos especiais é sugado direto
para um recipiente, as exoreções que o mencionado grupo de individuos têm
dificuldades para removê-las por vias normais (assoar ou limpar
adequadamente o nariz).
86
DIRPA - Notificação - Fase Nacional - PCT e Publicação de Pedidos
(71) Renata Valéria Fernandes Gonçalves de Campos Unni (BR/SP)
(72) Renata Valéria Fernandes Gonçalves de Campos Unni
(74) Cpa - Central Paulista de Assessoria S/C Ltda
(21) PI 0703612-4 (22) 11/10/2007
3.2
(51) B60R 25/10 (2008.04), G08G 1/127 (2008.04), G01S 5/02 (2008.04), G06F
7/00 (2008.04), B62D 63/06 (2008.04)
(54) RASTREADOR E LOCALIZADOR PARA SEMI-REBOQUE
(57) RASTREADOR E LOCALIZADOR PARA SEMI-REBOQUE, conforme
descrito no relatório e conforme as ilustrações anexas é caracterizado por um
sistema para rastreamento e localização de semi-reboques contendo ainda
atuadores e sensores com comunicação remota, permitindo a identificação
exata do status do semi-reboque em tempo real através de links de
comunicação via satélite e / ou GPRS - General Packet Rádio Service.
(71) Hadar Rastreamento e Gerenciamento Veicular LTDA. (BR/RS)
(72) Cristiano Branchieri Escola
(74) Luiz Fernando campos Stock
(21) PI 0703749-0 (22) 29/08/2007
3.2
(51) H01B 1/02 (2008.04)
(54) UTILIZAÇÃO DE FIO DE ALUMÍNIO E SUAS LIGAS EM CONTROLES
PARA ELETRODOMÉSTICOS
(57) UTILIZAÇÃO DE FIO DE ALUMÍNIO E SUAS LIGAS EM CONTROLES
PARA ELETRODOMÉSTICOS refere-se ao uso de fio de alumínio e suas ligas
com ou sem revestimento para uso em controles para eletrodomésticos,
principalmente nas bobinas que compõem estes sistemas. O fio de alumínio ou
suas derivações pode ser aplicado em substituição ao fio de cobre
tradicionalmente usado, possibilitando a redução de peso do enrolamento
necessário. Para cada projeto em particular haverá diferenças funcionais que
deverão se avaliadas para determinar a aplicabilidade de cada tipo de fio.
(71) Invensys Appliance Controls Ltda (BR/SP)
(72) Maximiliano Miotto
(74) Cruzeiro Newmarc Patentes e Marcas Ltda
RPI 1951 de 27/05/2008
Diretoria de Patentes - DIRPA
Despachos Relativos a Pedidos, Patentes
(incluindo as de MI/DI expedidas na vigência da Lei
5772/71) e Certificados de Adição de Invenção
RPI 1951 de 27/05/2008
(71) Natec Equipamentos Ltda (BR/RJ)
1. Pedido Internacional
PCT/BR Designado ou
Eleito
1.3.1
RETIFICAÇÃO
(21) PI 0512276-7 (22) 24/06/2005 1.3.1
(30) 24/06/2004 EP 04253769.6
(51) A61K 8/41 (2008.04), A61Q 5/08
(2008.04), A61Q 5/10 (2008.04), A61K
8/30 (2008.04)
(54) COMPOSIÇÕES PARA
TINGIMENTO OU DESCOLORAÇÃO
DE CABELOS
(57) COMPOSIÇÕES PARA
TINGIMENTO OU DESCOLORAÇAO
DE CABELOS Esta invenção consiste
em um sistema em duas partes para
tingimento ou descoloração dos cabelos
que compreende: (i) urna loção rala
opcionalmente compreendendo um
corante por oxidação e compreendendo
um sistema solvente e um sistema
tensoativo para desencadear um
espessamento mediante a diluição com
um revelador; e (ii) um revelador que
compreende uma quantidade irritante
para o couro cabeludo de um agente
oxidante.No sistema da invenção, a
loção tem um índice de fase lamelar
maior que 80 %.
(71) The Procter & Gamble Company
(US)
(72) Robert Wayne Glenn, Delyth
Anghared James
(74) Trench, Rossi e Watanabe
(85) 19/12/2006
(86) PCT US2005/022437 de 24/06/2005
(87) WO 2006/002362 de 05/01/2006
Referente a RPI 1938 de 26/02/2008
quanto ao item (72)
2. Depósito
2.1
NOTIFICAÇÃO DE
DEPÓSITO DE PEDIDO
DE PATENTE OU DE
CERTIFICADO DE
ADIÇÃO DE INVENÇÃO
(21) MU 8603041-8 (22) 15/05/2006 2.1
(71) GRACILDA ALVES (BR/RJ)
(74) Joubert Gonçalves de Castro
(21) MU 8702751-8 (22) 28/11/2007 2.1
(71) GIANCARLOS MANGILI (BR/SC)
(74) Anel Marcas e Patentes
(21) MU 8702752-6 (22) 26/10/2007 2.1
(21) MU 8702753-4 (22) 17/05/2007 2.1
(71) José de Mello Pereira Filho (BR/PR)
(21) MU 8702760-7 (22) 02/04/2007 2.1
(71) Osmar Prado de Oliveira (BR/SP)
(21) MU 8702761-5 (22) 26/10/2007 2.1
(71) Marcio Zuicker de Camargo
Castanho (BR/SP)
(74) Autoral Patentes e Marcas S/C
LTDA.
(21) MU 8702762-3 (22) 08/10/2007 2.1
(71) Luiz Carlos Jacyzin (BR/SP)
(21) MU 8702763-1 (22) 21/11/2007 2.1
(71) NELY CRISTINA BRAIDOTTI
(BR/SP)
(74) SÍMBOLO MARCAS E PATENTES
LTDA
(21) MU 8800898-3 (22) 28/04/2008 2.1
(71) RONALDO PEIXOTO SIMÕES
(BR/RJ)
(74) Security Assessoria Empresarial
Ltda.
(21) MU 8800899-1 (22) 18/04/2008 2.1
(71) Sebastião Alves Pinheiro (BR/RJ)
(74) Portfolio Marcas e Patentes Ltda
(21) MU 8800900-9 (22) 01/04/2008 2.1
(71) Artenio Guarez (BR/PR)
(74) Paulo José Lunkes
(21) MU 8800901-7 (22) 14/04/2008 2.1
(71) Marcos Hisashi Mori (BR/SP)
(74) VILAGE MARCAS & PATENTES
S/C LTDA
(21) MU 8800902-5 (22) 18/04/2008 2.1
(71) Fabiano Vieira Vilhena (BR/SP)
(74) VILAGE MARCAS & PATENTES S /
S LTDA
(21) MU 8800903-3 (22) 16/04/2008 2.1
(71) Danilo Mantovani Junior (BR/SP)
(74) Sul América Marcas e Patentes S/C
Ltda.
(21) MU 8800904-1 (22) 18/04/2008 2.1
(71) Armando Picerni (BR/SP)
(74) VILAGE MARCAS & PATENTES S /
S LTDA
(21) MU 8800905-0 (22) 16/04/2008 2.1
(71) Dilson Coimbra de Almeida Pires
(BR/RJ)
Estamparia Ltda. (BR/SP)
(74) ALTAIR DIAS, MELLO & CIA. LTDA.
(74) ELCI MARIA TEIXEIRA
GONÇALVES
(21) MU 8800909-2 (22) 17/04/2008 2.1
(71) Cleber Ferreira Maulaz (BR/PR)
(74) London Marcas & Patentes S/C
Ltda.
(21) PI 0706143-9 (22) 31/10/2007 2.1
(71) Salvador Vilar Correia Lima (BR/PE)
, Fabio de Oliveira Vilar (BR/PE)
(74) Artur Francisco Schaal
(21) MU 8800910-6 (22) 17/04/2008 2.1
(71) Joel de Almeida (BR/SP) , Gerson
Donnarummo Vieira (BR/SP)
(74) Maurício Darré
(21) PI 0706144-7 (22) 06/07/2007 2.1
(71) Ouro Fino Participações e
Empreendimentos S.A (BR/SP)
(74) Seta Marcas e Patentes Ltda.
(21) MU 8800911-4 (22) 17/04/2008 2.1
(71) Marcos Hisashi Mori (BR/SP)
(74) Vilage Marcas & Patentes S/C Ltda
(21) PI 0706145-5 (22) 26/10/2007 2.1
(71) Mass Technology (H.K.) Ltd. (HK)
(74) Sul América Marcas e Patentes
Ltda.
(21) MU 8800912-2 (22) 25/03/2008 2.1
(71) Maike Cristiano Gross (BR/SC)
(74) EVERTON LUIS ROSSIN
(21) MU 8800926-2 (22) 01/04/2008 2.1
(71) Cromação Fuj Ltda. (BR/SP)
(74) Mercosul Ass e Cons Empre P/
Amer Do Sul S/C Ltda
(21) MU 8800927-0 (22) 04/04/2008 2.1
(71) Majular Artefatos de Alumínio
Indústria e Comércio Ltda. (BR/SP)
(74) Gobernate Marcas e Patentes S/C
Ltda.
(21) MU 8800928-9 (22) 03/04/2008 2.1
(71) Honório Alberto Cancilieri (BR/SP) ,
Ronald Dirceu Manoel (BR/SP)
(74) Silva & Guimaraes Marcas e
Patentes LTDA
(21) MU 8800929-7 (22) 04/04/2008 2.1
(71) Daniela Lucarelli Alati (BR/SP) ,
Eugenio Jose Alati (BR/SP)
(74) Eugenio Jose Alati
(21) PI 0706123-4 (22) 20/12/2007 2.1
(71) Instituto De Pesquisas da Marinha
(BR/RJ)
(21) PI 0706124-2 (22) 26/10/2007 2.1
(71) DEERE & COMPANY (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0706125-0 (22) 31/05/2007 2.1
(71) DROGHERIA E ALIMENTARI S.R.L.
(IT)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0706139-0 (22) 10/12/2007 2.1
(71) COOPERATIVA VEILING
HOLAMBRA (BR/SP)
(74) ICAMP MARCAS E PATENTES
LTDA
(21) MU 8800906-8 (22) 28/04/2008 2.1
(71) Aldo Itaro Fujimoto (BR/PR)
(74) London Marcas & Patentes S/C
Ltda.
(21) PI 0706140-4 (22) 21/09/2007 2.1
(71) Francisco Leme Galvão (BR/SP)
(21) MU 8800907-6 (22) 24/04/2008 2.1
(71) Randon Participações S/A (BR/RS)
(74) Vieira de Mello, Werneck Alves Advogados S/C
(21) PI 0706141-2 (22) 22/11/2007 2.1
(71) FLÁVIO FEITOSA SOUTO (BR/SP)
(74) CRIMARK ASSESSORIA
EMPRESARIAL LTDA.
(21) MU 8800908-4 (22) 28/04/2008 2.1
(71) Prorack Com de Embalagens e
(21) PI 0706142-0 (22) 05/12/2007 2.1
(71) REINHOLD HOLZER (BR/BA)
(21) PI 0706146-3 (22) 14/12/2007 2.1
(71) OURO FINO PARTICIPAÇÕES E
EMPREENDIMENTOS S/A. (BR/SP) ,
DNA TECH PROJETOS
TECNOLÓGICOS LTDA. (BR/DF) ,
FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DE
BRASILIA (BR/DF)
(74) SETA MARCAS E PATENTES
LTDA.
(21) PI 0706147-1 (22) 29/11/2007 2.1
(71) AÇOS VILLARES S/A (BR/SP)
(74) Ernani José Lenate Guimarães
(21) PI 0706148-0 (22) 16/05/2007 2.1
(71) Nitesh Ratnakar (US)
(74) Eduardo João Assef JR.
(21) PI 0706149-8 (22) 01/08/2007 2.1
(71) Biogénesis Bagó S.A. (AR)
(74) David do Nascimento Advogados
Associados S/C
(21) PI 0706150-1 (22) 03/10/2007 2.1
(71) Diogo Kataoka (BR/SP)
(21) PI 0801148-6 (22) 25/04/2008 2.1
(71) Valeo Vision (FR)
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(21) PI 0801149-4 (22) 24/04/2008 2.1
(71) HONDA MOTOR CO. LTD (JP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801150-8 (22) 24/04/2008 2.1
(71) The Goodyear Tire & Rubber
Company (US)
(74) NELLIE ANNE DANIEL SHORES
(21) PI 0801151-6 (22) 18/04/2008 2.1
(71) Inernational Engine Intellectual
Property Company, LLc (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801152-4 (22) 14/04/2008 2.1
(71) Edemir Facio Pereira (BR/SP)
(74) BRITANIA MARCAS E PATENTES
LTDA
(21) PI 0801153-2 (22) 14/04/2008 2.1
(71) Multibrás S/A Eletrodomésticos
(BR/SP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
88
DIRPA - Despachos Relativos a Pedidos e Patentes
Ipanema Moreira
(21) PI 0801154-0 (22) 14/04/2008 2.1
(71) Yang, Wei Heng (CN)
(74) Custódio De Almeida & Cia
(21) PI 0801155-9 (22) 17/04/2008 2.1
(71) Honda Motor Co., Ltd. (JP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801156-7 (22) 17/04/2008 2.1
(71) Hugo Enrique Chianale (AR)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0801157-5 (22) 16/04/2008 2.1
(71) ILLYCAFFE' S.P.A. (IT)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0801158-3 (22) 28/04/2008 2.1
(71) Volkswagen Caminhões e Ônibus
Indústria e Comércio de Veículos
Comerciais ltda. (BR/SP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801173-7 (22) 29/01/2008 2.1
(71) M&FC HOLDING, LLC (US)
(74) ORLANDO DE SOUZA
(21) PI 0801174-5 (22) 04/04/2008 2.1
(71) CNEN - Comissão Nacional de
Energia Nuclear (BR/RJ)
(74) Julio Cesar Capella Fonseca
(21) PI 0801175-3 (22) 01/02/2008 2.1
(71) PRAD RESEARCH AND
DEVELOPMENT LIMITED (VI)
(74) Walter de Almeida Martins
(21) PI 0801176-1 (22) 02/04/2008 2.1
(71) Rogério Lourenço de Souza
(BR/SP)
(21) PI 0801177-0 (22) 22/04/2008 2.1
(71) Bernardo Niquet Machado Silva
(BR/RJ) , Francisco José Alexandre
Ribeiro (BR/RJ)
(74) Walter de Almeida Martins
(21) PI 0801159-1 (22) 18/04/2008 2.1
(71) Deere & Company (US)
(74) MOMSEN LEONARDOS & CIA
(21) PI 0801178-8 (22) 16/04/2008 2.1
(71) Benteler Automobil Technik Gmbh
(DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801160-5 (22) 24/04/2008 2.1
(71) ROHM AND HAAS COMPANY (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0801179-6 (22) 22/04/2008 2.1
(71) AMC Chain Industrial CO., Ltd. (TW)
(74) NELLIE ANNE DANIEL SHORES
(21) PI 0801161-3 (22) 22/04/2008 2.1
(71) Air Products And Chemical, INC.
(US)
(74) Walter de Almeida Martins
(21) PI 0801180-0 (22) 18/04/2008 2.1
(71) Sumitomo Chemical Company,
Limited (JP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801162-1 (22) 25/04/2008 2.1
(71) Cognis Oleochemicals GmbH (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801163-0 (22) 20/02/2008 2.1
(71) Weir Minerals Australia Ltd (AU)
(74) ORLANDO DE SOUZA
(21) PI 0801164-8 (22) 18/04/2008 2.1
(71) Wirtgen Gmbh (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801165-6 (22) 22/04/2008 2.1
(71) Chung Kwo Tzuo (BR/SP)
(74) Aguinaldo Moreira
(21) PI 0801166-4 (22) 25/04/2008 2.1
(71) Irwin Industrial Tool Company (US)
(74) Nellie Anne Daniel-Shores
(21) PI 0801167-2 (22) 22/04/2008 2.1
(71) SEMEATO S/A INDÚSTRIA E
COMÉRCIO (BR/RS)
(74) DAVID NILTON PEREIRA DE
LUCENA
(21) PI 0801168-0 (22) 25/04/2008 2.1
(71) Gm Global Technology Operations,
Inc. (US)
(21) PI 0801169-9 (22) 25/04/2008 2.1
(71) HÉRCULES SACCHI (BR/SP)
(74) VILAGE MARCAS & PATENTES
S/S LTDA
(21) PI 0801170-2 (22) 24/04/2008 2.1
(71) Angela Singleton (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801171-0 (22) 28/04/2008 2.1
(71) Mausa S/A Equipamentos
Industriais (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
(21) PI 0801172-9 (22) 25/04/2008 2.1
(71) Xamen University (CN) , Jaco
Solarsi Limited (CN)
(74) Security Assessoria Empresarial
Ltda.
(21) PI 0801181-8 (22) 24/04/2008 2.1
(71) Robert Bosch GMBH (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801182-6 (22) 16/04/2008 2.1
(71) Bayer Materialscience LLC (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801183-4 (22) 04/04/2008 2.1
(71) CNEN - Comissão Nacional de
Energia Nuclear (BR/RJ)
(74) Julio Cesar Capella Fonseca
(21) PI 0801184-2 (22) 04/04/2008 2.1
(71) CNEN - Comissão Nacional de
Energia Nuclear (BR/RJ)
(74) Julio Cesar Capella Fonseca
(21) PI 0801185-0 (22) 24/04/2008 2.1
(71) DENSO CORPORATION (JP)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0801186-9 (22) 25/04/2008 2.1
(71) WHIRLPOOL CORPORATION (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801187-7 (22) 25/04/2008 2.1
(71) Manitowoc Crane Companies, Inc.
(US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801188-5 (22) 24/04/2008 2.1
(71) Heraeus Kulzer GMBH (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801189-3 (22) 17/04/2008 2.1
(71) François L'hotel (FR)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0801190-7 (22) 16/04/2008 2.1
(71) Instituto Militar de Engenharia - IME
(BR/RJ)
(74) Maria Célia Coelho Novaes
(21) PI 0801191-5 (22) 24/04/2008 2.1
(71) SONY CORPORATION (JP)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0801192-3 (22) 22/04/2008 2.1
(71) Air Products And Chemical, INC.
(US)
(74) Walter de Almeida Martins
(21) PI 0801193-1 (22) 14/04/2008 2.1
(71) Veridex, LLC (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801194-0 (22) 17/04/2008 2.1
(71) Mecanica Industrial Vick ltda.
(BR/SC)
(74) Maria Aparecida Pereira Gonçalves
(21) PI 0801195-8 (22) 14/04/2008 2.1
(71) Sensata Technologies Sensores e
Controles do Brasil Ltda. (BR/SP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801196-6 (22) 25/04/2008 2.1
(71) DRAKA COMTEQ B.V. (NL)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801197-4 (22) 18/04/2008 2.1
(71) Sumitomo Chemical Company,
Limited (JP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801198-2 (22) 28/04/2008 2.1
(71) The Goodyear Tire & Rubber
Company (US)
(74) NELLIE ANNE DANIEL SHORES
(21) PI 0801199-0 (22) 14/04/2008 2.1
(71) THOMAS & BETTS
INTERNATIONAL, INC. (US)
(74) NELLIE ANNE DANIEL SHORES
Ltda. (BR/RJ)
(74) Matos & Associados - Advogados
(21) PI 0801210-5 (22) 16/04/2008 2.1
(71) SELL GMBH (DE)
(74) ORLANDO DE SOUZA
(21) PI 0801211-3 (22) 17/04/2008 2.1
(71) Wirtgen Gmbh (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801212-1 (22) 12/02/2008 2.1
(71) Mabe Mexico S. de R. L. de C.V.
(MX)
(74) Magnus Aspeby
(21) PI 0801213-0 (22) 25/04/2008 2.1
(71) IFP (FR)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801214-8 (22) 24/04/2008 2.1
(71) WEG EQUIPAMENTOS
ELÉTRICOS S.A. - ACIONAMENTOS
(BR/SC)
(74) Maria Aparecida Pereira Gonçalves
(21) PI 0801215-6 (22) 24/01/2008 2.1
(71) ALCON, INC (CH)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801216-4 (22) 24/04/2008 2.1
(71) Central Laminações LTDA (BR/RO)
(74) Tavares & Companhia
(21) PI 0801217-2 (22) 04/04/2008 2.1
(71) J.S. STAEDTLER GMBH & CO. KG
(DE)
(74) Araripe & Associados
(21) PI 0801200-8 (22) 25/04/2008 2.1
(71) HÉRCULES SACCHI (BR/SP)
(74) Vilage Marcas & Patentes S/C Ltda
(21) PI 0801218-0 (22) 28/04/2008 2.1
(71) Draka Comteq B.V. (NL)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0801201-6 (22) 29/02/2008 2.1
(71) Metal Casting Technology, INC.
(US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0801219-9 (22) 04/04/2008 2.1
(71) CNEN - Comissão Nacional de
Energia Nuclear (BR/RJ)
(74) Julio Cesar Capella Fonseca
(21) PI 0801202-4 (22) 22/04/2008 2.1
(71) Société de Technologie Michelin e
Michelin Recherche et Technique S.A.
(CH)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0801235-0 (22) 09/04/2008 2.1
(71) Lubrificantes Fenix Ltda (BR/SP)
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
(21) PI 0801203-2 (22) 11/04/2008 2.1
(71) PETROLEO BRASILEIRO S.A. PETROBRAS (BR/RJ)
(74) SELDON PARKES
(21) PI 0801204-0 (22) 11/04/2008 2.1
(71) Mediatek INC. (TW)
(74) ORLANDO DE SOUZA
(21) PI 0801205-9 (22) 25/04/2008 2.1
(71) Jaco Solarsi Limited (CN)
(74) Security Assessoria Empresarial
Ltda.
(21) PI 0801236-9 (22) 07/04/2008 2.1
(71) E-Lead Electronic Co., Ltd (TW)
(74) Tinoco Soares & Filho Ltda
(21) PI 0801237-7 (22) 02/04/2008 2.1
(71) L'OREAL (FR)
(74) Paola Calabria Mattioli
(21) PI 0801238-5 (22) 03/04/2008 2.1
(71) Nelson Yamasaki (BR/SP)
(74) Símbolo Marcas e Patentes Ltda
(21) PI 0801239-3 (22) 01/04/2008 2.1
(71) Aché Laboratórios Farmacêuticos
S/A (BR/SP)
(74) Kátia Jane Ferreira Evangelista
(21) PI 0801206-7 (22) 24/04/2008 2.1
(71) Alexandre Saldanha Ferreira
(BR/SP)
(74) VILAGE Marcas & Patentes S/S
Ltda.
(21) PI 0801240-7 (22) 02/04/2008 2.1
(71) L'OREAL (FR)
(74) Carolina Nakata
(21) PI 0801207-5 (22) 25/04/2008 2.1
(71) Société de Technologie Michelin
(FR) , Michelin Recherche Et Technique
S.A. (CH)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
3. Publicação do Pedido
(21) PI 0801208-3 (22) 07/04/2008 2.1
(71) Alessandro Uliano (BR/SC) ,
Bernardo Gesing Eing (BR/SC)
(74) ANEL MARCAS E PATENTES
LTDA.
(21) PI 0801209-1 (22) 14/04/2008 2.1
(71) White Martins Gases Industriais
3.8
RETIFICAÇÃO
(21) PI 0204701-2 (22) 14/11/2002 3.8
(30) 27/06/2002 US 10/183,672
(51) H04N 7/015 (2008.04)
(54) APARELHO E SISTEMA PARA
CODIFICAR UM FLUXO DE BITS
RPI 1951 de 27/05/2008
PADRÃO E UM FLUXO DE BITS
ROBUSTO DE UMA MANEIRA
COMPATÍVEL REVERSA EM UM
SISTEMA DE TRANSMISSÃO
(57) "APARELHO E SISTEMA PARA
CODIFICAR UM FLUXO DE BITS
PADRÃO E UM FLUXO DE BITS
ROBUSTO DE UMA MANEIRA
COMPATÍVEL REVERSA EM UM
SISTEMA DE TRANSMISSÃO". Fluxos
de bits robusto e padrão existentes são
misturados de uma maneira compatível
reversa para formar modos intensificados
para melhor recepção de sinais de ATSC
DTV. Isto é alcançado por um bloco de
codificação intensificada provido à
entrada de uma unidade de codificador
de grade de ATSC convencional. O bloco
de codificação intensificada inclui um
codificador de grade que codifica
somente o fluxo robusto enquanto
passando o fluxo padrão normal
inalterado.
(71) Koninklijke Philips Electronics N.V.
(NL)
(72) Dagnachew Birru
(74) Momsen , Leonardos & Cia
Referente à RPI 1745 de 15/06/2004,
quanto ao item (30).
(21) PI 0602631-1 (22) 12/07/2006 3.8
(51) B60K 37/04 (2008.04)
(54) DISPOSITIVO DE ENCAIXE E
ALINHAMENTO DE UM PAINEL DE
INSTRUMENTOS NA CARROCERIA DE
UM VEÍCULO AUTOMOTOR
(57) DISPOSITIVO DE ENCAIXE E
ALINHAMENTO DE UM PAINEL DE
INSTRUMENTOS NA CARROCERIA DE
UM VEÍCULO AUTOMOTOR. A presente
invenção refere-se a um dispositivo de
encaixe e alinhamento para auxiliar o
posicionamento e montagem do painel
de instrumentos na carroceria (2) de um
veículo automotor, dotado de uma
estrutura simples, eficiente e de custo
baixo de fabricação. De acordo coma
invenção, o dispositivo compreende uma
base (4), um par de elementos de
fixação (30, 31) do dispositivo (1) na
carroceria (2), o par de elementos de
fixação (30, 31) projetando-se a partir da
base (4). Compreende também uma
porção de topo (3) integralmente
formada com a base (4) em uma de suas
extremidades (6), tal que é definida uma
abertura (7) entre a porção de topo (3) e
a base (4), o painel de instrumentos
sendo inserivel na abertura (7) do
dispositivo (1) através da extremidade
oposta à extremidade em que a porção
de topo (3) é integralmente formada com
a base (4), a região em que a porção de
topo (3) é integralmente formada com a
base (4) sendo capaz de deformar-se
elasticamente, tal que a porção de topo
(3) é movimentável angularmente em
relação à base (4) para permitir a
inserção do painel de instrumentos na
abertura (7).
(71) A.Raymond Brasil Ltda (BR/SP)
(72) Carlos Alberto Pereira
(74) Dannemann , Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Referente a RPI Nº 1938 de 26/02/2008
quanto ao ítem (72).
(21) PI 0701241-1 (22) 04/04/2007 3.8
(30) 04/04/2006 DE 102006015753.2
(51) A61K 8/40 (2008.04), A61Q 17/04
(2008.04), A61Q 19/00 (2008.04), A61Q
17/00 (2008.04), A61K 8/37 (2008.04)
(54) UTILIZAÇÃO DE ESTER QUATS
EM COMPOSIÇÕES COMO
SUBSTÂNCIAS REPELENTES A
AREIAS
(57) UTILIZAÇÃO DE ESTER QUATS
EM COMPOSIÇÕES COMO
SUBSTÂNCIAS REPELENTES A
AREIAS. A presente Invenção refere-se
ao uso de ester quats em cornposições,
os ester quats produzindo uma ação
repelente a areias nas composições
cosméticas com ação repelente a areias
para aplicação tópica, por exemplo, para
DIRPA - Despachos Relativos a Pedidos e Patentes 89
a proteção da pele contra a radiação
ultravioleta. O objeto da presente
solicitação de patente é relativo em
particular ao uso de pelo menos um éster
quat baseado em alcanolaminas em
composições, os éster quats produzindo
nas composições uma ação repelente a
areias, e o componente adia dos éster
quats sendo derivado de (a) ácidos
monocarboxílicos, (b) ácidos
dlcarboxílicos, (c) ácidos tricarboxílicos,
ou misturas dos mesmos.
(71) Goldschmidt GmbH (DE)
(72) Burghard Grüning, Klaus Jenni, Ralf
Mathiak, Jürgen Meyer, Christian
Weitemeyer
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Referente a RPI Nº 1927 de 11/12/2007
quanto ao ítem (72).
(21) PI 0701640-9 (22) 24/04/2007 3.8
(30) 24/04/2006 US 11/409,940
(51) C07B 63/00 (2008.04), C07C 263/20
(2008.04), B01J 12/00 (2008.04)
(54) PROCESSO PARA A PRODUÇÃO
DE ISOCIANATOS
(57) PROCESSO PARA A PRODUÇÃO
DE ISOCIANATOS. A presente invenção
refere-se a isocianatos que são
produzidos por a) reação de pelo menos
uma amina com o fosgênio,
opcionalmente na presença de um
solvente, para produzir o isocianato
correspondente e obtém-se uma corrente
que contém cloreto de hidrogênio,
fosgênio e opcionalmente solvente,
compostos de baixa fervura e
substâncias inertes, b) separação da
corrente que contém cloreto de
hidrogênio, fosgênio e opcionalmente
solvente, compostos de baixa fervura e
substâncias inertes em uma seqüência
de etapas de absorção de pelo menos
dois estágios, que inclui (1) pelo menos
uma etapa de absorção isotérmica e (2)
pelo menos uma etapa de absorção
adiabática, para obter (i) uma corrente de
cloreto de hidrogênio contendo fosgênio
em concentrações de no máximo 0,5%
em peso (com base no peso da corrente
de cloreto de hidrogênio) e (ii) uma
corrente de fosgênio líquido, e c) reciclo
da corrente de fosgênio líquido (ii) para a
reação da amina com o fosgênio.
(71) BAYER MATERIALSCIENCE LLC
(US) , BAYER MATERIALSCIENCE AG
(DE)
(72) WOLFGANG LORENZ, MATTHIAS
BÖHM, BILL BRADY, DONALD
PFERDEHIRT
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Referente à RPI 1927 de 11/12/2007,
quanto aos itens (71 e 72).
(21) PI 0702768-0 (22) 12/06/2007 3.8
(30) 12/06/2006 US 11/451,160
(51) A61J 1/03 (2008.04), B65D 75/34
(2008.04)
(54) EMBALAGEM TIPO BOLHA
(57) EMBALAGEM TIPO BOLHA. A
presente invenção refere-se a uma
embalagem do tipo bolha de rasgar e
acessar de múltiplas etapas e resistente
á criança dotada de pelo menos uma
cavidade de produto contendo um
produto. O produto é acessado ao
rasgar-se a embalagem do tipo bolha a
partir da borda periférica em direção da
cavidade de produto. Uma etapa além de
rasgar é necessária para obter-se
acesso ao produto, desta forma,
elevando a técnica cognitiva necessária
para acessar o produto acima daqueles
de uma típica criança pequena. Na
modalidade exemplificativa descrita, a
etapa adicional envolve o
enfraquecimento de um canal resistente
a rasgo que bloqueia o trajeto de rasgo a
partir da borda periférica da embalagem
da cavidade de produto. Mais
particularmente, a rasgo inicial da
embalagem em direção da cavidade de
produto é interferido pela presença do
canal resistente a rasgo que interrompe
o trajeto de rasgo. O canal resistente a
rasgo pode ser dobrado ou rompido para
permitir o rasgo através do mesmo e
para permitir o rasgo continuado da
embalagem do tipo bolha em direção da
cavidade de produto para acessar o
produto.
(71) Johnson & Johnson (US)
(72) William Doskoczynski, Barry G.
Seelig, Anne Carls, Karel Golta, Steven
Ginsberg
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Referente a RPI Nº 1938 de 26/02/2008
quanto ao ítem (72).
(21) PI 0703943-3 (22) 02/04/2007 3.8
(30) 31/03/2006 US 11/394,174
(51) A61B 17/04 (2008.04), A61B 1/018
(2008.04), A61B 17/062 (2008.04)
(54) MÉTODO PARA INSERÇÃO DE
UM INSTRUMENTO ATRAVÉS DE UM
ORIFÍCIO CORPORAL
(57) MÉTODO PARA INSERÇÃO DE
UM INSTRUMENTO ATRAVÉS DE UM
ORIFÍCIO CORPORAL. Método para
inserção de um instrumento através de
um orifício natural. O instrumento tem
uma orientação de baixo perfil e uma
orientação de empregado que é maior do
que o tamanho do orifício natural através
do qual deve ser inserido. O método é
obtido pelo acoplamento do instrumento
a um endoscópio e colocação do
instrumento em sua orientação de baixo
perfil, inserindo o endoscópio e o
instrumento através de um orifício natural
até uma posição alvo dentro de um
corpo, enquanto o instrumento está em
sua orientação de baixo perfil, atuando o
instrumento para sua orientação de
empregado e retornando o instrumento
para sua orientação de baixo perfil e
retirando o instrumento do corpo através
do orifício natural.
(71) Johnson & Johnson (US)
(72) Thomas E. Albrecht, Mark S. Ortiz,
Mark S. Zeiner, Mark S. Zeiner, Michael
J. Stokes, Andrew M. Zwolinski,
Frederick E. Shelton IV
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Referente a RPI Nº 1938 de 26/02/2008
quanto ao ítem (72).
4. Pedido de Exame
4.3
DESARQUIVAMENTO ART. 33 PARÁGRAFO
ÚNICO DA LPI
(21) PI 0104985-2 (22) 24/08/2001 4.3
(71) Paul C. Broussard, Sr (US)
(74) Cruzeiro Newmarc Patentes e
Marcas Ltda.
(21) PI 0302705-8 (22) 03/07/2003 4.3
(71) Uri Soluções LTDA (BR/RS)
(74) ANA MARIA GERMANSEN ALVES
(21) PI 0303999-4 (22) 13/10/2003 4.3
(71) Luciana Ambar (BR/SP)
(74) Ana Paula Barbosa Nahes
(21) PI 0304591-9 (22) 25/09/2003 4.3
(71) Agl Fechaduras Eletricas Ltda EPP
(BR/MG)
(74) Daimond Consultoria Empresarial
(21) PI 0318448-0 (22) 26/09/2003 4.3
(71) Wildey J. Moore (US)
(74) P.A Produtores Associados Marcas
e Patentes Ltda
6. Exigências Técnicas
e Formais
6.1
EXIGÊNCIA - ART. 36 DA
LPI
(21) MU 7900267-6 (22) 26/02/1999 6.1
(71) Mult-Pec Produtos e Serviços
Agropecuários Ltda (BR/SP)
(74) Vilage Assessoria e Comercio Ltda
(21) MU 7901530-1 (22) 05/07/1999 6.1
(71) Telefonica, S.A. (ES)
(74) Tinoco Soares & Filho S/C Ltda.
(21) MU 8001322-8 (22) 23/06/2000 6.1
(71) Magic Toys do Brasil Indústria e
Comércio Ltda. (BR/SP)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) MU 8002524-2 (22) 13/11/2000 6.1
(71) Hoken International Company Ltda.
(BR/SP)
(74) Beérre Assessoria Empresarial S/C
Ltda.
(21) MU 8002535-8 (22) 14/11/2000 6.1
(71) Epicon Indústria de Equipamentos
de Proteção Individual Ltda. (BR/SP)
(74) Itamarati Patentes e Marcas S/C
Ltda.
(21) MU 8100036-7 (22) 31/01/2001 6.1
(71) Duck Soo Chung (BR/SP)
(74) Sul América Marcas E Patentes S/C
Ltda
(21) MU 8100546-6 (22) 20/04/2001 6.1
(71) Arlindo da Motta Neto (BR/RJ)
(21) MU 8100696-9 (22) 10/04/2001 6.1
(71) Aziz Rassi Neto (BR/SP)
(74) Tinoco Soares & Filho S/C Ltda.
(21) MU 8102450-9 (22) 19/09/2001 6.1
(71) Donizeti Aparecido Ribeiro (BR/SP)
(74) Beérre Assessoria Empresarial S/C
LTDA
(21) MU 8102490-8 (22) 21/11/2001 6.1
(71) Unilever N.V. (NL)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) MU 8102740-0 (22) 18/11/2001 6.1
(71) Paulo Sergio de Souza (BR/SP)
(21) MU 8200569-9 (22) 04/01/2002 6.1
(71) Moacir Caetano (BR/PR)
(21) MU 8202416-2 (22) 30/09/2002 6.1
(71) Magnojet Indústria e Comércio de
Produtos Agrícolas Ltda. (BR/PR)
(74) Símbolo Marcas e Patentes Ltda.
(21) MU 8202417-0 (22) 30/09/2002 6.1
(71) Magnojet Indústria e Comércio de
Produtos Agrícolas Ltda. (BR/PR)
(74) Símbolo Marcas e Patentes Ltda.
(21) PI 9500732-6 (22) 22/02/1995 6.1
(71) DADE BEHRING MARBURG GMBH
(DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9510806-8 (22) 22/02/1995 6.1
(62) PI9500732-6 22/02/1995
(71) Dade Behring Marburg GMBH (DE)
(74) Dannemann , Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9600453-3 (22) 15/01/1996 6.1
(71) LG Electronics Inc (KR)
(74) Pinheiro Neto - Advogados
(21) PI 9601197-1 (22) 29/03/1996 6.1
(71) N.V. Bekaert SA (BE)
90
DIRPA - Despachos Relativos a Pedidos e Patentes
RPI 1951 de 27/05/2008
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(71) Abbott Laboratories (US)
(74) Nellie Anne Daniel Shores
Maatschappij B.V. (NL)
(74) DANIEL & CIA
(21) PI 9604657-0 (22) 05/12/1996 6.1
(71) LG Electronics Inc. (KR)
(74) Pinheiro Neto - Advogados
(21) PI 9709488-9 (22) 27/05/1997 6.1
(71) Telefonaktiebolaget L M Ericsson
(SE)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0000706-4 (22) 13/03/2000 6.1
(71) Uni-Charm Corporation (JP)
(74) NASCIMENTO ADVOGADOS
(21) PI 9606674-1 (22) 26/09/1996 6.1
(71) Nippon Kayaku Kabushiki Kaisha
(JP) , Yasuhisa Sakurai (JP)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9710273-3 (22) 09/07/1997 6.1
(71) Carnegie Mellon University (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9612208-0 (22) 20/12/1996 6.1
(71) Mcneil-PPC, Inc. (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9714819-9 (22) 13/08/1997 6.1
(71) Regents Of The University Of
Minnesota (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9700360-3 (22) 05/03/1997 6.1
(71) Tecumseh do Brasil Ltda. (BR/SP)
(74) Octavio & Perocco S/C Ltda.
(21) PI 9801771-3 (22) 04/06/1998 6.1
(71) Carrier Corporation (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9701024-3 (22) 20/02/1997 6.1
(71) AT & T Wireless Services Inc. (US)
(74) Clarke Modet do Brasil LTDA
(21) PI 9803289-5 (22) 10/03/1998 6.1
(71) Aventis Pharma Deutschland GmbH
(DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9701583-0 (22) 31/03/1997 6.1
(71) Xerox Corporation (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9702289-6 (22) 28/04/1997 6.1
(71) Qualcomm Incorporated (US)
(74) Veirano e Advogados Associados
(21) PI 9703417-7 (22) 02/06/1997 6.1
(71) Degussa - Hüls Aktiengesellschaft
(DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9703480-0 (22) 06/06/1997 6.1
(71) Johnson & Johnson (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9703879-2 (22) 07/07/1997 6.1
(71) Samsung Display Devices CO.,LTD.
(KR)
(74) Paulo C. Oliveira & Cia.
(21) PI 9704528-4 (22) 27/08/1997 6.1
(71) Kanji Murakami (JP)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9704878-0 (22) 26/09/1997 6.1
(71) Xerox Corporation (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9705205-1 (22) 31/10/1997 6.1
(71) Johnson & Johnson (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9705820-3 (22) 24/11/1997 6.1
(71) Motorola, Inc. (US)
(74) Clarke Modet do Brasil LTDA
(21) PI 9706238-3 (22) 09/12/1997 6.1
(71) Telemar Norte Leste S.A. (BR/RJ)
(74) Nellie Anne Daniel Shores
(21) PI 9706410-6 (22) 18/12/1997 6.1
(71) AT&T WIRELESS SERVICES INC.
(US)
(74) Clarke Modet do Brasil LTDA
(21) PI 9706918-3 (22) 20/10/1997 6.1
(71) Koninklijke Philips Electonics N.V.
(NL)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9707833-6 (22) 04/03/1997 6.1
(71) Basf Aktiengesellschaft (DE)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9708873-0 (22) 23/04/1997 6.1
(71) Basf Aktiengesellschaft (DE)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9708911-7 (22) 05/05/1997 6.1
(21) PI 9803346-8 (22) 17/06/1998 6.1
(71) Wacker Chemie AG (DE)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9807587-0 (22) 18/02/1998 6.1
(71) Cornell Research Foundation, INC
(US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9808162-4 (22) 17/02/1998 6.1
(71) Telefonaktiebolaget LM Ericsson
(publ) (SE)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9808432-1 (22) 25/03/1998 6.1
(71) Carrier Corporation (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9808485-2 (22) 31/03/1998 6.1
(71) Becton Dickinson And Company
(US)
(74) DANIEL & CIA
(21) PI 0005639-1 (22) 14/11/2000 6.1
(71) Affonso Giaffone Neto (BR/SP) ,
Franco Giaffone (BR/SP)
(74) Lucas Martins Gaiarsa
(21) PI 0007476-4 (22) 05/01/2000 6.1
(71) Halliburton Energy Services, Inc.
(US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0012509-1 (22) 30/06/2000 6.1
(71) Crossject (FR)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0015504-7 (22) 17/11/2000 6.1
(71) Hologram Industries S.A. (FR)
(74) Matos & Associados - Advogados
(21) PI 0016809-2 (22) 21/12/2000 6.1
(71) Medennium, INC. (US)
(74) Momsen , Leonardos & CIA
(21) PI 0017395-9 (22) 22/12/2000 6.1
(71) Bernhard Wilhelm Geziena Klaassen
(NL) , Rita-Helene Holseng Klaassen
(NL)
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(21) PI 0017410-6 (22) 02/05/2000 6.1
(62) PI0010211-3 02/05/2000
(71) Intellimats, LLC (US)
(74) Orlando de Souza
(21) PI 0101223-1 (22) 28/03/2001 6.1
(71) Faurecia Sieges D'Automobile S.A.
(FR)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0101274-6 (22) 20/03/2001 6.1
(71) Ti Brasil Indústria e Comércio LTDA.
(BR/SP)
(74) Cruzeiro/Newmarc Patentes e
Marcas Ltda.
(21) PI 9911023-7 (22) 13/05/1999 6.7
(71) Biocep Ltd. (IL)
(74) Tinoco Soares & Filho S/C Ltda.
(21) PI 9915759-4 (22) 27/05/1999 6.7
(71) General Electric Company (US)
(74) Nellie Anne Daniel Shores
Para que a solicitação de devolução de
prazo seja atendida, a mesma deverá ser
apresentada em requerimento específico
para tal (formulário nº 1.08), de acordo
com o Art 2º da resolução 116/04.
(21) PI 0010472-8 (22) 11/05/2000 6.7
(71) International Marketing, INC. (US)
(74) Bhering Advogados
(21) PI 0609122-9 (22) 03/04/2006 6.7
(71) MOMENTIVE PERFORMANCE
MATERIALS INC. (US)
(74) NELLIE ANNE DANIEL SHORES
Esclareça a divergência existente no
quadro de depositante entre a petição
inicial e a publicação WO 2006/113110
A1 de 26.10.2006.
7. Ciência de Parecer
7.1
CONHECIMENTO DE
PARECER TÉCNICO
(21) C1 0004937-9 (22) 17/10/2001 7.1
(61) PI0004937-9 19/10/2000
(71) Johnson & Johnson Industrial Ltda.
(BR/SP)
(74) Daniel & CIA
(21) MU 7900557-8 (22) 13/04/1999 7.1
(71) Walter Weber Neto (BR/PR)
(21) MU 7901121-7 (22) 11/06/1999 7.1
(71) Frank Bloebaum (BR/RS)
(74) SKO - Direitos da Propriedade
Industrial em Marcas e Patentes Ltda.
(21) PI 9808974-9 (22) 24/04/1998 6.1
(71) Danisco A/S (DK)
(74) Di Blasi, Parente, S. Garcia &
associados S/C
(21) PI 0101662-8 (22) 02/05/2001 6.1
(71) ITW Australia PTY LTD. (AU)
(74) Daniel & Cia.
(21) MU 8000076-2 (22) 20/01/2000 7.1
(71) Companhia de Saneamento de
Minas Gerais - Copasa MG (BR/MG)
(74) Jonas Medina Rodrigues Cunha
(21) PI 9809311-8 (22) 30/04/1998 6.1
(71) Minnesota Mining And
Manufacturing Company. (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0101681-4 (22) 04/05/2001 6.1
(71) Ina Waelzlager Schaeffler OHG (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) MU 8002542-0 (22) 17/11/2000 7.1
(71) B & S - Equipamentos de Segurança
Ltda. (BR/SP)
(74) Autoral Patentes e Marcas S/C Ltda.
(21) PI 9813408-6 (22) 04/12/1998 6.1
(71) The Government Of The United
States Of America as Represented By
The Secretary,Deparment Of Heoalth
And Human Services (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0102058-7 (22) 21/05/2001 6.1
(71) Hunter Douglas Industries B.V. (NL)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) MU 8100484-2 (22) 22/03/2001 7.1
(71) Paulo Artur Bognar (BR/SP)
(74) P.A. Produtores Associados Marcas
e Patentes Ltda.
(21) PI 0102301-2 (22) 07/06/2001 6.1
(71) Carl Freudenberg (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) MU 8102643-9 (22) 22/10/2001 7.1
(71) Bombril Mercosul S.A. (BR/SP)
(74) CAROLINA NAKATA
(21) PI 9815793-0 (22) 28/10/1998 6.1
(71) Yeonho JE (KR) , Dongbu Hannong
Chemical Co., Ltd. (KR)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9902634-1 (22) 31/05/1999 6.1
(71) Bayer Aktiengesellschaft (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9905596-1 (22) 21/09/1999 6.1
(71) Heitor Fernandes Mothé Filho
(BR/RJ) , Cheila Gonçalves Mothé
(BR/RJ)
(74) Intertec Serviços Técnicos Ltda.
(21) PI 9908485-6 (22) 02/03/1999 6.1
(71) Purely Cotton Products Corp. (US)
(74) Castro, Barros, Sobral e G. Gomes
Advogados
(21) PI 9910691-4 (22) 27/05/1999 6.1
(71) Shell Internationale Research
(21) PI 0102317-9 (22) 08/06/2001 6.1
(71) National Coupling Company, Inc.
(US)
(74) Daniel & Cia.
(21) PI 0103873-7 (22) 04/09/2001 6.1
(71) Renato Di Dio (BR/SP)
(74) União Federal Marcas e Patentes
S/C Ltda.
(21) PI 0113007-2 (22) 23/07/2001 6.1
(71) Todd Andrew Haines (AU)
(74) Antonio Mauricio Pedras Arnaud
6.7
OUTRAS EXIGÊNCIAS
(21) PI 9903097-7 (22) 23/06/1999 6.7
(71) Ing Hwie Tan (BR/SP) , Maria Lúcia
Pereira da Silva (BR/SP)
(21) MU 8102879-2 (22) 22/11/2001 7.1
(71) Manoel Lucio Padreca (BR/SP)
(74) Silvio Darré Junior
(21) MU 8103230-7 (22) 11/10/2001 7.1
(71) SUABB COMÉRCIO IMPORTAÇÃO
E EXPORTAÇÃO LTDA (BR)
(74) Araripe & Associados
(21) MU 8403068-2 (22) 17/12/2004 7.1
(71) Juarez Silva Vieira de Carvalho
(BR/SP)
(21) MU 8501755-8 (22) 19/08/2005 7.1
(71) Almir Lima (BR/DF)
(21) PI 9612090-8 (22) 18/12/1996 7.1
(71) Iowa State University Research
Foudation, Inc. (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRPA - Despachos Relativos a Pedidos e Patentes 91
Ipanema Moreira
(21) PI 9700246-1 (22) 17/02/1997 7.1
(71) Marcio Alfredo Castellan Piccioli
(BR/SP)
(21) PI 9703718-4 (22) 25/06/1997 7.1
(71) Robert Bosch GmbH (DE)
(74) Clarke Modet do Brasil LTDA
(21) PI 9704583-7 (22) 01/09/1997 7.1
(71) Claudio João Savant (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
(21) PI 9704847-0 (22) 19/05/1997 7.1
(71) Xerox Corporation (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9705601-4 (22) 19/12/1997 7.1
(71) Samsung Display Devices CO., Ltd.
(KR)
(74) Paulo C. Oliveira & Cia.
(21) PI 9705832-7 (22) 24/11/1997 7.1
(71) Cables Pirelli (FR)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9705908-0 (22) 26/11/1997 7.1
(71) Telefonaktiebolaget L M Ericsson
(SE)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9706255-3 (22) 12/12/1997 7.1
(71) Sansung Electronics Co., Ltd. (KR) ,
Samsung Electronics CO., Ltd. (KR)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9706448-3 (22) 22/12/1997 7.1
(71) Societe Des Produits Nestle S.A.
(CH)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9706494-7 (22) 30/12/1997 7.1
(71) Natura Cosméticos S.A. (BR/SP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9706522-6 (22) 09/10/1997 7.1
(71) Motorola, Inc. (US)
(74) Carlos André B. Cavalcanti
(21) PI 9710419-1 (22) 24/12/1997 7.1
(71) LG Industrial Systems Co., Ltda.
(KR)
(21) PI 9710420-5 (22) 24/12/1997 7.1
(71) LG Industrial Systems Co., Ltda.
(KR)
(21) PI 9710532-5 (22) 17/07/1997 7.1
(71) Aventis Cropscience S.A (FR)
(74) Francisco Carlos Rodrigues silva
(21) PI 9710787-5 (22) 07/02/1997 7.1
(71) Gariel Wergeland Krog (NO)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9711912-1 (22) 19/09/1997 7.1
(71) Tetra Laval Holdings & Finance SA
(CH)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9712242-4 (22) 05/12/1997 7.1
(71) Cartonneries de Thulin S.A. (BE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9712772-8 (22) 06/11/1997 7.1
(71) Rittal GmbH & Co. KG (DE)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9712778-7 (22) 06/11/1997 7.1
(71) Rittal GmbH & Co. KG (DE)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9713386-8 (22) 21/11/1997 7.1
(71) Welltec A/S (DK)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9713518-6 (22) 06/11/1997 7.1
(71) Rittal GmbH & Co. KG (DE)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
(21) PI 9713642-5 (22) 29/12/1997 7.1
(71) Mattel, Inc. (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9713649-2 (22) 29/12/1997 7.1
(71) Samsung Electronics Co., Ltd. (KR)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9713912-2 (22) 08/12/1997 7.1
(71) American Cyanamid Company (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9714741-9 (22) 25/11/1997 7.1
(71) Diebold, Incorporated (US)
(74) Trench, Rossi e Watanabe
(21) PI 9800750-5 (22) 20/02/1998 7.1
(71) Maria do Carmo Arenales (BR/SP)
(74) Ferraro e Faccioli Advogados
Associados
(21) PI 9801270-3 (22) 18/05/1998 7.1
(71) Diamed Latino America S.A
(BR/MG)
(74) Carlos José dos Santos Linhares
(21) PI 9801470-6 (22) 28/04/1998 7.1
(71) Rohm and Haas Company (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9801789-6 (22) 05/06/1998 7.1
(71) Societe Des Produits Nestle S.A.
(CH)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9802345-4 (22) 02/07/1998 7.1
(71) Societe Des Produits Nestle S.A.
(CH)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9810414-4 (22) 05/06/1998 7.1
(71) China Petro-Chemical Corporation
(CN) , Shangai Research Institute Of
Petrochemical Technology, Sinopec (CN)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9810802-6 (22) 15/07/1998 7.1
(71) Astra Pharmaceuticals Ltd. (GB)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9813531-7 (22) 09/12/1998 7.1
(71) Aventis Pharma S.A. (FR)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9908156-3 (22) 10/02/1999 7.1
(71) John Claude Savoir (MX)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9913425-0 (22) 02/09/1999 7.1
(71) N-Gene Kutató KFT. (HU)
(74) Clarke Modet do Brasil LTDA
(21) PI 9917667-0 (22) 20/12/1999 7.1
(62) PI9916834-0 20/12/1999
(71) Halliburton Energy Services, Inc
(US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0000644-0 (22) 02/03/2000 7.1
(71) MW - Editora e Ilustrações LTDAME (BR/SP)
(74) Nobel Marcas e Patentes S/C Ltda.
(21) PI 0002993-9 (22) 03/07/2000 7.1
(71) Interprint LTDA (BR/SP)
(74) Ferraro e Faccioli Advogados
Associados
(21) PI 0004937-9 (22) 19/10/2000 7.1
(71) Johnson & Johnson Industrial Ltda.
(BR/SP)
(74) Nellie Anne Daniel Shores
(21) PI 9802957-6 (22) 27/08/1998 7.1
(71) Instalarme Indústria e Comércio
Ltda (BR/SP)
(74) Marpa Cons. & Asses. Empresarial
Ltda
(21) PI 0005059-8 (22) 26/10/2000 7.1
(71) Adriano Luiz Carneiro Sabino
(BR/SP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9803957-1 (22) 20/02/1998 7.1
(71) Maria do Carmo Arenales (BR/SP)
(74) Ferraro e Faccioli Advogados
Associados
(21) PI 0005509-3 (22) 24/10/2000 7.1
(71) Helmut Stortz (BR/SC)
(74) Vera Lúcia Dias Lindner
(21) PI 9807013-4 (22) 24/11/1998 7.1
(71) Koninklijke Philips Electronics N.V.
(NL)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9807183-1 (22) 04/02/1998 7.1
(71) Basf Aktiengesellschaft (DE)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9807227-7 (22) 13/02/1998 7.1
(71) Sumito Chemical Company, Limited
(JP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9807362-1 (22) 20/02/1998 7.1
(71) DSM IP Assets B.V. (NL)
(74) Nellie Anne Daniel -Shores
(21) PI 9807600-0 (22) 20/02/1998 7.1
(71) The Regents Of The University Of
California (US)
(74) Clarke Modet do Brasil LTDA
(21) PI 9808507-7 (22) 10/04/1998 7.1
(71) Calgene LLC (US) , Abbott
Laboratories (US)
(74) DANIEL & CIA
(21) PI 0104632-2 (22) 10/08/2001 7.1
(71) Nilson Cândia (BR/SP)
(21) PI 0400619-4 (22) 30/01/2004 7.1
(71) Rodolfo Napoli (BR/SP) , Massaco
Simoyama Napoli (BR/SP)
(74) TINOCO SOARES & FILHO LTDA
(21) PI 0504650-5 (22) 10/10/2005 7.1
(71) Milton Berger (BR/SP)
8. Anuidade de Pedido
(21) PI 9815363-3 (22) 10/12/1998 7.1
(71) Genentech, Inc. (US)
(74) Lucas Martins Gaiarsa
(21) PI 9802619-4 (22) 01/07/1998 7.1
(71) Marco Antônio Muniz (BR/SP) ,
Francisco das Chagas Dantas Filho
(BR/SP)
(74) Tinoco Soares & Filho S/C Ltda.
(21) PI 9804319-6 (22) 29/10/1998 7.1
(71) Mycogen Corporation (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
e Patentes LTDA
(21) PI 0010211-3 (22) 02/05/2000 7.1
(71) Tech Mats LLC (US)
(74) Clarke Modet do Brasil Ltda.
(21) PI 0011647-5 (22) 08/06/2000 7.1
(71) Excalibur Engineering B.V. (NL)
(74) Paulo C. Oliveira & Cia.
(21) PI 0101257-6 (22) 30/03/2001 7.1
(71) Ugo Gussalli Beretta (IT)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0101394-7 (22) 20/03/2001 7.1
(71) Gilberto Trindade Dorneles (BR/RS)
(21) PI 0101916-3 (22) 02/05/2001 7.1
(71) Judith Martins de Souza (BR/SP)
(21) PI 0102540-6 (22) 27/06/2001 7.1
(71) L´Oreal (FR)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0102542-2 (22) 04/04/2001 7.1
(71) Persio Walter Bortolotto (BR/PR)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0102628-3 (22) 15/05/2001 7.1
(71) L'Oreal (FR)
(74) Francisco Carlos Rodrigues Silva
(21) PI 0103746-3 (22) 10/08/2001 7.1
(71) Marcos Fernando Bonfante (BR/RS)
(74) Santa Cruz Consultoria em Marcas
8.11
MANUTENÇÃO DO
ARQUIVAMENTO
(21) MU 8001778-9 (22) 14/08/2000 8.11
(71) Paulo Britto (BR/SP)
(74) Braga & Associados Marcas e
Patentes S/C Ltda.
Referente ao despacho publicado na RPI
1913 de 04/09/2007.
9. Decisão
9.1
DEFERIMENTO
(21) MU 7700289-0 (22) 25/03/1997 9.1
(54) CONFIGURAÇÃO EM
DISPOSITIVO DE PROTEÇÃO
CONTRA CHOQUE ELÉTRICO EM
ELETRODOMÉSTICOS
(71) Grupo SEB do Brasil Produtos
Domésticos Ltda. (BR/SP)
(74) Cruzeiro/Newmarc Patentes e
Marcas Ltda.
(21) MU 7702175-4 (22) 19/09/1997 9.1
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA
INTRODUZIDA EM DISPOSITIVO PARA
SENSORAMENTO DE PLANTAS
VIVAS SOBRE O SOLO
(71) Cesar Mizuto Akamatu (BR/SP)
(74) Osmar Sanches Braccialli
(21) MU 7702370-6 (22) 30/10/1997 9.1
(54) "DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA
APLICADA EM APARELHO
AQUECEDOR COM TORRE DE GUIA E
APOIO PARA ESTRUTURA-BASE DE
RESISTÊNCIA ELÉTRICAS"
(71) Duchacorona Ltda. (BR/SE)
(74) Alexandre Fukuda Yamashita
(21) MU 7900089-4 (22) 29/01/1999 9.1
(54) "DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM
CHAVES SELETORA DE
TEMPERATURA PARA
AQUECEDORES ELÉTRICOS
HIDROTÉRMICOS"
(71) Claudio Lourenço Lorenzetti
(BR/SP)
(74) Edmundo Brunner Asessoria S/C
LTDA
Deverão ser apostiladas à Carta Patente
as seguintes ressalvas: - Nas linhas 4 e
5 da Reivindicação 1, substituir a
expressão "criada para ser... constituídos
" por "constituída"; - Na linha 19 da
página 1 da Reivindicação 1, retirar os
parênteses da expressão "em pelo
menos três posições distintas"; - Na linha
25 da página 1 da Reivindicação 1,
retirar a expressão "como já foi dito"
(21) MU 7901589-1 (22) 16/07/1999 9.1
(54) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM
PERFILADO DE CHAPA PARA FIXAR A
LONA DE COBERTURA DA CAÇAMBA
DE VEÍCULOS UTILITÁRIOS
(71) Indústria e Comércio de Capotas
92
DIRPA - Despachos Relativos a Pedidos e Patentes
Concordia Ltda (BR/SP)
(74) Romeu Guilherme Tragante
(21) MU 8000749-0 (22) 05/04/2000 9.1
(54) Disposição introduzida em
dispositivo redutor de pressão de gás
para veículos.
(71) Edelcio Fernandes (BR/SP)
(74) União Federal Marcas e Patentes
S/C Ltda.
(21) MU 8100281-5 (22) 12/02/2001 9.1
(54) Disposição em sistema de troca
rápida de membrana de prensa
pneumática de calçados.
(71) Máquinas Sazi LTDA. (BR/RS)
(74) Custódio de Almeida & Cia.
(21) MU 8100563-6 (22) 21/03/2001 9.1
(54) SEPARADORA CENTRÍFUGA DE
SÓLIDOS DO LÍQUIDO EM DEJETOS
DE SUÍNOS
(71) Fábio Magnani (BR/SC)
(21) MU 8100865-1 (22) 30/03/2001 9.1
(54) Disposição introduzida em perfil
para suporte de painel de veículos.
(71) Aethra Componentes Automotivos
LTDA (BR/MG)
(74) Soares Assessoria Empresarial S/C
Ltda
(21) MU 8101764-2 (22) 10/09/2001 9.1
(54) APERFEIÇOAMENTOS EM
TERMINAIS DE CABOS DE
TRANSMISSÃO DO COMANDO DAS
MARCHAS EM CÂMBIO AUTOMOTIVO
(71) Proema Automotiva S/A (BR/SP)
(74) Aguinaldo Moreira
(21) MU 8101766-9 (22) 17/07/2001 9.1
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA
INTRODUZIDA EM VÁLVULA
MICROBOMBA E RESPECTIVO LACRE
(71) Kakro Industria Comercio e
Representações LTDA (BR/SP)
(74) Difusão Marcas e Patentes S/C Ltda
(21) MU 8101769-3 (22) 19/07/2001 9.1
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA
INTRODUZIDA EM FORÇADOR DE AR
PARA CÂMARAS DE CONSERVAÇÃO
E CONGELAMENTO DE ALIMENTOS E
CONGÊNERES
(71) Mipal Indústria de Evaporadores
Ltda. (BR/SP)
(74) Domingos, Emerenciano e
Advogados Associados
(21) MU 8102164-0 (22) 03/10/2001 9.1
(54) PORTA BOBINA VERTICAL DE
SACOS PLÁSTICOS PICOTADOS
(71) São Bartolomeu Empreendimentos
e Participações Ltda (BR/MG)
(74) Geraldo Elias Araújo Conceição
(21) MU 8102342-1 (22) 17/09/2001 9.1
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA EM
RAMPA PARA DESCARREGAMENTO
(71) Rubens Tonelli (BR/PR)
(74) SKO - Direitos da Propriedade
Industrial em Marcas e Patentes Ltda.
(21) MU 8102343-0 (22) 17/09/2001 9.1
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA EM
CAMINHÃO COM SISTEMA DE
PULVERIZAÇÃO
(71) Rubens Tonelli (BR/PR)
(74) SKO - Direitos da Propriedade
Industrial em Marcas e Patentes Ltda.
(21) MU 8102646-3 (22) 23/10/2001 9.1
(54) DISPOSIÇÕES EM SUPORTE
PARA EXTENSOR FLEXÍVEL DE
VÁLVULAS DE PNEUMÁTICOS
(71) Gerson Massi (BR/SP)
(74) Silvio Lopes
(21) PI 9600720-6 (22) 14/02/1996 9.1
(54) "APERFEIÇOAMENTO EM UM
SISTEMA DE IMPRESSÃO
COMPARTILHADO POR DIVERSOS
USUÁRIOS"
(71) Xerox Corporation (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9600961-6 (22) 08/03/1996 9.1
(54) APARELHO PARA A LEITURA DAS
CARACTERÍSTICAS DE
IDENTIFICAÇÃO ÚNICAS A PARTIR DE
UMA PARTE DO CORPO
(71) Neldon P. Johnson (US)
(21) PI 9601535-7 (22) 12/04/1996 9.1
(54) SISTEMA E MÉTODO DE
CONTROLE DA VELOCIDADE DE
OPERAÇÃO DE UM COMPRESSOR
HERMÉTICO
(71) Whirlpool S.A. (BR/SP)
(74) Antonio Mauricio Pedras Arnaud
(21) PI 9602862-9 (22) 20/06/1996 9.1
(54) PROCESSO E APARELHO PARA
O CONTROLE DA OPERAÇÃO DE UM
DECODIFICADOR DE SINAL EM UM
SISTEMA DE TRANSMISSÃO.
(71) Irdeto B.V. (NL)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9603175-1 (22) 26/07/1996 9.1
(54) PROCESSO E APARELHO PARA
GRAVAR E/OU REPRODUZIR DADOS
DE IMAGEM SOBRE UM SUPORTE DE
GRAVAÇÃO E RESPECTIVO
SUPORTE DE GRAVAÇÃO
(71) Sony Corporation (JP)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9603829-2 (22) 20/09/1996 9.1
(54) SUPORTE DE GRAVAÇÃO EM
FORMA DE DISCO, COMBINAÇÃO DE
UM SUPORTE DE GRAVAÇÃO EM
FORMA DE DISCO E UM APARELHO
PARA REPRODUÇÃO DO MESMO E
APARELHO E PROCESSO PARA
REPRODUÇÃO DO SUPORTE
(71) Sony Corporation (JP)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9605866-8 (22) 05/12/1996 9.1
(54) "TRANSDUTOR ACÚSTICO, E
MÉTODO PARA A GERAÇÃO E
DETECÇÃO DE ONDAS ACÚSTICAS
EM UM FURO DE POÇO"
(71) Anadrill International S.A (PA)
(74) Paulo C. Oliveira & Cia.
(21) PI 9609118-5 (22) 17/05/1996 9.1
(54) "APARELHO E MÉTODO PARA
GERAR UM CADEIA DE BITS DE
CARACTER E CADEIA DE BITS DE
MENSAGEM DE EXIBIÇÃO EM TELA"
(71) Thomson Consumer Electronics, Inc
(US)
(21) PI 9700812-5 (22) 29/01/1997 9.1
(54) APARELHO PARA REPRODUÇÃO
DE DISCO ÓPTICO E PROCESSO
PARA REPRODUÇÃO DESTE
APARELHO.
(71) Samsung Electronics Co., Ltd. (KR)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9702158-0 (22) 31/03/1997 9.1
(54) Processador de dados.
(71) Zenith Electronics Corporation (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9702274-8 (22) 20/05/1997 9.1
(54) Sensor de humidade compacto com
lentes de colimador e acoplador
prismático
(71) Libbey-Owens-Ford Co., (US)
(74) Paulo C. Oliveira & Cia.
(21) PI 9703904-7 (22) 09/07/1997 9.1
(54) ROTOR PARA UM MOTOR
ELÉTRICO, E, MÉTODO PARA A
MONTAGEM DE UM ELEMENTO DE
SUPRESSÃO DE RUÍDO ANULAR EM
UM COMUTADOR DE UM ROTOR
PARA UM MOTOR ELÉTRICO
(71) Johnson Electric S.A. (CH)
RPI 1951 de 27/05/2008
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(74) Clarke Modet do Brasil LTDA
(21) PI 9708843-9 (22) 22/04/1997 9.1
(54) "Métodos de diagnóstico de mau
funcionamento de malhas de controle"
(71) Pulp And Paper Research Institute
Of Canada. (CA)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9812004-2 (22) 12/11/1998 9.1
(54) "COMPOSIÇÕES DE
REVESTIMENTO CURÁVEIS
CONTENDO MISTURAS DE
COMPOSTOS DE CARBAMATO
FUNCIONAIS, REVESTIMENTO
CURADO E REVESTIMENTO
COMPÓSITO COR-MAISTRANSPARÊNCIA".
(71) Basf Corporation (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9709145-6 (22) 01/05/1997 9.1
(54) VEDAÇÃO PARA UMA
ABERTURA E RECIPIENTE FECHADO
PARA CONTER A VEDAÇÃO
(71) N.V. Raychem S.A. (BE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9709508-7 (22) 22/05/1997 9.1
(54) SISTEMA DECODIFICADOR
ADAPTATIVO PARA PROCESSAR
DADOS DE VÍDEO CRIPTOGRAFADOS
E NÃO-CRIPTOGRAFADOS.
(71) Thomson Consumer Electronics,
Inc. (US)
(21) PI 9711774-9 (22) 11/09/1997 9.1
(54) Sistema ótico e processo para
regular a potência de saída de um
amplificador ótico
(71) Telefonaktiebolaget Lm Ericsson
(SE)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9712022-7 (22) 02/09/1997 9.1
(54) "Dispositivo processador de
imagens inteligente e método para
fornecimento de informações de
impressão para uma máquina de
impressão especfica"
(71) Moore Business Forms, Inc (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9713157-1 (22) 24/11/1997 9.1
(54) PROCESSO E DISPOSITIVO DE
COMPRESSÃO DE VÍDEO
(71) Thomson Multimedia, Sociedade
Anonima Francesa. (FR)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9714212-3 (22) 21/11/1997 9.1
(54) TERMÔMETRO, E, PROCESSO
PARA FABRICAR O MESMO.
(71) Unilever N.V. (NL)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 9807494-6 (22) 16/01/1998 9.1
(54) "SISTEMA PRESERVATIVO DE
MADEIRA À PROVA D'ÁGUA".
(71) Lonza, Inc. (US)
(74) Bhering Advogados
(21) PI 9808692-8 (22) 27/04/1998 9.1
(54) "MÉTODO E DISPOSITIVO PARA
DEFORMAR UMA PLACA DE FIBRA DE
MADEIRA".
(71) Masonite International Corporation
(CA)
(74) ANTONIO MAURICIO PEDRAS
ARNAUD
(21) PI 9809357-6 (22) 01/05/1998 9.1
(54) "PROCESSO DE FABRICAÇÃO DE
FILME ESTIRADO E FILME
ESTIRADO".
(71) Integrated Packaging Australia Pty
Ltd. (AU)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9810119-6 (22) 15/06/1998 9.1
(54) "PROCESSO PARA FABRICAÇÃO
DE FITA DE PELÍCULA OU ESPUMA
DE PLASTISSOL; PROCESSO DE
ESTÁGIO ÚNICO PARA FABRICAÇÃO
DE LAMINADO DE FITA DE PELÍCULA
OU ESPUMA DE PLASTISSOL;
LAMINADO DE FITA EM PELÍCULA;
LAMINADO DE FITA EM ESPUMA; E
BANDAGEM PARA PELE".
(71) Avery Dennison Corporation (US)
(21) PI 9813250-4 (22) 09/10/1998 9.1
(54) "PROCESSO PARA A
PREPARAÇÃO DE AGLOMERADOS
DETERGENTES".
(71) The Procter & Gamble Company
(US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9814635-1 (22) 03/11/1998 9.1
(54) "PROCESSOS PARA
DETERMINAR A CONCENTRAÇÃO DE
ESPÉCIES ANIÔNICAS, E PARA
CONTROLAR A OPERAÇÃO DE
OPERAÇÕES UNITÁRIAS INDIVIDUAIS
DENTRO DE UM PROCESSO DE
MANUFATURA DE POLPA
CELULÓSICA, E, APARELHO PARA
DETERMINAR A CONCENTRAÇÃO DE
UMA ESPÉCIE ANIÔNICA
SELECIONADA A PARTIR DO GRUPO
QUE CONSISTE DE OH-, CO3= E HSEM UMA SOLUÇÃO AQUOSA."
(71) FPInnovations (CA)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
(21) PI 9815127-4 (22) 27/11/1998 9.1
(54) "ADESIVO, USO DO MESMO,
MATERIAL COMPÓSITO E SUA
PREPARAÇÃO".
(71) Henkel Kommanditgesellschaft Auf
Aktien (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9815903-8 (22) 12/06/1998 9.1
(54) "PROCESSO PARA O USO DE
PAPEL EM OPERAÇÕES DE
CONVERSÕES OU REPROGRÁFICAS
DE ALTA VELOCIDADE E PROCESSO
PARA A FABRICAÇÃO DE PAPEL SOB
CONDIÇÕES ALCALINAS".
(71) Hercules Incorporated (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9902625-2 (22) 24/06/1999 9.1
(54) MEMBRANA DE VEDAÇÃO PARA
UM RECIPIENTE, PROCESSO PARA A
PREPARAÇÃO DA MEMBRANA DE
VEDAÇÃO E APLICAÇÃO DA
MEMBRANA DE VEDAÇÃO
(71) Alcan Technology & Management
Ltd. (CH)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9904819-1 (22) 29/01/1999 9.1
(54) "DOCUMENTO IMPRESSO
VALIOSO E ELEMENTO DE
SEGURANÇA".
(71) Giesecke Devrient GMBH (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9912262-6 (22) 07/07/1999 9.1
(54) "ADITIVO PARA PRODUZIR PAPEL
E MÉTODO PARA DIMINUIR O
EMPOEIRAMENTO DE PAPEL".
(71) Ciba Specialty Chemicals Holding,
Inc. (CH)
(74) Paulo Sérgio Scatamburlo
(21) PI 9913389-0 (22) 01/09/1999 9.1
(54) "AGENTES DE PREPARAÇÃO,
BEM COMO PRECESSO PARA SUA
PREPARAÇÃO".
RPI 1951 de 27/05/2008
(71) Sachtleben Chemie GMBH (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 9914926-5 (22) 20/10/1999 9.1
(54) "PROCESSO DE FABRICAÇÃO DE
UMA ESTRUTURA DE CARCAÇA
PARA PNEUMÁTICOS DE VEÍCULO A
MOTOR".
(71) PIRELLI PNEUMATICI S.P.A. (IT)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0003263-8 (22) 03/04/2000 9.1
(54) PÁ PARA RECOLHIMENTO DE
FEZES DE ANIMAIS
(71) Ricardo Guilherme Viana
Tucunduva (BR/SP)
(21) PI 0004693-0 (22) 05/10/2000 9.1
(54) PROCESSO PARA CONTROLE DO
PROCESSO DE TROCA DE MARCHA
(71) LuK Lamellen und Kupplungsbau
Beteiligungs KG (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0005202-7 (22) 31/10/2000 9.1
(54) CONJUNTO VEDANTE
(71) Carl Freudenberg (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0005365-1 (22) 19/10/2000 9.1
(54) EQUIPAMENTO E PROCESSO
PARA O APROVEITAMENTO
INTEGRAL DO ENDOCARPO DE
BABAÇU OU DE COCOS SIMILARES
PARA A OBTENÇÃO DAS AMÊNDOAS
E PRODUÇÃO DE BRIQUETES
NATURAIS E RESPECTIVOS
BRIQUETES NATURAIS
CARBONIZADOS
(71) Tobasa Bioindustrial de Babaçu S/A
(BR/TO)
(74) Vera Lucia de Sá Benttenmuller
Pereira
(21) PI 0005831-9 (22) 11/12/2000 9.1
(54) MOTOR DE ARRANQUE
(71) Mitsubishi Denki Kabushiki Kaisha
(JP)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0005950-1 (22) 20/12/2000 9.1
(54) MÁQUINA DE PARAFUSO
(71) Carrier Corporation (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0007282-6 (22) 26/09/2000 9.1
(54) PROCESSO PARA A
SUPERVISÃO DE UM SISTEMA DE AR
SECUNDÁRIO EM COMBINAÇÃO COM
O SISTEMA DE GÁS DE
ESCAPAMENTO DE UM VEÍCULO
AUTOMOTOR
(71) Robert Bosch GMBH (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0009245-2 (22) 02/03/2000 9.1
(54) MÁQUINA DE FLUIDO DO TIPO
ROTATIVO, MÁQUINA DE FLUIDO DO
TIPO PALHETA E DISPOSITIVO DE
RECUPERAÇÃO DE CALOR RESIDUAL
PARA MOTOR DE COMBUSTÃO
INTERNA
(71) Honda Giken Kogyo Kabushiki
Kaisha (JP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0009985-6 (22) 10/04/2000 9.1
(54) FERRAMENTA ABRASIVA
GIRATÓRIA
(71) Saint-Gobain Abrasives, Inc. (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0010269-5 (22) 03/05/2000 9.1
(54) APARELHO PARA AUMENTAR
FUNÇÃO CARDÍACA
(71) Simon Marcus Horner (GB)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0010591-0 (22) 04/05/2000 9.1
DIRPA - Despachos Relativos a Pedidos e Patentes 93
(54) APARELHO DE TRANSFERÊNCIA
DE ADESIVO E CARTUCHO
REMOVÍVEL
(71) Xyron, Inc. (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0011011-6 (22) 23/05/2000 9.1
(54) SISTEMA DE TRANSPORTE PARA
UMA INSTALAÇÃO DE FABRICAÇÃO
POR INSUFLAÇÃO DE RECIPIENTES E
FORNO DE CONDICIONAMENTO
TÉCNICO PARA TAL INSTALAÇÃO
(71) Sidel (FR)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0011923-7 (22) 28/06/2000 9.1
(54) MÁQUINA DE TRATAMENTO DE
OBJETOS
(71) Sidel (FR)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0011946-6 (22) 22/06/2000 9.1
(54) SISTEMA DE SUJEIÇÃO PARA AS
PLATAFORMAS DE PERNAS
ATIRANTADAS
(71) Aker Engineering AS (NO)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0012680-2 (22) 18/07/2000 9.1
(54) APARELHO PARA CONTORNAR
FLUXO DE UM FLUIDO E MÉTODO
PARA INTENSIFICAR
TRANSFERÊNCIA DE CALOR DE OU
PARA UM FLUXO
(71) Stone & Webster, INC., (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0014048-1 (22) 23/08/2000 9.1
(54) RODA PARA CORREIA DENTADA
OU CORRENTE
(71) Miba Sintermetall Aktiengesellschaft
(AT)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0014268-9 (22) 30/08/2000 9.1
(54) BICO VERTEDOR DESTACÁVEL
SEM DERRAMAMENTO
(71) DSD International INC (CA)
(74) Veirano Advogados Associados
(21) PI 0014650-1 (22) 05/10/2000 9.1
(54) ELEVADOR DE CABO
(71) Inventio Aktiengesellschaft (CH)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0015140-8 (22) 27/10/2000 9.1
(54) Montagem de ventoinha para
resfriamento de motor de automóvel e
método de montagem.
(71) Robert Bosch Corporation (US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0015529-2 (22) 06/11/2000 9.1
(54) SISTEMA DE ACARRETADURA
CONTÍNUA
(71) Michael Pietsch (AU)
(74) Clarke Modet do Brasil Ltda.
(21) PI 0015860-7 (22) 15/03/2000 9.1
(54) APARELHO PARA A
SUBSTITUIÇÃO DE CARROS DE
PALETA EM MOVIMENTO EM UMA
MÁQUINA DE GRELHA DE
DESLOCAMENTO POSITIVO
(71) Metso Minerals Industries, Inc. (US)
(74) Martinez & Moura Barreto S/C Ltda.
(21) PI 0100309-7 (22) 02/02/2001 9.1
(54) CONJUNTO DE EIXO DE
TRANSMISSÃO AXIALMENTE
TELESCÓPICO
(71) Dana Corporation (US)
(74) Bhering Advogados
(21) PI 0100581-2 (22) 09/02/2001 9.1
(54) EQUIPAMENTO E MÉTODO PARA
COMPOSIÇÃO DE ETIQUETA AUTO-
ADESIVA DOTADA DE INSERTO E
ETIQUETA AUTO-ADESIVA DOTADA
DE INSERTO
(71) Renato Torres Gonçalves (BR/SP)
(74) Alexsandra Gomes Raquel
(21) PI 0101155-3 (22) 27/03/2001 9.1
(54) DISPOSITIVO DE ACOPLAMENTO
E MÉTODO PARA FABRICAR UM ANEL
DE FIXAÇÃO PARA SER USADO EM
TAL DISPOSITIVO DE ACOPLAMENTO
(71) Georg Fischer Waga N.V. (NL)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0101666-0 (22) 02/05/2001 9.1
(54) PROCESSO DE FABRICAÇÃO DE
UM MOTOR DE INJEÇÃO DE
COMBUSTÍVEL
(71) Deere & Company (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0101677-6 (22) 27/04/2001 9.1
(54) TROCADOR DE CALOR COM
COLETOR DE VOLUME REDUZIDO,
NOTADAMENTE PARA VEÍCULO
AUTOMÓVEL
(71) Valeo Thermique Moteur (FR)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0101696-2 (22) 04/05/2001 9.1
(54) REFRIGERADOR
(71) Whirlpool Corporation (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0101757-8 (22) 05/04/2001 9.1
(54) SISTEMA DE BOMBEAMENTO DE
ÓLEO PARA COMPRESSOR
HERMÉTICO ALTERNATIVO
(71) Empresa Brasileira de
Compressores S/A - EMBRACO (BR/SC)
(74) Antonio Maurício Pedras Arnaud
(21) PI 0101876-0 (22) 17/04/2001 9.1
(54) APERFEIÇOAMENTOS
INTRODUZIDOS EM SISTEMA E
EQUIPAMENTO UTILIZADO PARA
ARMAZENAGEM BLOCADA DE
CARGAS UNITIZADAS COM SELEÇÃO
AUTOMÁTICA TOTAL
(71) Celso dos Santos Miranda (BR/SP) ,
Flávio dos Santos Miranda (BR/SP)
(74) Temhpus's Marcas e Patentes S/C
Ltda
(21) PI 0101900-7 (22) 23/04/2001 9.1
(54) DISPOSITIVO PARA ENLONAR
CARROCERIAS OU CAÇAMBAS
DIVERSAS
(71) Brent Gregory Nelson (US)
(74) Vilage Marcas & Patentes S/C Ltda
(21) PI 0102152-4 (22) 28/05/2001 9.1
(54) INSTRUMENTO COMBINADO
PARA UM VEÍCULO
(71) Mannesmann VDO AG (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0102203-2 (22) 30/05/2001 9.1
(54) MECANISMO DE DESENGATE
GRADUAL PARA UM FREIO DE MÃO
DE VAGÃO FERROVIÁRIO
(71) Westinghouse Air Brake
Technologies Corporation (US)
(74) Clarke Modet do Brasil LTDA
(74) Bhering Advogados
(21) PI 0102343-8 (22) 12/06/2001 9.1
(54) RODA DE VEÍCULO DE FACE
INTEIRA E MÉTODO PARA A
PRODUÇÃO DA MESMA
(71) Hayes Lemmerz International, Inc.
(US)
(74) Bhering Advogados
(21) PI 0102372-1 (22) 12/06/2001 9.1
(54) MÉTODO E DISPOSITIVO PARA A
REDUÇÃO DE SANGRAMENTO
ENTRE CORES EM UMA IMAGEM
PRODUZIDA POR UMA IMPRESSORA
A JATO DE TINTA
(71) Xerox Corporation (US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
(21) PI 0102503-1 (22) 25/05/2001 9.1
(54) DISPOSITIVO ESTABILIZADOR
(71) Nicolau Simedo Martins Junior
(BR/PR)
(74) Antônio Buiar
9.2
INDEFERIMENTO
(21) MU 7700276-8 (22) 21/03/1997 9.2
(54) DISPOSIÇÃO CONSTRUTIVA EM
ELEMENTO FLEXÍVEL PARA
CONDUTO DE PASSAGEM DE ÁGUA
(71) Duchacorona Ltda. (BR/SE)
(74) Gusmão & Labrunie Ltda.
Indeferido com base no artigo 9º
combinado com o artigo 14 da LPI
(21) MU 7701447-2 (22) 27/06/1997 9.2
(54) SUPORTE PARA DISJUNTORES
(71) Steck Indústria Elétrica Ltda
(BR/SP)
(74) Tinoco Soares & Filho S/C Ltda.
Indeferido com base no Artigo 9º
combinado com o artigo 14 da LPI
(21) MU 7800447-0 (22) 06/03/1998 9.2
(54) Disposição introduzida em pino de
conexão elétrica com borne incorporado
(71) GL Eletro-Eletrônicos Ltda (BR/SP)
(74) Paulo Sérgio Scatamburlo
Indeferido com base no Artigo 9º
combinado com o artigo 14 da LPI
(21) PI 9605765-3 (22) 29/11/1996 9.2
(54) OTIMIZAÇÃO DE
INTERFERÊNCIAS DE ESCOVAS
ELETROSTÁTICAS PARA AUMENTAR
A EFICÁCIA NA REMOÇÃO DE TONER
(71) Xerox Corporation (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Indeferido com base no artigo 8º
combinado com o artigo 13 da LPI.
(21) PI 9608704-8 (22) 09/05/1996 9.2
(54) Sistema de transferência de valor
(71) Mondex International Limited (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Indeferido com base no artigo 10 inciso
III e Art. 8º combinado com o Art. 13 da
LPI.
(21) PI 0102257-1 (22) 04/06/2001 9.1
(54) Máquina dobradora e ensacadora
de produtos têxteis manufaturados.
(71) Metalnox Indústria Metalúrgica Ltda
(BR/SC)
(74) Maria Aparecida Pereira Gonçalves
(21) PI 9609293-9 (22) 03/06/1996 9.2
(54) "TRANSFORMADOR TENDO UMA
PROPORÇÃO DE ENROLAMENTO
SELECIONÁVEL PARA AJUSTAR,
SELECIONALMENTE, UMA TENSÃO
DE ACORDO COM A PROPORÇÃO DE
ENROLAMENTO SELECIONADA E
MÉTODO APLICADO AO
TRANSFORMADOR."
(71) Siemens Energy & Automation, Inc.
(US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Indeferido com base no artigo Art. 8º
combinado com o Art. 13 da LPI.
(21) PI 0102292-0 (22) 07/06/2001 9.1
(54) Conjunto de extremidade de roda
para eixo de acionamento.
(71) Dana Corporation (US)
(21) PI 9609358-7 (22) 22/05/1996 9.2
(54) Dispositivo para distribuição
transdérmica por eletrotransporte fentanil
e sufentanil
(21) PI 0102241-5 (22) 31/05/2001 9.1
(54) PNEUMÁTICA COM ELEVADA
CAPACIDADE DE TRANSPORTAR
CARGA
(71) The Goodyear Tire & Rubber
Company (US)
94
DIRPA - Despachos Relativos a Pedidos e Patentes
(71) Alza Corporation (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Indeferido com base no artigo 8º
combinado com o artigo 13 da LPI.
(21) PI 9610095-8 (22) 17/07/1996 9.2
(54) CONJUNTO DE INSTRUÇÕES
PARA A OPERAÇÃO EM DADOS
CONDENSADOS
(71) Intel Corporation (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Indeferido com base no Art. 8º
combinado com o artigo 13 da LPI
(21) PI 9611953-5 (22) 09/04/1996 9.2
(54) MÉTODO DE COMUTAÇÃO E DE
MENSAGEM ESPECÍFICO PARA
APLICAÇÃO SEM-FIO.
(71) Aeris Communications, Inc (US)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Indeferido com base no Art.8º combinado
com o Art.13 e Art. 18 inciso I da LPI
(21) PI 9612878-0 (22) 02/02/1996 9.2
(54) LIVRO DE CÓDIGO ALGÉBRICO
COM AMPLITUDES DE PULSO DE
SINAL SELECIONADAS PARA
CODIFICAÇÃO RÁPIDA DE FALA
(62) PI9607026-9 02/02/1996
(71) Université de Sherbrooke (CA)
(74) Tavares & Companhia Ltda.
Indeferido com base no Art. 6º da LPI
(21) PI 9702011-7 (22) 13/05/1997 9.2
(54) APARELHO DE EXIBIÇÃO DE
VÍDEO E DISPOSITIVO PARA
ELIMINAR O CAMPO ELÉTRICO
PRODUZIDO EM PROPORÇÃO A UMA
CORRENTE APLICADA A UMA BOBINA
DE REFLEXÃO DE UM TUBO DE
RAIOS CATÓDICOS
(71) LG Electronics Inc. (KR)
(74) Pinheiro Neto - Advogados
Indeferido com base no Artigo 8º
combinado com o artigo 13 da LPI
(21) PI 9703695-1 (22) 25/06/1997 9.2
(54) PROCESSO DE IMPRESSÃO COM
UM CABEÇOTE DE TINTA
(71) Xerox Corporation (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
Indeferido com base no artigo Art. 8º
combinado com o Art. 13 da LPI.
(21) PI 9704960-3 (22) 01/10/1997 9.2
(54) SISTEMA E PROCESSO DE
REPRODUÇÃO DE UM DOCUMENTO
(71) Xerox Corporation (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
Indeferido com base no artigo 8º
combinado com o artigo 13 da LPI
(21) PI 9705561-1 (22) 15/07/1997 9.2
(54) DISPOSITIVO DE DISCO ÓTICO,
PROCESSO PARA GRAVACÃO DE UM
DISCO ÓTICO, E, DISCO ÓTICO
(71) Sony Corporation (JP)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
Indeferido com base no artigo Art. 8º
combinado com o Art. 13 da LPI.
(21) PI 9710682-8 (22) 26/05/1997 9.2
(54) Composições e métodos para tratar
ou prevenir doenças das vias do
organismo
(71) Angiotech Pharmaceuticals, INC.
(CA) , University Of British Columbia
(CA)
(74) Daniel & Cia
Indeferimento do presente pedido, uma
vez que não atende ao requisito de
novidade ( Art. 8º e 11 ) e encontra-se
em desacordo com Art. 25 da LPI
(21) PI 9710877-4 (22) 18/07/1997 9.2
(54) Aparelho para processamento de
dados girados e intercalados.
(71) Zenith Electronics Corporation (US)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
Indeferido com base no artigo 8º
combinado com o artigo 13 da LPI.
(21) PI 9801561-3 (22) 29/05/1998 9.2
(54) Encaixe para um indicador de valor
de rotacões.
(71) Mannesmann Vdo AG (DE)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Indeferido com base no artigo 8º
combinado com o artigo 13 da LPI.
(21) PI 9815282-3 (22) 19/11/1998 9.2
(54) MÁQUINA AUTOMÁTICA DE
TRANSAÇÕES BANCÁRIAS PARA A
RECICLAGEM DE DINHEIRO
(71) Diebold, Incorporated (US)
(74) Trench, Rossi e Watanabe
Indeferido com base no Art. 8º
combinado com o Artigo 13 da LPI
(21) PI 9815283-1 (22) 19/11/1998 9.2
(54) MÁQUINA AUTOMÁTICA DE
TRANSAÇÕES BANCÁRIAS COM
SISTEMA E CAPACIDADES DE AUTO
AUDITORIA
(71) Diebold, Incorporated (US)
Indeferido com base no Art. 8º
combinado com o Artigo 13 da LPI
(21) PI 0502299-1 (22) 16/06/2005 9.2
(54) CARTÃO DE ACESSO PROVIDO
DE ELEMENTO PROMOCIONAL COM
LIBERAÇÃO REMOTA E RESPECTIVO
MÉTODO OPERACIONAL
(71) Roberto Brito Russo (BR/SP)
(74) José Sidney Valério
Indeferido com base no Artigo 8º
combinado com o Art. 13 e Art.10 inciso
III da LPI.
9.2.1
DECISÃO ANULADA (**)
(21) MU 7602148-3 (22)18/10/1996 9.2.1
(54) DISPOSIÇÃO INTRODUZIDA EM
ALTO FALANTE COM BORDA DUPLA
ONDA
(71) Danilo Penãs (BR/SP)
(74) Sul América Marcas e Patentes S/C
Ltda.
Por recomendação expressa da
Presidência do INPI, de acordo com a
publicação (despacho 104) na RPI
nº1950 de 20/05/2008.
RPI 1951 de 27/05/2008
11.14
PUBLICAÇÃO ANULADA
(21) MU 8702208-7(22) 30/08/2007 11.14
(71) Tekom Technologies, Inc. (TW)
(74) Símbolo Marcas e Patentes Ltda.
Referente à RPI 1945 de 15/04/2008.
(21) PI 0304446-7 (22) 31/10/2003 11.14
(71) Orestes Ribeiro Machado (BR/MG) ,
Ricardo Antônio Pereira (BR/MG)
(74) Lancaster Comercial Patentes e
Marcas
Referente à RPI nº 1926 de 04/12/2007.
(21) PI 0314564-6 (22) 15/10/2003 11.14
(71) Antero Neto Silva (BR/CE)
Referenteà RPI nº 1927 de 11/12/2007.
(21) PI 0315175-1 (22) 09/10/2003 11.14
(71) Compumedics Limited / Empresa
Estrangeira (US)
(74) Security, Do Nascimento Souza &
Associados Propriedade Intelectual
Referente à RPI nº 1927 de 11/12/2007.
(21) PI 0315418-1 (22) 14/10/2003 11.14
(71) Cool Tool Holding AB (SE)
(74) Magnus Aspeby e Thomaz Thedim
Lobo
Referente à RPI nº 1927 de 11/12/2007.
(21) PI 0316906-5 (22) 18/12/2003 11.14
(71) Algorx Pharmaceuticals, Inc (US)
(74) Alcides Ribeiro Filho
Referente à RPI nº 1927 de 11/12/2007.
(21) PI 0317561-8 (22) 17/12/2003 11.14
(71) Wany SA (FR)
(74) Dannemann , Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Referente à RPI nº 1927 de 11/12/2007.
(21) PI 0318398-0 (22) 30/07/2003 11.14
(71) Hyun-Oh Shin (KR)
(74) Felipe Bocardo Cerdeira
Referente à RPI 1874 de 05/12/2006.
(21) PI 0318561-3 (22) 21/10/2003 11.14
(71) Lupin Limited (IN)
(74) Martinez & Moura Barreto S/C Ltda
Referente à RPI nº 1927 de 11/12/2007.
15. Outros Referentes a
Pedidos
15.7
PETIÇÃO NÃO
CONHECIDA
(21) MU 8100891-0 (22) 07/05/2001 15.7
(71) João Afonso Ferreira (BR/PE)
Desconheço a petição nº 000819 de
01/06/2007 , com base no disposto no
Art. 219, II da Lei da Propriedade
Industrial, uma vez que o interessado
não tem legitimidade para o ato.
(21) PI 0316650-3 (22) 25/11/2003 15.7
(71) Shock-Doc LTD. (ZA)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Não conhecida a petição n°
020070114070/RJ de 16/08/2007 em
virtude do disposto no Art. 219, inciso II
da LPI.
(21) PI 9800908-7 (22) 16/03/1998 15.7
(71) Ichinose International Inc. (JP)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Não conhecimento da petição de nº
020070103229 de 26/07/2007.
15.11
ALTERAÇÃO DE
CLASSIFICAÇÃO
(21) PI 9810802-6 (22) 15/07/1998 15.11
(51) C07D 487/04 (2008.04), A61K
31/505 (2008.04), A61K 31/41 (2008.04)
Alterada de Int:Cl.8: C07D 239/95, C07D
249/16, C07D 487/04, C07C 311/03,
C07C 311/16, C07C 233/05, C07C
49/297, C07C 25/00, C07C 13/04, C07C
13/16, A61K 31/424, A61K 31/505, A61K
31/519, A61P 7/02, A61P 9/10, A61P
43/00
(21) PI 0005639-1 (22) 14/11/2000 15.11
(51) F41H 5/26 (2008.04), F41H 7/00
(2008.04)
Alterado de Int.Cl. E06B 5/10
12. Recurso
11. Arquivamento
11.1
ARQUIVAMENTO - ART.
33 DA LPI
(21) PI 0307137-5 (22) 16/07/2003 11.1
(71) Universidade Estadual de Londrina
(BR/PR)
(74) Marinete Violin
11.2
ARQUIVAMENTO - ART.
36 PARÁG. 1º DA LPI
(21) MU 8002103-4 (22) 20/07/2000 11.2
(71) Edson Poubel Teixeira (BR/ES)
(74) CENDI - Centro de Desenvolvimento
da Informação Ltda.
(21) PI 0004581-0 (22) 02/10/2000 11.2
(71) L'Air Liquide - Societe Anonyme
Pour L'Etude Et L'Exploitation Des
Procedes Georges Claude (FR)
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
12.2
RECURSO CONTRA O
INDEFERIMENTO
(21) MU 7801652-5 (22) 09/09/1998 12.2
(71) Seok Há Hwang (BR/SP)
(74) SIMBOLO MARCAS E PATENTES
LTDA
(21) MU 7900045-2 (22) 12/01/1999 12.2
(71) Wilson José Santana (BR/SP)
(74) Loyal Trade Mark Assessoria da
Propriedade Industrial S/C Ltda
(21) PI 0105934-3 (22) 28/03/2001 12.2
(71) Midrex International B.V. Zürich
Branch (CH)
(74) ANTONIO MAURICIO PEDRAS
ARNAUD
12.6
OUTROS RECURSOS
(21) PI 9902521-3 (22) 24/05/1999 12.6
(71) Ceccato DMR Indústria Mecânica
Ltda (BR/SP)
(74) Toledo Corrêa Marcas e Patentes
S/C Ltda.
15.14
NOTIFICAÇÃO DE
DECISÃO JUDICIAL
(21) MU 6901967-3 (22) 29/09/1989 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) MU 6901968-1(22)29/09/1989 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
RPI 1951 de 27/05/2008
ineficácia de eventuais alienações.
(21) MU 7401995-3(22)14/11/1994 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) MU 8001086-5(22)17/05/2000 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP) , Fabio
Shiota (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) MU 8700144-6(22)18/01/2007 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 9201150-0 (22) 01/04/1992 15.14
(71) Nelson Peter Lajovic (BR/SP) ,
Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 9300573-3 (22) 15/02/1993 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 9302398-7 (22) 18/06/1993 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 9302399-5(22) 18/06/1993 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
DIRPA - Despachos Relativos a Pedidos e Patentes 95
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 9305137-9 (22) 20/12/1993 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 9402016-7 (22) 19/05/1994 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 9404445-7 (22) 14/11/1994 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 9504298-9 (22) 05/10/1995 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 9504299-7 (22) 05/10/1995 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 9800787-4 (22) 27/02/1998 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 9801759-4 (22) 03/06/1998 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
(74) City Patentes e Marcas Ltda.
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 0601003-2 (22) 23/03/2006 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
(21) PI 0703850-0 (22) 22/08/2007 15.14
(71) Marko Lajovic (BR/SP)
INPI-52400.001209/08
Origem: Poder Judiciário do Estado de
Minas Gerais
Ofício nº 64/08 – gpm
Ação de Execução Fiscal
Autor: FAZENDA PÚBLICA FEDERAL
Réu: MICRO CIRCUITOS ASA S.A.
Decisão: IMPEDIMENTO JUDICIAL,
visando garantir a efetividade à
execução, como também a prevenção de
ineficácia de eventuais alienações.
15.22
DEVOLUÇÃO DE PRAZO
CONCEDIDA
(21) MU 8001286-8 (22)23/06/2000 15.22
(71) Tate do Brasil Ltda. (BR/SP)
(74) Gold Star Patentes e Marcas S/C
Ltda.
"Referente a RPI 1929 de 26/12/2007,
despacho 7.1, devolvo 55 dias de prazo
para manifestação, contados a partir da
data desta notificação."
(21) MU 8001287-6(22)23/06/2000 15.22
(71) Tate do Brasil Ltda (BR/SP)
(74) Gold Star Patentes e Marcas S/C
Ltda.
"Referente a RPI 1929 de 26/12/2007,
despacho 6.1, devolvo 55 dias de prazo
para cumprimento de exigência,
contados a partir da data desta
notificação."
(21) PI 9804165-7 (22) 07/10/1998 15.22
(71) Universidade Estadual de Campinas
- Unicamp (BR/SP)
(74) Octacílio Machado Ribeiro
Devolução de Prazo Concedida Reconhecido o obstáculo administrativo
e devolvido o prazo de 55 dias, nos
termos do artigo 221 parágrafo 2º da LPI
e da resolução 116/04.
(21) PI 9804468-0 (22) 21/10/1998 15.22
(71) Universidade Estadual de Campinas
- Unicamp (BR/SP)
(74) Octacílio Machado Ribeiro
Devolvido o prazo de 58 (cinquenta e
oito) dias, a partir desta publicação na
RPI
(21) PI 9910047-9 (22) 06/04/1999 15.22
(71) Gore Enterprise Holdings, Inc. (US)
(74) Tavares & Cia
Devolução de Prazo Concedida Reconhecido o obstáculo administrativo
e devolvido o prazo de 25 dias, nos
termos do artigo 221 parágrafo 2º da LPI
e da resolução 116/04.
(21) PI 9915620-2 (22) 03/11/1999 15.22
(71) Buhler Ag. (CH)
(74) Tavares & Cia
Devolução de Prazo Concedida Reconhecido o obstáculo administrativo
e devolvido o prazo de 25 dias, nos
termos do artigo 221 parágrafo 2º da LPI
e da resolução 116/04.
(21) PI 0001938-0 (22) 23/03/2000 15.22
(71) Universidade Estadual de Campinas
- Unicamp (BR/SP)
(74) MARIA CRISTINA VALIM
LOURENÇO GOMES
"Referente a RPI 1929 de 26/12/2007,
despacho 7.1, devolvo 55 dias de prazo
para manifestação, contados a partir da
data desta notificação."
(21) PI 0003424-0 (22) 27/07/2000 15.22
(71) Universidade Estadual de Campinas
- Unicamp (BR/SP)
(74) Octacílio Machado Ribeiro
Devolução de Prazo Concedida Reconhecido o obstáculo administrativo
e devolvido o prazo de 24 dias, nos
termos do artigo 221 parágrafo 2º da LPI
e da resolução 116/04.
(21) PI 0004093-2 (22) 31/08/2000 15.22
(71) Universidade Estadual de Campinas
- Unicamp (BR/SP)
(74) Pedro Emerson de Carvalho
Devolução de Prazo Concedida Reconhecido o obstáculo administrativo
e devolvido o prazo de 24 dias, nos
termos do artigo 221 parágrafo 2º da LPI
e da resolução 116/04.
(21) PI 0004236-6 (22) 06/09/2000 15.22
(71) Universidade Estadual de Campinas
- Unicamp (BR/SP)
(74) Pedro Emerson de Carvalho
Devolução de Prazo Concedida Reconhecido o obstáculo administrativo
e devolvido o prazo de 55 dias, nos
termos do artigo 221 parágrafo 2º da LPI
e da resolução 116/04.
15.24
NOTIFICAÇÃO DE
REQUERIMENTO DE
EXAME PRIORITÁRIO DE
PEDIDO DE PATENTE
(21) MU 8001336-8 (22) 24/04/2000 15.24
(71) Carlos Alfred Nehring (BR/PR)
(74) A Criativa Marcas e Patentes S/C
Ltda.
(21) MU 8400417-7(22)30/01/2004 15.24
(71) Jorge de Andrade (BR/SC)
(21) MU 8400711-7(22)01/03/2004 15.24
(71) Cristiano Eraldo Oderich (BR/RS)
(74) Geraldo Saldanha Timmers
(21) MU 8402176-4(22)15/07/2004 15.24
(71) Jose Maria Laborde Rodriguez
(BR/SP)
(21) MU 8500490-1(22)21/03/2005 15.24
(71) Welby Francisco Belchior (BR/SP)
(74) SPI Marcas & Patentes S/C Ltda
(21) MU 8502535-6(22)16/11/2005 15.24
(71) Enio Remi Hoeveler (BR/SP)
(74) Mercantil Assessoria em Marcas e
Patentes S/C Ltda.
(21) MU 8502881-9(22)27/12/2005 15.24
(71) Eurides da Silva Costa (BR/SP)
96
DIRPA - Despachos Relativos a Pedidos e Patentes
(21) PI 0100486-7 (22) 26/01/2001 15.24
(71) Aníbal René Reichenbach (BR/SP)
(74) M.Rosário Assess Propr Industrial
S/C Ltda
(21) PI 0106151-8 (22) 17/12/2001
15.24.2
(71) Jorge do Nascimento (BR/RJ)
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
(21) PI 0104726-4 (22) 18/09/2001 15.24
(71) Cristiano Eraldo Oderich (BR/RS)
(74) Mari Lourdes Machado Guerra
(21) PI 0203957-5 (22) 12/09/2002
15.24.2
(71) Antonio Tubelis (BR/SP)
(21) PI 0201721-0 (22) 02/01/2002 15.24
(71) Aziz Antonio Jorge Rahal (BR/SP)
(21) PI 0303607-3 (22) 28/10/2003 15.24
(71) Getúlio Fornari (BR/RS)
(74) Luis Cláudio Barbosa
(21) PI 0400535-0 (22) 23/04/2004 15.24
(71) Francisco Maria Ayala Barreto
(BR/PR)
(21) PI 0403545-3 (22) 10/08/2004 15.24
(71) Fernando Antônio de Paoli (BR/MG)
(21) PI 0600998-0 (22) 22/03/2006 15.24
(71) Heloisa de Freitas Valle (BR/SP)
15.24.2
CONCEDIDO O EXAME
PRIORITÁRIO DO
PEDIDO DE PATENTE
(21) MU 8200965-1 (22) 10/05/2002 15.24.2
(71) Georges Efstahios Papadopoulos
(BR/RJ)
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(21) MU 8202545-2 (22) 12/11/2002
15.24.2
(71) Carbofor Indústria Mecância LTDA.
(BR/SP)
(74) Sul América Marcas e Patentes S/C
Ltda
(21) MU 8202696-3 (22) 11/11/2002
15.24.2
(71) Luiz Antonio Ferreira Pinto (BR/SP)
(21) MU 8303012-3 (22) 19/11/2003
15.24.2
(71) Ancora Chumbadores LTDA.
(BR/SP)
(74) Icamp Assessoria Empresarial S/C
Ltda
(21) MU 8400360-0 (22) 25/03/2004
15.24.2
(71) Gianfranco Menna Zezze (BR/SP)
(74) Sul América Marcas e Patentes S/C
Ltda
(21) PI 0300105-9 (22) 09/01/2003
15.24.2
(71) José Carlos Gonsales (BR/SP)
(21) PI 0300559-3 (22) 14/03/2003
15.24.2
(71) Georges Efstahios Papadopoulos
(BR/RJ)
(74) Di Blasi, Parentes, S. Garcia &
Associados S/C
(21) PI 0305583-3 (22) 10/07/2003
15.24.2
(71) Gepco Indústria e Comércio LTDA
(BR/SP)
(74) Gevalci Oliveira Prado
RPI 1951 de 27/05/2008
(74) Sérgio Ribeiro da Silva
Negado o exame prioritário do pedido de
patente uma vez que não foi atendido o
disposto no art. 5º, II, "b" da Resolução
132/06.
(21) PI 0601549-2 (22) 10/04/2006
15.24.3
(71) Sawary Confecções Ltda (BR/SP)
(74) LOGOS MARCAS E PATENTES
S/S LTDA
Negado o exame prioritário do pedido de
patente uma vez que não foi atendido o
disposto no art. 5º, II, "a" da Resolução
132/06.
(21) PI 0014642-0 (22) 29/09/2000
15.24.3
(71) Coding Technologies AB (SE)
(74) Paulo Sérgio Scatamburlo
Negado o exame prioritário do pedido de
patente uma vez que não foi atendido o
disposto no art. 5º, II, "b" da Resolução
132/06.
(21) PI 0315073-9 (22) 09/10/2003
15.24.2
(71) Metzeler Automotive Profile Systems
GMBH. (DE)
(74) VIEIRA DE MELLO ADVOGADOS
(21) PI 0111362-3 (22) 23/05/2001
15.24.3
(71) Coding Technologies AB (SE)
(74) Paulo Sérgio Scatamburlo
Negado o exame prioritário do pedido de
patente uma vez que não foi atendido o
disposto no art. 5º, II, "b" da Resolução
132/06.
(21) PI 0404528-9 (22) 21/10/2004
15.24.2
(71) Mercedes Dios (BR/SP)
15.33
REPUBLICAÇÃO
(21) PI 0406335-0 (22) 20/12/2004
15.24.2
(71) Josino de Barros Figueira (BR/RJ) ,
Alda Baracho Figueira (BR/RJ)
(21) C1 0504055-8 (22)18/06/2007 15.33
(61) PI0504055-8 15/09/2005
(71) Carlos Alberto Coelho Etzel (BR/SP)
Desconheço a petição número
018080018365 de 28/03/2008 com base
no disposto no artigo 219, II da Lei da
Propriedade Industrial, tendo por base o
art. 4.º da resolução 132/06 que dispõe
que o requerimento de Exame Prioritário
de pedido de patente deverá ser
formulado por meio de petição, não
vislumbrando a hipótese de solicitação
de exame prioritário de Certificado de
Adição.
(21) PI 0501457-3 (22) 03/05/2005
15.24.2
(71) Georges Efstahios Papadopoulos
(BR/RJ)
(74) Di Blasi, Parente , S. G. &
Associados
(21) PI 0601535-2 (22) 24/04/2006
15.24.2
(71) Dionísio Bertolini (BR/PR) , José
Bertolini (BR/PR)
(74) José Cordeiro Montes
15.24.3
NEGADO O EXAME
PRIORITÁRIO DO
PEDIDO DE PATENTE
25. Anotação de
Alteração de Nome e/ou
Sede e Transferência de
Pedido, Patente e
Certificado de Adição
de Invenção
(21) MU 8202746-3 (22) 21/11/2002 15.24.3
(21) MU 8402007-5 (22) 27/08/2004
15.24.2
(71) Georges Efstahios Papadopoulos
(BR/RJ)
(74) Momsen, Leonardos & Cia
(21) MU 8402648-0 (22) 03/11/2004
15.24.2
(71) Cesar Iarema (BR/PR)
(21) MU 8502919-0 (22) 10/10/2005
15.24.2
(71) Dalvo Augusto de Oliveira (BR/RJ)
(21) MU 8600337-2 (22) 24/02/2006
15.24.2
(71) Sergio Domingos Rossa (BR/SP)
(21) MU 8600627-4 (22) 31/01/2006
15.24.2
(71) Heraclides Santos Filho (BR/RJ)
(21) PI 0001704-3 (22) 25/04/2000
15.24.2
(71) Carlos Boa Nova Neto (BR/RS) ,
Evaldo Silva (BR/RS)
(74) Marpa Cons. & Asses. Empresarial
Ltda
(71) Mateus Antonio Paris Hernandes
(BR/SP)
(74) Grupo Princesa Marcas e Patentes
Ltda.
Negado o exame prioritário do pedido de
patente uma vez que não foi atendido o
disposto no art. 5º, II, "b" da Resolução
132/06.
(21) MU 8301038-6 (22) 06/06/2003
15.24.3
(71) Jorge de Andrade (BR/SC)
Negado o exame prioritário do pedido de
patente uma vez que não foi atendido o
disposto no art. 5º, II, "b" da Resolução
132/06.
(21) MU 8400416-9 (22) 30/01/2004
15.24.3
(71) Jorge de Andrade (BR/SC)
Negado o exame prioritário do pedido de
patente uma vez que não foi atendido o
disposto no art. 5º, II, "b" da Resolução
132/06.
(21) PI 0403065-6 (22) 20/07/2004
15.24.3
(71) Célio de Araújo Rocha (BR/DF)
25.1
TRANSFERÊNCIA
DEFERIDA
(21) MU 8401499-7 (22) 25/06/2004 25.1
(71) Gerson Bernardo de Oliveira
(BR/SP)
(74) Bernadete Bueno Leite
Transferido de: Stilo Plast Indústria,
Comércio, Importação e Exportação de
Plásticos Ltda.
(11) PI 9103449-3 (22) 12/08/1991 25.1
(45) 26/05/1998
(73) Emerson Climate Technologies, Inc.
(US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Transferido de: Copeland Corporation
LLC
(11) PI 9103456-6 (22) 13/08/1991 25.1
(45) 27/08/1996
(73) Emerson Climate Technologies, Inc.
(US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Transferido de: Copeland Corporation
LLC
(11) PI 9103458-2 (22) 13/08/1991 25.1
(45) 27/05/1997
(73) Emerson Climate Technologies, Inc.
(US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Transferido de: Copeland Corporation
LLC
(21) PI 9800847-1 (22) 06/03/1998 25.1
(71) CK Witco Corporation (US)
(74) Nellie Anne Daniel Shores
Transferido por Incorporação de: Witco
Corporation
(11) PI 9812560-5 (22) 09/09/1998 25.1
(45) 15/02/2005
(71) Emerson Climate Technologies, Inc.
(US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Transferido de: Copeland Corporation
LLC
(21) PI 0005204-3 (22) 31/10/2000 25.1
(71) Emerson Climate Technologies, Inc.
(US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Transferido de: Copeland Corporation
LLC
(21) PI 0009462-5 (22) 24/03/2000 25.1
(71) O&D USA LLC (US)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
Transferido de: The Standard Oil
Company
(21) PI 0100316-0 (22) 02/02/2001 25.1
(71) Emerson Climate Technologies, Inc.
(US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Transferido de: Copeland Corporation
LLC
(21) PI 0100317-8 (22) 02/02/2001 25.1
(71) Emerson Climate Technologies, Inc.
(US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Transferido de: Copeland Corporation
LLC
(21) PI 0112548-6 (22) 21/06/2001 25.1
(71) O&D USA LLC (US)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
Transferido de: The Standard Oil
Company
(21) PI 0206780-3 (22) 29/01/2002 25.1
(71) Cooper Technologies Company
(US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Transferido de: Cooper Industries, LLC
(21) PI 0208591-7 (22) 29/03/2002 25.1
(71) Eastman Kodak Company (US)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
Transferido por Fusão de: KPG Holding
Company, Inc.
(21) PI 0212391-6 (22) 12/07/2002 25.1
(71) Cooper Technologies Company
(US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Transferido de: Cooper Industries, LLC
(21) PI 0302892-5 (22) 11/07/2003 25.1
(71) Santal Equipamentos S/A Comércio
e Indústria (BR/SP)
(74) Vilage Marcas & Patentes S/S Ltda.
Transferido de: Arnaldo Adams Ribeiro
Pinto
RPI 1951 de 27/05/2008
(21) PI 0305744-5 (22) 02/10/2003 25.1
(71) Cooper Technologies Company
(US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Transferido de: Cooper Industries, LLC
(21) PI 0307690-3 (22) 11/02/2003 25.1
(71) Permatex, Inc. (US)
(74) Orlando de Souza
Transferido de: ITW Permatex, Inc.
(21) PI 0311399-0 (22) 29/05/2003 25.1
(71) Eastman Kodak Company (US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Transferido por Fusão de: KPG
Holding Company, Inc.
25.4
ALTERAÇÃO DE NOME
DEFERIDA
(11) PI 8804220-0 (22) 19/08/1988 25.4
(45) 26/04/1994
(73) ADC GmbH (DE)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Alterado de: KRONE GmbH
DIRPA - Despachos Relativos a Pedidos e Patentes 97
(11) PI 9001898-2 (22) 24/04/1990 25.4
(45) 01/06/1999
(71) Kvaerner Pulping Aktiebolag (SE)
(74) Magnus Aspeby
Alterado de: Kvaerner Pulping
Technologies Aktiebolag
(11) PI 9003018-4 (22) 28/06/1990 25.4
(45) 29/12/1998
(73) Kvaerner Pulping Aktiebolag (SE)
(74) Magnus Aspeby
Alterado de: Kvaerner Pulping
Technologies Aktiebolag
(11) PI 9606669-5 (22) 07/10/1996 25.4
(45) 19/03/2002
(71) Cummins Turbo Technologies
Limited (GB)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
Alterado de: Holset Engineering Co., Ltd.
(21) PI 9611864-4 (22) 21/11/1996 25.4
(71) Sanofi-Aventis (FR)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Alterado de: Sanofi-Synthelabo
(21) PI 9916540-6 (22) 22/12/1999 25.4
(71) Ixfin Magneti Marelli Systemes
Electroniques SAS (FR)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
Alterado de: Finmek Magneti Marelli
Systemes Electroniques SAS
(21) PI 0010997-5 (22) 16/05/2000 25.4
(71) Ineos USA LLC (US)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
Alterado de: Innovene USA LLC
(21) PI 0300826-6 (22) 26/03/2003 25.4
(71) Abraxis BioScience, Inc. (US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Alterado de: American Pharmaceutical
Partners, Inc.
(21) PI 0300846-0 (22) 26/03/2003 25.4
(71) Abraxis BioScience, Inc. (US)
(74) Dannemann, Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Alterado de: American Pharmaceutical
Partners, Inc.
25.7
ALTERAÇÃO DE SEDE
DEFERIDA
(21) PI 0010997-5 (22) 16/05/2000 25.7
(71) Ineos USA LLC (US)
(74) Momsen, Leonardos & Cia.
Sede alterada conforme solicitado na
Petição nº 020070161582/RJ de
14/11/2007.
25.13
ANOTAÇÃO DE
LIMITAÇÃO OU ÔNUS
(11) MU 7500584-0 (22) 10/03/1995 25.13
(45) 11/07/2000
(71) Avibrás Indústria Aeroespacial S/A
(BR/SP)
(72) João Verdi Carvalho Leite
(74) Milton de Mello Junqueira Leite
ANOTADO O GRAVAME - CONTRATO
DE GARANTIA DE PROPRIEDADE
INTELECTUAL CELEBRADO ENTRE O
TITULAR E A PROCURADORIA DA
FAZENDA NACIONAL EM SÃO JOSÉ
DOS CAMPOS, CONFORME
REQUERIDO NA PETIÇÃO No.
018070083483/SP DE 18/12/07, DE
ACORDO COM O ART. 59 II DA LPI
98
DIRPA - Despachos Relativos a Pedidos e Patentes
RPI 1951 de 27/05/2008
Diretoria de Contratos de Tecnologia e Outros
Registros - DIRTEC
Tabela de Códigos de Despachos de Pedidos e
Registros de Desenhos Industriais
RPI 1951 de 27/05/2008
30
Exigência – Art. 103 da LPI
O pedido requerido pela petição citada não
atende formalmente ao disposto no art. 103 da
LPI e/ou às demais disposições quanto à sua
forma, tendo sido recebido provisoriamente.
Não tendo sido possível uma ciência ao
interessado diretamente no processo ou por via
postal, fica o requerente obrigado a sanar, em
5 (cinco) dias a contar desta data, as
exigências estabelecidas. Não sendo a
exigência cumprida com a apresentação da
documentação correspondente no prazo acima,
o depósito não será aceito e a documentação
ficará à disposição do interessado.
31
Notificação de Depósito
Notificação de depósito de pedido de registro
de desenho industrial.
32
Notificação do Depósito Com Requerimento
de Sigilo
Tendo sido requerido o sigilo na forma do Art.
106 § 1º o processamento do pedido será
suspenso pelo prazo de 180 (cento e oitenta)
dias . O depositante poderá solicitar a retirada
do pedido dentro do prazo de 90 (noventa) dias
contados da data do depósito. A retirada do
pedido sem que o mesmo tenha produzido
qualquer efeito dará prioridade ao depósito
imediatamente posterior.
33
34
34.1
35
Pedido Retirado
Retirado o pedido com base no Art. 105 da LPI
a requerimento do depositante.
Exigência - Art. 106 § 3º da LPI
Suspensão do andamento do pedido de
registro de desenho industrial que, para
instrução regular, aguardará o atendimento ou
contestação das exigências formuladas. Caso a
exigência não tenha sido explicitada no
despacho da RPI, o depositante poderá
requerer cópia do parecer através do formulário
Modelo 1.05.
A não manifestação do
depositante no prazo de 60 (sessenta) dias
desta data acarretará o arquivamento
definitivo do pedido.
Conhecimento de parecer técnico
Suspenso o andamento do pedido para que o
depositante se Manifeste no prazo de 60
(sessenta) dias desta data, quanto ao contido
no parecer técnico. A cópia do parecer técnico
poderá ser solicitada através do formulário
1.05. A não manifestação ou a manifestação
considera
improcedente
acarretará
o
indeferimento do pedido.
Arquivamento do Pedido – Art. 216 § 2º e
Art. 106 § 3º da LPI
Arquivado definitivamente o pedido de registro
de desenho industrial, uma vez que não foi
apresentada a procuração devida no prazo de
60 (sessenta) dias contados da prática do
primeiro ato da parte no processo ou não
houve manifestação do depositante quanto à
exigência formulada. Pode ser adquirido no
Banco
de
Patentes
do
Centro
de
Documentação e Informação Tecnológica do
INPI - CEDIN - o folheto com o relatório
descritivo e reivindicações (se for o caso) e
desenhos do pedido.
processo de nulidade através do formulário
modelo 1.05.
35.1
36
37
38
39
Arquivamento da Petição - Art. 216 § 2º da
LPI
Arquivamento da petição, uma vez que não foi
apresentada a procuração devida no prazo de
60 (sessenta) dias contados da prática do ato.
Desta data corre o prazo de 60 (sessenta) dias
para eventual recurso do interessado.
Indeferimento - Art. 106 § 4º da LPI
Indeferido o pedido por não atender ao
disposto no Art. 100 da LPI, conforme parecer
técnico. A cópia do parecer técnico poderá ser
solicitada através do formulário Modelo 1.05.
Desta data corre o prazo de 60 (sessenta) dias
para eventual recurso do depositante. Pode ser
adquirido no Banco de Patentes do Centro de
Documentação e Informação Tecnológica do
INPI - CEDIN - o folheto com o relatório
descritivo e reivindicações (se for o caso) e
desenhos do pedido.
Recurso Contra o Indeferimento
Notificação de interposição de recurso ao
Presidente do INPI contra o indeferimento do
pedido de registro de desenho industrial,
objetivando o reexame da matéria. Desta data
corre o prazo de 60 (sessenta) dias para
apresentação de contra-razões por qualquer
interessado. Poderá ser requerida cópia do
recurso através do formulário modelo 1.05.
Outros Recursos
Notificação de interposição de recurso ao
Presidente do INPI contra a decisão proferida
pela DIRPA, objetivando o reexame da matéria.
Desta data corre o prazo de 60 (sessenta) dias
para apresentação de contra-razões por
qualquer interessado. Poderá ser requerida
cópia do recurso através do formulário modelo
1.05.
Concessão do Registro
Expedição do certificado de registro de
desenho industrial. O título acha-se à
disposição do interessado no setor competente
do INPI. Desta data corre o prazo de 5 (cinco)
anos
para
interposição
de
nulidade
administrativa por qualquer interessado (Art.
113 § 1º da LPI ). Se interposto o pedido de
nulidade no prazo de 60 (sessenta) dias
contados da data da concessão, os efeitos da
concessão do registro serão suspensos (Art.
113 § 2º).
40
Publicação do Parecer de Mérito
Notificação da emissão do parecer de mérito
conforme previsto no Art. 111 da LPI. O
interessado poderá requerer cópia do parecer
através do formulário Modelo 1.05.
41
Nulidade Administrativa
Notificação, ao titular da patente, de
instauração de processo administrativo de
nulidade. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual contestação do
titular (Art. 114 da LPI). Se interposto o pedido
de nulidade no prazo de 60 (sessenta) dias
contados da data da concessão, os efeitos da
concessão do registro serão suspensos (Art.
113 § 2º). Poderá ser requerida cópia do
42
Extinção - Art. 119 inciso I da LPI
Notificação da extinção do registro de desenho
industrial, pela expiração do prazo de vigência
de proteção legal ou da prorrogação.
43
Extinção - Art. 119 inciso II da LPI
Notificação da extinção do registro de desenho
industrial, pela homologação da renúncia
apresentada pelo seu titular. Homologada a
renúncia, o registro será considerado extinto na
data da apresentação da renúncia.
44
Extinção - Art. 119 inciso III da LPI
Notificação da extinção do registro de desenho
industrial pela falta de pagamento da
retribuição prevista nos Arts. 108 e 120 da LPI.
45
Extinção - Art. 119 inciso IV da LPI
Notificação da extinção do registro de desenho
industrial uma vez que após solicitação do INPI
o titular deixou de comprovar a obrigação
decorrente do Art. 217 da LPI.
46
Prorrogação
Prorrogada a vigência do certificado do
registro de desenho industrial por solicitação do
titular.
46.1
Exigência de comprovação de qüinqüênio
e/ou prorrogação – Arts. 120 e 108 da LPI
O Titular deverá apresentar a comprovação do
pagamento
de
qüinqüênio/prorrogação
recolhido dentro do prazo legal estabelecido.
Não cumprida a exigência no prazo de 60
(sessenta)
dias,
presumir-se-á
o
não
pagamento, acarretando a extinção do registro.
46.2
Exigência
de
complementação
de
qüinqüênio e/ou prorrogação – Art. 120 e
108 da LPI
O Titular deverá complementar, de acordo com
a tabela vigente na data da complementação o
recolhimento
do
qüinqüênio/prorrogação
especificado através do formulário modelo
1.07, acompanhado da guia de "cumprimento
de exigência" e da de “complementação”. O
não cumprimento no prazo de 60 (sessenta)
dias acarretará a extinção do registro.
46.3
Qüinqüênio/Prorrogação em exigência – Art.
120 e 108 da LPI.
Exigência referente ao pagamento de
qüinqüênio e/ou prorrogação. Desta data corre
o prazo de 60 (sessenta) dias para
cumprimento da exigência formulada sob pena
de extinção do registro ou desconsideração do
pagamento.
47
Petição Não Conhecida
Não conhecimento da petição apresentada em
virtude do disposto nos Arts. 218 ou 219 da
LPI.
48
Petição Sustada
Sustado o conhecimento da petição para
aguardar providências necessárias ao seu
conhecimento.
100
49
50
51
DIRTEC - Tabela de Códigos de Despachos de Pedidos e Registros de Desenhos Industriais
Perda de Prioridade
Perda da prioridade reivindicada por não
atender às disposições previstas no Art. 99 da
LPI.
Alteração de Classificação
Alterada a classificação do registro para melhor
adequação.
Numeração Anulada
Anulada a numeração do registro.
53
Notificação de Decisão Judicial
Notificação de decisão judicial referente ao
registro.
54
Devolução de Prazo Concedida
Notificação de devolução de prazo uma vez
que não foi possível ciência ao interessado
diretamente no processo. Desta data corre o
prazo adicional concedido no despacho. O
prazo será de 5 (cinco) dias, na hipótese do
Art. 103 da LPI e de, no mínimo 15 (quinze)
dias a, no máximo, o prazo legal dos atos
correspondentes nos demais casos. (Art. 221
da LPI e AN 129 item 8).
55
57
Renumeração
Alterada a numeração por ter sido numerado
indevidamente.
52
54.1
56
Devolução de Prazo Negada
Negada a solicitação de devolução de prazo
uma vez que não ficou comprovada a justa
causa conforme a definida no Art. 221 da LPI.
A cópia do parecer poderá ser solicitada
através do formulário 1.05. Desta data corre o
prazo de 60 (sessenta) dias para eventual
recurso do interessado.
Exigências Diversas
Formulada exigência para adequação ou
cumprimento de disposições legais no prazo de
60 (sessenta) dias desta data. Caso a
exigência não tenha sido explicitada no
despacho da RPI, o depositante/titular poderá
requerer cópia do parecer através do formulário
1.05.
Códigos para
Identificação de Dados
Bibliográficos
(INID)
(11)
Número do Registro
(15)
Data do Registro/Data da Prorrogação
(21)
Número do Pedido
Transferência Deferida
Notificação do deferimento da transferência
requerida. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
Transferência Indeferida
Notificação do indeferimento da transferência
requerida. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
58
Transferência em Exigência
Exigência referente ao pedido de transferência
requerida. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para cumprimento da exigência
formulada, sob pena de indeferimento da
transferência.
59
Alteração de Nome Deferida
Notificação do deferimento da alteração de
nome requerida. Desta data corre o prazo de
60 (sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
60
61
62
63
Alteração de Nome Indeferida
Notificação do indeferimento da alteração de
nome requerida. Desta data corre o prazo de
60 (sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
Alteração de Nome em Exigência
Exigência referente ao pedido de alteração
nome requerida. Desta data corre o prazo
60 (sessenta) dias para cumprimento
exigência
formulada,
sob
pena
indeferimento da alteração.
de
de
da
de
Alteração de Sede Deferida
Notificação do deferimento da alteração de
Sede requerida. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
(sessenta) dias para eventual recurso do
interessado.
64
65
Alteração de Sede em Exigência
Exigência referente ao pedido de alteração de
Sede requerida. Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para cumprimento da exigência
formulada, sob pena de indeferimento da
alteração.
Desistência Homologada
Homologada a desistência do pedido de
registro de desenho industrial, apresentada
pelo depositante. Pode ser adquirido no Banco
de Patentes do Centro de Documentação e
Informação Tecnológica do INPI - CEDIN - o
folheto com o relatório descritivo e
reivindicações (se for o caso) e desenhos do
pedido.
66
Anotação de Limitação ou Ônus
Notificação referente à anotação de limitação
ou ônus conforme indicado no complemento
70
Publicação Anulada
Anulada a publicação de qualquer um dos itens
anteriores por ter sido indevida.
71
Despacho Anulado
Anulação do despacho referente a qualquer um
dos itens anteriores por ter sido indevido.
72
Decisão Anulada
Anulação da decisão referente a qualquer um
dos itens anteriores por ter sido indevida.
73
Retificação
Retificação da publicação de qualquer um dos
itens anteriores por ter sido efetuada com
incorreção. Tal publicação não implica na
alteração da data da decisão ou despacho e
nos prazos decorrentes da mesma.
74
Republicação
Republicação da publicação de qualquer um
dos itens anteriores por ter sido indevida.
Alteração de Sede Indeferida
Notificação do indeferimento da alteração de
Sede requerida. Desta data corre o prazo de 60
(22)
Data do Depósito
(30)
Dados da Prioridade Unionista (data, país e
número)
(43)
Data de Publicação do Desenho Industrial
(antes de ser examinado)
(44)
Data de Publicação do Desenho Industrial
(depois de examinado, mas antes da
concessão do registro)
(45)
RPI 1951 de 27/05/2008
Data de Publicação do Desenho Industrial
(após concessão)
(52)
Classificação Nacional
(54)
Título
(71) Nome do Depositante
(72)
Nome do Autor
(73)
Nome do Titular
(74)
Nome do Procurador
(78)
Nome do Novo Titular no caso de Mudança
de Titular
Diretoria de Contratos de Tecnologia e Outros
Registros - DIRTEC
Índice Numérico Remissivo de Pedidos e Registros
de Desenho Industrial
RPI 1951 de 27/05/2008
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
5300280-6
5300281-4
5300594-5
5600674-8
5700760-8
5800155-7
5800364-9
5800473-4
5800491-2
5800492-0
5800493-9
5800503-0
5800512-9
5800530-7
5800581-1
5800582-0
5800620-6
5800641-9
5800699-0
5800760-1
5800761-0
5800790-3
5800881-0
5800882-9
5801101-3
5801130-7
5801131-5
5900054-6
5900327-8
5900453-3
5900483-5
5900590-4
5900591-2
5900618-8
5900735-4
5902881-5
6201489-7
46
46
46
47
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
46
39
149
149
150
151
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
150
151
151
151
151
103
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
6300228-0
6301922-1
6303233-3
6303234-1
6404566-8
6500791-3
6502758-2
6504809-1
6505260-9
6602086-7
6602552-4
6602812-4
6603556-2
6603615-1
6603693-3
6603711-5
6603756-5
6603764-6
6603878-2
6604191-0
6604328-0
6604380-8
6604566-5
6604587-8
6605181-9
6605271-8
6700026-6
6700213-7
6700214-5
6700273-0
6700274-9
6700465-2
6700523-3
6700545-4
6700552-7
6700567-5
6700568-3
71
39
40
40
47
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
PR
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
151
103
149
149
151
103
103
104
104
104
104
105
105
105
106
106
106
106
106
107
107
107
9
107
107
108
108
108
109
109
109
109
110
110
110
110
111
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
6700595-0
6700610-8
6700634-5
6700642-6
6700643-4
6700647-7
6700653-1
6700654-0
6700655-8
6700750-3
6700751-1
6700753-8
6700852-6
6700867-4
6700920-4
6700928-0
6700947-6
6700990-5
6701000-8
6701001-6
6701002-4
6701202-7
6701243-4
6701302-3
6701827-0
6701971-4
6702190-5
6702196-4
6702198-0
6702229-4
6702293-6
6702339-8
6702442-4
6702596-0
6702693-1
6702868-3
6702932-9
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
PR
39
39
39
39
39
39
PR
39
39
39
39
39
39
54.1
39
39
39
39
34
47
39
111
112
113
113
113
113
114
114
114
114
115
115
115
116
116
9
116
116
117
117
117
117
9
118
118
119
119
119
119
151
120
120
120
120
149
151
121
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
6702970-1
6703066-1
6703112-9
6703114-5
6703139-0
6703185-4
6703234-6
6703235-4
6703249-4
6703251-6
6703324-5
6703325-3
6703326-1
6703327-0
6703337-7
6703506-0
6703582-5
6703633-3
6703652-0
6703682-1
6703691-0
6703693-7
6703697-0
6703757-7
6703759-3
6703812-3
6703861-1
6703862-0
6703863-8
6703864-6
6703865-4
6703866-2
6703868-9
6703884-0
6703887-5
6703895-6
6703896-4
39
39
39
39
39
34
39
39
39
39
34
34
34
34
39
34
39
39
39
39
39
39
34
39
39
41
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
121
121
121
122
122
149
122
123
123
123
149
149
149
149
123
149
123
124
124
124
125
125
149
126
126
149
127
127
127
127
128
128
128
128
129
129
130
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
6703943-0
6703998-7
6704000-4
6704001-2
6704002-0
6704003-9
6704004-7
6704006-3
6704010-1
6704011-0
6704012-8
6704013-6
6704014-4
6704017-9
6704018-7
6704019-5
6704020-9
6704023-3
6704024-1
6704025-0
6704026-8
6704027-6
6704028-4
6704029-2
6704030-6
6704031-4
6704036-5
6704037-3
6704039-0
6704042-0
6704044-6
6704052-7
6704053-5
6704054-3
6704055-1
6704076-4
6704077-2
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
34
34
34
34
39
39
130
131
131
131
131
132
132
132
132
133
133
133
133
134
134
134
135
135
135
135
136
136
136
137
137
137
137
138
138
138
138
149
149
149
149
139
139
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
DI
6704078-0
6704079-9
6704080-2
6704081-0
6704082-9
6704084-5
6704085-3
6704086-1
6704094-2
6704101-9
6704103-5
6704104-3
6704106-0
6704107-8
6704110-8
6704115-9
6704116-7
6704117-5
6704118-3
6704119-1
6704120-5
6704121-3
6704122-1
6704132-9
6704253-8
6704254-6
6704277-5
6704278-3
6704287-2
6704288-0
6704289-9
6704302-0
6704389-5
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
39
34
39
39
39
39
39
39
39
39
39
34
39
39
39
39
34
34
34
39
34
139
139
139
140
140
140
140
141
141
141
142
142
143
149
143
144
144
144
144
145
145
145
145
149
146
146
146
146
149
149
149
147
149
102
DIRPA - Índice Numérico Remissivo de Pedidos e Registros de Desenho Industrial
RPI 1951 de 27/05/2008
Diretoria de Contratos de Tecnologia e Outros
Registros - DIRTEC
Publicação de Desenhos Industriais
RPI 1951 de 27/05/2008
39
CONCESSÃO DO REGISTRO
(11) DI 6201489-7 (22) 07/06/2002
39
(15) 27/05/2008
(43) 06/05/2003
(51) 09-01.T 0274, 09-01.B 0440
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A RECIPIENTE
(73) Deltaven, S.A. (VE)
(72) Eduardo R. Aldrey R., Rodrigo A. Machado I.
(74) Bhering Advogados
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 07/06/2002, observadas as
condições legais.
(11) DI 6301922-1 (22) 20/06/2003
39
(15) 27/05/2008
(30) 23/12/2002 US 29/173.248
(45) 27/05/2008
(51) 08-03.C 0576
(54) CORTADOR DE VEGETAÇÃO
(73) Black & Decker Inc. (US)
(72) Weston J. Van, Richard P. Rosa, Sean David Wilkinson, David S. Strong, Ted
Andrew Kimball, Phillip T. Cassidy, Marta J. Acuña
(74) Nellie Anne Daniel Shores
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 20/06/2003, observadas as
condições legais.
(11) DI 6500791-3 (22) 15/03/2005
39
(15) 27/05/2008
(30) 15/09/2004 US 29/213.291
(45) 27/05/2008
(51) 08-06.P 0534, 08-06.P 0536
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MAÇANETA
(73) Newfrey LLC (US)
(72) Angie L. Kosasih
(74) Nellie Anne Daniel Shores
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 15/03/2005, observadas as
condições legais.
(11) DI 6502758-2 (22) 18/03/2005
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 23-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM TAMPO DE PIA
(73) Jesus Moura (BR/SP)
(72) Jesus Moura
(74) Definitiva Assessoria da Propriedade Industrial S/C Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 18/03/2005, observadas as
condições legais.
104
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6504809-1 (22) 01/12/2005
39
(15) 27/05/2008
(30) 22/09/2005 US 11/233.502; 14/11/2005 US 29/242.645
(45) 27/05/2008
(51) 09-03.B 0299
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM EMBALAGEM
(73) GENERAL MILLS MARKENTING, INC. (US)
(72) Ali El-Afandi
(74) Cavalcanti e Cavalcanti Advogados
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 01/12/2005, observadas as
condições legais.
(11) DI 6505260-9 (22) 22/08/2005
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-03
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM EMBALAGEM PARA COSMÉTICOS E
OUTROS PRODUTOS
(73) 6 Fortes - Comércio de Cosméticos Ltda ME (BR/SP)
(72) Tiago da Silva Farias
(74) Ferraro e Faccioli Advs. Associados
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 22/08/2005, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6602086-7 (22) 10/03/2006
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(51) 12-15.S 0157
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PNEUMÁTICO
(73) Société de Technologies Michelin (FR) , Michelin Recherche Et Technique S.A.
(CH)
(72) Sylvie Lhospitalier
(74) Momsen, Leonardos & Cia
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 10/03/2006, observadas as
condições legais.
(11) DI 6602552-4 (22) 24/07/2006
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 03-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SACOLA
(73) Acessori Moreiras Ltda - Me (BR/DF)
(72) Maria Claudia Moreira
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 24/07/2006, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6602812-4 (22) 07/08/2006
39
(15) 03/04/2007
(45) 03/04/2007
(52)(BR) 07-01
(54) CONFIGURAÇÃO ORNAMENTAL APLICADA EM GARRAFA TÉRMICA.
(73) Soprano Eletrometalurgica e Hidraulica Ltda (BR/RS)
(72) Adelino Miotti
(74) Capella & Veloso Advogados Associados OAB/RS 57.357
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 07/08/2006, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 105
(11) DI 6603556-2 (22) 31/08/2006
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 21-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CACHORRO DE PELUCIA
(73) Roberto Xavier Costa (BR/SP)
(72) Roberto Xavier Costa
(74) Silva & Guimarães Marcas e Patentes Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 31/08/2006, observadas as
condições legais.
(11) DI 6603615-1 (22) 05/10/2006
39
(15) 27/05/2008
(30) 05/04/2006 IT RA20060000006
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 23-01
(54) "CONFIGURAÇÃO APLICADA EM TORNEIRA
(73) Electrolux Home Products Corporation N.V. (BE)
(72) Luciano Cesa
(74) Dannemann Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 05/10/2006, observadas as
condições legais.
106
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6603693-3 (22) 09/10/2006
39
(15) 27/05/2008
(30) 07/04/2006 EM 000509823-0001; 07/04/2006 EM 000509823-0002
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 07-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A UMA MÁQUINA ELÉTRICA PARA
PREPARAÇÃO DE CAFÉ
(73) Saeco IPR Limited (IE)
(72) Tonelli, Stefano
(74) Magnus Aspeby e Claudio Szabas
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 09/10/2006, observadas as
condições legais.
(11) DI 6603711-5 (22) 10/10/2006
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 25-01, 25-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A PERFIL
(73) Antonio Benedito Cardoso (BR/SP)
(72) Antonio Benedito Cardoso
(74) Di Blasi, Parente, S. G. & Associados
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 10/10/2006, observadas as
condições legais.
(11) DI 6603756-5 (22) 09/10/2006
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-05, 15-99
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM ESTEIRA TRANSPORTADORA DE CAIXAS
E EMBALAGENS
(73) Ivanete Terezinha Matte (BR/SC)
(72) Ivanete Terezinha Matte
(74) Paulo José Lunkes
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 09/10/2006, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6603764-6 (22) 13/10/2006
39
(15) 27/05/2008
(30) 12/04/2006 EP 000512017-0001
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 23-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A UM DISPOSITIVO DE FILTRAÇÃO
(73) Diasys Europe Limited (GB)
(72) Richard Banfield Hicks
(74) Flávia Salim Lopes
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 13/10/2006, observadas as
condições legais.
(11) DI 6603878-2 (22) 04/10/2006
39
(15) 27/05/2008
(43) 29/01/2008
(52)(BR) 07-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A CABO DE PANELA
(73) La Termoplastic - F.B.M. S.r.l. (IT)
(72) Marco Munari
(74) Advocacia Pietro Ariboni S/C
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 04/10/2006, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6604191-0 (22) 17/11/2006
39
(15) 27/05/2008
(30) 18/05/2006 US 29/260,052
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SOLA DE CALÇADO
(73) Wolverine World Wide, Inc (US)
(72) Deborah H. Andersen, Martin W. F. Dean, Grant A. Urie
(74) Dannemann , Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 17/11/2006, observadas as
condições legais.
(11) DI 6604328-0 (22) 01/11/2006
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(51) 02-06.D 0212
(54) "CONFIGURAÇÃO APLICADA EM LUVAS PARA NATAÇÃO"
(73) Amir Klen (BR/CE)
(72) Amir Klen
(74) Milton Gomes Monteiro
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 01/11/2006, observadas as
condições legais.
(11) DI 6604380-8 (22) 23/11/2006
39
(15) 27/05/2008
(30) 23/05/2006 US 29/246,983
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 14-02, 19-08
(54) PADRÃO ORNAMENTAL APLICADA A INTERFACE GRÁFICA
(73) Microsoft Corporation (US)
(72) Maria M. Cameron
(74) Di Blasi, Parente, S. G. & Associados
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 23/11/2006, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 107
(11) DI 6604587-8 (22) 22/11/2006
39
(15) 27/05/2008
(30) 22/05/2006 US 29/246,941
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 14-02, 19-03
(54) PADRÃO ORNAMENTAL APLICADO A INTERFACE GRÁFICA
(73) Microsoft Corporation (US)
(72) Nerea Armendariz
(74) Di Blasi, Parente , S. G. & Associados
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 22/11/2006, observadas as
condições legais.
(11) DI 6605181-9 (22) 22/12/2006
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM LATA COM TAMPA E VARIANTES
CONFIGURATIVAS
(73) Companhia Metalúrgica Prada (BR/SP)
(72) Edmur Gregório da Silva
(74) Sul América Marcas e Patentes Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 22/12/2006, observadas as
condições legais.
108
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6605271-8 (22) 09/06/2006
39
(15) 27/05/2008
(43) 29/01/2008
(52)(BR) 08-08
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A CLIPE
(73) Jose A. de La Fuente (MX) , Carlos A. Hoefken (US) , Mike Don Harper (US)
(72) Jose A. de La Fuente, Mike Don Harper, Carlos A. Hoefken
(74) Cristina Zamarion Carretoni
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 09/06/2006, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700026-6 (22) 09/01/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 11/07/2006 EM 000558440
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 08-03
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CORPO DE CORTE
(73) Ahwi Maschinenbau GMBH (DE)
(72) Artur Willibald, Dannemann , Siemsen, Bigler & Ipanema Moreira
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 09/01/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700213-7 (22) 01/02/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 10-06
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A PLACA INDICATIVA.
(73) José Lúcio Lira (BR/MA)
(72) José Lúcio Lira
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 01/02/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6700214-5 (22) 01/02/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 10-06
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A PLACA INFORMATIVA.
(73) José Lúcio Lira (BR/MA)
(72) José Lúcio Lira
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 01/02/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700273-0 (22) 17/01/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 03-01
(54) CONFIGURAÇÃO ORNAMENTAL APLICADA EM PORTA OBJETOS
(73) Marco Antonio Claro Pereira (BR/SP)
(72) Marco Antonio Claro Pereira
(74) José Carlos Ferreira
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 17/01/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 109
(11) DI 6700274-9 (22) 17/01/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 03-01
(54) CONFIGURAÇÃO ORNAMENTAL APLICADA EM PORTA DOCUMENTOS
(73) Marco Antonio Claro Pereira (BR/SP)
(72) Marco Antonio Claro Pereira
(74) José Carlos Ferreira
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 17/01/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700465-2 (22) 12/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 13/09/2006 TR 20064083
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A PÁRA-CHOQUE PARA VEÍCULOS
MOTORIZADOS
(73) FORD OTOMOTIV SANAYI ANONIM SIRKETI (TR)
(72) ENGIN OKVURAN
(74) ORLANDO DE SOUZA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 12/03/2007, observadas as
condições legais.
110
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6700523-3 (22) 28/02/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 31/08/2006 US 29/248752
(45) 27/05/2008
(51) 23-02.C 0946
(54) ASSENTO E TAMPO PARA VASO SANITÁRIO.
(73) Kohler CO. (US)
(72) Brian M. Kaule
(74) Momsen, Leonardos & Cia
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 28/02/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700545-4 (22) 02/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 15-01
(54) CÂMARA DÁGUA DO COLETOR PARA VEÍCULOS AUTOMOTORES
NACIONAIS E IMPORTADOS
(73) MANOEL PORFÍRIO SALES (BR/CE)
(72) MANOEL PORFÍRIO SALES
(74) ISABEL SOLANGE FERREIRA DE CASTRO
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 02/03/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6700552-7 (22) 02/02/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-03
(54) CONFIGURAÇÃO ORNAMENTAL APLICADA EM MESA
(73) Soc. Benef. Israelita Bras. Hospital Albert Einstein (BR/SP)
(72) Aline de Carvalho Pereira Gonzaga, Carolina Becker Bueno de Abreu, Júnia
Jorge Rjeille Cordeiro, Nivia R. Pires Palomaro
(74) Somos Marcas e Patentes Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 02/02/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700567-5 (22) 13/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-04
(54) CONFIGURAÇÃO ESTÉTICA APLICADA MÓVEL DO GUARDA-ROUPAS
(73) MOVAL MÓVEIS ARAPONGAS LTDA (BR/PR)
(72) JOÃO SEQUEIRA CARDOSO E OLIVEIRA, JOÃO CARLOS MARTINS CAVA
(74) SUL AMÉRICA MARCAS E PATENTES LTDA.
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 13/03/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6700568-3 (22) 13/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-04
(54) CONFIGURAÇÃO ESTÉTICA APLICADA MÓVEL DO GUARDA ROUPAS
(73) MOVAL MÓVEIS ARAPONGAS LTDA (BR/PR)
(72) JOÃO SEQUEIRA CARDOSO E OLIVEIRA, JOÃO CARLOS MARTINS CAVA
(74) SUL AMÉRICA MARCAS E PATENTES LTDA.
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 13/03/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700595-0 (22) 08/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 08/09/2006 US 60/843,119
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 24-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A DISPOSITIVO TERAPÊUTICO
(73) THE PROCTER & GAMBLE COMPANY (US)
(72) MARY ELAINE FREELAND
(74) VIEIRA DE MELLO ADVOGADOS
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/03/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 111
112
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6700610-8 (22) 15/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 15/09/2006 US 29/249021
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM RECIPIENTE
(73) COLGATE-PALMOLIVE COMPANY (US)
(72) JEFFREY MAYERS, BRUCE CUMMINGS
(74) MOMSEN, LEONARDOS & CIA.
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 15/03/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6700634-5 (22) 26/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-03
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM EMBALAGEM
(73) SADIA S.A. (BR/SC)
(72) LIZA LARGMANN FRENKIEL
(74) DANNEMANN, SIEMSEN, BIGLER & IPANEMA MOREIRA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 26/03/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700642-6 (22) 26/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM FRANCO
(73) MARCELO RODRIGUES TEIXEIRA (BR/PR)
(72) MARCELO RODRIGUES TEIXEIRA
(74) LONDON MARCAS & PATENTES S/S LTDA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 26/03/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 113
(11) DI 6700643-4 (22) 26/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM FRASCO
(73) MARCELO RODRIGUES TEIXEIRA (BR/PR)
(72) MARCELO RODRIGUES TEIXEIRA
(74) LONDON MARCAS & PATENTES S/S LTDA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 26/03/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700647-7 (22) 27/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 27/09/2006 GB 3026067
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 24-01, 24-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM DISPOSITIVO PARA TESTE DE FLUIDO
CORPORAL
(73) INVERNESS MEDICAL SWITZERLAND GMBH (CH)
(72) PAUL LAVERACK
(74) NELLIE ANNE DANIEL-SHORES
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/03/2007, observadas as
condições legais.
114
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6700653-1 (22) 27/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 28/09/2006 IT MO2006O000011
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 15-09
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM FORNO PARA MATERIAL CERÂMICO.
(73) SACMI FORNI S.P.A. (IT)
(72) GIUSEPPE PIFFERI
(74) AGUIAR & COMPANHIA LTDA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/03/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700654-0 (22) 27/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 27/09/2006 GB 3026067
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 24-01, 24-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM DISPOSITIVO PARA TESTE DE FLUIDO
CORPORAL
(73) INVERNESS MEDICAL SWITZERLAND GMBH (CH)
(72) PAUL LAVERACK
(74) NELLIE ANNE DANIEL-SHORES
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/03/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6700655-8 (22) 27/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 27/09/2006 GB 3026067
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 24-01, 24-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM DISPOSITIVO PARA TESTE DE FLUIDO
CORPORAL
(73) INVERNESS MEDICAL SWITZERLAND GMBH (CH)
(72) PAUL LAVERACK
(74) NELLIE ANNE DANIEL-SHORES
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/03/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700750-3 (22) 27/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 27/09/2006 GB 3026067
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 24-01, 24-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM DISPOSITIVO PARA TESTE DE FLUÍDO
CORPORAL
(73) INVERNESS MEDICAL SWITZERLAND GMBH (CH)
(72) PAUL LAVERACK
(74) NELLIE ANNE DANIEL-SHORES
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/03/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6700751-1 (22) 27/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 24-01, 24-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM DISPOSITIVO PARA TESTE DE FLUÍDO
CORPORAL
(73) INVERNESS MEDICAL SWITZERLAND GMBH (CH)
(72) PAUL LAVERACK
(74) NELLIE ANNE DANIEL-SHORES
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/03/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700753-8 (22) 27/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 27/09/2006 GB 3026067
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 24-01, 24-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM DISPOSITIVO PARA TESTE DE FLUÍDO
CORPORAL
(73) INVERNESS MEDICAL SWITZERLAND GMBH (CH)
(72) PAUL LAVERACK
(74) NELLIE ANNE DANIEL-SHORES
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/03/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 115
(11) DI 6700852-6 (22) 28/02/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM FRASCO
(73) Bombril Mercosul S.A (BR/SP)
(72) Mario Letterino Tadeu Stavale
(74) Artur Francisco Schaal
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 28/02/2007, observadas as
condições legais.
116
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6700867-4 (22) 29/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 29/09/2006 JP 2006-026438
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 26-06
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM UMA LANTERNA TRASEIRA PARA
MOTONETA
(73) HONDA MOTOR CO., LTD. (JP)
(72) HARUO SHIMADA, YOSHITAKA KUBOTA, MAURIZIO CARBONARA
(74) DANNEMANN, SIEMSEN, BIGLER & IPANEMA MOREIRA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 29/03/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700920-4 (22) 05/04/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 06/10/2006 JP 2006-027165
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-11
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PARTE DE SUPORTE DE COBERTURA
INFERIOR PARA MOTOCICLETA
(73) HONDA MOTOR CO., LTD. (JP)
(72) KEI FUKUYAMA, YUJI WATANUKI
(74) DANNEMANN, SIEMSEN, BIGLER & IPANEMA MOREIRA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 05/04/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6700947-6 (22) 30/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PARA-CHOQUE FRONTAL
(73) RENATO BOFF (BR/RS)
(72) RENATO BOFF
(74) MARPA CONS. E ASSES. EMPRESARIAL LTDA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 30/03/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6700990-5 (22) 23/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 15-09
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MÁQUINA PARA LIXAMENTO DE BORDAS
(73) DOACIR ANTONIO LONGO (BR/SC)
(72) DOACIR ANTONIO LONGO
(74) PAULO JOSÉ LUNKES
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 23/03/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6701000-8 (22) 06/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 28/12/2006 AR 76165
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 24-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM RECIPIENTE PARA GESSO DE USO
ODONTOLÓGICO
(73) JORGE OMAR RODRIGUEZ (AR)
(72) JORGE OMAR RODRIGUEZ
(74) EDEMAR S. ANTONINI
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 06/03/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6701001-6 (22) 06/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 28/12/2006 AR 76164
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 24-02
(54) ARTICULADOR DENTAL
(73) JORGE OMAR RODRIGUEZ (AR)
(72) JORGE OMAR RODRIGUEZ
(74) EDEMAR S. ANTONINI
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 06/03/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 117
(11) DI 6701002-4 (22) 06/03/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 28/12/2006 AR 76163
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 24-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM RECIPIENTE PARA MODELO DE
DENTADURA EM GESSO DE USO ODONTOLÓGICO
(73) JORGE OMAR RODRIGUEZ (AR)
(72) JORGE OMAR RODRIGUEZ
(74) EDEMAR S. ANTONINI
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 06/03/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6701202-7 (22) 25/04/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-05
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A UM DISPOSITIVO DE ELEVAÇÃO
(73) HARRY H. ARZOUMAN (US)
(72) HARRY H. ARZOUMAN
(74) ORLANDO DE SOUZA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/04/2007, observadas as
condições legais.
118
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6701302-3 (22) 14/05/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 14/11/2006 US 29/268,835; 14/11/2006 US 29/268,846
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-03
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA À EMBALAGEM PARA LUVAS
(73) THE IAMS COMPANY (US)
(72) SHELLIE JEAN PORTER, DAVID WILLIAM SCHULLER, CRAIG MERILLAT
RASMUSSEN, NORMAN HENRY TILIKKA, ANTHONY PIAZZA
(74) VIEIRA DE MELLO ADVOGADOS
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 14/05/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6701827-0 (22) 09/04/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 15-01, 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM ALÇA ARTICULADA DE SUSTENTAÇÂO
PARA SUPORTES MULTIDIRECIONAIS
(73) Indústria e Comércio de Auto Peças Rei Ltda (BR/SP)
(72) Silvio José Carneiro Constâncio
(74) Marcas Marcantes e Patentes Ltda.
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 09/04/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6701971-4 (22) 14/06/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 21/12/2006 US 29/275,360
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 28-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A EMGALAGEM
(73) MARY KAY, INC. (US)
(72) TIMOTHY MADDY
(74) DANNEMANN, SIEMSEN, BIGLER & IPANEMA MOREIRA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 14/06/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6702190-5 (22) 11/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 19/01/2007 US 29/271,460
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-15
(54) PADRÃO ORNAMENTAL DE RELEVO APLICADO EM COSTADO DE
PNEUMÁTICO
(73) THE GOODYEAR TIRE & RUBBER COMPANY (US)
(72) JONATHAN JAMES SHONDEL
(74) ISABELLA CARDOZO
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 11/07/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 119
(11) DI 6702196-4 (22) 11/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 29/01/2007 US 29/271,878
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-15
(54) PADRÃO ORNAMENTAL DE RELEVO APLICADO EM COSTADO DE
PNEUMÁTICO
(73) THE GOODYEAR TIRE & RUBBER COMPANY (US)
(72) DALE EDWARD UMSTOT, MAX HAROLD DIXON
(74) ISABELLA CARDOZO
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 11/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6702198-0 (22) 17/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-15
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PNEUMÁTICO
(73) SOCIÉTÉ DE TECHNOLOGIE MICHELIN (FR) , MICHELIN RECHERCHE ET
TECHNIQUE S.A. (CH)
(72) ANDRÉ FRANCISS DA SILVA PEREIRA, CELSO DE OLIVEIRA CHAVES,
PATRICE BONHOMME
(74) MOMSEN, LEONARDOS & CIA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 17/07/2007, observadas as
condições legais.
120
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6702293-6 (22) 27/06/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 27/12/2006 EM 645015
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM FRASCO PARA PERFUME
(73) RITUEL DE VITALITÉ S.A.R.L. (TN)
(72) PIERO REINERIO
(74) DANNEMANN, SIEMSEN, BIGLER & IPANEMA MOREIRA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/06/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6702339-8 (22) 25/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-01
(54) FRASCO
(73) HYPERMARCAS S.A (BR/GO)
(72) MÁRIO LETTERINO TADEU STAVALE
(74) NELLIE ANNE DANIEL-CHORES
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/07/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6702442-4 (22) 01/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 01/02/2007 US 29/276,675
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-07
(54) FECHAMENTO DE RECIPIENTE
(73) JOHNSONDIVERSEY, INC. (US)
(72) TYSON WEBSTER, M. RINLEY DEEDS, JAMES W. LIVINGSTON, ANDY
SWAIN, DAVID HOLDEN, KENNETH J. BIRD
(74) NELLIE ANNE DANIEL-SHORES
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 01/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6702596-0 (22) 28/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 02/03/2007 US 29/273,367
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-15
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PNEUMÁTICO
(73) THE GOODYEAR TIRE & RUBBER COMPANY (US)
(72) JOHN FLEMING BRAINERD II, BRIAN DAVID DIGMAN, DELWYN LOVELL
HARVEY, ERIC MATTHEW LUECKE, LISA MARIE MISSIK-GAFFNEY, TIMOTHY
MICHAEL ROONEY, DINGHONG YAN
(74) NELLIE ANNE DANIEL-SHORES
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 28/08/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6702932-9 (22) 05/10/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 06/04/2007 JP 2007-009130
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 26-06
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A FAROL DIANTEIRO PARA MOTOCICLETAS
(73) HONDA MOTOR CO., LTD. (JP)
(72) TOKUMARU WATANABE, TAKASHI ARAI
(74) DANNEMANN, SIEMSEN, BIGLER & IPANEMA MOREIRA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 05/10/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 121
(11) DI 6703066-1 (22) 20/09/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 23/03/2007 EM 000694096-0001
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-03
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A EMBALAGEM
(73) RECKITT BENCKISER INC. (US)
(72) CHRISTOPHER BRIAN KING, PAWEL RUDZINSKI, SEBASTIÃO GULARTE,
PATRICK DEROUALT, FREDERIC MOREUX, BEATRIZ BORGES NEVES,
VIKTORIA VARI
(74) DI BLASI, PARENTE, S. G. & ASSOCIADOS
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 20/09/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6702970-1 (22) 05/10/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-04
(54) ENGRADADO PARA GARRAFAS
(73) PLASTICOS NOVEL DO NORDESTE S/A (BR/BA)
(72) LIVIA MARIA ROLIM DE OLIVEIRA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 05/10/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703112-9 (22) 22/10/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 20/04/2007 EM 000711569-0001; 20/04/2007 EM 000711569-0002
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 13-03
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A DISPOSITIVO DE COMUTAÇÃO SEM FIO
(73) SCHNEIDER ELECTRIC INDUSTRIES SAS (FR)
(72) JEAN DECOSSE
(74) DANNEMANN, SIEMSEN, BIGLER & IPANEMA MOREIRA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 22/10/2007, observadas as
condições legais.
122
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6703139-0 (22) 23/10/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 23/04/2007 DE 407021183
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 04-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A ESCOVA DE DENTE
(73) BRAUN GMBH (DE)
(72) TILMANN WINKLER
(74) VIEIRA DE MELLO ADVOGADOS
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 23/10/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703114-5 (22) 19/10/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 19/04/2007 US 29/285,982; 11/10/2007 US 29/295,987
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A UM CHINELO
(73) STUART KALINSKY (US)
(72) STUART KALINSKY
(74) ORLANDO DE SOUZA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 19/10/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703234-6 (22) 22/05/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-11
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MOTOCICLETA
(73) Dafra da Amazônia Industria e Comércio de Motocicleta (BR/AM)
(72) Haroldo Carlos Barroso
(74) Cruzeiro/NewMarc Marcas e Patentes Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 22/05/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6703235-4 (22) 22/05/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-11
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MOTOCICLETA
(73) Dafra da Amazônia Industria e Comércio de Motocicleta (BR/AM)
(72) Haroldo Carlos Barroso
(74) Cruzeiro/NewMarc Marcas e Patentes Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 22/05/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703249-4 (22) 31/05/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-11
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MOTOCICLETA
(73) Dafra da Amazônia Industria e Comércio de Motocicletas Ltda (BR/AM)
(72) Haroldo Carlos Barroso
(74) Cruzeiro/NewMarc Patentes e Marcas Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 31/05/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703251-6 (22) 31/05/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-11
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MOTOCICLETA.
(73) Dafra da Amazônia Industria e Comércio de Motocicletas Ltda (BR/AM)
(72) Haroldo Carlos Barroso
(74) Cruzeiro/NewMarc Marcas e Patentes Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 31/05/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 123
(11) DI 6703337-7 (22) 25/10/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-08
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A CARROCERIA DE AUTOMÓVEL
(73) PEUGEOT CITROËN AUTOMOBILES S.A. (FR)
(72) JEAN-PIERRE PLOUÉ
(74) FRÓES, LUNA & ADVOGADOS
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/10/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703582-5 (22) 12/11/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 99-00
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM URNA
(73) VALE VERDE INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE URNAS LTDA (BR/RJ)
(72) ALFREDO AGOSTINHO
(74) VILAGE MARCAS & PATENTES S/S LTDA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 12/11/2007, observadas as
condições legais.
124
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6703682-1 (22) 23/11/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MÓVEL
(73) BENNO SCHOERPF (BR/RS)
(72) BENNO SCHOERPF
(74) REGINA MAGRO POLETTO
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 23/11/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703633-3 (22) 19/11/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 18/05/2007 EM 000728225
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 14-02
(54) DISPOSITIVO DE TRANSMISSÃO DE DADOS
(73) BRITISH SKY BROADCASTING LIMITED (GB)
(72) RALF EISFELDT, ANDREW WONG, NAT JARVIS
(74) NELLIE ANNE DANIEL-SHORES
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 19/11/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703652-0 (22) 19/11/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 17/05/2007 US 29/286,740
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PARTE SUPERIOR DE UM CALÇADO
(73) WOLVERINE WORLD WIDE, INC. (US)
(72) JULIE ST-LOUIS, MANON BELLEY, MARTIN W.F. DEAN
(74) DANNEMANN, SIEMSEN, BIGLER & IPANEMA MOREIRA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 19/11/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 125
(11) DI 6703693-7 (22) 26/11/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 07-99
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM BANDEJA
(73) JANIO FLAVIO GALVÃO (BR/SP)
(72) JANIO FLAVIO GALVÃO
(74) VILAGE MARCAS & PATENTES S/S LTDA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 26/11/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703691-0 (22) 26/11/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 15-03
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MÁQUINA DE CORTAR GRAMA
(73) MICHEL PATRICK POLITY (BR/SP)
(72) MICHEL PATRICK POLITY
(74) VILAGE MARCAS & PATENTES S/S LTDA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 26/11/2007, observadas as
condições legais.
126
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6703757-7 (22) 26/11/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A EMBALAGEM
(73) MERCUR S/A (BR/RS)
(72) JORGE HOELZEL NETO
(74) GUERRA ADV.
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 26/11/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703759-3 (22) 04/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-09
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SUPORTE PARA CESTOS DE LIXO
(73) Adalberto Esteves Relvas (BR/SP)
(72) Adalberto Esteves Relvas
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 04/07/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6703861-1 (22) 27/06/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM RODA DE AUTOMÓVEL
(73) Ford Motor Company Brasil Ltda. (BR/SP)
(72) João Marcos de Oliveira Ramos
(74) Alexandre Fukuda Yamashita
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/06/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703862-0 (22) 27/06/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PAINEL TRASEIRO INTERNO DE
AUTOMÓVEL
(73) Ford Motor Company Brasil Ltda. (BR/SP)
(72) João Marcos de Oliveira Ramos
(74) Alexandre Fukuda Yamashita
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/06/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 127
(11) DI 6703863-8 (22) 27/06/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PÁRA-CHOQUE DIANTEIRO DE
AUTOMÓVEL
(73) Ford Motor Company Brasil Ltda (BR/SP)
(72) João Marcos de Oliveira Ramos
(74) Alexandre Fukuda Yamashita
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/06/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703864-6 (22) 27/06/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM TAMPA DIANTEIRA DE AUTOMÓVEL
(73) Ford Motor Company Brasil Ltda. (BR/SP)
(72) João Marcos de Oliveira Ramos
(74) Alexandre Fukuda Yamashita
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/06/2007, observadas as
condições legais.
128
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6703865-4 (22) 27/06/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-08
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM VEÍCULO
(73) Ford Motor Company Brasil Ltda. (BR/SP)
(72) João Marcos de Oliveira Ramos
(74) Alexandre Fukuda Yamashita
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/06/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703866-2 (22) 27/06/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PÁRA-LAMA DIANTEIRO DE AUTOMÓVEL
(73) Ford Motor Company Brasil Ltda (BR/SP)
(72) João Marcos de Oliveira Ramos
(74) Alexandre Fukuda Yamashita
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/06/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6703868-9 (22) 27/06/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 14-99
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SUPORTE DE PAREDE OU TETO PARA
TELEVISÃO DE PLASMA
(73) Multivisão Indústria e Comércio LTDA. (BR/SP)
(72) Nelson Luiz Barbosa
(74) David Do Nascimento Advogados Associados S/C
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/06/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703884-0 (22) 16/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 19-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CAPA PARA CADERNOS
(73) Sergio Vecchi (BR/SP) , Flávio Alberto Nastás (BR/SP)
(72) Sergio Vecchi
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 16/08/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 129
(11) DI 6703895-6 (22) 15/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-03
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MESA
(73) Maria Candida Amaral Lolato Tabet (BR/SP)
(72) Maria Candida Amaral Lolato Tabet
(74) Cruzeiro/NewMarc Patentes e Marcas Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 15/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703887-5 (22) 16/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-03
(54) CONFIGURAÇAO APLICADA EM MESA
(73) Pizant Yeginerian (BR/SP)
(72) Pizant Yeginerian
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 16/08/2007, observadas as
condições legais.
130
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6703896-4 (22) 14/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CALÇADO
(73) Miguel Angelo Balduino (BR/SP)
(72) Miguel Angelo Balduino
(74) Beerre Assessoria Empresarial LTDA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 14/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6703943-0 (22) 24/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-11
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA A BICICLETA
(73) Vitor Guilherme Lorenzetti (BR/SP)
(72) Vitor Guilherme Lorenzetti
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 24/08/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 131
(11) DI 6703998-7 (22) 24/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SOFÁ
(73) Euromobile Interiores S/A (BR/SP)
(72) Paulo Celso Cardoso Bacchi
(74) Tinoco Soares & Filho Ltda.
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 24/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704001-2 (22) 25/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 15/02/2007 US 29/277,143
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM RECIPIENTE PARA BEBIDAS
(73) Ball Corporation (US)
(72) Thomas W. Fry, Roderick Tettero
(74) City Patentes e Marcas Ltda. - Api 593
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704000-4 (22) 25/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM POLTRONA
(73) Euromobile Interiores S/A (BR/SP)
(72) Paulo Celso Cardoso Bacchi
(74) Tinoco Soares & Filho Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704002-0 (22) 25/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CALÇADO
(73) Reebok International Limited (GB)
(72) Edson Wasem
(74) David do Nascimento Advogados Associados S/C
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/07/2007, observadas as
condições legais.
132
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6704003-9 (22) 25/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CALÇADO
(73) Reebok International Limited (GB)
(72) Edson Wasem
(74) David do Nascimento Advogados Associados S/C
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704004-7 (22) 25/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CALÇADO
(73) Reebok International Limited (GB)
(72) Edson Wasem
(74) David do Nascimento Advogados S/C
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/07/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704006-3 (22) 26/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM ESTANTE
(73) EUROMOBILE INTERIORES LTDA (BR/SP)
(72) PAULO CELSO CARDOSO BACCHI
(74) TINOCO SOARES & FILHO LTDA
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 26/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704010-1 (22) 25/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-07, 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM FIVELA PARA CALÇADO
(73) Fernando Luis Mello (BR/SP)
(72) Fernando Luis Mello
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/07/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704011-0 (22) 25/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SOLADO PARA CALÇADO
(73) Jose Ricardo da Silva Felice (BR/SP)
(72) José Ricardo da Silva Felice
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704012-8 (22) 25/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SOLADO PARA CALÇADO
(73) Jose Ricardo da Silva Felice (BR/SP)
(72) José Ricardo da Silva Felice
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/07/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 133
(11) DI 6704013-6 (22) 25/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SOLADO PARA CALÇADO
(73) Luis Gustavo de Lima e Silva (BR/SP)
(72) Luis Gustavo de Lima e Silva
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704014-4 (22) 25/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM FRASCO
(73) Vanessa Giolo Magrin (BR/SP)
(72) Vanessa Giolo Magrin
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 25/07/2007, observadas as
condições legais.
134
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704017-9 (22) 13/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 25/01/2007 KR 30-2007-0003490
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 23-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM APARELHO DE AR CONDICIONADO
(73) Lg Electronics Inc. (KR)
(72) Tae Il Kim, Sang Yoon Lee, Kang Eui Cho, Jung Joo Yoo, In Hyeuk Choi, Seon
Kyu Kim, Tae Hyun Sung
(74) Tinoco Soares & Filho ltda.
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 13/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704019-5 (22) 16/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-07
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM TAMPA VEDANTE PARA VASILHAMES OU
SIMILARES
(73) Waldir Aulicino (BR/SP)
(72) Waldir Aulicino
(74) José Sidney Valério
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 16/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704018-7 (22) 13/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 25/01/2007 KR 30-2007-0003427
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 19-08
(54) PADRÃO ORNAMENTAL APLICADO A APARELHOS ELÉTRICOS
(73) Lg Electronics Inc. (KR)
(72) Tae Il Kim, Sang Yoon Lee, Kang Eui Cho, Jung Joo Yoo, In Hyeuk Choi, Jae
Wong Jeong, Seon Kyu Kim, Tae Hyun Sung
(74) Tinoco Soares & Filho Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 13/07/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704020-9 (22) 17/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(30) 25/01/2007 KR 30-2007-0003424
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 23-04
(54) PADRÃO ORNAMENTAL APLICADO A APARELHO DE AR CONDICIONADO
(73) Lg Electronics Inc. (KR)
(72) Tae Il Kim, Sang Yoon Lee, Kang Eui Cho, Jung Joo Yoo, In Hyeuk Choi, Seon
Kyu Kim, Tae Hyun Sung
(74) Tinoco Soares & Filho Ltda.
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 17/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704023-3 (22) 18/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CADEIRA
(73) Euromobile Interiores S/A (BR/SP)
(72) Paulo Celso Cardoso Bacchi
(74) Tinoco Soares & Filho Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 18/07/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 135
(11) DI 6704024-1 (22) 18/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM POLTRONA
(73) Euromobile Interiores S/A (BR/SP)
(72) Paulo Celso Cardoso Bacchi
(74) Tinoco Soares & Filho Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 18/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704025-0 (22) 18/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-03, 09-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SUPORTE PARA GARRAFÃO
(73) Jose Aurelio de Sena (BR/SP)
(72) José Aurélio de Sena
(74) Mari Alba Perito
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 18/07/2007, observadas as
condições legais.
136
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6704026-8 (22) 18/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SOLADO PARA CALÇADO
(73) Sinomar Menezes do Amaral Franca ME. (BR/SP)
(72) Sinomar Menezes do Amaral
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 18/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704027-6 (22) 18/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SOLADO PARA CALÇADO
(73) Jose Ricardo da Silva Felice (BR/SP)
(72) Jose Ricardo da Silva Felice
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 18/07/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704028-4 (22) 18/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-07
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM ANEL HIGIÊNICO
(73) Antonio Albano Gardelino (BR/SP)
(72) Antonio Albano Gardelino
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 18/07/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704029-2 (22) 18/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM FRASCO
(73) Vanessa Giolo Magrin (BR/SP)
(72) Vanessa Giolo Magrin
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 18/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704030-6 (22) 18/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM BERÇO CROMO
(73) Heloisa Machado Meyer de Azevedo (BR/SP)
(72) Heloisa Machado Meyer de Azevedo
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 18/07/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 137
(11) DI 6704031-4 (22) 20/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-06, 06-08
(54) CABIDEIRO
(73) Celso Dias do Nascimento (BR/SP)
(72) Celso Dias do Nascimento
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 20/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704036-5 (22) 20/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 26-05
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM LUMINARIA
(73) Fernando Frank Cabral (BR/SP)
(72) Fernando Frank Cabral
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 20/07/2007, observadas as
condições legais.
138
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6704037-3 (22) 20/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-11, 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CARCAÇA DE ESPELHO RETROVISOR
PARA MOTOCICLETAS
(73) Marcos Eduardo (BR/SP)
(72) Marcos Eduardo
(74) Tinoco Soares & Filho Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 20/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704039-0 (22) 20/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 20-03
(54) CONFIGURAÇÃO ORNAMENTAL APLICADA A PAINÉL PUBLICITÁRIO
DUPLO.
(73) José Oliveira Sobrinho (BR/SP)
(72) José Oliveira Sobrinho
(74) Sérgio Salvador Fumo
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 20/07/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704042-0 (22) 27/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-11, 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM BAÚ PARA MOTOCICLETA
(73) Maurício Elias Danhessi (BR/SP)
(72) Maurício Elias Danhessi
(74) Interação Marcas e Patentes S/C Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/07/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704044-6 (22) 27/07/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CALÇADO
(73) Reebok International Limited (GB)
(72) Edson Wasem
(74) David Do Nascimento Advogados Associados S/C
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/07/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704076-4 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PÁRA- CHOQUE AUTOMOTIVO
(73) Fiat Group Automobiles (IT)
(72) Peter Jakob Fassbender
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704077-2 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MOLDURA PARA PÁRA- LAMA
AUTOMOTIVO
(73) Fiat Group Automobiles (IT)
(72) Peter Jakob Fassbender
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 139
(11) DI 6704078-0 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MOLDURA PARA PÁRA- LAMA
AUTOMOTIVO
(73) Fiat Group Automobiles (IT)
(72) Peter Jakob Fassbender
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704079-9 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 26-06
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM LANTERNA AUTOMOTIVA
(73) Fiat Group Automobiles (IT)
(72) Peter Jakob Fassbender
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704080-2 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MOLDURA PARA PORTA AUTOMOTIVA
(73) Fiat Group Automobiles (IT)
(72) Peter Jakob Fassbender
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
140
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6704081-0 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MOLDURA PARA PÁRA- LAMA
AUTOMOTIVO
(73) Fiat Group Automobiles (IT)
(72) Peter Jakob Fassbender
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704084-5 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM BAGAGEIRO AUTOMOTIVO
(73) Fiat Group Automobiles (IT)
(72) Peter Jakob Fassbender
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704085-3 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 26-06
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM LANTERNA AUTOMOTIVA
(73) Fiat Group Automobiles (IT)
(72) Peter Jakob Fassbender
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704082-9 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 26-06
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM LANTERNA AUTOMOTIVA
(73) Fiat Group Automobiles (IT)
(72) Peter Jakob Fassbender
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704086-1 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-16
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM BAGAGEIRO AUTOMOTIVO
(73) Fiat Group Automobiles (IT)
(72) Peter Jakob Fassbender
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704094-2 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 12-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CARRINHO PARA TRANSPORTE DE
PRODUTOS
(73) LEVI GIRARDI (BR/SP)
(72) Valter Kuba
(74) Clovis Silveira
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 141
(11) DI 6704101-9 (22) 30/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 23-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PIA
(73) Cícero Higino de Carvalho (BR/SP)
(72) Cícero Higino de Carvalho
(74) Ana Paula Barbosa Nahes
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 30/08/2007, observadas as
condições legais.
142
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704103-5 (22) 30/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-09
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADAEM RESPIRO´PARA COLCHÃO
(73) Carmus Gonçalves de Oliveira Epp (BR/SP)
(72) Carmus Gonçalves de Oliveira
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 30/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704104-3 (22) 30/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-09
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM RESPIRO PARA COLCHÃO
(73) Carmus Gonçalves de Oliveira Epp (BR/SP)
(72) Carmus Gonçalves de Oliveira
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda.
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 30/08/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 143
(11) DI 6704106-0 (22) 28/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM DIVÃ
(73) Diogenys Marcelo Carandina (BR/PR)
(72) Diogenys Marcelo Carandina
(74) Manoel Paixão do Nascimento
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 28/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704110-8 (22) 28/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM SANDÁLIA
(73) Ana Luiza Raineri de Almeida (BR/SP)
(72) Ana Luiza Raineri de Almeida
(74) Manoel Paixão do Nascimento
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 28/08/2007, observadas as
condições legais.
144
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704115-9 (22) 28/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 07-04, 31-00
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM BATEDOR
(73) Grupo Seb do Brasil Produtos Domésticos Ltda. (BR/SP)
(72) Jose Carlos Veneziano, Angelo Wagner Merlo
(74) Cruzeiro/NewMarc Patentes e Marcas Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 28/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704117-5 (22) 27/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-03
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM MESA
(73) Giulio Frascari (BR/SP)
(72) Giulio Frascari
(74) Silvia Helena Tavares Cadeville
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704116-7 (22) 27/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 06-01
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM CADEIRA
(73) Giulio Frascari (BR/SP)
(72) Giulio Frascari
(74) Silvia Helena Tavares Cadeville
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704118-3 (22) 27/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-01, 21-03
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM BRINDE COM FORMATO DE BOTIJÃO DE
GÁS
(73) Higigas Comercio Atacadista de Produtos Descartaveis Ltda (BR/SP)
(72) Daniela Bianchi Avenoso
(74) Beerre Assessoria Empresarial Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/08/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704119-1 (22) 27/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 25-01, 25-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PERFIL DE BATENTES
(73) Wilson Antonio Guerreiro (BR/SP)
(72) Wilson Antonio Guerreiro
(74) Ednea Casagrande Pinheiro
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704120-5 (22) 27/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 07-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM ALÇA
(73) Kboplast Industria e Comercio de Cabos e Acessorios p/ Panelas Ltda (BR/SP)
(72) Elisia Maria da Siva
(74) Logos Marcas e Patentes S/S Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 27/08/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 145
(11) DI 6704121-3 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 02-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PLANILHA ACOLCHOADA
(73) Nacional Calçados Ltda Epp (BR/SP)
(72) Anderson Grespi Marcondes
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704122-1 (22) 08/08/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 08-05
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM PISTOLA PARA AEROSSÓIS
(73) Gabriel Eduardo Kaminsky (BR/SP)
(72) Gabriel Eduardo Kaminsky
(74) Difusão Marcas e Patentes Ltda
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 08/08/2007, observadas as
condições legais.
146
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais
(11) DI 6704253-8 (22) 11/09/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM LATA
(73) Brasilata S.A Embalagens Metálicas (BR/SP)
(72) Antonio Carlos Teixeira Alvares, Antonio Roberto Sene
(74) Antonio Mauricio Pedras Aranaud
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 11/09/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704277-5 (22) 14/09/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 23-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM VENTILADOR DE TETO COM LUMINÁRIA
(73) Luigi Fernando Milone (BR/RJ)
(72) Luiz Augusto Indio da Costa
(74) Rita de Cassia Brunner
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 14/09/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704278-3 (22) 14/09/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 23-04
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM VENTILADOR DE TETO COM LUMINÁRIA
(73) Luigi Fernando Milone (BR/RJ)
(72) Luiz Augusto Índio da Costa
(74) Rita de Cassia Brunner
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 14/09/2007, observadas as
condições legais.
(11) DI 6704254-6 (22) 11/09/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 09-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM LATA
(73) Brasilata S.A Embalagens Metálicas (BR/SP)
(72) Antonio Carlos Teixeira Alvares, Antonio Roberto Sene
(74) Antonio Mauricio Pedras Arnaud
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 11/09/2007, observadas as
condições legais.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 6704302-0 (22) 21/09/2007
39
(15) 27/05/2008
(45) 27/05/2008
(52)(BR) 15-02
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM COMPRESSOR.
(73) Whirlpool Sa (BR/SP)
(72) Emerson Moreira
(74) Antônio Maurício Pedras Arnaud
Prazo de validade: 10 (dez) anos contados a partir de 21/09/2007, observadas as
condições legais.
DIRTEC - Publicação de Desenhos Industriais 147
Diretoria de Contratos de Tecnologia e Outros
Registros - DIRTEC
Despachos Relativos a Pedidos e Registros de
Desenho Industrial
RPI 1951 de 27/05/2008
34
EXIGÊNCIA - ART. 106
PARÁG.3º DA LPI
(21) DI 6702693-1 (22) 02/02/2007 34
(71) NOVA ORDEM COMÉRCIO E
REPRESENTAÇÃO DE ARTIGOS DE
VESTUÁRIO LTDA. (BR/RJ)
(74) ARARIPE & ASSOCIADOS
- Cancelar a nova figura 1 apresentada. Reapresentar a figura com perfeita
definição da superfície (sem os
elementos em relevo irregular, sem
forma definida)
(21) DI 6703185-4 (22) 23/07/2007 34
(71) BRASCEN BRASIL CENTRAL
ALIMENTOS LTDA. (BR/GO)
(74) AUREOLINO PINTO DAS NEVES
- O título da reivindicação não é o
mesmo do relatório. - Mudar o título do
pedido para: "Configuração Aplicada em
Pote Multi-uso", e harmonizar o pedido
com o novo título.
(21) DI 6703324-5 (22) 28/06/2007 34
(71) MRM - IMPORTAÇÃO E
COMÉRCIO DE MOTOS LTDA (BR/SP)
(74) BARBOSA, MÜSSNICH & ARAGÃO
ADVOGADOS
- Cancelar as novas figuras de 1 a 6. Reapresentar as figuras ilustrando
nsomente o objeto, em fundo
absolutamente neutro (como na figura 7),
e sem revelar as inscrições nominativas
e numéricas referentes à marca.
(21) DI 6703325-3 (22) 28/06/2007 34
(71) MRM - IMPORTAÇÃO E
COMÉRCIO DE MOTOS LTDA (BR/SP)
(74) BARBOSA, MÜSSNICH & ARAGÃO
ADVOGADOS
- Cancelar as novas figuras
apresentadas. - Reapresentar as figuras
ilustrando somente o objeto, em fundo
absolutamente neutro, sem revelar as
inscrições nominativas e numéricas
referentes à marca. As novas figuras
deverão apresentar maior luminosidade
de moso que os detalhes da
configuração do objeto fiquem
perfeitamente nítidos.
(21) DI 6703326-1 (22) 28/06/2007 34
(71) MRM - IMPORTAÇÃO E
COMÉRCIO DE MOTOS LTDA (BR/SP)
(74) BARBOSA, MÜSSNICH & ARAGÃO
ADVOGADOS
-Mudar o título para: "Configuração
Aplicada em Motoneta". - Cancelar a
nova figura 3. - Reapresentar a figura
com maior nitidez. - Apresentar Vista
Superior do objeto.
(21) DI 6703327-0 (22) 28/06/2007 34
(71) MRM - IMPORTAÇÃO E
COMÉRCIO DE MOTOS LTDA (BR/SP)
(74) BARBOSA, MÜSSNICH & ARAGÃO
ADVOGADOS
- Cancelar as novas figuras
apresentadas. - Reapresentar as figuras
ilustrando somente o objeto, em fundo
absolutamente neutro, sem revelar
inscrições nominativas referentes à
marca.
(21) DI 6703506-0 (22) 05/11/2007 34
(71) MAKEPLASTIC INDÚSTRIA E
COMÉRCIO DE EMBALAGENS
PLÁSTICAS LTDA (BR/PR)
(74) PACHECO E ADVOGADOS
ASSOCIADOS
- Cancelar a figura 2. - Reapresentar a
figura 2 sem as linhas de eixo. - Cancelar
a figura 3. - Reapresentar a figura 3 com
traços contínuos e regulares sem linhas
serrilhadas. - Cancelar a figura 4. Reapresentar a figura 4 como vista
lateral e não em como vista em corte.
(21) DI 6703697-0 (22) 23/11/2007 34
(71) NÉLIO DE FREITAS VELASQUE
(BR/PR)
(74) MARCELO HENRIQUE ZANONI
No relatório fazer a correção figura12 é
uma vista em perspectiva (fl 12/12)
(21) DI 6704052-7 (22) 27/07/2007 34
(71) Artezerse Marchelli Faria (BR/SP)
(74) Solução Comercial Assessoria Ltda
- Cancelar as figuras. - Reapresentar as
figuras ilustrando o objeto com traços
regulares, contínuos e uniformes e com
alta resolução gráfica. · As exigências
técnicas deverão ser respondidas
através do formulário de petição de
Desenho Industrial, formulário 1.07; · As
exigências técnicas que acarretarem em
apresentação de novas figuras deverão
conter 6 vias dos desenhos e duas vias
da petição preenchida.
(21) DI 6704053-5 (22) 27/07/2007 34
(71) Artezerse Marchelli Faria (BR/SP)
(74) Solução Comercial Assessoria Ltda
- Cancelar as figuras. - Reapresentar as
figuras ilustrando o objeto com traços
regulares, contínuos e uniformes e com
alta resolução gráfica. · As exigências
técnicas deverão ser respondidas
através do formulário de petição de
Desenho Industrial, formulário 1.07; · As
exigências técnicas que acarretarem em
apresentação de novas figuras deverão
conter 6 vias dos desenhos e duas vias
da petição preenchida.
(21) DI 6704054-3 (22) 27/07/2007 34
(71) Artezerse Marchelli Faria (BR/SP)
(74) Solução Comercial Assessoria Ltda
- Cancelar as figuras. - Reapresentar as
figuras ilustrando o objeto com traços
regulares, contínuos e uniformes e com
alta resolução gráfica. · As exigências
técnicas deverão ser respondidas
através do formulário de petição de
Desenho Industrial, formulário 1.07; · As
exigências técnicas que acarretarem em
apresentação de novas figuras deverão
conter 6 vias dos desenhos e duas vias
da petição preenchida.
(21) DI 6704055-1 (22) 27/07/2007 34
(71) Artezerse Marchelli Faria (BR/SP)
(74) Solução Comercial Assessoria Ltda.
- Cancelar as figuras. - Reapresentar as
figuras ilustrando o objeto com traços
regulares, contínuos e uniformes e com
alta resolução gráfica. · As exigências
técnicas deverão ser respondidas
através do formulário de petição de
Desenho Industrial, formulário 1.07; · As
exigências técnicas que acarretarem em
apresentação de novas figuras deverão
conter 6 vias dos desenhos e duas vias
da petição preenchida.
(21) DI 6704107-8 (22) 28/08/2007 34
(71) Wanderley Vaz de Lima (BR/PR)
(74) Dimensão Marcas Patentes
- No relatório substituir "peça idêntica" ( 6
), por "peça idêntica" (7) (linha 4 da fl2/2.
conter 6 vias dos desenhos e duas vias
da petição preenchida.
40
PUBLICAÇÃO DO
PARECER DE MÉRITO
(11) DI 6303233-3 (15) 02/12/2003 40
(73) SIDNEI EVARISTO MAZOCCO
(BR/SP)
(74) Paulo Euzébio
NÃO FORAM ENCONTRADAS
ANTERIORIDADES.
(21) DI 6704132-9 (22) 04/12/2007 34
(71) ACRILEX TINTAS ESPECIAIS S.A.
(BR/SP)
(74) AGUINALDO MOREIRA
- No relatório substituir Figura 42 por
Figura 43 (linha 17 da fl 4/6) - No
relatório substituir a característica (16)
por (16a) (linha 23 da fl 5/6).
(11) DI 6303234-1 (15) 02/12/2003 40
(73) SIDNEI EVARISTO MAZOCCO
(BR/SP)
(74) Paulo Euzébio
NÃO FORAM ENCONTRADAS
ANTERIORIDADES.
(21) DI 6704287-2 (22) 10/10/2007 34
(71) BRASIL & MOVIMENTO S/A
(BR/SP)
(74) ATEM & REMER ASSES. CONSUL.
PROP. INT. LTDA.
- Cancelar as figuras. - Reapresentar as
figuras ilustrando o objeto com traços
regulares e uniformes sem linhas
serrilhadas, com melhor resolução
gráfica.
41
NULIDADE
ADMINISTRATIVA
(21) DI 6704288-0 (22) 10/10/2007 34
(71) BRASIL & MOVIMENTO S/A
(BR/SP)
(74) ATEM & REMER ASSES. CONSUL.
PROP. INT. LTDA.
- Cancelar as figuras. - Reapresentar as
figuras ilustrando o objeto com traços
regulares e uniformes sem linhas
serrilhadas, sem borrões e com melhor
resolução gráfica.
(21) DI 6704289-9 (22) 10/10/2007 34
(71) BRASIL & MOVIMENTO S/A
(BR/SP)
(74) ATEM & REMER ASSES. CONSUL.
PROP. INT. LTDA.
- Cancelar as figuras. - Reapresentar as
figuras ilustrando o objeto com traços
regulares e uniformes sem linhas
serrilhadas, e com melhor resolução
gráfica.
(21) DI 6704389-5 (22) 13/12/2007 34
(71) CSM INDUSTRIA DE FOGÕES
LTDA (BR/SC)
(74) CARLO ANDREAS DALCANALE
- Cancelar as figuras. - Reapresentar as
figuras ilustrando o objeto com traços
regulares, contínuos e uniformes sem
linhas serrilhadas. - Apresentar a vista
frontal corretamente. · As exigências
técnicas deverão ser respondidas
através do formulário de petição de
Desenho Industrial, formulário 1.07; · As
exigências técnicas que acarretarem em
apresentação de novas figuras deverão
(11) DI 6703812-3 (15) 20/05/2008 41
(73) Plásticos Juquitiba Indústria e
Comércio Ltda (BR/SP)
(74) David do Nascimento
Requerente: DIRTEC/INPI, de ofício
Nulidade instaurada em 05/05/2008,
ficando suspensos os efeitos da
concessão de acordo com o § 2º do
artigo 113 da Lei 9279/96.
46
PRORROGAÇÃO
(11) DI 5300280-6 (22) 25/03/1993 46
(15) 27/01/1998
(45) 27/01/1998
(52)(BR) 30.01
(54) Cobertura de válvula
(73) Minnesota Mining and
Manufacturing Company (US)
(72) Daniel A. Japuntich, David C.
Byram, James E. Steffen
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
Prorrogado de: 26/03/2008 até
25/03/2013.
(11) DI 5300281-4 (22) 25/03/1993 46
(15) 27/01/1998
(45) 27/01/1998
(52)(BR) 30.01
(54) Cobertura de válvula
(73) Minnesota Mining and
Manufacturing Company (US)
(72) Daniel A. Japuntich, David C.
Byram, John W. Bryant, Alan G. Kellett,
Richard A. Lees
(74) Momsen, Leonardos & CIA.
150
DIRTEC – Despachos Relativos a Pedidos e Registros de Desenho Industrial
Prorrogado de: 26/03/2008 até
25/03/2013.
(11) DI 5300594-5 (22) 31/05/1993 46
(15) 10/11/1998
(45) 10/11/1998
(52)(BR) 23.00
(54) Torneira de saída dupla
(73) Duratex S/A (BR/SP)
(72) Ana Lúcia de Lima Pontes Orlovitz
(74) Antonio Mauricio Pedras Arnaud
Prorrogado de: 01/06/2008 até
31/05/2013.
(11) DI 5700760-8 (22) 28/07/1997 46
(15) 14/10/1997
(45) 14/10/1997
(52)(BR) 8.14
(54) Garrafa.
(73) Smithkline Beecham p.l.c. (GB)
(72) Keith Marriage
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Prorrogado de 29/07/2007 até
28/07/2012.
(11) DI 5800155-7 (22) 05/02/1998 46
(15) 03/11/1998
(45) 03/11/1998
(52)(BR) 21.14, 4.99
(54) Configuração Aplicada em Cabo
Telescópico para Acessórios de Piscinas
(73) Sodramar Indústria e Comércio
Ltda. (BR/SP)
(72) José Antonio Montagnoli
(74) União Federal Marcas e Patentes
S/C Ltda.
Prorrogado de: 06/02/2008 até
05/02/2013.
(11) DI 5800364-9 (22) 12/03/1998 46
(15) 08/12/1998
(45) 08/12/1998
(52)(BR) 8.42
(54) "VÁLVULA ATOMIZADORA PARA
UM ATOMIZADOR BOMBEÁVEL
MANUALMENTE ATIVIDADE"
(73) CALMAR INC. (US)
(72) Ronald Wadsworth, Li Chen, Tanny
Li
(74) Franco, Bhering, Barbosa e Novaes
Prorrogado de: 13/03/2008 até
12/03/2013.
(11) DI 5800473-4 (22) 01/04/1998 46
(15) 02/02/1999
(45) 02/02/1999
(52)(BR) 7-14
(54) Pedestal para Misturador
(73) Koninklijke Philips Electronics N.V.
(NL)
(72) Patrizia Maria Leri Buccini
Prorrogado de: 02/04/2008 até
01/04/2013.
(11) DI 5800491-2 (22) 24/03/1998 46
(15) 29/06/1999
(45) 29/06/1999
(52)(BR) 2-14
(54) "Configuração Aplicada a Calçado"
(73) G. Comércio de Roupas Ltda
(BR/SP)
(72) Glória Maria Menezes de Alencar
Coelho
(74) Britânia Marcas e Patentes S/C Ltda
Prorrogado de: 09/04/2008 até
08/04/2013.
(11) DI 5800492-0 (22) 24/03/1998 46
(15) 06/07/1999
(45) 06/07/1999
(52)(BR) 2-17
(54) Configuração Aplicada a Solado
(73) G. Comércio de Roupas Ltda
(BR/SP)
(72) Glória Maria Menezes de Alencar
Coelho
(74) Britânia Marcas e Patentes S/C Ltda
Prorrogado de: 25/03/2008 até
24/03/2013.
(11) DI 5800493-9 (22) 24/03/1998 46
(15) 29/06/1999
(45) 29/06/1999
(52)(BR) 2-14
(54) Configuração Aplicada a Calçado"
(73) G. Comércio de Roupas Ltda
(BR/SP)
(72) Glória Maria Menezes de Alencar
Coelho
(74) Britânia Marcas e Patentes S/C Ltda
Prorrogado de: 25/03/2008 até
24/03/2013.
(11) DI 5800503-0 (22) 13/04/1998 46
(15) 30/11/1999
(45) 30/11/1999
(52)(BR) 11.27
(54) Silencioso
(73) Scania CV AB (SE)
(72) Hans Östman
Prorrogado de: 14/04/2008 até
13/04/2013.
(11) DI 5800512-9 (22) 14/04/1998 46
(15) 01/02/2000
(45) 01/02/2000
(52)(BR) 16.01
(54) ARMAÇÃO PARA SERROTE
(73) Kapman AB (SE)
(72) Oskar Juhlin
(74) Daniel & Cia
Prorrogado de: 15/04/2008 até
14/04/2013.
(11) DI 5800530-7 (22) 16/04/1998 46
(15) 24/11/1998
(45) 24/11/1998
(52)(BR) 8.20
(54) CONFIGURAÇÃO EM POTE.
(73) Oxyplas Indústria e Comércio Ltda.
(BR/SP)
(72) Luiz Carlos Visciane
(74) Remarca Reg. de Marcas e
Patentes S/C Ltda
Prorrogado de: 17/04/2008 até
16/04/2013.
(11) DI 5800581-1 (22) 23/03/1998 46
(15) 08/12/1998
(45) 08/12/1998
(52)(BR) 8.10
(54) "CONFIGURAÇÃO APLICADA A
FRASCO"
(73) Jaime Teixeira Drummond (BR/SP)
(72) Jaime Teixeira Drummond
(74) Servtrade-Serviço Internacional de
Marcas e Patentes S/C Ltda
Prorrogado de: 24/03/2008 até
23/03/2013.
(11) DI 5800582-0 (22) 23/03/1998 46
(15) 08/12/1998
(45) 08/12/1998
(52)(BR) 8.10
(54) "CONFIGURAÇÃO APLICADA A
FRASCO"
(73) Jaime Teixeira Drummond (BR/SP)
(72) Jaime Teixeira Drummond
(74) Servtrade-Serviço Internacional de
Marcas e Patentes S/C Ltda
Prorrogado de: 24/03/2008 até
23/03/2013.
(11) DI 5800620-6 (22) 09/03/1998 46
(15) 05/01/1999
(45) 05/01/1999
(52)(BR) 6-12
(54) Mesa
(73) GROSFILLEX SARL (FR)
(72) RAYMOND GROSFILLEX
(74) Francisco Carlos Rodrigues Silva
Prorrogado de: 10/03/2008 até
09/03/2013.
(11) DI 5800641-9 (22) 08/05/1998 46
(15) 02/02/1999
(45) 02/02/1999
(52)(BR) 9-01
(54) RELÓGIO
(73) BULGARI TIME (SWITZERLAND)
S.A. (CH)
(72) PAOLO BULGARI
(74) Dannemann ,Siemsen, Bigler &
Ipanema Moreira
Prorrogado de: 09/05/2008 até
08/05/2013.
(11) DI 5800699-0 (22) 12/05/1998 46
(15) 15/02/2000
(45) 15/02/2000
(52)(BR) 23.01
(54) Configuração aplicada à junta de
vedação
(73) Samuel Guzowski (CR)
(72) Samuel Guzowski
(74) Britânia Marcas e Patentes S/C Ltda
Prorrogado de: 27/02/2009 até
26/02/2014.
(11) DI 5800760-1 (22) 06/04/1998 46
(15) 27/08/2002
(45) 27/08/2002
(51) 09-03.E 0125
(54) Padrão ornamental aplicado a
embalagens
(73) Bauducco & Cia Ltda (BR/SP)
(72) Andrea Martini
(74) Zilda Maria de Campos
Prorrogado de: 07/04/2008 até
06/04/2013.
(11) DI 5800761-0 (22) 07/04/1998 46
(15) 06/07/1999
(45) 06/07/1999
(52)(BR) 13.03
(54) Configuração aplicada em borda
para alto-falante.
(73) BRAVOX S/A INDÚSTRIA E
COMÉRCIO ELETRÔNICO (BR/SP)
(72) Sérgio Paulo Saraiva Lino Pires
(74) Fortrade Brasil Marcas e Patentes
S/C LTDA.
Prorrogado de: 08/04/2008 até
07/04/2013.
(11) DI 5800790-3 (22) 08/04/1998 46
(15) 04/07/2000
(45) 04/07/2000
(52)(BR) 7.15
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM
BATEDEIRA.
(73) Britânia Eletrodomésticos S/A
(BR/PR)
(72) César Eduardo Isaacson Buffara
(74) PA Produtores Associados Marcas e
Patentes Ltda
Prorrogado de: 10/03/2008 até
09/03/2013.
(11) DI 5800881-0 (22) 29/05/1998 46
(15) 03/08/1999
(45) 03/08/1999
(52)(BR) 13.00
(54) Corpo de telefone celular
(73) Nokia Mobile Phones Limited (FI)
(72) Jouko Tattari
(74) Araripe & Assossiados
Prorrogado de: 30/05/2008 até
29/05/2013.
RPI 1951 de 27/05/2008
(11) DI 5801130-7 (22) 23/06/1998 46
(15) 18/01/2000
(45) 18/01/2000
(52)(BR) 15.11
(54) CONFIGURAÇÃO EM BOMBA
(73) Indústria de Motores Anauger Ltda.
(BR/SP)
(72) Aurélio Pastori
(74) Zilda Maria de Campos.
Prorrogado de: 24/06/2008 até
23/06/2013.
(11) DI 5801131-5 (22) 23/06/1998 46
(15) 18/01/2000
(45) 18/01/2000
(52)(BR) 15.11
(54) Configuração em dispositivo auxiliar
de sucção
(73) Indústria de Motores Anauger Ltda.
(BR/SP)
(72) Aurélio Pastori
(74) Zilda Maria de Campos.
Prorrogado de: 24/06/2008 até
23/06/2013.
(11) DI 5900054-6 (22) 15/01/1999 46
(15) 08/02/2000
(45) 08/02/2000
(52)(BR) 2.09
(54) Configuração aplicada a meias.
(73) Boaventura D' Angelo Neto (BR/SP)
(72) Boaventura D' Angelo Neto
(74) Picosse e Calabrese Advogados
Associados
Prorrogado de: 16/01/2009 até
15/01/2014.
(11) DI 5900327-8 (22) 09/03/1999 46
(15) 08/02/2000
(45) 08/02/2000
(52)(BR) 8.21
(54) Configuração aplicada em galão
quadrado com alça
(73) Rebica Indústria e Comércio Ltda
(BR/GO)
(72) José Alves Filho
(74) City Patentes e Marcas Ltda
Prorrogado de: 10/03/2009 até:
09/03/2014.
(11) DI 5900453-3 (22) 13/04/1999 46
(15) 21/09/1999
(45) 21/09/1999
(52)(BR) 7.14
(54) Liquidificador
(73) GRUPO SEB DO BRASIL
PRODUTOS DOMÉSTICOS LTDA
(BR/SP)
(72) Rinaldo Planca, José Carlos
Veneziano
(74) Cruzeiro Newmarc Patentes e
Marcas Ltda.
Prorrogado de: 14/04/2009 até
13/04/2014.
(11) DI 5800882-9 (22) 29/05/1998 46
(15) 03/08/1999
(45) 03/08/1999
(52)(BR) 13.00
(54) Telefone Celular
(73) Nokia Mobile Phones Limited (FI)
(72) Juoko Tattari, Pertti Salmi, Petteri
Kolinen
(74) Araripe & Assossiados
Prorrogado de: 30/05/2008 até
29/05/2013.
(11) DI 5900483-5 (22) 26/02/1999 46
(15) 29/10/2002
(45) 29/10/2002
(51) 10-06.S 0260, 20-03.P 0817
(54) BASE DE MONTAGEM PARA
SINALIZADORES LIMINOSOS E
SONOROS AUTOMOTIVOS
(73) Rontan Eletro Metalúrgica Ltda
(BR/SP)
(72) Antonio Carlos de Angelo
(74) Angela Aparecida de Cavalho
Prorrogado de: 27/02/2009 até
26/02/2014.
(11) DI 5801101-3 (22) 02/06/1998 46
(15) 27/07/1999
(45) 27/07/1999
(52)(BR) 23.03
(54) Configuração em assento de bacia
sanitária.
(73) Mebuki-Indústria, Comércio e
Exportação Ltda. (BR/SP)
(72) Mégumi Uemura
(74) Zilda Maria de Campos.
Prorrogado de: 03/06/2008 até
02/06/2013.
(11) DI 5900590-4 (22) 11/03/1999 46
(15) 26/10/1999
(45) 26/10/1999
(52)(BR) 7.14
(54) "Liquidificador."
(73) GRUPO SEB DO BRASIL
PRODUTOS DOMÉSTICOS LTDA
(BR/SP)
(72) Rinaldo Planca, José Carlos
Veneziano
(74) Cruzeiro Newmarc Patentes e
Marcas Ltda.
RPI 1951 de 27/05/2008
Prorrogado de: 12/03/2009 até:
11/03/2014.
(11) DI 5900591-2 (22) 11/03/1999 46
(15) 16/05/2000
(45) 16/05/2000
(52)(BR) 8.23
(54) "Configuração para embalagem."
(73) GRUPO SEB DO BRASIL
PRODUTOS DOMÉSTICOS LTDA
(BR/SP)
(72) Rinaldo Planca, José Carlos
Veneziano
(74) Cruzeiro Newmarc Patentes e
Marcas Ltda.
Prorrogado de: 12/03/2009 até:
11/03/2014.
(11) DI 5900618-8 (22) 26/03/1999 46
(15) 26/10/1999
(45) 26/10/1999
(52)(BR) 8.20
(54) Configuração em pote para
embalagem
(73) Oxyplas Indústria e Comércio Ltda.
(BR/SP)
(72) Luiz Carlos Visciane
(74) Remarca Reg. de Marcas e
Patentes S/C Ltda
Prorrogado de: 27/03/2009 até:
26/03/2014.
DIRTEC - Despachos Relativos a Pedidos e Registros de Desenho Industrial 151
(11) DI 5900735-4 (22) 20/04/1999 46
(15) 30/11/1999
(52)(BR) 7.13
(54) LIQUIDIFICADOR
(73) GRUPO SEB DO BRASIL
PRODUTOS DOMÉSTICOS LTDA
(BR/SP)
(72) Rinaldo Planca, José Carlos
Veneziano
(74) Cruzeiro Newmarc Patentes e
Marcas Ltda.
Prorrogado de: 21/04/2009 até
20/04/2014.
(11) DI 5902881-5 (22) 22/01/1999 46
(15) 19/06/2001
(45) 19/06/2001
(52)(BR) 26.99, 09-07.C 0145
(54) CONFIGURAÇÃO APLICADA EM
LACRE PARA BOTIJÃO DE GÁS
(73) AGIP DO BRASIL S.A. (BR/SP)
(72) Giuseppe D'Anna
(74) Francisco & Minatti S/C Ltda
Prorrogado de: 23/01/2009 até
22/01/2014.
47
PETIÇÃO NÃO
CONHECIDA
(11) DI 5600674-8 (22) 04/07/1996 47
(15) 11/11/1997
(73) Petiot Daniel (BR/SP)
(74) Miguel Consultores Associados Ltda
Ref. às Petições: SP 7432, 7433, 7434,
7435, 7436, 7437, 7438, de 03/05/2004,
em virtude do Art.219 Item II da LPI.
(11) DI 6404566-8 (22) 14/12/2004 47
(15) 29/03/2005
(71) TOMKI INDÚSTRIA E COMÉRCIO
LTDA (BR/RS)
(74) Marpa Cons. e Asses. Empres.
Ltda
Referente à Petição: RS 002405 de
24/06/2005. De acordo com art.219 Item
II da LPI.
(21) DI 6702868-3 (22) 03/09/2007 47
(71) MIRIAM DE FÁTIMA RODRIGUES
MAGALHÃES (BR/MG)
(74) ANTÔNIO FERNANDO DE
LACERDA
Referente à Petição: MG 014080001707
de 19/03/2008. De acordo com Art.218 II da LPI.
54.1
DEVOLUÇÃO DE PRAZO
NEGADA
(21) DI 6702229-4 (22) 02/05/2007
54.1
(71) VIP ITALIA INDÚSTRIA E
COMÉRCIO DE COSMÉTICOS LTDA
(BR/PR)
(74) ADILSON GABARDO
Referente a petição 020080064395 de
30/04/2008.
71
DESPACHO ANULADO
(11) DI 6300228-0 (22) 04/02/2003 71
(15) 29/04/2003
(71) Unilever N.V. (NL)
(74) Momsen, Leonardos & Cia
Referente ao Despacho de Cód.46
publicado na RPI 1949 de 13/05/2008,
por ter sido indevido.
152
DIRTEC – Despachos Relativos a Pedidos e Registros de Desenho Industrial
RPI 1951 de 27/05/2008
Diretoria de Transferência de
Tecnologia - DIRTEC
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRTEC
Contratos de Tecnologia e Licenças de Uso de
Marcas
Tabela de Códigos de Despachos
060
Cumpra a EXIGÊNCIA formulada EM
GRAU DE RECURSO, observando o
disposto no complemento.
130
Pedidos de Averbação de Contratos
Indeferidos
DIRTEC
Programas de Computador
Tabela de Códigos de Despachos
080
Publicação de pedido de Registro de
Programa de Computador.
Publicação de pedido de programa de
Computador, art. 3º da Lei 9609/98.
082
Pedido em exigência devido a
irregularidades.
Pedido em exigência, conforme artigos
3º, 4º e 5º. Suspensão do andamento do
Pedido do Registro, que, para instrução
regular, aguardará o atendimento ou
contestação das exigências formuladas.
Da data da notificação corre o prazo de
60 dias para o comprimento desta
exigência.
090
091
092
093
094
Deferimento de pedido de registro de
programa de computador.
Deferido o pedido de registro de
programa de computador com base na
lei 9609/98. Desta data corre o prazo de
60 (sessenta) dias para interposição de
recurso ao Presidente do INPI..
Alteração de Nome Deferida.
Notificação de deferimento de alteração
de nome. Desta data corre o prazo de
60 (sessenta) dias para eventuais
recursos de interessados.
185
210
Anulação de Publicações
350
Pedidos de Averbação de Contratos
Aprovados
RECURSO(S) INTERPOSTO(S) contra
decisão indicada.
800
Certificados de Averbação Cancelados
998
Pedidos de Licença Obrigatória para
Exploração de Patentes
999
Outros
272
RECURSO CONHECIDO, observando o
disposto no complemento.
290
Retificação de Publicações
095
Alteração de Razão Social em
Exigência.
Notificação de exigência referente ao
pedido de alteração de razão social
requerida. Desta data corre prazo de 60
(sessenta) dias para cumprimento da
exigência formulada, sob pena de
indeferimento da alteração.
096
097
098
099
Alteração de Nome em Exigência.
Notificação de exigência referente ao
pedido de alteração nome requerida.
Desta data corre prazo de 60 (sessenta)
dias para cumprimento da exigência
formulada, sob pena de indeferimento da
alteração.
100
Alteração de Nome Indeferida.
Notificação de indeferimento de
transferência de alteração de nome
requerida. Desta data corre o prazo de
60 (sessenta) dias para eventual
recurso do interessado.
101
Alteração de Razão Social Deferida.
Notificação de deferimento de alteração
de razão social requerida. Desta data
corre o prazo de 60 (sessenta) dias para
eventuais recursos de interessados.
295
Pedidos de Averbação de Contratos
Arquivados
102
Alteração de Razão Social Indeferida.
Notificação de indeferimento de
alteração de razão social requerida.
Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventuais recursos
dos interessados
Alteração de Endereço Deferida.
Notificação de deferimento de alteração
endereço requerida. Desta data corre o
prazo de 60 (sessenta) dias para
eventuais recursos de interessados.
Alteração de Endereço em Exigência.
Notificação de exigência referente ao
pedido de alteração endereço requerida.
Desta data corre prazo de 60 (sessenta)
dias para cumprimento da exigência
formulada, sob pena de indeferimento
da alteração.
Alteração de Endereço Indeferida.
Notificação de indeferimento de
alteração endereço requerida. Desta
data corre o prazo de 60 (sessenta) dias
para eventual recurso do interessado.
Transferência
de
Titularidade
Deferida.
Notificação de deferimento da
transferência de titularidade requerida.
Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventuais recursos
de interessados.
Transferência de Titularidade em
Exigência.
Notificação de exigência referente ao
pedido de transferência de titularidade
requerida. Desta data corre prazo de 60
(sessenta) dias para cumprimento da
exigência formulada, sob pena de
indeferimento da transferência.
Transferência de Titularidade Indeferida.
Notificação de indeferimento de
transferência de titularidade requerida.
Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para eventual recurso
do interessado.
104
Petição não conhecida.
Não conhecimento de petição por
insuficiência de fundamentação legal ou
se desacompanhada do comprovante
da respectiva retribuição do valor
vigente à data de sua apresentação.
105
Desistência de pedido de registro de
programa de computador homologada.
Homologada a desistência do pedido de
registro de programa de computador.
106
Renúncia ao registro de programa de
computador homologada.
Homologada a renúncia do registro de
programa de computador.
107
Renúncia ao sigilo da documentação
técnica homologada.
Notificação de renúncia ao sigilo da
documentação técnica.
108
Registro/pedido de registro sub-judice.
Notificação de procedimento judicial.
109
Anotação de limitação ou ônus.
Notificação referente à anotação de
limitação ou ônus, conforme indicado no
complemento.
110
Publicação Anulada.
Anulação da publicação referente a
qualquer um dos itens anteriores, por ter
sido indevida.
111
Despacho Anulado.
Anulação do despacho referente a
qualquer um dos itens anteriores, por ter
sido indevida.
112
Decisão Anulada.
Anulação da decisão referente a
qualquer um dos itens anteriores, por ter
sido indevida.
113
Retificação.
Retificação da publicação referente a
qualquer um dos itens anteriores, por ter
sido efetuada com incorreção. Tal
publicação não implica na alteração da
data da decisão ou despacho e nos
prazos decorrentes da mesma.
154
DIRTEC – Despachos Relativos a Pedidos e Registros de Desenho Industrial
114
Republicação.
Republicação da publicação referente a
qualquer um dos itens anteriores, por ter
sido indevida.
115
Recurso contra o deferimento
Notificação de interposição de recurso
ao presidente do INPI contra o
deferimento do pedido de registro de
programa de computador, objetivando o
reexame da documentação formal.
Desta data corre o prazo de 60
(sessenta) dias para a apresentação de
contra-razões pelo interessado. Poderá
ser requerida cópia do recurso utilizando
o formulário Folha de Petição Programa
de Computador.
120
CUMPRA A EXIGÊNCIA, observando
o disposto no complemento.
315
Recolha e/ou complemente a
RETRIBUIÇÃO devida, no exato valor
fixado na tabela de retribuições de
serviços, em vigor na data da
comprovação do cumprimento desta
exigência junto ao INPI, observando o
disposto no complemento. Recolha,
também, a retribuição estabelecida
para CUMPRIMENTO DE
EXIGÊNCIA.
325
390
395
ARQUIVADO o pedido de registro de
indicação geográfica, POR FALTA DE
CUMPRIMENTO/ RESPOSTA À
EXIGÊNCIA.
335
PUBLICADO o pedido de registro de
indicação geográfica. Inicia-se, nesta
data, o prazo de 60 (sessenta) dias
para manifestação de terceiros.
340
MANIFESTAÇÃO(ÕES) de
terceiros(s) indicado(s) no
complemento, face à publicação do
pedido de registro de indicação
geográfica.
373
DEFERIDO o pedido de registro de
indicação geográfica. Inicia-se,
nesta data, o prazo de 60 (sessenta)
dias para que o requerente comprove,
junto ao INPI, o recolhimento da
RETRIBUIÇÃO RELATIVA À
EXPEDIÇÃO DE CERTIFICADO DE
REGISTRO, no exato valor previsto
na tabela de custosde serviços
prestados pelo INPI, vigente à
época do recolhimento.
375
INDEFERIDO o pedido de registro de
indicação geográfica, observado o
disposto no complemento.
380
PEDIDO DE RECONSIDERAÇÃO
INTERPOSTO contra a decisão de
indeferimento do pedido de registro
de indicação geográfica.
385
PEDIDO DE RECONSIDERAÇÃO
CONHECIDO E PROVIDO.
DEFERIDO o pedido de registrode
indicação geográfica. Inicia-se, nesta
data, o prazo de 60 (sessenta) dias
para que o requerente comprove,
PEDIDO DE RECONSIDERAÇÃO
CONHECIDO. NEGADO
PROVIMENTO. MANTIDO O
INDEFERIMENTO do pedido de
registro de indicação geográfica,
tendo em vista o disposto no
complemento. ENCERRADA A
INSTÂNCIA ADMINISTRATIVA.
Comunicação de CONCESSÃO DE
REGISTRO de reconhecimento de
indicação eográfica. O certificado de
registro estará à disposição do Titular
na recepção do INPI, após 60
(sessenta) dias, a contar desta data.
Poderá, a pedido, ser remetido a
qualquer Delegacia/Representação do
INPI/MDIC.
405
Retificação da COMUNICAÇÃO DE
CONCESSÃO DE REGISTRO de
reconhecimento de indicação
geográfica, conforme indicado no
complemento. O certificado de
registroestará à disposição do Titular
na recepção do INPI, após 60
(sessenta) dias, a contar desta data.
Poderá, a pedido, ser remetido a
qualquer Delegacia/Representação do
INPI/MDIC.
410
NÃO CONHECIDA A PETIÇÃO
indicada, observando o disposto no
complemento.
412
Expedição do certificado de registro de
programa de computador. O título será
enviado ao titular ou ao seu procurador,
se for o caso.
Concessão do Registro.
junto ao INPI, o recolhimento da
RETRIBUIÇÃO RELATIVA À
EXPEDIÇÃO DE CERTIFICADO DE
REGISTRO, no exato valor previsto
na tabela de custos de serviços
prestados pelo INPI, vigente à
época do recolhimento.
DIRTEC
Tabela de Códigos de Despachos
INDICAÇÕES GEOGRÁFICAS
305
RPI 1951 de 27/05/2008
PREJUDICADA A PETIÇÃO
indicada.
413
ARQUIVADA A PETIÇÃO indicada.
414
INDEFERIDA A PETIÇÃO indicada.
415
ARQUIVADO o pedido de registro de
indicação geográfica, por
DESISTÊNCIA do requerente.
416
RECONHECIDO O OBSTÁCULO
ADMINISTRATIVO. DEVOLVIDO O
PRAZO, conforme requerido, que
começará a fluir a partir da data de
sua publicação na RPI, observando o
disposto no complemento.
420
HOMOLOGADA A DESISTÊNCIA
requerida, através da petição
indicada.
423
ANULADO(S) o(s) despacho(s)
abaixo indicado(s).
425
NOMEADO PERITO, para
saneamento de questões técnicas.
430
SOBRESTADO o exame do pedido
de registro de indicação geográfica,
observando o disposto no
complemento.
435
PEDIDO DE REGISTRO DE
INDICAÇÃO GEOGRÁFICA SUBJUDICE. NOTIFICAÇÃO DE
PROCEDIMENTO JUDICIAL,
observando o disposto no
complemento.
440
REGISTRO DE INDICAÇÃO
GEOGRÁFICA SUB-JUDICE,
NOTIFICAÇÃO DE PROCEDIMENTO
JUDICIAL, observando o disposto no
complemento.
445
DECIDIDO JUDICIALMENTE,
conforme indicado no complemento.
Diretoria de Contratos de Tecnologia e Outros
Registros - DIRTEC
Contratos de Tecnologia (EP, FT, SAT, FRA)
Licenças de Uso de Marca (UM)
RPI 1951 de 27/05/2008
Processo: 991032
350
Com Última Informação de: 15/04/2008
Certificado de Averbação: 991032/04
Cedente: KROSAKI HARIMA
CORPORATION
País da Cedente: JAPÃO
Cessionária: MAGNESITA
REFRATÁRIOS S/A, anteriormente
denominada RPAR Holding S/A,
incorporadora da empresa MAGNESITA
S/A e MAGNESITA SERVICE LTDA.
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
CERÂMICOS REFRATÁRIOS
CNPJ/CPF: 08.684.547/0001-65
Endereço da Cessionária: Praça Louis
Ensch nº 240 - Cidade Industrial Contagem - MG
Natureza do Documento: Aditivo nº 2 de
07/12/2004 ao Contrato de 22/07/1999 e
Aditivo nº 1 de 23/11/1999
Objeto: FT - Fabricação de
equipamentos para Tundish para
lingotamento contínuo, denominado
TECC - Alteração do item "Cessionária"
Moeda de Pagamento: IEN JAPONES
Valor: Pela Tecnologia - 4,0% (quatro
por cento) sobre as vendas líquidas
Prazo: De 24/11/2004 até 09/12/2009
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Processo: 010054
185
Cedente: DANA CORPORATION
Cessionária: GLACIER DO BRASIL
LTDA
Objeto: UM - Licença para uso de
marca.
Setor: Têmpera, cementação e
tratamento térmico do aço, serviços de
usinagem, galvanotécnica e solda
Processo: 010145
185
Cedente: TOTAL LUBRICANTS
INTERNATIONAL S.A.
Cessionária: TOLUBRA - TOTAL
LUBRIFICANTES DO BRASIL LTDA.
Objeto: UM - SAT - Fornecimentode
informações técnicas e treinamento
periódico (anual) para a fabricação,
comercialização e distribuição de óleos
combustíveis, graxas, lubrificantes e
outros derivados de petróleo, bem como
licença de marcas.
Setor: Fabricação de outros produtos
químicos não especificados ou nã
classificados.
Processo: 010223
185
Cedente: BRUSS
KUNSTSTOFFTECHNIK GMBH & CO.
Cessionária: INDÚSTRIA PLÁSTICA
RAMOS S/A
Objeto: FT - Produzir peças
denominada X S6E-AB(Tampa Plástica
para Cabeçote). A qual foi desenvolvida
pela Bruss Kunstoffechnik Gmbh & Co.
e pela Ford Engineerin Cologne. A
referida peça plástica será fabricada
pela Indústria Plástica Ramos S.A e
parte da sua produção distribuída para a
Ford do Brasil.
Setor: Fabricação de artefatos diversos
de plástico.
Processo: 010324
185
Cedente: NEW TRANSDUCERS
LIMITED
Cessionária: ELETRÔNICA SELENIUM
S/A
Objeto: Indefinido
Setor: Fabricação de aparelhos
receptores de rádio e televisão e de
reprodução, gravação ou amplificação
de som e vídeo.
Processo: 011005
185
Cedente: UNISYS CORPORATION
Cessionária:
UNISYS BRASIL LTDA
Objeto: FT - SAT - Fornecimento de
informações técnicas e dos técnicos do
software, conforme definido do contrato,
inclusive as informações obtidas
posteriormente à assinatura do contrato.
Prestação de assistência técnica.
Setor: Fabricação de computadores.
Processo: 011244
185
Cedente: TEKNA ELECTRICIDAD, S.L.
Cessionária: VISCOFAN DO BRASIL
SOCIEDADE COMERCIAL E
INDUSTRIAL LTDA
Objeto: SAT - Prestação de serviços de
assitência técnica para fabricação de
tripas celulósicas à indústria alimentícia
de embutidos.
Setor: Fabricação de outros artefatos de
pastas, papel, papelão, cartolina e
cartão.
Processo: 011440
185
Cedente: ALCATEL NA CABLE
SYSTEMS INC.
Cessionária: ALCATEL CABOS BRASIL
S/A
Objeto: FT - Transferência de tecnologia
para a fabricação de fibras ópticas e
cabos ópticos.
Setor: Fabricação de fios, cabos e
condutores elétricos isolados.
Processo: 020766
350
Com Última Informação de: 15/04/2008
Certificado de Averbação: 020766/02
Cedente: NIPPON ROTARY NOZZLE
CO., LTD.
País da Cedente: JAPÃO
Cessionária: MAGNESITA
REFRATÁRIOS S/A, anteriormente
denominada RPAR Holding S/A,
incorporadora da empresa Magnesita
S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
CERÂMICOS REFRATÁRIOS
CNPJ/CPF: 08.684.547/0001-65
Endereço da Cessionária: Praça Louis
Ensch nº 240 - Cidade Industrial Contagem - MG
Natureza do Documento: Contrato de
16/05/2002
Objeto: EP - Licença exclusiva para a
Patente nº. PI 9702094 Alteração do
item "Cessionária"
Moeda de Pagamento: IEN JAPONES
Valor: 4%(quatro por cento) sobre o
preço líquido de venda para a
Patente nº PI 9702094-
Prazo: De 16/07/2002 até 26/02/2012Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cedente
Processo: 020985
185
Cedente: TRIULZI ENGENEERING
S.R.L.
Cessionária: TAURUSPLAST PRODUTOS PLÁSTICOS LTDA
Objeto: FT - Tem a contratação como
objeto a transferência da tecnologia
necessária para a industrialização,
produção, transformação e elaboração
de produtos termoplásticos, incluindo a
fabricação de produtos plásticos
injetados em geral.
Setor: Fabricação de artefatos diversos
de plástico.
Processo: 021044
185
Cedente: EXPERT COMPONENTS S.A.
Cessionária: EXPERT COMPONENTES
DO BRASIL LTDA
Objeto: SAT - O presente contrato tem
como objetivo a apresentação de
prestação de serviços pela Prestadora à
Assistida de caracter amplo.
Relacionado a organização de produtos,
tais quais, Lay-Out de plantas, meios de
produção, controle de qualidade,
aplicações de métodos Just in Time,
bem como a implatação e posterior
atualização constante de sistema
adminitrativo, financeiro e de controle de
gestão.
Setor: Fabricação de peças e
acessórios de metal para veículos
automotores não classificados em outra
classe.
Processo: 021056
350
Com Última Informação de: 15/04/2008
Certificado de Averbação: 021056/04
Cedente: KROSAKI HARIMA
CORPORATION
País da Cedente: JAPÃO
Cessionária: MAGNESITA
REFRATÁRIOS S/A, anteriormente
denominada RPAR Holding S/A,
incorporadora da empresa Magnesita
S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
CERÂMICOS REFRATÁRIOS
CNPJ/CPF: 08.684.547/0001-65
Endereço da Cessionária: Praça Louis
Ensch nº 240 - Cidade Industrial Contagem - MG
Natureza do Documento: Aditivo de
03/10/2007 ao Contrato de 13/08/2002Objeto: FT - Fabricação e aplicação de
refratários não moldados para
tamponamento de furos de corrida de
altos-fornos e de concretos para canais
de corrida de gusa e escória - alteração
do item "CessionáriaMoeda de Pagamento: IEN JAPONES
Valor: Pela Tecnologia: 3%(três por
cento) sobre as vendas líquidas
Prazo: De 28/10/2007 até 28/10/2012Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Processo: 030405
350
Com Última Informação de: 24/04/2008
Certificado de Averbação: 030405/02
Cedente: AVK INFOTEC GMBH
País da Cedente: ALEMANHA
Cessionária: FONET BRASIL LTDA
(cessionária de FONET SOLUÇÕES DE
TELEMÁTICA LTDA.)
País da Cessionária: BRASIL
Setor: COMÉRCIO ATACADISTA
ESPECIALIZADO EM MERCADORIAS
NÃO ESPECIFICADAS
ANTERIORMENTE
CNPJ/CPF: 05.419.150/0001-58
Endereço da Cessionária: Avenida
Goethe nº 71 - Conj. 708 - Moinhos de
Vento - Porto Alegre - RS
Natureza do Documento: Contrato de
30/11/2001Objeto: FT- Tecnologia de fabricação de
produto denominado quiosque
multimídia tipo "AVK KIOSK2000
Compact" em versão adaptada para
utilização no Brasil - alteração do item
"Cessionária"Moeda de Pagamento: DOLAR DOS
ESTADOS UNIDOS
Valor: NIHILPrazo: De 22/04/2008 até 09/05/2008Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Processo: 041005
350
Com Última Informação de: 15/04/2008
Certificado de Averbação: 041005/02
Cedente: KROSAKI HARIMA
CORPORATION
País da Cedente: JAPÃO
Cessionária: MAGNESITA
REFRATÁRIOS S/A, anteriormente
denominada RPAR Holding S/A,
incorporadora da empresa Magnesita
S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
CERÂMICOS REFRATÁRIOS
CNPJ/CPF: 08.684.547/0001-65
Endereço da Cessionária: Praça Louis
Ensch nº 240 - Cidade Industrial Contagem - MG
Natureza do Documento: Contrato de
19/10/2004Objeto: FT - Fabricação de refratários
monolíticos aplicados por tecnologia de
projeção a úmido (Shotcreet) - Alteração
do item "Cessionária"
Moeda de Pagamento: IEN JAPONES
Valor: 3% (três por cento) sobre as
vendas líquidas
Prazo: 05(cinco) anos, a contar de
15/12/2004Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cedente
Processo: 050147
350
Com Última Informação de: 15/04/2008
Certificado de Averbação: 050147/02
Cedente: KROSAKI HARIMA
CORPORATION
País da Cedente: JAPÃO
Cessionária: MAGNESITA
REFRATÁRIOS S/A, anteriormente
denominada RPAR Holding S/A,
incorporadora da empresa Magnesita
S/A
156
DIRTEC - Diretoria de Contratos de Tecnologia e Outros Registros
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
CERÂMICOS REFRATÁRIOS
CNPJ/CPF: 08.684.547/0001-65
Endereço da Cessionária: Praça Louis
Ensch nº 240 - Cidade Industrial Contagem - MG
Natureza do Documento: Contrato de
04/12/2004
Objeto: FT- Produção de IMPELLER impulsor para tratamento de panelas
para gusa - Alteração do item
"Cessionária"
Moeda de Pagamento: IEN JAPONES
Valor: 4% (quatro por cento) sobre o
preço líquido de venda do produto
contratual
Prazo: 05 (cinco) anos, a contar de
07/03/2005Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cedente
Processo: 050706
350
Com Última Informação de: 26/03/2008
Certificado de Averbação: 050706/04
Cedente: BRIDGESTONE
CORPORATION
País da Cedente: JAPÃO
Cessionária: BRIDGESTONE
FIRESTONE DO BRASIL INDÚSTRIA E
COMÉRCIO LTDA.
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE
PNEUMÁTICOS E DE CÂMARAS-DEAR
CNPJ/CPF: 57.497.539/0001-15
Endereço da Cessionária: Avenida
Queirós dos Santos nº 1717 - Casa
Branca - Santo André - SP
Natureza do Documento: Aditivo de
01/04/2007 ao Contrato de 01/07/2005
Objeto: SAT - Assistência técnica
relacionada à construção de fábrica de
pneus e câmaras de ar, localizada no
Estado da Bahia - alteração do item
"Valor"
Moeda de Pagamento: IEN JAPONES
Valor: Yenes 50.055.000
Forma de Pagamento: Taxas/dia Yenes
25.000, Yenes 31.000 e Yenes
45.000Prazo: Até 31/12/2008Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cedente
Processo: 050797
350
Com Última Informação de: 15/04/2008
Certificado de Averbação: 050797/02
Cedente: KROSAKI HARIMA
CORPORATION
País da Cedente: JAPÃO
Cessionária: MAGNESITA
REFRATÁRIOS S/A, anteriormente
denominada RPAR Holding S/A,
incorporadora da empresa Magnesita
S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
CERÂMICOS REFRATÁRIOS
CNPJ/CPF: 08.684.547/0001-65
Endereço da Cessionária: Praça Louis
Ensch nº 240 - Cidade Industrial Contagem - MG
Natureza do Documento: Contrato de
29/07/2005Objeto: FT - Fabricação de refratários
para revestimento de vasos AOD e RH
Alteração do item "Cessionária"
Moeda de Pagamento: IEN JAPONES
Valor: 4,5% (quatro e meio por cento)
sobre as vendas líquidas dos produtos
contratuais
Prazo: 05 (cinco) anos, a contar de
13/12/2005
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cedente
Processo: 050798
350
Com Última Informação de: 15/04/2008
Certificado de Averbação: 050798/02
Cedente: KROSAKI HARIMA
CORPORATION
País da Cedente: JAPÃO
Cessionária: MAGNESITA
REFRATÁRIOS S/A, anteriormente
denominada RPAR Holding S/A,
incorporadora da empresa Magnesita
S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
CERÂMICOS REFRATÁRIOS
CNPJ/CPF: 08.684.547/0001-65
Endereço da Cessionária: Praça Louis
Ensch nº 240 - Cidade Industrial Contagem - MG
Natureza do Documento: Contrato de
29/07/2005Objeto: FT - Fabricação de refratários
para sistemas de válvula gaveta, válvula
submersa, válvula longa e tampões
Alteração do item "Cessionária"
Moeda de Pagamento: IEN JAPONES
Valor: 4,5% (quatro e meio por cento)
sobre as vendas líquidas dos produtos
contratuaisPrazo: 05 (cinco) anos, a contar de
13/12/2005Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cedente
Processo: 050799
350
Com Última Informação de: 15/04/2008
Certificado de Averbação: 050799/02
Cedente: KROSAKI HARIMA
CORPORATION
País da Cedente: JAPÃO
Cessionária: MAGNESITA
REFRATÁRIOS S/A, anteriormente
denominada RPAR Holding S/A,
incorporadora da empresa Magnesita
S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
CERÂMICOS REFRATÁRIOS
CNPJ/CPF: 08.684.547/0001-65
Endereço da Cessionária: Praça Louis
Ensch nº 240 - Cidade Industrial Contagem - MG
Natureza do Documento: Contrato de
29/07/2005Objeto: FT- Fabricação de refratários
para convertedores BOF Alteração do
item "Cessionária"
Moeda de Pagamento: IEN JAPONES
Valor: 4,5% (quatro e meio por cento)
sobre as vendas líquidas dos produtos
contratuais
Prazo: 05 (cinco) anos, a contar de
13/12/2005Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cedente
Processo: 050933
350
Com Última Informação de: 15/04/2008
Certificado de Averbação: 050933/02
Cedente: INTOCAST
AKTIENGESELLSCHAFT
País da Cedente: ALEMANHA
Cessionária: MAGNESITA
REFRATÁRIOS S/A, anteriormente
denominada RPAR Holding S/A,
incorporadora da empresa Magnesita
S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
CERÂMICOS REFRATÁRIOS
CNPJ/CPF: 08.684.547/0001-65
Endereço da Cessionária: Praça Louis
Ensch nº 240 - Cidade Industrial Contagem - MG
Natureza do Documento: Contrato de
01/06/2005Objeto: FT - Fabricação de
condicionador de escória metalúrgica
Alteração do item "Cessionária"
Moeda de Pagamento: EURO
Valor: 4,5% (quatro e meio por cento)
sobre as vendas líquidas dos produtos
contratuaisPrazo: 05 (cinco) anos, a contar de
13/12/2005-
RPI 1951 de 27/05/2008
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cedente
Processo: 070360
350
Com Última Informação de: 15/04/2008
Certificado de Averbação: 070360/02
Cedente: RESCO PRODUCTS
INCORPORATION
País da Cedente: ESTADOS UNIDOS
Cessionária: MAGNESITA
REFRATÁRIOS S/A, anteriormente
denominada RPAR Holding S/A,
incorporadora da empresa Magnesita
S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
CERÂMICOS REFRATÁRIOS
CNPJ/CPF: 08.684.547/0001-65
Endereço da Cessionária: Praça Louis
Ensch nº 240 - Cidade Industrial Contagem - MG
Natureza do Documento: Contrato de
01/02/2007Objeto: FT - Fabricação de refratários
de Dolomita Queimados (Burned
Dolomite Bricks) Alteração do item
"Cessionária"
Moeda de Pagamento: DOLAR DOS
ESTADOS UNIDOS
Valor: 4% (quatro por cento) sobre o
preço líquido de venda dos produtos
contratuaisPrazo: 05 (cinco) anos, a contar de
25/05/2007
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cedente
Processo: 070960
350
Com Última Informação de: 10/04/2008
Certificado de Averbação: 070960/02
Cedente: ROSE K INTERNATIONAL
LIMITED
País da Cedente: NOVA ZELÂNDIA
Cessionária: MEDIPHACOS LTDA.
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE APARELHOS,
INSTRUMENTOS E MATERIAIS
ÓPTICOS, FOTOGRÁFICOS E
CINEMATOGRÁFICOS
CNPJ/CPF: 21.998.885/0001-30
Endereço da Cessionária: Av. Deputado
Cristovam Chiaradia nº 840 - Buritis Belo Horizonte - MG
Natureza do Documento: Contrato de
20.10.2006Objeto: UM - Licença exclusiva de uso
do Registro nº 820928003 - Alteração
do item "Prazo", em função da
prorrogação contratual
Moeda de Pagamento: DOLAR DOS
ESTADOS UNIDOS
Valor: US$ 14.00 para cada Lente Rose
K e Rose K2 vendida;
US$ 16.00 para cada Lente Rose K
Pós-Enxerto vendida
Forma de Pagamento: Mensal
Prazo: De 26.03.2008 até 31.03.2010
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Processo: 080107
350
Com Última Informação de: 18/04/2008
Certificado de Averbação: 080107/01
Cedente: PAUL WURTH
REFFRACORY & ENGINEERING
GMBH
País da Cedente: ALEMANHA
Cessionária: SAINT-GOBAIN
CANALIZAÇÃO S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE OUTROS
TUBOS DE FERRO E AÇO
CNPJ/CPF: 28.672.087/0001-62
Endereço da Cessionária: Rodovia
Doutor Sérgio Braga nº 452 - Barbará Barra Mansa - RJ
Natureza do Documento: Contrato de
01/06/2007
Objeto: SAT - Estudo de avaliação para
os regeneradores da Cessionária,
incluindo recomendações objetivando
prolongar o tempo de vida dos
regeneradores
Moeda de Pagamento: EURO
Valor: Até EUR 40.839,00
Forma de Pagamento: Taxa/dia EUR
972,36
Prazo: De 26/06/2007 até 09/08/2007
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Processo: 080142
350
Com Última Informação de: 07/04/2008
Certificado de Averbação: 080142/02
Cedente: AMPY METERING LIMITED
País da Cedente: REINO UNIDO
Cessionária: LANDIS+GYR
EQUIPAMENTOS DE MEDIÇÃO LTDA.
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE
SUBESTAÇÕES, QUADROS DE
COMANDO, REGULADORES DE
VOLTAGEM E OUTROS APARELHOS
E EQUIPAMENTOS PARA
DISTRIBUIÇÃO E CONTROLE DE
ENERGIA
CNPJ/CPF: 58.900.754/0001-88
Endereço da Cessionária: Rua
Hasdrubal Bellegard nº 400 - Cidade
Industrial - Curutiba - PR
Natureza do Documento: Contrato de
14/01/2008Objeto: FT - Fabricação de medidores
eletrônicos de energia elétrica
monofásicosMoeda de Pagamento: DOLAR DOS
ESTADOS UNIDOS
Valor: 5% (cinco por cento) sobre o
preço líquido de venda dos produtos
descritos no Anexo "A" do Contrato, a
partir de 2008Prazo: 05 (cinco) anos, a contar de
12/03/2008Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cedente
Processo: 080230
350
Com Última Informação de: 20/03/2008
Certificado de Averbação: 080230/01
Cedente: ORGA CONSULTANTS
País da Cedente: FRANÇA
Cessionária: V&M DO BRASIL S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE TUBOS DE
AÇO COM COSTURA
CNPJ/CPF: 17.170.150/0001-46
Endereço da Cessionária: Avenida
Olinto Meireles nº 65 - Barreiro de Baixo
- Belo Horizonte - MG
Natureza do Documento: Fatura nº
839F700474 de 19.11.2007
Objeto: SAT- Serviços de consultoria
em manutenção industrial no ramo de
siderúrgia e laminação de tubos de aço
sem costura
Moeda de Pagamento: EURO
Valor: EUR 173.880,00
Forma de Pagamento: Taxa/dia EUR
1.512,00
Prazo: De 01.02.2007 até 31.10.2007
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Processo: 080246
350
Com Última Informação de: 25/03/2008
Certificado de Averbação: 080246/01
Cedente: MARIANO PAGANELLI
País da Cedente: ITÁLIA
Cessionária: CECRISA
REVESTIMENTOS CERÂMICOS S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PRODUTOS
CERÂMICOS NÃO-REFRATÁRIOS
PARA USO ESTRUTURAL NA
CONSTRUÇÃO CIVIL
CNPJ/CPF: 79.655.916/0001-30
Endereço da Cessionária: Av. Manoel
Delfino de Freitas nº 1001 - Próspera Criciúma - SC
Natureza do Documento: Contrato de
01/01/2008-
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRTEC - Diretoria de Transferência de Tecnologia
Objeto: SAT - Consultoria visando a
aumentar a produção das fábricas e
melhorar a qualidade de produção de
azulejo cerâmicoMoeda de Pagamento: DOLAR DOS
ESTADOS UNIDOS
Valor: Até US$ 150,000.00 ( US$
2,500.00/mês)
Forma de Pagamento: Taxa/dia US$
114.00
Prazo: De 01/01/2008 até 31/12/2012
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Processo: 080248
350
Com Última Informação de: 25/03/2008
Certificado de Averbação: 080248/01
Cedente: TRANSPORTATION
TECHNOLOGY CENTER, INC.
País da Cedente: ESTADOS UNIDOS
Cessionária: COMPANHIA VALE DO
RIO DOCE
País da Cessionária: BRASIL
Setor: EXTRAÇÃO DE MINÉRIO DE
FERRO
CNPJ/CPF: 33.592.510/0001-54
Endereço da Cessionária: Av. Graça
Aranha nº 26 - Centro - Rio de Janeiro RJ
Natureza do Documento: Contrato nº
741836 de 07/12/2007 e Aditivo nº 1
de 21/01/2008
Objeto: SAT - Serviços de análise de
falhas e defeitos internos em trilhos
através de ensaios e testes laboratoriais
Moeda de Pagamento: DOLAR DOS
ESTADOS UNIDOS
Valor: Até US$ 41,800.00
Forma de Pagamento: Taxa/hora US$
175.25
Prazo: De 07/12/2007 até 05/05/2008
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Processo: 080251
350
Com Última Informação de: 26/03/2008
Certificado de Averbação: 080251/01
Cedente: SMITH INTERNATIONAL INC.
E SMITH INTERNATIONAL DO BRASIL
LTDA.
País da Cedente: ESTADOS UNIDOS
Cessionária: PETRÓLEO BRASILEIRO
S/A - PETROBRAS
País da Cessionária: BRASIL
Setor: EXTRAÇÃO DE PETRÓLEO E
GÁS NATURAL
CNPJ/CPF: 33.000.167/0001-01
Endereço da Cessionária: Av. República
do Chile nº 65 - Sala 302 - Centro - Rio
de Janeiro - RJ
Natureza do Documento: Contrato nº
0020.0035399.07.4 de 13/12/2007
Objeto: SAT - Serviços técnicos visando
a condução de um programa de teste da
tecnologia de completação multilateral,
a partir de testes de bancada e de
campo, com os equipamentos indicados
no Projeto de Desenvolvimento da
Cedente, no Campo de Mexilhão Santos
Moeda de Pagamento: DOLAR DOS
ESTADOS UNIDOS
Valor: Até US$ 31,890.00
Forma de Pagamento: Taxas/hora US$
110.42 , US$ 150.00 e US$ 158.00Prazo: De 13/12/2007 até 05/06/2009Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Serviços/Despesas Isentas de
Averbação: Até US$ 275,000.00 Materiais de testes
Processo: 080256
350
Com Última Informação de: 26/03/2008
Certificado de Averbação: 080256/01
Cedente: UHDE GMBH
País da Cedente: ALEMANHA
Cessionária: SOLVAY INDUPA DO
BRASIL S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE RESINAS
TERMOPLÁSTICAS
CNPJ/CPF: 61.460.325/0004-94
Endereço da Cessionária: Estrada de
Ferro Santos Jundiaí, Km 38 - s/nº - Vila
Elclor - Santo André - SP
Natureza do Documento: Contrato de
30/11/2006Objeto: SAT - Serviços de supervisão
do início de operação do Pacote de
Eletrolizador de Cloroalcalino a ser
instalado na fábrica de Santo André SP
Moeda de Pagamento: EURO
Valor: Até EUR 135.000,00
Forma de Pagamento: Taxa/dia EUR
900,00
Prazo: De 15/11/2006 até 31/12/2010
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Serviços/Despesas Isentas de
Averbação: Até EUR 45.000,00 Despesas de viagem e manutenção
Processo: 080257
350
Com Última Informação de: 27/03/2008
Certificado de Averbação: 080257/01
Cedente: BENDER CORPORATION
País da Cedente: ESTADOS UNIDOS
Cessionária:AÇOS VILLARES S/A
País da Cessionária: BRASIL
Setor: PRODUÇÃO DE LAMINADOS
NÃO-PLANOS DE AÇO
CNPJ/CPF: 60.664.810/0001-74
Endereço da Cessionária: Av. Maria
Coelho Aguiar nº 215 - Bloco "A" - 5º
andar - Parte - Jardim São Luiz - São
Paulo - SP
Natureza do Documento: Fatura Pro
Forma de 27/02/2008
Objeto: SAT - Estudo conceitual de
engenharia para o sistema de controle
de emissão e modelo fluido-dinâmico de
ventilação do galpão da Aciaria da Aços
Villares S.A.
157
Moeda de Pagamento: DOLAR DOS
ESTADOS UNIDOS
Valor: US$ 239,000.00
Forma de Pagamento: Taxas/dia US$
1,183.60, US$ 1,800.00 e US$
2,000.00
Prazo: De 07/01/2007 até 30/10/2007
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Processo: 080264
350
Com Última Informação de: 01/04/2008
Certificado de Averbação: 080264/01
Cedente: TOYO MACHINERY & METAL
CO., LTD.
País da Cedente: JAPÃO
Cessionária: METALFINO DA
AMAZÔNIA LTDA.
País da Cessionária: BRASIL
Setor: FABRICAÇÃO DE PEÇAS
FUNDIDAS DE METAIS NÃOFERROSOS E SUAS LIGAS
CNPJ/CPF: 04.414.488/0001-54
Endereço da Cessionária: Rua Ipê nº
194 - Distrito Industrial - Manaus - AM
Natureza do Documento: Fatura nº HY0701 de 28/10/2007
Objeto: SAT- Serviços de manutenção e
reparo de máquina injetora
Moeda de Pagamento: IEN JAPONES
Valor: Yenes 300.000
Forma de Pagamento: Taxa/dia Yenes
10.000
Prazo: De 05/10/2007 até 15/10/2007
Responsável pelo pagamento do
Imposto de Renda: Cessionária
Serviços/Despesas Isentas de
Averbação: Yenes 949.940 Passagem aérea e hotel
158
DIRTEC - Diretoria de Contratos de Tecnologia e Outros Registros
RPI 1951 de 27/05/2008
Diretoria de Contratos de Tecnologia e Outros
Registros - DIRTEC
Despachos Relativos a Pedidos e Registros de
Programas de Computador (RS)
RPI 1951 de 27/05/2008
080
PUBLICAÇÃO DE PEDIDO
DE REGISTRO DE
PROGRAMA DE
COMPUTADOR.
Processo: 08795-0
080
Titular: MARCELO COPELIOVITCH
Criador: MARCELO COPELIOVITCH
Título: GOLD LOCK
Linguagem: C++
Campo de Aplicação: TC-02
Tipo de Programa: PD-03
Data da Criação: 01/01/2005
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: INTERAÇÃO MARCAS E
PATENTES S/C LTDA
Processo: 08796-2
080
Titular: EMERSON RIBEIRO DE
OLIVEIRA
Criador: EMERSON RIBEIRO DE
OLIVEIRA
Título: MARKETING MULTINIVEL DE
DESCONTO
Linguagem: JAVASCRIPT
Campo de Aplicação: SV-01, SV-02,
SV-03, SV-04
Tipo de Programa: DS-02, FA-01, GI-01,
SO-01, SO-05
Data da Criação: 01/10/2006
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: EMBRAMARCAS EMPRESA BRASILEIRA DE MARCAS
LTDA
Processo: 08797-4
080
Titular: PERCY DE MELLO CASTANHO
JUNIOR
Criador: PERCY DE MELLO
CASTANHO JUNIOR
Título: PROJAX
Linguagem: JAVASCRIPT, MYSQL,
VBSCRIPT
Campo de Aplicação: AD-01, AD-02,
AD-03, IF-10
Tipo de Programa: AP-01, FA-02, GI-01,
SO-05, UT-01
Data da Criação: 30/06/2007
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08798-6
080
Titular: HI TEC INFORMÁTICA LTDA
Criador: JORGE ANTÔNIO COELHO
DE MELLO
Título: ERP HITEC MODULO
CONTABIL - CT-CONTÁBIL - IMIMOBILIZADO - LF-FISCAIS - PTPONTO - CDM-CONDOMINIO
Linguagem: DELPHI
Campo de Aplicação: AD-07, AD-09,
AD-11, FN-06
Tipo de Programa: AP-01, AP-05, AT02, DS-04
Data da Criação: 02/01/2000
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08799-1
080
Titular: MC3 SISTEMAS E
CONSULTORIA LTDA
Criador: ALEXANDRE MÁRCIO NALON
Título: E-SIMPLES - SISTEMAS PARA
GESTÃO PÚBLICA
Linguagem: DELPHI 5, PHP 5, SQL
Campo de Aplicação: AD-04
Tipo de Programa: AP-01
Data da Criação: 11/12/2001
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08800-2
080
Titular: CSCORP - CONSULTORIA DE
SISTEMAS CORPORATIVOS
BUSINESS SOLUTION LTDA
Criador: FREDSON JUSTO
Título: MILLENIUN - NFE (SISTEMA DE
NOTA FISCAL ELETRÔNICA)
Linguagem: EJB 3.0, GLASSFISH,
JAVA, JPA, JSF, ORACLE, SQL SERVER, TOPLINK
Campo de Aplicação: EC-03, FN-05,
FN-06
Tipo de Programa: AP-01, AP-05
Data da Criação: 01/09/2007
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: TOLEDO CORRÊA
MARCAS E PATENTES S/C LTDA.
Processo: 08801-4
080
Titular: HOEPERS RECUPERADORA
DE CRÉDITO S/A
Criador: CARINE DALPIAN, CASSIO
DIAS CASSIMINHO, GUILHERME
BARTH SPERB, RAFAEL TECK
GOMES
Título: KEYSTONE
Linguagem: JAVA/J2EE
Campo de Aplicação: FN-03
Tipo de Programa: AP-01
Data da Criação: 02/04/2005
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: SIGISFREDO HOEPERS
Processo: 08802-6
080
Titular: MARGO DE MARTINO
Criador: MARGO DE MARTINO
Título: TERRAGAB - AUTOMAÇÃO DE
GABINETES / OUVIDORIAS
Linguagem: VISUAL BASIC 6
Campo de Aplicação: AD-01, AD-11, IF02, IF-07
Tipo de Programa: AP-01, AT-02, GI-01,
SO-07, TC-04
Data da Criação: 27/10/2004
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08803-1
080
Titular: ARTHUR DE SÁ FERREIRA
Criador: ARTHUR DE SÁ FERREIRA
Título: MYO
Linguagem: LABVIEW
Campo de Aplicação: BL-08, SD-06,
SD-09
Tipo de Programa: IT-03, TC-01
Data da Criação: 01/02/2007
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08804-3
080
Titular: BRENO MANSUR RABELO,
THIAGO MAROTTA COUTO, VICTOR
HUGO PORTELLA CAMPOS
Criador: BRENO MANSUR RABELO,
THIAGO MAROTTA COUTO, VICTOR
HUGO PORTELLA CAMPOS
Título: LIVEBACKUP
Linguagem: VISUAL BASIC.NET
Campo de Aplicação: IF-01, IF-02, IF04, IF-06, IF-10
Tipo de Programa: GI-01, GI-07, GI-08,
PD-01, PD-04
Data da Criação: 01/01/2006
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08805-5
080
Titular: JAHU INDÚSTRIA E
COMÉRCIO LTDA
Criador: INFORMAÇÃO INEXISTENTE
OU INCORRETA
Título: CREDCOB2
Linguagem: DELPHI 2006, PASCAL
Campo de Aplicação: AD-05, AD-08,
AD-09, AD-10
Tipo de Programa: AP-01
Data da Criação: 25/05/2006
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: ROSANE REGO TAVARES
DA SILVA
Processo: 08806-0
080
Titular: MARCELO DA CUNHA RAMOS,
ORLANDO MARK SHORTER, VIVIAN
ROUSSEAU
Criador: MARCELO DA CUNHA
RAMOS, ORLANDO MARK SHORTER,
VIVIAN ROUSSEAU
Título: DESAFIANDO
Linguagem: ACTIONSCRIPT, C++,
PERL
Campo de Aplicação: CO-04, IF-07, IF10, TC-02, TC-04
Tipo de Programa: CD-01, ET-01, ET02, ET-04
Data da Criação: 01/05/2003
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: ROSANGELA ANTUNES
GOMES
Processo: 08807-2
080
Titular: EMBRYO WEB SOLUTIONS
LTDA - ME
Criador: ADEMIR HINOKUMA,
MARCELO ALCANTARA FONSECA
Título: SIG - VERSÃO 4.0
Linguagem: BORLAND DELPHI 5
Campo de Aplicação: XX-00
Tipo de Programa: AP-01, AP-02, AP03, AT-01, AT-03
Data da Criação: 02/01/2008
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: DAVID NILTON PEREIRA
DE LUCENA
Processo: 08808-4
080
Titular: PETRÓLEO BRASILEIRO S.A.
Criador: MURILO COSTA MONTEIRO
Título: SISTEMA PIDF4
Linguagem: ACCESS 2002
Campo de Aplicação: IF-01, IN-03
Tipo de Programa: GI-02
Data da Criação: 10/03/2008
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: RICHARD DE MARCO
NUNES
Processo: 08809-6
080
Titular: UNIVERSIDADE FEDERAL DA
BAHIA
Criador: MÁRIO CASTRO DE
CASTILHO, THIAGO ALBUQUERQUE
DE ASSIS
Título: SOLUÇÃO NUMÉRICA DA
EQUAÇÃO DE LAPLACE NUMA
REGIÃO CONFINADA
Linguagem: FORTRAN 77
Campo de Aplicação: OO-00
Tipo de Programa: OO-00
Data da Criação: 13/01/2007
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08810-5
080
Titular: UNIVERSIDADE FEDERAL DA
BAHIA
Criador: MARCELO SINÉSIO PEREIRA
MUNIZ, SUANI TAVARES RUBIM DE
PINHO, THIERRY CORRÊA PETIT
LOBÃO, VINÍCIUS AUGUSTO GOMES
OSÓRIO DE MENESES
Título: SOLUÇÃO NUMÉRICA DA
EQUAÇÃO DE LAPLACE NUMA
REGIÃO CONFINADA
Linguagem: FORTRAN 77
Campo de Aplicação: BL-02, CO-03,
FQ-06, IF-01, MT-02
Tipo de Programa: PD-03, TC-01, TC03, UT-02
Data da Criação: 13/01/2007
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08811-0
080
Titular: FUNDAÇÃO CENTRO
TECNOLÓGICO DE MINAS GERAIS CETEC, HÉLCIO ANDRADE,
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE
CATÓLICA DE MINAS GERAIS
Criador: HÉLCIO ANDRADE, LÚCIO
DO CARMO MOURA, RENATO
MOREIRA HADAD
Título: AVAAGRÍCOLA
Linguagem: DELPHI 7.0
Campo de Aplicação: AG-02, GC-08,
PD-01
Tipo de Programa: AP-01, DS-02, TC01
Data da Criação: 30/07/2007
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08812-2
080
160
DIRTEC - Diretoria de Contratos de Tecnologia e Outros Registros
Titular: COMPANHIA DE
INFORMÁTICA DO PARANÁ,
SECRETARIA DE ESTADO DA
SEGURANÇA PÚBLICA - SESP
Criador: JEAN MARCELO DA COSTA
SALES, LUIS ALBERTO PAIVA
Título: SIRG-SISTEMA DE
IMPRESSÃO DE REGISTRO GERAL
NO ESTADO DO PARANÁ
Linguagem: JAVA SWING
Campo de Aplicação: AD-04
Tipo de Programa: AT-06
Data da Criação: 12/03/2007
Regime de Guarda: Sem sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08813-4
080
Titular: UNIVERSIDADE ESTADUAL
DE LONDRINA
Criador: MARCO AURÉLIO SELUQUE
FREGONEZI, TÂNIA HITOMI
HITSATSUGU
Título: SISTLOGIC MVL
Linguagem: C++
Campo de Aplicação: IN-03
Tipo de Programa: AP-01, FA-01
Data da Criação: 01/03/2007
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: MARINETE VIOLIN
090
DEFERIMENTO DE
PEDIDO DE REGISTRO
DE PROGRAMA DE
COMPUTADOR
Processo: 03404-4
090
Titular: SUPERMERCADO
PROFISSIONAL LTDA
Criador: CLÁUDIO MIANO MENDONÇA
Título: SUPRO
Linguagem: C++, ORACLE, PL, SQL
Campo de Aplicação: AD-05, SV-03
Tipo de Programa: AT-01, AT-03, GI-01,
GI-02
Data da Criação: 03/05/1999
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: BEÉRRE ASSESSORIA
EMPRESARIAL S/C LTDA.
Processo: 03405-6
090
Titular: CUSTOMER FIRST S.A
Criador: FLÁVIO LENZ CÉSAR
Título: FIRST CHAT
Linguagem: DELPHI, JAVA
Campo de Aplicação: AD-10, CO-04, IF02, IF-09, TC-03
Tipo de Programa: AP-01, CD-01, FA01, GI-01, GI-02
Data da Criação: 01/10/2000
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: ORGANIZAÇÕES MÉRITO
MARCAS E PATENTES LTDA
Processo: 03409-0
090
Titular: DANIEL VALADARES ALVES,
LUIZ HENRIQUE SILVA DE
CARVALHO, MÁRCIO AUGUSTO
GONÇALVES, RAFAEL CARVALHO
VELLOSO COSTA
Criador: DANIEL VALADARES ALVES,
LUIZ HENRIQUE SILVA DE
CARVALHO, MÁRCIO AUGUSTO
GONÇALVES, RAFAEL CARVALHO
VELLOSO COSTA
Título: CUSTO REAL 2000
Linguagem: MS ACCESS
Campo de Aplicação: AD-05, AD-08,
AD-09, AD-10, EC-14
Tipo de Programa: AT-06, AV-02, DS04, GI-04, GI-05
Data da Criação: 01/03/1997
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 03413-5
090
Titular: ALMA INFORMÁTICA LTDA
Criador: FLÁVIO ANDRADE PEREIRA
Título: CONGADO
Linguagem: DELPHI
Campo de Aplicação: AG-01
Tipo de Programa: AP-03
Data da Criação: 01/03/1995
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: LECONNI MARCAS &
PATENTES
Processo: 03428-4
090
Titular: SPLICE DO BRASIL
TELECOMUNICAÇÕES E
ELETRÔNICA S/A
Criador: OSCAR DE SOUZA SANCHES
Título: CHAMA TP SPLICE VERSÃO
1.00
Linguagem: VISUAL BASIC
Campo de Aplicação: CO-04
Tipo de Programa: CD-01, CD-03, TI02, TI-03
Data da Criação: 30/09/1999
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: GEISLER CHBANE
BOSSO
Processo: 03439-2
090
Titular: IPATINGA FUTEBOL CLUBE
Criador: CLÁUDIO MARÇAL CALAIS
Título: AZULZINHA PAY ONE
Linguagem: DELPHI 3.0
Campo de Aplicação: FN-05
Tipo de Programa: AP-01
Data da Criação: 15/07/1997
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: SÂMIA AMIN SANTOS
Processo: 03443-0
090
Titular: REMIX TECNOLOGIA LTDA.
Criador: MARCOS TITO DE PARDO
MARQUES
Título: MIXFRAMEWORK
Linguagem: DELPHI
Campo de Aplicação: IF-01, IF-07, IF09, IF-10
Tipo de Programa: DS-01, DS-05, GI03, PD-01, SO-05
Data da Criação: 31/08/2000
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: LANCASTER COMERCIAL
PATENTES E MARCAS
Processo: 03441-3
090
Titular: REMIX TECNOLOGIA LTDA.
Criador: MARCOS TITO DE PARDO
MARQUES
Título: MIXFOLHA
Linguagem: DELPHI
Campo de Aplicação: AD-07, PR-01,
PR-02, TB-02, TB-03
Tipo de Programa: AP-01, AP-05, AT01, AT-06, AV-02
Data da Criação: 31/08/2000
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: LANCASTER COMERCIAL
PATENTES E MARCAS
Processo: 03464-1
090
Titular: TEULER INÁCO LIMA
Criador: TEULER INÁCO LIMA
Título: GESTOR DE CUSTOS
Linguagem: DELPHI, SQL SERVER
Campo de Aplicação: FN-06
Tipo de Programa: FA-01, GI-01, GI-02,
GI-04
Data da Criação: 07/02/2000
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: CENDI - CENTRO DE
DESENVOLVIMENTO DA
INFORMAÇÃO LTDA
Processo: 03465-3
090
Titular: CHOICE ENGENHARIA
PLANEJAMENTO CONSULTORIA
LTDA
Criador: ANTÔNIO DA SILVA
MOREIRA, FABIANO MARINHO
CARNEIRO DA CUNHA
Título: DECISION PORTAL
Linguagem: JAVA, JSP
RPI 1951 de 27/05/2008
Campo de Aplicação: IF-01
Tipo de Programa: GI-01
Data da Criação: 01/10/2000
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08640-6
090
Titular: LINE DATA S/C LTDA
Criador: MARCOS DA COSTA
MÓDOLO
Título: CITYGEO
Linguagem: DELPHI
Campo de Aplicação: AD-02
Tipo de Programa: AP-02, ET-03, SM04
Data da Criação: 01/09/2003
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: MARCOS DA COSTA
MÓDOLO
Processo: 08641-1
090
Titular: LINE DATA S/C LTDA
Criador: MARCOS DA COSTA
MÓDOLO
Título: SANEGEO
Linguagem: DELPHI
Campo de Aplicação: AD-04, AD-05
Tipo de Programa: AP-02, CT-03, ET03, SM-04
Data da Criação: 10/09/2006
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: MARCOS DA COSTA
MÓDOLO
Processo: 08678-3
090
Titular: FRANCISCO BENEDITO
MOREIRA FROTA
Criador: FRANCISCO BENEDITO
MOREIRA FROTA
Título: AUTONOMOS
Linguagem: HTML, MYSQL, PHP
Campo de Aplicação: AD-07, SV-01,
TB-02
Tipo de Programa: AP-01, FA-01
Data da Criação: 20/02/2008
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08680-4
090
Titular: LUIS RONALDO MONTIN
Criador: LUIS RONALDO MONTIN
Título: SISTEMA MOTONET
Linguagem: PHP
Campo de Aplicação: AD-01, AD-02
Tipo de Programa: GI-01, GI-02
Data da Criação: 20/08/2007
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: Não informado ou
inexistente
Processo: 08681-6
090
Titular: UNIVERSIDADE ESTADUAL
DE CAMPINAS
Criador: DENISE VAZ DE TOLEDO,
MÁRIO FERREIRA SARRAIPA
Título: G A A
Linguagem: SCRIPT DE FLASH
Campo de Aplicação: BL-07, CO-02,
ED-01, ED-04, FQ-14
Tipo de Programa: SM-01, TC-01
Data da Criação: 16/11/2007
Regime de Guarda: Sigilo
Procurador: MARIA CRISTINA VALIM
LOURENÇO GOMES
100
TRANSFERÊNCIA DE
TITULARIDADE DEFERIDA
Processo: 030845
100
Titular: Fidelity Desenvolvimento e
Prestação de Serviços de Software
Ltda.
Título: RMSCF RELATIONSHIP
MARKETING SYSTEM FIDELITY
Transferido de Verdeanil Assessoria,
Consultoria de Marketing, Publicidade &
Editora Ltda.
Estatísticas
RPI 1951 de 27/05/2008
DIRETORIA DE PATENTES
Código
1.1
1.1.1
1.2
1.2.1
1.2.2
1.3
1.3.1
1.3.2
2.1
2.4
2.5
2.6
2.7
3.1
3.2
3.5
3.6
3.7
3.8
4.3
4.3.1
4.3.2
6.1
6.6
6.7
6.8
6.9
6.10
7.1
7.2
7.3
7.4
8.5
8.6
8.7
8.8
8.9
8.10
8.11
9.1
9.1.1
9.1.2
9.1.3
9.1.4
Quantidade
Código
Quantidade
147
1
120
147
3
6
5
73
5
76
1
87
-
9.2
9.2.1
9.2.2
9.2.3
10.1
10.5
10.6
10.7
10.8
11.1
11.1.1
11.2
11.4
11.5
11.6
11.6.1
11.11
11.12
11.13
11.14
11.15
11.16
11.30
11.31
12.1
12.2
12.3
12.6
12.7
12.8
13.1
13.2
15.1
15.2
15.3
15.3.1
15.4
15.7
15.8
15.9
15.10
15.11
15.12
15.13
15.14
15.21
15.22
15.22.1
15.23
15.24
15.24.1
15.24.2
15.24.3
15.30
15.31
15.32
15.33
20
1
1
2
9
3
1
3
2
18
10
14
21
7
1
TOTAL:
Código
16.1
16.2
16.3
16.4
17.1
17.2
17.3
18.1
18.2
18.3
18.4
18.5
18.6
18.10
18.11
18.12
18.13
19.1
19.2
19.3
21.1
21.2
21.6
21.7
21.8
21.9
21.10
22.2
22.3
22.4
22.5
22.10
22.11
22.12
22.13
22.14
22.15
22.20
22.21
22.22
22.23
813
Quantidade
-
Código
23.1
23.1.1
23.2
23.3
23.4
23.5
23.6
23.7
23.8
23.9
23.10
23.11
23.12
23.13
23.14
23.15
23.16
23.17
23.18
24.2
24.3
24.4
24.5
24.6
24.7
25.1
25.2
25.3
25.4
25.5
25.6
25.7
25.8
25.9
25.10
25.11
25.12
25.13
Quantidade
18
9
1
1
EstatísticasRPI REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL de
162
Diretoria de Contratos de Tecnologia e Outros
Registros - DIRTEC
Estatística de Pedidos e Registros de
Desenhos Industriais
RPI 1951 de 27/05/2008
PEDIDOS E REGISTROS DE DESENHOS INDUSTRIAIS
Código
30
31
32
33
34
34.1
35
35.1
36
37
38
39
40
41
42
43
44
45
46
46.1
46.2
46.3
47
48
49
Quantidade
18
154
2
1
35
3
-
Código
50
51
52
53
54
54.1
55
56
57
58
59
60
61
62
63
64
65
66
70
71
72
73
74
TOTAL: 215
Quantidade
1
1
-
Estatística da Diretoria de Contratos de
Tecnologia e Outros Registros - DIRTEC
RPI 1951 de 27/05/2008
CONTRATOS DE TECNOLOGIA
LICENÇAS DE USO DE MARCAS
Código
Quantidade
Código
Quantidade
Código
Quantidade
060
130
185
210
9
-
272
290
295
350
800
22
-
998
999
-
Total:
31
REGISTROS DE PROGRAMAS DE COMPUTADOR
Código
Quantidade
Código
Quantidade
Código
Quantidade
080
082
090
091
093
094
095
096
097
098
099
100
19
15
1
101
102
104
105
106
107
108
109
110
111
112
113
-
114
115
120
-
Total:
35
INDICAÇÕES GEOGRÁFICAS
PEDIDOS E REGISTROS
Código
Quantidade
Código
Quantidade
Código
Quantidade
305
315
325
335
345
350
357
360
365
-
373
375
380
385
390
395
405
410
415
-
420
423
425
430
435
440
445
-
Total:
-
166
Estatísticas
RPI 1951 de 27/05/2008
167
RPI 1951 de 27/05/2008
Código Internacional adotado pelo
INPI para Países e Organizações
Internacionais
Organizações Internacionais
Escritório Eurasiano de
Patentes
Escritório de Marcas do
Benelux e Escritório de
Modelos de Benelux
Instituto Internacional de
Patentes
Organização Regional de
Propriedade Industrial
Africana
Organização Africana de
Propriedade Intelectual
(OAPI)
Organização Européia de
Patentes EPO
Organização Mundial de
Propriedade Intelectual
(OMPI) (WIPO)
EA
Escritório para Harmonização
no Mercado Interno (Marcas
Registradas e Designs)
EM
BX
IB
AP
OA
EP
WO
Países - Ordem de Nomes
AFEGANISTÃO
ÁFRICA DO SUL
ALBÂNIA
ALEMANHA
ANDORRA
ANGOLA
ANGUILLA
ANT.IUGOSLÁVIA
(REP.MACEDÔNIA)
ANTARTICA
ANTÍGUA E BARBUDA
ANTILHAS HOLANDESAS
ARÁBIA SAUDITA
ARGÉLIA
ARGENTINA
ARMÊNIA
ARUBA
AUSTRÁLIA
ÁUSTRIA
AZERBAIJÃO
BAHAMAS
BANGLADESH
BARBADOS
BAREINE
BELARUS
BÉLGICA
BELIZE
BENIN
BERMUDAS
BOLÍVIA
BÓSNIA E HERZEGÓVINA
BOTSUANA
BRASIL
BRUNEI DARUSSALAM
BULGÁRIA
BURKINA FASO
BURUNDI
BUTÃO
CABO VERDE
CAMARÕES
CAMBOJA
CANADÁ
CATAR
CAZAQUISTÃO
CHADE
CHANNEL ISLAND OF
GUERNSEY
CHILE
CHINA
CHIPRE
COLÔMBIA
COMORES
CONGO
COSTA DO MARFIM
COSTA RICA
CROÁCIA
CUBA
DINAMARCA
DJIBUTI
DOMINICA
EGITO
AF
ZA
AL
DE
AD
AO
AI
MK
AQ
AG
AN
SA
DZ
AR
AM
AW
AU
AT
AZ
BS
BD
BB
BH
BY
BE
BZ
BJ
BM
BO
BA
BW
BR
BN
BG
BF
BI
BT
CV
CM
KH
CA
QA
KZ
TD
GG
CL
CN
CY
CO
KM
CG
CI
CR
HR
CU
DK
DJ
DM
EG
EL SALVADOR
EMIRADOS ARABES
UNIDOS
EQUADOR
ERITRÉIA
ESLOVÁQUIA
ESLOVENIA
ESPANHA
ESTADOS UNIDOS
ESTÔNIA
ETIÓPIA
FEDERAÇÃO RUSSA
FIJI
FILIPINAS
FINLÂNDIA
FRANÇA
GABÃO
GÂMBIA
GANA
GEÓRGIA
GEORGIA DO SUL E
ILHAS SANDWICH DO
SUL
GIBRALTAR
GRANADA
GRÉCIA
GROELÂNDIA
GUADALUPE
GUAM
GUATEMALA
GUIANA
GUIANA FRANCESA
GUINÉ
GUINÉ BISSAU
GUINÉ EQUATORIAL
HAITI
HOLANDA
HONDURAS
HONG-KONG
HUNGRIA
IÊMEN
ILHA BOUVET
ILHA DO HOMEM
ILHA NATAL
ILHA NORFALK
ILHAS CAIMAN
ILHAS COCOS
ILHAS COOK
ILHAS FAROE
ILHAS HEARD E MC
DONALD
ILHA DO HOMEM
ILHAS MARIANAS DO
NORTE
ILHAS MARSHALL
ILHAS MENORES
AFASTADAS / EUA
ILHAS SALOMÃO
ILHAS TURKS E CAICOS
ILHAS VIRGENS
(BRITÂNICAS)
ILHAS VIRGENS (U.S.)
ILHAS WALLIS E FUTURA
ÍNDIA
INDONÉSIA
IRÃ (REPÚBLICA
ISLÂMICA DO)
IRAQUE
IRLANDA
ISLÂNDIA
ISRAEL
ITÁLIA
JAMAICA
JAPÃO
JORDÂNIA
KIRIBATI
KUWAIT
LAOS
LESOTO
LETÔNIA
LÍBANO
LIBÉRIA
LÍBIA
LIECHTENSTEIN
LITUÂNIA
LUXEMBURGO
MACAU
MADAGASCAR
MALÁSIA
MALÁWI
MALDIVAS
MALI
MALTA
MARROCOS
Código Internacional de Países
SV
AE
EC
ER
SK
SI
ES
US
EE
ET
RU
FJ
PH
FI
FR
GA
GM
GH
GE
GS
GI
GD
GR
GL
GP
GU
GT
GY
GF
GN
GW
GQ
HT
NL
HN
HK
HU
YE
BV
IM
CX
NF
KY
CC
CK
FO
HM
IM
MP
MH
UM
SB
TC
VG
VI
WF
IN
ID
IR
IQ
IE
IS
IL
IT
JM
JP
JO
KI
KW
LA
LS
LV
LB
LR
LY
LI
LT
LU
MO
MG
MY
MW
MV
ML
MT
MA
MARTINICA
MAURÍCIO
MAURITÂNIA
MAYOTTE
MÉXICO
MIANMÁ
MICRONÉSIA (EST. DA
FEDERAÇÃO)
MOÇAMBIQUE
MÔNACO
MONGÓLIA
MONT SERRAT
NAMÍBIA
NAURU
NEPAL
NICARÁGUA
NÍGER
NIGÉRIA
MQ
MU
MR
YT
MX
MM
FM
NIUE
NORUEGA
NOVA CALEDÔNIA
NOVA ZELÂNDIA
OMÃ
ORGANIZAÇÃO
EUROPÉIA DE PATENTES
PAÍSES BAIXOS
PALAU
PANAMÁ
PAPUA NOVA GUINÉ
PAQUISTÃO
PARAGUAI
PERU
PITCAIRN
POLINÉSIA FRANCESA
POLÔNIA
PORTO RICO
PORTUGAL
QUÊNIA
QUIRGUISTÃO
REINO UNIDO
REPÚBLICA CENTRO
AFRICANA
REPÚBLICA DA CORÉIA
REPÚBLICA DA
MOLDOVA
REPÚBLICA DOMINICANA
REPÚBLICA POPULAR
DEM. DA CORÉIA
REPÚBLICA TCHECA
REPÚBLICA UNIDA DA
TANZÂNIA
REUNIÃO
ROMÊNIA
RUANDA
SAARA OCIDENTAL
SAINT PIERRE E
MIQUELON
SAMOA AMERICANA
SAMOA OCIDENTAL
SANTA HELENA
SANTA LÚCIA
SÃO CRISTÓVÃO E
NEVIS
SÃO MARINO
SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE
SÃO VICENTE E
GRANADINAS
SENEGAL
SERRA LEOA
SEYCHELLES
SINGAPURA
SÍRIA
SOMÁLIA
SRI LANKA
SUAZILÂNDIA
SUDÃO
SUÉCIA
SUÍÇA
SURINAME
SVALBARD E JAN MAYEN
TADJIQUISTÀO
TAILÂNDIA
TAIWAN, PROVÍNCIA DA
CHINA
TERRAS AUSTRAIS
FRANCESAS
TERRIT. BRITAN.
OCEANO ÍNDICO
TERRITÓRIO OCUPADO
PALESTINO
TIMOR -LESTE
TOGO
TOKELAU
NU
NO
NC
NZ
OM
EP
MZ
MC
MN
MS
NA
NR
NP
NI
NE
NG
PB
PW
PA
PG
PK
PY
PE
PN
PF
PL
PR
PT
KE
KG
GB
CF
KR
MD
DO
KP
CZ
TZ
RE
RO
RW
EH
PM
AS
WS
SH
LC
KN
SM
ST
VC
SN
SL
SC
SG
SY
SO
LK
SZ
SD
SE
CH
SR
SJ
TJ
TH
TW
TF
IO
PS
TL
TG
TK
TONGA
TRINIDAD E TOBAGO
TUNÍSIA
TURCOMENISTÃO
TURQUIA
TUVALU
UCRÂNIA
UGANDA
URUGUAI
UZBEQUISTÃO
VANUATU
VATICANO
VENEZUELA
VIETNÃ
YUGOSLÁVIA
ZAIRE
ZÂMBIA
ZIMBÁBUE
TO
TT
TN
TM
TR
TV
UA
UG
UY
UZ
VU
VA
VE
VN
YU
ZR
ZM
ZW
168 RPI 1951 de 27/05/2008
Países - Ordem de Sigla
AD
AE
AF
AG
AI
AL
AM
AN
AO
AQ
AR
AS
AT
AU
AW
AZ
BA
BB
BD
BE
BF
BG
BH
BI
BJ
BM
BN
BO
BR
BS
BT
BV
BW
BY
BZ
CA
CC
CF
CG
CH
CI
CK
CL
CM
CN
CO
CR
CU
CV
CX
CY
CZ
DE
DJ
DK
DM
DO
DZ
EC
EE
EG
EH
EP
ANDORRA
EMIRADOS ARABES
UNIDOS
AFEGANISTÃO
ANTÍGUA E BARBUDA
ANGUILLA
ALBÂNIA
ARMÊNIA
ANTILHAS HOLANDESAS
ANGOLA
ANTARTICA
ARGENTINA
SAMOA AMERICANA
ÁUSTRIA
AUSTRÁLIA
ARUBA
AZERBAIJÃO
BÓSNIA E HERZEGÓVINA
BARBADOS
BANGLADESH
BÉLGICA
BURKINA FASO
BULGÁRIA
BAREINE
BURUNDI
BENIN
BERMUDAS
BRUNEI DARUSSALAM
BOLÍVIA
BRASIL
BAHAMAS
BUTÃO
ILHA BOUVET
BOTSUANA
BELARUS
BELIZE
CANADÁ
ILHAS COCOS
REPÚBLICA CENTRO
AFRICANA
CONGO
SUÍÇA
COSTA DO MARFIM
ILHAS COOK
CHILE
CAMARÕES
CHINA
COLÔMBIA
COSTA RICA
CUBA
CABO VERDE
ILHA NATAL
CHIPRE
REPÚBLICA TCHECA
ALEMANHA
DJIBUTI
DINAMARCA
DOMINICA
REPÚBLICA DOMINICANA
ARGÉLIA
EQUADOR
ESTÔNIA
EGITO
SAARA OCIDENTAL
ORGANIZAÇÃO
EUROPÉIA DE PATENTES
Código Internacional de Países
ER
ES
ET
FI
GG
KR
KW
KY
KZ
LA
LB
ERITRÉIA
ESPANHA
ETIÓPIA
FINLÂNDIA
CHANNEL ISLAND OF
GUERNSEY
FIJI
ILHAS MALVINAS
MICRONÉSIA (EST. DA
FEDERAÇÃO)
ILHAS FAROE
FRANÇA
GABÃO
REINO UNIDO
GRANADA
GEÓRGIA
GUIANA FRANCESA
GANA
GIBRALTAR
GROELÂNDIA
GÂMBIA
GUINÉ
GUADALUPE
GUINÉ EQUATORIAL
GRÉCIA
GEORGIA DO SUL E
ILHAS SANDWICH DO
SUL
GUATEMALA
GUAM
GUINÉ BISSAU
GUIANA
HONG-KONG
ILHAS HEARD E MC
DONALD
HONDURAS
CROÁCIA
HAITI
HUNGRIA
INDONÉSIA
IRLANDA
ISRAEL
ILHA DO HOMEM
ÍNDIA
TERRIT. BRITAN.
OCEANO ÍNDICO
IRAQUE
IRÃ (REPÚBLICA
ISLÂMICA DO)
ISLÂNDIA
ITÁLIA
JAMAICA
JORDÂNIA
JAPÃO
QUÊNIA
QUIRGUISTÃO
CAMBOJA
KIRIBATI
COMORES
SÃO CRISTÓVÃO E NEVIS
REPÚBLICA POPULAR
DEM. DA CORÉIA
REPÚBLICA DA CORÉIA
KUWAIT
ILHAS CAIMAN
CAZAQUISTÃO
LAOS
LÍBANO
LC
SANTA LÚCIA
FJ
FK
FM
FO
FR
GA
GB
GD
GE
GF
GH
GI
GL
GM
GN
GP
GQ
GR
GS
GT
GU
GW
GY
HK
HM
HN
HR
HT
HU
ID
IE
IL
IM
IN
IO
IQ
IR
IS
IT
JM
JO
JP
KE
KG
KH
KI
KM
KN
KP
LI
LK
LR
LS
LT
LU
LV
LY
MA
MC
MD
MG
MH
MK
ML
MM
MN
MO
MP
MQ
MR
MS
MT
MU
MV
MW
MX
MY
MZ
NA
NC
NE
NF
NG
NI
NL
NO
NP
NR
NU
NZ
OM
PA
PB
PE
PF
PG
PH
PK
PL
PM
PN
PR
PS
PT
PW
PY
QA
RE
RO
RU
RW
SA
SB
SC
SD
LIECHTENSTEIN
SRI LANKA
LIBÉRIA
LESOTO
LITUÂNIA
LUXEMBURGO
LETÔNIA
LÍBIA
MARROCOS
MÔNACO
REPÚBLICA DA MOLDOVA
MADAGASCAR
ILHAS MARSHALL
ANT.IUGOSLÁVIA
(REP.MACEDÔNIA)
MALI
MIANMÁ
MONGÓLIA
MACAU
ILHAS MARIANAS DO
NORTE
MARTINICA
MAURITÂNIA
MONT SERRAT
MALTA
MAURÍCIO
MALDIVAS
MALÁWI
MÉXICO
MALÁSIA
MOÇAMBIQUE
NAMÍBIA
NOVA CALEDÔNIA
NÍGER
ILHA NORFALK
NIGÉRIA
NICARÁGUA
HOLANDA
NORUEGA
NEPAL
NAURU
NIUE
NOVA ZELÂNDIA
OMÃ
PANAMÁ
PAÍSES BAIXOS
PERU
POLINÉSIA FRANCESA
PAPUA NOVA GUINÉ
FILIPINAS
PAQUISTÃO
POLÔNIA
SAINT PIERRE E
MIQUELON
PITCAIRN
PORTO RICO
TERRITÓRIO OCUPADO
PALESTINO
PORTUGAL
PALAU
PARAGUAI
CATAR
REUNIÃO
ROMÊNIA
FEDERAÇÃO RUSSA
RUANDA
ARÁBIA SAUDITA
ILHAS SALOMÃO
SEYCHELLES
SUDÃO
SE
SG
SH
SI
SJ
SK
SL
SM
SN
SO
SR
ST
SV
SY
SZ
TC
TD
TF
TG
TH
T
TK
TL
TM
TN
TO
TR
TT
TV
TW
TZ
UA
UG
UM
US
UY
UZ
VA
VC
VE
VG
VI
VN
VU
WF
WS
YE
YT
YU
ZA
ZM
ZR
ZW
SUÉCIA
SINGAPURA
SANTA HELENA
ESLOVENIA
SVALBARD E JAN MAYEN
ESLOVÁQUIA
SERRA LEOA
SÃO MARINO
SENEGAL
SOMÁLIA
SURINAME
SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE
EL SALVADOR
SÍRIA
SUAZILÂNDIA
ILHAS TURKS E CAICOS
CHADE
TERRAS AUSTRAIS
FRANCESAS
TOGO
TAILÂNDIA
TADJIQUISTÀO
TOKELAU
TIMOR-LESTE
TURCOMENISTÃO
TUNÍSIA
TONGA
TURQUIA
TRINIDAD E TOBAGO
TUVALU
TAIWAN, PROVÍNCIA DA
REPÚBLICA UNIDA DA
TANZÂNIA
UCRÂNIA
UGANDA
ILHAS MENORES
AFASTADAS / EUA
ESTADOS UNIDOS
URUGUAI
UZBEQUISTÃO
VATICANO
SÃO VICENTE E
GRANADINAS
VENEZUELA
ILHAS VIRGENS
(BRITÂNICAS)
ILHAS VIRGENS (U.S.)
VIETNÃ
VANUATU
ILHAS WALLIS E FUTURA
SAMOA OCIDENTAL
IÊMEN
MAYOTTE
YUGOSLÁVIA
ÁFRICA DO SUL
ZÂMBIA
ZAIRE
ZIMBÁBUE
“Lista dos Códigos de Duas-Letras
para representação dos Paises,
Entidades e Organizações
Intergovernamentais baseada no
Padrão ST.3 recomendado pela
OMPI e na ISSO 3166-1.”
Download PDF